Issuu on Google+

terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição 668

Terça-Feira

11

de Dezembro de 2012

Ano XIII - Nº 668 R$ 2,00

Siqueirenses sofrem com a falta de água no município

Os 18 mil habitantes de Siqueira Campos ficaram sem água no último final de semana e nessa segunda-feira,10. A chuva que caiu sobre o município no final de semana aumentou o volume das águas e os galhos secos e folhas que se acumularam nas margens dos rios, e isso obstruiu a passagem de água na bomba que capta a água para o reservatório. A reportagem do jornal Correio do Norte entrou em contato com o gerente da Unidade de Santo Antônio da Platina, Gandy Ney de Camargo que disse por telefone o repasse dessas informações é de responsabilidade do setor de Comunicação, que fica em Londrina.

Página 5 POLÍTICA

POLICIAL

Homem é preso em flagrante Lupion anuncia emenda da acusado de estuprar Comissão e Agricultura de R$ 100 sobrinha de três anos milhões para o Ministério da Pesca Foi inaugurado o escritório do Ministério da Pesca (MPA) de Ribeirão Claro nesta sexta-feira (7), além das autoridades locais que foram representadas pelo prefeito Geraldo Maurício Araújo (PV) estavam o prefeito de Pinhalão, Claudinei Benetti (PSD), o prefeito eleito de Ibaiti, o Roberto Regazzo (PSB) e outras lideranças.

3

Fone: (43) 3571-3240

7


22

OPINIÃO OPINIÃO

TERÇA-FEIRA, 11 DE DEZEMBRO DE 2012 - EDIÇÃO668 668 terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição

MORTE E MEDO NAS RUAS

Todos os dias a mídia mostra casos envolvendo mortes no trânsito. Pesquisa realizada pelo SOS Estradas - ''Morte no Trânsito: Tragédia Rodoviária'' - revela que 42 mil pessoas morrem, por ano, de acidente em todo o país. Na maioria desses casos, alcoolismo, imprudência, abuso de velocidade e falta de manutenção dos veículos são os maiores responsáveis por essas tragédias. A isso, some estradas ruins em todo país. Os números impressionam. Por dia, 65 pessoas morrem vítimas de acidente nas estradas. Não é pouco. Por que isso ocorre? Porque nossa cultura não valoriza a vida e permite que assassinos ao volante circulem livremente por estradas, avenidas e praças. Em Brasília, em 2010, 548 pessoas perderam suas vidas no trânsito. Isso acontece porque as leis não são cumpridas por pedestres, condutores e agentes públicos. MOTORISTAS E PEDESTRES Um motorista sabe que matar um pedestre não acontece nada. Entre nós, a questão, na maioria dos casos, é resolvida com cestas básicas. É a cultura da impunidade. Enquanto isso, milhões de brasileiros perdem seus entes queridos todos os anos. Reclamar para quem? Quanto às autoridades, elas se mostram insensíveis. Tanto é verdade que, por hora, nas grandes cidades, acontecem 30 acidentes, ou seja, um a cada dois minutos. MEDIDAS URGENTES Violência, no trânsito, tem jeito. De que forma? Através de campanhas educativas, suspensão definitiva da carteira - se necessário, no caso de reincidência grave -, multas, maior rigor na fiscalização, criação de juizados especiais para julgar casos mais rapidamente e prisão sem direito à fiança em caso de morte causada por alcoolismo. Há algumas décadas, o Japão era um dos países com maior índice de mortes no tráfego, basicamente, o problema foi resolvido com educação e multas pesadas. Lá, o índice de morte é de 4,7 (grupo de 100 mil pessoas). No Brasil, é acima de 17.

SIQUEIRA CAMPOS - RUA DOS EXPEDICIONÁRIOS,1525 - (43) 3571-3646 Correiodonorte@correiodonortesc.com- site www.correiodonortesc.com TELÊMACO BORBA - AV. HORÁCIO , 779 - SALA 4 - GALERIA PUPO - CENTRO /Fax: (42) 3272-1598 ocorreiotb@gmail.com

RICARDO SANTOS

ELIZABETE GOIS Diretora Geral

GILBERTO ALVES MARTINS Gerente de Negócios REDAÇÃO

Camila Consulin, Isa Machado, Regiane Romão DIAGRAMAÇÃO

Bruno Rafael, Marcos Vinícius AUXILIAR ADMINISTRATIVO

Claudenice Machado, Emilia Kuster COLUNISTA

Gênesis Machado

CIRCULAÇÃO:

Ibaiti, Japira, Jaboti, Cornélio Procópio, Nova Santa Bárbara, Salto do Itararé, Carlópolis, Joaquim Távora, Guapirama, Quatiguá, Jacarezinho, Conselheiro Mairinck, Pinhalão, Tomazina, Siqueira Campos, Santo Antônio da Platina, Arapoti, Jaguariaíva, Sengés, São José da Boa Vista, Wenceslau Braz, Santana do Itararé, Jundiaí do Sul, Andirá, Abatiá , Cambará, Ribeirão do Pinhal, Nova Fátima, Ribeirão Claro, Barra do Jacaré e Santa Amélia. Telêmaco Borba, Ibaú e Reserva.


terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição 668

POLÍTICA

3

Lupion anuncia emenda da Comissão e Agricultura de R$ 100 milhões para o Ministério da Pesca

O anúncio da emenda foi feita durante a solenidade de inauguração do Escritório da Pesca em Ribeirão Claro na sexta-feira, 7 Divulgação

De Ribeirão Claro Da Assessoria Foi inaugurado o escritório do Ministério da Pesca (MPA) de Ribeirão Claro nesta sexta-feira (7), além das autoridades locais que foram representadas pelo prefeito Geraldo Maurício Araújo (PV) estavam o prefeito de Pinhalão, Claudinei Benetti (PSD), o prefeito eleito de Ibaiti, o Roberto Regazzo (PSB) e outras lideranças. E para inaugu-

rar o escritório veio o superintendente do MPA para o Paraná, José Antônio Faria de Brito, o deputado estadual Edson Praczik (PRB) e o deputado federal Abelardo Lupion (DEM) que na oportunidade anunciou a emenda da Bancada de Agricultura de 100 milhões de reais para Ministério da Pesca. Lupion lembrou que esses recursos irão fomentar a produção Pesqueira e Aquícola.

Lupion também anunciou mais uma emenda individual da sua cota de 1 milhão de reais para o município de Ribeirão Claro. Lupion disse que esses novos recursos que virão para os municípios irão dar sustentação a produção pesqueira para gerar mais rendas aos produtores de peixes. O deputado federal disse que o escritório é uma conquista não só de Ribeirão Claro, mas de todos os municípios

que são banhados pela represa de Xavantes, pois esse posto irá ajudar os pescadores não precisam ir mais a Londrina para encaminhar documentos e ter assessorias para implantar projetos. O superintendente do MPA para o Paraná, José Antônio Faria de Brito explicou que a abertura da unidade descentralizada faz parte do projeto do prefeito Maurício para promover a exploração sustentável da represa Xavantes, com projetos de tanque-rede e taque escavado. O prefeito Mauricio (PV) explicou que o escritório do Ministério da Pesca está em sala anexa ao prédio usado pela Emater. Antes da abertura, pescadores profissionais precisavam se deslocar até Londrina ou Curitiba para encaminhar solicitações ou conseguir assessoria. No escritório, pescadores podem solicitar carteiras para o exercício da atividade, receber assistência técnica para elaboração de projetos, documentação para aquicultura e encaminhamento de projetos para o MPA. Todos os funcionários cedidos ao ministério pela prefeitura passarão por capacitação. Inicialmente o escritório atenderá 45 municípios do Norte do estado, mas esse número será reduzido em breve com a abertura de novas Unidades Descentralizadas do Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) na região.

Richa assina protocolo com Ambev para investimento de R$ 580 milhões Enquadrada no programa de incentivos fiscais Paraná Competitivo, a nova planta industrial receberá investimento de R$ 580 milhões e vai gerar 500 empregos diretos

Paraná Das Agências O governador Beto Richa assinou nesta terça-feira, dia 04, no Palácio Iguaçu, em Curitiba, protocolo de intenções com a diretoria da Companhia de Bebidas das Américas (AmBev) para a instalação de uma unidade da empresa na cidade de Ponta Grossa, nos Campos Gerais.  Enquadrada no programa de incentivos fiscais Paraná Competitivo, a nova planta industrial receberá investimento de R$ 580 milhões e vai gerar 500 empregos diretos. “O Paraná cresce na contramão da desaceleração da economia do País, garantindo mais oportunidades de trabalho e vida digna aos paranaenses”, disse Richa.  A nova unidade produzirá, a partir de 2014, cervejas e refrigerantes. Inicialmente, a capacidade de produção será de 700 milhões de litros de bebidas, para atender a demanda local e para exportação. Atualmente a companhia mantém duas unidades no Estado, que respon- Autoridades participaram da assinatura dem por cerca de 30% do consumo das marcas da empresa no Paraná.  ção de mais de 120 mil empregos.  Vosgrau, disse que a empresa trará O investimento da companhia tam- Segundo o vice-presidente de Rela- mais desenvolvimento para a região bém resultará na criação de mil ções Corporativas da AmBev, Milton dos Campos Gerais. Os secretários postos de trabalho durante as ob- Seligman, a instalação da unidade da Indústria, Comércio e Assuntos ras e mais de 12,5 mil empregos foi possível pelas boas condições do Mercosul, Ricardo Barros, e da indiretos. A construção será iniciada que o Paraná oferece. Ele elogiou Fazenda, Luiz Carlos Hauly, afirmaassim que os dirigentes da AmBev o programa Paraná Competitivo ram que a fábrica vai promover opordefinirem a área onde a fábrica será e o empenho do governador Beto tunidades para milhares de famílias, instalada e a partir da emissão de Richa em defender os interesses geração de renda e empregos.  do Estado. O executivo destacou O Paraná Competitivo foi criado licenças ambientais. A unidade será a maior que ainda as condições de logísti- no início de 2011 para reinserir produtora de cerveja e re- ca e geográficas foram decisivas o Paraná na agenda dos investifrigerantes do Sul do Brasil.  para a decisão do investimento.  dores nacionais e internacionais. Richa atribui a atração da nova Seligman destacou que o investi- O programa contempla uma série fábrica à eficiência do programa mento reforça a parceria da Am- de medidas por meio da dilação Paraná Competitivo e ao resgate bev com o Paraná, onde a com- de prazos para recolhimento do da confiança do setor industrial panhia emprega mais de quinze ICMS, investimentos para melhoria no estado. “Recuperamos o bom mil colaboradores, entre diretos da infraestrutura, comércio exterior, ambiente para negócios com re- e indiretos, e já matem duas uni- desburocratização e de capacitação speito, diálogo e segurança ju- dades fabris, uma em Curitiba e profissional, para tornar o Estado rídica”, afirmou. Ele destacou que a outra em Almirante Tamandaré. atrativo para novos empreendimenem menos de dois anos já foram A empresa conta com seis cen- tos produtivos que gerem emprego, confirmados R$ 20 bilhões em no- tros de distribuição no Estado.  renda, riqueza e desenvolvimento vos empreendimentos com a cria- O prefeito de Ponta Grossa, Pedro sustentável em todo o estado. 

ANPr

Diplomação A diplomação dos eleitos de Siqueira Campos acontece hoje (11) às 16 horas. Na oportunidade serão empossados o prefeito eleito de Siqueira Campos Fabiano Lopes Bueno, o Bi (PSB) e os vereadores Marcos Adriano dos Reis, o Marquinhos da Dismasiq (PSC), Mauro Leite dos Santos, o Maurão (PSDB), Gean Cesar de Carvalho, o Gean da Alemoa (PSC), Aloísio Torres Guerra (PT), Rodrigo Ferreira da Silva Garanhani (PHS), João Pereira de Lima, o João Egídio (PV), Marcelo Ribeiro do Valle, o Marcelão da lotérica (PTB), Ronaldo de Jesus Coutinho, o Ronaldo Capivara (PSDB) e Dirceu Batista Correia, o Dirceu Capivara (PSDB)

Diplomação I Junto com os eleitos de Siqueira Campos, o prefeito Israel Domingos (PDT) do Salto do Itararé será diplomado, esse ainda sofre processo de cassação de registro de candidatura que deve ser julgado nos próximos dias. Os vereadores eleitos, também serão diplomados, Mané da Ambulância (PDT), Neuci (PTB), Nenê da Ambulância (PDT), Fátima (DEM), Paulo Espósito (PSC), Mario do Romão, Anézio (PSDB), Iraci do João Mané (PMDB) e Luizinho Gomes (PSL).

Rompidos A relação entre o vereador eleito Aloísio Torres Guerra (PT) e o prefeito eleito o Bi (PSB) está estremecida, os motivos seriam a pressão que o vereador fez nos últimos dias por duas secretarias no governo Bi e Germano. O clima pesou mesmo, foi quando o vereador saiu das articulações de bastidores e foi para o rádio onde teria feito duas críticas ao modelo de escolha do secretariado. Mas vamos e venhamos, não é saudável vereador pedir secretarias para seu partido, já que o vereador tem que fiscalizar e com cargos no governo não seria ético legislar, pois teria que defender em todos os momentos um só pensamento.

Estará? Hoje (terça-feira 11) acontece a última reunião dos vereadores antes do recesso legislativo que começa no final dessa semana, a pergunta é será que vai estar na pauta de hoje as contas de 2006 do prefeito Luiz Antonio ou os vereadores vão jogar a “buxa” para o ano que vem?

Deixa o homem trabalhar Hoje acontece a posse, no próximo dia primeiro o prefeito eleito e seus assessores assumem a prefeitura, então nada mais justo que deixar o Bi trabalhar. Vamos ser críticos na hora que precisar, o momento é hora de apoiar e incentivar. É hora de todos, principalmente aqueles que estiveram juntos na caminhada política e na campanha deixar os interesses pessoais e deixar o barco andar, se caso as nomeações, as ações não derem certo, aí assim vamos fazer uma cobrança forte, mas até que isso aconteça vamos apoiar afinal foi a vontade da maioria.

Tomazina O ainda vereador, o Vanderlei assumiu o hospital São Vicente de Tomazina que sofreu intervenção. O vereador disse que fica na instituição até as coisas entrarem nos eixos. Neste ano a Polícia Federal foi até a instituição em busca de documentos para investigar fraude no hospital. Santo Antonio da Platina O prefeito eleito em Santo Antonio da Platina, Pedro Claro de Oliveira (DEM), anuncia essa semana em reunião com o grupo o seu secretariado. A lista está pronta e vai ser levada e divulgada depois dessa reunião.

Jacarezinho Em Jacarezinho a equipe do prefeito eleito, Sergio (DEM) também começa a anunciar o seu secretariado e um dos que poderão ocupar a pasta de Comunicação são dois jornalistas um atuante do Rádio, o Toni Lima e outros mais da mídia impressa, o Marcos Junior. Um governo é assim que se faz, com comunicação entre o poder o povo.

CPI das pesquisas A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) instituída na Assembleia Legislativa para averiguar possíveis irregularidades nos resultados das pesquisas do IBOPE divulgadas fora das margens de erro nos vinte dias que antecederam o primeiro turno das últimas eleições, no Paraná, fará nesta terça-feira (11), às 9h50, no Plenarinho do Legislativo, a sua segunda reunião ordinária. Serão ouvidos profissionais de estatística e diretores do IBOPE nacional. A CPI é presidida pelo deputado Reni Pereira (PSB), e tem como membros efetivos os deputados Cantora Mara Lima (PSDB), relatora; Artagão de Mattos Leão (PMDB); Teruo Kato (PMDB); Dr. Batista (PMN); Toninho Wandscheer (PT); e Rasca Rodrigues (PV).

Os benefícios são definidos tecnicamente e levam em conta critérios como o tipo do investimento, a geração de empregos, o impacto econômico, meio ambiente e o grau de inovação. Quanto mais carente e necessitada for a região, maiores são os incentivos concedidos pelo Governo do Paraná.  Participaram da assinatura do protocolo, o secretário de Estado do Meio Ambiente, Jonel Iurk; o subchefe da Casa Civil, Guto Silva; o primeiro secretário da Assembleia Legislativa, deputado Plauto Miró; o deputado estadual, Bernardo Ribas Carli; o prefeito eleito de Ponta Grossa e deputado estadual, Marcelo Rangel; o reitor da Universidade Estadual de Ponta Grossa, João Carlos Gomes; o diretor industrial da Ambev, Márcio Fróes Torres; vereadores eleitos e lideranças comunitárias de Ponta Grossa.

Presidente do TJDFT receberá medalha de R$ 11,3 mil Há 54 anos no serviço público, o presidente do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), desembargador João de Assis Mariosi, receberá, como homenagem, a medalha-prêmio “50 anos de serviço público”, que custou R$ 11.313,00 aos cofres públicos. Cunhada pela Casa da Moeda do Brasil (CMB), a medalha foi criada pelo Decreto-Lei 51.061/61, e é concedida ao funcionário que completa meio século de serviço público.


4

NACIONAL

terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição 668

Começa restauração de estação ferroviária O prédio abandonado há décadas pela Companhia Ferroviária estava degradada pela ação do tempo e de mendigos que habitaram o local por muitos anos De Andirá Das Agências

Os trabalhos de restauração da antiga estação ferroviária de Andirá foram iniciados esta semana. O prédio abandonado há décadas pela Companhia Ferroviária estava degradada pela ação do tempo e de mendigosC que habitaram o local por muitosf anos. De acordo com a empresaf responsável pela execução dosm trabalhos, em poucas semanas om prédio construído na década deg 30 ganhará sua forma original. Om projeto prevê a conservação dei detalhes originais, substituiçãon de componentes deteriorados our faltantes, reparos nas paredes, telhados, redes hidráulica e elé-d trica. A obra integra o Termo deo Ajustamento de Conduta (TAC),A firmado entre a América LatinaC r Logística (ALL), Instituto do Patr rimônio Histórico e Artístico Nan cional (IPHAN), Ministério Público Federal, Secretária de Estado dan Cultura do Paraná e o municípioc de Andirá, que ao final receberá a guarda da estação.

Em poucas semanas o prédio construído na década de 30 ganhará sua forma original

Exames descartam a existência da doença da vaca louca no Paraná

O anúncio foi feito após a Secretaria da Agricultura e do Abastecimento (Seab) e a Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar) terem sido comunicadas oficialmente pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento sobre os resultados Paraná AEN O secretário estadual da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara, afastou definitivamente a possibilidade da doença da vaca louca no Paraná. O anúncio foi feito após a Secretaria da Agricultura e do Abastecimento (Seab) e a Agência de Defesa Agropecuária do Paraná (Adapar) terem sido comunicadas oficialmente pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento sobre os resultados negativos de exames realizados em animal morto há dois anos por suspeita de raiva.  Como os protocolos internacionais, dos quais o Brasil é signatário, recomenda que os animais mortos com suspeitas de raiva sejam submetidos a exames para detectar outras doenças inclusive a encefalopatias espongiforme bovina (EEB), conhecida como doença da vaca louca, esse procedimento foi seguido à risca no Paraná, afirmou o secretário. Após um período de exames, provas e contraprovas, os resultados para a doença foram divulgados oficialmente pelo Ministério da Agricultura nesta sexta-feira (07), em Brasília. 

Durante entrevista coletiva, o secretário Norberto Ortigara detalhou os procedimentos técnicos que fizeram com que o serviço oficial de defesa sanitária do Estado mantivesse o sigilo a respeito do caso. Ortigara estava acompanhando do secretário executivo do Fundo de Desenvolvimento da Pecuária do Estado do Paraná (Fundepec), Ronei Volpi, pelo diretor de Defesa Agropecuária da Adapar, Adriano Riesemberg, e pelo chefe de gabinete da Adapar, Silmar Bürer.  Segundo Ortigara, em dezembro de 2010, um bovino, com idade avançada de 13 anos, manifestou a suspeita de raiva. A proprietária do animal procurou o serviço de Defesa Sanitária da Secretaria da Agricultura, comunicando o caso. Imediatamente, a propriedade, no município de Sertanópolis, foi acompanhada pelos técnicos da Vigilância Sanitária Animal do então Departamento de Fiscalização e Defesa Agropecuária (Defis), órgão da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento.  Não foi detectada a raiva em exames realizados na época e o animal

morreu em 24 horas. Conforme orientam os protocolos dos serviços de sanidade nacionais e internacionais, foi coletado material e enviado para análise no laboratório oficial do Governo do Paraná, que é o Centro de Diagnósticos Marcos Enrietti.  Os exames deram negativos e foram enviados para novas provas em laboratório oficial em Minas Gerais. Novamente os exames deram negativos, explicou Ortigara, e o mesmo material foi reenviado para o Lanagro, laboratório oficial do Ministério da Agricultura, em Recife (PE), cujos resultados também deram negativos.  Como última etapa da contraprova, o material foi enviado para o laboratório referência em saúde animal no mundo que fica na Inglaterra. O resultado comunicado às autoridades brasileiras deu positivo, mas destaca que era um caso atípico da doença, o que pode ocorrer em qualquer O secretário da Agricultura e do Abastecimento, animal sadio no Brasil ou fora dele.  Norberto Ortigara, durante coletiva à imprensa O que houve, disse Ortigara, é que o laboratório do Reino Unido louca, em função da existência Segundo Ortigara, são feito muitos constatou a existência de um caso de prion – uma proteína modi- exames semelhantes no mundo não clássico da doença da vaca ficada – encontrada no animal.  inteiro e a existência de prion pode

José Gomercindo / ANPr

ocorrer em bovinos. Mas os exames constataram que o animal não morreu em decorrência disso.

Famílias do norte do Estado assinam contratos de moradia com Cohapar

Famílias dos municípios de Barra do Jacaré, Bandeirantes e Santa Mariana, assinaram contratos da casa própria com a Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar) Paraná Das Agências Na última sexta-feira (7), 313 famílias dos municípios de Barra do Jacaré (70), Bandeirantes (202) e Santa Mariana (41), assinaram contratos da casa própria com o a Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Caixa Econômica Federal e suas respectivas prefeituras. E 140 famílias de Marialva receberam das mãos do presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar),

Mounir Chaowiche, e do prefeito Edgar Silvestre, as chaves da tão sonhada casa própria.  Os empreendimentos serão realizados em uma grande parceria entre os programas Morar Bem Paraná, do governo estadual, e Minha Casa Minha Vida, do governo federal. Os investimentos na região superam os R$10 milhões. A previsão é que as obras iniciem dentro de 30 dias e conclusão em 12 meses. 

O presidente da Cohapar ressaltou a importância da casa própria. “É a segurança e a garantia de uma vida digna para tantas famílias paranaenses, que passarão a ter um endereço, passarão a ser cidadãos”, afirmou.  Para o superintendente da regional de Londrina da Caixa Econômica Federal, Élcio José de Lara, viabilizar tantas casas é possível devido à união de esforços. “O recurso federal existe, mas ele só

é aplicado quando existe parceria entre os governos, para transformar dinheiro em obras de benfeitorias para população”, disse.  Participaram da solenidade, também, o secretário do Trabalho, Luiz Cláudio Romanelli, os prefeitos Celso Benedito da Silva (Bandeirantes), Edmar Albonati (Barra do Jacaré) e Maria Aparecida de Souza Lima Bassi (Santa Mariana); da Caixa, o gerente regional Carlos Souza. 

Felipe Gusinski / Cohapar


terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição 668

LOCAL

5

Siqueirenses sofrem com a falta de água no município

Desde o final de semana a população está sem água. Moradores da Rua dos Expedicionários estão sem abastecimento desde sexta-feira,7 De Siqueira Campos Regiane Romão

Os 18 mil habitantes de Siqueira Campos ficaram sem água no último final de semana e nessa segundafeira,10. A chuva que caiu sobre o município no final de semana aumentou o volume das águas e os galhos secos e folhas que se acumularam nas margens dos rios, e isso obstruiu a passagem de água na bomba que capta a água para o reservatório. A reportagem do jornal Correio do Norte entrou em contato com o gerente da Unidade de Santo Antônio da Platina, Gandy Ney de Camargo que disse por telefone o repasse dessas informações é de responsabilidade do setor de Comunicação, que fica em Londrina. Ele informou dois números, mas nem um atendeu. A reportagem procurou então, outro funcionário, que

passou o número da Assessoria de Comunicação porque somente os responsáveis poderiam repassar as informações, mas, ontem era feriado em Londrina devido ao aniversário da cidade e mais uma vez ninguém atendeu. Quando a reportagem conseguiu localizar a assessora de imprensa (que disse que ligaria depois porque estava no dentista), foi informada de que não havia nem um tipo informação sobre o caso, e que deveria procurar novamente o gerente da Unidade de Santo Antônio da Platina. Por telefone Gandy disse que estava entrando em uma reunião e pediu para que a reportagem ligasse para Luiz Serato, que as informações seriam repassadas. De acordo com Luiz Serato, a região passa por um momento em que poucas chuvas caem sobre o município e isso reduziu o nível do

Divulgação

rio, que trabalha com a sua capacidade mínima. Sendo assim, é feita uma captação menor de água, e o volume distribuído no município às vezes não consegue suprir a necessidade. Por isso, Serato pede para a população usar a água de forma mais racional, evitando lavar carros e calçadas. Ele explicou que, após a chuva que caiu no último domingo no município o nível de água aumentou, mas ainda não foi o suficiente. “Se não chover mais nos próximos dez dias, o nível voltará a baixar e os problemas retornarão”, explicou Luiz Serato. “Como fazia muito tempo que não chovia, os galhos secos e as folhas ” Ele ressaltou que, na tarde dessa segunda-feira, 10, a distribuição de água já estava normalizada em toda a cidade.

Comércio de Siqueira Campos já se prepara para adequar-se a nova lei sancionada por Dilma ontem De Siqueira Campos Isaele Machado (com dados do G1) Ontem o CN entrevistou os comerciantes sobre a nova lei sancionada pela presidente Dilma Rousseff, publicada ontem (10) no “Diário Oficial da União” a lei 12.741, que determina que os tributos incidentes sobre os produtos e serviços devem ser explicitados na nota fiscal. Os comerciantes entrevistados aprovaram a medida e informaram que já estão se preparando para adequar-se. A medida foi aprovada pela Câmara dos Deputados em novembro, sancionada ontem pela presidente da República. A divulgação, porém, só será obrigatória seis meses após a data da publicação da lei no Diário Oficial. O objetivo é dar transparência para o consumidor sobre a carga tributária incidente sobre as mercadorias. Pelo projeto, a nota deverá conter a informação do valor aproximado correspondente à totalidade dos tributos federais, estaduais e municipais. Deverão estar discriminados os valores dos seguintes impostos: ICMS, ISS, IPI, IOF, PIS, Pasep, Cofins e Cide. Dilma sancionou a lei com cinco vetos. Entre eles, a parte do projeto da Câmara dos Deputados que determinava a informação na nota fiscal dos valores do Imposto de

Renda e da CSLL. “A apuração dos tributos que incidem indiretamente na formação do preço é de difícil implementação, e a sanção desses dispositivos induziria a apresentação de valores muito discrepantes daqueles efetivamente recolhidos, em afronta à própria finalidade de trazer informação adequada ao consumidor final”, informou a Presidência da República na exposição de motivos do veto. Em novembro, após a aprovação da medida pela Câmara dos Deputados, o ministro Mantega informou que via dificuldades para as empresa informarem o valor do Imposto de Renda embutido nos produtos. Antes da publicação da lei, a Associação Comercial de São Paulo (ACSP) já tinha divulgado um modelo sugerido de nota fiscal com o campo dos impostos discriminados. Para a entidade, a mudança não acarretará em aumento de gastos para as empresas. ‘Valor aproximado’ Segundo o texto da nova lei, as notas fiscais deverão ser emitidas, detalhadas, por ocasião da venda ao consumidor de mercadorias e serviços, em todo território nacional, deverá constar, dos documentos fiscais ou equivalentes, a informação do “valor aproximado” correspondente à totalidade dos tributos federais, estaduais e municipais, cuja

Divulgação

Comércio de Siqueira Campos incidência influi na formação dos respectivos preços de venda. “A apuração do valor dos tributos incidentes deverá ser feita em relação a cada mercadoria ou serviço, separadamente, inclusive nas hipóteses de regimes jurídicos tribu-

tários diferenciados dos respectivos fabricantes, varejistas e prestadores de serviços, quando couber”, informa o texto publicado no Diário Oficial. A nova lei determina que a informação sobre os tributos incidentes

poderá constar de painel afixado em local visível do estabelecimento, ou por qualquer outro meio eletrônico ou impresso, de forma a demonstrar o “valor ou percentual, ambos aproximados”, dos tributos incidentes sobre todas as mercadorias

ou serviços postos à venda. Diz também que, sobre os serviços de natureza financeira, quando não prevista a emissão de nota fiscal, os tributos deverão constar também em tabelas afixadas nos estabelecimento.

Mulheres são agredidas em Santo Antônio da Platina Os casos ocorreram no final de semana e como mostram os dados da polícia militar as agressões contra mulheres têm aumentado nos últimos dias De SAP Regiane Romão Duas mulheres foram agredidas por seus companheiros em Santo Antônio da Platina no último final de semana. E.C. S acionou a polícia militar e contou que o namorado L.G. L a ameaçou a agrediu. Mesmo diante dos fatos ela se negou a representar contra o namorado. Na Vila Santa Terezinha, uma jovem prestou depoimento e disse que seu marido tentou atacá-la com um facão. Ele foi preso em flagrante e encaminhado para a 38ª Delegacia de Polícia de Santo Antônio da Platina.

De acordo com os índices levantados pelo Instituto Avante Brasil – IAB a partir de dados do DATASUS, do Ministério da Saúde uma mulher é morta a cada duas horas no Brasil. O número subiu de 113 para 372 em 30 anos. Nos anos 1980, o tempo estimado entre um homicídio e outro era de seis horas e meia. Atualmente esse intervalo diminuiu para duas horas. Esse dado deixa o Brasil em 12º lugar no ranking mundial de homicídios de mulheres. Na maioria dos casos, os crimes são cometidos por pessoas próximas como companheiros, ex-companheiros ou

homens que foram rejeitados. 40% das mulheres assassinadas têm entre 18 e 30 anos. O major Antônio Carlos de Morais do 2º Batalhão da Polícia Militar de Jacarezinho disse em entrevista ao jornal Correio do Norte que um dos fatores que mais contribui com o aumento da violência praticada contra as mulheres, é a impunidade contra dos agressores. Além disso, como explicou o major à sociedade ainda é machista e acha que pode tudo contra a mulher. “Os homens abusam da força física porque sabem que na maioria das vezes levam vantagem”, declarou.

O fator cultural e social também tem uma forte influência sobre as atitudes, tanto do agressor como das vítimas, já que a mulher só toma uma atitude quando a situação se torna insustentável, e em muitos casos, elas são mortas antes mesmo de denunciar o agressor. A questão financeira também influencia na decisão, já que algumas mulheres são sustentadas pelo companheiro e por isso se tornam subordinadas a ele. “A lei até é boa, mas muitas mulheres não denunciam por dependerem do marido tanto financeiramente como emocionalmente e isso dificulta ainda mais a denun-

cia”, ressaltou o major. Com as mudanças na lei Maria da Penha, qualquer pessoa pode denunciar um agressor, basta ser próxima da vítima. Em casos de

agressões graves a mulher não pode mais se negar a fazer a denuncia. As ligações podem ser anônimas e feitas através do número 190.

Divulgação


6

ESPORTE

terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição 668

Contrato de reforma do Maracanã tem 8° aditivo e adequação para Copa já custa R$ 940 mi

Os custos para a adequação do estádio para o Mundial, entretanto, não param por aí. Para conseguir os financiamentos necessários para pagar a reforma do estádio, o governo do Rio de Janeiro foi obrigado a contratar uma empresa de gerenciamento de obras Rio de Janeiro Vinicius Konchinski  O contrato para a reforma do Maracanã para a Copa do Mundo de 2014 recebeu no mês passado seu oitavo aditivo. Com isso, o valor comprometido pelo governo do Rio de Janeiro para adequar o estádio às exigências da Fifa chegou R$ 940,3 milhões. Isso é cerca de 30% a mais do que o informado na versão da Matriz de Responsabilidades do Mundial de janeiro de 2011. Desse total, R$ 859,9 milhões serão gastos só com a reforma do estádio. O valor consta do oitavo aditivo do contrato firmado com o Consórcio Maracanã Rio 2014, assinado no dia 8 de novembro pelo secretário de Obras do Estado do Rio de Janeiro, Hudson Braga. Esse contrato, porém, já recebeu duas correções monetárias: uma em maio deste ano e outra em agosto. Na primeira, o governo do Rio de Janeiro pagou mais R$ 7,5 milhões ao consórcio responsável pela obra e, na segunda, mais R$ 29,9 milhões. Com os dois reajustes, a principal obra no Maracanã para a Copa do Mundo já custa mais de R$ 897 milhões. Os custos para a adequação do estádio para o Mundial, entretanto, não param por aí. Para conseguir

os financiamentos necessários para pagar a reforma do estádio, o governo do Rio de Janeiro foi obrigado a contratar uma empresa de gerenciamento de obras. Essa empresa faz os relatórios que baseiam a liberação dos recursos dos empréstimos destinados à reforma. Uma licitação independente para a contratação dessa gerenciadora foi feita. A empresa Sondotécnica Engenharia de Solos venceu a concorrência e firmou um contrato de R$ 23,5 milhões com o governo do Rio de Janeiro para fiscalizar a reforma do Maracanã. Por fim, em novembro, o governo abriu uma nova licitação para contratar a execução de algumas obras necessárias no Maracanã e que não haviam sido incluídas no contrato da reforma principal. A concorrência pública ainda está em andamento. Ela vai definir a empresa que construirá as bilheterias e locais para as catracas do Maracanã, entre outras coisas. O governo do Rio de Janeiro já divulgou quanto pretende gastar com essa licitação-extra: R$ 19,5 milhões. Caso esse valor se confirme, o custo para fazer tudo que é necessário para que o Maracanã receba jogos da Copa chegará a R$ 940,3 milhões.

Divulgação

A reforma do Maracanã está 80% concluída, segundo o governo do Rio de Janeiro Esse valor é bem próximo a um custo vetado pelo TCU (Tribunal de Contas da União). No ano passado, o órgão auditou o projeto executivo da reforma do estádio e encontrou sobrepreços. Naquela oportunidade, o custo da obra no Maracanã estava estimado em R$ 957 milhões –R$ 17 milhões a mais do que o governo pretende gastar hoje no estádio.

O TCU, então, determinou a adequação do projeto e reduziu o custo da reforma em R$ 163,4 milhões. O orçamento do projeto foi reduzido para R$ 859,9 milhões, mas neste valor não estão incluídos os reajustes, as obras-extras e o contrato com a fiscalizadora independente. Procurada para comentar o custo das obras no Maracanã, a Emop (Empresa de Obras Públicas

do Estado do Rio de Janeiro) informou que os reajustes pagos estão previstos em lei. A Emop informou também que o contrato com a fiscalizadora da obra serve “para apoio técnico para o atendimento às demandas normalmente exigidas por eventuais contratos e financiamentos, tais como os do BNDES e da CAF [bancos que emprestaram dinheiro para a

reforma do Maracanã].” Já sobre as obras-extras, o órgão informou que elas são “obras complementares” à reforma principal. Ainda de acordo a Emop, apesar da contratação das obras-extras e da empresa fiscalizadora serem necessárias para a adequação do Maracanã para a Copa do Mundo, esses dois contratos não têm relação com a reforma do estádio.

Zico diz que pensou em encerrar a carreira no futebol por ficar fora de Olimpíada de 72 Ainda jovem, o ex-jogador ficou frustrado por ficar de fora da convocação dos Jogos Olímpicos de 1972, em Munique, na Alemanha

De São Paulo UOL

Antes de ser o ídolo do Flamengo, Zico tentou encerrar a sua carreira no futebol. Ainda jovem, o ex-jogador ficou frustrado por ficar de fora da convocação dos Jogos Olímpicos de 1972, em Munique, na Alemanha. Em entrevista ao Fantástico no último domingo, o craque revelou que o episódio foi a maior frustração de sua carreira e que sentiu vontade de deixar o futebol. “A minha maior tristeza no futebol foi não ter ido à Olimpíada de 72. Eu fiz o gol que classificou o Brasil e meu nome não estava na lista dos convocados. Foi a maior decepção da minha vida. Na hora fui falar com o meu pai que eu queria encerrar a minha carreira e cheguei a ficar dez dias sem ir ao Flamengo. Foi uma grande frustração para mim”, desabafou.Mas, para a alegria dos flamenguistas, Zico insistiu na carreira de jogador de futebol e esteve presente em títulos históricos do

clube carioca. Segundo o ex-atleta, jogar pelo Flamengo foi a sua maior alegria. “A maior alegria foi poder jogar com a camisa 10 do Flamengo, era um sonho de criança. E também poder estar presente no maior título da história do Flamengo, o título da Libertadores. Muitos falam que foi o Mundial, mas o Mundial a gente conquistou fácil, em um jogo só. A Libertadores não, a Libertadores foi brigada, disputada, difícil”. Apesar dos bons momentos no Flamengo, Zico não guarda lembranças positivas com a camisa da seleção brasileira. Quando o assunto é Copa do Mundo, ele aponta más recordações, como um gol anulado em 78 e a má forma física e o pênalti perdido contra a França em 86. “Pensando e racionalizando tudo, eu não tinha que ter ido naquela Copa (de 86). Copa do Mundo nunca foi coisa a meu favor. Muitas coisas aconteceram comigo em Copa do Mundo que eu nunca vi em Copa do Mundo. Como em

Divulgação

Zico pensou em encerrar a carreira no futebol ao ficar de fora das Olimpíadas de 72 78 que eu marquei o gol de cabeça no fim de um jogo e o juiz encerrou a partida antes de a bola entrar”, lembrou, com ressentimento. Mesmo com o “azar” em copas

do mundo, Zico tornou-se ídolo da seleção brasileira, e deixou saudades em muitos torcedores. Para conquistar sua trajetória vitoriosa, o ex-jogador tinha um segredo: valo-

rizar a lembrança e ter paciência. Esta última virtude, inclusive, o ajudou em sua carreira como treinador na seleção japonesa. “Isso me ajudou muito no

Japão. A cultura deles que valoriza a paciência veio de encontro a minha filosofia”, disse, lembrando do período entre 2002 e 2006 em que treinou a seleção do Japão.


terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição 668

Homem é preso em flagrante acusado de estuprar sobrinha de três anos Apesar de não haver conjunção carnal, só o fato de o tio estar na cama com a criança sem roupa já caracteriza estupro. Ele continua preso

De S. A. da Platina Regiane Romão Um homem foi preso em flagrante acusado de estupro. Ele estaria na cama com a sobrinha de apenas três anos. Quem chamou a polícia foi o pai da criança e irmão do acusado. De acordo com informações prestadas na 38ª Delegacia de Polícia de Santo Antônio da Platina, o pai da criança disse que durante o dia eles fizeram um churrasco e todos participaram. À noite, a mãe da criança, que está grávida cochilava no sofá e quando acordou ouviu o cunhado

e

7

POLÍCIAL

pronunciar a frase “pega aqui”. Assustada, ela chamou o marido, que ao entrar no quarto viu o irmão embaixo do cobertor com a criança. Ele estava com as calças no joelho e ainda usava cueca, já a criança estava nua da cintura para baixo. Eles acionaram a polícia e ele foi preso em flagrante. Em depoimento eles disseram que era comum as crianças dormirem na cama do tio, já que eles moram juntos há sete anos e tem muita intimidade um com o outro. O casal também é pai de um menino de cinco anos. Os pais disseram também que nunca perceberam nem uma atitude

Foto Ilustrativa/Divulgação

suspeita vindo do cunhado, que sempre demonstrou gostar muito das crianças. O acusado nega o crime. Ele diz que o irmão inventou a história, mesmo assim ele continua preso e espera a decisão do juiz para ver se permanecerá preso até o julgamento. Ele não tem antecedentes criminais.As crianças foram encaminhadas para o Instituto Médico Legal – IML para passarem por um exame de corpo delito, mas como explicou o delegado Fátimo de Siqueira essa atitude foi só para cumprir normas, já que aparentemente só houve carícias na criança.

Polícia Militar e Civil de Wenceslau Braz prendem suspeito de tráfico de drogas A parceria levou o serviço de inteligência até o suspeito que foi preso em flagrante, portanto cinco pedras de crack

De Wenceslau Braz Regiane Romão Um taxista foi preso pela polícia militar na última quinta-feira, 6, suspeito de tráfico de drogas em Wenceslau Braz. De acordo com informações recebidas por ligações anônimas o homem transportava e distribuía drogas no município. A polícia militar, em parceria com a polícia civil investigou o suspeito e levantou a informação de que ele entregaria drogas para uma mulher que o aguardava próximo ao cemitério municipal. Os policiais montaram um ponto de visualização próximo ao local, e aguardaram a chegada do motorista. O suspeito apareceu em uma moto e entregou a droga para a

Divulgação

mulher, eles foram abordados e durante a revista foi encontrado cinco pedras de crack e R$ 158 em dinheiro trocado. A mulher admitiu ser usuária de drogas e admitiu ter encomendado o entorpecente. Para amenizar o flagrante, o motorista resolveu colaborar com a polícia e entregou o local onde havia mais droga escondida. Os policiais o acompanhou até a casa dele, e na garagem ele indicou um pote onde havia mais pedras da mesma droga. Além disso, em frente à casa estava estacionado o táxi que o suspeito usa para trabalhar. Tanto o suspeito de tráfico como a usuária foram encaminhados para a delegacia. Todas as providências cabíveis foram tomadas.

Final de semana sem acidentes atendidos pela PMR de Siqueira Campos Equipe comemora cinco dias sem nenhuma ocorrência registrada Betty Gois

-

Comandante Eulacir satisfeito com os dias sem registro de acidente

De Siqueira Campos Betty Gois O Posto da Polícia Militar Rodoviária (PMR) de Siqueira Campos iniciou a semana em clima de satisfação. A comemoração foi em vista do final de semana sem nenhum registro de acidentes na área de circunscrição do posto. O sargento Eulacir Cândido Comandante do Posto da PMR de Siqueira Campos informou que fazem parte da área do posto as rodovias PR-151, PR-092, PR-424, PR-422 e PRC-272 e são feitas operações diárias para fiscalização e orientação dos motoristas, de acordo com o sargento, as operações são importantes para conscientizar e fazer com que diminua a imprudência e negligência. Eulacir alerta aos motoristas para não realizar ultrapassagens em local não permitido, não exceder os limites de velocidade e com o tempo chuvoso manter atenção redobrada e tomar cuidado com aquaplanagem, situação em que o veículo perde a aderência dos pneus com o solo. Nestes casos, o motorista deve utilizar o freio motor

(redução da velocidade com a utilização do câmbio) e não acionar o freio, que pode causar perda de controle, conforme o sargento normalmente em casos de aquaplanagem acontecem os acidentes mais graves. O último registro de acidente grave aconteceu na terça-feira (04), onde um jovem de moto morreu após se chocar com um ônibus em Siqueira Campos, na quarta-feira (05), um caminhão e uma carreta sofreram uma colisão lateral, mas foi realizado registro apenas para efeito de seguro, pois o acidente foi sem vítimas, apenas com danos materiais. O sábado e domingo foram com forte pancadas de chuvas, o que aumenta os riscos de acidentes, mais um motivo para a equipe do Posto da PMR de Siqueira Campos comemorar, Eulacir disse que foram cinco dias sem acidentes e um final de semana tranqüilo após tantos outros com acidentes graves, e com vítimas fatais e ele torce para que os motoristas que trafegam nessas rodovias continuem sendo prudentes para evitar acidentes.


88

REGIONAL SOCIAL

TERÇA-FEIRA, 11 DE DEZEMBRO DE 2012 - EDIÇÃO668 668 terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição

Projeto 'Trem da Alegria' fortalece turismo em Santana do Itararé O turismo natural de Santana do Itararé é um setor promissor, que vem atraindo pessoas de todas as regiões. Segundo a turismóloga, Priscilla Malaquias de Paulo, o projeto 'Trem da Alegria', é um dos projetos que mais favorecem a movimentação de turistas no município

De Santana do Itararé Camila Consulin

A microrregião do Norte Pioneiro, composta por 26 municípios, é repleta por belezas naturais. Um dos municípios que se destaca é Santana do Itararé, com aproximadamente 5 mil habitantes , detém de um potencial turístico que é bastante desenvolvido. O turismo natural de Santana do Itararé é um setor promissor, que vem

atraindo pessoas de todas as regiões. Segundo a turismóloga, Priscilla Malaquias de Paulo, o projeto 'Trem da Alegria', é um dos projetos que mais favorecem a movimentação de turistas no município. "Com o projeto de turismo 'Trem da Alegria', os visitantes tem a oportunidade de conhecer quais os principais atrativos turísticos de Santana do Itararé", diz. O projeto 'Trem da Alegria' foi idealizado pelo prefeito reeleito, José de Jesus Isac no ano passado.

De acordo com Priscilla, para que o município pudesse expandir seu turismo, recebeu uma visita da assessora técnica da Coordenadoria de Planejamento Turístico, Caren Nanci dos Santos, que avaliou quais áreas poderiam ser exploradas. "O objetivo da visita da coordenadora, foi passar orientações quanto ao desenvolvimento da atividade em Santana do Itararé", informou. Priscilla conta ainda que após a visita a Secretaria de Turismo desen-

volveu materiais de divulgação sobre quais atrativos podem ser visitados. "Além de um caderno informativo contendo os principais atrativos municipais, também fizemos folders, cartões postais, camisetas e CDs", disse. Os materiais confeccionados foram entregues, primeiramente, nas escolas da região. "Com a divulgação, este ano já recebemos grupos de escolas dos municípios vizinhos. O primeiro grupo de alunos que re-

cebemos foi o da Escola Estadual Machado de Assis, de Wenceslau Braz", ressaltou. Segundo a turismológa, o roteiro pode ser escolhido no momento em que se agenda um passeio. "Normalmente os grupos de alunos optam por passar pelas fábricas de polpa (Própolpa) e a de ração (Nutriagro), onde conhecem o processo de produção. Na sequência o trem segue para a Cachoeira do Saltinho, lugar onde as professoras aproveitam para falar so-

bre os cuidados com o meio ambiente. E finaliza no Recanto da Tia Nice, um restaurante localizado na área rural do município". Para complementar o passeio, o trem dispõe de dois guias, que no decorrer do passeio contam a história do desenvolvimento de Santana do Itararé. O passeio é gratuito, as únicas despesas é a alimentação. Para r conhecer os atrativos turísticos basta agendar um horário pelo telefone (43) 3526-1458.

CACHOEIRA DO ENGENHO É localizada a nove quilômetros de Santana do Itararé, no Bairro Manduri. A cachoeira ganhou este nome por estar próxima a um antigo engenho de cana movido a tração animal. Cercada por vegetação nativa a queda forma uma piscina natural.

CACHOEIRA DO BAMBUZAL Lugar de mata nativa preservada, com trilhas, quedas d'água e piscinas naturais. Fica a 11 quilômetros do município.

CACHOEIRA DO SENE Cercada por uma densa vegetação, a cachoeira fica numa região a 12 quilômetros de Santana do Itararé.

SALTO DA GABIROBA Com uma distância de 15 quilômetros do município, a cachoeira do Salto da Gabiroba é ainda é pouco explorada, possui mata nativa preservada. Uma área excelente para realização de caminhadas ecológicas.

CACHOEIRA DO COLORADO Localizada no município de Wenceslau Braz, a 18 quilômetros de Santana do Itararé, as cachoeiras do colorado são formadas por duas quedas d'água e uma piscina natural.

RIO ITARARÉ O rio limita os estados de São Paulo e do Paraná. Cercado por mata nativa e ranchos de lazer. Fica a nove quilômetros do município e é ideal para pesca. As principais espécies de peixe encontradas são: Piava, piau, curimba, traíra, lambari, tambiú, bagre, cascudo e mandi.


terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição 668

Famosos

B1

Música

Neymar posta foto de mãos dadas com mulher em viagem aos EUA

EUA Pop Neymar segue fazendo mistério sobre seu estado civil. Apontado como namorado da atriz Bruna Marquezine, ele aproveitou as férias que passa nos EUA para postar duas fotos sugestivas com uma mulher, fazendo suspense sobre quem o acompanhava. A mais significativa delas foi a imagem em que está de mãos dadas com alguém cujas unhas estão pintadas de vermelho. No dedo do atleta, chama a atenção a grossa aliança que ele vem usando nos últimos tempos, e que ele negou seguidas vezes ser o símbolo de um romance.“Passeando

EDITAIS

com meu amor”, escreveu o craque santista, levando à loucura as fãs que o seguem nas redes sociais. Em outra foto, ele postou apenas a mensagem “#city” para indicar que estava fazendo um passeio pela cidade. Nesta segunda imagem, ele está de mãos dadas com uma pessoa que é cortada pelo fotógrafo. De férias do Santos, Neymar foi aos Estados Unidos conhecer a Disney e segue em viagem com a família e amigos. Por isso, as fãs que conhecem a rotina do jogador especularam em comentários em várias redes sociais que a acompanhante do camisa 11 poderia ser, na verdade, sua mãe Nadine ou a irmã Rafaella.

Divulgação

Noel admite possibilidade de um retorno do Oasis Divulgação

Para eternizar título, Andressa Urach tatua “Miss Bumbum” em local estratégico Brasil Pop A gata durante o procedimento para eternizar o concurso em seu corpão. Por mais que tenha levado para casa a faixa de vice-Miss Bumbum, Andressa Urach não pensou duas vezes na hora de eternizar o título. A loira decidiu tatuar “Miss Bumbum” em um local pra lá de estratégico: no cóccix.Andressa explicou ao site Ego sua motivação para fazer a tatuagem. “Decidi fazer porque é um momento da minha vida que quero deixar registrado. Como tudo na minha vida, eu lutei muito por este título.” Este é o sexto desenho que a gata grava em seu corpão. “Tenho mais cinco pequenas, uma escrito `família`, uma com `saúde` em letras japonesas, as frases `sorte sempre` no braço esquerdo e `uma vida` no direito.” Será que Camila Vernaglia aprovou o resultado?

Curiosidades

Divulgação

O cantor e guitarrista Noel Gallagher, 45, admitiu nesta quarta-feira (5) a possibilidade de um retorno do Oasis, a banda mais famosa do britpop nos anos 90. O grupo terminou em 2009 depois de mais um rompimento dele com o irmão, o vocalista Liam Gallagher. Em entrevista ao “Evening Standard”, o jornal gratuito que circula às tardes em Londres, Noel comparou o Oasis aos Stone Roses, que voltaram depois de 15 anos. “Se os Stone Roses podem se reunir, qualquer um pode”, disse. Há dois meses, Noel tinha declarado que não voltaria a tocar com Liam nem que “todas as crianças famintas do mundo” dependessem disso. Agora, mudou de tom. “Eu entendo as pessoas na rua pensando: ‘Aquilo era tão grande, como é que vocês podem abandonar?’ Quando os Sex Pistols terminaram, para mim foi o acontecimento mais importante de todos os tempos...”, comentou. “Você não pode prever o que vai acontecer daqui a 20 anos. Se todos nós continuarmos razoavelmente magros, não estivermos completamente carecas, quem sabe.” O guitarrista contou ter encontrado os outros integrantes do Oasis recentemente, mas disse que ninguém falou na possibilidade de um retorno. No mês passado, Noel havia desmentido a hipótese de uma turnê comemorativa em 2014 para marcar os 20 anos da criação da banda.

Lollapalooza Brasil pode ter shows paralelos no Rio de Janeiro

Divulgação

O festival Lollapalooza Brasil já é uma das atrações mais esperadas do início de 2013. Com grandes shows confirmados como The Killers, The Black Keys e Pearl Jam, a organização do evento informou pelo Facebook que em breve deve revelar mais quatro novidades. Uma imagem publicada na última quarta, dia 4, revela o desenho de um dos cartões postais mais famosos do Rio de Janeiro, o Pão de Açúcar. Segundo o blog Popload, do jornalista Lúcio Ribeiro, é possível que aconteçam shows paralelos na capital carioca. Trata-se das Lolla Parties, que também aconteceram na edição do ano passado, com shows de bandas menores em casas como o Cine Joia, em São Paulo. Especula-se que no Rio, as apresentações sejam no Circo Voador. Segundo Ribeiro, as bandas cotadas para participar das Lolla Parties são Two Door Cinema Club, Hot Chip, Alabama Shakes, Foals, Major Lazer e The Hives, além de negociações com Cake e Passion Pit. Porém, mais três grandes surpresas devem ser anunciadas pela organização do festival nos próximos dias. Fiquem ligados.


B2

EDITAIS

terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição 668

PREFEITURA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS ESTADO DO PARANÁ DECRETO 906/2012 LEGISLAÇÃO MUNICIPAL Ementa: Aposenta Maria Hilda Pereira. LUIZ ANTONIO LIECHOCKI, Prefeito Municipal de Siqueira Campos, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, com base no art. 71, incisos VI e VIII da Lei Orgânica Municipal, com base no art. 40, § 1º, inciso III, alínea “b” da Constituição Federal, alterada pela EC n.º 20/1998 Decreta: Art. 1° - Fica concedida aposentadoria por idade com proventos proporcionais à servidora MARIA HILDA PEREIRA, RG n.º 4.247.919-5 SSP PR, no cargo de Zeladora, no valor de R$ 544,10, devendo receber o piso constitucional de R$ 622,00. Art. 2° - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos a 23 de novembro de 2012. Art. 3° - Revogam-se as disposições contrárias.

PREFEITURA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS ESTADO DO PARANÁ LEI 788/2012 LEGISLAÇÃO MUNICIPAL Súmula: Denomina Praça Geralda de Lima, a Praça “A”, no Residencial Santa Martha, Distrito da Alemoa. A CÂMARA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS, ESTADO DO PARANÁ, APROVOU E EU, PREFEITO MUNICIPAL, SANCIONO A SEGUINTE LEI: Art. 1º - Fica denominada Praça Geralda de Lima, a Praça “A”, espaço público delimitado pelas ruas “E”, Tucunaré e Coronel Eugênio José de Carvalho, no Residencial Santa Martha, Distrito da Alemoa, nesta cidade. Art. 2º - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições contrárias. Siqueira Campos, 06 de dezembro de 2012. Luiz Antonio Liechocki Prefeito Municipal

Siqueira Campos, 07 de dezembro de 2012. Luiz Antonio Liechocki Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS ESTADO DO PARANÁ PORTARIA 162/2012

PREFEITURA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS ESTADO DO PARANÁ DECRETO 907/2012 LEGISLAÇÃO MUNICIPAL Ementa: Regula o horário de funcionamento da Prefeitura Municipal e dá outras providências. LUIZ ANTONIO LIECHOCKI, Prefeito Municipal de Siqueira Campos, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais Decreta:

LEGISLAÇÃO MUNICIPAL LUIZ ANTONIO LIECHOCKI, Prefeito Municipal de Siqueira Campos, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, e ainda com base no art. 71, inciso VI da Lei Orgânica Municipal RESOLVE: 1 - Exonerar do cargo de CHEFE DE SERVIÇOS PÚBLICOS o servidor ZIRAM MEREGE RODRGUES, RG n.º 1.103.8336 SSP PR. 2 - Retroagir os efeitos desta Portaria a 31 de outubro de 2012.

Art. 1° - Fica estabelecido das 8 às 11h30 o horário de atendimento público e expediente nas repartições públicas municipais no período de 10 a 21 de dezembro de 2012, ressalvadas aquelas com calendário próprio.

Publique-se. Siqueira Campos, 04 de dezembro de 2012.

Art. 2º - Fica declarado recesso nas repartições públicas municipais no período de 24 a 31 de dezembro de 2012, em período integral.

Luiz Antonio Liechocki Prefeito Municipal

Parágrafo único - Ficam excluídos do caput deste artigo os serviços considerados essenciais. Art. 3º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições contrárias. Siqueira Campos, 07 de dezembro de 2012. Luiz Antonio Liechocki Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS ESTADO DO PARANÁ PORTARIA 163/2012 LEGISLAÇÃO MUNICIPAL

PREFEITURA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS ESTADO DO PARANÁ LEI COMPLEMENTAR 786/2012 LEGISLAÇÃO MUNICIPAL Súmula: Altera dispositivos da Lei Complementar 488/2010 que dispõe sobre o parcelamento do solo para fins urbanos do Município. A CÂMARA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS, ESTADO DO PARANÁ, APROVOU E EU, PREFEITO MUNICIPAL, SANCIONO A SEGUINTE LEI: Art. 1º - Os artigos 33 e 35 da Lei Complementar 488/2010, de 23 de novembro de 2010, que institui a revisão da Lei n.º 007/98 que dispõe sobre o parcelamento do solo para fins urbanos do Município de Siqueira Campos e dá outras providências, passam a ter a seguinte redação: “Art. 33 ............ § 1º. Será obrigatória a apresentação dos mesmos documentos solicitados para a aprovação de loteamentos, já definidas por esta Lei.” (NR) “Art. 35 ............ .................... II – Não poderão ter área superior a 30.000,00 m² (trinta mil metros quadrados); .................... V – Será reservada uma área interna destinada ao uso de recreação dos condomínios, correspondente a, no mínimo 5% (cinco por cento) da área total do condomínio horizontal, excluídas deste percentual as vias de circulação interna. .................... IX ............ .................... h) arborização dos passeios, quando os mesmos tiverem 3 metros ou mais de largura, e canteiros, com densidade mínima de uma árvore por lote, de acordo com a especificação da Prefeitura Municipal. Quando o passeio for inferior a 3 metros, e para não prejudicar a circulação de pedestres e P.N.E., a arborização poderá ser feita em praças ou áreas de lazer.” (NR) Art. 2º - Esta Lei Complementar entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições contrárias. Siqueira Campos, 06 de dezembro de 2012. Luiz Antonio Liechocki Prefeito Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS ESTADO DO PARANÁ LEI 787/2012 LEGISLAÇÃO MUNICIPAL Súmula: Altera a Lei Municipal n.º 509/2010 – “Estingue o cargo de provimento em comissão de Assessor Parlamentar da Presidência”. A CÂMARA MUNICIPAL DE SIQUEIRA CAMPOS, ESTADO DO PARANÁ, APROVOU E EU, PREFEITO MUNICIPAL, SANCIONO A SEGUINTE LEI: Art. 1º - Extingue-se o cargo de provimento em comissão de Assessor Parlamentar da Presidência, símbolo AP, vencimento R$ 1.245,00. Art. 2º - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições contrárias. Siqueira Campos, 06 de dezembro de 2012. Luiz Antonio Liechocki Prefeito Municipal

LUIZ ANTONIO LIECHOCKI, Prefeito Municipal de Siqueira Campos, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, e ainda com base no art. 71, inciso VI da Lei Orgânica Municipal RESOLVE: 1 - Revogar a Portaria 161/2012 de 30 de novembro de 2012. 2 - Exonerar dos seus respectivos cargos os seguintes cidadãos, à partir das respectivas datas:

CIDADÃO

RG

CARGO

DATA

Dirceu Donizete da Silva

1.339.313/PR

Chefe de Lazer

30/11/2012

Luiz Domingos de Morais

1.920.048/PR

Chefe de Agricultura

30/11/2012

Layla Velasco

7.188.418-0/PR

Chefe de Saúde

30/11/2012

Maria da Graça Montanha Cezar

1.337.957-2/PR

Diretora de Cultura

30/11/2012

Publique-se. Siqueira Campos, 04 de dezembro de 2012.

Luiz Antonio Liechocki Prefeito Municipal


terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição 668

Tecnologia e Games

EDITAIS

B3

Culinária

A derrocada de “Counter-Strike” Geleia de Pinga e das LAN houses no Brasil a tradicional Divulgação

Paraná Renato Bazan A cada intervalo de alguns anos, aparece na indústria de games uma obra que quebra as fronteiras entre a população dentro e fora desse universo de botões e pixels. Em 2011, tivemos “Skyrim”; em 2009, “Angry Birds”; em 2007, “Wii Sports”, e assim por diante. Em comum, todos esse títulos aumentaram a base existente de jogadores porque foram capazes de se costurar na cultura pop de forma chamativa, atraindo tribos e públicos que normalmente não se interessariam nos jogos do momento. No Brasil, no entanto, talvez nenhum título tenha tanto peso quanto “Counter-Strike”. Criado em 1999 como uma modificação não-oficial de “HalfLife”, o sucesso do game atingiu proporções mundiais dentro de alguns meses, superando até mesmo jogos tecnicamente superiores como “Unreal Tournament” e “Starsiege: Tribes”. A fórmula era simples: de um lado, policiais, do outro, terroristas, e um playground intrincado para trocar tiros. As possibilidades técnicas da engine GoldSrc garantiram uma aparência convincente ao jogo, além de trazer um comportamento da física cheio de nuances e segredos. Tirados de outros jogos, elementos recém-criados como headshots, ataques corpo-a-corpo e objetivos de cenário trouxeram uma jogabilidade com incontáveis possibilidades criativas. O reconhecimento foi tamanho que o estúdio Valve, criador de “HalfLife”, apressou-se para comprar os direitos sobre a variação. A ôla de popularidade não passou despercebida pelo Brasil, que então já via o burburinho de “Goldeneye 007” nas locadoras do país. Marcio Tadeu, gerente da LAN house Crazy Games, viu essa onda por trás do balcão: “Essa LAN house já foi cheia, na sexta-feira lotava até as quatro da manhã”, lembra o gerente, olhando vagamente para várias fileiras de PCs desocupados. “A gente chegava a fazer campeonato de ‘Counter’ por aqui, o pessoal ficava louco”, completa. O estabelecimento da zona sul paulista passou de locadora de jogos para LAN house para capturar a clientela de outros tempos. Na época, ele estava na crista da onda. Entre 1999 e os primeiros anos da década de 2000, as decadentes casas de máquinas arcade se viram gradualmente substituídas por LAN houses, primeiro em quantidade, mais tarde em pompa. Não foi à toa que essa substituição aconteceu: em um momento no qual computadores para jogos eram caros demais para a maioria das pessoas e internet de qualidade ainda estava fora do alcance doméstico, a possibilidade de unir os dois em um único lugar pareceu muito mais atrativa que os repetitivos fliperamas. Rendia diversão com muito menos gasto, também.

Estava passeando pelo Facebook outro dia e me deparei com uma travessa cheia de geleia de pinga. Salivei, de verdade! Corri para minha despensa e não havia gelatina suficiente :( Fiquei super sem graça, chateada mesmo... afinal já estava imaginando seu sabor derretendo na minha boca. Bom, hoje foi o dia D. Divulgação Ingredientes 1 pacotinho de gelatina sem sabor incolor 1 pacotinho de gelatina vermelha 500g de açúcar cristal 125ml de pinga

Ingredientes na mão, nenhum obstáculo no momento, então... fui! Levei numa panela grande 250ml de água para ferver. Então, dissolvi 1 pacotinho de gelatina sem sabor incolor e outro pacotinho da vermelha. Mexi bem até que desmanchasse tudo. Daí, adicionei 500g de açúcar cristal e 125ml de pinga, a marvada!

Ambientes assim pipocaram nos anos 90, motivados pelos custos de jogar no PC em casa Como Tadeu, milhares de empresários viram na virada do século a oportunidade de lucrar com a febre das LANs. Esses negócios nascentes foram aumentando em número na mesma velocidade com que jogos para PC cresciam em popularidade, “Counter-Strike” à frente. Depois de algum tempo, o jogo desenvolveu uma relação simbiótica com as LAN houses, alimentando-as com público enquanto dominava seus corações e mentes. Bastava um investidor juntar algumas máquinas e uma conexão de banda larga para que uma multidão juvenil aparecesse com o dinheiro da mesada. Nessa relação de benefício mútuo, “Counter-Strike” transcendeu de game para ícone da cultura pop. LAN houses eram uma necessidade da época: com 42% da população abaixo da linha da pobreza e um cenário de crescente necessidade da computação, era economicamente inviável para o Brasil vivenciar a inclusão digital pelo consumo privado. A saída da maior parte das pessoas foi usar as LAN houses para ver emails e redes sociais, e nesse contato muitas conheciam o tal “Counter-Strike” rodando na rede local. Por osmose, o amadurecimento digital brasileiro trouxe “Counter” como o estandarte de entretenimento nos PCs. Isso não quer dizer que o jogo não tenha seus méritos, diga-se. Em primeiríssimo lugar, essa parceria involuntária aconteceu apenas porque “Counter-Strike” foi um jogo praticamente sem restrições: além de ser bastante leve para computadores da época, ele permitia todo tipo de modificação e vinha por um preço baixíssimo. Isso o tornou o candidato ideal para proliferação num país em desenvolvimento como o Brasil. Outros fatores reforçaram seu apelo: além da qualidade técnica superior, “Counter-Strike” se revelou profundo, com potencial para competições vívidas, e o for-

mato de oito contra oito mostrou-se perfeito para qualquer LAN house, por menor que fosse. Modificações amadoras, equipamentos diversos e criação de cenários garantiram que o jogo permancesse fresco mesmo depois de anos, e o aspecto de trabalho em equipe se viu potencializado pela convivência cara-acara desses clubes digitais. Depois de uma década dominando as competições digitais, no entanto, é visível que o tempo cobrou caro a comunidade de jogadores de “Counter-Strike”. De jogo mais populoso da Internet em 2001, a rede Xfire o aponta na posição 71 entre os mais jogados ao final de 2012, enquanto novidades como “League of Legends” e “Call of Duty” cravam as primeiras colocações. É revelador que a Monkey, maior rede de LAN houses do país, tenha fechado todas as 60 unidades entre 2008 e 2010: como disse ao R7 o fundador da franquia, Sunami Chun, “o modelo de negócios [baseado na exploração de jogos em LAN] foi superado” pelo aumento da banda larga doméstica. Computadores e internet tornaram-se acessíveis para maior parte da população, soterrando tanto as LAN houses (que sobrevivem com serviços de escritório) quanto “Counter-Strike” (que acabou asfixiado por outros lançamentos). Os esforços de atualização da série de tiro são nobres, mas parecem não reproduzir o estardalhaço da versão original. “Counter-Strike: Global Offensive” pode ter sido lançado com tecnologia atual agora em 2012, mas crítica e público não encontraram motivos para reviver a antiga febre. Muito pelo contrário: entre os jogadores profissionais da franquia, há uma rixa crescente entre aqueles que preferem as versões antigas do game e aqueles que acompanharam os tempos. E mesmo com toda essa polêmica, “Global Offensive” não consegue

uma posição nem mesmo entre os 20 games mais acessados da rede. Ilhado entre computadores vazios, o atendente Ricardo Saito, também da Crazy Games, lamenta o estado das coisas - do jogo e do emprego. A decadência da cultura de “Counter-Strike” se reflete nos equipamentos ultrapassados da loja, nas cadeiras rasgadas, nos ladrilhos fora de lugar. “O público varia muito agora, mas nunca chega a ficar lotado”, revela. Questionado sobre o porquê de seus computadores terem apenas “Counter-Strike” e “Warcraft III” instalados, responde: “Com todo esse negócio de licenças e verificação online agora, não vale a pena ficar instalando um monte de jogos. Se alguém quer, ele pede e a gente coloca, mas fica caro”. Pelo aspecto desatualizado das máquinas, este parece não ser o único motivo. Olhando para o que restou das LAN houses em São Paulo, o fenômeno “Counter-Strike” aparece sob uma nova perspectiva. Como elas, o jogo teve um papel importante na história cultural brasileira, reforçando a inclusão de boa parte da população jovem (ou pobre) de sua época e ampliando o número de pessoas interessadas em jogos online. Com sua acessibilidade indisputável, ele levou o gênero dos FPSs conectados para muito além dos entusiastas de “Quake” e “Duke Nukem 3D”, abrindo caminho para sucessos como “Halo”, “Battlefield 1942” e “Call of Duty 4: Modern Warfare” em anos posteriores. A atualização proporcionada por “Global Offensive” será suficiente para manter uma base de fãs ativa e muitos campeonatos internacionais, é verdade. A convivência com peixes maiores, no entanto, é algo que não será revertido. Como as LAN houses, ele talvez seja substituído um dia por coisas mais atrativas ou mais necessárias, talvez criadas pela própria Valve.

Misturei bem e deixei ferver por 10 minutos. Assim todo álcool evapora e a criançada pode se deliciar sem grandes problemas. Precisa ficar de olho porque o caldo todo quer subir e transbordar na panela, portanto sem piscar! Acomodei todo o líquido numa assadeira pequena ou num pirex (20 x 15cm) untado com óleo de milho ou outro. Levei à geladeira por pelo menos 8 horas. Para cortar, puxei com as mãos e corte usando uma tesoura grande. Os cubinhos deverão cair sobre açúcar refinado. Encapei bem e conservei na geladeira. É realmente só isso!

Caipirinha de Yakult

Divulgação

Ingredientes Tempo de preparo 02min Rendimento 1 porções 1 limão taiti espremido (suco puro) 2 yakults gelo açúcar pinga 51 Modo de Preparo Misturar tudo na coqueteleira e saborear

Classificados Santana Quantum 2.0 4 Portas ,Direção Hidraulica, Vidro elétrico Ar condicionado - Cinza Ano 89 Alcool Preço - R$7,500 Fone 96336902 - 96637434 Tratar com Carlos


B4

EDITAIS

Mundo Animal

Qual é o maior sapo do mundo?

O maior anuro do mundo - ordem dos anfíbios saltadores sem cauda, da qual fazem parte os sapos, as rãs e as pererecas - não é um sapo. É a rã-golias (Conraua goliath), que pode ter até 35 centímetros e 3,5 quilos, peso equivalente ao de um gato! A principal diferença entre rãs e sapos é que estes vivem em terra firme, enquanto as rãs adoram um ambiente aquático. Por isso, as patas traseiras das rãs possuem membranas entre os dedos, não encontradas nos sapos. “A rã-golias vive em ambientes de água corrente, como riachos, e perto de cachoeiras. Embora seja comestível, ela não é criada comercialmente”, afirma o zoólogo Célio Haddad, da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Rio Claro (SP). Também chamada de rã-gigante-africana, ela vive nas florestas tropicais de Camarões e Guiné Equatorial, dois países do oeste da África. Apesar do tamanho, ela conserva a agilidade de suas primas menores e consegue pular a uma distância de 3 metros. Quando filhote, a rã-golias come apenas plantas, mas ao ficar adulta inclui insetos, peixes, crustáceos e outros anfíbios em sua dieta. A espécie foi descoberta em 1906 e já está ameaçada de extinção, principalmente por causa da destruição de seu habitat e da caça descontrolada. O animal também é muito procurado por colecionadores. Nos Estados Unidos, um exemplar chega a custar 3 mil dólares! Anfíbios avantajados Espécie encontrada no Brasil chega a ter 25 centímetros de comprimento SAPO-CURURU (Bufo marinus) Tamanho - Até 25 centímetros Região de origem - Da Amazônia ao México Curiosidade - Uma de suas principais características é ter verrugas pelo corpo. Introduzido na Austrália, tornou-se uma praga por lá, onde não tem inimigos naturais RÃ-TOURO (Rana catesbeiana) Tamanho - Cerca de 20 centímetros Região de origem - América do Norte Curiosidade - Seu vigoroso coaxar lembra o mugido de um touro. Por sua carne nutritiva e saborosa, é a principal rã comestível do mundo. Quando falta comida, a espécie apela para o canibalismo RÃ-PIMENTA (Leptodactylus labyrinthicus) Tamanho - Cerca de 20 centímetros Região de origem - América do Sul Curiosidade - A maior rã do Brasil se alimenta de outros anfíbios, de pequenos pássaros e até de serpentes. Ela passa o dia escondida em locais abrigados e sai para caçar à noite

O que é bicho-de-pé?

É um inseto da família das pulgas, que se aloja na pele do homem e de outros animais. Chamado de Tunga penetrans pelos cientistas, esse bichinho quase invisível, que não ultrapassa 1 milímetro de comprimento, pode ser encontrado em praticamente todo o continente americano. Quando descobre uma vítima, ele salta em sua direção e cava um pequeno buraco na pele para sugar o sangue do hospedeiro. Os alvos prediletos do parasita, também conhecido como pulga da areia, são a sola do pé, a pele sob as unhas e os espaços entre os dedos, mas ele pode perfurar qualquer parte do corpo, provocando reações desagradáveis como coceira e inflamação no local afetado. O problema quase nunca passa disso, mas a infecção pode abrir uma brecha para doenças mais sérias, como o tétano, e causar até gangrena em casos graves. O tratamento padrão é a retirada do inseto, mas o melhor remédio é a prevenção. Para ficar longe dessa pulguinha incômoda, o ideal é usar calçados em locais infestados e tratar animais domésticos infectados. Pé no saco Alguns vilões que são ainda mais incômodos do que a pulga da areia Bicho geográfico Conhecido pelo nome científico de Larva migrans, é encontrado em fezes de animais (como cachorros) deixadas na areia. Depois de entrar na pele, o parasita anda dentro dela, deixando um rastro visível e causando coceira Olho de peixe Nome popular de uma lesão na sola dos pés causada por um vírus do tipo HPV (Papiloma Vírus Humano). Conhecida cientificamente como verruga plantar, ela causa fortes dores e está associada ao excesso de umidade Mamãe coragem Depois de usar e abusar do hospedeiro, a fêmea põe seus ovos e morre 1. O bicho-de-pé vive em lamaçais e solos arenosos, quase sempre em locais quentes e secos. Também é comum encontrar o inseto em chiqueiros de porcos 2. Só as fêmeas grávidas penetram na pele. Em sete a dez dias, um único bicho coloca de 150 a 200 ovos, que são jogados no chão e amadurecem por conta própria. Depois disso, a mãe morre e é expelida pelo corpo 3. Ok, ela morre depois de colocar os ovos. Mas o ideal é removê-la antes disso. Uma agulha esterilizada dá conta do recado, mas é preciso tomar cuidado para não deixar nenhum pedaço do bicho na pele, o que pode causar infecções

terça-feira, 11 de DEZEMBRO de 2012 - edição 668

Saúde e Beleza

13 hábitos que garantem resultados na dieta!

Divulgação

Brasil Byebyegordura

Começar uma dieta é difícil, mas, mais duro do que decidir economizar as calorias, é seguir firme nessa decisão. “As armadilhas aparecem de todos os lados: é a fatia de torta na vitrine da doceria, as sobremesas no restaurante, os convites dos amigos para uma happy hour…”, conta a nutricionista Roberta Stella, do Dieta e Saúde. Mas ela conta que dá para atravessar as tentações sem reclamar. A seguir, confira uma série de hábitos sugeridos pelas especialista que vão facilitar a sua vida. Até porque já foi o tempo em que dieta era sinônimo de sofrimento. 1. Estabelecer uma rotina alimentar: planejar as refeições que farão parte do dia é um passo importante para organizar a alimentação. O ideal é fazer as três refeições principais (café da manhã, almoço e jantar) e dois pequenos lanches. De acordo com a fome, pode-se estipular em quais períodos do dia você irá ingerir os lanches. Quem sente muita fome pela manhã e à tarde deve fazer os lanches nesse período. Se for à tarde e à noite, após o jantar, estipule o lanche da tarde e o da noite. 2. Fixar horários para as refeições: dessa maneira, você evita beliscar entre elas e pára de consumir calorias sem perceber. Além disso, fica fácil deixar de comer em horários muito próximos das refeições. Estipule seus horários de acordo com a rotina do dia. 3. Abandonar as dietas com restrição excessiva: essa é a principal causa de desestímulo e desistência. Não pule nenhuma refeição. Uma restrição calórica muito grande fará com que o seu metabolismo se reduza. O peso poderá se estabilizar e, para voltar a emagrecer, será necessário reduzir ainda mais as calorias e aumentar a atividade física. 4. Ter uma alimentação variada: a alimentação não deve ser monótona e nem baseada em poucos alimentos. Por isso, consumir leites e derivados, carnes magras, legumes, frutas, verduras e cereais fará com que a quantidade de nu-

trientes recomendada seja atingida, mesmo que a quantidade de calorias consumida diminua. 5. Evitar situações de risco: deixar por perto alimentos que podem representam risco para o seu emagrecimento (chocolates, balas, biscoitos, doces e salgadinhos, por exemplo) dificultará seguir fiel à alimentação desejada. Além disso, na hora de escolher um restaurante ou barzinho, tome a liderança e proponha um lugar onde os riscos de abusos são menores. Pense numa opção que oferece petiscos saudáveis para você. 6. Saber dizer não: você está de dieta, mas sua família e seus amigos estão livres para comerem à vontade. Eles, até por educação, podem oferecer o seu doce predileto, dizer que fizeram aquele bolo mais do que especial pensando em você. Delicadamente, diga não. Isso será uma vitória para você, dando mais força para seguir em frente. 7. Saber dizer sim: é o momento de se propor a experimentar novos alimentos e sabores. Se legumes, verduras e frutas não faziam parte do seu cotidiano alimentar, eles deverão fazer parte da alimentação diária. Lembre-se: não é possível fazer uma alimenta-

ção equilibrada sem nenhum desses alimentos. 8. Não seja influenciável: se um dia os amigos combinarem em ir à uma hamburgueria ou a um restaurante que não te dá alternativas, você não precisa acompanhá-los. Se, ao propor outra opção, eles não aceitarem, recuse o convite. Ficar um dia sem sair com seus amigos não fará com que perca a amizade, mas o risco de desistir em continuar firme na dieta é muito grande. 9. Persistir: se não resistiu e saiu da dieta, se o peso estacionou por alguns dias ou a baixa nos quilos ficou muito abaixo da esperada, não desista! Essas são situações que ocorrem com todas as pessoas que estão emagrecendo. Difícil escapar delas. Entretanto, a diferença entre a pessoa que atinge o objetivo e aquela que está a todo o momento reiniciando é que a primeira não desistiu. 10. Pesar-se uma vez por semana: saber a sua evolução é muito importante para estimular a continuar firme em seu propósito. Entretanto, é importante saber que a eliminação de peso não é constante. Nas duas primeiras semanas, a queda de peso tende a ser maior. A

partir daí, a redução será mais gradual. Encare isso como um desafio e não como um motivo de desânimo e desestímulo.

11. Evitar estoques de alimentos calóricos: no mercado, já é possível encontrar alimentos em porções individuais. Bolacha, chocolate e bombom podem ser comprados por unidade. Utilize toda a sua inteligência. Para que comprar uma caixa de chocolate durante o período de emagrecimento? Não faça a sua própria armadilha.

12. Participar de discussões sobre emagrecimento: ter contato com pessoas que têm o mesmo objetivo, trocando experiências e estímulos, fará com que você não se sinta diferente. A conversa dá motivação para alcançar a meta de peso mais rapidamente.

13. Fazer atividade física: a prática de exercícios regulares é a melhor aliada para o emagrecimento. Reserve um período do dia para se exercitar. Pequenas atitudes já são um bom começo: vá de escada em vez de usar o elevador ou as escadas rolantes. Dispense o carro ou o ônibus nos pequenos percursos e aproveite para andar a pé. Fonte: Portal Minha Vida

correionoticias.com.br


Correio do Norte - Edição 668