Page 1

WWW.GORUNNERS.COM.BR

#01

DEZEMBRO 2013

MARATONA

DISNEY CONHEÇA E SAIBA COMO PARTICIPAR

ESTREIA NA CORRIDA

UM PLANO DE TREINO PARA SAIR DO SEDENTARISMO

CONVENIÊNCIA E BOA FORMA AS VANTAGENS DOS EXERCÍCIOS EM CONDOMÍNIOS

AVALIAÇÃO CARDIOLÓGICA

A IMPORTÂNCIA DOS PRÉ TESTES PARA SE EXERCITAR


2 | Go Runners |


| Go Runners | 3


EDITORIAL

AGORA, A GO RUNNERS É MAIS! Nós, a empresa Go Runners já somos reconhecidos pela excelência no atendimento a quem busca mudança de comportamento pelo viés da prática saudável de exercícios físicos, sempre com o melhor custo benefício. Agora, queremos levar também todo o conhecimento de profissionais-doutores no assunto às páginas desta publicação, distribuída gratuitamente em diversos pontos comerciais de Natal. Com um projeto gráfico moderno e arrojado e uma linha editorial alinhada às principais tendências do universo crescente de provas de corrida de rua no calendário esportivo natalense, objetivamos, principalmente, levar informações abalizadas sobre atividades físicas e uma gama inesgotável de assuntos voltados a um cotidiano diário mais saudável. A linha editorial da revista será uma extensão dos valores praticados pela empresa: o comprometimento com a pessoa e a busca pela excelência com ética e transparência. Para isso, tanto a empresa quanto a revista buscaram profissionais respeitados em suas atividades para auxiliar o leitor ou o cliente nessa mudança de comportamento, seja pela informação e/ou pelos vários serviços prestados pela Go Runners. Atualmente, a empresa – fundada em 2010 – não apenas trabalha com grupos de corrida e caminhada. Já somamos dez produtos/serviços especializados oferecidos. E as pretensões são ainda maiores. O planejamento para os próximos dez anos já está montado. A intenção é fortalecermos a marca no Rio Grande do Norte e, quem sabe, “romper fronteiras”. Tudo começou pelas mãos e ideias do Gestor Fabiano Pezzi, pós graduado em Fisiologia do Exercício, pela Universidade Gama Filho, e com experiência de 15 anos como professor e coordenador de academias de ginástica. Fabiano quis empreender, voltou suas atenções a este nicho de mercado (corrida) e fundou a Go Runners. A empresa já atende condomínios, residências, empresas, grupos de corrida ou de forma individualizada – personal trainer. Com este know-how de prática e teoria, nasce a revista Go Runners. Uma publicação de periodicidade trimestral, de leitura agradável, recheada de informações atuais e direcionada a todos os que desejam uma qualidade de vida melhor. Dicas, matérias, colunas e muito mais para o leitor receber a melhor orientação, cuidados e caminhos para trilhar uma nova vida.

Edição 01 | DEZEMBRO 2013 Foto da Capa STATIC.DISNEYSPORTSNEWS.COM

Diretor Geral

FABIANO PEZZI Jornalista Responsável

SÉRGIO VILLAR (DRT 1237) Designer Gráfico

BRENO XAVIER Fotógrafo

ANA GALVÃO Anúncie na Go Runners

84 9112 8923 | 9627 0712 Confira a Go Runners online:

WWW.GORUNNERS.COM.BR FACEBOOK.COM/GORUNNERS ISSUU - Go Runners

http://issuu.com/gorunners

Críticas e sugestões

SAC@GORUNNERS.COM.BR Acesse a Go Runner online:

Boa leitura! Fabiano Pezzi http://kaywa.me/S1QEa

4 | Go Runners | Download the Kaywa QR Code Reader (App Store &Android Market) and scan your code!


| Go Runners | 5


NESSA EDIÇÃO

08 Entrevista

Ana Galvão

Dr. Felipe Guerra

10 Saúde

Exercício físico: Um meio para a saúde

11 Saúde

A maior rede de personal trainers do brasil!

12 Cultura

Praieira Desfigurada por Ricardo Pitomba

10

14 Capa

Go Dineys: Conheça e saiba como participar com a Go Runners

Shutterstock

static.disneysportsnews.com

11

19 Artigo

Exercício é “Remédio” para Mulheres com Síndrome dos Ovários Policísticos por Eduardo Caldas Costa

20 Artigo

14

Partiu... por Victor Saraiva Pinto

21 Artigo

Sucesso é comemorar suas conquistas por Marynês Pereira

22 Artigo

O Mundo Maravilhoso da Disney Run por Mário Sérgio

23 Artigo

Correr ou sair correndo? por Alexandre F. Machado

6 | Go Runners |

sxc.hu

24 Artigo

Aplicabilidade da Nutrição Funcional para Corredores por Débora Sá

25 Artigo

A Avaliação funcional do Movimento e a Corrida por Fabiano Veras

26 Artigo

Atividade Física em Condomínio por Daniel Melo do Nascimento

23


ENTREVISTA

AVALIAÇÃO CARDIOLÓGICA PRÉ PARTICIPAÇÃO EM PROGRAMA DE EXERCÍCIO O Médico Cardiologista Dr. Felipe Guerra é referência em Natal RN na área da medicina esportiva. Diretor Médico da Clínica do Exercício de Natal, seu dia a dia é prevenir e reabilitar pacientes cardíacos a partir dos exercícios físicos. Nesta entrevista cedida a revista Go Runners, cita a importância dos testes pré-exercícios, a diferença entre os testes, e para que público se destina. Go Runners: Qual o objetivo principal desta avaliação? Dr. Felipe Guerra: É a prevenção do desenvolvimento de doenças do aparelho cardiovascular por meio da proibição temporária ou definitiva da realização de exercícios físicos ou do tratamento de condições que possam ser agravadas ou desencadeadas pelo exercício. GR: Quem deve se submeter a essa avaliação? Dr. FG: Todas as pessoas que desejam realizar exercícios físicos de moderada a alta intensidade, sejam esportistas, atletas profissionais ou crianças e adolescentes. GR: Quais os sintomas que podem significar alguma doença cardiaca? Dr. FG: Os sintomas que mais chamam atenção são palpitações, sincope (desmaio), dor ou desconforto no tórax, falta de ar exagerada aos esforços, tontura ou qualquer outro sintoma que seja desencadeado pelo exercício. 8 | Go Runners |

Foto Ana Galvão

Dr. Felipe Guerra, cardiologista.

GR: Os exames a serem solicitados são os mesmos para todos? Dr. FG: Não, vai depender da faixa etária, do tipo e intensidade do exercício físico que o cliente se propõe a fazer e da ausência ou presença de sintomas. GR: Quais os principais exames e indicações? Dr. FG: Eletrocardiograma – Por ser um exame bastante simples e elucidativo nos fazemos de rotina em todos os pacientes. Teste de esforço – Indicado de rotina para pessoas acima de 40 anos ou mais jovens que apresentem algum sintoma ou alteração no exame físico. Ecocardiograma – Deve ser reservado para alguns casos, incluindo alterações nos exames anteriores e suspeita de cardiopartias. GR: Há diferenças entre o coração de atletas e sedentários? Dr. FG: O treinamento intenso e regular que são submetidos os atletas podem levar a alterações estruturais e funcionais do coração que podem ser confundidas


com cardiopatias, mas na verdade são adaptações benignas e que tendem a retornar aos padrões normais após suspensão temporária da atividade esportiva.

deste exame

conseguimos medir

GR: Em relação aos exames pré-participação há algum que merece destaque? Dr. FG: Sem duvida o exame mais completo é a ergoespirometria, ou teste de esforço cardiopulmonar pois além de fornecer bastante informações sobre a saúde do sistema cardiovascular e pulmonar ele ainda auxilia muito na orientação e prescrição dos exercícios. GR: Como é feito este exame? Dr. FG: O cliente é submetido a um esforço progressivo até o limite na esteira ergométrica o cicloergômetro (bicicleta) e são medidos e analisados os gases expirados através de um bocal ou uma máscara facial.

Através

com precisão a condição aeróbica, para uma melhor prescrição do exercício.”

Divulgação

GR: Quais as principais vantagens deste exame em relação ao teste ergométrico convencional? Dr. FG: Através deste exame conseguimos medir com precisão a condição aeróbica, através da medida do consumo máximo de oxigênio (VO2máx) e determinamos os limiares ventilatórios (limiar anaeróbio e ponto de compensação respiratória) para uma melhor prescrição do exercício. GR: Os cardiopatas, hipertensos e diabéticos devem ter medo de se exercitar? Dr. FG: Esse grupo de pacientes exige uma avaliação mais completa e prescrição individualizada e com certeza é quem mais irá se beneficiar da prática regular de exercícios, já que possuem alguma doença instalada e precisam fazer algo para diminuir a progressão e complicações. GR: Há alguma contra-indicação para a pratica de exercícios físicos? Dr. FG: Diriamos que algumas condições clínicas podem contra-indicar a prática de exercícios porém por períodos curtos até o paciente sair da fase aguda da doença, porém uma vez ultrapassado este período o paciente esta liberado para se exercitar desde que bem avaliado e algumas vezes supervisionado por algum período. | Go Runners | 9


SAÚDE Fotos Ana Galvão

EXERCÍCIO FÍSICO:

UM MEIO PARA A SAÚDE As doenças cardiovasculares representam a principal causa de mortalidade e incapacidade no Brasil e no mundo. O sedentarismo se constitui um dos mais importantes fatores de risco para as doenças cardiovasculares, atingindo mais de oitenta por cento dos adultos brasileiros. Os efeitos terapêuticos e preventivos dos exercícios físicos são conhecidos de longa data e as evidências científicas sobre os seus benefícios continuam a se acumular nas várias áreas do conhecimento. Há uma melhora da capacidade cardíaca, pulmonar e musculoesquelética. No tocante às doenças cardiovasculares, é possível reduzir a progressão e risco de novos eventos cardíacos e a mortalidade através dos efeitos sobre a hipertensão arterial, diabetes, obesidade, dislipidemia e saúde mental. Preocupados com a dimensão que o sedentarismo vem alcançando, tornando-se um problema de saúde pública, e com o objetivo de melhorar a condição de saúde da população a CLÍNICA DO EXERCÍCIO surge como uma opção especialmente indicada para idosos, portadores de doenças pulmonares e cardíacas (passado de infarto, angioplastia e cirurgia cardíaca), hipertensos, diabéticos, obesos, portadores 10 | Go Runners |

de osteoporose e baixo nível de aptidão física. Com uma equipe especializada e utilizando aparelhos com tecnologia avançada os pacientes são submetidos a programas de exercícios aeróbicos, de flexibilidade, sobrecarga muscular, coordenação motora e equilíbrio. Em função da condição clínica são obtidas medidas da frequência cardíaca e pressão arterial (repouso e esforço), saturação arterial de oxigênio, glicemia e eletrocardiograma de esforço. Funcionando de segunda a sexta-feira, em dois turnos, a CLÍNICA DO EXERCÍCIO tem como responsáveis o Dr. Felipe Guerra, especialista em Cardiologia e Medicina do Exercício e o Prof. Francisco Carlos (Cacau), especialista em Fisiologia do Exercício e Exercício Aplicado à Reabilitação Cardíaca. Além dos professores Marco Garcia, Itiz Carolayne e Francisco Assis, todos com especialização em fisiologia e prescrição de exercício.

CLINICA DO EXERCICIO DE NATAL Av Lima e Silva, 1350, Sala 05, Lagoa Nova Anexo ao Incor Fone: 84 3204 0370


SAÚDE

Shutterstock

A MAIOR REDE DE PERSONAL TRAINERS DO BRASIL! Pouca gente já se deu conta, mas os (bons) profissionais de Educação Física dos dias de hoje estudam tanto quanto os (bons) médicos. Dominar completamente assuntos como anatomia, fisiologia, neurociência, treinamento, nutrição, reabilitação, entre outros, não é tarefa simples. Como em muitas outras carreiras, os bons profissionais de Educação Física (justamente aqueles que diferenciam-se pelo conhecimento), logo percebem o quanto seus trabalhos são importantes e seguem em “carreira solo”. Tarefa ainda mais complicada que reunir todo esse conhecimento em uma única mente é saber identificar qual profissional possui todo esse conhecimento. E é nesse contexto que nasce a Ordem dos Personal Trainers do Brasil (OPTB)! O QUE É A ORDEM DOS PERSONAL TRAINERS DO BRASIL (OPTB)? A OPTB é, antes de qualquer outra coisa, um sonho, uma proposta de inovação, um incentivo à busca de conhecimento, um convite à quebra de paradigmas e de “préconceitos”. Ordem: posição, classe, categoria a que pertencem pessoas, num conjunto racionalmente organizado. Personal Trainer (Treinador Pessoal): todo e qualquer indivíduo que, em algum momento de sua vida, tenha se preocupado com alguém, analisado suas condições físicas e comportamentais, estudado as consequências de algum exercício e, por fim, tenha recomendado/orientado/ ensinado qualquer exercício, visando uma adaptação positiva na vida do indivíduo em questão.

Consideramos Personal Trainer então, todos os apaixonados por pessoas e atividades físicas, que orientam o que entendem de melhor, visando à conquista de objetivos (através do próprio corpo). Brasil: 5º país mais populoso do mundo, 7ª maior economia, 85º país no ranking de Desenvolvimento Humano (IDH) e 22º colocado no quadro de medalhas dos Jogos Olímpicos de Londres (2012). Nosso parecer: um país em pleno desenvolvimento, com bastante gente, bastante dinheiro, mas com proporcional desigualdade social e carência de esportes e saúde. Portanto, definimos OPTB como uma Organização de pessoas que amam o que fazem e visam sua profissionalização, para oferecer saúde, qualidade de vida, felicidade e realização de sonhos à todos os cidadãos brasileiros. O QUE FAZ A OPTB? Se você é (ou deseja vir a ser) um Personal Trainer, com pretensões de aprimorar-se, mostrar seu trabalho e/ou obter mais clientes, nós te ajudamos! E se você é uma pessoa interessada em encontrar o Personal Trainer ideal para seu perfil, ou mesmo que deseje estar “por dentro” das mais recentes descobertas científicas, dos treinos, aparelhos, exercícios, esportes, alimentos, suplementos e afins, nós te ajudamos! Acesse personaltrainerbrasil. com e desfrute dessa interação Personal Trainer/Sociedade brasileira. Sonhadores/Realizadores, Ordem dos Personal Trainers do Brasil (OPTB)

| Go Runners | 11


CULTURA | Por Ricardo Pitomba sxc.hu

Caros leitores, nesta primeira edição, trago para vocês os versos de uma paródia daquele que é o mais belo retrato poético de Natal. A “SERENATA DO PESCADOR (PRAIEIRA)”, do poeta Otoniel Menezes com Música de Eduardo Medeiros. Em um tempo que vivemos cercados de medo e violência, que ela possa servir de reflexão. Para que possamos, quem sabe, fazer voltar o tempo, enxergar a praia e, novamente, regar (de amores) o nosso jardim potiguar. PRAIEIRA DESFIGURADA Praieira dos meus amores Que desencanto em meu olhar, Hoje é cidade dos outros Anda mal vestida e feia, De amor... anda vazia De violência... anda cheia. As praias da praieira São mulheres mal amadas, A “do Meio” tornou-se velha Esquecida e abandonada, Ponta Negra está destruída Drogada e prostituída, A Redinha anda iludida, Sonhando equivocada, Como se uma ponte e mil calçadas Fossem melhorar sua vida. Praieira do Potengi amado Viveiros de camarão Esgoto e destruição, Na margem que “era verde”. E a água tão pura e límpida Virou bebida proibida De matar a minha sede.

A miséria da periferia, E os pais que perdem seus filhos Na guerra da droga dia após dia. Praieira teus amores de antes Notívagos, boêmios, amantes Andam tristes, inibidos Deprimidos e entediados, Já não têm como no passado A liberdade da noite o seu sublime fascínio, Afinal, que graça tem Cantar seresta e poesia Atrepado na laje fria De um enclausurado condomínio???

Praieira do meu pecado Da minha adolescência e infância, Teus dias de amor e paz Eternizarei na lembrança. Das brincadeiras de criança Na quietude das ruas, Aos versos que recitava Entre o despertar do sol E o adormecer da lua.

RICARDO PITOMBA

Como no resto da nação, Aqui também tem eleição e bolsa esmola Que manipula, acomoda e consola 12 | Go Runners |

Poeta, Economista e Corretor de Imóveis. ricardopitomba@gmail.com


GO RUNNERS

Saúde, diversão e momentos de magia caminham juntos na atividade esportiva mais lúdica do mundo: a Semana de Maratonas Walt Disney. Ou melhor: correm lado a lado ao universo dos personagens que encantaram e encantam crianças e adultos do mundo inteiro. E nós correremos juntos com você nessa jornada. A partir deste ano, o time Go Runners inova seu leque de atividades e oferece toda a excelência de serviços para você e sua família desfrutarem de todo o conforto e segurança em qualquer uma das cinco corridas integradas à Maratona Disney.

14 | Go Runners |


Durante um fim de semana no início do mês de janeiro acontecem maratonas, festas e diversas atividades voltadas ao esporte. Os cenários, com exceção da corrida infantil, que acontece no complexo de esportes do grupo ESPN, todas as outras atividades são realizadas em parques temáticos cercados de castelos e personagens de desenho animado da Disney. São momentos que vão além de uma simples prova de corrida para que toda a família possa desfrutar de uma viagem inesquecível, correndo ou não as provas, preocupada ou não com o desempenho. No total, são cinco corridas de diferentes características. A corrida infantil (runDisney Kids Races) tem percurso de 100m a 1,6 quilômetros, para a criançada se iniciar na modalidade. Para a família correr junto aos filhos mais crescidinhos, tem o percurso de 5 quilômetros (Disney Family Run Fun). E ainda a Meia Maratona de 21 quilômetros (Walt Disney World Half Marathon) e a Maratona de 42 quilômetros (Walt Disney World Marathon). Sem contar o Desafio do Pateta, que é a participação na Meia Maratona no sábado e na Maratona no domingo. Além de maratonistas buscarem novos recordes e novas marcas na competição, quaisquer das provas possui um clima festivo, a começar pela queima de fogos na largada ou pelo visual dos participantes – muitos fantasiados – e ainda pela presença dos personagens da Disney no caminho. Não à toa alguns corredores levam suas máquinas fotográficas e fotografam mesmo durante o percurso. Outros param para registrar um abraço no Mickey ou no Pato Donald – muitas vezes, o verdadeiro prêmio da prova. Para o casal Daniel Mallaco e Maria Fernanda Donnard, o desejo de conhecer a Disney nasceu logo após a união em matrimônio. Eles se conheceram quando estavam prestes a embarcar no avião para participar de uma prova de corrida em Florianópolis e, por um acaso do destino, foram forçados a trocar de assento e de companhia aérea, ficando um ao lado do outro durante o voo. Menos de um ano depois estavam próximos de oficializar a união. Mas decidiram: nada de festa. Os gastos seriam direcionados ao grande sonho de ambos, chamado Desafio do Pateta. “Por muito tempo pesquisamos um grupo de turismo esportivo que pudesse nos passar a segurança necessária para irmos bem assessorados e tivessem um diferencial que nos desce segurança para tamanho desafio de completar o percurso nos dois dias de marato-

Divulgação

Daniel Mallaco e Maria Fernanda Donnard

na. Foi quando conhecemos o pessoal da Go Runners, junto ao Gestor de Saúde Fabiano Pezzi, que com seu jeito amigável e companheiro nos deu total segurança à realização deste sonho”, agradece Daniel, que é técnico da sucursal da Coca-Cola, em Belo Horizonte (MG). Daniel ressalta, ainda, que hoje, além do casal ter adotado a Go Runners como agência de viagens, os serviços técnicos e especializados em assessoria esportiva da empresa também têm ajudado o casal em treinos e preparação física. “Esse know-how deu mais segurança à estreia da minha esposa em maratonas, além de ter melhorado meu quadro clínico, já que eu vinha de uma lesão crônica que me afastou das pistas por mais de um ano”. E conclui: “O caminho tem sido árduo, mas a segurança passada pela Go Runners tem nos feito sonhar a cada dia mais com o Goofy Challenge 2014”. A edição de 2014 da Maratona Disney já tem data definida: de 09 a 12 de janeiro. A Go Runners oferece cinco opções de pacotes para a viagem: 5 noites, com saída dia 7 de janeiro; 9 noites, com saída também dia 7 de janeiro; 9 noites, com saída dia 8 de janeiro; 10 noites, com saída dia 4 de janeiro; e ainda 14 noites, com saída dia 29 de dezembro. Ainda há vagas e quem desejar solicitar a pré-reserva, basta ligar para os contatos: (84) 9112-8923 ou 9627-0712 (com Fabiano), ou ainda pelo e-mail: fabiano@gorunners.com.br. | Go Runners | 15


CURIOSIDADES DA MARATONA DISNEY - A prova da Meia Maratona Disney é a que mais cresce em número de participantes e, segundo estatísticas, é a preferida das mulheres.

Go Time: Prof. Daniel, Silverio, Victor, Priscilla, Prof. Fabiano

GO RUNNERS A Assessoria Esportiva Go Runners surgiu no mercado potiguar no ano de 2010, de acordo com o número crescente de corridas de rua no calendário da cidade de Natal. O fundador da empresa, o Gestor de Saúde Fabiano Pezzi, explica que na ocasião foi criado apenas o “Grupo de Corrida e Caminhada Go Runners”, pois essa era a única demanda na época. Com o passar dos tempos, o mercado solicitou novidades e a adequação foi inevitável. Hoje, além do grupo de corrida e caminhada, a assessoria esportiva atende condomínios residenciais e empresas com treinamento laboral, promovem palestras sobre corrida, excelência em atendimento, saúde e bem estar (todas voltadas ao mundo corporativo ou grupo de pessoas). Esta última, o investimento é um quilo de alimento por participante, para ser doado a instituições de caridade. Além, claro, da nova empreitada da Go Runners: o turismo esportivo, que já nasce com a excelência de atendimento conquistada pela empresa. Em relação a treinamento, a Go Runners dispõe do serviço de avaliação física, que além dos testes convencionais de avaliação do peso corporal, de postura e da pisada. Além do teste de flexibilidade, também apresenta o teste “Screnn”, que verifica a força muscular através de sete movimentos e consegue, com precisão, constatar quais músculos precisam ser trabalhados para dar mais estabilidade e/ou mobilidade ao corpo. Isto é, para base de uma prescrição sólida de treinamento, seja qual for a modalidade de treino, este método se torna indispensável. Contudo, apesar do leque diferenciado adotado pela empresa ao longo do tempo, o foco da Assessoria Esportiva Go Runners permanece o mesmo: o 16 | Go Runners |

- Como janeiro é um período frio em Orlando, corredores costumam levar mais roupas. No entanto, ao longo da prova o sol começa a aparecer e é comum participantes jogarem agasalhos, gorros e luvas durante o percurso. Elas passaram a ser recolhidas por voluntários da Disney e, depois, são doadas. - Já foram realizadas 20 ediçõesda Maratona Disney. - O melhor lugar para assistir à prova, fora a largada e a chegada ao Epcot, é no parque Magic Kingdom, próximo ao Castelo da Cinderela. - Na última edição da Maratona Disney, ano passado, aproximadamente 1500 brasileiros participaram da prova, sendo a maior delegação no mundo.

DIFERENCIAIS DA GO RUNNERS: - Hotel Temático localizado dentro do Complexo Disney, cuja arquitetura aborda diferentes tipos de esportes. O Hotel oferece uma ampla área de lazer, proporcionando maior conforto aos corredores e familiares. Área de alimentação com quatro tipos diferentes de restaurantes e cardápio diferenciado para corredores nos dias que antecedem o evento.

SERVIÇOS EXCLUSIVOS: - Auxílio ao embarcar no Aeroporto de Guarulhos. - Guias desde a chegada em Orlando. - Tenda na área de concentração. - Alongamento antes das provas com professores. - Mesa de atendimento no Hotel.


Atendimento! Seja qual for o serviço, o princípio da gentileza ao atender é o que difere e caracteriza a Go Runners. Para conhecer mais sobre a empresa e sobre os pacotes de viagem, acesse www.gorunners.com.br DA CAMINHADA À DISNEY 2015: COMO CORRER A MEIA MARATONA DA DISNEY 2015 COMEÇANDO DO ZERO?! Nossa ideia com este artigo é ajudá-lo a sair do sedentarismo em busca de um condicionamento físico gradativo, respeitando sua condição atual, até correr uma Meia Maratona em Janeiro de 2015 – preferencialmente conosco na Meia Maratona da Disney! A maioria dos treinadores concorda que a melhor maneira para quem quer se tornar um corredor é iniciar pela caminhada e, posteriormente, intercalar caminhada com corridas de curta duração. Com este pensamento, elaboramos uma planilha de treino que dará o ponta pé inicial para sua mudança de comportamento. Para o professor Daniel Melo, Coach em Saúde da Assessoria Esportiva Go Runners, este é o papel do profissional de Educação Física: “Capacitamo-nos para auxiliar na mudança de comportamento das pessoas”. Segundo Melo, as pessoas que têm esta visão conseguem melhores resultados: “As pessoas que buscam mudar de vida através dos exercícios físicos conseguem perseverar. Por outro lado, aqueles que buscam apenas emagrecer ou ganhar músculos, por exemplo, tendem a desistir rapidamente...”. A planilha na próxima página trabalha com a variedade, visando estimular e motivar o iniciante, sempre levando em consideração a segurança. “Assiduidade é o segredo do sucesso, ou seja, está fora de questão um treino muito puxado que poderá gerar lesões e, consequentemente, o afastamento dos treinamentos”, comenta o Coach em Saúde. Também salienta a importância do treinamento de força, “pois garante a melhor absorção de impacto da corrida, desmentindo a tese de que o tênis sozinho tem essa incumbência”.

POR QUE TREINAR NA GO RUNNERS? MÁRCIA LIBÓRIO Pela certeza de sermos treinados/orientados por profissionais altamente qualificados, pois estão em constante processo de formação. A Go Runners tem um padrão de atendimento personalizado, onde seus educadores físicos, se preocupam com seus alunos de forma singular, um tratamento humanizado. Isso só demonstra o alto padrão de qualificação de seus profissionais!

PRISCILA DUTRA Fazer parte da Go Runners me permitiu fazer exercícios específicos para o meu corpo , desfrutar o ar puro e poder variar lugares diferentes sem cair na rotina de uma academia comum.

ANDRÉ MUNIZ Fazer parte do time Go Runners significa pensar saúde de uma forma holística: sim somos corredores de rua, mas não nos preocupamos somente com isso. O bem estar antes , durante e depois dos treinos fazem parte da nossa rotina. Somos e queremos ser um time que preza pelo coletivo, por isso nossos treinos são tão aprazíveis. Por toda essa filosofia, efetivamente posta em prática, é que sou e recomendo a Go Runners! | Go Runners | 17


Semana

Segunda

Terça

Quarta

Quinta

Sexta

Sábado

Domingo

1

Alongamento

30’ CA

Alongamento

30’ CA

2

Alongamento

5’CA + 4x (3’CAR + 2’CA) + 5’CA

Descanso

35’CA

Descanso

30’ CA

Descanso

5’CA + 5x (3’CAR + 2’CA) + 5’CA

Alongamento

Descanso

3

Alongamento

35’CA

Alongamento

35’CA

Descanso

5’CA + 6x (3’CAR + 2’CA) + 5’CA

Descanso

4

Alongamento

35’CA

Alongamento

5’CA + 6x (3’CAR + 2’CA) + 5’CA

Descanso

5’CA + 4x (4’CAR + 1’CA) + 5’CA

Descanso

Semana

Segunda

Terça

Quarta

Quinta

Sexta

Sábado

Domingo

5

Alongamento

40’ CA

Alongamento

10’CA + 15’CAR + 10’CA

Descanso

5’CA + 5x (3’TR + 2’CA) + 5’CA

Descanso

6

Alongamento

45’ CA

Alongamento

10’CA + 20’CAR + 10’CA

Descanso

5’CA + 6x (3’TR + 2’CA) + 5’CA

Descanso

7

Alongamento

45’CA

Alongamento

5’CA + 5x (4’TR + 1’CA) + 5’CA

Descanso

5’CA + 6x (3’TR + 2’CA) + 5’CA

Descanso

8

Alongamento

5’CA + 5x (4’TR + 1’CA) + 5’CA

Alongamento

10’CA + 4x (5’TR + 5’CA)

Descanso

10’CA + 4x (5’CAR + 5’CA)

Descanso

Semana

Segunda

Terça

Quarta

Quinta

Sexta

Sábado

Domingo

9

Alongamento

50’ CA

Alongamento

10’CA + 3x (6’TR + 4’CA) + 10’CA

Descanso

10’CA + 5x (3’CL + 2’CA) + 5’CA

Descanso

10

Alongamento

10’CA + 3x (6’TR + 4’CA) + 10’CA

Alongamento

10’CA + 5x (4’CL + 1’CA) + 5’CA

Descanso

10’CA + 4x (2’CM + 3’CA) + 5’CA

Descanso

11

Alongamento

10’CA + 3x (7’TR + 3’CA) + 10’CA

Alongamento

10’CA + 6x (4’CL + 1’CA) + 5’CA

Descanso

10’CA + 4x (2’CM + 3’CA) + 5’CA

Descanso

12

Alongamento

10’CA + 3x (8’TR + 2’CA) + 10’CA

Alongamento

5’CA + 5x (5’TR + 5’CA) +5’CA

Descanso

Desafio TR 20’ a 30’

Descanso

Na 2ª edição da Revista Go Runners você terá a sequencia desta planilha.

LEGENDA: CA = caminhada (50%-60% da frequência cardíaca máxima (FCM)); CAR = caminha rápida (60%-70% da FCM); TR = trote regenerativo (60%-70% da FCM); CL = corrida leve (65% a 75% da FCM); CM = corrida moderada (70% a 80% da FCM). 18 | Go Runners |

Patrocinador exclusivo


Por Eduardo Caldas Costa

Exercício é "Remédio" para Mulheres com Síndrome dos Ovários Policísticos A Síndrome dos Ovários Policísticos (SOP) é a endocrinopatia mais comum nas mulheres em idade reprodutiva. Entretanto, é importante destacar que nem todas as mulheres que têm cisto(s) no(s) ovário(s) apresentam SOP. Outros aspectos são avaliados antes que o médico firme o diagnóstico dessa síndrome. Algumas características são marcantes nessa população, como excesso de pelos, menstruação irregular ou ausência de menstruação e obesidade (principalmente na região abdominal). Além disso, alguns fatores de risco para doença cardiovascular, tais como dislipidemia (alteração nos níveis de colesterol e/ou triglicerídeos), hipertensão arterial, resistência à insulina e diabetes tipo 2, são comumente encontrados na SOP. Dessa forma, essas mulheres devem estar atentas a esse cenário, pois, apesar de serem jovens, geralmente apresentam um perfil de risco cardiometabólico aumentado. Atualmente, a terapêutica inicial para tratamento da SOP é a mudança do estilo de vida, que inclui, essencialmente, a prática regular de exercício físico, alimentação saudável e perda de peso. Na última década, os benefícios desse “tripé terapêutico” têm sido evidenciados. Em relação à prática de exercício físico, estudos apontam que 30-40 minutos de atividades aeróbias de moderada intensidade (por exemplo: caminhada rápida e/ou corrida leve) por, pelo menos, 12 semanas diminui diversos fatores de risco cardiovascular e metabólico, aumenta a aptidão cardiorrespiratória, além de reduzir a gordura corporal e sintomas de ansiedade e depressão em mulheres com SOP. Porém, é importante destacar que se a atividade for cessada os benefícios se perderão rapidamente. No tocante à disfunção reprodutiva, mais especificamente a irregularidade menstrual e a infertilidade, o exercício físico apresenta algum benefício? A resposta é sim! E, nas mulheres com SOP, esses achados são bastante recentes. Em 2008 surgiu o primeiro estudo relacionado aos efeitos do exercício físico sobre a

função reprodutiva de mulheres com SOP. A referida pesquisa, realizada na Itália, demonstrou que após seis meses de exercício aeróbio moderado, 30 minutos por sessão, três vezes por semana, houve melhora na frequência dos ciclos menstruais e ovulação das voluntárias. Além disso, houve gravidezes durante a realização da pesquisa. Sim, algumas mulheres engravidaram! Mais recentemente, em 2011, um estudo sueco confirmou tais descobertas. No mesmo ano, pesquisadores americanos demonstraram redução no número de micropolicistos ovarianos após 16 semanas de exercícios físicos, cinco vezes por semana. De forma geral, a melhora da função reprodutiva através do exercício físico tem sido associada à perda de peso e aumento da sensibilidade à insulina. Portanto, é importante destacar que treinar ajuda a mulher com SOP a ovular. Assim, a prática regular de exercício físico é totalmente recomendada para essa população. A fim de potencializar os benefícios, é fundamental uma prescrição de exercício individualizada, realizada por profissional de Educação Física. Adicionalmente, vale salientar que a prática das atividades não deve ser interrompida, pois os benefícios serão perdidos. Na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, temos um projeto de pesquisa em andamento, no qual oferecemos um programa de exercício físico associado à dieta para mulheres com SOP (totalmente gratuito!), a fim de analisarmos o impacto dessa abordagem sobre diversos aspectos de saúde dessa população. Em breve, divulgaremos os primeiros resultados.

PROF. DR. EDUARDO CALDAS COSTA Professor Adjunto, Dep. de Educação Física, UFRN Doutor em Ciências da Saúde, UFRN Líder do Grupo de Pesquisa sobre Efeitos Agudos e Crônicos do Exercício (GPEACE)


Por Victor Saraiva Pinto sxc.hu

Partiu... Em conversa informal com os idealizadores da revista, nasceu o conceito de se abrir um espaço onde fosse possível mesclar a Educação Física, suas derivações e o Direito. O nosso objetivo é o de mostrar, da maneira mais informal possível, como as leis e suas interpretações podem ser aplicadas a esse universo que nos últimos tempos vem crescendo em número de adeptos, apesar de nossa cidade figurar no ranking das capitais com os maiores índices de pessoas obesas. A proposta deste espaço nada tem a ver com escrever artigos técnicos, científicos. A escrita rebuscada, tão comum entre juristas, passará a léguas daqui. Pretende-se, tão somente, orientar as pessoas e atentá-las para algo que vai além de uma simples repetição de exercícios e séries, mas de conscientizá-las a respeito da condição de consumidoras quando fazem uso dos serviços de Educação Física, seja através de academias, personal training, consultorias esportivas e congêneres. Mas não é só isso. Buscaremos também nortear os educadores físicos quanto ao trato com a coisa, pois, como fornecedores de serviços, devem dotar a atividade que exercem de segurança e esta se funda, basicamente, nos conhecimentos técnicos daquilo a 20 | Go Runners |

ser ministrado, somados à informação clara e precisa não somente a respeito dos exercícios prescritos aos orientandos e os riscos deles originados, mas também do que se está contratando e suas garantias. As academias de ginástica também terão vez através de dicas voltadas às relações de trabalho existente entre elas e seus professores, de modo a incutir em ambos a cultura da parceria, deixando em segundo posto aquela relação de patrão e empregado. Movimentar-se é o mínimo que se faz quando se pratica exercícios físicos. Inspirado nisso, seria inadmissível querer escrever somente o que me é conveniente, sem ouvir opiniões. Por isso, também serei instrumento de sua voz, leitor, “sarado” ou não, através de sugestões de temas e do esclarecimento de situações onde surjam dúvidas. Portanto, mãos à obra, bem-vindos e boa leitura.

VICTOR SARAIVA PINTO Advogado vsp6104@gmail.com


Sucesso é comemorar suas conquistas Os cientistas, graças ao avanço da ciência, vêm descobrindo como funciona nosso cérebro e, assim, termos a compreensão de como podemos otimizar esses conhecimentos em favor de uma vida melhor, uma carreira brilhante e nos tornarmos seres humanos integrais com muito sucesso. Apresento a você algumas dicas que tenho certeza o farão refletir e mudar a maneira como conduz a sua vida: FRACASSO – o cérebro nos afasta de tudo que é possibilidade de fracasso. Fomos programados para vencer. Na prática significa que você terá maior chance de desistir de qualquer situação que você entenda que não conseguirá ter sucesso. Por exemplo: se você detesta acordar cedo e se matricula numa academia para fazer exercícios pela manhã, você irá desistir com certeza. Se o desafio for muito grande , muita gente prefere interromper do que ter que admitir que está fracassando e assim é com aulas de inglês, informática etc. O cérebro pensa melhor não fazer do que fazer e não conseguir fazer direito. CURTO PRAZO – todos os programas de treinamento devem ter até 2 meses para que nosso cérebro sinta motivação em continuar. Portanto, programas com estágios curtos e com começo, meio e fim terão maior chance de sucesso do que programas que nunca acabam. PRAZOS E LIMITES – o cérebro trabalha mediante desafios, limites, regras e, portanto, qualquer serviço que seja uso livre, faça em qualquer horário, tem maior chance de perder clientes. O cérebro precisa de data, horário e prazos curtos para entrar em ação. Por isso, os cursos livres e que ficam a critério do cliente realizar têm maior chance de fracassar, perder o cliente e a sua lealdade. CRIATIVADE E IDEIAS – sabe-se hoje que o bom humor é uma grande estratégia para criar um clima de prosperidade para as pessoas, isso porque neste estado o cérebro utiliza os neurotransmissores/

Por Marynês Pereira sxc.hu

hormônios os quais são como o óleo do carro que lubrifica o motor e quando usamos a serotonina e a endorfina, liberadas quando fazemos exercícios, meditamos e praticamos o bom humor, o cérebro se abre e: a) aumenta sua percepção de oportunidades b) a criatividade e as ideias são muito mais frequentes c) a intuição funciona muito bem e você consegue acessar as informações armazenadas no cérebro. Acredito que com estas informações você poderá aproveitar o máximo do seu potencial e das oportunidades a sua volta, respeitando o grande manual do cérebro e, assim, exercer seus talentos sem culpa, sem dúvidas, sem remorso, sem infelicidade, pois nada disso faz bem ao cérebro e uma coisa que reforça o sucesso é comemorar suas conquistas. Assim, elas se repetirão , pois seu cérebro irá registrar os mecanismos corretos para alcançar os grandes resultados. Agora é com você!

MARYNÊS PEREIRA www.providersolutions.com.br


O Mundo Maravilhoso da Disney Run. Entre os dias 10 e 13 de janeiro aconteceu, em Orlando, Flórida, o “Walt Disney World Marathon Weekend”. Voltei absolutamente impressionado com o show de organização e marketing esportivo nas quatro provas que compõem o evento: provas infantis (para crianças de 1 a 13 anos, com distâncias de 100m até 1,6km), a prova para a família (de 5km), a meia maratona e a maratona. Para os mais empolgados, há também o “Desafio do Pateta”, em que o atleta corre tanto a meia como a maratona. A organização não foi o único ponto alto do evento. O clima de magia e de fantasia envolveu a todos, crianças e adultos. Todas as provas aconteceram pelos parques do complexo Disney: castelo da Cinderela, casa do Mickey, Epcot Center e Animal Kingdom. Nessa edição, foram cerca de 60 mil inscritos, ao longo dos quatro dias de atividades. As corridas começaram na sexta-feira, dia 10, com as provas infantis. Centenas de crianças, inclusive meus dois filhos, participaram em percursos de 100m até 1,6km, em uma pista de atletismo dentro do complexo Wild World of Sports, local onde foram distribuídas as inscrições e onde ocorreu a feirinha que antecede as provas. Na chegada, os corredores mirins eram recepcionados com um abraço do Mickey e uma medalha. O segundo dia teve início com a prova de 5km, para aqueles que ainda não correm a meia maratona. Dessa vez, os atletas correram dentro do Epcot Center, com a saudação dos personagens Disney, ao longo do percurso. Um show de prova! Sábado foi a vez da meia maratona e, para minha surpresa, milhares de corredores fantasiados imprimiram um ritmo forte. Apesar de toda a brincadeira e magia envolvidas, muitos faziam a prova também buscando melhorar seu tempo. Havia estrutura para todos os tipos de corredores. Mesmo depois de 3 horas de prova, ainda pude ver 22 | Go Runners |

sxc.hu

Por Mário Sérgio

milhares de participantes caminhando, para concluir o percurso. Isso só foi possível porque a organização da prova estipulou um prazo limite de 6 horas, algo inédito nesses meus 20 anos de experiência no universo de corrida, permitindo que um maior número de pessoas fizessem parte dessa festa e completassem sua primeira meia maratona. No último dia, domingo, aconteceu a maratona e, mais uma vez, uma grande quantidade de corredores fantasiaram-se para percorrer os 42km195m. Quase todo o percurso era plano e a temperatura estava bastante amena, nas primeiras 4 horas de prova. Depois disso, a temperatura começou a subir e, para minha surpresa, ainda havia milhares de pessoas caminhando para concluir a corrida. Muitas delas, inclusive – sem o devido preparo que uma maratona exige – completariam o percurso em 7 ou 8 horas, andando. Fiquei me perguntando se isso não acaba sendo um desgaste excessivo do corpo. Essas pessoas poderiam se preparar de forma mais adequada ou fazer primeiro o percurso de 5km (ou a meia maratona), até estarem aptos a completarem com mais saúde e menos risco, os 42km. Nesse ponto podemos entender e até elogiar as organizações das maratonas nacionais, com 5 horas. A ideia é justamente impedir que pessoas sem qualquer preparo se inscrevam e acabem se colocando em risco pelo desgaste excessivo. Contudo, prevaleceu a magia. Testemunhamos inclusive o casamento de dois atletas Run&Fun. Eles se conheceram na equipe e selaram a união um dia depois da prova, mostrando que a corrida pode transformar realmente as nossas vidas.

MÁRIO SÉRGIO ANDRADE SILVA Diretor técnico da assessoria esportiva Run & Fun e técnico pentacampeão da Maratona Disney em 1998, 1999, 2000, 2001 e 2002.


Por Alexandre F. Machado sxc.hu

Correr ou sair correndo? Qual será o verdadeiro segredo do sucesso absoluto da corrida? Alguns dizem que correr é democrático, outros que a corrida é um esporte de baixo custo, e há outros que dizem que a corrida não distingue classe social, credo, raça, sexo ou idade. Para mim, é simplesmente o fato de poder calçar o meu tênis e correr a qualquer hora e em qualquer local e ainda poder escolher o meu cenário, seja na areia da praia da Barra da Tijuca, na estrada ou no parque do Ibirapuera, simplesmente correr. Há uma grande diferença entre correr e sair correndo. Correr é uma ciência e exige todo um conhecimento fisiológico, biomecânico e metodológico para a sua prática, com objetivos de trazer benefícios à saúde. Sair correndo é um ato, como você sair correndo atrás de um ônibus, quando você não irá prestar atenção, na postura do tronco, joelhos, cabeça, e sim, tentar pegar o ônibus. A corrida é emoção, prazer e uma ciência complexa e cheia de detalhes. Para cada planilha de treinamento, cada sessão e para cada dia de repouso existe todo um conhecimento científico com a finalidade de tornar o treinamento mais eficiente e seguro para o seu praticante. E com o objetivo de esclarecer aos praticantes e aos amantes desta modalidade vamos aqui abordar os principais pontos que envolvem esta ciência, a ciência do treinamento desportivo ou simplesmente preparação física. A preparação física é planejada com base em exercícios sistematizados, representando um processo organizado pedagogicamente com o objetivo de direcionar a evolução do atleta. A periodização é um dos mais, se não o mais importante, conceito do planejamento do treinamento. O termo origina-se da palavra período, que é uma fração do tempo ou uma divisão em pequenas partes, mais fáceis de controlar denominados de fases. Estes períodos de treinamento são distribuídos em três fases: aquisição, manutenção e perda temporal

da forma esportiva, ou período preparatório, competitivo e transitório. O período preparatório é relativo à aquisição da forma esportiva, o período competitivo é relativo à manutenção da forma esportiva e o período transitório é responsável pela perda temporal da forma esportiva. Enfim, podemos observar que não basta apenas treinar, temos que planejar a forma, o método e quando e como queremos que a nossa condição se eleve de maneira satisfatória. Por outro lado, “sair correndo” não requer nada disso... Bom treino!

ALEXANDRE F. MACHADO Diretor de relacionamento e estratégia da KM Esportes. Idealizador da metodologia VO2 PRO de treinamento de corrida Autor de diversos livros na área de treinamento de corrida. Técnico Tri campeão Brasileiro de corrida de montanha

| Go Runners | 23


Por Débora Sá

Aplicabilidade da Nutrição Funcional para Corredores A nutrição clínica funcional identifica todos os sinais e sintomas relacionados à deficiência de nutrientes, avaliando a vida do paciente desde seus antecedentes, seu nascimento até seu estado psicológico e espiritual de hoje. A dieta dos praticantes de atividade física, especificamente corredores, deve ser rica em alimentos e nutrientes altamente antioxidantes. Isso porque, ao correr, ocorre a formação de radicais livres levando ao estresse oxidativo. Este pode levar a destruição de nutrientes como proteínas, gorduras e ácidos nucleicos, sendo um dos fatores associados à diminuição da performance física, da fadiga muscular e do overtraining. Então os antioxidantes irão prevenir o mesmo e não a formação de radicais livres. Os antioxidantes mais conhecidos são a vitamina C, vitamina E, selênio, entre outros até ainda mais potentes como o resveratrol (presente no açaí, suco de uva integral orgânico e vinho tinto), ácido elágico (presente na romã), catequinas (no chá verde), entre vários outros. Antes de exercícios aeróbicos é indicado comer uma fonte de carboidrato de absorção lenta, como banana com aveia, barra de cereais, pão integral com geleia de fruta sem açúcar, abacate, vitamina de frutas com leite vegetal (arroz, avelã, quinoa) etc. Isso irá fornecer energia gradativamente para o músculo durante o exercício. Importante também lembrar da hidratação ao longo do dia e, principalmente, durante o treino.

Após os exercícios aeróbicos é fundamental comer uma pequena porção de carboidrato de fácil absorção sem sobrecarregar o organismo, evitando desconforto gástrico. Um suco de frutas ou água de coco garante hidratação e reposição de carboidratos. Depois de 1 hora, pode-se fazer uma alimentação completa composta por carboidratos (arroz integral, batata doce, inhame, macaxeira, macarrão de arroz, tapioca), proteínas (peixe, frango caipira, carne, ovo caipira, feijão, lentilha, shiitake, tofu), gorduras (abacate, gergelim integral, azeite extra virgem), vitaminas e minerais (folhosos orgânicos, frutas, cenoura, beterraba). Quem faz exercícios aeróbicos mais intensos, com duração maior ou igual a 1 hora, deve consumir carboidratos 1 hora antes de praticar o exercício, como: frutas, barra de cereais, pão integral, macarrão integral etc. Assim, terá energia suficiente para realizar a atividade física intensa. A hidratação nesse caso é muito importante, sendo necessário intercalar a água com isotônico. Assim, uma dieta adequada poderá propiciar ao atleta melhor qualidade de vida, com manutenção do equilíbrio orgânico, garantindo, ainda, melhor performance.

DEBORAH SÁ Nutricionista CRN 6-9157 Pós graduanda em Nutrição Clínica Funcional Cozinheira Profissional formada pelo SENAC Ecochef e proprietária da Cozinha Ecológica cozinha_ecologica@hotmail.com


Por Fabiano Barbosa Veras sxc.hu

A Avaliação funcional do Movimento e a Corrida É tendência, hoje, as pessoas buscarem por conta própria aprimorar suas atividades físicas no sentido de aumentar flexibilidade, força, resistência e potência do corpo, para desfrutar de uma vida mais saudável. Uma enorme quantidade de atletas e indivíduos já se dedica a atividades de alto nível. No entanto, muitos são ineficientes em termos de movimentos fundamentais. Leigas no assunto e com oferta gigantesca de equipamentos e programas de treinamento, as pessoas criam disfunção em suas rotinas de fitness. Nesses programas próprios de força e condicionamento são criados padrões fracos de movimento, treinamentos ao redor de um problema pré-existente ou, simplesmente, abstenção do foco nos seus pontos fracos. A Avaliação Funcional do Movimento e o Sistema de Exercícios Corretivos têm como objetivo apontar esses elos fracos padrões de movimento e sugere exercícios específicos para corrigi-lo. A consequência é a maior eficiência de movimento para o indivíduo ou atleta, resultando em performance melhorada e diminuição do potencial de lesões. Os objetivos dos testes de movimento são: 1. Identificar indivíduos em risco que estejam tentando manter ou aumentar seus níveis de atividade. 2. Ajudar no desenvolvimento de programas usando exercícios corretivos de maneira sistemática,

para normalizar ou aprimorar padrões fundamentais de movimento. 3. Proporcionar uma ferramenta sistemática para monitorar o progresso e desenvolvimento de padrões de movimento durante alterações ou aumento de níveis de aptidão física do aluno. 4. Criar uma linha de base para movimentos funcionais que permitirá a classificação e ranking de movimentos para observação estatística. Após a realização do teste, o professor poderá fazer as mudanças pertinentes no programa do aluno ou atleta, visando corrigir as deficiências apresentadas na triagem do movimento, com a inclusão de exercícios de mobilidade, repadronização muscular e progressão funcional para a performance em questão. Para o treinamento do corredor, a associação com o modelo de triagem da Avaliação é altamente positivo, pois permite um controle da pessoa testada antes do treinamento e depois como forma de feedback do ensino da modalidade da corrida.

FABIANO BARBOSA VERAS Licenciado em Educação Física – CREF – 397-G/RN Personal Trainer (84) 8899-3116

| Go Runners | 25


Por Daniel Melo do Nascimento

Atividade Física em Condomínio Responda rápido estas 4 questões: Você pratica ou gostaria de praticar alguma atividade física? Gostaria de fazer isso com qualidade e sem perder seu precioso tempo? Fica desmotivado ao sair para se exercitar quando chove ou por causa do trânsito? A violência que existe hoje na cidade deixa você e seus familiares inseguros? Se sua resposta foi SIM para a maioria das questões, eu tenho a solução para você. Hoje em dia vivemos em um mundo globalizado e tecnológico, onde se falta tempo para os prazeres da vida, onde as ruas estão cada vez mais violentas, onde o trânsito está a cada dia pior e as pessoas já não se conhecem direito. O resultado de tudo isso é uma população cada vez mais sedentária. Para combater esse problema, os condomínios têm investido cada vez mais em uma área de lazer ampla, com piscinas, sala de musculação, quadras poliesportivas etc. Porém, esse investimento parece não ter resolvido os problemas atuais de falta de tempo, de qualidade de vida e de interação social. sxc.hu

Em anos de experiência com Assessoria Esportiva em condomínios em São Paulo, e há quase três anos em Natal, tenho observado que a solução para esse mau uso da área de lazer dos condomínios é a contratação de uma empresa especializada para desenvolver serviços neste sentido. Citarei alguns serviços que podem ser oferecidos aos condomínios pelas Assessorias Esportivas, de acordo com a estrutura: Musculação: planilhas de treino individualizadas com orientação profissional. Ginástica: aulas de Jump, Step, Flexibilidade, Pilates, Dança etc. Piscina: Natação infantil e adulto, Hidroginástica, Hidroterapia etc. Quadra: esportes como Futebol, Vôlei, Basquete, Tênis, Handebol etc. Playground: recreação para crianças e adolescentes. Campeonatos e torneios de sociabilização. Grupo de caminhada/corrida. Dinâmicas em festas infantis ou de adultos. Palestras sobre assuntos diversificados a todos os públicos. Personal Trainer. O comparativo do custo benefício desses serviços vai mostrar o pouquíssimo investimento para a quantidade de atividades inclusas, além da comodidade e da segurança de cuidar do Bem Estar de toda a família sem sair de casa. Quer saber como implantar esse programa em seu condomínio? Entre em contato conosco através do site: www.gorunners.com.br e solicite uma visita sem compromisso.

DANIEL MELO DO NASCIMENTO Formado em Educação Física. Pós Graduado em Psicomotricidade. Professor, Personal Trainer e Coordenador em Condomínios, Hotéis e Academias. Tem como filosofia de vida a Saúde e o Bem Estar. Coordenador técnico Go Runners.

26 | Go Runners |


Impressรฃo Grรกfica

Go Runners #01  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you