Issuu on Google+

ABRIL 2012

/ Ano VI - Edição 58

 

 Destaques Pág. 3 -

Palavra do Pastor

Alimente-se da Palavra de Deus. Veja nesse estudo a importância dos nossos pés dentro do nosso lar.

Pág. 5 - Visão Celular

Pág. 7 -

Veja nesse estudo como podemos gerar relacionamentos maduros na célula.

Confira a matéria tratando sobre renascer para a vida.

Pense Grande


2

Boletim Extravagante - Abril 2012

O que vem por aí... Conto com VOCÊ! CEIA DE PÁSCOA - 7. ABRIL

DE COLHEITA

Marcha p/ JESUS 21.Abr - 17h - Itupeva

E A M Acústico 19.Maio - 19:30h - QG do MAE No dia 19 de maio temos um encontro marcado! Realizaremos nosso primeiro louvor acústico.

VIGÍLIA

Será uma noite muito agradável para toda a família. Em breve teremos mais informações. FIQUE LIGADO!!!!

28.Abril - 22h - QG do MAE


3

Boletim Extravagante - Abril 2012

Palavra do

PASTOR

Os pés dentro de casa

Pr. Glauco Oliveira

Leitura: II Samuel 23:2-5 INTRODUÇÃO

A Bíblia diz que a nossa declaração de amor por Jerusalém só é verdadeira se os nossos pés estiverem dentro dos seus muros e das suas portas (Salmo 122). Estar com os pés dentro de algum lugar é sinal de posse, de estabelecer direitos, de reivindicar alianças. Deus está nos ensinando que na vida espiritual devemos buscar em primeiro plano o reino de Deus e a sua justiça. A vida espiritual está em servir a Deus com toda a nossa alma, força, entendimento e coração. Na vida física, devemos buscar o testemunho de vida. Se não temos um testemunho de vida sadio, as células não vão prosperar. As células podem até proliferar, mas não haverá crescimento. Pr. César Castellanos diz que é tão fácil gerar uma multidão de mau caráter como uma multidão de bom caráter. O grupo que você decidiu andar no dia-a-dia denuncia o caráter que você tem, pois os grupos homogêneos se preferem. Quem é santo gosta de andar com santo; quem é pervertido gosta de andar com pervertido. Mas, este ano Deus fará surpresas na sua vida e mudará o caráter da igreja.

2.

Amar a Família

2. Amar a família Tem pessoas que não amam seus familiares. Mas, o Espírito Santo entrará na sua casa para mudar os conceitos errados e transformar cada vida. A sua casa será chamada sede do avivamento.

3. Confessar a Promessa

Com relação à nossa família, existem princípios para os seus pés estarem plantados dentro da sua casa. Assim como para os pés estarem plantados em Jerusalém requer-se os princípios de orar e amar Jerusalém, para ter os seus pés dentro da sua casa, você precisa cumprir os princípios.

1.

Orar pela Família

1. Orar pela família Estamos com uma aliança para este ano: orar, consagrando a Deus a nossa família todos os dias, de joelhos.

3. Confessar a promessa (Hb. 10:23) Deus não mente na Sua Palavra. Ele não mente nas suas promessas. "O Espírito do Senhor fala por mim, e a sua palavra está na minha língua." (II Sm. 23:2). O Espírito do Senhor fala por você. Então, Ele lhe lembrará as Suas promessas e o Senhor falará por intermédio da sua vida para que a sua casa seja consolidada. Conclusão Existe uma visão espiritual para a família. Como está a sua casa? Davi não esconde que a sua casa estava debaixo de problemas, de maldição, de ruínas. Mas, nós seremos cúmplices do projeto de restauração de Deus. O projeto que você tem para sua casa não pode ser diferente do projeto do Senhor. Firme os seus pés nos caminhos do Senhor e você verá as maravilhas do Senhor em sua vida, em sua casa e em sua família.


4

Boletim Extravagante - Abril 2012

DEVOCIONAL Meus pés em caminhos seguros Pra. Kelly Oliveira TEXTO: Salmos 23: 1– 6

para o Senhor entrar, caminhamos seguros e tranqüilos, sabemos por onde andamos e aonde estamos TEXTO CHAVE: V.1,3 “O Senhor é o meu pastor: indo, não tememos mal algum porque Ele é o nosso nada me faltará. Ele me faz descansar em pastos Pastor amado. verdes e me leva a águas tranqüilas. O Senhor renova as minhas forças e me guia por caminhos cer- Eu acredito que Deus é o Guia de todos os meus tos, como ele mesmo prometeu” passos, que tem o melhor para todas as áreas de minha vida, tanto material como espiritual, que me Promessa ajudará a realizar todos os meus sonhos, que me fará sempre mais que vencedora. Ele nos deixará andarmos em águas tranqüilas. Condição Reconheça que Deus é seu único Senhor. Aplicação Prática No que nós acreditamos sobre Deus? O que Ele tem representado em nosso viver diário? Ele tem ocupado o papel principal em nossas decisões ou o temos tratado com indiferença?

E no que você acredita? Você crê que o Senhor não lhe deixará faltar nada? Você crê que Deus sempre dirigirá seus passos por caminhos de bênçãos? Você crê que as tormentas que às vezes se abatem sobre você, logo se transformarão em bonança e paz? Você crê que é herdeiro, em Cristo, das moradas celestiais, para sempre? E se crê, não deixe jamais a tristeza lhe abater. Viva feliz!

Nós, que somos a igreja do Senhor, o templo do Espírito Santo, seremos muito mais felizes e aben- Rhema çoados se Deus ocupar o papel principal em todos O Senhor Deus está conosco. os nossos dias. Quando abrimos nossos corações


5

Boletim Extravagante - Abril 2012

VISÃO CELULAR Princípios Para Que o Fruto Permaneça Parte 4

A Visão Celular tem como alvo principal o resgate das famílias de nossa nação, e para isso, é necessário desenvolvermos com compromisso e perseverança cada passo que a mesma propõe. As células precisam desenvolver um plano de evangelismo eficaz, que vai desde a oração por três, trinta dias com jejum, até o viver pleno da vida Cristã, através de um discipulado vivo e desafiador. O fruto permanece, quando há uma atitude de obediência de cada líder de célula, em viver os princípios estabelecidos pela Visão, como um estilo de vida e não como uma exigência fria e angustiante. Se queremos ver os frutos chegarem, as células têm que desenvolver um tremendo projeto de evangelismo, e se queremos que as vidas permaneçam, as células têm que ter um tremendo estilo de vida como a igreja primitiva teve. Vejamos os princípios que eu creio serem fundamentais para o bom desempenho das suas células e assim, os frutos virão e permanecerão.

(I Samuel 20.12-16).

QUARTO PRINCÍPIO

pautada no amor e na dedicação pelo Podemos falar que um Senhor e pelos célula tem relacionamentos irmãos. Querido maduros, quando líder, firme bem a percebemos que o seu sua aliança com líder é aliançado com as sua célula, ovelhas e as ovelhas com o líder, para que a célula lute com toda perseverança guerreie as guerras de Deus, torne-se um shofar profético nas mãos do Senhor e conquiste as as guerras de Deus e não as guerras pessoais de cada um. Quando lutamos as guerras de Deus, contra multidões para Cristo, levantando um exército poderoso de discípulos como Davi o fez (1 Crônicas os principados, potestades, dominadores e forças 18.13b). Este exército virá e permanecerá por causa espirituais da maldade, trazemos a presença do Senhor dos Exércitos, o Grande El Shadai e assim Ele dos grandes feitos de Deus na vida de cada discípulo que fora recebido e consolidado com amor. vence por nós as nossas guerras interiores e exteriores, Aleluia! Os nossos relacionamentos amadurecem através de uma vida com Deus genuína,

Relacionamentos Maduros


6

Boletim Extravagante - Abril 2012

  Pastores Laurindo e Vera

DEUS SE MANIFESTA ATRAVÉS DA FAMÍLIA Na formação do Seu povo (Israel), DEUS escolhe uma família: a de ABRÃAO. E com esta família vai criar uma nação: a nação de Israel. Quando Deus vai tirar o seu povo ISRAEL do Egito, ele separa MOISÈS e sua família, permitindo que seus irmãos ARÃO e MIRIAN estivessem juntos.

Leitura: Gênesis 1:26-28.

DAVI queria construir um templo para DEUS, e o que DEUS queria mesmo era relacionamento com sua casa, e separa-o para Rei em Israel e faz dele um homem segundo o seu coração, e separa a sua família como linhagem dos reis na sua nação.

Como falamos anteriormente a Família é o projeto de DEUS. Vimos que nos grandes projetos de DEUS JESUS - podemos imaginar que DEUS na terra, Ele se aliançou com famílias. na sua Onipotência, poderia simplesmente enviar Jesus aos trinta anos e começar a Na criação, Deus se reúne em família seu ministério na terra. Porém, como (PAI, FILHO e ESPIRITO SANTO) para DEUS não quebra principio, envia-O em a formação do homem. uma família, pois Seu Filho deveria cumprir o principio de família. Na destruição da humanidade por causa da forma que o homem estava vivendo E com todas estas famílias DEUS fez com um acumulo de pecado aliança para que elas realizassem seus descontrolado, Deus chama a família de propósitos. Dentro desta visão, DEUS NOÉ, e toda a sua casa é salva no escolhe a aliança de casamento entre o dilúvio. Uma nova nação vai se formar e homem e mulher, para que cada família nela vemos a presença de ABRAÃO. se forme debaixo de Sua proteção e a guarda para viver na sua terra.


7

Boletim Extravagante - Abril 2012

PENSE

GRANDE! É PÁSCOA - RENASÇA PARA A VIDA

Normalmente a gente não tem a dimensão do que a Páscoa significa. A gente fica muito na festa e esquece do significado verdadeiro dessa data. Podemos dizer que Páscoa é o início de um novo ciclo.

É esse o simbolismo da Páscoa. Jesus Cristo aceitou a morte para depois poder renascer. E isso, vemos muito pouco. Vemos muita gente querendo melhorar, querendo mudanças, mas pouca gente aceitando a morte do que já não lhe serve mais.

As pessoas, de uma maneira geral, querem ir pro céu, mas não querem morrer. Mas o caso é que precisa morrer pra ir pro céu!… Precisa morrer, precisa deixar os velhos hábitos, as velhas manias, para renascer para a vida, para viver uma vida nova.

Então, aproveite essa Páscoa para se preparar para a renovação. Organize cinco coisas que você quer fazer diferente na sua vida e jogue fora o seu jeito antigo de fazer. Comece a fazer de modo diferente. Coloque mais vida na sua vida!

Nesta Páscoa, permita-se renascer! Um dia você vai ter que olhar no espelho e dizer para si mesmo: “Acabou!… Eu não posso deixar que esse meu jeito errado de fazer as coisas conti- Feliz Páscoa! nue me impedindo de ser feliz.”

“Deus escolhe pelo que passamos; nós escolhemos como ." (John Maxwell)


8

Boletim Extravagante - Abril 2012

Matéria de Capa: Páscoa - Um Encontro delicioso com jesus

Pouca gente sabe que páscoa não tem nada a ver com chocolate, embora seja difícil negar as delícias e a beleza de um ovo de páscoa nesta época do ano. Mas a páscoa não é uma festa comercial; seu sentido é mais abrangente. A páscoa começou como uma festa anual dos hebreus, povo semita da antiguidade, do qual descendem os atuais judeus. Tal festa foi transformada em memorial por ocasião da saída do povo de Israel do Egito após quatrocentos anos de escravidão. No Êxodo, palavra que significa saída, segundo livro da Bíblia, está todo o registro desta intervenção divina em favor dos judeus. Para os cristãos do mundo todo, a festa anual comemora a ressurreição de Cristo. A relação entre a ressurreição de Cristo e a saída dos judeus da escravidão é precisa – o que confirma ainda mais o fascínio das Escrituras Sagradas. Em Cristo, e através de Sua ressurreição, cada crente sai de um estado de morte para outro de vida espiritual. “... eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” João 10.10b. Ninguém foi mais claro do que o apóstolo Paulo na exposição deste mistério. Em Romanos, capítulo 6, fica revelado o segredo de uma vida nova. “Porque, se

fomos unidos com ele (Cristo) na semelhança da sua morte, certamente, o seremos também na semelhança da sua ressurreição, sabendo isto: que foi crucificado com ele (Cristo) o nosso velho homem, para que o corpo do pecado seja destruído, e não sirvamos o pecado como escravos” (versos 5 e 6).


9

Boletim Extravagante - Abril 2012

“Fomos, pois, sepultados com ele na morte pelo batismo; para que, como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim também andemos nós em novidade de vida” (verso 4). Páscoa tem a ver com libertação da escravidão do pecado e vida nova em Cristo, embora Paulo se apresentasse como escravo de Cristo (1 Coríntios 7.22). Conta-se que certa vez, David Livingstone, missionário inglês, viajava pela África. Vendo uma feira de escravos, notou um rapaz que ninguém havia ainda comprado. Indignado, Livingstone ajuntou todo o dinheiro que possuía e comprou o escravo. Quando já estavam distantes daquele lugar de horror, Livingstone olhou para o moço e disse: “Você está livre. Pode ir embora”. O escravo ajoelhou-se e disse: “Senhor, a sua bondade é muito grande! Mas se me mandar embora, eu serei caçado e vendido de novo. Deixa-me ser seu servo. Somente com o senhor posso ser realmente livre”. Num de seus confrontos com religiosos que se gabavam da liberdade, no capítulo 8 de João, Jesus os chamou de escravos e hipócritas, uma vez que consumiam suas energias tentando viver uma conduta correta, quando as inclinações do interior desejavam outra coisa. “Porque nem mesmo compreendo o meu próprio modo de agir, pois não faço o que prefiro, e sim o que detesto” Romanos 7.15. Por causa do pecado, o homem tornou-se um escravo sem possibilidade de uma libertação real. Só a morte poria fim ao julgo. “Miserável homem que sou” Quem me livrará do corpo desta morte? Romanos 7.24. Mas em Cristo, foi exatamente isto que aconteceu. “E eu, quando for levantado da terra, atrairei todos a mim mesmo. Isto dizia, significando de que gênero de morte estava para morrer” João 12.32-33. A única saída é confiar no amor de Deus que nos é oferecido por Seu Filho Jesus. Só Ele pôde vencer o falso senhor dos homens e colocá-los em liberdade. “ Aquele que pratica o pecado procede do diabo, porque o

diabo vive pecando desde o princípio. Para isto se manifestou o Filho de Deus: para destruir as obras do diabo” 1 João 3.8. Em Adão, todos nos tornamos pecadores. Mas em Cristo, incluídos em sua morte e ressurreição, nos tornamos novas criaturas (2 Coríntios 5.17); filhos de Deus libertos da escravidão do pecado (João 1.12-13; 1 João 3.1-3). O quadro é o mesmo: Cristo nos encontrou numa feira de escravos: pagou o preço e arrancou as correntes dos nossos punhos e tornozelos. Olhando-nos com amor eterno, abriu caminho para todos nós. Mas parafraseando o apóstolo Pedro, “Senhor, para quem iremos? Só Tu tens as palavras da vida eterna” João 6.68. Isto é páscoa: um doce encontro com Jesus. Talvez seja por isso que relacionem com chocolate. Espero!


10 Boletim Extravagante - Abril 2012

ACONTECEU

DI x DAY

Um dia que ficarรก para sempre na memรณria do MAE. Dia 10 de marรงo de 2012. Esse foi o dia do casamento dos nossos queridos Diรณgenes e Daiane. Tudo foi lindo e maravilhoso. Que Deus abenรงoe e prospere a vida desse casal. Confira as fotos.


11 Boletim Extravagante - Abril 2012

ACONTECEU


12 Boletim Extravagante - Abril 2012

ACONTECEU 6 anos de MAE

Dia 31 de mar莽o completamos 6 anos de MAE. Cremos que entramos numa nova etapa dentro do prop贸sito de Deus. Queremos continuar sendo uma Igreja cheia de GENTE QUE GOSTA DE GENTE!


13 Boletim Extravagante - Abril 2012

ACONTECEU


14 Boletim Extravagante - Abril 2012

LANÇAMENTO RE 2012

O que é o retiro Extravagante ? O RE faz parte da estratégia do MAE para trazer crescimento espiritual. São dias intensos na presença de Deus onde desfrutamos do amor e da unção de Deus.

Data do Evento 2 a 4 de novembro de 2012

Onde vai ser? Hotel Colinas de Itupeva - Itupeva - SP (Check in a partir das 14 horas do dia 02/11)

Não fique de fora !

PLAN OS Ins criç õe s

Ins criç õe s

de PAGA GAME a té 29/07 : a pós 29/0 7:

N TO

R$ 1 80,00

R$ 200,00

Você pod erá pa r ce la r o va lo r até 3 1 d outubr o e da forma que a ch a r melh or. COMO P AGAR ? A Lene s erá a res p ons á vel p or rece be os pa ga m r entos da s ins criçõ es .


BE 058 2012 04 ABRIL