Issuu on Google+

TEMPO

Máx: 31° / Mín: 15°

EDIÇÃO 9.319

VARGINHA, 18 DE SETEMBRO DE 2015

Codeva realiza neste fim de semana 8ª edição do Varginha Acessível Evento é uma homenagem ao Dia Nacional da Luta das Pessoas com Deficiência A 8ª edição do “Varginha Acessível” acontece neste sábado na Concha Acústica Mariângela Calil, de 8 às 12:30 horas. A data escolhida para a realização é uma homenagem ao Dia Nacional da Luta das Pessoas com Deficiência, que acontece no dia 21 de setembro, próxima segunda-feira.

Shopping de Varginha anuncia três novas lojas

local/página 05

local/página 04

Servidores da Junta Comercial

local/página 05

Unis é representado em 2º maior evento científico de Administração do mundo O Grupo Unis foi representado no XXXIX EnANPAD – Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, realizado em Belo Horizonte, de 13 a 16 de setembro. O Superintendente Acadêmico, Prof. Dr. Nilton dos

Extintor deixa de ser obrigatório nos automóveis

Santos Portugal e o Coordenador do Curso de Comércio Exterior, Prof. Sheldon Willian Silva, apresentaram artigos no encontro, considerado o segundo maior evento científico da área no mundo. local/página 07

fazem novo manifesto nesta sexta-feira em Varginha Funcionários da Junta Comercial de Minas Gerais, escritório Varginha, realizam nesta sexta-feira (18) mais uma manifestação por melhorias na reestruturação no plano de carreira e de

vencimentos. O ato está marcado para acontecer às 9h50 em frente à sede. A manifestação também acontece em Belo Horizonte e mais cinco cidades do interior.

página 09

PONTO DE VISTA I Reis 16

A profecia de Jeú contra Baasa

DEUS É FIEL

página 02

www.jornalgazetadevarginha.com

facebook.com/gazetavga

gazetadevarginha@gmail.com


02 | GAZETA DE VARGINHA

18 DE SETEMBRO DE 2015

PONTO DE VISTA

Palavras de Vida I Reis 16 Parte I 1 - Então a palavra do Senhor contra Baasa veio a Jeú, filho de Hanani: 2 - "Eu o levantei do pó e o tornei líder de Israel, o meu povo, mas você andou nos caminhos de Jeroboão e fez o meu povo pecar e provocar a minha ira por causa dos pecados deles. 3 - Por isso estou na iminência de destruir Baasa e a sua família, fazendo a ela o que fiz à de Jeroboão, filho de Nebate. 4 - Cães comerão os da família de Baasa que morrerem na cidade, e as aves do céu se alimentarão dos que morrerem no campo". 5 - Os demais acontecimentos do reinado

A profecia de Jeú contra Baasa de Baasa, seus atos e suas realizações estão escritos nos registros históricos dos reis de Israel. 6 - Baasa descansou com os seus antepassados e foi sepultado em Tirza. E seu filho Elá foi o seu sucessor. 7 - A palavra do Senhor veio por meio do profeta Jeú, filho de Hanani, a Baasa e sua família, por terem feito o que o Senhor reprova, provocando a sua ira, tornando-se como a família de Jeroboão - e também porque Baasa destruiu a família de Jeroboão. 8 - No vigésimo sexto ano do reinado de Asa, rei de Judá, Elá, filho de Baasa, tornou-se rei de Israel e reinou dois anos

em Tirza. 9 - Zinri, um dos seus oficiais, que comandava metade dos seus carros de guerra, conspirou contra ele. Elá estava em Tirza naquela ocasião, embriagando-se na casa de Arsa, o encarregado do palácio de Tirza. 10 - Zinri entrou, feriu-o e matou-o, no vigésimo sétimo ano do reinado de Asa, rei de Judá. E foi o seu sucessor. 11 - Assim que começou a reinar, logo que se assentou no trono, eliminou toda a família de Baasa. Não poupou uma só pessoa do sexo masculino, fosse parente fosse amigo. 12 - Assim Zinri destruiu toda a família de Baasa, de acordo com a

palavra do Senhor que o profeta Jeú dissera contra Baasa, 13 - por causa de todos os pecados que este e seu filho Elá haviam cometido e levado Israel a cometer, pois, com os seus ídolos inúteis, provocaram a ira do Senhor, o Deus de Israel. 14 -Os demais acontecimentos do reinado de Elá e tudo o que fez estão escritos nos registros históricos dos reis de Israel. 15 - No vigésimo sétimo ano do reinado de Asa, rei de Judá, Zinri reinou sete dias em Tirza. O exército estava acampado perto da cidade filisteia de Gibetom. 16 - Quando os acampados souberam que Zinri havia conspirado

contra o rei e o tinha assassinado, no mesmo dia, ali no acampamento, proclamaram Onri, o comandante do exército, rei sobre Israel. 17 - Então Onri e todo o seu exército saíram de Gibetom e sitiaram Tirza. 18 - Quan-do Zinri viu que a cidade tinha sido tomada, entrou na cidadela do palácio real e incendiou o palácio em torno de si, e morreu. 19 - Tudo por causa dos pecados que ele havia cometido, fazendo o que o Senhor reprova e andando nos caminhos de Jeroboão e no pecado que ele tinha cometido e levado Israel a cometer. 20 - Os demais acontecimentos do reinado

de Zinri e a rebelião que liderou estão escritos nos registros históricos dos reis de Israel. 21 - Então o povo de Israel dividiu-se em duas facções: metade apoiava Tibni, filho de Ginate, para fazê-lo rei, e a outra metade apoiava Onri. 22 - Mas os seguidores de Onri revelaramse mais fortes do que os de Tibni, filho de Ginate. E aconteceu que Tibni morreu e Onri tornou-se rei. 23 - No trigésimo primeiro ano do reinado de Asa, rei de Judá, Onri tornou-se rei de Israel e reinou doze anos, seis deles em Tirza. Continua...

Elimine as influências na hora da escolha profissional! Maurício Sampaio Na fase da escolha profissional, as influências externas interferem muito. A maioria dos jovens se sente insegura com suas opções e, então, parte para pedir a opinião de colegas, parentes e, principalmente, dos pais. Solicitar conselhos a alguém mais próximo ou pesquisar na internet é muito importante, porém, diversos adolescentes mudam demais suas escolhas por conta dos palpites alheios ou do excesso de informações contraditórias. Várias são as situações que podem exercer influência em uma escolha: um pai que diz que o que você escolheu não tem futuro, um amigo mais próximo que prevê que a sua opção não vai dar dinheiro, um parente que já é profissional na área e está descontente ou até

uma má notícia sobre determinado setor da economia. Sem falar nos pais que tiveram sucesso e desejam que seus filhos deem continuidade na sua profissão e até nos negócios. Em famílias de médicos e advogados, isso é muito comum e explica um levantamento do Sebrae, que aponta que, no Brasil, 85% das empresas são familiares. Isso é muito bom, desde que essa escolha seja autêntica e de total interesse do jovem. Caso contrário, de médio a longo prazo, torna-se um grande problema. A vida profissional é assunto de embate entre os pais e seus jovens filhos: os pais, empresários, desejam assegurar uma vida digna, sem muitas dificuldades, e querem repassar o legado aos filhos. Por outro lado, existem os que entendem que esse

é um momento muito delicado e especial para os filhos, fase de entrada para a vida adulta, na qual tudo o que os adolescentes precisam é de um tempo para se descobrirem, mostrarem seus interesses e aptidões. É o que chamamos de maturidade vocacional. Esses pais compreendem que os filhos devem assumir as rédeas de suas próprias vidas, criar sua identidade e construir seu próprio sonho. É óbvio que todos ficariam felizes em compartilhar seus sonhos com seus filhos, mas temos que entender que na vida cada qual possui ou quer possuir sua própria história. O melhor a fazer é estar ao lado do seu filho, entender seus desejos e ajudar a desvendá-los, fazendo uso de sua experiência. Se no futuro seu filho for infeliz com a profissão que você dire-

cionou, haverá uma eterna culpa. Atualmente, vivemos em uma sociedade onde muitos são infelizes profissionalmente. E um dos motivos é que as gerações anteriores escolheram seus caminhos por falta de opções ou por imposição de seus pais. Felizmente, o cenário mudou e os pais têm maior abertura de diálogo com seus filhos, que têm oportunidades infinitamente maiores. O jovem, no entanto, deve ficar alerta se a sua escolha profissional está sendo feita com base somente no retorno financeiro ou por realização pessoal. O mercado corporativo sente na pele a falta de profissionais realizadores e proativos. Portanto, consciência (sem influência)! * Maurício Sampaio é coach de carreira, palestrante, escritor e funda-

dor do InstitutoMS de Coaching de Carreira. Já publicou os livros “Escolha Certa”, “Influ-

ência Positiva - Pais & Filhos: construindo um futuro de sucesso” e “Coaching de Carreira”.

Gazeta de Varginha Ltda CNPJ: 21.535.075/0001-47

Maria - CEP: 37022-560 – Varginha

Telefones (35) 3221-4668 (35) 3221-4845 (fax)

E-mail: gazetadevarginha@gmail.com (redação) gazetacomercial2@gmail.com (comercial)

Diário de circulação regional Horário de funcionamento: 8h às 18h Diretora administrativa: Ana Maria Silva Piva Jornalista responsável: Lanamara Silva (MTB: 8304 JP) Editor: Rodrigo S. Fernandes (Sindjori-MG: 312/99) Administração / revisão: Lanamara Silva Jornalista e superintendente de redação: Paulo Ribeiro da Silva Fernandes (MTB: 16.851) Endereço: Av. dos Imigrantes, 445 - Santa

Site oficial: www.jornalgazetadevarginha.com ABRAJORI – Associação Brasileira de Jornais do Interior SINDJORI – Sind. Prop. De Jornais e Revistas do Interior ADJORI – Associação dos Jornais do Interior de Minas Gerais ADI – Associação dos Jornais do Interior de Minas Gerais A redação não se responsabiliza por conceitos emitidos em artigos assinados, mesmo sob pseudônimos, que são de inteira responsabilidade de seus autores.


18 DE SETEMBRO DE 2015

LOCAL

GAZETA DE VARGINHA | 03

Encontro de Políticas sobre Drogas reúne mais de 600 pessoas em Varginha Acompanhado de Secretários Municipais, o prefeito Antônio Silva fez a abertura do Encontro Regional de Políticas sobre Droga, que reuniu no Teatro Capitólio, nesta quartafeira, (16), mais de 600 pessoas, de Varginha e região. O evento contou com a presença de representantes de 70 cidades, que juntos debateram propostas sobre o tema principal, “Prevenção, Clínica e Política para as drogas”. O Encontro contou com a participação do Subsecretário de Políticas Sobre Drogas de Minas Gerais Rafael Miranda Alves Pereira, que iniciou os trabalhos. Em seguida, Dr.

Dartiu Xavier da Silveira, médico psiquiatra, analista, professor livre-docente do Departamento de Psiquiatria da Unifesp ministrou a palestra “Conferência

com debate do público: Dependências: do que estamos falando?", sob a coordenação de Valdene Amâncio, Supervisora Clínica do CAPS/ CAPSi

Na parte da tarde teve a apresentação do papel do Comad na consolidação de ações preventivas voltadas para o uso e abuso do álcool e outras Drogas

– MG, com Adenilson Fagundes, Diretor de Municipalização de Relações Institucionais – SUPOD; apresentação do Comad Varginha, por Cláudio Miranda Souza, Advogado e Conselheiro do CMS/ Comad, e Mesa Redonda com debate do público: "Drogas e contemporaneidade". “Foi sensacional. Valeu o esforço. O En-

contro atingiu além das nossas expectativas, proporcionou a troca de informações, experiências necessárias para om aperfeiçoamento do nosso trabalho, além de ter aproximado dos profissionais da Saúde que trabalham com a temática álcool e drogas”, destacou o presidente do Comad Varginha, Antônio Marchetti.

Programa da Fadiva leva assistência judiciária à população O Serviço de Assistência Judiciária - SERAJ, surgiu a partir da idealização do Coordenador do Curso de Direito da Fadiva, Prof. Francisco Vani Bemfica, que à época, era o Diretor da instituição. É uma das modalidades de Estágio ofertada pelo Núcleo de Prática Jurídica da Fadiva. Em meados de 1996, época em que a prática jurídica não era obrigatória, Dr. Francisco já se preocupava com a melhor preparação dos alunos da instituição, bem como, com a sociedade, principalmente com uma parte dela que dependia dos serviços gratuitos do Estado ou do Município. Expondo seus ideiais, objetivos e possíveis resultados à Fundação Educacional de Varginha, presidida pelo também fundador da

Fadiva, Prof. Morvan Aloysio Acayaba de Rezende, a qual deu apoio a este projeto, que visava melhor capacitar os alunos e, também, prestar auxílio aos menos favorecidos. Em 1997 foi formalizado o convênio entre a Faculdade de Direito de Varginha e a Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais, para prestar assistência jurídica criminal e cível para aqueles que residiam na cidade de Varginha e Carmo da Cachoeira. Então, foi inaugurada na Rua Presidente Antônio Carlos, nº 726, no Centro de Varginha, a sede do Convênio da Fadiva. Mesmo não sendo obrigatório o estágio, os alunos foram convidados e já na primeira turma totalizavam mais de 40 alunos voluntários. O convênio aten-

deu neste local até o primeiro semestre de 2004, quando a parceria entre a Fadiva e o Estado foi encerrada, ocasião em que o Prof. Francisco Bemfica concluiu que a sociedade e os alunos não poderiam ser prejudicados. Mais uma vez, Dr. Morvan Acayaba prestou apoio ao novo projeto, criando, assim, o SERAJ. Em agosto de 2004, o mesmo foi inaugurado na Av. Brasil, nº 4 - Vila Pinto, onde ainda permanece prestando relevante serviço á comunidade.

"O Convênio, embora apresentasse o nome da Defensoria Pública Estadual, era totalmente mantido

pela faculdade. Aluguel, rendimentos dos colaboradores, material de uso contínuo, enfim, tudo era arcado pela instituição. A transição de convênio para SERAJ permitiu maior autonomia à instituição, fazendo, assim, prevalecer nossos objetivos: a prática jurídica real e o auxílio à sociedade. Estes serviços, desde 1997, também auxiliam o judiciário, afinal, o número de processos aos

quais o SERAJ é nomeado, é bem significativo" comentou Prof. Francisco Vani Bemfica. A Faculdade de Direito de Varginha e sua mantenedora, a Fundação Educacional de Varginha, em nome de toda a instituição, agradece ao professor Francisco Vani Bemfica por sempre buscar o melhor para seus alunos, sem esquecer de voltar seus sábios olhos para a sociedade.


04 | GAZETA DE VARGINHA

LOCAL

18 DE SETEMBRO DE 2015

Adesão ao programa que parcela dívida de doméstico com INSS pode ser feita neste mês Programa traz reduções de 100% das multas, 60% dos juros e 100% dos encargos legais à vista Os empregadores domésticos que têm dívida vencida com o INSS até 30 de abril de 2013 podem aderir ao Programa de Recuperação Previdenciária dos Empregadores Domésticos – Redom, até o dia 30 de setembro. Entre as vantagens está a possibilidade de se pagar o débito até com 100% de isenção de juros. Para regulamentar o programa, a Secretaria da Receita Federal

do Brasil e a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional editaram,

na última semana, a Portaria Conjunta RFB/PGFN nº 1.302.

De acordo com a Portaria, as dívidas previdenciárias vencidas

até 30 de abril de 2013, tanto relativas à parte do empregado, quando do empregador, poderão ser pagas à vista com reduções de 100% das multas, 60% dos juros e 100% dos encargos legais. Alternativamente, poderão ser parceladas em até 120 prestações, mas sem reduções. A adesão ao Redom deverá ser efetuada até o dia 30 de setembro. Para pagar à vista com descontos, é necessário

que o empregador compareça à unidade da Receita Federal do Brasil de seu domicílio tributário, munido dos documentos discriminados no art. 10 da Portaria. Já para parcelar a dívida, basta que acesse a página da Receita Federal do Brasil na Internet, pelo http://id g.receita.fazenda.gov.br/ , no período de 21 a 30 de setembro, onde receberá todas as instruções necessárias.

Contran torna facultativo o uso do extintor em automóveis O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) decidiu em reunião nesta quinta-feira (17) que o uso do extintor de incêndio em carros será opcional, ou seja, a falta do equipamento não mais será considerada infração nem resultará em multa. O fim da obrigatoriedade do extintor para carros começará a valer a partir da publicação da resolução, o que deverá ocorrer nos próximos dias, diz o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). Desde 1970, rodar sem o equipamento ou com ele vencido ou inadequado é considerado infração média, com multa de R$ 127,69 e mais 5 pontos na carteira de motorista. O Brasil é um dos pouco países que obrigava automóveis a ter o extintor. Nos Estados Unidos e na maioria das nações europeias não existe a obrigatoriedade. O equipamento de segurança continua sendo exigido no país apenas para caminhões, caminhão-trator, micro-ônibus, ôni-

bus, caminhonetes, camionetas, triciclos de cabine fechadas, e veículos destinados ao transporte de produtos inflamáveis. "A mudança na legislação ocorre após 90 dias de avaliação técnica e consulta aos setores envolvidos", diz a nota do Contran. Muita gente trocou o extintor A medida foi anunciada pouco antes de começar a valer a obrigatoriedade dos extintores do tipo ABC, prevista para 1º de outubro. O Contran havia decidido pelo uso desse tipo de equipamento porque ele combate o fogo em mais tipos de materiais do que o do tipo BC, que equipava

carros até alguns anos atrás. A exigência da troca começaria a valer em 1º janeiro deste ano e provocou correria às lojas no fim do ano passado, resultando em falta do produto e denúncias de preços exorbitantes. Houve novos adiamentos, para que as fabricantes conseguissem aumentar a produção e atender à deman-

da, mas o extintor continuou em falta em diversas cidades. Depois da última prorrogação, o Contran realizou reuniões e ouviu que era necessário um prazo maior, de cerca de 3 a 4 anos, para atender à demanda. Porém, segundo o presidente do conselho, essa justificativa já estava sendo dada pelas indústrias há 11 anos. Uso inadequado é mais arriscado, diz Contran A Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA) informou que dos 2 milhões de sinistros em veículos cobertos por seguros, 800 tiveram incêndio como causa. Desse total, apenas 24 informaram que usaram o extintor, equiva-

lente a 3%. Estudos e pesquisas realizadas pelo Denatran constataram que as inovações tecnológicas introduzidas nos veículos resultaram em maior segurança contra incêndio, afirma o Contran. Entre as quais, o corte automático de combustível em caso de colisão, localização do tanque de combustível fora do habitáculo dos passageiros, flamabilidade de materiais e revestimentos, entre outras.

Segundo o próprio conselho, as autoridades consideram que falta de treinamento e despreparo dos motoristas para o manuseio do extintor geram mais risco de danos à pessoa do que o próprio incêndio. "Além disso, nos 'test crash' realizados na Europa e acompanhados por técnicos do Denatran, ficou comprovado que tanto o extintor como o seu suporte provocam fraturas nos passageiros e condutores”, explica o presidente do conselho.

Loja de informática é assaltada em Varginha Uma loja de informática foi assaltada na tarde desta quarta-feira (16), no centro de Varginha. Segundo a polícia, um bandido armado com faca entrou na loja, rendeu o funcionário, pegou dinheiro e celulares e fugiu. De acordo com o proprietário, o ladrão estava rondando a loja e aproveitou o momen-

to que não tinha cliente e praticou o assalto. Ainda de acordo com o proprietário, o bandido é negro, magro, aproximadamente 1,70m de altura e possui uma tatuagem de uma folha no braço esquerdo. Ninguém ficou ferido e ninguém foi preso até a publicação desta reportagem.


18 DE SETEMBRO DE 2015

GAZETA DE VARGINHA | 05

LOCAL

Codeva realiza neste fim de semana 8ª edição do Varginha Acessível Evento é uma homenagem ao Dia Nacional da Luta das Pessoas com Deficiência A 8ª edição do “Varginha Acessível” acontece neste sábado na Concha Acústica Mariângela Calil, de 8 às 12:30 horas. A data escolhida para a realização é uma homenagem ao Dia Nacional da Luta das Pessoas com Deficiência, que acontece no dia 21 de setembro, próxima segunda-feira. “Incluir é promover a diferença” é o tema de 2016, escolhido pelo Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência – Codeva. O evento busca lembrar às pessoas a importância da acessibilidade, da inclusão e do respeito à pes-

vel é um evento anual com o objetivo de mostrar que é possível oferecer atividades que envolvam crianças com e sem deficiência no mesmo universo. O Codeva também usa toda a movimentação para chamar a atenção da população para o tema da inclusão.

soa com deficiência. Esse ano, no local, muitas atividades culturais, artísticas, recreativas e atendimentos de saúde. E muitas

atrações musicais, dentre elas, Niltinho e Banda, Valentina Mangiapelo, Raimundo Andrade, Vanderson Lopes e Dambru e Sam-

balanço. Além disso, a Praça do ET é toda preenchida com brinquedos para as crianças se divertirem. O Varginha Acessí-

Sobre o Codeva O Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência – Codeva é um conselho atuante na cidade de Varginha e trabalha em prol das pessoas com deficiência do município. Realiza ações como a Colônia de Férias

Acessível, Curso de Libras, Projeto Varginha Acessível, e conquistou melhorias como a instalação e funcionamento de um Laboratório de Informática Acessível. Promove também palestras em empresas e escolas. O Codeva conseguiu outras melhorias como a substituição gradativa da frota de ônibus urbanos para veículos adaptados, o transporte porta a porta para pessoas com deficiência em casos específicos, adaptação de prédios públicos, vagas reservadas para pessoas com deficiência no centro da cidade, dentre outras.

Via Café Garden Shopping anuncia três novas lojas em Varginha Com inauguração marcada para o primeiro semestre de 2016, o Via Café Garden Shopping continua reforçando o mix de lojas de vários segmentos. Só nesta semana, três novas lojas garantiram seu espaço no shopping: Big Boliche, Body Heath Kids, e My Place Fit. “Com um grande número de lojas diversificadas, o mall será inaugurado suprindo todas as necessidades da ci-

dade e região. O trabalho do time do Comercial está intenso para novas lojas e com isso vamos inaugurar atendendo a demanda de toda a população”, afirma Alexandre Botelho, Superintendente do mall. Novas Lojas A diversão toma conta do espaço Big Boliche. Para reunir a família, amigos, e se divertir, o novo local vai reunir o que

há de mais moderno em tecnologia nos seus equipamentos. O espaço terá a pista de boliche e incluso um

ambiente onde os frequentadores vão poder fazer as suas refeições. Um variado cardápio estará disponível para os

clientes do Big Boliche. A marca está presente no estado de São Paulo e em Minas Gerais, a sua primeira loja será inaugurada no Via Café Garden Shopping. A academia Body Health conquista mais um espaço no mall, que será destinado exclusivamente aos pequenos para os pais poderem levar os seus filhos no seu momento de compra ou lazer.

O público feminino vai poder contar com produtos de qualidade da marca My Place Fit, uma das melhores do segmento fitness. A marca acaba de adquirir mais um espaço no Via Café Garden Shopping, essa é a segunda loja adquirida pela marca carioca. A loja trabalha com produtos diversificados como blusas, calças, tops, meias, e vários outros produtos ligados ao mundo fitness.


06 | GAZETA DE VARGINHA

REGIONAL

18 DE SETEMBRO DE 2015

Superlotação carcerária é motivo de preocupação em cidade da região Reativação de cadeia em Monte Sião pode aliviar problema do município de Albertina A reativação da cadeia pública de Monte Sião, recentemente reformada pelo Estado, seria uma possível solução para a superlotação carcerária no município vizinho de Albertina. Essa cidade, que estaria abrigando um número de presos incompatível com o seu tamanho, ainda sofre com a precariedade e a falta de estrutura do imóvel que abriga a cadeia. As ponderações foram apresentadas por autoridades locais durante audiência realizada nesta quarta-feira (16) pela Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais. De acordo com o autor do requerimento para a audiência, deputado Dalmo Ribeiro Silva, o prédio onde se encontra a cadeia pública de Albertina, localizado no centro da cidade, é antigo e encontra-se em condições precárias. Segundo ele, a partir de uma ação iniciada pela prefeitura, o imóvel foi interditado e foi dado um prazo até o final de julho de 2015 para que

vezes a Polícia Militar precisa dar suporte à Polícia Civil no transporte dos presos, o que traria mais insegurança para a cidade.

o Estado tomasse as devidas providências nesse sentido. Entretanto, como o Estado recorreu da decisão, a cadeia continua funcionando em Albertina até que o Tribunal de Justiça de Minas Gerais profira uma decisão. O parlamentar também mostrou uma reportagem, que mostrou a superlotação da cadeia de Albertina e a falta de condições básicas do prédio. Segundo a matéria, os 66 presos da cadeia estão divididos em cinco celas, com um espaço de 80

centímetros para cada um. Além de precisarem revezar entre si para dormir, segundo a reportagem, os presos sofreriam com falta de água e de atendimento médico. De acordo com a matéria, há 15 anos os presos foram transferidos para Albertina depois do fechamento da cadeia de Jacutinga. Preocupação Para o vereador José Alex Orru, o município com pouco mais de 3 mil habitantes não pode manter uma cadeia com essas proporções, especial-

mente porque, segundo ele, a unidade estaria abrigando presos vindos de outras cidades. Na área da saúde, o secretário ainda disse que, muitas vezes, a população deixa de ser atendida para que seja encaminhado um médico para atendimento semanal dos presos, o que, segundo ele, deveria ser responsabilidade do Estado. O presidente da Câmara Municipal de Albertina, manifestou preocupação com a segurança da população. Ainda segundo o vereador, algumas

Solução provisória se tornou definitiva O chefe do Departamento da Polícia Civil de Pouso Alegre, delegado João Eusébio Cruz, considerou que a cadeia de Albertina encontra-se em situação grave, por ser um caso “provisório que se tornou definitivo”. Segundo ele, a unidade prisional não tem condições para suportar a demanda que tem atendido. Ele explicou que a prisão possui corredores de 80 centímetros de largura, o que impossibilita a fiscalização dos presos. Além disso, o delegado lembrou que a cadeia fica em uma cidade pequena, que não tem estrutura para dar suporte a um empreendimento prisional desse porte. Ele defendeu como solução para o problema a transferência dos presos de Albertina para Monte Sião,

cuja cadeia foi interditada e, posteriormente, reformada pelo Estado. Essa unidade, segundo ele, está pronta há cerca de dois anos e pode receber até 120 presos, mas está vazia. Ainda segundo o delegado, haveria uma solicitação judicial para que a Suapi esvaziasse a cadeia de Albertina para a realização de obras de manutenção e definisse para qual cidade os presos seriam provisoriamente transferidos. Entretanto, de acordo com Cruz, a Suapi teria informado que a responsabilidade pela cadeia seria da Polícia Civil. Ele ainda classificou como crítica a situação das cadeias de diversas cidades da região, que se encontram superlotadas e interditadas. E disse que a maioria das cidades próximas a Pouso Alegre não tem onde recolher seus presos. O delegado manifestou sua preocupação quanto aos detentos que estão sendo encaminhados para Alfenas e Andradas.

Campo do Meio recebe neste sábado Causos e Violas das Gerais Campo do Meio recebe uma edição do Causos e Violas das Gerais, projeto do Sesc que promove o resgate de duas manifestações típicas da cultura mineira: a viola em destaque na música e os ‘causos’ populares. A apresentação será neste sábado, 19 de setembro, na Praça da Matriz, às 21h. Entre as atrações, destaques dos gêneros que conquistam plateias por onde passam. Haverá participação do contador de causos Emerson Bastos e shows com Chico Almeida e Wilson Dias e Banda. A promessa é de um grande espetáculo, para toda a família. A en-

trada é gratuita. Além do Causos e Violas das Gerais, outros eventos itinerantes do Sesc percorrem o estado. O Minas ao Luar e o Sesc Chorinho e Samba na Praça, também com apresentações gratuitas, lotam os espaços públicos com música de qualidade. O Causos e Violas

das Gerais é itinerante e,

desde 2003, percorre todo o estado apresentando uma programação de qualidade, cuidadosamente escolhida e amparada por toda a infraestrutura técnica necessária. Assim, o Sesc contribui para democratizar o acesso à cultura e valorizar os artistas da prosa e da música.

Vagas de emprego Coordenador de Vendas - Experiência na coordenação de equipe de venda interna - Preferência com graduação em Administração de Empresas, Ciências Contábeis, Marketing - Conhecimento intermediário no pacote office - Salário fixo + comissão

Vendedor Interno

Vende-se Uma lanchonete toda montada, estabelecimento aprovado pela Secretaria de Saúde, ótima freguesia. Localizada na Praça São Charbel Contato: (35) 3221-7713 (35) 9993-1046 (35) 8836-5765

- Experiência na área de vendas interna (por telefone) - Manutenção da carteira de clientes e prospecção de novos clientes - Conhecimento intermediário no pacote office;. - Salário fixo + comissão

Interessados encaminhar currículo para email: danusa.bessa@thega.com.br


18 DE SETEMBRO DE 2015

LOCAL

GAZETA DE VARGINHA | 07

Unis é representado em 2º maior evento científico de Administração do mundo O Grupo Educacional Unis foi representado no XXXIX EnANPAD – Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, realizado em Belo Horizonte, de 13 a 16 de setembro. O Superintendente Acadêmico, Prof. Dr. Nilton dos Santos Portugal e o Coordenador do Curso de Comércio Exterior, Prof. Me. Sheldon Willian Silva, apresentaram artigos no encontro, considerado o segundo maior evento científico da área de Administração do mundo. Prof. Nilton comenta sobre o seu artigo. “O trabalho descreve as ações e as percepções dos microempreendedores individuais relacionadas ao gerenciamento dos negócios e o desenvolvimento sustentável, justificando-se na importância socioeconômica desta nova caracterização empresarial e na projeção do crescimento de sua formalização”, completa. Prof. Sheldon também fala sobre o seu trabalho. “A pesquisa discute a formação profissional através de programas de educação corporativa, baseados no e-learning”, afirma. O Superintendente explica a importância do Grupo Unis estar presente em eventos desse porte. “Colocar nossa Instituição no cenário internacional da pesquisa e administração é de grande valia não só para o portfólio do nosso Grupo, mas também como um grande incentivo aos alunos de iniciação científica e aos outros membros do corpo docente”, ressalta. Somente neste ano de 2015 [até o dia 15 de setembro] o Grupo Unis já contabilizou 274 publicações de pesquisas científicas. “É um

número expressivo e que contempla diferentes áreas do conhecimento, levando em conta a variedade de cursos que oferecemos. Existem grupos de pesquisa em nossa Instituição, que se reúnem semanalmente para desenvolver trabalhos, envolvendo alunos e professores, sempre abertos para receberem novos interessados”, enfatiza. Os trabalhos são coordenados pelo Núcleo de Pesquisa e Extensão do Grupo Unis, sob a responsabilidade do Prof. Me. Fabrício Pelloso. Sobre o Encontro EnANPAD 2015, está organizado em onze Divisões Acadêmicas, as quais agregam os Temas de Interesse da área de Administração e áreas afins da Associação. É um espaço de interlocução entre pares e, nesse sentido, privilegia e estimula o debate aprofundado e a interação entre os participantes. Esse debate tornase importante uma vez que todo texto publicado em anais de evento científico é um texto provisório - working paper, mesmo que decorrente de pesquisa concluída. Tipicamente, a partir dos debates e das críticas recebidas durante o evento, o autor terá informações importantes para aperfeiçoar seu manuscrito

e submetê-lo a um periódico, dando sequência ao processo de divulgação científica. Além disso, o EnANPAD proporciona a oportunidade de interação social entre pares, de modo a alavancar a formação e o fortalecimento de re-

des de pesquisa. Trabalhos de alunos do Unis ganham destaque A CBSI, Comunidade Brasileira de Sistemas de Informação, destacou em seu site projetos realizados pelos

alunos do curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas do Grupo Unis. Considerada a maior comunidade de área, com mais de 48. 000 seguidores, o assunto foi destaque em seu perfil do Facebook e já teve mais de 200 curtidas e 80 compartilhamentos. A matéria destaca os trabalhos de conclusão de curso feitos por alguns alunos, que proporcionaram melhorias para empresas. Um ponto destacado na publicação foi o trabalho realizado por Robson Vitor Mendonça, Rodolfo Henrique e Leonardo Batista, que se formaram em 2011 e na ocasião desenvolveram

um sistema para o gerenciamento de restaurantes, bares, casas noturnas e hotéis. “Segundo levantamento de viabilidade realizada pelo grupo na época, eram poucos sistemas disponíveis que ofereciam um sistema gerencial que englobasse todas as funções básicas, como controle de estoques, clientes, fornecedores e colaboradores, além de funções inovadoras, como o atendimento virtual, em que o cliente mesmo tem total acesso ao cardápio e pode interagir com o sistema sem a necessidade de intervenção de nenhum colaborador”, explica a matéria.


08 | GAZETA DE VARGINHA

REGIONAL

18 DE SETEMBRO DE 2015

Prefeitura de Três Pontas começa a instalar de faixas elevadas na cidade

Nesta semana, a prefeitura de Três Pontas começou a realizar a construção das faixas elevadas de pedestres

em três vias de grande movimento da cidade. As obras eram uma reivindicação antiga da população trespontana.

A passagem elevada faz com que os condutores de veículos reduzam a velocidade e consequentemente evitem

acidentes, apesar de muitos lugares estarem sinalizados. O trabalho começou na Peret, pela Rua Bonfim, onde duas faixas elevadas foram construídas. A primeira no início da via e a outra chegando ao bairro Cidade Jardim. Na Avenida Zé Lagoa duas foram instaladas. Uma próxima a uma ponte que dá acesso a Peret e no bairro São Francisco, na entrada do Condomínio Novo Horizonte. O ponto talvez de

mais reclamações que ganhou a faixa no início da tarde, foi a Rua Sete de Setembro, próximo do cruzamento com a Rua Afonso Pena. Apesar de bem sinalizado, a frequência de acidentes assusta, principalmente os moradores que residem nestas duas vias. De acordo com o Departamento Municipal de Trânsito, o Demutran, somente para estas cinco faixas elevadas colocadas, foram gastos 22 toneladas de asfalto. Os motoristas precisam fi-

car atentos, já que a pintura horizontal, no chão, só pode ser feita pelo menos 10 dias depois, já que a tinta usada prejudica a massa asfáltica, se for aplicada agora. O prefeito Paulo Luis Rabello, acompanhou durante a tarde o serviço e afirmou que está atendendo aos pedidos de vereadores da base que insistentemente reclamam da falta das elevações, mas que entenderam que por falta de recursos só agora o investimento está sendo feito.

Laboratório de refino de drogas é fechado pela Polícia Federal em Alfenas Nesta quinta-feira (17), a Polícia Federal realizou a prisão de duas pessoas e o fechamento de um laboratório de refinamento de drogas no bairro São Lucas, em Alfenas. Segundo informações da

mil em dinheiro, 30 kg de cocaína e 40 kg de maconha. A PF efetuou a prisão de duas pessoas e a apreensão do material que foi encaminhado para a Polícia Federal de Varginha.

Polícia Federal, a residência alugada também era usada para tráfico de armas. A operação, chamada de ‘Conexão’, teve a participação de 40 agentes e o cumprimento de 11 mandados

de busca e apreensão em Alfenas, Areado e Fama. Ainda conforme informações, as investigações foram realizadas durante cinco meses. No laboratório de refino de drogas, a polícia encontrou R$ 90

Mãe e filho se ferem após carga de vidro cair de carreta em Pouso Alegre

Menores são apreendidos tentando levar drogas para dentro da cadeia na região

Nesta quarta-feira, uma mulher e uma criança ficaram feridas após serem atingidas por cacos de vidro que caíram de uma carreta em Pouso Alegre. O acidente aconteceu próximo a entrada do bairro Cidade Jardim. Após o motorista de uma carreta entrar forte em uma curva, a carga de vidros que carregava caiu na pista. Uma mulher e seu filho, de pouco mais de 1 ano de idade, que voltavam de uma escola próxima, foram atingidos. Com o im-

Durante a noite desta quarta-feira (16), a Polícia Militar foi acionada à comparecer na rua Três Pontas, que faz fundo com o prédio da cadeia de Elói Mendes. Os militares encontraram quatro menores em atitude suspeita, sendo três de 17 anos e um de apenas 13 anos, dois de Elói Mendes e dois de Paraguaçu. Os menores foram apreendidos tentando introduzir dentro da cadeia sete aparelhos de telefone celular, com os carregadores, e chips, e ainda quatro buchas grandes de maconha, e um pequeno tablete

pacto, o carrinho de bebê onde estava a criança foi arremessado por cerca de 10 metros. A mulher teve diversos cortes pelo cor-

po e fratura nas duas pernas. A criança teve apenas ferimentos leves. Ambos foram encaminhados para o Hospital.

também de maconha. De acordo com os militares que fizeram a apreensão, as drogas e celulares estavam com números indicando para qual cela deveriam ir. Os menores confessaram que foram contratados para introduzir os materiais ilícitos na cadeia. O caso agora fica a cargo da Polícia civil. Os menores foram ouvidos e liberados aos responsáveis até posterior determinação da justiça. O terreno fica bem

no centro da cidade e não é cercado, e muitas vezes até com mato alto, o que facilita o trabalho dos criminosos, tanto para rota de fuga, como para as tentativas de introduzir drogas, celulares e até armas dentro da cadeia. No dia 09 de setembro um homem não identificado tentou passar drogas para o interior da cadeia, as drogas e celulares foram apreendidas, mas o homem não foi localizado e não foi identificado.


18 DE SETEMBRO DE 2015

Missão (quase) impossível Depois que a presidente Dilma (PT) reuniu os governadores e líderes governistas em Brasília para pedir apoio ao pacote fiscal que corta gastos e aumenta impostos no Brasil, o governador Pimentel foi logo escolhendo alguém para, representando o governo estadual petista, pedir apoio à bancada mineira na aprovação do indigesto pacote. O secretário estadual de Governo, Odair Cunha (PT), que também é deputado federal há 12 anos, vai assumir o papel da articulação política junto a bancada federal mineira na difícil, quase impossível missão de convencer os deputados federais a votar pela volta da CPMF e do pacote anticrise do governo do PT. Odair Cunha pode até ter mais sucesso em Brasília, onde conhece bem a vida congressual, todavia em Minas, como secretário de Governo, Odair tem mais desagradado e gerado brigas do que conseguido apoio e paz para a gestão Pimentel. Até agora, no governo estadual, Odair conseguiu foi nomear seus apadrinhados e ganhar poder no partido, quem sabe se conseguir fazer a maldade de aprovar o aumento de impostos junto a bancada mineira, o petista consiga mais vantagens dos líderes petistas, a exemplo de quando foi relator da CPI do Cachoeira e colocou “panos quentes” a favor do governo! Piada Pronta A imprensa local noticiou na segunda, 14 de setembro, a prisão de mais um bandido em Varginha. Mas desta vez a manchete é praticamente uma “piada pronta” tendo em vista o quadro “político e de bandidagem” nacional, vejam: “Polícia encontra dinheiro roubado na cueca de bandido em Varginha”. A polícia não informou se o preso era petista, deputado ou lotado em algum gabinete parlamentar, mas a probabilidade disso é muito grande! Padrão SUS? O Consórcio Intermunicipal de Saúde, que entre outras tarefas administra o Serviço de Atendimento Médico de Urgência – SAMU, publicou um processo administrativo curioso, que inclusive foi dispensado de licitação. Ocorre que, com base legal no artigo 24, Inciso II da Lei Federal nº 8.666/93 o Cissul contratou “empresa especializada em serviço de hospedagem e hotelaria, com categoria, no mínimo 3 estrelas, visando atender acomodação a palestrantes, conferencistas, facilitadores e outros, que venham a convite do Cissul”. Será que este serviço VIP para convidados terá também direito as sopas servida ao povo nos hospitais públicos, que por sua vez não são, no mínimo, padrão 3 estrelas? Inocente O Conselho Municipal de Saúde de Varginha, órgão máximo de deliberação do SUS na cidade, se reuniu na última terça-feira, 15/09 na Câmara de Varginha. Foi discutido Programa de Atendimento Domiciliar e Internações – PADI, bem como a 8ª Conferência Estadual de Saúde, ocorrida em BH. Curioso é que o conselho não discute a milionária dívida do Hospital Regional do Sul de Minas, não discute a necessidade de um pronto socorro no centro da cidade, não discute a efetiva participação financeira dos municípios vizinhos que são atendidos pela rede de saúde de Varginha, também não discute as ingerências e impropérios feitos pela assessoria de um deputado federal junto aos hospitais da cidade, e também não discute a remuneração justa aos trabalhadores da saúde. Para o inocente Conselho Municipal de Saúde, esta tudo bem!

FATOS E VERSÕES Gratidão estratégica O reitor do Unis Stéfano Barra Gazzola (PTB) esteve em Brasília na semana passada onde se encontrou com o ex-governador e atual senador, Antonio Anastásia (PSDB). No encontro o reitor presenteou Anastásia com o livro que conta a história dos 50 anos do UNIS. Anastásia contribuiu muito com o UNIS no período em que foi governador. Stéfano mantém portas abertas com diversas autoridades estaduais e nacionais que em algum momento cruzaram na trajetória do Centro Universitário, a idéia de manter e reconhecer os apoios do passado é mais que gratidão. Na verdade, Stéfano sabe que “dor de barriga, não dá uma vez só” e que os adversários do Unis vão continuar adversários, já os que ajudaram a instituição uma vez, precisam estar sempre perto e dispostos a ajudar novamente! Afinal, o futuro a Deus pertence. 2018 é logo ali! O empresário e prefeito de Belo Horizonte Marcio Lacerda, que também comanda o PSB em Minas, estará em Varginha hoje, onde mantém contatos políticos e ministra palestra. O prefeito da Capital vai dar entrevista coletiva a imprensa regional, depois participa de reunião partidária do PSB regional na Câmara de Varginha. Márcio Lacerda está a frente da articulação política do PSB que pretende eleger seu sucessor na Prefeitura de Belo Horizonte e diversas prefeituras do PSB em 2016. O objetivo é dar força a legenda para que, em 2018, Lacerda seja o candidato a governador de Minas pela legenda. A articulação é difícil e distante, mas se apresenta como único caminho para que Lacerda, no PSB, seja comandante de seu próprio destino político, sem precisar “pedir benção” a Aécio Neves ou se curvar a polarização em Minas entre PT/PMDB x PSDB. E Varginha está neste tabuleiro político de Lacerda, por ser pólo no Sul de Minas e o PSB local, tendo o vereador Armando Fortunato a frente, pode lançar candidato próprio a Prefeitura de Varginha em 2016. E por conseqüência, criar o grupo pesedista que na cidade daria apoio a Lacerda em 2018. O prefeito da Capital vem a Varginha, com esse propósito: mostrar a força da legenda e estimular uma candidatura do PSB em 2016, que poderia ter Armando Fortunato na composição. Vele lembrar que uma candidatura do PSB em 2016, por meio do horário eleitoral gratuito, daria destaque ao partido e seus líderes em todo o Sul de Minas, tendo em vista que Varginha é a sede das TVs retransmissoras. Lacerda também vai ministrar uma palestra na Faculdade de Administração de Varginha - Faceca, onde também vai se mostrar como empresário de sucesso, que como técnico, chegou ao comando de uma das mais importantes capitais do país. Dengue: irresponsabilidade do Governo Federal O Setor de Zoonoses da Prefeitura de Varginha comunicou a população, que recebeu nota da Secretaria de Estado de Saúde, informando que está suspenso temporariamente o abastecimento do piriproxifen (larvicida usado no programa de controle da dengue). O motivo é que o Ministério da Saúde não tem mais o produto, e que a previsão inicial é de que a situação seja normalizada a partir de novembro deste ano. Sendo assim, o Setor de Zoonoses esta alertando a população no Combate a Dengue e para, mais do que nunca, priorizarem as atividades de remoção, eliminação e vedação dos criadouros em detrimento do tratamento químico. Com a chegada das chuvas e o aumento da temperatura, faz-se necessário que toda a população continue mantendo todos os cuidados de prevenção da doença, vedando caixas d’água e reservatórios, mantendo os pratinhos das plantas secos ou com areia, os pneus secos e em local coberto, não jogar lixo em terreno baldio ou nos quintais, materiais reci-

GAZETA DE VARGINHA | 09 cláveis deverão ser mantidos secos e em local coberto, piscinas deverão sofrer tratamento com cloro ativo pelo menos uma vez por semana. Trocando em miúdos, o Governo Federal se mostra completamente incompetente para manter de pé a ação de combate a Dengue, mantendo, no mínimo o estoque de produtos necessários para as ações preventivas. Os governos estaduais e municipais, também dependentes do irresponsável e desorganizado governo federal seguem na imprudência jogando a culpa em Brasília e empurrando para a sociedade o compromisso pelo combate a doença que já virou epidemia em algumas cidades. Varginha mesmo, onde as ações desenvolvidas pela Prefeitura aumentaram, os números da Dengue não são animadores. Conforto com bolso alheio R$ 577 mil É o valor que o Tribunal de Contas da União (TCU) empenhou para adquirir 350 poltronas ergonômicas de espaldar alto com braços reguláveis e apoio lombar. Virou festa? Eu também quero!! R$ 7.800 É quanto o Tribunal de Contas da União (TCU) irá destinar para a reforma de estantes localizadas no gabinete do ministro Aroldo Cedraz, o mesmo que tem declarado a imprensa que o governo Dilma age mal em gastar muito e praticar as “pedaladas” fiscais! Sem moleza Não é só o Planalto que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), consegue irritar. Cunha tem surpreendido e mostrado coragem para fazer alguns enfrentamentos importantes e inéditos em Brasília. Um deles é em relação aos servidores da Câmara, notadamente bem remunerados e que costumam trabalhar pouco e ainda dar o “balão” no ponto para ganhar horas extras. Por determinação de Eduardo Cunha, agora os funcionários da Casa terão mudanças e cobranças extras na conferencia de ponto. Como as votações da Câmara estão se estendendo noite adentro, os funcionários estavam recebendo hora extra por causa disso. Para cortar gastos, Cunha ordenou que os servidores registrem o ponto em seu horário normal de trabalho, mas continuem trabalhando. A determinação do presidente da Câmara resultou num protesto dos servidores, na última terça-feira, na entrada da Câmara. Posse prestigiada O procurador de Justiça Jarbas Soares Júnior foi nomeado diretor do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf) do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG). A solenidade de posse foi realizada na segunda, dia 14/09 na sede da Procuradoria Geral de Justiça em Belo Horizonte foi muito prestigiada e contou com a participação de diversas autoridades do Estado. Jarbas reassume o cargo após ter ocupado por quatro anos, em Brasília, uma das cadeiras do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). O procurador de Justiça substitui, na direção da escola, o promotor de Justiça Luciano Luz Badini. Perguntar não ofende Será que o polêmico e bem votado vereador Adilson B Boy Pé de chumbo repetirá a boa votação da última eleição? Quem sabe o paradeiro do deputado estadual Dilzon Melo (PTB)? Dizem que depois que o parlamentar perdeu poder no Governo Estadual, nem o telefone de seu gabinete toca mais, e o seu café na ALMG é servido frio! RODRIGO SILVA FERNANDES é advogado e articulista político da Gazeta de Varginha as quartas e sextas. Email: rodrigogazeta@bol.com.br


10 | GAZETA DE VARGINHA

REGIONAL

18 DE SETEMBRO DE 2015

Lavras enfrenta crise financeira com déficit de R$ 7,3 milhões na saúde Os médicos da saúde em Lavras vivem um drama todos os dias na cidade. A situação financeira não é boa e os servidores estão com os salários atrasados. Os médicos já chegaram a fazer uma paralisação por causa da falta de pagamento. Cerca de 120 pessoas que ocupam cargos comissionados na cidade devem perder os empregos. Só a Saúde enfrenta um déficit de R$ 7,3 milhões. “Caos total, porque não tem nenhum setor funcionando bem”, disse o médico clínico geral Marcelo Figueiredo Souza Costa. “Foi ficando maior o período de atraso. Este mês nós tivemos a notícia de que não tinha nem previsão de pagamento”, completou Otto Gerardo Mojica Veras, médi-

co generalista. Por causa do atraso, os médicos decidiram paralisar o atendimento nos postos de saúde por 24 horas, mas depois voltaram atrás. Eles agora pretendem esperar um acordo entre o sindicato da categoria e a prefeitura. Outros setores da Saúde também foram atingidos e sobram relatos de funcionários insatis-

feitos. “Tem que arrumar dinheiro emprestado né, para pagar as contas que vão vencendo. Faço faculdade, tenho prestação de carro”, disse uma funcionária, que não quis ser identificada. Segundo o secretário de Saúde Leandro Moretti, as dificuldades que a prefeitura vem encontrando para pa-

gar os funcionários se deve à diminuição dos repasses do goveno federal. “A diminuição dos recursos que são repassados, IFPM, ISS, ICMS, despencaram. Isso é a dificuldade hoje de pagar seus compromissos. O prefeito tenta negociar com o presidente da câmara para que eles devolvam um recurso que eles têm

para a reforma do novo prédio da Câmara Municipal, que foi doado pela prefeitura, para que com isso nós possamos honrar a folha de pagamento deste mês”, diz o secretário. Para tentar aliviar a situação, a prefeitura anunciou cortes na própria administração. O salário do prefeito deverá ser reduzido em 20% e o dos secretários em 10%. O quadro de funcionários também deverá ficar mais enxuto: 120 servidores serão demitidos. As cartas já estão sendo enviadas para os funcionários e no documento a razão da demissão: contenção de despesas. Conforme o secretário de Saúde, todos os setores deverão sofrer cortes. O vice-presidente

da Câmara de Lavras, José Henrique Rodrigues, pediu à prefeitura um esclarecimento sobre a devolução da verba destinada para a reforma do prédio do Legislativo, em torno de R$ 2 milhões. Crise Após anunciar a dispensa de mais de 200 funcionários em cargos comissionados no mês de junho e oferecer um reajuste salarial de 0,01% aos servidores em julho, a administração municipal havia decidido escalonar a folha de pagamentos do mês de setembro. Segundo o secretário de Administração, José Mourão Lasmar, os depósitos foram divididos em três faixas salariais para que a prefeitura consiguisse manter as contas em dia.

Hospital da região é condenado a pagar Abaixo assinado online pede recuperação de R$ 80 mil a filhos de idoso que sumiu

nascentes de rio na região

A Fundação de Ensino Superior do Vale do Sapucaí (Fuvs), mantenedora do Hospital das Clínicas Samuel Libânio em Pouso Alegre, foi condenada a pagar R$ 80 mil a família de um paciente idoso que desapareceu após ter sido atendido, e liberado sem acompanhante. Segundo o processo, Expedito Pereira Lima, na época, com 69 anos, foi levado ao hospital por familiares, em fevereiro de 2009, após ter tido uma crise de epilepsia. No mesmo dia, ele foi liberado da instituição, sem o acompanhamento de um responsável. O idoso desapareceu e até hoje não foi localizado. Em 2014, a família do paciente entrou na Jus-

cunstâncias do caso, o desembargador decidiu modificar a sentença apenas para aumentar o valor da indenização, que fixou em R$ 10 mil para cada um dos 8 filhos do paciente. tiça contra a Fundação. Em sua defesa, a Fuvs informou que a liberação do paciente se deu, provavelmente, com alta médica, de forma regular, não havendo que se falar em dano moral passível de indenização. Em primeira instância, a fundação foi condenada a pagar aos autores R$ 28.960 por danos morais – R$ 3.620 para cada um dos oito filhos. Após a decisão de primeira instância, as partes recorreram da sentença no

Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). Ao analisar os autos, o desembargador relator, Alberto Diniz Junior, avaliou que depoimentos e outras provas juntadas ao processo demonstraram a negligência da ré, pois o paciente estava sob a custódia da instituição, em observação: “restando nítida a falha havida na liberação do paciente, que está desaparecido desde a saída do estabelecimento hospitalar.” Tendo em vista as cir-

Sofrimento A decisão judicial, entretanto, não colocou um fim no sofrimento dos filhos, que ainda esperam encontrar o genitor com vida. Em entrevista ao portal UOL, um dos filhos do paciente, o gerente administrativo Marcos Donizete de Lima, desabafou: “Eu troco esses R$ 80 mil por o meu pai bater na minha porta e pedir pouso, perguntar pelos netos e pedir um prato de comida”, desabafa.

Um abaixo assinado pela internet tenta mobilizar as pessoas para recuperação das nascentes do Rio Capivari, em Itamonte. “Depois de anos de uso incorreto do solo e das águas, a bacia hidrográfica de Itamonte ficou comprometida a ponto de repercutir na saúde publica, pois a água é o fator principal de várias doenças. Pensando nisso, reunimos um grupo de produtores rurais e começamos

a recuperar suas minas. Assinando esta petição, você me aproxima de quem estou pedindo apoio apara assumir o custeio da mão de obra do projeto”, diz o pedido no site Avaaz, de petições de comunidade online. Até o início desta semana, o movimento já tinha colhido 133 assinaturas. A proposta inicial é chegar a 500 assinaturas. A petição foi lançada no dia 6 de setembro.


GAZETA DE VARGINHA | 11

18 DE SETEMBRO DE 2015

MINAS

Em discussão sobre paradesporto, britânicos elogiam a estrutura de MG Evento realizado na sede do Minas Tênis Clube discutiu o esporte paralímpico, assim como as condições para a prática O Governo do Estado de Minas Gerais esteve, na terça-feira (15/9), reunido com a Missão Diplomática do Reino Unido em Belo Horizonte, a prefeitura municipal da capital, a UFMG e o Minas Tênis Clube. O objetivo do encontro, realizado na sede do clube, na região da Savassi, foi a discussão sobre o esporte paralímpico no estado. O evento contou, ainda, com a presença de autoridades das instituições envolvidas na ação e da Associação Paralímpica Britânica (British Paralympic Association – BPA). O objetivo da palestra foi mostrar a importância do esporte como instrumento de superação e melhora na

qualidade de vida de atletas paralímpicos. A discussão fez parte de uma série de atividades, realizadas desde o dia 12, envolvendo os paratletas do Reino Unido. Na última semana, a BPA trouxe a Belo Horizonte delegações de seis moda-

lidades que realizaram treinamentos no Minas Tênis Clube e no Cruzeiro Esporte Clube: tiro esportivo, tiro com arco, esgrima em cadeira de rodas, halterofilismo, futebol de 7 e judô. A diretora pré-jogos da BPA, Liz Mendl, des-

Comércio varejista apresenta queda de 0,3% em Minas Gerais, diz IBGE O IBGE informou, nesta quarta-feira (16), que o comércio varejista mineiro apresentou, em julho, uma queda de 0,3% nas vendas em relação ao mês de junho. O resultado mostra uma queda acumulada de 4,5% nos últimos oito meses, em relação a novembro do ano passado. Para o Brasil a queda foi maior, com 1,0% no mês de julho, sendo o sexto resultado negativo, acumulando uma redução no número de vendas de 7,2%, em relação a novembro. Somente sete das 27 unidades da federação não apresentaram queda no número de vendas Os dados dos últimos 12 meses mostram que o comércio varejista no Estado teve uma queda de 0,1% após

apresentar uma ligeira recuperação no segundo semestre de 2014, quando apresentou resultados em torno de 2,5%. Uma queda menor do que a do país, que registrou uma queda de 1% no mesmo período. Equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação, apresen-

tam queda no volume de vendas desde janeiro de 2013. Veículos, partes e peças também apresentam resultados negativos que duram um longo período, desde novembro de 2013, móveis, livros, revistas e jornais estão apresentando números ruins desde abril do ano passado.

tacou a paixão dos britânicos pelo Brasil e a fácil adaptação a Minas Gerais. “Nossos atletas estão encantados com o país, com os centros à disposição para nossos treinamentos, o que gera uma grande motivação para a disputa dos Jogos Paralím-

picos Rio 2016”. Liz deu ênfase à disponibilidade dos entes envolvidos na parceria para auxiliar os britânicos na solução de problemas encontrados na viagem. “Viemos para Minas com uma equipe de tiro esportivo que, logicamente, trouxe armas. A intervenção da Secretaria de Estado de Esportes junto à Polícia Federal possibilitou que chegássemos a Belo Horizonte com nosso material", afirmou. Ela destacou ainda a estrutura oferecida aos atletas do Reino Unido na capital mineira. “Nossa equipe de halterofilismo treinou em uma academia nova, com equipamentos que ainda não tinham sido usados, preparada

especialmente para nosso treinamento. Isso é fantástico!”, ressaltou à respeito da infraestrutura do Centro de Treinamento Esportivo da Universidade Federal de Minas Gerais (CTEUFMG). O secretário de Estado de Esportes, Carlos Henrique, falou sobre o trabalho do governo estadual para apoiar os atletas com deficiência. “Todos os nossos programas contemplam paratletas: Jogos de Minas Gerais, Jogos Escolares, Bolsa Atleta, Incentivo ao Esporte. Temos trabalhado para oferecer as melhores condições para que essas pessoas tenham como e onde praticar esportes”, ressaltou.

Construir para desenvolver!!! A Fábrica de Blocos Luciano tem atendido grandes obras em Varginha e região! Com qualidade e presteza tem feito com que seus clientes se mantenham sempre satisfeitos.

FÁBRICA DE BLOCOS

LUCIANO

Blocos - Canaletas Areias - Britas Avenida dos Imigrantes, 4.425 Vargem - Varginha - MG Fone: 3223-8833 / 9971-0206


12 | GAZETA DE VARGINHA

18 DE SETEMBRO DE 2015

SAIBA SEUS DIREITOS

Suspenso julgamento sobre financiamento privado de campanha eleitoral de 2014 Com o voto-vista do ministro Gilmar Mendes, o Supremo Tribunal Federal (STF) retomou nesta quarta-feira (16) a análise da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 4650, que questiona as regras relativas a doações para campanhas eleitorais e partidos políticos. A ação foi ajuizada pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) contra dispositivos da Lei das Eleições (Lei 9.504/ 1997) e Lei dos Partidos Políticos (Lei 9.096/ 1995). O julgamento foi suspenso após o voto do ministro Gilmar Mendes julgando improcedente a ADI e deve ser retomado na sessão de quinta-feira (17). A discussão sobre a ADI 4650 começou em dezembro de 2013 e, até o momento, foram proferidos seis votos pela inconstitucionalidade do financiamento eleitoral por empresas privadas e dois pela constitucionalidade das normas que permitem essa modalidade de doação. Os ministros Luiz Fux (relator), Luís Roberto Barroso, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Joaquim Barbosa (aposentado) vota-

ram pela procedência integral da ADI. Para o ministro Marco Aurélio, a ação é parcialmente procedente, considerando inconstitucionais doações direcionadas por pessoas jurídicas aos partidos políticos, mas admitindo o financiamento de campanhas eleitorais por pessoas físicas. Os ministros Teori Zavascki, que abriu a divergência, e Gilmar Mendes, julgaram a ADI improcedente e entendem como constitucionais as normas impugnadas pela OAB. Na sessão plenária de hoje (16), o ministro Gilmar Mendes salientou em seu voto que em países presi-

dencialistas, como o Brasil e os Estados Unidos, o modelo misto de financiamento é o ideal, pois se durante períodos eleitorais é mais fácil a captação de recursos privados, nos intervalos entre eleições os partidos exercem atividades ordinárias e necessitam levar sua mensagem à sociedade. Ele lembrou que o Fundo Partidário e a propaganda partidária gratuita em emissoras de rádio e televisão são duas formas de financiamento público que contribuem para o equilíbrio entre as diversas agremiações. No entendimento do ministro, o modelo brasileiro de finan-

ciamento de partidos políticos viabiliza a concorrência democrática efetiva. Observou, entretanto, que, na maioria dos casos, os abusos ocorrem pelos candidatos, especialmente com o uso indevido da máquina pública, prática que pode ser coibida com o aperfeiçoamento da legislação. O ministro considera que qualquer reforma do sistema de financiamento passa pela reforma política. Em sua opinião, apenas em sistemas eleitorais com voto em lista é que se justifica o financiamento público de campanha, pois os recursos são integralmente destinados ao partido. Para o ministro, o fim do financiamento por pessoas jurídicas poderia criar uma situação em que seria possível uma empresa repassar recursos a pessoas físicas com a finalidade exclusiva de doar aos partidos políticos. Para ele, a simples exclusão das pessoas jurídicas do financiamento do processo eleitoral não resolverá o problema, pois o número de doações por pessoas físicas poderá ser significativamente ampliado.

Dr. Gustavo Chalfun

Drª. Patrícia Bregalda Lima

OAB/MG 81424 Rua Argentina, 535 Vila Pinto Tel: 3222-4801

OAB/MG 65099 Av Salum Assad. David, 70 - Santa Luiza Tel: ( 35) 3214-5051

gustavo@chalfun.com.br

Dr. Daniel Piva OAB/MG 81667 Delfim Moreira, 258, sala 201- Centro Varginha -MG Tel: 3222 2851

dapiva@ig.com.br

patriciabregalda@varginha.com.br

Correios deve indenizar artista plástica por uso não autorizado de obra em selos

O Correios terá de indenizar uma artista plástica pelo uso não autorizado da imagem de sua obra em selos postais. A 2ª turma do STJ não aceitou o argumento da empresa de que a obra fora comprada por um museu da União, de forma que haveria transmissão do direito de reprodução e de exposição ao público. Ao negar o recurso da ECT - Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, o relator do caso, ministro Humberto Martins, afirmou que o direito brasileiro protege a obra de arte desde sua criação e que a reprodução só é legal quando prévia e expressamente autorizada pelo autor. Basta a reprodução total ou parcial da criação intelectual

sem autorização para que seja violado o direito autoral. Martins explicou que o fato de a obra ser vendida a pessoa física ou jurídica, de direito público ou privado, não retira do autor a prerrogativa de defender sua criação, de obter os proventos que a exposição de seu trabalho ao público venha a proporcionar, bem como de evitar possível utilização por terceiros, sob quaisquer modalidades, sem autorização prévia e expressa. A obra em discussão é o “Presépio de São José dos Campos”, vendido ao Museu do Folclore Edison Carneiro e reproduzido em dois milhões de selos no Natal de 1981, sem nenhum pedido de cessão de direitos autorais ou pagamento de direitos patrimoniais. A artista soube do uso ilícito de sua arte em janeiro do ano seguinte, ao se dirigir a uma agência postal. Na ação ajuizada contra a ECT, pediu indenização a ser arbitrada com base no número de selos impressos e comercializados.

Dr. Gustavo Pinto Biscaro

Dr. Vicente Lima Lorêdo

OAB/MG 106.276 Rua: Presidente Evaristo Soares. 255 - Vila Pinto Tel: (35) 3222-1049

OAB/ MG 84.176 20ª Sub-Seção Rua Maria Benedita, 63 -sala 106 - Vila Pinto 3223-5362/9988-3485

gustavopbiscaro@gmail.com

vicentelloredo@yahoo.com.br

Mande sua pergunta para gazetadevarginha@gmail.com


18 DE SETEMBRO DE 2015

BRASIL

GAZETA DE VARGINHA | 13

Nova base curricular comum já pode receber dicas e opiniões Ministro da educação diz que ideia é articular melhor os conteúdos das disciplinas, integrando conteúdos O Ministério da Educação divulgou nesta quarta a primeira versão para o currículo da educação básica no país. Nela, está definido que 60% do conteúdo a ser abordado em sala de aula, da educação infantil ao ensino médio. Os demais 40% ficarão a cargo de Estados e municípios. O texto deve servir de base para o conteúdo ensinado na rede pública e privada de todo o país. O documento foi elaborado com a participação de 116 especialistas, distribuídos em 29 comissões, formadas a partir das diferentes disciplinas e séries de ensino. A base foi elaborada a partir de quatro áreas do conhecimento: linguagens,

matemática, ciências humanas e ciências da natureza. Para o ministro Renato Janine (Educação), a integração entre os diferentes conteúdos é um dos pontos cruciais do documento. “Um pequeno número de disciplinas desarticulada em seu conteúdo é muito menos produtivo do que um número maior de dis-

ciplinas, porém articulada”, disse. Ele destacou que este não é um documento que reflete a posição do MEC. “É um documento de discussão, e é muito importante que cada componente curricular seja amplamente discutido”, completou. Para o ministro, o documento terá efeito relevante na formação dos professores e elabo-

ração de material didático. O secretário de educação básica da pasta, Manuel Palácios, destacou que este é um primeiro passo, a partir do qual haverá discussão nos Estados e municípios. Neste momento, não foram abordadas, por exemplo, questões como a flexibilização do currículo do ensino médio. “A base é como o

esqueleto do corpo humano, o que vai deixálo de pé. O que compõe esse corpo vem depois”, pondera Eduardo Deschamps, presidente do Consed, entidade que reúne secretários estaduais de educação. “É um primeiro passo importante, um divisor de águas. A base cria a possibilidade de redução das desigualdades entre as escolas”, afirma o secretário de educação do Rio, Antonio Neto. Ele elogia a iniciativa de propor maior interação entre as diferentes áreas de conhecimento, mas aponta também a falta de discussão sobre habilidades sócio-emocionais, como criatividade, responsabilidade e investigação científica.

“É uma discussão muito nova, que ainda não tem um nível de aprofundamento. Mas no século XXI o ideal é que o currículo também seja do século XXI”, afirma. Equipar massivamente os alunos e as salas de aula com dispositivos eletrônicos não basta para melhorar os resultados. É o que diz um estudo da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico publicado na última terçafeira. “Para reduzir as disparidades na capacidade de tirar proveito dos dispositivos tecnológicos, os países devem melhorar antes de tudo a equidade de seus sistemas educacionais”, avaliou a OCDE.

Suspensão de concursos abrange 40,3 mil vagas, diz Planejamento A suspensão dos concursos públicos em 2016 vai abranger até 40.389 cargos reservados para “provimento, admissão ou contratação”, referentes a todos os Poderes, ao Ministério Público da União (MPU) e ao Conselho Nacional do Ministério Público, informou o Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão (MPOG). Segundo a assessoria de imprensa do órgão, “não estão suspensos os provimentos (nomeações) referentes a concursos de 2015, os quais serão assegurados dentro do prazo final de validade dos certames”. As restrições ainda dependem do aval do Congresso Na-

cional. Com isso, os concursos que já foram autorizados em 2015 não são afetados pela medida. Dessa forma, as seleções do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), da Fundação Nacional do Índio (Funai), da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e da Agência da Saúde Suplementar (ANS), que já tiveram suas autorizações publicadas, devem acontecer dentro do prazo esperado. O quantitativo de cargos informado pelo ministério é o total que

estava previsto no Projeto de Lei Orçamentária (PLOA) de 2016. Não existe uma lista com os concursos que estavam previstos, já que no PLOA só são divulgados os órgãos, o número de vagas e o valor que seria gasto. Com a medida, o governo pretende fazer uma economia de R$ 1,5 bilhão. Na segunda, os ministros do Planejamento, Nelson Barbosa, e da Fazenda, Joaquim Levy, anunciaram medidas fiscais de R$ 64,9 bilhões para garantir a meta de superávit primário de 0,7% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2016. Desse total, R$ 26 bilhões referem-se a corte de gastos num total

de 9 medidas – entre elas, a suspensão de concursos. Segundo especialistas ouvidos pelo G1, os candidatos devem continuar sua rotina de estudos, já que a suspensão dos concursos vale somente para os concursos do

executivo federal, que dependem do orçamento da União, ou seja, empresas públicas e sociedades de economia mista que tenham orçamento próprio, como Caixa Econômica Federal e Correios, ficam de fora da restri-

ção. “Além disso, temos 26 estados, o Distrito Federal e mais de 5 mil municípios que podem realizar concursos normalmente. São muitas oportunidades nas diversas áreas e poderes”, lembra Lia Salgado, colunista do G1. “Quem for estratégico pode ver isso com oportunidade e não como crise. Um ano de estudo ajuda a solidificar o conhecimento. Um ano de restrição significa que as vagas vão ser contingenciadas e que depois vem a fartura, porque essas vagas terão que ser providas”, afirma Nestor Tavora, coordenador dos cursos para concursos públicos da Rede LFG.


14 | GAZETA DE VARGINHA

18 DE SETEMBRO DE 2015

EVANGÉLICA

Estado Islâmico diz que infiltrou 4 mil jihadistas entre refugiados Os países que aceitaram receber os refugiados sírios vão conviver com o medo, pois um operador do Estado Islâmico afirmou que o grupo terrorista infiltrou 4 mil soldados entre as pessoas que pedem asilo na Europa. A declaração foi dada ao “BuzzFeed” e o soldado ameaçou sorrindo: “Apenas espere”. O EI fala de uma vingança contra os países da União Europeia e contra os Estados Unidos por conta dos ataques no Iraque e na Síria, uma tentativa dos países de controlar os terroristas. O jornal “Daily Mail” informou na semana passada que polícia francesa tem buscado nos acampamen-

tos para refugiados um homem apontado como membro do Estado Islâmico. As buscas estão “desesperadas” para impedir que ele recrute soldados e inicie novos ataques no país que já foi vítima de atentados no começo deste ano. “É nosso so-

nho que haja um califado não só na Síria, mas no mundo inteiro”, disse. “E vai ocorrer em breve”, disse o homem que não foi identificado. As nações que mais abrigam sírios são a Alemanha e a Suécia, mas há outros países abrindo suas

portas para os mais de 1 milhão de refugiados que tentam escapar da guerra na Síria. O soldado que comentou sobre os ataques que acontecerão em breve na Europa garante que apenas os governantes serão atingidos e não os civis.

Até quando vocês vão ficar em dúvida sobre o que fazer? Nem sempre é fácil decidir. Nem sempre, é fácil escolher. Quando são muitos os caminhos, muitas também são as dúvidas. Quanto mais estradas diante de nós, mais inertes somos, mais difícil é saber por onde seguir. A vida, porém não espera, não para, não cessa. A vida cobra, a cada momento, decisões e escolhas, respostas e atos, sem sequer ouvir nossas perguntas. Temos que dar nosso sim, nosso não. Nosso silêncio e nossa passividade não detêm o fluxo da vida.

Esperar no Senhor é uma atitude bíblica. Entretanto, muitas vezes é o Senhor quem está esperando em nós. Nada fazemos porque a dúvida nos paralisou. Não sabemos o que fa-

zer e por isso não fazemos nada. Temos medo de decidir e por esse motivo não decidimos coisa alguma, deixando tudo exatamente como está. A dúvida, alimentada pelo medo de er-

rar, pelo medo de ser criticado, tem deixado a muitos infrutíferos. Temos o hábito de deixar para depois de amanhã coisas que deveríamos ter feito antes de ontem. Esperamos que certos problemas se resolvam sozinhos, coisa que talvez nunca acontecerá. Ficamos perguntando a Deus sobre coisas para as quais já conhecemos a resposta. Pedimos que ele faça o que só cabe a nós fazer. Medo e acomodação, muitas vezes, alimentam a nossa indecisão.

Deus presente O Senhor traz quatro definições de Si mesmo, que serão de muitíssima utilidade para todo aquele que entender o significado de cada uma. Pelo que aprendemos nas Escrituras, podemos ver a grandeza de Deus para com todo aquele que colocar a fé nEle. O Altíssimo sempre será com todas as pessoas, especialmente com aquelas que O adorarem em espírito e em verdade, pois esse é o único modo de servir a Ele. Ele Se declara o Alto, cuja posição é a mais elevada e inatingível por qualquer maldade do homem ou do inimigo. Só quando chegarmos aos Céus, compreenderemos quem é esse Ser que criou todas as coisas do nada e, apesar da queda e da submissão do ser humano ao diabo, ainda nos ama e Se esforça para nos fazer vencedores. Ele está acima de qualquer ser ou ação. Ao Se definir como o Sublime, Deus nos deixa entender um pouco do Seu meigo coração, onde não há rancor, ódio nem preconceito para com a Sua criatura. Por ser onisciente, Ele sabe o que pensamos e fazemos e, mesmo assim, quer nos tirar dessa vida sem significado. Se você não aceitar a oferta divina, o seu coração se escurecerá mais e mais, a cada dia, por falta de luz em suas atitudes. Deus declara que habita a eternidade. Isso quer dizer que não tem início nem terá fim. Ele sempre será o mesmo. Que prejuízo terão as pessoas que não se con-

“Quem afirma estar na luz mas odeia seu irmão, continua nas trevas” (1 João 2:9)

verterem! Por um simples ato, perderão a felicidade eterna ao lado de Quem jamais lhes deseja mal. Porém, se voltarem para Ele, serão purificadas de suas más obras e, por fim, quando partirem daqui, estarão eternamente com Ele. O Pai celestial também Se define como o Santo. Isso que dizer que não há maldade nEle. Ele é reto, e não há engano no que fala e faz. A obra de Deus é pura e aberta a todo aquele que é chamado para pertencer à Sua família. Portanto, não troque o bem pelo mal, a pureza pela imundícia, nem perca a felicidade que o acompanhará pelos séculos dos séculos. Por que se entregar ao inimigo, se você pode ter Deus como Amigo? O Senhor é o Alto e não só habita em um elevado e santo lugar, como também com o contrito e o abatido de espírito. Quem ouve o Evangelho sente que a mensagem é poderosa, pode fazê-lo ter vida abundante e se tornar quem Deus o separou para ser. No entanto, por causa de algum desejo errado, alguns se fecham e perdem muito. A missão do Altíssimo é vivificar o espírito dos abatidos e o coração dos contritos. Se, após ouvir a Palavra, você se sentiu tocado para mudar, Deus diz que pode habitar com você, levando-o a passar pelo novo nascimento, por meio do qual será recriado em Cristo Jesus. Então, poderá executar a obra divina com sucesso e sem condenação.


18 DE SETEMBRO DE 2015

POLÍTICA

GAZETA DE VARGINHA | 15

Cunha recebe principal pedido de impeachment contra Dilma Rousseff Documento foi entregue pelo ex-ministro da justiça de FHC Miguel Reale Jr. e por uma filha de um dos fundadores do PT O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), recebeu nesta quinta-feira (17) o aditamento ao principal pedido de impeachment contra Dilma Rousseff. Com a presença de dissidentes da base governista, dos principais líderes das bancadas de oposição e de líderes de movimentos de rua próimpeachment, a entrega do documento pelo jurista Miguel Reale Jr. e por uma filha do ex-fundador do PT Hélio Bicudo, que representou o pai, foi seguida por discursos contra Dilma e o governo. Adversário declarado do governo, Cunha abriu seu gabinete para o recebimento do documento. A imprensa foi liberada para acompanhar o ato na sala da presidência da Câmara,

medida que nem sempre acontece nesse tipo de situação. Todos os outros pedidos de impeachment -inclusive o original de Bicudo, que foi devolvido para correções formais- foram apresentados nos departamentos técnicos da Câmara. Cunha negou que a atitude tenha sido diferente da que adota quando lideranças da Casa ou

movimentos sociais solicitam. “Recebi em audiência os líderes que me pediram audiência. Aqui recebo a todos. Os movimentos já vieram aqui várias vezes e todas as vezes que vieram e me pediram, eu recebi”, justificou. “Lutamos contra a ditadura dos fuzis, agora lutamos contra a ditadura da propina”, discursou Reale Jr. logo

após passar às mãos de Cunha o aditamento. O advogado defende que irregularidades cometidas em mandato anterior são passíveis de serem usadas para questionar o atual mandato de Dilma. O jurista vinha elaborando já faz algum tempo parecer para embasar um pedido de impeachment encabeçado pelo PSDB de Aécio Ne-

ves. A oposição, porém, decidiu encampar o pedido de Bicudo. Em sua fala, a filha do ex-petista, Maria Lúcia Bicudo, cobrou ética e coerência. “Basta de mentiras.” Também estiveram no ato na presidência da Câmara líderes do Vem pra Rua (Rogério Chequer), do Movimento Brasil Livre (Fernando Holiday) e NasRuas (Carla Zambelli). Em suas falas, eles cobraram pressa de Cunha na análise do pedido contra a petista e ainda criticaram os deputados que não apoiam a saída de Dilma. “A história haverá de cobrar dos senhores a covardia, o esconderijo. Tenho certeza que muitos outros ainda perceberão o que o povo quer, e que é a saída do PT”, afirmou Holiday.

Cunha fez um discurso protocolar, de que cumprirá sua função institucional. Ele procurou não demonstrar reação aos fortes discursos antiPT e anti-Dilma. Um dos poucos momentos em que sorriu foi quando o deputado Paulo Pereira da Silva (SD-SP) afirmou que a gravata do peemedebista, de uma cor verde viva, trazia muita “esperança” aos oposicionistas. Além do Solidariedade, o ato foi encorpado pelo PSDB -Reale e a filha de Bicudo chegaram à Câmara trazidos pelo líder da bancada tucana, Carlos Samapaio (SP), e pelo líder da oposição na Casa, Bruno Araújo (PE)-, pelo DEM e por dissidentes do PMDB -os deputados Jarbas Vasconcelos (PE), Lúcio Vieira Lima (BA) e Darcísio Perondi (RS).

Para Aécio, golpe é 'usar dinheiro de crime' para obter votos O presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), respondeu nesta quinta-feira (17) a declaração da presidente Dilma Rousseff de que “usar a crise para chegar ao poder é versão moderna do golpe”. Para Aécio, “golpe é utilizar de dinheiro do crime ou de irresponsabilidade fiscal para obter votos”. O senador comentou a fala da presidente antes de participar de um seminário promovido pelo PSDB em Brasília. Ele disse ainda que Dilma está “obcecada” com a palavra golpe. “Golpe e atalho para se chegar ao poder é utilizar de dinheiro do crime ou de irrespon-

sabilidade fiscal para obter votos. Não faço aqui prejulgamentos, mas nós temos que garantir que as instituições estejam blindadas”, afirmou Aécio. Ele fez referências a uma ação no Tribunal Superior Eleitoral que apura se houve irregularidades nas doações de campanha da presidente e também a uma ação no Tribunal de Contas da União sobre supostas “pedaladas” fiscais do governo. Nesta terça-feira, deputados de seis partidos da oposição (PSDB, DEM, PPS, SD, PSC e PTB) apresentaram uma questão de ordem indagando formalmente o presidente da Câmara, Eduardo

Cunha (PMDB-RJ), sobre os mais de dez pedidos de abertura de processo de impeachment da presidente da República enviados à Casa. A estratégia abre caminho para que se discuta oficialmente o tema na Câmara. Depois da frase sobre usar a crise ser uma versão moderna do golpe, dada em uma entrevista a uma rádio de Presidente Prudente (SP), Dilma voltou ao tema durante discurso em evento de entrega de casas na cidade paulista. Ela declarou que “usar atalhos questionáveis” para alcançar o poder é golpe. “Nós hoje quando abrimos os jornais vimos uma presidente da

O senador comentou a fala da presidente antes de participar de um seminário promovido pelo PSDB em Brasília

república obcecada com o próprio fim do seu governo. A presi-

dente ontem por duas vezes, sem ser instada fala em golpismo, fala

em atalhos pra se chegar ao poder”, criticou Aécio.


16 | GAZETA DE VARGINHA

ESPORTE

18 DE SETEMBRO DE 2015

Fugindo do rebaixamento, Boa enfrenta hoje o líder da Série B em Varginha O Boa conseguiu até o momento apenas 23 pontos em 26 jogos disputados Nesta sexta-feira, o Boa Esporte enfrenta em Varginha o líder da Série B, o Botafogo. O jogo começa às 21h30. Os ingressos estão à venda. Os focos são antagônicos neste jogo. O Boa luta para não disputar a Série C em 2016, enquanto que o Botafogo quer se manter líder e voltar à elite do futebol brasileiro. O Boa tem apenas 23 pontos ganhos em 26 jogos. A última vitória aconteceu contra o ABC em Natal. No jogo seguinte empatou em casa com o Atlético Goianiense e na sequência,

seis derrotas. Com os resultados, o time ocupa o 18º lugar. Apenas um ponto separa o time da lanterna da competição. A diferen-

ça para o primeiro time fora do Z-4 é de sete pontos. Para o jogo de hoje, o técnico, Nedo Xavier volta ao banco de reser-

vas uma vez que cumpriu suspensão na última partida. Jogando duas vezes por semana, ele não tem tempo para acertar de vez o time,

que cria boas chances de gol. E pode contar com o retorno do centroavante, Tadeu, o que não seria do agrado da torcida. Ele perdeu um pênalti em Varginha e foi expulso na partida seguinte. Wilson Junior pode ser mantido na equipe. E o atacante Clayton Augusto, recentemente contratado, pode vestir pela primeira vez a camisa do Boa no Estádio Municipal. Se quiser um time mais ofensivo, Nedo pode manter Clébson e Chapinha no meio de campo, na armação de jogadas. Com esta for-

mação o time tem criado oportunidades de gol, que, infelizmente, não estão sendo convertidos. A dúvida é no gol. Até agora, Nedo Xavier deu chances a Fernando e Douglas, além de Andrey, titular na maioria dos jogos. Na zaga, Nedo pode promover o retorno de Wallace ao lado de Gabriel Dias, uma das boas surpresas do time. Na lateral esquerda um jogador a menos no elenco. Hugo teve seu contrato rescindido, já publicado no Boletim Informativo Diário – BID, da CBF.

Abertura da Taça Municipal de Futsal reúne autoridades e população no Fátima Nesta semana, foi realizada na quadra do Bairro de Fátima, a abertura da Taça Municipal de Futsal de Varginha. O evento, promovido pela Prefeitura através da Semel, contou com a presença de autoridades como o vice-prefeito Vérdi Melo prestigiando a taça, e principalmente casa cheia, com o envolvimento maciço da população. Organizado pela Semel, em parceria com a Asesv (Associação de Esportes Especializados de Varginha) o evento teve

desfile das delegações e partidas que marcaram o início do campeonato. Israel Super Gesso venceu a Associação Milan de Esportes por 9 a 5 enquanto o Flórida também venceu o Bookafé Aguaja por 9 a 7. O torneio conta com 12 equipes divididas em 3 chaves, e as partidas serão disputadas em bairros da cidade que já tiveram quadras reformadas, como bairro de Fátima, Vila Floresta, Vila Flamengo, Semel, CAIC I(Bairro Imaculada), Vila Mendes, Canaã

e Corcetti, com rodadas 2 vezes por semana. A in-

tenção da Secretaria de Esporte é levar até a po-

pulação, mais uma opção de esporte e lazer. O Secretário de Esporte Milton Júnior se mostrou empolgado e feliz com o resultado da abertura. “O que vimos aqui hoje foi mais uma demonstração de que o esporte rompe barreiras. O Bairro de Fátima, um dos mais tradicionais da nossa cidade deu uma demonstração de espírito esportivo, civilidade e alegria, sem nenhuma ocorrência, uma grande festa, o que nos dá mais força e entusiasmo para trabalhar cada vez mais

para o nosso povo”, declarou. Em seu pronunciamento o vice-prefeito Vérdi Melo agradeceu os moradores daquela região pelo carinho com que foi recebido, e falou que a expectativa é que o campeonato seja um dos melhores dos últimos tempos, não somente pela fato de promover o esporte, mas sobretudo a promoção do lazer, a integração das pessoas e o fortalecimento da amizade entre s participantes do torneio que movimentará mais de 200 atletas.


GAZETA DE VARGINHA

www.jornalgazetadevarginha.com

18 DE SETEMBRO DE 2015

4


GAZETA DE VARGINHA

www.jornalgazetadevarginha.com

18 DE SETEMBRO DE 2015

1


GAZETA DE VARGINHA

18 DE SETEMBRO DE 2015

MEIO AMBIENTE

População de animais marinhos caiu pela metade desde 1970, diz estudo A população de mamíferos, pássaros, peixes e répteis marinhos caiu quase pela metade (49%) desde 1970, de acordo com um relatório do World Wildlife Fund e da Zoological Society of London. O estudo afirma que algumas espécies que as pessoas costumam comer, como atum e cavala, estão diminuindo ainda mais - a queda na população dessas espécies foi de 74%. Os autores do estudo citam pesca excessiva e a mudança climáti-

ca como algumas das principais razões. "A atividade humana prejudicou gravemente o oceano ao pescar espécies mais rapidamente do que elas se reproduzem e também destruindo seu habitats", diz Marco Lambertini, diretor da WWF International. Os pesquisadores também apontam para uma grande redução na população de pepinosdo-mar, uma comida bastante apreciada na Ásia. Em Galápagos, a queda foi de 98% e, no Mar Vermelho, de 94%,

no últimos anos. O estudo destaca o desaparecimento de habitats como prados marinhos e manguezais, importantes para a alimentação e como "berçário" de muitas espécies. O relatório afirma que dióxido de carbono está sendo absorvido pelos oceanos, fazendo com que fiquem mais ácidos, prejudicando diversas espécies. Os autores analisaram mais de 1.200 espécies de criaturas marinhas nos últimos 45 anos.

Chile cancela alerta de tsunami após forte terremoto O governo do Chile cancelou na manhã desta quinta-feira (17) o alerta de tsunami que havia sido emitido para todo o país nesta quarta-feira (16) após o forte terremoto registrado na costa chilena. O alerta tinha sido mantido na madrugada apenas nas regiões do Atacama e de Coquimbo, mais próximas ao epicentro, mas foi totalmente retirado nesta manhã pelo Escritório Nacional de Emergência do Chile (Onemi), vinculado ao Ministério do Interior e de Segurança Pública. Segundo a última atualização, 11 pessoas morreram e dezenas fi-

2

caram feridas no terremoto. Mais de um milhão de pessoas tiveram que deixar suas casas. Na manhã desta quinta, cerca de 100 mil famílias ainda estavam sem luz. Segundo a presidente Michelle Bachelet, todos os hospitais do país estão funcionando. "As medidas foram tomadas de maneira oportuna, e houve uma retirada das pessoas bastante rápida", afirmou. Ela viajou nesta quinta para a zona mais afetada, após uma reunião de emergência no palácio presidencial em Santiago, e visitou famílias afetadas pela destruição do tremor.

A magnitude do tremor foi 8,3, segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) -- o serviço sismológico chileno informou 8,4. As autoridades locais determinaram a evacuação das áreas litorâneas, enquanto imagens de televisão mostravam sirenes de alerta ativadas. O terremoto de 2010, que deixou centenas de mortos no Chile, teve magnitude 8,8. O alerta vermelho que foi decretado pelo governo também foi reduzido pelas autoridades, se tornando um alerta amarelo - menos nas regiões do Atacama e de Coquimbo, no nor-

te do país. O porto de Coquimbo sofreu danos severos e está inoperante, informou o ministro do Interior chileno, Jorge Burgos. O governo decretou zona de catástrofe para as províncias de Choapa, Canela, Los Vi-

los e para a comuna de Coquimbo, próximas do epicentro, o que significa que as áreas estão sob comando militar e o Estado destinará mais recursos para atender a emergência. O tremor inicial foi às 19h54 (hora local, mes-

ma de Brasília) e houve pelo menos 11 réplicas de tremores com magnitude maior que 4,4, de acordo com o serviço sismológico chileno. De acordo com o Centro Nacional de Sismologia da Universidad de Chile, o sismo teve seu epicentro localizado 36 quilômetros ao oeste da cidade de Canela e a 11 quilômetros de profundidade. O epicentro do tremor fica no mar, a 243 km de Santiago e a pouco mais de 10 km da costa. Na manhã desta quinta, houve uma nova réplica, de magnitude 5,3, sem potencial para gerar alerta de tsunami.


18 DE SETEMBRO DE 2015

SAÚDE

GAZETA DE VARGINHA

Especialistas falam sobre tratamentos eficazes que aliviam as dores na coluna Dores na coluna é a segunda maior causa de afastamento do trabalho no Brasil, diz pesquisas A medicina tem evoluído muito nos tratamentos das dores na coluna. Atualmente existem tratamentos e procedimentos que podem aliviar ou eliminar as dores de forma menos invasiva. Esses tratamentos são indicados em 20% das pessoas com dores na coluna. Os demais 80% conseguem controlar ou eliminar a dor com repouso, fisioterapia, medicamentos, radiofrequência pulsada, bloqueio de dor. Um hospital de São Paulo criou um projeto para diminuir o nú-

mero de cirurgias de coluna. Em quatro anos, 2.700 pacientes foram atendidos e 65% não precisaram fazer cirurgia. Os pacientes que já receberam a indicação para operar são

reavaliados, para saber se é possível evitar a mesa de cirurgia. “A grande maioria dos casos é não-cirúrgico. O tratamento é conservador e poucos pacientes necessitam de cirurgia”,

explica o ortopedista e coordenador do projeto Mario Ferreti. O objetivo é evitar intervenções que são feitas diretamente na coluna, para retirada de um disco com pro-

blema ou para instalação de pinos de sustentação. A ideia é fortalecer a estrutura que fica ao redor da coluna. Exercícios na água, por exemplo, alongam e fortalecem a musculatura. Já a acupuntura ajuda a diminuir a inflamação e aliviar a dor. Os exercícios físicos podem ajudar a aliviar as dores na coluna. Essa foi a alternativa encontrada por Neusa Maria Lopes do Prado Ribeiro, de 64 anos. Hoje ela é maratonista aquática, mas nem sempre foi assim. Ela caiu na água a primeira vez aos 40 anos para alivi-

ar as dores. Ela tinha desvio na coluna cervical, na lombar, ombro torto e sofria com a osteoporose. “Foi aí que o médico mandou andar, fazer caminhada e nadar”. Ela levou a recomendação a sério e inspirou também a família. Hoje o marido acompanha a Neusa. “Eu sinto que aos 64 eu tô bem, com saúde. Quero ir até os 85 anos. O meu objetivo é competir até os 85 anos. Quero gastar o dinheiro da aposentaria com roupas, campeonatos, menos com farmácia”, diz a maratonista.

Cirrose em pacientes de hepatite C está sendo subestimada, diz estudo O número de pacientes de hepatite C com cirrose avançada pode estar sendo subestimado, sugere um novo estudo americano. Um levantamento com 10 mil pacientes feito pelo Centro de Prevenção e Controle de Doenças dos Es-

tados Unidos indicou que, apesar de 29% dos pacientes apresentarem o quadro grave, em 18% o diagnóstico não havia sido feito.A incidência de cirrose em portadores do vírus da hepaptite C, portanto, seria de três a quatro vezes maior que o es-

timado. Segundo o estudo, o maior problema é que muitos médicos recorrem apenas a exames de biópsia para detectar o problema, e o procedimento só é indicado em um número limitado de vezes. Os líderes do estudo argumentam que

sinais de deterioração avançada do fígado podem ser detectados a partir de outros exames mais simples, como os de nível de enzimas do fígado e de plaquetas do sangue. Segundo os médicos autores do trabalho, não é raro um paci-

ente buscar atendimento para fazer o acompanhamento da hepatite C e descobrir que possui câncer no fígado, alimentado pela cirrose. A Organização Mundial de Saúde estima que 3% da população global esteja infectada com o

vírus da hepatite C hoje. Boa parte dos portadores do patógeno não tem diagnóstico e não sabe que possui a doença, porque em muitos casos ela permanece assintomática por vários anos. No Brasil, o número é estimado entre 1% e 2%.

Brincar ao ar livre faz bem à visão infantil, indica estudo Um estudo realizado na China identificou uma possível maneira de conter o desenvolvimento de miopia em crianças. Em pesquisa feita com 12 escolas chinesas, o resultado apontou que pelo menos 40 minutos por dia de brincadeiras ao ar livre trazem benefícios à visão de meninos e meninas. Mingguang He e outros pesquisadores pediram a seis escolas que levassem os alunos para brincar fora todos os dias; como grupo de controle, as outras seis

mantiveram a rotina de estudos dentro da sala de aula. Os pais também foram estimulados a incentivar brincadeiras ao ar livre aos finais de semana – nesse ponto, os dois grupos se igualaram. Depois de três anos, eles passaram a fazer testes com as crianças para identificar se havia sinais de miopia. No inicio do experimento, menos de 2% de cada grupo tinha o problema. Entre as crianças das escolas que aplicaram a estratégia de

brincar ao ar livre, 30% desenvolveram algum grau miopia (259 de 853 crianças). Já entre aquelas que ficaram nas salas de aula, 40% desenvolveram o problema (287 de 726 crianças) – a pesquisa só considerou ‘miopia’ os exames que apontavam pelo menos 0,5 grau. A diferença não é grande, mas é significativa, dizem os pesquisadores. E ela se mantém mesmo quando se leva outros fatores em consideração, como o histórico familiar de miopia.

O estudo sugere que as crianças precisam equilibrar atividades realizadas mais de perto, em lugares fechados, como ler, com atividades que usam a

visão à distância. “Isso é importante clinicamente porque crianças que desenvolvem miopia cedo têm mais chances de que o problema avance com o

tempo, o que também aumenta o risco de elas desenvolverem a miopia patológica”, disseram os pesquisadores na publicação científica Jama.


Jornal Gazeta de Varginha 18/09/2015