Issuu on Google+

Português Quando usar as palavras cessão, seção e sessão? Pág. 16

O maior jornal brasileiro na Flórida Semana de 23 a 29 de março 2017 · Edição 1032 · Ano 23 · Exemplar Gratuito · www.gazetanews.com

DICAS: EVITE CAIR EM ALGUMA FRAUDE

DICAS MODERNAS PARA CARREGAR SUA ÁGUA

SLIP-ONS: PÉS NA MODA NO VERÃO!

Por Claudia Fehribach Saúde Financeira | Pág. 25

Por Milene Kanda Find Out | Pág. 22

Por Carla McCarthy Cinema | Pág. 21

Comunidade brasileira nos Estados Unidos volta a crescer Flórida segue com a maioria de brasileiros cidadãos e residentes, aponta levantamento do DHS Depois de alcançar os níveis mais baixos dos últimos nove anos em 2012 (325.547), quando muitos brasileiros resolveram retornar ao Brasil

devido à crise econômica, 2015 viu um aumento significativo na população de pessoas nascidas no Brasil vivendo nos EUA, de acordo com os úl-

timos dados do US Census Bureau e American Community Survey referentes ao ano fiscal de 2015. Pág. 12.

BRASIL

ESCÂNDALO DE FRIGORÍFICOS PREJUDICA EXPORTAÇÕES Mundo | Pág. 16.

IMIGRAÇÃO

BRASILEIRA CONDENADA POR TRÁFICO HUMANO É DEPORTADA Imigração | Pág. 10

SAÚDE

SUL DA FLÓRIDA REGISTRA 29 CASOS DE ZIKA VÍRUS APENAS ESTE ANO Flórida | Pág. 04

ento, niel e omeçam

Casal catarinense cruza 12 países de carro até o Alasca Luciene e Walfredo saíram de Florianópolis para realizar um sonho: ver de perto a aurora boreal no Alasca. Após conseguirem o feito e rodarem 65.000 km, o casal agora segue a expedição e está em Orlando. Pág. 20.


2

EDITORIAL

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

POR ARLAINE CASTRO | reporter@gazetanews.com

Mineira, formada em Comunicação Social - Jornalismo pelo Centro Universitário do Leste de Minas Gerais (UNILESTEMG). Traz em seu currículo experiências como assessora de comunicação, escritora, revisora e organizadora do livro Eta Babilônia. Atualmente é repórter do Gazeta News.

Operação Carne Fraca é mais um ponto negativo para o Brasil no exterior A

pós alguns dias da Operação Carne Fraca ganhar proporções incontroláveis e colocar o Brasil novamente como assunto mundial, a Polícia Federal veio a público informar que os problemas de fiscalização alardeados, na verdade, são pontuais, e que o sistema de inspeção federal não pode ser questionado de maneira generalizada. “Embora as investigações da Polícia Federal visem apurar irregularidades pontuais identificadas no Sistema de Inspeção Federal (SIF), tais fatos se relacionam diretamente a desvios de conduta profissional praticados por alguns servidores e não representam um mal funcionamento generalizado do sistema de integridade sanitária brasileiro”, disse a PF em nota. A operação investiga há dois anos o esquema de pagamento de propina a fiscais federais para burlar a fiscalização em empresas produtoras de carne, entre

outras irregularidades. De acordo com as informações divulgadas, o esquema abastecia o caixa de campanha de partidos políticos como o PP e PMDB, mas não soube dizer quem foram os beneficiados e nem tem noção do volume de propina movimentado. Com o assunto circulando na mídia globalmente desde a última sexta-feira, a visão de um Brasil que não funciona ou, quando funciona é na base da corrupção, a exportação da carne brasileira foi proibida e o próprio mercado internacional consumidor já não está tão confiante. Alguns países chegaram a cancelar importações, mesmo que temporariamente. Mesmo assim, a explicação da PF de que o problema foi detectado em alguns frigoríficos e não em todos do país se deu quando os veículos de comunicação já tinham passado a ideia de que a carne podre é comercializada em todos os supermercados e açougues do país e quiçá, no

exterior. Descobriu-se que alguns frigoríficos, na verdade os maiores do país, com outras dezenas de empresas, montaram uma rede de corrupção no Ministério da Agricultura para que fiscais agropecuários emitissem licenças para que carne podre, regada a ácido, fosse vendida sem problema. Mas não são todos os frigoríficos do país envolvidos, diga-se de passagem. Governo tenta amenizar o prejuízo Agora, depois do escândalo divulgado mundialmente, na tentativa de não perder muito dinheiro, o governo se prepara para enviar missões ao exterior para dirimir a ideia de que a carne brasileira é podre. O modo generalizado como a investigação foi divulgada pela PF não agradou o Palácio do Planalto que considerou um estardalhaço sem precedentes, uma vez que estavam sendo investigados fiscais e alguns frigoríficos, não todos do país, como foi passada a

ideia inicial. Para o governo, fraudes localizadas foram transformadas em um problema sistêmico com ampla repercussão internacional. A disputa mundial é um jogo pesado, onde os aspectos sanitários são essenciais e nem sempre aceitos por todas as regiões do mundo. Foi uma luta árdua do país para assumir um protagonismo no mercado mundial de alimentos e, especialmente, no comércio mundial de carnes. Por toda a corrupção descoberta e também pelo modo como a operação foi divulgada para a mídia, essa repercussão econômica negativa custará caro ao Brasil. É só mais uma. Mais uma vez em que a imagem do país repercute no exterior e agora bate “de frente” com um mercado consumidor que estava em expansão. Estava. Agora é também pagar pra ver mais essa crise. Com informações da Revista GGN e Folha de São Paulo.

Fundado em fevereiro de 1994

Gazeta Brazilian News 4390 North Federal Highway #207 Fort Lauderdale, FL. 33308 Tel.: (954) 938-9292 Fax: (954) 938-9227 www.gazetanews.com info@gazetanews.com Pontos de distribuições do jornal: Veja no site www.gazetanews.com

EDITORIAL / STAFF PUBLISHER: Zigomar Vuelma (vuelma@gazetanews.com) EDITOR IN CHIEF: Fernanda Cirino (news@gazetanews.com) GRAPHIC DESIGNER/ PROOFREADER: Simone Raguzo (simone@gazetanews.com) JOURNALISTS: Arlaine Castro (arlaine@gazetanews.com) Daniel Galvão (daniel@gazetanews.com) Marisa A. Barbosa (marisa@gazetanews.com) Simone Raguzo (simone@gazetanews.com) CUSTOMER RELATIONS: cr@gazetanews.com PHOTOGRAPHERS: Bill Paparazzi, Marcello Oliveira, Fabiano Silva e Thiago Costa.

ADVERTISEMENT SOUTH FLORIDA Eliane Gallotti (eliane@gazetanews.com) Gabriela Lara (glara@gazetanews.com) sales@gazetanews.com ORLANDO orlando@gazetanews.com

CONTRIBUTORS Carla McCarthy | FASHION REPORT Claudia Fehribach | SAÚDE FINANCEIRA Connie Rocha | BASTIDORES Cristina Felix | ETIQUETA & BOAS MANEIRAS

Oi! O TUCANO ECOLOGISTA - Fernando Rebouças

Daniel Galvão | ESPORTE Fernando Rebouças | PENSE GREEN Gene de Souza | PLANETA MÚSICA Ingrid Domingues | PERGUNTAS DE IMIGRAÇÃO Jana Nascimento Naganese | CINEMA Ivani Manzzo | SAÚDE & BEM-ESTAR Milene Kanda | FIND OUT Rickson Amorim | AGENDA DE EVENTOS Rosana Brasil | VIVER BEM

Partners of

TELEFONES DE EMERGÊNCIA

EMERGÊNCIA ligue 911 (Corpo de Bombeiros, Polícia ou Ambulância)

CONSULADO-GERAL DO BRASIL EM MIAMI Setor de assistências a brasileiros: (305) 285-6208 / (305) 285-6258 / (305) 285-6251 AEROPORTO INTERNACIONAL Miami: (305) 876 7000 Fort Lauderdale: (954) 359 1200

METEOROLOGIA

Palm Beach: (561) 471 7400 Orlando: (407) 825 2001

Palm Beach: (561) 746 1532 (North) Orlando e Região: (407) 644 9300

AMERICAN RED CROSS Miami Dade: (305) 644 1200 Broward : (954 797 3800 Palm Beach: (561) 833 7711 (South)

ANIMAL CARE AND REGULATION DIVISION Miami Dade: (305) 6441200 Broward: (954) 359 1313’ Palm Beach: (561) 233-1200 | Orlando: (407) 836 6311

weather.com

QUI SEX SÁB DOM SEG TER QUA 03.23.17

79 /68 O

O

03.24.17

75 /69 O

O

03.25.17

78 /68 O

O

03.26.17

80 /68 O

O

03.27.17

81 /68 O

O

03.28.17

82 /68 O

O

03.29.17

82 /68 O

O

As opiniões expressas em artigos são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinão do jornal. Os serviços de propaganda são de responsabilidade dos anunciantes.


Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

PUBLICIDADE

3


4

FLÓRIDA

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

Sul da Flórida tem cinco novos casos confirmados de zika O número total de casos da doença registrados em 2017 chegam a 29 pessoas, um deles contraído localmente

A

utoridades de saúde da Flórida informaram no dia 20 que uma nova infecção por zika vírus foi registrada, sendo adquirida localmente no condado de Miami-Dade. Isso quer dizer que a transmissão foi feita por um mosquito na região. Outros quatro novos casos também foram registrados, porém todos relacionados a viagens. A pessoa infectada em Miami-Dade tinha “exposições múltiplas” a áreas onde os mosquitos estavam se espalhando o vírus e provavelmente contraiu a doença ainda em 2016, de acordo com o Departamento de Saúde da Flórida. A pessoa não sentiu nenhum sintoma, mas foi submetida ao teste para o vírus em fevereiro e as autoridades de saúde do estado apenas receberam a confirmação dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças. “Como o indivíduo estava assintomático, é difícil determinar quando a infecção ocorreu”, disseram autoridades.

Estas novas confirmações elevam o número total de casos zika em 2017 para 29 pessoas. As infecções relatadas na Flórida, este ano, incluem 13 mulheres grávidas e duas pessoas cuja fonte de infecção é indeterminada após uma investigação do Departamento de Saúde. Infecções em mulheres grávidas têm sido associadas a mortes de fetos e problemas congênitos devastadores – principalmente microcefalia, muitas vezes acompanhada de outros graves problemas de desenvolvimento quando nasce o bebê. Casos O primeiro caso de zika nos EUA foi confirmado em Miami-Dade County por funcionários de saúde pública em 15 de janeiro de 2016. O paciente tinha sido infectado em outro país e, em seguida, viajou para o sul da Flórida. No final de julho, autoridades de saúde do estado confirmaram os primeiros casos de Zika transmitidos por

mosquitos locais no distrito de artes de Wynwood, em Miami-Dade. Os funcionários identificaram zika e zonas de transmissão em outras partes, como Miami Beach. Todas as zonas de riscos de contaminação por zika foram levantadas após 45 dias “sem evidência de transmissão ativa e sem mais pessoas infectadas”, disseram autoridades estatais. A última fiscalização foi levantado em 9 de dezembro do ano passado. “Não é raro, entretanto, que haja incidentes isolados de zika adquiridos localmente”, informou o Departamento de Saúde. “Um caso não significa que a transmissão ativa está ocorrendo”. Atualmente não há áreas de transmissão ativa de zika na Flórida. No entanto, os Centros Federais de Controle de Doenças designaram o condado de Miami-Dade como uma área de advertência e emitiram avisos para que as mulheres grávidas adiem viajar para qualquer parte do condado.

Miami-Dade não voltou a ser declarada área de transmissão, mas está sob advertência.

O último caso confirmado de transmissão local de zika no condado de Miami-Dade foi relatado em 21 de dezembro de 2016. Funcionários de saúde da Flórida continuam aconselhando os residentes e visitantes do condado de Miami-Dade a tomar precauções para evitar picadas de mosquito. “O departamento conti-

nua a monitorar de perto o status do vírus zika na Flórida e vem tomando medidas para manter os moradores, especialmente mulheres grávidas, seguros”, disseram autoridades. No total, o departamento realizou testes de vírus zika em mais de 13 milpessoas em todo o estado. Autoridades de saúde da Flórida têm monito-

rado mulheres grávidas com evidência de Zika independentemente dos sintomas. Um total de 300 mulheres grávidas foram ou estão sendo monitorados. Para obter mais informações, os residentes da Flórida e os visitantes podem ligar para a Zika Virus Information Hotline, pelo telefone 1-855622-6735.


Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

PUBLICIDADE

5


6

FLÓRIDA

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

Palm Beach contabiliza prejuízo milionário com visitas de Trump As viagens à Mar-a-Lago têm levantado questionamento a respeito dos gastos

A

s autoridades do condado de Palm Beach continuam reclamando dos altos custos extras das viagens do presidente Donald Trump a sua mansão Mar-a-Lago, localizada em West Palm Beach, em alguns finais de semana, e pedem que o governo federal arque com a conta. Cada visita de Trump ao sul da Flórida tem gerado custos diários de $60 mil dólares ao escritório do xerife de Palm Beach por horas extras associados à proteção do presidente. De acordo com estimativas do departamento do xerife, desde que assumiu o cargo em janeiro, Trump já passou cerca de 14 dias na Flórida, sem contar o último final de semana, o que significa que os custos para o departamento do condado provavelmente ficarão superiores a $1 milhão de dólares com a última visita. Embora o número seja mínimo quando se considera quanto custa ao Serviço Secreto proteger Trump, é uma

Presidente já passou, até o momento, 14 dias em sua mansão em West Palm Beach.

quantia considerável – e não orçamentada – para a cidade, que poderá reverter tais gastos para a população através de aumento de impostos ou cortes nos serviços nos próximos anos. “Isso significa que os contribuintes locais terão de suportar a carga adicional de ser parte da segurança para o presidente dos Estados Unidos”, disse Paulette Burdick, prefeito democrata do conda-

do de Palm Beach, à CNN, na última sexta-feira, 17. “Serão cortes ou aumento de impostos”, disse. As viagens de Trump à Mar-a-Lago têm levantado questionamento a respeito dos gastos. Ao todo, as viagens poderiam custar aos contribuintes federais de $2 a $3 milhões em um único final de semana, de acordo com várias estimativas. Os contribuintes do condado de Palm

Beach gastaram mais de $1,5 milhão para complementar a proteção do Serviço Secreto de Trump. As visitas de Trump à Mar-a-Lago também estão suscitando queixas de um aeroporto próximo a Palm Beach, que deve fechar suas instalações quando o presidente está na região,devido às restrições ao tráfico aéreo que foram implementadas. Com informações do The Palm Beach Post.

Global Foundation promove o “Brasileirinhos no Amazonas” Com o intuito de promover a língua portuguesa e a cultura brasileira para as crianças da comunidade brasileira na Flórida, a Global Assistance Foundation através do projeto Cultural “Brasileirinhos do sul da Flórida”, realizará no dia 1º de abril, em Pompano Beach, o programa “Brasileirinhos no Amazonas” para as crianças de 5 a 11 anos da comunidade. Além de buscar ampliar o contato das crianças com a língua portuguesa, a história e a cultura do Brasil por meio de várias atividades e brincadeiras, o “Brasileirinhos no Amazonas” tem por objetivo ajudar os projetos sociais no estado do Amazonas. O projeto contará com a

participação especial da apresentadora do programa Planeta Brasil, Fernanda Pontes. Programação: Dia: sábado, 1º de abril, de 9am às 4pm. Local: Sede da Global Foundation - 1103 NE 33rd St, Pompano Beach, FL 33064. Valor: $25 dólares, com direito a almoço e lanche, além da participação em várias atividades, como artes com material reciclável, jogos recreativos e músicas. As inscrições já estão abertas. Para participar, é necessário fazer a inscrição pelo link www.global-foundation.com/ eventos Para mais informações: (954) 837-2237.

Evento tem por objetivo ajudar projetos sociais no Amazonas.


Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

PUBLICIDADE

7


8

FLÓRIDA

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

ex-militar foi formalmente acusado por onze crimes

Juíza considera atirador de Fort Lauderdale apto a ser julgado A Justiça dos EUA determinou que Esteban Santiago, acusado de matar a tiros cinco pessoas no aeroporto de Fort Lauderdale em 6 de janeiro deste ano, é “apto” para ser julgado, apesar de ter sido diagnosticado como portador de esquizofrenia. A juíza Beth Bloom, que estabeleceu uma nova audiên-

cia marcada para 21 de abril, espera que o julgamento do ex-militar, de 26 anos, nascido em Porto Rico, mas naturalizado americano, seja realizado ainda este ano. O relatório do Tribunal confirma que Esteban “foi diagnosticado com esquizofrenia e transtorno esquizoafetivo.

Uma morre e outras duas mulheres ficam em estado grave após cirurgias estéticas no sul da Flórida Uma das pacientes morreu após procedimento em Hialeah, e duas outras precisaram de atendimento urgente em Aventura

N

a semana passada, Ranika Hall, uma jovem de 25 anos de Kansas City, morreu depois de fazer um procedimento cirúrgico na Eres Plastic Surgery – mesmo centro de estética onde outra mulher faleceu em maio de 2016, em Hialeah, no condado de Miami-Dade. Conhecido como “Brazilian butt lift”, a cirurgia promete aumentar o bumbum. Entretanto, a intervenção fez mais duas vítimas na mesma semana. Duas mulheres foram submetidas ao procedimento na Seduction Cosmetic Surgery Center, em Aventura, e foram levadas às

Ranika (à esq.) morreu após procedimento em Hialeah. Shaberiya (dir.) é uma das pacientes internadas.

pressas para o hospital em estado grave depois que, segundo os médicos, elas tive-

ram complicações durante a cirurgia. Crystal Call, de 31 anos, voou de Nova York

para se submeter ao procedimento no sul da Flórida. Nesse mesmo dia, Shabe-

riya Hill, 28, também se submeteu ao procedimento na mesma clínica. Dr. Joshua Lampert foi o cirurgião plástico que atendeu as duas pacientes na sala de emergência no Hospital Aventura, depois que os paramédicos transportaram as jovens para lá. “Ambas tiveram sangramento grave, o que exigiu transfusões de sangue e cuidados intensivos”, explicou. A cirurgia que as três pacientes – a que morreu e as duas que estão internadas – se submeteram consiste na retirada de gordura abdominal para enxertá-lo no bumbum, aumentando

e deixando, esteticamente, mais “abrasileirado” – por isso o nome. Contudo, os três casos em uma semana mostram a importância de não se deixar levar por preço baixo quando o assunto é a saúde. Cirurgiões plásticos disseram que é importante para as pessoas que vão se submeter a cirurgia estética fazer uma pesquisa extensa antes de selecionar a clínica. “A cirurgia plástica mais barata é a cirurgia correta e feita do jeito certo”, disse o médico Pat Pazmino. Com informações do Local10 e 7News.


Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

PUBLICIDADE

9


10

IMIGRAÇÃO

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

Grupo desaparecido nas Bahamas embarcou para a travessia, diz PF

Rondonense morre em segunda tentativa de entrada ilegal nos EUA O brasileiro já havia morado ilegamente no país e tentava retornar

M Lucilei Cáritas é um dos integrantes do grupo que segue desaparecido.

Desde o dia 6 de novembro, 19 imigrantes, dentre eles 12 brasileiros, são considerados desaparecidos depois que ingressaram em um tentativa de travessia ilegal para os EUA. A Polícia Federal (PF) informou na última semana ter provas de que o grupo entrou no barco na data prevista para o embarque em direção à costa da Flórida. Dentre as provas para chegar a tal conclusão, segundo a chefe da Divisão de Direitos Humanos da PF, delegada Diana Calazans, está uma postagem na página pessoal do Facebook de um dos imigrantes no dia previsto para o embarque, 6 de novembro, que foi georreferenciada no oceano, em local próximo aos tradicionais pontos de saída dos imigrantes ilegais. “Fizemos um pedido ao juiz de

quebra dos sigilos telefônicos e tem algumas informações da estação de rádio-base do dia do desaparecimento. Então, temos estes dados que indicam que esses aparelhos foram utilizados até este dia e estavam georreferenciados em torres muito próximas ao litoral das Bahamas, do local de onde seria a saída do suposto barco”, explicou Diana. A delegada esclareceu, no entanto, que não há uma localização exata, apenas aproximada. “Não temos elementos do que aconteceu a partir daí”, afirmou Diana. Porém, na semana passada, representantes do Itamaraty que participaram de outra audiência afirmaram que a hipótese mais forte seria a de que a embarcação afundou. Com informações da Agência Brasil.

ais um brasileiro perdeu a vida tentando atravessar a fronteira entre o México e os Estados Unidos. Júlio Barcellos, 35 anos, de Rondônia, morreu afogado ao tentar atravessar o Rio Grande, na cidade de Nuevo Laredo, no México. O último contato do brasileiro com a família foi na noite do dia 25 de fevereiro, quando ele se preparava para iniciar a travessia da fronteira. A notícia sobre a morte de Júlio foi dada no 13, pelo Ministério das Relações Exteriores que ligou para a família e informou também que o corpo de Júlio não apresentava nenhuma marca de agressão ou perfurações e que provavelmente a causa da morte seria um afogamento, ocorrido durante a travessia do rio. No entanto, a família do brasileiro não acredita no motivo da

Júlio já havia morado nos EUA.

morte informado pelo Itamaraty. “Eles disseram que foi por afogamento., mas meu irmão sabia nadar

muito bem, era um cara esperto, sabia se virar. Achamos que ele pode ter sido assassinado por algum mexicano que fica na fronteira, foi vítima de disputa de coiote ou mesmo pode ter sido picado por alguma cobra porque dizem que lá tem muita”, afirmou Ananias Barcellos, irmão de Júlio, ao GAZETA. Segundo ele, esta seria a segunda vez que Júlio tentaria a travessia ilegal para os EUA. Na primeira tentativa ele conseguiu passar ao lado americano, viveu no país durante nove anos e retornou para Brasil para visitar os parentes. “Era humilde, bom, se relacionava bem com todo mundo”. A família busca recursos financeiros para poder levar de volta o corpo de Júlio até Jaru (RO), onde para velório e sepultamento.

Americano é preso ao cruzar fronteira com 4 chineses no porta-malas Agentes que trabalham nas fronteiras prenderam, no dia 14, um motorista que levava quatro pessoas escondidas no porta-malas de seu carro. Na fronteira de San Ysidro, os policiais pararam o carro para re-

alizar uma inspeção rotineira. A surpresa, no entanto, se deu ao abrirem o porta-malas e se depararem com três mulheres e um homem – todos chineses – contorcidos no pequeno espaço do Chrysler 200´s. Eles foram

levados detidos e serão deportados do país após responderem a um processo criminal. O motorista, um cidadão americano de 24 anos, foi preso e será julgado por crimes federais. Fonte: CNN.


IMIGRAÇÃO

Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

Brasileira condenada por tráfico humano e exploração é deportada

11

PERGUNTAS DE IMIGRAÇÃO

DRA. INGRID DOMINGUES-MCCONVILLE Carioca, é advogada formada nos EUA. Atua na área de imigração há mais de 20 anos. Tel: (954) 489-0009 Fax: (954)489-0090 - www.dmlawfl.com

A mulher, de 39 anos, era considerada fugitiva desde 2006 e foi presa em Baltimore

U

ma brasileira condenada por tráfico humano internacional para fins de exploração sexual e procurada pelas autoridades brasileiras foi deportada dos Estados Unidos na última terça-feira, 21. De acordo com boletim do U.S. Immigration and Customs Enforcement (ICE) divulgado no dia 22, Stefania Joaquina Campos Rezende, de 39 anos, era considerada fugitiva depois que um juiz de imigração emitiu uma ordem final para sua remoção em 2006 e foi detida em 14 de fevereiro por uma equipe da Operações de Remoção e Controle de fugitivos (Enforcement and Removal Operations – ERO) em Baltimore, onde aguardou a deportação realizada no dia 21. Rezende ficou detida na cadeia do Condado de Worcester, em Snow Hill, Maryland, desde que entrou sob custódia do ICE em

A brasileira foi entregue à Polícia Federal em Belo Horizonte.

fevereiro. Além de sua condenação no Brasil, ela também foi condenada por acusações graves de tráfico de drogas nos Estados Unidos. A brasileira foi entregue à Polícia Federal assim que chegou ao Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Belo Horizonte (MG), e cumprirá pena em sua con-

denação por tráfico de seres humanos. “O ICE está empenhado em perseguir, prender e remover criminosos internacionais que tentam usar os Estados Unidos como um refúgio seguro de sentenças de prisão”, disse a diretora do ERO em Baltimore, Dorothy Herrera-Niles. “A

remoção de pessoas condenadas manterá nossa comunidade segura e permitirá que as vítimas exploradas no Brasil recebam justiça”. Desde 1º de outubro de 2009, a equipe do ERO removeu dos Estados Unidos mais de 1.700 fugitivos estrangeiros que eram procurados em seus países nativos por cometerem crimes graves, incluindo sequestro, estupro e assassinato. No ano fiscal de 2016, o ICE realizou 240.255 remoções em todo o país, sendo 92% das pessoas deportadas condenadas por alguma infração penal. A equipe da ERO trabalha em conjunto com o Escritório de Operações Internacionais do Homeland Security Investigations (HSI), escritórios consulares estrangeiros nos Estados Unidos e a Interpol, visando identificar fugitivos estrangeiros ilegalmente presentes no país.

S.: Gostaria de saber quanto tempo, em média, demora o processo de visto religioso e se é muito burocrático conseguir. Ingrid Domingues: Todo processo é diferente e não é possível generalizar. Um visto religioso pode demorar meses, um ano ou até mais, tudo depende dos detalhes de cada caso. F.: Tenho uma empresa junto ao meu marido, em Paraty, que atua no reparo de embarcações. Anualmente viajo a Fort Lauderdale para o Boat Show e acabo comprando algumas peças para trazer. Gostaria de saber qual a real possibilidade em abrir uma filial na Flórida. Meu objetivo é morar em Lauderdale e poder exportar as peças para a minha matriz no Brasil, além de poder atuar no mesmo ramo nas marinas da Flórida. Minha empresa é uma microempresa, com apenas três funcionários. Isso seria um problema? Meu objetivo é viver com meu marido e a nossa filha legalmente na América, mas poder ir à Paraty com frequência, pois não tenho interesse em fechar a empresa aqui. Ingrid Domingues: Existe a possibilidade de você abrir uma filial nos EUA. O mais importante seria analisar os documentos da sua empresa no Brasil para podermos determinar a viabilidade. Entre em contato pelo email ingrid@dmlawfl.com J.: O meu filho é americano e está no Brasil, mas ele morou nos EUA por 6 anos. Quanto tempo ele tem que morar nos EUA para legalizar os pais? Ingrid Domingues: Se seu filho for maior de 21 anos, ele poderá iniciar um processo em seu favor mesmo morando no Brasil. Quer enviar sua pergunta sobre imigração? Acesse o nosso site www.GazetaNews.com e procure pela seção Pergunte ao Advogado.


12

IMIGRAÇÃO

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

Comunidade brasileira nos EUA volta a crescer Estado da Flórida lidera com maior número de brasileiros cidadãos e residentes, segundo último levantamento do DHS Marisa Arruda Barbosa

A

comunidade brasileira voltou a crescer, chegando a 361.374 pessoas em todos os Estados Unidos, de acordo com os dados do US Census Bureau e American Community Survey referentes ao ano fiscal de 2015 (outubro de 2014 a setembro de 2015). Depois de alcançar os níveis mais baixos dos últimos nove anos em 2012 (325.547), quando muitos brasileiros resolveram retornar ao Brasil devido a melhoria da economia daquele país e à crise econômica nos EUA, 2015 viu um aumento significativo na população de pessoas nascidas no Brasil vivendo nos EUA. Esse total não leva em

Do total de brasileiros nos EUA, 136.644 dizem ser cidadãos americanos, dos quais 30.098 vivem na Flórida e 21.749 em Massachusetts. consideraçao o número de pessoas nascidas no EUA de ancestralidade brasileira, o que acrescentaria 109,980. Embora a paulistana Flávia Proença Duddey, de 39 anos, já vivesse na Flórida há 10 anos, assim que se qualificou à cidadania americana, já tinha todo o processo pronto. “Eu sempre quis ser cidadã, mas também fiz isso pelos meus pais, porque eu tinha a intenção de trazê-los”, relata. “Eu tinha o processo de green card deles pronto e a única coisa que me faltava era o certificado de cidadania. Então tornei-me cidadã no 8 de janeiro de 2015 e mandei o processo deles imediatamente. Em três meses meus pais receberam o green card”. Ao trazer os pais para a Flórida, a especialista em conteúdo para mídia digital, que é filha única, pode contar com a presença dos pais na criação de seu filho, Matthew, hoje com 3 anos. Flávia e sua família estão entre a maioria dos brasileiros que têm escolhido a Flórida e Massachusetts para viver e reunir suas famílias. A Flórida tem uma população estimada em 73.656 brasileiros, e Massachusetts, 66.259, independentemente do status imigratório. Embora a Flórida tenha um número mais elevado, teoricamente os dois estados podem estar empatados por causa da margem de erro em torno dos 7%. Do total de brasileiros nos EUA, de acordo com o Census/ ACS 2015, 136.644 responderam que são cidadãos americanos, dos quais 30.098 vivem na Flórida e 21.749 em Massachusetts. Já os que responderam como não ci-

Flávia Proença Duddey está entre os 2.522 brasileiros que se tornaram cidadãos na Flórida em 2015.

dadãos (mas sem definir o status imigratório), foram 224.730 (dos quais 43.558 vivem na Flórida e 44.510 em Massachusetts). Mais detalhes sobre status imigratórios foram disponibilizados este mês no relatório anual do U.S. Department of Homeland Security, chamado Yearbook of Immigration Statistics 2015. Em 2015, das 730.259 pessoas que se naturalizaram nos Estados Unidos, 10.516 eram brasileiras. A Flórida segue sendo o estado com o maior número de naturalizações de brasileiros: 2.522, seguida por Massachusetts, com 1.767. O mesmo ocorreu com o número de brasileiros que receberam residência permanente (green cards): do total de 11.424 green cards dados a brasileiros em todo o país, 2.653 vivem na Flórida e 1.520 em Massachusetts, do total de 1.051.031 residências concedidas nos EUA em 2015. Disparidade Vale ressaltar que os números divulgados pelo Census são baseados em levantamentos e entrevistas. Como muitas pessoas se recusam a responder o questionário, o número não é totalmente preciso, e sim uma estimativa - ao contrário de dados oficiais informados por autoridades, como no caso de números de cidadanias, residências permanentes e vistos. O Ministério das Relações Exteriores estima que 2,5 milhões de brasileiros vivam no exterior; destes, 1,2 milhão nos EUA. Os números incluem tanto as pessoas que vivem legalmente quanto aquelas consideradas irregulares pelo governo brasileiro. A estimativa do Itamaraty leva em conta estatísticas elaboradas pelos países que acolhem os brasileiros e dados referentes à movimentação nos consulados do Brasil pelo mundo.

População de pessoas nascidas no Brasil vivendo nos EUA* 2007 - 338.853 2008 – 332.632 2009 - 359.149 2010 - 339.613 2011 - 329.861 2012 - 325.547 2013 - 337.040 2014 - 335.608 2015 - 361.374

*Dados do US Census Bureau/ American Community Survey

Naturalizações em 2015** Total: 730.259 Flórida: 81.960 (total) Total de brasileiros: 10.516

Brasileiros que obtiveram a cidadania por estado (principais): Arizona - 74 California – 1.110 Colorado - 105 Connecticut - 447 Flórida – 2.522 Georgia - 420 Illinois - 146 Maryland – 174 Massachusetts – 1.767 Michigan - 80 Nevada - 90 New Jersey - 719 New York - 753 North Carolina - 137 Ohio - 68 Pennsylvania - 130 Texas - 486 Virginia - 170 Washington - 106 Outros – 999 Desconhecido - 13

Perfil dos brasileiros naturalizados nos EUA: Total: 10.516 Idade: Menores de 18 anos: 0 18 a 24 – 696 25 a 34 – 2.783 34 a 44 – 3.403

45 a 54 – 2.296 55 a 64 – 998 Acima de 65 anos – 340 Ocupação: Gerência, profissionais e ocupações relacionadas: 1.892 Serviços: 1.339 Vendas e ocupações em escritórios: 1.042 Ocupações relacionadas a fazendas, pesca e florestas: 26 Construção, extração e manutenção: 267 Produção e transporte: 630 Militares: 39 Sem ocupação ou não trabalhando fora de casa: 2.121 Dona/dono de casa (homemaker): 735 (719 mulheres) Estudantes ou crianças: 387 Aposentados: 104 Desempregados: 895 Ocupação desconhecida: 3.160

Connecticut - 337 Flórida – 2.653 Georgia - 442 Illinois - 203 Maryland - 175 Massachusetts – 1.520 Michigan - 140 Nevada - 80 New Jersey - 805 New York - 690 North Carolina - 172 Ohio - 118 Pennsylvania - 230 Texas - 617 Virginia - 201 Washington - 208 Outros – 1.251

Residências em 2015**

Total EUA – 76.638.236 Total de brasileiros: 2.505.525 Tipos de visto: Turistas e viagens a negócios – 2.383.822 Estudantes e visitantes de intercâmbio - 59.078 Diplomatas e outros representantes – 9.497 Todas as outras classes – 8.058 Classes desconhecidas – 1.057 Trabalhadores temporários brasileiros e famílias: 44.013 Trabalhadores em ocupações especiais (H1B) – 6.659; Trabalhadores sazonais agrícolas (H2A) - 14; Trabalhadores sazonais não-agrícolas (H2B, H2R) – 64; Trabalhadores com habilidades extraordinárias (O1, O2) – 1.948; Atletas e artistas (P1 a P3) – 1.656; Transferências de empresas (L1) – 18.309; Investidores (E1 a E3): 570; Outro - 14.793.

Total: 1.051.031 Flórida: 118.873 Total de brasileiros: 11.424

Perfil dos brasileiros que se tornaram residente permanente Idade: Menores de 18 anos: 1.291 18 a 24 – 990 25 a 34 – 3.698 34 a 44 – 2.653 45 a 54 – 1.467 55 a 64 – 849 acima de 65 anos – 476 Ocupação: Gerência, profissionais e ocupações relacionadas: 1.798 Serviços: 363 Vendas e ocupações em escritórios: 221 Ocupações relacionadas a fazendas, pesca e florestas: 13 Construção, extração e manutenção: 265 Produção e transporte: 162 Sem ocupação ou não trabalhando fora de casa: 3.914 Dona/dono de casa (homemaker): 1.203 (1.186 mulheres) Estudantes ou crianças: 1.751 Aposentados: 206 Desempregados: 754 Ocupação desconhecida: 4.688

Formas de admissão:

Através de membros da família (family sponsored) - 452 Através de empregador (employment-based) - 2.725 Parentes imediatos de cidadãos americanos (immediate relatives of US citizens) - 7.903 Diversidade (diversity) – 21 Refugiados e asilados) - 116 Outro - 207

Brasileiros que obtiveram residência por estado (principais): Arizona - 89 California – 1.397 Colorado - 96

Brasileiros recém-chegados: 2.511

Ajuste de status: 8.913 Admissões de não-imigrantes** (I-94) em 2015

Imigrantes presos**:

2015 -Total: 462.388 Brasileiros: 1.911 2014 -Total: 679.996 Brasileiros: 1.643 2013 - Total: 662.483 Brasileiros: 1.702

Estrangeiros barrados de entrar nos EUA** 2015 -Total: 253.509 Brasileiros –1,165 2014 - Total: 223.253 Brasileiros - 873 2013 -Total: 203.962 Brasileiros: 809

Total de deportações**: 2013 - Total:178.691 Brasileiros: 491 2014 -Total: 163.245 Brasileiros: 478 2015 - Total: 129.122 Brasileiros: 476

**Yearbook of Immigration Statistics 2015


EUA

Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

13

Estudo aponta influência do Rio Amazonas em furacões no Atlântico A influência pode ter contribuído, inclusive, com o furacão Matthew

U

m estudo da Universidade de Miami descobriu que as águas doces e frescas despejadas de rios da América do Sul, especialmente do Rio Amazonas, no mar quente do Caribe, podem estar ajudando ciclones e furacões a ganharem intensidade rapidamente ao longo do Atlântico. A influência, segundo pesquisadores, pode ter contribuído, inclusive, para o furacão Matthew, registrado em outubro do ano passado, ter sido tão devastador, principalmente no Caribe. Esta “nuvem” salobra so-

bre o mar, efeito semelhante ao do óleo sobre a água, impede a mistura da água fria com a mais quente, o que pode estar ajudando os furacões e ciclones a se intensificarem rapidamente, de acordo com um estudo da Universidade de Miami publicado no Journal of Geophysical Research na última semana. O estudo de Johna Rudzin, doutoranda na Escola Rosenstiel de Ciências Marinhas e Atmosféricas da UM e principal autora da pesquisa, começou há dois anos, quando uma equipe do Laborató-

rio de Dinâmica do Alto Oceano instalou 55 sensores no mar do Caribe para medir a temperatura do oceano, a salinidade e as correntes marítimas. O objetivo era entender melhor as características dos redemoinhos de águas mornas na região, que provavelmente são originários da corrente norte do Brasil. “Isso é meio problemático, sabendo que muitos furacões passam por aquela região”. O furacão Matthew, que cresceu até se tornar uma perigosa tempestade de Ca-

tegoria 5 com ventos de 160 mph, ganhando 80 mph em 24 horas, é um dos exemplos de como é necessário entender o que acontece naquela região do planeta. A temporada de furacão inicia oficialmente a partir de 1º de junho e segue até o final de novembro. O Centro Nacional de Furacões divulgou os nomes de furacões de 2017: Arlene, Bret, Cindy, Don, Emily, Franklin, Gert, Harvey, Irma, Jose, Katia, Lee, Maria, Nate, Ophelia, Phillippe, Rina, Sean, Tammy, Vince e Whitney.

Furacões e ciclones podem estar sofrendo influência.

Proposta do governo Trump pretende cortar mais de $1 bi de dólares da educação O chefe de orçamento do governo Trump, Mick Mulvaney, anunciou a proposta de cortes de verbas para programas extracurriculares das escolas, o qual pode vir a afetar cerca de dois milhões de crianças em todo o país. No projeto de orçamento

do presidente Donald Trump para o próximo ano está previsto o fim do programa “21st Century Community Learning Centers”, criado com o objetivo de garantir programas escolares antes e após as aulas e durante as férias.

A medida também corta o acesso de estudantes carentes ao programa de refeições gratuitas financiado por verbas federais. De acordo com Mulvaney, “não há provas” sobre a eficiência desses programas que “supostamente ajudam

crianças que não são alimentadas em casa para que rendam na escola (…), não provaram que estão conseguindo isso, ajudar as crianças na escola”. O governo Trump ressalta que a eliminação de verbas para os programas extracur-

riculares representará uma economia de $ 1,2 bilhão de dólares. De acordo com o Departamento de Educação dos EUA, dados dos anos escolares de 2013 e 2014 (últimos anos em que os dados estão disponíveis) mostraram que

a participação dos estudantes no programa Community Learning Center ajudou a melhorar o comportamento e realizações dos alunos. Metade dos estudantes apresentou melhora em atividades como o homework e na participação em sala. Fonte: Time.


14 EUA

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

SAÚDE FINANCEIRA

saudefinanceira@gazetanews.com

POR CLAUDIA FEHRIBACH

Como evitar fraudes Carioca, formada em Artes pela Universidade do Rio de Janeiro. Conselheira financeira especialista em orçamento, aconselhamento de crédito pessoal e hipotecas reversas. Atua na empresa DebtHelper. com. Envie sua dúvida por email para claudia@ debthelper.com ou ligue (561) 472-8013.

V

ocê conhece o “Federal Trade Commission”? Este é um órgão criado em 1914 com o intuito de evitar práticas comerciais que não sejam profissionais ou que sejam enganosas ou injustas para os consumidores. Com o passar dos anos, o Congresso Americano passou certas leis dando uma autoridade ainda maior a este órgão. Segue uma lista de ações que você pode fazer para evitar cair na mão de agentes fraudulentos. 1) Fique esperto! Ache os impostores. “Scammers” fingem frequentemente ser alguém em quem você confia, como um funcionário do governo, um membro da família, uma instituição de caridade ou uma empresa que você faz negócios com frequência. Não envie dinheiro, nunca! Não forneça informações pessoais em resposta a um pedido inesperado como um texto, telefone ou e-mail. Quem já não ouviu falar das ligações do “IRS” dizendo que você deve dinheiro a eles? 2) Faça pesquisas on-line.

tros do gênero. Escritórios governamentais não exigem que você use este tipo de método de pagamento.

Digite o nome de uma empresa ou produto colocando palavras-chave como: “reviews”, “complaint” e “ scam” ou procure uma frase que descreva a sua situação, como “IRS call”. Você pode até pesquisar pelos números de telefone e ver se outras pessoas também relataram como “scams”. 3) Não acredite no seu identificador de chamadas. A tecnologia faz verdadeiros milagres neste setor e nem tudo o que parece ser, realmente é, de maneira que o número que você vê não é sempre real. Se alguém liga pedindo di-

nheiro ou informações pessoais, desligue se você desconfia que o pedido pode estar vindo de uma fonte que não seja genuína. Ligue para um número oficial que você conhece e comprove. 4) Considere o que você paga. Os cartões de crédito têm proteção contra fraude incorporada, mas outros métodos de pagamento não. Envio de dinheiro através de serviços como Western Union ou MoneyGram é arriscado porque é quase impossível obter o seu dinheiro de volta no caso de uma fraude. Isso também é verdade para cartões recarregáveis como MoneyPak, Reloadit ou ou-

6) Fale com alguém. Antes de dar dinheiro, informações pessoais, fale com alguém em quem você confia. Golpistas querem que você tome decisões com pressa. Eles podem até ameaçá-lo. Desacelere, confira a história, faça uma pesquisa, procure um especialista. Não resolva nada na pressa. 7) Desligue os robocalls. Se atender o telefone e ouvir um discurso de vendas gravado, desligue o telefone e relate o acontecido ao FTC. Essas chamadas são ilegais e, muitas vezes, os produtos são falsos também. Não pressione 1 para falar com uma pessoa ou para ser retirado da lista pois, na verdade, isto poderia levar a mais chamadas. 8) Seja cético sobre as ofertas de avaliação gratuita. Algumas empresas usam este método para fazê-lo se inscre-

ver para os produtos e cobrarem uma taxa automática todo mês até você cancelar. Antes de você concordar com um teste gratuito, pesquise a empresa e leia a política de cancelamento. E sempre reveja os seus extratos de banco e de cartão de crédito. Se você não reconhece, aja imediatamente! 9) Não deposite um cheque com promessa de receber dinheiro de volta. Por lei, os bancos devem liberar o dinheiro em cheques depositados em um prazo pequeno e descobrir um cheque falso pode levar semanas. Se o cheque que você depositou for falso, você será responsável pelo reembolso do banco. E neste conto da “ carochinha”, muita gente já caiu... 10) Inscreva-se para receber alertas de fraude grátis. Obtenha as dicas e conselhos mais recentes sobre fraudes enviadas diretamente no seu email, através do site www.ftc.gov/scams. E, em caso de queixas, ligue para 877-382-4357. Boa semana a todos!


MUNDO 15

Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

Governo suspende exportação de 21 frigoríficos investigados na Carne Fraca

Ataque em Londres pode ter sido terrorista, aponta polícia Foto: Toby Melville/Reuters.

Nos EUA, especialistas preveem um maior rigor para a entrada de carne do Brasil Foto: Flickr.

O

ministro da Agricultura, Blairo Maggi, afirmou no dia 20 que proibiu, preventivamente, a exportação de carnes produzidas por 21 frigoríficos investigados na operação Carne Fraca, da Polícia Federal, mas a venda no mercado brasileiro continua liberada. A operação deflagrada na manhã de sexta-feira, 17, pela Polícia Federal (PF), investiga a venda ilegal de carnes e prendeu pelo menos 20 fiscais do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento suspeitos de envolvimento em um esquema de liberação de licenças e fiscalização irregular de frigoríficos. Gravações telefônicas obtidas pela Polícia Federal apontam que vários frigoríficos do país vendiam carne vencida tanto no mercado interno quanto para exportação. Segundo a polícia, a “Carne Fraca” é, em números, a maior operação já realizada

Escândalo envolve grandes marcas, autoridades e partidos.

pela PF no país. O delegado federal Maurício Moscardi Grillo afirmou que os partidos PP e PMDB eram beneficiados com propina envolvendo o esquema nos últimos 2 anos. Impacto mundial A União Europeia, um dos maiores consumidores de carne de boi e frango do Brasil (só no ano passado im-

portou $2,5 bilhões), exigiu informações das autoridades brasileiras e pediu a suspensão das exportações para o bloco de todos os estabelecimentos envolvidos na investigação. Segundo o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), as vendas de carne para a União Europeia, Coreia do Sul e China cresceram nos últimos anos

䤀一䐀䔀倀䔀一䐀䔀一吀䔀 䐀伀 匀䔀唀 匀吀䄀吀唀匀 䤀䴀䤀䜀刀䄀吀팀刀䤀伀⸀  嘀伀䌀쨀 吀䔀䴀 䐀䤀刀䔀䤀吀伀匀℀ 吀愀洀戀洀 挀甀椀搀愀洀漀猀 搀攀㨀

䌀伀一匀唀䰀吀䔀 一伀匀匀伀匀  䄀䐀嘀伀䜀䄀䐀伀匀℀

뜀 䄀挀椀搀攀渀琀攀猀 搀攀 挀愀爀爀漀 攀 搀攀 琀爀愀戀愀氀栀漀 뜀 倀爀漀挀攀猀猀漀猀 䌀爀椀洀椀渀愀椀猀 ⠀䐀䤀唀⤀ 뜀 䐀椀瘀爀挀椀漀 渀漀猀 䔀唀䄀 攀 渀漀 䈀爀愀猀椀氀 뜀 䴀甀氀琀愀猀 搀攀 琀爀渀猀椀琀漀 뜀 吀爀愀搀甀攀猀 뜀  뜀 䤀洀椀最爀愀漀

㠀㄀㘀 匀䔀 㤀吀䠀 匀琀爀攀攀琀Ⰰ 匀甀椀琀攀 ⌀䄀  䐀攀攀爀爀攀氀搀 䈀攀愀挀栀Ⰰ 䘀䰀 ⴀ 娀䤀倀 ㌀㌀㐀㐀㄀ 眀眀眀⸀琀漀琀愀氀栀攀氀瀀漀渀氀椀渀攀⸀挀漀洀

e ganharam peso na pauta exportadora brasileira. Em 2013, somaram $ 2,82 bilhões, o equivalente a 17,8% de toda a exportação de carne do Brasil a outros países. Em 2016, passou para $ 3,67 bilhões, 27,2% do total. Apenas para a China, maior comprador brasileiro, as exportações de carne brasileira passaram de $ 445 milhões, em 2013, para $ 1,75 bilhão, em 2016. Nos EUA, o Drug Enforcement Administration (DEA), que regula o serviço de segurança e inspeção de alimentos no país, entrou em contato com o governo brasileiro a fim de saber qual a proporção da situação quanto ao mercado americano. Segundo o órgão, toda carne que entra nos EUA passa por uma reinspeção, mas especialistas preveem um maior rigor para a entrada de carne brasileira no país, além de queda nos números de exportações de agora pra frente.

Pelo menos cinco pessoas morreram no ataque.

Um ataque próximo ao Parlamento britânico, em Londres, na tarde de quarta-feira, 22, deixou pelo menos cinco mortos e 40 feridos segundo jornais locais. As vítimas fatais incluem uma mulher e um policial, além do próprio suspeito de ser o autor da agressão, segundo o chefe de contra terrorismo da Scotland Yard, Mark Rowley. Um carro atropelou um grupo de pessoas na Ponte de Westminster e, logo depois, o suspeito deixou o veículo e avançou em direção ao Parlamento, atingindo um policial com uma faca.

A polícia foi acionada por volta de 2:40pm (horário local) e um suspeito foi baleado pela polícia. O Departamento de Estado norte-americano informou que está monitorando o incidente próximo do Parlamento britânico. A polícia britânica trata o incidente como um ataque terrorista até que a motivação dos disparos seja esclarecida e o Parlamento escocês vai reforçar a segurança embora não tenha recebido nenhum tipo de ameaça. O local foi isolado e as atividades parlamentares foram suspensas. Com informações da Reuters e CNN.


16

MUNDO

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

NOSSO IDIOMA

POR RODRIGO MAIA | rodrigo@gazetanews.com

Seção, sessão ou cessão? Graduado em Jornalismo, Radialismo e Letras, é especialista em Língua Latina e mestre e doutor em Língua Portuguesa pela PUCSP. Atua há 16 anos em redações de jornalismo, em grandes emissoras de TV. Atualmente é colunista da Rede Record, biógrafo na IBEP e professor universitário.

P

ronúncia igual, ortografia diferente. As três palavras que constituem o título da coluna de hoje são pronunciadas de forma idêntica. Porém, têm ortografia e significado distintos. Por essa razão, acredito, recebo, todos os dias, dezenas de perguntas sobre a ortografia do Português. São reclamações em relação às regras, exceções e palavras parecidas na fala, mas diferentes na escrita. Muitos pedem a simplificação das formas ortográficas com a argumentação de que o importante é a comunicação. Como venho dizendo aqui em nossa coluna, devemos estar abertos às mudanças da Língua. Contudo, não podemos esquecer da história. Afinal, a maioria das palavras não nasceu do dia pra noite. Com o tempo e as mudanças ortográficas, determinados vocábulos ficaram muito parecidos. Veja o caso das formas CESSÃO, SESSÃO E SEÇÃO. CESSÃO (com c e ss) vem do verbo latino “cedere”, que significa ceder, não resistir a alguma coisa. O particípio latino de “cedere” é “cessus” (com c e ss), que vai originar a forma “cessio”: “aquilo que foi cedido a alguém”. Assim, a palavra cessão, que em Português significa o ato de ceder,

é escrita com C e SS. Exemplo: “O artista fez a CESSÃO dos direitos autorais”. No caso de SESSÃO (com s e ss), a origem latina é o verbo “sedere” (sentar). O particípio de “sedere” em Latim é “sessus” (com s e ss). Essa forma vai originar “sessio” que quer dizer “ficar sentado, esperando alguma coisa”. Por isso, usamos SESSÃO para fazer referência a uma reunião, assembleia ou período em que ficamos sentados para participar de alguma ocasião. Exemplo: “Hoje, a SESSÃO de cinema será às 19h.” Desse exemplo latino do verbo “sedere” (sentar), podemos entender a palavra sedentário, que faz referência àquele que fica sentado. Já SEÇÃO (com s e ç) vem do verbo latino “secare” (cortar). O particípio de “secare” é “sectio”, que significa aquilo que foi cortado. Os particípios latinos formados com a consoante “T” vão chegar em Português com “Ç”. Por isso, “sectio” (com S e T), vai originar, em Português, a palavra seção (com S e Ç). Seção significa uma divisão, um corte.

Exemplo: “ A SEÇÃO de brinquedos fica no piso superior.” Para melhorar seu entendimento sobre essa mudança de “T” (Latim) para “Ç” (Português), veja outro exemplo. O verbo latino “nare” (nadar) tem o particípio “natatus”. Como o particípio é formado com a consoante “T”, o substantivo chega em Português com “Ç”. Assim, escrevemos natação, também, com Ç. Percebeu como a explicação histórica pode esclarecer o motivo pelo qual determinadas palavras são escritas com S, SS ou Ç?

Defendo aqui apenas um entendimento para os fenômenos da Língua, e não a famosa decoreba. Não podemos apenas ouvir: “é assim e ponto final”. No caso das palavras que têm pronúncia igual e ortografia diferente, é preciso estudar a origem para entender. Além disso, é sempre bom lembrar que a escrita não é uma reprodução fiel da fala. Com os exemplos de hoje, entendemos isso de forma objetiva. Sons iguais, mas forma e significados diferentes. Esse é o nosso querido Português.

Participe! Mande suas dúvidas para o e-mail rodrigo@gazetanews.com. Quero fazer os textos dessa coluna de acordo com o que os leitores precisam e querem saber. Espero sua mensagem!


Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

PUBLICIDADE

17


18 ESPORTE POR DANIEL GALVÃO

Jornalista especializado na cobertura política e econômica do Brasil e do mundo. Credenciado pela Federação Internacional de Jornalistas, tem passagens em diversos veículos de comunicação no estado do Rio de Janeiro. Pastor por vocação, marido por amor e pai de duas meninas como missão.

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017 daniel@gazetanews.com

Ingressos para Barça e Real em Miami chegam a custar $25 mil dólares Os dois gigantes espanhóis já confirmaram o amistoso na Flórida no dia 29 de julho

O

dia 29 de julho ficará marcado na história do futebol americano e mundial como a data do primeiro clássico entre Real Madrid e Barcelona disputado em Miami. Os dois gigantes espanhóis já confirmaram o amistoso na Flórida e os interessados em garantir sua vaga entre os 65 mil espectadores no Hard Rock Stadium já podem comprar seu ingresso online. Mas é bom saber que assistir a Messi e Neymar de um lado e a Cristiano Ronaldo e Marcelo de outro vai custar caro. Apesar de as

vendas oficiais só terem iniciado oficialmente na última segunda-feira, dia 20, os ingressos para o “El Clássico” já vêm sendo comercializados no site StubHub há alguns dias, chamando a atenção para os preços salgados. A pré-venda, é bom frisar, já havia começado no último dia 17 de março. Para se ter uma ideia, o ingresso mais caro está sendo vendido por $25 mil dólares, enquanto o mais barato está custando $545 dólares A meta da equipe de organização do encontro é colocar

dos EUA a longo prazo, além do desenvolvimento do esporte no país. Ao ser questionado sobre a possibilidade de contratar um astro como Cristiano Ronaldo, ele deixou claro que sonha com o

Dentro e fora de campo Os feitos do Botafogo dentro de campo estão impressionando muita gente, mas fora dele o impacto se mostra ainda maior. Os 6,7 pontos de audiência no Ibope - algo em torno de 4 milhões de pessoas - que acompanharam a vitória por 2 a 1 sobre o Estudiantes, da Argentina, na estreia da fase de grupos da Libertadores da América, reforça o novo momento do clube. Os números são tão expressivos que superaram até a audiência da histórica goleada do Barcelona por 6 a 1 sobre o PSG na Liga dos Campeões.

Alonso, o melhor! O ingresso mais barato está custando $545 dólares.

o ingresso mais barato a 150 dólares e os vips a $1 mil dólares. Nas redes sociais, além das críticas aos preços altos

dos ingressos, muitas pessoas questionam se as estrelas de ambas as equipes estarão em campo neste jogo.

Presidente da MLS sonha com chegada de Cristiano Ronaldo Esta semana, durante o Football Talks que está sendo realizado em Portugal, o presidente da Major League Soccer (MLS), Gary Stevenson, afirmou que o objetivo dos norte-americanos é consolidar cada vez mais a liga

RÁPIDAS

craque português, mas adotou o discurso da cautela: “Contratar Cristiano Ronaldo? Não contrato jogadores. Nosso objetivo é ter jogadores desse nível, mas com certeza não será amanhã”, afirmou.

O português, de 32 anos, é um dos jogadores mais bem pagos do mundo e, há pouco tempo, renovou o contrato com o Real Madrid até 30 de junho de 2021. Realmente, missão quase impossível tirá-lo da Espanha.

Após a aposentadoria de Nico Rosberg, muito se cogitou sobre quem seria o novo piloto da Mercedes, para fazer parceria com Lewis Hamilton. O nome de Fernando Alonso foi cogitado, mas a escuderia alemã acabou optando pelo finlandês Valtteri Bottas. Para Emerson Fittipaldi, bicampeão mundial de Fórmula 1, a dupla do britânico com o espanhol poderia ser complicada, mas o brasileiro não tem dúvidas de quem é o melhor. “Para mim, Alonso é o melhor, o mais completo”, disse.

Descanso e polêmica LeBron James não gostou nada de todas as críticas que vêm ouvindo nos últimos dias por ter descansado na partida contra o LA Clippers, no dia 18. Esta semana, desabafou: lembrou que a prática já é bem antiga na NBA e até se viu ‘perseguido’.


Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

PUBLICIDADE

19


20 ENTRETENIMENTO

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

Casal catarinense cruza 12 países de carro para realizar o sonho de chegar ao Alasca “Vivemos o simples e o descomplicado. Moramos no carro. Cada dia em uma cidade, em um país”, diz a fotógrafa Luciene Arlaine Castro

O

casal de fotógrafos catarinenses Walfredo Kuum, 61 anos, e Luciene Bittencourt, 58 anos, compartilham da paixão pela estrada e por novos lugares, tanto que se formaram em turismo e depois fizeram pós-graduação em fotografia, para juntar o sonho de conhecer novos lugares com o prazer de registrá-los. Dentro desse propósito, além das diversas outras viagens feitas pelo casal surgiu o projeto da expedição fotográfica ao Alasca “Vamos Kumm Tudo”. Sem um roteiro pré-definido e o custeio ficando por conta dos trabalhos fotográficos vendidos ao longo do caminho e, é claro, da economia que fizeram para poder realizar mais esse sonho. “Eu tinha o sonho de fazer essa viagem desde 1989”. Segundo a catarinense, para isso, era fundamental estar com boa saúde e foi assim

que ela emagreceu 60 quilos. “O foco passou a ser essa viagem, então direcionamos nossa vida para que pudéssemos realizá-la”. Nessa mais recente viagem, o casal saiu de Florianópolis no dia 27 de fevereiro de 2016 e chegou ao Alasca quase cinco meses depois, no dia 25 de julho. Na rota, passaram por diversos países como Peru, Equador, Colômbia, Panamá, Costa Rica, Nicarágua, Honduras, Guatelama, México, Estados Unidos, Canadá e Alasca. Toda a travessia, segundo casal, foi tranquila. “Nós cruzamos todos os países sem problema nenhum, sem estresse, sem propina, fomos muito bem recebidos em todas as aduanas”. Momentos marcantes Passar tempo na estrada viajando e dormir tendo o céu como “teto” possibilita experimentar momentos únicos como um incrível por do sol e o nascer da lua na praia de

Malibu, que segundo Luciene, foi um dos momentos mais marcantes da viagem. Para ela, a parte mais complicada foi a estadia de 72 dias no Alasca. “Como a gente dormia em barracas, quando acordávamos pela manhã a barraca estava cheia de gelo por dentro. Ficava difícil trocar o pijama pela roupa normal. Quando saímos de lá, a temperatura estava menos 14 ºC”, conta. Foram cinco meses andando pelo frio no Norte dos Estados Unidos e meio-oeste do Alasca. Segundo a fotógrafa, a chegada ao círculo Ártico foi o momento que se deram conta da realização do sonho. O encontro com um dos fenômenos mais bonitos da natureza ocorreu em uma das noites mais lindas, conta a brasileira. A emoção por ficar cara a cara com a aurora boreal foi tanta que Luciene e Walfredo entraram em êxtase. “Não sabíamos se apertávamos o botão da máquina ou

Casal de fotógrafos une o útil ao agradável, e assim realiza o sonho de conhecer diversos lugares.

se simplesmente ficávamos admirando. A tão sonhada aurora boreal apareceu para nós numa das noites mais lindas, numa temperatura de 7 ºC. Durante 17 dias pudemos fotografá-la. É um fenômeno maravilhoso!”, lembra ela, destacando também outro desejo realizado: ver ursos polares. Novo foco, novo objetivo Em outubro passado, o casal deixou o Alasca rumo à Flórida, onde chegou em fevereiro deste ano. Contando a

viagem desde a saída de Santa Catarina, foram 65 mil quilômetros rodados. Durante toda a viagem, Luciene e Walfredo fazem da Land Rover sua moradia. “Temos uma barraca como teto. Dormimos em estacionamentos de lojas, supermercados, postos de gasolina, campings, praias”, conta a catarinense. De acordo com ela, a maneira simples como o casal leva a vida em um carro pode passar a ideia de que não se vive bem. “Mas como a gente tem um objetivo a cada

dia, não importa que tenhamos que passar por algum sacrifício. Nossa meta é alcançar esse objetivo e aproveitar a vida”. Apesar de não ter conforto nenhum, não ter banheiro, Luciene conta que as aventuras têm dado certo. “Somos muito felizes do jeito que estamos vivendo”, ressalta. Para acompanhar o trabalho do casal, acesse http:// www.familiakumm.com.br/ ou o Facebook: /FamiliaKummAdventurePhotos.


MODA

Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

FASHION REPORT Por CARLA MCCARTHY

fashion@gazetanews.com Carioca, formada em fashion designer, atualmente vive na Flórida e atua na área de Fashion Consultant e Wardrobe Specialist para revistas. É proprietária da Cougar Vintage.

21

Webpage: www.carlamccarthy.com | Vintage: https://www.cougarvintage.etsy.com | Instagram: @carlamccarthyofficial | Twitter: @cougarvintage | Facebook: www. facebook.com/carlamccarthy

Slip-ons para a primavera e verão!

P

aramos um momento para apreciar o que o estilo de rua tem feito por nós. Isso dá um vislumbre de como é andar entre a multidão da moda. Ele tem comemorado seriamente incógnitas elegantes ao lado de celebridades profissionalmente vestidas, lembrando-nos que a moda é para todos. Certo? Mas não esquecendo a única coisa que deveríamos ser muito gratos: os calçados confortáveis e em tendência que atualmente desfrutamos. A última tendência de primavera são os queridinhos slip-ons, ou no caso, chinelos! Os últimos vêm em cetim com muitos enfeites de pérolas, joias e bolas. Os chinelos da piscina foram atualizados para chinelos da festa na piscina. As cores estão tendendo para matizes brilhantes, bem como branco total. Seja qual for a altura do calcanhar, o conforto ainda é chave, então vá em frente: deslize para a primavera. Seus pés irão agradecê-lo.

Chinelos de laço: Simplesmente o epítome do básico!

Mules de cetim: Considere esses chinelos de salto grosso uma forte tendência.

Chinelos de cetim: Detalhes de pérolas podem ser usadas com jeans.

Chinelos de piscina: Esses já foram de piscina, agora, vão às festas na piscina.

Mules brancas: Se você ainda não usou, agora é hora de despontar seu lado fashionista.

1562 SE 3ct, Deerfield Beach ­ The Cove Mall 954.4209163   www.charlotte.shoes


22

DICAS DE COMPRA

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

FIND OUT

Por MILENE KANDA

findout@gazetanews.com Curitibana, formada em publicidade e jornalismo, trabalha como apresentadora de TV e redatora em mídias sociais. Vive entre Los Angeles e Curitiba. Criadora do site Comprei nos EUA, onde dá dicas e presta assessoria em compras. Site: compreinoseua.wordpress.com | Facebook: www.facebook/compreinoseua

Dicas bacanas de produtos para transportar água

Água com sabor Esta garrafa possui infusor para dar um sabor especial à tradicional água. São várias possibilidades de combinações com frutas e hortaliças. Gengibre com hortelã, por exemplo, deixa á água refrescante e acelera o metabolismo. Flavor Water Bottle With Infuser da Asobu: $14.99

Mantendo a temperatura

Minimalista

Já esta garrafa possui revestimento duplo de aço inoxidável, o que mantém a bebida gelada ou quente por mais tempo. Esta tecnologia também evita o “suor” na parte externa da garrafa. A tampa vem com uma tira para facilitar o transporte. Vacuum Insulated Stainless Steel Water Bottle da MAKI: $16.99

O que me chamou atenção nessa garrafa foi o design clean e minimalista. Parece um minigalão, né? A forma retangular permite carregar dentro de bolsas sem fazer volume. Também cabe em qualquer cantinho da geladeira. Water and Beer E Flask da Asobu: $13

Kids Moderninha A proposta do Kor One é ser uma garrafa moderna que alia design e praticidade. A garrafa é transparente, para quem gosta de enxergar o líquido; a base é antiderrapante e não risca superfícies; e a tampa fica conectada, permitindo manuseá-la com apenas uma mão. KOR ONE Water Bottle: $30

As crianças (e as mães) vão adorar essa garrafinha. Ela é retangular, como uma embalagem de suco, e possui capacidade de 300ml. A alça colorida libera o canudinho e também funciona como corta pingo. Perfeito para levar na lancheira sem o perigo de vazar ou estourar. Juicy Drink Box for Kids da Asobu: $12.99


SAÚDE

Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

23

SAÚDE & BEM-ESTAR Por Dra. Ivani Manzzo

ivani@gazetanews.com Dra. Ivani Manzzo é doutora em Ciências pela Escola Paulista de Medicina UNIFESP - EPM com ênfase em obesidade, gestação e exercício. Em 2010 iniciou seus estudos em Life Coach e desde então trabalha ajudando as pessoas a alcançarem seus objetivos. Site: www.myclickcoach.com | Email: ivani@gazetanews.com

O coaching e as barreiras para a perda de peso

O

processo de coaching está cada dia mais conhecido e cada dia com mais aplicabilidade e ramificações. Comparado com a psicologia e com a psicanálise, nós, coaches, somos bebês. Mas temos feito grandes conquistas e uma das áreas mais promissoras para mais conquistas é a área da saúde. Existem muitas enfermidades que têm na sua gênese aspectos psicológicos e comportamentais e, nesses aspectos, os medicamentos podem não ser tão bem-vindos. Isso porque os efeitos dos medicamentos que agem sobre o comportamento e pensamentos têm efeitos colaterais indesejados e perigosos. É nesse momento que o processo de coaching pode ter uma grande importância. Esse processo não se parece com a psicologia. Podemos explicar isso de forma bem

simples. No processo de coaching, você detecta seu objetivo e a meta é chegar nele. Na terapia, você detecta seu problema é a meta é resolvê-lo. Sem dúvida, o processo de coaching é mais rápido, mas não mais importante e nem exclui os benefícios da terapia. Com relação à perda de gordura corporal, há muito tempo existem duas intervenções não medicamentosas e nem cirúrgicas que vem sendo usadas. O controle alimentar e exercícios. E, claro, eles continuam sendo muito eficientes. Mas, obviamente eles só funcionam se forem feitos e aí reside um grande problema, a desistência. A maioria das pessoas que buscam a dieta e os exercícios para a perda de gordura corporal desiste. Eu diria que a grande maioria das pessoas que

deseja perder gordura corporal e que realmente precisa perder por uma questão de saúde, é sedentária e come errado. Mudar isso não é simples quando se está sozinho. Esse problema tratado pela terapia pode ser solucionado com certeza, mas vai demorar. Esse problema tratado pelo coaching tem grandes chances de ser ultrapassado. Os estudos mostram que as pessoas que fizeram coaching apresentam maiores chances de alcançar a meta e permanecer nela. Isso quer dizer, emagrecer e permanecer magro. Mas, qual seria o grande segredo do coaching? Claro que temos técnicas, claro que há uma metodologia, mas, acima de tudo, o coach está ao lado do seu cliente, o coachee. As principais barreiras enfrentadas e que levam à desistência são

percebidas rapidamente e minimizadas. Acompanha os momentos de comemoração e não desampara nos momentos de decepção e de deslize. Os seres humanos são di-

ferentes entre si. Então, usar o mesmo para todos não vai solucionar o problema de todos, apenas de alguns. Com o coach, o atendimento é individualizado, customizado para as necessidades do

cliente com as capacidades e habilidades do cliente, por isso existe uma maior chance de dar certo. E, no caso de obesidade, a proximidade do coach com o cliente faz toda a diferença.


24

COMPORTAMENTO

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

VIVER BEM Por ROSANA BRASIL

rosana@gazetanews.com Rosana Brasil é terapeuta de Matrimônio e Família, formada pela Universidade Católica St. Thomas, em Miami. Trabalha ajudando indivíduos e famílias a reconstruírem suas histórias de vida de maneira positiva e criativa.

A Lei do Amor: Conversando com seu filho adolescente

D

urante o período da adolescência, conflito é praticamente inevitável. Porém, muitos estudos apontam para os benefícios em aprender a negociar e a resolver conflitos, principalmente em família. Tudo depende de como as divergências são tratadas no contexto familiar. Importante lembrar que a maneira como o adolescente gerencia suas relações familiares e resolve conflitos no âmbito familiar será como o adolescente irá resolver conflitos com outras pessoas além do círculo familiar. Assim, justamente pela vida familiar ser um verdadeiro caleidoscópio de emoções, como carinho, raiva, amor, ódio, afeto, irritação, tudo acontecendo lado a lado ao sabor dos acontecimentos da vida, identifica-se as seguintes abordagens escolhidas pelo adolescente em busca da resolução de

conflitos: 1) atacam primeiro; 2) fuga; 3) concordam sem discutir; e 4) consideram os pontos de vista apresentados, buscando uma solução favorável a ambos. Adolescentes que favorecem à uma das primeiras abordagens - 1) atacam, escalando a briga ou 2) fogem, recusando obstinadamente a conversarem sobre situações difíceis - são os mais susceptíveis a tornar-se ansiosos ou delinquentes. No entanto, mesmo aqueles adolescentes que cedem a vontade dos pais sem muita resistência, podem vir a sofrer de ansiedade. Além disso, os adolescentes que não conseguem expressar seus pensamentos e opiniões no contexto familiar têm frequentemente problemas semelhantes com os amigos e na vida amorosa. Em contraste, adolescentes que buscam a resolução de problemas e conflitos

tendimentos como oportunidades de formação de uma pessoa ética, de bem com a vida, mais resiliente, flexível e capaz de superar obstáculos no decorrer da vida? Novos estudos sugerem que o conflito construtivo entre os pais e o adolescente depende da disponibilidade do adolescente para ver além da sua própria perspectiva. Em outras palavras, uma boa briga acontece quando o adolescente é capaz de considerar os argumentos de ambos os lados. O propósito é preparar o indivíduo para superar desafios, assumindo progressivamente o controle de suas vidas.

com seus pais e sentem que são respeitados e ouvidos, apresentam um comportamento muito diferente. Estes adolescentes estão imbuídos em um contexto familiar

que visa o florescimento do indivíduo. Estes adolescentes são mais felizes. Como podemos motivar os pais e a seus filhos (as) adolescentes a verem desen-

Os benefícios de aprender argumentar: • Ajuda ambas as partes, pais e filhos, a serem mais objetivos e focalizar na meta antes que em seus sentimentos.

• Permite crianças e adolescentes expressarem seus pensamentos e oferecer sugestões e, portanto, reduz a luta de poder entre pais e filhos. • Fornece pais e filhos um sentido de realização, porque a aproximação é o objetivo central. • Encoraja respeito mútuo pôr esperar que ambas as partes escutarão e honrarão a decisão final. • Ofereça explicação detalhada para desenvolvimento da tarefa solicitada ou comportamento desejado. Exemplo: “Não quero você fumando no carro. Caso você escolha fumar no carro, você também estará escolhendo perder o privilegio de usar o carro. Fumar no carro significa dentro do carro ou fora do carro com os vidros fechados ou abertos. Você tem alguma dúvida ou deseja mais explicações?”.


COMPORTAMENTO

Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

25

ETIQUETA & BOAS MANEIRAS Por CRISTINA FELIX

cristina@gazetanews.com Cristina Felix, natural de Santa Catarina, vive nos Estados Unidos há 16 anos. Ex-agente de viagens, atualmente é professora particular de Etiqueta Social e Boas Maneiras.

Cerimonial para visita de um chefe de Estado

A

visita de um chefe de Estado em um outro país é considerada a mais alta forma de contato diplomático entre dois países. Estas visitas só ocorrem quando há um convite formal feito pelo país anfitrião. Normalmente, elas são agendadas para discussão de assuntos de interesses entre os dois. A diplomacia americana tem por normal não convidar mais de uma vez um país, num período de quatro anos e que, posteriormente, o presidente dos Estados Unidos deve fazer uma visita de reciprocidade. Uma série de cerimônias ocorre durante uma visita aos Estados Unidos. A cerimônia formal de chegada é tradicionalmente feita pelo presidente dos Estados Unidos na “South Lawn” da Casa Branca, na manhã seguinte da chegada do chefe de Estado. A chegada à Casa Branca segue as seguintes ordens de evento: 1. Chegada do presidente dos

Estados Unidos: Minutos antes da hora pré-determinada da chegada do visitante, o presidente sairá da Casa Branca, através da “Sala de Recepção Diplomática”, para aguardá-lo (a).

9. Assinatura do livro: Quando no “Blue Room”, o visitante será convidado a assinar o “Guest Book”. 10. Troca de presentes: O presidente e o convidado irão se deslocar para o “Red Room”. Nesta sala, presentes diplomáticos serão trocados. Estes presentes, na realidade, já são colocados com antecedência nesta sala, para que apenas sejam admirados pelos dois. Os presentes oferecidos aos EUA são, posteriormente, transferidos ao arquivo nacional.

2. Chegada do visitante: Um militar irá abrir as portas do veículo onde se encontra o visitante. 3. Boas-vindas: Após a troca de cumprimentos, o presidente e a primeira-dama irão apresentar o visitante e sua esposa (ou marido) ao comitê de boas-vindas, que é formado pelo vice-presidente e sua esposa (ou marido), gabinete do Estado e a junta de chefes de Estado maior. 4. Honras: As honras são feitas para o país visitante. Uma banda das forças armadas executará o hino do país convidado, enquanto é dada a salva de tiros. Após, o hino americano é executado.

5. Revista militar: Após a execução dos hinos nacionais, o presidente e visitante farão a revista a escolta militar. 6. Revista pelo “Old Guard Fife and Drum Corps”: Quando os dois presidentes retornam as suas posições após a revista, estes militares passarão em frente ao presidente americano e seus convidados para saudá-los.

7. Discurso de Boas-Vindas: Seguindo as honras militares, o presidente discursa, dando boas-vindas ao visitante, que também o faz, agradecendo. 8. Cortejo: O presidente e o visitante entram na Casa Branca, através do “Blue Room”. Se por motivos de saúde, o cortejo poderá ser feito através do Salão de Recepção Diplomática.

11. Almoço: Se o departamento de estado não planejar um, ele é feito privado no “Family Dining Room”, normalmente para os dois casais. Quando planejado, o visitante é então conduzido primeiramente para o “Oval Office”, para uma foto oficial e, após, seguirá para o “Foggy Bottom” (um distrito em Washington DC, conhecido principalmente pelo Kennedy Center e o Departamento de Estado).


26

ENTRETENIMENTO

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

AGENDA Por RICK AMORIM

PLANETA MÚSICA

Por GENE DE SOUZA

planetamusica@gazetanews.com Carioca, produtor musical e radialista. Radicado nos EUA desde 1992. Comanda o premiado programa Café Brasil na 88.9FM WDNA. Desde 2003 ele é diretor de desenvolvimento da Rhythm Foundation.

Lançado documentário e gravações ao vivo dos Beatles

I

ntitulado “Eight Days A Week – The Touring Years”, o mais novo documentário sobre a banda The Beatles já está disponível em DVD. Com direção do vencedor do Oscar, Ron Howard, e apoio de Paul McCartney, Ringo Starr e das viúvas de John e George, Yoko Ono Lennon e Olivia Harrison, o material é baseado na primeira parte da carreira

Os Paralamas do Sucesso gravam novo álbum Oito anos depois do lançamento de “Brasil Afora”, o grupo Os Paralamas do Sucesso finalmente está de volta ao estúdio. De acordo ao Portal Sucesso, o trio está gravando o seu 21º álbum de inéditas, trabalho que terá produção de Mario Caldato Jr. (na foto, ao lado de João Barone, Herbert Vianna e Bi Ribeiro). Sem título definido, o disco será lançado no segundo semestre pela Universal Music.

da banda (1962-1966), período em que os quatro integrantes viajaram muito e ganharam reconhecimento mundial. O filme mostra bastidores dessas turnês pelo mundo e também explora o processo de criação desenvolvido por Paul, John, George e Ringo. A produção foi indicada a oito prêmios, entre eles o Critics’ Choice Documentary Awards,

na categoria de melhor documentário musical, e o Grammy Awards. Outra novidade recente da banda foi o relançamento do álbum “The Beatles: Live At The Hollywood Bowl”. A Universal Music compilou três apresentações ao vivo dos Beatles – com ingressos esgotados – em Los Angeles, entre os anos de 1964 e 1965.

rick@gazetanews.com Carioca, é formado em publicidade e marketing. Superconectado com eventos e acontecimentos no sul da Flórida.

BAILE DE MÁSCARAS 25/MAR/2017 Local: Loibels Fitness Center – 2880 N. Federal Hwy Boca Raton, FL 33431 Horário: 8PM Info: O Self-Enlightenment Foundation está organizando um Baile de Máscaras com muita diversão. Música com DJ André e um show da escola de samba de Boca Raton, Sambalá. Prêmios serão sorteados no evento. Ingresso: $25 com jantar incluído. Mais informações: 754-235-2664. ULTRA MUSIC FESTIVAL 24 A 26/MAR/2017 Local: Ultra Music Festival - 301 Biscayne Blvd, Miami, FL 33132 Horário: variados Info: Um evento para a galera que curte música eletrônica. Pessoas de todo o mundo vem para esse gigante e conhecido evento que acontece uma vez por ano em Miami. Mais informações: www.ultramusicfestival.com FESTIVAL DAS CORES 25/MAR/2017 Local: Lake Claire – Orlando, FL 32816 Horário: 4PM – 10PM Info: Junte-se à Associação de Estudantes Indianos SGA e MSC. Eles serão os anfitriões desse carnaval de cores, onde você pode jogar, perseguir e colorir uns aos outros com pó seco! Comida e camisetas serão distribuídas gratuitamente. CIRCUS SCIENCE 25/MAR/2017 Local: Boca Raton Sugar Sand Park - 300 S Military Trl, Boca Raton, FL 33486 Horário: 11AM – 3PM Info: O evento vai explorar a “ciência do circo” e ajudar as crianças a se familiarizarem com conceitos científicos (leis e princípios da física como o equilíbrio, a gravidade, o momento, a força centrífuga, o movimento e mais), que são trazidos à vida por um talentoso pessoal e palhaços! Eles estarão usando malabarismo, bolas voadoras, monociclo, construção de pirâmide humana e uma variedade de outras habilidades circenses divertidas para ilustrar o que está por trás da “ciência” e do movimento de circo. Family Shows incluem sucos e biscoitos com o bilhete de cada criança após o show. Os participantes de todas as idades devem ter um bilhete.


CINEMA

Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

CINEMA Por JANA NASCIMENTO NAGASE

cinema@gazetanews.com Jornalista paulistana formada pela PUC de São Paulo e pós-graduada em Broadcast Communication pela Barry University. Vive na Califórnia e entrevista atores, diretores, produtores e outros envolvidos nos maiores lançamentos do cinema americano.

27

Site: www.janaoncamera.com Canal no youtube: https://www.youtube.com/user/janaoncamera Twitter: @jana1023

Confira as estreias da semana Lionsgate

Warner Bros. Pictures

Columbia Pictures

POWER RANGERS Lionsgate ‘It’s morhin’ time!’. Ou melhor: ‘Vamos morfar!’. Estreia na sexta-feira, dia 24, Power Rangers (Lionsgate), reboot dos heróis criados por Haim Saban. O filme acompanha a jornada de cinco adolescentes que devem buscar algo extraordinário quando eles tomam consciência que a sua pequena cidade Angel Grove - e o mundo - estão à beira de sofrer um ataque que Rita Repulsa planeja por muito tempo. Escolhidos pelo destino, eles irão descobrir que são os únicos que poderão salvar o planeta. Mas, para isso, eles devem superar seus problemas pessoais e juntarem sua forças como os Power Rangers, antes que seja tarde demais. Dirigido por Dean Israelite, o longa tem no elenco Dacre Montgomery, a cantora Becky G, Naomi Scott, RJ Cyler, Ludi Lin, Bryan Cranston, entre outros. A atriz Elizabeth Banks intepreta a vilã Rita Repulsa e está muito bem no papel. O roteiro é de John Gatins. #PowerRangers

LIFE Columbia Pictures Também estreando no dia 24 de março, Life, suspense de ficção-científica com um elenco estelar. Life acompanha uma equipe de seis astronautas da Estação Espacial Internacional que descobre sinais de vida inteligente em Marte, gerando consequências inimagináveis durante a exploração. O longa foi dirigido pelo sueco Daniel Espinosa, que entrega um filme espetacular. O elenco com brilhantes interpretações conta com Ryan Reynolds, Rebecca Ferguson, Jake Gyllenhaal, Aiyon Bakare, Hiroyuki Sanada, Naoko Mori, entre outros. O roteiro foi escrito por Rhett Reese e Paul Wernick. #SearchForLife

CHIPS Warner Bros. Pictures Você deve lembrar da série americana CHIPS, que foi exibida no Brasil entre os

anos 1977 e 1983. Então, essa próxima estreia é baseada na série, mas com um toque de comédia e bem modernizada. O longa CHIPS foi escrito, dirigido e atuado por Dax Shepard e acompanha um novato patrulheiro rodoviário, Jon Baker, e um agente do FBI camuflado, Frank Poncherello, que têm a missão de investigar uma gangue que assalta carros fortes e que possa ser formada por policiais corruptos. Além de Dax, estão no elenco Michael Peña, Kristen Bell, Adam Brody, Vincent D’Onofrio, Jessica McNamee, Rosa Salazar, entre outros. #CHIPSmovie #CHIPShappens

THE LEVELLING Monterey Media Depois da morte de seu irmão, Clover retorna à fazenda da família em Someset, onde descobre que seu pai é antiquado e a fazenda está em ruínas devido às inundações que

destruíram a área seis meses antes. Essa é a trama do drama The Levelling, que estreia também no dia 24 de março. No elenco estão Elle Kendrick, David Troughton, Jack Holden, entre outros. A direção é de Hope Dickson Leach, que também assina o roteiro. #TheLevelling Fox Searchlight Pictures

WILSON Fox Searchlight Pictures A comédia Wilson, baseada no livro homônino de Dan Clowe, também estreia na próxima sexta-feira, dia 24 de março. O filme conta a história de um homem solitário de meia-idade, neurótico e hilariamente honesto que vai atrás da sua ex-mulher em busca de respostas e para conhecer a sua filha adolescente pela primeira vez. No elenco estão Woody Harrelson, Laura Dern, Judy Greer, entre outros. A direção foi feita por Craig Johnson. Dan Clowes também escreveu o roteiro do filme. #Wilson

㐀㌀㤀  一漀爀琀栀 䘀攀搀攀爀愀氀 䠀眀礀⸀ 匀甀椀琀攀 ㄀   䘀漀爀琀 䰀愀甀搀攀爀搀愀氀攀Ⰰ 䘀䰀 ㌀㌀㌀ 㠀


28

ENTRETENIMENTO

Gazeta Brazilian News · Semana de 23 a 29 de março de 2017

BASTIDORES Por CONNIE ROCHA

bastidores@gazetanews.com Baiana, formada em jornalismo e publicidade, com pós graduação em Broadcasting. Já trabalhou como repórter e editora no Gazeta. Produtora e apresentadora de eventos na Flórida.

Rotary Clube promove o Taste of Brazil Destaque para o Taste of Brazil, evento realizado pelo Rotary Clube Brazil Orlando, no dia 4 de março, no IDrive em Orlando, com o objetivo de ajudar diversos projetos sociais da comunidade brasileira no sul da Flórida, como “People Who Make a Difference”, “Caravana do Amor”, “Aprendendo Português” e “Special Mom”. A entidade agradece a todas as empresas, profissionais, músicos e artistas que acreditaram no projeto e que ajudaram a fazer deste primeiro evento um grande sucesso. Parabéns pela iniciativa!

Rossana Lopes celebra aniversário em Parkland Um Happy Birthday mais que especial para a paulistana, Rossana Barreto Lopes, esposa do empresário e realtor Marcio Amorim. Rossana comemorou o seu aniversário no dia 17, com uma bela cerimônia na nova residência do casal, em Parkland. A decoração by Ale Anisio deixou a residência ainda mais bela e os convidados puderam aproveitar um delicioso buffet, champagne e muita música brasileira na pista de dança comandada pelo DJ Vlad. Parabéns, Rossana!

Carlinhos Bahiano conquista mais um prêmio na Toyota Carlos Oliveira, mais conhecido como ‘Carlinhos Bahiano’, foi destaque nacional mais uma vez na rede de concessionárias Toyota. O grupo Toyota Motor premiou Carlinhos e sua equipe pelo destaque nas vendas, ficando na terceira posição do ranking nacional, como os melhores vendedores do país. Carlinhos Bahiano, que já é Pro, passou a ser Star, na classificação da empresa. Ele e a esposa, Ana Maia, também da equipe brasileira da Toyota de Deerfield Beach, foram para Califórnia para participar do evento, promovido pela marca. Depois das premiações, eles tiraram férias merecidas e foram curtir as praias do Havaí. Parabéns Carlinhos e toda equipe brasileira da Toyota of Deerfield Beach.

䌀漀氀挀栀漀 ⬀ 䈀漀砀 一漀瘀漀猀Ⰰ 挀漀洀 瀀爀攀漀猀 搀攀 昀戀爀椀挀愀℀

䔀渀琀爀攀最愀洀漀猀 渀漀 洀攀猀洀漀 搀椀愀℀ 倀伀䴀倀䄀一伀 ☀ 刀攀最椀漀㨀 㤀 ㄀Ⰰ 䔀 匀愀洀瀀氀攀 爀搀⸀ ⌀䴀 倀漀洀瀀愀渀漀 䈀攀愀挀栀Ⰰ 䘀䰀 ㌀㌀ 㘀㐀

⠀㔀㘀㄀⤀ 㘀㌀㌀ⴀ㘀㌀㔀㠀

伀刀䰀䄀一䐀伀 ☀ 刀攀最椀漀㨀 㔀㘀㈀㈀Ⰰ 伀氀搀 圀椀渀琀攀爀 䜀愀爀搀攀渀 刀搀 伀爀氀愀渀搀漀Ⰰ 䘀䰀 ㌀㈀㠀㄀㄀

⠀㌀㈀㄀⤀ 㤀  ⴀ㤀㘀㠀㐀


SOCIAL

Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

CHÁ DAS MULHERES DA ST. VICENT CATHOLIC CHURCH O tradicional Chá das Mulheres promovido pela St. Vicent Catholic Church, em Margate, foi realizado no dia19 de março, no centro comunitário da igreja. Confira as fotos de Eliane Gallotti.

Maria, Marcia, Roseli e Amalia

Graça e Roseli

Maria, Silvia e Erica

Monica, Neide, Regina, Marilia, Lea, Dani, Marcela e Joelma

Marizete, Luzia, Eunice e Angela

Mirela

Rejane Jardins

Patricia, Margareth e Ide

29


30 PUBLICIDADE

Gazeta Brazilian News · Semana de 9 a 15 de março de 2017


CLASSIFICADOS

Semana de 23 a 29 de março de 2017 · Gazeta Brazilian News

Animal Kingdom Veterinary Center

Vacinas Cirurgias Internaçao Radiologia Digital Exames Laboratoriais Atestados P/ Viagem Eletrocardiograma Farmacia Microchipping

9045 La Fontana Blvd, #102 Boca Raton, Florida 33434

Dr. Sheila Santiago

䴀섀刀䌀䤀伀 倀䤀一䠀䔀䤀刀伀 䌀伀匀吀䄀 䌀伀䴀䴀䔀刀䌀䤀䄀䰀 䰀伀䄀一 匀倀䔀䌀䤀䄀䰀䤀匀吀 䌀䔀䰀䰀㨀⠀㜀㠀㄀⤀ ㈀㘀㜀ⴀ 㠀㠀㠀㠀 伀䘀䘀䤀䌀䔀㨀⠀㤀㔀㐀⤀ 㔀㌀㄀ⴀ  㜀㄀㘀

洀愀爀挀椀漀䀀琀漀眀攀爀栀漀洀攀氀漀愀渀猀⸀挀漀洀

Atendimento em PORTUGUES www.vetboca.com

DVM

(561) 990-7414

䤀吀䤀一⌀ 䤀吀䤀一⌀ 䤀吀䤀一⌀  圀䤀吀䠀 䨀唀匀吀 ㈀㔀─ 䐀伀圀一 ⬀ 倀䄀匀匀䄀倀伀刀吀  ⬀ 㔀㠀 䘀䤀䌀伀 ⬀ ㈀ 夀䔀䄀刀匀 䤀一䌀伀䴀䔀 吀䄀堀 伀刀 ㈀㐀 䈀䄀一䬀 匀吀䄀吀䔀䴀䔀一吀匀℀ 夀伀唀 䌀䄀一 倀唀刀䌀䠀䄀匀䔀 夀伀唀刀 䐀刀䔀䄀䴀 䠀伀䴀䔀℀

䄀䰀唀䜀䄀ⴀ匀䔀 䄀倀䄀刀吀䄀䴀䔀一吀伀 ㈀⼀㄀

FAÇA SEU ANÚNCIO 䰀愀渀最甀愀最攀猀 DESTACADO NESSE ESPAÇO!

䴀愀樀攀猀琀椀挀

É rápido e fácil! Acesse:

Anuncie.GazetaNews.com

⠀㜀㔀㐀⤀ ㈀㌀㔀ⴀ㘀  㔀

䄀瀀愀爀琀愀洀攀渀琀漀 洀漀戀椀氀椀愀ⴀ 搀漀 瀀愀爀愀 挀愀猀愀氀 猀攀洀  昀椀氀栀漀猀⸀ ㈀ 焀甀愀爀琀漀猀 攀 ㄀  戀愀渀栀攀椀爀漀⸀ 䔀洀 䐀攀攀爀ⴀ 昀椀攀氀搀 䈀攀愀挀栀Ⰰ 瀀爀砀椀洀漀  ㄀ 琀栀 匀琀爀攀攀琀⸀  䘀愀氀愀爀 挀漀洀 䴀愀爀椀愀 䌀漀渀ⴀ 挀攀椀漀㨀 ⠀㤀㔀㐀⤀ 㐀㐀㘀ⴀ㔀㜀㈀㌀

䄀䰀唀䜀伀 䔀匀倀䄀윀伀 䔀䴀  匀䄀䰀쌀伀 䐀䔀 䈀䔀䰀䔀娀䄀 䈀漀洀 瀀愀爀愀 攀猀琀攀琀椀挀椀猀琀愀猀  漀甀 瀀爀漀昀椀猀猀椀漀渀愀椀猀 搀愀  戀攀氀攀稀愀 ⸀ 匀愀氀漀 攀猀琀爀甀ⴀ 琀甀爀愀搀漀 攀 栀 ㈀  愀渀漀猀 渀漀  洀攀爀挀愀搀漀⸀ 䰀漀挀愀氀椀稀愀搀漀 渀愀   匀愀洀瀀氀攀 刀漀愀搀Ⰰ  攀洀  倀漀洀瀀愀渀漀 䈀攀愀挀栀⸀   嘀愀氀漀爀 洀攀渀猀愀氀㨀 ␀㘀   䤀渀琀攀爀攀猀猀愀搀愀猀 挀栀愀洀愀爀  匀甀攀氀礀 ⠀㤀㔀㐀⤀ 㘀㌀㈀ ㄀㐀㤀㄀⸀

31



Edição 1032 - De 23 a 29 de março de 2017