Page 1

REVISTA DO MUNICÍPIO DE VILA NOVA DA BARQUINHA #33 JUL 2015

BarquinhaViva


n o t a de a b ert ura

Barquinha Viva: coleção completa disponível online No âmbito do reconhecimento da “Barquinha Viva” pela Agência para a Modernização Administrativa (AMA), como uma das boas práticas da Administração Pública (AP) em Portugal, o Município de Vila Nova da Barquinha decidiu publicar a coleção completa da revista municipal na Internet, no início de julho. Ao todo são 32 números publicados ao longo de 15 anos, que relatam a atividade municipal, constituindo um autêntico repositório histórico da instituição. A Barquinha Viva está disponível online em www.issuu. com/girpbarquinha, plataforma que permite não só a leitura mas também o download dos ficheiros para arquivo e até mesmo encomendar a sua impressão. A Revista Municipal “Barquinha Viva” foi publicada pela primeira vez em dezembro de 1999 e é desde então a publicação oficial do Município, com o objetivo de informar sobre a atividade desenvolvida pela autarquia. Em 2014, com a publicação do número 31, passou a ter formato exclusivamente digital. Em agosto desse ano foi incluída no Mapa de Boas práticas da AP do site da Rede Comum do Conhecimento, uma Rede que apoia e fomenta a partilha de Boas Práticas na Administração Pública, inserida na AMA - Agência de Modernização Administrativa, sob a tutela da Presidência de Conselho de Ministros.

BarquinhaViva Propriedade Município de Vila Nova da Barquinha Diretor Fernando Freire, Presidente da Câmara Coordenação, Design e Redação Pérsio Basso, Gabinete de Informação e Relações Públicas Fotografia Pérsio Basso, Susana Graça Colaboraram neste número Alexandra Carvalho, Carlos Vicente, João Alves, Júlio Barata, Vanda Costa

2

BarquinhaViva33


e di t o r i al Pérsio Basso

POR FERNANDO FREIRE, PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE VILA NOVA DA BARQUINHA

Caros munícipes e amigos, Terminadas as festas do concelho e o corrupio que mobiliza todas as forças vivas, vamos entrar num período mais calmo e para muitos de merecido descanso. Realizadas muitas das operações de valorização ambiental, patrimonial e urbana chegou a vez, neste período, de inaugurar a Galeria de Santo António, junto da Igreja Matriz, que veio substituir a antiga escola primária, aproveitando-se a oportunidade para fazer o arranjo paisagístico da zona envolvente. O largo ficou mais espaçoso e mais belo. Este foi o tempo em que nasceu o novo e moderno centro de convívio e albergue da juventude de Tancos, com capacidade para 30 utentes. Este foi o tempo em que procedemos à inauguração de unidades hoteleiras em Vila Nova da Barquinha - Casas de Campo “Barquinha Nature House”, “Art Inn Barquinha”, “Sonetos do Tejo” e “Quinta do Ribeiro Tanquinhos” - equipamentos que vêm reforçar a oferta de alojamento no concelho. Nasceu também um novo espaço de venda de produtos típicos, o “Amores Pitorescos” Bar e Loja de Artesanato com produtos locais e nacionais (vinhos, licores, mel, artesanato, peças saudosistas portuguesas, enchidos e muitos mais). Importa relevar que são projetos privados, tornados realidade a partir da reabilitação de edifícios e que colocam ao dispor dos turistas novas ofertas de qualidade. Estes são, pois, exemplos das coisas boas que acontecem quando as instituições públicas e privadas colaboram intrinsecamente e gostam de descomplicar. Este foi o tempo em que surgiu o pavilhão gimnodesportivo, uma obra de grande interesse para a educação dos nossos jovens e para a prática desportiva de pessoas de todas as idades, com claros benefícios para a saúde e bem-estar de todos os habitantes no nosso concelho. A obra que faltava para se dar por concluída a construção do campus escolar de Vila Nova da Barquinha. Também a vertente social não foi esquecida. Foi inaugurada a Loja Social da Praia do Ribatejo, a funcionar nas instalações da antiga cantina escolar junto à EB1 da freguesia, com a valência de cozinha, onde os voluntários confecionam alguns alimentos para posterior distribuição pelas famílias. Estes são os tempos de exemplo de grande humanidade em que inúmeros voluntários dão muito de si e do seu tempo em proveito da cultura, do bem-estar e da solidariedade. Certos estamos que o desenvolvimento do nosso concelho far-se-á com um somatório de vontades e das ações desenvolvidas pelas famílias, organizações, coletividades, associações e autarquias. Todos, juntos, podemos fazer acontecer!

BarquinhaViva33

3


s um á r i o

TURISMO 32 Número de camas turísticas dispara com a abertura de cinco novas unidades de alojamento

Pérsio Basso

DESPORTO 6 O novo pavilhão gimnodesportivo está ao serviço da comunidade

4

BarquinhaViva33

REGENERAÇÃO 10 Galeria Santo António recupera antiga escola e cria novo espaço urbano

COMUNICAÇÃO 12 Município lança um novo site e uma App com informação turística para smartphones

AÇÃO SOCIAL 47 Loja Social abre pólo na Praia do Ribatejo


Pérsio Basso

CULTURA 50 Miguel Araújo e Virgem Suta animam Feira do Tejo

BarquinhaViva33

5


d e s t aq u e

A nova casa do desporto NOVO PAVILHÃO INAUGURADO PERANTE CENTENAS DE PESSOAS

Fotos de Pérsio Basso

A população do concelho de Vila Nova da Barquinha participou em massa na inauguração do novo Pavilhão Desportivo Municipal, no dia 9 de abril. Foram muitos os que quiseram conhecer o mais recente equipamento ao serviço do desporto, integrado num campus escolar que inclui também a Escola Ciência Viva e a Escola D. Maria II, e que para além da comunidade escolar, pode ser utilizado pela população em geral. A cerimónia foi presidida por Fernando Freire, Presidente da Câmara Municipal, na presença de Ana Abrunhosa, Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), e de José Alberto Duarte, Diretor Geral dos Estabelecimentos Escolares, entre centenas de convidados e populares. No seu discurso, Fernando Freire salientou que “é uma obra de grande interesse para a educação dos nossos jovens e para a prática desportiva de pessoas de todas as idades, com claros benefícios para a saúde e bem-estar de todos os habitantes no nosso concelho. Era a obra que faltava para se dar por concluída a construção do campus escolar de Vila Nova da Barquinha.” O Presidente da Câmara Municipal lembrou o importante papel desempenhado pelo seu antecessor, Miguel Pombeiro, no planeamento da obra. “Nada nasce do acaso, tudo nasce da visão e do sonho, da capacidade de antever a obra necessária e interligar esse sonho com a visão estratégica e com a obtenção dos meios para a sua concretização”, referiu. O projeto surgiu na sequência da requalificação da Escola D. Maria II, cujo pavilhão apresentava sinais de avançada degradação, não reunindo as condições de segurança necessárias para a prática desportiva. A construção do novo edifício incluiu também os arranjos exteriores com a criação de vários espaços para a prática desportiva ao ar livre. O pavilhão tem capacidade para 222 lugares sentados e além da sala principal, dispõe ainda de um ginásio. A intervenção representa um investimento de cerca de 1 milhão e trezentos mil euros, comparticipados em 85% do valor elegível pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Regional do Centro (Mais Centro), e da União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

6

BarquinhaViva33


BarquinhaViva33

7


d e s t aq u e

8

BarquinhaViva33


Fernando Freire, Presidente da Câmara, e Ana Abrunhosa, Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) descerraram a placa de inauguração na presença de José Alberto Duarte, Diretor Geral dos Estabelecimentos Escolares, e de muitos convidados

BarquinhaViva33

9


re g e n e r aç ã o urb an a

Bombeiros inauguram Galeria Santo António Fotos de Pérsio Basso

A nova galeria de exposições de Vila Nova da Barquinha foi inaugurada no dia 9 de junho. Antiga escola primária, o edifício sofreu obras para se transformar no mais recente espaço expositivo de uma vila cada vez mais apostada em atrair visitantes e dinamizar a sua economia através das artes. Instalada no centro histórico da Vila, junto à Igreja Matriz, a galeria batizada por inspiração do padroeiro da vila abriu portas com a Exposição “Bombeiros Voluntários de Vila Nova da Barquinha – 90 Anos ao Serviço da Comunidade”. Fernando Freire, Presidente da Câmara Municipal, e António Ribeiro, Presidente da AHBVVNB, descerraram a placa de inauguração, momento que assinalou também o arranque de mais uma edição da Feira do Tejo. A Galeria Santo António dispõe de duas salas e integra-se no projeto “Mercado da Artes”, uma medida de regeneração urbana com base na temática da arte. A recuperação do edifício de traça tradicional, que se encontrava desativado, na Rua Marechal Carmona, irá permitir a divulgação do património regional e apoiar a divulgação de artistas emergentes do concelho. A realização deste investimento cria um novo ponto de interesse no circuito expositivo de Vila Nova da Barquinha, do qual já fazem parte o Parque de Escultura Contemporânea Almourol com a sua exposição permanente de 11 peças e a Galeria do Parque. O projeto resulta da candidatura para “Refuncionalização da EB1 de Vila Nova da Barquinha em salas de exposições – Galeria St.º António” que foi aprovada no âmbito do PRODER / Melhoria da Qualidade de Vida, do Sub Programa 3 da ADIRN - Acção / Subacção: Conservação e Valorização do Património Rural. Com investimento total de cerca de 70.000 euros, esta obra teve um financiamento de 41.860,70 euros.

10

BarquinhaViva33


BarquinhaViva33

11


choi st móurni ai c a ç ã o

novo site online WWW.CM-VNBARQUINHA.PT

Novo design, mais conteúdos, uma nova arquitetura de informação, maior facilidade de navegação e mais velocidade da nova plataforma são algumas da características do novo site oficial da Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha, lançado no dia 21 de janeiro. A nova ferramenta pode ser visitada em www.cm-vnbarquinha. pt, assente numa tecnologia otimizada para os mais modernos equipamentos como é o caso dos smartphones e tablets. Na senda das boas práticas da Administração Pública (AP) em Portugal, como foi o recente reconhecimento da revista municipal “Barquinha Viva” pela Agência para a Modernização Administrativa (AMA) - incluída por aquele organismo no Mapa de Boas práticas da AP no site da Rede Comum do Conhecimento - o novo sítio foi desenvolvido com base no princípio da transparência. Município, Serviços, Viver, Visitar e Investir são as grandes áreas temáticas deste portal, que tem como principal públicoalvo os munícipes, contendo nas suas páginas uma descrição pormenorizada da instituição – quem são os eleitos e quais as suas áreas de atuação, bem como os serviços disponibilizados pela autarquia. O site contém também uma panóplia de documentos - requerimentos, atas, editais, plantas online, regulamentos, deliberações – assim como informações úteis para facilitar a relação entre o município e os cidadãos. Aqui estão disponíveis igualmente todos os documentos da gestão

12

BarquinhaViva33

financeira da Câmara Municipal, como os Orçamentos e os Planos de Prestação de Contas. Tendo em conta a importância do turismo na economia atual, esta plataforma assume-se como um autêntico roteiro, funcionando como cartão-de-visita deste território rico em património, contendo informação sobre todos os produtos turísticos existentes no concelho de Vila Nova da Barquinha, como o Castelo de Almourol, a Igreja Matriz da Atalaia, o Parque de Escultura Contemporânea, entre outros. A Cultura e a Educação, apostas do Município, são áreas de referência nesta presença na web, que referencia todas as associações e coletividades, os diferentes equipamentos educativos, culturais e desportivos, sem esquecer as publicações editadas pela autarquia, assim como as obras publicadas sobre o nosso Ribatejo. Com atualização, exclusiva, a cargo dos técnicos do município, no novo portal autárquico serão publicadas todas as novidades e informação sobre os eventos, para acompanhar a par e passo toda a atividade municipal. Assente na tecnologia Joomla!, o site resulta da implementação do projeto “Afirmação Territorial do Médio Tejo”, da responsabilidade da Comunidade Intermunicipal (CIMT). O Portal consagra o direito de acesso à informação contida em processos e procedimentos em curso, assim como o direito à informação que assiste a todos os cidadãos, de acordo com o sistema de arquivo aberto.


BarquinhaViva33

13


comunicação

Centro histórico e parque ribeirinho com mapa turístico Os visitantes do concelho têm desde março um novo suporte para ajudar a planear a visita às principais atrações turísticas deste território. O novo mapa de Vila Nova da Barquinha dispõe de informação alusiva ao parque ribeirinho, contactos e localização em português e inglês, com destaque para as ilustrações das esculturas contemporâneas, equipamentos lúdicos e da vegetação, bem como de todo o centro histórico. Esta iniciativa é fruto da parceria do Município de Vila Nova da Barquinha com o Jardim Botânico da Universidade de Coimbra e foi financiada no âmbito da operação “Centro Integrado de Educação em Ciências”, sendo comparticipada em 85% do valor elegível pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Regional do Centro (Mais Centro), e da União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).

14

BarquinhaViva33

Albergue de Tancos na web Desenvolvido pelo Gabinete de Informação e Relações Públicas do Município de Vila Nova da Barquinha, está online, desde o início de junho, o website oficial do novo Albergue da Juventude de Tancos. Esta presença na Web dispõe da toda a informação sobre as acomodações, preços, contactos e ainda um mini roteiro de atividades para fazer e locais a visitar nas imediações de Tancos. Saiba mais sobre deste alojamento destinado sobretudo aos mais jovens em www.girpvnb.wix.com/ alberguetancos


Descubra V. N. Barquinha no seu smartphone! A Vila Nova da Barquinha que pensa conhecer e a que nunca pensou descobrir. Das experiências aos monumentos, dos melhores restaurantes aos melhores hotéis até aos melhores programas culturais. Tudo o que precisa para viver Vila Nova da Barquinha numa App, no seu Smartphone ou tablet. Está disponível desde o início de julho a nova aplicação, com toda a informação turística do concelho, que poderá ser consultada num mapa interativo ou através de vários menus com informação sobre locais a descobrir, museus, aventura, património, restaurantes, alojamento, agenda cultural e todas as informações úteis sobre Vila Nova da Barquinha. A criação da aplicação móvel é uma ação que se integra no projeto intermunicipal “Afirmação Territorial do Médio Tejo” da CIM, tendo sido desenvolvida pela agência criativa Digital Gravity Level. Está disponível para download gratuito na App Store, Google Play Store e Windows Phone Store, ou em www.descubra.pt.

BarquinhaViva33

15


m o d e r n i za ç ão ad mi n i s t rat i va

Depois da Loja do Cidadão em V. N. Barquinha, um novo Espaço do Cidadão na Praia do Ribatejo Pérsio Basso

Foi assinado no dia 16 de janeiro, na sede da CIM do Médio Tejo, em Tomar, um Protocolo entre o Município de Vila Nova da Barquinha e o Governo de Portugal com vista à implementação de um “Espaço do Cidadão” na freguesia de Praia do Ribatejo. Este será o segundo espaço do género neste concelho, que detém uma Loja do Cidadão desde 2009, a primeira do distrito de Santarém. A medida foi aprovada na reunião de executivo camarário do dia 14 de janeiro. Em simultâneo com outros Municípios do Médio Tejo, a cerimónia de assinatura contou com a presença do Secretário de Estado para a Modernização Administrativa, Joaquim Pedro Cardoso da Costa, que firmou o documento com a autarquia, representada pelo Presidente da Câmara, Fernando Freire. O Espaço do Cidadão é um local onde os cidadãos podem aceder aos serviços digitais disponibilizados pela Administração Central, feita preferencialmente por meios digitais, de modo a servir melhor o cidadão, proporcionando-lhe um modelo de atendimento mais rápido e mais próximo. O Espaço do Cidadão pretende ser um espaço complementar à rede de Lojas do Cidadão, quer atuais, quer futuras, a crescer pelo território numa lógica de proximidade dos utilizadores, em especial dos que se encontram em territórios com baixa densidade populacional, reforçando a coesão territorial e social. Por outro lado, vem permitir combater a infoexclusão,

16

BarquinhaViva33

pois o atendimento recomendado para este local dissemina a literacia digital. São vários os serviços a disponibilizar numa primeira fase, tais como: ADSE; Caixa Geral de Aposentações; Segurança Social; Portal do Cidadão; Direção Geral do Consumidor; Serviço de Estrangeiros e Fronteiras; Instituto da Mobilidade Terrestre; Autoridade para as Condições de Trabalho; Inspeção-geral das Atividades Culturais; Direção Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas; Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana e Serviços partilhados do Ministério da Saúde. De entre os vários serviços referidos, o cidadão pode obter o registo criminal, fazer um registo de propriedade intelectual, renovar uma autorização de residência, revalidar a carta de condução, efetuar pedidos diversos à segurança social, entre outros. O Espaço do Cidadão da Praia do Ribatejo irá ser instalado na Rua Comendador Manuel Vieira da Cruz, nº 30, Praia do Ribatejo, instalações cedidas pela Junta de Freguesia, sendo a sua gestão repartida pela freguesia, pelo Município e pela AMA – Agência para a Modernização Administrativa. O Espaço do Cidadão será objeto de co-financiamento comunitário, cabendo à Administração Central assegurar o investimento em desenvolvimento tecnológico, em mobiliário, equipamento informático, software informático, formação de recursos humanos e call-center de apoio.


Susana Graça

GESTÃO

Município apresenta saldo positivo de 414 mil euros Os Documentos de Prestação de Contas do Município de Vila Nova da Barquinha, referentes ao ano de 2014, foram aprovados pelo Executivo Municipal por maioria (PS - 4 votos), com a abstenção do vereador do PSD, e pela Assembleia Municipal de Vila Nova da Barquinha, por maioria (PS - 13 votos), com a abstenção do PSD (3 votos) e do CDS (1 voto), e contra da CDU (2 votos), nos dias 22 e 30 de abril, respetivamente, e serão enviados ao Tribunal de Contas, nos termos da Lei. Apesar da difícil situação vivida pelas autarquias locais, o Município apresentou um saldo positivo no valor de 414.785,13€. Relativamente ao nível global da despesa, constata-se que o ano de 2014 foi o período em que a despesa apresentou o valor mais baixo dos últimos quatro anos. De salientar ainda, o cumprimento do limite da divida, com uma margem absoluta de 3 milhões de euros e com uma capacidade de endividamento de cerca de 800 mil euros. Foi, também, cumprido o estipulado na Lei do Orçamento, mormente a redução de pessoal e o limite de endividamento. O Município de Vila Nova da Barquinha, reconhecendo a importância dos desafios e obrigações com que se defrontou, nomeadamente o pagamento das despesas do novo Pavilhão Municipal e das obras no Castelo de Almourol, entre outras, vem firmando a necessidade de equilibrar as suas finanças, suportando os seus encargos com recurso a receitas próprias, não utilizando a sua margem de endividamento de médio e longo prazo. O Município de Vila Nova da Barquinha, fica, assim, entre as autarquias com contas equilibradas ao longo dos últimos três anos e despesas com pessoal e com a aquisição de serviços inferiores a 35% da receita média arrecadada.

BarquinhaViva33

17


saúde

Município cede viatura ao Centro de Saúde

Fotos de Pérsio Basso

A Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha cedeu uma viatura nova à Unidade de Cuidados na Comunidade Almourol (UCC Almourol), para que esta organização possa reforçar a prestação de cuidados de saúde, apoio psicológico e social, no âmbito domiciliário e comunitário, a utentes que residam no concelho. A viatura foi entregue no dia 14 de abril, pelo Presidente da Câmara, Fernando Freire, à Diretora Executiva do Agrupamento de Centros de Saúde Médio Tejo, Maria Sofia Theriaga Mendes Varanda Gonçalves, na presença do Coordenador da USF Barquinha, Joaquim Branco, numa cerimónia presenciada pelos profissionais de saúde daquela unidade, junto ao Centro de Saúde de Vila Nova da Barquinha. “A oferta desta viatura será uma mais-valia para que a equipa de profissionais da UCC consiga prestar serviços básicos de saúde ao domicílio aos munícipes que têm dificuldade em deslocar-se”, referiu o presidente da autarquia, Fernando Freire.

18

BarquinhaViva33

A prestação de cuidados de saúde primários à população da área geográfica do Concelho de Vila Nova da Barquinha é assegurada pelo Centro de Saúde de Vila Nova da Barquinha, onde funciona a Unidade de Saúde Familiar Barquinha (USF Barquinha), a Unidade de Cuidados na Comunidade Almourol (UCC Almourol), estando nesta implementada uma Equipa de Cuidados Continuados Integrados (ECCI). O Centro de Saúde de Vila Nova da Barquinha serve cerca de 8200 utentes, sendo na atual conjuntura, imprescindível uma estreita articulação entre os ACES Médio Tejo e a Câmara Municipal, com vista a uma criteriosa gestão de recursos de modo a garantir qualidade, continuidade e acessibilidade daqueles utentes a cuidados de saúde. O veículo cedido pelo Município servirá única e exclusivamente para a deslocação em serviço dos profissionais em funções no Centro de Saúde de Vila Nova da Barquinha.


BarquinhaViva33

19


educação

Francis Obikwelu na 1.ª Vila da Saúde Fotos de Pérsio Basso

O velocista português Francis Obikwelu foi a grande figura da 1.ª edição da Vila da Saúde, que decorreu nos dias 29 e 30 de maio, no campus escolar de Vila Nova da Barquinha. O atleta visitou o complexo escolar no 1.º dia do evento e foi o orador de uma palestra verdadeiramente inspiradora para alunos e professores. Além da conversa com o atleta olímpico, a iniciativa do Agrupamento de Escolas de Vila Nova da Barquinha com a parceria do Município contou com inúmeras atividades que reuniram diversos parceiros em torno deste mega evento dedicado à saúde. Palestras, danças com bebés, Open Day no CIEC, Visitas ao Viveiro de Empresas em Ambiente Escolar, zumba, sessões de relaxamento e demonstrações de cães e cavalos da GNR foram algumas das atividades que animaram esta primeira edição da Vila da Saúde durante dois dias.

20

BarquinhaViva33


BarquinhaViva33

21


educação

22

BarquinhaViva33


BarquinhaViva33

23


educação

D. Maria II tem 1.º Viveiro de Empresas em Ambiente Escolar em Portugal Fotos de Pérsio Basso

24

BarquinhaViva33


Iniciativa pioneira em Portugal, o 1.º Viveiro de Empresas em Ambiente Escolar (VEAE) do nosso país foi inaugurado no dia 5 de fevereiro, na Escola D. Maria II, em Vila Nova da Barquinha. O VEAE funciona nas instalações daquele estabelecimento escolar e consiste num espaço exclusivamente destinado ao desenvolvimento e criação de ideias de negócio, com meios e equipamentos próprios. Desafiar os jovens a pensar e criar empresas desde tenra idade é o grande objetivo desta medida. O projeto surgiu na sequência da iniciativa “Empreendedorismo na Escola”, que envolve 4 turmas do 1.º, 2.º e 3.º ciclos do ensino básico do concelho de Vila Nova da Barquinha e que tem como principal promotor o Agrupamento de Escolas, com a parceria do Município, Nersant - Associação Empresarial da Região de Santarém, Tagusvalley, Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo, Instituto Politécnico de Tomar e Associações de Pais. No âmbito do projeto em que participam cerca de 100 alunos do Agrupamento de Escolas de Vila Nova da Barquinha, a Câmara Municipal criou o “Prémio Municipal de Empreendedorismo em Ambiente Escolar”, uma medida inserida no Plano Estratégico de Desenvolvimento Económico “Barquinha 2020”, como forma de incentivar os jovens empresários. Os resultados serão anunciados no início do ano letivo 2015/2016. Entretanto, o projeto Viveiro de Empresas em Ambiente Escolar foi distinguido com o Galardão Educação na X Gala Antena Livre e Jornal de Abrantes. A distinção foi entregue à representante do Agrupamento de Escolas, Ana Santos, no dia 30 de Abril, no Cine-teatro S. Pedro, Abrantes, pela Vereadora da Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha, Rosa Fernandes Garrett, perante centenas de convidados.

BarquinhaViva33

25


educação

FEIRA EMPRE 2015

Barquinha acolhe feira com Jovens empreendedores da região Fotos de Pérsio Basso

Vila Nova da Barquinha acolheu a edição 2015 da Feira Empre. O recinto da Escola D. Maria II foi o local eleito para os cerca de 440 alunos oriundos de 15 escolas de toda a região do Médio Tejo para comercializar produtos artesanais e hortofrutícolas, entre outros, de “empresas” criadas por alunos das escolas dos 2º e 3º ciclos do Ensino Básico. O EMPRE – Empresários na Escola é um projeto de estímulo ao empreendedorismo jovem, aplicado pelo TAGUSVALLEY – Tecnopolo do Vale do Tejo, e apoiado pela CIMT, no âmbito do projeto “Médio Tejo – Empreendedorismo em Rede”, financiado pelo Programa Operacional Regional do Centro – Mais Centro, do Quadro de Referência Estratégica Nacional (QREN), no sentido estimular os estudantes para importância de criar projetos sustentáveis e que gerem emprego.

26

BarquinhaViva33


BarquinhaViva33

27


educação

Paulo Tavares toma posse como novo Diretor do Agrupamento de Escolas

Pérsio Basso

O novo Diretor do Agrupamento de Escolas de Vila Nova da Barquinha, Paulo Tavares, tomou posse no dia 14 de julho, no Auditório da Escola D. Maria II. Perante uma plateia repleta de convidados, a cerimónia contou com a presença de Fernando Freire, Presidente da Câmara Municipal, e de Luísa Oliveira, Diretora Geral da Direção Geral da Administração Escolar. Paulo Tavares assume o cargo durante os próximos 4 anos, sucedendo a Maria António Coelho, que dirigiu o Agrupamento de Escolas de Vila Nova da Barquinha nos últimos 14 anos. O ato solene de tomada de posse foi firmado pelo novo Diretor e pela Presidente do Conselho Geral, Lia Ribeiro. O responsável pelo executivo camarário lembrou as excelentes condições do parque escolar do concelho, que inclui um centro de ciência de referência (CIEC) e um novo pavilhão, destacando a importância dos meios humanos para a sua dinamização. Paulo Tavares apontou as áreas da ciência e das artes como apostas a desenvolver no projeto educativo para o concelho, apresentando a equipa que o acompanhará. Com apresentação das alunas Marta e Sara, a cerimónia culminou com um momento de poesia pelos alunos do Núcleo de Teatro da Escola D. Maria II.

28

BarquinhaViva33


Pérsio Basso

Especialistas em educação de ciências em Vila Nova da Barquinha homenageiam Mariano Gago Várias dezenas de investigadores, académicos e peritos em Educação na área da educação em ciências participaram na Jornada “Partilha de práticas integradas de educação formal e não-formal de ciências”, que se realizou no dia 20 de abril, em Vila Nova da Barquinha, no auditório do Centro Cultural. O evento contou com a presença de Rosalia Vargas, Presidente da Agência Ciência Viva e da ECSITE, entre vários outros especialistas. A iniciativa coordenada pela Universidade de Aveiro, com o apoio do Município de Vila Nova da Barquinha e da Associação Centro Integrado de Educação em Ciências de Vila Nova da Barquinha, integra-se no projeto “Práticas integradas de educação formal e não-formal de ciências: identificação, partilha e análise no ensino superior português” que visa identificar, caracterizar e partilhar, a nível de Instituições de Ensino Superior, as ações desenvolvidas nos cursos de formação de profissionais de educação, que potenciem a promoção de

competências no sentido da planificação, implementação e avaliação de práticas integradas de educação formal e nãoformal de ciências. Os participantes na Jornada associaram-se à iniciativa de homenagem dos portugueses e da comunidade científica a José Mariano Gago, ao meio dia do dia 20 de abril, no Barquinha Parque. Por todo o país, centros de investigação e outras instituições fizeram uma pausa de 5 minutos nas suas atividades, com concentração no exterior, junto aos respetivos edifícios, poucos dias depois da morte do cientista e antigo ministro. No âmbito desta homenagem foi criada uma página na internet para recolha de testemunhos que documentem a vida e legado de José Mariano Gago - www.marianogago.org. Associaram-se à cerimónia simbólica os docentes convidados, o Presidente da Câmara Municipal, Fernando Freire, autarcas e trabalhadores da autarquia.

BarquinhaViva33

29


educação

Dia Mundial da Criança no Barquinha Parque No âmbito das comemorações do Dia Mundial da Criança (1 de junho) a Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha proporcionou aos alunos dos Jardins-deinfância e Escolas do 1.º Ciclo do concelho uma visita ao Festival Kuri Kuri, instalado no parque ribeirinho. Cerca de 400 crianças usufruíram das várias atividades proporcionadas pelo evento, como insufláveis, jogos gigantes, pinturas faciais, canoagem, water ball e hortinha pedagógica, entre outras.

30

BarquinhaViva33


Foto de Susana Graรงa

BarquinhaViva33

31


t u r i sm o

Um albergue com vista para Almourol Fotos de Pérsio Basso

Abriu portas ao público no fim-de-semana de 13 e 14 de junho de 2015 o novo Albergue da Juventude de Tancos. O equipamento resultante da transformação da antiga Escola Primária é uma unidade de alojamento destinada sobretudo aos mais novos.Tem capacidade para 30 pessoas e enquadra-se num cenário único com vista sobranceira para o Castelo de Almourol e toda a paisagem ribeirinha envolvente. O Albergue da Juventude de Tancos, sito na Rua das Forças Armadas, (GPS - 39.461510, -8.399796), aceita reservas através do telefone 913906599 e ou e-mail: flordaminhaterra@gmail.com. Poderá conhecer melhor este espaço no seu website, em www.girpvnb.wix.com/ alberguetancos. A intervenção foi da responsabilidade da Junta de Freguesia de Tancos, representando um investimento total de cerca de 196.100 euros, tendo uma comparticipação de fundos comunitários em cerca de 80.800 euros (PRODER). Além do alojamento turístico, a transformação do edifício permitiu criar também um espaço para ser utilizado como Centro de Convívio. A sala onde muitos aprenderam a ler e escrever, que mantem alguns objetos e memórias de outrora, vê-se agora apetrechada com tecnologias para novas aprendizagens e momentos de confraternização. A cerimónia de inauguração deste equipamento realizou-se no dia 30 de maio, com a presença de autarcas, empresários, representantes de diversas instituições e associações do concelho.

32

BarquinhaViva33


BarquinhaViva33

33


t u r i sm o

NOVAS UNIDADES DE ALOJAMENTO ABREM AO PÚBLICO

Barquinha Nature House e Art Inn Barquinha

Sonetos do Tejo

Em conjunto criaram 27 novas camas, disponíveis ao serviço do turismo no concelho de Vila Nova da Barquinha, desde o dia 9 de maio. As Casas de campo “Barquinha Nature House” e “Art Inn Barquinha” contam já com reservas de vários pontos do globo e apostam num serviço requintado, paredes meias com o Parque de Escultura Contemporânea Almourol, no coração do centro histórico de Vila Nova da Barquinha. A cerimónia de inauguração contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal, Fernando Freire, e da Presidente da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo, Maria do Céu Albuquerque, entre outros convidados. Visite estas unidades em www.artinn.pt e www.naturehouse.pt.

Em Vila Nova da Barquinha, a poucos metros da Câmara Municipal, em frente ao parque ribeirinho e acabadinho de estrear, a 7 de Junho, o alojamento “Sonetos Do Tejo” oferece aos seus hóspedes 6 quartos com decoração personalizada, conferindo à casa um misto de rústico e moderno. Trata-se de uma casa de habitação com mais de 100 anos, cuja recuperação manteve o seu traçado tipicamente Ribatejano, proporcionando um conforto minimalista com uma pitada de história sem pesar à vista, oferecendo todo o esplendor de uma casa de campo. “No encanto do verde e do silêncio da Vila, ergueu-se este cantinho de paz e sossego onde tudo pára mas onde tudo pode acontecer” pode ler-se no website dos Sonetos do Tejo – www. sonetosdotejo.com.

Quinta de Ribeiro Tanquinhos Mais uma empresa dedicada ao turismo abriu portas no concelho de Vila Nova da Barquinha, no mês de maio. A Casa de Campo “Quinta de Ribeiro Tanquinhos”, em Tancos, num local tranquilo e envolto pela natureza, num cenário campestre, a escassos minutos do imponente Castelo de Almourol, iniciou o seu funcionamento no dia 25 de maio. É uma unidade de alojamento com 4 quartos, que irá proporcionar também atividades rurais turísticas e pedagógicas aos seus visitantes. O investimento foi apoiado pelo Sub Programa 3 da ADIRN – PRODER. Saiba mais em www.ribeirotanquinhos.pt/

34

BarquinhaViva33

Pérsio Basso

Oferta de camas turísticas dispara


BarquinhaViva33

35


t u r i sm o

1

1

2

2 3

36

4

BarquinhaViva33


Fotos de Pérsio Basso e Susana Graça

4

4

4 3

3 1

1 Sonetos do Tejo (Barquinha) 2 Quinta de Ribeiro Tanquinhos (Tancos) 3 Art Inn Barquinha (Barquinha) 4 Barquinha Nature House (Barquinha)

2 BarquinhaViva33

37


t u r i sm o PĂŠrsio Basso

38

BarquinhaViva33


Parque ribeirinho completa 10 anos Batizado de “Barquinha Parque” e inaugurado em 2 de julho de 2005, rapidamente se transformou num ícone de Vila Nova da Barquinha, sendo o local eleito pelos habitantes do concelho e da região para passar os seus tempos livres. O então Ministro do Ambiente, Francisco Nunes Correia, presidiu à cerimónia de inauguração num final de tarde quente de verão, perante centenas de pessoas. Miguel Pombeiro, na altura Presidente Câmara Municipal, classificou-a como a “intervenção mais profunda jamais realizada na sede de concelho”. Dez anos mais tarde os resultados da intervenção são notórios, verificando-se um impulso na regeneração urbana e no turismo, com a recuperação de vários imóveis degradados e a abertura ao público de várias unidades de alojamento nas suas imediações. Fator de rejuvenescimento urbanístico, é acima de tudo um espaço que permite qualidade de vida aos seus utilizadores diários e visitantes. São cerca de 7 hectares de zona verde à beira do rio Tejo, onde pululam espaços lúdicos para as crianças, percursos ribeirinhos, equipamentos desportivos e culturais como galerias de exposições, centro cultural, biblioteca, loja e posto de turismo, ateliês artísticos e um alojamento temporário para criadores. Os arquitetos paisagistas Hipólito Bettencourt e Joana Sena Rego são os autores do projeto, que conquistou o Prémio Nacional de Arquitetura Paisagista 2007, na categoria “Espaços Exteriores de Uso Público”. Em 2012, este espaço reconhecido e premiado acolheu um projeto único em Portugal, o Parque de Escultura Contemporânea Almourol. Este património artístico contribuiu ainda mais para o seu reconhecimento nacional e internacional, permitindo simultaneamente a sua utilização como área de lazer. No mesmo ano foi nomeado para o Prémio Autores na categoria de Artes Visuais - Melhor Exposição de Artes Plásticas de 2012, da Sociedade Portuguesa de Autores.

BarquinhaViva33

39


t u r i sm o DR

Castelo com novo horário O aumento da afluência de visitantes nacionais e estrangeiros ao Castelo de Almourol, após a sua reabertura ao público depois da intervenção a que foi sujeito em 2014, motivou a alteração do horário do monumento nacional. Para responder à elevada procura de turistas, o Castelo de Almourol passou a abrir diariamente, deixando de encerrar à segunda-feira, desde o dia 1 de maio. O acesso à ilha de Almourol é feito exclusivamente de barco, sendo que o bilhete inclui uma passagem fluvial e acesso à ilha e ao castelo. As visitas com partida no Cais d’El Rei, em Tancos, custam entre 2,20€ e 3€, e devem ser reservadas previamente através do telemóvel 962625678 e ou e-mail: jftancos@ gmail.com. Junto ao castelo existem embarcações em permanência, de segunda-feira a domingo, que fazem a travessia para a ilha por 2,20€ por pessoa. Os visitantes provenientes dos desportos náuticos como as descidas de canoa, terão igualmente de adquirir um ingresso para visitar o monumento, pelo preço de 2,20€. O Castelo abre de 1 de novembro a 28 de fevereiro (10:00 às 13:00, 14:30 às 17:30) e de 1 de março a 31 de outubro (10:00 às 13:00, 14:30 às 19:30). Pérsio Basso

Almourol em destaque na BTL 2015 O concelho de Vila Nova da Barquinha e as suas atrações turísticas estiveram em destaque na 27ª edição da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), que decorreu na FIL, entre 25 de Fevereiro e 1 de Março, presentes no stand da entidade regional Turismo Centro de Portugal, espaço que foi distinguido com o prémio de melhor stand da edição deste ano. A “1 dia é bom, 2 é óptimo, 3 nunca é demais”. O slogan lia-se em destaque no espaço da Turismo Centro de Portugal, que estreou na BTL uma nova identidade visual, com um logótipo que apresentava os brasões dos 100 municípios que integram a região, território que integra oito comunidades intermunicipais (CIM). Mais uma vez, o Castelo de Almourol foi eleito para representar a CIM do Médio Tejo, como um dos ícones da região.

40

BarquinhaViva33


ambiente

ETAR da Praia do Ribatejo em conclusão Deverão ficar concluídas durante o Verão as obras de construção da nova Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de Praia do Ribatejo. A intervenção representa um investimento de 1 milhão de euros e é uma obra da responsabilidade da empresa Águas do Centro (AdC). Desde a sua fundação, em 2001, a AdC, que encerrou a sua atividade em junho deste ano, foi responsável por um total de 200 milhões de euros de investimento em 17 municípios de baixa densidade populacional da zona Centro, entre os quais Vila Nova da Barquinha. A empresa que teve um papel essencial ao nível de estruturas básicas de águas e saneamento, passou a integrar a Águas de Lisboa e Vale do Tejo (ALVT), que faz agora a gestão de todo o abastecimento e tratamento de águas residuais dos 17 municípios da Águas do Centro, num universo global de 3,8 milhões de habitantes e um território que vai do Côa ao Sado.

Susana Graça

MédioTejo21 analisa de fatura de energia elétrica das empresas e dos munícipes

Pérsio Basso

A Médiotejo21, Agência Regional de Energia e Ambiente realizou nas instalações da Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha, no dia 12 de março, mais uma sessão de apoio à análise de fatura de energia elétrica dos munícipes e empresas locais. Os participantes fizeram-se acompanhar das faturas de energia elétrica referentes a um ano completo e de um contacto para posterior envio do perfil de consumo, após a análise. Esta ação foi gratuita.

BarquinhaViva33

41


desporto

VOCALISTA DOS BURAKA SOM SISTEMA

Dança solidária de Blaya angaria uma tonelada de alimentos Fotos de Pérsio Basso

Cerca de um milhar de pessoas participaram no BLAYA Mega Workshop “Kudafro e Pack Bundas”, que se realizou no dia 19 de abril em Vila Nova da Barquinha, junto ao novo Pavilhão Municipal, com a presença da dançarina e vocalista dos Buraka Som Sistema - Blaya, entre outros convidados. A iniciativa da Câmara Municipal, em parceria com o Agrupamento de Escolas, angariou cerca de uma tonelada de alimentos que foram distribuídos pelas famílias carenciadas do concelho, através da Loja Social de Vila Nova da Barquinha. O evento solidário teve participação gratuita, embora tenha sido solicitado aos participantes a oferta de alimentos. Cerca de 1000 pessoas responderam ao repto e vieram dançar ao ritmo da Blaya, bailarina e MC que prende as atenções do mundo inteiro com a sua presença e energia inesgotáveis.

42

BarquinhaViva33


BarquinhaViva33

43


44

BarquinhaViva33


BarquinhaViva33

45


desporto João Alves

Trilhos de ciência & arte mostram património do concelho

Aquazumba no Aquagym O centro municipal de atividade física de Vila Nova da Barquinha – Aquagym – acolheu no dia 28 de fevereiro uma mega aula de Aquazumba, nas suas instalações em Moita do Norte. Esta ação destinada aos utentes do Aquagym e à população em geral, com participação gratuita, teve como instrutores convidados os Professores Fernando Ferreira e Joana Gomes, de Viseu.

Promovidos pelo Centro Integrado de Educação em Ciências (CIEC), em parceria com o Centro de Estudos de Arte Contemporânea (CEAC) de Vila Nova da Barquinha, os “Trilhos de Ciência & Arte” são percursos de interpretação da natureza e da paisagem onde a ciência se conjuga com a arte, história e cultura. Esta atividade é gratuita e realiza-se com periodicidade trimestral. É acompanhada técnicos do CIEC e do CEAC, entre outros convidados nas várias zonas/temáticas dos trilhos. O Caminho de Santiago foi o local escolhido para o passeio realizado em 29 de março com partida da Igreja Matriz da Atalaia, enquanto no dia 28 de junho os pedestrianistas percorreram os caminhos do Vale e Ribeira de Tarroais, zona de Tancos. Para o dia 25 de outubro está prevista a realização de mais um Trilho de Ciência & Arte, desta vez com passagem no local onde em tempos se julga ter existido o “Estaleiro das Galeotas”, na margem direita do rio Zêzere, em Limeiras, freguesia da Praia do Ribatejo. Neste local podem ser encontrados vestígios de um estaleiro de construção naval onde ganharam forma algumas galeotas utilizadas na Expansão Ultramarina Portuguesa. Para mais informações e inscrições nos passeios, contacte o telefone 926642703 e ou e-mail info@ciec.vnb.pt. Alexandra Carvalho

46

BarquinhaViva33


a ç ã o so c ial

Loja Social com pólo na Praia do Ribatejo Fotos de Pérsio Basso

Está oficialmente inaugurada a Loja Social da Praia do Ribatejo. A funcionar nas instalações da antiga Cantina Escolar junto à EB1 de Praia do Ribatejo, este importante equipamento está pronto para dar assistência às famílias carenciadas daquela zona do concelho, proporcionando-lhes um maior e mais eficiente acesso a bens de primeira necessidade. Numa fase inicial a Loja conta com as valências de Banco de Roupa, Banco de Livros e de utilidades para a casa, funcionando em articulação para a utilização do Balneário e da Lavandaria Social. A grande novidade em relação à Loja Social de Vila Nova da Barquinha, é a existência de uma cozinha onde os voluntários confecionam salgados para distribuição pelas famílias, integrando os cabazes de alimentos. Estiveram presentes na cerimónia Paula Morais, do Centro Distrital da Segurança Social de Santarém, Fernando Freire, Presidente da Câmara Municipal, Vereadores e Técnicos do Município, autarcas e representantes de todos os parceiros deste projeto.

BarquinhaViva33

47


e f em ér i de

25 de abril celebrado com música e desporto Fotos de Pérsio Basso

O Município de Vila Nova da Barquinha assinalou mais um aniversário do 25 de abril. A Praça da República foi palco do início das comemorações, no dia 25, com o momento solene do Hastear da Bandeira, seguido de concerto pela Banda de Música dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova da Barquinha. As habituais atividades desportivas (atletismo, canoagem e spinning bike) preencheram o programa matinal. O grupo Arregaita animou a tarde com o seu espetáculo de músicas de intervenção. O segundo dia de festividades ficou marcado pela Prova de Perícia Automóvel - Troféu Nacional, Troféu Clássicos e II Troféu do Médio Tejo – organizado pelo Slalom Clube de Portugal junto ao CIEC. No dia 26 houve lugar ainda para a atuação do Grupo Coral de Tancos, na Igreja Matriz de Vila Nova da Barquinha e do Grupo Barquinha Saudosa, no Centro Cultural.

48

BarquinhaViva33


BarquinhaViva33

49


cultura MIGUEL ARAÚJO, VIRGEM SUTA E MUITA ANIMAÇÃO

A Feira do Tejo ou o tributo a Santo António

Pérsio Basso

O ambiente de festa instala-se em Vila Nova da Barquinha durante a Feira do Tejo. Na edição de 2015, artesanato, tasquinhas, música e animação para todas as idades atraíram mais uma vez milhares de visitantes, consolidando estas festas dedicadas a Santo António num dos mais badalados eventos da região. O cartaz não deixava antever outro cenário. Miguel Araújo, um dos artistas mais completos da nova geração, considerado um dos grandes nomes da música portuguesa da atualidade, nomeado para o Globo de Ouro (SIC) de melhor tema musical de 2014, encheu o recinto no primeiro dia dos festejos (9 de junho) com uma atuação convincente. A alegria contagiante dos Kumpania Algazarra animou a noite do dia 10, depois de espalharem boa disposição pelo parque, à tarde. Seguiu-se a Classic Band no dia 11, ficando reservado para a noite de Santo António (12) um espetáculo muito especial para Vila Nova da Barquinha – os Arregaita, banda da terra que assinala 35 anos de carreira. Toni e Cândido reuniram convidados e amigos para uma noite de celebração do talento made in Barquinha. A magia da Orquestra Ligeira do Exército (OLE) preencheu com emoção a noite do dia 13. Os alentejanos Virgem Suta ficaram encarregues de encerrar o evento, num concerto sincronizado com pirotecnia, dia 14, domingo. Tarefa que cumpriram com distinção, proporcionando um dos melhores momentos da Feira do Tejo 2015. Além dos cabeças de cartaz, este autêntico festival para toda a família contou com uma panóplia de iniciativas promovidas pelo Município e pelo movimento associativo do concelho. Hipismo, cicloturismo, canoagem, futebol, dança e BTT fizeram parte do programa desportivo, enquanto os insufláveis, jogos tradicionais, pinturas faciais, passeios de charrete e demais workshops fizeram as delícias dos mais novos. Aqui a tradição continua bem viva e o padroeiro Santo António fez o convite para comer umas sardinhas antes de se assistir ao tradicional desfile de marchas populares (dia 12). No dia seguinte teve lugar o momento religioso dos festejos, com a missa e procissão em honra do santo casamenteiro. Para ver houve também exposições, dança e teatro, com destaque para mais uma peça levada à cena pelo Grupo Fatias de Cá. A animação de rua dos Xaral’s Dixie não deixou indiferentes os transeuntes do parque ribeirinho. Foram 6 dias de folia à beira rio, numa aposta do Município de Vila Nova da Barquinha num evento diversificado e culturalmente enriquecedor.

50

BarquinhaViva33


PĂŠrsio Basso

BarquinhaViva33

51


cultura Pérsio Basso

Susana Graça

Susana Graça

52

BarquinhaViva33


Susana Graça Susana Graça

Pérsio Basso

Pérsio Basso

Susana Graça

BarquinhaViva33 Pérsio Basso

53


cultura

“INDÉPENDANCE CHA CHA”

Galeria do Parque recebe a melhor exposiçao de 2014 Fotos de Pérsio Basso

Considerada pelos leitores do jornal “Público” a melhor exposição de arte contemporânea de 2014, “Indépendance Cha Cha” passou pela Galeria do Parque, em Vila Nova da Barquinha, entre os dias 24 de janeiro e 24 de maio. O trabalho da autoria de Ângela Ferreira, artista representada no Parque de Escultura Contemporânea Almourol, propõe ao espectador outra forma de interpretar o resultado das ações dos homens, através do som, da música e das canções. Ângela Ferreira apresentou uma nova peça inspirada pela sua participação na Bienal de Lubumbashi 2013 (República Democrática do Congo) - uma escultura que parte da arquitetura colonial dos anos 50 do centro urbano da capital de Katanga, província rica em minerais do então denominado Congo Belga. Ângela Ferreira nasceu em Maputo, Moçambique, em 1958. Com dupla nacionalidade, a artista tem vivido alternadamente entre a África do Sul e Portugal. Completou estudos na Michaelis School of Fine Arts da Universidade de Cape Town, em 1985, e residiu nos anos seguintes em Lisboa, onde rapidamente se afirmou no meio artístico. Foi a primeira a eleger a questão do passado colonial como temática artística. Utilizando a sua dupla experiência cultural, europeia e africana, Ângela Ferreira procura encontrar esse difícil ponto de vista que se apresenta como uma proposta de diálogo continuado. A artista desconstrói o referencial minimalista minando-o com o poder evocativo da memória. A exposição foi mais uma iniciativa fruto da parceria do Município com a Fundação EDP na programação da Galeria do Parque e nas atividades ligadas ao Parque de Escultura Contemporânea Almourol.

54

BarquinhaViva33


BarquinhaViva33

55


cultura João Alves

Alunos do IPT expõem “Matérias Revistas”

CONVERSAS ARTE & IMAGEM 2015

Artistas e curadores debatem arte no Centro Cultural O Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha acolheu, pelo segundo ano consecutivo, no dia 11 de abril, alguns dos mais prestigiados nomes ligados à arte contemporânea em Portugal. Gabriela Vaz Pinheiro (responsável pelo programa para as Artes e Arquitetura da Capital Europeia da Cultura Guimarães 2012), João Pinharanda (programador cultural da Fundação EDP e curador da exposição permanente do Parque de Escultura Contemporânea Almourol, em Vila Nova da Barquinha) e Ângela Ferreira, artista autora de “Indépendance Cha Cha”, peça exibida no primeiro semestre de 2015 na Galeria do Parque, foram alguns dos participantes na segunda edição das ”Conversas Arte & Imagem 2015”. A ocasião serviu também uma visita guiada à exposição e lançamento do catálogo de “Indépendance Cha Cha” e apresentação das Residências Artísticas do Centro de Estudos de Arte Contemporânea (CEAC) de Vila Nova da Barquinha. A iniciativa foi promovida no âmbito das atividades do CEAC, projeto conjunto do Município, Instituto Politécnico de Tomar e Fundação EDP, no contexto do Parque de Escultura Contemporânea Almourol. 56

BarquinhaViva33

Está patente até ao próximo dia 30 de agosto na Galeria do Parque, edifício dos Paços do Concelho de Vila Nova da Barquinha, a exposição “Matérias Revistas”, de alunos finalistas do curso de Artes Plásticas, Pintura e Intermédia da Escola Superior de Tecnologia do Instituto Politécnico de Tomar (IPT). Pela terceira vez na Galeria do Parque, a proposta coletiva dos finalistas do IPT correspondente ao ano letivo de 2014/2015 conta com trabalhos de Andreia Pinho, Cíntia Louro, Daniela Pinto, Hélder Sampaio, Joana Guimarães, Joana Oliveira e Mónica Montes. O conjunto de obras aqui apresentadas demonstra o carácter interdisciplinar e multifacetado através do qual estes jovens artistas transformam o seu pensamento em objetos, imagens e situações, num complexo jogo de descobertas e de pequenos mistérios que aproxima as suas práticas a autênticas revisitações às matérias e aos materiais. Para visitar de quarta-feira a domingo, com entrada gratuita.

Pérsio Basso


Pérsio Basso

Vocalista dos Silence 4 apresenta livro na Barquinha Sofia Lisboa, vocalista da antiga banda portuguesa Silence 4, apresentou o seu livro “Nunca desistas de viver”, no dia 14 de março, no Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha. Após a apresentação, seguiu-se uma sessão de autógrafos. Com prefácio de David Fonseca, a obra retrata os momentos dramáticos vividos pela cantora na sua luta contra a leucemia. Sofia Lisboa tem sido uma voz de esperança para muitos doentes de cancro, uma vez que conseguiu travar a doença. Na obra, que escreveu com a sua prima Natália Heleno Pereira, a artista partilha fotografias chocantes sobre o período de tratamentos, bem como a forma como enfrentou a leucemia, que a fez perder um filho que esperava e o marido. A iniciativa resultou da parceria do Município de Vila Nova da Barquinha com a editora Lua de Papel. Parte das receitas do livro revertem a favor da Operação Nariz Vermelho. Pérsio Basso

BarquinhaViva33

57


cultura

Com a participação dos restaurantes Almourol, Carroça, Chico, Estrela, Ribeirinho, Soltejo, Stop e Tasquinha da Adélia, realizou-se pelo 21.º ano consecutivo, no concelho de Vila Nova da Barquinha, mais uma edição do “Mês do Sável e da Lampreia”. Este verdadeiro festival dos sabores do rio, realizado entre 14 de fevereiro e 5 de abril, atraiu ao concelho comensais de todos os pontos do país. A parceria das unidades de restauração com o município na organização deste evento baseado nos paladares únicos da lampreia e do sável ao longo de mais de duas décadas transformaram-no numa das marcas de Vila Nova da Barquinha, um autêntico produto turístico. A mostra gastronómica tem como principal objetivo promover a cozinha típica e tradicional deste território banhado por três rios - Tejo, Zêzere e Nabão, cujo peixe é a sua principal fonte de sabores. Receitas tradicionais como a Açorda de Sável ou o Arroz de Lampreia, bem como outras formas mais contemporâneas de confecionar estas espécies são servidas à mesa dos restaurantes aderentes, num concelho cuja história está intimamente ligada à atividade piscatória. Além da degustação de pratos únicos da gastronomia portuguesa e que remontam aos princípios da nacionalidade, os visitantes ganham anualmente bilhetes para passeios de barco ao Castelo de Almourol.

58

BarquinhaViva33

Pérsio Basso

Sável e lampreia são produto turístico

Visitas guiadas à Igreja da Atalaia no Dia Internacional dos Monumentos Sob o tema “Monumentos e Sítios: Conhecer, Explorar, Partilhar”, realizase a 18 de abril o Dia Internacional de Monumentos e Sítios 2015, instituído pelo ICOMOS Internacional (Conselho Internacional de Monumentos e Sítios), que este ano celebra 50 anos. A data visa promover os monumentos e sítios históricos e valorizar o património português, ao mesmo tempo que tenta alertar para a necessidade da sua conservação e proteção. O Município de Vila Nova da Barquinha associou-se a esta comemoração, promovendo no dia 18 de abril visitas guiadas gratuitas à Igreja Matriz de Atalaia, Monumento Nacional. Um dos mais belos exemplares da arquitetura renascentista em Portugal, possuí no seu interior azulejos de grande efeito artístico do século XVII. Este edifício do século XVI é considerado Monumento Nacional desde 1926.


João Alves

Pérsio Basso

CIAAR recebe exposição GESTART O Centro de Interpretação de Arqueologia do Alto Ribatejo, em Vila Nova da Barquinha, inaugurou no dia 28 de janeiro de 2015, uma exposição alusiva ao projeto GESTART – Património cultural e Artes. A cerimónia foi presidida por Fernando Freire, Presidente da Câmara Municipal, na presença de autarcas e outros convidados. O projecto “GESTART – gestos artísticos revisitam a diversidade e a convergência das artes na Europa” – é coordenado pela Câmara Municipal de Mação e pelo Instituto Terra e Memória, com a colaboração das autarquias de Vila Nova da Barquinha e Abrantes, e do Instituto Politécnico de Tomar. Este é um dos quatro projetos do programa “Cultura” coordenados por Portugal, e o único que integra o património e as artes num plano comum. As artes visuais, as artes plásticas e o património cultural são as referências básicas de diversas atividades com a participação de artistas, arqueólogos e cidadãos, em domínios como a cerâmica, o design, a literatura, a fotografia ou a tecnologia da pedra.

Parque ribeirinho acolhe Feira de Época O Município de Vila Nova da Barquinha promoveu mais uma edição da Feira de Época, nos dias 22, 23 e 24 de maio, no Parque Ribeirinho. A venda de produtos da terra, fruta da época, artesanato, gastronomia, chás, licores, mel e doçaria animaram aquele espaço à beira rio. O programa de animação musical contou com a realização de uma noite de fado vadio, Encontro de Grupos de Cantares Populares, Encontro de Concertinas e Acordeões e actuações do Grupo “Cantares d’Outrora”, Grupo de Guitarras de Vila Nova da Barquinha e Grupo de Sevilhanas “Sombreros y Peinetas” A iniciativa que se realiza duas vezes por ano tem como principal objetivo promover o artesanato os produtos regionais do concelho.

BarquinhaViva33

59


cultura

À conversa no CEAC Fotos de João Alves

As “Palavras Soltas” do Centro de Estudos de Arte Contemporânea, constituem um espaço único de tertúlia e conversa com personalidades ligadas a Vila Nova da Barquinha, nos mais variados campos, desde a música ao teatro, passando pela comunicação, entre outros. As conversas conduzidas por Carlos Vicente realizam-se mensalmente, ao fim da tarde, no CEAC. Nos últimos meses marcaram presença naquele espaço dedicado às artes mais alguns nomes de vulto do panorama cultural barquinhense, como o músico Rui Almeida (janeiro), a fadista Rita Inácio (fevereiro), o escritor Nuno Ferreira (março), a ex-artista de circo Irene Cardinali (abril) e o designer Paulo Passos (maio).

60

BarquinhaViva33


BarquinhaViva33

61


cultura João Alves

GRUPO DE TEATRO DO CEAC

Beatriz e o Pagem enchem Centro Cultural O grupo de teatro do Centro de Estudos de Arte Contemporânea (CEAC) de Vila Nova da Barquinha levou à cena a peça “Beatriz e o Pagem”, pela primeira vez, no dia 9 de julho, no Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha. A estreia não podia ter sido mais feliz, com casa cheia para assistir à adaptação de Carlos Vicente de uma das lendas alusivas ao Castelo de Almourol – Lenda de D. Ramiro. A direção de atores foi da responsabilidade de Sandro Ferreira.

Espaço Zero apresenta “O Doido e a Morte” O Grupo “EspaçoZero Teatro” levou à cena a peça “O Doido e a morte”, no dia 30 de maio, no Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha. A comédia de Raul Brandão foi encenada por José Conchinha e contou com a participação dos atores Carla Magalhães, Pedro Granchinho, Sandro Ferreira e Vítor Godinho. O Doido e a Morte é uma farsa em um ato, escrita no ano de 1923. Conta a história da explosiva ameaça de morte que o Sr. Milhões leva dentro de uma caixa até ao gabinete de Baltasar Moscoso, Governador Civil e dramaturgo frustrado. Refém de um doido, Baltasar verá as suas fraquezas expostas, sendo forçado a ouvir e a concordar com a crítica, tão hilariante quanto pertinente, que o Sr. Milhões dirige a uma sociedade multiplicadora de injustiças e de sentidos absurdos para a vida…

62

BarquinhaViva33


Cafés com ciência animam CIEC A lampreia e a gastronomia tradicional do concelho de Vila Nova da Barquinha foram tema para mais uma edição da iniciativa “Café com ciência”, no dia 21 de Março, no Centro Integrado de Educação em Ciências de Vila Nova da Barquinha. “A lampreia é um peixe?”, “Como se processa a sua captura?”, “E à mesa, quais as sugestões de confeção?” Estas e outras questões animaram as conversas entre participantes e oradores convidados - Patrícia João (bióloga), Rui Ferreira (pescador) e José Ferreira (empresário do ramo da restauração). Em Abril, José Loureiro e Lúcia Pombo, da Universidade de Aveiro, abordaram a temática da “Internet, amiga ou inimiga?”.

Vanda Costa

BarquinhaViva33

63


cultura Pérsio Basso

64

BarquinhaViva33

Júlio Barata


Guia templário de Portugal apresentado na Barquinha Manuel J. Gandra apresentou ao público no passado dia 30 de maio, no Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha, uma das suas mais recentes obras, o Guia Templário de Portugal - Almourol e Cardiga. O autor é um reputado investigador na temática dos Templários em Portugal. O evento contou com a presença de Fernando Freire, Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha, entre várias dezenas de convidados. Manuel J. Gandra nasceu em Lisboa em 1953. É licenciado em filosofia pela Faculdade de Letras da Universidade Clássica de Lisboa. Tem-se consagrado à pesquisa da Historia e Geografia Míticas de Portugal (nomeadamente no que respeita às Ordens do Templo e de Cristo; ao Culto do Império do Divino Espirito, ao Sebastianismo e ao Hermetismo), da Iconografia da Arte portuguesa, temas sobre os quais se tem debruçado em publicações, colóquios, seminários, encontros, conferências, palestras, visitas guiadas e programas televisivos. Foi professor dos ensinos preparatório e secundário, tendo lecionado na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e no IADE. É um autor de referência no estudo dos Templários em Portugal. Publicou, entre outras, as seguintes obras: Hermetismo e Iniciação (2015), Astrologia em Portugal – Dicionário Histórico-Filosófico (2010), Da Face Oculta do Rosto da Europa (2009), O Projeto Templário e o Evangelho Português (2006), A Cristofania de Ourique Mito e Profecia (2002), O Império do Espírito Santo na região do Tomar e os templários (2000) e Joaquim de Fiore, Joaquinismo e Esperança Sebástica (1999).

Maria João Gonçalves apresenta Livro de contos A autora Maria João Gonçalves lançou o seu novo livro “Escávedas – uma ilha entre vales”, no dia 11 de julho, no Castelo de Almourol. A apresentação incluiu uma visita guiada ao monumento nacional por Antónia Coelho, Prof.ª de História. Maria João Gonçalves é coautora em antologias de poesias, contos e crónicos tendo feito as suas primeiras publicações no jornal “Mensageiro de Bragança”. Em 2013 a autora publicou um romance histórico intitulado “Um Amor que Nasceu nos Alicerces do Ódio” e em 2014 lançou “O gato branco do bar 42”. A iniciativa contou com o apoio da Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha e da Junta de Freguesia de Tancos.

Bibliotecas promovem atividades infantis Uma hora do conto conjugada com uma experiência científica, atividade designada de “Contos e Ciências, Barquinha de Vivências” faz as delícias dos mais pequenos tem que têm passado pela Biblioteca da Escola Ciência Viva e Centro Integrado de Educação em Ciências (CIEC), Vila Nova da Barquinha. Experimentar e registar quais os materiais que são ou não atraídos pelo íman e porquê deu o mote para os Contos e Ciências de janeiro, sob o título de “Atrações mágicas”. O S. Valentim foi o tema escolhido para a sessão do dia 14 de Fevereiro, enquanto em março, os petizes dos 6 aos 10 anos assistiram ao lançamento do livro “Os Talheres Mágicos do Titanic”, com a presença do autor, Paulo Trincão. Em Abril as crianças foram convidadas para por “A mão na massa” e em maio ouviram-se estórias e fizeram-se experiências sob o tema “Giro Girassol”. Na Biblioteca da Praia do Ribatejo, a escritora Maria João Gonçalves tem sido a “contadora de estórias” de serviço, realizando diversas sessões de Hora do Conto Infantil, com atividades lúdicas para as crianças. “Nasci do ADN da minha mãe e do coração do meu pai” (fevereiro), “O Jardim do Barco” (abril) e “A história do submarino que teve um furo” (maio) foram os temas das estórias contados aos mais pequenos. BarquinhaViva33

65


breves

Jardins-deinfância visitam Biblioteca Escolar Barquinha juntase a campanha de ajuda humanitária a Cabo Verde A erupção do vulcão da Ilha do Fogo, em Cabo Verde, no final de 2014, deixou mais de 1500 pessoas sem casa e causou avultados prejuízos, numa erupção considerada a maior da ilha dos últimos 50 anos. Vila Nova da Barquinha, Município geminado como Município de Santa Catarina do Fogo, associou-se à Embaixada de Cabo Verde, União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa (UCCLA) e a Câmara Municipal de Lisboa numa campanha de solidariedade com a população da Ilha do Fogo. Estas entidades reuniram donativos em roupas, produtos alimentares não perecíveis e material escolar de particulares, empresas e instituições que deram o seu apoio a Cabo Verde.

O Município e o Agrupamento de Escolas de Vila Nova da Barquinha promoveram durante o ano letivo 2014/2015, visitas mensais dos Jardins de Infância (JI) do concelho à Biblioteca da Escola Ciência Viva, para ouvir e trabalhar estórias. Entre outubro de 2014 e junho de 2015 as crianças dos JI entraram no mundo da fantasia a ouvir as aventuras de “A Fada que perdeu o dente”, “Os Ratinhos do Mar” ou “O Nabo Gigante”.

Insufláveis animam parque no Verão Os meses de verão são de animação no parque ribeirinho de Vila Nova da Barquinha! A pensar nos mais novos, o Município promove entre maio e setembro insufláveis gratuitos para o público infantil. Não perca as próximas datas - 26 de julho, 09 e 23 de agosto, 13 e 27 de setembro – sempre com o horário entre as 16:00 e as 20:00.

66

BarquinhaViva33

Câmara promove Ocupação de Tempos Livres O Município de Vila Nova da Barquinha está a promover, entre 6 de julho e 28 de agosto, mais um Programa Municipal de Ocupação de Tempos Livres, destinado a jovens com idades compreendidas entre os 14 e os 25 anos, residentes no concelho. A iniciativa visa promover a ocupação saudável dos tempos livres dos jovens, orientando-os para o desempenho de atividades ocupacionais que permitam contacto experimental com o mercado de trabalho, contribuindo assim para o processo de educação não formal. Cultura e Património, Ambiente, Proteção civil, Apoio a Idosos e/ou Crianças, Centro Hípico, Organização de Procedimentos Administrativos, Desporto e Ciência e Tecnologia são as áreas abrangidas por esta ação. A ocupação saudável dos tempos livres constitui uma das medidas mais importantes na prevenção de comportamentos de risco e simultaneamente revela-se como um contributo inequívoco para a formação e desenvolvimento dos jovens, incutindo valores de entreajuda e disponibilidade para com os outros.


BarquinhaViva33

67


SMS municipal Receba no seu telemóvel notícias sobre a actualidade do concelho, eventos e informações úteis. Envie um SMS para o número 926 612 791, com o nome e apelido, seguido da palavra ADERIR*. Para cancelar este serviço, basta enviar um SMS para o mesmo número, com o nome e apelido, seguido da palavra CANCELAR*. O serviço é gratuito. Só terá de despender o custo do sms de adesão ou de cancelamento. *(custo normal de envio de SMS para a rede MEO, de acordo com cada tarifário)

Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha Praça da República 2260-411 Vila Nova da Barquinha Tel: 249 720350 Fax: 249 720368 E-mail: geral@cm-vnbarquinha.pt www.cm-vnbarquinha.pt www.facebook.com/cm.vnbarquinha

Barquinha Viva 33  

Revista Municipal "Barquinha Viva", publicação oficial do Município de Vila Nova da Barquinha, número 33, de julho de 2015.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you