Issuu on Google+

ASCOM-GEPV/JUN13

CERTIFICAÇÃO AMBIENTAL: UM INSTRUMENTO DE GESTÃO As empresas têm um poder significativo em intervir e contribuir para a transformação da sociedade. Isso se dá a partir de três pontos fundamentais: a consciência do consumidor sobre seus direitos individuais; as políticas públicas que educam e incentivam os cidadãos para a mudança de paradigma e a busca das próprias empresas pela melhoria da qualidade e pela responsabilidade socioambiental. Os selos e as certificações servem para orientar o consumidor a optar por produtos e empresas que não degradam o meio ambiente e que contribuem para o desenvolvimento social e econômico. Nessa linha, a Prefeitura de Belo Horizonte inova com a criação do “Selo BH Sustentável”. O Selo BH Sustentável é uma certificação de desempenho para incentivar a redução do consumo de água, de energia, de emissões de gases de efeito estufa e para a gestão dos resíduos sólidos (redução e reciclagem). Esta certificação difere das atualmente existentes no mundo e no Brasil (que certificam o empreendimento somente durante o processo construtivo), pois visa o alcance dos resultados de eficiência estabelecidos, que são monitorados com uma periodicidade de 2 anos, intervalo estabelecido para a realização das auditorias de conformidade e de performance.

SELO

BH

SUSTENTÁVEL

A primeira auditoria - a de conformidade - ocorre após aprovação da proposta e busca a verificação da implantação das medidas de eficiência sugeridas pelo empreendedor. Em seguida, quando da auditoria de performance, é realizada a avaliação do atendimento aos índices de eficiência estabelecidos para cada dimensão (água, energia, resíduos e GEEs). Essas auditorias são realizadas por instituição externa e não oneram o empreendedor, já que são custeadas pela Prefeitura de Belo Horizonte.

Certificação em Sustentabilidade Ambiental de Empreendimentos em Belo Horizonte


LEGISLAÇÃO

PASSO A PASSO

Esta certificação foi instituída pela Deliberação Normativa nº 66/2009 do Conselho Municipal de Meio Ambiente COMAM, tendo sido o resultado de discussões realizadas no âmbito do Comitê Municipal sobre Mudanças Climáticas e Ecoeficiência - CMMCE, com apoio do ICLEI Governos Locais pela Sustentabilidade, uma instituição internacional com cerca de 1200 municípios associados em todo o mundo.

Do empreendedor: - Solicitar o Certificado de Sustentabilidade Ambiental junto à Prefeitura de Belo Horizonte; - Acessar o Sistema de Avaliação em Sustentabilidade Ambiental, para simulação dos dados (cesa.pbh.gov.br); - Elaborar Proposta de Sustentabilidade e encaminhá-la à Secretaria Municipal de Meio Ambiente. Da Secretaria Municipal de Meio Ambiente: - Avaliar/aprovar a Proposta de Sustentabilidade; - Providenciar a Auditoria de Conformidade; - Emitir o Selo BH Sustentável; - Providenciar a Auditoria de Performance (após o primeiro ano e, em seguida, a cada dois anos).

A certificação da Prefeitura tem como objetivo induzir a adoção de medidas de sustentabilidade nos empreendimentos, de forma a contribuir com a meta estabelecida no Planejamento Estratégico de Belo Horizonte, que prevê a redução de 20% das emissões de GEEs até o ano de 2030.

De ambas as partes: - Promover as ações necessárias à manutenção do Selo BH Sustentável.

Banco Central

Sistema FIEMG

O Manual de Procedimentos juntamente com o Programa de Simulação de Dados, disponibilizado no site cesa.pbh.gov.br constitui ferramenta importante para informar e orientar os interessados sobre os procedimentos necessários para a elaboração da proposta e para a solicitação do Selo BH Sustentável. Esse modelo de certificação ambiental é um legado importante para a sustentabilidade urbana, na medida em que introduz definitivamente a política da construção sustentável na Cidade.

FUNCIONAMENTO

ÍNDICES DE EFICIÊNCIA

O Selo BH Sustentável é concedido aos empreendimentos públicos e privados, novos ou em funcionamento, que adotarem tecnologias e ações que contribuam para tornar seus processos produtivos mais eficientes.

- Água - 30% - Energia - 25% - Resíduos sólidos - 70% do total passível de reciclagem/compostagem - Emissões diretas GEE: . Fontes Fixas: 80% de redução e/ou compensação/neutralização . Fontes Móveis: 20% de redução

Os empreendimentos certificados recebem os selos Bronze, Prata ou Ouro, de acordo com o número de dimensões certificadas, e há ainda um Certificado de Boas Práticas Ambientais para aqueles empreendimentos que, mesmo com implementação das medidas de sustentabilidade, não alcançaram os índices mínimos estabelecidos para a certificação. A adesão dos empreendedores ao Selo BH Sustentável é voluntária e contribuirá com a implementação da política de enfrentamento às mudanças climáticas, bem como para a melhoria das condições ambientais da cidade, especialmente, no que se refere à qualidade do ar.

Estádio Governador Magalhães Pinto

INFORMAÇÕES 1. BH Resolve (atendimento presencial): Av. Santos Dumont 363, Centro 2. Telefone: 156 3. Internet: cesa.pbh.gov.br 4. Secretaria Municipal de Meio Ambiente: Av. Afonso Pena, 4000/6.°andar, Bairro Cruzeiro Gerência de Planejamento e Monitoramento Ambiental Tel.: 3277-9521 - E-mail: gpla@pbh.gov.br

Quality Hotel

Caesar Business


Certificação Ambiental