Issuu on Google+

Animal em Extinção

ONE WAY

GAZETA DO MEIO AMBIENTE

Mico Leão Dourado

SURF BAR Fone: (41) 3472-6898

NESTA EDIÇÃO 02- EXPEDIENTE \ EDITORIAL 03- DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL 06- ÁGUA 10- BRASIL E EMERGENTES QUEREM CULPAR PAÍSES RICOS PELO AQUECIMENTO GLOBAL / EUA QUEREM QUE BRASIL ASSINE TRATADO DE PRESERVAÇÃO FLORESTAL 11- NA FLORESTA É BOM... 12 ESTORINHA 13- MICO LEÃO DOURADO 14- COLETA SELETIVA DE LIXO E RECICLAGEM 16- ECOLOGIA 17- PESQUISA REVELA CAUSA DA CRESCENTE EXTINÇÃO DE ANFÍBIOS NO MUNDO 18- TARTARUGA DE COURO 20- O AQUECIMENTO GLOBAL 23- ENTRETENIMENTO

Ano VlII - Edição n° 25 2007 Distribuição Dirigida Circulação Trimestral

Rua Holanda, 193 - Curitiba - PR Tel. (41) 3356-5112

SAC 0800 643 2121

COTRANS Comércio, Transporte e Locação de Veículos Ltda. 29

Fone PABX (41) 3352-1199 Fax (41) 3352-1113

Anos

Rua Dr. Nelson de Souza Pinto, 85 CEP 82200-060 São Lourenço Cx. P. 1038 Curitiba Paraná


02 GAZETA DO MEIO AMBIENTE Expediente

EDITORIAL

PARA REFLETIR

Acordo, olho paro o sol sua magnitude, beleza, todo seu poder astro Veículo de Comunicação Social - Gazeta do Meio Ambiente rei. Ao meu lado um beija-flor Orgão de Divulgação do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis em Defesa da Fauna, Flora e Mananciais fazendo sua dança, pura ternura, CNPJ.: 06.914.142/0001-40 os pássaros cantando e voando a Rua José Merhy, 516 Bairro Boa Vista - Curitiba - Paraná minha volta parece que estou no CEP 82540-090 campo, mas na realidade estou na Fone: (41) 3256-7341 / (41) 3019-7848 cidade cinza. A natureza se adaptando ao mundo industrial. Com a (41) 3014-7341 falta da floresta é cada vez mais MSN: gazetadomeioambiente@hotmail.com comum animas convivendo em jr@gazetadomeioambiente.com.br cidades, que triste a realidade www.gazetadomeioambiente.com.br onde poderia um pássaro ter seu ninho em uma bela árvore, ao invés Conselho Editorial tem seu ninho em um beiral de uma casa qualquer. Diretor: Que beleza é o homem junto a natureza, depredamos, matamos, Carlos A. Jomes Jr. destruímos, queimamos. Chega de dizer a natureza vai se recompor, estamos criando florestas artificiais que não se adaptam as necessidaJornalista Responsável: des dos animais, parques ecológicos que acabam sendo explorados. A Pedro Mariucci Neto realidade é que se não tomarmos realmente atitudes radicais para D.R.T.: 2534-39672 preservarmos o que temos, e chegara o fim de nossa espécie. A água, abundante com grande quantidade no Brasil, está cada vez Representante Comercial: Carlos A. Jomes mais poluída, catástrofes ambientais ocorrem todos os dias, óleo, Janete A. Wall produtos químicos, agrotóxicos, produtos hospitalares e todos os tipos Alexander Jr. Santos de lixo estão nos nossos rios. Empresas não respeitam as normas Diagramação e Arte: Carlos A. Jomes Jr. ambientais, que são ultrapassadas, multas são aplicadas mas as soluções para a natureza requerem tempo e muito trabalho, o qual acaba sendo feito com pouco profissionalismo. Colaboradores A camada de ozônio, parece até piada, paises super-industrializados se reúnem para arranjar soluções e acabar com o aquecimento global, mas na realidade nem um nem outro faz o que realmente deveria ser Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos feito, implantar leis as quais sejam cumpridas. Baixar taxas para Naturais Renováveis. - (IBAMA). Http://www.ibama.gov.br tecnogia ambiental, criar uma organização de fiscalização com IBAMA padrões extremos com a intenção de preservar, não a palhaçada que vem sendo feita, agora querem impor aos países subdesenvolvidos “Os textos são de inteira responsabilidade de seus autores. que diminuam seus poluentes, mas os grandes vilões não tomam se Algumas das fotos turísticas foram extraídas de sites da Internet”. quer partido em seus respectivos paises.

Fone: (41) 3383-5987 3035-5050 9994-8908 Av. Das Torres, 1988 Centro São José dos Pinhais - PR e-mail: guinchosaojose@terra.com.br

H

A. Renascer Mudanças e Transportes

Master Temper

Fone: (41) 3248-4693

Fone: (41) 3247-5025

Fone: (41) 3669-8009

Av. Nossa Senhora das Cabeças, 2067 CIC Curitiba - Paraná

Rua Brasolândia, 87 Pinhais - Paraná

Fone: (41) 3676-2581 Rua Deputado Néo Martins, Rua José Tavernai, 835 910 Novo Mundo Área Indústrial Cacaigueira Campina Grande do Sul - PR Curitiba - Paraná

Hidral Química

SUPERFÍCIE Ltda PERLY IND. E COM.

Rua Moreira Salles, 551

Fone: (41) 3668-3993

Comércio e Indústria de Vidros Temperados Ltda.

Fone/Fax: (41) 3286-3566 Rua Anne Frank, 4826 - Boqueirão CEP: 81730-010 - Curitiba - PR

E-mail: perly@onda.com.br

COMÉRCIO DE COMBUSTÍVEIS LTDA

Fone: (41) 3348-1010 BR 116 km 110 Tatuquara Curitiba - Paraná

Fone: (41) 3643-1187 Fone/Fax: (41) 3643-1304 Tel./Fax: (41) 3348-1747 e-mail: superficie@softone.com.br Rua Edson Queiroz, 235 BR 116, 22900 KM 110,5 Anexo ao Posto Iguaçú, Chapada - Araucária - Paraná CEP 83.707-730 Ceasa - Curitiba - Paraná


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 03 Desenvolvimento Sustentável A preocupação da comunidade internacional com os limites do desenvolvimento do planeta datam da década de 60, quando começaram as discussões sobre os riscos da degradação do meio ambiente. Tais discussões ganharam tanta intensidade que levaram a ONU a promover uma Conferência sobre o Meio Ambiente em Estocolmo (1972).

desenvolvimento aos países pobres, com uma justificativa ecológica).

No mesmo ano, Dennis Meadows e os pesquisadores do "Clube de Roma" publicaram o estudo Limites do Crescimento. O estudo concluía que, mantidos os níveis de industrialização, poluição, produção de alimentos e exploração dos recursos naturais, o limite de desenvolvimento do planeta seria atingido, no máximo, em 100 anos, provocando uma repentina diminuição da população mundial e da capacidade industrial.

Em 1973, o canadense Maurice Strong lançou o conceito de ecodesenvolvimento, cujos princípios foram formulados por Ignacy Sachs. Os caminhos do desenvolvimento seriam seis: satisfação das necessidades básicas; solidariedade com as gerações futuras; participação da população envolvida; preservação dos recursos naturais e do meio ambiente; elaboração de um sistema social que garanta emprego, segurança social e respeito a outras culturas; programas de educação. Esta teoria referiase principalmente às regiões subdesenvolvidas, envolvendo uma crítica à sociedade industrial. Foram os debates em torno do ecodesenvolvimento que abriram espaço ao conceito de desenvolvimento sustentável.

O estudo recorria ao neomalthusianismo como solução para a iminente "catástrofe". As reações vieram de intelectuais do Primeiro Mundo (para quem a tese de Meadows representaria o fim do crescimento da sociedade industrial) e dos países subdesenvolvidos (já que os países desenvolvidos queriam "fechar a porta" do

Outra contribuição à discussão veio com a Declaração de Cocoyok, das Nações Unidas. A declaração afirmava que a causa da explosão demográfica era a pobreza, que também gerava a destruição desenfreada dos recursos naturais. Os países industrializados contribuíam para esse quadro com altos índices de consumo. Para

a ONU, não há apenas um limite mínimo de recursos para proporcionar bem-estar ao indivíduo; há também um máximo. A ONU voltou a participar na elaboração de um outro relatório, o DagHammarskjöld, preparado pela fundação de mesmo nome, em 1975, com colaboração de políticos e pesquisadores de 48 países. O Relatório DagHammarskjöld completa o de Cocoyok, afirmando que as potências coloniais concentraram as melhores terras das colônias nas mãos de uma minoria, forçando a população pobre a usar outros solos, promovendo a devastação ambiental. Os dois relatórios têm em comum a exigência de mudanças nas estruturas de propriedade do campo e a rejeição pelos governos dos países industrializados. No ano de 1987, a Comissão Mundial da ONU sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento (UNCED), presidida por Gro Harlem Brundtland e Mansour Khalid, apresentou um documento chamado Our Common Future, mais conhecido por

relatório Brundtland. O relatório diz que "Desenvolvimento sustentável é desenvolvimento que satisfaz as necessidades do presente sem comprometer a capacidade de as futuras gerações satisfazerem suas próprias necessidades". O relatório não apresenta as críticas à sociedade industrial que caracterizaram os documentos anteriores; demanda crescimento tanto em países industrializados como em subdesenvolvidos, inclusive ligando a superação da pobreza nestes últimos ao crescimento contínuo dos primeiros. Assim, foi bem aceito pela comunidade internacional.

Flexchoque

MUNDIAL Distribuidora de Auto Peças Ltda.

Comércio de Parachoque e Auto Peças Ltda.

Painéis decorativos Visite Nossa Empresa

Fone: (41) 3273-4076

Fone: (41) 3366-5347

Av. Vereador Toaldo Tulio, 2659 - São Braz Curitiba - Paraná

E-mail: jlkeller@terra.com.br www.kmsarquitetura.com.br

GRAMEIRA BONATO

Fone: (41) 3366-3356 Fone: (41) 3283-6566

Av. São José, 264 - Vila Palmira São José dos Pinhais - Paraná

Rua São Salvador, 140 Costeira São José dos Pinhais - Paraná

Grama São Carlos e Esmeralda

Av. Cel. Francisco H. dos Santos JD. Das Américas Curitiba - Paraná

EMC REFRIGERAÇÃO

NICHELE

R

Mãos à obra com qualidade e variedade

Cooperativa de Transportes e Logística de São José dos Pinhais

TELEVENDAS (41) 3378-7878

RETIMEC - RETÍFICA DE MOTORES LTDA.

DEPÓSITO DE MATERIAIS PARA CONSTRUÇÃO NICHELE LTDA.

Fone: (41) 3349-1628 Fone: (41) 2109-6363

Rua Prudentópolis, 62 Pinheirinho Curitiba - CEP 81880-030 - Paraná

Fone: (41) 3383-2723

BR 376 n° 2600 Vila Rocco São José dos Pinhais - PR

MATRIZ: Rua Francisco Derosso, 3680 Fone: (41) 3378-7878 - Fax: (41) 3378-8052 Xaxim - 81720-000 - Curitiba - Paraná FILIAL: Rua Nicola Pelanda, 1149 Fone/Fax: (41) 3349-4141 - CEP 81880-000 Pinheirinho - Curitiba - Paraná

Fone: (41) 3346-0652

FONE/FAX: (41) 3018-9499 BR 116 Nº 18.139 BARRACÃO A PINHEIRINHO - CURITIBA - PR e-mail: retimec@retimec.com.br

Rua Arthur Euclides de Moura, 154 Vila São Pedro - Curitiba - PR


04 GAZETA DO MEIO AMBIENTE A Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, realizada no Rio de Janeiro, em 1992, mostrou um crescimento do interesse mundial pelo futuro do planeta; muitos países deixaram de ignorar as relações entre desenvolvimento sócio-econômico e modificações no meio ambiente. Entretanto, as discussões foram ofuscadas pela delegação dos Estados Unidos, que forçou a retirada dos cronogramas para a eliminação da emissão de CO2 (que constavam do acordo sobre o clima) e não assinou a convenção sobre a biodiversidade. O termo desenvolvimento sustentável define as práticas de desenvolvimento que atendem às necessidades presentes sem comprometer as condições de sustentabilidade das gerações futuras. Seus princípios consideram: Os princípios do desenvolvimento sustentável são baseados nas necessidades, sobretudo as necessidades essenciais e, prioritariamente, aquelas das populações mais pobres; e limitações que a tecnologia e a organização social impõem ao meio ambiente, restringindo a capacidade de atender às necessidades presentes e futuras. Em sentido amplo, a estratégia

ESTOFARIA SANTA FELICIDADE POLIMENTO Estofamento Automotivo em Geral - Revestimento em Couro Nac. e Imp. - Lavamos Estofados de Automóveis - Lataria e Pintura

Fone: (41) 3273-7349 Rua Napoleão Manosso, 02 Santa Felicidade - Curitiba - PR

de desenvolvimento sustentável visa a promover a harmonia entre os seres humanos e entre esses e a natureza. Para tanto, são necessários:

- limitação do crescimento populacional;

- sistema político com efetiva participação dos cidadãos no processo de decisão;

- garantia de recursos básicos (água, alimentos, energia) a longo prazo;

- sistema econômico competente para gerar excedentes e conhecimentos técnicos em bases confiável e constante;

- preservação da biodiversidade e dos ecossistemas;

- sistema social capaz de resolver as diferenças causadas por um desenvolvimento desigual; - sistema de produção que preserve a base ecológica do desenvolvimento; - sistema tecnológico que busque novas soluções; - sistema internacional com padrões sustentáveis de comércio e financiamento; - sistema administrativo flexível e capaz de autocorrigir-se. O desenvolvimento sustentável não trata somente da redução do impacto da atividade econômica no meio ambiente, mas principalmente das consequências dessa relação na qualidade de vida e no bem-estar da sociedade, tanto presente quanto futura. Segundo o Relatório da Comissão Brundtland, elaborado em 1987, uma série de medidas devem ser tomadas

Estrada do Pernambuco s/n° Rio Branco do Sul - Paraná CEP 83540-970 - Caixa Postal 03

- aumento da produção industrial nos países não-industrializados com base em tecnologias ecologicamente adaptadas; - controle da urbanização desordenada e integração entre campo e cidades menores; - atendimento das necessidades básicas (saúde, escola, moradia). Em âmbito internacional, as metas propostas são: - adoção da estratégia de desenvolvimento sustentável pelas organizações de desenvolvimento (órgãos e instituições internacionais de financiamento); - proteção dos ecossistemas supra-nacionais como a Antártica, oceanos, etc, pela comunidade internacional;

O conceito de desenvolvimento sustentável deve ser assimilado pelas lideranças de uma empresa como uma nova forma de produzir sem degradar o meio ambiente, estendendo essa cultura a todos os níveis da organização, para que seja formalizado um processo de identificação do impacto da produção da empresa no meio ambiente e resulte na execução de um projeto que alie produção e preservação ambiental, com uso de tecnologia adaptada a esse preceito. Entre as empresas que aplicaram um projeto de desenvolvimento sustentável são citadas 3M, McDonalds, Dow, DuPont, Pepsi, Coca-Cola e AnheuserBusch. Algumas outras medidas para a implantação de um programa minimamente adequado de desenvolvimento sustentável são: - uso de novos materiais na construção; - reestruturação da distribuição de zonas residenciais e industriais; - aproveitamento e consumo de fontes alternativas de energia, como a solar, a eólica e a geo-

Fone: (41) 3656-3341 Rua Antônio Cavassin, 101 Centro - Colombo - Paraná

www.larebenezer.com.br flaslarebenezer@onda.com.br

Rodovia Dos Minérios, Km 12, CEP 83507-000 Almirante Tamandaré - Paraná

- implantação de um programa de desenvolvimento sustentável pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Reforma de Máquinas em Geral Especialista em Motor Transmissão e Hidráulica

Rua João Dembinski, 2169 Bairro CIC Curitiba - Paraná

Fone: (41) 3657-2342

- banimento das guerras;

Mecânica Traktec Ltda.

FONE: (41) 3285-1532 FAX: (41) 3245-7708

CAL VIRGEM MOÍDA - CAL HIDRATADA - CALFINO CALCÁRIO P/ CORREÇÃO DO SOLO

Fone/Fax: (41) 3652-6510

- diminuição do consumo de energia e desenvolvimento de tecnologias com uso de fontes energéticas renováveis;

FUNDAÇÃO LUTERANA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL FLAS - ANCIONATO LAR EBENEZER

Indústria de Cal Natureza Ltda.

Comércio de Granilhas e Pedras em Geral

pelos países para promover o desenvolvimento sustentável. Entre elas:

VERA’S CABELEIREIROS

Corte - Escova - Penteado Reflexo - Hidratação - Realaxamento Permanente Afro - Banho de Brilho Tintura Limpeza de Pele - Noiva Depilação em Geral - Manicure e Pedicure - Unhas de porcelana, vidros, gel e decoradas Permanente e Tintura de Cílio e Sombrancelhas - Decapagem Facial Alisamento e Alongamento Fone: (41) 3642-22-62 / 3642-9795 á noite 3642-9277 / massagista 9906-8885

Rua Prof. Alfredo Parodi, 544 Araucária Paraná

BERTOLIN ANB TRANSPORTES LTDA

ANB TRANSPORTES LTDA

Fone: (41) 3663-1177 Rod. BR 476 Km 2,5 N° 777 Rio Verde Colombo - Paraná

Fones: (41) 3652-1343 3652-1261 e-mail: prtoniolo@aol.com.br

Rodovia dos Minérios, 593 Km 29 - Rio branco do Sul - PR

T

TRAENSME

Fone/fax: (41) 3643-1312 Celular: (41) 9973-0965 Rua Prof. Francisco Ribeiro, 385 Barigüí Araucária - Paraná


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 05 térmica; - reciclagem de materiais reaproveitáveis; - consumo racional de água e de alimentos; - redução do uso de produtos químicos prejudiciais à saúde na produção de alimentos. O atual modelo de crescimento econômico gerou enormes desequilíbrios; se, por um lado, nunca houve tanta riqueza e fartura no mundo, por outro lado, a miséria, a degradação ambiental e a poluição aumentam dia-a-dia. Diante desta constatação, surge a idéia do Desenvolvimento Sustentável (DS), buscando conciliar o desenvolvimento econômico com a preservação ambiental e, ainda, ao fim da pobreza no mundo. As pessoas que trabalharam na Agenda 21 escreveram a seguinte frase: "A humanidade de hoje tem a habilidade de desenvolver-se de uma forma sustentável, entretanto é preciso garantir as necessidades do presente sem comprometer as habilidades das futuras gerações em encontrar suas próprias necessidades". Essa frase toda pode ser resumida em poucas e simples palavras: desenvolver em harmonia com as limitações ecológicas do planeta, ou seja, sem destruir o ambiente, para

que as gerações futuras tenham a chance de existir e viver bem, de acordo com as suas necessidades (melhoria da qualidade de vida e das condições de sobrevivência). Será que é possível conciliar tanto progresso e tecnologia com um ambiente saudável? Acredita-se que isso tudo seja possível, e é exatamente o que propõem os estudiosos em Desenvolvimento Sustentável (DS), que pode ser definido como: "equilíbrio entre tecnologia e ambiente, relevando-se os diversos grupos sociais de uma nação e também dos diferentes países na busca da eqüidade e justiça social". Para alcançarmos o DS, a proteção do ambiente tem que ser entendida como parte integrante do processo de desenvolvimento e não pode ser considerada isoladamente; é aqui que entra uma questão sobre a qual talvez você nunca tenha pensado: qual a diferença entre crescimento e desenvolvimento? A diferença é que o crescimento não conduz automaticamente à igualdade nem à justiça sociais, pois não leva em consideração nenhum outro aspecto da qualidade de vida a não ser o acúmulo de riquezas, que se faz nas mãos apenas de alguns indivíduos da população. O desenvolvimento, por sua vez, preocupa-se

com a geração de riquezas sim, mas tem o objetivo de distribuílas, de melhorar a qualidade de vida de toda a população, levando em consideração, portanto, a qualidade ambiental do planeta. O DS tem seis aspectos prioritários que devem ser entendidos como metas: - a satisfação das necessidades básicas da população (educação, alimentação, saúde, lazer, etc); - a solidariedade para com as gerações futuras (preservar o ambiente de modo que elas tenham chance de viver); - a participação da população envolvida (todos devem se conscientizar da necessidade de conservar o ambiente e fazer cada um a parte que lhe cabe para tal); - a preservação dos recursos naturais (água, oxigênio, etc); - a elaboração de um sistema social garantindo emprego, segurança social e respeito a outras culturas (erradicação da miséria, do preconceito e do massacre de populações oprimidas, como por exemplo os índios); - a efetivação dos programas educativos. Na tentativa de chegar ao DS, sabemos que a Educação Ambiental é parte vital e indis-

pensável, pois é a maneira mais direta e funcional de se atingir pelo menos uma de suas metas: a participação da população. Fonte: Energia, Ambiente & Desenvolvimento o

Agrotóxico é um tipo de insumo agrícola. Os agrotóxicos podem ser definidos como quaisquer produtos de natureza biológica, física ou química que têm a finalidade de exterminar pragas ou doenças que ataquem as culturas agrícolas. Os agrotóxicos podem ser : pesticidas ou praguicidas combatem insetos em geral) fungicidas (atingem os fungos) herbicidas (que matam as plantas invasoras ou daninhas) Os agrotóxicos são produtos químicos usados na lavoura, na pecuária e mesmo no ambiente doméstico: inseticidas, fungicidas, acaricidas, nematicidas, herbicidas, bactericidas, vermífugos. Podem ainda ser tóxicos os solventes, tintas, lubrificantes, produtos para limpeza e desinfecção de estábulos, etc.

NA HORA CAÇAMBAS Licenciado pelo meio ambiente

Fone: (41) 3372-1225

Móveis sob medida e Instalações de lojas Tel. (41) 3349-1556 / 3349-9889

Fone: (41) 3342-9002

Av. Pres. Arthur da Silva Rua Sílvio Mafron, 424 Rua Luciano Puzzi, 897 Bernardes, 977 Santa T Santa Felicidade Curitiba - PR Pinheirinho - Curitiba - PR Quitéria - Curitiba - PR

Fone: (41) 3352-6650 (41) 3238-2101 Coleta de resíduos em geral, terra, caliça, etc. Fazemos Aterro Atendemos 24h na Grande Curitiba

Laser - Diversão - Saúde Entrega Domiciliar Rápida e Eficiente

Fones: (41) 3378-2770 3604-4898 Quadras com amortecedores duplos! Uma das mais macias de Curitiba! Suas articulações estão salvas! Rua Eduardo Pinto da Rocha, 369 Auto Boqueirão - Curitiba - PR

Fones: (41) 3657-2141 3657-4547 3657-1354 Um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo

Fone: (41) 3333-3344 Av. Wenceslau Bráz, 377 Fanny - Curitiba - PR DE DC MONTAGEM MÓVEIS PARA ESCRITÓRIO LTDA

Fone: (41) 3605-0426 e-mail: dc_moveis@ig.com.br

3367-6666 ACEITAMOS VISA/REDESHOP

Rod. Dos Minérios N° 22 Almirante Tamandaré - PR

Preserve a Natureza: Recicle

Rua Albino Kminki, 644 Bairro Alto - Curitiba - PR

Rua dos Eucaliptos, 284 Sala 28 - Jardim dos Eucaliptos - Colombo - PR


06 GAZETA DO MEIO AMBIENTE Água

Essencial à Vida As mais bonitas imagens da Terra, aquelas que são agradáveis aos olhos, à imaginação, as que são um convite ao relaxamento, sempre têm a água em sua composição: as ondas do mar, as cachoeiras, um riacho cristalino, a neve sobre as montanhas, os lagos espelhados, a chuva caindo sobre as plantas, o orvalho... A ciência tem demonstrado que a vida se originou na água e que ela constitui a matéria predominante nos organismos vivos. É impossível imaginar um tipo de vida em sociedade que dispense o uso da água: água para beber e cozinhar; para a higiene pessoal e do lugar onde vivemos; para uso industrial; para irrigação das plantações; para geração de energia; e para navegação. A água é um elemento essencial à vida. Mas, a água potável não estará disponível infinitamente. Ela é um recurso limitado. Parece inacreditável, já que existe tanta água no planeta! Quantidade e Composição A água ocupa 70% da superfície da

Terra. A maior parte, 97%, é salgada. Apenas 3% do total é água doce e, desses, 0,01% vai para os rios, ficando disponível para uso. O restante está em geleiras, icebergs e em subsolos muito profundos. Ou seja, o que pode ser potencialmente consumido é uma pequena fração. Há muita coisa a saber a respeito da água. Ela está presente nos menores movimentos do nosso corpo, como no piscar de olhos. Afinal, somos compostos basicamente de água. Esse líquido precioso está nas células, nos vasos sangüíneos e nos tecidos de sustentação. Nossas funções orgânicas necessitam da água para o seu bom funcionamento. Em média, um homem tem aproximadamente 47 litros de água em seu corpo. Diariamente, ele deve repor cerca de 2 litros e meio. Todo o nosso corpo depende da água, por isso, é preciso haver equilíbrio entre a água que perdemos e a água que repomos. Quando o corpo perde líquido, aumenta a concentração de sódio que se encontra dissolvido na água. Ao perceber esse aumento, o cérebro coordena a produção de hormônios que provocam a sede. Se não beber água, o ser humano entra em processo de desidratação e pode morrer de sede em cerca de dois dias. A água é composta por dois elementos químicos: Hidrogênio e Oxigênio, representados pela fórmula H2O. Como substância, a água pura é incolor, não tem sabor nem cheiro.

Quimicamente, nada se compara à água. É um composto de grande estabilidade, um solvente universal e uma fonte poderosa de energia química. A água é capaz de absorver e liberar mais calor que todas as demais substâncias comuns. Quando congelada, ao invés de se retrair, como acontece com a maioria das substâncias, a água se expande e, assim, flutua sobre a parte líquida, por ter se tornado "mais leve". De acordo com leis da física, isso não deveria acontecer. Por causa dessa propriedade incomum da água é que os rios, lagos e oceanos, ao congelarem, formam uma camada de gelo na superfície enquanto o fundo permanece líquido. No que diz respeito a uma série de propriedades físicas e químicas, a água é uma verdadeira exceção à regra. A Terra está a uma distância do sol que permite a existência dos três estados da água: sólido, líquido e gasoso. O Ciclo da Água A água desenvolve um ciclo. O chamado ciclo da água é o caminho que ela percorre. A chuva, basicamente, é o resultado da água que evapora dos lagos, rios e oceanos, formando as nuvens. Quando as nuvens estão carregadas, soltam a

Evaporação da Água

Precipitação da Água água na terra. Ela penetra o solo e vai alimentar as nascentes dos rios e os reservatórios subterrâneos. Se cai nos oceanos, mistura-se às águas salgadas e volta a evaporar, chove e cai na terra. A quantidade de água existente no planeta não aumenta nem diminui. A abundância de água é relativa. É preciso levar em conta os volumes estimados de água acumulados e o tempo médio que ela permanece nos ambientes terrestres. Por exemplo: nos rios o volume estimado de água é de 1700 quilômetros cúbicos e o tempo de permanência no leito é de duas semanas. As geleiras e a neve têm 30 milhões de quilômetros cúbicos e a água deve ficar congelada por milhares de anos. A água atmosférica tem o volume de 113 mil quilômetros cúbicos e permanece por 8 a 10 dias no ar. Acredita-se que a quantidade atual de água seja praticamente a mesma de há 3 bilhões de anos. Isto porque o ciclo da água se sucede infinitamente. Não seria engraçado se o alimento que comemos ontem tivesse sido preparado com as águas que, tempos atrás, foram utilizadas pelos romanos em seus famosos banhos coletivos?

Frigorio Frigorifico Rio Cerro Ltda

(41) 3352-5252 (41) 334-64646

0800 41 52 52 Gasparin Comércio e Transporte Ltda EST. DA RIBEIRA, 1480 KM 2.2 Rio Verde - Colombo - Paraná

Fone: (41) 3663-4141 Fax: (41) 3663-3677

ACEITAMOS CARTÕES DE CRÉDITO CONVÊNIO COM EMPRESAS

DEUS SEJA LOUVADO

Fone: (41) 3283-5915 Av. das torres, esq. c/ Joaquim nabuco, 231 - trevo de São José dos Pinhais - PR

Fone: (47) 3376-1499 Rua Erich Mathias, 900 Rio Serro - Jaragua - SC

AUTO POSTO AMÉLIA LTDA “ESSO 24 HORAS COM VOCÊ”

Fone: (41) 3256-9931 Rua Holanda, 730 - Boa Vista CEP 82540-040 Curitiba - Paraná R

Fone: (41) 3335-3533 Centro Gastronômico Ala A Parque Barigui Curitiba - Paraná


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 07 Qualidade da Água A água pode ser saudável ou nociva. Na natureza não existe água pura, devido à sua capacidade de dissolver quase todos os elementos e compostos químicos. A água que encontramos nos rios ou em poços profundos contém várias substâncias dissolvidas, como o zinco, o magnésio, o cálcio e elementos radioativos. Dependendo do grau de concentração desses elementos, a água pode ou não ser nociva. Para ser saudável, a água não pode conter substâncias tóxicas, vírus, bactérias, parasitos. Quando não tratada, a água é um importante veículo de transmissão de doenças, principalmente as do aparelho intestinal, como a cólera, a amebíase e a disenteria bacilar, além da esquistossomose. Essas são as mais comuns. Mas existem outras, como a febre tifóide, as cáries dentárias, a hepatite infecciosa. "O consumo de uma água saudável é fundamental à manutenção de um bom estado de saúde. Existem estimativas da Organização Mundial de Saúde de que cerca de 5 milhões de crianças morrem todos os anos por diarréia, e estas crianças habitam de modo geral os países do Terceiro Mundo. Existem alguns cuidados que são fundamentais. O acesso à água tratada nem sempre existe na nossa população principalmente na população de periferia. Deve-se tomar muito cuidado porque a contaminação dessa água nem sempre é visível. A água de poço e a água de bica devem ser usadas com um cuidado muito especial, porque muitas

vezes estão contaminadas por microrganismos que não são visíveis a olho nu. Mesmo com a água tratada deve-se ter alguma cautela, porque muitas vezes há contaminação na sua utilização: recipientes que são utilizados com falta de higiene, mãos que não são suficientemente bem lavadas... Todos esses fatores podem estar interferindo num caso de diarréia. Muitas outras doenças importantes também podem ser causadas pela água contaminada". Dra. Carmem Unglert Dept.o de Saúde Materno-Infantil Faculdade Saúde Pública - USP A água também se encontra ameçada pela poluição, pela contaminação e pelas alterações climáticas que o ser humano vem provocando. Além do perigo que representa para a saúde e bemestar do homem, a degradação ambiental é apontada pela Organização Mundial de Saúde como uma importante ameaça ao desenvolvimento econômico. Em geral, uma pessoa só toma consciência da importância da água quando ela lhe falta...

Enchentes Enchente não é, necessariamente,

sinônimo de catástrofe. É apenas um fenômeno natural dos regimes dos rios. Não existe rio sem enchente. Por outro lado, todo e qualquer rio tem sua área natural de inundação. As inundações passam a ser um problema para o homem quando ele deixa de respeitar esses limites naturais dos rios. Por exemplo,

quando remove as várzeas e quando se instala junto às margens. Ou então quando altera o ambiente de modo a modificar a magnitude e o regime das enchentes, quando desmata, remove a vegetação e impermeabiliza o solo. "As alterações que o homem provoca na bacia hidrográfica, alterando suas características físicas, também aumentam o prejuízo dessas enchentes. Como o homem altera as características da bacia? De diversas formas. A primeira, ou a mais importante, é quando ele suprime a cobertura vegetal e introduz obras com características de impermeabilização do solo, como construção de casas, telhados, pavimentação de ruas, quintais etc. Perdemos a capacidade de retenção da água através da vegetação e

Posto de Molas METALÚRGICA Menino de Deus TRIMETAL Ltda.

Serviços de Torno, Soldas, Recuperação de Caçambas, Chassis, Máquinas Industriais e Manutenção em Geral

Fone: (41) 3672-1691 Fone:(41) 3656-4428 Fone: (41) 3296-5962 / 3296-2603 3296-8042

Av. Das Torres, 2958 Guabirotuba Curitiba - Paraná

BR 116 KM 791 CURITIBA - PARANÁ

Rua Orlando Ceccon, 201 Centro - Colombo - PR

Comércio de Baterias e Componentes Ltda.

Fone/Fax: (41) 3381-9000 Email: comercial.cb@expressojoacaba.com.br Praça Adolfo Vaz da

Rua João A. Figueiredo, 20 - São Silva, 1791 Centro José dos Pinhais - Paraná - CEP 83085-120 Campo Largo - PR

Fone: (41) 3472-6431

Fone: (41) 3376-3424 Rua Fabriciano do Rego Barros, 1522 Vila Hauer Curitiba - Paraná BORDADOS COMPUTADORIZADOS

(41) 3393-3343

perdemos também a capacidade de infiltração dessa água no solo. Por conseguinte, os volumes de água que chegarão nos rios serão sempre maiores. E, portanto, os prejuízos das inundações também serão maiores. A pergunta que fica é: como podemos enfrentar o problema dos prejuízos decorrentes das inundações? Existem basicamente três formas: a primeira é não ocupar as áreas de inundação; a segunda é não alterar ou alterar o menos possível - as características físicas da bacia hidrográfica. E, por último, através da implantação de obras de contenção de cheias, como a construção de barragens, reservatórios, construção de diques para proteção de áreas de riscos altos de inundação, enfim, outras obras de engenharia, do tipo desassoreamento de rios e ampliação de seus leitos. Todas essas obras têm uma característica comum: são extremamente caras e onerosas para a sociedade. Conquanto tenha um certo grau de eficiência, nós podemos dizer que elas não são absolutamente eficazes porque, mesmo contando com essas obras, sempre haverá um evento de chuva, um evento de cheia que provocará uma inundação maior do que aquelas para as quais essas obras foram projetadas". Constante Bombonatto Engenheiro da SABESP especialista em ciclo hidrológico A Água no Mundo A água tem se tornado um elemento de disputa entre nações. Um relatório do Banco Mundial, datado de 1995, alerta para o fato de que

Av. Rio Negro - Coroados Guaratuba - Paraná

Fone (41) 33256-2040 Ccrieborde@crieborde.com.br Wwww.crieborde.com.br

Crie & Borde Bordados Computadorizados Rua Gago Coutinho, 529 Curitiba - Paraná


08 GAZETA DO MEIO AMBIENTE "as guerras do próximo século serão por causa de água, não por causa

distribuição de água

do petróleo ou política". Hoje, cerca de 250 milhões de pessoas, distribuídos em 26 países, já enfrentam escassez crônica de água. Em 30 anos, o número de pessoas saltará para 3 bilhões em 52 países. Nesse período, a quantidade de água disponível por pessoa em países do Oriente Médio e do norte da África estará reduzida em 80 por cento. A projeção que se faz é que, nesse período, 8 bilhões de pessoas habitarão a terra, em sua maioria concentradas nas grandes cidades. Daí, será necessário produzir mais comida e mais energia, aumentando o consumo doméstico e industrial de água. Essas perspectivas fazem crescer o risco de guerras, porque a questão das águas torna-se internacional. Em 1967, um dos motivos da guerra entre Israel e seus vizinhos foi justamente a ameça, por parte dos árabes, de desviar o fluxo do rio Jordão, cuja nascente fica nas montanhas no sul do Líbano. O rio Jordão e seus afluentes fornecem 60 por cento da água necessária à Jordânia. A Síria também depende

desse rio. A populosa China também sofre com o problema. O grande crescimento populacional e a demanda agroindustrial estão esgotando o suprimento de água. Das 500 cidades que existem no país, 300 sofrem com a escassez de água. Mais de 80 milhões de chineses andam mais de um quilômetro e meio por dia para conseguir água, e assim acontece com inúmeras nações. Um levantamento da ONU aponta duas sugestões básicas para diminuir a escassez de água: aumentar a sua disponibilidade e utilizá-la mais eficazmente. Para aumentar a disponibilidade, uma das alternativas seria o aproveitamento das geleiras; a outra seria a dessalinização da água do mar. Esses processos são muito caros e tornam-se inviáveis para a maioria dos países que sofrem com a escassez. É possível, ainda, intensificar o uso dos estoques subterrâneos profundos, o que implica utilizar tecnologias de alto custo e o rebaixamento do lençol freático. A Água no Brasil O Brasil é um país privilegiado no que diz respeito à quantidade de água. Sua distribuição, porém, não é uniforme em todo o território nacional. A Amazônia, por exemplo, é uma região que detém a maior bacia fluvial do mundo. O volume d'água do rio Amazonas é o maior do globo, sendo considerado um rio essencial para o planeta. Essa é, também, uma das regiões menos habitadas do Brasil. Em contrapartida, as maiores

concentrações populacionais do país encontram-se nas capitais, distantes dos grandes rios brasileiros, como o Amazonas, o São Francisco e o Paraná. E há ainda o Nordeste, onde a falta d'água por longos períodos tem contribuído para o abandono das terras e para a migração aos centros urbanos, como São Paulo e Rio de Janeiro, agravando ainda mais o problema da escassez de água nessas cidades. Além disso, os rios e lagos brasileiros vêm sendo comprometidos pela queda de qualidade da água disponível para captação e tratamento. Na região amazônica e no Pantanal, por exemplo, rios como o Madeira, o Cuiabá e o Paraguai já apresentam contaminação pelo mercúrio, metal utilizado no garimpo clandestino. E nas grandes cidades esse comprometimento da qualidade é causado principalmente por despejos

garimpo clandestino

despejos domésticos

domésticos e industriais. "Se a bacia é ocupada por florestas nas condições naturais, essa água vai ter uma boa qualidade porque vai receber apenas folhas, alguns resíduos de decomposição de vegetais. &eacutE; uma condição perfeitamente natural. Mas, se essa bacia começar a ser utilizada para a construção de casas, para implantação de indústrias, para plantações, então a água começará a receber outras substâncias além daquelas naturais, como, por exemplo o esgoto das casas e os resíduos tóxicos das indústrias e das substâncias químicas aplicadas nas plantações. Isso vai contribuir para que a água vá piorando de qualidade. Por isso ela deve ser protegida na fonte, na bacia. Essa água, depois, vai ser submetida a um tratamento para ser usada pela população. Mas, mesmo a estação de tratamento tem suas limitações. Ela retira com facilidade os produtos de uma floresta, de uma condição natural. Mas esgotos pioram muito, e a presença de substâncias tóxicas vai tornando esse tratamento cada vez mais caro. Acima de um certo limite, o tratamento nem mais é possível, porque existe uma limitação para a capacidade depuradora de uma estação de tratamento. Então, a água se torna totalmente imprestável". Samuel Murgel Branco Prof. titular da Faculdade Saúde Pública - USP Esses problemas atingem também os principais rios e represas das cidades brasileiras, onde hoje vivem 75% da população. Em Porto Alegre, o rio Guaíba está comprometido pelo lançamento de

Funilaria Bairro Alto

m m

m

mm

mm

INDÚSTRIAS QUÍMICAS MELYANE S. A. NÓS NÃO POLUÍMOS NOSSA QUERIDA CURITIBA

Especialidade: Cabeçotes Nacionais e Importados Serviços: Banhos Químicos, Teste de Trincas, Platinas, Regulagem de Válvulas, Cabeçote Base de Troca, Soldas, etc...

Fone/Fax: (41) 3333-5445

Fones: (41) 3022-8935 9935-1745

Rua Engenheiro Rebouças, 1255 Jardim Botânico - Curitiba - PR

Rua Aguiar, 482 Capão da Imbuia Curitiba - Paraná

Especializada em Alizamentos e Parciais Cortes, Hidratação, Acetinagem, Manicure

3024-3039 Av. Sete de Setembro, 3146 Shopping 7 Loja 60 Centro em frente ao CEFET Curitiba - Paraná

Fazemos: Coifas, Calhas Rufos, Soldas etc. Serralheria e Portas de Aço

Chocolates e Biscoitos Finos

Fone: (41) 3254-8338

Fone: (41) 3367-5132

www.rosepetenuci.com.br contao@rosepentenuci.com.br Rua Rio Jari, 888 - esq. C/ Rua Elias Joaquim, 55 Guaporé - Curitiba - Paraná Curitiba - Paraná


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 09 resíduos domésticos e industriais, além de sofrer as conseqüências do uso inadequado de agrotóxicos e fertilizantes. Brasília, além de enfrentar a escassez de água, tem problemas com a poluição do lago Paranoá. A ocupação urbana das áreas de mananciais do Alto Iguaçu compromete a qualidade das águas para abastecimento de Curitiba. O rio Paraíba do Sul, além de abastecer a região metropolitana do Rio de Janeiro, é manancial de outras importantes cidades de São Paulo e Minas Gerais, onde são graves os problemas devido ao garimpo, à erosão, aos desmatamentos e aos esgotos. Belo Horizonte já perdeu um manancial para abastecimento - a lagoa da Pampulha - que precisou ser substituído pelos rios Serra Azul e Manso, mais distantes do centro de consumo. Também no rio Doce, que atravessa os Estados de Minas Gerais e Espírito Santo, a extração de ouro, o desmatamento e o mau uso do solo agrícola provocam prejuízos enormes à qualidade de suas águas. O Estado de São Paulo sofre com a escassez de água e com problemas decorrentes de poluição em diversas regiões: no Alto Tietê junto à região metropolitana; no rio Turvo; no rio Sorocaba, entre outros. "Em seu processo de crescimento, a cidade foi invadindo os mananciais que outrora eram isolados , estavam distantes da ocupação urbana. E também é muito importante frisar que toda ação que ocorre numa bacia hidrográfica vai afetar a qualidade da água desse manancial. Não é simplesmente a ação em torno do espelho d'água que faz com

que você degrade mais ou menos. Muito pelo contrário: pode ocorrer o surgimento de uma área industrial distante desse espelho d'água principal, mas com grande capacidade de poluição e, portanto, com possibilidade de degradar totalmente esse manancial. Os corpos d'água são entes vivos. Eles conseguem se recuperar, mas possuem um limite. Portanto, é muito importante que a população esteja consciente de que é preciso disciplinar todo tipo de uso e ocupação do solo das bacias hidrográficas, principalmente das bacias cujos cursos d'água formam os mananciais que abastecem a população". Paulo Massato Yoshimoto Engenheiro da SABESP A Água e seu Consumo A proteção dos mananciais que ainda estão conservados e a recuperação daqueles que já estão

Técnica de Gotejamento uso racionall na agricultura

Fone: (41) 3288-7052 Fax: (41) 3288-3462

“O Bolinho de bacalhau mais falado da cidade”

Fone: (41) 3332-1267 www.merceariadoportugues.com

Rua Chile, 2041 Rebolças Curitiba - Paraná

rio poluído

prejudicados são modos de conservar a água que ainda temos. Mas isso apenas não basta. É preciso fazer muito mais para alcançarmos esse objetivo de modo que o uso se torne cada vez mais eficaz. Mas, o que fazer? Qual o papel de cada cidadão? Cada um de nós deve usar a água com mais economia. Na agricultura, por exemplo, o desperdício de água é muito grande. Apenas 40% da água desviada é efetivamente utilizada na irrigação. Os outros 60 por cento são desperdiçados, porque se aplica água em excesso, se aplica fora do período de necessidade da planta, em horários de maior evaporação do dia, pelo uso de técnicas de irrigação inadequadas ou, ainda, pela falta de manutenção nesses sistemas de irrigação. Na indústria é possível desenvolver formas mais econômicas de utilização da água através da recirculação ou reuso, que significa usar a água mais do que uma vez. Por exemplo, na refrigeração de equipamentos, na limpeza das instalações etc. Essa água reciclada pode ser usada na produção primária de metal, nos curtumes, nas indústrias têxteis, químicas e de papel. Nos sistemas de abastecimento de água uma quantidade significativa da água tratada - 15 % ou mais - é perdida devido a vazamentos nas canalizações, assim como dentro de nossas casas. É fácil observar como a população colabora na conservação da água em cidades que têm problemas de abastecimento ou onde existe pouca água. Ou, ainda, onde a água é cara. Nessas cidades, as pessoas

Fone: (41) 3223-4997 Fax: (41) 3223-4644 cribas34@hotmail.com

Ferramentaria e Injeção Plástica

www.aol.com.br/bimara/bimara.htm e-mail: bimara@cits.br Rua Presidente Marechal Dutra, 270 - CIC - Curitiba - Paraná

descarga acoplada mais econômica

capacidade dos recursos do meio ambiente, sobretudo a água. A conscientização e a educação do povo, do consumidor, são fundamentais. Racionalizar o uso da água não siginifica ficar sem ela periodicamente. Significa usá-la sem desperdício, considerá-la uma prioridade social e ambiental, para que a água tratada, saudável, nunca falte em nossas torneiras.

Celso Augusto M. Ribas & Cia. Ltda

Av. Alcir Martins Bastos, 795 Rua Xv, 297 10° Andar conj. Fazendinha - Curitiba - PR 1007 à 1012 - Curitiba - Paraná

Tel/Fax: (41) 33462828

costumam usar a mesma água para diferentes finalidades. Por exemplo, a água usada para lavar roupa é depois usada para lavar quintal. As pessoas ainda mudam seus hábitos para usar a água na hora em que ela está disponível; evitam vazamentos; só regam jardins e plantas na parte da manhã ou no final da tarde; lavam seus carros apenas eventualmente; não lavam calçadas, apenas varrem; não instalam válvulas de descarga nos vasos sanitários e sim caixas de descarga, que são mais econômicas e produzem o mesmo resultado e conforto. O crescente agravamento da falta de água tem levado as pessoas a estabelecer uma nova forma de pensar e agir, inclusive mudando seus hábitos, usos e costumes. Essa forma de pensar e agir visa o crescimento econômico respeitando a

Caldeira, Montagem Industrial e Manutenção Isolamento Térmico e Ipermeabilização

Tel./Fax: (41) 3649-1079 www.kraftpel.com.br

Fone: (41) 3643-5019 Rua Nilza Rosina Sgrot da Silva, 157 Araucária PR

Fone: (41) 32442025 Fone\Fax: (41) 3283-5078 novomilinioind@wnet.com.br ferreiraind@uol.com.br Avenida Rui Barbosa, 10150 Colônia Rio Grande São José dos Pinhais - Paraná

Fonte: TV Cultura

Rua Curitiba, 2317 Parque Indústrial Bela Vista Paiçandú - Paraná

BR 277 - km 104,5 n° 10.000 Rondinha - Campo Largo - PR

Plantão 24 horas - (41) 9148-0548 (41) 9121-3153 / (41) 9204-7016

Fone/Fax: (41) 3666-6109 Rua João Sopa, 66 Guaraituba Colombo - Paraná e-mail: conatec.@onda.com.br


10 GAZETA DO MEIO AMBIENTE Brasil e emergentes querem culpar países ricos pelo aquecimento global O Brasil está fazendo um esforço diplomático ao lado da Índia, China e México para pressionar os países industrializados a reconhecer que historicamente eles poluíram mais do que as nações emergentes. A articulação está em andamento durante o terceiro dia da conferência que vai definir a versão final da terceira parte do relatório do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC, em inglês) da Organização das Nações Unidas (ONU). Os quatro grandes emergentes querem incluir no texto oficial uma referência atribuindo aos países ricos responsabilidade pelo aquecimento global. Mas ainda não há indícios de que as nações industrializadas vão concordar com esta menção. "A idéia é situar o fenômeno do aquecimento global em uma perspectiva histórica", disse um delegado do IPCC sob sigilo à BBC Brasil. Os participantes estão reunidos a portas fechadas e não têm permissão para conversar com a imprensa até a divulgação oficial do documento. "Se o aquecimento global for compreendido como um processo irreversível é preciso colocar isso em uma perspectiva histórica e quantificar a responsabilidade que cada país tem neste processo", defendeu o delegado. O texto faria menção à poluição

causada no período anterior a 1974 e destacaria que alguns países industrializados foram responsáveis pelas emissões de carbono nesta época. Relatório Delegados e cientistas de mais de 120 países estão reunidos a portas fechadas em Bangcoc, na Tailândia, para redigir um sumário de políticas que serão recomendadas a todos os membros da ONU. O sumário serve de base para o desenvolvimento de políticas domésticas de proteção ao ambiente. O documento de Bancoc é a terceira parte de um extenso levantamento que estima a extensão do problema do aquecimento global e sugere soluções. O texto que será divulgado deve abordar maneiras de aliviar os efeitos do aquecimento global e esclarecer os custos e prazos para isso. A primeira parte do relatório anual foi divulgada em Paris e concluiu que o fenômeno do aquecimento global é de fato causado pelo homem. A segunda parte abordou os impactos das mudanças climáticas e foi divulgado em Bruxelas, os delegados devem se reunir novamente, desta vez em Valência na Espanha, para compilar as três partes do relatório em um documento final sintetizando as principais conclusões do IPCC. Fonte: BBC Brasil

EUA querem que Brasil assine tratado de preservação florestal A subsecretaria de Estado americana, Paula Dobriansky, pediu que o Brasil assine com os Estados Unidos tratado de conservação de florestas tropicais. O projeto foi criado pelo governo americano em 1998 e oferece a países em desenvolvimento o perdão de dívidas com os Estados Unidos e a geração de fundos para preservação ambiental. O programa é implantado por meio de acordos bilaterais. Entre as nações latinoamericanas que já assinaram o tratado estão Peru, Colômbia, Paraguai e Panamá. O pedido da subsecretária foi feito durante o Fórum de Desenvolvimento Sustentável realizado nesta em Nova York. O evento conta com a presença dos ex-presidentes americanos Bill Clinton e George W. Bush, pai do atual líder americano. O Fórum foi realizado pela ONG Associação das Nações Unidas-Brasil e contou com a presença de inúmeros políticos brasileiros, entre eles o senador e ex-presidente José Sarney, o governador do Mato Grosso, Blairo Maggi (PR), o governador do Rio de Janeiro, Sergio Cabral (PMDB), e o ministro do Plane-

jamento, Paulo Bernardo. Biocombustíveis De acordo com Departamento de Estado, o tratado de conservação de florestas tropicais é capaz de gerar até US$ 60 milhões (cerca de R$ 120 milhões) em iniciativas voltadas para a preservação ambiental. "Esperamos que o Brasil se junte a nós e assine o tratado", afirmou a subsecretária. "Com isso é possível aliviar a dívida com os Estados Unidos e investir em recursos para preservação de florestas e espécies de animais." A subsecretária disse ainda ser preciso tomar uma série de medidas para ampliar o uso mundial de biocombustíveis. Segundo Dobriansky, "os elementos-chave são redução dos custos de produção dos biocombustíveis, as demandas pelo uso da terra e as pressões no preço das rações para animais." Os Estados Unidos vêm enfrentando uma elevação do preço do milho e nos valores de terras cultiváveis devido à produção de etanol. A versão americana do biocombustível é produzida a partir do milho. Com a crescente demanda pelo cereal, aumentou também a quantidade de terras necessárias para cultivar milho. Fonte: BBC Brasil

Tartaruga Bar & Restaurante

PRODUTOS AGROPECUARIOS

Fone: (41) 3391-1500 Fax: (41) 3399-2424 www.procopio.com.br Rod. PR 510 - Trevo para Balsanova - s/nº - Campo Largo - Paraná Cx. Postal 859 CEP 83604-030

Fone: (41) 3262-0301

Fone: (41) 3376-3636 SAC: 0800-419003

Fone: (41) 3238-7192

Fone/Fax: (41) 3385-2559

curitiba@grupopitangueiras.com.br

Rua Itupava, 828 - Esq. C/ Atilho Bório - Alto da XV Curitiba - Paraná

R. Carlos de Laert, 1150 Vila Hauer, Curitiba - Paraná

Rua Salomão Miguel Nasser, Motores a base de Troca e Câmbio 375 Guatupê - São José dos Rua Rio Iriri, 1773 Bairro Alto Pinhais - Paraná Curitiba - Paraná

Marinho Afiações e Chaveiro

Pesquisa Mineral e Geologia Ambiental Ltda.

INDÚSTRIA DE ARTEFATOS DE CIMENTO LTDA

INDÚSTRIA DE ARTEFATOS DE CIMENTO LTDA

Somos os únicos no Paraná a fabricar blocos especiais para casas!

Igeoplanejamento@brturbo.com.br

Fone: (41) 3224-3276

Fone: (41) 3016-6235 Travessa Guaruja, 111 Ceminário Curitiba - Paraná

Arruelas Lisas e Pressão Porcas Baixas - Chumbadores

Fone: (41) 3245-9189

Fone: (41) 3266-1660 Fax: (41) 3266-1070 e-mail: ensana@terra.com.br

Rua Bela Vista do Paraíso, 151 Rua Antonio M. Sobrinho, 320 Cajurú Curitiba - Paraná Campo Comprido - Curitiba - PR

Fone/Fax: (41) 3383-5437 Fone: (41) 33828336 www.blocpar.com.br e-mail: blocpar.com.br

Rua Des. Westephalen, 181 Trav. Zacarias, 211 Barro Preto Centro - Curitiba - Paraná São José dos Pinhais - PR


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 11 NA FLORESTA É BOM... Saiba como curtir sem prejudicá-la O contato com a natureza é um dos melhores refúgios para quem vive no mundo moderno, crescentemente urbanizado e quase sempre carregado de estresse. Por isso é cada vez maior o número de pessoas que buscam atividades de lazer em áreas florestais, um dos mais típicos e importantes ambientes naturais. É preciso saber, no entanto, que a natureza é geralmente frágil, suscetível ao menor impacto, mesmo o produzido por uma simples caminhada. Sua proteção depende, portanto, de como seus visitantes se comportam. Um conjunto de atitudes ambientalmente corretas, simples e ao alcance de todos, é suficiente para visitar a floresta sem prejudicá-la. Veja a seguir o que é bom fazer na floresta para usufruir dos seus encantos e, ao mesmo tempo, protegê-la.

... Guardar seu lixo em embalagens apropriadas. Depois, não custa nada trazê-lo para casa. Lixo na floresta, além de sujar o ambiente, pode prejudicar os animais silvestres.

... Andar sempre acompanhado, em trilhas demarcadas e tomando muinto cuidado. Isto poderá salvá-lo de acidentes. O salvamento em ambientes naturais é caro e complexo, podendo levar dias e resultar em danos graves à sua saúde e ao meio ambiente

... Beber água somente em fontes identificadas como potáveis. Águas aparentemente limpas podem estar contaminadas por microorganismos.

... Guardar seus alimentos só para você. Alimentar animais pode levá-los à morte, pois dieta de bicho não é igual à de humanos.

... Acampar somente em locais autorizados e já preparados para camping. Abrir clareiras para montar barracas causa perda da vegetação e pode provocar erosão.

... Usar sabão em barra neutro para lavar suas louças e utensílios. É o que menos afeta o ambiente.

... Comunicar à autoridade ambiental desmatamentos irregulares, caça, vazamentos químicos, deposição inadequada de lixo ou outras agressões ao meio ambiente.

KfW Kreditanstalt für Wiederaufbau

-

... Agir como se estivesse na praia, no clube, no restaurante ou em casa. Educação, higiene e comportamento amistoso com as pessoas são coisas que todo mundo aprecia.

AGRAR

silviconsult

Fupef do Paraná

SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE E RECURSOS HÍDRICOS

Indústria, de Tijolos BR Ltda.

Vida Livre Medicina de Animais Selvagens Ltda.

R

Eletromecânica Industrial Garcete Ltda

Autorizada PR e SC da ALSTOM T&D

Fone: (41) 3396-4173

Fone: (41) 3343-2871

Especializada em Retífica de Carburadores e Distribuidores em Geral Toda linha de Carburadores Recondicionados a base de troca “com Garantia” Comércio de Peças para Carburação, Ignição e Injeção Eletrônica Regulagem e Afinação de Motores

... Tomar banho somente em lugares permitidos para evitar riscos de acidentes graves. Afogamentos são frequentes até mesmo em locais tidos como conhecidos.

... Dar preferência por cozinhar com fogareiro e iluminar o acampamento com lampião ou lanterna. Fogueiras podem causar incêndios florestais. Coletar lenha na floresta não é atitude ambientalmente correta.

... Ficar atento com os animais e com seu corpo. Pequenos animais, difíceis de enxergar, podem provocar o fim de seu passeio e o início de problemas de saúde, especialmente se você é alérgico a picadas de insetos e aranhas.

Rua Petit Carneiro, 77 Água Verde - Curitiba - Pr

... Deixar intactas as plantas, animais e outros bens naturais. Para suas recordações, tire fotos.

Atendemos todas as noites das 18:00 às 08:00 da manhã Rua Ermelino de Leão, 257 (Antigo Gato Preto)

BR 116 n° 29149 Km 171 Campo do Santana - Curitiba - Pr

Fone: (41) 3233-3303 www.memorialrestaurante.com.br memorial@memorialretaurante.com.br

Rua Drº Claudio dos Santos, 126 - São Francisco Curitiba - Paraná

AUTO ELÉTRICACcolégio PAMPA Fone: (42) 3627-3746

Madeireira Zili

Usinagem para Discos e Rua Mary Thompson Milazzo, Cubos de Freio 683 Jardim das Américas Guarapuava - Paraná

Fone: (42) 3523-3400

Av. Manoel Ribas, 1478 Centro União da Vitória - Paraná

suíço

Fone/Fax: (41) 3643-2166 Fones: (41) 3643-1721 e (41) 3643-2916 e-mail: eig@bsi.com.br Av. das Araucárias, 115 Araucária - PR

Bbrasileiro

Tel./Fax: +55 41 3667-3321 edgar@chpr.com.br www.chpr.com.br Rua Wanda dos SantosMallmann, 537 JD. Tarumã Pinhais - Paraná


12 GAZETA DO MEIO AMBIENTE

MÁRMORES E GRANITOS LTDA

FEPAR FEDERAÇÃO PARANAENSE DAS ASSOCIAÇÕES DE PRODUTORES RURAIS LTDA.

Pias, Lavatórios, Molduras, Colunas, Mesas, Revestimentos em geral.

Fone: (41) 3252-6048 www.buenoengenharia.com.br alice@buenoengenharia.com.br

Fones: (41) 3348-2376 / 3348-2509 BR 116 km 110 Pavilhão F, 671 Ceasa - Curitiba - PR

Fone: (41) 3585-4088 Rua Des. José Carlos R. Ribas, Rua José Bagerki, 27 Jd. Dona Luiza - Almirante Tamandare - PR 645 - Curitiba - Paraná

Fone/Fax: (41) 3373-3644 3373-1819 Rua Eduardo Sprada, 5530 Campo Comprido - Curitiba - PR


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 13 Leontopithecus rosalia Nome inglês: Golden lion marmoset Distribuição: Mata Atlântica do Rio de Janeiro Habitat: Mata Atlântica Hábito: Diurno Comportamento: Grupo de até 8 indivíduos Longevidade: 15 anos Maturidade: Fêmea- 18 meses, Macho- 24 meses Época reprodutiva: Setembro a março Gestação: 125 a 132 dias Nº de filhotes: 1 a 3 Peso adulto: 360 a 710g Peso filhote: 60 g

Mico Leão Dourado Nome vulgar: MICO LEÃO DOURADO

Classe: Mammalia Ordem: Primates Família: Callithricidae Nome científico:

Auto Posto OMS Ltda.

Fone: (41) 3343-0306

Av. Água Verde, 739 Curitiba - Paraná

Alimentação em cativeiro: Frutas, ovos, carne e insetos Causas da extinção: Tráfico de animais e destruição do habitat. Este raríssimo primata da família Callithricidae possui pelagem cor de fogo e uma juba em torno da cabeça, o que deu origem à sua denominação. Seus pêlos são sedosos e, ao sol, adquirem um belíssimo brilho. O Mico Leão é conhecido popularmente por sauí, sagüi, sagüi-piranga, sauí vermelho, mico etc. Habita florestas onde existem cipós e bromélias. É onívoro, come insetos, pequenos vertebrados, anfíbios, frutos e vegetais. Animal monógamo, uma vez formado o casal, mantém-se

Alimentação na natureza: Frutas, insetos, ovos, pequenos pássaros e lagartos. A. L. GNOATTO & Colombocal CIA MÓVEIS SOB Ltda. MEDIDA LTDA.

Fone: (41) 3245-3030

Fone: (41) 3656-3737

Rua Maria de Souza, 195 CIC - Curitiba - Paraná

Rod. da Uva, 7605, Centro Colombo - Paraná

fiel. Entre os Micos-leões, o recém-nascido não passa mais que quatro dias pendurado ao ventre materno. depois disso, é o pai que o carrega, cuida dele, limpa-o e o penteia. A mãe só se aproxima na hora da mamada. Ele estende os braços e o pai lhe entrega o filhote, que mama durante uns quinze minutos. mas, mesmo nessa hora, o pequeno não gosta que o pai se distancie. Mico Leão Dourado estão levando esta espécie à extinção. Atualmente, resta apenas um único local de preservação deste animal: a Reserva Biológica de Poço das Antas, no Município de Silva Jardim.

Fone: (41) 3372-2661 Fone: (41) 3372-1985 Rua Candido Hartman, 4315 São Braz - Curitiba - Paraná

Av. Manoel Ribas, 7920 Santa Felicidade - Curitiba - PR

CENTRO DE FORMAÇÃO DE CONDUTORES www.pilotocfc.com.br

PISTA DE MOTOS EM FRENTE AO BOLOCO G DO DETRAN Rua Mal. José A. dos Santos, 260 - Capão da Imbuia CEP 82810-380 - Curitiba - Paraná Fone: 41 3267-2771 MARACANÃ EM FRENTE SUB-PREFEITURA Rua dos Eucaliptus, 09 - sl. 03 CEP 82810-380 - Colombo - Paraná Fone: 41 3652-3560

Rua Nicolau do Carmo, 358 - Guaraituba CEP 82810-380 - Colombo - Paraná Fone: 41 3666-2788

Rua 7 de Setembro, 34 CEP 83540-380 - Rio Branco do Sul Paraná - Fone: 41 3652-3560

Rua Zacaris de Paula Xavier, 468 - Centro CEP 82810-060 - Colombo - Paraná Fone: 41 3656-6141

PISTA DE MOTOS EM FRENTE AO DETRAN Rua Frederico Maurer, 1861 - Vila Hauer CEP 82670-020 - Curitiba - Paraná Fone: 41 3276-4441

Rua Del. Leopoldo Belczak, 1920 - Capão da Imbuia CEP 82810-380 - Curitiba - Paraná Fone: 41 3266-9948

Rua Joaquim Nabuco, 2473 - Centro CEP 83005-160 - São José dos Pinhais - Paraná Fone: 41 3382-7875


14 GAZETA DO MEIO AMBIENTE Coleta Seletiva de Lixo E Reciclagem A cada pesquisa realizada, constata-se que cresce a cada ano o consumo no planeta, tornando inevitável o uso de produtos descartáveis, aumentando, assim, a utilização de recursos naturais. E então, o que fazer com o lixo que aumenta e acumula a cada dia? Já que, não há mais lugares onde possam ser depositados tantos lixos. Por isso, é hora de se conscientizar e exercer seu dever de cidadão.

Os lixos que deixamos nas ruas para serem coletados são levados para aterros sanitários, dos quais devem possuir apenas materiais não reaproveitáveis. Mas veja as situações atuais, tratando-se do destino dos lixos no geral: 35% podem ser reciclados, economizando assim, recursos naturais e dinheiro para o país;

outros 35% podem ser transformados em adubo orgânico, sobrando apenas 30% de lixo não reaproveitável, ou seja, trata-se de uma pequena parcela que dobra, e até triplica, a quantidade quando não passa por um processo de coleta seletiva, o que, infelizmente, ainda acontece. Reduzir a quantidade de lixo é um compromisso importante e permanente, basta saber que uma pessoa produz cerca de 180 quilos de lixo em um ano, logo, diminuir o desperdício depende de cada um de nós. Muita coisa é jogada fora, e ninguém pára pra pensar que "jogar fora" significa jogar aqui mesmo, no nosso planeta, e quase sempre em lugares errados, contaminando as águas, sujando o solo e, conseqüentemente, destruindo nossa fauna e flora. Logo, convenhamos pensar que a reciclagem é uma grande solução para este problema que está se agravando, mas que, felizmente, está fazendo com que muitas pessoas se conscientizem e mudem suas atitudes. Símbolos e Cores que Facilitam a Reciclagem: Os símbolos ao lado são encontrados nos coletores

(lixeiras) dos materiais mais usados no dia-a-dia. Para facilitar a separação dos recicláveis são também usadas cores diferentes para cada tipo de material. É sempre bom seguir o padrão de cores que é usado universalmente para cada recipiente, confira-as:

Papel / Papelão : Azul Madeira : Preta Plástico : Vermelha Vidro : Verde Metal : Amarelo Resíduos Perigosos : Laranja Resíduos Orgânicos : Marrom Resíduos Não Recicláveis : Cinza Resíduos Radioativos : Roxa Resíduos Ambulatoriais : Branca Comece a ajudar o meioambiente:

MAKSIWA Vendas e colocações

Mão de obra especializada em carpetes de madeira e comércio.

Embalagens

* Ferros em Geral * Máquinas e Equipamentos * Motores Elétricos * Material Industrial

MAKSIWA

Travessa Claudio Tiska, 7906 Sítio Cercado - Curitiba - PR

Telefax: (41) 3621-3218

Fone: (41) 3275-9238

Rua Dr. Leocácio Cisneiros Correa, R. João Scheleder, 55 Cx P. 90 575 Xaxim CEP 83402-280 - Colombo - PR Curitiba - PR www.maksiwa.com.br

Mecânica são Lucas

Fone: (49) 3436-0186 Rod. BR 282 S/N° KM 492 Centro Faxinal dos Guedes - Santa Catarina

Veja também os valores de alguns materiais recolhidos, por tonelada: Papelão: R$ 350,00 Jornal: R$ 300,00 Vidro Branco (translúcido): R$ 130,00 (limpo) ou R$ 80,00 (sujo) Latas: R$ 2.000,00

Nicolau Comércio de Metais.

Ind. E Com. De Maq. Ltda.

Fone: (41) 3564-6937

- Controle o uso da água, não deixando a torneira aberta à toa, abra e feche várias vezes. Melhor do que deixar a água correr. - Desligue a TV se ninguém estiver assistindo, e a luz do local onde não houver alguém. - Ponha no prato só o que você irá comer. - A maior parte do que jogamos fora não é sujo, apenas depois de misturado. Se você separar antes os materiais que podem ser reciclados, a quantidade de lixo não reaproveitável diminui espantosamente. Experimente. - Evite carregar embalagens do tipo caixinha-dentro-de-umsaquinho-dentro-da-sacoladentro-de-sacolão. Dica: Investigue se existe alguém perto da sua casa que colete materiais para reciclagem, podendo ser catadores, ferros-velhos ou a própria prefeitura da sua cidade.

Mab Tornearia e Usinagem Ltda

Fone: (41) 3282-8299

* Tubos * Chapas * Vigas * Perfis * Metalollon * Eixos / Flanges

Mantemos Caçambas para Sucatas Serviços de Oxicorte

(41) 3643-7512

R M B Comércio de Embalagens Embalagens Descartáveis Para: Restaurantes, Hotéis, Mercearias, Panificadoras, Frigoríficos, Supermercados, Buffet Sorvetes, Filmes Pvc, Strech, Sacos e Bandejas, Maquinas à Vácuo.

Fone: (41) 3364-0564

e-mail: rmb@rmbembalagens.com.br Mmetais@gruponicolau.com.br Rua Newton Laport, 159 Santa Felicidade - Curitiba - Paraná Av. Das Araucárias, 4665 - Araucária - PR

Mineração Bassani Ltda

Fone: (41) 3292-1050

Av. Das Américas, 853 Estrada Fazenda Thalia, s/n° - Ilha do Meio Vila 3 Marias - São José Balsa Nova - CEP 83600-970 Cx. Postal 826 - PR dos Pinhais - Paraná


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 15 Estes valores são divulgados com base nos preços que as indústrias pagam, e é bom saber que, para comercializar com as empresas que reaproveitam os recicláveis, é necessário cumprir alguns requisitos como: quantidades mínimas, acondicionamento, pureza, teor de umidade, etc. Mas isto varia de acordo com a empresa. No processo de reciclagem existem várias fases, mas a principal é a separação prévia dos materiais, porque depois de misturados torna a separação bem mais difícil, caindo também o nível de aproveitamento. Logo, coleta seletiva é este processo inicial, que trata do recolhimento e da separação dos materiais recicláveis. Agora que você já sabe porque sua participação é tão importante, vamos conferir estas dicas abaixo: Quem irá receber - Não adianta separar sendo que tudo irá para o mesmo local. Antes de separá-los procure alguém que colete tais materiais. Caso não encontre, informe-se com a prefeitura de sua cidade. Como separar - Para a separação dos materiais, já basta ter em casa dois recipientes, sendo um para o lixo úmido, que é coletado pela companhia de limpeza municipal, e o outro

para lixo seco, como papéis, vidros, metais, devendo ser levados limpos e secos. Veja agora os tipos de materiais que devem ser separados em diferentes lixeiras: Lixo Seco: papel; papelão; jornais; revistas; cadernos; folhas soltas; caixas e embalagens (desmontadas) em geral; metais como o alumínio, cobre, pequenas sucatas, etc; copos, garrafas, potes e frascos de vidro (inteiros ou quebrados); plásticos de todos os tipos, como garrafas de refrigerante, sacos e embalagens, brinquedos e utensílios quebrados. Lixo Úmido: cascas de frutas e legumes, restos de comida, papel de banheiro, sujeira de vassoura e de cinzeiro. Não Recicláveis: papel higiênico, papel plastificado, papel de fax ou carbono, vidros planos, cerâmicas ou lâmpadas. No caso de condomínios, escolas e empresas, deve-se aumentar o número de recipientes destinados à coleta seletiva, sendo identificados com os símbolos e cores devidas. É de alta importância lembrar que pilhas e baterias não devem, de maneira alguma, ser descartadas nos lixos domésticos, pois contêm metais pesados que se molhados

contaminam o meio ambiente. Basta ligar para o Serviço de Limpeza Pública de sua cidade e se informar sobre os postos coletores deste tipo de material. O que separar - Pode-se começar com apenas alguns tipos de materiais e ir ampliando gradativamente, e tratandose de escola, empresa ou condomínio, é importante ter alguém para coordenar o programa de coleta seletiva, incluindo a divulgação, os preços no caso de venda e as quantidades coletadas por tipo de material. A coleta seletiva permite alcançar alguns objetivos importantes, como o aumento da vida útil dos aterros sanitários e uma menor contaminação ao meio-ambiente. Também não há uma fórmula universal. Cada lugar tem uma realidade e precisamos inicialmente de um diagnóstico local, conferindo: - Têm-se cooperativas de coletores na sua cidade, e se elas fazem a coleta no local; - Se o material separado e doado vai beneficiar um programa social; - Deverá-se receber, dependendo do caso, relatórios mensais dos pesos destinados; - Qual o tipo, volume e freqüência do lixo gerado;

Recuperadora de OLARIA Veículos J.S. ME. NOGAROTO

RETÍFICA DE MOTORES L. SCHWEDLER CIA LTDA.

Fone/Fax: (41) 3668-2223 irrigabrasil@irrigabrasil.com

Rua Parecatú, 233, JD. Joaquina, Vila Perneta - Pinhais - Paraná

FONES: (41) 3273-2081 3372-3611 Av. Ver. Toaldo Túlio, 870 Santa Felicidade - Curitiba - PR

- Se a coleta será feita no mesmo veículo, no caso, não precisando separar em recipientes coloridos, já que, os materiais serão levados misturados. - Como envolver as pessoas, usando jornalzinho, murais ou palestras; Basicamente, o planejamento deve ser feito do fim para o começo, ou seja, primeiro pensar em qual a destinação, depois a logística e por fim, o programa de comunicação e divulgação ou educação ambiental. Como você acaba de ver, a coleta seletiva envolve um processo mais amplo, não se resumindo apenas ao ato de colocar as lixeiras coloridas. Tudo depende, primeiramente, das informações que devem ser passadas, da consciência que deve ser adquirida e, finalmente, das atitudes que podem ser tomadas, pensando sempre no futuro do meio ambiente, e conseqüentemente, no nosso. Coleta Seletiva de Lixo: Pratique essa idéia!

Fone: (41) 3356-8880 Adesivos, Camisetas, Decal’s, Banner’s, Calendários, Folhetos, Escolares e *Diversos Materiais, Placas/Faixas e Cartazes Imobiliárias, *Serviços Urgentes, Arte Final e Desafios, Mesas-Equipamentos Semi-novos e telas

Rua Adolpho, Melzer, 36 Conjunto Solar - Bacacheri - Curitiba - PR

Fone: (41) 3383-8551

Fone: (41) 3382-1641

Rod. Br 376 n° 3283 km 12 Vila Braca São José dos Pinhais - PR

Rua Mario Nogaroto, 660 São José dos Pinhais - PR

AR CONDICIONADO AUTOMOTIVO

Conforto e Segurança Desde 1985 Assistência Técnica Autorizada

Fone/Fax: (41) 3332-2265 Climatizar seu veículo é nossa especialidade. Preservar o meio ambiente é obrigação de todos. Esta empresa está equipada e estruturada para proteger o meio ambiente.

E-mail: epocasac@epocatda.com.br www.epocaltda.com.br

Fone: (41) 3289-1184

Fone: (41) 3382-3377 Tel. (41) 3348-1429 À 15 ANOS NO RAMO Rua Oestes Percegona, 321 Afonso Pena - São José dos Pinhais - Paraná

Rua Nicola Pelanda, 4.740 Umbará - Curitiba - PR

Rua João Daeski, 16 Sítio Cercado - Curitiba - PR


16 GAZETA DO MEIO AMBIENTE Ecologia Ecologia é o estudo das interações dos seres vivos entre si e com o meio ambiente.

A palavra Ecologia tem origem no grego “oikos", que significa casa, e "logia", estudo, reflexão. Logo, por extensão seria o estudo da casa, ou de forma mais genérica, do lugar onde se vive. Foi o cientista alemão Ernst Haeckel, em 1869, quem primeiro usou este termo para designar a parte da biologia que estuda as relações entre os seres vivos e o ambiente em que vivem, além da distribuição e abundância dos seres vivos no planeta. A ecologia divide-se em três ramos: Autoecologia, Demoecologia e Sinecologia. Para os ecólogos, o meio ambiente inclui não só os fatores abióticos como o clima e

a geologia, mas também os seres vivos que habitam uma determinada comunidade ou biótopo. Para que possamos delimitar o campo de estudo em ecologia devemos, em primeiro lugar, compreender os níveis de organização entre os seres vivos. Portanto, podemos dizer, que o nível mais simples é o do protoplasma, que é definido como substância viva. O protoplasma é o constituinte da célula, portanto, a célula é a unidade básica e fundamental dos seres vivos. Quando um conjunto de células, com as mesmas funções estão reunidas, temos um tecido. Vários tecidos formam um órgão e um conjunto de órgãos formam um sistema. Todos os sistemas reunidos dão origem a um organismo. Quando vários organismos da mesma espécie estão reunidos numa mesma região, temos uma população. Várias populações num mesmo local formam uma comunidade. Tudo isto reunido e trabalhando em harmonia forma um ecossistema. Todos os ecossistemas reunidos num mesmo sistema como aqui no Planeta

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Gráficas do Estado do Paraná

Terra temos a biosfera. O meio ambiente afecta os seres vivos não só pelo espaço necessário à sua sobrevivência e reprodução levando, por vezes, ao territorialismo mas também às suas funções vitais, incluindo o seu comportamento (estudado pela etologia, que também analisa a evolução dos comportamentos), através do metabolismo. Por essa razão, o meio ambiente a sua qualidade determina o número de indivíduos e de espécies que podem viver no mesmo hábitat. Por outro lado, os seres vivos também alteram permanentemente o meio ambiente em que vivem. O exemplo mais dramático é a construção dos recifes de coral por minúsculos invertebrados, os pólipos coralinos. As relações entre os diversos seres vivos existentes num ecossistema incluem a competição pelo espaço, pelo alimento ou por parceiros para a reprodução, a predação de organismos por outros, a simbiose entre diferentes espécies que cooperam para a sua mútua sobrevivência, o comensalismo, o parasitismo e outras (ver a página Relações Ecológicas). Da evolução destes conceitos e

da verificação das alterações de vários ecossistemas principalmente a sua degradação pelo homem, levou ao conceito da Ecologia Humana que estuda as relações entre o Homem e a Biosfera, principalmente do ponto de vista da manutenção da sua saúde, não só física, mas também social. Por outro lado, apareceram também os conceitos de Conservação e do Conservacionismo que se impuseram na actuação dos governos, quer através das acções de regulamentação do uso do ambiente natural e das suas espécies, quer através de várias organizações ambientalistas que promovem a disseminação do conhecimento sobre estas interações entre o Homem e a Biosfera. A ecologia está ligada a muitas áreas do conhecimento, dentre elas a economia. Nosso modelo de desenvolvimento económico baseia-se no capitalismo, que promove a produção de bens de consumo cada vez mais caros e sofisticados e isso esbarra na ecologia, pois não pode haver uma produção ilimitada desses bens de consumo na biosfera finita e limitada

Eventos e Formaturas

Fone: (41) 3393-3343

Fone: (41) 3262-0033

graduartt@brturbo.com.br

Praça Adolfo Vaz Silva, 1791

Rua Brasílio Itiberê, 3080 Água Verde - Curitiba - PR Centro - Campo Largo - PR

´ Cristal Comercio Distribuidora de Vidros Ltda. Janelas - Portas - Portões - Grades - Vidros Temperados

Fone: (41) 3332-3364

Tel. (41) 3643-1460 www.selariadias.com.br Fone: (41) 3232-8275 Avenida das Araucárias, 3843 Loja 01, Thomas Coelho

Br. 116 n° 11550 Prado Velho - Curitiba - PR

Av. Visconde de Guarapuava, 2227 Centro - Curitiba - Paraná

Araucária - Paraná CEP 83707-000


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 17 Pesquisa revela causa da crescente extinção de anfíbios no mundo

Os anfíbios que sobreviveram aos dinossauros, erupções vulcânicas e outras catástrofes durante milhões de anos se extinguem rapidamente por não conseguirem se adaptar às mudanças no mundo, revela um estudo publicado na revista "BioScience". Andrew Blaustein, zoólogo da Universidade Estadual do Oregon, nos Estados Unidos, afirma que os anfíbios, especialmente os batráquios (sapos, rãs e salamandras) estão entre os vertebrados de melhor adaptação do planeta. "Eles apareceram antes dos dinossauros, viveram sob climas diferentes e continuaram se multiplicando enquanto outras espécies se extinguiam. Mas, agora, não conseguem mais", afirmou. O estudo mostra que entre as mudanças estão a perda do habitat, a poluição das águas causada pelos pesticidas, as

infecções e a maior exposição à luz ultravioleta. Em julho do ano passado, um relatório da revista "Science" havia apontado que, das 5.743 espécies de batráquios conhecidas, um terço estava em risco de extinção devido às mudanças ambientais. Segundo o mesmo relatório, desde 1980 desapareceram pelo menos 122 espécies de batráquios. Eles são parte importante do ecossistema, porque se alimentam de insetos e são presa de animais maiores, num permanente processo de equilíbrio ecológico. Segundo os especialistas, a extinção de espécies tem sido especialmente grave em países como Brasil, Equador, Panamá, México, Costa Rica, Colômbia e Venezuela. Após o relatório da "Science", cerca de 50 cientistas de todo o mundo pediram a adoção de medidas urgentes para evitar a extinção dos anfíbios. Eles propuseram um plano que inclui a alocação de US$ 400 milhões para tarefas de conservação de diferentes espécies. Na pesquisa publicada na "BioScience", os cientistas da Universidade do Oregon calculam que, devido às condições atuais de poluição, a extinção não só de anfíbios mas também de outros animais e plantas é a

Corser Frutas Ltda.

maior dos últimos 100 mil anos. Os anfíbios atraem um interesse particular porque, segundo os cientistas, devido à sua fisiologia e seu ciclo de vida eles são expostos a uma ampla variedade de mudanças ambientais. Os anfíbios têm pele permeável, vivem na água e no solo e seus ovos não têm carapaça dura, como os das aves. Além disso, põem os ovos em águas pouco profundas e sob a luz direta do

Bióloga pesa anfíbio ameaçado de extinção, no litoral norte de SP

sol, para receberem maior oxigenação, ajudar em seu crescimento e reduzir a predação. No entanto, o aumento da radiação da luz ultravioleta, provocado pela erosão da camada de ozônio na atmosfera,

Auto Mecânica S.A.

está provocando mutações e alterando o sistema imunológico das espécies, informam os cientistas. Além disso, antes a água era pura e limpa. Agora, com o uso cada vez maior de adubos modernos, os despejos e o estrume em seu habitat natural aumentam a incidência de infecções parasitárias. A poluição química dos sistemas aquáticos é cada vez mais comum, dizem os cientistas. "Historicamente, os anfíbios evoluíam e se adaptavam às novas condições. Mas agora estão perdendo a batalha", diz o estudo. Agravando o alerta da "Science" do ano passado, os cientistas revelam que 43% das espécies de anfíbios na Terra estão em declínio. Outras 32% estão sob ameaça e a extinção total afeta 168 espécies. Segundo Blaustein, os anfíbios estão demonstrando que as mudanças ambientais no mundo não têm precedente por sua rapidez. "Muitas outras espécies também não poderão evoluir com suficiente rapidez e enfrentar as mudanças. Devido a suas características, os anfíbios serão apenas os primeiros a desaparecer", prevê. Fonte: Efe

GUANABARA INDÚSTRIAS QUÍMICAS LTDA

Fones: (41) 3348-1684 Ramal 8453 e 3366-1690 (49) 3246-3590 Fraimburgo - SC

Rodovia BR 116 - KM 10 Pavilhão E Box 302/349 Ceasa - Curitiba - PR

Fone: (41) 3292-1292 Fone: (41) 3564-3706 cipneus@bol.com.br

Rua Oswaldo Cruz, 117 Campo Largo - Paraná

Rua Jussara, 4214 Bairro Novo - Sítio Cercado Curitiba - Paraná

Fone: (41) 3286-1910 Fax: (41) 3286-6466 R. Pe. Instannislau Truebiatchwsk, 113 Boqueirão - Curitiba - Paraná

Fone: (41) 3392-1154 3292-2087 Rua Maria Aparecida de Oliveira, 111 Campo Largo - PR

Esbra Indústria Mecânica Ltda. “A Esbra fabrica e comercializa seus produtos, por isso temos absoluta certeza que sua empresa pagará o menor preço de mercado com a melhor qualidade”.

Fones: (41) 3287-5454 / 3286-1937 Rua Brasil Para Cristo, 3009 Boqueirão Curitiba - PR

Corujão Comércio de Automóveis Ltda.

Fone: (41) 3340-4400 Rua Guaianazes, 400 Vila Izabel - Curitiba - Paraná

Fones: (41) 3643-8719 3031-2066 vitamec_pr@yahoo.com.br Rua Natália Campanholo, 110 - Estação - Araucária - Paraná


18 GAZETA DO MEIO AMBIENTE Tartaruga de Couro NOME COMUM: Tartaruga marinha; tartaruga de couro;

oleosa. Como resultado, é a mais amplamente distribuída; há registros em altas latitudes onde as temperaturas da água oscilam entre 10º C e 20º C. STATUS: em perigo. ALIMENTO: É uma tartaruga carnívora, se alimentando basicamente de águas-vivas e de sua fauna acompanhante. Por causa desta alimentação, elas freqüentemente confundem sacos plásticos ou celofane com águas-vivas e correm o risco de morrerem por indigestão.

tartaruga-coriácea ou tartarugaalaúde NOME EM INGLÊS: Leatherback Turtle NOME CIENTÍFICO: Dermochelys coriacea FILO: Chordata CLASSE: Reptilia ORDEM: Chelonia FAMÍLIA: Dermochelyidae CARACTERÍSITCAS: Poucas espécies. Bico com dentes serrilhados. Escamas sobre a cabeça (os filhotes são cobertos de escamas) Ovos: aproximadamente 100 de cada vez HABITAT: Águas tropicais. Está mais adaptada às águas frias devido à sua derme grossa e

REPRODUÇÃO: As fêmeas normalmente desovam de 4 a 6 vezes por temporada, com 61 a 126 ovos por ninho. Normalmente mais da metade do ninho consiste de ovos pequenos e sem gema (não férteis). A incubação varia de 50 a 78 dias e a temperatura "ótima" é por volta de 29º C. PREDADORES: Seus ovos e embriões são comidos por caranguejos, porcos e lagartos. Já os filhotes são mortos por mamíferos, aves, peixes e lulas. Juvenis e adultos são atacados por tubarões e baleias Orca (Orcinus orca). Adultos são capturados em redes flutuantes para pesca pelágica e por linhas longas (Long-Lines) usadas para pesca de atum. Não há pesca

Sindicato dos Servidores Municipais de Paranaguá

Fone: (41) 3423-3171 Rua João Pessoa, 655 Centro Paranaguá - PR

comercial para esta tartaruga, mas em alguns lugares sua carne é usada como isca na pesca de tubarões. HÁBITOS: Esta espécie tem hábitos *pelágicos e se aproximam da costa somente durante a temporada de reprodução. Também conseguem descer a grandes profundidades e estão bem adaptadas aos mergulhos profundos. COMPRIMENTO: podem atingir 2 m de comprimento. PESO: chegam a pesar até 600 kg. A maior tartaruga de couro que foi registrado era um macho encalhado na Costa Ocidental de Gales em 1988. Ele pesou 916 kg. O governo Federal norteamericano listou a tartaruga de couro como em extinção mundial. Em 1982, Peter Pritchard calculou que existiam no mundo 115 mil fêmeas adultas e que a metade delas estavam vivendo no México ocidental. Porém, estimativas atuais são que apenas 20,000 a 30,000 tartarugas de couro fêmeas existem no mundo. Um esforço significativo está sendo feito pelo governo e agências de não governamentais e indi-víduos privados para aumentar a consciência pública de conser-vação das tartarugas marinhas. Agências federais e Estatais e organizações de

conservação privadas como o Centro para Conservação Marinha, Green-peace e National Audobon Society, produziu e distribuiu uma variedade de ajudas auditivo-visuais e material impresso sobre tartarugas de mar. O filhote desta tartaruga enorme tem todas as unhas, mas ele as perde quando se torna todas as unhas, mas ele as perde quando se torna adulto. Apenas o macho conserva uma unha, grande e recurvada, com a qual ele se agarra às costas da fêmea durante o acasalamento. Isto é necessário porque o acasalamento ocorre enquanto as tartarugas nadam. A característica mais marcante da tartaruga de couro é a consistência de sua carapaça. A carapaça não é constituída de placas ósseas, mas sim recoberta por uma pele grossa e coriácea. A tartaruga de couro também se distingue das outras no tamanho. É a maior tartaruga do mundo e algumas delas, quanto adultas, podem atingir 2 m de comprimento e chegam a pesar até 600 kg. Usando as patas como nadadeiras, ela nada velozmente e é uma grande devoradora de peixes, moluscos e algas marinhas. Como as outras tartarugas, ela desova na areia da praia.

REJAL - RECUP JACOBINA de motores Ltda

Fone: (41) 3273-2376 Fone: (41) 3347-9625 Fax: (41) 3347-9333 Rua Professor Francisco Zardo, 1263 Santa Felicidade Curitiba - Paraná

e-mail: vanfix@vanfix.com.br www.vanfix.com.br

R. João Chede, 1325 - CIC - Curitiba - PR

Fones: (41) 3357-5595 3257-2341 Av. Erasto Gaertner, 2255 Bacacheri - Curitiba - Paraná


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 19 NOVAPRATA PEDREIRA Desde 1994, atuando no ramo da mineração, a Novaprata tem a missão de agregar a extração Mineral e preservação do meio Ambiente. Com seriedade veio ao longo dos anos aprimorando suas técnicas de britagem e extração. Para isso contamos com a supervisão da empresa Mineral Geologia, que se encarrega de cuidar das licenças ambientais, renovações, pesquisas, plano de recuperação Ambiental e relatórios enviados aos órgãos competentes de fiscalizações, para que possamos extrair com a consciência de recuperar a maior área possível de acordo com as normas estabelecidas. A Novaprata também desenvolve projetos sociais, através dos seus funcionários ( CIPA) e vem organizando a campanha NATAL SEM FOME, na qual irá arrecadar alimentos para serem distribuídos às instituições carentes de Paranaguá. Com a ajuda dos amigos e clientes vem conseguindo excelentes resultados com esta campanha que foi desenvolvida durante a 5 º SIPAT Semana Interna de Prevenção a Acidentes de trabalho realizada em Novembro de 2004. O que demonstra o interesse dos funcionários e Proprietários em desenvolver projetos sociais levados a sério. Isso vem sendo demonstrado ao longo dos anos com a confiança de clientes e a comunidade local envolvida, projeta para o Próximo ano a Inauguração da Fundação CELSO PAMPUCH, que irá desenvolver atividades físicas com instrutores capacitados para as crianças da comunidade que estiverem seguindo os seus estudos corretamente terão o apoio da empresa para desenvolver novos talentos. Assim a Novaprata demonstra que o seu interesse não é somente extrair e sim se desenvolver junto com seus amigos, Fornecedores, clientes e a comunidade local para que todos possam ter orgulho de nossa empresa. NOVAPRATA Produzir com Qualidade

Tacplast Ind. e Com. De Plásticos Ltda.

Fone: (41) 3344-2417 Fones: (41) 3246-5501 3246-1583

Rua O Brasil Para Cristo, 2318 - Boqueirão Fone: (41) 3334-4617 Av. Brasilia, 5750 - Capão Curitiba Rua Francisco Parolin, 31 Parolin Raso Curitiba Paraná Paraná Curitiba - Paraná

João Vergílio Mruz Fone: (41) 3341-8442 3348-8659 Fone:/Fax: (41) 3275-4558 BR 116, n° 22881 Box 2112 e Rd. BR 116 km 3,5 n° 15791 Curitiba - PR

2113 H Ceasa - Curitiba - PR

CONVERSÃO DE VEÍCULOS PARA MELHORAR O MEIO AMBIENTE

Fone: (41) 3621-1033 R. São Sebastião, 181 Campo Pequeno Colombo - Paraná

MATRIZ- Av. Marechal Floriano Peixoto, 2262 Rebouças Curitiba - PR Fone: (41) 3334-5298 3332-6897 / 3333-2725 convertemegasul@brturbo.com.br

SOMETAL INDÚSTRIA METALÚRGICA LTDA.

De 2ª a 6ª

Buffet Caseiro e Marmitex

Sábados Deliciosa Feijoada, Marmitex e a La Carte Domingos

Fone: (41) 3652-2153 3652-5619

Assados para Viagem e a La Carte

Fone: (41) 3257-6937

Rd. PR KM 33 S/N° Papanduvas Rio Branco do Sul - Paraná

R

COMPRAMOS: LATA DE ALUMÍNIO, COBRE, LATÃO, INOX, CHUMBO, ANTIMÔNIO, PERFIL DE ALUMÍNIO, OFF-SET, PANELA BATERIA ETC...

Informações e reservas pelos Telefones: PAGAMOS BEM, COLETAMOS NO LOCAL (41) 3382-2727 / 3382-2949 www.rickmotel.com.br Fone: (41) 3334-1184 Trevo da rodovia Br 277 com Av. Rui Barbosa Rua Augusto de Mari, 1510 São José dos Pinhais. “No caminho das praias” Vila Guaira - Curitiba - PR

* Posto O Cupim 1 Campina Grande do Sul * Posto O Cupim 2 São José dos Pinhais PR * Posto O Cupim 4 Paranaguá PR * Posto De Bortoli-Cupim São José dos Pinhais PR * Posto O Cupim 7 Araucária PR * Posto O Cupim 8 Cambé PR

* Fazenda O Cupim Rochedo MS * Cerâmica Vila Rica Mafra SC * Posto O Cupim 5 Campo Grande MS * Posto O Cupim 6 Paranaguá PR * O Cupim Transportes Paranaguá PR * Posto O Cupim 9 Paranaguá PR


20 GAZETA DO MEIO AMBIENTE O aquecimento global Essa parte retida causa um importante aumento do aquecimento global. A principal evidência do aquecimento global vem das medidas de temperatura de estações metereológicas em todo o globo desde 1860. Os dados com a correção dos efeitos de "ilhas urbanas" mostra que o aumento médio da temperatura foi de 0.6+-0.2 C durante o século XX. Os maiores aumentos foram em dois períodos: 1910 a 1945 e 1976 a 2000. (fonte IPCC). O Aquecimento global é um fenômeno climático de larga extensão um aumento da temperatura média superficial global que vem acontecendo nos últimos 150 anos. Entretanto, o significado deste aumento de temperatura ainda é objecto de muitos debates entre os cientistas. Causas naturais ou antropogênicas (provocadas pelo homem) têm sido propostas para explicar o fenômeno. Grande parte da comunidade científica acredita que o aumento de concentração de poluentes antropogênicos na atmosfera é causa do efeito estufa. A Terra recebe radiação emitida pelo Sol e devolve grande parte dela para o espaço através de radiação de calor. Os poluentes atmosféricos estão retendo uma parte dessa radiação que seria refletida para o espaço, em condições normais.

Sorvetes Quebra Gelo Fone: (41) 3256-2502 Rua João Batista Trentin ,961 Tingui - Curitiba - Paraná

Evidências secundárias são obtidas através da observação das variações da cobertura de neve das montanhas e de áreas geladas, do aumento do nível global dos mares, do aumento das precipitações, da cobertura de nuvens, do El Niño e outros eventos extremos de mau tempo durante o século XX. Por exemplo, dados de satélite mostram uma diminuição de 10% na área que é coberta por neve desde os anos 60. A área da cobertura de gelo no hemisfério norte na primavera e verão também diminuiu em cerca de 10% a 15% desde 1950 e houve retração das montanhas geladas em regiões não polares durante todo o século XX.(Fonte: IPCC). Causas Mudanças climáticas ocorrem devido a factores internos e

3

externos. Factores internos são aqueles associados à complexidade derivada do facto dos sistemas climáticos serem sistemas caóticos não lineares. Fatores externos podem ser naturais ou antropogênicos. O principal factor externo natural é a variabilidade da radiação solar, que depende dos ciclos solares e do facto de que a temperatura interna do sol vem aumentando. Fatores antropogênicos são aqueles da influência humana levando ao efeito estufa, o principal dos quais é a emissão de sulfatos que sobem até a estratosfera causando depleção da camada de ozônio (fonte:IPCC) Cientistas concordam que factores internos e externos naturais podem ocasionar mudanças climáticas significativas. No último milénio dois importantes períodos de variação de temperatura ocorreram: um período quente conhecido como Período Medieval Quente e um frio conhecido como Pequena Idade do Gelo. A variação de temperatura desses períodos tem magnitude similar ao do atual aquecimento e acreditase terem sido causados por fatores internos e externos somente. A Pequena Idade do Gelo é atribuída à redução da atividade solar e alguns cientistas concordam que o aquecimento terrestre observado desde 1860 é uma reversão natural da Pequena Idade do Gelo ( Fonte: The Skeptical

Av. Monteiro Tourinho, 386 - Bacacheri - Curitiba - PR E-mail: jipepar@jipepar.com.br www.jipepar.com.br

MOVELESTE Comércio de Móveis Novos e Usados Ltda.

Av. República Argentina, 2517 Portão - Curitiba - Paraná

Fones: (41) 3642-6064 / 99942071

go Fran vita Rua General Mário Tourinho, 1056 - Campina do Siqueira Curitiba - Paraná

Fone: (41) 3334-1462 Rua Al. Gonçalves, 2359 Rebouças - Curitiba - PR

Vidraçaria Irmãos Bosa Ltda.

Fone: (41) 3226-3532 Rua Natal, 2213 - Cajuru Curitiba - Paraná

Fone: (41) 3272-3421 Rua Ver. Toaldo Tulio, 4168 São Braz - Curitiba - Paraná

NOVAS CAIXAS Fone: (41) 8805-8041

Fone/Fax: (41) 3266-5414 / 3575-2172

Fone: (41) 3332-7275 Fax: (41) 3332-0299

Rua Iapó, 1657 - CEP 80215-020 Rod. Br. 116 Km 10, Box 794 Curitiba - PR Ceasa Tatuquara - Curitiba - PR

Rua Gilda P. Forcadel, n° 1 Uberaba - Curitiba - PR

F. Loureiro Metalúrgica ME.

HAMMER TRANSPORTE LTDA

Av. Mal. Florianio Peixoto, 9521 Boqueirão - Curitiba - Paraná

ENTREGAS EM DOMICÍLIO

Todos os dias das 11:00 às 22:00 hs AV. KENNEDY, 3465 - PORTÃO CURITIBA - PARANÁ

Esquadrias de Alumínio Yamagutt

Distribuidora de Vidros Em Geral

Fone: (41) 3344-1540

DISK 3345-8383

COM. DE CAIXASNOVAS E USADAS

Instalação de Vidros em geral - Espelhos Bizole e Jateados - Manutenção em Box de todos os Tipos

Fone: (41) 3264-7283 / 3264-3063 Rod. Br 116 - KM 96 - N° 8370-a Cajuru - Curitiba - Paraná

A influência de fatores externos pode ser comparada usando conceitos de força radiotiva. Uma força radiotiva positiva esquenta o

E-mail: mariotourinho@curibigran.com.br

AQUABOX Fones: (41) 3256-4181 / 3256-3561 Fax: (41) 3256-3404

A real importância de cada causa proposta pode somente ser estabelecida pela quantificação exacta de cada factor envolvido. Factores internos e externos podem ser quantificados pela análise de simulações baseadas nos melhores modelos climáticos.

Fone/Fax: (41) 3343-6921 / 3343-0863

Tel./Fax: (41) 3345-4042

Fone: (41) 3667-9520

Comércio de Peças e Acessórios Ltda

A maior parte destes gases são produzidos pela queima de combustíveis fósseis. Os cientistas pensam que a redução das áreas de florestas tropicais tem contribuído, assim como as florestas antigas, para o aumento do carbono. No entanto florestas novas nos Estados Unidos e na Rússia contribuem para absorver dióxido de carbono e desde 1990 a quantidade de carbono absorvido é maior que a quantidade liberada no desflorestamento. Nem todo dióxido de carbono emitido para a atmosfera se acumula nela, metade é absorvido pelos mares e florestas.

3

Aviario Marais Ltda Rua Rio Trombeta, 659 Weisópolis - Pinhais - PR

Environmentalist). Entretanto grandes quantidades de gases tem sido emitidos para a atmosfera desde que começou a revolução industrial, a partir de 1750 as emissões de dióxido de carbono aumentaram 31%, metano 151%, óxido de nitrogênio 17% e ozônio troposférico 36% (Fonte IPCC).

LIMPRILL PRODUTOS DE LIMPEZA Fone/Fax: (41) 3668-6750 limprill@softone.com.br Rua Paranavaí, 1457 Vila Emiliano Perneta Pinhais - Paraná.

Fone: (41) 3665-6087

Fone: (41) 3346-8133

Rod. Br 116, Km 87, n° 100-A Atuba - Colombo - Paraná

BR 116 Km 5,5 n° 18015 Curitiba - Paraná


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 21 planeta e uma negativa o esfria. Emissões antropogênicas de gases, depleção do ozônio estratosférico e radiação solar tem força radioativa positiva e aerosóis tem o seu uso como força radiotiva negativa.(fonte IPCC). Modelos climáticos Simulações climáticas mostram que o aquecimento ocorrido de 1910 até 1945 podem ser explicado somente por forças internas e naturais (variação da radiação solar) mas o aquecimento ocorrido de 1976 a 2000 necessita da emissão de gases antropogênicos causadores do efeito estufa para ser explicado. A maioria da comunidade científica está actualmente convencida de que uma proporção significativa do aquecimento global observado é causado pela emissão de gases causadores do efeito estufa emitidos pela actividade humana. (Fonte IPC) Esta conclusão depende da exactidão dos modelos usados e da estimativa correcta dos factores externos. A maioria dos cientistas concorda que importantes características climáticas estejam sendo incorrectamente incorporadas nos modelos climáticos, mas eles também pensam que modelos melhores não mudariam a conclusão. (Source: IPCC) Os críticos dizem que há falhas nos modelos e que factores externos não levados em consideração poderiam alterar as conclu-

sões acima. Os críticos dizem que simulações climáticas são incapazes de modelar os efeitos resfriadores das partículas, ajustar a retroalimentação do vapor de água e levar em conta o papel das nuvens. Críticos também mostram que o Sol pode ter uma maior cota de responsabilidade no aquecimento global actualmente observado do que o aceite pela maioria da comunidade científica. Alguns efeitos solares indirectos podem ser muito importantes e não são levados em conta pelos modelos. Assim, a parte do aquecimento global causado pela ação humana poderia ser menor do que se pensa actualmente. (Fonte: The Skeptical Environmentalist) Efeitos Devido aos efeitos potenciais sobre a saúde humana, economia e meio ambiente o aquecimento global tem sido fonte de grande preocupação. Algumas importantes mudanças ambientais tem sido observadas e foram ligadas ao aquecimento global. Os exemplos de evidências secundárias citadas abaixo (diminuição da cobertura de gelo, aumento do nível do mar, mudanças dos padrões climáticos) são exemplos das consequências do aquecimento global que podem influenciar não somente as actividades humanas mas também os ecosistemas. Aumento da temperatura global permite que um ecosistema mude; algumas espécies podem ser forçadas a sair dos seus habitats (possibilidade de extinção) devido

MINATTI

a mudanças nas condições enquanto outras podem espalharse, invadindo outros ecossistemas. Entretanto, o aquecimento global também pode ter efeitos positivos, uma vez que aumentos de temperaturas e aumento de concentrações de CO2 podem aprimorar a produtividade do ecosistema. Observações de satélites mostram que a produtividade do hemisfério Norte aumentou desde 1982. Por outro lado é fato de que o total da quantidade de biomassa produzida não é necessáriamente muito boa, uma vez que a biodiversidade pode no silêncio diminuir ainda mais um pequeno número de espécie que esteja florescendo. Uma outra causa grande preocupação é o aumento do nível do mar. O nível dos mares está aumentando em 0.01 a 0.02 metros por década e em alguns países insulares no Oceano Pacífico são expressivamente preocupantes, porque cedo eles estarão debaixo de água. O aquecimento global provoca subida dos mares principalmente por causa da expansão térmica da água dos oceanos, mas alguns cientistas estão preocupados que no futuro, a camada de gelo polar e os glaciares derretam. Em consequência haverá aumento do nível, em muitos metros. No momento, os cientistas não esperam um maior derretimento nos próximos 100 anos. (Fontes: IPCC para os dados e as publica-

ções da grande imprensa para as percepções gerais de que as mudanças climáticas). Como o clima fica mais quente, a evaporação aumenta. Isto provoca pesados aguaceiros e mais erosão. Muitas pessoas pensam que isto poderá causar resultados mais extremos no clima como progressivo aquecimento global. O aquecimento global também pode apresentar efeitos menos óbvios. A Corrente do Atlântico Norte,por exemplo, provocada por diferenças entre a temperatura entre os mares. Aparentemente ela está diminuindo conforme as médias da temperatura global aumentam, isso significa que áreas como a Escandinávia e a Inglaterra que são aquecidas pela corrente devem apresentar climas mais frios a despeito do aumento do calor global. Painel Intergovernamental sobre as Mudanças do Clima (IPCC) Como este é um tema de grande importância, os govenos precisam de previsões de tendências futuras das mudanças globais de forma que possam tomar decisões políticas que evitem impactos indesejáveis. O aquecimento global está sendo estudado pelo Intergovernmental Panel on Climate Change (IPCC). O último relatório do IPCC faz algumas previsões a respeito das mudanças climáticas. Tais previsões são a base para os actuais debates políticos e científicos.

Fone: (41) 3676-1014 Fax: (41) 3676-1741

FUNDIÇÃO DE FERRO

Vendas de Peças, Assistência Técnica, Atendimento de Garantia

Fone: (41) 3643-3322 Rod. Do Xisto, 5770 Araucária - Paraná

(CINZENTO E MODULAR)

Rua Manoel Martins da Cruz, 99 Campina Grande do Sul Paraná - CEP 83430-000 e-mail: minattifund@uol.com.br

Fone: (41) 3297-2730 Rua Angelo D. Durigan Curitiba - Paraná

Fone: (41) 3627-1440 3627-1269 Serviço de Motores, Câmbio, Diferencial, Freios, Peças e Acessórios para Scânia Rodovia BR 116 - Km 121 Fazenda Rio Grande - PR

Supermercados Ivaiporã

Molas Chico

Fones: (41) 3382-1854 3282-4512

Fone: (41) 3247-6632

Rua Castro n° 990 JD. Cruzeiro São José dos Pinhais - PR

BR 116 N° 17906 KM 105/5 Pinheirinho - Curitiba - PR

(41) 3256-7605 Rua Holanda, 580 - Boa Vista

Fone: (41) 3282-0349 RUA AGOSTINHO PRÉCOMA, 312 - SÃO JOSÉ DOS PINHAIS - PR

Fones: (41) 3254-1819 / 3246-1300

LOCADORA DE MÁQUINAS LTDA Fone: (41) 3642-3894 PIROG Aluguél de Máquinas, Terraplenagem,

Pesk e Pag Restaurante

MINA D’ ÁGUA

H.W. TRANSPORTES LTDA.

S. UDA Garden Center O Shopping da Flor Telefax: (41) 3366-3663 Rua José Drulla Sobrinho, 126 - Bairro Uberaba CEP 81550-250 Curitiba - PR www.s.uda.com.br - e-mail: s.uda@s.uda.com.br

Rompedores de Rocha Perfuratrizes e Compressores de Ar. E-mail: pratense@onda.com.br

Rua Victor do Amaral, 591 Araucária - Paraná DEFAVIS TORNEARIA LTDA

Fone: (41) 3298-2187

Ddefavistorneria@yahoo.com.br

Fone: (41) 3245-9009 Rua João Bettega, 5450 CIC Curitiba - Paraná

..

..

Borracharia e Lava-Car SÃO TOMAS

Fone: (41) 3348-6408 Fone: (41) 3016-2579 A 52 Km de Curitiba

Rua Brasilia Pery Moreira, 72 Pinheirinho - Curitiba - PR

Rua Nicola Pellanda, 5805 - Umbará Curitiba - Paraná

RODOCEG TRANSPORTES RODOVIÁRIOS DE CARGAS LTDA.

Polo Eletromecânica Ltda.

Fone/Fax: (41) 3364-9335 Rua Eugenio Bertolli, 2866 Santa Felicidade Curitiba - PR www.rodoceg@bsi.com.br

Pousada Rincão Alegre

Comércio e Recuperação de Equipamentos Elétricos

Concerto de motores Eberle, Kohlbach, Weg ASSISTÊNCIA TÉCNICA AUTORIZADA EBERLE E BOSCH

Fones: (41) 3666-2881 / 3666-6517


22 GAZETA DO MEIO AMBIENTE As previsões do IPCC baseiam-se nos mesmos modelos utilizados para estabelecer a importância de diferentes factores no aquecimento global. Tais modelos alimentam-se dos dados sobre emissões antropogênicas dos gases causadores de efeito estufa e de aerosóis, gerados a partir de 35 cenários distintos, que variam entre pessimistas e otimistas. As previsões do aquecimento global dependem do tipo de cenário levado em consideração, nenhum dos quais leva em consideração qualquer medida para evitar o aquecimento global. O último relatório do IPCC projecta um aumento médio de temperatura superficial do planeta entre 1,4 e 5,8º C entre 1990 a 2100. O nível do mar deve subir de 0,1 a 0,9 metros nesse mesmo período. Apesar das previsões do IPCC serem consideradas as melhores disponíveis, elas são o centro de uma grande controvérsia científica. O IPCC admite a necessidade do desenvolvimento de melhores modelos analíticos e compreensão científica dos fenômenos climáticos, assim como a existência de incertezas no campo. Críticos apontam para o fato de que os dados disponíveis não são suficientes para determinar a importância real dos gases causadores do efeito estufa nas mudanças climáticas. A sensibilidade do clima aos gases estufa estaria sendo sobrestimada enquanto fatores externos subestimados. Por outro lado, o IPCC não atribui qualquer probabilidade aos cenários em que suas previsões são baseadas. Segundo os críticos

Os Melhores Títulos para seu divertimento. O cinema em sua casa

isso leva a distorções dos resultados finais, pois os cenários que predizem maiores impactos seriam menos passíveis de concretização por contradizerem as bases do racionalismo económico. Convenção-Quadro Sobre Mudanças Climáticas e o Protocolo de Kioto Mesmo havendo dúvidas sobre sua importância e causas, o aquecimento global é percebido pelo grande público e por diversos líderes políticos como uma ameaça potencial. Por se tratar de um cenário semelhante ao da tragédia dos comuns, apenas acordos internacionais seriam capazes de propôr uma política de redução nas emissões de gases estufa que, de outra forma, os países evitariam implementar de forma unilateral. Do Protocolo de Kioto a ConvençãoQuadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas foram ratificadas por todos os países industrializados que concordaram em reduzir suas emissões abaixo do nível registrado em 1990. Ficou acertado que os países em desenvolvimento ficariam isentos do acordo. Contudo, President Bush, presidente dos os Estados Unidos — país responsável por cerca de um terço das emissões mundiais, decidiu manter o seu país fora do acordo. Essa decisão provocou uma acalorada controvérsia ao redor do mundo, com profundas ramificações políticas e ideológicas. Para avaliar a eficácia do Protocolo de Kioto, é necessário comparar o aquecimento global com e sem o acordo. Diversos autores independentes concordam que o impacto do

Escolha o seu DVD

Séries

Lançamentos: filmes de no máximo 3 meses. Não se deixe enganar pela concorrência. * Cobrimos as ofertas da Concorrência “ Todos os dias 6 filmes, catálogo por 10 reais” “ A cada 2 lançamentos na mesma nota leve mais 1 filme de catálogo” Varios Lançamentos, Qualidade para seu lazer.

Fone: (41) 3013-0523 * Traga o anúncio da concorrência, contendo data atual ou comprovante de pagamento.

Rua Holanda, 606 - Loja 04 - Boa Vista - Curitiba - Paraná protocolo no fenômeno é pequeno (uma redução de 0,15 num aquecimento de 2ºC em 2100). Mesmo alguns defensores de Kioto concordam que seu impacto é reduzido, mas o vêem como um primeiro passo com mais significado político que prático, para futuras reduções. No momento, é necessária uma analise feita pelo IPCC para resolver essa questão.

Sacaria Tabajara Ltda.

Rua Dr° Lauro G. Portugal Tavares, 2540 - Sítio Cercado - Curitiba - PR

O Protocolo de Kioto também pode ser avaliado comparando-se ganhos e custos. Diferentes análises econômicas mostram que o Protocolo de Kioto pode ser mais dispendioso do que o aquecimento global que procura evitar. Contudo, os defensores da proposta argumentam que enquanto os cortes iniciais dos gases estufa têm pouco impacto, eles criam um precedente para cortes maiores no futuro.

Defumados Ganchinho

Fone: (41) 3373-2660 Fone: (41) 3564-2911

* Lost * Flintstones * Manda Chuva * Os Jetsons * Joni Quest * Star Wars * Rock de 1 à 5 * Em Busca do Vale Encantado

Fone: (41) 3289-2992

Rua Francisco Stelski, 146 Campo Comprido - PR

Estrada do Ganchinho, 4234 Curitiba - Paraná

Fones: (41) 3257-4325 3343-0505 Rua Estados Unidos, 1215 Bacacheri Curitiba PR / Rua Sete de Setembro, 6055 Batel Curitiba - PR e-mail: salaomarly@hotmail.com

SUPERMERCADOS SANTA HELENA

Fone: (41) 3354-3118 / 3385-5118 Rua João Waldir T. De Farias, 45 Barreirinha Curitiba - Paraná

Recuper Recuperadora e Soldas de Virabrequins

Fone: (41) 3266-4552 Rua Ridyard Kipling, 344 Vila São Pedro - Curitiba - Paraná

Fone: (41) 3392-1474 3392-4375

Fone: (41) 3374-3660 Av. Ver. Toaldo Tulio, 1111 Sta. Felicidade - Curitiba - Paraná

(41) 3621-1986 / 3621-1585

Auto Peças Três Irmãos

Fone: (41) 3357-3346 Fax: (41) 3257-6833 R. David Geronasso, 819 Boa Vista - Curitiba - Paraná

Colombo

AUTO POSTO E MECÂNICA BARÃO LTDA

Fone: (41) 3283-4401

Rua São José dos Pinhais, 1179 Sitío Cercado - Curitiba - Paraná

Fone/Fax: (41) 3333-7890

Fone: (41) 3392-2144

www.finalizafilms.com.br

Fones/Fax: (41) 3262-1134

Fone: (41) 3643-3116

Fone: (41) 3242-9390

V. Vilas Boas & Cia Ltda.

Fone: (41) 3564-3601

Posto Campo Largo Ltda BR 277 Km 116 n° 4005 Bom Jesus - Campo Largo - Paraná

Fone: (41) 3322-9305 Rua Coronel Dulcidio, 777 Loja 01 Batel - Curitiba - Paraná

Rua Governador Agamenon Magalhães, 424 Cristo Rei - Curitiba - Paraná

Rua Coronel Dulcídio, 2000 Sala 02 Água Verde CEP 80250-100 - Curitiba - PR

Armários - Estantes - Salas e Outros

Fone: (41) 3289-5533

Brasílio Itiberê, 2210 Sala 1 - A Curitiba - Paraná

Rua Jussara, 497 - Sitio Cercado - Curitiba - PR


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 23 ENTRETENIMENTO Piadas Animais meu avô foi no zoológico com minha avó e lá arrumaram um guia do zoológico para falar sobre os bichos e o guia falou 1° da (onça) faz amor de uma e uma hora e minha avó - falou tá vendo velho. depois falou do (urso) faz amor de 30 em 30 minutos minha avó novamente falou tá vendo velho depois falou do (macaco) faz amor de 45 em

45 minutos minha avó não deixou o vô em paz e novamente falou tá vendo velho. Chegou a hora de falar do (rinoceronte) há o rinoceronte só faz amor de ano em ano e quando tem vontade e meu avô falou tá vendo velha e minha avó falou tô vendo velho deve ser por isso que tem chifre até no nariz...

VALENTE Móveis sob Medida Fone: (41) 3667-5013 R. Luiz Francisco Pase, 374 Campo Magro - Paraná

Cartomante Búzios Comsultas espirituais Fone: (41) 3356-4220 Cel.: (41) 9106-5646

R. João Batista Trentim, 496

A bela zebrinha é uma adolescente muito inquieta e quer

Lá mais na frente a zebrinha vê uma vaca, vai conversar com ela

e faz a mesma pergunta. A vaca responde: - Eu dou leite. Todo dia eu dou mais de vinte litros de leite. E a zebrinha continua a conhecer o mundo. Tudo lhe é novidade. Aí ela encontra um cavalo e faz mesma pergunta: - O que é que você faz? Pra que é que você serve? - Vem cá e tira esse pijama aí que eu te mostro, vem - responde o cavalo.

Recapadora BR Ltda. Fone/Fax: (41) 366-8085 Rua Des. Antonio de Paula, 1320 Boqueirão - 81730-380 - Curitiba - PR

Fones: (41) 3292-1292 3275-4558 BR 116 Km 3,5 N° 1791 Curitiba - Paraná

F one: (41) 3292-1888 / 3292-2273 Rua Xavier da Silva, 1596 - Campo Largo - PR

R. Belém, 444 Sáo José dos Pinhais - PR Fone: 3283-2040

Casa esmalte desde 1921 Fone: (41) 3372-1332

RET CENTER OFICINA RETÍFICA DE MOTORES

Recapagens de Pneus em Geral Recape Quente e Frio Colombo - Paraná

Tel.: (41) 3254-3558 Fax: (41) 3254-3365 Av. João Gualberto, 871 Alto da Gória - Curitiba - Paraná

Recuperadora de Automóveis Nacionais e Importados

TERRAPLENAGEM

(41) 3652-2275

FONES: (41) 3373-5340 3373-4096 / 3373-4895 / 3373-2899

Entrega em domicílio

Rua Eduardo Sprada, 7520 - CIC - Curitiba - Paraná

COM. DE ACUMULADORES GUAIRÃO LTDA.

Av. Pres. Kennedy, 1525 Bairro Guaíra Rua Aécio Marcelo Antoniacome n° 231 Tel.: (41) 3333-1359 - Fax: (41) 3333-1322 Butiatuvinha - Curitiba - Paraná CEP 80220-201 - Curitiba - Paraná

RECAPADORA TREVO

3663-3646

Fone: (41) 3282-5030 Vol. Da Pátria, 112 São José dos Pinhais - Paraná

Kompatscher & Cia Ltda.

Comércio de Pneus Meira e Família

Mercado DO DO DAIO DAIO Compromisso com o menor preço, SEMPRE! Rua Generoso Marques, 1376 Jardim Record Rio Branco do Sul - PR

- Não, não conhecia. O que é que você faz? Pra que é que você serve? - Eu boto ovos. Todo o dia eu boto um ovo.

ESPECIALIZADA: RADIADORES, INTERCOOLERS, TROCADORES DE CALOR

Rua Iapó, 719 - Prado Velho - Curitiba - PR

- Sou uma galinha, você não conhecia?

A zebrinha

Adir Francisco Gnoato Fones: (41) 333-3430 / 3333-7338

conhecer o mundo. Ela sai passeando por aí, vai andando, andando e vê uma galinha. Curiosa, ela vai saber o que é aquilo.

Fone: (41) 3344-4624 Rua das Carmelitas, 4601 Boqueirão - Curitiba - PR

Fone/Fax: (41) 3025-3133 Rua Mal. Floriano Peixoto, 2910 Curitiba - Paraná

TP

ABELIONATO IMPÃO

Tel. (41) 3642-1133

ARAUCÁRIA - PARANÁ

Tel.: (41) 3283-1159 Rua Ivo Nelves, 186 - Costeira São José dos Pinhais - Paraná

Rua Diogenes Brasil Lobato, 69 - Araucária - Paraná e-mail: cartoriopimpao@aol.com

Comércio de Sucata 2 IRMÃO Ltda. Compramos sucatas de ferro e alumínio em geral - Temos material para serralheria

Fone/Fax: (41) 3031-1155 R. Iguaçu, 30 Centro - Araucária - Paraná

(41) 3354-4800 Mateus Leme, 5971 - Abranches


GAZETA DO MEIO AMBIENTE 24 Marcenaria e Vidraçaria Pinho s as rado ra s acad mpe adei mun s e S umínio) s Te mM e o e r õ t s r l s id s Co s adria ínio Po eira e A em V Acrilíco Vidro perado x d o Esqu e Alum m a e B (M e Te

Fones: (47) 3445-3238 / 3445-3176 E-mail: marcenaria.pinho@bol.com.br

Rodovia do Contorno Norte, à 1.800m da Rodovia da Uva

PROMOÇÃO

Av. Celso Ramos,1750 - Centro - Garuva - SC TELHAS TELHAS TELHAS TELHAS

PORT. VERMELHA PORT. MANCHADA PALHA

R$ 450,00 R$ 440,00 R$ 1.000,00 ESMALTADA COMERCIAL R$ 600.00

FABRICAÇÃO PRÓPRIA Telhas Romanas e Portuguesas Direto da Cerâmica Real

Fones: (41) 3621-9130 Fax: (41) 3621-5015

TELEVENDAS (41) 3019-9933

MILHEIRO MILHEIRO MILHEIRO MILHEIRO

IRMÃOS JANISKI LTDA. Concessionário ZF DIREÇÕES HIDRAÚLICAS - CAIXA DE CAMBIO - RETIFICA DE MOTORES SERVIÇOS E PEÇAS PARA MERCEDES

R. Rafael Papa, 1445 - Esq. BR 116

Esplendor Panificadora & Confeitaria www.panificadoraesplendor.com.br loja@panificadoraesplendor.com.br comercial@panificadoraesplendor.com.br compras@panificadoraesplendor.com.br

Fone\Fax: (41) 3256-3191

Av. Erasto Gaertner, 2887 - Curitiba - PR R

TECELAGEM IMPERIAL GRIPEN MERCANTIL DE TECIDOS LTDA. TECIDOS NACIONAIS E IMPORTADOS DESDE 1932 Rua XV de Novembro, 99 Fones: (41) 3322-0292 / 3222-2125 - Curitiba - PR

Amigo da Natureza

PRODUTOS QUÍMICOS S/A

Fones: (41) 2105-7500 / 2141-6500 Av. Pres. Castelo Branco, 800 Tomas Coelho - Araucária - Paraná


Edição 25