Issuu on Google+

ANO XII - N° 144 - NORTE DA ILHA, DEZEMBRO DE 2010 - PUBLICAÇÃO MENSAL - DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

AGORA É PRA VALER

Obras na João Gualberto iniciam no mês de janeiro

Reservas de imóveis para o Réveillon chegam a 85%

gilberto gonçalves/fn

gilberto gonçalves/fn

Em Jurerê, diárias podem chegar R$ 15 mil

A promessa foi feita pelo secretário de obras, Luiz Américo em reunião com moradores no Costão Golf

Página 7

Página 8


2

Opinião

Folha do Norte da Ilha > dezembro - 2010

Expressas redacao@folhanorte.com.br

Gilberto Gonçalves

Imprensa

A Associação Catarinense de Imprensa recebeu seus associados e convidados para a tradicional festa de confraternização realizada no dia 11 de dezembro, no Centro de Veraneio do SESC, em Cacupé. Cerca de 300 jornalistas da capital se confraternizaram e degustaram uma deliciosa paeja, além de participarem de sorteios e diversos brindes entre eles dois laptops, máquina de lavar e passagens aéreas. Na organização do evento, o incansável Ademir Arnon presidente da ACI e seu fiel escudeiro “Festinha”. guileherme trindade/bem na foto//fn

EDITORIAL

12 anos ao lado da comunidade

Esta é uma edição muito especial para o Folha do Norte da Ilha. Com ela estamos completando 12 anos de circulação sem deixar de circular um único mês. São 12 anos de muito trabalho e sacrifício, para poder levar aos nossos leitores a informação de nossa região, e fazer chegar até as autoridades constituídas os problemas das comunidades por onde circulamos. Nas 144 edições impressas, procuramos levar aos nossos leitores a informação correta, sempre com muita responsabilidade e respeito ao nosso leitor, que junto com a credibilidade que conquistamos durante os

12 anos de circulaçao são nosso maior patrimônio. A prova disso foi a conquista da Medalha de honra ao Mérito concedida pela Câmara de Vereadores de Florianópolis por serviços prestados a comunidade florianopolitana. Isso nos deu força para continuarmos levando mensalmente as informações aos leitores e anunciantes, que utilizam nossas páginas para divulgar os seus produtos e serviços prestados, tendo excelente retorno já que circulamos por todo os bairros do norte da Ilha. Isso é o que diferencia o jornal de bairro legítimo das publicações oportunistas, que acabam

durando muito pouco. Mais um ano está prestes a iniciar com novos governantes, vamos estar presentes para mostrar e chamar a atenção para resolver os problemas de nossa comunidade, que não são poucos e juntos com muita mobilização, cobrança e paciência tentar reduzi-los. Mas para podermos realizar esses compromissos precisamos contar com o apoio de todos os nossos leitores e anunciantes e, com certeza iremos conseguir. Ao final de mais um ano que se encerra desejamos a todos um feliz Natal, e um Ano Novo cheio de muita paz e prosperidade.

ARTIGO

Ano Novo, vida nova? Escândalo

Dezembro chegou, e com ele mais um escândalo, desta vez na Câmara de Vereadores. A denúncia de compra de votos para a eleição da mesa, feita pelo prefeito Dário Berger e o vereador do (PMDB) João da Bega, que envolve os vereadores Asael Pereira PSB e Ricardo Camargo Vieira (PCdoB), e que foi gravada por uma câmera escondida, é muito grave e precisa ser apurada com o máximo rigor pela Comissão de Ética da Casa. Se for comprovada não pode ficar sem punição.

Licensa

Se a empresa OSX não houvesse desistido da construção de um estaleiro em Biguaçu/ Baía Norte de Florianópolis, o ICMBio nacional teria negado anuência para a sua implantação. É o que afirma a direção nacional do órgão em Comunicado oficial encaminhado por Elmano Augusto F. Cordeiro, jornalista e analista ambiental da Assessoria de Comunicação Social do ICMBio em Brasília, ao Jornalista Celso Martins, do Blog Sambaqui na Rede.

OSX

A Polícia Federal em Santa Catarina abriu dois inquéritos policiais para apurar supostas irregularidades no processo de licenciamento do Estaleiro OSX em Biguaçu/Baía Norte de Florianópolis, por determinação do procurador Eduardo Barragan, do Ministério Público Federal (MPF-SC) na Capital. O primeiro apura a suspeita de que a empresa Caruso Jr, tenha falsificado documentos e informações e omitido estudos na elaboração do Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e Relatório de Impacto Ambiental (RIMA). O outro inquérito investiga a ocorrência de pressões políticas sobre técnicos do ICMBio em Santa Catarina, visando obter a anuência do órgão para o Estaleiro OSX, levando à exoneração do técnico Apoena Figueiroa.

nho nessa época, se passamos o ano inteiro sendo indiferentes aos que estão a nossa volta. Troque a cesta básica por um abraço, e aquele presente qualquer por um perdão. Deixe o carro na garagem e vá fazer uma viagem com seu filho andando a pé, segurando-o na mão. Engaje-se em algum trabalho voluntário, doe-se, faça acontecer. Mas será que de fato fizemos algo diferente em 2010? Será que não repetimos os mesmos erros de 2009? O que nos aguarda em 2011? Quantas promessas não vividas, quantas vidas falidas. Depressão, ansiedade, angústia, dor... Me desculpem os encastelados mas a nossa sociedade está doente. Precisamos fazer algo

Auto focus gilberto gonçalves/fn

Câmeras

O verão está chegando e as câmeras de segurança prometidas pela Secretaria de Segurança não apareceram. Os equipamento já não estavam comprados? O que está faltando para serem instalados?

NOTA 10

NOTA ZERO

Para os moradores que concordaram com o recuo dos muros na Rodovia João Gualberto Soares. Uma verdadeira lição de cidadania e respeito aos moradores da camunidade.

Para os moradores da Rodovia João Gualberto Soares, que não quiseram recuar seus muros para a construção de calçadas que iniciarão no inicio do mês de janeiro.

EXPEDIENTE

Estamos chegando a mais um findar de ano. Árvores sendo enfeitadas, presépios, luzes, muito brilho e encantamento. Retrospectivas na televisão, melhores momentos. Um novo ano se avizinha. Novos projetos? Uma nova vida? Muitos dão presentes num automatismo sem fim, afinal é natal. “Mas talvez tenhamos passado o ano inteiro sem dizer, para esta mesma pessoa que receberá o nosso presente, as seguintes frases: “você é importante na minha vida; posso lhe ajudar em algo”; “como tens passado”; etc. Nós, a humanidade, deveríamos de fato ser mais humanos. Não adianta dar uma de bonzi-

CNPJ 03.341.537/0001-03

Fundado em 10 de outubro de 1998

O cachorro tomando sorvete chamou a atençao em Canasvieras

Direção Geral: Gilberto Gonçalves (MTb-SC 00306) Textos: Equipe da redação Projeto Gráfico: Rodrigo Gonçalves Depto jurídico: Dr. Marcos Eduardo A. de Medeiros (OAB/SC 14.508-B) Noticiário Nacional: Agência Brasil Editoração Eletrônica: Gilberto Gonçalves Comercialização: Virtual Brazil Representações Fones: (48) 3233-2030 / 9961-5473

Impressão: Editora O Estado do Paraná Tiragem: 8.000 exemplares Redação e Administração: (sede própria) Rua Quadrangular, 638 - Ingleses Ingleses - Fpolis - SC - CEP 88058-455 Fones: (48) 3269-1732 / 8860-2265 Site: www.folhanorte.com.br e-mail: folhanorte@folhanorte.com.br

* Vilson Schambeck

diferente. Que o natal seja uma época de reconciliação consigo mesmo e com o outro. Precisamos encontrar a nossa alegria na felicidade do outro. Precisamos decretar que o primeiro dia do ano não mais será o da primeira ressaca, devido a cachaça do dia anterior. Precisamos ser menos religiosos e mais cristãos. Quantas pessoas perderam suas vidas neste ano, morreram. Já não estão mais entre nós. Disse uma vez e repito: o lugar nesta cidade onde estão guardados os sonhos mais bonitos é no cemitério. Lá estão sepultados todos os planos daqueles que por aqui passaram e já partiram. Lembrese, a vida é feita de sonhos, e mesmo que pareçam utopias são eles que nos movem a ação. O tempo para fazer é o hoje. Faça agora. Não perca mais tempo. Ligue para aquele parente que virou as costas para você e diga “em nome de Jesus me perdoe, pois eu te amo”. Humilhe-se, afinal é no natal que celebramos o nascimento do Cristo, aquele que se deixou ser humilhado, foi crucificado para depois ser ressuscitado. Ressuscite você também a sua fé. Seja homem, seja mulher, seja gente. A vida é uma dádiva de Deus, não a desperdice. Exercite o poder da palavra: “bom dia”, “com licença”, “obrigado”. Exercite a alma, ore mais. Fortaleça a musculatura do coração, apaixone-se. Regue a dor com as lágrimas da esperança. E por fim sorria, comece hoje o novo dia! *Vilson Schambeck é dentista

A direção do Folha do Norte da Ilha não se responsabiliza por conceitos ou opiniões emitidas em artigos assinados, colunas, e anúncios sendo de responsabilidade de quem os escreveu.


Estado

Folha do Norte da Ilha > dezembro - 2010

3

Governo do Estado amplia frota de helicópteros

Ainda falta vir mais dois helicópteros para o estado, um para o corpo de Bombeiros e outro para a Polícia Civil Da redação redacao@folhanorte.com.br

Em solenidade realizada na Academia da Polícia Militar, no bairro da Trindade, o governador Leonel Pavan entregou no dia 10 deste mês, durante a formatura dos aspirantes a oficial da PM um novo helicóptero para operação do Batalhão de Aviação. “Há cinco meses, o governo adquiriu um helicóptero para PM. Hoje, em parceria com o Governo Federal, entregamos mais uma aeronave. Virão ainda mais dois helicópteros para o Estado: um para Saúde/Corpo de Bombeiros e outro Polícia Civil”, informou o governador. A aeronave entregue no início do mês foi um Agusta Westland modelo AW-119 Koala Ke, que tem capacidade para oito ocupantes, podendo transportar até duas vítimas ao mesmo tempo, além de ser equipada com kit rapel e guincho elétrico (com capacidade para 204kg), ambos para desembarque e resgates em áreas de difícil acesso.

Entre outros componentes aeronáuticos de alta tecnologia, vem equipada também com gancho para carga externa (com capacidade para 1400kg), corta fios, farol de buscas, imageador térmico, separador de partículas (para proteção do motor em áreas com muita areia e outros detritos em suspensão). Seu comprimento total é de 13 metros e pode atingir 152 knots (281 km/h) . “A entrega do helicóptero e a formatura dos aspirantes são ações que nosso governo vem fazendo para melhorar a qualificação, profissionalização e equipamentos da Polícia Militar. Com isso será possível atender melhor as necessidades do povo catarinense”, afirmou o governador Leonel Pavan. A aquisição foi possível por meio de convênio firmado entre a União, através da Secretaria Nacional de Segurança Pública, e o Estado, através da Secretaria de Segurança Pública e Defesa do Cidadão. O custo total do equipamento foi R$ 7.708.000,00. O novo equipamento será utilizado para

divulgação/fn

A aeronave entregue à polícia Militar é o mesmo utlilizado pela polícia de Nova Yorque

missões de policiamento ostensivo, patrulhamento aéreo, transporte de órgãos para transplante, resgate, busca, salvamento,

defesa civil, defesa ao meio ambiente e apoio a diversos órgãos da administração estadual e federal.

Estado teve mais de R$ 1 bi de investimentos neste ano Da redação

Em reunião realizada no final de novembro, com os secretários setorias, o governador Leonel Pavan fez uma avaliação de obras, projetos e ações em andamento e pediu empenho de toda equipe até o final da gestão. “Continuamos com o pé no acelerador, toda equipe está orientada para que siga trabalhando com o mesmo ritmo do início de governo e com a mesma responsabilidade, para que o próximo governador possa assumir tranquilo e dar continuidade às nossas ações“, afirmou Pavan. O governador revelou que, durante este ano, já foram aplicados, até agora, R$ 1,1

bilhão em recursos próprios do Estado em investimentos nas ações e obras do governo, e que até o final de dezembro serão mais R$ 200 milhões. “Estamos com cerca de 700 obras em andamento em todas as regiões do Estado, e a aceitação do governo é sentida nas ruas em todos os atos que participamos “, observou, acrescentando que todas as secretarias foram colocadas à disposição do futuro Governo para facilitar a transição. Durante a reunião do colegiado setorial, o governador determinou que sejam notificadas todas as Secretarias de Desenvolvimento Regional (SDRs) para que devolvam às setoriais e órgãos afins do governo todos os recursos estaduais e

federais que eventualmente não possam mais ser aplicados neste exercício. O alerta foi no sentido de que seja cumprida à risca a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), outra preocupação do governador para o encerramento da atual gestão. Transição - Após a reunião com os secretários setoriais, Pavan recebeu, na Casa da Agronômica, o governador eleito Raimundo Colombo em mais uma etapa para o encaminhamento do processo de transição de governo. O atual governador fez um relato da situação de obras, ações e projetos em andamento, incluindo o orçamento do Estado para 2011 e outros projetos de lei do executivo estadual que tramitam na Assembleia Legislativa.

Sabrina Saitrot/secom/fndivulgação/fn

Estado está com 700 obras em andamento


4

Geral

Folha do Norte da Ilha > dezembro - 2010

Acidentes de trânsito na capital tem dados alarmantes A probabilidade de uma pessoa morrer em acidente de trânsito em Florianópolis é uma das maiores do país Da redação redacao@folhanorte.com.br

A chance de uma pessoa morrer em conseqüência de acidente de trânsito em Florianópolis é 426 por cento maior que na cidade do Rio de Janeiro. O dado faz parte de um estudo realizado pela Secretária da Saúde da capital e coordenada pelo médico Daniel Moutinho Júnior, diretor de Atenção Primária do órgão. Segundo ele, apenas levando em conta o ano de 2008, o município registrou naquele ano mais de 1.700 acidentes que levaram a óbito ou invalidez permanente um total de 409 pessoas. “As autoridades responsáveis pelo trânsito em nossa cidade precisam agir de forma mais enérgica e presente”, alerta o titular da pasta, João Candido da Silva. Para ele a realização de blitz com bafômetros deveria ser mais constante. Ainda segundo a pesquisa, em 2008 mais de 750 pessoas admitiram ter dirigido sob o efeito abusivo de bebidas. Com a entrada em vigor no inicio daquele ano da Lei 11.705 houve uma redução momentânea do registro deste tipo de ocorrência, mas com o

passar do tempo e a falta de fiscalização os índices retornaram ao patamar anterior. De acordo com o estudo, a maioria dos acidentes acontecem próximo ao domicilio das vitimas, durante o dia e com tempo bom. “Isto desmistifica a idéia de que fatores como as condições de visibilidade ou de desconhecimento da via sejam as principais causas”, destaca Daniel Moutinho. Além disso, em 70 por cento dos casos o fato aconteceu em trecho reto e em 48 por cento o condutor tinha mais de 15 anos de experiência ao volante. O custo - Entre os custos totais de um acidente de trânsito, apenas 16% estão vinculados a assistência médico-hospitalar. O principal custo, representando cerca de 45% é na perda de produção do indivíduo. Obviamente não é possível computar a maior taxa de perda que é a sentimental, e a dor dos familiares. O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada calculou em 2009, que o custo total de um óbito no trânsito no Brasil é de R$ 337.000 reais (contabilizando os custos diretos e potenciais futuros). Ainda segundo o IPEA a perda de produção futura e os custos diretos e indiretos pelos acidentes

Celesc entrega subestação da Avenida Beiramar Norte Da redação

Com a inauguração da subestação Florianópolis Agronônica, que compreende a construção da unidade compacta e de duas linhas subterrâneas de transmissão de energia elétrica para atendimento da Capital, a Celesc quer afastar de vez o fantasma do apagão em Florianópolis. A subestação foi inaugurada no dia 9 deste mês, pelo governador Leonel Pavan, e o presidente da Celesc Alfredo Felipe da Luz Sobrinho. “Entregamos mais esta obra do Governo para reforçar o atendimento à população do munic��pio, e escolhemos esta data para juntos comemorarmos o 55º aniversário da Celesc”, afirmou Pavan. A nova subestação, que fica na avenida Beiramar Norte, acesso pela Servidão Delminda da Silveira, no bairro da Agronômica, foi construída em área densamen-

te urbanizada. À construção da subestação, soma-se a instalação de duas linhas subterrâneas de transmissão de energia elétrica que não interferem na paisagem, e obras de ampliação e modernização do sistema elétrico existente na Ilha de Santa Catarina. O empreendimento soma investimentos de R$ 72 milhões, e representa 30% a mais de energia para a região além da garantia de atendimento de qualidade por mais 20 anos, preservados os atuais níveis de crescimento do mercado. A interligação da nova subestação às subestações existentes também permite configurar o sistema elétrico local no formato de anel. Com duas conexões com o sistema elétrico do Continente (uma pela ponte Colombo Salles e outra pela recém-construída linha submarina), a Ilha passa a contar, agora, com um sistema de alto nível de confiabilidade.

banco de dados/fn

Dados apontam que a maioria dos acidentes acontecem próximo ao domicílio das vítimas

de trânsito (considerando o PIB per/capita). Santa Catarina em 2007 superou os R$ 2 bilhões. Já no Brasil este valor foi de R$

32 bilhões, o que representa mais de três vezes o orçamento anual do Ministério da Saúde na Atenção Primária. secom/divulgação/fn

Presidente da Celesc Alfredo Sobrinho mostrou a subestação ao governador Pavan


Geral

Folha do Norte da Ilha > dezembro- 2010

5

Agora é oficial: duplicação da 401 inicia em 2011

Processo de licitação do trecho a ser duplicado está na fase final de análise e resultado deve sair até o dia 31 Da redação redacao@folhanorte.com.br

Agora é definitivo. O início das obras de duplicação do trecho não duplicado da rodovia SC-401, que liga o centro de Florianópolis às praias do norte da Ilha, foi transferido para o ano que vem. O processo de licitação coordenado pelo Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra) está na fase de análise da documentação das 12 empresas que se cadastraram no processo licitatório. Se não houver nenhum recurso das empresas participantes, a perspectiva é de que se conheça a vencedora da licitação antes do Natal. A duplicação do trecho final da rodovia, antiga reivindicação dos motoristas que trafegam diariamente pelo local inicia no trevo de Jurerê e termina no trevo dos Ingleses. Terá duas pistas de 3,5 metros cada, além de acostamento de 2,5 metros. O trecho total a ser duplicado tem uma extensão de 4,28 quilômetros. Já o trecho entre o Terminal de Integração de Canavieiras (Tican) até a rótula de Canavieiras de 1,8 quilômetros, será duplicado posteriormente. Para conclusão das obras serão necessárias desapropriações em 63 propriedades e oito casas na Vargem Pequena totalizan-

do 42 mil metros quadrados, onde será construído um elevado, e alargamento da pista esquerda sentido centro-bairro. O valor das obras estão orçados em aproximadamente R$ 17,8 milhões, sendo R$ 11,9 milhões através do governo federal – garantidos pelo ministério do Turismo – e R$ 6 milhões do governo do Estado. Refúgio - Dando proseguimento as melhorias da rodovia, o Deinfra está construindo próximo ao Jardim da Paz, sentido bairro-centro um recuo na rodovia. De acordo com o responsável pela manutenção das rodovias do norte da Ilha, César Wolf, o objetivo da obra é facilitar a retirada da pista dos carros envolvidos em acidentes de trânsito ou com defeito. Segundo dados da Polícia Militar Rodoviária a grande maioria de acidentes no local são colizões trazeiras por se tratar de um trecho onde os carros costumam reduzir velocidade. O recuo também irá facilitar o pouso de helicópteros para socorro às vitimas de acidentes de trânsito. A rodovia SC-401 é considerada pela PMR a rodovia estadual mais movimentada de Santa Catarina. Em dias normais circulam diariamente pelo local cerca de 37 mil veículos. Sendo que durante os meses da temporada de verão, o número de veículos que utilizam a rodovia praticamente dobra.

gilberto gonçalves/fn

O trecho a ser duplicado terá 4,28 quilômetros e terá duas pistas de 3,5 metros de largura


6

Bairros

Folha do Norte da Ilha > dezembro - 2010

Econom’Ilha

Lurran Dubois lhdubois@terra.com.br

O novo perfil do contador

A imagem do contador tem, ao longo dos anos, sofrido diversas mudanças. Aquele termo, utilizado pelos mais antigos, “guarda livros”, já não expressa a verdadeira função do profissional contábil. Hoje o contador precisa, mais do que nunca, ter conhecimento das tecnologias da informação e das constantes alterações na legislação, sob pena de exclusão do mercado de trabalho. O fisco inovou, e continuará inovando, suas metodologias de fiscalização. As empresas, ao contratarem profissionais de contabilidade, devem ter saber que este não é apenas um “emissor” de guias para pagamento de tributos ou um “renovador” de alvarás. O contador atual tem inúmeras obrigações acessórias, todas digitais, com multas severas, se feitas com imperfeição. As informações devem ser precisas e coerentes. O fim da sonegação chegou. As empresas que durante anos se sustentaram com a sonegação fiscal tendem à extinção. O trabalho do contador, que é o registro do patrimônio de entidades, deve ser fiel. Não temos mais espaço para contabilidade apenas para cumprir a exigência fiscal. Os contratantes dos serviços de contabilidade devem ser ciência da adequação necessária, sob pena de serem rejeitados pelos profissionais mais gabaritados. Um novo ano está chegando. Este é o momento ideal para verificar como está a situação da sua empresa. Procure seu contador e planeje com como será o ano de 2011.

Pague suas dívidas

Final de ano. Décimo terceiro salário no bolso. O apelo pelo consumo, por parte dos lojistas, é enorme. Muitos consumidores com dívidas em atraso. O que fazer? Comprar presentes para os parentes? Presentear a si mesmo, afinal você batalhou o ano inteiro e merece sua recompensa. Meu conselho, em primeiro lugar, é a quitação das dívidas antigas, ou, numa linguagem mais popular, “limpar o nome”. Vejo pessoas, com dívidas em atraso fazendo novas, e em nome de terceiros. Onde será que isto vai parar? Em dor e possível rompimento de relação com o terceiro, caso você não consiga honrar a nova dívida. Devemos pensar que os credores estão ávidos em receber e estão dispostos a conceder belos descontos. Vá de encontro ao seu credor! Mostre que você tem boa fé em saldar sua dívida. Hoje em dia os cobradores são profissionais com formação. Não tente enganá-los, exponha as causas que o levaram ao problema financeiro. Se eles perceberem que você quer iludir-los eles não terão compaixão alguma por você. Pague-lhe, nem que seja uma pequena quantia para simbolizar sua intenção e jamais deixe de cumprir o combinado. Se algum dia for descumprir, os avise com antecedência e prometa outra data ou então faça o pagamento parcial, isto mostra que você está disposto a colocar as coisas em ordem. Começar o ano com as contas em dia é um maravilho presente e uma ótima recompensa para quem batalhou durante 2009.

Casan inaugura estação elevatória de esgoto da Cachoeira do Bom Jesus Depois de concluída, a rede de esgoto irá beneficiar 4,7 mil habitantes da região gilberto gonçalves/fn

Da redação redacao@folhanorte.com.br

A Companhia Catarinense de Águas e Esgoto (Casan) inaugurou do dia 7 de dezembro, a Estação Elevatória e Rede Coletora de Esgotamento Sanitário Bacia 1, da Cachoeira do Bom Jesus e Canasvieiras. A cerimônia de inauguração foi realizada na Cachoeira do Bom Jesus e contou com a presença do governador do Estado Leonel Pavan, do prefeito da Capital Dário Berger e Valmor de Luca presidente da Casan. O empreendimento tem apoio do Governo do Estado, com contrapartida da Prefeitura de Florianópolis e Casan. “Tenho orgulho de inaugurar mais esta obra de saneamento. A Casan só tem nos dado orgulho. Saneamento e saúde para os catarinenses e o estado sempre aposta em qualidade de vida”, disse Pavan. A obra está dentro do Programa de Gestão Associada, com um investimento de R$ 3.678.294,00 mil, recursos vindos do Programa de Aceleração do Crescimento

Valmor de Luca, governador Pavan, e o prefeito Dário Berger inauguraram a estação

(PAC), BNDES (90%) e Casan (10%). A obra consiste na ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário, através da implantação de uma rede coletora de 6.164 m em tubos de PVC com diâmetros de 150 e 800 mm, de um emissário terrestre

de 980 m em tubos PEAD (polietileno de alta densidade) com diâmetro de 400 mm e de uma Estação Elevatória com vazão de 71L/s e Potência 85 cv. Ao todo serão 392 ligações prediais beneficiando uma população de 4.700 habitantes.

Corte de árvores gera polêmica em Ingleses gilberto gonçalves/fn

Da redação

Moradores e lideranças comunitárias de Ingleses impediram a continuidade de cortes de árvores canto norte da Praia dos Ingleses, no dia 14 deste mês. A derubdada da vegetação estava sendo feita por duas máquinas no terreno onde será construído um empreendimento imobiliário. Celito Coelho, um dos empreendedores, apresentou autorização de corte fornecida pela Fatma, que não foi aceita pelos manifestantes. Paulo Spineli, do Núcleo de Lideranças dos Ingleses estava inconformado com a situação. “Uma audiência Pública é cancelada e logo após é aprovada uma autorização de corte? Isso é muito estranho”, protestou. Para impedir o acesso das máquinas manifestantes formaram uma barreira humana. Após muita conversa e protestos exalta-

Moradores fizeram uma barreira humana para impedir o acesso das máquinas no local

dos, Lideranças comunitárias e empreendedores se reuniram na regional da ACIF Ingleses, onde foi marcada uma reunião

para o dia 20 onde será discutido o problema. Um dia após o protesto fiscais da Floram embargaram o corte das árvores.


Bairros

Folha do Norte da Ilha > dezembro- 2010

7

Revitalização da João Gualberto começa em janeiro Projeto da rodovia será um marco na mobilidade urbana de Florianópolis e será levado para toda a cidade Da redação redacao@folhanorte.com.br

A revitalização da Rodovia João Gualberto Soares principal ligação entre o norte e o leste da Ilha, finalmente saiu do papel. As obras do trecho de dois quilômetros que iniciam no cruzamento da João Gualberto com a rua Intendente João Nunes Vieira, que terminam em frente ao Costão Golf serão iniciadas no mês que vem. Para comemorar o início das obras, o empresário Fernando Marcondes de Mattos, do Costão Golf ofereceu um jantar ao secretário de obras da prefeitura Luiz Américo, ao vice prefeito João Batista Nunes e lideranças comunitárias envolvidas com o projeto de revitalização da rodovia. Para Marcondes de Mattos , as obras são de fundamental importância para o Costão Golf, já que o acesso ao empreendimento é feito pela João Gualberto. “ Ninguém quer vir para cá com essa condição que se encontra a estrada é uma dificuldade enorme” afirma o empresário. De acordo com o secretário de obras, o contrato com a Pavicom, empresa vencedora da licitação foi assinado no último dia 16 de dezembro . Já as obras serão iniciadas na primeira semana de janeiro, com o recuo dos muros, obras de drenagem, tudo feito aos poucos para não criar grandes transtornos no trânsito da região. “A revitalização da João Gualberto será um marco na mobilidade urbana de Florianópolis. Vamos levar esse projeto

para toda a cidade”, afirmou o secretário. A rodovia vai ter calçadas dos dois lados, uma ciclovia, acostamento com estacionamento e calçadas a nível, facilitando a mobilidade das pessoas que por ali transitarem. Também está nos planos da secretaria a ligação da rodovia com a SC-403, que irá facilitar ainda mais o deslocamento na região. O trabalho de conscientização dos moradores, empresários e órgãos do governo responsáveis pela realização das obras iniciaram no ano de 2006. Ciro Limas, presidente do Movimento de Humanização da João Gualberto é um dos pioneiros que iniciaram este trabalho. “Cansei de presenciar pessoas perdendo a vida nesta rodovia que não tem uma ciclovia e calçadas para os pedestres, obrigando as pessoas a trafegarem em cima da pista de rolamento que é muito movimentada”explica Limas. Após várias indas e vindas finalmente a revitalização da rodovia virou realidade e mais um trabalho teve que ser iniciado: O convencimento dos moradores a recuarem seus muros. Uma comissão de moradores formada pelo próprio Ciro, do presidente da Associação dos Moradores do Capivari (Amorcap), Jorge Goerck e Ivanise Demaria. Dos moradores visitados pela comissão cinco se negaram a recuar os seus muros. “Acreditamos que esses moradores irão usar o bom censo e permitir o recuo. A obra é de fundamental importância para a segurança de toda a comunidade”, finaliza Ciro.

Secretário de obras Luiz Américo fala sobre o projeto no jantar oferecido pelo Costão Golf

fotos: gilberto gonçalves/fn

A principal ligação entre o norte e o leste da Ilha terá calçadas, ciclovia e estacionamento


8

Temporada

Folha do Norte da Ilha > dezembro - 2010

Reserva de imóveis para o Réveillon chega a 85% A procura de reservas de casas e apartamentos nas principais praias de SC está sendo feita desde outubro Da redação redacao@folhanorte.com.br

Apartamentos e casas das principais praias de SC estão sendo reservados pelos turistas desde outubro. Os preços das diárias partem de R$ 150 e podem chegar a até R$ 15 mil em um dos casarões de Jurerê Se tudo correr dentro do previsto e o tempo colaborar, a temporada deste ano deverá ser uma das melhores dos últimos anos. No setor de aluguéis os preços são praticamente os mesmos praticados na temporada passada. Nas principais praias cerca de 85% de casas e apartamentos já estão com reservas para o período do Réveillon, com diárias custando de R$ 150 a R$ 15 mil. De acordo com o delegado do Conselho Regional de Imóveis (CRECI) do norte da Ilha, Carlos Frichembruder, a temporada deste ano pelo número de interessados aliados a melhoria da situação financeira deverá ser bem melhor. Como a inflação elevou os preços em 20 % em média, os proprietários devem ter o bom censo de não aumentar os valores cobrados pelos aluguéis acima deste valor. Um dos segredos para quem quer economizar um pouco é alugar um imóvel mais afastado da praia, já que os mais próximos do mar são os primeiros a serem procurados e consequentemente os mais caros. As maiorias dos profissionais do

setor estão animados com a procura que neste ano começou a partir de outubro, muito diferente ao ano de 2009 quando os turistas deixavam para locar os imóveis na última hora. Já a grande exceção no mercado de imóveis é o concorrido Jurerê Internacional. Os preços cobrados pelas diárias dos imóveis dobraram em relação ao ano passado. Há cerca de dois anos, a média do valor das diárias para o Réveillon girava em torno de R$ 5mil. Quem quizer passar a virada do ano na badalada praia poderá pagar atè R$ 15 mil por um único dia de aluguel de um imóvel. E a procura é grande, já que atores globais, esportistas famosos e grandes executivos são os principais frenquentadores. Descontos - Para quem quiser gastar um pouco menos a saída é esperar pelo mês de janeiro e fevereiro quando os preços ficam mais baixos. Nesta época os aluguéis podem ter descontos convidativos ao turista. A mansão de R$ 10 mil no Réveillon pode sair pela metade em fevereiro quando iniciam as aulas. Alguns metros de distância do mar também fazem a diferença no orçamento. Se um apartamento de frente para o mar na Praia Brava da Capital custa R$ 3 mil no pico da temporada, do outro lado da rua um imóvel de padrão similar pode custar R$ 350 a diária. Com 200 metros longe da areia, o preço fica quase dez vezes menor.

gilberto gonçalves/fn

Em Jurerê Internacional, aluguel de casas para o Réveillon chega a R$ 15 mil a diária

SC-401 terá posto de informação turística em Ratones Da redação

A Associação Comercial e Industrial de Florianópolis (ACIF), assinou no dia 3 deste mês convênio com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) assumindo oficialmente o prédio onde funcionava o posto da Polícia Militar Rodoviária

gilberto gonçalves/fn

(PMRE), em Ratones, na SC-401. No local, será implantado um posto de informações turísticas, que será reformado com recursos da entidade. Além de recuperar o imóvel, a ACIF será responsável pelo funcionamento do posto, disponibilizando funcionários para o atendimento o ano todo, a partir de 20 de dezembro.

No futuro posto de informação turística o visitante irá encontrar farto material sobre a Ilha

No futuro posto turístico inicialmente haverá material de divulgação da Santur e Setur, mas estuda-se criar um sistema de patrocínio, que garanta também a divulgação de empresas privadas, já que a região concentra um grande número de hotéis, pousadas, bares e restaurantes. “O norte

da Ilha recebe 80% do fluxo dos turistas que visitam a cidade durante o verão e não há nenhum tipo de infraestrutura para recepcionar e orientá-los na região”, afirma o diretor da regional da ACIF dos Ingleses, o empresário Marcelo Guaraldi Bohrer.


Temporada

Folha do Norte da Ilha > dezembro- 2010

9

Temporada terá horários de ônibus ampliados Com a chegada do verão, as linhas que atendem às praias da Ilha terão um aumento de até 30% nos horários Da redação redacao@folhanorte.com.br

Para atender a demanda de passageiros durante a temporada de verão a Secretaria de Transportes, Mobilidade e Terminais da Capital vai reativar linhas que circulam nas praias e fazer mudanças no quadro de horários dos ônibus e do transporte hidroviário a partir da próxima segunda-feira, 20. Conforme o diretor de Planejamento, Marcelo Silva, o sistema terá um aumento de até 30% nos horários, especialmente

gilberto gonçalves/fn

para os principais balneários da Ilha e nos finais de semana, quando o fluxo de usuários é maior. Devido às férias escolares alguns itinerários serão suspensos temporariamente, principalmente as linhas diretas para a Universidade Federal de Santa Catarina. Já na segunda-feira, 20, deixarão de circular os ônibus Abraão/UFSC, Cachoeira Escolas, Jardim Atlântico/UFSC, Cacupé/ João Paulo, Capoeiras/UFSC e Jardim Anchieta. Esses coletivos voltam a operar normalmente no início do ano letivo.

A reativação de linhas e mudanças nos horários é para atender o aumento de usuários

Os “Amarelinhos” que possuem ar condicionado são outra boa opção para os turistas

No norte da Ilha serão reativadas as linhas Canasvieiras/Jurerê, Balneário Ingleses e Canasvieiras/Brava, além de outras sete que irão operar com mais horários. As linhas dos balneários de Canasvieiras, Ingleses e Interpraias terão incremento de viagens, especialmente nos finais de semana. Também os ônibus Madrugadão, Canasvieiras/Trindade, Santo Antônio, Sambaqui, Canasvieiras/Lagoa, Joaquina e Jurerê terão mais horários diariamente. Já para atender o sul da Ilha, a Secre-

taria de Transportes vai reativar o coletivo Ribeirão da Ilha e implantar novos quadros de horários nas linhas Caieira da Barra do Sul, Rio Tavares e Pântano do Sul. Mais informações sobre os horários de ônibus podem ser obtidas no portal da Prefeitura, no endereço www.pmf.sc.gov. br, ou com o setor de Atendimento ao Usuário da Secretaria de Transportes, Mobilidade e Terminais pelo fone 33241517. Ou ainda nos postos de informação dos Terminais de Integração


10

Carnaval

Folha do Norte da Ilha > dezembro - 2010

Babesiose A Babesiose é uma enfermidade causada por um hematozoário (Babesia canis). A doença é transmitida pelo carrapato de cachorro, o Rhipicephalus sanguineus, sendo um parasita que vive no interior da célula sanguínea e se reproduz assexuadamente. Pode-se encontrar dois, quatro ou mais parasitas em uma única célula. As células sanguíneas infectadas rompem-se e liberam parasitas que irão se alojar em novas células. Os sintomas da doença podem variar de acordo com o tipo do parasita, o grau de infecção e as condições do sistema imunológico do cão. Na maioria dos casos é diagnosticado anemia, mas se um grande número de células se romperem ao mesmo tempo pode ocorrer febre, emese, hiporexia, diarréia, icterícia e insuficiência renal. Sangramentos como a rinorragia podem ocorrer devido ao distúrbio de coagulação causado pela enfermidade. Lesões cutâneas também podem aparecer. Ocasionalmente, células infectadas podem obstruir pequenos vasos sanguíneos e causar anormalidades no sistema nervoso e fraqueza muscular. O mesmo carrapato pode transmitir a Babesia canis e outros organismos como a Erlichia sp, tornando a doença mais severa. Ao tornar-se crônica, a enfermidade resulta em repetidas febres e total perda de apetite. O diagnóstico da doença é feito através dos sinais clínicos e deve, posteriormente, ser confirmado por testes laboratoriais através de esfregaços sanguíneos corados, onde será observada a presença do parasita intracelular. Drogas específicas são utilizadas no combate da Babesiose, sendo que podem ser eficazes no tratamento da doença, mas podem não eliminar totalmente o parasita do organismo. A reincidência da doença é muito comum. A coluna deseja a todos os seus leitores um feliz Natal e um Ano novo cheio de muita paz, sáude e muitas felicidades.

Guga será uma das atrações da Escola de Samba Grande Rio no desfile da Sapucaí A confirmação foi feita no dia 17 a dirigentes da escola que estiveram na Capital Ricardo Medeiros Especial/FN

Guga Kuerten está confirmado no desfile da Grande Rio em homenagem a Florianópolis. Diretores da Escola de Duque de Caxias (RJ) estiveram conversando com o ex-tenista na manhã do dia 17 de dezembro, em Florianópolis. Conforme o carnavalesco Cahê Rodrigues, Guga foi muito simpático e receptivo ao convite. “Agora teremos o embaixador de Floripa para abrilhantar ainda mais o carnaval na Marquês de Sapucaí”, disse. Participaram do encontro também Jayder Soares, Presidente de Honra da agremiação, e Márcio de Souza, do Grupo Floripa na Sapucaí. Após o encontro, Guga fez um manifesto emocionado sobre a participação dele na festa da Grande Rio, que levará para a avenida o enredo “Y-Jurerê-Mirim: a encantadora ilha das bruxas (um conto de Cascaes)”. Guga Kuerten terá uma ala especial, com 150 integrantes, entre familiares, amigos e outros participantes. A Grande Rio irá pisar no sambódromo no dia 7 de março, com cerca de 4 mil componentes, distribuídos em 32 alas e mais sete carros alegóricos. Conforme Cahê Rodrigues, o desfile da escola terá seis setores. O primeiro deles é intitulado de “Magia Encantada da Ilha”, com bruxas e lobisomens, entre outras lendas. “Filhos da Terra” será composto pelos índios carijós e cultura açoriana, enquanto o setor “Arreda, Arreda Assombração” terá diversas obras de Cascaes. O quarto setor leva o nome de “Uma Ilha entre Fitas, Cantos e Danças” e contará com pau de fita, festa do divino e outras tradições. O “Santuário Ecológico” será composto pelas praias, flora e fauna. Já “Floripa de Todos nós” contemplará, dentre vários itens, a ala do Guga Kuerten, além dos

Guga terá uma ala especial com 150 integrantes entre familiares amigos e convidados

times de futebol Avaí e Figueirense, casarios, rendeiras e surf. Compra de fantasias - De acordo com O carnavalesco Cahê Rodrigues, os interessados em adquirir fantasias poderão

procurar os presidentes de alas, pelo site da Escola: www.academicosdogranderio. com.br As fantasias variam de R$ 600 a R$ 1000, salienta o dirigente da escola de samba carioca.

Dirigentes da escola Grande Rio estiveram em Florianópolis para acertar os detalhes


Segurança

Folha do Norte da Ilha > dezembro - 2010

11

Penitenciária da Trindade está com os dias contados A assinatura do edital de construção do novo Complexo Penitenciário é um alívio para os moradores da Trindade Da redação redacao@folhanorte.com.br

Uma parceria inédita no Brasil irá melhorar significativamente o sistema prisional catarinense. O governador Leonel Pavan assinou no dia 2 de dezembro, autorização para o lançamento do edital para a construção do novo Complexo Penitenciário da Grande Florianópolis. A obra, que tem custo estimado de R$ 104 milhões, será viabilizada por meio de uma parceria público-privada, coordenada pela SC Parcerias, e tem o objetivo de transferir os detentos do Complexo Prisional da Trindade para o novo local. “O novo complexo prisional será moderno, arrojado e um verdadeiro exemplo de inovação para o País”, afirma Pavan. Para o governador, essa ação do Governo do Estado será realizada em um momento em que a Segurança Pública brasileira passa por uma situação crítica. “Santa Catarina está evoluindo tanto na questão da infraestrutura, como de tecnologia e aumento de efetivos no setor”, conclui. Segundo o secretário de Segurança Pública, André Luis Mendes da Silveira, a Secretaria já possui um termo de referên-

cia com um mínimo de exigências relativas à segurança que a empresa vencedora da licitação deverá atender. A previsão para a conclusão da obra é de dois anos, após o término do processo de licitação. “Esse complexo trará muitas novidades ao sistema prisional catarinense, como a ausência de contato físico entre agente prisional e o detento”, informou. “A descentralização das unidades dentro do complexo é também um diferencial que trará benefícios para a administração e gerenciamento do local”, comenta o secretário. Silveira destaca que o objetivo é esvaziar as delegacias e demais unidades prisionais da Grande Florianópolis. O presidente da SC Parcerias, Gerson Pedro Berti, conta que a parceria públicoprivada para a execução desse projeto é inédita no País e inovadora entre as ações do Governo do Estado, que geralmente adota o modelo para construção de edifícios administrativos. Pelo sistema de parceria, denominado de “Contrato de locação de ativos”, uma empresa privada construirá o complexo e o locará ao Estado. Passado o prazo de 20 ou 30 anos, o Governo assumirá a propriedade do imóvel. “O requisito para a escolha da em-

fotos: divulgação/fn

O novo Complexo Penitenciário terá capacidade de atender cerca de 2,7 mil detentos

presa que executará as obras será o valor da locação. Aquela que oferecer o menor valor será a escolhida”, explica Berti. O complexo abrigará duas penitenciárias masculinas, um presídio masculino e outro feminino, um hospital de custódia e quatro unidades semiabertas masculinas. Com 440 mil m² e capacidade para 2.744

detentos, o novo complexo deverá ocupar uma área rural de Palhoça. A área onde hoje fica localizado o Complexo Penitenciário da Trindade, com 56 mil m² e apenas 12 mil edificados, seria negociada para empreendimentos empresariais ou de lazer ou cultura, valorizando ainda mais o bairro da Trindade.

Operação Veraneio é lançada em Balneário Camboriú Da redação

Foi lançada oficiamente no dia 16 de dezembro, Operação Veraneio 2010/2011. A solenidade de lançamento foi realizada na Avenida Atlântida, em Balneário Camboriú. A OV 2010/2011 terá como novidade este ano é a contratação de 1,1 guarda vidas civis, além do efetivo do bombeiro militar, de 250 salva-vidas, que vão atuar na fiscalização dos balneários. A exemplo do que aconteceu em anos anteriores a operação foi dividida em três etapas, de forma a facilitar a movimentação do efetivo policial. Além do acréscimo de 1,1 mil guarda-vidas civis, a SSP vai trabalhar com um efetivo extra de 180 policiais civis, que estarão em formação na Academia da Polícia Civil e irão reforçar os plantões das principais delegacias de polícia do litoral. Os investimentos para a

execução da Operação Veraneio foram na ordem de R$ 15 milhões, segundo dados da diretoria de Planejamento da SSP. Para atuar em 43 municípios, sendo 30 zonas balneárias e 13 estâncias hidrominerais. A Polícia Militar de Santa Catarina estará atuando com um efetivo de sete mil policiais, 2,5 mil viaturas, 250 motocicletas, seis aeronaves e 50 embarcações. A PM pretende trabalhar a questão da prevenção, montando barreiras nos acessos aos principais balneários e controlando as ocorrências de perturbação de sossego e da ordem pública. A Polícia Civil estará presente em 34 cidades do Litoral e sete do interior – locais com áreas de águas termais e parques aquáticos. Segundo o Delegado Geral da Polícia Civil, Ademir Serafim, cerca de 1,1 mil policiais, entre delegados, agentes e escrivães serão mobilizados para a

Operação Veraneio 2010/2011 foi lançada em Balneário Camboriú no dia 16 deste mês

Operação Veraneio no litoral catarinense. A Polícia Civil também estará com três delegacias móveis mais a DP do Turista, que funciona no Terminal Rodoviário Rita Maria. O Instituto Geral de Perícias também se estruturou para a OV 2010/2011. Segundo o perito Giovani Eduardo Adriano, diretor-Geral do IGP, os núcleos regionais de Perícias instalados no litoral estão estruturados com o objetivo de agilizar o atendimento às ocorrências registradas naquela região. Também vão receber

reforço os núcleos regionais de Joinville, Itajaí e Balneário Camboriú. Já o Corpo de Bombeiros irá atuar em 31 cidades e 132 praias e balneários e estâncias hidrominerais. Foram instalados 209 postos de guarda-vidas. O efetivo a ser disponibilizado será de 1350 mil guarda-vidas, entre militares e civis, que vão atuar numa extensão de 561 quilômetros de litoral. Todos receberam treinamento com a missão de salvar vítimas potenciais de afogamentos nos balneários catarinenses.


12

Automotores

Folha do Norte da Ilha > dezembro - 2010

Fluence um sedã repleto de conforto e tecnologia O novo sedã médio da Renault chega ao Brasil carregado de muita sofisticação, tecnologia e segurança fotos: Renault/fn

Da redação redacao@folhanorte.com.br

Fruto de um projeto global de engenharia e sucesso em dezenas de mercados do mundo, o novo sedã médio da Renault chega ao Brasil carregado de sofisticação, tecnologia e segurança, resultantes de um projeto bem-sucedido, presente em 80 países. Fabricado pela Renault na Argentina, o novo sedã traz o mesmo rigor e padrão de qualidade adotado nas unidades fabris da Europa e de outros continentes. Foram 28 meses de desenvolvimento, da aprovação inicial do desenho externo ao sinal verde para produção e comercialização. “Estamos orgulhosos em poder oferecer ao comprador brasileiro um modelo de categoria internacional”, afirma JeanMichel Jalinier, Presidente da Renault do Brasil. ” O Fluence apresenta uma importante e significativa vantagem em relação aos competidores diretos: as suas amplas e generosas medidas internas e externas. Com 4,62 m de comprimento e 2,70 m de distância entre os eixos da frente e de trás tornam o modelo imbatível quando o assunto é espaço interno. O novo sedã transporta com conforto cinco pessoas, além de um generoso porta-malas de 530 litros que acomoda com folga as bagagens de uma família. O Fluence contará com um conjunto mecânico da Aliança Renault-Nissan: o motor 2.0 16V Hi-Flex e o câmbio CVT XTronic. Este propulsor - que se caracteriza pela resistência mecânica, desempenho, dirigibilidade, economia e baixo custo de manutenção - é resultado do amplo trabalho de desenvolvimento realizado pelos profissionais da Aliança Renault-Nissan. O motor é 38 kg mais leve que o propulsor 2.0 litros gasolina que equipava anteriormente os modelos da linha Mégane. Essa redução de peso deve-se, principalmente, à utilização do alumínio em várias partes, como, por exemplo: Bloco do motor, cabeçote, cárter de óleo, suporte de acessórios

O novo sedã transporta com conforto cinco pessoas, e tem um generoso porta-malas de 530 litros para acomodar as bagagens da família

e bomba d’água. Versões de acabamento - Os consumidores brasileiros terão duas versões de acabamento à disposição: Dynamique e Privilège. Ambas caracterizadas pela ampla oferta de equipamentos de série. Todas as versões já saem de fábrica, por exemplo, com chave-cartão “hands free” – uma exclusividade do Fluence no seu segmento -, ar-condicionado digital “dual-zone”, direção elétrica com assistência variável, seis air bags, sistema de freios ABS com auxílio de frenagem de urgência (AFU) e distribuição eletrônica de frenagem (EBD), volante com regulagem de altura e profundidade, alarme e retrovisores externos com regulagem elétrica, computador de bordo, faróis de

Consumidores brasileiros terão duas versões de acabamento: Dynamique e Privilège

neblina, rodas de liga-leve e conexões Bluetooth e USB / iPod. Opcionalmente, o consumidor terá à disposição teto sola elétrico com anti-esmagamento e bancos em couro. A versão Privilège conta ainda com um sistema de navegação desenvolvido especialmente para a Renault pela empresa TomTom (uma das líderes mundiais em sistemas de navegação por satélite), que possui uma tela de 5’’ integrada ao painel – outra exclusividade que o Fluence traz para o segmento. Além disso, a versão Privilège conta com sensor de estacionamento, bancos em couro, controle de estabilidade (ESP) e controle de tração (ASR), rodas de 17 polegadas, sistema se som premium (“3D sound by Arkamys”).

Opcionalmente, o consumidor terá à disposição faróis de xénon e teto solar elétrico com sistema anti-esmagamento. O Novo Renault Fluence estará disponível em sete opções de cores: Branco Glacier, Prata Étoile, Bege Poivre, Preto Nacré, Azul Crepúsculo, Cinza Quartz e Vermelho Fogo. A exemplo de outros modelos da Renault à venda no País, o Fluence contará com um dos mais importantes e exclusivos diferenciais do seu antecessor: a garantia total de fábrica de três anos ou 100.000 quilômetros (o que primeiro ocorrer). O modelo foi projetado para enfrentar condições severas de rodagem encontradas no trânsito das ruas e estradas brasileiras e de outros países latino-americanos.

O Previlège conta com um sistema de navegação desenvolvido especialmente para ele


Fatos & notas

Folha do Norte da Ilha > dezembro - 2010

Tênis de praia O ator Humberto Martins aproveitou a realização da penúltima etapa do Circuito Mundial de Beach Tennis, o ITF Beach Tennis Floripa 2010, para testar os seus dotes de tenista. A etapa do Costão foi vencida pela equipe italiana, criadores da nova modalidade de tênis. O Beach Tennis, como o próprio nome sugere, é o tênis praticado na beira da praia, cujas regras são as mesmas do esporte praticado nas quadras. O sistema é o mesmo e a diferença é que a bola não toca no chão. divulgação/fn

Posse CDL

Curtinhas

Foi empossada no dia 11 de dezembro, a nova Diretoria da CDL de Florianópolis. A solenidade de posse aconteceu durante a festa de confraternização de final de ano da entidade, no CentroSul. Presidida pelo empresário Pedro Paulo de Abreu e seu vice, João Batista Lohn, a nova diretoria inicia suas atividades a partir de 1º de janeiro de 2011. Uma das metas do novo Presidente é chegar a quatro mil sócios em dois anos de gestão. O atual presidente Osmar Silveira, que liderou a CDL nos últimos dois anos, passa a ser Diretor de Assuntos Públicos e Políticos.

* Comerciantes do Estado ganharam uma baita colher de chá. A Secretaria da Fazenda irá parcelar as vendas do setor em dezembro em duas parcelas.

Hermanos Os argentinos já começam a dar o ar de sua graça. Aos poucos os hermanos estão chegando e dominando as areias da Praia de Canasvieiras, que virou reduto dos turistas argentino há mais de 10 anos. Quem está vibrando com a chegada dos gringos são os comerciantes da região .

ACIF Lança prêmio de jornalismo Valorizar e estimular a produção jornalística em temas como negócios e associativismo e participação. Este é o objetivo do Prêmio ACIF de Jornalismo, lançado no último dia 7 de dezembro pela Associação Comercial e Industrial de Florianópolis (ACIF), durante o tradicional almoço de final de ano com a imprensa. “É uma forma de reconhecer o trabalho de profissionais de impresna”, comenta o presidente Doreni Caramori Júnior. O Prêmio destacará reportagens em seis categorias: impresso, tevê, rádio, mídia regional, web e Prêmio Especial do Júri. Os vencedores vão ganhar laptops e o Prêmio Especial do Juri levará R$ 5 mil em dinheiro. Podem concorrer somente jornalistas profissionais com registro e as matérias em todas as categorias devem ter sido veiculadas no período entre dezembro de 2010 a março de 2011, sendo que as

No cartão divulgação/fn

Em Balneário Camboriú, os ambulantes entraram na era do dinheiro de plástico. Alguns vendedores de praia alugaram máquinas que aceitam cartões de todas companhias. Um verdadeiro luxo para os banhistas que podem comprar o que quizerem nas areias da praia, e pagar com cartão de débito ou de crédito.

Trailer O trailer da Polícia Militar na entrada dos Ingleses pelo o andar da carruagem não será ativado nesta temporada. Melhor para a bandidagem. inscrições estão abertas até 31 de março de 2011. Presente no evento, o presidente da Associação Catarinense de Imprensa (ACI), Ademir Arnon, elogiou a iniciativa. “Esse é mais um incentivo à produção jornalística de qualidade do Estado”.

13

* Taciana Silveira do Doca’s Restaurante, promoveu no último dia 17, a confraternização de final de ano dos funcionários numa festa realizada no Camping das Acácias, em Ingleses. * Leandro Schimidt, diretor da Escola da Praia dos Ingleses comemorou o sucesso da prova que premiava o melhor colocado com uma bolsa de estudo. Cerca de 110 estudantes se inscreveram e a vencedora foi a estudante Isabela de Souza Pereira. * Com a chegada da temporada alguns supermercados já estão funcionando 24 horas. Com a medida, os clientes podem escolher a melhor hora para ir às compras. * O Procon Municipal de Florianópolis não está dando trégua para as companhias áereas. Por não comunicar o cancelamento de dois vôos matutinos que partiriam de Florianópolis, com destinos a Porto Alegre e São Paulo, A Gol foi notificada pelo órgão. * Com a chegada da temporada, os congestionamentos no trecho não duplicado da SC-401 são constantes, e com eles aparecem os maus motoristas que insistem em ultrapassar pelo acostamento. A Polícia Militar Rodoviária precisa estar atenta e penalizar com severidade esses infratores. * Enfim a Rodovia João Gualberto vai ser revitalizada.


14

Variedades

Folha do Norte da Ilha > dezembro - 2010

Desfile pelas ruas centrais marca Encontro de Bois em Florianópolis

divulgação/fn

Encontro trouxe grupos de cinco estados brasileiros Dieve Oehme Especial/FN

Um desfile com grupos de Boi de Mamão de Santa Catarina e do Boi-Bumbá de Rondônia pelas ruas centrais da cidade marcou a abertura no último dia 14 de dezembro, do segundo Encontro de Bois de Norte a Sul em Florianópolis. Após o cortejo, os participantes foram recepcionados no Largo da Alfândega pela Orquestra Sinfônica de Santa Catarina (OSSCA), sob regência do maestro José Nilo Valle, com um repertório natalino e de músicas folclóricas. A promoção é da Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes (FCFFC). O Encontro de Bois de Norte a Sul que está realizando o seu segundo enccontro nacional, foi realizado entre dias 15 e 18 de dezembro no Largo da Alfândega, reunindo grupos folclóricos e parafolclóricos

de cinco estados do Brasil, mostrando a diversidade cultural do país nas brincadeiras que têm o boi como temática. A iniciativa tem o patrocínio da Tractebel Energia S.A e do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura (MinC). Participaram do evento representações dos estados de Santa Catarina, Rondônia, Maranhão, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, totalizando 27 grupos e cerca de 800 “brincantes” (nome dado aos participantes destes folguedos). Reunindo Bumba meu Boi, Boi-Bumbá, Boi Pintadinho e Boi de Mamão, a proposta do encontro é passear por diferentes ciclos no calendário cultural brasileiro apresentando grupos de arrastão carnavalesco, além de folguedos tradicionalmente ligados às festas de São João ou ao ciclo natalino. A programação teve como atração à

Durante o evento grupos folclóricos realizaram desfiles nas ruas centrais de Florianópolis

parte a encenação do “Auto do Boi de Mamão”, pela Cia Teatral Em Cena, de São João Batista (SC). Paralelamente ao evento foi realizado palestras, oficinas,

lançamento de livro e mostra de artesanato inspirados nas brincadeiras de boi; salão de gastronomia; e apresentações especiais em vários pontos da cidade.

Um transporte para quem quer fugir dos congestionamentos Da redação

Nesta temporada os turistas e moradores do norte da Ilha que quizerem fugir dos congestionamentos que com certeza virão, já podem contar com uma alternativa. As empresas Aero Transfer Helisul e Golden Air estarão disponibilzando ao público, helicópeteros R44, Jet Ranger e Esquilo

fotos: banco de dados/fn

que têm apacidade para três, quatro e cinco passageiros, respectivamente. Sendo que o Jet Ranger e o Esquilo podem transportar até 150 quilos de bagagem. Todas as aeronaves são equipadas com ar condicionado e CD player. O serviço oferecido pelas empresas custam de R$ 300 a R$ 420 por passageiro dependendo da aeronave utilizada por um

O Jet Ranger pode transportar até quatro passageiros e 150 quilos de bagagens

O moelo R44 é outra aeronave colocada para voos entre o aeroporto e a Praia de Jurerê

trecho entre o Aeroporto Hercílio Luz, e a Praia de Jurerê. A opção de transporte aéreo proporciona ao passageiro a oportunidade de aproveitar as belezas naturais de Florianópolis e livrar-se dos engarrafamentos e problemas no trânsito, além de ser muito rápido já que o tempo de voo dura em média 20 minutos.

Segundo informações das empresas, a procura pelos voos já é grande, no entanto a parceria montada entre a Helisul e Golden Air, conseguirá atender a demanda que deverá aumentar com a proximidade do Révellion, quando o número de turistas que visitam o litoral catarinense é grande.


Esporte

Folha do Norte da Ilha > dezembro - 2010

15

Di Grassi é campeão, mas Bia Figueiredo rouba festa

Única mulher no grid, Bia emocionou o público com a vitória na segunda corrida do Desafio das Estrelas Da redação redacao@folhanorte.com.br

Na mais eletrizante definição da história do evento, Lucas di Grassi precisou do critério de desempate para superar outros três competidores com igual pontuação e vencer a quinta edição do Desafio Internacional das Estrelas, disputado no Kartódromo Arena Sapiens, nos dias 18 e 19 de dezembro. Di Grassi abandonou a segunda bateria, mas graças aos 25 pontos da vitória no sábado levou vantagem sobre Felipe Massa, Rubens Barrichello e Bia Figueiredo, que alcançaram o mesmo total. Vice-campeão e idealizador do evento, Massa reconheceu que nem em sonhos poderia imaginar um desfecho com tamanha carga dramática. “Nunca pensei que veríamos um final como este. O título mudava de dono a cada volta”, comemorou o piloto da Ferrari, que deixou escapar o bicampeonato ao se envolver em choque com Vítor Meira já nas últimas voltas e perder pontinhos decisivos. Desde o início da prova, por causa de um acidente envolvendo a própria Bia e Antonio Pizzonia, Di Grassi já havia abandonado com o escapamento quebrado e jogado a toalha. “Naquele momento, achei que nem mesmo ao pódio eu subiria. Fiquei torcendo do lado de fora e desta vez dei a sorte que não tive em 2008, quando perdi pela diferença mínima para o Rubinho. Mas é o tal negócio: quando tem de ser, é”, comemorou. As arquibancadas ferveram com maior intensidade em dois momentos: primei-

ro, quando Barrichello passou a mover implacável perseguição ao líder Jaime Alguersuari, o espanhol que deu o toque internacional à prova em 2010. Quase veio abaixo na ultrapassagem do brasileiro em cima do piloto da Toro Roso, mas entrou em delírio mesmo no momento em que a arremetida de Bia Figueiredo - apenas a 11ª no grid - parecia incontrolável. A torcida catarinense passou a empurrar a única mulher no grid até que ela deixou Barrichello para trás com uma manobra impecável. “Jamais imaginei que conseguiria ultrapassar um piloto tão bom como o Rubinho numa corrida”, admitiu Bia, que festejou em grande estilo depois de ver a bandeira quadriculada. Jogou o kart para o gramado, soltou os cabelos ao vento e correu para a galera que a aplaudia nas arquibancadas. Barrichello admitiu a superioridade da adversária, que correu com o motor utilizado por Alguersuari na véspera - os motores são sorteados entre as duas baterias. “Ela estava mais rápida e cheguei até a dar um tchauzinho quando vi que aquele kart amarelo chegando. Você nunca faz isso para ninguém na Fórmula 1”, lembrou o recordista de largadas na categoria. Mas não esperava a ressalva de Bia. “Uma vez você deu um tchau para o Schumacher, não foi?”, perguntou Bia, arrancando risos generalizados dos colegas e dos jornalistas. Massa não escondeu o orgulho pelo sucesso do Desafio. O público mais uma vez prestigiou - o kartódromo, com capacidade para cerca de 20 mil pessoas, esteve quase lotado nos dois dias -, a ideia

A grande novidade do Desafio das Estrelas foi a realização de uma prova noturna

fotos: Carsten Horst/divulgação/FN

Bia Figueiredo recebe a bandeirada da vitória e vai comemorar com o público presente

da corrida noturna, antecedida por show de música, foi bem recebida e as duas corridas foram, para dizer o mínimo, espetaculares. “O que construímos aqui foi impressionante e toda a organização está de parabéns”, analisou, já deixando claro que o formato será mantido em 2011. Só não pôde garantir que levará adiante a sugestão apresentada por um repórter para trazer mais representantes do sexo feminino para fazer frente a Bia Figueiredo. “O problema é que não existe uma piloto tão boa quanto ela”, elogiou Massa, que jurou ter corrido “às cegas” durante todo o tempo. “Só me preocupei em acelerar.

Não sabia que em certo momento eu seria campeão com as posições de pista.” Claramente emocionada pelo resultado histórico, Bia ganhou de presente o capacete de Tony Kanaan, quinto colocado a apenas um ponto de diferença dos quatro primeiros. Durante a semana, eles combinaram que quem vencesse uma corrida ganharia o capacete do outro. Ainda sem vaga na Fórmula Indy, espera que o esforço e o talento que demonstrou contra alguns dos nomes mais conhecidos do automobilismo mundial não tenham sido em vão. “Espero que os chefes de equipe da Indy tenham visto a corrida”, brincou.

Lucas Di Grassi conquistou o título do desfafio de 2010 que foi decidido no desempate


NORTE DA ILHA, DEZEMBRO DE 2010 - EDIÇÃO N° 144

Lucas Di Grassi vence o Desafio das Estrelas

Carsten Horst/divulgação/FN

Fluence o novo sedã médio da Renault

Página 12

Duplicação da SC-401 inicia no próximo ano gilberto gonçalves/fn

Página 5

Di Grassi venceu o desafio mas a grande sensação foi Bia Figueiredo

Página 15


Folha do Norte da Ilha