Page 1

40 1

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011


PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

38

ORGANIZAÇÃO

Entidades Parceiras

Faculdade de Tecnologia e Ciências

UEFS

UESB

Centro Universitário da Bahia

UFBA

UESC

UCSAL


GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Jaques Wagner

REITOR Lourisvaldo Valentim da Silva

SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO Osvaldo Barreto Filho

VICE-REITORA Amélia Tereza Santa Rosa Maraux PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO (PROGRAD) José Bites de Carvalho PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E ENSINO DE PÓS-GRADUAÇÃO (PPG) José Cláudio Rocha PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO (PROEX) Adriana Marmori PRÓ-REITORIA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL (PRAES) Paulo José Gonçalves de Souza PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO (PROPLAN) Luiz Paulo Almeida Neiva PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO (PROAD) José Durval Uzêda Filho PRÓ-REITORIA DE GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS (PGDP) Marcelo Duarte Dantas de Ávila UNIDADE DE DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL (UDO) Djalma Fiuza Almeida CHEFIA DO GABINETE Lídia Boaventura Pimenta PROCURADORIA JURÍDICA (PROJUR) Eduardo Lessa Guimarães ASSESSORIA ESPECIAL Luiz Carlos dos Santos Wilson Roberto de Mattos Zita Maria Farias Gomes Guimarães

Ano

Artigos Revisados

Artigos Aprovados

Artigos Premiados

2010

11

4

0

2009

**

2008

**

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

FREEBASE - Workshop de Software Livre

** Não houve edição deste evento.

Edições Anteriores ERBASE

Universidade

Cidade

Ano

I

Universidade Federal da Bahia - UFBA

Salvador

2001

II

Universidade Federal de Sergipe - UFSE

Aracajú

2002

III

Universidade do Estado da Bahia - UNEB

Salvador

2003

IV

Univ. Estadual de Feira de Santana - UEFS

Feira de Santana

2004

V

Universidade Salvador - UNIFACS

Salvador

2005

VI

Universidade Federal de Sergipe - UFSE

Aracajú

2006

VII

Univ. Estadual do Sudoeste da Bahia - UESB

Vitória da Conquista

2007

VIII

Universidade Federal da Bahia - UFBA

Salvador

2008

IX

Universidade Estadual de Santa Cruz - UESC

Ilhéus

2009

X

Universidade Federal de Alagoas - UFAL

Maceió

2010

37


PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

36

ERBASE EM NÚMEROS Inscritos

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA TERRA (DCET-I) Marta Valéria Almeida S. de Andrade

PRESIDENTE José Carlos Maldonado

COLEGIADO DE ANÁLISE DE SISTEMAS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Maria Inês Valderrama Restovic

REGIONAL BAHIA David Moises Barreto dos Santos

Evolução das ERBASES 2008 - UFBA

2009 - UESC

2010 - UFAL

2011 - UNEB

Salvador-BA

Ilhéus-BA

Maceió-AL

Salvador-BA

Estudantes

684

522

760

910

Outros

36

25

40

90

Total:

720

547

800

1000*

REGIONAL NORDESTE 2 Eliana Silva de Almeida

*estimativa

Trabalhos Científicos

NÚCLEO DE ARQUITETURA DE COMPUTADORES E SISTEMAS OPERACIONAIS (ACSO) Josemar Rodrigues de Souza

WTICG- Workshop de Trabalhos de Iniciação Científica e Graduação Ano

Artigos Revisados

Artigos Aprovados

Artigos Premiados

2010

72

47

7

2009

75

40

3

2008

82

41

2

WEIBASE- Workshop de Educação em Computação e Informática Ano

Artigos Revisados

Artigos Aprovados

Artigos Premiados

2010

34

15

4

2009

20

9

1

2008

21

11

1

WINDBASE - Workshop de Inclusão Digital Ano

Artigos Revisados

Artigos Aprovados

Artigos Premiados

2010

7

7

0

2009

*

2008

*

* Evento não gerou chamada de trabalhos neste ano.

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011 Redação: Equipe Executora da XI ERBASE. Revisão: Professor Leandro Coelho de Souza. Diagramação: Núcleo de Design Ascom/UNEB.


XI Escola Regional de Computação Bahia Alagoas Sergipe ( XI ERBASE)

Entidade Executora

Sociedade Brasileira de Computação - SBC

Entidade Coordenadora

Universidade do Estado da Bahia - UNEB Núcleo de Arquitetura de Computadores e Sistemas Operacionais - ACSO

Entidades Parceiras

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

Título

Faculdades Área1 Faculdades de Ciência e Tecnologia – FTC Universidade Estadual de Feira de Santana – UEFS Faculdades Hélio Rocha Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – UESB Faculdades Integradas da Bahia – FIB Universidade Federal da Bahia – UFBA Faculdades Ruy Barbosa Faculdades UNIME Instituto Federal da Bahia - IFBA Universidade Federal do Vale do São Francisco – UNIVASF Universidade de Santa Cruz – UESC Universidade Federal de Alagoas - UFAL Universidade Federal de Sergipe – UFS Universidade Católica do Salvador – UCSal Universidade Salvador – UNIFACS

Equipe Executora Coordenação

Prof. Dr. Leandro Coelho de Souza Prof. Dr. Josemar Rodrigues de Souza

Comissão Organizadora

Prof. Dr. Cláudio Alves de Amorim Prof. Dr. Diego Gervasio Frías Suárez Profª. Drª. Marta Valéria A. S. de Andrade Prof. ATc. Dr. Grinaldo Lopes de Oliveira Prof. ATc. Dr. Marco Antonio Costa Simões Profª. ATc. Drª. Tânia Regina Dias Silva Pereira Prof. MSc. Antonio Carlos Fontes Atta Prof. MSc. Jorge Sampaio Farias Prof. MSc. Maria Inês Valderrama Restovic Profª. MSc. Maria Lívia Astolfo Coutinho Profª. Débora Alcina Chaves Profª. Tatiana Dias Silva Técnica Ana América Astolfo Coutinho Santos Técnica Márcia Quadros da Silva

Local do Evento

Universidade do Estado da Bahia – Salvador-BA

Período

11 a 16 de Abril de 2011

Objetivo Geral

Promover o intercâmbio técnico-científico entre estudantes, professores, empresários e pesquisadores da área de computação, visando à atualização e à divulgação do potencial dos futuros profissionais das regiões da Bahia, Alagoas e Sergipe, fortalecendo o estreitamento dos vínculos entre academia e empresa.

Platina

Ouro

Prata

Bronze

Apoio

100%

75%

50%

25%

15%

15

10

5

3

x

x

x

x

x

x

x

x

x

x

7 min

5 min

3 min

50 min

30 min

x

x

15 m²

9 m²

Palestras

Wokshops

1,2 m²

0,8 m²

x

x

x o site da UNEB.

x x X

35


DADOS CADASTRAIS

As cotas de patrocínio estão disponíveis em quatro categorias, as quais poderão

Instituição Proponente

ser adquiridas por diferentes empresas. As marcas interessadas poderão optar pela categoria de patrocínio e estarão assinando com suas marcas, diversos materiais de

34

divulgação, merchandising, credenciais entre outros. O objetivo é valorizar ainda mais

UNEB - Universidade do Estado da Bahia

no mercado a marca da empresa patrocinadora.

CNPJ: 14.485.841/0001-40 Endereço: Rua Silveira Martins, 2555, Cabula. Categoria

Assinatura em material de divulgação do evento: (Tamanho da assinatura). Convites VIP. Visando ações de relacionamento do patrocinador com seus clientes (Quantidade). Espaço para a instalação de um balcão promocional de até 2 m² .

Salvador-Bahia-Brasil. CEP: 41.150-000

Departamentos e Unidades Departamento de Ciências Exatas e da Terra I (DCET - I)

Apresentação de Pôster digital em áreas de circulação do evento.

Colegiado do Curso de Análise de Sistemas / Sistemas de Informação.

Painéis não exclusivos localizados nos auditórios do evento.

Núcleo de Arquitetura de Computadores e Sistemas Operacionais (ACSO)

Vídeo institucional/promocional da empresa nos anais do evento (Tempo). Espaço na programação para palestra com tema relacionado ao evento. Uma página de reportagem no site do evento.

Coordenação do Evento

Espaço para stand básico (Tamanho).

Prof. Dr. Leandro Coelho de Souza (ACSO/UNEB)

Chamada de palco (Atividade).

Prof. Dr. Josemar Rodrigues de Souza (ACSO/UNEB)

Painéis exclusivos localizados nos auditórios, sala e Laboratórios do evento Inserção de material de divulgação fornecido pela empresa nas pastas do evento. Apresentação de vídeo promocional de até 1 minuto na Cerimônia de Abertura/Encerramento. Citação do nome da empresa em releases e reportagens jornalísticas encaminhadas à imprensa ou veiculadas no Logomarca em destaque no interior e contorno da central de credenciamento. Pronunciamento de 5 minutos na cerimônia de encerramento.

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PATROCINADORES E CONTRAPARTIDAS


De acordo com as características e propósitos do evento, apresentamos a seguir

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

ORÇAMENTO orçamento resumido solicitado neste projeto referente a despesas de custeio para realização da XI ERBASE no ano de 2011. Descrição

Valor

Passagens Aéreas

R$ 41.750,00

Diárias/Hospedagem

R$ 86.500,00

Material de Consumo/Serviços

R$ 98.420,00

Serviços de Terceiros de Pessoas Jurídicas

R$ 22.100,00

Serviços de Terceiros de Pessoas Físicas

R$ 23.000,00

Total Geral

R$ 271.770,00

PÚBLICO ESTIMADO Para a edição 2011 da ERBASE, estima-se a presença de 1.000 participantes entre professores, discentes, pesquisadores e profissionais das áreas de computação, informática e afins.

33


SUMÁRIO

O processo de inscrição visa permitir o acesso dos participantes de forma organizada

Apresentação ................................................................................................................................................... 11

aos eventos da programação da XI ERBASE. O processo será realizado utilizando a Internet como meio. Para isto o evento conta com software específico fornecido pela Sociedade Brasileira de Computação capaz de administrar todo o processo.

Universidade do Estado da Bahia - UNEB ............................................................................................ 12 Colegiado do Curso de Análise de Sistemas e Sistemas de Informação ........................ 15 Núcleo de Arquitetura de Computadores e Sistemas Operacionais - ACSO .................. 16

32

As inscrições estarão abertas durante o período de setembro de 2010 até a primeira

Justificativa ....................................................................................................................................................... 19

semana de abril de 2011. Após este período, as inscrições serão realizadas no local,

Público-Alvo ...................................................................................................................................................... 25

durante o evento.

Objetivos ............................................................................................................................................................ 25

Os preços para inscrição variam de acordo com a categoria do pleiteante: Estudantes,

Atividades previstas .................................................................................................................................... 27

Professores e Profissionais do mercado e a situação do mesmo referente à associação

Conferencistas ............................................................................................................................................... 31

junto a Sociedade Brasileira de Computação.

Programação .................................................................................................................................................... 31

Os inscritos deverão comprovar sua categoria durante o check-in do evento através de apresentação de documentos. Exemplo: no caso de estudantes pode-se apresentar

Inscrição ............................................................................................................................................................ 32 Orçamento ......................................................................................................................................................... 33

a carteira estudantil, comprovante de pagamento de matrícula ou documento

Público estimado .......................................................................................................................................... 33

equivalente.

Patrocinadores e contrapartidas ......................................................................................................... 34

A tabela abaixo sumariza os valores de inscrição para as categorias de cada pleiteante.

Categorias / Atividades

Estudante

Professor

Profissional

Inscrição

Mini-Curso/ Laboratório

Maré

Até 15/02/2011

Após 15/02/2011

Até 15/02/2011

Após 15/02/2011

Até 15/02/2011

Após 15/02/2011

Sócio SBC

R$ 30,00

R$ 40,00

R$ 25,00

R$ 35,00

R$ 30,00

R$ 40,00

Não sócio SBC

R$ 40,00

R$ 50,00

R$ 35,00

R$ 45,00

R$ 40,00

R$ 50,00

Sócio SBC

R$ 40,00

R$ 50,00

R$ 40,00

R$ 50,00

R$ 50,00

R$ 60,00

Não sócio SBC

R$ 50,00

R$ 60,00

R$ 50,00

R$ 60,00

R$ 60,00

R$ 70,00

Sócio SBC

R$ 50,00

R$ 60,00

R$ 70,00

R$ 80,00

R$ 70,00

R$ 80,00

Não sócio SBC

R$ 60,00

R$ 70,00

R$ 80,00

R$ 90,00

R$ 80,00

R$ 90,00

ERBASE em números ..................................................................................................................................... 36 Organização ..................................................................................................................................................... 38

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

INSCRIÇÃO


PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

CONFERENCISTAS A participação de conferencistas dar-se-á por critérios próprios da organização da XI ERBASE: cartas convite, edital próprio de chamadas e editais de chamadas dos eventos paralelos. A seleção dos temas/trabalhos será definida através dos critérios especificados pela organização, divulgados com antecedência no site próprio do evento (http://www. acso.uneb.br/erbase2011).

10

PROGRAMAÇÃO A programação da XI ERBASE baseia-se no tema de “Computação para o Desenvolvimento”.

31

Sendo assim os eventos para a XI ERBASE foram distribuídos durante o período de realização de acordo com a tabela abaixo: Hora

Segunda-feira

Terça-feira

Quarta-feira

Quinta-feira

Sexta-feira

Sábado MARÉ Palestra

10:00 10:20

Palestra Inaugural

Palestra 2

MC4 MARÉ

MC3 MARÉ

MC2 MARÉ

LAB6

MC1 MARÉ

LAB5

MC6

LAB4

Palestra 6

MARÉ Palestra 2

Palestra 8

WEI Sessão II

WIND Palestra

WIND Sessão Tec.

WIND Oficinas

MC4 MARÉ

WTICG Sessão Tec. II

WTICG Sessão Tec. VII

MC3 MARÉ

WTICG Sessão Tec. I

WTICG Sessão Tec. VI

WTICG Sessão Tec. III

MC2 MARÉ

Palestra de Patrocínio

MC1 MARÉ

WTICG Palestra

MARÉ Palestra 3

LAB6

MARÉ Palestra 4

INOVA

Reunião Geral da ERBASE Jantar de Gala (por adesão)

PROGBASE

Ato de Premiação / Encerramento

MC4 MARÉ

FREEBASE

MC3 MARÉ

INOVA

Palestra 7

LAB5

LAB4

MC5

MC4

LAB3

Palestra 5

LAB2

LAB1

MC3

MC2

MC1

LAB3

WIND Oficinas

MC2 MARÉ

WEI Sessão I

Palestra 3

LAB2

MC3

LAB1

MC1

WTICG Sessão Tec. V

MC6

WTICG Sessão Tec. IV

Palestra 1

MC2

Check-in

Coffee break

16:30

20:00

MARÉ Palestra 1

Coffee break

Palestra 4

14:30

19:30

Caso de Sucesso Patrocinador

Almoço

13:00

17:30

MC5

Coffee break

11:30

14:50

MC4

LAB6

LAB5

MC6

LAB4

MC5

MC4

LAB3

LAB2

MC3

LAB1

MC1

Cerimônia de Abertura

MC1 MARÉ

9:20

Check-in

Check-in 9:00

MC2

8:00

MARÉ Palestra 5 MARÉ Palestra 6


Evento que visa a premiação de profissionais, pesquisadores, docentes e discentes que obtiveram destaque no cenário acadêmico na área de Tecnologia da Informação, no ano anterior a ocorrência do XI ERBASE, assim como os melhores trabalhos científicos submetidos ao evento e os vencedores das competições promovidas durante o evento.

30

APRESENTAÇÃO As Escolas Regionais de Computação são eventos promovidos pela Sociedade Brasileira

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

Premiações

de Computação (SBC) e executados no âmbito de uma Secretaria Regional da SBC. No Brasil existem vinte e uma secretarias regionais, das quais sete são localizadas na região Nordeste. Estas Escolas visam divulgar localmente novas idéias, debater e promover a atualização profissional nos domínios da computação para alunos de graduação e pósgraduação, professores e profissionais da área.

Premiação do Campeonato de Programação. IX ERBASE - Ilhéus-Ba.

A ERBASE é um fórum para pesquisadores, professores, alunos, desenvolvedores e usuários, de Computação e áreas afins onde os interessados no tema terão oportunidade de trocar idéias e experiências, realizar debates e fomentar a ciência na área. É um evento multi-institucional que conta com a parceria das principais instituições de ensino superior dos estados da Bahia, Alagoas e Sergipe, tendo como público-alvo alunos de graduação e pós-graduação em computação e áreas afins. A ERBASE é um evento anual já consolidado, que ocorre desde 2001 e provê várias atividades de interesse, como palestras, mini-cursos, laboratórios e painéis nas diversas áreas da tecnologia da informação. No ano de 2011, será realizada a décima primeira edição da ERBASE, sendo esta organizada e sediada pela Universidade do Estado da Bahia – UNEB através do Departamento de Ciências Exatas e da Terra – DCET Campus I, Colegiado do Curso de Análise de Sistemas e Sistemas de Informação e do Núcleo de Arquitetura de Computadores e Sistemas Operacionais – ACSO.

11


sobre as possíveis ações de engajamento dos estudantes e profissionais de computação e áreas correlatas em atividades de inclusão social estimulando ações de Inclusão Digital.

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

Universidade do Estado da Bahia – UNEB

WIND - Workshop de Inclusão Digital. A proposta deste evento é fomentar uma discussão

FREEBASE – Workshop de Software, que tratará aspectos importantes do Software Livre A Universidade do Estado da Bahia (UNEB), maior instituição pública de ensino superior da Bahia, fundada em 1983 e mantida pelo Governo do Estado por intermédio da

12

através de painéis e trabalhos científicos. Para esta edição estima-se um total de 15 submissões.

Secretaria da Educação (SEC), está presente geograficamente em todas as regiões do Estado, estruturada no sistema multicampi. A capilaridade de sua estrutura e a abrangência de suas atividades estão diretamente relacionada à missão social que desempenha. A UNEB possui 29 departamentos instalados em 24 campi, dentre eles o Campus I, sediado na capital do Estado, que abriga a Administração Central da Instituição, e os demais campi estão distribuídos em 23 importantes municípios baianos. Atualmente, a Universidade disponibiliza mais de 150 opções de cursos e habilitações nas modalidades presencial e de educação a distância (EaD), nos níveis de graduação e pós-graduação. Vale destacar, o expressivo crescimento na oferta de cursos stricto sensu (mestrados e doutorados) nos últimos anos, em Salvador e em outras cidades, promovendo a interiorização da pós-graduação pública, gratuita e de qualidade.

Maratona de Programação A maratona de programação, PROGBASE, tem o objetivo de estimular o interesse de estudantes de computação e áreas correlatas pelo desenvolvimento software, promovendo a prática das disciplinas de programação de computadores e proporcionando novos desafios aos estudantes de faculdades, universidades e cursos técnicos.

Desenvolvimento Ágil O MARE-BASE será um encontro para discussão de metodologias ágeis de desenvolvimento software através de debates e de troca de experiências entre especialistas e a comunidade de profissionais, professores e estudantes.

Entre os departamentos, destaca-se o Departamento de Ciências Exatas e da Terra – DCET, Campus I (Salvador), que abriga atualmente seis cursos de graduação: Bacharelado em Análise de Sistemas, Bacharelado em Sistemas de Informação, Bacharelado em Engenharia de Produção Civil, Bacharelado em Urbanismo, Bacharelado em Desenho Industrial (Design), nas habilitações Projeto de Produto e Programação Visual e Licenciatura em Química.

Competição de Idéias Inovadoras em TI O INOVA-BASE é um evento que pretende promover uma competição saudável entre os egressos da área de Tecnologia da Informação (TI) através de uma competição de idéias focada em projetos com abordagem inovadora. Este evento visa estimular a ação empreendedora dos egressos de TI.

29


PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

Apresentação de estudante da UNEB durante a X ERBASE. Maceió-AL.

28

à comunidade técnico-científica e o aprimoramento dos seus assistentes. Na XI ERBASE estão previstas onze palestras, sendo nove nacionais e duas internacionais. A presença de especialistas nacionais e internacionais garantirá aos participantes do XI ERBASE o acesso a informações atualizadas sobre: o estado da arte em computação no cenário internacional, as principais tendências do mercado, as linhas de pesquisa predominantes, o desenvolvimento de novas tecnologias e as inovações introduzidas no âmbito dessa especialidade.

Workshops Os workshops constituem sessões técnicas de apresentação de trabalhos científicos e ferramentas software, proporcionando importante oportunidade de divulgação e discussão dos trabalhos elaborados por pesquisadores que atuam na área de Tecnologia da Informação. Estão previstos quatro workshops de temáticas distintas: WTICG - Workshop de Trabalhos de Iniciação Científica e Graduação. Neste workshop estima-se receber cerca de 80 trabalhos científicos entre Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC), trabalhos de Iniciação Científica (IC) e Ferramentas de Software (FS). WEI - Workshop de Educação em Computação e Informática, que visa à divulgação e à discussão dos avanços político-pedagógicos na educação superior em cursos de computação. Estima-se a submissão de 40 trabalhos que devem apresentar técnicas inovadoras voltadas à melhoria do ensino de graduação.

13


As atividades da XI ERBASE possibilitam assistir ao que há de mais recente em termos

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

ATIVIDADES PREVISTAS de publicações e atividades relacionadas à área de Tecnologia da Informação.

14

Laboratórios Os laboratórios são atividades de caráter prático onde os inscritos têm a oportunidade de vivenciar novos temas normalmente não abordados nos currículos regulares dos cursos de graduação em computação e de áreas correlatas e que despertem interesse entre o público-alvo do evento. Os laboratórios têm duração de 06 horas e são oferecidos na parte da manhã e/ou tarde, não competindo com as demais atividades do evento.

Mini-cursos Esta atividade constitui uma oportunidade de atualização no que diz respeito as ferramentas fundamentais de gestão de negócios e aplicações técnicas da área de computação. Estão previstos seis mini-cursos que tratam de diversos assuntos relacionados à temática do evento. Os cursos têm duração de 06 horas e são oferecidos de tal forma a não gerar conflito com as demais atividades do evento. Estudantes, empresários, professores, profissionais da área serão incentivados a participar.

Palestras Nacionais e Internacionais As palestras serão tratadas como conferências breves que abordarão assuntos científicos de interesse do público-alvo do evento. Possibilitam a divulgação de temas de interesse

27


O DCET - I desenvolve também importantes pesquisas em todos os cursos que oferece. Alguns projetos trazem a marca da vanguarda acadêmica, a exemplo dos trabalhos

Entre os diferentes objetivos que a ERBASE 2011 visa alcançar estão:

nas áreas de robótica e de jogos eletrônicos pedagógicos, com os quais a entidade já

• Promover o intercâmbio de conhecimentos entre profissionais e estudantes das

conquistou premiações e o reconhecimento nacional e internacional. O corpo discente

instituições de ensino superior ampliando a rede de relacionamentos dos participantes,

do Departamento é estimulado a participar das pesquisas por meio de programas de

fomentando o intercâmbio de idéias entre todos;

iniciação científica e de concessão de bolsas de monitoria.

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

Objetivos Específicos

• Promover a ampla difusão de técnicas de ciência da computação, visando o fortalecimento dos setores de manufatura e serviços;

26

• Estimular o debate de temas atuais em computação, integrando a comunidade da área; • Aproximar o universo empresarial do acadêmico; • Expor inovações tecnológicas e novos padrões de desenvolvimento; • Despertar o interesse pela ciência da computação nos estudantes; • Desenvolver atividades que favoreçam a inclusão digital; • Tornar público o trabalho e conhecimento científico gerado pela comunidade científica;

Colegiado do Curso de Análise de Sistemas e Sistemas de Informação

• Promover sessões de atualização do conhecimento na área através de laboratórios, painéis, palestras e mini-cursos;

O Colegiado do Curso de Análise de Sistemas e Sistemas de Informação foi criado em

• Apresentar novas áreas de estudo desenvolvidas pela comunidade científica da área.

1997 e está vinculado ao DCET - I, da Universidade do Estado da Bahia. Teve origem com o Curso de Bacharelado em Análise de Sistemas e, a partir de 2006, passou a oferecer o Curso de Sistemas de Informação com o intuito de manter sua missão de ensino, pesquisa e extensão nas áreas de tecnologia da computação. Atua formando profissionais capacitados com sólidos conhecimentos técnicos, científicos e humanísticos o que é uma vantagem competitiva na área de desenvolvimento, gestão e pesquisa de tecnologias de informação. O Colegiado conta com corpo docente qualificado e comprometido, infra-estrutura moderna, núcleo de pesquisa com reconhecimento internacional (ACSO) e uma Empresa Júnior atuante (Consult Júnior).

15


durante o período de graduação, tornado-se profissionais críticos, ativos, conscientes

Público-Alvo

do seu papel social e de sua contribuição para o avanço científico e tecnológico. Por estes e outros motivos os cursos de Análise de Sistemas e Sistemas de Informação

• Estudantes e professores de Ciência da Computação e áreas correlatas;

obtiveram conceito ENADE 5 (cinco) em todas as suas participações.

• Profissionais dos setores de Tecnologia da Informação;

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

Os alunos do curso têm a oportunidade de vivenciar o ambiente acadêmico e o empresarial

• Pesquisadores nacionais e internacionais; • Organismos de fomento;

16

Núcleo de Arquitetura de Computadores e Sistemas Operacionais – ACSO

• Empresários Juniores; • Incubadoras tecnológicas; • Empresários de base tecnológica; • Membros de organizações do Terceiro Setor; • Representantes do Governo.

OBJETIVOS

O Núcleo de Arquitetura de Computadores e Sistemas Operacionais - ACSO tem como objetivo abrigar atividades de pesquisa, desenvolvimento, ensino e extensão, contribuindo para a formação continuada dos professores e estudantes da UNEB e de

Objetivo Geral

outras instituições acadêmicas da Bahia e do Brasil. Promover o intercâmbio técnico-científico entre estudantes, professores, empresários Criado em 2006, o ACSO tem desenvolvido pesquisa e inovação tecnológica em duas

e pesquisadores da área de computação, visando a atualização e a divulgação do

áreas de atuação: Robótica Autônoma e Computação de Alto Desempenho.

potencial dos futuros profissionais das regiões da Bahia, Alagoas e Sergipe, atendendo as recomendações da Sociedade Brasileira de Computação, além de fortalecer e estreitar

Integram o ACSO, o Laboratório de Processamento de Alto Desempenho - LPAD e o Bahia Robotics Team – BRT, este último recebendo destaque especial pelas recentes conquistas em competições nacionais e internacionais como a RoboCup. Atua em duas linhas de pesquisa específicas: Computação de Alto Desempenho (CAD) e Robótica Autônoma. A linha de CAD investiga a criação de uma infra-estrutura tecnológica e humana entre diversos grupos dedicados ao campo da informática e com

os vínculos entre a academia e as empresas.

25


PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

17 Equipe de Robótica do Acso conquista inédito 3º lugar na Competição Mundial de Robótica - Robocup 2009. Grass, Áustria.

experiência na área de aplicações científicas potencialmente usuárias da tecnologia de Clusters de Computadores e Grids Computacionais. A linha Robótica Autônoma se dedica a: pesquisar, analisar e desenvolver soluções de robótica inteligente utilizando sistemas multiagentes autônomos e as diversas técnicas de inteligência artificial. Além das linhas de pesquisa abrigadas pelo ACSO, diferentes projetos de P&D&I (Pesquisa & Desenvolvimento & Inovação), incentivados pela Lei de Informática, estão em

andamento.


Programming (XP). Este evento visa promover a troca de experiências acadêmicas, científicas, comerciais e tecnológicas, buscando um alinhamento com a tendência mundial na aplicação dos princípios do “Manifesto Ágil”. O intuito é divulgar e disseminar, de forma coordenada, o uso das metodologias ágeis através do debate e da

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

desenvolvimento software através de metodologias ágeis tais como Scrum e Extreme

troca de experiências entre especialistas e a comunidade de profissionais, professores e estudantes. Para este evento estão previstas sessões técnicas que envolvem minicursos e palestras. Já a INOVA-BASE (Competição de Idéias Inovadoras em Tecnologia Bahia-AlagoasSergipe) é um evento que objetiva promover uma competição saudável entre os discentes da área de Tecnologia da Informação (TI), através da apresentação de idéias focada em projetos com abordagem inovadora. Assim, pretende-se estimular a atividade empreendedora com a geração de novas idéias promissoras, que contribuam para o desenvolvimento sustentável da sociedade.

23


o tema e demonstrar como a área de computação e correlatas podem contribuir para um programa de ISD mais diversificado. FREEBASE – Workshop de Software Livre Bahia, Alagoas e Sergipe.

JUSTIFICATIVA A Sociedade Brasileira de Computação (SBC) define no Currículo de Referência para os

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

ocorrência de palestras, sessões de mesa redonda e oficinas com o objetivo de discutir

cursos de graduação em Computação que o egresso destes cursos “deve ter condições

22

Workshop que visa disseminar o conhecimento e experiências de estudantes e

de assumir um papel de agente transformador do mercado, sendo capaz de provocar

profissionais que fazem parte da comunidade em prol do Software Livre, sejam na

mudanças através da agregação de novas tecnologias na solução dos problemas e

utilização, divulgação, desenvolvimento ou quaisquer outras formas de contribuição.

propiciando novos tipos de atividades”.

Além disso, este workshop pretende ressaltar a importância da Cultura Livre não só no meio acadêmico, mas como ferramenta de apoio na construção social.

Considerando que as instituições de ensino superior têm o importante papel de fomentar o debate político, científico e tecnológico, a sua atuação na formação do agente

PROGBASE – Maratona de Programação Bahia, Alagoas e Sergipe.

transformador do mercado citado anteriormente deve vir não apenas pela formação de profissionais em nível de graduação, mas também pelo debate envolvendo os setores

O PROGBASE é um evento que tem por objetivo estimular o interesse de estudantes de

político, empresarial e acadêmico e o estabelecimento de propostas concretas para

Computação e áreas correlatas pela programação, promover a prática das disciplinas

estimular o desenvolvimento técnico-científico. Por outro lado, existe hoje uma espécie

de programação de computadores e proporcionar novos desafios aos estudantes de

de consenso na sociedade de que a formação dos profissionais de nível superior não

faculdades ou universidades da região e cursos afins. Este evento encontra-se na

pode ficar restrita ao currículo dos cursos de graduação. Novas tecnologias precisam

segunda edição e visa estimular a criatividade, capacidade e inovação de estudantes

ser incorporadas à formação dos estudantes, novidades que ainda não cabem nos

no desenvolvimento de softwares, além de servir como um treinamento e motivação

cursos tradicionais precisam ser debatidas e resultado de pesquisas necessitam ser

para participação na competição da Maratona de Programação promovida em âmbito

comunicados à comunidade.

nacional pela SBC. Entretanto, dada as dimensões continentais do Brasil, nem sempre é possível que Para a edição da ERBASE 2011, serão oferecidos dois novos eventos: o Maré de Agilidade

um aluno, um professor ou mesmo um profissional recém-formado em computação

Bahia-Alagoas-Sergipe – MARE-BASE, e a Competição de Idéias Inovadoras em Tecnologia

participem de um congresso importante na área, devido às distâncias e aos elevados

Bahia-Alagoas-Sergipe – INOVA-BASE.

custos de deslocamento. Além disso, as temáticas regionais são dificilmente discutidas em fóruns nacionais, o que prejudica o intercâmbio de soluções e colaboração entre

O MARE-BASE está norteado no Maré de Agilidade, evento de engenharia de Software já consolidado. O MARE-BASE abordará esta mesma temática focando nos aspectos de

19


técnicas. O WTICG está atualmente em sua décima edição e obteve consolidação

Por esta razão, as Escolas Regionais de Computação adquirem um status fundamental

junto à comunidade científica nacional através de elevados números de submissões de

e diferenciado na formação complementar de alunos, professores e profissionais da

trabalhos ao longo de sua existência.

área de computação, pois lhes fornece a oportunidade de interagir com profissionais de notório saber e alto nível de competência, provenientes de instituições e núcleos

WEIBASE - Workshop de Educação em Computação e Informática Bahia Alagoas

de pesquisa bem consolidados.

Sergipe.

Além destas características a ERBBASE, através do seu caráter multi-institucional,

O WEIBASE é um fórum regional criado para permitir a divulgação e discussão dos

garante ao evento um elevado grau de especialização nos temas propostos e nas

avanços político-pedagógicos na educação superior em cursos de computação e/

atividades oferecidas aos participantes, atendendo a demanda de seu público-alvo

ou correlatos. O público alvo deste evento constitui-se de coordenadores de curso,

com eficácia. Além das palestras, mini-cursos, laboratórios e painéis, em diversas

professores, estudantes e profissionais da área de computação e/ou correlatas,

áreas das tecnologias da informação, o encontro engloba cinco eventos paralelos já

interessados em técnicas inovadoras voltadas à melhoria do ensino de graduação e

tradicionais:

pós-graduação. Neste evento, os trabalhos submetidos passam pela análise criteriosa de professores e/ou pesquisadores renomados que decidirão pela aceitação ou não

WTICGBASE - Workshop de Trabalhos de Iniciação Científica e Graduação Bahia Alagoas

dos mesmos. Havendo aceitação, o autor deverá apresentar/defender seu trabalho

Sergipe.

publicamente em sessões técnicas. A programação do WEIBASE conta ainda com a apresentação de palestras, painéis, artigos completos e de ferramentas de auxílio

Este workshop visa incentivar os alunos dos cursos de graduação na área de computação

às atividades de ensino. Nesta oportunidade, o WEIBASE encontra-se em sua nona

e correlatas a promover a divulgação de trabalhos científicos. Dentre estes trabalhos

edição, tendo já contribuído significativamente com a comunidade científica da área

estão os Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC), trabalhos de Iniciação Científica (IC)

de computação e correlatas.

e Ferramentas de Software (FS). Todos os trabalhos são submetidos à análise criteriosa de uma comissão de professores/pesquisadores dos diferentes temas envolvidos e, em

WINDBASE - Workshop de Inclusão Digital Bahia Alagoas Sergipe.

caso de aceitação/aprovação, os trabalhos são apresentados no formato de sessões O WINDBASE é um workshop que visa apresentar e discutir as iniciativas de Inclusão Digital realizadas nos estados da Bahia, Alagoas e Sergipe, sendo estas propostas por instituições públicas ou privadas, por empresas do segmento de tecnologia da informação, ONGs, programas de extensão universitários, governos municipais e estaduais além de entidades estudantis. A proposta deste evento é fomentar uma discussão sobre as possíveis ações de engajamento dos estudantes e profissionais de computação e áreas correlatas em atividades de inclusão social estimulando as ações de Inclusão SócioDigital (ISD) nos três estados para que possam ser evidenciadas ações diversas para atender o público em geral. O evento encontra-se na quinta edição e conta com a

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

PROJETO EXECUTIVO ERBASE 2011

20

instituições da mesma região e que, eventualmente, enfrentam os mesmo problemas.

21

ERBASE 2011 - PROJETO EXECUTIVO  

ERBASE é um fórum para pesquisadores, professores, alunos, desenvolvedores e usuários, de Computação e áreas afins onde os interessados no t...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you