Issuu on Google+

QUARTA-feira, 19 de JUNHO de 2013 - edição 786

Quarta-Feira

19

de Junho de 2013

1

Ano XIII - Nº 786 - R$ 2,00

Protesto em Cornélio Procópio reúne mais de mil manifestantes

A manifestação contra aumento de tarifa do transporte coletivo que tomou conta das capitais e grandes cidades teve mais de mil participantes em Cornélio Procópio nesta terça-feira (18). Os manifestantes saíram do campus da UTFPR pouco mais das 17h00 com muitos cartazes, apitos e “caras pintadas”. Página 4

Polícia apreende artefatos suficiente para explodir quarteirão Página 7

Jovens de Santo Antônio da Platina organizam manifesto pelas ruas da cidade Os jovens de Santo Antônio da Platina, entusiasmados com os manifestos realizados em todo o país se reunirão na tarde desta quinta-feira, 20, para pedir por saúde, educação e cultura no município. Um dos organizadores do manifesto, o maquiador, Júnior Gomes disse em entrevista ao jornal Correio Notícias que a mobilização começou nesta segunda-feira, 17. Página 5

Deputado Pedro Lupion entrega mais de R$ 3.5mi a prefeitos da sua base Página 3


2

OPINIÃO QUARTA-feira, 19 de JUNHO de 2013 - edição 786

O movimento da hora presente

POR LUIZ WERNECK Eppur si muove, mas ao contrário do movimento da Terra, que não sentimos, na frase famosa de Joaquim Nabuco, este movimento que aí está não dá para não perceber. Em cima, em baixo, nas grandes capitais, nas periferias, no coração do Brasil, lá em Belo Monte, entre os índios, os sem-teto, os semterra, nas corporações profissionais e entre os estudantes, de dentro dessa crosta encardida que, há anos, a tudo abafava há sinais de vida nova. Os interesses e as ideias de cada qual são díspares, desencontrados uns dos outros, como seria de esperar numa sociedade que não mais reflete sobre si, que destituiu a política da sua dignidade e converteu os partidos políticos em instrumentos sem vida, máquinas eleitorais especializadas na reprodução política dos seus quadros. Os acontecimentos recentes em São Paulo, no Rio de Janeiro e em outras grandes cidades especialmente no caso paulista somente na aparência podem ser tomados como um raio em dia de céu azul. Igualmente enganoso seria compreendê-los como um mero, embora significativo, episódio de políticas públicas de transporte urbano. As reportagens dos meios de comunicação, em particular as da imprensa escrita, têm trazido à luz a identidade social de algumas lideranças desse movimento de ocupação popular das ruas, não poucas cursando universidades de elite, para as quais o aumento irrisório nas tarifas dos transportes não teria como explicar a reação, à primeira vista desproporcional, aos poucos centavos acrescidos a seu preço. A memória política talvez ajude a pensar o caso em tela: no segundo ano do governo de Juscelino Kubitschek, em 1956, um movimento de estudantes durante vários dias tomou as ruas na chamada greve dos bondes, no Rio de Janeiro, então capital federal, e seu alcance foi de tal natureza que se temeu a iminência de uma crise institucional. A crise foi contornada politicamente, com o próprio presidente Kubitschek intercedendo junto ao presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE), a quem recebeu em seu gabinete presidencial. Nesse registro, o que vale notar é que aquela movimentação estudantil transcendia a sua motivação declarada, o aumento do preço das passagens, encobrindo um malaise - sintoma que não escapou das sensíveis antenas políticas do presidente - que se arrastava desde o suicídio do presidente Getúlio Vargas e a subsequente turbulenta sucessão presidencial, em meio a golpes e contragolpes de Estado. Não há exagero em sustentar que a feliz solução daquela crise - exemplar em termos de sua orientação democrática vai estar na raiz da afirmação dos movimentos sociais nos anos subsequentes, os chamados "anos dourados", que viram nascer formas expressivas do moderno na cultura brasileira, como no Teatro de Arena, no Cinema Novo e na Bossa Nova, manifestações para as quais a

UNE e o seu Centro Popular de Cultura desempenharam um não pequeno papel. Foi assim que, de modo imprevisto e paradoxal, a modernização das estruturas econômicas do Brasil, desencadeada por decisões discricionárias do Poder Executivo - os "cinquenta anos em cinco" -, pôde se tornar compatível, numa sociedade dominada pelo tradicionalismo, com a emergência do moderno com as postulações que lhes são intrínsecas de autonomia da vida social. O paralelo com a situação atual não é arbitrário: hoje, tal como nos anos 1950, vive-se um tempo de acelerada modernização promovida por indução da ação estatal, que vem revolvendo as suas estruturas sociais e ocupacionais e provocando o realinhamento, em curto espaço de tempo, da posição de classes e de estratos sociais. Entre tantos processos dessa natureza, deve ser notada a nova configuração das chamadas classes médias, na esteira do processo de desenvolvimento capitalista do Brasil e da mobilidade social que a acompanha, inteiramente distintas, em termos de mentalidade e de inscrição no mercado, das que as antecederam. Como inevitável, tais transformações vêm repercutindo no sentido de enriquecer as agendas de demandas sociais, como se verifica com o tema da mobilidade urbana que somente agora chega à ribalta. Contudo, esse ângulo tópico é apenas a ponta mais sensível das atuais manifestações - muitas delas mal escondendo a carga de fúria de que são portadoras - que irrompem por toda parte em diferentes cenários, não apenas urbanos. Porém, sem dúvida, estamos longe das Praças Tahir, do Egito, e Taksim, da Turquia. Os movimentos sociais que emergem diante de nós não estão confrontados com um regime autoritário - vive-se na plenitude das liberdades civis e públicas. Há, no entanto, um componente novo nessa movimentação social a requerer precisa identificação, a que o repertório de interpretação corrente nos últimos anos não concede acesso. A chave somente se fará disponível quando se compreender que se está diante de uma insurgência democrática em favor do reconhecimento de novas identidades sociais e de direitos de participação na vida pública, especialmente das novas gerações. A hora da política está chegando e, com ela, a da remoção das instituições e práticas nefastas que a têm degradado, tal como nesta forma bastarda de presidencialismo de coalizão sob a qual se vive, engessando a moderna sociedade brasileira no passado e no anacronismo destes novos coronéis da vida republicana. Há riscos na hora presente, e um dos maiores deles é o de não agir no sentido de evitar que a juventude se distancie dos valores da democracia, o que pode vir a ocorrer por intervenções desastradas dos atuais governantes. O desfecho de 2013 não pode repetir o de 1968.

tapete vermelho Aspiradores de pó, liquidificadores, espremedores e batedeiras, aquecedores e secadores de cabelo consumidos no Brasil já não são produzidos pela indústria local, e, sim, importados, em especial, do Sudeste Asiático e da China, segundo a Associação Brasileira da Indústria Eletroeletrônica (Abinee). Mas é ocioso lamentar a perda de mercado ou pleitear medidas protecionistas para a indústria local, como fazem seus representantes nos gabinetes de Brasília, pois o principal problema é o custo de produzir aqui, mais oneroso do que na maioria dos países concorrentes, deixando o produto local fora do mercado internacional. Na China, além de mão de obra barata, tributação módica, infraestrutura adequada, uma logística de alto nível permite o embarque e o desembarque de mercadorias em portos modernos com custos razoáveis e muito mais eficiência do que no Brasil. O mesmo acontece em outros países voltados para a exportação. Isso faz toda a diferença. Em 2010, foram produzidos no País 448 mil aspiradores de pó e importados 2,4 milhões; a produção local de liquidificadores e espremedores de frutas foi de 13,8 milhões e a importação de 73 milhões; só 25 mil

MÓVEIS E RENDA A indústria moveleira vem se destacando no Paraná. Segundo dados do Sindicato da Indústria do Mobiliário e Marcenaria do Estado do Paraná (SiMov), atualmente são 2.500 indústrias em atividade. No Sudoeste o setor se destaca: em Dois Vizinhos há 11 empresas; em Ampére há 19 empresas e 35 em Francisco Beltrão. Com isso, a geração de empregos nessa área cresce bastante. PERTO DO CIDADÃO O novo Fórum Trabalhista de Ponta Grossa pode ser finalizado ainda em 2013. O cronograma está adiantado, podendo ser concluído antes do prazo. A expectativa é que o Fórum seja inaugurado no dia primeiro de dezembro deste ano. A estrutura tem cerca de oito mil metros quadrados e vai abrigar seis Varas do Trabalho. O objetivo é facilitar o acesso da população aos serviços. NÚCLEO DO PESCADO Está sendo discutida a implantação de um Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento em Aquicultura e Processamento do Pescado em Maripá, no Oeste. A UFPR do Setor Palotina desenvolve pesquisas envolvendo a aquicultura. São estudos com a intenção de implantar laboratórios para desenvolver a carcinicultura (criação de camarão em água doce em consórcio com a tilápia), desenvolvimento e inovação tecnológica na aquicultura, entre outros, além da viabilização de um Frigorífico Escola para o abate de peixes. PRÊMIO DE LITERATURA Estão abertas as inscrições para Prêmio Paraná de Literatura 2013. O concurso vai selecionar livros inéditos em três categorias: Romance (prêmio Manoel Carlos Karam), Contos (prêmio Newton Sampaio) e Poesia (prêmio Helena Kolody). Os interessados podem se inscrever até 31 de julho. O vencedor de cada categoria receberá R$ 40 mil e terá sua obra publicada pela Biblioteca Pública do Paraná, com tiragem de mil exemplares. DESTINAÇÃO CORRETA O município de São João do Ivaí, Norte do Estado, regulariza o aterro sanitário. Agora a estrutura funciona com licença do Instituto Ambiental do Paraná. O espaço conta com adaptações no balcão de triagem e tem uma cooperativa de catadores para fazer o trabalho de reciclagem. Segundo informações da Secretaria Estadual de Agricultura, 93 dos 399 municípios do Paraná encaminham seu lixo para lixões e muitos são irregulares. FESTA DO PINHÃO São José dos Pinhais, na região de Curitiba, se prepara para a Festa do Pinhão, que acontece entre 5 e 7 de julho. O evento será no Caminho do Vinho e traz diversas atrações nacionais. Além dos shows para toda a família, serão comercializadas comidas típicas de inverno e o pinhão. A festa não foi realizada no ano passado e retorna em 2013. INDÚSTRIA FORTE A industrialização se mostra fortalecida no interior do Paraná. A recente inauguração do frigorífico e abatedouro de frangos em Ubiratã, no Centro-Oeste do Estado, é mais um exemplo do processo. Mais de 67 % dos investimentos atraídos pelo programa Paraná Competitivo nos últimos dois anos estão localizados nas cidades do interior. Já foram investidos R$ 20 bilhões em todas as regiões. REMÉDIOS COM DESCONTO Entidades que representam os aposentados querem que mais remédios, entre eles o Viagra, indicado para impotência, tenham desconto. O pedido é para que sejam incluídos na lista de medicamentos do programa Farmácia Popular, do governo federal. Hoje, 112 itens são oferecidos à população com descontos de até 90%, sendo que remédios para asma, diabetes e hipertensão são gratuitos. QUALIDADE DA ÁGUA Aproximadamente 80% das plantas nativas que protegem o Ribeirão Arara, em Paranavaí, no Noroeste, já foram recuperadas. O trabalho de readequação da mata ciliar teve início na década de 1990 e deve ser concluído em cinco anos, segundo informações do Instituto Ambiental do Paraná (IAP). O Arara é fundamental, já que é a principal fonte de abastecimento de água potável de Paranavaí. INCENTIVO À LEITURA Em Ribeirão Claro, algumas escolas desenvolvem ações para resgatar o interesse pela leitura nos alunos do segundo Ano. A iniciativa faz parte do projeto de leitura da escola, batizado de “Livro que te quero ler”. O projeto concorrerá no programa Agrinho 2013, com o tema “Ler é um prazer”. São realizadas atividades envolvendo leitura de livros com registro e contação de histórias.

Errata Ao contrário do que foi publicado na edição de terça-feira (18), na matéria ‘Provopar de Siqueira Campos promove Chá Beneficente’, o evento acontece no sábado (6) e não no domingo (7). O arquivo EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 56/2013 publicado na edição 788 no dia 18/06/2013 deveria ser publicado com a data de 17/06/2013 À redação.

jornalística correio do norte s/c ltda - cnpj: 07.117.234/0001-62 Site: www.correionoticias.com.br - E-mail: editais@correionoticias.com.br diagramacao@correionoticias.com.br escritório siqueira campos Rua Dos Expedicionários,1525 - centro correiodonorte@correiodonortesc.com Siqueira Campos - Paraná REPRESENTAÇÃO (43) 3571-3646 | (43) 9604-4882 MERCONET Representação de Veículos de Comuniescritório CORNÉLIO PROCÓPIO Rua Mato Grosso, 135 - centro Cornélio Procópio - Paraná (43) 3523-8250 | 9956-6679

aquecedores foram feitos aqui, enquanto 1 milhão foi adquirido no exterior; 3,7 milhões de secadores de cabelo foram produzidos internamente e 9 milhões foram importados, mostrou reportagem do Globo ontem. O governo parece mais uma vez inclinado a remediar o problema, sem lhe dar solução. Máquinas de lavar, fogões e geladeiras, além de aparelhos de áudio e vídeo já foram beneficiados por incentivos e agora poderão ser adquiridos pelos mutuários do programa de habitação Minha Casa, Minha Vida com juros subsidiados e a longo prazo. Em 2014, segundo o diretor de Setores Intensivos em Capital e Tecnologia do Ministério da Indústria, Comércio e Desenvolvimento (Mdic), Alexandre Cabral, os eletroportáteis serão prioritários para o governo federal. Uma nova despesa fiscal se prenuncia. Mais desafiador, mas muito mais correto, seria enfrentar as deficiências de infraestrutura e o custo Brasil. Os governos do PT perderam uma década sem provar que são capazes de remover os gargalos logísticos que roubam competitividade do produto brasileiro. Estenderam, assim, um tapete vermelho para que os exportadores chineses caminhassem maciamente, a baixo custo.

AB NOTÍCIAS PARANÁ

cação LTDA Rua Dep. Atilio de A. Barbosa, 76 conj. 03 - Boa Vista - Curitiba PR Fone: 41-3079-4666 | Fax: 41-3079-3633

Direção Elizabete Gois EDITORA CHEFE Elizabete Gois redação Camila Consulin, Isa Machado, Regiane Romão, Isamara Machado administrativo Claudenice Machado, Emilia Kuster COLUNISTA Gênesis Machado

Siqueira Campos Cornélio Procópio Curitiba Ibaiti Japira Jaboti Salto do Itararé Carlópolis Joaquim Távora Guapirama Quatiguá Jacarezinho Conselheiro Mairinck Pinhalão

BARRACÃO COMUNITÁRIO Em Irati, Centro-Sul do Estado, a comunidade rural de Cerro do Canhadão acaba de receber um barracão comunitário. A estrutura irá promover o desenvolvimento socioeconômico da comunidade. São 400 metros quadrados e foi construído em terreno da prefeitura. A obra recebeu investimentos totais de aproximadamente 190 mil reais na obra que beneficiará mais de 60 famílias.

Tomazina Curiúva Figueira Ventania Sapopema São Sebastião da Amoreira Nova América da Colina Nova Santa Bárbara Santa Cecília do Pavão Santo Antônio do Paraíso Congoinhas Itambaracá Santa Mariana Leópolis

Sertaneja Abatiá Rancho Alegre Cambará Primeiro de Maio Ribeirão do Pinhal Florestópolis Nova Fátima São Gerônimo da Serra Barra do Jacaré Santo Antônio da Platina Santa Amélia Arapoti Sertanópolis Jaguariaíva Bela Vista do Paraíso Sengés Ribeirão Claro São José da Boa Vista Wenceslau Braz Santana do Itararé Circulação Jundiaí do Sul Andirá

FILIADO A Associação dos Jornais Diários do Interior do Paraná


POLÍTICA QUARTA-feira, 19 de JUNHO de 2013 - edição 786

Deputado Pedro Lupion entrega mais de R$ 3.5mi a prefeitos da sua base

Divulgação

Prefeitos de várias cidades juntamente com o Deputado Pedro Lupion

De Curitiba Assessoria Onze, das vinte prefeituras municipais atendidas pelo deputado estadual Pedro Lupion (Democratas) assinaram, na noite de segunda-feira (17), o Plano de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios (PAM). As prefeituras de Abatiá, Andirá, Barra do Jacaré, Bela Vista do Paraíso, Cornélio Procópio, Ibaiti, Ivaí (Campos Gerais), Jacarezinho, Ribeirão Claro, Santo Antônio da Platina e São Sebastião da Amoreira receberam do governador Beto Richa a autorização para a transferência dos recursos.

Segundo o deputado Pedro Lupion, os recursos são repassados a fundo perdido para os municípios com menos de 50 mil habitantes e serão utilizados cerca de R$ 150 milhões, proveniente de devolução orçamentária feita pela Assembleia Legislativa ao Governo do Paraná. O programa determina que após a aprovação da adesão do município ao PAM os chefes dos executivos municipais devem definir, após realização de audiência pública, em qual setor serão aplicados os recursos. Depois de decidido a área do município que receberá o recurso, a ata da audiência pública deve ser enca-

minhada à Secretaria de Estado de Governo que executará a movimentação de crédito orçamentário, no valor exato a ser liberado, para a Secretaria de Estado que executará a obra ou adquirirá o bem, por meio de convênio com o município. Segundo o governador Beto Richa os recursos provenientes do PAM já atenderam mais de 240 prefeituras, e a elaboração do plano surgiu da identificação de dificuldades financeiras apresentadas pelas administrações municipais. “Nosso governo é municipalista, fui prefeito, e nas devidas proporções, sei das dificuldades que os chefes do executivo estadual enfrentam no dia a dia, princi-

palmente às pequenas cidades”, enfatizou Richa. De acordo com a proposta de apoio aos municípios, as prefeituras recebem de R$ 300 mil a R$ 550 mil, de acordo o número de habitantes. Até o final de junho, todos os municípios habilitados receberão os investimentos. “O ponto forte desse programa é que a população escolhe a obra e a prefeitura não precisa devolver os recursos ao Estado”, explicou Richa. Na segunda-feira, também, foram transferidos recursos a fundo perdido para outras quinze prefeituras das regiões do Estado.

Vereadores de Wenceslau Braz aprovam projeto para iniciar trabalhos com maquinários do programa Patrulhas do Campo Segundo o vereador, Roberto Luiz Rodacki, o município necessita disponibilizar mão de obra para que as estradas rurais possam passar por reformas De Wenceslau Braz Camila Consulin Foi aprovado por unanimidade nesta terça-feira (18) na 28ª sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Wenceslau Braz, o projeto 050/2013 que disponibiliza de servidores públicos para trabalhar com as máquinas entregues pelo programa Patrulhas do Campo, através do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Regional (Codren). De acordo com o vereador, Roberto Luiz Rodacki, o município necessita disponibilizar mão de obra para que as estradas rurais possam passar por reformas. “Com os funcionários disponíveis o programa começará a funcionar no município o quanto antes”, disse. Além disso, o programa Patru-

lhas do Campo beneficiou os municípios de Salto do Itararé, Santana do Itararé, São José da Boa Vista e Siqueira Campos. O programa apoiou os municípios organizados em consórcios com o repasse de máquinas e equipamentos para obras de manutenção, conservação e adequação em estradas rurais. Os três conjuntos de maquinário garantirão a recuperação de estradas rurais de toda a região. Com isso, o vereador Luiz Alberto Antônio, o Beto do Esporte, ressaltou o pedido para a reforma da estrada que dá acesso até a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae). "A estrada que vai para a Apae está em péssimas condições, com difícil acesso. Os motoristas estão com dificuldades em levar e buscar os alunos”, informou.

O presidente da Câmara, Ademar Aparecido Gardenal, disse que os problemas da estrada que liga a sede da Apae até o município, já é de conhecimento do prefeito Atahyde Ferreira dos Santos Júnior, o Taidinho. “Solicitei verbalmente ao prefeito Taidinho, a reforma na estrada e logo já estará reformada conforme pedido”, ressaltou. A próxima sessão ordinária está prevista para acontecer na próxima segunda-feira (24). Segundo a vereadora, Margareth Ferreira Rocha Pereira, a sessão será antecipada devido a oficina ‘Formação em Ação’ que acontecerá na terça-feira (25) e contará com a presença de três vereadores. “É exigência do Estado que todos os funcionários de educação participem deste curso, para que haja avanço na carreira dos professo-

res, funcionários e pedagogos”, disse. Formação em Ação O Formação em Ação é um evento de formação continuada promovido pela Secretaria de Estado da Educação (SEED), através dos Núcleos Regionais de Educação (NREs) com carga horária de 16 horas, dividida em duas etapas distintas de 8 horas, uma em cada semestre. A capacitação oferece oficinas voltadas para cada disciplina, mais a modalidade de educação profissional e oficinas voltadas para agentes educacionais. Os temas específicos buscam atender as necessidades das escolas e a realidade dos educadores. Das 8 horas previstas em cada etapas, 2 horas são destinadas ao debate da educação especial e inclusão educacional.

3

Tragédia Um acidente brutal tirou a vida de uma professora aposentada de Joaquim Távora. Por volta das 16:40 da tarde de ontem, terça-feira (18), Eunice Camargo da Silva, entrou debaixo de um caminhão que vinha sentido Joaquim Távora a Santo Antonio da Platina, o Fox que a professora dirigia ficou praticamente debaixo do caminhão. A professora morreu na hora da batida.

Reunião da câmara Hoje tem reunião dos vereadores de Siqueira Campos, a promessa é que a sessão de hoje (19) seja longa e com muitas discussões, já que as matérias, ou seja, os projetos são acúmulos de duas sessões, na semana passada os vereadores tiveram uma sessão mais curta e optaram por fazer uma extraordinária que deveria ter acontecido na segunda-feira (17), mas foi cancelada em respeito ao falecimento da mãe de um vereador. A coluna vai acompanhar a sessão e trazer os detalhes na quinta-feira. Conversando Na última segunda-feira (17), o prefeito de Siqueira Campos, o Fabiano Lopes Bueno, Bí do PSB, a convite de um dos diretores da Pro Tork, acredito que seja o Marlon Bonilha, esteve na sede da empresa para uma conversa. Os motivos e os assuntos tratados a coluna não ficou sabendo ainda, mas o encontro é uma novidade, pois é o primeiro depois das eleições onde foram adversários. Uma coisa é certa, o bom senso está sendo usado e acredito por ambas as partes, a prefeitura precisa da grande empresa que gera os empregos e a grande empresa precisa conviver em harmonia com a prefeitura. Todos sabem que a política passou e a vida continua, então parabéns aos empresários e ao prefeito, o caminho é o diálogo. Fábrica de denúncias Se fosse só atirar as pedras era fácil, mas muitas vezes as pedras ficam pesadas e cada vez mais difíceis de atirar. Diariamente a redação do CN recebe denúncias de políticos que sempre estão nos holofotes criticando ou culpando alguém pelas coisas erradas sem dar as soluções. Resumindo, o que tem de gente que quer aparecer todo certinho e está todo enrolado não está escrito. Parabéns O deputado estadual Pedro Lupion (DEM) está mostrando o porque é tão popular e procurado pelos prefeitos da sua base. Ele acabou de viabilizar junto ao governo a libe-

ração de mais de 3,5 milhões de reais para os municípios. Onze, das vinte prefeituras municipais atendidas pelo deputado estadual Pedro Lupion (Democratas) assinaram, na noite de segunda-feira (17), o Plano de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios (PAM). Comissão de Direitos Humanos aprova projeto sobre "cura gay" A Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara aprovou há pouco, por votação simbólica, o projeto de decreto legislativo que autoriza o tratamento psicológico para alterar a orientação sexual de homossexuais, chamado de "cura gay". A matéria segue agora para análise da Comissão de Constituição e Justiça. Contrário ao projeto, o deputado Simplício Araújo (PPS-MA) tentou obstruir a votação, sem sucesso. “Vocês [deputados evangélicos] não vão entregar para a comunidade evangélica o que estão prometendo, porque não há tratamento para o que não é doença. Quem dera que o Conselho Federal de Psicologia pudesse curar a cara de pau e todos os distúrbios da classe política deste país”, disse. Para ele, a votação da proposta tem caráter "eleitoreiro". Governo abre crédito Os micros, pequenos e médios empresários paranaenses que atuam nos setores de comércio e serviços terão a partir de agora uma nova opção de crédito. A Fomento Paraná, instituição do Governo do Estado, firmou um acordo em cooperação técnica com a Federação do Comércio do Paraná (Fecomércio) para garantir acesso dos associados da federação às linhas de crédito do Banco do Empreendedor. O termo foi assinado pelo governador Beto Richa, o presidente da Fecomercio, Darci Piana, e o presidente da Fomento Paraná, Juraci Barbosa, nesta segunda-feira (17), no Palácio Iguaçu, em Curitiba. “Estamos democratizando o acesso ao crédito a este setor que tanto contribui para o crescimento econômico do nosso Estado”, afirmou o governador.


4

REGIONAL QUARTA-feira, 19 de JUNHO de 2013 - edição 786

Protesto em Cornélio Procópio reúne mais de mil manifestantes De Cornélio Procópio Betty Gois

A manifestação contra aumento de tarifa do transporte coletivo que tomou conta das capitais e grandes cidades teve mais de mil participantes em Cornélio Procópio nesta terça-feira (18). Os manifestantes saíram do campus da UTFPR pouco mais das 17h00 com muitos cartazes, apitos e “caras pintadas”. A manifestação teve ontem o seu sexto dia em protestos que começaram contra o aumento das passagens de ônibus, trem e metrô em São Paulo, organizado pelo Movimento Passe Livre, mas ao longo dos dias abraçou outras causas. A reportagem do CN foi até a UTFPR para falar com os líderes do movimento, para saber o motivo dos protestos em Cornélio Procópio, mas ninguém quis falar sobre o assunto e foi informada de que a

idéia de aderir ao manifesto surgiu em uma roda de amigos estudantes e foi bem aceita pela população após terem postado na rede social Facebook. Até às 16h15 de ontem 1.828 pessoas já tinham confirmado a presença no evento via Facebook. O Correio Noticias também tentou falar com alguns vereadores sobre a manifestação que parou em frente à Câmara dos Vereadores, o vereador Rafael Haddad Manfio, falou à tarde que iria participar de uma reunião com os líderes para saber quais os objetivos da passeata. Durante todo o dia o assunto foi comentado em sites, rádios e blogs que diziam que listavam prioridades para o manifesto, além da melhoria no transporte coletivo, existiam pedidos como a melhoria no atendimento da Santa Casa, na educação, pedindo respeito aos ciclistas e contra corrupção, à

PEC 37, aos recursos investidos na Copa 2014 e a violência policial contra os manifestantes, nos mesmos moldes da manifestação a nível nacional, houve protesto também sobre um projeto que deve ser votado hoje em reunião extraordinária na Câmara de Vereadores para compra de um imóvel no valor de 1,7 milhão para nova sede do poder legislativo. A mobilização foi acompanhada em todo seu percurso por policiais militares, após um protocolo de alunos da UTFPR no 18º BPM informando a passeata que saiu em frente à Universidade na Avenida Alberto Carazzai e direção a Avenida XV de Novembro, desceu até a Avenida Minas Gerais e parou em frente à Câmara Municipal. De acordo com pessoas que preferiram não se identificar, o local foi escolhido após ter sido palco de outro protesto há poucos dias.

Fotos: Dezinha Machado

Manifestantes confeccionaram cartazes mostrando suas reivindicações


CIDADES QUARTA-feira, 19 de JUNHO de 2013 - edição 786

5

Jovens de Santo Antônio da Platina organizam manifesto pelas ruas da cidade O evento acontecerá na próxima quinta-feira, 20 e sairá da Praça da Matriz e terá como destino a prefeitura

De Santo Antônio da Platina Regiane Romão Os jovens de Santo Antônio da Platina, entusiasmados com os manifestos realizados em todo o país se reunirão na tarde desta quinta-feira, 20, para pedir por saúde, educação e cultura no município. Um dos organizadores do manifesto, o maquiador, Júnior Gomes disse em entrevista ao jornal Correio Notícias que a mobilização começou nesta segundafeira, 17. “Duas meninas se pronunciaram no meu facebook, e como eu sou uma pessoa envolvida com causas sociais resolvi me envolver também nesse protesto. Eu tenho cinco mil amigos no facebook, não só do Paraná, mas de todo o Brasil, por isso e com o gancho do que está acontecendo resolvi mobilizar os platinenses”. Júnior ressaltou que até agora,

512 pessoas já confirmaram presença. “Marquei às 18h porque não quero atrapalhar a vida de ninguém, sei que tudo vai estar fechado, mas a nossa intenção é chamar atenção da sociedade para os problemas da nossa cidade”. Ele declarou ainda, que em momento algum teve a pretensão de ser o líder da manifestação. “Embora não tivesse intenção, acabei me envolvendo no manifesto, por isso pretendo ir à Polícia Militar e me interar do que pode ser feito. Reuni alguns amigos e vamos cobrar respostas, sobre a revitalização da Praça da Matriz, melhor atendimento no hospital, as pessoas precisam acordar e perceber que quem manda é a sociedade”. O maquiador, disse ainda que acredita que a rede social veio para mudar o Brasil. Júnior disse que acha impossível haver politicagem por trás. “Por trás do nosso

movimento não há nem um tipo de politicagem, tanto que não deixaremos vereadores fazer discurso, se eles quiserem ir como brasileiros tudo bem, como políticos não”. Nós mostraremos que aqui não é mais o Norte Velho, que todos podem roubar a vontade, explicou o militante. “Chega de roubalheira, agora é o momento de ir para as ruas clamar por um país melhor para se viver”. Júnior, que é homossexual assumido, disse que a aceitação da sociedade em relação aos homo afetivos não fará parte do manifesto. “Estou aqui sem ideologia sexual, estou aqui como brasileiro e hoje eu luto contra a corrupção e contra todas as coisas que eu considero erradas”. Mesmo assim, ele não descartou a possibilidade de reunir os amigos homo afetivos e cobrar o direito deles, caso algum seja deixado de lado.

Regiane Romão

Júnior Gomes disse que não tinha intenção de ser o líder do manifesto, mas isso aconteceu naturalmente

Homo afetivo assumido, Júnior busca garantir seus direitos perante a sociedade. Quando questionado sobre a votação do pastor Marcos Feliciano em um projeto que prevê a ‘cura gay’, ele é enfático ao dizer que acha válido. “Quem sente a necessidade de ser curado, ótimo, procure um especialista. O que eu não posso e não vou aceitar é ser obrigado a isso, já que eu tenho convicção que não preciso de cura nenhuma. Todo tem um livre arbítrio e eu sei que é difícil para uma sociedade heterossexual falar de um homossexual. Eu sei tudo o que eu já passei, principalmente por ter assumido um relacionamento sólido, e dizer abertamente sobre isso”. Os homo afetivos lutam por um casamento no civil e não por um ritual na igreja. “Quero garantir os direitos do meu companheiro, e também e isso não é um ritual de religião, o que vale é lei, e é isso que nós buscamos”. Sobre adoção, Júnior disse, categoricamente, que não pretende ter filhos, já que a sociedade brasileira não está preparada para conviver com uma criança criada por dois pais ou duas mães. Além disso, ele acha primordial a presença da mãe na educação de uma criança. “Eu tive uma mãe, que me criou e participou da minha educação. Sei que eu tenho um ponto de vista, e sei que muitas vezes sou criticado por outros homo afetivos. Eu não quero ter um filho que sofrerá preconceitos no futuro”.

CISNORPI realiza projeto voltado para cuidados dos rins Ilustrativa

Reunião com comerciantes em Jacarezinho

Marcos Jr.

Reunião para discutir sobre a feirinha do Bras

De Santo Antônio da Platina Marcos Junior Uma atenção especial com os rins. Esta é a finalidade do Projeto PRO RIM desenvolvido pelo Consórcio Público Intermunicipal de Saúde do Norte Pioneiro (CISNORPI) com consultas realizadas semanalmente de acordo com a necessidade de cada paciente.

Os rins são considerados como essenciais para o funcionamento correto do nosso organismo. Entre suas principais funções destacam-se: eliminar toxinas ou dejetos resultantes do metabolismo corporal: uréia, creatina, ácido úrico, entre outros. Segundo a enfermeira gerente Janaina Luiz Pereira o Projeto PRO RIM possui uma

equipe multiprofissional que é composta por médico nefrologista, enfermeira, técnica em enfermagem, psicóloga, farmacêutica, assistente social, educador físico e nutricionista, cada profissional orientando os pacientes como controlar a pressão arterial e os níveis de creatinina. Para fazer parte deste Projeto, o interessado pode procurar a Secretaria Municipal de Saúde do seu município.

De Jacarezinho Marcos Junior Os comerciantes de Jacarezinho participaram na noite desta segunda-feira, 17, numa reunião na Câmara Municipal para protestar contra a realização da “Feirinha do Brás” na cidade. Participaram os vereadores Diogo Augusto Biato Filho, Fabiano Saad, Francisco Carlos Moraes (Chico Serraia), Fúlvio Boberg,

José Izaías Gomes (Zola), Luciane Alves, Marcos Aparecido Ganzela (Marcos Colosso), Ricardo Tonet (Fucinho) e Valdir Maldonado. Além do vice-prefeito de Jacarezinho, José Carlos Molini e representantes da Associação Comercial e Empresarial de Jacarezinho (ACIJA). Segundo o vice-prefeito a organização do evento entregou todos os documentos necessários para a liberação do alvará,

mas após verificação foi constatado que era do prédio da AABB. “A Prefeitura não pode negar um alvará para quem chega com toda a documentação ao município. Pois existe a livre concorrência. Mas é preciso que tenha um laudo provisório do bombeiro sobre o evento a ser feito e isto não tem anexado até o momento”, enfatiza José Carlo Molini. O alvará expedido deverá ser revogado.


6

ESPORTES

QUARTA-feira, 19 de JUNHO de 2013 - edição 786

Felipão não vê onda de protestos afetar o time: 'A Seleção é do povo'

Treinador diz que manifestações não têm nada a ver com a equipe canarinho, mas pede que protestos espalhados pelo país sejam pacíficos De Fortaleza Globo Esporte A onda de protestos e manifestações que tomou as cidades brasileiras também é assunto na Seleção. Nesta terça-feira, véspera do jogo contra o México, o técnico Luiz Felipe Scolari não quis se aprofundar sobre o assunto, mas não acredita que os brasileiros, que protestam contra o custo da Copa do Mundo, se virem contra a equipe brasileira. - A Seleção é do povo. Somos do povo. Acho que estamos dando a eles aquilo que eles mais esperam de nós: que o time vá crescendo e possa representar o Brasil . Esse é nosso trabalho e é isso que estamos fazendo. Não temos interferência nas outras áreas. Sobre as manifestações, o Scolari afirmou que os brasileiros têm o direito de protestar. No entanto, pediu que os protestos sejam pacíficos. - É comum e normal numa

democracia que se aceitem as demonstrações e situações sejam recebidas e percebidas pelo nosso governo ou pessoas envolvidas. Tomara que continuem a ser pacificas, democráticas, normais. É o que nós queremos. Liberdade de expressão para os jogadores Felipão evitou se posicionar, tomar partido, mas aprovou as manifestações dos jogadores da equipe a respeito dos protestos. Na noite anterior, Daniel Alves e Dante publicaram apoio ao movimento nas redes sociais. Na entrevista do início desta tarde, o zagueiro David Luiz também se declarou favorável. Pessoas de outras modalidades e ex-atletas também revelaram suas opiniões. A participação dos jogadores foi enaltecida pelo técnico da Seleção. - Os jogadores têm total liberdade para opinarem sobre qualquer assunto, desde que cada um assuma sua responsabilidade. As manifestações dos atletas são

interessantes porque me parece que essa alienação que é imposta aos nossos profissionais está deixando de existir. O treinador disse também que não teme a imagem que os estrangeiros terão do Brasil em razão da série de protestos. Ele citou como exemplo manifestações em Londres antes das Olimpíadas do ano passado, e que não abalaram o prestígio da Inglaterra. Para ele, desde que seja pacífico, o movimento popular deve ser respeitado e entendido pelos governantes. - É comum e normal numa democracia que essas situações sejam recebidas e percebidas pelo nosso governo ou por pessoas envolvidas. Tomara que continuem a ser pacíficas, democráticas, é o que queremos. Vamos ter de entender e, a partir dessa possibilidade de as pessoas se manifestarem, termos a evolução que esperamos para o Brasil.

Jefferson Bernades

Felipão dá carta branca para jogadores se manifestarem

A superioridade em números: Primeira etapa dos JAPs define campeão da bocha e semifinalistas Fúria não perde um jogo do futebol, vôlei e basquete oficial há três anos

William Bilches

São 26 partidas de invencibilidade, desde a derrota para a Suíça na Copa do Mundo de 2010. Time ficou dez horas sem levar gol em competições AFP

A fase regional dos Jogos Abertos do Paraná é realizada pela Secretaria de Estado do Esporte, conta com a parceria das prefeituras municipais e dos escritórios regionais do esporte.

De Ribeirão do Pinhal William Bilches

Iniesta diante da marcação de Pereira e Suárez contra o Uruguai: posse de bola envolvente

Do Rio de Janeiro Globo Esporte Até houve quem ameaçasse a soberania da Espanha nos últimos anos. Alemanha e Holanda em 2010, na Copa do Mundo; novamente a Alemanha, e depois a Itália, na Eurocopa de 2012. Sem chance. Ninguém conseguiu desbancar a Fúria. É uma superioridade escancarada pelos números. Por exemplo: lá se vão três anos desde que a Espanha perdeu pela última vez uma partida oficial. E, dado o que se viu também na vitória sobre o Uruguai por 2 a 1 na estreia na Copa das Confederações no último domingo (assista na reportagem do vídeo), só uma hecatombe faria o Taiti, próximo adversário da Roja, quebrar essa série. É a segunda maior série invicta da Espanha em sua história, superada apenas pelos 35 jogos sem perder entre 2007 e 2009. A derrota mais recente, excetuados amistosos, foi na Copa do Mundo de 2010, já na primeira rodada: 1

a 0 para a Suíça. Naquele jogo, em Durban, na África do Sul, a Espanha foi muito superior. Mas perdeu. Depois, passou sem fracassos por todas suas partidas no Mundial, todas na Eurocopa de 2012, todas nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, mais a estreia na Copa das Confederações de 2013, a vitória de 2 a 1 sobre o Uruguai no último domingo. A sequência chega a 26 jogos. Impressiona a força espanhola em mata-matas. São sete avanços (ou títulos, em caso de finais) consecutivos, seis deles com vitórias. Quatro na Copa do Mundo: 1 a 0 sobre Portugal, Paraguai, Alemanha e Holanda. Três na Eurocopa: 2 a 0 sobre a França, 0 a 0 com Portugal (4 a 2 nos pênaltis), 4 a 0 na Itália. A última eliminação foi nas semifinais da Copa das Confederações de 2013 – derrota de 2 a 0 para os Estados Unidos. O time chegou a 600 minutos, ou dez horas, sem levar gols em competições – considerandose que as eliminatórias são uma etapa classificatória. A sequência

foi quebrada por Luis Suárez, no final do jogo deste domingo, na Arena Pernambuco – vencido pela Espanha por 2 a 1. Foi uma atuação, especialmente no primeiro tempo, que referendou o ótimo momento dos campeões mundiais. - Fizemos grandes partidas, mas nesta tivemos uma posse muito grande, entrando pelos lados. Foi um grande trabalho. Estamos felizes – disse o meia-atacante Pedro. Derrotas em amistosos Em jogos não-oficiais, porém, a Espanha teve quatro derrotas desde a Copa do Mundo de 2010. E duas por goleada: 4 a 1 para a Argentina e 4 a 0 de Portugal. Também caiu contra Itália (2 a 1) e Inglaterra (1 a 0). O duelo com os britânicos foi a derrota mais recente. Ocorreu em 12 de novembro de 2011, em Wembley. O gol saiu no segundo tempo, quando o técnico Vicente del Bosque modificou quase toda a equipe. Desde lá, a Espanha não perdeu mais.

Terminou em Ribeirão do Pinhal neste domingo (16.06) a primeira etapa da fase regional dos 56º Jogos Abertos do Paraná. Foram três dias de disputas em cinco modalidades. No próximo final de semana, de 21 a 23 de junho, a competição continua, com as semifinais e finais, do basquete, vôlei, futebol, futsal feminino e quartas de finais do futsal masculino. O handebol inicia na sexta-feira (21). Arapoti dividiu a competição com Ribeirão do Pinhal sediando a competição do bocha no sábado (15). Em casa, os arapotienses dominaram todas as partidas vencendo as provas de trio, dupla e individual, todas completadas com 12 pontos. A prata ficou com o único adversário Uraí. A competição aconteceu no Clube de Campo Nhanjeara. O show do basquetebol regional aconteceu no ginásio de Esportes Nova Carvalho. Os quatro melhores seguem nas semifinais. Invictos na competição, os jacarezinhenses derrotaram a equipe dos platinenses, no jogo que terminou em 58 a 40. Na outra partida que definiu vaga, o time de Cornélio Procópio derrotou com 73 pontos a 40, o time de Sengés. Na semifinal, os jacarezinhenses pegam o time de Assaí. Já os procopenses decidem vaga na grande final com o time de Andirá. As partidas de futsal foram as que atraíram o maior público. Pelo feminino, seguem quatro classificados para as semifinais. As equipes classificadas são Assaí, Jataizinho, Santo Antônio da Platina e Corné-

lio Procópio. O time de Assaí teve três vitórias, a primeira foi contra Andirá por 2 a 0; a segunda venceu Sengés por 9 a 3, e no domingo derrotou a equipe da casa por 5 a 2. Jataizinho também segue invicto, com vitórias sobre Cornélio Procópio de 4 a 1; Santa Amélia de 5 a 2 e no jogo de ontem venceu a equipe de Santa Cecília do Pavão de 6 a 2. Já na outra chave o time de Santo Antônio da Platina venceu duas partidas, uma contra Cambará, por 3 a 2, outra de Bandeirantes por 7 a 2. A equipe de Cornélio Procópio se classificou por critério técnico (averege), após ter vencido Santa Cecília do Pavão, por 5 a 2 e de Santa Amélia de 5 a 1. O futsal masculino foi disputado por 20 equipes, divididos em seis grupos, classificando para as quartas de finais os seis primeiros colocados de cada grupo, sendo eles Bandeirantes, Santa Amélia, Assaí, Jacarezinho, Cornélio Procópio, Santo Antônio Do Paraíso, e segundos colocados, classificando pelo mesmo critério técnico do feminino (gols averege), Congonhinhas e São Sebastião da Amoreira. A rodada de domingo que foi muito equilibrada definiu estes classificados para as quartas de finais. Bandeirantes garantiu classificação após empate com Jataizinho, em 3 a 3. Santa Amélia também se classificou após empate em 3 a 3 com São Sebastião da Amoreira. Jacarezinho goleou os platinenses em 5 a 0. A equipe de Cornélio Procópio antecipou classificação na rodada de sábado após vitória sobre Leópolis de 3 a 1. Já São Sebastião da Amoreira dependeu do empate com Santa Amélia para se classificar e Congonhinhas passou

para as quartas de finais após vitória sobre Conselheiro Mairinck e empate com Santo Antônio do Paraíso em 3 a 3. No voleibol masculino seguem para as quartas de finais as equipes de Jacarezinho, Santo Antônio da Platina, Cambará, Siqueira Campos, Figueira, Assaí, Joaquim Távora e Nova Fátima. Ontem (16) cinco partidas decisivas aconteceram no ginásio de Esportes Nova Carvalho. A equipe de Siqueira Campos venceu a equipe de Sengés por 2 sets a 0, garantindo classificação. Assaí venceu Jataizinho por 2 sets a 1. Jacarezinho derrotou Andirá, em um duelo de gigantes, por 2 a 0. Figueira venceu a equipe da casa por 2 sets a 0. No único jogo no feminino da rodada de domingo a equipe de Figueira garantiu classificação na vitória sobre Quatiguá por 2 sets a 0. As equipes classificadas no feminino são Nova Fátima, Sengés, Siqueira Campos e Figueira. O torneio de futebol definiu os semifinalistas Santo Antônio da Platina, Cornélio Procópio, Jacarezinho e Sertaneja na rodada de domingo. Jacarezinho segue invicto para a semifinal, ontem o time completou a terceira vitória sobre Sertaneja por 2 a 1. O time de Santo Antônio da Platina também acumula três vitórias, no último jogo goleou o time de nova América da Colina, por 5 a 0. Os procopenses derrotaram o time de Cambará por 2 a 1. Sertaneja passou por critério técnico. Os campeões de cada modalidade garantem vaga na fase final dos JAPs, divisão B, que será realizada entre os dias 23 e 29 de agosto em Arapongas.


GERAL QUARTA-feira, 19 de JUNHO de 2013 - edição 786

7

Richa diz que apoia manifestações e condena atos de vandalismo De Curitiba Assessoria

O governador Beto Richa disse nesta terça-feira (18/06) que apoia manifestações públicas em prol dos interesses da população, mas que os atos de vandalismo registrados na noite de segundafeira (17) contra o Palácio Iguaçu, em Curitiba, merecem o repúdio da sociedade paranaense e não representaram a vontade da maioria das pessoas que participaram da manifestação. “É lamentável que uma manifestação pacífica e democrática, com a participação de grande número de pessoas que reivindicava suas propostas e apresentava suas ideias, terminou com atos de vandalismo contra o patrimônio público”, disse Beto Richa. Cerca de 10 mil pessoas participaram da passeata em Curitiba. No final do ato, um grupo isolado tentou invadir a sede do executivo estadual, o Palácio Iguaçu. Um portão e diversas vidraças foram quebrados e paredes do prédio foram pichadas. “Os próprios manifestantes, pessoas de bem, repudiaram a atitude dos baderneiros, e limparam as paredes externas do Palácio”, afirmou

Richa. RECONHECIMENTO – O governador disse que a série de manifestações que ocorreram em outras cidades do Estado e do País tem todo o apoio e reconhecimento do governo estadual. “Foi como uma panela de pressão que explodiu. Dentro continha muitas insatisfações da população, acumuladas ao longo dos últimos anos”, destacou Richa. Ele disse que a gota d’água para a realização do ato foi o aumento da tarifa de ônibus em Curitiba, associada ao sentimento de insatisfação da população com a conduta de políticos, o processo do mensalão e a falta de sintonia dos governantes com os legítimos interesses da população. “Eu sou o único governador no País que reduziu a tarifa do transporte público e promoveu condições aos prefeitos das grandes cidades do Paraná poderem fazer o mesmo. Todos os prefeitos das cidades paranaenses que foram beneficiadas com a isenção do ICMS sobre óleo diesel reduziram a passagem do ônibus”, disse Richa. VANDALISMO – Foram abordadas nove pessoas por dano ao patrimônio público e, dessas, sete

foram conduzidas ao 1.º Distrito Policial, no Centro de Curitiba. Também já foram identificadas as fisionomias de outras 42 pessoas que participaram de atos de violência. A PM investiga fotografias e filmagens registradas durante a manifestação e a tentativa de invasão do palácio. Policiais do serviço velado, à paisana, acompanharam e monitoraram as ações durante o ato. “A polícia atuou para garantir a ordem e a segurança das pessoas e do patrimônio público. As pessoas que participaram do vandalismo serão identificadas e enquadradas no Código Penal”, afirmou o secretário estadual da Segurança Pública, Cid Vasques. Yuri Sfair, 26 anos, Ricardo Lacerda Franzen, 20 anos, Vinícius Maschio, também de 20 anos, e Alexandre Henrique Tostes Santana, 37 anos, foram autuados por crime contra o patrimônio público. Cristian Nelson do Nascimento, 19 anos, Weslen dos Santos Camargo, da mesma idade, e Pedro Henrique Ribeiro Barbosa, 29 anos, foram levados para a delegacia, assinaram termo circunstanciado por desacato e foram liberados.

Polícia apreende artefatos suficiente para explodir quarteirão

Celso Felizardo

Artefatos estavam armazenados de maneira irregular

De Santo Antônio da Platina Luiz Guilherme Brandani Bombas, pólvora, entre outros artefatos, foram apreendidos pela Polícia Civil na manhã desta terça-

feira, na Rua dos Estudantes, no centro de Santo Antônio da Platina. De acordo com o delegado da 38ª Delegacia Regional de Polícia, Tristão Borborema de Carvalho, o material apreendido é suficiente

para explodir um quarteirão inteiro. O proprietário do bazar não possui alvará de licença para a comercialização, nem notas de entrada dos produtos. Alguns, vencidos desde 1999.

Jonas Oliveira

Governador Beto Richa, durante coletiva à imprensa, fala sobre os atos de vandalismo que aconteceram nesta segunda-feira no Palácio Iguaçu

Imprensa internacional destaca manifestações no Brasil

De São Paulo G1

As manifestações de cerca de 250 mil pessoas na segunda-feira (17) nas principais cidades brasileiras foram manchetes nesta terça (18) na imprensa internacional. “O descontentamento no Brasil provoca o maior protesto em décadas”, estampa o jornal espanhol “El País”, que destaca o aumento do preço dos transportes como motivo. O francês “Le Monde” fala de “uma maré de manifestantes no Brasil; cenas de caos no Rio”. Segundo o jornal, cerca de 200 mil pessoas protestaram contra o preço dos transportes e os gastos para a Copa do Mundo de 2014. A rede britânica “BBC” informou “Violência no Rio, atos pacíficos em São Paulo e tentativas de subir no prédio do Congresso, em Brasília”. O jornal americano “The New York Times” fala de milhares de manifestantes nas ruas brasileiras, contra o alto custo de vida e os gastos com os estádios de futebol. O inglês "The Financial Times" fala sobre movimento de estudantes jovens que ecoa em diversas cidades do país. No argentino “El Clarín”, o destaque é para as bombas incendiárias lançadas contra a Assembleia Legislativa do Rio.

“Uma espiral de alto custo de vida e serviços precários provocaram a onda de protestos no Brasil”, diz o jornal britânico “The Guardian”. O italiano “Corriere Della Sera” destacou: “Confrontos e feridos no Rio de Janeiro, em protestos contra os gastos da Copa do Mundo”. A edição em inglês da rede árabe “Al Jazeera” estampa a insatisfação pública com os preços do transporte público e os gastos para a Copa. O jornal "USA Today" falou em protestos pacíficos, em pessoas - em São Paulo - indo às ruas no que ele chamou de "atmosfera de Carnaval", com batuques e jingles contra a corrupção. O jornal norte-americano destacou o fato de que os protestos acontecem antes da Copa do Mundo, das Olímpíadas e, agora, está no meio da Copa das Confederações. "Mais de 65 mil pessoas foram às ruas para mostrar uma voz de profunda frustração e para mostrar também um descontentamento com as pesadas taxas de transporte, com o sistema público de educação, saúde e segurança", diz o "USA Today" logo no primeiro parágrafo. A versão online, e em português, da publicação alemã "Deutsch Welle" falou em "maiores manifestações em 20 anos tomam cidades do Brasil".

Outra publicação alemã, o jornal "Die Welt" falou em milhares de brasileiros que sairam nas ruas para demonstrar sua raiva diante da corrupção e de um sistema caro de transporte. Em um vídeo, que encabeça a reportagem, a narração em alemão fala sobre violenta repressão policial e de manifestantes no Rio de Janeiro ateando fogo em um carro. O jornal inglês "The Guardian" pediu aos seus leitores, nesta terça (18), que mandem seus relatos sobre o que anda acontecendo no Brasil - principalmente se estiveram nas manifestações. Na reportagem intitulada "Compartilhe suas histórias com o The Guardian", a publicação fala sobre a violência policial dos últimos dias, mas destaca que nesta segunda (17), a maioria das manifestações foram pacíficas - tanto do lado dos que participavam quanto da polícia. Em outro relato, mas agora assinado por dois jornalistas um no Rio de Janeiro e outro em São Paulo [ o em São Paulo era um brasileiro] - o "The Guardian" fala em "erupção de instatisfação popular diante dos serviços públicos e do alto custo da Copa". Citando as principais cidades do país, a publicação chega a relacionar os protestos brasileiros aos que ocorrem na Turquia.


8

GERAL QUARTA-feira, 19 de JUNHO de 2013 - edição 786

Governo intensifica campanha para erradicar o trabalho infantil

No Norte Pioneiro, municípios aderem à campanha, implementando ações para o enfrentamento ao trabalho infantil de forma sistemática e continuada De Curitiba Assessoria O Governo do Paraná intensificou nesta semana as ações da campanha de erradicação do trabalho infantil. O objetivo da campanha é de instrumentalizar a rede de proteção com ações eficientes de combate ao trabalho precoce, além de compartilhar as políticas públicas voltadas ao bem-estar da criança e do adolescente. O coordenador da Rede Executiva de Governo do Estado e chefe do escritório regional da Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social (SEDS), de Jacarezinho, Antônio Carlos “Tomate” de Almeida distribuiu nos municípios do Norte Pioneiro materiais explicativos, como forma de mobilizar a região e divulgar a campanha. Segundo ele, o Paraná vem implementando ações para o enfrentamento ao trabalho infantil de forma sistemática e continuada, por meio de parcerias e, também, como protagonista em diversas políticas públicas como a da criança e do adolescente, assistência social, educação, saúde e trabalho, entre outras. Em Carlópolis, a equipe da Secretaria Municipal de Ação

Social aderiu à campanha e distribuiu materiais na comunidade. Dentre as ações destacam-se atividades com crianças, que desenvolveram cartazes, desenhos e cartas, mostrando a importância de programas como o PETI. “Todos os municípios receberam camisetas, cartazes e panfletos para conscientizar empresários e a comunidade em geral sobre a importância de manter a criança na escola, ao invés de colocá-la para trabalhar”, explica Tomate. VIVA A INFÂNCIA — Os municípios do Norte Pioneiro, a exemplo do que aconteceu em todo o Paraná, receberam camisetas e materiais da campanha Viva a Infância. A ação marca o engajamento dos municípios na campanha, que tem como meta fortalecer as redes de proteção e, principalmente, chamar a atenção da sociedade sobre as situações de violência contra crianças e adolescentes, incluindo o trabalho infantil, além de reforçar como é possível combatê-las. Os recursos para a realização da campanha são do Fundo Estadual da Infância e da Adolescência (FIA) e foram deliberados pelo Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca).

Divulgação

Equipe da Secretaria de Ação Social de Carlópolis, com o chefe da SEDS/Jacarezinho, Antônio Carlos de Almeida, o Tomate

TRABALHO — O Plano Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil e Proteção ao Trabalhador Adolescente, publicado em 2004 e atualizado em 2011, qualifica como trabalho infantil as atividades econômicas

ou atividades de sobrevivência, com ou sem finalidade de lucro, remuneradas ou não, realizadas por crianças e adolescentes em idade inferior a 16 anos, com ressalva à condição de aprendiz, a partir dos 14 anos, independente-

mente de sua condição ocupacional. DENÚNCIAS — As denúncias de exploração do trabalho infantil podem ser feitas aos Conselhos Tutelares, às Varas da Infância e Juventude, ao Ministério Público

e ao Ministério Público do Trabalho. Também é possível denunciar violências contra crianças e adolescentes, inclusive o trabalho precoce, pelo número 181. As ligações são gratuitas e sigilosas e podem ser feitas a qualquer hora do dia.


PARANÁ quarta-feira, 19 de junho de 2013 - edição 786

Fifa vistoria obras da Arena do Atlético

B1

O consultor de Estádios da Fifa, Charles Botta, visitou nesta segunda-feira (17), em Curitiba, as obras do estádio Joaquim Américo, a Arena do Clube Atlético Paranaense Paraná Aen O consultor de Estádios da Fifa, Charles Botta, visitou nesta segunda-feira (17), em Curitiba, as obras do estádio Joaquim Américo, a Arena do Clube Atlético Paranaense. Botta estava acompanhado dos consultores especiais de Estádios do Comitê Organizador Local (COL), Carlos de La Corte e Fábio Carvalho, além do gerente de projetos da Arena Consultoria, Projeto e Viabilidade, João Pedro Caetano. Participaram da reunião os secretários da Copa, Mario Celso Cunha (estadual), e Reginaldo Cordeiro (municipal), juntamente com o assessor da secretaria municipal do Urbanismo Reginaldo Mendes Junior, além dos assessores da secopa estadual Wanderley D’Ambrosio e Marco Antonio Abdanur, e assessores da secopa municipal Susana Lins Costa e Rafael Mueller. Na reunião foram tratados temas como cronograma da obra, equipamentos temporários e trabalhos do entorno do estádio. “Estamos trabalhando para entregar a obra concluída em dezembro deste ano. Já finalizamos 100% do setor de alvenaria e agora estamos tra-

balhando em áreas de TI, elétrica e sanitária”, disse Carlos Arcos. Outro assunto da reunião foi a cobertura, quando Arcos revelou que hoje já existe 78% da estrutura metálica pronta, na empresa Brafer Construções Metálicas, das quais 10% já estão no estádio e 3% já colocadas nas estruturas definitivas. São 3.300 toneladas já fabricadas, das 4.500 previstas. “Vamos entregar a cobertura completa até o dia 14 de novembro, podendo ser antecipada em 30 dias”, informou. O consultor Charles Botta visitou o canteiro de obras e assistiu a uma apresentação da evolução das obras. Segundo a CAP S/A, a previsão mês a mês aponta para 55,1% em junho, 62,9% em julho, 76,6% para agosto, 80,8% para setembro, 90% para outubro, 96,7% para novembro e 100% para dezembro de 2013. “É impressionante o ritmo de trabalho das obras, com uma evolução positiva. Centenas de trabalhadores estão atuando com muita disposição e todos dentro das normas de segurança do trabalho”, disse o secretário Mario Celso Cunha. “A visita dos membros do COL/FIFA serve para motivar o grupo de trabalho e ajustar alguns detalhes do cronograma”, afirmou.

Governo abre crédito para pequenos e médios empresários do comércio

Os micros, pequenos e médios empresários paranaenses que atuam nos setores de comércio e serviços terão a partir de agora uma nova opção de crédito Paraná Aen Os micros, pequenos e médios empresários paranaenses que atuam nos setores de comércio e serviços terão a partir de agora uma nova opção de crédito. A Fomento Paraná, instituição do Governo do Estado, firmou um acordo em cooperação técnica com a Federação do Comércio do Paraná (Fecomércio) para garantir acesso dos associados da federação às linhas de crédito do Banco do Empreendedor. O termo foi assinado pelo governador Beto Richa, o presidente da Fecomercio, Darci Piana, e o presidente da Fomento Paraná, Juraci Barbosa, nesta segundafeira (17/06), no Palácio Iguaçu, em Curitiba. “Estamos democratizando o acesso ao crédito a este setor que tanto contribui para o crescimento econômico do nosso Estado”, afirmou o governador. Aproximadamente 416 mil empresas são associadas à Fecomércio, representadas por 59 sindicatos. Mais de 1,6 milhão de pessoas trabalham na área, que é responsável por cerca de 60% do Produto Interno Bruto (PIB) paranaense. “Reconhemos a importância desta federação e tomamos esta decisão de ofertar, por meio do crédito barato, oportunidade de crescimento e estabilidade para os pequenos empresários”, ressaltou Richa. As linhas de crédito do Banco do Empreendedor apresentam as taxas de juros mais baixas do país para financiar investimentos produtivos, entre 0,51% e 1,07% ao mês.

Pela parceria, serão qualificados agentes de crédito dos sindicatos filiados à Fecomércio para apresentarem as linhas do Banco às empresas. Também serão desenvolvidas ações dirigidas para capacitação em gestão empresarial, por meio do programa Bom Negócio Paraná e outros cursos de capacitação promovidos pela Fecomércio ou entidades parceiras credenciadas, e outras ações que fomentem o crescimento e desenvolvimento das empresas e o empreendedorismo. “Com o volume de empresas pequenas e médias no Paraná, são necessários recursos para darem continuidade a seu negócio. Isto é fundamental”, disse o presidente da Fecomércio, Darci Piana. “Isto vai permitir que melhorem seus equipamentos, máquinas de produção e suas estruturas”, afirmou. CRÉDITO – Desde 2011, a Fomento Paraná ampliou sua atuação no mercado, passando a atender também empresas de médio porte. Hoje, os empréstimos variam desde R$ 300,00 a R$ 3 milhões, dependendo do tipo de investimento e a potencialidade do empreendimento. Para 2013, a agência prevê um capital de R$ 100 milhões em financiamentos. “O governador Beto Richa entendeu que, para o desenvolvimento do Estado, também é fundamental ter um olhar para a qualificação e crédito barato”, disse Juraci Barbosa, que também destacou a participação do setor de comércio e serviços na economia estadual. “Nada mais acertado que levarmos crédito para este setor”,

disse. OPORTUNIDADE – Segundo alguns presidentes de sindicatos do comércio, a parceria com o governo do Estado é a oportunidade do pequeno e médio empresário se estabelecer e ampliar seu negócio. “Essa linha de financiamento beneficia quem mais precisa de crédito.

E há realmente esta necessidade”, disse o presidente do Sindicato dos Lojistas de Curitiba (Sindilojas), Ari Bittencourt. A Fomento Paraná irá oferecer ainda uma linha de crédito especial para atender profissionais que atuam como representantes comerciais. Semelhante à linha Banco

do Empreendedor Taxista, a nova linha permitirá aos profissionais adquirir veículos novos ou adaptar os veículos para expor os mostruários de produtos. “O trabalhador poderá melhorar a sua condição de trabalho”, avaliou o presidente do Sindicato dos Representantes Comerciais (Sirecom), Paulo Cesar

Nauiack. Também participaram da solenidade o presidente da Junta Comercial do Paraná, Ardisson Akel; o secretário estadual do Turismo, Jackson Pitombo; o deputado federal Eduardo Sciarra, o deputado estadual Ademir Bier, e diretores e presidentes dos sindicatos do setor.


B2

editais quarta-feira, 19 de junho de 2013 - edição 786

MUNICÍPIO DE CURIÚVA Estado do Paraná

MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DA BOA VISTA ESTADO DO PARANÁ

AVISO DE LICITAÇÃO

AVISO DE LICITAÇÃO

EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 56/2013 O MUNICÍPIO DE CURIÚVA, Estado do Paraná, através do Pregoeiro, de conformidade com a Lei Federal Nº 10.520/2002, Decreto Federal Nº 5.450/2005, Decreto Federal nº 5.504/2005, Decreto Municipal Nº 05/2005 e subsidiariamente, as Leis Federais Nº 8.666/93 e 8.883/94, torna público que se encontra a disposição dos interessados, a partir da data da publicação deste, até as 17h30min do dia 27/06/2013, o Edital de Pregão Presencial para a aquisição de materiais permanentes hospitalares. A abertura dos envelopes será às 09h00min horas do dia 28/06/2013 na sala do Departamento de Compras e Licitações da Prefeitura Municipal de Curiúva.

PREGÃO Presencial N° 33/2013 O Município de São José da Boa Vista-PR torna público que fará realizar na sede da Prefeitura Municipal, processo licitatório na modalidade Pregão Presencial que tem por objeto, “Aquisição de Material Permanente par apoio à manutenção e desenvolvimento da educação infantil para atendimento de crianças de 0 a 48 meses pelo Programa Brasil Carinhoso”. O recebimento dos envelopes se dará no dia 03/07/2013, à partir das 09h00min e a abertura dos mesmos será realizada na mesma data, pontualmente às 10h00min. Maiores esclarecimentos poderão ser obtidos no Edifício da Prefeitura Municipal, no horário comercial, pelo fone: (043) 3565-1252.

O edital encontra-se à disposição dos interessados na Prefeitura Municipal de Curiúva à Avenida Antônio Cunha, 365– Centro, Curiúva

São José da Boa Vista, 18 de junho de 2013.

– PR, no horário comercial.

Willys Manoel Barbosa Pregoeiro Oficial

Curiúva, 13 de junho de 2013. AGUINALDO PUPO FERREIRA Pregoeiro AMADEU DE JESUS DA SILVA Prefeito Municipal

MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DA BOA VISTA ESTADO DO PARANÁ

MUNICÍPIO DE Siqueira campos ESTADO DO PARANÁ DECRETO 1.002/2013

Ementa: Concede Aposentadoria Especial Integral a Cleusa Maria Ribeiro Ferreira. FABIANO LOPES BUENO, Prefeito Municipal de Siqueira Campos, Estado do Paraná, no uso de suas

DECRETO Nº 043/2010

atribuições legais, fulcrado no art. 71, inciso VI da Lei Orgânica Municipal, com base no artigo 40, § 5º, da Constituição Federal, c/c a (REPUBLICAÇÃO EM CUMPRIMENTO AO DETERMINADO NO ARTIGO 1º, PARÁGRAFO ÚNICO, DA PORTARIA Nº 070/2013, PU-

regra de transição do art. 6º da EC n.º 41/2003

BLICADA EM 15/06/2013 EM RAZÃO DAS ALTERAÇÕES PROMOVIDAS PELO DECRETO Nº 26/2013, PUBLICADO EM 18/06/2013).

Decreta:

O Senhor DILCEU BONA, Prefeito Municipal de São José da Boa Vista, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais,

Art. 1º - Fica concedida Aposentadoria Especial com proventos integrais à servidora CLEUSA MARIA RIBEIRO FERREIRA, portadora

RESOLVE

da Cédula de Identidade sob n.º 3.589.873-5 – PR, no cargo de Professora PD-08, no valor de R$ 1.994,17 (um mil, novecentos e noventa e quatro reais e dezessete centavos).

Artigo 1º - Atender o requerido pelo protocolo nº 097/2010 de 22 de Julho de 2.010, pela Sra. MARIA IRENE CORREA DE SOUZA Rg nº

Art 2º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos a 18 de março de 2013.

3.264.119-9, dependente do Sr. HUDSON ANTONIO DE SOUZA Rg nº 1.463.488, servidor Público Municipal Inativo, concedendo-lhe

Art. 3º - Revogam-se as disposições contrárias.

pensão mensal de Acordo com o Artigo 40 da Constituição Federal. Siqueira Campos, 03 de junho de 2013.

Parágrafo único – O valor da pensão mensal concedida nos termos do caput do presente artigo será de R$ 6.099,70 (seis mil e noventa

Fabiano Lopes Bueno

e nove Reais e setenta centavos). (inserido pelo Decreto nº 26/2013)

Prefeito Municipal

Artigo 2º - Este decreto entrará em vigor nesta data, revogadas as disposições em contrário. Edifício da Prefeitura Municipal de São José da Boa Vista, em 23 de Julho de 2.010. DILCEU BONA Prefeito Municipal

município de curiúva estado do paraná DECRETO N.º 50 /2013

AMADEU DE JESUS DA SILVA, Prefeito Municipal de Curiúva, Estado do Paraná, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei.

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAPIRA ESTADO DO PARANÁ RESCISÃO CONTRATUAL

REF.: CONTRATO Nº 002/2013-PMJ Pelo presente instrumento, O MUNICÍPIO DE JAPIRA, pessoa jurídica de direito público, com sede em Japira (PR), sito a Av. Alexandre Leite dos Santos, nº 481, Centro, Cep: 84.920-000, CNPJ/MF nº. 75.969.881/0001-52, representada pelo Sr. Prefeito Municipal, WILSON RONALDO RONY DE OLIVEIRA SANTOS, brasileiro, casado, portador do CPF/MF nº 160.935.699-34, portador do RG nº 954.672-3-SSP/PR doravante denominada CONTRATANTE e, de outro lado a empresa PEDRO MARTINS CARNEIRO – ASSESSORIA-ME, estabelecida na Cidade de IBAITI, ESTADO DO PARANÁ, sita na RUA GUILHERME MEYER, Nº 295, SALA 01, CENTRO,

D E C R E T A: Art. 1º - Fica APOSENTADO POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO, a partir desta data, JOÃO MARIA MOREIRA DE ANDRADE, portador da CI/RG: 1.746.740-9/PR e do CPF: 254.671.319-15, ocupante do cargo de PEDREIRO, Matrícula nº. 112-1, integrante do quadro de

CEP: 84.900-000, CNPJ nº 17.333.684/0001-46, doravante denominado Contratado, resolvem : Clausula Única:

pessoal do provimento efetivo, lotado na Divisão de Obras, com proventos integrais de R$ 1.394,47 (Um Mil, Trezentos e Noventa e Quatro Reais e Quarenta e Sete Centavos) mensais, com fundamento no Art. 6º da Emenda Constitucional nº. 41, de 19 de dezembro

Fica rescindido, a partir desta data, o Contrato de Prestação de Serviços firmado em (30/01/2013) entre as partes.

Por assim estarem de acordo as partes, firmam a presente rescisão de contrato.

de 2003, conforme demonstrativo de cálculo. Japira, 14 de Junho de 2013.

Art. 2º - Fica vago o cargo acima na forma prevista na legislação em vigor. .Art. 3º - Revogam-se as disposições em contrário.

WILSON RONALDO RONY DE OLIVEIRA SANTOS

EDIFÍCIO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE CURIÚVA, em 10 de junho de 2013.

Prefeito Municipal CONTRATANTE

AMADEU DE JESUS SULVA

PEDRO MARTINS CARNEIRO

Prefeito Municipal

Assessoria-ME CONTRATADA

PREFEITURA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS ESTADO DO PARANÁ

PREFEITURA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS ESTADO DO PARANÁ

PORTARIA Nº 137/2013

Portaria n. 139/2013

FABIANO LOPES BUENO, Prefeito Municipal de Siqueira Campos, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, e ainda com base no Art. 93, inciso II, alínea “a“ da Lei Orgânica Municipal,

FABIANO LOPES BUENO, Prefeito Municipal de Siqueira Campos, Estado do Paraná, no uso de suas atri-

RESOLVE:

buições legais, e ainda com base no Art. 93, incisos e alíneas da Lei Orgânica Municipal,

1 – Exonerar o servidor ALESSANDRO DE MATOS, RG 9.117.459-6 PR, do cargo de Chefe de Divisão de Laser, nomeado pela Portaria

Resolve:

115/2013.

1 – Substituir o membro da Comissão Especial de Avaliação e Fiscalização, JOSÉ BUENO DE CARVALHO, 1.706.702 PR, nomeado

2 – Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

conforme Portaria 105/2013, pelo servidor FABRÍCIO JOSÉ GONÇALVES, RG nº 7.535.063-5 PR

Publique-se.

Publique

Siqueira Campos, 18 de junho de 2013. Siqueira Campos, 18 de junho de 2013. FABIANO LOPES BUENO

Fabiano Lopes Bueno

Prefeito Municipal

Prefeito Municipal

Precisando vender ou comprar ? Anuncie no Jornal Correio Noticías


editais

B3

quarta-feira, 19 de junho de 2013 - edição 786 Dot. 3250 – 0.1.00.000303 – Saúde – Receitas Vinculadas .....................

PREFEITURA MUNICIPAL DE curiúva ESTADO DO PARANÁ DECRETO Nº 051/2013

AMADEU DE JESUS DA SILVA, Prefeito Municipal de Curiúva, Estado do Paraná, no uso das atribuições e devidamente

autorizado pela Lei Municipal nº 1189, de 20 de dezembro 2012.

R$ 60.000,00

10 DEPARTAMENTO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL 10 - 003 – FUNDO MUNCIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL 08.244.08012.060 – MANUTENÇÃO DO FUNDO M. DE ASSISTÊNCIA SOCIAL 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo

Art. 1º - Fica aberto no Orçamento Geral do Município de Curiúva do Exercício de 2013, um CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR,

Dot. 4010 - 0.1.00.000735 – Programa FNAS-PTNC-20921-X .........................

R$ 4.000,00

TOTAL GERAL DA FONTE ........................................................................

R$ 143.800,00

no valor de R$ 143.800,00 (Cento e quarenta e três mil e oitocentos reais), destinado ao reforço das seguintes Dotações Orçamentária abaixo especificadas:

Art. 3º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação.

D E C R ETA

Edifício da Prefeitura Municipal de Curiúva, Estado do Paraná, em 11 de junho de 2013.

05 – DEPTO. DE VIAÇÃO, OBRAS E SERVIÇOS URBANOS 05–002 – DIVISÃO DE OBRAS PÚBLICAS

15.452.04092.021 – MANUTENÇÃO DOS SERVIÇOS DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA

_____________________________________ AMADEU JESUS DA SILVA

Prefeito Municipal

3.3.90.39.00.00 – Outros Serviços de Terceiros – Pessoa Jurídica Dot. 1140 -0.1.00.000507-COSIP–Contribuição de Iluminação Pública/Art.149/A,CF

R$ 54.800,00

PREFEITURA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS ESTADO DO PARANÁ

08 – DEPARTAMENTO DE ESPORTE E LAZER

DECRETO 1.001/2013

08-002 – DIVISÃO DE ESPORTE E LAZER

Ementa: Regulamenta o comércio de bebidas alcoólicas nos locais próximos ao Parque de Festas do Santuário, durante a Festa do

27.812.27012-047 – MANUTENÇÃO DA DIVISÃO DE ESPORTE E LAZER

Senhor Bom Jesus da Cana Verde e dá outras providências.

3.3.90.39.00.00 – Outros Serviços de Terceiros – Pessoa Jurídica Dot. 3060 - 0.1.00.0001000 - Recursos Ordinários (Livres) ............................

FABIANO LOPES BUENO, Prefeito Municipal de Siqueira Campos, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições

R$ 10.000,00

legais, ainda amparado pelo art. 71, inciso VI da Lei Orgânica Municipal e visando a segurança e proteção de jovens e adolescentes e ainda melhoria do fluxo de peregrinos nas vias públicas principais, ao teor do Ofício n.º 02/2013 da Paróquia Divino Espírito Santo, 09 – DEPARTAMENTO DE SAÚDE

Decreta:

09-003 – FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE

Públicas próximas ao Parque de Festas do Santuário, durante as festividades em homenagem ao Senhor Bom Jesus da Cana Verde,

Art. 1º - Fica proibida, no período de 28 de julho a 07 de agosto de 2013, a venda de todo tipo de bebidas alcoólicas nas calçadas e vias mesmo que pertencentes a estabelecimentos já constituídos.

10.301.10012.050 – MANUTENÇÃO DO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE

Art. 2º - No mesmo período fica proibida a instalação de quaisquer barracas ou artefatos que impeçam o fluxo de pedestres ou veículos

3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo Dot. 3300 – 0.1.00.000303 – Saúde – Receitas Vinculadas .....................

nas Ruas Minas Gerais, Estado do Rio, Avenida Joaquim Antonio de Carvalho e Rua Rio Grande do Sul e suas referidas calçadas, bem R$ 60.000,00

como, nestes locais fica proibido o funcionamento de lanchonetes, casas de show e espetáculos de qualquer natureza em residências, vedada, neste mesmo período, a sublocação de estabelecimentos comerciais já constituídos nestas vias, bem como, funcionamento de estabelecimentos que vendam bebidas alcoólicas sem a devida constituição legal e fiscal, e sem alvará de funcionamento. Art. 3º - Fica proibido também, estacionar veículos nas seguintes ruas, no trecho próximo ao Parque de Festas, especificamente:

10 DEPARTAMENTO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

- RUAS ESTADO DO RIO e MINAS GERAIS: Ônibus, Caminhões, carros e motos; - RUAS RIO GRANDE DO SUL e AVENIDA JOAQUIM ANTONIO DE CARVALHO: ônibus e caminhões.

10-003 – FUNDO MUNCIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

Art. 4º - Durante o período de Festa, os estabelecimentos comerciais, regularmente constituídos e que vendam bebidas alcóolicas nas

08.244.08012.060 – MANUTENÇÃO DO FUNDO M. DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

proximidades do Pavilhão de Festas, deverão encerrar suas atividades, todos os dias no máximo a 01:00 h. Art. 4º - A fiscalização do contido neste Decreto será feita pelos fiscais da Prefeitura Municipal e pela Polícia Militar, e, ao cidadão que

3.3.90.36.00.00 – Outros Serviços de Terceiros – Pessoa Física Dot. 4080 - 0.1.00.0001000 - Recursos Ordinários (Livres) ............................

R$ 15.000,00

vier a infringir as determinações nele contidas, serão aplicadas as penas previstas em Lei. Art. 5º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições contrárias. Siqueira Campos, 18 de junho de 2013.

3.3.90.39.00.00 – Outros Serviços de Terceiros – Pessoa Jurídica Dot. 4096 - 0.1.00.000735 – Programa FNAS-PTNC-20921-X .........................

R$ 4.000,00

Fabiano Lopes Bueno Prefeito Municipal

TOTAL GERAL DA FONTE ........................................................................

R$ 143.800,00

município DE são josé da boa vista ESTADO DO PARANÁ

Art. 2º - Para cobertura do Crédito Aberto no artigo anterior, será utilizado o cancelamento parcial das seguintes dotações orçamentárias, nos termos do Art. 43 Inciso III, da Lei 4.320/64.

Extrato de contrato n° 45/2013:

05 – DEPTO. DE VIAÇÃO, OBRAS E SERVIÇOS URBANOS 05 – 002 – DIVISÃO DE OBRAS PÚBLICAS

Procedimento licitatório: Pregão Presencial n° 28/2013 Contratante: Município de São José da Boa Vista (PR) – prefeitura municipal.

15.451.04091.019 – MANUTENÇÃO DA DIVISÃO DE OBRAS PÚBLICAS

Contratado (a): Luiz Antônio Antunes.

3.1.90.13.00.00 – Obrigações Patronais Dot. 1040 - 0.1.00.0001000 - Recursos Ordinários (Livres) ............................

Objeto: Aquisição de 01 (um) trator cortador de grama, usado, a gasolina, com motor 04 tempos, mínimo de 13,5HP, ano não inferior R$ 15.000,00

15.451.04092.020 – EXTENSÃO DE REDES DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA

Data da assinatura: 18/06/2013 Autoridade competente: Prefeito Municipal e Luiz Antônio Antunes. R$ 49.900,00

15.452.04092.020 – MANUTENÇÃO DE SERVIÇOS DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo Dot. 1130 -0.1.00.000000-COSIP–Contribuição de Iluminação Pública/Art.149/A,CF

R$ 4.900,00

08 – DEPARTAMENTO DE ESPORTE E LAZER 08-002 – DIVISÃO DE ESPORTE E LAZER 27.812.27012-047 – MANUTENÇÃO DA DIVISÃO DE ESPORTE E LAZER 3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo Dot. 3020 - 0.1.00.0001000 - Recursos Ordinários (Livres) ............................

09 – DEPARTAMENTO DE SAÚDE 09-003 – FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE 10.301.10012.050 – MANUTENÇÃO DO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE 3.1.90.11.00.00 – Vencimentos e Vantagens Fixas

Valor total da Contratação: R$ 6.000,00. Prazo de vigência: 180 dias.

3.3.90.30.00.00 – Material de Consumo Dot. 1110 -0.1.00.000507-COSIP–Contribuição de Iluminação Pública/Art.149/A,CF

a 2008.

R$ 10.000,00


B4

editais quarta-feira, 19 de junho de 2013 - edição 786

MUNICIPIO DE SIQUEIRA CAMPOS - ESTADO DO PARANÁ Resumo de Edital nº 46/2013 – Pregão Presencial OBJETO: Contratação empresa para prestar assistência a pessoas carentes encaminhadas pelo Município de Siqueira Campos para tratamento médico-hospitalar em Curitiba, dandolhes alimentação, hospedagem e transporte até os hospitais e clínicas, pelo período de 12 (doze) meses. Conforme informações constantes no Anexo I. RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS: Na Seção de Protocolo até as 09h30min do dia 02/07/2013. ABERTURA: 02 de julho de 2013 – Hora: 10h00min. LOCAL DE ABERTURA: Prefeitura Municipal, Rua Marechal Deodoro da Fonseca nº 1837. INFORMAÇÕES: Prefeitura Municipal. Fone: (43) 3571-1122 – Departamento de Administração. EDITAL COMPLETO: www.doe.siqueiracampos.pr.gov.br. Siqueira Campos, 17 de junho de 2013. Carlos Henrique de Moraes Pregoeiro Oficial SÚMULA DE REQUERIMENTO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO EVANDRO GONÇALVES PORFIRIO CNPJ 10960593/0001-91 torna público que irá requerer ao IAP, a Licença de Operação para fabricação de amidos e féculas de vegetais a ser implantada na Fazenda Sítio Queiroz s/n bairro água da onça Santana do Itararé Paraná.

CLASSIFICADOS Vendo – CB 300 R Ano, 2010, dourada ano 2010, baixa quilometragem super nova. Preço: R$ 9.000,00. Interessados ligar no (43)99772706.

Vende-se sítio Localizado no Municipio de Siqueira Campos Pr a 2 km da vila operária, casa de alvenaria, galpão com triturador, pastagens formada, tanques e várias nascentes de água, Falar com Tião Mota, 43-9920-7582.

Faça as alterações necessárias no texto em negrito, salve o arquivo e encaminhe para publicação.

Tel: (43) 99742924


Correio notícias edição 786