Page 1

TEMPO TEMPO

Máx: 28° / Mín: 15°

SÁBADO A SEGUNDA-FEIRA

VARGINHA, 14 A 16 DE ABRIL DE 2018

EDIÇÃO 9.943

Galeria no hall de entrada da Prefeitura de Varginha homenageia ex-prefeitos do município Varginha, desde a sua fundação, teve 39 prefeitos. E todos estão representados na Galeria de Ex-Prefeitos inaugurada na quarta-feira Varginha, desde a sua fundação, teve 39 prefeitos. E todos estão representados na Galeria de Ex-Prefeitos inaugurada nesta quarta-feira (11) no hall de entrada da Prefeitura de Varginha. O evento, na verdade, cumpre uma proposta do exvereador e atual superintendente da Fundação Cultura, Leandro Acayaba. local/ página 03

Cemig realiza reforço do sistema elétrico no Bairro da Vargem

local/ página 05

Neste sábado ocorrerá a segunda etapa do “Dia da Família na Escola” nas escolas e cemeis de Varginha

LIRAa aponta médio risco em Varginha local/ página 04

local/ página 03

gazetacomercial2@gmail.com www.gazetadevarginha.com.br facebook.com/gazetavga

DEUS É FIEL

SEAGRI fomenta trabalhos em agroecologia em Varginha local/ página 03

Seresta na Praça de Varginha retorna neste domingo, dia 15 local/ página 05


02 | GAZETA DE VARGINHA

14 A 16 DE ABRIL DE 2018

PONTO DE VISTA

Palavras de Vida Salmos 145 Eu te exaltarei, ó Deus, rei meu, e bendirei o teu nome pelos séculos dos séculos e para sempre. 2 Cada dia te bendirei, e louvarei o teu nome pelos séculos dos séculos e para sempre. 3 Grande é o Senhor, e muito digno de louvor, e a sua grandeza inescrutável. 4 Uma geração louvará as tuas obras à outra geração, e anunciarão as tuas proezas. 5 Falarei da magnificência gloriosa da tua majestade e das

A bondade, grandeza e providência de Deus tuas obras maravilhosas. 6 E se falará da força dos teus feitos terríveis; e contarei a tua grandeza. 7 Proferirão abundantemente a memória da tua grande bondade, e cantarão a tua justiça. 8 Piedoso e benigno é o Senhor, sofredor e de grande misericórdia. 9 O Senhor é bom para todos, e as suas misericórdias são sobre todas as suas obras. 10 Todas as tuas obras te louvarão, ó Senhor, e os teus san-

tos te bendirão. 11 Falarão da glória do teu reino, e relatarão o teu poder, 12 Para fazer saber aos filhos dos homens as tuas proezas e a glória da magnificência do teu reino. 13 O teu reino é um reino eterno; o teu domínio dura em todas as gerações. 14 O Senhor sustenta a todos os que caem, e levanta a todos os abatidos. 15 Os olhos de todos esperam em ti, e lhes dás o seu mantimento a seu tempo. 16 Abres a tua mão, e fartas os desejos de

todos os viventes. 17 Justo é o Senhor em todos os seus caminhos, e santo em todas as suas obras. 18 Perto está o Senhor de todos os que o invocam, de todos os que o invocam em ver-

dade. 19 Ele cumprirá o desejo dos que o temem; ouvirá o seu clamor, e os salvará. 20 O Senhor guarda a todos os que o amam; mas todos os ímpios serão destruí-

dos. 21 A minha boca falará o louvor do Senhor, e toda a carne louvará o seu santo nome pelos séculos dos séculos e para sempre.

Alergia a animais domésticos A alergia a animais domésticos é bastante comum. Contudo, o que surpreende é o que causa a alergia: não são os pêlos e penas, mas os microscópicos fragmentos de pele que se desprendem da pele do animal que desencadeiam a reação de coceira, irritação nos olhos, espirros e congestão nasal nas pessoas sensíveis. Quais os sintomas? A alergia a animais domésticos varia de leve a grave, e as manifestações costumam surgir poucos minutos após o contato com o bicho de estimação. Os principais sintomas incluem: espirros, coriza, congestão nasal, urticária, falta de ar, tosse, e coceira nos olhos, no nariz ou na garganta. Se você possuir baixa sensibilidade aos alérgenos, os sintomas poderão levar várias horas para aparecer. As pequenas partículas de pele que desprendem do animal

terminam aderindo a você, roupas, tapetes e móveis da casa, além de serem carregadas pelo ar. Algumas pessoas são alérgicas à saliva dos animais, que pode estar presente nos lugares mais inusitados da casa. A maioria das pessoas não sente qualquer sintoma após ter contato com fragmento de pele ou saliva de animais de estimação, porém, caso a pessoa possua um sistema imune sensibilizado a essas, o menor contato destes alérgenos com o corpo (seja através da inalação das partículas em suspensão ou após levar uma lambida do animal) será suficiente para desencadear uma reação de sensibilidade. Durante este processo, o corpo identifica os alérgenos como invasores potencialmente perigosos e produz uma grande quantidade de anticorpos para combatê-los. Na próxima vez em que tiver contato estes

alérgenos, o sistema imune liberará grandes quantidades destes anticorpos, desencadeando os sintomas de uma reação alérgica. As alergias a animais domésticos são comuns, mas pessoas com histórico familiar de alergias podem um risco maior. Algumas pesquisas mostram que a exposição a animais domésticos durante a primeira infância pode ser capaz de reduzir o risco de alergia, mas ainda não está claro se este tipo de estímulo pode fazer mais mal do que bem. A partir da suspeita, o médico poderá recomendar um Teste de Sensibilidade Cutânea. Neste teste, pequenas quantidades de extratos purificados de alérgenos são aplicadas sobre a pele, em geral no antebraço. Após 15 minutos, o médico irá examinar o local das aplicações, procurando por sinais de reações alérgicas.

Pessoas com aumento da sensibilidade para animais domésticos irão apresentar uma reação forte e com urticária intensa no local da aplicação dos alérgenos correspondentes a este grupo. O Teste de Sensibilidade Cutânea é bastante seguro e a urticária local dura, no máximo, até o dia seguinte à realização do teste. Se ainda houver dúvida ou se a pessoa não puder fazer o teste cutâneo, o médico poderá solicitar alguns exames laboratoriais para pesquisar sinais de alergia. Pessoas alérgicas a animais domésticos possuem um risco maior para desenvolver asma. Para pessoas asmáticas, a exposição aos alérgenos presentes na pele de diversos animais domésticos pode piorar os sintomas e aumentar a frequência das crises. O tratamento mais eficaz é evitar o contato com animais domésticos.

Se a reação alérgica estiver instalada, omédico poderá prescrever antihistamínicos, descongestionantes ou sprays nasais com cromoglicato de sódio. Para pessoas com sinto-

mas de asma, podem ser receitados corticosteróides e broncodilatadores inaláveis, ou mesmo imunoterapia.

Gazeta de Varginha Ltda CNPJ: 21.535.075/0001-47

Santa Maria - CEP: 37022560 – Varginha

Telefones (35) 3221-4668 (35) 3221-4845 (fax) Diário de circulação regional Horário de funcionamento: 8h às 18h Diretora administrativa: Ana Maria Silva Piva Jornalista responsável: Lanamara Silva (MTB: 8304 JP) Editor: Rodrigo S. Fernandes (Sindjori-MG: 312/99) Administração / revisão: Lanamara Silva Jornalista e superintendente de redação: Paulo Ribeiro da Silva Fernandes (MTB: 16.851) Endereço: Av. dos Imigrantes, 445 -

Copyright © 2016 Bibliomed, Inc. 07 de dezembro de 2016

E-mail: gazetadevarginha@gmail.com (redação) gazetacomercial2@gmail.com (comercial) Site oficial: www.gazetadevarginha.com.br gazetavga.blogspot.com.br ABRAJORI – Associação Brasileira de Jornais do Interior SINDJORI – Sind. Prop. De Jornais e Revistas do Interior ADJORI – Associação dos Jornais do Interior de


14 A 16 DE ABRIL DE 2018

LOCAL

GAZETA DE VARGINHA | 03

Galeria no hall de entrada da Prefeitura de Varginha homenageia ex-prefeitos do município Varginha, desde a sua fundação, teve 39 prefeitos. E todos estão representados na Galeria de Ex-Prefeitos inaugurada na quarta-feira - Anna Jacynta: Esposa do Dr. Antonio José Rezende Xavier; - Coronel João Urbano de Figueiredo (1911): Foi o mais importante agricultor do nosso município e em sua administração fundou o Matadouro Municipal.

Varginha, desde a sua fundação, teve 39 prefeitos. E todos estão representados na Galeria de Ex-Prefeitos inaugurada nesta quarta-feira (11) no hall de entrada da Prefeitura de Varginha. O evento, na verdade, cumpre uma proposta do exvereador e atual superintendente da Fundação Cultura, Leandro Acayaba. A solenidade contou com as presenças de quatro ex-mandatários: o atual prefeito, Antônio Silva, cumprindo seu quarto mandato; deputado estadual Dilzon Melo, Aloysio Ribeiro de Almeida e Eduardo Benedito Ottoni. Além destes, paren-

tes de muitos outros estavam presentes, como o médico Marçal Paiva de Figueiredo, representando seu pai, Dr. Jacy de Figueiredo; a Dra. Gláucia Tibúrcio, representando a família do ex-prefeito Mathias de Vilhena; os irmãos Roberto e Rubens Nogueira e o filho deste, Lucas, representando o ex-prefeito José de Rezende Paiva; e o arquiteto, Gilberto Jordão, representando seu pai, José Braga Jordão. Os feitos Varginhenses e visitantes que andam principalmente pelo centro da cidade sabem os nomes das principais ruas e avenidas. No

entanto, muitos não sabem o que essas pessoas realizaram pela cidade. Alguns dos primeiros mandatários da cidade, não raro, usaram o próprio dinheiro para benfeitorias. Seguem alguns destes personagens e seus principais feitos: - Major Evaristo Gomes de Paiva (1887 a 1888): Dentre seus feitos, calçamento do Largo da Matriz (Av. Rio branco) e a reforma da Casa da Instituição e do Prédio da Cadeia, onde também funcionava o Fórum; - Domingos Teixeira de Rezende (1889 a 1890) 1890): Fez o calçamento da Rua da Chapada, atual Wenceslau Braz, e do Largo da Matriz; - Dr. Antonio Pinto de Oliveira (1904 a 1907): Inaugurou a iluminação pública a gás acetileno. Trabalhou pela educação, contribuindo com seu trabalho e dinheiro dois centros educacionais, Coração de Jesus e Santos Anjos. Na Avenida Rio Branco há uma estátua em sua homenagem. - Antonio José Resende Xavier (1908 a 1910) foi um dos mais ilustres políticos varginhenses. Pai do Dr. José Marcos Xavier de Rezende.

- Major Evaristo de Souza Soares (1914): construiu um magnífico jardim público e o Mercado Municipal. Melhorou o abastecimento de água com novas captações. Construiu a rede telefônica varginhense. - Dr. Adélio J. Rezende Silva (1916 a 1922): engenheiro, foi responsável por um período movimentado por realizações: captação de água, criação de projetos para o Banco do Brasil e Colégio Santos Anjos e o traçado do Bairro Vila Pinto. - Capitão José Augusto de Paiva (1923 a 1926): Seu trabalho marcante foi a construção do prédio da Escola Afonso Pena; - Dr. Jacy de Figueiredo: foi prefeito por duas vezes (1936 a 1937 e 1972 a 1973), vice-prefeito, presidente da Câmara e candidato a Deputado Estadual, alcançando grande prestígio. Seu mais portentoso trabalho foi a implantação da Estação de Tratamento de Água, no Alto do Tide. - José de Rezende Paiva (1960 a 1963): Embelezou muitas praças tais como: Praça Getúlio Vargas, Rio Branco, Santa Cruz, São Benedito, São Sebastião, e a Praça da Bandeira que hoje leva seu nome. Era carinhosamente chamado de ‘’Zé Praçinha’’;

SEAGRI fomenta trabalhos LIRAa aponta médio risco em Varginha em agroecologia em Varginha A Secretaria Municipal de Agricultura, em parceria com a EMATER-MG de Varginha, promoveu , nesta quinta-feira, dia 12, uma visita técnica a propriedades rurais que desenvolvem trabalhos em Agroecologia no município de Lambari. Cerca de 15 produtores rurais de Varginha receberam orientações de tipos de Certificadoras dos produtos orgânicos, visitaram comunidades do

PNAE produtoras de horta e fruticultura orgânica. Segundo o Secretário de Agricultura, Marcos Foresti, os

produtores varginhenses ficaram muito satisfeitos com a oportunidade de conhecer culturas inovadoras.

Realizado nos dias 09, 10 e 11 de abril, o 2º (segundo) LIRAa – Levantamento de Índice Rápido de Aedes Aegypti do ano de 2018, classificou o município como MÉDIO RISCO de infestação de focos do Aedes Aegypti, repetindo o resultado do 1º levantamento realizado dias 08, 09 e 10 de janeiro. Esse levantamento consiste em visitar 20% dos quarteirões sorteados pelo programa do Ministério da Saúde, sendo que o mesmo é realizado em todo território nacional, em cidades com índice de infestação com mais de 2 mil imóveis.

Nos imóveis visitados pelo Agente de Combate às Endemias, além do tratamento e eliminação dos focos, foram recolhidos exemplares das larvas encontradas, que segue junto a formulário próprio contendo endereço, tipo de depósito e quantidade de larvas sendo encaminhadas ao laboratório do setor onde se faz a contagem e a identificação das mesmas. Após todo esse trabalho, todos os dados são lançados no sistema onde o mesmo classifica o município como Baixo Risco, Médio Risco ou Alto Risco de Infestação.

Segundo informações de José Donizete de Souza, encarregado do Setor de Vigilância Ambiental,no total geral foram encontrados 71 focos do Aedes Aegypti, 01 foco Aedes Albopictus contra 105 focos do mosquito Aedes Aegypti, e 20 focos do Aedes Albopictus, diagnosticados no levantamento realizado anteriormente. Os bairros com maior números de depósitos foram; São Sebastião 09 e Centenário 07 focos, classificação dos recipientes mais comuns em possuírem focos: Tambores, Caixa d' água no solo e vasos de plantas.


04|GAZETA DE VARGINHA

LOCAL

14 A 16 DE ABRIL DE 2018

Neste sábado ocorrerá a segunda etapa do “Dia da Família na Escola” nas escolas e cemeis de Varginha Neste sábado, 14/ 04, ocorrerá o segundo momento para o encontro do “Dia da Família na Escola”. Várias escolas e cemeis da Rede Municipal de Ensino de Varginha participarão deste evento e contarão também com a participação e parceria das equipes da OAB (Organização dos Advo-

gados do Brasil), técnicas do CRAS (Centro de Referência da Assistência Social), PSF (Programa Saúde da Família), NASF (Núcleo de Apoio à Saúde da Família), estagiários do UNIS (Centro Universitário do Sul de Minas), SEMEL (Secretaria Municipal de Esporte e Lazer) entre outros. As escolas e cemeis participantes serão: - EM Antônio de Pádua Amâncio - EM Profª Helena Reis – CAIC 2

- EM Matheus Tavares - EM Dr. Jacy de Figueiredo – CAIC 1 - EM São José - EM José Augusto de Paiva - EM José Camilo Tavares - EM Profª Maria Aparecida Abreu - EM Domingos Ribeiro de Carvalho - EM José de Alencar - EM Cláudio Nogueira - EM Emílio Justiniano de Resende Silva - CEMEI Nossa Senhora das Graças - CEMEI Pequeno Polegar - CEMEI Fanny Nogueira - CEMEI Ieda Carvalho Silva - CEMEI Hortência Corina Ferreira - CEMEI Profª Ariadna B. G. Mesquita - CEMEI Luiz Melo Viana Sobrinho - CEMEI Reino dos Carvalhos - CEMEI Santuza Maria Rabelo de Rezende - CEMEI Jardim de Estrelas

SEDUC realiza a formação PNAIC/2018 Na terça-feira e quarta-feira, dias 10 e 11, as professoras e supervisoras da Educação Infantil realizaram o encontro presencial para estudos e reflexões sobre o tema "Ser docente na Educação Infantil". Na quartafeira, participaram as turmas da Educação Infantil e as turmas do Ciclo Inicial - 1º aos 3ºs anos, que abordaram o tema "A BNCC nas práticas da alfabetização matemática". Os encontros tiveram como objetivo analisar e refletir as práticas dos professores em sala de aula, para que se possam diversificar as estratégias de intervenção junto aos alunos. A alfabetização, letramento, linguagens, contação de histórias,

leitura, letramento matemático, resolução de problemas são alguns dos temas que serão abordados durante essa formação. A prática e o ato de reflexão dessa prática exercida no espaço da sala de aula contribuem para o surgimento de uma re-

significação do conceito de professor, de aluno, de aula e de aprendizagem. A ideia do professor reflexivo proporciona uma ação educativa de qualidade, cujo objetivo é romper com as visões simplistas de tratar o conhecimento.


14 A 16 DE ABRIL DE 2018

GAZETA DE VARGINHA | 05

LOCAL

Cemig realiza reforço do sistema elétrico no Bairro da Vargem Na próxima terçafeira (17/04), a Cemig vai realizar obras de reforço e melhoria da rede de energia no Bairro da Vargem, em Varginha. As obras vão proporcionar mais confiabilidade do fornecimento de energia, reduzindo a incidência de desligamentos acidentais. Para a execução dos serviços, que contemplam a remoção de

um poste e extensão de rede de baixa tensão isolada, será necessário interromper o fornecimento de energia das 9 às 14 horas, nos seguintes endereços: · Rua José Olavo de Paiva, entre números 6 e 704 · Rua Jose Ferreira de Brito, entre números 15 e 25 · Rua Abrahão Cainelli, entre números 20 e 5769

· Rua Marco Eli Chereze, entre números 75 e 755 Durante esse período, caso precise mexer na instalação elétrica interna de sua residência, o consumidor deverá desligar antes a chave geral (disjuntor) para sua segurança, pois se os serviços programados forem concluídos antes do prazo informado, o retorno

da energia elétrica poderá ser antecipado. Caso ocorra algum fato que impeça a realização dos serviços, essa interrupção poderá ser cancelada sem prévio aviso. Cliente pode receber por e-mail o aviso antecipado de interrupção A Cemig disponibiliza aos seus clientes a opção de receber infor-

mações sobre interrupção programada para manutenção do sistema elétrico e alerta de contas em atraso. O servi-

ço é gratuito e pode ser habilitado na Agência Virtual Cemig, disponível no endereço www.cemig.com.br.

Seresta na Praça de Varginha retorna neste domingo, dia 15 O Projeto Seresta da Praça estará de volta à Praça Getúlio Vargas a partir do próximo domingo, dia 15, às 20h, através de uma parceria da Fundação Cultural de Varginha e Associação Varginhense dos Seresteiros com apresentação do Conjunto Primo

Trombini. O retorno do tradicional evento possibilita aos amantes da música de boa qualidade mais uma opção de lazer. O Conjunto Primo Trombini surgiu em Varginha nos anos cinquenta. Com centenas de apresentações em diversas casas, praças e clubes,

foi reconhecido e oficializado pela Prefeitura nos anos 70. Hoje os trabalhos são conduzidos pelo cantor Guido Braga e o grupo é mantido pela Associação dos Seresteiros de Varginha, entidade sem fins lucrativos e reconhecida de utilida-

de pública municipal, com apoio da Fundação Cultural. O Grupo vem se apresentando, desde 1999, na Praça Getúlio Vargas, que foi adaptada para dança. O público estimado tem sido de aproximadamente 300 pessoas que, aos domingos, das 20h às 22h, se emocionam e se divertem com o talento desses artistas.

Construir para desenvolver!!! A Fábrica de Blocos Luciano tem atendido grandes obras em Varginha e região! Com qualidade e presteza tem feito com que seus clientes se mantenham sempre satisfeitos.

FÁBRICA DE BLOCOS

LUCIANO

Blocos - Canaletas Areias - Britas Avenida dos Imigrantes, 4.425 Vargem - Varginha - MG Fone: 3223-8833 / 9971-0206


06| GAZETA DE VARGINHA

REGIONAL

14 A 16 DE ABRIL DE 2018

COLUNA MINAS GERAIS Rede de Notícias do Sindijori CPI da UPA ouve membros da Santa Casa A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga irregularidades na Unidade de Pronto Atendimento Padre Roberto (UPA) irá ouvir na próxima segunda-feira, 16, membros da Santa Casa de Formiga. As oitivas começaram no dia 23 de março, mas não podem ser acompanhadas, pois os membros da Comissão optaram por manter sigilo nos depoimentos, para que as investigações não sejam prejudicadas. Duas pessoas ligadas à unidade e à Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) já prestaram depoimento. Vereadores visitaram a UPA e constataram diversas irregularidades no local. (Portal Agora – Divinópolis) 2ª Liquida Teó supera todas as expectativas Foi realizada entre os dias 5 e 8 de abril, a segunda edição do Liquida Teó - A Maior Liquidação de Teófilo Otoni e Região. Montado na Praça Tiradentes, região central de Teófilo Otoni, o evento reuniu 49 empresas de diversos segmentos do varejo e prestação de serviços e superou a primeira edição, realizada

em novembro de 2017, em todos os quesitos, gerando mais de R$ 1,5 milhão em vendas diretas e recebendo mais de 40.000 visitantes durante os quatro dias de realização. (Tribuna do Mucuri) Secretaria faz intervenção em clínica A Secretaria de Saúde de Juiz de Fora realizou intervenção em uma das 17 residências terapêuticas que ainda estão sob gestão da Associação Casa Viva. A entidade não se qualificou no chamamento público realizado pela Prefeitura, em 2017, para administração de 29 moradias destinadas ao acolhimento de pessoas com transtornos mentais que permaneceram em longas internações psiquiátricas e que não puderam retornar para as suas famílias de origem. A decisão de intervenção ocorreu depois que uma residente apareceu com diversas marcas roxas no braço em vídeo feito pela Tribuna. (Tribuna de Minas – Juiz de Fora) Hospital passa por mudanças administrativas A Secretaria de Estado de Saúde, por meio de nota enviada à im-

prensa local, comunicou a decisão do Ministério Público de não continuar com a intervenção no Hospital Nossa Senhora Auxiliadora (HNSA), e solicitou a substituição da equipe gestora, comandada pela diretora interventora Flávia Eugênia. A intervenção no hospital iniciou em abril do ano passado, após a formação de uma comissão interventora, formada por representantes da Secretaria de Estado de Saúde, do Ministério Público e da Prefeitura de Caratinga, devido a uma crise administrativa e financeira anunciada na época. (A Semana Agora – Caratinga) Filme do Virada Varginha vai ser lançado Realizada entre os dias 1º e 5 de novembro do ano passado, a Virada Varginha mobilizou mais de 150 atrações gratuitas espalhadas por todas as regiões da cidade. O filme, com cerca de quatro minutos, sintetiza as atividades em áreas como da música, cinema, instalações artísticas, ufologia, café, corridas e caminhadas, ações para crianças e idosos, saúde, ecologia, entre outras que rolaram durante os dias do festi-

val. Foram 30 espaços públicos e privados de Varginha que acolheram ações do que foi o maior evento já promovido na história da cidade. Outro atração de alta repercussão foi a aparição relâmpago do ET de Varginha. (Gazeta Varginha) Definida fórmula de disputa do Ruralão Atletas e torcedores já estão na expectativa do início da temporada 2018 do Campeonato Ruralão. A competição que, pelo quarto ano consecutivo, é organizada pela Prefeitura de Araxá, através da Secretaria de Esportes, irá reunir 23 equipes. O campeonato começa com o Torneio Início será disputado no dia 6 de maio. A organização do Ruralão 2018 se reuniu com os representantes dos clubes participantes e definiu a fórmula de disputa do campeonato. Na primeira fase os times serão divididos em três chaves, jogando entre si em turno único. (Diário de Araxá) Prefeito autoriza cirurgias de catarata O prefeito José Roberto de Oliveira autorizou a Secretária Municipal de Saúde de Leopoldina, Lúcia Helena Fer-

nandes da Gama, a liberar 800 consultas oftalmológicas e 80 cirurgias de catarata para pacientes do SUS. Alguns serviços que a Secretaria de Saúde presta, tem seu número represado por diversos motivos, dentre eles, quando não se tem certo profissional disponível no município, a Secretaria busca esse serviço em outras cidades através da PPI (Programação Pactuada Integrada) e muitas vezes as cidades contratadas não cumprem devidamente o que foi pactuado. (Leopoldinense) Doenças fazem cair doação de sangue A incidência de febre amarela no Estado e os surtos de conjuntivite em várias cidades da região Norte afetaram o estoque de sangue em Montes Claros. No Hemocentro Regional o número de doadores caiu pela metade no último mês. Para tentar reverter o quadro, o Hospital das Clínicas Mário Ribeiro e a Funorte começaram uma campanha para incentivar o aumento da captação. Pessoas diagnosticadas com conjuntivite só podem doar sangue ao menos 15 dias após o

desaparecimento dos sintomas. (O Norte de Minas – Montes Claros) Guaxupé terá celas para menores Uma decisão do juiz da Comarca de Guaxupé autorizou a construção de duas celas especiais no presídio Guaxupé-Guaranésia para receber menores infratores por um tempo determinado. Esses menores tem tido grande participação em crimes no Sudoeste mineiro. O juiz da Vara da Infância e da Juventude, Milton Furquim, teve o aval do Juiz Corregedor do presídio, Bruno M. Raimundo, para construir as celas especiais. Agora, resta apenas a liberação da Superintendência de Estado de Segurança Pública. O magistrado observa que a medida é absolutamente paliativa. (Folha Regional – Muzambinho)

Ex-servidor da Ufla é condenado a 15 anos e 6 meses de prisão por assassinato cometido em 2013 m ex-servidor da Universidade Federal de Lavras (Ufla) foi condenado a 15 anos e seis meses de prisão por um crime cometido em outubro de 2013. A sentença saiu nesta quintafeira (12). Gilson Malta da Silva, hoje com 36 anos, foi condenado por homicídio doloso duplamente qualificado, por asfixia e impossibilidade de defesa da vítima, Cristiano Henrique de Carvalho. Ele também foi condenado por fraude processual, por ter dificultado o trabalho da pe-

rícia ao mudar a cena do crime. O ex-servidor, que não estava preso, vai continuar respondendo em liberdade. A defesa dele já entrou com um recurso defendendo que o homicídio foi culposo,

sem intenção de matar. Segundo a Justiça, o réu confessou o crime e disse que a morte aconteceu durante uma prática sexual. O crime aconteceu em 20 de outubro de 2013. A vítima, Cristiano Henrique de Carva-

lho, então com 27 anos, foi encontrado morto no bairro Vila São Francisco, em Lavras. O corpo apresentava marcas nos pulsos e sinais de esganadura. Ele era morador do bairro Retiro, também em Lavras.


14 A 16 DE ABRIL DE 2018

REGIONAL

GAZETA DE VARGINHA | 07

Café verde é indicado para combater doenças e auxiliar na perda de peso, dizem nutricionistas O café verde diminui a absorção de glicose, inibindo assim a enzima responsável pela liberação de açúcares do fígado para a corrente sanguínea Depois de ser diagnosticada com gordura no fígado, a estudante Bárbara Oliveira, de 21 anos, teve de passar por uma reeducação alimentar. Além de aliar atividade física à alimentação balanceada, ela também contou com a ajuda de um elemento indicado pela sua nutricionista: a cápsula de café verde. Duas vezes ao dia (antes do café da manhã e antes do almoço), Bárbara notou resultados que não imaginava encontrar ao ingerir o café verde. “Tomo há um mês e meio e percebi aumento em minha disposição. Sinto mais diferença no período da manhã quando vou trabalhar. O serviço rende mais e eu trabalho melhor”. Os grãos de café verde são encontrados, com mais frequência, concentrados em cápsulas e são ingeridos juntamente de água.

Mas também existem na forma solúvel ou em pó. A diferença para o café comum é que o verde é armazenado antes de ser torrado. A torrefação é o que dá a cor marrom, aroma característico e o sabor à bebida. Embora os grãos verdes tenham pouco aroma e sabor ligeiramente amargo, possuem mais benefícios que o café torrado, segundo a nutricionista Jessica Ribeiro. Ela afirma que o café verde contém duas vezes mais cafeína do que o grão de café torrado, além de ser rico em ácido clorogênico e possuir uma potente atividade antioxidante. “Destaca-se a contribuição para a preservação ou redução do desenvolvimento de doenças, apoia a função cardiovascular e combate sinais do envelhecimento. Além disso, estudos sugerem que o ácido clorogênico con-

tribui para o emagrecimento”, disse a nutricionista. Resultados positivos A nutricionista receita as cápsulas de café verde aos pacientes há mais de dois anos e comprovou bons resultados dentro e fora do consultório. “Melhora na disposição, energia para a realização de atividade física (devido à presença da cafeína), aumento da queima de calorias e auxílio no emagrecimento”. Resultados que também foram notados pela estudante Bárbara, que comemorou ao descobrir que perdeu medidas em seu corpo. “Além da diminuição de peso, senti que minha barriga diminuiu principalmente na parte do estômago”. Segundo Luciana Monteiro, nutricionista que também indica a cápsula aos pacientes, os grãos possuem de

5% a 10% de ácido clorogênico e atua no organismo combatendo, inclusive, a diabetes. “O café verde diminui a absorção de glicose no intestino, inibindo assim a enzima responsável pela liberação de açúcares do fígado para a corrente sanguínea. Sendo assim, o café verde combate a diabetes”. Indicações e consumo Luciana explica que o uso é contraindicado para pessoas com hipertensão, tendência ao nervosismo, hiperti-

reoidismo, gastrite crônica, úlceras gastroduodenais, problemas hepáticos e reumáticos. Ela afirma que o café verde não deve ser um suplemento, mas sim um alimento funcional. “A indicação geral para conquistar os benefícios é consumir 200 mg diariamente, dividindo em duas vezes: pela manhã e à tarde, já que à noite pode causar dificuldades para dormir”. O café verde pode ser encontrado em farmácias de manipulação e também em lojas especializadas. Em um

armazém de produtos naturais de Poços de Caldas (MG), a cápsula de café verde é uma das mais procuradas. A proprietária Tatiana Chagas Dutra afirma que o produto é reposto com frequência devido à alta procura. As mulheres são as que mais consomem o café verde, segundo ela. “Muita gente passa aqui e conta que consome as cápsulas não apenas para o emagrecimento, mas também para obter mais disposição no dia a dia”. Fonte: G1

Policlínica no Centro de Três Pontas é invadida por ladrões A Polícia procura por suspeitos ter invadido durante a madrugada desta quinta-feira (12), a Policlínica Prefeito Azarias de Azevedo, localizada no Centro de Três Pontas. De acordo com a Polícia Militar, os suspei-

tos aproveitaram que o portão de entrada estava fechado, porém destrancado, foi até a sala odontológica, entrou por uma janela, que também estava sem trancar e furtou um rádio toca CD e uma TV de LED.

A PM foi até o local registrou o boletim de ocorrências e faz rastreamento a fim de encontrar os suspeitos. Até a publicação desta reportagem ninguém havia sido preso. Fonte: Equipe Positiva


08 | GAZETA DE VARGINHA

REGIONAL

14 A 16 DE ABRIL DE 2018

Suspeitos de dar cobertura a assaltantes que explodiram bancos são liberados por falta de provas em Passos Suspeitos foram liberados pela polícia já que não foi possível conf irmar se eles tinham ligação com os ataques A Polícia continua as buscas pelos criminosos que explodiram duas agências bancárias em Passos (MG) na madrugada de quartafeira (12). Quatro caseiros suspeitos de dar

cobertura aos criminosos e um outro homem que supostamente teria comprado um dos ônibus usados para bloquear a rodovia durante a fuga, foram ouvidos e liberados. Além

disso, a polícia recolheu material genético dos carros que foram abandonados pelos assaltantes. Tudo o que eles deixaram para trás, agora é analisado pela polícia. Ainda na quarta-

Agenda 21 & Cidadania A EDUCAÇÃO COMO AGENTE TRANSFORMADOR Já não é de hoje que ouvimos falar que a educação é uma ferramenta fantástica como agente de mudança na sociedade. Sabemos que todo país com alto Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), como por exemplo: Finlândia, Japão, Suécia, Coréia do Sul, entre outros, tem como base uma educação sólida, com investimentos que superam os de outros setores. Atualmente o Brasil gasta 5,7% do PIB (Produto Interno Bruto) com educação, o que não é pouco, se comparado com o índice de alguns países desenvolvidos, como por exemplo: a Islândia que investe 7,8% do PIB e o Japão com 3,8% de seu PIB, no entanto o Brasil ocupa apenas o 53º lugar no ranking mundial de qualidade educacional, o que evidencia que não sabemos investir e distribuir bem estes recursos. A realidade é que tais recursos nem sempre chegam àqueles que mais precisam, aumentando ainda mais a desigualdade social. As famílias que pertencem à classe mais sofrida da sociedade muitas vezes se veem escravizadas no dilema de sobreviver para estudar ou estudar para melhorar de vida, e na luta pela sobrevivência, muitas vezes são obrigados a interromper os estudos para trabalhar, perpetuando assim o círculo de pobreza. Atualmente, a lista de materiais escolares sugerida pelas escolas públicas, está fora da realidade de muitas famílias carentes, que têm dificuldades básicas de sobrevivência, dificultando assim o ingresso ou a permanência da criança no ambiente escolar. Dentro do contexto social, proposto pela Agenda 21, o Grupo de Oração, Estudo e Ação São João Batista, vinculado ao Movimento de Cursilho de Cristandade, realiza a “Campanha do Material Escolar”, cujo objetivo é arrecadar junto à sociedade, recursos e materiais escolares, distribuindo-os em forma de kits básicos de material escolar para alunos carentes de escolas públicas da zona rural e urbana de Varginha. Anualmente, o Grupo São João Batista monta e distribuí aproximadamente 650 kits para crianças carentes de 1º ao 5º ano do ensino médio, e ao longo de 12 anos de projeto, milhares de crianças foram contempladas e puderam ter um ano letivo mais digno. Se você também acredita no poder transformador da educação e da solidariedade, venha e faça parte desta ação, contribuindo para uma sociedade mais justa e fraterna. João Marcos Batista Coordenador do Grupo de Oração, Estudo e Ação São João Batista e membro do Fórum da Agenda 21 Local. Contato: gsjb@gruposaojoaobatista.com.br Contato: agenda21. varginha@gmail.com

feira, a polícia apreendeu cinco veículos que foram abandonados na zona rural de Bom Jesus da Penha (MG). Todos foram roubados para serem usados na ação. As quatro caminhonetes eram blindadas e tinhas as placas clonadas. Durante as investigações, quatro pessoas foram levadas até a delegacia para prestar depoimento. Todas eram caseiros suspeitos de dar cobertura para os criminosos. Mas todos foram liberados porque a polícia não conseguiu provar a relação deles com os assaltantes. Segundo o delegado responsável pelas investigações, nos próximos dias mais pessoas devem ser ouvidas. Para a polícia, a proporção do ataque deixou claro que os criminosos sabiam exatamente como agir. "Cada indivíduo sa-

bia o que deveria ser feito, a maneira pela qual deveria ser feito, a contenção de eventuais policiais e armamento bélico utilizado em guerra", disse o delegado Marcos Pimenta. O ataque Os bancos ficaram destruídos após os ataques, que começaram por volta de 1h30 e duraram até as 3h de quarta-feira. Pelo menos 15 homens teriam participado da ação. Tudo aconteceu bem perto de

uma companhia da Polícia Militar e da delegacia regional da Polícia Civil, que ficam a um quarteirão dos bancos. Lâmpadas de postes e transformadores também foram destruídos. Pelo menos 46 imóveis ficaram sem energia elétrica. Os criminosos conseguiram fugir em dois carros e na saída ainda queimaram dois ônibus em duas entradas da cidade para bloquear a passagem dos policiais. Fonte: G1


14 A 16 DE ABRIL DE 2018

REGIONAL

GAZETA DE VARGINHA | 09

Sistema Estadual de Ouvidorias do Sistema Único de Saúde fortalece diálogo entre população e gestores A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), em parceria com a Ouvidoria Geral do Estado de Minas Gerais (OGE-MG), realizou, nesta quinta-feira (12/4), em Belo Horizonte, o lançamento do Sistema Estadual de Ouvidorias do Sistema Único de Saúde (SEOS). Para a mesa de abertura do evento, estiveram presentes o secretário da SES-MG em exercício, Nalton da Cruz, a ouvidora de Saúde, Conceição Rezende, o ouvidor-geral do Estado em exercício, Fernando Máximo, o diretorgeral do Departamento de Ouvidoria do SUS do Ministério da Saúde (MS), Leonardo Almeida Dias, o defensor público e assessor de Planejamento e Infraestrutura, Ronildo Chaves, o vice-presidente do Cosems-MG, Hermógenes Vanelli, o vice-presi-

dente do Conselho Estadual de Saúde, Ederson da Silva, entre outros convidados. Na oportunidade, o secretário da SES-MG, Nalton da Cruz, destacou a importância do novo Sistema de Ouvidorias para a saúde pública em Minas Gerais. “Através desse novo sistema, foi possível estruturar as ouvidorias e aumentar seu alcance. Atualmente, contamos com 120 ouvidorias, servidores exclusivos e capacitados para trabalhar as questões trazidas pela população e um telefone exclusivo, o 136, para que mineiras e mineiros possam opinar, criticar, sugerir e elogiar os serviços de saúde. Dessa forma, podemos afirmar que o cidadão terá voz e nós poderemos ouvir suas solicitações”, disse. Na sequência, a ouvidoria de Saúde, Conceição Rezende, enfatizou a cons-

trução de uma política de diálogo do cidadão com o poder público. "Se, antes, contávamos apenas com um canal de manifestação no Estado e alguns canais nos municípios, porém, ainda sem uma estrutura eficiente definida, hoje, já temos estruturas organizadas porque o CosemsMG foi a entidade que intermediou o diálogo entre o Estado e todos os municípios”, explicou. Já o vice-presidente do Cosems-MG, Hermógenes Vanelli, reiterou que o conselho sempre estará atento e disposto a cooperar para o fortalecimento da saúde pública em Minas Gerais. Para o vice-presidente do Conselho Estadual de Saúde, Ederson Alves da Silva, “a partir da construção coletiva do SEOS, que contou com a participação de diferentes atores, como Funed, Fhemig e Hemo-

minas, agora será possível qualificar de maneira mais adequada o atendimento em saúde”. Em sua fala, o diretorgeral do Departamento de Ouvidoria do SUS do Ministério da Saúde, Leonardo Dias, destacou o trabalho para fornecer um embasamento legal e normativo para o funcionamento do Sistema Nacional das

Ouvidorias Nacionais do SUS. "E o Estado de Minas Gerais é o primeiro do país a conseguir pactuar este sistema, inclusive à frente da própria União”, pontuou. O ouvidor-geral do Estado em exercício, Fernando Máximo, reforçou que o objetivo com o novo Sistema Estadual de Ouvidorias do Sistema Único de

Saúde é, além de resolver as questões apresentadas pela população, também aperfeiçoar os serviços prestados pelo Estado. O evento também foi marcado pela entrega de homenagens por parte da OGE às pessoas que contribuíram significativamente para a construção do Sistema Estadual de Ouvidorias.


10| GAZETA DE VARGINHA

14 A 16 DE ABRIL DE 2018

SAIBA SEUS DIREITOS

Ministra afasta decisão que suspende mudança de alíquotas do ITCMD no Rio de Janeiro A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, suspendeu os efeitos de liminar do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) contra lei estadual que alterou as alíquotas do Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doações (ITCMD). Ao deferir pedido de Suspensão de Liminar (SL 1145), a ministra considerou que a manutenção da decisão da corte estadual representa risco à ordem pública e econômica pela capacidade de agravar a precária prestação de serviços públicos pelo estado. O Órgão Especial do TJ-RJ confirmou liminar concedida por desembargador nos autos de representação de inconstitucionalidade apresentada pela seccional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RJ). O colegiado entendeu que a norma, publicada em novembro de 2017, não havia previsto o cumprimento da regra constitucional da anterioridade de 90 dias para entrar em vigor e referendou a cautelar

Seguradora não indenizará empresa de transporte por roubo de carga

que suspendeu a lei estadual até o julgamento de mérito na ação, que ainda não ocorreu. Na SL 1145, a Procuradoria do estado alega que a manutenção da decisão questionada representa lesão à ordem pública, uma vez que retira do gestor público os meio necessários à responsável alocação de recursos financeiros, com potencial de atingir os serviços essenciais. Ressalta que a norma atende a acordo celebrado com a União no qual o estado assumiu o compromisso de elevar alí-

quotas de ITCMD e rever as faixas de isenção do tributo. Segundo verificou a ministra Cármen Lúcia, o prazo da anterioridade de 90 dias já foi ultrapassado há quase dois meses. “Ultrapassado o prazo nonagesimal em 15/2/2018, dada a presunção de constitucionalidade das normas, parece desproporcional manter a suspensão da lei estadual”, afirmou. “Comprovados os elementos reveladores da potencialidade lesiva do ato decisório em face dos interesses públicos

relevantes legalmente assegurados, há que se ter por necessária, juridicamente, a suspensão dos efeitos da medida cautelar”, afirmou a presidente. Isso, segundo ressalta, não significa antecipação de entendimento sobre a constitucionalidade ou não da norma estadual. A decisão suspende os efeitos da medida cautelar deferida pelo TJ-RJ, autorizando, assim, a cobrança do ITCMD nos termos da Lei estadual 7.786/2017 a partir da publicação da decisão do STF.

Dr. Gustavo Chalfun

Drª. Patrícia Bregalda Lima

OAB/MG 81424 Rua Argentina, 535 Vila Pinto Tel: 3222-4801

OAB/MG 65099 Av Salum Assad. David, 70 - Santa Luiza Tel: ( 35) 3214-5051

gustavo@chalfun.com.br

Dr. Daniel Piva OAB/MG 81667 Delfim Moreira, 258, sala 201- Centro Varginha -MG Tel: 3222 2851

dapiva@ig.com.br

patriciabregalda@varginha.com.br

Uma empresa do setor de transporte não receberá indenização de seguradora após ter sua carga roubada. A decisão é do juiz de Direito Giordano Resende Costa, da 4ª vara Cível de Brasília. Consta nos autos que a empresa de transportes acionou o seguro após ter sua carga, avaliada em mais de um milhão, roubada durante o trajeto. O seguro, por sua vez, negou o pagamento da indenização alegando que a empresa descumpriu as regras de gerenciamento de riscos e de embarque em valor superior ao limite da garantia. Ao analisar o caso, o juiz Giordano Costa verificou que realmente houve descumprimento do contrato celebrado. O magistrado observou que o valor fixado na

apólice de comum acordo entre as partes previa o limite máximo de garantia em R$ 500 mil. O julgador pontuou ainda que a empresa não fez os procedimentos adequados para que a seguradores assumisse o risco nas operações em que se ultrapassam o limite máximo de garantia. "Não há como impor à seguradora o pagamento de uma indenização em face de um sinistro cujos riscos não assumiu. Essa ideia inverteria toda a lógica do seguro e, inclusive, inviabilizaria a manutenção das empresas seguradoras." Assim, julgou improcedente o pedido formulado pela empresa. O escritório Jacó Coelho Advogados Associados atuou em favor da seguradora.

Dr. José Simplicio da Silva Filho OAB/MG 73.079 Praça São Pedro, 36, Vila Floresta Tel: ( 35) 3067-1070

ssimplicio@hotmail.com

Dr. Gustavo Pinto Biscaro

Dr. Vicente Lima Lorêdo

OAB/MG 106.276 Rua: Presidente Evaristo Soares. 255 - Vila Pinto Tel: (35) 3222-1049

OAB/ MG 84.176 20ª Sub-Seção Rua Maria Benedita, 63 -sala 106 - Vila Pinto 3223-5362/9988-3485

gustavopbiscaro@gmail.com

vicentelloredo@yahoo.com.br

Mande sua pergunta para gazetadevarginha@gmail.com


14 A 16 DE ABRIL DE 2018

COLUNA SOCIAL

GAZETA DE VARGINHA | 11

Personalidades que brilharam na semana que passou

Jornalista Marcus Madeira com o pres. Academia Varginhense de Letras, José Roberto Sales

Jornalista Euclides Oliva e o historiador da Fundação Cultural, Cláudio Martins

Dra. Gláucia Tibúrcio e o arquiteto, Gilberto Jordão, na galeria de Ex-Prefeitos de Varginha

Ex-prefeito de Varginha, Aloysio Ribeiro de Almeida, na solenidade a ex-prefeitos

O filho, empresário Jefferson Melo, e o pai, deputado estadual, Dilzon Melo

Produtor de eventos da Fundação Cultural, Rosildo Beltrão, e o diretor da Casa da Cultura, London Lopes

Superintendente da Fundação Cultural, Leandro Acayaba, e o pres. Câmara, Leonardo Ciacci

Secretário de Administração, Sérgio Takeishi com o diretor da TV Princesa, Nyei Nadeia

Deputado estadual Dilzon Melo e o secretário de Habitação e Promoção Social, Francisco Graça Moura

Vice-prefeito, Verdi Lúcio Melo, entrevistado para a TV Princesa

Prefeito Antônio Silva e o presidente da Câmara Municipal de Varginha, Leonardo Ciacci

Comandante da Guarda Civil Municipal de Varginha, Gérson Alves da Trindade

Médico e ex-vereador, Marçal Paiva de Figueiredo, na solenidade de ex-prefeitos

Deputada estadual, Geisa Teixeira, na solenidade de ex-prefeitos de Varginha

Irmãos Rubens Nogueira e Roberto Nogueira, na solenidade de ex-prefeitos de Varginha

Violonista Vargas Costa e a maestrina Joana D’Arc Garoti ótimo desempenho no Hino Nacional

Presidente do Grupo Unis, Stefano Gazzola, proferindo palestra na Cidade Universitária

Vereador Carlos Costa, que presta homenagem ao deputado federal Rodrigo Pachego

Vereador Joãozinho Enfermeiro com o empresário e conterrâneo, Pedro Pagani

Controlador Geral do município, Luiz Fernando Alfredo em nova pose para a coluna


12| GAZETA DE VARGINHA

14 A 16 DE ABRIL DE 2018

BRASIL

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, Centro, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, Centro, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a) fiduciante, CASSIA APARECIDA DE ANDRADE E SOUSA, CPF/CNPJ nº 03624162659, BENJAMIN DE SOUSA NETO,

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a)

CPF/CNPJ nº 73496154691, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s), incerto(s) ou inacessível(eis), para se dirigir(em),

fiduciante, JOSE FRANCISCO PEREIRA JUNIOR, CPF/CNPJ nº 85968307668, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s),

preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, ou ao endereço do

incerto(s) ou inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA

Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, Centro, Varginha, MG - 37026-653, de segunda a

ECONOMICA FEDERAL - CEF, ou ao endereço do Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145,

sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor de R$ 1.904,80, em 06/03/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a data do efetivo pagamento, somando-se também os

Centro, Varginha, MG - 37026-653, de segunda a sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor

encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº 844441441678-4 e garantido por alienação(ões)

de R$ 1.146,18, em 15/02/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a data do

fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 32340, do Livro 2 – Registro Geral, do Cartório Varginha . Na hipótese

efetivo pagamento, somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº

de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá ser apresentado ao Cartório Varginha. Caso o

801630002109-7 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 8703, do Livro 2 –

pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento perante a Serventia deverá ser por meio de

Registro Geral, do Cartório Varginha . Na hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá

cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao credor fiduciário ou a seu cessionário. O não

ser apresentado ao Cartório Varginha. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento

cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o direito de consolidação da propriedade do

perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao

imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997.

credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o

E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este edital.

direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este edital. Varginha, 21 de Março de 2018

Varginha, 15 de Março de 2018

Wellington Luiz Viana Júnior

Wellington Luiz Viana Júnior

Oficial de Registro

Oficial de Registro

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, Centro, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, Centro, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a)

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a)

fiduciante, CARLOS ALBERTO DE PAIVA ANTONIO, CPF/CNPJ nº 09710897608, que está(ão) em lugar(es)

fiduciante, MARTA CRISTINA SILVA RIOS, CPF/CNPJ nº 04106922398, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s), incerto(s)

ignorado(s), incerto(s) ou inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a)

ou inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA

CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, ou ao endereço do Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO

FEDERAL - CEF, ou ao endereço do Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, Centro,

ZANATELLI, 145, Centro, Varginha, MG - 37026-653, de segunda a sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no

Varginha, MG - 37026-653, de segunda a sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze dias,

prazo de quinze dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o

contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor de

encargo no valor de R$ 1.632,09, em 23/02/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança

R$ 1.433,14, em 23/02/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a data do efetivo

até a data do efetivo pagamento, somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao

pagamento, somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº

contrato nº 844441059193-0 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 59496, do

844440992602-8 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 57338, do Livro 2 –

Livro 2 – Registro Geral, do Cartório Varginha . Na hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo

Registro Geral, do Cartório Varginha . Na hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá

deverá ser apresentado ao Cartório Varginha. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o

ser apresentado ao Cartório Varginha. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento

pagamento perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”,

perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao

nominal ao credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze)

credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o

dias, garante o direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA

direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF,

FEDERAL - CEF, nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a),

nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este

expediu-se este edital.

edital. Varginha, 27 de Março de 2018

Varginha, 27 de Março de 2018

Wellington Luiz Viana Júnior

Wellington Luiz Viana Júnior

Oficial de Registro

Oficial de Registro

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a)

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a)

fiduciante, WILLIAM SILVA RIBEIRO, CPF/CNPJ nº 04391541629, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s), incerto(s) ou

fiduciante, WALMOR DE LIMA, CPF/CNPJ nº 00587835630, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s), incerto(s) ou

inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA

inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA

FEDERAL - CEF, ou ao endereço do Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA

FEDERAL - CEF, ou ao endereço do Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA

LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653, de segunda a sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze

LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653, de segunda a sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze

dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor

dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor

de R$ 4.921,51, em 28/02/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a data do

de R$ 1.768,20, em 28/02/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a data do

efetivo pagamento, somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº

efetivo pagamento, somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº

144440585581-0 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 46801, do Livro 2 –

844440509806-6 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 53480, do Livro 2 –

Registro Geral, do Cartório Varginha . Na hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá

Registro Geral, do Cartório Varginha . Na hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá

ser apresentado ao Cartório Varginha. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento

ser apresentado ao Cartório Varginha. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento

perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao

perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao

credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o

credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o

direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF,

direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF,

nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este

nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este

edital.

edital. Varginha, 05 de Abril de 2018

Varginha, 05 de Abril de 2018

WELLINGTON LUIZ VIANA JUNIOR

WELLINGTON LUIZ VIANA JUNIOR

Oficial de Registro

Oficial de Registro


14 A 16 DE ABRIL DE 2018

GAZETA DE VARGINHA | 13

BRASIL

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a)

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a)

fiduciante, TIAGO RODRIGUES DO CARMO, CPF/CNPJ nº 08786662651, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s),

fiduciante, LUIZ ANTONIO DOS SANTOS, CPF/CNPJ nº 91680646672, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s), incerto(s)

incerto(s) ou inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA

ou inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA

ECONOMICA FEDERAL - CEF, ou ao endereço do Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145,

FEDERAL - CEF, ou ao endereço do Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA

SANTA LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653, de segunda a sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de

LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653, de segunda a sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze

quinze dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo

dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor

no valor de R$ 1.865,24, em 20/02/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a

de R$ 652,72, em 20/02/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a data do

data do efetivo pagamento, somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao

efetivo pagamento, somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº

contrato nº 844441295400-2 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 61802, do Livro 2 – Registro Geral, do Cartório Varginha . Na hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá ser apresentado ao Cartório Varginha. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este edital.

801630001930-0 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 34338, do Livro 2 – Registro Geral, do Cartório Varginha . Na hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá ser apresentado ao Cartório Varginha. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este edital.

Varginha, 05 de Abril de 2018

Varginha, 05 de Abril de 2018

WELLINGTON LUIZ VIANA JUNIOR

WELLINGTON LUIZ VIANA JUNIOR

Oficial de Registro

Oficial de Registro

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a)

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a)

fiduciante, ADEMILSON MARTINS DE ASSIS, CPF/CNPJ nº 88642330678, ELAINE DE PAULA FELISBINO M D ASSIS,

fiduciante, LIDIANE BERTOLDO ROSA, CPF/CNPJ nº 08491293620, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s), incerto(s) ou

CPF/CNPJ nº 06603402670, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s), incerto(s) ou inacessível(eis), para se dirigir(em),

inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA

preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, ou ao endereço do

FEDERAL - CEF, ou ao endereço do Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA

Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653, de

LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653, de segunda a sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze

segunda a sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze dias, contados a partir da última

dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor

publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor de R$ 1.764,17, em

de R$ 1.863,23, em 23/02/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a data do

21/02/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a data do efetivo pagamento,

efetivo pagamento, somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº

somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº 844441169437-6 e

844441172951-0 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 50247, do Livro 2 –

garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 59736, do Livro 2 – Registro Geral, do

Registro Geral, do Cartório Varginha . Na hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá

Cartório Varginha . Na hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá ser apresentado ao

ser apresentado ao Cartório Varginha. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento

Cartório Varginha. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento perante a Serventia

perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao

deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao credor fiduciário ou a

credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o

seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o direito de

direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF,

consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, nos termos

nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este

do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este edital.

edital. Varginha, 05 de Abril de 2018

Varginha, 05 de Abril de 2018

WELLINGTON LUIZ VIANA JUNIOR WELLINGTON LUIZ VIANA JUNIOR

Oficial de Registro

Oficial de Registro

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

Cartório Varginha Endereço: RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653 Horário de atendimento: De segunda à sexta, das 09:00 às 17:00

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

EDITAL DE INTIMAÇÃO DE DEVEDOR FIDUCIANTE

COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

COMARCA DE VARGINHA - EDITAL DE INTIMAÇÃO

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a)

O/A Oficial do Cartório Varginha, com base no parágrafo 4º, do art. 26, da Lei nº 9.514/1997, vem intimar o(a) devedor(a)

fiduciante, LUCIMARA COSTALONGA, CPF/CNPJ nº 05997920607, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s), incerto(s) ou

fiduciante, IDAIR JOSE DA SILVA VANZELI, CPF/CNPJ nº 10603967698, CLAUDIANI ELIS MARIANO DA SILVA,

inacessível(eis), para se dirigir(em), preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA

CPF/CNPJ nº 08524923679, que está(ão) em lugar(es) ignorado(s), incerto(s) ou inacessível(eis), para se dirigir(em),

FEDERAL - CEF, ou ao endereço do Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA

preferencialmente, ao endereço do(a) credor(a) fiduciário(a) CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, ou ao endereço do

LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653, de segunda a sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze

Cartório Varginha, RUA GUILHERME FRANCISCO ZANATELLI, 145, SANTA LUÍZA, Varginha, MG - 37026-653, de

dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor de R$ 1.575,70, em 28/02/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a data do efetivo pagamento, somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº 844440773340-0 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 56755, do Livro 2 – Registro Geral, do Cartório Varginha . Na hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá ser apresentado ao Cartório Varginha. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este edital.

segunda a sexta-feira, de 09:00 às 17:00 horas, e satisfazer, no prazo de quinze dias, contados a partir da última publicação deste edital, que será publicado em três dias consecutivos, o encargo no valor de R$ 1.104,66, em 06/03/2018, sujeito à atualização monetária, juros de mora e despesas de cobrança até a data do efetivo pagamento, somando-se também os encargos que vencerem no prazo desta intimação, relativo ao contrato nº 844440234643-3 e garantido por alienação(ões) fiduciária(s) registrada(s) na(s) matrícula(s) nº(s) 46783, do Livro 2 – Registro Geral, do Cartório Varginha . Na hipótese de o pagamento ser efetuado diretamente ao credor, o recibo deverá ser apresentado ao Cartório Varginha. Caso o pagamento não seja realizado diretamente a(o) credor(a), o pagamento perante a Serventia deverá ser por meio de cheque administrativo ou visado, com a cláusula “não à ordem”, nominal ao credor fiduciário ou a seu cessionário. O não cumprimento da referida obrigação, no prazo de 15 (quinze) dias, garante o direito de consolidação da propriedade do imóvel em favor do credor fiduciário CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF, nos termos do art. 26, §7º da Lei 9.514/1997. E, para que chegue ao conhecimento do(a) devedor(a), expediu-se este edital. Varginha, 11 de Abril de 2018

Varginha, 11 de Abril de 2018

WELLINGTON LUIZ VIANA JUNIOR Oficial de Registro

WELLINGTON LUIZ VIANA JUNIOR Oficial de Registro


14| GAZETA DE VARGINHA

14 A 16 DE ABRIL DE 2018

EVANGÉLICA MISERICÓRDIA E CONDENAÇÃO!

Meus caros leitores em Cristo Jesus, hoje vamos refletir e discorrer sobre a capacidade de Nosso Deus, em nos possibilitar inúmeros recomeços. Portanto, vamos abrir as nossas bíblias em Isaías Capítulo 43 (quarenta e três), versos que destacamos, vejamos como abaixo: "14 Assim diz o SENHOR, o que vos redime, o Santo de Israel: Por amor de vós, enviarei inimigos contra a Babilônia e a todos os de lá farei embarcar como fugitivos, isto é, os caldeus, nos navios com os quais se vangloriavam. 15 Eu sou o SENHOR, o vosso Santo, o Criador de Israel, o vosso Rei. 16 Assim diz o SENHOR, o que outrora preparou um caminho no mar e nas águas impetuosas, uma vereda; 17 o que fez sair o carro e o cavalo, o exército e a força – jazem juntamente lá e jamais se levantarão; estão extintos, apagados como

uma torcida. 18 Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas. 19 Eis que faço coisa nova, que está saindo à luz; porventura, não o percebeis? Eis que porei um caminho no deserto e rios, no ermo. 20 Os animais do campo me glorificarão, os chacais e os filhotes de avestruzes; porque porei águas no deserto e rios, no ermo, para dar de beber ao meu povo, ao meu escolhido, 21 ao povo que formei para mim, para celebrar o meu louvor." Queridos irmãos, Deus, por meio do Profeta Isaías, nos encoraja, como encorajou os judeus exilados, a pensarem num novo começo. (recomeço). Deus falou: "Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas." (Isaías 43:18). Deus disse para deixarem de viver lembrando-se da punição sofrida e até mesmo da

demonstração do Poder Divino quando houve o Primeiro Êxodo do Egito. Ele, Deus, orientou o Povo Hebreu a focar Nele próprio, eis que lhe daria um novo começo, levando-os da Babilônia para a Casa, em um novo Êxodo. (v.19). De se notar que com Deus os novos começos são possíveis em nossos corações e mentes, pois somente Ele pode nos auxiliar a abrir mão do passado e começarmos a nos apegar Nele. Um relacionamento de intimidade com o Senhor proporciona nova Esperança aos que confiam Nele. Finalizando, eis que o Senhor faz novas criaturas, bem como novas todas as coisas. (v.19). Extrai-se da 2ª

A MANEIRA DE O CRISTÃO SE PORTAR

Carta aos Coríntios 5:17: "17 E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas.todas as coisas." E mais, quanto ao julgamento final: "18 Quem nele crê não é julgado; o que não crê já está julgado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus" E aí meu amigo, por acaso já está disposto a aceitar o Senhor Jesus Cristo como seu Único e Suficiente Senhor e Salvador? Como sempre a resposta é somente sua. E Glórias a Deus por tudo isso! Na Paz do Senhor Jesus. Ministério Arca da Aliança. Dr. Simplício.

Cultos da Igreja Arca da Aliança em Varginha. Todas as Quintas, Sábados e Domingos às 19 horas e 30 minutos. Rua Orminda Vasconcelos, 465, Vila Floresta, CEP. 37004-350. Estamos esperando a sua visita!

Há um modo correto de o cristão se portar diante dos salvos e dos que ainda desconhecem a Palavra: evitar o escândalo. É triste ouvir que alguém envergonhou a obra santa do Senhor, a Sua Igreja. A nós foi confiado crer e viver no Todo-Poderoso. Então, por que desonráLo, fazendo o proibido, e não o que Ele determinou como nossa missão? Os que estão no Caminho conosco merecem um respeito maior, pois, como nós, são membros do Corpo de Cristo. Se pregarmos a fé em Jesus, e não a vivermos, que exemplo lhes daremos? Muitos se escandalizarão ao nos ouvir falar positivamente, mas em desacordo com a nossa pregação. O Mestre nos ensinou a viver diante de Deus e do mundo; então, temos de agir de forma que todos glorifiquem o Pai. A nossa conduta precisa ser sempre reta. De outro modo, serviremos ao diabo, e não ao Altíssimo. Todas as ações devem ser realizadas em Cristo, para não sermos responsáveis pelo desvio de ninguém. A conduta santa glorifica o Senhor. Com isso, o mal não consegue uma brecha em nós. Deus não pode Se responsabilizar pelos atos de quem se dá ao inimigo, mesmo que essa pessoa garanta ser servo do Reino dos Céus. A Escritura Sagrada nos adverte: ter dois pesos e duas medidas desagrada ao Altíssimo (Dt 25.13-16). Portanto, se sabemos fazer o

Por isso não desanimamos. Embora exteriormente estejamos a desgastar-nos, interiormente estamos sendo renovados dia após dia (2 Coríntios 4:16)

bem, por que não o fazemos (Tg 4.17)? Por que obter prazer no pecado, se isso o deixa vulnerável ao reino da maldade? Ora, quem planta boa semente colherá bons frutos, mas aquele que semeia o mal verá os maus frutos encherem o seu celeiro. Mantenha-se firme na obra do Mestre! O ideal é o homem de Deus ser irrepreensível, não deixando o pai da mentira acusálo de delitos, pois isso o afasta do Criador. Bom é vigiarmos em nossos atos, para que nenhum deles tenha a aparência do mal. Se os fracos sentirem que coisas ruins ocorrem na vida de um santo, eles se entregarão à iniquidade. Até os ímpios têm de ter boa opinião a nosso respeito. Afinal, servimos ao Senhor da santidade, o qual nos resgatou e quer salválos também. Os dias passam, as provações aparecem, e as tentações são armadas pelo inimigo, para sermos desclassificados espiritualmente. No entanto, assim como José do Egito, precisamos resistir a elas, porque nos fazem transgredir. Uma escorregada na fé macula a santa caminhada que iniciamos ao aceitar Jesus como Salvador. Essa trajetória só terminará com a volta dEle ou a nossa morte. Não se perca depois de ter vencido tantas provações nem se venda ao diabo, porque o melhor é ser um servo do Todo-Poderoso. Ele não permitirá que lhe sobrevenha tentação superior às suas forças (1 Co 10.13)!


14 A 16 DE ABRIL DE 2018

GAZETA DE VARGINHA | 15

POLÍTICA

Governo gastou R$ 3 bi em cinco anos com aposentadoria rural irregular O governo pagou, indevidamente, nos últimos cinco anos, R$ 3 bilhões em aposentadoria a produtores rurais que são classificados como ‘segurados especiais’. Esse grupo, que inclui pescadores artesanais, seringueiros e extrativistas, recebeu o benefício sem ter direito a ele, segundo uma auditoria do Ministério da Transparência. Se esses pagamentos não forem suspensos, a conta, daqui para frente, ficará em R$ 1,2 bilhão por ano. A conta das aposentadorias rurais sempre fica no vermelho porque o número de pessoas que recebem o benefício é maior do que o de trabalhadores que contribuem para o INSS. Em 2017, o déficit da Previdência rural ficou em R$ 110,7 bilhões - aumento de 7%

em relação a 2016. A partir do resultado da auditoria, o órgão deu um prazo de 30 dias para o INSS traçar um plano de ação à revisão dos benefícios. Os auditores cobram do instituto a suspensão dos benefícios irregulares, a apuração das responsabilidades pelas concessões e o ressarcimento dos valores. Esse tipo de benefício previdenciário se enquadra na categoria de segurado especial, que tem tratamento diferente dos demais aposentados. Abrange 97 mil pessoas. Entre as irregularidades apontadas pelos auditores estão o recebimento da aposentadoria por beneficiários que se mantinham trabalhando. Pelas regras, não pode receber o benefício integrante da

família que possuir outra fonte de rendimento, exceto em casos específicos. Também há casos de pagamentos a donos de propriedade rural, o que também é irregular. Enquanto o segurado comum do INSS recolhe contribuição previdenciária incidente sobre seus salários (de 8% a 11%), o segurado especial contribui com uma alíquota muito reduzida, de 2,1%, sobre o resultado da receita de sua produção. Além disso, o segurado comum precisa cumprir um número mínimo de contribuições mensais para fazer jus ao benefício previdenciário Para o segurado especial, a exigência de contribuições é contada em número de meses em que houve exercício efetivo de atividade rural ou pesqueira, ainda que

não sejam meses consecutivos. A auditoria foi feita cruzando dados do sistema do INSS com banco de informações do Ministério do Tra-

balho. "Tem muito mais o que cortar porque o grande problema da aposentadoria rural é a fraude. Muitas vezes, o INSS nega, o cara pega

uma declaração do sindicato de que é trabalhador rural, mesmo não sendo, e o juiz dá o benefício", disse Leonardo Rolim, consultor da Câmara.

Com PSD querendo indicar vice, aliados de Anastasia reclamam Partidos que estão propensos a apoiar a précandidatura do senador Antonio Anastasia (PSDB) ao governo de Minas Gerais nas eleições deste ano estão com uma “pulga atrás da orelha” em relação a que legendas vão ter espaço na chapa majoritária. O imbróglio veio à tona após o PSD anunciar, na quarta-feira (11), que vai caminhar com o tucano e mostrar interesse em indicar um vice. Do lado do senador é dito que essas definições vão ocorrer somente em junho. Dirigentes do PSD disseram oficialmente que negociam o nome do deputado federal Marcos Montes para vice. Mas fontes que acompanham o processo explicam que, assim, a legenda seria duplamente be-

neficiada. Se Anastasia ganhar o pleito, o suplente dele, Alexandre Silveira (PSD), é quem assumirá o cargo no Senado. Para articuladores, a agremiação já seria contemplada com um espaço importante. A chapa majoritária é formada por quatro vagas: governador, vice e duas para o Senado. Por isso, de acordo com um cacique político ouvido pela reportagem, se o acordo com PSD para vice for selado, restarão poucas cadeiras para negociar com outras siglas, já que um dos postos para senador pode ficar com Aécio Neves (PSDB). “Na atual conjuntura, sobraria somente uma vaga para o Senado. Quem iria ficar com ela?”, indaga o interlocutor.

Um político próximo do pré-candidato não descarta que Marcos Montes seja vice do senador. Além de ter capital político no Triângulo Mineiro, o deputado federal é muito próximo de Anastasia, e os dois já trabalharam juntos na administração estadual. Contudo, ele explica que o acordo fechado com o PSD não foi condicionado a eles terem esse espaço. O parlamentar ressalta que a composição da chapa majoritária é uma das últimas questões a serem resolvidas. Somente vão compô-la pessoas com as quais o tucano tenha afinidade e respeito. Outro cacique do PSDB conta que as agremiações sabem que não há cadeiras para todos na

chapa e que aqueles que decidirem apoiar o senador é porque acreditam na vitória do tucano: “É perspectiva de poder”. Ainda foi dito para a reportagem que Anastasia

não está negociando apoio por cargos de primeiro escalão ou de diretoria de estatais, caso eleito. “Uma das possibilidades que foram oferecidas ao senador para ele

aceitar ser candidato foi a de que teria autonomia para montar a equipe com o perfil dele, que é mais técnico. Ele não vai inchar a máquina pública”, revelou.


16 | GAZETA DE VARGINHA

ESPORTE

14 A 16 DE ABRIL DE 2018

Rumo à Fórmula 1, jovens brasileiros iniciam

temporada nas categorias de base em representantes na Fórmula 1 em 2018, o automobilismo brasileiro aguarda por novos pilotos nos próximos anos, e seis deles iniciam neste fim de semana a temporada em busca de vitórias e, claro, outras oportunidades na escalada rumo à principal categoria do esporte a motor. Na Fórmula 4, o Brasil terá dois pilotos que fazem parte da academia da Ferrari: Enzo Fittipaldi, neto do bicampeão de F1 Emerson Fittipaldi, e Gianluca Petecof, que vem tendo seus passos acompanhados por ninguém menos do que o tetracampeão Sebastian Vettel. Ambos disputam a rodada de

Oschersleben, na Alemanha, e este ano ainda vão participar do campeonato italiano. Já na Euroformula Open, que usa carros de F3, Matheus Iorio, Felipe Drugovich, Guilherme Samaia e Christian Hahn serão os pilotos brasileiros. A categoria tem provas em diversos circuitos que também são utilizados pela Fórmula 1 na Europa. Tanto Enzo Fittipaldi como Gianluca Petecof, além de serem integrantes da academia da Ferrari, estão em uma das principais equipes das categorias de base do automobilismo mundial. A Prema Powerteam é a atual campeã da Fórmula

4 tanto na Alemanha como na Itália, e também ganhou o título da F2 no ano passado com Charles Leclerc. Aos 16 anos, Enzo Fittipaldi encara sua segunda temporada no automobilismo europeu. No ano passado, o jovem nascido em Miami, nos Estados Unidos, disputou a temporada completa da F4 na Itália e foi o nono colocado, com uma volta mais rápida. Na Alemanha, Fittipaldi disputou em 2017 a rodada tripla de Nürburgring e conseguiu um terceiro lugar. O bom desempenho fez Enzo optar por disputar a F4 nos dois países, e na pré-temporada na Alemanha ele andou entre

os primeiros, o que o faz acreditar numa briga pelos dois títulos que vai disputar. Esse ano vai ser fundamental para a

minha carreira. Treinei muito com a Ferrari no simulador e também realizei treinos físicos. Vou para competir e ganhar os dois campe-

onatos. Estou muito confiante que será um ano bem positivo para a minha carreira, e bem preparado para a primeira corrida. Oschersleben é uma pista bem rápida e técnica, e quando testamos lá ficamos sempre entre os primeiros. Espero levar a bandeira do Brasil ao topo do pódio - disse Enzo, irmão de Pietro, que também está na escalada rumo à F1: - Vamos estar entre os líderes e brigar pelo campeonato, mas também quero crescer como piloto, ficar mais completo, com maturidade, fisicamente e mentalmente ser um piloto melhor. Estou muito determinado e vamos com tudo!

Andrés diz que Corinthians vai contratar dois atacantes e um meia presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, garante que o clube vai se reforçar já no começo do Campeonato Brasileiro. Em entrevista à Rádio Bandeirantes nesta sexta-feira, ele disse: – O Corinthians vai contratar dois atacantes e um meia. (...) Devem chegar até o final da próxima semana. Andrés detalhou a situação de alguns nomes. Disse que não tem interesse em Jael, do Grêmio, e que o clube

não está negociando com o venezuelano Salomón Rondón. Admitiu, porém, desejo por contratar o meia Fessin, do ABC. Andrés também falou sobre a renovação de contrato com o atacante Emerson Sheik. – Ele mere-

ce por tudo o que vem fazendo e demonstrando – disse o dirigente, que cogita um vínculo até o fim do ano. Sobre o zagueiro Balbuena, em processo de renovação contratual, Andrés disse que viu evolução nos últimos dias.

Gazeta de Varginha 14 A 16/04/2018  

Edição 9.943

Gazeta de Varginha 14 A 16/04/2018  

Edição 9.943

Advertisement