Page 1

São José do Rio Pardo

26 de janeiro de 2013

Ano 105 DIVULGAÇÃO

R$ 2,00

2.634

Tráfico e roubos a casas marcaram a semana Durante a semana, a Polícia Militar apreendeu 26 pedras de crack, 15 papelotes de cocaína e R$ 180 em dinheiro, em poder de quatro rapazes maiores de idade e mais quatro menores, nas proximidades de uma escola estadual, no

Vale do Redentor. No mesmo período foram registrados vários roubos a residências no município, todos efetuados mediante arrombamento de portas e quando os proprietários dos imóveis estavam ausentes. Página A-7 DIVULGAÇÃO

A Casa de Cultura e Cidadania está recebendo, por dia, cerca de 150 crianças e adolescentes

para a programação de férias, que vai até dia 8 de fevereiro. Dentre as atividades oferecidas

estão gincanas, oficinas de circo, desenho, futebol e arvorismo. Página A-11

Prefeitura contabiliza as dívidas deixadas

Itaiquara dá férias coletivas aos funcionários

A administração municipal ainda faz as contas para apurar o valor da dívida deixada pelo governo anterior. Sem somar os débitos com alguns fornecedores, os valores apurados podem ultrapassar os R$ 5 milhões.”E não estamos

A Itaiquara Alimentos, de Tapiratiba, concedeu férias coletivas aos funcionários, o que gerou boatos em toda a região de dispensa em massa e até fechamento da empresa. Segundo o jornal apurou, os boatos não procedem. Página A-4

falando aqui dos restos a pagar. Como já foi divulgado, nesta categoria de dívida foram deixadas pendências de outros tantos milhões, que ainda estão sendo contabilizados”, comenta o prefeito João Santurbano. Página A-8

Confirmado o primeiro caso de dengue do ano A Vigilância Epidemiológica informa que há ocorrências do Aedes aegypti por t o d a c i d a d e . P á g i n a A - 13

Rede municipal terá mais 26 salas de aula Página A-3


A-2 - 26 de janeiro de 2013

A mulher ainda é vítima O mundo assiste, nos últimos meses, a uma escalada da violência contra a mulher. Na Índia, chocou a sucessão de ataques divulgados pela imprensa como estupros coletivos. No país, crimes como este são frequentes e, muitas vezes, ficam impunes. Muitas vítimas são acusadas pelas próprias famílias de incitar os ataques e não conseguem prestar queixa nas delegacias. As mulheres precisam se defender por conta própria. Mas o problema não é localizado, infelizmente. Ele se alastra pelo mundo e provoca reflexões e críticas acerca de leis e punições mais severas para os envolvidos. No Brasil, as estatísticas se revelam chocantes: o país é o sétimo na lista de países que mais contabilizam assassinatos de mulheres, segundo a Organização das Nações Unidas - ONU. A cada 15 segundos uma mulher é espancada por seu companheiro. Muitas não denunciam os seus agressores por não confiarem na Justiça ou por temerem retaliações.

De acordo com o Mapa da Violência divulgado no ano passado, no período de 1980 a 2010, 91 mil mulheres foram assassinadas no Brasil, mais de 43 mil somente na última década. O documento afirma que houve um aumento de 217,6% no número de mulheres assassinadas no país em 30 anos. O mapa revela ainda que o estado mais violento do Brasil é o Espírito Santo. Cerca de 68% dos homicídios são cometidos na própria casa da vítima. Isso porque, em 86,2% dos casos, o assassino é alguém da família ou próximo a ela. Parceiros ou ex-parceiros respondem por 42,5%; amigo ou conhecido da vítima, 16,2%. Na faixa etária entre 10 e 14 anos, o pai é o principal responsável pelas agressões contra as meninas. Até os nove anos, é a mãe; a partir dos 60 anos, os filhos são os maiores carrascos da mãe em casa. Os números assustam, mas indicam uma realidade que se mostra cada vez mais dura e chocante. Eles indicam que, apesar dos avanços em legislação e em políticas públicas, o

país não está conseguindo proteger a sua população feminina. Seis anos após a promulgação da Lei Maria da Penha, o número de denúncias vem aumentando, mas a maioria ainda esbarra em um velho obstáculo que beneficia os agressores: a impunidade. A legislação que foi sancionada em 2006 é considerada modelo internacionalmente e leva o nome da ativista cearense que ficou paraplégica após ser baleada pelo marido, que a espancou por mais de dez anos. O papel da mulher foi alterado de forma muito radical no país. Mas, infelizmente, são mudanças que a cultura machista ainda não conseguiu absorver. As estatísticas soam como um alerta de que a lei não está sendo aplicada como deveria e que o país falha em não reduzir mais o sofrimento e as mortes de milhares de brasileiras. A sociedade brasileira ainda precisa avançar para aceitar o fato de que “bater em mulher” é crime.

coletti.imprensa@yahoo.com.br

Agendas complicadas no Congresso e no STF Para o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal, 2013 só começa na próxima semana, dia 1° de fevereiro, depois de um período de férias que durou quarenta dias. Alentadas agendas de trabalhos os aguardam logo no reinicio de suas atividades. Os senadores farão a escolha de sua Mesa Diretora no dia 1° de fevereiro, às 10 horas. A eleição na Câmara acontecerá na segunda-feira, sexta-feira dia 4, também às 10 horas. Na tarde desse dia haverá sessão solene do Congresso Nacional para abertura dos trabalhos legislativos deste ano. A eleição do futuro presidente da Câmara transcorre num ambiente longe de ser um céu de brigadeiro. Os dois mais fortes candidatos - deputados Henrique

Eduardo Alves (PMDB-RN) e Júlio Delgado (PSB- MG) - fazem parte da base governista, dai o temor do Palácio do Planalto de que o resultado desta disputa possa provocar sequelas entre seus apoiadores. O deputado Henrique Alves, candidato favorito nas pesquisas, está sofrendo um verdadeiro bombardeio de denúncias de inúmeras irregularidades por ele praticadas. No dia 5, terça-feira, o Congresso Nacional se reunirá para decidir sobre duas importantes questões: aprovação do Orçamento da União de 2013, que não foi votado no fim do ano passado por absoluta falta de consenso; e o encontro de uma saída para o problema da distribuição dos royalties do petróleo.

Recuperação do prestígio parlamentar A baixa produtividade dos parlamentares em 2012, que levou para o fundo do poço a sua imagem perante a opinião pública, colocou em estado de alerta os lideres partidários, tanto da oposição como dos governistas. Eles querem aproveitar este ano de 2013, que estará livre da tensão de eleições, para recuperar o prestígio perdido no ano passado, com a aceleração dos trabalhos legislativos, e assim contribuir para manter o país na trilha dos avanços. Na pauta das lideranças um vasto elenco de questões: unificação das alíquotas do ICMS, para evitar a guerra fiscal entre os estados; correção das dívidas dos estados e municípios, votação do marco regulatório da internet, a PEC do trabalho escravo, o Código Brasileiro de Aeronáutica, o

Plano Nacional de Educação e a reforma politica. A ideia é de pelo menos votar os pontos que reúnem consenso, como o fim das coligações nas eleições de deputados e vereadores. Por pressão dos aposentados - uma categoria bem presente dentro do Congresso Nacional - deverá estar na ordem do dia neste primeiro semestre o fim do fator previdenciário, fórmula que reduz em 31%, em média, o beneficio pago aos trabalhadores que se aposentam. Quem não aceita a votação dessa matéria é o Palácio do Planalto. Segundo o Ministério da Previdência Social, entre 1999 e 2010, o fator previdenciário representou uma economia de R$ 44 bilhões para os cofres públicos, ou seja, dinheiro que deixou de ir para os bolsos dos aposentados e pensionistas.

Balelas Boatarias circulam a todo tempo pela internet, principalmente nas redes sociais. Perfis falsos no facebook são uma tentativa nada legal de enganar a população. Podem e devem ser punidos pela lei. Portanto, caro leitor, pesquise antes de acreditar em tudo que lê, principalmente na rede. Veículos falham Proprietários de veículos têm manifestado ao jornal sua preocupação com os combustíveis vendidos por alguns postos do município. Alguns dizem que, ultimamente, é comum abastecer em determinados postos e, pouco depois, o carro começar a perder potência. Outros se queixam de falhas mais perceptíveis, como “engasgos” frequentes do motor e até interrupção do funcionamento. Fiscalização As queixas são referentes ao abastecimento com gasolina ou álcool, já que a maioria dos carros em circulação é flex. Há proprietários assegurando que irão solicitar fiscalização da ANP em São José, para esclarecer quais postos estão com esses problemas. Fieis escudeiras Andam dizendo por aí que uma ex-secretária municipal recebe informações diárias, sobre o andamento da Secretaria, de duas aplicadas funcionárias. Pelo jeito, tem gente que ainda não se conformou com o fato de estar fora... Desperdício Equipamentos adquiridos na gestão anterior, novos e ainda sem uso, foram encontrados amontoados em uma sala da Secretaria Municipal de Saúde, esta semana. Ainda não se sabe qual a finalidade da compra, se eles não estão sendo utilizados. No mínimo, um desrespeito com o dinheiro público. Prédio iluminado O prédio destinado à Secretaria de Segurança e Trânsito, na Perimetral, que foi construído e inaugurado pela gestão passada, mas nunca foi usado, tem chamado a atenção de quem passa por ali, pois as luzes permanecem acesas dia e noite. O fato ocorre desde a época da inauguração. Saíram e se esqueceram de apagar as luzes. Fica a dica! Mais leitores A circulação de jornais cresceu 1,8% no Brasil em 2012, em relação a 2011. A média de exemplares circulando por dia no ano passado foi de mais de 4,5 milhões. A Folha de S. Paulo alcançou a liderança entre os jornais brasileiros em dezembro de 2012. E ainda tem gente que acha que o jornal impresso vai acabar! Menos Estadão A Folha de S. Paulo superou o diário popular “Super Notícia”, de Minas Gerais, em número de exemplares diários em circulação. Entre os jornais de São Paulo, enquanto circulação da Folha cresceu 0,3%, o Estadão teve uma queda de 4,9%. Paciência Quem precisa de passaporte para viajar ao exterior vai ter que esperar mais um pouco. Uma falha no sistema da Polícia federal interrompeu a emissão e entrega do documento em todo o País. É a segunda vez em menos de 10 dias que o sistema de informática apresenta problemas. A Polícia Federal orienta as pessoas que agendaram atendimento em unidades da polícia a retornar nos próximos 10 dias úteis.

Supremo com decisões importantes O Supremo Tribunal Federal terá também uma agenda complexa neste primeiro semestre. Entre abril e maio, os ministros da mais alta Corte voltarão a se envolver com o processo do mensalão. É que, até lá, estarão publicados os acordãos das sentenças condenatórias dos 25 réus já punidos, sendo nove deles condenados a prisão. Os defensores dos réus vão recorrer das condenações, o que levará os ministros ao exame desses recursos, para dai surgir o julgamento final do processo. O Supremo vai decidir também sobre um dos temas mais sensíveis para a politica brasileira: o financiamento de campanha eleitoral. O ministro Luiz Fux, relator de uma ação proposta pela OAB - que pede a revogação de artigo da Lei Eleitoral que autoriza doação de empresas a candidatos e partidos - anunciou que vai levar

essa ação à votação no plenário. Três outras ações, que tratam do uso do amianto no Brasil, estão na pauta de julgamento nos primeiros dias de fevereiro. A decisão do Supremo é em torno do amianto ser prejudicial ou não à saúde. Prefeitos ameaçados A Justiça Eleitoral vai ter de correr contra o relógio já no reinicio de seus trabalhos. Só no Supremo Tribunal Federal estão 780 processos aguardando decisão, dos quais 480 tratam de casos enquadrados na Lei de Ficha Limpa. Muitas dessas decisões certamente vão mexer com a situação de centenas de prefeitos que foram empossados no dia 1° de janeiro. Eles poderão perder o mandato de prefeito por contrariarem dispositivos da ficha Limpa. Aí então haverá nova eleição deverá ser realizada para escolha do novo prefeito.

GAZETA DO RIO PARDO é uma publicação semanal de GAZETA DO RIO PARDO LTDA, editada à Avenida Olinda Ralston, 411- Vila Formosa - Fone: (19) 3682-8879 - CEP 13.720-000 - São José do Rio Pardo - SP. Editor: Giselle Torres Biaco Redação: Eduardo Eron Colaboração: Fagner Nasser. Diagramação: Marco Antônio Cassucci. Departamento Comercial: Elisete Paduelli GAZETA na INTERNET: e-mail: redacao@gazetadoriopardo.com.br e-mail: publicidade@gazetadoriopardo.com.br e-mail: diagrama@gazetadoriopardo.com.br e-mail: reportagem@gazetadoriopardo.com.br e-mail: assinante@gazetadoriopardo.com.br http://www.gazetadoriopardo.com.br Circulação Aguaí, Caconde, Casa Branca, Divinolândia, Itobi, Mococa, São José do Rio Pardo, São Sebastião da Grama, São João da Boa Vista, Tapiratiba, Vargem Grande do Sul Os artigos assinados não representam necessariamente a opinião do jornal e são de responsabilidade de seus autores.


26 de janeiro de 2013 - A-3

Rede municipal terá mais 26 salas de aula Proposto pelo Poder Executivo, projeto foi aprovado por unanimidade pela Câmara

Vereador quer outra ponte sobre o Pardo Com base no projeto de governo de seu partido, o PSDB, o vereador Paulo Sérgio Rodrigues (Paulão da Rádio) informa que irá propor, já na primeira sessão ordinária do ano, no dia 5 de fevereiro, a construção de uma nova ponte sobre o rio Pardo, que ligará o Vale do Redentor ao Cassucci. Paulão diz que a mesma proposta já havia sido feita quando ele foi vereador, há cerca de 10 anos. “A última ponte foi construída em 1968, na gestão do saudoso Lupercio Torres, mas a cidade cresceu margeando o rio e nenhuma outra ligação foi feita.Quem vai do Vale ao Cassucci tem que percorrer oito quilômetros, e isso é inadmissível porque, com a ponte, o mesmo percurso poderia ser feito em dois ou três quilômetros. Seriam resolvidos muitos problemas, inclusive os de trânsito. Iria desafogar e ajudaria na interligação entre os bairros mais populares da cidade. Vamos lutar para conseguir junto aos governos do Estado e Federal. É uma obra caríssima, mas vamos lutar nestes quatro anos para que ela possa sair do papel.” Quanto às suas expectativas para mais uma legislatura, Paulão afirma

ARQUIVO

Paulo Sérgio Rodrigues, o “Paulão da Rádio”

que são as melhores. “Estamos imbuídos para não decepcionar a população. A gente quer trabalhar com afinco, com disposição para atender os pleitos, encaminhar os pedidos da população. O vereador não tem o poder de resolução, mas de encaminhar a quem é de responsabilidade; ele é representante da comunidade.” O vereador acredita que a composição da Câmara seja um reflexo do que espera a população, e faz o convite para a participação nas sessões. “É fundamental a participação da população nas sessões às terças-feiras, para que vejam quem está trabalhan-

do, quem está pleiteando. Sou contrário aos debates polêmicos que às vezes não levam a nada, mas sou favorável aos debates importantes sobre temas que atingem diretamente a população. E se ela estiver ali, serão mais positivos.” Sobre o relacionamento entre os poderes Executivo e Legislativo, Paulão disse esperar que caminhem “de mãos dadas, inclusive com o Judiciário. Acredito que o prefeito Santurbano não vá criar nenhuma dificuldade para que a harmonia se instale durante todo o seu mandato”.

Ex-secretários processam a Prefeitura Na semana passada, a Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo recebeu um mandado de citação referente a uma ação de cobrança movida no ano passado por ex-secretários municipais, contra a Fazenda Pública do Município. De acordo com o objeto da ação, os ex-funcionários José Fernando Folharini, Luís Carlos Caruso, Antonio Agostinho Ferreira, Waldemar Feltran Junior, Marco Aurélio Feltran, Alexandre Augusto Afarelli e Antonio Celso Cardoso pleiteiam, juntos, R$ 134.525,02, que dará a cada um o valor de R$ 19.521,06, exceto para Alexandre Afarelli, que pleiteia R$ 5.169,12. Os honorários têm o valor de R$ 12.229,54. Ocorre que em meados de 2008, a Câmara Municipal aprovou um projeto de lei que aumentava de

R$ 6 mil para R$ 12 mil o salário do prefeito. Na mesma ocasião, também aprovou aumento do salário dos secretários municipais, que passou de cerca de R$ 3 mil para R$ 6 mil. Estes novos valores deveriam ser empregados na gestão 2009-2012. Entretanto, ao término de 2008 o aumento foi contestado na Câmara por alguns vereadores e a discussão foi parar no Ministério Público. Enquanto

isso, os secretários continuaram a receber os cerca de R$ 3 mil/mês. Quando a Justiça determinou que eles tinham direito a receber os R$ 6 mil, havia passado quase meio ano; assim, eles entraram com pedido judicial para pleitear o que deixaram de receber, no período em que a questão estava sob análise. A Prefeitura tem 30 dias, a partir do recebimento do mandado, para se manifestar.

VENDO TERRENO Vila Pereira - Rua Isidoro Pereira

400m2 (20x20) R$ 130.000,00 Tel – 8162-6689

Na terça-feira à tarde, dia 22, os vereadores da nova legislatura se reuniram para a primeira sessão extraordinária do ano, para apreciação e votação de projetos de autoria do Executivo, enviados em regime de urgência. Todos foram aprovados por unanimidade. Na área da Educação, houve a criação de mais 16 cargos para o Magistério, sendo 15 de professor de Educação Infantil e um de professor auxiliar de Educação Especial, o que vai representar 26 salas de aula a mais. “Esta era uma reivindicação antiga dos profissionais do Magistério e que dará mais tranquilidade e mais estabilidade para que os alunos não tenham modificação de professor durante o ano letivo”, comentou o líder do prefeito na Câmara, Marco Antonio Gumieri Valério (Caco). A professora Lilian Canali Gradin, presente à sessão,se disse satisfeita com o resultado. “Estávamos aqui para ver se eles iriam favorecer nossa classe e graças a Deus os ve-

readores tiveram a consciência de que nossos alunos merecem. Todos aprovaram o projeto para que o ano se inicie com suas devidas professoras em classe, não tendo que haver a troca que iria prejudicar o aluno.Gostaria de agradecer o prefeito e os vereadores que nos deram esta oportunidade de mostrar o nosso serviço, a força, a garra e a vontade que os professores têm de ensinar os alunos. Estamos muito felizes por atenderem com carinho nossa solicitação.” Por meio de outro projeto aprovado a Prefeitura foi autorizada a firmar convênio com a Caixa Econômica Federal, para que os royalties que são pagos ao município durante o ano (referentes a áreas alagadas com suas usinas) sejam recebidos e utilizados para a renovação da frota e maquinários do município. Os vereadores também aprovaram o projeto que tratou da modificação do valor do tíquete dos servidores municipais, que passa de R$ 311 para R$ 339,

atendendo à legislação que prevê que ele seja de meio salário mínimo. Bom relacionamento O vereador Caco Gumieri disse que, apesar do recesso do Legislativo, os vereadores têm se reunido desde a posse para discutir diversos assuntos de interesse do município. Sobre o relacionamento entre os poderes, acredita que não haverá problemas. “Acredito que teremos bom relacionamento entre Executivo e Legislativo, de muito respeito. Divergências vão e devem existir como parte de um processo democrático, mas acredito que não devam ser insuperáveis e não prejudicarão nosso município. Isso é facilitado pela própria condição do prefeito Santurbano, que foi vereador e presidente da Câmara, que conhece muito bem a função do vereador e sabe como ele é muito cobrado.Isso facilita muito o diálogo e o respeito entre os dois poderes, que devem sempre existir para o bem do município.”

Região de Campinas irá receber 4,9 mil moradias O governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o secretário de Estado da Habitação, Sílvio Torres, assinaram no início do mês, em Campinas, convênios entre a Casa Paulista, agência de fomento habitacional do governo estadual, e a Caixa Econômica Federal para a construção de 4.916 moradias na região de Campinas, no âmbito do acordo de cooperação entre a Secretaria de Estado da Habitação e o Governo Federal, através do programa Minha Casa, Minha Vida. As unidades habitacionais, destinadas às famílias com renda mensal de até R$ 1,6 mil (público alvo dos programas da agência Casa Paulista), serão erguidas em seis empreendimentos nas cidades de Americana, Sumaré, Hortolândia e Campinas. No dia 12 de janeiro, a parceria entre o Governo do Estado e o Governo Federal completa um ano. Nos seis empreendimentos serão investidos R$ 396,8 milhões, sendo R$ 42,27 milhões deles do Governo Estadual. Os recursos serão repassados pelo governo paulista para a Caixa Econômica Federal, agente financeiro responsável pela contratação das empresas, supervisão das obras e financiamento dos empreendimentos. A contrapartida do Governo de São Paulo corresponde ao aporte, em média, de R$ 8,6 mil por unidade habitacional, a fundo perdido, com o objetivo de viabilizar

a moradia - de custo construtivo mais elevado no Estado - às famílias atendidas. As famílias beneficiadas, que não podem ter participado anteriormente de nenhum programa habitacional, terão 120 meses para quitarem o imóvel. “Se pensarmos na média de cinco pessoas por família, teremos 25 mil pessoas aqui na região que deixarão o aluguel para morar no que é seu. O que fizemos aqui hoje é um bom exemplo de união entre a esfera federal, estadual e municipal, em benefício de quem mais precisa”, afirmou o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, durante o evento de assinatura de repasse de recursos. Ele destacou ainda que o Programa, além de moradias, gera empregos e traz segurança às famílias. O secretário de Estado da Habitação de São Paulo, Sílvio Torres, comemorou a autorização para início da construção dos empreendimentos. ”Essas são as primeiras moradias que entregamos nessa região fruto da parceria com o Governo Federal. Estamos muito felizes e pretendemos fazer muito mais para a população que precisa”, declarou. Ele ressaltou que as grandes concentrações de déficits habitacionais do país e também do Estado de São Paulo estão exatamente nas regiões metropolitanas: “Cerca de 75% des-

ses déficits estão nessas regiões; por isso a grande importância dessa parceria”, afirmou. Casa Paulista e Governo Federal O Governo do Estado selou parceria com o Governo Federal para a viabilização de mais 100 mil novas moradias no estado paulista. A parceria será executada pela Casa Paulista, agência de fomento habitacional lançada pelo governador Geraldo Alckmin em setembro de 2011, e pelo Programa Minha Casa, Minha Vida, via Caixa Econômica. A parceria prevê investimento de R$ 8,04 bilhões, sendo R$ 6,1 bilhões do Governo Federal e R$ 1,9 bilhão do Governo Estadual. De acordo com os termos da parceria, o Governo do Estado entra com aporte de até R$ 20 mil por unidade, a fundo perdido, para viabilizar as moradias em parceria com o Governo Federal. A quantia a ser investida pelo governo paulista é determinada pela instituição financeira parceira. O atendimento habitacional será às famílias com renda mensal de até três salários mínimos, priorizando os moradores de área de risco. Até janeiro de 2013, contando com Campinas e região, já foram aprovadas ou assinadas a viabilização de 29.592 unidades habitacionais no Estado de São Paulo através da parceria entre os Governos Estadual e Federal.


A-4 - 26 de Janeiro de 2013

Itaiquara: funcionários em férias coletivas Sindicatos terão encontro com direção da empresa no dia 18, para esclarecimentos A Itaiquara Alimentos, que antes se chamava Usina Itaiquara, de Tapiratiba, concedeu férias coletivas aos funcionários, o que gerou boatos em toda a região de dispensa em massa e até fechamento da empresa. Esses boatos, segundo o jornal apurou, não procedem e na terçafeira da próxima semana cerca de 1/3 dos funcionários já deverão estar de volta ao trabalho. Todos eles, além disso, estão recebendo seus pagamentos normais e até mesmo a cesta-básica, segundo informações fornecidas pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação. A Itaiquara, por sua vez, tem como princípio não fornecer detalhes à imprensa,

razão pela qual não foi possível obter alguma notícia oficial junto a ela. O total de empregados aos quais a Itaiquara concedeu férias coletivas ainda não é conhecido dos Sindicatos. Falou-se em 650, mas isso não foi confirmado. Nesta segunda-feira, 28, representantes dos Sindicatos Rural, da Alimentação e dos Motoristas deverão ter um encontro com diretores da empresa, quando terão ciência do número exato de funcionários em férias e de outros detalhes envolvendo a situação atual. Marco Antônio de Souza, do Sindicato da Alimentação, foi informado pela Itaiquara que as férias foram concedidas primeiramente a quem já estava com as

segundas férias vencendo. Muitos outros funcionários, entretanto, acabaram também sendo incluídos nesse grupo. Como, porém, ainda há cana de açúcar sendo arrancada e muitos tratoristas em atividade, vários deles continuam trabalhando normalmente. De qualquer forma, as férias coletivas geraram um sentimento de muita insegurança em todos, especialmente nos de Tapiratiba, cidade da região com o maior contingente de moradores que trabalham na empresa. “Alguns deles estão otimistas, já prevendo o retorno na próxima semana, mas outros estão pessimistas e temendo pelos empregos, apesar do vale e da cesta básica terem saído hoje

Cerca de 1/3 dos funcionários deverá voltar ao trabalho na terça-feira

(25 de janeiro)”, comentou Marco Antônio, em contato com o jornal. Além da matriz em Tapi-

Programa incentiva violeiros da cidade Rotary Clube São José do Rio Pardo “Oeste” Fundado em 19/12/1971

Ano Rotário 2012/2013 Presidente: José Ruy Junqueira Andreoli Reuniões às quartas-feiras às 20h00

“Como empresário japonês, visto terno e gravata quase todos os dias e sempre tenho o distintivo do Rotary na minha lapela, pois sinto orgulho de ser rotariano. Seja para onde for, as pessoas que veem o distintivo sabem quem eu sou. Para rotarianos, o meu pin do Rotary indica que sou um amigo; para os não rotarianos, desperta interesse. Rotarianos: usando o pin do Rotary, nos tornamos mais conscientes do seu significado, passando a pensar mais antes de falar ou agir e ao ostentá-lo lembramos que nossa missão é a de ajudar o próximo”. Mensagem de Sakuji Tanaka, presidente 2012/2013 do Rotary International.

Aconteceu no último domingo (20/01) na Associação dos Rotarianos de Campinas/SP a reunião anual de orientação para o Programa de Intercâmbio de Jovens. Foi realizado o credenciamento dos clubes do Distrito 4590 que poderão encaminhar candidatos e receber estrangeiros. O “Oeste” (na foto em Campinas, os rotarianos Elisa Mori à esquerda e José Ruy Junqueira Andreoli o segundo à direita) já está recebendo inscrições para o processo seletivo dos intercâmbios de longa duração (1 ano) e curta (2 a 3 meses), ambos para adolescentes de 14 a 17 anos. O Rotary também realiza o intercâmbio de “novas gerações” para jovens até 24 anos. Informações no www.exprobrasil.com.br ou pelo e-mail zeruyandreoli@hotmail.com ILUSTRAÇÃO

Paul Harris, fundador do Rotary International: “Para promover a compreensão mundial, precisamos conscientizar grande número de pessoas – rotarianos e não rotarianos – e esta tarefa não pode ser realizada individualmente”.

Teve início no domingo, dia 20, um novo programa de incentivo à cultura promovido pelo DEC – Departamento de Esportes e Cultura, com apoio da Prefeitura Municipal. Trata-se do Ponto de Encontro dos Violeiros, que é realizado todos os domingos, das 9h às 12h, no Mercado Cultural, com entrada gratuita. “O objetivo do evento é promover e apoiar os violeiros da cidade e da região, e o Mercado é um espaço em que eles poderão se reunir aos domingos e fazer seus shows. É um incentivo aos artistas violeiros que sempre buscaram um espaço para se encontrar, e que a partir de agora o terão. São José é um celeiro deste tipo

de artista, então queremos incentivar e divulgar seus trabalhos, levando entretenimento para a população”, declara Ivair Breda, coordenador do projeto. Ivair diz que é grande a expectativa para o sucesso do programa. “Vamos procurar fazer um trabalho de desenvolvimento cultural, ou seja, que possamos incentivar a cultura em São José. Que a cada domingo possam comparecer mais pessoas, até que se torne uma tradição na cidade. Por isso convido as famílias, as pessoas que gostam de sertanejo, do som da viola.” O Mercado Cultural fica no centro, em frente à Escola Estadual Cândido Rodrigues.

ratiba, que completou 100 anos de atividades em 2011, a Itaiquara Alimentos tem ainda uma filial em

Passos (MG). Estima-se que, juntas, as duas empresas geram 4.000 empregos diretos e indiretos.

5º PROCESSO SELETIVO 2013 – 1º Semestre SÍNTESE EDITA L A Professora Liliana Magalhães Nogueira Bello, Diretora Acadêmica da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de São José do Rio Pardo – Instituto Superior de Educação Euclides da Cunha (ISEEC), no uso de suas atribuições, torna pública a abertura de inscrição para o 5º PROCESSO SELETIVO, com vistas ao primeiro período letivo de 2013, em obediência aos preceitos legais vigentes e às seguintes normas: I - Cursos de Licenciatura Plena e Bacharelado, oferecidos com as respectivas vagas:

Todos os Cursos funcionam de segunda a sexta-feira, no período noturno. Obs.: A Faculdade instalará apenas as classes de 1a. série que apresentarem 25(vinte e cinco), ou mais, alunos matriculados II – Realização: Dia 17 de fevereiro de 2013 às 9 horas da manhã III - Período de Inscrição: De 07 a 15 de fevereiro de 2013, das 13h30 min às 20h30min na Secretaria da Faculdade. IV - Documentos exigidos para inscrição: 1. requerimento ao Diretor; 2. xérox da identidade; 3. xérox CPF 4. recibo da taxa de inscrição. 5. O candidato que prestou o ENEM deverá apresentar documentação, no ato da inscrição, para se acrescentar a nota na somatória de pontos, para a classificação final. Ao requerer a inscrição, o candidato deve fazer 3 (três) opções de curso, tendo em vista os cursos oferecidos pela Faculdade, sendo a primeira, para todos os efeitos, considerada prioritária. A inscrição poderá ser feita: a) por procuração, através de mandato particular ou público; b) pela Internet, através do site www.feucriopardo.edu.br., devendo o candidato entregar, à Secretaria, no dia do exame, o xérox da identidade. O Edital completo encontra-se afixado em quadro próprio na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de São José do Rio Pardo – Instituto Superior de Educação Euclides da Cunha (ISEEC). Profa. Liliana Magalhães Nogueira Bello Diretora Acadêmica

RELAÇÃO DE CARGOS E SALÁRIOS DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO

São José do Rio Pardo, 31 de dezembro de 2012. Luis Fernando Tempesta Presidente


26 de Janeiro de 2013 - A-5

Toma posse a nova diretoria do S.O.S. Em reunião tranquila e democrática, Arabela Santurbano assumiu a presidência Na tarde de quarta-feira, 23, foi realizada a assembleia de posse dos novos membros do Conselho Fiscal e Deliberativo do S.O.S. (Serviço de Obras Sociais) de São José do Rio Pardo, incluindo a posse da nova presidente, a primeira dama Arabela Junqueira Della Torre Santurbano e a vice Raquel Paula Silva Souza. O evento contou com as presenças de autoridades municipais, representantes de entidades assistenciais e funcionários do S.O.S.A ex-presidente da entidade, Osana da Cunha, não compareceu para passar o cargo e apresentou atestado médico. Ela foi representada por Luiz Neves, que desejou sucesso à nova diretoria.”Sabemos que o SOS estará em boas mãos. Que Deus ilumine a todos para que desenvolvam um trabalho de dedicação e amor ao próximo.” Antecipando a abertura da solenidade, o advogado Marco Biaco esclareceu os presentes sobre as formalidades legais para que houvesse validação jurídica do ato. De acordo com o advogado, o estatuto do S.O.S. foi elaborado em 18 de dezembro de 2008 e teria validade por um

período de quatro anos, ou seja, até 18 de dezembro de 2012. Ocorre que, conforme prevê o estatuto, as convocações e a eleição deveriam acontecer na segunda quinzena de dezembro. “Para que tudo o que aconteceu hoje pudesse ter validade, foi preciso que todos os integrantes da gestão passada da instituição validassem os atos para que não houvesse nenhum problema jurídico”, explicou. Primeiramente houve uma votação para que todos os atos da ex-presidente (assembleia que foi publicada no jornal no dia 2 de janeiro de 2013) fossem validados e, posteriormente, a votação para eleição da nova diretoria. “A reunião foi tranquila e democrática, todos concordaram e foi tudo muito bem esclarecido. Alguns membros da diretoria passada não compareceram, apesar de terem ciência da Assembleia, bem como terem sido requisitados com o chamamento dos seus nomes, e os que estavam aqui concordaram sem nenhum questionamento”, disse Biaco. A nova presidente, Arabela Santurbano, disse estar muito satisfeita em assumir novamente o

SOS. “Vamos trabalhar em prol das pessoas mais necessitadas. Fui presidente durante oito anos. Primeiro vamos conhecer o trabalho que foi realizado na gestão anterior e vamos dar sequência a algumas coisas, inclusive ao trabalho que fazíamos antes. Temos o objetivo de fazer parcerias com as demais entidades para proporcionar o melhor atendimento às pessoas carentes.” Em seu pronunciamento, o prefeito João Santurbano disse que as entidades assistenciais de São José do Rio Pardo são parceiras importantíssimas do Poder Público, sem as quais seria praticamente impossível um serviço destinado à disposição dos menos favorecidos. “São pessoas que sem receber nada dão todo calor humano, todo sangue para ajudar os que precisam. Temos em São José um relevante serviço à comunidade. Nós, da administração, como fizemos de 2001 a 2008 um trabalho conjunto com estas entidades, vamos continuar nestes quatro anos trabalhando juntos como parceiros, para que possamos melhorar a qualidade de vida destas pessoas.”

REPORTAGEM

A nova presidente, Arabela Santurbano, disse estar muito satisfeita por assumir novamente o SOS

José Carlos Zanetti é o presidente do DEC O prefeito João Santurbano anunciou, na terçafeira (22), o nome do comerciante José Carlos Zanetti, como o novo diretorpresidente do Departamento de Esportes e Cultura de São José do Rio Pardo (DEC). Zanetti sucederá Hélio Escudero que, desde o dia 2 de janeiro, comandava a autarquia de forma interina, à espera da nomeação do presidente definitivo. O nome anunciado para o cargo inicialmente foi de Cleber Wellington Abade, bancário e ex-árbitro da Federação Paulista de Futebol. Contudo, problemas burocráticos impediram a sua nomeação para o DEC. “A vinda dele, da Caixa para o DEC, estava condicionada a algumas regras que são próprias do Serviço Público Federal. Infelizmente, nós não poderíamos arcar com estes compromissos, e somente por esta razão é que o Clebinho não será o presidente da autarquia”, justificou o prefeito. Ainda na terça-feira, Santurbano se reuniu com José Carlos Zanetti e Escudero para definir também o nome do novo diretor administrativo do DEC. O cargo será ocupado por Mário Rui Viero da Silveira. “O Mário Rui é de nossa confiança, esteve como presidente da Fundação Educacional no nosso mandato anterior. Sempre desenvolveu seu trabalho com muita competência, seriedade e certamente vai nos ajudar bastante na administração do DEC”, comentou Santurbano. O prefeito aproveitou a reunião para agradecer o trabalho de Hélio Escudero que, desde o dia 2 de janeiro, vinha presidindo o DEC de forma voluntária. “Mesmo de férias, o Hélio veio colaborar conosco, trabalhando sem receber, para nos ajudar na estruturação da autarquia. E não vamos deixá-lo distante deste trabalho. Desde já o estou convidando a fazer parte da comissão de organização de festas e eventos. Nestes dias ele nos ajudou na montagem do carnaval e esperamos contar com este apoio sempre”, declarou o prefeito. No final do ano passado, João Santurbano chegou a

FOTO GILMAR ISHIKAWA

A partir da esquerda Hélio Escudero, João Santurbano, Mário Rui e José Carlos Zanetti

anunciar José Carlos Zanetti como presidente da Companhia de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo, a Comderp, mas o anuncio não se confirmou. À época, Zanetti alegou problemas pessoais e descartou sua ida para a empresa. Muita disposição José Carlos Zanetti disse à reportagem de Gazeta que recebeu o convite com muita alegria e disposição para o trabalho. “Hoje nós temos o prefeito Santurbano montando uma estrutura para poder trabalhar para a população

rio-pardense, e eu também me imbuí de estar presente nesta administração. Aceitei com muito carinho, podem ter certeza de que vamos procurar fazer o melhor”, disse. O novo presidente pretende movimentar o futebol nos bairros, que há algum tempo está sem incentivo. “A função do DEC também é trazer diversão e entretenimento para a população, e vamos fazer com que isto aconteça. A população rio-pardense vai se divertir muito. Quando o prefeito confia na pessoa, acho que temos de fazer o melhor.”

EDITAL DE CONVOCAÇÃO De acordo com o Artigo 15, Parágrafo Único; Artigo 17 § 9º, Inciso VIII dos Estatutos Sociais, ficam convocados por este Edital os Senhores Membros do Conselho de Administração da Fundação Educacional de São José do Rio Pardo, para a Reunião Extraordinária a ser realizada no dia 31 de janeiro de 2013., às 19:30 horas, em primeira convocação, com a maioria de seus membros ou, em segunda convocação, para às 20:00 horas, com qualquer número de presentes, no prédio da Entidade, situado na Avenida Deputado Eduardo Vicente Nasser, nº 850, Centro, nesta cidade de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, com a seguinte Ordem do Dia: - Apresentação; Discussão e Deliberação sobre Lei de Cargos e Salários da Fundacão Educacional de São José do Rio Pardo - Outros assuntos de interesse da Fundacão Educacional de São José do Rio Pardo São José do Rio Pardo, 23 de janeiro de 2013. Luis Fernando Tempesta Presidente


A-6 - 26 de Janeiro de 2013

CPFL alerta para a incidência de raios É importante estar atento e tomar cuidados para evitar as consequências do fenômeno Nesta época do ano, a chegada do período chuvoso aumenta a incidência de ventos e descargas atmosféricas (raios). Os raios podem atingir pessoas e imóveis diretamente ou mesmo por meio de objetos metálicos ou equipamentos eletrônicos, telefonia, antenas, rede de TV e Internet via cabo ou rede de energia elétrica. Os sistemas de distribuição de energia elétrica da CPFL Leste Paulista, bem como toda a rede do grupo CPFL Energia, possuem equipamentos e para-raios instalados ao longo das redes, e junto aos equipamentos, para proteção do sistema elétrico como um todo. Para a proteção das instalações elétricas internas e dos aparelhos elétricos de residências, lojas comércios e demais construções é necessária a instalação, pelos proprietários e moradores, de equipamentos denominados de DPS – Dispositivo de Proteção contra Surtos, conforme norma técnica da ABNT NBR 5410 – Instalações Elétricas de Baixa Tensão. A queda de raios é um fenômeno natural e provoca estragos e acidentes em áreas urbanizadas, por isso é importante estar atento e cercado de cuidados para evitar as consequências. Dicas e cuidados para evitar acidentes com raios · Quando ouvir os primeiros trovões, nunca fique em campo aberto. Procure abrigo imediatamente

em construções e feche os vidros e janelas. · Evite ser o ponto mais alto das proximidades ou estar próximo dele. · Se não for possível se abrigar, agache-se, com as mãos na nuca e pés juntos. · Não fique embaixo de árvores ou dentro de estábulos. · Durante temporais, evite aglomerações. · Nunca fique dentro ou perto de reservatórios de água, como piscinas, o mar, lagos ou rios. · Não fique perto de construções ou objetos metálicos que tenham ligações com o exterior, como janelas, cercas ou varais metálicos. · Não segure objetos metálicos nas mãos, se estiver em campo aberto. · Se estiver na estrada ou na rua, dentro de um veículo, feche os vidros e permaneça dentro dele. · Os cabos telefônicos e mesmo os cabos de TV por assinatura são capazes de conduzir a corrente elétrica até os aparelhos, que mesmo desligados da tomada ou em locais com Dispositivo de Proteção contra Surtos podem ser danificados. Por isso, é aconselhável retirar os aparelhos eletrônicos (normalmente mais sensíveis) das conexões com rede de telefonia e TV a cabo. Não bastando os riscos de ser atingido por um raio, há outro risco trazido pelas tempestades: o rompimento e queda de fios e cabos no solo. Existem equipamentos de proteção

A COMPANHIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - COMDERP. Portaria nº 004/2013 do Diretor Presidente da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo de 04/01/2013. Nomeia como responsável pelo Patrimônio da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo. O Diretor Presidente da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, expede a seguinte portaria: Art. 1 – Nomeia o funcionário Henry Gabriel Soares Machado João como responsável pelo Patrimônio da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo – COMDERP no exercício de 2013. Art. 2º - Esta Portaria entra em vigência na presente data. São José do Rio Pardo, 04 de janeiro de 2013. JOSÉ IBRAHIM CURY Diretor Presidente.

na rede elétrica que servem para desligar automaticamente o fornecimento de energia nesses casos. Mesmo assim, ninguém deve se aproximar ou tocar na fiação caída. Ao ver um fio caído na rua, a pessoa deve manter uma distância segura. Não se deve se aproximar ou tocar nos cabos. A CPFL Leste Paulista reforça à população que, sempre que for identificado algum cabo de energia elétrica rompido, ou caído no chão, seja acionado o serviço emergencial da empresa, pelo telefone 0800 774 44 30 (ligação gratuita).

DIVULGAÇÃO

Campanha alerta sobre risco de nadar e pescar DIVULGAÇÃO

Esta semana a AES Tietê dá início a uma campanha educativa a fim de conscientizar a população sobre os riscos de nadar e pescar sem segurança nos reservatórios. No período de férias escolares há um aumento no número de pessoas que frequentam as represas para lazer. Mas, sem os devidos cuidados, o que poderia ser diversão pode se tornar uma atividade perigosa e oferecer riscos de acidentes e afogamentos. Por meio da campanha, os pais são alertados para que não deixem seus filhos nadarem desacompanhados nos rios, e os jovens e adultos são orientados para que não nadem após a ingestão de bebida alcoólica e evitem se aproximar das barragens. A AES Tie-

Reservatórios representam perigo para nado e pesca sem segurança

tê também ressalta a importância de respeitar as sinalizações e a área de segurança do reservatório (1 km à montante e à jusante), onde é proibido o nado e a pesca. A campanha consiste na veiculação de mensagens de alerta em jornais e rádios locais das cidades do entorno das usinas que a

PORTARIA nº 03/2013, do Presidente da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo – COMDERP, de 04/01/2013. O Diretor Presidente nomeia membros para composição de Comissão Permanente de Licitação da COMDERP. O Diretor Presidente da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo – COMDERP, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, e nos termos do artigo 51, e §§, da Lei Federal nº 8666/93 e suas alterações em vigor, expede a seguinte Portaria: Art. 1º - Nomeia membros para composição de Comissão de Licitação da COMDERP: a) Andréia Paolini Castoldi Sigliano; b) Sandra Maria Destro Nascimento; c) Henry Gabriel Soares Machado João; Art. 2º - Essa portaria entra em vigência na presente data. JOSÉ IBRAHIM CURY DIRETOR PRESIDENTE

AES Tietê administra ao longo dos rios Tietê, Grande, Pardo e Mogi-Guaçu. A segurança da população é o principal valor da AES Brasil, grupo no qual a AES Tietê está inserida, e norteia o relacionamento da empresa com a comunidade. Sobre a AES Tietê A AES Tietê oferece soluções em gestão de energia, atuando na geração

e comercialização de energia elétrica. Para isso, conta com um parque gerador com capacidade para gerar 2.658 MW a partir de fontes renováveis. A AES Tietê opera nove usinas hidrelétricas e três pequenas centrais hidrelétricas (PCHs) no Estado de São Paulo. A empresa responde por 12% da capacidade instalada no Estado de São Paulo e 2,3% no Brasil.

A COMPANHIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - COMDERP. Portaria nº 001/2013 do Diretor Presidente da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo de 04/01/2013. Nomeia para Controle Interno da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo. O Diretor Presidente da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, expede a seguinte portaria:

Art. 1º – Nomeia a funcionária Sandra Maria Destro Nascimento como responsável do Controle Interno da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo – COMDERP no exercício de 2013. Art. 2º - Esta Portaria entra em vigência na presente data. JOSÉ IBRAHIM CURY Diretor Presidente.

CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO

Relação de Cargos e Salários da COMDERP. Cargos em Comissão CARGO Presidente Diretor Presidente -

SALÁRIO R$ 4.600,00 R$ 4.500,00

Cargos Operacionais CARGO Carpinteiro Pintor Pedreiro Operador de Máquina Auxiliar Geral Serviços Gerais Encanador Trabalhador de Pavimentação Asfáltica Secretário Encarregado(a) Dep. de Recursos Humanos Eletricista Motorista

SALÁRIO R$ 780,00 R$ 780,00 R$ 780,00 R$ 980,00 R$ 702,00 R$ 845,07 R$ 780,00 R$ 702,00 R$ 1.680,00 R$ 1.955,76 R$ 780,00 R$ 780,00

José Ibrahim Cury Presidente


26 de janeiro de 2013 - A-7

Onda de roubos provoca grandes prejuízos Só de uma casa levaram Jeep Trooler, TV LCD de 60 polegadas e até um cão de raça Policiais civis estão investigando os mais recentes e graves roubos ocorridos nos últimos tempos em São José do Rio Pardo, todos realizados com características semelhantes e em espaço de tempo bem curto, entre os dias 19 e 20. Todos os roubos foram efetuados mediante arrombamento de portas e quando os proprietários dos imóveis estavam ausentes. O primeiro roubo aconteceu às 21 horas, aproximadamente, do dia 19, na rua dos Bandeirantes, Vila Pereira, onde o proprietário A.F.J. saiu e, ao retornar, a casa estava com o portão de entrada arrombado e o miolo da fechadura da porta da sala retirado. De dentro da residência levaram uma TV LCD, um aparelho de som Samsung, além de pequeno valor em dinheiro. O segundo roubo, tam-

bém no dia 19, ocorreu um pouco mais tarde e foi descoberto por volta de 22h50. Aconteceu na rua Cândido Faria, no centro, causando enorme prejuízo ao proprietário da casa, A.B.N., que estava de viagem ao litoral. A maneira de agir dos autores foi a mesma: estouraram o miolo da porta de entrada, entraram e levaram uma TV LCD de 60 polegadas, um netbook Sony, bijuterias, bebidas, um cachorro da raça Yorkshire e ainda um Jeep Troller de cor prata. O terceiro roubo aconteceu no dia 20, no Jardim Eunice, sendo percebido pelo proprietário do imóvel, A.J.A., de 40 anos, às 20h30, horário em que ele retornou à residência, após ficar ausente desde as 13 horas. Assim que chegou, percebeu que a porta da sala estava arrombada e tudo estava revirado. O

autor ou autores levaram de lá: joias, dois celulares (Apple e Samsung), um computador LG, uma TV 40 polegadas, além de outros pertences. Nesse mesmo dia, mas de manhã, uma loja de manutenção de eletroeletrônicos, na av. Nove de Julho, foi arrombada. O dono, W.B., de 49 anos, disse aos policiais que uma das portas foi arrombada e alguns celulares e outros objetos desapareceram. Mais tarde, porém, foram encontradas nas imediações uma marreta, uma talhadeira e uma barra de ferro de 60 cm, objetos usados possivelmente para a prática desses crimes. Na manhã do dia 22, na Curupaiti, Vila Maschietto, a polícia militar recebeu a denúncia de que os autores do roubo na Nove de Julho estariam em uma casa situada naquela rua.

NOTAS POLICIAIS Mulher tem compras furtadas após pagar Uma aposentada de 64 anos, L.P., fez compras no valor de R$ 85,48 em um supermercado localizado na Vila Maschietto, mas acabou sendo vítima de furto dos produtos adquiridos quando estes ainda estavam no estabelecimento. O fato aconteceu pouco depois das 10h30 do sábado, dia 19, e ela registrou Boletim de Ocorrência na manhã do dia 21, na delegacia de polícia. A aposentada mora no bairro Vila Verde e contou à polícia que, após efetuar a compra e passar pelo caixa, colocou tudo em uma recipiente de papelão e foi até a porta do supermercado para ver se seu marido chegara. Quando voltou, as compras haviam sumido. Ela reclamou junto aos encarregados pelo estabelecimento por considerar um descaso o que havia acontecido, mas ficou nisso mesmo. Motoristas bêbados têm CNH apreendida Um flagrante de embriaguês ao volante aconteceu na noite do dia 18, na rua Francisquinho Dias, centro, e teve como indiciado A.C.A., de 31 anos. Ela dirigia um Corsa e foi visto por policiais em alta velocidade, inclusive passando por sinal vermelho de semáforo. Houve perseguição e o motorista, ao perceber a aproximação da viatura, parou o carro no meio-fio. Assim que os policiais chegaram perto perceberam que A.C.A. estava bêbado. Foi feito o teste do bafômetro e ele foi levado à delegacia, onde foi elaborado o B.O. e sua C.N.H. foi apreendida. Outro flagrante parecido aconteceu no dia 20, às 20h40, quando a PM fazia patrulhamento pela praça XV de Novembro. Um veículo Gol branco foi parado

pelos policiais para averiguação e eles perceberam que o motorista, V.D.F., de 49 anos, exalava cheiro de álcool. Ele concordou em fazer o teste do bafômetro e constatou-se que o nível de álcool em seu organismo estava acima da média. V.D.F. também foi levado à delegacia para o B.O. e sua carteira de motorista foi retida. Acidentes deixam as pessoas feridas No final da tarde do dia 22, no bairro Buenos Aires, um veículo em alta velocidade fez uma conversão na avenida Benedito dos Reis Sigliani e atingiu uma motocicleta de cor cinza, com o piloto nela. O motociclista fiou ferido e precisou ser levado por ambulância ao Pronto Socorro. O causador do acidente, no entanto, fugiu sem prestar socorro. O acidente aconteceu perto da Casa de Cultura e Cidadania e algumas testemunhas que passavam pelo local anotaram a placa do veículo causador do acidente, repassando o número à polícia militar. O responsável pelo carro deverá responder por evasão do local, omissão de socorro e lesão corporal à vítima (que ficou em observação após ser atendida no Pronto Socorro). Na vicinal Aconteceu outra colisão entre veículos, ambos da mesma cor (verde) e da mesma marca (Volkswagen Gol), na estrada vicinal que liga São José a Mococa. O acidente ocorreu às 16h15 do dia 18, quando um deles ia entrar em uma estrada de terra e o motorista não viu a aproximação do outro carro. A colisão deixou duas pessoas feridas, sem gravidade. Uma mulher, S.G.V., de 43 anos, conduzia um dos carros, en-

quanto um homem de 45, W.A.D., dirigia o outro. Duas crianças (I.M.L., de 12, e J.V.M., de 2) estavam em um dos veículos. As duas pessoas feridas foram levadas para o Pronto Socorro de São José, sendo atendidas e liberadas. Fusca abandonado é produto de furto Na noite do dia 22 a polícia militar encontrou um veículo abandonado na zona rural de São José. Era um Fusca bege, com placas de São João da Boa Vista, e estava perto da Fazenda São Paulo. Tinha a tampa do motor parcialmente queimada, indicando que, possivelmente, tivera um princípio de incêndio no motor. Ao efetuarem pesquisa no sistema móvel da viatura, os policiais viram que havia uma queixa de furto de um Fusca com as mesmas características na delegacia de São João. O Fusca foi guinchado e recolhido ao pátio da delegacia, para a localização posterior do proprietário. Alistamento militar vai até abril Termina no dia 30 de abril o prazo para o alistamento militar obrigatório aos jovens que, em 2013, completam 18 anos de idade. O secretário da Junta do Serviço Militar de São José do Rio Pardo, Benedito Romão, lembrou que os documentos necessários são: certidão de nascimento, RG, CPF (todos originais), duas fotos recentes e xerox do comprovante de residência. Dentre 400 a 450 jovens que se apresentam anualmente no Tiro de Guerra local para o alistamento, apenas 50 são selecionados para o serviço militar. O atendimento a eles e ao público em geral é feito de segunda a sexta-feira, das 7h às 13 horas.

Policiais foram lá e acharam L.P.J., de 23 anos, e A.O.J., de 24, pessoas já bastante conhecidas pela prática de delitos. Com eles havia carcaças de celulares, um celular Samsung preto em funcionamento e outros objetos. Os suspeitos foram levados para a delegacia e lá o proprietário da loja disse que o celular e os objetos eram dele. No dia 23 aconteceram outros dois furtos de veículos, sendo um – moto Honda Titan 96 cinza no Distrito Industrial e outro – Fiat Uno 93 verde - no bairro Buenos Aires. O autor de ambos, p o r é m , A . O . J ., d e 2 0 anos, foi preso algumas horas depois na rua Curupaiti, graças a denúncias feitas à polícia milit a r. U m ra p a z d e 2 2 anos, R.C., e uma moça de 21, H.R.M.C., são os proprietários da moto e do carro, respectivamente, que lhes foram devolvidos após serem encontrados. A.O.J. usou uma chave “mixa” para dar a partida nos veículos e, provavelmente, é usuário de drogas.

Cuidados básicos antes de viajar A Polícia Militar vem tentando conscientizar os donos de casas em São José do Rio Pardo sobre os cuidados básicos a serem tomados antes de viajar. São recomendações que, segundo ela, podem impedir ou dificultar furtos e roubos: l Não comentar a viagem com pessoas estranhas; l Comunicar a ausência a um vizinho de confiança e telefonar para ele(a) de vez em quando para saber se tudo está bem; l Em ausências prolongadas, pedir a um parente para visitar a casa e, assim, demonstrar a presença de pessoas mediante abertura de janelas, colocação de carro na garagem etc; l Suspender a entrega de jornais e pedir para um vizinho recolher a correspondência; l Não deixar joias ou dinheiro em casa, mesmo em cofres, preferindo guardá-lo em bancos; l Não deixar luzes acesas porque, durante o dia, elas indicam ausência de pessoas; l No caso de casas com jardim na frente, contratar alguém de confiança para mantê-lo limpo, evitando o aspecto de abandono; l Só deixar a chave com pessoas de absoluta confiança; l Evitar por cadeado do lado externo do portão, isso denuncia saída dos moradores; l Desligar a campainha pois isso deixa em dúvida quem vier usá-la somente para verificar se há alguém em casa; l Fechar as portas e janelas com tricôs e trancas, reforçar a porta da frente com fechaduras auxiliares.

Denúncia leva a PM a flagrar traficantes Mediante uma denúncia anônima, a polícia militar enviou uma viatura à região do Vale do Redentor próxima à escola estadual. A denúncia dizia que estaria acontecendo tráfico de drogas no local e o(a) denunciante deu detalhes como a cor da roupa dos traficantes, as drogas que vendiam, o lugar onde estas eram escondidas etc. O soldado Celso, da PM, autorizado pelo tenente Ciampone, explicou à rádio Difusora e à Gazeta do Rio

Pardo que os policiais flagraram traficantes vendendo cocaína e crack. Os PMs apreenderam 26 pedras de crack, 15 papelotes de cocaína e R$ 180 em dinheiro, tudo em poder de quatro rapazes maiores de idade e mais quatro menores. “A população deve sempre agir como a pessoa que fez esta denúncia, que passou as características precisas dos traficantes e do lugar onde ocultavam as drogas, o que tornou mais fácil a tarefa da polícia mili-

tar”, comentou o soldado Celso. “O telefone 190 está sempre à disposição, durante 24 horas por dia, para acolher essas e outras denúncias, que são sempre muito importantes para o trabalho policial”. Os traficantes maiores de idade foram presos em flagrante e conduzidos à delegacia de polícia civil, ao passo que os menores que agiam junto a eles foram apreendidos. O fato aconteceu terça-feira, dia 22 de janeiro.

Mais de 40 porções de drogas, dinheiro e celulares foram apreendidos e levados para a delegacia


A-9 - 26 de Janeiro de 2013

Prefeitura contabiliza dívidas deixadas O valor não inclui os débitos com alguns fornecedores e contas não empenhadas

Continuam os serviços para melhoria urbana Limpeza de praças, coleta de entulhos, correção de pavimento das vias públicas. Com estes serviços, a Prefeitura tem dado a São José do Rio Pardo aspecto de cidade mais bem cuidada. Os trabalhos acontecem desde o início de janeiro, quando o prefeito João Santurbano assumiu a administração municipal. Apesar da falta de equipamentos e da dificuldade de comprar junto a fornecedores, a administração tem procurado soluções para o conserto de máquinas e equipamentos que facilitem a execução dos serviços urbanos. Comerciantes de peças e prestadores de serviços mecânicos têm colaborado e, assim, a Prefeitura conseguiu, nas últimas semanas, colocar em funciona-

mento caminhões e um rolo compactador para os trabalhos de tapa-buracos. O prefeito também negociou a compra de material para fabricação de massa asfáltica para amenizar os problemas das vias urbanas, nas quais também é realizado o recolhimento de entulho. João Santurbano acompanha pessoalmente os trabalhos e aproveita as andanças pelos bairros para ouvir a população. “Iluminação pública, lixo acumulado, buracos, falta de água. O povo tem reclamado bastante destes problemas”, diz. Na quinta-feira (24), o prefeito esteve no bairro Buenos Aires - na estrada que leva à região da Fazenda Santa Manoela. Ali, moradores e produtores rurais reivindicavam, havia meses, a melhoria do es-

coamento da água das chuvas. “Os moradores dizem que quando chove, a água desce e enche as ruas do bairro de terra, pedra e lixo. E quem se desloca para os sítios, mal consegue transitar porque a estrada fica precária, cheia de buracos”, conta o prefeito. A Secretaria Municipal de Agricultura organizou um trabalho de colocação de cascalho na estrada e também a correção de uma galeria para escoamento das águas da chuva. O trabalho foi executado na quinta-feira. “Os problemas são muitos, nossa estrutura não é ainda adequada para atender a todos na agilidade que gostaríamos, entretanto, temos feito o possível na tentativa de melhorar a cidade”, explica Santurbano. GILMAR ISHIKAWA

Prefeito vistoria serviços na estrada da Fazenda Santa Manoela

GILMAR ISHIKAWA

Equipe da pavimentação trabalha para recuperar ruas e avenidas

A administração municipal ainda faz as contas para apurar o valor da dívida deixada pelo governo municipal anterior. Sem somar os débitos com alguns fornecedores, os valores apurados podem ultrapassar os R$ 5 milhões. “E não estamos falando aqui dos restos a pagar. Como já foi divulgado, nesta categoria de dívida foram deixadas pendências de muitos outros milhões, que ainda estão sendo contabilizados”, comenta o prefeito João Santurbano. “Nas últimas semanas nós temos acertado as contas que são possíveis, aquelas para as quais existe dotação do orçamento passado. Mas teremos ainda muitos problemas porque há contas que sequer foram empenhadas”, lembra. Para o Instituto Municipal de Previdência (IMP), a administração anterior deixou de repassar R$ 1.659.000,00. À CPFL, como divulgado na semana passada, são devidos R$ 922 mil. A mais recente das pendências apura-

das é com o Convênio Médico dos Servidores Municipais, para o qual a Prefeitura deve R$ 463 mil. “No caso do Convênio Médico, durante dois meses a gestão anterior reteve a parte dos funcionários, mas não repassou ao serviço de convênio. Somando a parte devida pelo empregador, no caso a Prefeitura, os valores passam de R$ 463 mil”, expli-

ca o prefeito. Outra preocupação da atual administração é com os valores não repassados em contrapartida, para a execução de obras em convênio com Estado e Governo Federal. O setor de finanças tem apurados mais de R$ 600 mil, mas análise da Secretaria Municipal de Obras, em andamento, aponta que o valor pode passar de R$ 1 milhão.

S.O.S. também tem dívidas A primeira-dama do município, Arabela Junqueira Della Torre Santurbano, assumiu na quarta-feira (23) a direção do Serviço de Obras Sociais (S.O.S.), entidade assistencial que recebe subvenção do município para atividades diversas junto a famílias carentes. No levantamento das contas da entidade, apurou-se que há dívidas de quase R$ 1 milhão, sendo boa parte para a Previdência Social. “O S.O.S. deve ao INSS, hoje, R$

970.270,02. Quando esta conta for atualizada, vai passar fácil de R$ 1 milhão. É preocupante porque a entidade não tem estes recursos e as pessoas que dela dependem podem acabar prejudicadas”, diz Santurbano. De acordo com o prefeito, os valores que o S.O.S. deve para a Previdência Social se referem à falta de repasse da quota patronal dos funcionários do PSF (Programa de Saúde da Família).

Prefeitura quer reestruturar o Recicla O projeto de coleta seletiva em São José do Rio Pardo, que já serviu de modelo para outros municípios, passou vários anos funcionando de forma precária até ser totalmente paralisado no ano passado. Mantido por meio de cooperativa, em parceria com a Secretaria de Assistência Social, o serviço foi completamente abandonado em um galpão na Fazenda Santa Marta, onde estavam uma prensa, uma esteira e uma grande quantidade de material reciclável. Tudo foi retirado nesta sexta-feira (24), por equipes da Prefeitura. Na semana passada, a Secretaria de Gestão já havia determinado o cancelamento do aluguel do espaço, tendo em vista a sua não utilização e o alto valor pedido pelo proprietário da área. Agora, a Prefeitura vai buscar um novo espaço para abrigar o projeto. “Este é um trabalho importantíssimo para o nosso município. Além de auxiliar nas questões ambientais, também gera emprego e renda, e por muito tempo garantiu o sustento para várias famílias que viviam em condição de risco social. Infelizmente o

projeto está parado e nos cabe agora tentar reestruturá-lo, para que volte a ser feito em toda a cidade”, disse o prefeito João Santurbano. Ele lembrou que, em 2008, quando também estava à frente do executivo municipal, o programa recolhia cerca de 17 toneladas de material reciclável. “Todo o material era ven-

dido e virava recursos para as famílias participantes do projeto. Além disso, a retirada destes materiais no lixo doméstico favorecia a vida útil de nosso aterro sanitário. Por isso, precisamos retomar este serviço”, completou. Por enquanto, ainda não está definida o novo espaço para abrigar o Recicla São José. GILMAR ISHIKAWA

Funcionários da limpeza urbana auxiliam na retirada do material reciclável GILMAR ISHIKAWA

Prensa, esteira e material reciclável foram retirados da Fazenda Santa Marta


26 de Janeiro de 2013 - A-9

Conselho: quase 7.500 conflitos em 2012 Problemas familiares com crianças e adolescentes crescem em São José do Rio Pardo O Conselho Tutelar de São José do Rio Pardo continua com apenas dois conselheiros ativos, devendo ter, em breve, um concurso para a escolha de mais três titulares e cinco suplentes. Isso reduzirá a sobrecarga atual que incide sobre a advogada Marisa Cristina da Silveira Araújo, coordenadora do órgão, e sobre o pedagogo Milton Herrera Pereira Romero, que é secretário do Conselho, os quais trabalham há um ano em regime integral durante a semana e ainda são requisitados à noite e nos finais de semana, caso ocorra algum problema envolvendo crianças e adolescentes.Ainda contam com apoio da auxiliar administrativa Tamara de Moraes Biajoti, que permanece na sede do órgão, atendendo e direcionando os usuários aos conselheiros. Um levantamento elaborado por ambos sobre o ano de 2012, com um comparativo entre o primeiro e o segundo semestre, mostra que o conflito familiar é atualmenteum dosmaiores problemas em São José, no tocante a crianças e adolescentes. Os números chegam a assustar pois superam a 20 ocorrências/dia, incluindo abordagens formais e informais via telefone, contato pessoal, internet, etc. Só no primeiro semestre os dois

conselheiros asseguram ter feito 3.894 atendimentos desse tipo, os quais, somados aos 3.574 do semestre seguinte, totalizaram 7.468 no ano de 2012. Os dois conselheiros explicam que essa quantidade de conflitos familiares inclui todo tipo de contenda nas famílias rio-pardenses, desde desentendimentos, drogadição (toxicodependência), maus tratos, abandono, agressões físicas, verbais e psicológicas e outras violações de direito. Os conselheiros, além disso, são convidados pelas escolas para participar de reuniões de pais, a fim de que possam orientar os presentes sobre as responsabilidades, direitos e deveres de cada um. Orientam também os educadores, nas escolas e em projetos sociais, de forma preventiva, alertando-os no sentido de comunicarem, o mais rápido possível, qualquer suspeita de violação de direitos. Outros problemas No levantamento de 2012 o órgão tutelar constatou também:688 casos de envolvimento com entorpecentes, 441 casos de abandono de incapaz, 158 episódios de adolescentes embriagados, 483 com lesões corporais, 230 maus tratos, 115 tentativas contra a própria vida e um número considerável de vi-

olação sexual. O Conselho efetuou ainda 5.245 atendimentos e orientações em 2012, sendo este o segundo serviço mais realizado no ano passado. Além disso, foi solicitado a cuidar de 4.895 casos de evasão escolar e assiduidade insatisfatória. A importância deste levantamento, segundo os dois conselheiros, é a de apontar as carências e necessidades para um melhor atendimento da sociedade, através da efetivação de políticas públicas. Eles ainda sugerem às autoridades a implantação da Casa Transitória para acolher adolescentes em situação de vulnerabilidade, principalmente quando atendidos em regime de Plantão 24 horas. Recomendam também a estruturação de mais dois Centros de Referência de Assistência Social – CRAS, capacitação e cursos profissionalizantes para os adolescentes, em período oposto ao escolar, além da ampliação ou criação de novos projetos sociais. Funções do Conselho A função do Conselho Tutelar continua sendo pouco entendida pela sociedade local e ainda há pessoas que atribuem ao órgão a função de disciplinador de crianças e adolescentes. Os dois conselheiros lembram que o ConseREPORTAGEM

Milton e Marisa, atuais conselheiros tutelares: funções do órgão ainda não são bem compreendidas pela sociedade

lho Tutelar é um órgão autônomo, de natureza não jurisdicional, ou seja, não julga, não faz parte do Poder Judiciário, não aplicando penas judiciais. Em resumo, é um órgão de garantia de direitos da criança e dos adolescentes, encarregado pela sociedade de zelar pelo cumprimento dos mesmos, conforme prescreve o Artigo 98, da Lei Federal 8.069/90. Os conselheiros citam ainda seis funções básicas do Conselho, previstas no artigo 101 da lei federal 8.069/90 e transcritos a seguir: l Encaminhar pais ou responsáveis pelas crianças e adolescentes;

l Orientar, apoiar e acompanhar as famílias pelo período que julgar necessário; l Garantir o acesso às Unidades de Ensino, bem como monitorar a efetivação das matrículas e frequência nos estabelecimentos de ensino fundamental; l Incluir em programas comunitários ou oficiais de auxílios à família, à criança e ao adolescente; l Requisitar tratamento médico, psicológico e psiquiátrico, seja em regime hospitalar ou ambulatorial; l Inclusão em programas oficiais ou comunitários de auxílio, orientação e tratamento a alcoólatras e

usuários de entorpecentes. Estão à disposição, na sede do Conselho Tutelar, os certificados do Curso de Capacitação de Agentes na Prevenção ao Uso Nocivo de Drogas, realizado no primeiro semestre do ano passado. O Conselho Tutelar de São José do Rio Pardo está localizado na ruaTarsílio Siqueira, 340, centro, e atende ao público das 7h30 às 11h e das 13h às 16h30. Os telefones para contatos são: 193682.9331/3682.9332/ 3683.9348/3682.9347 (fax). Denúncias de violação de direitos da criança e adolescente também podem ser feitas pelo Disque 100 ou 190 (gratuitos).


26 de Janeiro de 2013 - A-10

2012: ano de conquistas para a Fundação Para 2013, meta será a realização de investimentos para modernizar as salas de aula “O ano de 2012 ficará marcado para a Fundação Educacional, pois foi neste período que se concretizou a característica da entidade em caráter público, bem como o início da parceria com o governo estadual do atual Programa Vence. Graças a isso, conseguimos manter a Fundação ativa nos cursos técnicos.” Com estas palavras, o presidente Luis Fernando Tempesta tenta resumir como foi o período para a entidade. Em todo o ano, 275 alunos se matricularam; destes, 95 concluíram seus estudos. Foi formada a primeira turma do curso de Administração e Contabilidade por meio do atual Programa Vence. Ao fazer um balanço do período, a diretora pedagógica Carla Calsoni cita a participação em eventos educacionais e culturais nos âmbitos escolar, municipal e estadual, com vistas à educação profissional; no Ensino Médio a participação na XI Jornada Teenager de Universidades e Profissões; nos Cursos Técnicos o envolvimento e a participação dos alunos em cada área de conhecimento, em inúmeros eventos. “No âmbito escolar, tivemos a parti-

cipação em várias palestras com temas relacionados a cada área de conhecimento, saúde, administração, contabilidade e segurança do trabalho, como também a elaboração com a coordenação e supervisão dos professores de uma Simulação de Primeiros Socorros e do I Congresso de Radiologia de São José do Rio Pardo”, completa Carla. As conquistas da Fundação também passaram pelo campo prático do conhecimento. Durante o ano foi montado um completo laboratório de enfermagem, com itens essenciais para as aulas práticas dos alunos: berços, cadeira para banho, colchão especial, glicosímetro, balança antropométrica infantil, cadeira de rodas, carro maca com grades e suporte para soro, mesa hospitalar para alimentação/refeição, modelo tipo braço para treino de injeção/punção venosa, esqueleto anatômico, manequim meio torso, modelos anatômicos (adulto e infantil), estetoscópio e aparelhos de pressão, dentre muitas outras aquisições. “Tanto com equipamentos e também com referência à área física, o labo-

ARQUIVO

Salas ainda mais modernas em 2013

ratório ficou muito bem distribuído e, o que é mais importante, altamente didático aos alunos, pois eles terão toda a prática dentro da escola também, além dos estágios que são realizados em hospitais, clínicas e outras localidades”, diz Tempesta. Para 2013 Luis Tempesta inicia, neste ano, seu segundo mandato à frente da Fundação Educacional. “Espe-

ro contar mais uma vez com o apoio da direção pedagógica e demais funcionários, para sempre estarmos dispostos a fazer o melhor para a instituição”, declara. Segundo ele, as metas para 2013 serão os investimentos para a modernização das salas de aula. Sobre a criação da Lei de Cargos e Salários, Tempesta diz que o projeto já está em fase adiantada. “Estamos empenhados

para que isso seja resolvido o mais rápido possível, pois da forma que hoje está não posso contratar nenhum professor. Pela demanda deste ano e também pela adequação à lei, terei que fazer isso urgentemente, já que a diretoria está nos cobrando a respeito. Corremos o risco de não abrir algumas salas por este motivo, e isso não queremos que aconteça. Espero que o Executivo e o Legislativo pensem da mesma forma. Estamos preocupados com o quadro de funcionários que temos hoje na Fundação, para a permanência dos mesmos, bem como a inclusão de novas funções que ocasionem problemas financeiros tanto para a Fundação quanto à Prefeitura. Gostaríamos de não “inchar” muito o quadro de pessoal, tipo cabide de emprego, para não termos problemas financeiros, pois hoje essa questão está controlada. A parte financeira está em ordem e não há qualquer tipo de débito com fornecedores”, diz. O presidente da Fundação informa que na próxima semana será pro-

movida uma nova reunião com o Conselho da instituição, para deliberação da lei e posteriormente encaminhá-la ao Executivo para apreciação, e à Câmara para aprovação. Vagas 2013 Luis Tempesta diz que, para o primeiro semestre, apenas há vagas para o curso técnico de Radiologia, para os demais somente o cadastro de reservas do segundo semestre. Continuam abertas as matrículas para o Ensino Médio, que utiliza o método de ensino da Editora Abril – SER. O ano será iniciado com os seguintes cursos: Técnico em Contabilidade (Vence - 19; particular – 10); Técnico em Segurança do Trabalho I (Vence – 30; particular – 04); Técnico em Administração (Vence – 27; particular – 05); Técnico em Enfermagem (Vence – 30; particular – 12); Técnico em Radiologia I (Particular – 18); Técnico em Segurança do Trabalho II (10); Técnico em Radiologia III (10); Técnico em Enfermagem II – turmas A e B (34).


26 de Janeiro de 2013 - A-11

Na Casa de Cultura, férias vão até dia 8 A semana foi agitada com gincanas, oficinas de circo, desenho, futebol e arvorismo Cerca de 150 adolescentes estão participando, por dia, da Programação de Férias das Casas de Cultura e Cidadania de Caconde e São José do Rio Pardo, projetos socioculturais viabilizados pela Lei Rouanet, do Ministério da Cultura, patrocinados pela AES Tietê e realizados pela H.Melillo e Instituto Agires. Gratuitas, as atividades começaram no dia 21 e se estendem até 8 de fevereiro. Para participar não é necessário realizar previamente a inscrição. A programação inclui oficinas de circo (malabares, trapézio, tecido e lira), de-

senho, violão, teatro e dança, gincanas esportivas, campeonatos de vídeogame e brincadeiras de rua. Destaque para a ação adventure, que simula atividades de arvorismo e outros esportes utilizando equipamentos de circo, como o trapézio e tecido acrobático. As ações são no período da tarde, entre 14 e 16h, em Caconde e São José do Rio Pardo. Crianças e adolescentes, entre sete e 17 anos, podem participar da programação, que são divididas de acordo com as diferentes faixas etárias.

DIVULGAÇÃO

Cerca de 150 crianças comparecem por dia em cada unidade da Casa da Cultura e Cidadania

Solenidade marca aniversário de Euclides da Cunha GILMAR ISHIKAWA

Na terça-feira, dia 22, a Casa Euclidiana promoveu uma solenidade em homenagem ao aniversário de 147 anos de Euclides da Cunha, com presença de autoridades e membros do movimento euclidiano local. Presente ao evento, o prefeito João Santurbano disse que o dia 20 de janeiro, data de nascimento do escritor, é importante para São José do Rio Pardo porque é incalculável o que Euclides representa para a cidade e para cultura nacional. “Jamais a administração pública deve deixar de lado um momento tão importante como este.Durante oito anos à

frente da Prefeitura sempre apoiamos todos os eventos do movimento euclidiano e vamos continuar apoiando neste novo mandato. Um povo culto é uma cidade privilegiada, por isso é necessário que façamos investimentos importantes que venham de encontro aos anseios da população e para que tenhamos cidade cada vez mais tranquila e desenvolvida.” Para a nova curadora da Casa de Cultura Euclides da Cunha, Beth Abichabki, é preciso que o jovem entenda o porquê do euclidianismo, o porquê é feita a Semana Euclidiana. “A gen-

Presença de autoridades e membros do movimento euclidiano

te quer que aqui seja um lugar de estudo porque a obra do Euclides é atemporal. O coração do euclidianismo está em São José e na Casa Euclidiana”, disse. Segundo ela, as visitas ao prédio continuarão sendo

incentivadas durante sua administração. Quanto à Semana Euclidiana, informou que os preparativos já estão sendo feitos. Outros assuntos O prefeito Santurbano falou sobre assuntos como

a reforma da ponte metálica, cujos recursos já foram aprovados pelo governador do Estado, Geraldo Alckmin. “Sensibilizado com a necessidade da reforma, o governador já destinou R$ 2 milhões para a reforma da ponte. Falta ainda a adequação de alguns detalhes do projeto, que é uma exigência da Secretaria de Estado da Cultura para a liberação da reforma. Já estamos providenciando e acredito que rapidamente tenhamos aprovado todo o projeto, e daremos início ao processo de licitação para que possamos recuperar este patrimônio.”

“Ponte Nova” A ponte Adhemar de Barros, popularmente conhecida com o “Ponte Nova”, também deverá passar por reforma, de acordo com Santurbano. “Primeiro temos que verificar tecnicamente, através de levantamento, as necessidades, porque já foi comentado comigo que ela já apresenta alguns problemas. Tem que ser um levantamento muito bem feito para ver as condições da ponte, e se for de acordo vamos solicitar ao governo do Estado recursos para esta reforma.”


A-12 - 26 de Janeiro de 2013

1º Carna Total reunirá grandes atrações Bandas de axé e nomes conhecidos do sertanejo farão cinco noites de festa no DEC O presidente da Comissão dos Festejos Carnavalescos, Hélio Escudero, informou esta semana que já foram definidos todos os detalhes para a realização do carnaval popular 2013. Com o tema Carna Total Rio Pardo, serão promovidas cinco noites e duas matinês nas dependências do Ginásio Municipal de Esportes (estacionamento). O evento contará com apoio da Secretaria Estadual de Turismo. “Conseguimos uma grande infraestrutura, para oferecer conforto e segurança à população local e aos visitantes”, explica Hélio Escudero, presidente da comissão do carnaval. Todos os shows já foram contratados: serão duas bandas por dia, sendo uma no Palco 1, com o ritmo de axé, e outra no Palco 2, com shows de micareta sertaneja. “São bandas que tocam nas cidades de Ca-

conde e Muzambinho, então os foliões de São José não precisam se deslocar para as cidades vizinhas”, disse Escudero. As bandas começam a tocar às 22h30 e vão até 3 horas, sem intervalo. Os dois palcos funcionarão simultaneamente, todas as noites. Nas matinês funcionará apenas o Palco 1, com o ritmo de axé. A estrutura terá praça de alimentação, área VIP empresarial com garçons à disposição, área VIP para blocos, estacionamento com segurança, arquibancada, seguranças, monitoramento eletrônico (câmeras), área coberta, banheiros. Durante quatro noites de carnaval também estão programadas apresentações de banda na Praça XV de Novembro, tocando marchinhas tradicionais. Outra novidade para este ano será um

Caio Cesar e Diego estão confirmados no carnaval rio-pardense

trio elétrico, que vai reunir blocos para desfiles pelas ruas da cidade. A programação terá ainda jogo festivo de futebol entre as equipes “Machões” e “Piriguetes”. No domingo de carnaval, o DEC oferecerá o Carna Forró, que é específico para os frequenta-

dores do tradicional forró. “Estamos atendendo a uma determinação do prefeito Santurbano que nos solicitou economia, porque a situação da Prefeitura é difícil, mas que a gente pudesse fazer um carnaval digno, que o povo rio-pardense merece”, comentou Escudero.

Saúde fará campanha de prevenção no carnaval Na área da Saúde, a coordenadora da Vigilância Denise Rondinelli Cossi Salvador informa que a Prefeitura Municipal já está nos preparativos finais da campanha de carnaval. “A estrutura de Saúde do município já se prepara para este período, então na prevenção das Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs), todas as unidades têm preservativos, que também serão distribuídos nos clubes e locais de encontro. A gente lembra que as DSTs continuam existindo: HIV, hepatites, sífilis e outras doenças. Vamos nos cuidar”, recomenda Denise. No próximo dia 30, o Ministério da Saúde lançará a campanha do carnaval, que será direcionada à população que tem entre 15 e 49 anos. “Carnaval é tempo de folia, de alegria,

Victor Miranda será uma das principais atrações

Carnaval Total Rio Pardo 2013 Programação (De 8 a 12 – das 23h às 3h) Palco I – Axé Dia 8 - sexta-feira- Banda Quebraê Dia 9 – sábado – Juninho Mattos Dia 10 – domingo – Amanda Alves Dia 11 - segunda-feira – Banda Batukiaê Dia 12 - terça-feira – Banda Zumbaia Palco II – Micareta Sertaneja (5 noites – das 22h às 2h) Dia 8 - sexta-feira- Willian & Well Dia 9 – sábado – Caio Cesar & Diego Dia 10 – domingo – João Paulo Molin Dia 11 - segunda-feira – Nando Guimarães Dia 12 - terça-feira – Victor Miranda Praça XV de novembro De 9 a 12 de fevereiro (das 18h30 às 22h) Banda Abre Alas - Marchinhas Tradicionais de Carnaval Tartaruguinha Dia 10 - das 18h às 22h Carna-Forró (Jonas e Donizeti) Dias 10 e 12 Trio Elétrico – saída do Vale Redentor Matinês – das 15h às 18h

Cartaz da campanha do Ministério da Saúde do ano passado; o deste ano será conhecido no dia 30

de pular, de dançar, de ficar. Gostaríamos de lembrar que se rolar, usar camisinha. Nessa época em às vezes há excessos de bebida, podem acontecer

brigas e acidentes. Vamos dizer não à violência, não dirigir se beber, aproveitar o carnaval como uma festa de alegria e de convivência saudável.”

Dia 10 Futebol – Machões X Piriguetes


26 de Janeiro de 2013 - A-13

Confirmado primeiro caso de dengue do ano Vigilância Epidemiológica informa que há ocorrências do mosquito por toda cidade

Chuvas proliferam os escorpiões e caramujos As chuvas e o consequente crescimento de mato em todos os lugares estão provocando a proliferação de escorpiões e caramujos em quase todos os bairros do município. Em 2012 houve 139 solicitações de visitas de agentes da Zoonoses nas residências em função dos escorpiões, sendo a maior parte na região central da cidade. “Caso a pessoa seja picada, deve procurar atendimento médico o mais rápido possível, principalmente os idosos e as crianças, que são mais vulneráveis à picada”, alertou a enfermeira Denise Cossi Rondinelli Salvador, da Vigilância Epidemiológica. As residências nas quais os moradores têm material de construção, telha, madeira e entulho são as preferidas dos escorpiões, que também entram nas casas pelos ralos dos banheiros e dos quintais quando vão atrás de baratas. “É preciso colocar tampão nos ralos e panos nas portas, lembrando ainda que os locais úmidos são propícios à proliferação dos escorpiões, que se reproduzem muito rápido”, re-

comendou a enfermeira. Ela ainda sugeriu que as donas de casa mantenham os móveis desencostados das paredes, façam vistorias nas roupas, olhem as camas antes de dormir e verifiquem eventuais rachaduras nas paredes. “Se algum escorpião for encontrado, o morador deve procurar o Centro de Controle de Zoonoses para passar orientações ou ligar para o telefone 3681-4008”. Caramujos A chefe do Centro de Controle de Zoonoses de São José do Rio Pardo, Vilma Palamedi, fez algumas recomendações bastante semelhantes às feitas por Denise, no tocante aos caramujos. “É preciso manter o quintais e terreno limpos, não bastando cortar o mato mas retirando todo entulho e lixo”, disse. Ela orienta a população a colocar luvas ou sacos plásticos na mão para pegar os caramujos. Em seguida, eles devem ser postos em sacolinhas com sal no interior e estas devem ser bem amarradas e postas para o caminhão de lixo recolher.

A Vigilância Epidemiológica de São José do Rio Pardo (VE) divulgou, na quarta-feira (22), o primeiro caso de dengue do ano. A ocorrência foi confirmada, após exames, em um paciente que mora no bairro Nova Belmonte. Trata-se de caso autóctone, ou seja, contraído no próprio município. A partir da confirmação do caso, a VE realizou ações para controle dos vetores e eliminação de criadouros do mosquito Aedes aegypti nas imediações da residência do paciente, bem como em áreas próximas ao seu local de trabalho, no Distrito Industrial. O período de chuvas favorece a propagação do mosquito e o desenvolvimento da doença. Neste mês foram notificados três casos suspeitos, estando um descartado e outro aguardando resultado de exames. Por esta razão, tanto as equipes do Centro de Controle de Zoonoses quanto os Agentes Comunitários de Saúde estão em alerta para atuar no controle dos criadouros. “Manifestamos nossa extrema preocupação com essa confirmação da doença no mês de janeiro (com muita chuva e pouco sol), uma vez que, nos anos anteriores, as ocorrências foram a partir de fevereiro/março”, comentou a coordenadora da VE, enfermeira Denise Rondinelli Cossi Salva-

dor. Ela diz que há ocorrências do Aedes aegypti por toda a cidade e que as unidades de saúde estão prontas para adotar providências tão logo haja casos suspeitos de dengue. Segundo ela, isso significa que o vírus está circulando na cidade. “É o primeiro caso do ano, mas ele chega m u i t o cedo, e isso se torna uma preocupação grande para todos nós da área da saúde e como cidadãos residentes no município.” Denise chama a atenção para que todos façam o trabalho de combate à dengue, o que significa buscar eliminar possíveis criadouros para o mosquito, ou seja, objetos que possam acumu-

Unidades de saúde não foram concluídas O prefeito João Batista Santurbano e o secretário municipal de Saúde, Marcelo Galotti Pereira, vistoriaram, na quarta-feira (23), algumas obras destinadas a unidades de saúde, nos bairros Buenos Aires, Domingos de Sylos e Vale do Redentor, a fim de avaliar as condições dos prédios e a possibilidade de colocá-los em funcionamento. No bairro Domingos de Sylos a obra está praticamente concluída, entretanto, além do mobiliário, requer adaptações para a instalação de equipamentos. No bairro Buenos Aires, o prédio também destinado a PSF ainda está em construção, sem data para o término dos trabalhos. No bairro Natal Merli, há outro prédio de PSF em construção. O projeto foi orçado em R$ 571.615,98, sendo R$ 400 mil do Governo Federal. A obra, entretanto, está parada há meses, devido a problemas com a construtora, que foi oficiada pela Prefeitura nas últimas semanas para dar explicações. Centro de Múltiplo Uso No Vale do Redentor, o prédio foi construído como Centro de Múltiplo Uso sem adequações para abrigar unidade de saúde. Inaugurada no final do ano passado, a obra recebeu investimentos de R$ 353.103,19, recursos

No bairro Natal Merli, obra do PSF está parada há meses

do Governo do Estado. Mas para ser transformado em PSF, precisa de adaptações que estão estimadas em pelo menos R$ 50.000,00, segundo levantamento da Secretaria Municipal de Obras. “O prédio é completamente aberto na parte superior, permitindo a livre circulação de pássaros, morcegos e outros bichos. Se der uma chuva forte, tudo aqui dentro vai molhar”, diz o prefeito João Santurbano. Santurbano e Galotti se reuniram com o diretor de obras, Daniel Cobra Monteiro, para saber detalhes sobre as adequações dos prédios. O diretor – que fez parte da equipe da gestão municipal anterior – confirmou que o projeto da construção no Vale

do Redentor não era para PSF. “O projeto foi só para conseguir os recursos. Depois de pronto ele seria readequado para unidade de saúde”, disse. O diretor administrativo da Imper Reis Impermeabilização e Construção, empresa responsável pela obra, garantiu que nos próximos dias serão executados serviços de reparo no prédio, que já apresenta infiltrações e falha no fechamento de vidraças. O secretário explicou que ainda não há data para que o novo prédio esteja a serviço da população, como unidade de saúde. Manutenção Enquanto o novo prédio do Centro de Múltiplo Uso

não é readequado para servir de PSF, a Prefeitura busca solução para manter em funcionamento o antigo posto de saúde do Vale do Redentor. O local apresenta sérios problemas estruturais, com paredes ameaçando cair, devido a rachaduras. A farmácia pública que funciona no local teve de ser transferida para outra sala da unidade, já que a anterior tinha problemas de infiltração no telhado. Segundo o prefeito, havia meses aquele prédio não recebia manutenção. Engenheiros da Secretaria de Obras estiveram no prédio nos últimos dias, para avaliar as condições e determinar a realização de serviços que permitam o funcionamento da unidade.

DIVULGAÇÃO

lar água parada, de preferência limpa. “Pedimos que os moradores e proprietários de empresa vejam o imóvel ao redor e retirem tudo que for criadouro: lata vazia, saco plástico, pneu descoberto. Estamos em período

de chuvas intensas e calor crescente, um momento propício para que mosquito se multiplique. Se não fizermos um trabalho com a ajuda dos cidadãos, acabamos tendo mais casos da doença na cidade.”

Inscrição ao concurso público da Cetesb termina na segunda-feira Conforme foi publicado na edição anterior da Gazeta, o concurso público previsto para o preenchimento de inúmeras vagas na Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambienta), inclusive em São José do Rio Pardo, terá as inscrições encerradas nesta segunda-feira, 28 de janeiro. O objetivo do concurso é preencher 10 vagas imediatas e formar um cadastro reserva em diversas cidades paulistas como São José do Rio Pardo, São João da Boa Vista, Mogi Guaçu, Pirssununga e outras. As inscrições são feitas pelo site da Fundação Vunesp. Segundo a Vunesp, as provas objetivas e discursivas (previstas para alguns cargos) serão no dia 3 de março. As cidades escolhidas para essas provas são: São Paulo, Araçatuba, Bauru, Campinas, Presidente Prudente, Registro, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos e Sorocaba. Interessados que têm o nível fundamental de escolaridade ainda podem se inscrever para o cargo de ajudante de serviços gerais (5ª série) ou o de auxiliar de laboratório (nível completo). Os vencimentos são de R$ 1.077 e R$ 1.551, respectivamente. Cargos de escriturário, operador do centro de controle e técnico administrativo (requer carteira de habilitação) requerem

apenas o nível médio completo, além de conhecimentos de informática, pagando, respectivamente, R$ 1.551, R$ 1.845 e R$ 2.567. Quem possui diploma de curso técnico pode concorrer a vagas futuras nas áreas de secretariado, recursos humanos/administração, contabilidade/finanças, enfermagem, tecnologia da informação, ambiental (diversas vertentes) e segurança do trabalho. A remuneração é de R$ 2.567. Já para pessoas com nível escolar superior haverá oportunidades para advogado, analista administrativo, analista ambiental, analista de educação ambiental, analista de TI, arquiteto, auditor, biólogo, biomédico, engenheiro agrônomo, engenheiro civil, engenheiro eletricista, engenheiro florestal, engenheiro mecânico, engenheiro químico, engenheiro de segurança do trabalho, estatístico, farmacêutico bioquímico, físico, geofísico, geógrafo, geólogo, médico do trabalho, meteorologista, químico e tecnólogo (mecânico ou ambiental). O salário é de R$ 4.103 e algumas dessas carreiras contam, por lei, com um valor adicional, o que faz com que o salário suba para R$ 5.287. A Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental, é uma empresa ligada à Secretaria do Meio Ambiente do governo paulista.


A-14 - 26 de janeiro de 2013 -

INTER LIGAS 2013

Botafogo FC estreará no dia 17 de março O Botafogo F.C. fará sua estreia no Campeonato Inter Ligas de 2013 no dia 17 de março, um domingo. Presidido pelo esportista Luis Fernando Cândido Mogica (Pingo), recentemente reeleito para o cargo, o Botafogo representará a Liga Rio-pardense de Futebol (LRF). Conforme já foi divulgado em outras ocasiões, a LRF vem fazendo, desde 2009, um rodízio de equipes que a representam no Inter Ligas. Assim, a cada ano um clube local partici-

pa da competição, que é organizada pela Federação Paulista de Futebol com apoio da Secretaria da Juventude Esportes e Lazer do Estado de São Paulo. Em 2012 foi a Ponte Preta quem representou a LRF e fez uma excelente campanha. “Na primeira edição foi o Botafogo, depois o Vasco, a Nestlé e no ano passado a Ponte”, lembrou Hélio Escudero, presidente da LRF. “Agora é a vez do Botafogo e acreditamos que mais uma vez faremos bonito”.

“Mas nós queremos ir mais longe que os demais participantes e tentarmos o título, pois o torcedor riopardense merece”, disse Pingo, informando que seu time já vem marcando amistosos com regularidade exatamente para se preparar para a competição. “Vou montar um time que vai encher de orgulho o nosso torcedor e acima de tudo, a LRF, que vamos representar com muita satisfação”, finalizou Pingo. A FPF ainda não divulgou a tabela da competição.

CONCURSO DE CLUBES

José Carlos Zanetti é o novo presidente O ex-vice-prefeito e empresário José Carlos Zanetti foi anunciado no dia 23, pelo prefeito João Santurbano, como o novo presidente do Dec. O cargo foi ocupado interinamente nos primeiros dias de janeiro pelo esportista Hélio Escudero. O primeiro nome anunciado pelo atual prefeito, Cleber Abade, não pode assumir a função. Zanetti assumiu nesta quinta-feira (24-01-2013) e com muitos desafios. No

futebol, por exemplo, modalidade que o novo mandatário conhece bem, o programa de governo do prefeito eleito prevê, entre outras coisas, a conclusão do estádio municipal Palmiro Petrocelli, a construção de um novo estádio na região do Carlos Cassucci, a recuperação dos estádios do Vale do Redentor, Grêmio Municipal e Domingos de Silos, além de melhorias em todos os estádios rurais que estão em situa-

ção precária. Prevê ainda a organização de campeonatos para todas as faixas etárias, colocação em atividade das escolinhas para todas as modalidades esportivas, reforma de quadras já existentes e construção de novas quadras nos bairros, apoio a entidades como a LRF, LRFS e Arrufa, entre outras propostas que fazem parte do programa de governo do prefeito João Santurbano.

Luis Fernando Cândido Mogica (Pingo), durante encontro esportivo realizado em São Paulo

TAÇA DEC LIGA 2013

Corintinha e União FutSal goleiam O campeonato Taça Dec Liga 2013 registrou, na terça-feira, dia 22, mais dois jogos e ambos terminaram com vitórias dos times de Mococa sobre o Escritório São Lucas. No primeiro jogo o Corintinha/Mococa derrotou o Escritório São Lucas - B por 5x1, gols de Láercio (2), Marcelo, Everton e Xandinho para o Corintinha e Luis Gabriel para o São Lucas B. No segundo o União Futsal/Mococa superou o Escritório São Lucas -A por 9x1, gols de Agnaldo (2), Diego Fobal (2), Julio Cesar (2), Christian, Wellington e Rafael para o União e Paulo Renato para o São Lucas A. Os próximos jogos estavam previstos para esta sexta-feira, 25, às 19:30 (Escritório São Lucas - A

e Dme/S.S. Grama) e às 20 horas (Rio Pardo Embalagens e União Futsal/ Mococa). Rodada do dia 21 Com vitórias do DME Grama e Ponte Preta Carlos Edgard A e empate entre Corintinha e Rioplastic, prosseguiu na noite de segunda-feira, 21, a Taça Dec Liga 2013. No primeiro jogo, o DME Grama venceu o Paulista Construmax por 3x0, gols

de Daniel (2) e Guilherme. No segundo jogo houve empate em 4x4 entre Corintinha (Mococa) e Rioplastic, gols de Marcelo (3) e Alex para o Corintinha e Douglas (2), João Bosco e Bil para a Rioplastic. E no terceiro, vitória da Ponte Preta Carlos Edgard A sobre o Rio Pardo Embalagens por 2x1, gols de Marquinho Faria (2) para a Ponte Preta e Dante para o Rio Pardo Embalagens.

PRÓXIMOS JOGOS-25/01/2013 19:30 - Escritório São Lucas (A) X Dme/S.S. Grama; 20:00 - Rio Pardo Embalagens X União Futsal/Mococa; 28/01/2013 19:30 - Ponte Preta/Carlos e Edgar (B) X Rioplastic; 20:00 - União Futsal/Mococa X Dme/S.S. Grama; 20:30 - Paulista FC/Construmax X Rio Pardo Embalagens; 29/01/2013 19:30 - Ponte Preta/Carlos E Edgar (A) X Escritório São Lucas (A); 20:30 - Corinthinha/Mococa X Paulista FC;

José Carlos Zanetti assumiu a presidência do DEC

LRF

Dec faz reunião sobre Veterano e Domingão O Dec (Departamento de Esportes e Cultura), agora sob a presidência de José Carlos Zanetti, está anunciando para terça-feira, 29 de janeiro, às 19 horas, no Tartarugão, a primeira reunião da autarquia com os clubes interessados nas disputas dos

Campeonatos Domingão e Veterano 35, relativos a 2013. Estes certames, como se sabe, sempre foram organizados pela LRF mas agora ficarão por conta do Dec. Quando ainda estava interinamente como presidente do Dec, Hélio Escu-

dero anunciou que “os atletas que participaram da Taça São José 2ª Divisão não poderão jogar o Domingão, e como não houve a 1ª divisão em 2012, quem disputar o campeonato Domingão não poderá jogar a Taça São José deste ano”.

Mário Ruy, Hélio Escudero e José Carlos Zanetti

Rio Pardo Embalagens perdeu para o Carlos & Edgar por 2 a1

Uniâo Futsal goleou o Escritório São Lucas


26 de janeiro de 2013 - A-15

ATLETISMO

CONCURSO DE CLUBES

79 times inscritos, Equipe Papai Léguas faz bonito em Araras número superior a 2012 O Concurso de Clubes do Programa Boletim Esportivo, versão 2013, já tem 43 equipes garantidas nas categorias aspirantes e titulares, além de 36 na modalidade de mistos, totalizando 79 agremiações. São José do Rio Pardo tem a maioria dos inscritos, sendo 20 na mista e 18 nas demais, perfazendo 38 equipes. São Sebastião da Grama inscreveu 10 equipes: quatro na mista e seis nas demais. Caconde garantiu nove: duas equipes mistas e sete equipes no geral. Divinolândia tem cinco inscritos: uma na mista e quatro no geral. Mococa inscreveu três equipes: uma na mista e duas no geral. Itobi participa com cinco agremiações: três mistas e duas gerais. Tapiratiba está com sete equipes: cinco mistas e duas gerais. Casa Branca inscreveu duas na geral. As inscrições, como já foi

mencionado em outras edições, estarão sendo feitas neste domingo. Além das premiações às melhores equipes por etapas bimestrais e gerais no final do ano, os inscritos no Concurso estarão concorrendo neste ano a mais três uniformes completos, que serão sorteados a cada quatro meses (desde que mandem as escalações dos seus times juntamente com os resultados). Ou seja, os sorteios serão em abril, agosto e dezembro pelo site www.boletimesportivo.com Na semana que vem as equipes serão novamente numeradas e os números estarão sendo acumulados para o sorteio do final de abril. As mesmas equipes também ganharão números para concorrer a mais quatro uniformes que a RPSilk sorteará no Programa Boletim Esportivo da Rádio Difusora AM. As inscrições estão sendo feitas pelo site e também na Rádio Difusora AM.

OS TIMES JÁ INSCRITOS E OS RESPECTIVOS NÚMEROS SÃO: 1-Atlético Riopardense, 2-CATapiratibense, 3-Vet. Sitio Novo, 4-Moveis Alvorada , 5-Veterano da Santa Lúcia, 6-Paulista do Maria Boaro, 7-Misto do Brasão, 8-União São José, 9-Misto do Dal Bon, 10-Carlos e Edgard, 11-Vet. Bonsucesso, 12-Beira Bar, 13-Misto do Botafogo, 14-Supermercado Ideal, 15-Amigos do Zetão, 16-Fábrica (Tapiratiba), 17-Vet. Vila Mariana (Mococa), 18-Boca Juniors (Tapiratiba), 19-Santa Amélia, 20-Flamenguinho, 21-Santa Lúcia, 22-Serrinha, 23Taquara Branca, 24-Brasão, 25-Zamigão, 26-Cooffe The Morning, 27-Sitio Novo, 28-Rio Doce (Itobi), 29Sport (Tapiratiba), 30-Vet. Sport (Tapiratiba), 31-Pirapitinga, 32-Juventude (Caconde), 33-Cacondense, 34União Gramense, 35-Nacional (Mococa), 36-São Francisco (Grama), 37-Barreiro (Divinolândia), 38-Gremio Nestlé, 39-Dal Bon FC, 40-Vila Gomes, 41-Grêmio DAE, 42-Água Fria, 43-Princesa, 44-Laranjal, 45Chaveiro Melo, 46-Bocainas, 47-Vila Real, 48-União (Caconde), 49-São Paulo, 50-Clube dos Treze, 51Moreira (Grama), 52-Fura Olho, 53-Misto Ponte Preta, 54-Ponte Preta, 55-São Caetano (Grama), 56-Boa Esperança, 57-Misto Boa Esperança, 58-Ico Cereais, 59-Juventus Vila Verde, 60-Bonde do Juventus, 61Vet. Crei, 62-Misto do Crei, 63-Santa Luzia do Galego, 64-Botafogo FC, 65-Descanso, 66-Vila Maria 67Misto Ataíde, 68-SCAtaíde, 69-Misto Paraná (Grama), 70-Sete de Setembro (Caconde), 71-Escritório São Lucas, 72-Santa Monica (Grama), 73-Lagoa Branca, 74-Gremio Beira Rio (Divinolândia), 75-Unidos da Vila, 76-Casabranquense, 77-São José (Caconde), 78-Primos da Nestlé, 79-Frango da Vila

No último domingo, 20, a Equipe Papai Léguas esteve presente na 3ª Corrida de Rua Sayão Futebol Clube da Cidade de Araras, em comemoração aos 50 anos do clube, evento que contou com 350 atletas de todo estado de São Paulo. Mais uma vez a equipe rio-pardense foi muito bem na prova: venceu os cinco quilômetros com Robson Alvarenga e ficou com a segunda colocação, com Filipe Scaramelli.

Na prova dos 10 quilômetros, Luis Pereira ficou com a 4ª colocação no geral e em 1º lugar na sua categoria, mais uma vez. A prova, organizada pela empresa Runner Brasil, de São Paulo, começou às 8h30, em percurso pelas ruas de Araras. A equipe rio-pardense agradece o apoio das seguintes firmas: Posto R-3, Arcadia Materiais p/ Construção, Lanchonete Bafafa e José Orlando Veículos.

14ª Taça Internacional de Futebol do Interior Paulista Realizada de 11 a 19 de janeiro, nas categorias sub 12, 14, 16 e 18 masculino, a 14ª Taça Internacional de Futebol do Interior Paulista foi organizada pela Rick Eventos. O destaque ficou por conta da categoria sub 12, na qual quatro garotos riopardenses disputaram pelo CSU/Durval/Estrelinha de Jesus, de São João da Boa Vista, e terminaram a competição com o honro-

so terceiro lugar. Os quatro são: Paulo Celso Balestra Junior, Marco Antônio Marsulo Junior, João Guilherme Dornelas e Gustavo de Freitas Moreira. Vinte (20) equipes nacionais e internacionais participaram desta categoria sub 12. Os jogos foram realizados nas cidades de São João da Boa Vista, Vargem Grande do Sul, Aguaí, São Sebastião da Grama e Divinolândia.

RESULTADOS: 1ª FASE: 12/01 - ADC/Alcoa/Poços de Caldas/MG 1 x 3 CSU/Durval/Estrelinha de Jesus/SP; 13/01 - PM/Aguai/SP 0 x 5 CSU/Durval/Estrelinha de Jesus/SP; 14/01 - Palmeiras FC/SJBVista/SP 2 x 2 CSU/Durval/ Estrelinha de Jesus/SP; OITAVAS DE FINAL 16/01 - Esc.Of. do Santos/Um.Manaus/AM 3 x 4 CSU/ Durval/Estrelinha de Jesus/SP; QUARTAS DE FINAL 17/01 - Estrellas Del Futbol/Paraguai 2 x 3 CSU/Durval/ Estrelinha de Jesus/SP; SEMIFINAL 18/01 - Porto/São José dos Campos/SP 0 x 0 CSU/Durval/ Estrelinha de Jesus/SP; DECISÃO NOS PÊNALTIS Porto/SJC/SP 4 x 2 CSU/Durval/Estrelinha de Jesus/SP; 19/01 - DISPUTA DE 3° E 4° LUGAR Palmeiras FC/SJBVista/SP 1 x 1 CSU/Durval/Estrelinha de Jesus/SP; Decisão nos pênaltis: Palmeiras FC/SP 4 x 5 CSU/Durval/Estrelinha de Jesus/SP; Campeão: Seleccion Paraguay/Paraguai; Vice-campeão: Porto/São José dos Campos/SP; 3° lugar: CSU/Durval/Estrelinha de Jesus/SJBoa Vista/SP;

Filipi Scaramelli ficou em segundo lugar

MTB

Ricardo Parizzoto fica em 6º na VII Copa Regional de MTB Na sua primeira competição do ano, o atleta de MTB, Ricardo Parizzoto Sabino, participou no último domingo, dia 20, da VII Copa Regional de MTB ,que aconteceu no Centro de Lazer Luis Picollo, em Santa Cruz das Palmeiras.

A prova ocorreu em estilo maratona e foi dividida em categorias: Cicloturismo, Infanto e Juvenil (25 km) e Circuito Pró - 50 km. Ricardo competiu na categoria sub 30, em circuito pró, e obteve o sexto lugar.

A COMPANHIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - COMDERP. Portaria nº 002/2013 do Diretor Presidente da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo de 04/01/2013. Que nomeia Henry Gabriel Soares Machado João como Fiscal para controle de horas normais e extras dos empregados e das horas normais e extras trabalhadas pelas máquinas da empresa, bem como para acompanhar os contratos celebrados entre a Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo e a municipalidade. O Diretor Presidente da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, expede a seguinte portaria:

Art. 1º – Nomeia o funcionário Henry Gabriel Soares Machado João como Fiscal para controle de horas normais e extras dos empregados e das horas normais e extras trabalhadas pelas máquinas da empresa, bem como para acompanhar os contratos celebrados entre a Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo - COMDERP no exercício de 2013. Art. 2º - Esta Portaria entra em vigência na presente data. São José do Rio Pardo, 04 de janeiro de 2013. JOSÉ IBRAHIM CURY Diretor Presidente.

FUTSAL

LRFS convoca os clubes para o Conselho Arbitral A diretoria da Liga Riopardense de Futsal está convidando as cidades interessadas em participar de vários campeonatos sub 07, sub 09, sub 11, sub 13, sub 15, sub 17, sub 18, sub 21 (fem. e masc.), preparação para a Taça EPTV e feminino livre - a enviarem representantes ao Conselho Arbitral. A reunião do Conselho Arbitral será realizada no dia 18 de fevereiro, segundafeira, às 15h, na Câmara Municipal, situada na Praça dos Três Poderes n 02 – centro, em São José do

Rio Pardo/SP. Da ordem do dia constarão: Confirmação de a participação nos certames, pagamento da taxa de inscrição, sorteio para as chaves e data de início dos campeonatos. As cidades interessadas em participar da reunião deverão enviar fax para a Liga. Para maiores informações os interessados devem telefonar para a sede da Liga: (019) 3608.1267, 9707.0361, 9330.3598, 8335.7621, das 13h às 17h ou através do site www.ligariopardensedefutsal.com.br

EXTRATOS DE CONTATOS FORMALIZADOS COM A COMPANHIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO – COMDERP. Gustavo de Freitas Moreira, Paulo Celso Balestra Jr., João Guilherme Dornelas e Marco Antonio Marsulo Jr. (esquerda para a direita)

EXERCÍCIO 2013. Contrato nº 001/2013 Contratante: Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Objeto: locação de horas de máquinas de uma carregadeira Fiat Allis Modelo FR 10, Carterpillar 966 e uma motoniveladora Patrol B 120, estimando-se 176 horas mês de cada, para prestação de serviços diversos à municipalidade. Data Início: 08/01/2013 – Termo: 31/05/2013. Valor mensal: R$ 67.408,00. Valor total: R$ 337.040,00. Contrato nº 002/2013 Contratante: Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Objeto: prestação de serviço de mão de obra diversas a esta municipalidade. Data Início: 08/01/2013 – Termo: 31/07/2013. Valor mensal: R$ 47.723,89. Valor total: R$ 334.067,23. São José do Rio Pardo, 25 de janeiro de 2013.

Hélio Escudero entrega para Paulo Alberto Giacomini Procópio Machado (Bebê), uma rede de vôlei, destinada à comunidade do bairro Domingos de Silos

José Ibrahim Cury. Diretor Presidente.


26 de Janeiro de 2013 - A-16

Leilão de veículos trouxe pessoas de longe Havia compradores de Orizona (GO), Ribeirão, Sumaré, Campinas, Jaú, Botelhos, etc

REPORTAGEM

Foi realizado terça-feira, 22, no Asilo Padre Euclides, na Vila Pereira, um leilão de veículos determinado pela 96ª Ciretran de São José do Rio Pardo e 272ª Ciretran de Tapiratiba, com um total de 342 lotes de veículos. Desses, apenas oito (8) lotes de carros e mais 30 de motocicletas estavam em condições de sair com a documentação em ordem. O leiloeiro foi Francisco Donizetti Tripoloni, da empresa Tripoloni Leilões, de Limeira. Cerca de 100 pessoas estiveram presentes, quase todas proprietárias de ferro-velho ou empresas que trabalham com peças automotivas. Um projetor foi usa-

do pela equipe do leiloeiro para exibir cada veículo que seria leiloado . Havia gente de Limeira, Monte Santo de Minas, Araras, Tapiratiba, Botelhos, Sumaré, Ribeirão Preto, Campestre, Jaú, Paulínia, Nova Resende, Campinas, Caconde, Andradas, Leme, Orizona (GO) e São José do Rio Pardo. A delegada Márcia Serpa, de São José, também esteve presente no leilão, iniciado às 11h20. Pelas regras do leilão, cada comprador de algum lote é obrigado a pagar 5% do valor final ao leiloeiro e isso em 48 horas após o leilão. Caso desista, ainda assim terá que pagar 25% do valor

Os carros postos em leilão eram projetados, um a um, na parede onde aconteceu o evento

do veículo leiloado, a título de multa, e mais os 5% do leiloeiro. Os veículos eram oferecidos no estado em que se encontravam nos pátios das duas Ciretrans. O primeiro carro apresentado pelo projetor, dentre os aptos a rodar com documento, foi uma picape Ford Courrier 2004, oferecida pelo leiloeiro pelo valor de R$ 8 mil, mas ninguém se interessou. O segundo foi um Gol 1.0 modelo Bola, ano 2004/5, arrematado por R$ 9 mil. Depois vieram: um Celta 2011/12 preto, vendido por R$ 13,5 mil; um Fox preto, ano 2004/5 vendido por R$ 10 mil; um Fiesta 2011/12 preto por R$ 13,5 mil, etc. Francisco Tripoloni disse ao jornal que, pelo volume de veículos e sucatas postos à venda naquele dia, o leilão de São José do Rio Pardo não terminaria antes das 15 horas. Logo após a primeira etapa de carros e motos, foram leiloados os veículos considerados sucatas, que provavelmente interessavam à maioria dos participantes do leilão, para serem usados como repositores de peças.

Gente de vários municípios, próximos e distantes, estavam no leilão realizado no dia 22

Equipamentos serão instalados na ETA do Distrito Industrial FOTOS GILMAR ISHIKAWA

A E s t a ç ã o d e Tra t a mento de Esgotos do Distrito Industrial está parada há vários meses. Desde então, os resíduos são lançados in natura no Córrego dos Patos – situação que, anos atrás, trouxe problemas judiciais para a Prefeitura. De acordo com funcionários do Departamento de Água e Esgotos (DAE), os equipamentos de aeração da ETE quebraram e – na gestão anterior – não houve providências para que o sistema voltasse a funcionar. O prefeito João Santurbano foi informado sobre o problema e já determinou que a situação seja normalizada. Segundo explicou, no ano passado a Prefeitura comprou novos motores para a ETA, entretanto, deixou de pagar e por isso não pode colocar as máquinas em funcionamento. “Pelo que vimos, a situação ali já dura há muito tempo, tanto que em um dos tanques já nasceu até mato. Vamos retomar o sistema, e fazêlo funcionar de forma adequada”, garantiu o prefeito. Segundo a direção do DAE, na próxima semana os equipamentos serão instalados para a retomada do tratamento de esgotos na unidade.

ETA do Distrito Industrial ficou abandonada e mato tomou conta

Painel de equipamentos está sucateado

Motores do sistema de aeração estão quebrados há meses


26 de janeiro de 2013 - A-17

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO


A-18 -26 de janeiro de 2013

26 de janeiro de 2013 - A-19

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO


26 de janeiro de 2013 - A-19 EDITAL DE CONVOCAÇÃO A Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo, convoca o candidato abaixo classificado no Concurso Público nº 01/2012, de MERENDEIRA para comparecer de 28 de janeiro a 01 de fevereiro de 2013, das 12 às 17:00 horas, no Departamento de Recursos Humanos, à Praça dos Três Poderes, 1, centro, munidos de documentos, para receber a instruções a respeito de sua admissão

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO

MERENDEIRA Classificação

Nome do Candidato

12º Adriana Pereira dos Santos Se o candidato não comparecer até o dia 01 de fevereiro de 2013, será considerado desistente e sua vaga oferecida ao candidato subseqüente na ordem de classificação, em futuras convocações. São José do Rio Pardo, 25 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano-Prefeito Municipal EDITAL DE CONVOCAÇÃO A Secretaria Municipal da Educação convoca os professores classificados no Processo Seletivo nº 001/2012, para contratação temporária, em caráter excepcional Dia: 31/01/2013 Local: Secretaria Municipal da Educação, Avenida dos Lírios, 400 – Centro. HORÁRIO 08h00 EDUCAÇAO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL – CICLO I

- Nº 56 ao Nº. 75

HORÁRIO 10h00 MATEMÁTICA- CICLO II Nº 01 ao Nº. 09 LÍNGUA PORTUGUESA – CICLO II Nº 03 ao Nº. 12 CIÊNCIAS – CICLO II Nº. 04 ao N º 06 HISTÓRIA – CICLO II Nº. 03 ao Nº. 06 GEOGRAFIA – CICLO II Nº. 04 e do Nº. 01 ao Nº. 03 Os candidatos deverão apresentar-se munidos dos seguintes documentos: - Cópia do RG; - Cópia do CPF; -Cópia do título eleitoral; - Cópia da certidão de escolaridade exigida para o cargo. São José do Rio Pardo, 24 de janeiro de 2013. Silvia Masini Jiupato-Secretária Municipal da Educação COMUNICADO A Secretaria Municipal da Educação informa aos Professores Auxiliares de Educação Básica (Educação Infantil e Ensino Fundamental Ciclo I) e Professores Auxiliares de Educação Especial que a atribuição de classes será dia 30 de Janeiro de 2013, às 08h00, na Secretaria Municipal de Educação localizada à Avenida dos Lírios, nº. 400, Centro. São José do Rio Pardo, 23 de janeiro de 2013. Silvia Masini Jiupato. Secretária Municipal da Educação LEI Nº 4.016, DE 25 DE JANEIRO DE 2013. (Autoria: Mesa da Câmara Municipal de São José do Rio Pardo). Dispõe sobre a correção do valor do Ticket Alimentação dos servidores da Câmara Municipal de São José do Rio Pardo.O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO, ESTADO DE SÃO PAULO.Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte lei: Art. 1º Fica corrigido o valor do Ticket Alimentação mensal de R$ 311,00 (trezentos e onze reais) para R$ 339,00 (trezentos e trinta e nove reais), para vigorar a partir da competência de janeiro de 2013. Art. 2º Mencionada correção atende ao disposto no art. 68, § 1º, da Lei nº 2.712/04. Art. 3º Esta lei entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 25 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO A Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo, convoca os candidatos abaixo classificados no Concurso Público nº 01/2010, de PROFESSORES para comparecerem de 28 de janeiro a 01 de fevereiro de 2013, das 12 às 17:00 horas, no Departamento de Recursos Humanos, à Praça dos Três Poderes, 1, centro, munidos de documentos, para receber a instruções a respeito de sua admissão

Class. 41° 42° 43° 44° 45° 46° 47° 48° 49° 50° 51° 52° 53° 54° 55° 56° 57° 58° 59° 60° 61° 62° 63° 64° 65° 66° 67° 68° 69° 70°

Nota 73,90 73,80 73,80 73,60 73,40 73,30 73,20 72,90 72,50 72,40 72,30 72,00 71,80 71,80 71,60 71,20 71,10 71,00 70,80 70,80 70,20 69,60 69,10 69,00 68,90 68,60 68,40 68,00 67,60 67,20

PROFESSOR DE ED. INFANTIL COM CURSO SUPERIOR Nome Inscricão P.Obj. Dissert. KATIA LUZIA FERREIRA GOMES DE ALENCAR 000000672 39,60 26,00 HIRILENA GOMES DE OLIVEIRA 000000729 40,80 33,00 MARCELA NAVARRO ZONARO ANEQUINI 000000015 44,4 29,00 MARCELA SABINO DE LIMA 000000641 33,60 40,00 MARLENE BASILIA CREMASCO 000000019 37,20 35,00 BRUNA MAFALDA GERALDO 000000771 39,60 29,00 ANA PAULA ROTTA FERREIRA 000000750 37,2 36,00 ZELIA APARECIDA ZANITTI MOREIRA 000000042 32,40 37,00 LUCIANA S DE FARIA SAFARIZ 000000032 42,00 30,00 LILIAN CANALI GRADIN 000000046 40,80 27,00 CRISTIANE CLEMENTINO DE OLIVEIRA 000000024 40,80 28,00 PATRICIA ELENA MARTINI MARGADONA 000000025 42,00 26,00 MAGDA ALVES PENTEADO 000000029 39,60 29,00 PATRICIA ANGELINI BREDA 000000040 40,80 31,00 ANA LUISA ATHENESI MOREIRA 000000985 37,20 31,00 LILIAN DO PRADO DAMACENO 000000907 31,20 37,00 CLAUDIA MEIRELLES IGNACIO TINTI 000000004 42,00 29,00 MAGALI DONIZETE DE SOUSA 000000974 42,00 29,00 ANDREA MARIA DE SIQUEIRA JUNQUEIRA 000000057 38,40 30,00 FLAVIA MOLINA RIBEIRO 000000017 40,80 30,00 MARA APARECIDA PEIXOTO PIMENTEL 000000053 39,60 26,00 CRISLAINE LUCILA F. DASILVA BERNARDI 000000003 39,60 30,00 LUIZA AUGUSTA DE JESUS BOTEZELLI 000000045 39,60 25,00 VERA LUCIA ALVES MANZONI 000000035 33,60 35,00 LEILA P.A NASCIMENTO MOREIRA SILVA 000000054 39,60 26,00 LETICIA RODRIGUES DA SILVA 000000016 39,60 29,00 KARINA MOLINA GENOVEZ FROZONI 000000012 37,20 31,00 LUCIANA CRISTINA EDUARDO 000000712 39,60 28,00 ALESSANDRA NORONHA SILVA GAINO 000000810 39,60 28,00 KELLY DOS REIS CHAGAS 000000773 33,60 32,00

Titulo 8,3000 0,0000 0,4000 0,0000 1,2000 4,7000 0,0000 3,5000 0,5000 4,6000 3,5000 4,0000 3,2000 0,0000 3,4000 3,0000 0,1000 0,0000 2,4000 0,0000 4,6000 0,0000 4,5000 0,4000 3,3000 0,0000 0,2000 0,4000 0,0000 1,6000

PROF. DE ENS.FUNDAMENTAL (1ª A 4ª SÉRIES) C/ CURSO SUPERIOR Class. Nota Nome Inscricão P.Obj. Dissert. Titulo 18° 83,00 ARIANE DA SILVA SCHIAVON 000000664 39,60 39,00 4,4000 19° 82,70 APARECIDA FRANCISCA DE OLIVEIRA 000000069 39,60 39,00 4,1000 20° 82,10 LUCIANA LOPES GALLEGO 000000083 40,80 37,00 4,3000 21° 81,40 SILMARA DE FATIMA DEL PINTOR 000000098 39,60 37,00 4,8000 Se o candidato não comparecer até o dia 01 de fevereiro de 2013 , será considerado desistente e sua vaga oferecida ao candidato subseqüente na ordem de classificação, em futuras convocações. São José do Rio Pardo, 25 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano-Prefeito Municipal CONVOCAÇÃO DE TREINAMENTOA Prefeitura do Município de São José do Rio Pardo está implantando os sistemas de Gestão Eletrônica do ISSQN (Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza) e NFS-e (Nota Fiscal de Serviço Eletrônica), através do programa informatizado SIMPLISS.O Sistema de Gestão eletrônica do ISSQN. deverá ser utilizado obrigatoriamente pelas empresas do Município, prestadores e tomadores de serviços, a partir da competência de janeiro de 2013, com pagamento previsto em 15 de fevereiro de 2013. Visando preparar os profissionais da área, para a utilização do Sistema, estaremos promovendo a apresentação e treinamento para a utilização dos sistemas, no dia 29 de janeiro de 2013 (terça-feira), das 9 às 12 horas, na Biblioteca Municipal, localizada na Praça Vicente Dias, nº 33 – centro. Salientamos que a sua participação e de seus funcionários, que trabalham nesta área, é de fundamental importância. São José do Rio Pardo, 23 de janeiro de 2013. Departamento de Auditoria Fiscal. COMUNICADO A PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - ATERRO EM VALAS torna público que requereu na CETESB a Licença Prévia para Aterro sanitário à Rodovia SP 350, KM 277, CELESTE, SÃO JOSÉ DO RIO PARDO. EDITAL Nº 001/2012 AVISO DE PRORROGAÇÃO DAS INSCRIÇÕES - CMS A Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo torna pública a PRORROGAÇÃO DAS INSCRIÇÕES para o procedimento de reestruturação do Conselho Municipal de Saúde de São José do Rio Pardo. As entidades, associações e movimentos sociais interessados e atuantes neste Município, nos termos do que dispõe o Edital nº 01/2012 publicado na data de 22/12/2012, deverão comparecer ao Setor de Protocolo, sito à Praça dos Três Poderes, 01 – centro – São José do Rio Pardo, para protocolo da documentação pertinente. As inscrições ficam prorrogadas até o dia 22 de fevereiro de 2013. São José do Rio Pardo, 25 de janeiro de 2013. Marcelo Luiz Galotti Pereira, Secretário Municipal de Saúde e Medicina Preventiva. EDITAL DE CONVOCAÇÃO A Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo, convoca o candidato abaixo classificado no Concurso Público nº 02/2012, de ASSISTENTE SOCIAL para comparecer de 28 de janeiro a 01 de fevereiro de 2013, das 12 às 17:00 horas, no Departamento de Recursos Humanos, à Praça dos Três Poderes, 1, centro, munidos de documentos, para receber a instruções a respeito de sua admissão Assistente Social Classificação

Nome do Candidato

2º Angelica Prado Se o candidato não comparecer até o dia 01 de fevereiro de 2013, será considerado desistente e sua vaga oferecida ao candidato subseqüente na ordem de classificação, em futuras convocações. São José do Rio Pardo, 25 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano-Prefeito Municipal

LEI Nº 4.017, DE 25 DE JANEIRO DE 2013 Altera os anexos I e II da Lei 2.633, de 6 de Junho de 2003, que dispõe sobre a criação e transformação de cargos na Administração Direta, reestrutura o Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos Servidores da Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo, institui nova tabela de vencimentos e dá outras providências. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO, ESTADO DE SÃO PAULO. Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte lei: Art. 1º - Ficam criadas 25 (vinte e cinco ) vagas para o cargo de Professor de Educação Infantil com Curso Superior (cód. 285), nível XXI e 1(uma) vaga de Professor Auxiliar de Educação Especial, (cód. 357), nível XXI, todos de provimento efetivo de carreira, do Quadro Geral de servidores da Prefeitura Municipal. Art.2º –Em face das alterações definidas nos artigos anteriores desta Lei, o Anexo I da Lei 2633, de 6 de Junho de 2003, com as alterações posteriores, passa a apresentar as seguintes informações, mantidas as demais:

LEI Nº 4.018, DE 25 DE JANEIRO DE 2013 Altera o art. 2º, da Lei n. 2.428, de 23 de Março de 2001 e suas modificações posteriores e dá outras providências. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO, ESTADO DE SÃO PAULO. Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º– O artigo 2º, da Lei nº 2.428, de 23 de março de 2001, com as modificações posteriores, passa a vigorar com a seguinte redação: “Art. 2º – Aos servidores públicos municipais ativos, inativos e pensionistas de todos os regimes previdenciários, da Administração Direta, DEC(Departamento de Esporte e Cultura), Faculdade de Filosofia, Ciência e Letras de São José do Rio Pardo, I.M.P.(Instituto Municipal de Previdência) e os empregados ativos da COMDERP, serão fornecidos mensalmente vales no valor total de 339,00(trezentos e trinta e nove reais ), distribuídos em uma única data.” Art. 2º - Esta lei entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 1º de Janeiro de 2013. São José do Rio Pardo, 25 de janeiro de 2013.João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. LEI Nº 4.019, DE 25 DE JANEIRO DE 2013. Autoriza ao Poder Executivo ceder a instituições financeiras públicas créditos decorrentes de compensações financeiras pela utilização de recursos hídricos para geração de energia elétrica e dá outras providências. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO, ESTADO DE SÃO PAULO. Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei: Art. 1º Fica o Poder Executivo autorizado a ceder a instituição financeira pública créditos de compensações financeiras a que o Município de São José do Rio Pardo tem direito pela utilização de recursos hídricos para a geração de energia elétrica, até o término do mandato do chefe do Poder Executivo. Art. 2º A compensação financeira sobre a utilização de recursos hídricos para a geração de energia elétrica, constitui-se como um direito que o Município de São José do Rio Pardo tem, conforme previsto no art. 20,§ 1º , da Constituição Federal, regulamentado pelas Leis n. 7.990, de 28 de dezembro de 1989 e Lei n. 8.001, de 13 de março de 1990, com alterações introduzidas pelas Leis n. 9433, de 08 de janeiro der 1997, 9.984, de 17 de julho de 2000, 9.993, de 24 de julho de 2000 e pelos Decretos n. 1, de 07 de fevereiro de 1991 e n. 3.739, de 31 de janeiro de 2001. Art. 3º A cessão de direitos creditórios a instituições financeiras públicas de que trata esta lei sujeitam-se as disposições da Lei Federal n. 8666, de 21 de junho de 1993. Art. 4º Os recursos oriundos da cessão de que trata esta lei serão destinados exclusivamente a despesas de capital e/ou pagamento extraordinário de dívidas junto a União e/ou capitalização do Regime Próprio de Previdência Social dos servidores do Município de São Jose do Rio Pardo, conforme o disposto no art. 44 da Lei Complementar n. 101, de 4 de maio de 2000 -Lei de Responsabilidade Fiscal. Art. 5º Esta lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. São José do Rio Pardo, 25 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. DECRETO Nº 4.258, DE 22 DE JANEIRO DE 2013 Dispõe sobre a alteração do Decreto 4.119/2012, incluindo os incisos I, II e III ao artigo 1º, § 4º, que regulamenta o acesso a informações no âmbito da Administração Pública Municipal direta, indireta e fundacional e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO, ESTADO DE SÃO PAULO, no uso de suas atribuições legais, DECRETA: Art. 1º - Ficam incluídos os incisos I, II e III ao § 4º, artigo 1º, do decreto nº 4.119 de 15 de maio de 2012, com a seguinte redação: § 4° - ... I – O valor a ser cobrado por cada cópia será de 0,17% da UFM – Unidade Fiscal do Município. II – A reprodução de documentos ocorrerá no prazo de 10 (dez) dias, contados da comprovação de pagamento pelo requerente ou da entrega de declaração de pobreza por ele firmada, ressalvadas as hipóteses justificadas em que, devido ao volume ou ao estado de conservação dos documentos, a reprodução demande prazo superior. III – A cobrança será efetuada quando o valor mínimo das despesas atingir a quantia de R$ 5,00 (cinco reais). Art. 2° - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 22 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicado por afixação em quadro próprio de editais, na sede da Prefeitura Municipal, nesta mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. DECRETO Nº 4.259, DE 23 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre a exoneração, a pedido, do Sr. HELIO ESCUDERO, do cargo de DIRETOR PRESIDENTE DO DEPARTAMENTO DE ESPORTES E CULTURA. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições: R E S O L V E: Art. 1º - Fica exonerado, a pedido, o Sr. HELIO ESCUDERO, do cargo de DIRETOR PRESIDENTE DO DEPARTAMENTO DE ESPORTES E CULTURA – DEC. Art. 2º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 23 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. DECRETO Nº 4.260, DE 24 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre a nomeação do Sr. JOSE CARLOS ZANETTI, no cargo de DIRETOR PRESIDENTE DO DEPARTAMENTO DE ESPORTES E CULTURA. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições: R E S O L V E: Art. 1º - Fica nomeado o Sr. JOSÉ CARLOS ZANETTI, no cargo de DIRETOR PRESIDENTE DO DEPARTAMENTO DE ESPORTES E CULTURA – DEC. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 24 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA Nº 11.144, DE 21 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre aposentadoria da servidora MARIA APARECIDA ALVES, do cargo de MERENDEIRA. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, em vista do deferimento, por parte do Instituto Municipal de Previdência de São José do Rio Pardo. R E S O L V E: Art. 1º - Aposentar a servidora MARIA APARECIDA ALVES, aposentadoria por invalidez integral, do cargo de MERENDEIRA, nível II, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 10 de janeiro de 2013. São José do Rio Pardo, 21 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública.


A-20 -26 de janeiro de 2013

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO PORTARIA N.º 11.145, DE 21 DE JANEIRO DE 2013 Dispõe sobre a nomeação do Sr. IVAIR BREDA, no cargo em comissão de ASSESSOR TÉCNICO. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, R E S O L V E: Art. 1º - Fica nomeado o Sr. IVAIR BREDA, no cargo em comissão de ASSESSOR TÉCNICO, nível XV, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 21 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA Nº 11.146, DE 21 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre aposentadoria da servidora MARIA JOSE CALSONI CAMARGO, do cargo de OFICIAL ADMINISTRATIVO. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, em vista do deferimento, por parte do Instituto Municipal de Previdência de São José do Rio Pardo. R E S O L V E: Art. 1º - Aposentar a servidora MARIA JOSE CALSONI CAMARGO, aposentadoria integral por tempo de contribuição, do cargo de OFICIAL ADMINISTRATIVO, nível VI, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 04 de janeiro de 2013. São José do Rio Pardo, 21 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.147, DE 22 DE JANEIRO DE 2013 Dispõe sobre a nomeação do servidor FERNANDO TRAVASSOS, no cargo em comissão de COORDENADOR DO DEPARTAMENTO DE ÁGUA E ESGOTO E ILUMINAÇÃO PÚBLICA. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, R E S O L V E: Art. 1º - Fica nomeado o servidor FERNANDO TRAVASSOS, no cargo em comissão de COORDENADOR DO DEPARTAMENTO DE ÁGUA E ESGOTO E ILUMINAÇÃO PÚBLICA, nível XXX, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 07 de janeiro de 2013. São José do Rio Pardo, 11 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.148, DE 22 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre a exoneração, a pedido, da servidora BRUNA BRAZ BOCAMINO, do cargo em comissão de SUPERVISOR DE APOIO GERAL.O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, R E S O L V E: Art. 1º - Fica exonerada, a pedido, a servidora BRUNA BRAZ BOCAMINO, do cargo em comissão de SUPERVISOR DE APOIO GERAL, nível I, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 22 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública PORTARIA N.º 11.149, DE 23 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre a nomeação da Sra BRUNA BRAZ BOCAMINO, para o cargo de ESCRITURÁRIO.O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 37, II da Constituição Federal e com o Art. 8º, I da Lei Municipal nº 2.712, de 16 de março de 2004, R E S O L V E: Art. 1º - Fica nomeada, através do Concurso Público nº 001/2012, a Sra BRUNA BRAZ BOCAMINO, para ocupar o cargo de ESCRITURÁRIO, nível III, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 23 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.150, DE 24 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre a designação de servidores para a função de Gestor e Responsável Técnico do convênio SH 1050/2009, firmado com a Secretaria de Economia e Planejamento do Estado de São Paulo. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições legais. R E S O L V E: Art. 1º – Designar os servidores ALCINO PISANI JÚNIOR, contador da Prefeitura, C.R.C. 1SP-236.724/0-8 e CRISTIANO ALEX BALDO BARELLA, engenheiro devidamente habilitado, da Prefeitura, CREA nº 50605538-75, para, respectivamente, exercerem as funções de GESTOR e RESPONSÁVEL TÉCNICO do convênio SH 1050/2009, firmado com a Secretaria de Economia e Planejamento do Estado de São Paulo Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 24 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano-Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria-Secretário Municipal de Gestão Pública PORTARIA N.º 11.151, DE 24 DE JANEIRO DE 2013. Altera Portaria nº 10.851, de 18 de junho de 2012, que dispõe sobre nomeação de Equipe Técnica da Vigilância Sanitária. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições. R E S O L V E: Art. 1º – Atendendo o disposto no artigo 96 inciso 3º da Lei 10.083, de 23/09/1998, Código Sanitário do Estado de São Paulo, ficam nomeados os profissionais da Equipe de Vigilância Sanitária, que conforme artigo 95 da referida Lei terão livre acesso a todos os locais sujeitos à Legislação Sanitária, a qualquer dia e hora, sendo as empresas, por seus dirigentes ou prepostos, obrigados a prestar os esclarecimentos necessários referentes ao desempenho de suas atribuições legais e a exibir, quando exigido, quaisquer documentos que digam respeito ao fiel cumprimento das normas de prevenção à saúde: 1 – Fernando Tavares Simas CPF 609.971.846-04 Cirurgião Dentista – Coordenador; 3 – Ricardo Magalhães Silva Passos CPF 054.103.358-13 Engenheiro Civil; 4 – Ana Aparecida Gonçalves CPF 107.884.038-50 Agente Sanitário; 5 – Dulce Maria Vital CPF 050.987.128-31 Agente Sanitário; 6 – Jacob Pereira da Silva CPF 719.694.97815 Agente Sanitário; 7 – Rebeca Garcia Felicissimo CPF 380.177.458-93 Fiscal Sanitário; 8 – Rosemeire Baptiston Calsone CPF 068.813.988-40 Fiscal Sanitário; 9 – Márcia Helena Costa e Silva CPF 261.253.208-04Farmacêutica; 10 – Joaquim Alcântara Ribeiro CPF 016.295.238-44 Engenheiro Civil Substituto Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 24 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano-Prefeito-Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria-Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.152, DE 24 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre a nomeação da Sra DUCLEIA APARECIDA GULMINI, para o cargo de ESCRITURÁRIO.O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 37, II da Constituição Federal e com o Art. 8º, I da Lei Municipal nº 2.712, de 16 de março de 2004, R E S O L V E: Art. 1º - Fica nomeada, através do Concurso Público nº 001/2012, a Sra DUCLEIA APARECIDA GULMINI, para ocupar o cargo de ESCRITURÁRIO, nível III, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 24 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito.Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria-Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.153, DE 24 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre a nomeação da Sra FLAVIA TRENTO RISSO, para o cargo de ESCRITURÁRIO. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 37, II da Constituição Federal e com o Art. 8º, I da Lei Municipal nº 2.712, de 16 de março de 2004, R E S O L V E: Art. 1º - Fica nomeada, através do Concurso Público nº 001/2012, a Sra FLAVIA TRENTO RISSO, para ocupar o cargo de ESCRITURÁRIO, nível III, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 24 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito.Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.154, DE 25 DE JANEIRO DE 2013.Dispõe sobre a exoneração da servidora ADRIANA DE LIMA, do cargo em comissão de CHEFE DE SEÇÃO DE PEDIATRIA.O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 37, II da Constituição Federal e com o Art. 8º, I da Lei Municipal nº 2.712, de 16 de março de 2004, R E S O L V E: Art. 1º - Fica exonerada a servidora ADRIANA DE LIMA, do cargo em comissão de CHEFE DE SEÇÃO DE PEDIATRIA, nível XII, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 25 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.155, DE 25 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre a nomeação da servidora DÉBORA CRISTINA DESTRO, no cargo em comissão de CHEFE DE SEÇÃO DE PEDIATRIA. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 37, II da Constituição Federal e com o Art. 8º, I da Lei Municipal nº 2.712, de 16 de março de 2004, R E S O L V E: Art. 1º - Fica nomeada a servidora DÉBORA CRISTINA DESTRO, no cargo em comissão de CHEFE DE SEÇÃO DE PEDIATRIA, nível XII, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 25 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.156, DE 25 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre a exoneração da servidora MARIA DO CARMO CARUZZO, do cargo em comissão de ASSESSOR DE GABINETE.O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 37, II da Constituição Federal e com o Art. 8º, I da Lei Municipal nº 2.712, de 16 de março de 2004, R E S O L V E: Art. 1º - Fica exonerada a servidora MARIA DO CARMO CARUZZO, do cargo em comissão de ASSESSOR DE GABINETE, nível VI, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 25 de janeiro de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. EQUIPE TÉCNICA DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA SÃO JOSÉ DO RIO PARDO Aprovação de Projeto – Deferido - Proc: 373/12 Diogo Baldo de Castro e Juliana Pinezi Rodrigues – Rua Benjamin Constant, 361 – Centro – Produtos Naturais – Chá. - Proc: 513/12 ASAP – Indústria Médica Ltda – Rua Ferrúcio Tolesi, 30 Santo Antônio – Indústria de Equipamentos e Produtos Médicos. - Proc: 559/12 Luís Eduardo Gervásio João – Av. Nove de Julho, 65 – Centro – Comércio Atacadista de Produtos Odontológicos. - Proc: 570/12 Maira Granado – Rua Benjamin Constant, 683 – Centro – Consultório Odontológico. - Proc: 571/12 Pedro Henrique Roque Tozini – Rua Campos Salles, 1456 – Centro – Consultório Médico. - Proc: 616/12 Ilka Ap. Ronci Galeazzo – Av. Dep. Eduardo Vicente Nasser, 738 – Centro – Consultório Odontológico. Licença de Funcionamento Inicial – Deferido- Proc: 161/12 Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo – Rua Coronel Alípio Dias, 693 – Centro – Farmácia Privativa. - Proc: 304/12 UNIMED São José do Rio Pardo – Rua Leoncio D’ Ávila Ribeiro, 11

– Vila Brasil – Atividade Médica Ambulatorial Restrita a Consulta. - Proc: 506/12 Maciel Ferraresi & Maciel Ltda – ME – Rua Prefeito Braulio de Menezes, 90 – Jardim Aeroporto – Controle de Pragas Urbanas. - Proc: 543/12 Guilherme Salotti Guardabaxo – ME – Av. Antonio Pereira Dias, 771 – Centro – Comércio Varejista de Bebibas. -Proc: 584/12 Francisco Luiz Graciola – ME – Av. Tenente Ismael de Souza Dias, 337 – Portal Buenos Aires – Lanchonete. - Proc: 605/12 Luis André Vieira da Silva – ME – Av. Brasil, 1001 Anexo 01 – Vila Brasil – Restaurante. - Proc: 627/12 Ari Boldrin Modesto 22144465835 – Rua Frederico Henrique Torres, 20 A – João de Oliveira Machado – Mercearia. - Proc: 664/12 Clínica Médica Mingorance & Tozini S/S – Rua Campos Salles, 1456 – Centro – Clínica Médica. - Proc: 683/12 BQS Distribuição, Importação e Exportação Ltda – EPP – Av. Nove de Julho, 65 – Centro – Comércio Atacadista de Produtos Odontológicos. Cadastro Estadual de Vigilância Sanitária –Deferido - Proc: 607/11 Prot. 619/12 M&G Comércio de Cosméticos Ltda – ME – Rua 13 de Maio, 643 Fundos – Centro – Comércio Atacadista de Cosméticos e Produtos de Perfumaria. - Proc: 310/12 Maria Eridete de Lima 91872510787 – Rua dos Paulistas, 338 Sala E – Santo Antônio – Outras Atividades de Tratamento de Beleza. Renovação da Licença de Funcionamento – Deferido - Proc: 1939/99 Prot. 688/12 Osmar Baptista de Oliveira & Cia Ltda – EPP – Rua Francisquinho Dias, 500 – Centro – Drogaria. Proc: 1017/00 Prot. 625/12 Affonso Orlandi & Filho Ltda – EPP – Rua Francisquinho Dias, 674 – Centro – Óptica. - Proc: 158/01 Prot. 476/12 Tales Ferreira Galatte – Rua Augusto Rossi, 43 – Vila Formosa – Consultório Odontológico com RX. - Proc: 261/02 Prot. 598/12 Francisco Carlos do Prado & Cia Ltda – ME – Rua 13 de Maio, 415 – Centro – Óptica. - Proc: 338/02 Prot. 594/12 Florence Marin Ortega S/C Ltda – Rua Benjamin Constant, 228 – Centro – Clínica Médica. - Proc: 418/03 Prot. 614/12 Adriano Calsone – Rua Coronel Marçal, 492 – Centro – Consultório Odontológico com RX. -Proc: 294/05 Prot. 356/12 UNIMED São José do Rio Pardo – Rua Silva Jardim, 260 – Centro – UTI Móvel.- Proc: 560/10 Prot. 637/12 UNIMED São José do Rio Pardo – Rua Campos Salles, 491 – Centro – Sala de Imunização. - Proc: 59/11 Prot. 289/12 Clínica Médica Imagin-o Ltda – Av. Comendador Luis Gonçalves Junior, 36 – Vila Formosa – Clínica Ginecológica. - Proc: 334/11 Prot. 407/12 Mateus da Cunha Bernardi – Rua Abdiel Cavalcanti Braga, 22 – Centro – Atividade de Fisioterapia. - Proc: 473/11 Prot. 541/12 Clínica Médica J. R. Merli Ltda – Rua Coronel Alípio Dias, 705 – Centro – Clínica Médica. - Proc: 672/11 Prot. 658/12 Hidrata Pharma Ltda – EPP – Av. Dep. Eduardo Vicente Nasser, 700 – Centro – Drogaria. Licença de Funcionamento Inicial - Fusão – Deferido - Proc: 633/11 Prot. 626/12 Raia Drogasil S/A – Filial 407 – Praça Barão do Rio Branco, 72 – Centro – Drogaria. Cancelamento da Licença de Funcionamento/ Desativação do CEVS – Deferido - Proc: 64/98 Ademir Candido Açougue – ME – Av. João Batista Junqueira, 139 – Centro – Açougue. - Proc: 291/05 Leila Mansano Roque – Rua Coronel Alípio Dias, 480 – Centro – Atividade de Psicologia e Psicanálise. - Proc: 408/06 Deusalena Borges Pizani – ME - Praça dos Três Poderes, 44 – Centro – Manicure e outros serviços de tratamento de beleza. - Proc: 458/07 Marcelo Luiz Galotti Pereira – Av. Independência, 332 – Centro – Clínica Médica. - Proc: 468/08 Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo – Rua Campos Salles, 209 – Centro – Farmácia Municipal. - Proc: 41/09 Sorvetes e Mousses Dubaldo Ltda – EPP – Av. Comendador Dr.Luiz Gonçalves Junior, 239 – Vila Formosa – Fabricação de sorvetes e outros gelados comestíveis. A Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo torna público: Dispensa de Licitação 18-2013 Em despacho consubstanciado, o Sr. Secretario Municipal de Gestão Pública RATIFICOU dispensa de licitação para Locação de um imóvel localizado na Rua Antonio Bello, nº64, destinado a abrigar a família da Sra Idalva Rosa da Cruz Cândido, no valor de R$ 367,00 (trezentos e sessenta e sete reais) mensal, até 25 de julho de 2013, em favor da Sra. Iracelles Dias Manetta, de acordo com a Lei Federal 8666/93 artigo 24 inciso X. Dispensa de Licitação 19/2013 Em despacho consubstanciado o Sr Secretario Municipal de Gestão Pública, RATIFICOU dispensa de licitação para contratação da empresa JB DIAS DE SOUZA MATERIAIS PARA CONSTRUÇÃO ME, para a Locação de 1 (uma) Máquina Modelo Pá Carregadeira Case W20, no valor por hora de R$ 80,00 (oitenta reais), 1 (uma) Máquina Retro Escavadeira Modelo MF96, no valor por hora de R$ 70,00 (setenta reais), 1 (um) caminhão com capacidade de carga de até 12 m³ no valor unitário de R$ 60,00 (setenta reais) e 1 (um) caminhão com capacidade de carga de até 06 m ³ no valor de R$ 50,00 (cinqüenta reais), com Operador e Veículo para transporte da mesma para os Locais de Trabalho, por um Período de até 30 (trinta) , (240 horas aproximadas por veículo, de responsabilidade da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente e Secretaria Municipal de Planejamento Obras e Serviços, destinado serviços diversos à esta municipalidade, por um período de 30 (trinta) dias, sendo valor estimado de R$ 62.400,00 (sessenta e dois mil e quatrocentos reais). De acordo com a Lei 8666/93 artigo 24. inciso IV. ERRATA Por um lapso, Dispensa de Licitação 01-2013 publicada neste mesmo veiculo de comunicação, em sua edição de 05 janeiro de 2013, apresentou erro de digitação: onde se Lê: até 31 de dezembro de 2013, o correto é ler: 30 de junho de 2013. Por um lapso, Dispensa de Licitação 12-2013, publicada neste mesmo veículo de comunicação, em sua edição de 05 de janeiro de 2013, apresentou erro de digitação: onde se Lê no valor de R$ 583,00, o correto é ler R$ 650,00(seiscentos e cinqüenta reais). Por um lapso, Dispensa de Licitação 14-2013, publicado neste mesmo veiculo de comunicação, em sua edição de 05 de janeiro de 2013 e 12 de janeiro de 2013, apresentou erro de digitação: onde se Lê: até 31 de março de 2013, o correto é ler: 30 de junho de 2013. Por um lapso, Dispensa de Licitação nº 15/2013, publicada neste mesmo veículo de comunicação, em sua edição de 12 janeiro de 2013, apresentou erro de digitação: onde se Lê COMDERP - COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO, o correto é ler COMDERP –COMPANHIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DE SÃO JOSE DO RIO PARDO Por um lapso, Dispensa de Licitação 16/2012, publicada neste mesmo veículo de comunicação, em sua edição de 12 de janeiro de 2013, apresentou erro de digitação: onde se lê Dispensa de Licitação 16/2012, o correto é ler Dispensa de Licitação 16/2013 e onde se Lê COMDERP – COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO, o correto é ler COMERP-COMPANHIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DE SÃO JOSE DO RIO PARDO.

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO


26 DE JANEIRO DE 2013 - Pág. A- 21

Fusca celebra passado de glória no Brasil DIVULGAÇÃO

FONTE: UOL CARROS

Foram 30 anos de produção, com 3.367.290 unidades fabricadas (dessas, apenas 130.655 não foram consumidas pelo mercado nacional, sendo exportadas) e infinitas histórias (Quer contar a sua? Use o campo de comentários no final da reportagem). Provavelmente o Volkswagen Sedã, depois Fusca, mereça o título de carro mais carismático já produzido no país, a ponto de ser figura fácil de ser encontrada nas ruas até hoje, 16 anos após o término da sua segunda fase de produção. E essa é a justificativa para que o Fusca tenha um dia só seu: neste dia 20 de janeiro é comemorado o Dia Nacional do Fusca. A instituição da data é polêmica, assim como a origem do carro. No mundo todo, o Dia Internacional do Volkswagen Beetle é comemorado em 22 de junho, marco da assinatura do contrato de produção inicial do modelo, em 1934. No Brasil, reza a lenda, o Sedan Clube decidiu instituir uma comemoração em 1988, escolhendo a data de 20 de novembro. Acontece que a logística falhou e apenas o material comemorativo ficou pronto a tempo: com adesivos e faixas com o logo “20”

preparados, a solução foi adiar o evento para outro dia 20, após as festas de fim de ano, em janeiro de 1989. Longo caminho Algumas linhas históricas creditam ao austríaco Ferdinand Porsche a criação do Volkswagen, a pedido do ditador Adolf Hitler. Outros defendem que o papel de Porsche tenha sido apenas formal, um mero assinador de contratos. O fato é que o modelo foi um compilado de invenções de diversos engenheiros e surgiu com a função de ser um carro de apelo popular na Alemanha. Daí o nome oficial do carro e, depois, da marca: Volkswagen, literalmente carro do povo, em alemão. Após um longo período de desenvolvimento, as primeiras unidades foram produzidas em 1938. A produção comercial do carro, entretanto, foi impedida pela 2ª Guerra Mundial, sendo efetivada apenas em 1946, após o término do conflito. E o Fusca? No Brasil, o carro chegou em 1950, sendo montado primeiramente em regime CKD (Completely Knock-Down, ou seja, nenhuma peça era produzida aqui) pela Brasmotor

(mesma empresa do grupo de eletrodomésticos Brastemp) e, depois, pela Volkswagen do Brasil, num galpão no bairro do Ipiranga, em São Paulo. Apenas em 1959 o carro passou a ser oficialmente produzido pela Volkswagen na fábrica de São Bernardo do Campo (SP). O nome do modelo era Volkswagen Sedan, mas a dificuldade em pronunciar a palavra alemã Volkswagen ou sua sigla alemã VW levaram a erros que geraram as palavras “fulque”, “fulca” e, logo, “fusca”. Popularizado, o nome acabou oficializado em 1983. O Brasil tinha um

nome único para o VW Sedan, algo comum em outros mercados — no México, o carro é chamado até os dias atuais de Vocho; nos países de língua inglesa, é “besouro” ou Beetle; Carocha em Portugal; Käfer na Alemanha. Três anos depois, em 1986, o projeto do Fusca seria encerrado, aos 27 anos de Brasil, por incompatibilidade com novos padrões de construção e segurança. A aposentadoria durou até 1993 quando, por sugestão do então presidente Itamar Franco, a Volkswagen voltou a fabricar o besouro. A volta

do Fusca durou até 1996, quando foi lançada a Série Ouro, uma edição especial de despedida do carro. A partir de então, o Fusca passaria a ser fabricado apenas pela Volkswagen do México — por lá, o Vocho perdurou até 2003, quando foi rendido pela nova geração do modelo. Retorno à origem Em 2011, um novo capítulo começou a ser escrito com a estreia da segunda geração do New Beetle, apresentado ao mundo durante do Salão de Frankfurt 2011. Como

seria estranho dobrar o “novo” do nome, a solução foi chamá-lo de Beetle do Século 21, ou Beetle 21st Century. Enquanto isso, o restante do mundo se prepara para receber a configuração conversível do Beetle, com corte retilíneo da carroceria (novamente se inspirando no Fusca cabrio original). O modelo que chega até o final da temporada foi adiantado pelo conceito E-Bugster, do italiano Walter de’Silva, que mostra também que o modelo pode ter uma futura propulsão híbrida ou elétrica. Longa vida ao besouro!


A-22 - 26 de janeiro de 2013

EDITAIS DE CASAMENTOS Belª. Rosa Helena Marin Foiadelli, Oficial de Registro Civil das Pessoas Naturais e de Interdições e Tutelas da Sede da Comarca de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo. Faço saber que pretendem se casar e apresentaram os documentos exigidos pelo artigo 1525 do Código Civil Brasileiro: EDITAL Nº 11056 - BRUNO APARECIDO DE OLIVEIRA e PAULA ALESSANDRA PARIZOTTO TEIXEIRA, sendo o pretendente: solteiro, nascido no dia vinte e um de novembro de um mil e novecentos e oitenta e seis (21/11/1986), de nacionalidade brasileira, auxiliar de operador, natural de SALTO DE PIRAPORA - SP, filho de JOSÉ CARLOS DE OLIVEIRA e de CANDIDA APARECIDA DE OLIVEIRA; e a pretendente: solteira, nascida no dia doze de abril de um mil e novecentos e noventa e quatro (12/ 04/1994), de nacionalidade brasileira, do lar, natural de SÃO JOSÉ DO RIO PARDO SP, filha de NELSON TEIXEIRA e de APARECIDA DULCE PARIZOTTO TEIXEIRA. EDITAL Nº 11057 - REGINALDO DOS SANTOS CABRAL e LUANA CRISTINA BENTO AROFFO, sendo o pretendente: solteiro, nascido no dia quinze de fevereiro de um mil e novecentos e oitenta (15/02/1980), de nacionalidade brasileira, carpinteiro, natural de SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - SP, filho de ANTONIO JANEIRO CABRAL e de ZELINDA DOS SANTOS CABRAL; e a pretendente: solteira, nascida no dia treze de março de um mil e novecentos e oitenta e oito (13/03/1988), de nacionalidade brasileira, do lar, natural de SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - SP, filha de WILSON APARECIDO AROFFO e de CRISTINA DE FÁTIMA BENTO AROFFO. EDITAL Nº 11058 - SAMUEL FELIX LUVEZUTI e ALINE DA COSTA BAPTISTÃO, sendo o pretendente: solteiro, nascido no dia vinte e um de fevereiro de um mil e novecentos e oitenta e cinco (21/02/1985), de nacionalidade brasileira, empresário, natural de SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - SP, filho de PAULO LUVEZUTI e de ODETE DAS DORES FELIX LUVEZUTI; e a pretendente: solteira, nascida no dia cinco de novembro de um mil e novecentos e oitenta e sete (05/11/1987), de nacionalidade brasileira, auxiliar financeira, natural de SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - SP, filha de JOSÉ OSCAR BAPTISTÃO e de TERESA DA COSTA BAPTISTÃO. Se alguém souber de algum impedimento, oponha-o na forma da lei. Lavro o presente, que afixo no lugar de costume e publico pelo jornal local. São José do Rio Pardo, 25 janeiro de 2013. O Oficial: Belª. Rosa Helena Marin Foiadelli

ORAÇÃO A SANTO EXPEDITO Meu Santo expedito das causas justas e urgentes, socorrei-me nesta hora de aflição e desespero, intercedei por mim junto ao Nosso Senhor Jesus Cristo. Vós que sois o Santo guerreiro, Vós que sois o Santo dos Aflitos, Vós que sois o Santo dos desesperados. Vós que sois o Santo das causas urgentes, protegei-me, ajudai-me, daí-me força, coragem e serenidade. Atendei ao meu pedido: (Fazer o pedido). Ajudai-me a superar estas horas difíceis, protegei-me de todos os que possam me prejudicar, protegei minha família, atendei ao meu pedido com urgência. Devolve-me a paz e a tranqüilidade. Serei grato pelo resto de minha vida e levarei seu nome a todos que tem fé. Muito obrigado, meu santo Expedido!Rezar 1 Pai Nosso, 1 Ave Maria e fazer o Sinal da Cruz. M.E.

REVENDEDORAS DE LINGERIE!!!

SÓ PAGA O QUE VENDER ligue: 9318-2035-claro 9119-3230-oi

Funerária São José “Rioli” Oferece o que de melhor existe no ramo funerário, aos particulares e também do seu conhecido PLANO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO FUNERÁRIO, dando total segurança e tranquilidade a todos. Adquira o seu!

60 ANOS DESDE 1950 - ESTA É A SUA GARANTIA

Avenida 9 de Julho, 103 - Fone: 3608-5095

Portaria nº 01/2013 do Presidente da Fundação Educacional de São José do Rio Pardo de 02/01/2013. Nomeia responsável pelo Controle Interno da Fundação Educacional de São José do Rio Pardo. O Presidente da Fundação Educacional de São José do Rio Pardo, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, expede a seguinte portaria: Art. 1º Nomeia o funcionário José Eduardo Giacon como responsável pelo Controle Interno da Fundação Educacional de São José do Rio Pardo. Art. 2º Esta portaria entra em vigência na data de sua publicação. Luis Fernando Tempesta Presidente

AGREGAMOS CAVALO Mecânico Rota Nordeste (19) 3765-8200 (19) 9668-0677 (19) 8865-3801 AGRADECIMENTO E MISSA

Benedito Catalano Filho (Piriquito – ex-funcionário Roque & Tozini) Agradece as manifestações de pesar recebidas por ocasião de seu falecimento, em especial ao Dr. Cláudio de Lima, ao Corpo Clínico do Hospital São Vicente, e convida parentes e amigos para participarem da Missa de 7º Dia, que será celebrada por intenção de sua alma, dia 28 de janeiro, segunda-feira, às 18h30, no Educandário São José.

Fiat Tempra 98 Azul metálico excelente estado Tratar 3608-5086 3608-5046

VENDE-SE Apartamento em Campinas –SP Rua Culto à Ciência, 202 - 47 Edifício M.Blanc. c/ 1 quatro, sala, cozinha, banheiro, Àrea de Serviço 110 mil ou troco por casa em São José do Rio Pardo

Tratar Fone (19) 3608-1759

VENDE-SE Terreno no Bairro João de Souza Rua Luis Spessotto, 323m2 - R$ 80.000,00 Tratar :

Fone – 9633-2768 9355-2050

Loja de Roupas completa no centro R$ 10.000,00 Tratar: 3608-2717 - 3608-6301 9500 1992 Departamento de Esportes e Cultura de São José do Rio Pardo/SP

P O R T A R I A 589, DE 15 DE JANEIRO DE 2013 Dispõe sobre a exoneração do Sr. Nelson Alves Filho do cargo de Curador da Casa de Cultura “Euclides da Cunha” O Diretor Presidente do DEC – Departamento de Esportes e Cultura de São José do Rio Pardo/SP, usando das atribuições que lhe são conferidas pelas Leis Municipais nº.´s 2.646 e 2.647, de 01 de agosto de 2003 e Lei Municipal nº. 2.888, de 10 de novembro de 2006, RESOLVE: Artigo 1º - Exonerar o Sr. NELSON ALVES FILHO do cargo de CURADOR DA CASA DE CULTURA “EUCLIDES DA CUNHA”. Artigo 2º - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. São José do Rio Pardo/SP, 15 de janeiro de 2013

A família de

VENDE-SE

PASSO PONTO

HÉLIO ESCUDERO DIRETOR PRESIDENTE Publicado por afixação no quadro próprio de editais, na sede desta Autarquia, na mesma data P O R T A R I A 590, DE 15 DE JANEIRO DE 2013 Dispõe sobre a nomeação do Sr. Nelson Alves Filho para o cargo de Coordenador de Cultura O Diretor Presidente do DEC – Departamento de Esportes e Cultura de São José do Rio Pardo/SP, usando das atribuições que lhe são conferidas pelas Leis Municipais nº.´s 2.646 e 2.647, de 01 de agosto de 2003 e Lei Municipal nº. 2.888, de 10 de novembro de 2006, RESOLVE: Artigo 1º - Nomear o Sr. NELSON ALVES FILHO para o cargo de COORDENADOR DE CULTURA. Artigo 2º - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. São José do Rio Pardo/SP, 15 de janeiro de 2013

ALUGA-SE Férias em Guarujá Apartamento para 10 pessoas Contatos: (19) 9609-4444 8270-9898

VENDE-SE CASAS E TERRENOS DE VARIADOS PADRÕES E PREÇOS. OPORTUNIDADES Terreno 20x30 m no Bela Vista Terreno 10x30 m no Jardim Luciana II Terreno 12x42 m no Beira Rio Terreno 30x30 m ao lado do Pontilhão Terreno 34x25 m centro – Ínicio da Rua Carlos Botelho Chácara Condomínio Santa Marta, “última unidade”. A.J.Machado CRECI nº 117058 Tel – 3681-5244 – 9440 1031

EXTRAVIO Foi extraviado Nota Fiscal de Produtor de 076 a 100 em nome de José Antonio Escrovi Ribeiro- CNPJ 11.012.644/ 0001-16 e Insc. Est. 683.072.747.119 – Fazenda Can Can – Zona Rural – Tapiratiba – CEP-13760.000 12-19-26/01

HÉLIO ESCUDERO DIRETOR PRESIDENTE Publicado por afixação no quadro próprio de editais, na sede desta Autarquia, na mesma data P O R T A R I A 591, DE 15 DE JANEIRO DE 2013 Dispõe sobre a nomeação da Sra. Elizabeth dos Santos Abichabki para o cargo de Curador da Casa de Cultura “Euclides da Cunha” O Diretor Presidente do DEC – Departamento de Esportes e Cultura de São José do Rio Pardo/SP, usando das atribuições que lhe são conferidas pelas Leis Municipais nº.´s 2.646 e 2.647, de 01 de agosto de 2003 e Lei Municipal nº. 2.888, de 10 de novembro de 2006, RESOLVE: Artigo 1º - Nomear a Sra. ELIZABETH DOS SANTOS ABICHABKI para o cargo de CURADOR DA CASA DE CULTURA “EUCLIDES DA CUNHA”. Artigo 2º - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. São José do Rio Pardo/SP, 15 de janeiro de 2013 HÉLIO ESCUDERO DIRETOR PRESIDENTE Publicado por afixação no quadro próprio de editais, na sede desta Autarquia, na mesma data P O R T A R I A 592, DE 23 DE JANEIRO DE 2013 Dispõe sobre a nomeação do Sr. Mário Rui Viero da Silveira para o cargo de Diretor Administrativo O Diretor Presidente do DEC – Departamento de Esportes e Cultura de São José do Rio Pardo/SP, usando das atribuições que lhe são conferidas pelas Leis Municipais nº.´s 2.646 e 2.647, de 01 de agosto de 2003 e Lei Municipal nº. 2.888, de 10 de novembro de 2006, RESOLVE: Artigo 1º - Nomear o Sr. MÁRIO RUI VIERO DA SILVEIRA para o cargo de DIRETOR ADMINISTRATIVO. Artigo 2º - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. São José do Rio Pardo/SP, 23 de janeiro de 2013 HÉLIO ESCUDERO DIRETOR PRESIDENTE Publicado por afixação no quadro próprio de editais, na sede desta Autarquia, na mesma data P O R T A R I A 593, DE 23 DE JANEIRO DE 2013 Dispõe sobre a nomeação do Sr. José Osvaldo Costa para o cargo de Coordenador de Esportes O Diretor Presidente do DEC – Departamento de Esportes e Cultura de São José do Rio Pardo/SP, usando das atribuições que lhe são conferidas pelas Leis Municipais nº.´s 2.646 e 2.647, de 01 de agosto de 2003 e Lei Municipal nº. 2.888, de 10 de novembro de 2006, RESOLVE: Artigo 1º - Nomear o Sr. JOSÉ OSVALDO COSTA para o cargo de COORDENADOR DE ESPORTES. Artigo 2º - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. São José do Rio Pardo/SP, 23 de janeiro de 2013 HÉLIO ESCUDERO DIRETOR PRESIDENTE Publicado por afixação no quadro próprio de editais, na sede desta Autarquia, na mesma data P O R T A R I A 594, DE 24 DE JANEIRO DE 2013 Dispõe sobre a constituição de grupo de trabalho responsável pela organização dos festejos carnavalescos a serem promovidos pelo DEC – Departamento de Esportes e Cultura de São José do Rio Pardo/SP no exercício 2013 O Diretor Presidente do DEC – Departamento de Esportes e Cultura de São José do Rio Pardo/SP, usando das atribuições que lhe são conferidas pelas Leis Municipais nº.´s 2.646 e 2.647, de 01 de agosto de 2003 e Lei Municipal nº. 2.888 de 10 de novembro de 2006, RESOLVE: Artigo 1º - Constituir grupo de trabalho responsável pela organização dos festejos carnavalescos a serem promovidos pelo DEC – Departamento de Esportes e Cultura de São José do Rio Pardo/SP no exercício 2013. I. Nomear como membros: Presidente: Hélio Escudero Membros: Jorge Aureliano Sanches Lúcia Helena Vitto Luciana Callegari Marques dos Santos Perussi Nelson Alves Filho Artigo 2º - Os trabalhos do grupo em pauta não serão remunerados. Artigo 3º - Esta portaria entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. São José do Rio Pardo/SP, 24 de janeiro de 2013 JOSÉ CARLOS ZANETTI - DIRETOR PRESIDENTE Publicado por afixação no quadro próprio de editais, na sede desta Autarquia, na mesma data


C-1 - GAZETA DO RIO PARDO - 26 de janeiro de 2013

90 th.

Em Sociedade

Nair João Bergonzoni, a estimada Zeza, celebrou 90 Profícuos Anos de Vida “em cima do salto”, literalmente, durante recepção que teve lugar na ampla residência da família, anfitrionada pela simpática aniversariante, devidamente coadjuvada pelos filhos: Beatriz, Zuleika, Robertinho, Eliana e Ana Lúcia. Eis os ecos do destacado encontro:

Alertada pela objetiva com os netos, para o álbum de família.

Maria gráfico nat dia gos em

Luiza Rodrigues Landini, no registro fotocom a filha Maria Alice, celebrou mais um 12 de janeiro, recebendo familiares e amisua residência, em torno de elogiado brunch.

Em noite de festa, a aniversariante Zeza elegantemente vestida com um modelo por ela confeccionado

Entre Nós A amiga Regina Joas (foto) esteve entre nós no último fim de semana, guest em casa dos tios Heloísa e Ivan Pereira, em tempo de visita relâmpago – Na bagagem, muitas histórias para contar da recente viagem pela Alemanha...

FONE: 3608-6677

Zeza com os filhos: Eliana, Robertinho, Zuleika, Beatriz e Ana Lúcia.


C-2 - GAZETA DO RIO PARDO - 26 de janeiro de 2013

Enlace Às 18:15 horas do dia 12 de janeiro, na Igreja Nossa Senhora das Dores, Cambuí- Campinas, aconteceu o enlace matrimonial de Raquel e Guilherme, unindo as famílias José Benedito Strazzieri-Silvia Emília Biaco Strazzieri e Renato Bonatelli Junior (in memoriam)-Mirian Perotta Bonatelli, esses, da sociedade campineira. Após a cerimônia religiosa, os convidados foram anfitrionados no Rasen Eventos, em torno de fina recepção grifada pelo Buffet Santa Maria, com decór by Beto Aguiar e João Mulato. Na mesa de som, o DJ João da Mata embalou os presentes na concorrida pista de danças até altas horas, com os hits de todos os tempos. Destaque para a apresentação de Escola Tradissamba, abrilhantando o acontecimento. As Bahamas, no roteiro de núpcias do jovem casal... Atente para os flashes da fotógrafa Milena Cavichi:

Os noivos na hora do “Sim”

Os noivos com os padrinhos, alertados pela objetiva.

Vaivém Terezinha e José Cremasco com os filhos Leonardo, Mariana e Anna, mais os jovens Fernanda Wenzel e Leandro Dalbon de Souza (foto), aterrissando de período de férias na Argentina, quando desfrutaram dos fascínios da capital portenha.

Raquel e Guilherme com os pais

Festa Surpresa Mary Cristina Gervásio, uma unanimidade quando o quesito é simpatia, foi surpreendida sábado à tarde, 19, com recepção comemorativa ao seu nat, organizada pelo filho Fábio na residência da família. Amigos de A a Z disseram-se presentes... Parabéns, Mary!

A aniversariante Mary ladeada pelas amigas Eliana Bergonzoni e Maria Elisa.

Maria Inês Nascimento, Sônia Pourrat e Mary

Silvia Pourrat, Maria Aparecida Callegari, Mary, Márcia Amaral e Carmen Lúcia

Elza Scali, Mary, Gleiser Botelho e Rosa Marquitti


C-3 - GAZETA DO RIO PARDO - 26 de janeiro de 2013

Minicentenário Osmar Barbosa do Nascimento Junior completou 50 Anos de Idade dia 22 de janeiro, comemorando segunda-feira à noite, 21, durante concorridíssimo Jantar organizado pela esposa Cecília, assim como pelos filhos Camila e Osmar Neto, que teve lugar no restô Quintal, abrilhantado pelo cantor Bruno, de Mococa, com eclético repertório. Destaque para o elogiado cardápio, preferência paulista do dia a dia com gosto de festa - Nota 10 com louvor! Ao caro amigo Osmar, votos de felicidades constantes!

O aniversariante Osmar com a esposa Cecília, simpáticos anfitriões de segunda à noite.

O aniversariante com a esposa, os pais Osmar e Maria do Carmo, mais o neto.

Osmar e Cecília com os filhos Camila e Osmar Neto, o genro Fábio Carriero, a nora Marília Zanetti e o neto Felipe

Entre Nós

Cerimônia S e g u n d a - f e i ra p ., 2 1 , à s 1 0 h o r a s , n a C a s a d e C u l t u r a “ E u c l i d e s d a C u n h a ”, f o i r e a l i z a d a c e r i m ô n i a c o m e m o r a t i v a p e l o s 1 4 7 An o s d o Na s c i m e n t o d o e s c r i t o r E u c l i d e s d a C u n h a . ROBERTO /FOTO METRO

Durante o discurso do Pref. João Batista Santurbano, abrindo a cerimônia

Fixando residência na boa terrinha, o casal lusitano Patrícia-Paulo Alexandre Figueiredo Pais da Rosa com os filhos Luana e Alexandre, naturais de Lisboa, hóspedes dos primos, os doutores Ana Cristina-Heber Luís Nogueira Fontão. Paulo Alexandre é especializado em Fotografia e Design com amplo conhecimento na área da Informática e Patrícia é Professora de Educação Física com especialização em natação para bebês. Ao simpático casal, votos de boas vindas e felicidades em terras rio-pardenses!

Heber Luís, o primeiro da direita para a esquerda com os primos Paulo Alexandre e Patrícia, mais a filha do casal, Luana, durante circulada pela cidade.


GAZETA DO RIO PARDO - 26 de Janeiro de 2013 - C- 4


Página C-5 - 26 de janeiro de 2013 - GAZETA DO RIO PARDO

rjdg@terra.com.br

A carta arquivada João, operário, não enviou a carta. Arquivou-a numa gaveta. Achou desumano intranqüilizar a velha mãe, no seu mundo de simplicidade e paz. Eram problemas vividos numa sociedade egoísta, que ela desconhecia. 10 de maio de 1981 Minha mãe. Hoje, domingo, escrevolhe. É o dia em que as mães, mesmo longe, estão com a gente. E um calor de ternura nos anima. Neste momento, eu a vejo comigo, homenageada, acariciada, também por Elisa e pelas crianças... Este dia das mães, mesmo desumanamente comercializado, nos faz voltar ao lar, em pensamentos... Se não fosse esse período de crise e de incertezas, eu estaria aí, ouvindo o seu falar calmo, relatando o cotidiano, mexendo as panelas de ferro no fogão

de lenha... Eu aí estaria, ouvindo o seu falar, olhando o verde da galhada que segura o céu azul... E respiraria o ar puro transparente, que traz, na brisa, o som da natureza... Hoje, no seu dia, eu sinto a sua presença cuidando da criança que eu fui, aconselhando o adolescente revoltado que lhe deu trabalho, e que um dia fugiu para a cidade grande... Sua força e sua perseverança ficaram comigo e me animaram a trabalhar e a estudar, e a discutir, conscientemente, nossos problemas de classe... Hoje, o dia frio pesa. De manhã, conversei muito com Elisa, e a senhora foi o grande tema. Às crianças, contei histórias da minha infância, cujo cenário era o ambiente de paz da fazenda, como se fosse um mundo do faz-de-conta. Pensei muito em visitála... A fábrica talvez dispen-

se dois mil funcionários. E o governo não se anima a ajudar a indústria para impedir cortes... Tenho medo de estar entre aqueles... Estou guardando o que posso, prevendo o pior, nesta crise que nos assola e assola o mundo... Uma crise que nos faz reunir e discutir o momento... Crise que faz marchar trabalhadores ingleses sobre Londres... Estou guardando migalhas, mãe, como a formiga que espera o inverno...Não quero sofrer o que sofre Pedro, meu amigo desempregado que, para sobreviver, vendeu o carro, geladeira, televisão... E não existem auxílios... Que saudade da nossa casa de colono, com simplicidade e honestidade envolvendo todos! Se Deus quiser, espero visitá-los logo... E quero pescar bagres e lambaris no ribeirão... Fugir... Fugir da cidade industrializada, que

Casamento de Célia Vitali e Roque Cônsolo, em 20/9/1953, na Matriz de São Sebastião da Grama, oficiado pelo Padre Adauto Vitali. À direita, o padrinho Dr. Abdiel C. Braga. À esquerda, a menina Cleyde Gumiero.

Casamento civil de Warde Nasser João e Carlos Ferreira da Costa. Atrás, da esquerda para a direita, Mariquinha Xavier e os noivos. Na frente, a segunda é Olga Fecuri (Nazle)

embrutece a vida, cujas máquinas embotam, desumanizam e endurecem o homem; com chaminés escarrando negras fumaças, cobrindo os céus e os sóis, e emporcalhando os ares... Fugir, e voltar... Percebi, na sua última carta, que essa crise que tanto me preocupa, está atingindo nossa pacata cidade. E a senhora me conta de muitos operários, desempregados, cortando milho na fazenda, trabalhando nos campos de cebola, nas plantações de café... É a volta ao campo... Se algo me impedir de trabalhar, aqui, eu também voltarei, como voltando às origens, ao ventre, à terra... A política econômica que incentivou a saída do homem do campo para a cidade, agora prega a necessidade da interiorização... Voltar... Voltar às origens... Elisa está grávida, mãe, e logo lhe daremos outro

neto... Venha passar uns dias conosco. Ficaremos felizes. Só assim afugentaremos saudades... Tenho participado de muitas reuniões, convocadas pelo sindicato... Que bom seria se as empresas nos dessem a segurança do trabalho, sem rotatividade... Que bom se consersassem seus operários, nesta crise passageira, reconhecendo o grande lucro que lhes demos em épocas de vacas gordas... Mas nós, num mundo que só visa riqueza e lucro, não temos nomes, somos simples números, somos peças da grande máquina do capitalismo, usados no momento de euforia econômica e abandonados nas crises... Apesar de tudo, tenho esperanças... Acredito no Brasil. Por que lhe conto essas coisas, num dia de alegria? São coisas difíceis de entender... Mas nesse do-

mingo frio e poluído, a senhora é o calor, a luz, a paz... E com a senhora, quero conversar, mesmo sabendo lhe tirar o sossego com minhas preocupações presentes... Até logo, mãe. Um dia, quero voltar para as festas de São João: rever os bailes na tulha; rezar o terço, acompanhado de foguetes e chuvas coloridas, que acordam os santos de junho; sentir a terra sob meus pés: terra em que não piso há anos... Elisa envia-lhe abraços afetuosos. Elias e Eli rodeiam-me. Estão esperando. Querem ver se os beijos e abraços que enviam à vovó ficam presos na carta, como os da história que lhes contei... Devolvo-lhe, hoje, parte de tanta ternura que a senhora me deu. Todos nós lhe desejamos a paz e a felicidade do mundo.

Funcionários do Banespa. Da esquerda para a direita, agachados: Oswaldo de Melo, Newton Batista de Oliveira, Pedro Tadeu Guimarães, Édson Zampar (na frente). Waldemar Feltran (atrás), Marcelo De Pietro e Walter Franzé. Em pé, atrás: Lourdes Aparecida Gomes, Miguel Folchetti (atrás), Jorge Tadeu Pereira, Walter Bagodi (atrás), José Luiz Spessotto, Fernando Páscoa, Luísa Smarieri, Célia Malaguti Feijó (atrás), Regina Célia Dias e Eurípedes B. Silveira.

Cinco funcionários do Banespa, no Acalanto. Da esquerda para a direita: Walter Bagodi, Lourenço Mori, a funcionária do restaurante, Armando Machado de Morais, Décio Franzé e n.i.


C-6 - GAZETA DO RIO PARDO - 26 de Janeiro de 2013

Assine e leia

Gazeta do Rio Pardo

HOMENAGEM Filhotes de médio porte mestiços a coocker.

“Jully descanse em paz” Não sei por que você se foi Quantas saudades eu senti E de tristezas vou viver E aquele adeus não pude dar... Você marcou na minha vida Viveu, morreu Na minha história Chego a ter medo do futuro E da solidão Que em minha porta bate...

PROCURA-SE Procura-se yorkshire, atende pelo nome de Belinha, desapareceu no dia 19/01. Tem uma cicatriz de corte na barriga, é preta com a cabeça e as patas caramelo... Me ajudem, por favor. Qualquer informação ligar para (19) 36085614 – (19) 8349-5451, Ana Laura Biegas.

Feminha SRD também para adoção Interessados em ambos os filhotes podem ligar para: Dr. Tiago José Feltran no telefone (19) 99316-6249

E eu! Gostava tanto de você Gostava tanto de você... Eu corro, fujo desta sombra Em sonho vejo este passado E na parede do meu quarto Ainda está o seu retrato Não quero ver prá não lembrar Pensei até em me mudar Lugar qualquer que não exista O pensamento em você... E eu! Gostava tanto de você Gostava tanto de você... Meus sentimentos para a família de Andreza Silva

Envie a foto de seu animalzinho de estimação para os seguintes e-mails diagrama@gazetadoriopardo.com.br / falecom@matheusmafepi.com.br


C-7 - 26 de Janeiro de 2013 Fonte:UOL Esotérico

A comunicação será o seu grande trunfo, hoje. Por isso, não abra mão do diálogo em nenhuma situação. À noite, você estará mais carente, mas apesar disso, há boas chances de melhorar o entendimento com os parentes próximos.

Não se envolva nos problemas financeiros dos amigos. Lembre-se: negócios e amizade não se misturam. Já a vida familiar pode ganhar uma alavancada. Não perca a chance de fortalecer o relacionamento com os entes queridos.

A Lua transita pelo seu signo, deixando você mais confortável para agir ao seu modo. Não é hora de fugir, desistir ou duvidar, mas de se posicionar e se comprometer diante da vida. É um bom momento para rever alguém da sua estima.

Não deixe para depois o que você pode fazer agora. Sua melhor alternativa é respeitar a sua necessidade de silêncio e privacidade. Tenha cuidado, porém, com palavras desmedidas. Mantenha-se em uma posição recolhida.

Hoje, você terá maior facilidade para ver os dois lados em tudo e todos. Com isso, você estará mais adaptável e versátil. Não deixe, porém, que a inconstância prevaleça no campo sentimental. Abra-se ao diálogo e tudo será facilitado.

Em 1849, Adam Ewing (Jim Sturgess) salva a vida de um escravo em um navio e mais tarde contará com a ajuda do mesmo escravo quando sua vida sofre um atentado. Em 1936 o britânico Robert Frobisher (Ben Winshaw) é forçado a se afastar de seu namorado, Rufus Sixsmith (James d’Arcy), e depois de ajudar o debilitado compositor Vyvyan Arys (Jim Broadbent), trabalha em sua obra-prima chamada Cloud Atlas. No ano de 1973 o mesmo Sixsmith agora é cientista e trabalha em uma usina nuclear na cidade de São Francisco, usina esta que passa a ser investigada pela repórter Luisa Rey (Halle Barry) devido a irregularidades. Em 2012 o editor literário Timothy Cavendish se envolve com bandidos perigosos e com a vida em perigo se refugia no que pensava ser um hotel, mas logo percebe que está preso em asilo e tentará junto de outros colegas de confinamento fugir de lá. No ano de 2144 em Nova Seul a empregada de lanchonete Sonmi (Donna Bae) descobre a torpe verdade em que sua sociedade está baseada e se torna líder de uma revolução. Em um futuro indeterminado, 106 anos após um evento conhecido como A Queda, a cientista Meronym busca um modo de enviar uma mensagem ao espaço visando conseguir ajuda para o combalido planeta Terra e em sua jornada ela recebe a ajuda do primitivo Zachry (Tom Hanks). As supracitadas histórias compõem a trama do filme A Viagem (Cloud Atlas, 2012), em exibição nos cinemas brasileiros desde o dia 11 de janeiro, e mesmo que aparentemente as tramas sejam distantes em tempo ou espaço todas elas estão conectadas.

Escrito e dirigido pelos irmãos Andy e Lana Wachowski, em conjunto com Tom Tykwer, o filme (adaptado do romance de David Mitchell) abrange satisfatoriamente diversos gêneros cinematográficos - drama, comédia, aventura, ficção científica, entre outros - sendo cada segmento ambientado em um deles. O mais interessante é o trabalho de elenco desenvolvido pelos diretores, pois os atores e atrizes se transformam em diversos personagens através de um excelente trabalho de maquiagem. As alterações vão das mais simples como transformar um homem em mulher, ou vice-versa, às mais complexas como transformar orientais em europeus. Isso permite a todo o elenco (que conta ainda com nomes como Hugo Weaving, Susan Sarandon) mostrar a sua versatilidade e, consequentemente, sua qualidade. Com histórias filosóficas e espirituais, A Viagem é uma experiência cinematográfica sem precedentes, pois a imersão do espectador irá lhe proporcionar a oportunidade de vivenciar situações fantásticas e descobrir aos poucos todos os elementos que conectam os personagens através das eras.

Há momentos em que certas mudanças são necessárias e hoje é um deles! A Lua muda de posição no fim da tarde, trazendo maior jogo de cintura, versatilidade e capacidade de percepção mais apurada.

A Lua transita por um ponto delicado do seu Horóscopo, por isso, não se surpreenda se você estiver com uma consciência mais crítica acerca das coisas que estão em sua vida. Em casa, demonstre seu afeto aos parentes e eles saberão retribuir.

O trabalho de rotina conta com boas vibrações. Este é momento certo de dar continuidade às tarefas que você já domina. O período da tarde revela um conflito de interesses entre o que você deseja e o que os outros esperam que faça.

Não brinque com a saúde. Sintomas estranhos não estão descartados e podem ser reflexos de problemas emocionais. Trate a família com o mesmo respeito e carinho que gostaria de ter de volta.

A Lua taurina indica que você pode tomar atitudes mais conservadoras e cautelosas, por isso, convém manter-se fiel à sua rotina profissional. Do ponto de vista emocional, não deixe que a sua inconstância coloque em risco o que você conquistou.

Há possibilidade de estar mais versátil e capaz de se adaptar às mais diversas situações. Não faltará habilidade para se dedicar a duas atividades profissionais diferentes. Em casa, seja gentil e tudo sairá bem.

Nachos delícia 500 g de carne moída Azeite Alho Cebola Orégano e pimenta vermelha a gosto 1 xícara de molho de tomate 1 caldo de carne Sal se necessário Salsinha a gosto 1 copo de requeijão cremoso 1 pacote de Doritos de 200 g 200 g de mussarela ralada 100 g de azeitonas recheadas fatiadas Modo de preparo Aqueça o azeite e frite a cebola e o alho. Junte a carne moída, o orégano, a pimenta e o caldo de carne. Refogue bem. Junte o molho e deixe ficar bem sequinha. Coloque a salsinha e desligue. Unte um refratário e coloque o Doritos. Cubra com a carne moí-

Mantenha a cautela em todos os setores. Profissionalmente, este dia pode ser muito produtivo, pois não lhe faltará condições de ser útil. Sua perseverança pode surpreender, mas tenha cuidado para não sonhar alto demais.

HOJE - Débora Pinheiro Ferreira, Raquel Strazzieri, Fabiane Pioltine Rachid, José Garcia Júnior, Renata César Ignácio. AMANHÃ – Denise Bertonha Feltran, Regina Aparecida da Silva Saloti, Maria Helena Merli Ribeiro, Paulo Henrique Nyari, Maria Helena Ribeiro Vergílio, Luís Fernando Amato Angelini, Regina Célia Vital Barretto, Márcia Aparecida Straceri Ludovico, Regiane Lisbôa Pinesi, Otávio Augusto Missura Ariosi, Letícia Furlan, Diogo Vecchiati Beato, Robinson Mietto, Gabriele Amaral de Queiroz. DIA 28 - Carmen Sylvia Barretto Ferreira da Silva, Antônio Carlos Vitorino, Mário Tonetto, Luís Carlos Fernandes, Christiane Elizabeth Figueira, Heloísa Salgado Potenza Bortot, Paulo Odair Minussi, Naider Aparecida de Moraes Sequaline, Fernanda de Souza Luvizaro. DIA 29 - Inês Prevital de

Morais, Danila de Morais Catalano, Sônia Regina Alves, Neide Aparecida Valério da Silva, Samuel Maurício de Souza, Luciano Possebon da Silva, Osvaldo Vitor Bálico, Walter Antônio Bagodi, Cláudio Farath, José Antônio Tobias, Donizete Pereira Araújo, Cleusa Aparecida Marquiti Feijó, Daniel Chiconello Braga, Selma G. C. Longo. DIA 30 – Danila Zuliani Spalato, Sérgio Trinca, Antônio Carlos Alves, Tiago Zanini, Maria Emília de Freitas Rueda, Andréa Cristina Pessoa Sberci. DIA 31 - Rita de Cássia M. L. Martins, Caio Tácito Giordan da Silva, Natacha Guerreiro Moreno, Danilo da Silva Couto. DIA 1º DE FEVEREIRO - Odair Batista de Oliveira, Iúri Machado Fonseca, Cintia Tavares Ferreira, Marco Antônio Perocco Dias, Anita Dolivo Quessada, Alice de Morais Pedretti.

Para acrescentar ou retirar nomes nesta lista, ligue para da. Espalhe o requeijão cremoso, a mussarela ralada, as azeitonas fatiadas e enfeite as laterais com Doritos. Leve ao forno somente para derreter a mussarela.

3 6 ou8mande 2 -e-mail8 para 879 redacao@gazetadoriopardo.com.br


C-8 - 26 de Janeiro de 2013

BÍBLIA

A profunda superficialidade de nossos dias WALTER MCALISTER Uma das características que melhor definem a época da História em que vivemos é a superficialidade. Somos pensadores superficiais. Somos cristãos superficiais. Aliás, eu diria até que somos profundamente superficiais. Claro que ser “profundamente superficial” é o que chamamos de um oximoro – uma expressão que se contradiz e, ao fazê-lo, afirma uma contradição. Assim como “água seca”, ou uma “verdadeira mentira”, “profunda superficialidade” soa como um absurdo. Mas é isso mesmo o que somos. Pois somos superficiais até as mais profundas profundezas da nossa alma. Não importa quão profundamente cavemos na nossa alma contemporânea, nunca chegamos a algo que seja substancial. Tudo é superficial. Nossos sentimentos mais profundos são superficiais. Nossas paixões mais arrebatadoras são superficiais, efêmeras, passageiras. Somos pessoas cuja alma se assemelha a uma floresta inteiramente composta por árvores sem raízes. Por mais que você consiga adentrar os recônditos mais escondidos da floresta, não achará uma árvore que tenha firmeza. Pois, sem raízes, qualquer uma delas é facilmente arrancada pelo vento e substituída. Essa constatação não significa que não tenhamos sentimentos fortes. Temos. Não quer dizer que nossas atitudes não sejam profundamente sentidas. São. Mas todas as profundezas do nosso ser, de nossos sentimentos e das nossas atitudes são, em última análise, superficiais. Tomemos como exemplo a postura atual da maioria da sociedade brasileira contra a homofobia. “Todos” se dizem profundamente inconformados com os “tão intolerantes” cristãos. Afinal, “todos sabem” que qualquer opção de vida que um indivíduo faça é seu direito

e é algo “absolutamente normal”. Esse é o discurso feito em público. Só que o bloco político que fez da sua campanha a defesa dos homoafetivos foi derrotado nas urnas de uma maneira tão absoluta e humilhante que ninguém quer falar a respeito do assunto. Na hora do “vamos ver”, da defesa política da opção dessas pessoas, ninguém compareceu. Multidões aparecem para fazer uma parada festiva. Mas, na hora de transformar esse discurso em ação… nada. E, quando não há um gay por perto, a grande maioria dos que os defendem não hesita em fazer piadas sobre os seus trejeitos. Mas não sejamos duros com os que não compartilham da nossa fé. Afinal, vivemos numa casa cujo telhado também é de vidro. Se começarmos a jogar pedras, estilhaços vão voar para todos os lados. Vejo pessoas demonstrarem uma enorme paixão ao defender o culto “gospel”, com todas as suas manifestações emotivas e bombásticas, e que afirmam ter um profundo “amor” para com Deus e seu Filho, Jesus Cristo, para não mencionar também o Espírito Santo. Derramam lágrimas. Fiéis se prostram e até se arrastam pelo chão, rugindo como leões. Muitos abanam os seus braços numa comoção em massa, enquanto alguém grita ao microfone algo sobre render honra, glória e louvor ao Deus Altíssimo, criador dos céus e da terra. Pouco tempo depois, muitos (sim, muitos) estão tomando umas e outras no barzinho e contando piadas sujas. Não são poucos os jovens que até terminam no motel uma noitada após um “cultaço”. Sua paixão profunda no culto não passa de uma profunda superficialidade. Sim, porque não há ligação entre uma paixão e a outra. Arrebatados pelo culto, são, em seguida, igualmente arrebatados pelos seus instintos mais baixos, traindo tudo o que o culto

deveria representar. Leio a lista dos interesses que pessoas escrevem em seu perfil do Facebook e me espanto. Enquanto dizem “curtir” o reverendo Paul Washer, “curtem” programas de televisão que promovem sexo ilícito e toda sorte de perversão, justo aquilo que o reverendo Washer combate tão claramente: True Blood, Sexo sem compromisso, Friends, Vampire Diaries, Crepúsculo e uma infinidade de filmes e seriados que vomitam sua imundície sobre o mundo todo. Qualquer um que fizesse um estudo do perfil da maioria dos jovens que povoam a nação virtual teria que chegar à conclusão de que são insanos, hipócritas, e ímpios disfarçados de crentes. E é exatamente o que são. Iludem-se ao pensar que podem ser amigos do mundo e também de Deus. Seus corações não estão alicerçados em Jesus. Sua paixão por Cristo é tão profundamente superficial como sua paixão pelas inúmeras cores de esmalte (que é a moda atual entre as mocinhas de Cristo) ou por sapatos – sim, sapatos. De cabeças ocas e corações esfacelados, vivem sendo arrebatados pela última novela (sim, porque isso é normal e achar que não é torna-se legalismo), moda, filme ou música. Põem Jesus Cristo ao lado de Lady Gaga nas suas páginas de “curtir”. É insano. Uma geração sem moral, sem raízes e sem um norte. Mas… será que são todos assim? Claro que não. Alguns estão começando a pensar. Alguns estão começando a se questionar. Nem tudo está perdido. Mas a maioria, lamento dizer, está. ( Texto escrito por W.Mcalister, que transcrevemos neste espaço. Reuniões da igreja em S.J.Rio Pardo às terças, sábados e domingos, 19h30, no lugar de oração situado à rua João Gabriel de Oliveira, 123)

NEURÓTICOS ANÔNIMOS N/A São José do Rio Pardo

NA

Amor, a chave para a recuperação Aprendi que a doença emocional pode ser curada pela aquisição da capacidade de amar. E eu sempre me perguntava: mas o que isso quer dizer na prática? Como traduzir uma ideia, um pensamento, numa emoção ou sentimento capaz de me modificar inteiramente. Claro que não há respostas prontas. Provavelmente esta seja uma das grandes questões que afligem o ser humano. Não estou sozinha. Minha experiência tem me ensinado que quando minha mente cala, para de tagarelar, a intuição

fala, responde as dúvidas, resolve os conflitos. E a pergunta o que é Amor permanecia sem solução até que minha mente exausta, cansada, rendida, em dado momento se calou e uma luz se acendeu. Se o egoísmo é separação (afastamento do Poder Superior, a Centelha Divina) então – Amor é Unidade. Só me recupero se me integro à Essência Divina. Então compreendi que todos os meus conflitos nascem desta falta de Unidade com quem Sou em Essência. A mente exercendo a

função de se autoconduzir tornou-se uma grande obstruidora do aprendizado, ou da aquisição da capacidade de sentir Deus. A proposta do programa de que é só por hoje ajuda a não perder o foco. Só por hoje me empenho em manter a mente no lugar que lhe é devido, ela é um instrumento do meu ser. Quando cada parte de mim ocupa seu espaço próprio o amor flui sem obstáculos e onde há Amor, há paz. A vida fica menos difícil. PAZ

E

SERENIDADE

Reuniões: Segundas-feiras: 19h30 na Matriz, Terças-feiras: 19h30 no Cassucci

Al-Anon e Alateen para familiares e amigos de alcoólicos Numa reunião de Al-Anon vários membros compartilham sobre a mudança de suas atitudes depois que ingressaram no programa Al-Anon. Nos Grupos Al-Anon e Alaten existe compreensão. As pessoas usam o primeiro nome e são avisadas para não divulgar quem elas vêem ou as histórias pessoais que elas ouvem numa reunião. Os recém chegados no programa ficam aliviados ao saber que existe um lugar para com-

partilhar sem medo de serem julgados. O Al-Anon/Alateen é uma associação mundial de homens, mulheres e adolescentes que tem amigos ou familiares com um problema de bebida. Os membros se reúnem regularmente para compartilhar sua experiência, força e esperança ao lidar com frustações e sentimentos de desamparo causados pela doença do alcoolismo. Os membros do Al-Anon vivem

vidas significativas e satisfatórias, ajudando a si mesmo com a ajuda do Al-Anon. Se você está preocupado com a maneira de beber de alguém, entre em contato com o Al-Anon. Grupo Esperança – terça-feira – às 20 horas – Igreja Matriz São José – Salão Ou telefone para Serviço de Informação Paulista Al-Anon – 0xx11 3227-2699,ou acesse o site WWW.al-anon.org.br São José do Rio Pardo - SP

É muito bom celebrar a vida Na minha família, neste mês de janeiro, temos tido ocasiões especiais para celebrar a vida. No dia 19, sábado passado, o noivado da Vivi. A Bernadete, minha nora, mãe da Vivi e viúva do João, meu primeiro filho, ofereceu um almoço para as duas famílias. A família do Salem (o noivo) é maior do que a minha: são dez tios do lado da mãe e onze do lado do pai; a mãe dele teve cinco filhos... Da minha família só faltaram os que não estão morando no Brasil... Que festa! Não faltaram crianças que davam um tom ainda mais alegre à nossa confraternização. A Bernadete fez uma saudação muito simpática dando boas vindas aos familiares do Salem, um de seus tios e os dois irmãos da Vivi também falaram – pouco e muito bem. Com um pequeno “ritual” improvisado colocaram as alianças na mão direita. Eu tinha a impressão de que nossas famílias se conheciam há muito tempo e que sempre fomos amigos. O ambiente da festa era agradável, o cardápio delicioso e bem servido a música ótima, na medida. O Salem é brasileiro e seus pais e tios libaneses. Mesmo as crianças, todos se comunicam nos dois idiomas. É gostoso ver crianças falando uma língua tão diferente da nossa. À tarde, houve dança; super legal, bonita e totalmente inclusiva. De zero aos nº anos todos são convidados a participar mesmo que seja no colo. Esta festa deixou boas lembranças e será lembrada com saudades. Hoje, se tudo acontecer conforme está programa-

do, o dia será especialíssimo: Dom Orani, que há 25 anos celebrou o casamento da Maria com o Dante e também o batizado dos seus 7 filhos, irá a São Paulo celebrar com nossas famílias uma missa em ação de graças por estas bodas de prata. Vou transcrever em seguida o Editorial da parte dedicada â catequese do jornal MUNDO E MISSÃO; serve muito bem a nós que devemos ser os primeiros catequistas de nossos filhos e podemos colaborar na catequese de nossos netos, sobrinhos e de tantos jovens que cruzam nossos caminhos. Começando um novo ano, todos nós temos expectativas, preocupações, mas também esperanças. O sonho de Deus é também o nosso sonho. Nas palavras do profeta Isaías a esperança renasce: “Eu vou criar um novo céu e uma nova terra. As coisas antigas nunca mais serão lembradas, nunca mais voltarão ao pensamento. Por isso, fiquem para sempre alegres e contentes...,” (Is 65, 17-18). Nossos olhos, neste ano, estão voltados para os jovens. Eles vivem sonhos presentes e futuros. Realmente, querem criar um novo céu e uma nova terra. Querem mostrar seu protagonismo, através do comprometimento com a renovação do mundo à luz do Plano de Deus. Os jovens são artistas no seu modo de ser, quando são capazes de fazer da vida um caminho de beleza interior, que leva ao mistério, e ao mesmo tempo exterior, não como produto de mercadoria, mas como obra de Deus.

Hoje quase tudo passa pelo olhar, porque vivemos numa “sociedade do espetáculo”. O maior interesse é do mercado. E esse muitas vezes transforma nossa maneira de viver, nossa cultura, nossos valores, em forma de consumismo. Não é o comunitário, feito de generosidade, partilha e compaixão que vale, mas o individualismo, onde o “eu” se torna espetáculo transformado em aparência, prazer e poder; em querer sempre mais em detrimento de todas as carências humanas alheias. Que sonhos queremos alimentar e partilhar com nossa juventude: - Valorizar o ser humano com suas diferenças e sua beleza. Viver com intensidade e alegria. - Resgatar o encantamento pela vida, na busca de uma experiência amorosa com Deus. - Criar relações onde todos se sintam incluídos, porque respeitados em seus direitos, e comprometidos por um ideal comum: construção de um mundo melhor. - Tornar as pessoas mais felizes. Isto não vem da internet, ou de qualquer outro instrumento. A felicidade é uma construção conjunta, de relacionamentos fraternos, amorosos e afetivos. A catequese, portanto, não pode ser vivida como algo pesado, que traz contratempos, mas precisa ser uma experiência de encontro com Jesus, sendo este o autor de nossa alegria, e da vivência da beleza do amor de Deus. Irmã Marlene Bertoldi – CIIC, Coordenadora de Catequese da Diocese de Florianópolis –SC.

COLUNA ESPÍRITA

Prêmio ao sacrifício Kardec questiona aos Benfeitores Espirituais reponsáveis pela divulgação do Espiritismo: – Haverá pessoas que, pela sua posição, não tenham possibilidades de fazer o bem? Recebe a seguinte resposta: - Não há ninguém que não possa fazer o bem. Só o egoísta não encontra jamais oportunidade. Bastará estar em relação com outros homens para encontrar ocasião de fazer o bem, e cada dia a vida dá a oportunidade a qualquer um que não esteja cego pelo egoísmo, porque fazer o bem não é só ser caridoso, mas ser útil na medida de vosso poder, todas as vezes que vosso concurso pode ser necessário. (Pergunta 643 do O Livro dos Espíritos). Para refletir sobre tal resposta, vamos trasncrever a história inserida em o livro Alvorada Cristã, psicografia de Chico Xavier ditado pelo espírito Neio Lúcio – Prêmio ao sacrifício: Três irmãos dedicados a Jesus leram no Evangelho que cada homem receberá sempre, de acordo com as próprias obras, e prometeram cumprir as lições do Mestre. O primeiro colocou-se na indústria do fio de algodão e, de tal modo se aplicou ao serviço que, em breve, passou à condição de interessado nos lucros administrativos. Dentro de vinte e cinco anos, era o chefe da organização e adquiriu títulos de verdadeiro benfeitor do povo. Ganhava dinheiro com imensa facilidade e socorria infortunados e sofredores. Dividia o trabalho equitativamente e distribuía os lucros com justiça e bondade. O segundo estudou muito tempo e tornou-se juiz famoso. Embora gozasse do respeito e da estima dos contemporâneos, jamais esqueceu os compromissos que assumira à frente do

Evangelho. Defendeu os humildes, auxiliou os pobres e libertou muitos prisioneiros perseguidos pela maldade. De juiz tornouse legislador e cooperou na confecção de leis benéficas e edificantes. Viveu sempre honrado, rico, feliz, correto e digno. O terceiro, porém, era paralítico. Não podia usar a inteligência com facilidade. Não poderia comandar uma fábrica, nem dominar um tribunal. Tinha as pernas mirradas. O leito era a sua residência. Lembrou, contudo, que poderia fazer um serviço de oração e começou a tarefa pela humilde mulher que lhe fazia a limpeza doméstica. Viu-a triste e lacrimosa e procurou conhecer-lhe as mágoas com discrição e fraternidade. Confortou-a com ternura de irmão. Convidoua a orar e pediu para ela as bénçãos divinas. Bastou isto e, em breve, trazidos pela servidora reconhecida, outros sofredores vinham rogar-lhe o concurso da prece. O aposento singelo encheu-se de necessitados. Orava em companhia de todos, oferecia-lhes o sorriso de confiança na bondade celeste. Comentava os benefícios da dor, expunha suas esperanças no Reino Divino. Dava de si mesmo, gastando emoções e energias no santo serviço do bem. Escrevia cartas inúmeras, consolando viúvas e órfãos, doentes e infortunados, insuflando-lhes paz e coragem. Comia pouco e repousava menos. Tanto sofreu com as dores alheias que chegou a esquecer-se de si mesmo e tanto trabalhou que perdeu o dom da vista. Cego, contudo, não ficou sozinho. Prosseguiu colaborando com os sofredores, através da oração, ajudando-os, cada vez mais. Morreram os três irmãos, em idade avançada, com pequenas diferenças de tempo.

Quando se reuniram, na vida espiritual, veio um Anjo examinar-lhes as obras com uma balança. O industrial e o juiz traziam grande bagagem, que se constituía de várias bolsas, recheadas com o dinheiro e com as sentenças que haviam distribuído em benefício de muitos. O servidor da prece trazia apenas pequeno livro, onde costumava escrever suas rogativas. O primeiro foi abençoado pelo conforto que espalhou com os necessitados e o segundo foi também louvado pela justiça que semeara sabiamente. Quando o Anjo, porém, abriu o livro do exparalítico, dele saiu uma grande luz, que tudo envolveu numa coroa resplandecente. A balança foi incapaz de medir-lhe a grandeza. Então, o Mensageiro faloulhe, feliz: — Teus irmãos são benditos na Casa do Pai pelos recursos que distribuíram, em favor do próximo, mas, em verdade, não é muito difícil ajudar com o dinheiro e com a faina que se multiplicam facilmente no mundo. Sê, porém, bem-aventurado, porque deste de ti mesmo, no amor santificante. Gastaste as mãos, os olhos, o coração, as forças, os sentimentos e o tempo a benefício dos semelhantes e a Lei do Sacrifício determina que a tua moradia seja mais alta. Não transmitiste apenas os bens da vida: irradiaste os dons de Deus. E o servidor humilde do povo foi conduzido a um céu mais elevado, de onde passou a exercer autoridade sobre muita gente. *** Fiquemos com a reflexão e encerro desejando que a Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo permaneça em nossos corações. MARIA LÚCIA ANDREATA MARTINS

Gazeta do Rio Pardo 2634  

Gazeta do Rio Pardo 2634

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you