Page 1

13 ANOS

Jornalismo, Ética, Liberdade, Compromisso e Democracia. www.gazetacrateus.com.br • e-mail: gazetaco@yahoo.com.br

Crateús-Ce. Terça-feira, 20 de junho de 2010 - Ano XIV - No 301 - R$ 2,50

PRAÇA GENTIL CARDOSO INICIA PROJETO URBANÍSTICO

Estátua em bronze de Gentil Cardoso e placa com dedicatória do neto Fernando Cardoso Linhares

Dando inicio ao novo projeto urbanístico de Crateús, a Praça Gentil Cardoso, situada em frente à antiga Estação Ferroviária, foi solenemente inaugurada no último dia 06 de julho, data em que foram comemorados os 178 anos da emancipação política do município. Pág.09

BRIGADEIRO SAMPAIO HOMENAGEADO NOS 180 ANOS DE SUA INCORPORAÇÃO ÀS FILEIRAS DO EXÉRCITO Leia matéria na página 08

SANGUE

SAÚDE FAZ CAMPANHA EXITOSA DE DOAÇÃO

Utilizando o espaço da Câmara Municipal, a Secretaria de Saúde de Crateús, comandada pelo jovem técnico Diego Lima(foto), promoveu exitosa campanha de doação de sangue destinada ao HEMOCE, aonde todas as doações são centralizadas. Pág.04

CRATEÚS

INAUGURAÇÕES E FESTAS NA SEMANA DO MUNICÍPIO Leia matéria na página 08

Brigadeiro Antônio de Sampaio, patrono da Infantaria

Câmara aprova exigência de diploma para jornalista O substitutivo à Proposta de Emenda Constitucional 386/09, que trata da volta da exigência do diploma para jornalistas, foi aprovado, no último dia 13/7, pela comissão especial criada na Câmara dos Deputados para discutir o assunto. Pág.10

PONTO DE VISTA

“Tasso” e os motoqueiros acima da Lei

Fábio Campos

Leia matéria na página 10

“O povo de Tamboril merece respeito” Marcos Salgueiro ressalta a secular amizade e relacionamento existentes entre Crateús e Tamboril ao longo do tempo, e a atitude negativa de pessoas interessadas em quebrar esta vigorosa tradição. Pág.05

De olho na Copa do Mundo

Antonio Mourão Cavalcante

Leia matéria na página 13

Show de Waldonys na Praça da Catedral

Leia nesta edição: ECA: Avanços e desafios do Estatuto. Pág. 13 ABUSOS: Vaticano vai incluir deficientes. Pág. 10 Plenário aprova PEC do Divórcio Direto. Pág. 15 Vagas de cartórios serão preenchidas com concursos. Pág. 13 Lei ameaça 400 políticos este ano. Pág. 13


Página

2

Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010

Editorial

Pra frente Crateús! A administração municipal de Crateús, após remover uma série de obstáculos que a impediam de caminhar com largas passadas para vencer a estagnação deixada pela gestão anterior, pouco a pouco foi se libertando dos entraves, impedimentos e amarras que dificultavam o prefeito Carlos Felipe a ousar e executar grandes projetos urbanísticos. O conjunto das três praças ao longo do largo da velha Estação Ferroviária já se encontra quase todo concluído, faltando apenas alguns dias para o término da última etapa nas proximidades do Teatro Rosa Morais. Afora isto, já foram iniciados os trabalhos do re-asfaltamento das principais ruas da cidade, danificadas pelo projeto de saneamento básico, com o que a população se manifesta notadamente satisfeita. Recentemente, foi lançado o projeto Parque Rio Poti que vai urbanizar uma área que margeia o rio, compreendida entre as pontes ferroviária e rodoviária, um projeto que trará inestimáveis benefícios para a cidade. Some-se a isto a Praça dos Esportes na Cidade 2000

que, muito em breve será construída; a pavimentação em pedra tosca de todo aquele bairro, já executada; obras já inauguradas; obras próximas a serem inauguradas; e obras de importância vital para a cidade, que se encontram atualmente em construção. A cidade vive um novo tempo e, em menos de dois anos da atual administração já podemos perceber grandes mudanças. No entanto, o que foi feito, é apenas uma parcela das necessidades de renovação urbana de Crateús, do Centro da cidade, especialmente. A administração Vida Nova para Crateús precisa contemplar o Centro da cidade com a elaboração de arrojado e moderno projeto urbanístico para a área do Mercado Velho, cuja existência não mais se justifica para uma cidade do porte de Crateús. Que esse projeto contemple o aproveitamento daquela área a partir do seu subsolo. A administração municipal deve pensar ainda na retirada de um monstrengo sem serventia, excrescência e estorvo ao trânsito da cidade, chamada de Coluna

Cartilha de Vida

da Hora. Deve ainda pensar na desapropriação do prédio sede da hoje extinta e saudosa Rádio Educadora, e em construir no local um atrativo calçadão para sanear aquele logradouro no centro da cidade que, hoje, se constitui em vergonha para nossa urbe. Se quiser ousar, o prefeito Carlos Felipe tem mesmo que fazer isso. Crateús, ainda este ano, vai conviver com uma renovada população que se formará em função do IFCE que se inaugura em agosto; em função da criação de novos cursos para a FAEC, unidade da Universidade Estadual do Ceará – UECE, e em função, também, de outras reivindicações na área do ensino superior, que estão sendo esperadas. Devemos estar preparados para receber professores universitários, alunos aos milhares e, sobremodo, o progresso que vai impulsionar o desenvolvimento de Crateús. O futuro já está batendo à nossa porta. Em breve seremos uma cidade universitária. Pra frente Crateús!

Rumo certo

Numa destas frases de pára-choque de caminhão que roda por estas estradas da vida e que roubam durante alguns segundos a nossa atenção e nos fazem “ver para dentro” alguns passos e ações que temos feito em nosso cotidiano corrido e apressado, percebemos a preciosidade da vida e o quanto desperdiçamos tempo e recursos. É a sabedoria popular pedindo passagem, pois sabe melhor do que ninguém conversar com o chapéu na mão, a alma em riste e o coração em condição aberta e verdadeiramente sincera. É o desconhecido se tornando mais conhecido para nós do que nós próprios, uma vez que nesta era digital, nossa consciência tende a se manter muito mais sintonizada fora da gente, no mundo exterior, alta definição, do que no analógico mundo do eu. Temos dificuldades em nos concentrar, em nos perceber, em observar as nossas mazelas, os nossos sintomas sem dor, sem doença, mas que estão lá presentes a ponto

de se tornarem visíveis para outros. Surpreendemo-nos quando alguém revela os nossos erros, os nossos defeitos, mas somos incapazes de vê-los por nós mesmos. E ainda, muitas vezes, ficamos bravos com aqueles que nos criticam construtiva e respeitosamente. É a herança do sangue quente latino! É a contradição da contradição. Precisamos ter uma postura mais humilde para com aqueles que nos querem bem, pois é preciso trabalho e disciplina para ir se policiando e principalmente, ir se corrigindo, autoaperfeiçoando, autopolindo, pois, é nesta reparação e crescimento do eu interno, sadio e capaz de realizar obras criativas e esteticamente válidas, que progredimos nesta vida. E quando chegar o grande dia de olhar para trás, para as nossas pegadas, nas horas derradeiras da vida ou da morte, e virmos apenas obras bem edificadas que dão prazer e satisfação aos olhos de todos, então poderemos ficar com a consciência tranquila de dever cumprido, pois

Paulo Hayashi Jr. Doutorando em Administração pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

nada mais sábio, nada mais prudente do que caminhar e ter orgulho de ter deixado a trilha melhor, mais bonita, mais agradável para os outros. Assim como muitos caminhões e pessoas que chegam, dão à mensagem e partem para novos rumos. Busquemos, assim, corrigir os erros antes deles serem feitos ou comentado pelos outros, com paciência e tolerância, respeito e estudo, disciplina e trabalho, pois nada melhor do que caminhar em busca de um amanhã melhor, sabendo que o futuro do homem depende dele próprio.

ADULTÉRIO NO IRÃ

DILMA I. Depois das socialites de São Paulo, as do Rio. Na cruzada para tornar-se conhecida em salas nunca antes visitadas, a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, foi o centro das atenções na lendária casa dos Marinho em Cosme Velho. Diante de cerca de 50 mulheres da sociedade Carioca Dilma foi saudada pela anfitriã, dona Lily Marinho, “por sua coragem política” e

afirmou, numa conversa sobre a evolução da mulher na vida brasileira, que “nunca antes, na história deste País, uma mulher chegou à Presidência”. É a segunda incursão de Dilma em tais endereços. Duas semanas atrás, essa estratégia eleitoral foi inaugurada no bairro dos Jardins, em São Paulo, onde foi recebida por Geyse e Abilio Diniz – o dono da rede Pão de Açúcar.

Mulher pode ser apedrejada até a morte

“Isso aponta num sentido que deveria ser o certo. Espero que as mudanças econômicas também venham com as políticas”

TEERÃ. A rede de TV americana CNN noticiou que Sakineh Mohammadie Ashtiani, 42 anos, mãe de dois filhos, pode ser apedrejada até a morte a qualquer momento segundo uma pena de morte imposta pelas autoridades do Irã. Ela foi considerada culpada por adultério em 2006.

Ministro Celso Amorim. Avaliando a libertação de presos políticos pelo governo cubano.

Segundo o advogado de direitos humanos Mohammad Mostafaei, ela foi forçada a confessar o crime após 99 chibatadas. Apenas uma campanha internacional poderia salvar sua vida, disse Mina Ahadi, chefe do Comitê Internacional contra o Apedrejamento e a Pena de Morte.

Ashtiane vai ser enterrada até o peito, de acordo com o relatório da Anistia Internacional citando o código penal iraniano. As pedras que serão atiradas contra ela serão grandes o suficiente para causar dor, mas não tão grandes para matá-la imediatamente.

CRATEÚS: Rua Cel. Lúcio, 511 - Centro Fone/Fax: (88) 3691.1717 NOVA RUSSAS: Rua Pe. Francisco Rosa, 1311 - Centro Fone: (88) 3672.0308 SANTA QUITÉRIA: Rua Cel. Manoel Alves, 157 - Centro Fone: (88) 3628.0374 ARARENDÁ: Rua Francisco Mourão Lima, s/n- Centro vizinho ao mercadinho Manoel Dinho Fone: (88) 3633.1203 FORTALEZA: Rua Pe. Luiz Filgueiras, 550 - Aldeota Fone: (85) 3221.4355

Projeto Gráfico e Diagramação: Fabrício Pereira bricio.apereira@gmail.com Coordenação e Digitação: Miliane Silva

Assessor para assuntos especiais: Francisco Oton Falcão Jucá Tel.: (85) 3254.5353 / (85)99812637 Fax: (85) 3254.8000

M. Duarte da Silva CNPJ: 06.327.640/0001-97 Rua Cel. Lúcio, 569 - CEP 63700-000, Crateús-Ce - Fone/Fax: (088) 3692.3810

Conselho Editorial: Eduardo Aragão Albuquerque Jr. José Bonfim de Almeida Júnior Sebastião Cesar Aguiar Vale

Importante: As opiniões assinadas não refletem obrigatoriamente o pensamento do jornal.

Sebastião César Aguiar Vale Editor-Geral e jornalista responsável Mat. nº: 01227JP - CE FENAJ rasecvale@yahoo.com.br

Assessoria Jurídica: Dr. José de Almeida Bonfim Júnior, OAB 15545 CE

Assinaturas ou renovações: Através do E-mail: gazetaco@ yahoo.com.br ou pelo telefone (88)

Fundada em 30 de maio de 1997

[ Opinião ]

[ Política ]

[ Cidade ]

[ Geral ]

[ Cultura ]

3692.3810. Assinante de qualquer localidade enviar comprovante de depósito bancário por fax ou e-mail: Bradesco M. Duarte da Silva - ME Agência: 997-0 - Conta: 16165-9

Tiragem por edição: 2.000 exemplares. Crateús: Assinatura anual R$ 60,00 Outras localiadades Assinatura anual R$ 100,00 Assinatura semestral R$ 60,00

Banco do Brasil M. Duarte da Silva - ME Agência: 0237-2 - Conta: 28.765-2 Impressão: Gráfica e Editora Premius

[ Sociedade ]

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010 Página

3

Política [CrônicadaCidade] Ficha limpa?! Este ano o maior espetáculo futebolístico da terra, a Copa do Mundo, nos familiarizou com a África do Sul. Acendeu-nos a lamparina da emoção ver, em especial, o mais espiritualizado líder político do planeta, Nelson Mandela, saudar a sua gente no encerramento do evento. Ao liderar um extraordinário movimento que libertou sua pátria dos grilhões do preconceito, Mandela inscreveu seu nome na lápide sagrada da história. Ricardo Stengel, repórter americano, conviveu durante anos com o líder sulafricano na consecução de um projeto biográfico. Escreveu “Os Caminhos de Mandela – lições de vida, amor e coragem”, um livro encantador que elenca as principais lições existenciais extraídas da trajetória heróica do homem que exterminou a apartação entre negros e branco sul-africanos. Em determinado trecho livro, Stengel registra: “Alguns chamam de cegueira, outros de ingenuidade, mas Mandela considera quase todo mundo virtuoso, até prova em contrário. Ele começa com a suposição de que você está lidando com ele de boa-fé. Acredita nisso – assim como fingir que ser corajoso pode levar a atos de coragem real – julgando que o que há de bom nas outras pessoas melhora as chances de que revelarão o melhor de si. É extraordinário que um homem que foi maltratado a maior parte da sua vida possa tanto ver o que há de bom nos outros”. Veja o que há de bom nos outros. Esse é o título

ZZZMXQLRUERQÀPEORJVSRWFRP

do capítulo onde se lê a reflexão acima. Vivemos uma quadra delicada da existência humana. Como um veio vulcânico latejando nos subterrâneos da alma, o ser humano se debate sobre os fundamentos da vida e a colaboração última do conhecimento. Não raro as massas populares, na imperiosa ânsia de corrigir distorções, se rendem a movimentos passionais e apelos ideológicos. Um justo dínamo que alvoroçou setores conscientes da sociedade brasileira foi a luta pela ética na política, traduzido no tema “ficha limpa”. Em resumo, trata-se de uma batalha para extirpar da vida pública figuras que distorcem o verdadeiro sentido da atividade política, que é o serviço à comunidade, a partir da declaração de inelegibilidade. O problema é que, na esteira dessa pugna saudável, nos deparamos com equívocos que, por razões de justiça, reclamam reparos. Um deles é o viés maniqueísta: a divisão grosseira e simplista que generaliza e empurra para o esgoto toda e qualquer pessoa que figure no enfrentamento de uma pendência administrativa (um julgamento por uma Corte de Contas) ou judicial (decisão de um colegiado de juízes). E, em conseqüência, essas pessoas sofrem verdadeiro processo inquisitivo, de linchamento moral, de justiçamento antecipado. Conheço casos de pessoas que sofreram injustiças, que ainda estão lutando para provar a inocência,

mas que, por figurarem em lista do TCM, amargam as auguras de uma culpa que não deram causa. Acompanhei, por exemplo, a luta da professora Maria da Conceição Machado Lima, a popular Machadinha. Ela estava na Secretaria de Educação de Crateús no período de implantação do Fundef. Criteriosa, sempre procurou laborou nos trilhos da legalidade. Agiu corretamente. Foi vítima de denúncias infundadas. Durante a tramitação do seu processo no TCM, submeteu-se a uma cirurgia oftalmológica. Enviou o atestado médico ao Conselheiro Relator do seu processo e solicitou prorrogação de prazo. Imaginando se tratar de manobra protelatória, o Relator indeferiu o pedido. Suas contas foram julgadas à revelia. Tenta, por todos os meios em direito admitidos, provar a inocência. Mas seu nome ainda está lá. Na lista. É justo rotulá-la de “ficha suja”. Penso que não. Imagino que deveríamos ser mais comedidos na emissão de juízos de valor sobre esses casos. Nem todo mundo que está na lista é satanás; nem todo mundo que está fora é santo. Há pessoas virtuosas nesse meio. Que foram vítimas e não algozes. Talvez devêssemos evitar o dedo em riste, a opinião implacável, o julgamento impiedoso. Até porque o mundo não se divide entre bons e maus, limpos e sujos. Em cada um de nós há substâncias defeituosas e estilhaços de estrelas. Melhor é fazermos como Mandela: Ver o que há de bom nos outros.

[Observatório] Esmerino Arruda, ex- deputado, ex-suplente de senador, atual Prefeito de Granja, é o mais longevo político cearense. Do alto dos seus quase noventa anos – e ainda em intensa atividade política – é testemunha de momentos significativos da vida política brasileira. Semana passada me contou que, em um dia de 1958, ele e Álvaro Lins, então deputados Federais pelo Ceará, encontravam-se em um restaurante do Rio de Janeiro e compartilharam uma mesa com os líderes Ulysses Guimarães e Tancredo Neves. Era uma prosa política. Falavam sobre eleição, favores, nomeações de correligionários. A certa altura, Ulysses proferiu a seguinte frase: “O dia do benefício é a véspera da traição”.

A ELEIÇÃO I

Sempre às vésperas de uma eleição, os candidatos veteranos, que pleiteiam reeleição, refletem sobre essa máxima de Ulysses. Em relação a Crateús, esse é o sentimento do Governador Cid Gomes. Outro dia o Jornal O POVO divulgou o nome dos quatro municípios que mais receberam recursos do Governo Estadual: Fortaleza, Sobral, Crateús e Tauá. É. Pasmem: Crateús figura no topo dos mais bem aquinhoados pela liberação de verbas do tesouro estadual. A cidade está um canteiro de obras: restauração das estradas para Novo Oriente e Tamboril, uma vultosa intervenção de saneamento básico, diversas ruas pavimentadas, CEO, Policlínica, Pista de Skate, nova Praça no entorno da estação, reasfaltamento das principais artérias urbanas dentre tantas outras. Quase ninguém, no entanto, associa esse conjunto de realizações ao Executivo Estadual. Crateús é um dos colégios eleitorais onde o candidato Cid mais sofre rejeição. Por quê?

A ELEIÇÃO II

A indagação: - quais os motivos dessa rejeição? Em primeiro lugar, houve alguns

ESTATAL DOS SEGUROS. O Ministério da Fazenda já enviou para a Casa Civil o texto da Medida Provisória (MP) que cria a Empresa Brasileira de Seguros (EBS). Apesar das resistências de parte das seguradoras privadas que vêem na iniciativa uma intervenção estatal no setor, o governo tem pressa para criar a nova empresa que terá papel fundamental na concessão de garantias para grandes obras incluídas PAC, “Minha Casa, Minha Vida” e investimentos para a Copa de 2014, Olimpíada e exploração da camada do pré-sal. JUVENTUDE. O Congresso promulgou a PEC da juventude, aprovada na semana passada, que regulamenta na Constituição a proteção dos direitos dos jovens. O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), disse que a promulgação ocorre no dia em que o Estatuto da Criança e do Adolescente completa 20 anos. “A proposta estende aos jovens a prioridade absoluta garantida à criança e ao adolescente na preservação dos seus direitos”, afirmou Sarney. (da Folhapress)

Marguê Freire

episódios emblemáticos onde o Governador, competente no uso do skate articulativo, escorregou na pista da inabilidade. Primeiro, foi descortês em pronunciamentos públicos logo no início do mandato (sobretudo, com exprefeito Zé Almir, seu aliado de primeira hora). Segundo, o desgaste provocado pela maneira autoritária como a CPRV atuou na região foi debitado na conta do governador. Terceiro, o Prefeito, contumaz na prática do ensimesmamento e política megalomaníaca do ‘eu sozinho’, sempre massificou a idéia de que essas obras eram da Prefeitura e não do Governo do Estado. Por último, a injusta e virulenta campanha que setores da Prefeitura encetaram contra o Presidente Domingos Filho, divulgando a idéia que este só pensava em Tauá e era inimigo de Crateús. Embora encerre uma tremenda injustiça, essa contra propaganda surtiu maléficos efeitos. Agora, há que ser desenvolvido um gigantesco esforço para reverter esse quadro adverso.

OAB

Depois que denúncias contra o procurador do município, doutor Odijas de Paula Frota, ganharam as páginas da internet, expressivos setores da subseção da OAB de Crateús começam a externar um descontentamento que corria à boca miúda desde o inicio da atual gestão. Por que o Prefeito trouxe uma equipe de advogados que nunca tinha pisado os pés na cidade para responder pela Procuradoria? Residem em Crateús hoje mais de 30 (trinta) advogados. Todos foram desprestigiados. Nenhum foi considerado apto para compor a equipe de Carlos Felipe. Nunca antes na história desse município ocorreu fato semelhante. Em que pese ter assentado sua campanha na valorização do potencial local, esse compromisso foi lamentavelmente lançado na vala do esquecimento.

John Sidney Denham Padre condenado a quase 20 anos de prisão na Austrália por ataques sexuais a 25 crianças durante quase duas décadas. [ Opinião ]

[ Política ]

[ Cidade ]

[ Geral ]

[ Cultura ]

A Academia de Letras de Crateús está em festa. Os acadêmicos Elias de França, Lourival Veras e Lucas Evangelista foram agraciados com o mais recente Prêmio Para Autores Cearenses instituído pela Secretaria de Cultura do Ceará. Além de terem suas obras publicadas com recursos oriundos da premiação, também serão agraciados com uma quantia em dinheiro. Parabéns aos confrades. Tento para o Sodalício de Letras Crateuense que escala com firmeza e tranqüilidade os degraus do progresso.

ENLACE

Sábado passado, dia 17, presenciamos o enlace matrimonial de Marília e Wagner, jovem casal que subiu ao altar da Catedral do Senhor do Bonfim em comovente cerimônia religiosa animada pelo Padre Davi Silva. Filhos de João de Deus Carvalho e Ângela Machado e Florentino Moreira César (in memoriam) e Maria de Fátima Cavalcante César, os casantes foram recepcionados no Buffet Ouro Verde. (O espaço, construído ao lado do Restaurante Ouro Verde, foi inaugurado na ocasião. Trata-se de um requintado ambiente, erigido em concepção moderna e digno de louvor). Paz, harmonia e prosperidade para Wagner e Marília, corações onde repousam as sementes do bem. Parabéns aos controladores do Ouro Verde pelo esmero do novo local que oferecem à cidade.

PARA REFLETIR

“Todas as criaturas a que Deus deu a sua imagem, têm dentro de si mesmas um templo, que Ele habita, e donde com elas se comunica: o templo da consciência, que é, no seio do homem, o sacrário divino”. (Ruy Barbosa)

Bolo de café

Ingredientes:

1 xícara de chá de manteiga ou margarina, 1 xícara de chá de açúcar, 2 ovos, 1 xícara de chá de café, bem forte, 2 xícaras de chá de farinha de trigo, 2 colheres de chá de fermento em pó, 1 pitada de Sal, 1 colher de chá de canela em pó e 1 colher de chá de noz-moscada em pó.

e misture bem, sem bater. Asse em duas formas redondas, bem untadas e polvilhadas com farinha de trigo. Forno moderado, 45 a 50 minutos. Recheie com geléia ou glacê e cubra com glacê.

Bata a manteiga até ficar cremosa, junte o açúcar e bata mais, até ficar bem leve. Junte as gemas e o café, aos poucos, devagar. Misture bem e acrescente metade dos ingredientes secos, previamente peneirados, tudo junto. Em seguida, as claras em neve. Junte a outra metade dos ingredientes secos [ Sociedade ]

LAUREADOS

SaboresCaseiros

Modo de fazer: “Me vejo como um simples pedófilo asqueroso que me aproveitei da situação e usei meu poder para abusar jovens”.

Júnior %RQÀP

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Página

4

Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010

Cidade

“É exatamente na campanha da TV que a gente vai poder falar com todo o povo brasileiro”. Luiz Inácio Lula da Silva – Presidente do Brasil

SANGUE

Saúde faz campanha exitosa de doação Utilizando o espaço da Câmara Municipal, a Secretaria de Saúde de Crateús, comandada pelo jovem técnico Diego Lima, promoveu exitosa campanha de doação de sangue destinada ao HEMOCE, onde todas as doações são centralizadas. Diego Lima chefiou a valiosa equipe de sua secretaria, que contou com a participação da educadora comunitária em Saúde Pública, Diana Queiroz Bezerra, responsável pela mobilização e coordenação de pessoal, além de vários colaboradores.

A campanha de doação de sangue é a segunda que acontece este ano em Crateús, em parceria com o Hemocentro Regional de Sobral, que montou aqui a infra-estrutura da coleta de sangue, sob a coordenação da enfermeira Lucila Albuquerque. A Campanha obedeceu, passo a passo, a todas as determinações e recomendações emanadas da ANVISA/ MS, que aponta quem pode ser doador, qual a idade mínima e a máxima para doação de sangue, peso acima de

EXAME DE HEMOGLOBINA Através deste exame são identificados os doares que têm níveis de hemoglobina adequados para a doação se sangue, protegendo os que

estão com anemia e não devem fazer doações. Esse teste é realizado obrigatoriamente antes de cada doação e todo o material é descartável.

Artigo

50 quilos, comportamento de risco do doador para doenças sexualmente transmissíveis. O doador precisa ser identificado através de documento oficial e, antes da doação, recebe um lanche para melhorar os níveis de glicemia e hidratação, e aguarda 10 minutos para o início da coleta. Antes da coleta do sangue o doador tem a oportunidade de ouvir explicação sobre o processo de doação, podendo tirar dúvidas e pedir esclarecimentos.

A doação de sangue cumpre também outras etapas, tais como a Triagem clínica e o Voto de Exclusão.

Adísia Sá Jornalista

Mudar o discurso

A Justiça Eleitoral lançou sua cartilha, cabe agora seguir-lhe as regras. Isto serve para os partidos, os políticos, a imprensa e cada um de nós. Para tudo há um artigo, cada palavra tem seu espaço. O espetáculo eleitoral, entretanto, está posto, no meio de nós, com ou sem obediência às determinações legais. Cada um dá o seu recado. Diria, se me fosse dado o direito de empregar linguagem desidratada, que todos remam a seu bel prazer, ou seja, cada um faz a sua hora. Mas observando o que se passa a meu redor, em termos de oratória política, chego a me perguntar: nossos políticos, não muito ligados a Maquiavel, estariam lendo outros autores, como

Plutarco? O professor Arnaldo Vasconcelos, em seu livro “Direito, Humanismo e Democracia”, nos presenteia com páginas mais do que oportunas para serem lidas agora. Escreve o professor: Péricles era acusado pelos seus adversários de “dirigir o povo de acordo com seus interesses políticos pessoais, pondo-o sempre ao seu lado” “Ele podia conter a multidão sem lhe ameaçar a liberdade”... “Quando via a multidão injustificadamente confiante e arrogante, suas palavras a tornavam temerosa e quando ela lhe parecia irracionalmente amedrontada, conseguia restaurar-lhe a confiança. “Ou seja: “ele manejava com destreza os

dois principais lemas: o temor e a esperança.” Esta a tecla batida pelos nossos políticos: temor (do, ao) continuísmo e esperança (promessa) de dias melhores. Palavras de fogo sobre os que detém o poder, acusando-os de “continuístas” e doces promessas de melhores e gloriosos dias sob seu governo... E nós, povo/ eleitores, fazendo caras e bocas de ingênuos e crédulos quando, de “mesmo”, rimos às suas custas. Quem não te conhece, que te compre... Mas fica a indagação: os políticos estão avançando em suas leituras? Não? Comecem com o livro do professor Arnaldo: vão cair os queixos...

Bombeiros fazem demonstração de salvamento Doador da Guarda Municipal faz tomada de pressão arterial

A COLETA

Nesta etapa, o doador é orientado a lavar os braços com água e sabão. A doação é feita através de punção com agulha em uma veia do braço, com material descartável e padronizado, o que permite a coleta do sangue no tempo e quantidade adequados, além de assegurar que não haverá contaminação do doador de sangue. O volume máximo de sangue colhido é de 450ml em um tempo médio de 07 minutos. Após a doação, o sangue será examinado nos laboratórios do Hemoce para Hepatites, AIDS, Doença de Chagas, Sífilis, HTLV I/II, fator Rh e Eletrodorese de Hemoglobina. Estes resultados serão enviados pelos Correios para a residência do doador. Para solicitar atestados e receber outras informações, o doador deve procurar o Serviço Social.

Para comemorar o Dia do Bombeiro, ocorrido a 02 de julho, a 2ª SB/6º GB – Crateús realizou, no último dia 09, uma demonstração de salvamento em altura, utilizando o edifício do Banco do Brasil, que também abriga o Fórum Desembargador Olavo Frota. Sargentos e soldados da guarnição de Crateús, sob o comando do ten. José Artêmio Aragão Prado Júnior, executaram a simulada operação de salvamento nas modalidades Tirolesa e Rapel, em cujo exercício, populares também tomaram parte. Durante a demonstração de salvamento, bombeiros militares distribuíram panfletos da corporação dirigidos à população, sobre como prevenir incêndios, e ainda o Manual do Botijão, que ensina o modo correto de lidar com botijões de gás butano e evitar incêndios ou explosões. Cerca de 12 bombeiros militares e pessoas do povo tomaram parte na operação simulada, que também utilizou uma viatura de apoio.

Enfermeira colhendo sangur para pré-exame

A Campanha recebeu doa- número de doadores, as mações de sangue de voluntários nifestações de respeito e sodo Exército, da Guarda Muni- lidariedade prestadas pelos cipal, de agentes de Endemias irmãos crateuenses. Tenham e de comerciários e arrecadou a certeza que nós que faze102 bolsas de sangue – um mos a Secretaria da Saúde, resultado satisfatório. o HEMOCE e a Câmara Sobre a Campanha disse o Municipal, nos sentimos honsecretário de Saúde de Crate- rados e agradecidos em ter ús, Diego Lima: “Doar sangue participado com você desta é, antes de tudo, um ato de grande demonstração de auamor e de cidadania. O Go- xílio humanitário. Esperamos verno Vida Nova , através da contar novamente com sua Secretaria Municipal da Saúde participação na próxima etapa , vem agradecer à população que acontecerá em outubro”, crateuense que, no último dia concluiu o secretário. 14/07, compareceu à Câmara Municipal para fazer parte de mais uma campanha de doação de sangue. Com esta ação poderemos salvar a vida de muitas pessoas. Impressionoude enfermagem expõe parte de nos o grande Auxiliares materiais descartáveis

Secretario de Saúde Diego Lima, coordenadora Lucila Albuquerque e educadora comunitária Diana Queiroz Bezerra, supervisionam etapas da doação de sangue

[ Opinião ]

[ Política ]

[ Cidade ]

[ Geral ]

Bombeiros com apoio de viatura e equipamentos realiza operação simulada de salvamento no edifício do Banco do Brasil

[ Cultura ]

[ Sociedade ]

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010 Página

5

Cidade

Isabel Morais Machado 19/ julho/ 2010 – 2 anos de saudade

SENADO

Aprovado projeto para resíduos pilhas, baterias, pneus, óleos lubrificantes e produtos eletrônicos deverão ser retirados de circulação após o uso, evitando-se a ida para lixões. O texto cria a chamada logística reversa para coleta de produtos descartados pelos consumidores. Comerciantes e distribuidores vão ser os principais pontos de receptação dos produtos descartados, que depois devem ser enviados aos fabricantes ou importadores. Esses últimos darão o destino final ao lixo. O objetivo do projeto é acabar, a longo prazo, com os lixões, oficialmente denominados de aterros sanitários, e obrigar municípios e empresas a criar programas de ma-

nejo de resíduos sólidos e de proteção ambiental em seus territórios. Os municípios terão o prazo de quatro anos para apresentar um plano de gestão. O poder público será responsável por financiar iniciativas que se enquadrem na nova política, especialmente no que diz respeito à reciclagem. Relator do projeto na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), o senador César Borges (DEM-BA) disse que o objetivo do projeto é unificar a legislação do país no que diz respeito aos resíduos e sua destinação, principalmente nas grandes cidades. (das agências)

LEI DOS RESÍDUOS

70% dos municípios destinam mal o lixo

Com a aprovação da lei que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos, as cidades brasileiras vão ter de mudar os péssimos hábitos na forma de lidar com o lixo. Cerca de 70% dos municípios, o que representa 3.895 do total, dão destinação inadequada para resíduos sólidos, segundo aponta estudo da Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe) e da Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos (Abetre). Das 170 mil toneladas de lixo produzidas no País diariamente, 40% vão para lixões ou aterros com problemas, como falta de isolamento do material; 12% deixam de ser coletadas e 48% acabam em aterros sanitários. O caso de Brasília é exemplar, no sentido negativo. A capital do País despeja resíduos não recicláveis em um lixão da periferia. Esse tipo de destinação é banido pela lei, que depende da sanção do presidente Luis Inácio Lula da Silva para entrar em vigor. “É descaso público e da própria sociedade, uma tolerância

e acomodação que vem sendo lentamente mudada”, condena o diretorpresidente da Abetre, Dióg enes Del Bel. Brasília tem planos de um aterro, mas a licitação foi suspensa pela Justiça. Na prática, os lixões funcionam como uma bomba relógio. Muitos estão localizados em áreas clandestinas, longe dos centros das cidades. O chorume, líquido produzido pela decomposição do lixo, contamina o solo. Catadores ou famílias que vivem no local também estão sujeitos a riscos. “O lixão já é proibido desde 1981, quando foi criada a Política Nacional de Meio Ambiente, que já previa que despejar resíduo de qualquer material no meio ambiente era crime ambiental. Apesar disso, a lei não produziu efeito pleno”, analisa Del Bel. A nova lei proíbe tanto o

[ Opinião ]

[ Política ]

Marcos Salgueiro

O povo de Tamboril merece respeito

Nossa prece, nossa gratidão e eterna saudade. Que a luz divina permaneça para sempre sobre sua alma generosa e sua lembrança nunca seja para nós motivo de tristeza, mas, de alegria por habitar a morada dos justos. Homenagem de Flávio Machado, Izauro, Betinha, Flaviana, genros, nora, netos, amigos e parentes.

Quatro comissões do Senado Federal, em Brasília, reunidas conjuntamente, aprovaram o projeto de lei que cria a Política Nacional de Resíduos Sólidos no País. O texto impõe regras para o manejo de lixo e resíduos em geral com a previsão de penalidades para empresas e cidadãos que deixarem de respeitar o correto descarte de detritos, especificamente na lei dos crimes ambientais. O texto determina que as empresas vão ser responsáveis por estruturar e implementar uma rede de coleta, reaproveitamento ou destinação final de produtos descartados pelos consumidores. Objetos como lâmpadas fluorescentes,

Artigo

lançamento de resíduos sólidos ou rejeitos a céu aberto quanto a fixação de moradias nas áreas de disposição final do lixo. De 1981 pra cá, observa Del Bel, o mundo mudou: cresceu a preocupação ambiental nos diversos setores da sociedade e do governo, o que contribui para a mudança de cenário. Para o diretor-presidente da Abetre, o Brasil está 20 anos atrasado no assunto, quando comparado a países da Europa. O mesmo período que foi necessário para a elaboração e aprovação da nova legislação. Mesmo assim, ele acredita que a destinação do lixo no Brasil deve passar por grandes transformações nos próximos anos. (das agências)

[ Cidade ]

[ Geral ]

[ Cultura ]

Crateús e Tamboril sempre tiveram uma história de respeito mútuo, amizade e relacionamento fraterno entre seus moradores e lideranças. No comércio, rede bancária, colégios, faculdades, festas e clínicas médicas de Crateús, é sempre comum encontrarmos um tamborilense, principalmente do distrito de Sucesso, usando a rede de serviços de nossa cidade, contribuindo para a nossa posição de pólo na região. Trata-se de uma gente ordeira, trabalhadora e respeitosa. Está na memória de qualquer crateuense que faça uma viagem a Fortaleza, a paisagem emoldurada por serrotes e pelas margens do rio Acaraú, que marcam a simpática Tamboril. Ali, os crateuenses sempre foram bem tratados e com respeito. No terreno político, crateuenses ilustres como Expedito Machado, Antonio dos Santos, Claudino Sales e Manoel Veras foram votados por tamborilenses, sempre reafirmando essa aliança em defesa dos interesses de nossa região. Houve um passado recente em que a imagem de Crateús chegava aos lares tamborilenses com a palavra amiga e carismática de um dom Fragoso, espraiando os valores de uma comunidade de homens e mulheres de bem. Recentemente, nas comemorações dos 200 anos do ilustre Tamborilense general Antonio de Sampaio, tive a oportunidade de comprovar mais um momento deste bom relacionamento. Num ato que contou com a presença do ministro da Defesa, Nelson Jobim, e cerca de 900 militares de todo o País, autoridades de Crate-

ús, como o prefeito Carlos Felipe, se confraternizaram pacificamente com o povo de Tamboril, numa das mais belas festas cívicas já vistas no nosso sertão. Mas se para toda regra há sempre uma exceção, um crateuense, infelizmente, está protagonizando uma série de ações que têm quebrado esta tradição de bom relacionamento entre Crateús e Tamboril. Falo do dentista desocupado e travestido de radialista Francisco das Chagas Montezuma Sales que, nos últimos dias, tem ocupado os microfones da radio Rio Acaraú, de propriedade da família Timbó, para caluniar, difamar e lançar impropérios contra cidadãos e figuras públicas de Tamboril e Crateús. Depois de plantar ódio, cultivar ressentimentos e colher o desprezo e a indiferença das melhores famílias e forças políticas de Crateús, Montezuma chegou a Tamboril com sua mente zumbi e tenta pregar pelas ondas da rádio da família Timbó seu evangelho de maledicências e maldades. O estranho mundo de Montezuma Sales já tem a repulsa do povo de Crateús e isso pode ser manifesto nos mais de 20 processos judiciais movidos contra ele por aqui. Não é á toa que essa triste figura de olheiras insones só anda em sua terra na calada da noite, escondendo-se. Nas sombras das noites ou disfarçando-se em uma infinidade de bonés. Montezuma, em Crateús, é o famoso “ispaia-roda”, já que qualquer roda de amigos se desfaz diante de sua aproximação. A língua traiçoeira e irresponsável de Montezuma

Sales é motivo de vergonha no seio de sua própria família, uma das mais tradicionais de nossa cidade. Os Sales que já deram à nossa região notáveis médicos, advogados e políticos, hoje falam envergonhados do parentesco com o profissional da calúnia, da difamação e da injúria. Mas o que se pode esperar de um homem que tem péssimo relacionamento com a própria mãe e irmãos? Expulso, literalmente, de todas as emissoras de rádio de Crateús, Montezuma encontrou abrigo na rádio dos Timbós por uma conveniência. A ele, interessa usar a rádio dos Timbós para destilar seu ódio contra a legião de inimigos que coleciona em Crateús. Aos Timbós, Montezuma funciona como uma espécie de pistoleiro virtual contratado para tentar matar moralmente os seus adversários políticos em Tamboril, particularmente o prefeito Jeová Mota. Sempre vi os Timbós como uma família de bem, formadora de quadros como o ex-deputado Pedro Timbó, o desembargador Paulo Timbó e o ex-prefeito Chico Timbó, lideranças que sempre se preocuparam em ajudar o povo de nossa região. Mas, em nome deste respeito, devo avisá-los que estão sendo extremamente irresponsáveis em entregar os microfones de sua rádio a um desqualificado como Montezuma Sales. E devo adverti-los: Montezuma sempre se volta contra aqueles que lhe dão abrigo e em questão de dias será o maior detrator da família Timbó. É por tudo isso que me sinto no dever de dizer aos Timbós: o povo de Tamboril merece respeito.

Nomeado novo Secretário Nacional de Justiça

BRASÍLIA. Com a nomeação publicada no Diário Oficial da União, o advogado Pedro Abramovay assume o cargo de secretário nacional de Justiça. Ele substitui Romeu Tuma Junior, exonerado pelo ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto, depois de uma série de denúncias que apontavam sua suposta ligação com o chinês Li Kwok Kwen, conhecido como Paulo Li, preso em 2009 por contrabando de celulares e formação de quadrilha. Abramovay é ex-secretário de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça e deixou o cargo ainda neste ano para concorrer ao posto de diretor executivo do Escritório da ONU para o Combate ao Crime e Drogas. A crise envolvendo Tuma Jr. e Paulo Li começou com [ Sociedade ]

a divulgação de que a PF havia interceptado ligações telefônicas e e-mails trocados entre os dois.

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Página

6

Área 1212 - 8802 5066 OU 190 Área 1211 - 8802 3535 OU 190 Área 1213 - 8802 5067 OU 190

Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010

Regional Informe Publicitário Nova Russas

Informe Publicitário Independência

Nova Russas avança na educação Tendo como palco o Grêmio Recreativo Novarussense, foi realizado, dia 30 de junho passado, o evento de entrega do Prêmio Escola Nota 10 para as escolas que obtiveram melhores resultados na avaliação no SPAECE ALFA 2009, que avalia o desempenho de alunos e professores. As escolas que obtiveram as melhores notas foram: Escola Mariano Rodrigues da Costa, do distrito de Canindezinho, através da Professora nota 10 Maria Zildamir, e o Centro de Educação Infantil Francisca das Graças Mesquita, localizado na sede do município, pela

professora nota 10 Cristiane. Na cidade, o nível de proficiência elevado das escolas contribuiu para que o município passasse do nível intermediário para o nível desejável, ou seja, os alunos estão saindo do 2º ANO alfabetizados, mostrando, assim, além do desempenho, a melhoria significativa na educação. Presentes ao evento o prefeito municipal Marcos Alberto, o secretário de Educação, Jorge Luis, o diretor da Crede 13, Márcio Brito e sua equipe, vereadores, secretários municipais, diretores, coordenadores, professores, funcionários,

COMISSÃO PRÓ-SELO UNICEF A quarta reunião da Comissão Pró-Selo Unicef foi realizada no Núcleo de Artes do Município, dia 1º de julho . Na ocasião estiveram presentes a articuladora da Comissão Pró-Selo Unicef e primeira dama Gracinha Diogo, secretários municipais, representantes do Conselho Tutelar, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, agentes de saúde, professores, e vários segmentos da sociedade e membros da Comissão. Na ocasião, foram debatidos as-

suntos referentes a educação, avaliando o desenvolvimento do ensino e aprendizagem nas escolas municipais. A sub-secretária de Educação, Fátima Barbosa, explanou os temas a serem debatidos. Várias idéias e experiências foram colocadas em discussão pela comissão presente. Gracinha Diogo ressaltou que a busca da conquista do Selo UNICEF não pode ser encarada como vaidade ou simplesmente reconhecimento, mas sim, como motivação para dar melhor qualidade de

Projeto Olhar Brasil!

A menina dos olhos da gestão municipal

pais, alunos e comunidade em geral. O prefeito Marcos Alberto agradeceu ao secretário de educação pelo trabalho que vem desempenhando à frente da Secretaria de Educação, juntamente com toda sua equipe, agradecendo, também, aos alunos nota 10 e o empenho de todos os que fazem a Educação em Nova Russas, citando professores, coordenadores, diretores e demais funcionários que igualmente contribuíram para esses resultados.

vida e desenvolvimento para as crianças e adolescentes, para que vivam com dignidade, tendo seus direitos respeitados. Enfatizou que isso é responsabilidade de toda sociedade e todos nós devemos nos engajar com esse compromisso, encarando os problemas de frente e buscando soluções. Finalizando, Gracinha Diogo agradeceu a presença e a contribuição de todos os presentes, falando da importância do trabalho de cada um.

O “Projeto Olhar Brasil”, em Independência, é desenvolvido em parceria com as Secretarias de Educação e de Saúde, e o Centro Integrado de Cirurgia Oftalmológica –CINCO - conveniado pelo município, que atende a demanda do SUS em consultas e cirurgias eletivas, tendo à frente a médica Rosângela Bonfim. O “Projeto Olhar Brasil” beneficia municípios com menos de 100 mil habitantes

“ÚTERO É VIDA”

A proposta é do SENAR/ FAEC/CINDRURAL/PMI, a realização é da Secretaria de Saúde do município, em parceria com a Secretaria de Educação e o apoio prefeito Valdi Coutinho. O programa “Útero é Vida é articulado pelo SINRURAL e tem como objetivo o atendimento a 150 mulheres do campo na prevenção do Câncer de Colo de Útero. Independência é o 5º município a aderir ao programa, ora realizado na região Sul do município, para beneficiar mulheres atendidas pelo PSF de Monte Sinai, Iapi e Tranqueiras, transportadas por conta do município. O evento aconteceu na EEFM de Tranqueiras, e contou com a presença do prefeito Valdi Coutinho, assessores, médicos, enfermeiros, agentes comunitários de saúde, fisioterapeutas,

e isso despertou nos gestores da Educação e da Saúde, Nemésio Cavalcante e Elício Gonçalves a implantar o Projeto no município, estendendo o benefício a 818 jovens com idade a partir dos 17 anos, inscritos no programa “Brasil Alfabetizado”. Um dos critérios é prestar assistência na Atenção Básica, na realização de exames oftalmológicos como a aferição da pressão intra-ocular, exame de fundo do olho, para detecção

de glaucoma e retinopatias, acrescidos da prescrição e aquisição de óculos, quando necessário. No atendimento estão sendo identificados pacientes com catarata, que necessitam de cirurgias, mas, já está sendo articulado entre os gestores junto ao prefeito Valdi Coutinho, a possibilidade de alocar recursos para a realização destas cirurgias, quando necessárias, complementando todo o atendimento nesta área.

terapeuta ocupacional, apoiadores e técnicos e com o Dr. Flávio Sabóia, superintende do SENAR e equipe. Na área social, uma apresentação musical com Rejane Soares e seu violão, cabeleireiras e manicures que maquiaram e fizeram entrega de kits de beleza para 378 mulheres que fizeram exame de colo de útero. Foram servidos lanches, sucos, refrigerantes e almoço para todos os participantes. Uma ótica da cidade, espontaneamente, realizou limpeza de óculos, ajustes, troca de plaquetas e sorteou brindes. Durante o evento foi apresentado vídeos com palestras, orientações sobre sexualidade, prevenção de câncer do colo do útero, DSTS/Aids, câncer de mama e outros. O SENAR informou que em até 20 dias os resultados dos exames estarão chegando as mãos de cada

uma. Para o secretário de saúde Elício Gonçalves esta ação será estendida a outros distritos. O secretário estuda a possibilidade de estender o atendimento também ao homem no exame da próstata. A proposta vai ser encaminhada a Brasília segundo o Superintendente do SENAR Flávio Sabóia. (colaborou F. Souza)

Apresentação musical de Rejane Soares

CREA, SEBRAE E CRC INSTALAM-SE EM NOVA RUSSAS Na última sexta-feira, O prefeito Marcos Alberto entregou mais uma obra que irá contribuir para o desenvolvimento econômico não apenas da cidade de Nova Russas, mas, também, de cidades vizinhas. Foram instalados os Postos de Atendimento do SEBRAE, do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA) e do Conselho Regional de Contabilidade (CRC). Estiveram presentes ao evento o presidente do Conselho de Contabilidade do Es-

tado, Cassius Coelho e equipe, o Articulador do SEBRAE do Escritório Regional de Crateús, Luis Gonçalves, e a vice-presidente do CREA do Estado, Nádjela Dutra, além de secretários municipais, vereadores e população em geral. O Agente do SEBRAE de Nova Russas é o engenheiro agrônomo Francisco das Chagas Rosa; a agente da Delegacia do Conselho Regional de Contabilidade é Kristhyanne Rodrigues Jorge e, a coordenadora Fabiana Chaves.

MAIS UMA ESCOLA REINAUGURADA A comunidade do bairro Boa Vista comemorou a reforma e ampliação da Escola de Ensino Infantil e fundamental Cornélio Rosa. A solenidade ocorreu no último dia 07 de julho, com a presença do prefeito Marcos Alberto, da primeira dama Gracinha Diogo, do Secretário de Edu-

CEARENSES PERDEM NO S TF. O vice-presidente em exercício do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ayres Britto, negou liminares ao deputado estadual cearense Neto Nunes, ex-prefeito de Icó, e ao prefeito de Cascavel,

cação Jorge Luis e demais Secretários municipais, além de vereadores, segmentos da sociedade local e representantes da escola. Hoje a Escola Cornélio Rosa é considerada a segunda maior do município. Era fácil perceber a satisfação dos presentes ao evento, em

Eduardo Florentino Ribeiro, contra condenações no Tribunal de Contas dos Municípios do Ceará (TCM-CE). Os dois querem concorrer a deputado estadual, mas podem ter as candidaturas impugnadas pelo Ministério Publico.

Para o Prefeito Marcos Alberto a muito, a população de Nova Russas necessitava da representação desses órgãos, pois, quando necessário, as pessoas tinham que se deslocar a outras cidades em busca desses serviços. Agora a cidade dá mais um passo importante no seu progresso e desenvolvimento. Esses postos estão funcionando na Rua Dr. Almir Farias nº 522, Centro, e se constituem em importante elo entre o órgão e a população economicamente ativa. ver um sonho realizado. Para Marcos Alberto, o momento foi de alegria, não só para a comunidade escolar do grande bairro, mas também, para a administração municipal e o povo de Nova Russas. O prefeito destacou que a educação é uma das prioridades da sua gestão.

MACONHA. A Polícia Rodoviária Federal do Paraná realizou grande apreensão de maconha, considerada a maior da história no país. De acordo com a polícia, uma carga de 21,5 toneladas da droga foi apreendida em Santa Terezinha de Itaipu,

[ Opinião ]

[ Política ]

município vizinho à Foz do Iguaçu e que fica a 20 km da fronteira com o Paraguai. A droga foi descoberta por volta das 6h, em uma carreta carregada com blocos de compensado de madeira que iria para São Paulo. O motorista da carreta foi preso. [ Cidade ]

[ Geral ]

Vereador J. Alceu, F. Sabóia, M. Rosa, Elicinho, Kélly e prefeito Valdi Coutinho

Ex-general condenado 4 vezes à prisão perpétua

O ex-general Luciano Benjamín Menéndez, também conhecido como “La Hiena”, somou sua quarta condenação à prisão perpétua por crimes contra a humanidade cometidos durante a última ditadura argentina (1976-83). O veredicto faz parte de um julgamento transmitido pela televisão da Província de Tucumán, norte da Argentina. Menéndez foi condenado agora por crimes de privação ilegítima da liberdade, imposição de tormentos, torturas seguidas de morte em dois casos e homicídio de 19 pessoas, de acordo com a sentença, que será lida no dia 23 de agosto. O ex-comandante do Terceiro Corpo do Exército, com jurisdição sobre o centro e o [ Cultura ]

norte do país, havia sido condenado em três julgamentos anteriores à prisão perpétua, que cumpre, desde 2008, numa cela comum. Contudo, ele ainda será levado a Córdoba, onde também enfrenta um julgamento por crimes cometidos durante o regime militar. Outro sentenciado foi o exchefe da inteligência policial de Tucumán Roberto Albornoz, “El tuerto”, que teve a prisão domiciliar revogada e foi condenado a prisão perpétua. Os ex-policiais Luis e Carlos de Cándido receberam 18 e três anos, respectivamente. O processo incluía ainda o repressor Antonio Bussi, que foi excluído do julgamento por razões de saúde, Mário Zimmerman e

[ Sociedade ]

Alberto Cattáneo, que faleceram quando as audiências – iniciadas em 16 de fevereiro – estavam em andamento. O ex-general Antonio Bussi, governador de Tucumán durante a ditadura, está em prisão domiciliar, apesar de ter sido condenado à perpétua em 2008 junto com Menéndez, pelo seqüestro e assassinato de um ex-senador peronista em 1976. “Assassinos. Assassinos”, gritaram os familiares das vítimas após concluída a leitura da sentença, em meio ao olhar desafiante de Menéndez, antes de ser retirado da sala de audiências do tribunal de Tucumán. (das agencias)

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010 Página

Regional

“É cedo para afirmar se o presidente Lula vai ou não tirar licença. Se a Dilma tiver na bica para ganhar, não tem necessidade. Mas, se ela precisar, ele fará isso”. Deputado Cândido Vaccarezza – Líder do Governo na Câmara

Informe Publicitário Monsenhor Tabosa

Informe Publicitário Novo Oriente

Guarda Municipal é realidade em Monsenhor Tabosa O governo municipal de Monsenhor Tabosa, através do prefeito José Souto, tornou realidade o sonho de criação e implantação da Guarda Civil Municipal, em evento realizado na noite do último dia 07, Praça 07 de Setembro. O evento contou com a presença do prefeito municipal, de vereadores, secretários municipais, diretores de escolas, procuradora do município Ivone Barros Martins, comandante do 7º BPM de Crateús Ten. cel. Humberto Rômulo Tavares, representante do Corpo de Bombeiros de Crateús, George Carvalho

Freire, entre outros. As vagas para o cargo de Guarda Municipal foram criadas através do concurso público, realizado e homologado pela Prefeitura Municipal em 2009. Ao todo foram criadas 11 vagas, sendo 07 para a sede do município, 02 para o distrito de Barreiros e 02 para o distrito de Nossa Senhora do Livramento. A Guarda Civil Municipal é um instrumento de segurança urbana e difusão de cidadania, com a missão de proteção preventiva e ostensiva do patrimônio do município e da segurança das autoridades Municipais. Eventualmente

7

podem atuar no monitoramento do trânsito. A Guarda Municipal está instalada no mesmo prédio onde funciona o DEMUTRAN, na Rua Major Ventura, no centro da cidade.

Prefeito José Souto entrega certificado de guarda municipal

Projeto: A sociedade abraçando a cultura no festival junino A Creche Otávio Rodrigues Cavalcante finalizou o projeto “A Sociedade Abraçando a Cultura no Festival Junino”, dia 30 de junho passado, com várias apresentações culturais e exposição de produtos artesanais, além de objetos antigos da cultura regional. Por ocasião do evento, houve também apresentações do grupo musical do vereador Vitor Pedrosa e do grupo de reisado mirim de Bom Sucesso. A comunidade escolar e pessoas da sociedade estiveram presentes juntamente com as crianças para prestigiar o grande evento cultural organizado pela equipe de professores, funcionários e grupo gestor da creche. O projeto foi uma grande ação de valorização da cultura local.

Integrantes do projeto “A Sociedade Abraçando a Cultura no Festival Junino”

NOVO ORIENTE PARTICIPA DE INTERCÂMBIO NA CULTURA AFRO BRASILEIRA Desde o inicio de abril/2009 que o município de Novo Oriente vem sediando nos Centros de Cultura de Bom Sucesso e do Minador, o curso de pós-graduação em Cultura Afro-Descendente pela Universidade Federal do Ceará – UFC. O curso, que é de grande contribuição para a forma-

Prefeito José Souto e cel. Tavares II ladeados por guardas civis municipais

Informe Publicitário Ararendá

Prefeito visita obras no interior

FEIJÃO NA MESA

O prefeito José Adriano, através da Secretaria de Agricultura, que tem à frente José

localidades do interior do município. Durante a quadra invernosa, torna-se difícil o acesso da população que se dirige à sede municipal e viceversa. A construção das duas passagens molhadas é fruto

do trabalho do prefeito José Adriano junto ao governo do Estado, que concedeu os recursos necessários para viabilizar as duas obras de grande importância e utilidade para a população.

Luis Gomes da Silva, conseguiu da CONAB, toneladas de feijão de boa qualidade para

distribuição com as famílias beneficiárias do Programa Bolsa-Família.

FESTIVAL DE TALENTOS A Secretaria de Cultura e Desporto de Ararendá, dirigida por Lúcia Dino, realizou o II Festival de Talentos de Ararendá, com abertura no último dia 14, quando reuniu grupos de apresentação de danças, números de teatro, apresentações musicais e desfile de Rainha. O Festival de Talentos ocorreu na Praça da Matriz e teve o encerramento

no dia 15, com premiações. Na data do encerramento do Festival de Talentos, teve início o Festival de Quadrilhas Juninas no Ginásio Municipal Raimundo Carlos Mourão, com diversas quadrilhas fazendo suas apresentações. Os dois eventos contaram com grande presença de público e foram prestigiados pelo prefeito José Adriano e a pri-

[ Opinião ]

[ Política ]

meira dama Andréa Aguiar, vereadores e secretários. A Secretaria de Cultura realizou, ainda, no dia 16 último, o I Encontro Literário das famílias dos Agentes de Leituras e Comunidades Escolares, na Escola de Ensino Fundamental José Alves de Sena – na Localidade Cabelo do Negro. (Colaborou Inácio Vieira)

[ Cidade ]

intervenção interdisciplinar III, com o II Ciclo de Cultura dentre outras atividades. A secretaria Municipal de Educação vem dando total apoio para a realização desde curso, no intuito de fortalecer as práticas pedagógicas, através das vivências e trocas de experiências.

NOVO ORIENTE ENTRE OS MELHORES DO CEARÁ

Prefeito José Adriano e vice Almir Saraiva visitam obras no interior do município

O prefeito José Adriano e o vice Almir Saraiva estiveram nas localidades de Assentamento Vitória e Cachoeirinha visitando o inicio das obras de duas passagens molhadas a serem construídas naquelas

ção de professores, dos municípios de Novo Oriente, Pacajus, Caucáia, Horizonte e Fortaleza, tem a coordenação da professora Sandra Peti, da UFC. Durante os dias 12 a 23 de julho, os professores de Novo Oriente farão intercâmbio no Quilombo de Caucaia, com o objetivo de propor prática de

[ Geral ]

[ Cultura ]

A Secretaria de Educação de Novo Oriente vem alçando vôos cada vez mais altos no tocante à alfabetização de crianças na Idade Certa (PAIC). O fato é comprovado pelos excelentes índices apresentados pelo Estado através de avaliações externas: SPAECE E SPAECE ALFA. Ocupando 11º no Estado do Ceará, Novo Oriente atingiu a escala de 203,2 de proficiência, ficando em 1º lugar na região dos Sertões de Crateús. Dia 14 de Junho, o viceprefeito e, a secretária de Educação foram convidados a se fazerem presentes à solenidade de premiação das Escolas Nota 10, realizada no

pátio central da SEDUC. Para tomar parte nesse evento o município levou uma comitiva de 50 profissionais envolvidos com o processo de ensinoaprendizagem. Na ocasião a Secretária de Educação e o vice- prefeito, juntamente com o deputado estadual Neném Coelho receberam o prêmio “Município com melhor desempenho”, das mãos do Ministro da Educação Fernando Haddad, na presença do governador Cid Gomes e da secretária de Educação do Estado, Izolda Cela. Também estiveram presente os gestores e professores das Escolas Premiadas nota 10, entre as quais o Centro de Educação Infantil e Fun-

damental Otávio Rodrigues Cavalcante, na sede do Município; Francisco Alexandre, nos bairros, em seu 2º ano consecutivo, e a Escola Marcelino Tavares, da localidade de Olho D’água. Como requisito para premiação as mesmas adotaram escolas com baixo nível de proficiência do Município de Fortaleza. A comemoração transcorreu após a solenidade, no Pasto Pizza Salinas, com a equipe do Município e representantes da 13ª Crede.

Maria Coelho Sampaio com a secretaria de Educação Izolda Cela

Ministro Fernando Haddad da Educação na solenidade de premiação das Escolas Nota 10

[ Sociedade ]

[ www.gazetacrateus.com.br ]

Vice-prefeito Godolfredo com a secretaria de Educação Izolda Cela


8

Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010

Cidade

“Se o Serra ganhar, será a hegemonia do agronegócio. Será o pior dos mundos. Haverá mais repressão e tensão no campo”. João Pedro Stédile – Fundador do MST

Inaugurações e festas na Semana do Município

Fotos de Júnior Sá

Página

Apresentação de quadrilhas juninas em ruas e praças de Crateús

Manobras radicais foram executadas nas pistas do 40º BI durante o II Encontro de Motociclitas, bem como foi realizado passeio de moto pelas ruas da cidade de Crateús

Em clima de inaugurações de praças, casas populares, postos de saúde, estradas vicinais; de Ceará Junino, de FEJUCRAT e apresentação de quadrilhas juninas; em clima de re-asfaltamento da cidade, de show acrobático com o piloto Waldonys,

de muito forró também com Waldonys, Forró do Muído, dupla sertaneja Rodrigues e Ramires, show de aeromodelismo, cavalgada, Encontro de Motociclistas, de alvoradas e outras animações, assim transcorreu a Semana do Município de Crateús,

nos 178 anos de sua emancipação política. Uma semana com a cidade em festa, uma semana para mostrar um conjunto de obras tão necessárias à população da cidade. Recém-inaugurada praça Gentil Cardoso dispõe de inúmeras opções de brinquedos para a criançada

10ª RM homenegeia o 180º ano da incorporação de Sampaio ao Exército A 10ª Região Militar, dentro das comemorações do Bicentário de Nascimento do Brigadeiro Antônio de Sampaio, patrono da Infantaria, promoveu, no QG da 10ª RM, na sexta-feira, 16/7, evento comemorativo dos 180 anos da sua incorporação às fileiras do Exército Brasileiro, na data acima, no então quartel do 22º Batalhão de Caçadores, na Fortaleza de Nossa Senhora da Assunção, hoje, sede do Comando da 10ª RM. A solenidade ocorreu no interior do QG da 10ª RM e foi presidida pelo Gen.Div. Hélio Chagas de Macedo Júnior,

comandante da Região Martin Soares Moreno. Na ocasião, o vereador José do Carmo, representando a Câmara Municipal de Fortaleza, fez a outorga do Título de Cidadão de Fortaleza (post mortem) ao Brigadeiro Antônio de Sampaio, que será conservado em seu memorial. A solenidade foi prestigiada pelo gen.Ex.R1 Domingos Gazzineo, ex-comandante da 10ª RM e pelo gen.Div.R1 Júlio Lima Verde Campos de Oliveira, ex-comandante da 10ª RM e coordenador nacional da comissão organizadora do Bicentário do Brigadeiro

Ex-governador Adalto Bezerra, agraciado com Diploma de Colaborador do Bicentenário de Sampaio

Antônio de Sampaio, entre outras patentes militares. Na oportunidade, a 10ª RM outorgou Diploma de Colaborador do Bicentário do Brigadeiro Sampaio a diversas personalidades civis e militares, entre as quais o cel. Adauto Bezerra, ex-governador do Ceará e o jornalista César Vale, editor da Gazeta do CentroOeste que, na ocasião foi representado pelo seu irmão Gabriel Aguiar Vale, auditor da Receita Estadual. O grupo econômico M. Dias Branco foi representado pelo cel. Vandocir Romero, ex-chefe do Estado Maior da 10ª RM.

Ex-chefe do Estado Maior da 10ª RM cel. Vandocir Romero agraciado com Diploma

[ Opinião ]

[ Política ]

Gen. Div. R1 Júlio Lima Verde, vereador José do Carmo, gen. Macêdo cmte do 10ª RM e o gen. Ex. R1 Domingos Gazzeneo exibem título de cidadania “post mortem” do brigadeiro Antônio de Sampaio

Cel. Estigarríbia (artista plástico) e esposa Ione; ele doou tela com imagem do Brigadeiro Sampaio que foi incorporada ao seu memorial no QG da 10ª RM. Casal reside no RS.

[ Cidade ]

[ Geral ]

[ Cultura ]

Empresário Jaime Tomáz de Aquino, também agraciado com Diploma do Bicentenário

[ Sociedade ]

Gabriel Aguiar Vale recebe em nome de seu irmão, jornalista César Vale, o Diploma de Colaboradordor do Bicentenário do Brigadeiro Antônio de Sampaio, das mãos do cmte da 10ª RM gen. Div. Hélio Chagas de Macêdo Júnior.

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010 Página

Cidade

“Ele está emocionado com o resultado positivo dos exames a que se submeteu. Ele quer voltar a trabalhar. Ele quer viver”. Senador Romeu Tuma ao sair do hospital depois de visitar o vice-presidente José Alencar.

Praça Gentil Cardoso inicia projeto urbanístico Dando inicio ao novo projeto urbanístico de Crateús, a Praça Gentil Cardoso, situada em frente à antiga Estação Ferroviária, foi solenemente inaugurada no último dia 06 de julho, data em que foram comemorados os 178 anos da emancipação política do município de Crateús. A solenidade de inauguração foi realizada em palanque armado na Rua Firmino Rosa, ao lado do antigo palacete do patriarca Gentil Cardoso, ocasião em que foi entronizada sua estátua em bronze, naquela praça - homenagem da família Cardoso Linhares, seus descendentes. Ao palanque compareceram o prefeito Carlos Felipe e sua esposa Luciene Rolim Bezerra, vereadores, o poeta Juarez Leitão e a professora Mimosa Veras, estes, como convidados especiais, além de grande parte da descendência do homenageado netos, bisnetos e tataranetos que, na ocasião, fitavam uma multidão que presenciava o evento. O prefeito Carlos Felipe, usando da palavra, falou do ciclo virtuoso que o município de Crateús estaria vivendo, com a inauguração de grandes e importantes obras e a construção de outras tantas. O prefeito também falou sobre a vida e o trabalho de Gentil Cardoso, em Crateús, justificando a merecida e justa honraria ao mesmo, com o seu nome denominando uma das mais importantes praças da cidade. A professora Mimosa Ve-

ras, em cujo coração palpita o amor por sua terra, e nele se aninha a cidade e o povo de Crateús, declamou o poema do padre e poeta Luiz Ximenes Freire, de saudosa memória, – “Princesa do Oeste” – no que foi entusiasticamente aplaudida, e seqüenciada pelo belo discurso pronunciado pelo neto de Gentil Cardoso – empresário Fernando Cardoso Linhares.

O DISCURSO

O empresário Fernando Cardoso Linhares, que a um só tempo é neto e filho adotivo de Gentil Cardoso, pronunciou um dos mais belos e sinceros discursos, destes que tocam o coração do ouvinte pelo tom da sinceridade. Por ser ao mesmo tempo, neto e filho adotivo de Gentil Cardoso e ter sido dele o familiar mais próximo e apegado, o menino Fernando foi seu herdeiro maior, não daquilo que se crê material, mas, essencialmente, herdeiro de uma filosofia de vida, da sabedoria ancestral, da valorização do trabalho e da vida, que só se realiza pela dignidade do próprio trabalho. Por ocasião de sua fala, um helicóptero sobrevoava a nova Praça espargindo sobre o povo de Crateús um chuveiro de pétalas de rosas das mais diferentes cores. Um desperdício, diriam uns; uma demonstração de poder e riqueza, diriam outros. Mas o coração de quem idealizou e produziu o belo espetáculo é insondável igual a qualquer outro. Muitos também fala-

riam da mais lídima gratidão do neto e filho adotivo, em seu grau e expressão maior. No entanto, o maior significado daquele chuveiro de rosas está devidamente inserido no Evangelho de Mateus, 20, na Parábola dos Talentos. As pétalas de rosas, lançadas em profusão sobre a multidão, simbolizaram a multiplicação dos talentos de Gentil Cardoso, ganhados com suor de árduo trabalho e confiados a cada um de seus descendentes após sua viagem derradeira. Nenhum de seus herdeiros enterrou os talentos recebidos. Pelo contrário, cada um tratou de multiplicá-los e de produzir novas riquezas, como os dois servos bons e fiéis da parábola de Cristo no Evangelho de Mateus. Hoje, cada descendente dos netos do honrado cidadão Gentil Cardoso têm também recebido seus talentos e, a exemplo de quem os confiou, adotam o mesmo procedimento do patriarca Gentil Cardoso e de seus netos, fazendo-os se multiplicarem. A estátua de Gentil Cardoso na antiga Praça da Estação, de corpo inteiro, fitando o Nascente, assentada sobre um pedestal feito do mais nobre granito, tem o símbolo da simplicidade de um verdadeiro e notável homem, da sua grandeza e da grandeza do seu caráter, da pujança do seu trabalho, bem como tem, também, o símbolo da prosperidade. Veja mais fotos na pág. 16.

Empresário Fernando Cardoso Linhares profere emocionado discurso e é aplaudido pelo prefeito Carlos Felipe e senhora e pela multidão que se comprimia na praça recém-inaugurada homenageando o nome de Gentil Cardoso

Professora Mimosa Veras Declamou o poema “Princesa do Oeste” da autoria do padre Luiz Ximenes Freire, recebendo calorosos aplausos dos presentes

[ Opinião ]

[ Política ]

[ Cidade ]

[ Geral ]

9

População compareceu em massa à inauguração da moderna praça homenageando o nome de Gentil Cardoso

Descendentes do patriarca Gentil Cardoso na festa de inauguração da praça em sua homenagem

[ Cultura ]

[ Sociedade ]

[ www.gazetacrateus.com.br ]


10

Geral

Página

Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010

“Votar regime de urgência em todas as mensagens não constrói uma relação de respeito e equilíbrio entre os poderes.” Deputado Adahil Barreto (PR) Questionando a pressa do Palácio Iracema para aprovar projetos

PONTO DE VISTA

Fábio Campos Jornalista

“Tasso” e os motoqueiros acima da Lei A campanha eleitoral mal começou e já se evidencia algo lamentável. Em comício na cidade de Viçosa, o senador Tasso Jereissati (PSDB) escolheu como alvo preferido a fiscalização do trânsito no Interior. Mais precisamente, a ação da Polícia Rodoviária Estadual responsável pela fiscalização de motocicletas. Nesse ponto, Tasso faz o mesmo discurso dos que defendem, por exemplo, que o comércio ilegal feito nas ruas e calçadas de Fortaleza seja tolerado. Projeta-se assim a idéia de que os setores mais pobres da população devem receber licença especial para cometer ilegalidades e infrações. Trocando em miúdos, o discurso sugere o seguinte: se o motoqueiro for pobre, ele tem direito de pilotar sua moto sem capacete, sem a carteira de motorista e sem os documentos do veículo. Ou seja, sua condição social e interiorana o coloca acima da lei. Curiosamente, o pobre da Capital não precisa ter o mesmo direito. Afinal, a reclamação só é dirigida ao Interior. O discurso reclamou da ação “truculenta” da fiscalização. Ora, se é truculenta que se combata a truculência e não a fiscalização. No fundo, Tasso reclama exatamente do que há de melhor na ação da PRE: o

rigor na execução da lei. Não é a primeira vez que os tucanos abordam o tema e não é a primeira vez que a Coluna combate o seu conteúdo atrasado. O presidente estatal do PSDB, Marco Penaforte, já defendeu a “flexibilidade” da lei ou de sua aplicação. A tarefa do Governo é cumprir a lei e não fazer vistas grossas. A lei que regula a propriedade e o uso de motos é federal. Se o senador não concorda com a lei em vigor deveria usar seu mandato para mudá-la. O discurso do tucano reclamou do rigor da fiscalização contra as motos ao mesmo tempo em que criticou o que considera ser fragilidade da polícia no combate ao tráfico de crack. Vamos ao seguinte raciocínio: se a Polícia Rodoviária afrouxar a fiscalização das motos o combate ao crack vai melhorar? Claro que não. Retirar o rigor na fiscalização das motos só tende a piorar os índices de violência e concretizar em nossa sociedade o perigoso clima do “pode tudo”. Políticos sérios precisam dizer que tanto o comércio ilegal nas praças, quanto o trânsito de motos e o tráfico de drogas devem ser fiscalizados com o rigor que a lei determina. Na semana passada, um comerciante do ramo de celulares foi assassinado em

Fortaleza. Seis tiros foram disparados pelo “garupa” de uma moto. No dia seguinte, outro comerciante foi perseguido por outra moto até a garagem de seu prédio residencial. Acabou assassinado com vários tiros. É provável que as motos usadas tenham sido roubadas. Viram? O uso de motos tem forte relação com o crime e a violência. É sinal de que a polícia precisa estender para a Capital o rigor na fiscalização desses veículos. Parte das motos que vai ao Interior é fruto de crimes. São veículos roubados que acabam na mão de agricultores. Desavisados, compram a um preço inferior ao de mercado. Óbvio que os veículos não possuem documentos. Então, fiscalizar é combater o crime. Moto não é cavalo. A propriedade de um cavalo era garantida pela marca de ferro quente no lombo. Moto precisa de documento e precisa estar com todos os equipamentos em perfeito funcionamento. O motoqueiro também precisa estar documentado. Trata-se de um conjunto de sábias regras que a humanidade criou em todo o planeta. Sábias regras que os tucanos resolveram combater como forma de angariar simpatias e ganhar votos.

Pedida impugnação da chapa de Roriz SÃO PAULO. O PSOL entrou com pedido de impugnação da candidatura de Joaquim Roriz (PSC) ao governo do Distrito Federal. O partido alega que a lei Ficha Limpa torna Roriz inelegível até 2023, uma vez que ele renunciou ao Senado para escapar da cassação. Pela lei, quem renunciar para evitar cassação e perda dos direitos políticos fica automaticamente inelegível por até 8 anos. Roriz renunciou ao Senado em 2007, após a divulgação de gravação em que ele negociava a partilha de um cheque de R$2,2 milhões. À época, ele era ameaçado por um pedido de cassação, também protocolado pelo PSOL. Segundo o candidato ao governo pelo PSOL, Toninho, a renúncia em 2007 se enquadra nos casos previstos pela lei. “A fundamentação jurídica do pedido de impugnação é a lei do Ficha Limpa, que prevê a inelegibilidade de

que todos que renunciaram para fugir de cassação. Parece até que a lei foi feita sob medida para o Roriz”, disse.

Câmara aprova exigência de diploma para jornalista O substitutivo à Proposta de Emenda Constitucional 386/09, que trata da volta da exigência do diploma para jornalistas, foi aprovado, no último dia 13/7, pela comissão especial criada na Câmara dos Deputados para discutir o assunto. Pela proposta, do deputado Hugo Leal (PSCRJ), a Carta Magna vai prever, de forma explícita, que “a exigência de graduação em jornalismo e de registro do respectivo diploma nos órgãos competentes para o exercício da atividade profissional não constitui restrição às liberdades de pensamento e de informação jornalística”. A PEC agora irá a plenário, onde terá de ser aprovada em dois turnos. Em junho de 2009, o Supremo Tribunal Federal acabou com a obrigatoriedade do diploma, sob o argumento de que ela restringe a liberdade de expressão. Na época da decisão, o STF considerou que a exigência é inconstitucional, e não apenas o dispositivo legal que a estabelecia. O acórdão sobre o fim da exigência de diploma para

jornalistas foi publicado no dia 16 de novembro do ano passado. Em junho de 2009, os ministros entenderam que é inconstitucional o decreto que exigia para o exercício da profissão o registro prévio no Ministério do Trabalho, com a apresentação do diploma. O ministro Marco Aurélio foi voto vencido. Os ministros definiram que a exigência não foi recepcionada pela nova ordem constitucional, especificamente em razão do inciso XIII, do artigo 5º, da Constituição. A regra estabelece que “é livre o exercício de qualquer trabalho, ofício ou profissão, atendidas as qualificações profissionais que a lei estabelecer”. Na ocasião, Gilmar Mendes, o relator, comparou a formação do jornalista à de um chefe de cozinha ou de um profissional de moda. “Um excelente chefe de cozinha poderá ser formado numa faculdade de culinária, o que não legitima exigir que toda e qualquer refeição seja feita por profissional registrado mediante diploma de curso superior nessa área”, disse.

Vaticano vai incluir deficientes mentais ROMA. Em meio a um escândalo de acobertamento de denúncias de pedofilia, o Vaticano decidiu ampliar as novas regras de conduta em casos de abuso sexual por padres e incluir não apenas crianças, mas adultos com deficiência mental. A Igreja Católica deve divulgar em breve um manual sobre como lidar com estes casos, nos quais ordena as mesmas punições previstas para os clérigos pedófilos. Uma fonte da Igreja confirmou, em condição de anonimato, que o documento que o Vaticano deve divulgar sobre denúncias de pedofilia também vai se referir a abuso de adultos com “uso imperfeito da razão”.

As vítimas destes abusos terão seus casos avaliados diretamente pela Congregação para a Doutrina da Fé, em vez de seguirem para bispos locais e longos julgamentos canônicos. As normas da Congregação são mais rígidas e ágeis e permitem até mesmo a demissão de um padre sem julgamento canônico. Se a evidência for clara, a Congregação pode levar o caso diretamente para o papa, que emite então um decreto demitindo o padre, uma rota acelerada adotada após o escândalo de abuso sexual cometido por padres nos EUA. O tema dos abusos sexuais contra adultos com deficiência mental já aparecera na Alta

O acórdão, com 138 páginas, incluindo o voto de todos os ministros, ementa, ata e extratos, registra em um de seus itens que fica proibida a criação de ordens ou conselhos de fiscalização profissional. “No campo da profissão de jornalista, não há espaço para a regulação estatal quanto às qualificações profissionais. O artigo 5º, incisos IV, IX, XIV e o artigo 220, não autorizam o controle, por parte do estado, quanto ao acesso e exercício da profissão de jornalista”, diz o documento. Esse item, contudo, não significa que a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) deixará de existir, pois é uma entidade sindical de direito privado e não um órgão regulador. Ela congrega Sindicatos de Jornalistas do Brasil e representa os jornalistas, em nível nacional, para defesa dos seus interesses profissionais, lutas e reivindicações. Com informações da Assessoria de Imprensa da Câmara dos Deputados.

Corte do Vaticano – em 2007, a Igreja revogou o direito de um padre de exercer seu ministério depois de ter sido provado que ele manteve relações sexuais com uma mulher com deficiência mental. Já nas cortes civis, um caso similar foi a julgamento em 2002, nos EUA, quando a ordem jesuíta concordou em pagar US$ 7,5 milhões a dois homens com deficiência mental que disseram ter sido molestados e sodomizados por padres jesuítas da Califórnia. A referência aos abusos de adultos com deficiência mental causou comemoração no grupo de vítimas de abusos nos EUA.

“Estou aqui para dizer a vocês que eu quero ser a primeira mulher presidente do Brasil”. Dilma Rousseff, a candidata do PT, falando a um público estimado em cinco mil pessoas na Praça da Sé, em São Paulo.

Joaquim Roriz: renunciou ao mandato de senador para não ser cassado

Drª. Maria de Jesus Soares

Dr. André Landim

Ginecologia e Obstetrícia

Doenças da Pele e Alegria

Dr. Gustavo Henrique Bezerra

Otorrinolaringologia - Videolaringoscopia

Dr. Waetan

Ultrassonografia

Dr. Gerardo Jr

Dr. Kevin Carneiro

Ortopedia e Traumatologia

Bioquímico

Dr. Nenzé Bezerra

Urologia e Cirurgia Laparoscópica

Dr. Paulo Nazareno

Endoscopia e Cirurgia Laparoscópica

Drª. Christianne Taumaturgo D. Soares Endocrinologia

Rua Cel. Lúcio, 221 - Centro - TeleFax: (88) 3691.1476 - Crateús-Ce [ Opinião ]

[ Política ]

[ Cidade ]

[ Geral ]

[ Cultura ]

[ Sociedade ]

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010 Página

11

Cidade

Seminário regional de apiculturaCrateús A AGROAPIS, em parceria com o SEBRAE, Prefeitura Municipal de Crateús, Banco do Nordeste, Fecap e Associação dos Apicultores de Crateús realizaram no último dia 09/07, o Seminário Regional de Apicultura, envolvendo 20 municípios do Território da Cidadania Crateús - Inhamuns, num total de 182 participantes. Este evento teve como objetivo principal recomendar a implantação de um programa de alimentação artificial dos enxames na região, de modo a minimizar os efeitos negativos da seca que assola o Ceará. A idéia do departamento técnico da AGROAPIS é difundir junto aos api-

cultores a importância de manter os enxames fortes e produtivos durante todo o período de estiagem, por meio da introdução de novas tecnologias e práticas de manejo eficientes, capazes de promover a elevação na produtividade do apiário, e ao mesmo tempo reduzir os índices de perda de colônias. Para isso, torna-se necessário alimentar os enxames com rações energéticas e protéicas, formuladas a partir de produtos regionais de baixo custo e, portanto, ao alcance dos apicultores, com base em práticas de manejo recomendadas. Durante o Seminário, que finalizou com um almoço oferecido aos

participantes, foi apresentado pelo diretor financeiro da AGROAPIS o modelo de estruturação e atuação da cooperativa no Território; o Plano de Trabalho do Sebrae - Crateús para a atividade apícola no próximo biênio, e as Linhas de Financiamento do Banco do Nordeste destinadas ao setor agropecuário, inclusive aquisição de ração para abelhas, através de custeio. Outras informações: (88) 9921.5873 Paulo Airton- Diretor Técnico da AGROAPIS

Haja cara-de-pau

vida pública do Maranhão tem a vida e a ficha mais limpa do que eu”. Mas, além do espanto com tamanho descaramento, uma dúvida também ficou no ar: a quem exatamente o “inocente” político está se referindo e comparando? Se for com a família que manda e desmanda naquele Estado, ele pode ser até peixe pequeno, porém ficha limpa... é ruim, hein! (Regina Marshall – Jornalista)

Agora é crime

mais poderão chorar suas mágoas, nem enxovalhar os ex-companheiros para os filhos. Também não precisam dizer serem eles modelos de perfeição. O certo é não dizer nada, afinal as crianças não têm culpa das desavenças entre os pais. Divididas, inseguras, já fragilizadas com a própria separação dos pais, são as que mais sofrem com a lamentável situação. (Regina Marshall – Jornalista) Também não adianta lembrar que o Bolsa-Família foi criado no governo Fernando Henrique Cardoso. Na presidência do tucano, entretanto, era um programa social inexpressivo. Lula e o Partido dos Trabalhadores vão se empenhar em monopolizar os dividendos eleitorais do BolsaFamília, repelindo as tentativas de José Serra de compartilhar os seus benefícios. Quanto mais acirrada for a competição entre Dilma e José Serra, maior será a luta para se apropriar dos bons resultados dos programas sociais. (Tarcísio Holanda – Jornalista)

Depois de ver o colega de práticas ilícitas, Paulo Maluf, dizer em alto e bom som que é um dos políticos com a ficha mais limpa do País, nada menos que o ex-governador cassado do Maranhão, Jackson Lago, resolveu falar sobre sua “ilibada” reputação. Ao ser questionado sobre a possibilidade de ter o pedido de registro de candidatura impugnado pelo MPE, disparou: “Ninguém na Projeto do deputado Régis Oliveira (PSC-SP), já aprovado na Câmara Federal, pune os pais que se separam e falam mal dos ex-cônjuges. A prática de pai ou mãe desconstruir a imagem um do outro para os filhos de forma sistemática, caso o Senado aprove, poderá incorrer em crime. Desquitados ou divorciados não

Dividendos

Teatro Municipal de Crateús

Pesquisas realizadas entre junho e julho mostram que 46% dos que consideram ótimo/bom o governo do presidente Lula votam em Dilma Rousseff, enquanto que 34% desse mesmo contingente estão votando no candidato do PSDB e da oposição José Serra. A campanha eleitoral começou no dia seis de julho, mas ainda não esquentou. O governo Lula e o PT deverão se empenhar para fazer com que os bons dividendos eleitorais do Bolsa-Família sejam capitalizados pela candidata Dilma Rousseff.

Cadastramento dos participantes

Representação institucional

Teste

de R$ 1 bilhão. Roriz renunciou a mais de sete anos do mandato de senador para não ser cassado por corrupção quando flagrado numa operação de partilha de R$ 2 milhões, propina recebida de um empresário. (Rangel Cavalcante – Jornalista)

De índios

esse negócio de o governo dar milhões de hectares de terras a índios e negros, os cearenses só conheciam uma tribo ou o que restava dela: os tapebas, de Caucaia. E na Base Aérea, os Xavantes da Força Aérea Brasileira.

Os mágicos de Brasília

suscitou, sua assessoria revelou que ele esquecera de incluir 6,7 mil cabeças de gado que equivalem a treze mil e quatrocentos chifres. Sua fazenda, que produz aquele queijinho Palma que a maioria da população consome, não está mais em seu nome e sim das duas filhas. (Lustosa da Costa – Jornalista)

Falta de estrutura

Acusado de mandar matar a ex-amante, encerra precocemente sua carreira no futebol que tinha tudo para ser brilhante. Expressa o mundo de violência em que viveu na infância, com o abandono da família. A amante, inconseqüente, engravidou de um homem casado que não tinha por ela o menor apreço. Sensatez, responsabilidade e respeito ao próximo são virtudes que faltaram a esses jovens marcados pelo destino. (Regina Marshall – Jornalista).

Vai ser o teste para a nossa Justiça Eleitoral o processo que vem aí da impugnação da candidatura do ex-governador Joaquim Roriz ao governo do Distrito Federal, em cujo governo só em contratos com empresas de Informática foram constatadas fraudes de mais

Público participante

Vai custar R$ 1,3 milhão ao contribuinte um projeto de mapeamento da cultura artística e musical dos índios do Ceará. O trabalho envolve pelo menos 12 povos indígenas no nosso estado. Engraçado é que antes de surgir

Consultor do Sebrae

É muito descaramento: Joaquim Roriz, aquele que recebeu propina de dois milhões do dono da empresa de aviação GOL, para mudar gabarito de um de seus terrenos, declarou à Justiça Eleitoral menos bens que o candidato do PT. Diante do escândalo que isto

Técnico do Sebrae

Ficar rico e famoso do dia para a noite, nem sempre é um fator positivo na vida da maioria das pessoas. O goleiro Bruno, do Flamengo, é um típico “João ninguém” que, jogando futebol, conseguiu um lugar ao sol. Sem família, sem teto, Bruno conquistou seu espaço e pensou ser grande e intocável. Diante da insistência de uma doidivana, lançou-se no abismo ao tentar resolver um problema da forma mais cruel possível.

[ Opinião ]

[ Política ]

[ Cidade ]

[ Geral ]

[ Cultura ]

[ Sociedade ]

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Página

12

Área 1212 - 8802 5066 OU 190 Área 1211 - 8802 3535 OU 190 Área 1213 - 8802 5067 OU 190

Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010

Política

Educação de Sobral ganha destaque COM NOTA 6,6, Sobral ganhou destaque nacional pelo desempenho no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). O município ultrapassou a projeção feita pelo MEC para 2021 e atingiu a melhor nota do Nordeste para as séries iniciais. O assunto foi comemorado na quarta-feira 7, pelo deputado Professor Teodoro (PSDB), um dos maiores defensores da Educação na Assembléia Legislativa. Para ele, a educação é fundamental para o desenvolvimento de uma nação. O parlamentar revelou que o município de Sobral recebeu a melhor nota do Ceará e do Nordeste, em relação ao ensino fundamental, no resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). “A título de comparação, enquanto Fortaleza está entre os últimos municípios quanto ao desempenho de alfabetização de seus alunos, Sobral está entre os primeiros. É o município com o maior número de escolas com o nível de Nota 10. Esse resultado foi presente pelos 237 anos de Sobral. Hoje, ela se apresenta como a cidade da educação”, afirmou. Ele explica que cinco escolas públicas - três localizadas na sede e duas na zona rural - são responsáveis pela nota 6,6 alcançada pelo município já citado como destaque entre as cidades brasileiras que concentram escolas de qualidade nas séries iniciais do ensino fundamental. Teodoro ressalta ainda que o fato de Sobral despontar na educação é resultado de um conjunto de fatores históricos, que remontam à sua formação e seu desenvolvimento. “Das 39 escolas sobralenses avaliadas, 38 estão entre as 50 melhores do Ceará”, elogiou. Destacando os resultados do Ideb no estado, o deputado Artur Bruno (PT) ressaltou que o estado está em 10º lugar no País e em primeiro entre os estados nordestinos.

Ele explica que a meta do País é atingir média 6 em 2021, que é o coeficiente dos chamados países desenvolvidos. “Estamos longe do índice, mas registramos avanços,” diz. O parlamentar observa que a média nacional do Ideb é de 4,6, e o Ceará está com 4,4, enquanto a média nordestina é 3,8. “Quero destacar que as escolas cearenses estão entre as melhores do País. Das 12 melhores escolas do Brasil, em 5.565 municípios, o sétimo melhor colégio do País é a Escola Militar de Fortaleza. A nona melhor é uma escola pública estadual, o Colégio Militar do Corpo de Bombeiros do Estado do Ceará”. Na avaliação do deputado João Jaime, líder do PSDB, os avanços educacionais que vêm ocorrendo, são bons, mas ele lembra que é necessário que o estado avance e busque equiparar-se à média do Brasil, não se limitando à média entre os estados nordestinos.

COMISSÃO DISCUTE INTERIORIZAÇÃO DO ENSINO SUPERIOR

Com o objetivo de colher depoimentos acerca dos avanços do projeto de interiorização do ensino superior no Estado do Ceará, a Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público da Assembléia Legislativa realizou, audiência pública no dia 29/06. Dessa vez, o debate partiu das experiências do projeto de interiorização do ensino superior capitaneado pela UVA nos municípios de Pindoretama, Cascavel e Beberibe. Para o deputado Professor Teodoro (PSDB), autor da iniciativa, a finalidade do debate é verificar os avanços do processo para que se possa retomá-lo de forma intensificada. “Não há dúvida de que a interiorização do ensino superior deve ser incentivada em benefício da população dessas cidades. Mesmo porque ninguém melhor do que os próprios moradores para dar retorno do que aprenderam em seu local de origem”,

Deputado Vanderley Pedrosa destaca a importância do Título de Utilidade Pública para institutos no interior Dep. Professor Teodoro

revela. Conforme informou Teodoro, números do Ministério da Educação (MEC) apontam que dos 184 municípios cearenses, mais de 30 já possuem pelo menos uma instituição de ensino pública ou privada de ensino superior. Para ele, o aumento dos cursos superiores se deve ao projeto da UVA. “A meta agora é consolidar essas conquistas”, observou. Ele ainda defende que, além da interiorização do ensino superior, seria necessária a maior oferta de oportunidades para realização de mestrados e doutorados. “É muito grande o número de jovens que saem do país para cursar um mestrado, e quando voltam, ainda têm dificuldades de ter seus diplomas reconhecidos. O Brasil se encontra muito aquém dos países desenvolvidos e de muitos outros da América Latina. O Ceará também, mesmo com os grandes avanços realizados nesses últimos 15 anos, continua abaixo da média nacional”, relatou. Presente no evento, o diretor da Trinus, sede da Universidade Vale do Acaraú (UVA), professor José Colaço, relatou que foi por meio da UVA que os demais municípios do Interior começaram a implantar os primeiros cursos de Pedagogia, ainda em 1998. “Esse foi o meio da população interiorana perceber que não era apenas o povo das grandes cidades que tinha capacidade de ter um ensino superior. Hoje temos muito orgulho, pois muitos dos nossos alunos já estão formados e estabelecidos, graças a essa grande oportunidade que lhes foi dada”, ressalta.

Colaborou Leiliany Pinheiro

“Nós temos leis, temos consultas, temos resoluções, uma infinidade de dispositivos legais que incorrem naquilo que Montesquieu dizia: muitas leis, nenhuma lei”. Senador José Sarney - Sobre a reforma do Código Eleitoral

Cada vez mais institutos e associações, principalmente no interior, buscam o título de utilidade pública. Uma forma de se manter e conseguir verbas e benefícios diretamente da administração pública, seja ela municipal, estadual ou federal. O título de utilidade pública garante as entidades o reconhecimento pelo serviço prestado à sociedade. Sem fins lucrativos, as entidades têm dificuldades de se manterem e, em sua fase inicial, dependem apenas do empenho dos envolvidos diretamente com a instituição. Nesta semana, o plenário da

Assembléia Legislativa do Ceará votou e aprovou o Projeto de Lei que concede ao Instituto Damião Ximenes, em Ipueiras, o título de utilidade pública estadual. O Projeto de Lei, de autoria do Deputado Vanderley Pedrosa, reconhece a importância do Instituto para o Município, uma vez que abre oportunidades para novas conquistas. O deputado ressalta que “conceder o título de utilidade pública para um instituto como o de Ipueiras, é reconhecer o serviço do instituto prestado à sociedade, assim como, a necessidade que o Município tem em ter uma entidade desse porte.”

Dep. Vanderley Pedrosa

Depois de aprovado o Projeto seguiu para ser publicado no Diário Oficial. A conquista desse título é uma luta que os dirigentes do Instituto já buscavam há tempo.

Ivan Timbó – 80 Anos

Raimundo Tavares de Castro

O dia 19 de junho de 2010 foi de muita alegria para os Novarussenses e, em especial, para a família Timbó, que comemorou os 80 anos do seu estimado Ivan. Cercado pela esposa Leonília e pelos filhos, Ivan recebeu parentes e amigos em casa no Porto das Dunas, para externar seu contentamento por alcançar, com saúde, data tão significativa. O ambiente exalava conforto e calor humano, com cada convidado demonstrando a espontânea alegria de se fazer presente e abraçar o aniversariante, possuidor de qualidades que orgulham toda a família. Esteve presente grande parte da colônia novarussense radicada em Fortaleza, e muitos amigos vieram de Nova Russas para homenagear o aniversariante. Poucas vezes, pude observar em festas deste tipo, tanta alegria e emoção.

LICITAÇÃO. A Transpetro iniciou a licitação para a escolha da empresa que fará estudo de viabilidade para implantação de estaleiro de médio porte no Ceará. O estudo abrangerá todo o litoral, à exceção de Fortaleza. O resultado

Tínhamos a impressão que estávamos em Nova Russas, em plena festa de agosto. Cada um mais eufórico, contando reminiscências, recordando, assim, os bons tempos da mocidade. Observei, também, que algumas pessoas, com a maior boa vontade se faziam presentes, mesmo com suas limitações, para levar ao aniversariante o seu abraço de parabéns e reconhecimento, solidarizando-se, desta forma, com toda uma cidade que procurava naquela oportunidade demonstrar sua admiração por aquele que se fez merecedor. Ivan, desde cedo, demonstrou grande interesse em progredir na vida. Homem tranqüilo, ponderado, inteligente e correto em todos os seus atos, granjeou a admiração de todos, por estar sempre apto a colaborar quando solicitado. Aos 25 anos, casou-se com Leonília Tavares, formando

da licitação deverá ser anunciado em 30 dias. Após este prazo, a empresa escolhida terá 90 dias para concluir o estudo. As conclusões servirão para balizar potenciais investimentos privados na construção naval.

um casal muito unido e pleno de afinidades nos seus ideais. Para completar a felicidade, a presença de filhos e netos. Ivan foi relojoeiro e comerciante por muitos anos. Habilidoso, está sempre a demonstrar as qualidades de artista e, no ramo da construção, destaca-se por suas idéias e realizações. Há alguns anos, reconstruiu a torre da Igreja Matriz de Nossa Senhora das Graças, dando assim, mais uma prova de suas habilidades. São em ocasiões como esta que podemos constatar e analisar o prestígio de um cidadão que, durante sua longa existência, tem se comportado de modo exemplar, sendo motivo de orgulho para a família, os parentes e amigos e, em especial, para a sua cidade Nova Russas, que orgulhosa saúda seu ilustre filho.

JUVENTUDE. O Congresso promulgou a PEC da juventude, aprovada na semana passada, que regulamenta na Constituição a proteção dos direitos dos jovens. O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), disse que a promulgação

Implante Dentário Rua Firmino Rosa, 1088 - Tel.: 3691.0700 / 3691.3057 Crateús - Ce [ Opinião ]

[ Política ]

[ Cidade ]

[ Geral ]

[ Cultura ]

[ Sociedade ]

[ www.gazetacrateus.com.br ]

ocorre no dia em que o Estatuto da Criança e do Adolescente completa 20 anos. “A proposta estende aos jovens a prioridade absoluta garantida à criança e ao adolescente na preservação dos seus direitos”, afirmou Sarney. (da Folhapress)


Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010 Página

Geral

“Se Dilma chegar aos 43% nas próximas pesquisas, ela poderá encerrar o duelo ainda no primeiro turno”. David Fleischer Cientista político da Universidade de Brasília

Artigo

Antonio Mourão Cavalcante

Médico, antropólogo e professor universitário

De olho na Copa do Mundo Termina a Copa do Mundo. A África do Sul agora recolhe o lixo deixado e faz a contabilidade. Não sem antes passar a bola para o Brasil, sede da próxima competição. Os organizadores insistem que será uma fabulosa oportunidade para mostrar o Brasil ao mundo. Será mesmo? E quanto custará essa fatura? “A Copa chegou e se foi. Nada mudou. Em Johanesburgo, a construção do Soccer City, maior estádio, levou milhares de pessoas, a serem despejadas cerca de 35 quilômetros dali, uma precaríssima favela com barracos de zinco. E a capital do país já possuía dois outros estádios de grande porte. Cheiro forte do desperdício e corrupção.” Chamou-me atenção em

alguns jogos a quantidade de vazios nos estádios. Esqueceram a realidade econômica do país: ingressos só pela Internet, com cartão de crédito e preços altíssimos. Exclusão imediata de uma infinidade de torcedores. Venda dos bilhetes só com a empresa Match, agência oficial da Fifa, que tem como sócio Philip Blatter, presidente da entidade. Idem em relação à reserva na rede hoteleira. Só com a firma do sobrinho do cara. Cálculos indicam que veio apenas metade dos turistas previstos. O sobrinho querido é também dono da empresa que negocia, em exclusividade, a transmissão da Copa. (Le Monde brasileiro, junho/2010) Como funcionará no Brasil

a cavilosa dobradinha “público x privado”? A truculência começa a se articular em diversas áreas. Espalham: ser patriota é apoiar integralmente. Bom para Copa, bom para o Brasil. Essa ingênua postura será uma porta escancarada para práticas de corrupção, impunidade e improvisação. Tudo goela abaixo! Dois exemplos recentes: a Grécia paga até agora a fatura das Olimpíadas de 2000. E, no Brasil, como ficou a prestação de contas das Olimpíadas Pan-Americanas de 2007? Vibrar com a seleção é um espetáculo muito bonito. Mas não podemos nos iludir. A vigilância será questão de cidadania.

Lei ameaça 400 políticos este ano BRASÍLIA. Mais de 400 políticos que pretendem concorrer a cargos públicos nas eleições deste ano tiveram suas candidaturas contestadas na Justiça Eleitoral. Levantamento feito pelo jornal O Estado de São Paulo junto a órgãos do Ministério Público e da Justiça indica que grande parte desses políticos é acusada de ter ficha suja. Dados preliminares da Justiça Eleitoral indicam que cerca de 20 mil políticos registraram candidatura para disputar a eleição deste ano. A lista de candidaturas questionadas deve crescer ao longo desta semana, quando termina o prazo para o Ministério Público apresentar os pedidos de impugnação. De acordo com decisão recente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os condenados por tribunais não poderão se candidatar nesta eleição porque esse impedimento

está previsto na Lei da Ficha Limpa. Pela interpretação da lei, deverão ser barrados até mesmo os políticos condenados no passado e aqueles que renunciaram ao mandato para fugir da cassação. Entre os políticos que tiveram candidaturas questionadas pelo Ministério Público até agora estão o deputado Jader Barbalho (PMDB-PA) e o ex-governador e ex-senador Joaquim Roriz (PSC-DF), que quer voltar a governar o Distrito Federal. Os dois renunciaram a cadeiras no Senado para evitar possíveis

cassações. As impugnações terão de ser analisadas até 19 de agosto. Em tese, recursos ainda poderão ser encaminhados ao TSE e ao Supremo Tribunal Federal (STF). Em Alagoas, a Procuradoria Eleitoral protocolou seis ações de impugnação de registro de candidaturas com base na Lei da Ficha Limpa. Entre as candidaturas questionadas está a de Ronaldo Lessa (PDT), que quer disputar o cargo do Estado. De acordo com a procuradoria, os seis políticos são inelegíveis porque têm ficha suja.

Ficha Limpa ameaça 1.614 candidatos SÃO PAULO. A Lei Ficha Limpa tem multiplicado os pedidos para que a Justiça Eleitoral exclua das eleições deste ano políticos fichasuja. Até o dia 15/7, 1.614 contestações de candidaturas tinham sido protocoladas em Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) de 15 Estados. Grande parte delas questiona a participação de políticos condenados por tribunais ou que renunciaram para escapar de cassações. A Justiça Eleitoral tem até 19 de agosto para analisar as

contestações. O número de questionamentos deve ser muito maior, já que ainda não começaram a ser impugnadas as candidaturas do Estado de São Paulo, que tem mais de 3 mil políticos registrados. Entre os que correm o risco de ficar de fora da disputa em várias regiões estão políticos conhecidos como o deputado Jader Barbalho (PMDB-PA) e os ex-governadores Anthony Garotinho (RJ), Joaquim Roriz (DF), Jackson Lago (MA), Ronaldo Lessa (AL) e Marcelo Miranda (TO).

[ Opinião ]

[ Política ]

Artigo

ECA: Avanços e desafios do Estatuto No dia que o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) completa 20 anos, estamos fazendo um resgate sobre o quanto avançamos e quais são os desafios que ainda temos que enfrentar, como sociedade civil, governo, organismos internacionais, como universidade, pois precisamos unir representantes da sociedade para discutir esse momento histórico e avaliar como o Brasil está em relação ao atendimento da Criança e Adolescente. Para falar sobre avanços alcançados pelo ECA, podemos usar como exemplo a redução da mortalidade infantil. O Ceará

foi o que mais avançou nos últimos anos, nessa redução. Um avanço muito importante foi a criação dos conselhos municipais de direito e dos conselhos tutelares, mais de 90% dos municípios cearenses possuem conselhos tutelares. Houve também a universalização do acesso ao ensino Fundamental, principalmente nos anos 1990. A ampliação no número de agentes de saúde da família, que considero uma política pública de qualidade. Além da redução do trabalho infantil, que reduziu 60% no Brasil nos últimos 20 anos. Mas, os desafios são muitos, como a

[ Geral ]

[ Cultura ]

cobertura da educação infantil, principalmente na faixa de zero a três anos e também do ensino Médio. A falta de varas especializadas para a infância e a adolescência também é um problema. No País, apenas 3% dos municípios possuem. No entanto, um dos problemas mais graves enfrentados pela nossa sociedade ainda é a exploração sexual de crianças e adolescentes. Mas, para que todos esses desafios sejam alcançados é preciso que haja um pelo funcionamento dos conselhos tutelares. Muitos deles não têm telefone, não tem veículo.

Vagas de cartório serão preenchidas com concurso BRASÍLIA. A Corregedoria do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) publicou no Diário de Justiça Eletrônico, a relação definitiva com a situação dos 14.964 cartórios extrajudiciais de todo o País. Com a medida, foram declaradas vagas as titularidades dos 5.561 cartórios que devem ser preenchidas por meio de concurso público. A corregedoria determinou, ainda, que aqueles que estão provisoriamente à frente dos cartórios não podem mais receber acima do teto salarial do serviço público estadual, hoje fixado em R$ 24.117,62. Todo o resultado financeiro que ultrapassar esse valor (alguns interinos respondem há anos pelos cartórios vagos e possuem rendimento mensal superior a R$ 5 milhões) deve ser recolhido aos cofres públicos. As análises da situação dos cartórios foram feitas de forma individualizada e 1.861 impugnações foram acolhidas após a comprovação documental da regularidade do provimento. O número de vagas pode aumentar, já que

em 1.105 casos a Corregedoria Nacional de Justiça ainda fará diligências para apurar a regularidade. O mesmo pode ocorrer com 153 cartórios– fantasmas que atuam no País, sem que o CNJ identificasse quaisquer autorizações legais para o serviço, e com as 470 unidades que não foram incluídas na relação das vagas em razão de pendências judiciais impeditivas da análise dos casos do CNJ. Entre as milhares de serventias em situação irregular, que foram declaradas vagas, estão inúmeros cartórios extrajudiciais providos por permuta entre familiares. Em muitos casos, o membro mais velho de uma família era titular de cartório com rendimento bastante elevado e estava à beira da aposentadoria. O membro mais novo, por sua vez, prestava concurso para um pequeno cartório, com renda mínima, e poucos meses depois permutava com aquele que estava prestes a se aposentar. Com isso, famílias vinham se perpetuando há anos, sem concurso público regular, à frente de cartórios

Mesmo que a Justiça Eleitoral rejeite as candidaturas dos fichas sujas, os políticos poderão fazer campanha e até ter os seus nomes incluídos na urna eletrônica. Mas disputarão por conta e risco. No futuro, poderão ter suas candidaturas cassadas. Em Goiás, o Ministério Público Eleitoral registrou recorde de pedidos de impugnação de 180 candidatos. Em Manaus, a Procuradoria do Amazonas encaminhou ao TRE, o total de 117 impugnações.

[ Cidade ]

13

[ Sociedade ]

[ www.gazetacrateus.com.br ]

altamente rentáveis, conduta que a Corregedoria Nacional do Conselho Nacional de Justiça julgou afrontosa aos princípios da igualdade e da impessoalidade, que devem ser observados no serviço público. Com a decisão do corregedor nacional de Justiça, ministro Gilson Dipp, os Tribunais de Justiça terão até seis meses para realizar os concursos públicos necessários para o regular preenchimento das vagas. O Artigo 236 da Constituição Federal, em seu parágrafo 3°, determina o concurso público de provas e títulos para ingresso ou remoção no serviço extrajudicial e veda que qualquer serventia fique vaga sem abertura de concurso por mais de seis meses. Sobre o tema, o CNJ editou a Resolução 81/2009, que estabelece prazo para realização e conclusão dos concursos. Quem não cumprir essa determinação poderá responder por improbidade administrativa.


Página

14

Dr Eliézio Torres Martins ORTODONTIA - CRO-CE: 2491

Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010

Dr Bruno Cavalcanti Martins

Cultura

PRÓTESE E CLÍNICA GERAL - CRO-CE: 4875

Dr Breno Cavalcanti Martins

CIRURGIÃO DENTISTA - CRO-CE: 6028

Drª Lia Barroso Brandão Aragão PERIODONTIA - CRO-CE: 4874

CRATEÚS: Rua Cel. Lúcio, 495 - Centro - Fone: (88) 3691.8050 NOVO ORIENTE: Rua Cazuza Rocha, 56 - Centro - Fone: (88) 3629.1477 E-mail: clinicanimo@hotmail.com

Crateús de Ontem

CantinhodaPoesia

Flávio Machado

José Olímpio de Moraes

Credo

Considero de rara importância relembrar nomes de filhos desta terra que, pela própria história de vida, pelo papel desempenhado na sociedade, ou ainda pelos descendentes que deixaram e orgulhosamente ostentam seus sobrenomes, ficaram imortalizados na memória da cidade de Crateús. José Olímpio de Moraes foi um destes filhos que aqui nasceu em 30.08.1864, quando este torrão ainda se chamava Vila Príncipe Imperial e fazia parte do território do Piauí. O nome da Vila foi mudado para Crateús em 1889. José Olimpio era filho de Lucas José de Moraes e de Maria Luiza de Sousa. Freqüentou a escola por apenas três meses com o Professor Firmino José Rosa, que denomina uma rua na cidade. Apesar do pouco tempo de escola, demonstrou, ao longo da vida, talento em suas atividades. Na intimidade familiar ganhou o apelido de Zuca Morais, nome pelo qual

ficou conhecido nos lugares por onde andava. Foi comerciante, sócio de Vicente Cruz, no ramo de mercearia, com secção de tecidos, costume comercial daquela época, que misturava gêneros alimentícios com tecidos. Zuca Morais foi agente dos Correios e Telégrafos, profissão seguida por alguns dos seus filhos. Na época, a agência dos correios funcionava num casebre situado na atual Rua Santos Dumont, no quadro da Igreja matriz, vizinho ao sobrado de Firmino Aguiar. Apesar de, por 15 anos, ter namorado uma moça, com esta não chegou a se casar. Quis o destino que, mais tarde, viesse a conhecer Maria Ferreira da Conceição Moraes, a escolhida para, com ele, dividir um lar. Casaram-se e viverem juntos por 32 anos, quando a morte os separou. Zuca casou em 31.01.1904, quando já contava 40 anos e, Maria, apenas 24, idades que, à época, eram consideradas

avançadas para contrair matrimônio. O enlace foi de muita felicidade e ensejou ao casal constituir uma família exemplar e honrada, dedicada ao trabalho, à moral e aos bons costumes. O casal entregou ao mundo os filhos: Maria Natividade, Felipe Morais, Benilde, Francisco (Mons. Moraes), Rosa Moraes e José Olimpio de Moraes Filho. Católico fervoroso aderiu à irmandade do Santíssimo e dos vicentinos, dedicando, diariamente, ao meio, uma hora para suas orações na Igreja do Senhor do Bonfim. Nunca se ausentou do torrão natal que o viu nascer e crescer. Toda a sua vida foi vivida em Crateús, e sua grande virtude era demonstrada pelo procedimento de homem bom, pacato, simples e muito paciente. Seu exemplo de vida foi o legado maior deixado para os filhos, todos conhecidos como pessoas de atitudes corretas. Maria Natividade, Felipe

Morais, (agente da Estação Ferroviária), Benilde Morais, (funcionária dos correios), Rosa Moraes, (professora das mais atuantes na cidade) e José Olimpio Moraes Filho, também funcionário dos correios, todos de conduta exemplar e de espírito humanitário, que fizeram a sua parte para a construção de um mundo melhor. José Olímpio de Moraes (Zuca Moraes) questionava o sobrenome Morais escrito com I, alegando que era o plural de moral, por isto preferiu assinar com E. Mesmo assim, dois dos seus filhos se assinavam com I. José Olimpio foi chamado pelo Pai Celestial em 30 de abril de 1936. Pessoa da estima geral seu nome foi escolhido pela Câmara Municipal de Crateús para nominar uma das ruas da cidade, que traz o nome de RUA ZUCA MORAES.

Hermenegildo, urgente! Sarcástico e irreverente, irônico, mordaz e inteligente, fazendo um mô pra vocês, provocando frouxos risos, além da ira do japonês Cagazuma, leitor assíduo desta página. O japonês, ultimamente, notabilizou-se por conta de uma mala sem alça que ele carrega pela região dos Inhamuns. Arriba e abaixo, lá vai ele, o Mala dos Inhamuns, carregando o televisivo traste. Japonês Cagazuma, a despeito da incômoda mala, também carrega o pesado pesadelo do cofre da “Quinquinha” e, tal qual Caetano Caminhador, vai de Crateús a Tamboril, com o cofre da tia às costas, fazendo um trabalho de Sísifo num decadente microfone. Masss, atormentado pela crônica liseira, lembrou-se de um bloco de cheques do BB, recluso na gaveta, e resolveu soltá-lo à liberdade comercial. O que antes era um inexpressivo fundinho, uma merreca, agora, é um fundão sem lastro com várias conotações: cheque voador, bate e volta, abelha, borrachudo e coisa e tal. Houve até um professor nefelibata (ao glossário professor!) que recebeu um voador em pagamento de certificado honorífico da Fundação TIM de Nova Russas. Masss, internautas perguntam pela verdade sobre o cofre e os tais borrachudos

emitidos, além de uma tapa desferida por ele na angelical e octogenária face materna. Senhores do conselho, aqui só se fala a verdade, e nada mais além da verdade. O cofre foi seqüestrado de uma residência da Rua Instituto Santa Inês, onde morava tia Quinquinha com uma amiga há mais de meio século. De tanto esforço despendido no transporte do butim, o japonês Cagazuma partiu o fundilho das calças e, com marreta e talhadeira e algumas horas de suado trabalho, colocou a mão suja nos pertences e nos segredos da morta, tudo acontecendo no quintal da casa de um primo e sócio na macabra e cruel empreitada. Sobre a emissão dos voadores que negativaram a conta no BB, tá no fértil sítio You Tube, situado na Zona Rural da internet. E, quanto à tapa no venerando rosto maternal, isto nunca foi segredo familiar, mas acontecimento

de domínio público. A estas verdades, acrescentemos as ocorrências e peraltices do Ginásio Pio XII, quando o doidivanas se entregava a gregos e troianos numa cama de mata-pasto. Daí a alcunha recebida de “fundamentalista do Pio XII”; daí, ainda, a grande cicatriz no bestunto, produzida por queixos de homem e que se transformou numa virtual careca. E se mais perguntarem a este Hermenegildo sobre a sonsa conduta do nipônico Cagazuma, este responderá, de bom grado, com navalhante grau de verdade. Masss, o sacripanta, que diz ter ficado careca por arrancar os próprios cabelos, e que ora reserva para si o pomposo título de Anjo Justiceiro, está afirmando que o Templo de Jerusalém não existe, pois ele conta fatos do tempo em que o Templo existia. Daí, que este Hermenegildo ao viajar à

Terra Santa sentiu falta até do Muro das Lamentações e gastou, em vão, seu dinheiro em falso turismo. Ultimamente, o nipônico declarou a asneira de que, se quisesse, poderia estar hoje pendurado nos Três Poderes, (mesmo sem noção da queda) e que mantém profundo respeito pelos anônimos, menos pelos mortos, sobre os quais tripudia com profunda ira e desrespeito. O nipônico Cagazuma também declara nada dever a ninguém, nem mesmo satisfações pelas calúnias injúrias e difamações, ataques à honra, e coisa e tal. Valente e assombrador diz que não se assusta com nada, apenas corre quando alguém lhe diz XÔ. Bem me ensinava meu professor de latim clássico: “Ventosa língua, pedes fugaces”. Língua solta, pés ligeiros. Ademã que vou em frente. Os cães latem, mas a caravana passa.

[ Opinião ]

[ Política ]

[ Cidade ]

[ Geral ]

[ Cultura ]

Cleómenes Campos

Senhor, eu creio em Vós! Não Vos vejo, de certo, porém, Vos sinto em tudo, até dentro de mim! E quem sou eu, Senhor, para Vos ver de perto? Os meus olhos não têm tanta pureza assim. Não poderei fazer nem uma idéia ao menos do que Sois porque Sois muito grande demais, e eu não passo do mais pequeno dos pequenos, eu quase não sou nada aqui entre os mortais. Apenas creio em Vós. Ah! Vós sois o Perfeito. E se Vos amo com uma espécie de temor, não é porque Vos tema, é porque Vos respeito, é porque sei quem Sois e creio em Vós, Senhor!

FlashdoPassado -

César Vale

Mimosa Veras

Há coisas que, de graça e inesperadamente, vêm ao nosso encontro, para mexer com o nosso sentimento, e mexem profundamente, muitas vezes, para nos alegrar, para nos dar prazer e satisfação. Encontrar-me com Mimosa Veras, sobre ser uma raridade, é momento de extrema exaltação de uma amizade familiar que corre pelo tempo, sem data de quando iniciou ou de até quando nossas vidas permanecerão intactas para a louvação das coisas do nosso Crateús, que é a nossa cidade. No último dia 06/07/10 “numa festa de raro esplendor”, quando comemorávamos os 178 anos do nosso município, encontrei Mimosa Veras na calçada do antigo palacete de Gentil Cardoso, de saudosa memória, que, daí a pouco, iria declamar, em público, o poema de Padre Ximenes Freire – “Princesa do Oeste”, que só ela mesma declama com maestria. A festa era do município e também da família Cardoso Linhares. O município inaugurava uma praça e a família reverenciava a memória de seu patriarca Gentil Cardoso, entronizando naquela praça uma estátua de corpo inteiro, do grande cidadão crateuense. Nosso tempo de conserva, dada a ocasião, foi extremamente exíguo para um bate-papo sobre as recordações e lembranças, porque, elas nos alegram a vida, e nos levam ao riso frouxo e que, de tanto rirmos, choramos aquele choro forçado pelo riso. Também elas nos levam ao prazer de encontros não programados, como o daquela noite, quando nos alegrávamos com a presença da nobre descendência de Gentil Cardoso, ali tão numerosa. Que minha amiga Mimosa dure para sempre, para a felicidade de todos nós que a amamos como patrimônio da cidade.

AfrouxandooRiso

Malhado e sarado

Já contava 40 anos e, desde muito jovem, acostumouse a fazer exercício físicos, freqüentar academias, cuidar da musculação em máquinas, fazer corridas pelas estradas e até participar de romarias a pé, para Canindé e Juazeiro do Norte. Expedito era um Hércules redivivo, cujo sonho era o de ser “Mister Brasil”. Pela cidade ele andava sempre de calção, camiseta apertada para que sobressaíssem os mondrongos da sua hercúlea musculatura. Era um verdadeiro Narciso a admirar o próprio corpo em gigantescos espelhos. Por outro lado, Expedito não aparentava fazer sucesso com as mulheres, apesar de participar de forrós, quando tinha oportunidade de mostrar sua resistência física nos salões, no Fortal e micaretas por aí afora. Dia desses, ele resolveu

[ Sociedade ]

ficar com uma garota após o término de uma balada e escolheu uma sofisticada suíte de um motel para passar o restante da agitada noite. Jussara, experiente na arte da sedução e conhecedora dos mais diversos tipos de homens, foi logo se queixando de cansaço e, na frescura do ar condicionado, tirou uma tranqüila noite de sono. Ao despertar, aí pelas nove da manhã, Jussara deparouse com Expedito ao seu lado, com o lençol cobrindo-lhe do umbigo para baixo e, do umbigo para cima, aparecendo aquela massa muscular, ouviu de Expedito a pergunta: “Querida, alguma vez você já dormiu tendo ao lado um cara assim tão saradão como eu? _ Não, querido. Nunca. Os outros nunca me deixaram dormir.

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Crateús - terça-feira, 20 de julho de 2010 Página

Geral

“A Lei Ficha Limpa vingará este ano. Aqueles que não têm ficha limpa farão a campanha por sua própria conta e risco” Ricardo Lewandowski – Presidente do TSE

Comunicando Outdoors e placas irregulares

A Prefeitura de Crateús, em parte, fez valer o Código de Posturas Municipal, e retirou da paisagem urbana outdoors irregulares que, há anos, estavam fincados na Rua Cel. Zezé, ao lado dos Correios e na Avenida Sargento Hermínio, próximo ao Posto Único. A retirada, no entanto, foi apenas simbólica, porquanto, espalhadas pela cidade, há ainda muitas placas invadindo o leito das ruas, como a existente na Praça da Catedral, no cruzamento da Rua Santos Dumont com a Rua Firmino Rosa, numa escola de Informática. Essas placas cometem o mesmo pecado de agressão ao Código de Posturas Municipal, afora a poluição ambiental que produzem. Estabelecimentos que as ostentam devem ser notificados pela fiscalização municipal para regularizá-las e adequá-las às normas do código de posturas. O que não pode é a Prefeitura tomar uma medida pela metade: punindo uns e fechando os olhos para outros.

Abusos

Continua em Crateús o abuso de se fazer comércio sobre as calçadas e estendêlo para o leito das ruas. Há casos crônicos dessas irregularidades na Praça da Catedral e na Rua Firmino Rosa, para citar apenas esses dois. Mas, por toda a cidade eles existem, uns incomodando mais que outros que, além de invadirem a calçada e a rua, extrapolam, realizando música ao vivo, sem se importarem se estão incomodando a vizinhança. A cidade precisa se organizar, e a organização depende tão somente do cumprimento das leis.

Mercado Velho

Nada mais irregular na cidade do que os estabelecimentos comerciais situados no Mercado Velho. A irregularidade maior é a própria existência desses estabelecimentos doados aos permis-

sionários, através de projeto do Executivo, aprovado de maneira irresponsável, pela Câmara Municipal de Crateús, em ato da mais pura aberração jurídica, ocorrido no final da década de 1990. Esses estabelecimentos exercem o comércio de maneira irregular, a começar do fato de não possuírem instalações sanitárias, obrigatórias a qualquer tipo de comércio estabelecido. A que existe, para servir aos pseudo-proprietários do mercado, é uma instalação sanitária coletiva situada na parte interna do velho Mercado Público de Crateús. A Vigilância Sanitária está dormindo um sono que dura muitos anos.

Projeto urbanístico

Crateús está experimentando um novo tempo, vivendo uma nova era, abraçando um ciclo de progresso e de desenvolvimento, e a cidade precisa ousar com projetos arrojados para a sua população. O ato de doação do Mercado Público de Crateús precisa ser revisto, ou melhor, anulado. Do modo como se encontra, está se constituindo um estorvo ao progresso e a melhoria da paisagem urbana. O Ministério Público e a Procuradoria do Município precisam se debruçar sobre este embaraço para ensejar que o Mercado Velho possa ser transformado numa obra de vulto para a cidade, e que os atuais ocupantes do mesmo sejam contemplados com algum benefício. A cidade não pode conviver com o atraso. Não pode ser tolhida na pretensão de crescer e se modernizar porque uma dúzia de pessoas apossadas de um bem público, de valor inestimável, quer impor até o direito de herança sobre o mesmo. Obriga-se a Prefeitura, através de seu gestor, a agir, com dureza e determinação, para solucionar um problema que é de toda a cidade.

15

da Alimentação, a praça situada ao lado direito da Catedral tem, também, um problema crônico a ser resolvido pela gestão municipal. Diferente do problema do Mercado Velho (cadê o novo?), não foi doada aos permissionários que exploram nela o ramo de lanchonetes. No entanto, a situação é idêntica. Doze boxes construídos pela Prefeitura foram destinados, de mão beijada, a 12 privilegiados comerciantes, para exploração de seus negócios. Sem licitação, sem prazo determinado, sem cobrança de aluguel e com direitos de posse e hereditariedade. Dos 12 permissionários, seis estão lá há mais de 10 anos. Outros seis pagam aluguéis que variam de R$ 500 a R$ 600 aos antigos permissionários. Em resumo, os imóveis da Prefeitura, que pertencem à coletividade, estão sustentando com aluguéis os que desistiram de explorar o ramo. Não demora, e eles vão requerer usucapião dos boxes e até mesmo da própria praça que virou imenso bar a céu aberto. Crateús é uma cidade que se desmantelou pela incúria de sucessivos prefeitos que adotaram, propositalmente, a política do “coitadísmo” que permite este tipo de irregularidade em detrimento da população. O povo quer de volta a praça perdida. Praça pública é lugar para o lazer do povo, para as crianças brincarem; nunca para ser tomada por mesas de bebida ou servir para a instalação de bares.

Praça Gentil Cardoso

A recém-inaugurada Praça Gentil Cardoso precisa ser vigiada para evitar a depredação. Recentemente, um grupinho de jovens ocupava um dos bancos ali instalados, sentando-se sobre o encosto do mesmo e colocando os pés no lugar de pôr o trazeiro. Melhor é cortar o mal pela raiz.

Praça da Alimentação

Mais conhecida por Praça

Plenário do Senado aprova a PEC do Divórcio Direto O divórcio no Brasil vai mudar. O plenário do Senado aprovou em último turno, a chamada Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do divórcio direto. A lei já passou pela Câmara dos Deputados, sem precisar passar pelo crivo do presidente da Republica. Começa a valer assim que publicada no diário Oficial da União, em Brasília. Essa alteração no texto constitucional acaba com os prazos atualmente necessários entre o fim da convivência do casal e o divórcio e ainda tira da Constituição a figura da separação formal. Hoje, a regra é a seguinte: o divórcio pode ser pedido após um ano da separação formal, judicial ou no cartório, ou após dois anos da separação de fato, quando o casal deixa de viver junto. Agora, o pedido de divórcio poderá ser imediato, feito assim que o casal decidir pelo término do casamento. O tema é polêmico. Já foi chamada de “PEC do desamor“, pelos que argumentam que ela facilita indevidamente o fim do casamento, e de “PEC do amor”, pelos que entendem que a proposta facilita começar novas relações. “A nova regra vai economizar custas processuais, honorários advocatícios e sofrimento”, afirmou um dos principais articuladores da proposta, o deputado federal Sérgio Barradas Carneiro (PT- BA). O senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) criticou a emenda: “Nos países em que isso foi adotado, houve a banalização dos procedimentos. Há pessoas que casam e descasam em poucas semanas“. Crivella disse que encaminhará um recurso à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), pois haveria menos votos favoráveis que o necessário. Presidente da CCJ, o senador Demóstenes Torres (DEMGO) disse que o recurso não tem procedência e que a matéria irá à promulgação.

POLÊMICA RELIGIOSA

Durante sua tramitação, a PEC do divórcio levantou polêmica no meio religioso. Há um ano, pouco depois

de ter chegado ao Senado, a proposta ficou na mira de parlamentares ligados à Igreja Católica, chegando a estacionar um mês devido a esse lobby. A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) defendeu na tramitação da proposta, que fosse mantido pelo menos um prazo de seis meses até o pedido de divórcio, o que foi chamado de “prazo de reflexão”. A CNBB rejeitou o divórcio todas as vezes que foi proposto ao Congresso Nacional.

OPINIÕES DIVIDIDAS

A lei ainda suscita dúvidas. A professora de Direito na FGV-SP Regina Beatriz Tavares da Silva defende que a separação – ou pelo menos seus efeitos – deve ser mantida. Isso, diz ela, para possibilitar que a discussão de quem tem culpa pelo fim do casamento per maneça. “Se não for assim, a mulher que sustenta a casa e apanha do marido vai ter que pagar pensão”, diz a professora. Segundo o juiz Marco Aurélio Costa, da 2° Vara de Família e Sucessões do Fórum Central de São Paulo, é possível que os casais queiram migrar a discussão da culpa para o divórcio, pelo menos num primeiro momento. Para o Instituto Brasileiro de Direito de Família (IBDFAM), idealizador da PEC, é o fim da separação. Isso porque retirar a menção à separação da Constituição significa apagá-la também das leis comuns, diz Paulo Lôbo, diretor do instituto. (das agências de notícias)

PROMULGADA A EMENDA

O Congresso Nacional promulgou, dia 13, em Brasília a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do divórcio direto. A proposta acaba com os prazos atualmente necessários entre o fim

da convivência do casal e o divórcio. A PEC segue para a publicação no Diário Oficial da União e começa a valer após ser publicada. O pedido de divórcio passa a ser imediato, feito assim que o casal decidir pelo término do casamento. A PEC também retira da Constituição Federal a figura da separação formal, atual mecanismo intermediário no fim do casamento. Autor da PEC, o deputado federal Sérgio Barradas Carneiro (PTBA) disse que a promulgação da proposta garante uma “economia financeira e de sentimentos” ao casal que termina o casamento. “Isso evita que o casal gaste duas vezes,

com a separação judicial e depois com o divórcio, e ainda poupa constrangimentos para quem não quer mais manter a união”, completou.

TRÂMITE

Apesar de acelerar o processo, a PEC do divórcio direto mantém praticamente inalterado o trâmite do processo. Segundo o presidente da Comissão de Direito de Família da OAB Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em São Paulo, Nelson Sussumu Shikicima, constituir um advogado, é imprescindível. Quem quer se divorciar, após escolher um advogado, é preciso ter em mãos a certidão de casamento atualizada de, no máximo, seis meses, e os documentos pessoais RG e CPF. “Quem tem filhos menores de idade também precisa ter a certidão de nascimento das crianças”, explica Shikicima. O divórcio pode ser providenciado pelo casal no cartório ou pela Justiça.( da folha press)

Rua Ubaldino Souto Maior, 1230 - São Vicente, Crateús-CE - Fones: (88) 3691.1080 / 3691.5777 [ Opinião ]

[ Política ]

[ Cidade ]

[ Geral ]

[ Cultura ]

[ Sociedade ]

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Tânia Mourão, ex-prefeita de Ararendá e eterna companheira do líder político Vicente Mourão, aniversariou dia 06, quando foi efusivamente cumprimentada pela população de seu município, incluindo o funcionalismo municipal.

Ana Larissa, princesinha filha do casal Maria Coelho Sampaio e Francisco Rosa Cavalcante (Dom Chiquinho), ganhou big festa em estilo caipira para comemorar 5 aninhos, dia 03 de julho. Convidados compareceram vestidos a caráter em noite de sonhos e alegria, com a presença de amiguinhos, convidados e familiares.

Andréa Aguiar, primeira dama do município de Ararendá, marcou idade nova dia 13 e recebeu o carinho da cidade ao lado do maridão Zé Adriano.

Fátima Cruz, eficiente e premiada secretária de Educação de Monsenhor Tabosa, passou pelo calendário dia 08 e recebeu manifestações de carinho do povo da antiga Telha.

Ex-prefeito de Ipaporanga Antônio Alves Melo (Toinho Contábil) marcou presença nos festejos religiosos do Sagrado Coração de Jesus, padroeiro da cidade, recentemente acontecidos, ocasião em que abraçou inúmeros amigos e participou de reuniões, sempre acompanhado dos inseparáveis companheiros Siqueira Horácio, Chagas de Paulo, Francisco Evaristo e Airton Evaristo.

Inauguração da Praça Gentil Cardoso

Irmãos Sônia Linhares Freire e Francisco Cardoso Linhares, primeiros netos de Gentil Cardoso

Fernando Cardoso Linhares, neto e filho adotivo de Gentil Cardoso, com a esposa Vanda Lúcia

Gentil Linhares e esposa; ele, bisneto de Gentil Cardoso

José Freire Neto, bisneto de Gentil Cardoso com o poeta Juarez Leitão e o padre Davi Silva

Thaís Freire, trineta de Gentil Cardoso, curtiu dias de férias na terrinha, sob o carinho dos pais Claudinha e Dedé Freire, e cortejada pelo “Love” Fabrício Teixeira.

Thaís Freire e Lais Freire, trinetas de Gentil Cardoso, em recente evento social.

Monte Serrat, eficiente chefe de Gabinete do prefeito José Adriano (Ararendá), passou pelo calendário, dia 13, e recebeu inúmeros cumprimentos.

Joatan Bonfim, figura maior que representa Crateús em Brasília, aniversaria na próxima quinta, dia 22, a quem antecipo o abraço amigo.

Edição Nº 301  

Edição Nº 301 - terça-feira, 20 de julho de 2010

Advertisement