Page 1

Crateús-Ce. Terça-feira, 28 de abril de 2009 - Ano XII - No 277 - R$ 2,00 Foto: Júnior Sá

www.gazetacrateus.com.br • e-mail: gazetaco@yahoo.com.br

ÁGUAS DE ABRIL INUNDAM NOVO ORIENTE

A cidade de Novo Oriente, mais uma vez, sofre com as inundações causadas pelas fortes chuvas que banham o município. O riacho que atravessa o centro da cidade saiu do seu leito e inundou toda a área central que abriga o comércio e muitas residências. Pág.09

DENÚNCIA

BLOG APONTA JUSTIÇA E MP OMISSOS COM TORTURA A PRESOS

Montezuma Sales joga Justiça, Ministério Público e Polícias Civil e Militar na vala comum

No último dia 17, o blog do Montezuma Sales, que é dirigido especificamente para a cidade de Crateús, apontou a Justiça e o Ministério Público de Crateús, ambos, omissos com torturas aplicadas aos presos pela Polícia. A denúncia é das mais graves, por envolver juízes e Promotores de Justiça da Comarca de Crateús, além do delegado regional de Polícia Civil, e do comandante do 7º BPM em atos de atrocidade e hediondez. Pág.04

INVERNO

FORTES CHUVAS BANHAM O MUNICÍPIO

O mês de abril, ao contrário do mês de março, tem sido generoso e derramado fortes chuvas no município de Crateús, fazendo antever a perspectiva da colheita de grandes safras em 2009. Pág.04

Morte de Monsenhor Morais enluta Crateús e o Ipu Pág.05 Aula inaugural torna realidade o IFET Pág.05 Domingos Filho tem reunião agendada no STF Pág.05

Pacto Ambiental realiza XIII reunião em Crateús Presidente do Pacto Ambiental dos Sertões dos Inhamuns, engenheiro agrônomo José Valdi Coutinho, também prefeito de Independência, proferiu brilhante palestra sobre o Programa Aduba Sertão - O Milagre da Transformação no Semi-Árido. Pág.06

NOVA RUSSAS: Ex-prefeito Luiz Acácio dá sumiço ao caminhão do lixo. O caso foi parar na polícia. Pág.04


2

Terça-feira, 28 de abril de 2009

Geral Editorial

A greve dos professores Um mês de greve, de alunos sem escola, de atraso curricular, de pais e mães preocupados e de enormes prejuízos para o erário público e para a sociedade. Há de a todo o custo o governo municipal dobrar-se ao capricho da classe que quer aumento, saiam de onde saírem os recursos que, no momento não têm mesmo de onde sair. Criou-se o impasse: ou o aumento ou a continuidade da greve, em tudo por tudo abusiva, política e que só reflete a insanidade. A greve dos professores cobra o preço que a atual gestão tem que pagar para reconhecer o poderio da classe que educa nossas crianças e adolescentes. A greve é o preço que o prefeito tem que pagar por ter sido eleito. É o preço da inconseqüência: a forçada de barra, o cabo de guerra, cuja corda deve quebrar do lado dos alunos.

Artigo

E o grito de guerra continua a se propagar e a causar seus estragos ainda não calculados. Continua a ecoar em passeatas, carros de som e microfones de emissoras de rádio, uma lengalenga que o povo já está exaurido das ouças de tanto escutar e discordar das absurdas reivindicações. Tracemos, pois, outro paralelo. A sociedade pretende fazer uma greve contra os professores que colocaram o ensino público de nossa cidade na 88ª (octogésima oitava) colocação entre os municípios do Ceará. Pretende reivindicar que suas crianças aprendam a ler aos cinco anos de idade, como acontecia em Crateús há mais de 60 anos passados. A sociedade quer ouvir dos professores, pelo menos quando falarem pelo rádio, um linguajar de educadores, com expressões corretas

e em português correto. Que não venham dizer que “houveram” três reuniões e que outras “haverão”. Como admitir-se um professor não saber empregar o verbo haver e outros verbos, e se posicionar na linha de frente de um movimento paredista? Que lideranças são estas? Como acreditar na seriedade desses grevistas, com algumas exceções, perante o ensino público? Como acreditar em professores que não preparam aulas nem se reciclam como docentes, possam transmitir conhecimento às nossas crianças e adolescentes? Afinal de contas, há colégios de nível na cidade, no âmbito da iniciativa privada, onde professores não ganham o tal piso salarial, e nem por isso as greves se registram por lá. Neles, o rendimento é outro, e outro é o resultado final.

ESTADOS UNIDOS

Permanência em prisão será cobrada Para marcar o último dia das entregas das declarações de renda nos Estados Unidos, autoridades do condado de Polk, próximo a Orlando, no centro da Flórida, anunciaram que os presos da penitenciária local estão pagando, desde 15 de abril, US$ 2 por dia pela permanência na prisão. Foi o que anunciou o xerife do condado, Grady Judd, ao anunciar a medida.

O pagamento da diária nos cárceres será destinado a cobrir custos com a manutenção dos detentos, incluindo a alimentação, uniformes e lavagem de roupa. A prisão de Polk, 300 quilômetros ao norte de Miami, já cobrava dos internos US$ 30 a título de ingresso no estabelecimento; US$ 15 por consulta médica; US$ 10 para ter direito a enfermaria;

além de US$ 10 para remédios na farmácia e US$ 9 por um kit de higiene, com vários pares de roupa íntima. Em 2008, a penitenciária do condado de Polk arrecadou US$ 418.438 dos presos, cifra que se elevará consideravelmente com a cobrança do novo “imposto” diário. (das agências)

Nova cartada do sistema? O encontro do G-20 em Londres levou a uma tensa convergência entre as propostas norte-americana e a européia. Esta prevê controles e regulações mais rígidas dos mercados e a norteamericana procura salvar o sistema bancário privado com a injeção estatal de bilhões e bilhões de dólares, tirados dos contribuintes, com o propósito de alavancar os créditos e garantir a continuação do consumo. Há indicações de que Barak Obama se comprometeu a assimilar algo da proposta européia e desta forma criar um consenso mínimo para enfrentar coletivamente a crise. Cumpre, entretanto, reconhecer que ambas as soluções são intra-sistêmicas e nada inspiradoras, pois, de modo algum, colocam em xeque o modo de produção capitalista e sua expressão política: o neoliberalismo. Curiosamente, o presidente francês Nicholas Sarkozy, num artigo do dia 1° de abril, propunha um capitalismo cooperativo e solidário como forma de sair do caos. Parece entender pouco da lógica do capital, pois este se rege pela competitividade e não pela cooperação. A solidariedade não é categoria do capital, senão não teríamos tantos milhões de excluídos. Se alguém achar que o capitalismo é bom para os trabalhadores é um iludido. O capital é bom para os capitalistas que detêm o ter, o saber e o poder. Os encaminhamentos do G-20 mantêm a acumulação

do capital como principal motor do funcionamento da economia e o mercado livre como lugar de sua reprodução. Isso simplesmente é mais do mesmo. Não ataca as causas que levaram à crise. A crise econômicofinanceira é vista fora do contexto global de crise: social, alimentária, energética, climática e ecológica. Todas estas crises são consideradas como externalidades, quer dizer, fatores que não entram na contabilidade do capital, como o deslocamento de milhões de pessoas do campo para as cidades, o desflorestamento, a contaminação do solo, do mar e do ar. Estes fatores só são tomados em consideração quando se revelam empecilho para os ganhos do capital. Mas não há como evitar a questão ética: trata-se de uma solução que contempla a humanidade como um todo e que garante a vitalidade ao planeta Terra? Ou simplesmente se trata de salvar o sistema do capital para beneficiar os que acumulam? Será mais uma cartada do sistema? Trata-se de uma crise no sistema ou uma crise do sistema? Tudo indica que se trata de uma crise do sistema. As duas externalidades maiores - a social e a ambiental – não ganham centralidade. Mas elas são de tal gravidade que põem em xeque as soluções propostas, possuindo somente sustentabilidade a curto e a médio prazo. Depois voltará a crise, possivelmente, sob a forma de tragédia ou de farsa (Marx).

Leonardo Boff

A crise social mundial é terrificante. Os dados do Pnud 2007-2008 atestam que os 20% mais ricos absorvem 82,4% das riquezas mundiais enquanto os 20% mais pobres têm que se contentar com apenas 1,6%. Quer dizer, é uma pequeníssima minoria que, em escala mundial, monopoliza o consumo enquanto os zeros econômicos são lançados na miséria. Há mais de 900 milhões de famintos e a cada quatro segundos morre um ser humano de fome, conforme J. Ziegler, em seu relatório para a ONU sobre a pobreza no mundo. Que cabeça e que coração têm analistas notáveis do Brasil (vide M. Leitão e Sardenberg) que sabem disso tudo e mesmo assim defendem um sistema de tanta perversidade? A crise ecológica não é menor. Estamos já dentro do aquecimento global que vai ser devastador para milhões de pessoas e para a biodiversidade. E. Wilson, renomado biólogo, denunciou que a cada ano a voracidade capitalista elimina definitivamente 3.500 espécies de seres vivos. Diante deste quadro dramático, só nos resta repetir o que deixou escrito em latim o gênio da crítica ao capital: “Dixi et salvavi animan meam” (“disse e salvei a minha alma”).

Ortodontia, Ortopedia Facial e Implantodontia

Você encontra todas as matérias da Gazeta no site. Acesse e poste seu comentário.

Representante em Fortaleza: Fernando Aguiar Albuquerque Fone: (085) 9997-2085 gazetaco@yahoo.com.br Fundada em 30 de maio de 1997 M. Duarte da Silva CNPJ: 06.327.640/0001-97 Rua Cel. Lúcio, 569 - CEP 63700-000, Crateús-Ce - Fone/Fax: (088) 3692.3810 Sebastião César Aguiar Vale Editor-Geral e jornalista responsável Mat. nº: 01227JP - CE FENAJ rasecvale@yahoo.com.br [ Opinião ]

Projeto Gráfico e Diagramação: Fabrício Pereira bricio.apereira@gmail.com Coordenação e Digitação: Tarcísia Souza Conselho Editorial: Eduardo Aragão Albuquerque Jr. José Bonfim de Almeida Júnior Sebastião Cesar Aguiar Vale

[ Política ]

[ Cidade ]

[ Geral ]

Assessoria Jurídica: Dr. José de Almeida Bonfim Júnior, OAB 15545 CE

Tel.: (85) 3249.4641/9997.2085

Assessor para assuntos especiais: Francisco Oton Falcão Jucá Tel.: (85) 3254.5353 / (85)99812637 Fax: (85) 3254.8000

agência: 997-0, conta: 16165-9, Crateús Ceará,

Importante: As opiniões assinadas não refletem obrigatoriamente o pensamento do jornal.

Crateús:

Assinaturas ou renovações: Fortaleza só valerão se feitas através de nosso representante, Fernando Aguiar Albuquerque: [ Cultura ]

[ Sociedade ]

Assinantes de outras localidades enviar comprovante de depósito feito através do Bradesco, para o seguinte endereço: rua Cel. Lúcio, 569 CEP: 63700-000 - Crateús-Ce

Assinatura anual R$ 50,00 Outras localiadades Assinatura anual R$ 90,00 Assinatura semestral R$ 50,00

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Terça-feira, 28 de abril de 2009

3

Opinião [CrônicadaCidade] Chico Barros Júnior Bonfim O Centro Cultural Popular de Crateús estava lotado. Era o início da década de 1980. Uma caravana de Congressistas visitava parte do semi-árido nordestino para conhecer, in loco, os dramáticos efeitos de uma pesada seca. Em parte, a multidão era formada por curiosos que desejavam conhecer algumas celebridades que compunham a comitiva: a atriz Bete Mendes, o ex-guerrilheiro José Genoíno, o índio Mário Juruna... – todos Parlamentares Federais à época. Por ocasião dos debates, um representante da UFC se sobressaiu: Francisco Antonio Barros Farias. Com timbre imponente, o jovem que há muito tempo tinha deixado o torrão natal retornava para protagonizar uma cena de pugilato verbal que lhe garantia destaque. Assim conheci Chico Barros. O filho do seu Newton e da dona Júlia, desde a tenra idade, sempre carregou no bornal da mente algumas qualidades: o jeito irrequieto e até histriônico, a inclinação para quebrar convenções, a inquietação com a realidade social, a facilidade para tecer relações, a obstinação para encarar desafios, a devoção às coisas boas da vida. No entanto, uma faceta sempre lhe foi singular: a solar clareza que a principal arma para todas as guerras é o amor ao estudo, o culto ao conhecimento! Munido dessa convicção, com a brasa da adolescência ardendo n’alma, deixou Crateús no começo dos anos 70 e partiu para a Capital da República. Lá, além de obter graduação em Ciências Econômicas, pelo Centro Universitário de Brasília, CEUB, prestou serviços à Presidência da República, através das Secretarias de Planejamento e de Articulação com os Estados e Municípios. Daí, seus préstimos foram solicitados pelo Governo de Alagoas, onde também atuou na área de planejamento. A paixão pela terra Alencarina, no entanto, era intensa. Em 1983, mediante concurso público, passa

Marguê Freire

Ingredientes:

www.juniorbonfim.blogspot.com

a integrar o corpo docente da Universidade Estadual do Ceará – UECE – donde foi designado para lecionar na Faculdade de Educação de Crateús – FAEC. O hábito de desapego aos formalismos que o novo professor cultivava chocou muita gente em Crateús. Chico estava ali, no entanto, para seguir a vereda da inovação e descortinar novos paradigmas: sacudiu a comunidade universitária, congregou amigos para a realização de um trabalho filantrópico no distrito de Monte Nebo, mobilizou comunidades idealizando a Associação de Desenvolvimento Comunitário de Crateús – ADESC e agitou o movimento social animando a primeira greve de professores municipais da história do município. Separado e livre, nessas andanças guerreiras cruzou com a médica Maria de Jesus Soares, a Djeca, uma compreensiva morena de olhos verdes, com quem firmou par. Em 1986, assumiu a Delegacia Regional de Educação, implementando ações revolucionárias que marcaram a educação regional. Essa pujante atuação na vida socioeconômica, cultural e comunitária do município o guindou à atividade político-eleitoral. Em 1988, realiza uma campanha vanguardista para a Câmara Municipal. Foi a primeira pessoa a levar um computador para a cidade. (Imaginem a face de estupefação dos eleitores quando o candidato acionava a “máquina” e as pessoas viam todos os seus dados básicos na tela – inclusive, e principalmente, o número da seção em que votavam...). É eleito para uma cadeira no Parlamento Mirim de Crateús e, ali, dividindo bancada com gente como o saudoso Emanuel Cardoso, o empolgado orador José Maria Camerino, este escriba, o professor Arquimedes Marques, os engenheiros Joaquim Anízio e Luciano Feijão, comanda ricas discussões. Porém, sua passagem pela Casa do Povo seria fugaz. Convidado pelo Prefeito Zé Almir, assume a Secretaria

de Planejamento do Município, onde empreendeu uma série de passos inovadores na gestão local. Em 1990, foi convidado pelo amigo e deputado Manoel Veras, que havia sido nomeado Secretario de Administração do Estado, para assumir a Chefia de Gabinete da referida Pasta. Solidifica a parceria com o companheiro de infância, sendo um dos principais sustentáculos de assessoramento do parlamentar enquanto este cumpriu mandato popular. Mercê da rotina estafante que o redemoinho da vida pública impõe, nunca deixou de mirar o horizonte de luz que o estudo abre: cursou Direito pela Universidade de Fortaleza e, logo depois, especialização em Direito Constitucional. Recolheu rico material que a experiência em Crateús lhe proporcionou e escreveu uma tese de mestrado intitulada “ME AJUDA QUE EU TE AJUDO: RELAÇÕES DE PODER E POLITICA LOCAL NO COTIDIANO”. Em Fortaleza, montou um escritório e fundou a ADAM – Agência de Desenvolvimento e Administração Municipal – tendo, através dela, prestado serviços a vários municípios do Ceará. Após pulsar de alegria com a formatura em medicina do filho Gregório - a figura que mais enternece o seu espírito - mais uma vez alinhavou as interrogações que os experimentos práticos geraram e partiu para sua mais ousada escalada intelectiva: o doutorado! Com o tema “O DIREITO A TER DIREITOS - Sobre o Direito Municipal de Participação no Ordenamento Jurídico Brasileiro” – ingressou em 2007 na milenar Universidade de Coimbra, em Portugal. Na terra de Camões, é motivo de orgulho para uma família e para a comunidade a que pertence ter um filho integrando o quadro discente da mais antiga e famosa Universidade Portuguesa. Crateuenses: orgulhemo-nos do doutor Chico Barros, o primeiro conterrâneo nosso a pertencer à Universidade de Coimbra!

[Observatório] Há alguns anos atrás, nos sertões de Crateús, surgiu um fenômeno que fez a região ganhar uma negativa notoriedade: jovens de origem simples virando neo-ricos como num passe de mágica, aplicando golpes em detentores de cartão bancário. Essas figuras ficaram conhecidas como “os cartãozeiros” e viveram dias de glória no início da trajetória. Eram, via de regra, figuras paupérrimas que partiam sem qualquer tostão no bolso e voltavam exibindo luxuosos veículos, modernas peças eletrônicas e, sobretudo, polpudas carteiras com dinheiro em espécie. Logo granjeavam a admiração dos incautos. No auge dessa “fama”, alunos de escolas de Novo Oriente foram sondados sobre o que desejariam ser no futuro. A esmagadora maioria respondeu: ‘cartãozeiro’... O STF E O DIREITO DAS RUAS I Na semana passada, a nação brasileira assistiu intrigada a mais deprimente contenda verbal da história do Supremo Tribunal Federal. Questionado pelo Presidente da Corte, Gilmar Mendes, o Ministro Joaquim Barbosa disparou uma saraivada de agressões pessoais no colega. A sessão teve que ser encerrada à bem da ordem. Em que pese ter feito História por ser o primeiro negro a tomar assento na mais alta Corte de Justiça Brasileira, o ministro Barbosa, ao sair do altiplano da polêmica jurídica e deslizar para o pântano da refrega pessoal – malgrado o alerta censurativo à excessiva incursão midiática do Presidente da Casa – manchou um pouco a toga. Isto à parte, Joaquim Barbosa levantou uma questão de fundo. Ao insinuar que Gilmar contribuía para o descrédito da Justiça por se situar longe das ruas, Barbosa reacende um antigo debate entre decisão judicial e vontade popular. O ideal seria que a aplicação da lei e o sopro da popularidade andassem juntos. Porém, nem sempre isso é possível. Na maioria dos casos, quase impossível. O STF E O DIREITO DAS RUAS II Basta relembrarmos a enorme resistência que a massa popular externa por ocasião da entrada em vigor de leis rígidas e severas, mas necessárias, como é o caso da obrigatoriedade do cinto de segurança, da proibição de dirigir alcoolizado etc. Embora simpática à ira coletiva, a postura do Ministro Barbosa depõe contra o sentido da Justiça, que deve ser exercida com desassombro e destemor, inclusive incorrendo em impopularidade. Na linha de raciocínio esposada, se fosse

juiz nos sertões de Crateús há alguns anos atrás – e corresse às ruas para decidir o destino dos ‘cartãozeiros’ quando estes desfrutavam de enorme prestígio popular - certamente Joaquim Barbosa lhes outorgaria uma sentença de absolvição... A ACADEMIA Encontra-se em avançado estágio o debate visando à constituição da Academia de Letras de Crateús – ALC. De abrangência municipal, a Arcádia acolherá amantes das letras em sentido lato (tanto produtores da escrita convencional como artesãos da literatura popular), que possuam obra qualificada escrita (publicada ou não), bem como exibam vínculo literário com Crateús. No quadro de Patronos, figurarão nomes ligados ao Município e ao estado do Ceará, como: Dom Fragoso, Padre Alfredinho, Gerardo Mello Mourão, Patativa do Assaré, Sebastião Bonfim, Jáder de Carvalho e Raquel de Queiroz. O Estatuto está em fase final de compilação. GOVERNO LOCAL Por ocasião dos 100 dias de Governo de Carlos Felipe, algumas pessoas da cidade foram instadas a formular uma avaliação da gestão municipal. Dentre elas, este Colunista. Externamos que uma Administração se avalia por seu patrimônio, que é material e imaterial. O primeiro está ligado ao conjunto de realizações físicas, palpáveis, concretas; o segundo, pelo conjunto de intervenções simbólicas, gestos, idéias, posturas e falas. O MATERIAL Salvo algumas pequenas obras triviais, sobretudo ligadas à área de pavimentação, inexistem grandes ações. Pelo exíguo espaço de tempo, seria quase impossível à atual gestão exibir qualquer cartela de realizações. Portanto, pouco se pode ponderar nesse campo. Considerando o amplo leque de ações previstas para o município pelos Governos Federal e Estadual, em especial com a proximidade do próximo pleito eleitoral de 2010, certamente a cidade tende a virar um canteiro de obras. Tudo leva a crer que o governo local, nesse particular, obtenha êxito. O seu maior desafio é no campo impalpável. O IMATERIAL I Ao longo dos últimos quatro anos, o atual Prefeito construiu um discurso de rejeição a quem já tinha passado pela Prefeitura, sobretudo os ex-prefeitos. Criou uma dicotomia entre ‘velho’ e ‘novo’. Fustigou as práticas patrimonialistas, o exercício do clientelismo, o vírus da corrup-

SaboresCaseiros

PÃO DE LÓ DE LARANJA

02(Dois) xícaras de farinha de trigo. 01(Uma) xícara de maisena. 04(Quatro) ovos. 02(Duas) xícaras de açúcar. 03(Três) colheres de manteiga. Suco de 02(Duas) laranjas. 01(Colher) colher de fermento.

Modo de fazer:

Bater às claras em neve, as gemas com açúcar, a manteiga e o suco de laranja. Colocar a massa (farinha de trigo, maisena e meia colher de fermento em pó) na fôrma untada e assar em fogo médio. Fale com a redação: Tel.: (88) 3691.2006 - Fax: (88) 3692.3810 - E-mail: gazetaco@yahoo.com.br

Júnior Bonfim

ção e a barganha politiqueira. Virou paladino da seriedade, herói municipal. E conquistou o povo, sedento de uma oxigenação na política local. Sucede que, já na própria campanha, abriu a guarda quando aceitou o apoio de um ex-prefeito e até rival, o também médico Nenzé Bezerra. Após a eleição, ainda na fase de transição, ensaiou uma aproximação com o então Prefeito Zé Almir. Ante a reação adversa, negou o entendimento. Empossado, tem se aproximado de adesistas e esquecido aliados de primeira hora. Esses movimentos têm encontrado resistências em sua maior base de apoio: a classe média, a massa crítica que forma a opinião popular. O IMATERIAL II Emblemático desse quadro preocupante é o movimento dos professores (onde mais de 90% da categoria apostou no seu projeto), que gerou a mais rápida e duradoura greve da história do município. A dificuldade de diálogo eficaz já produziu explosões autoritárias do Prefeito, prontamente estimuladas por alguns dos seus assessores, inclusive tentando desqualificar os que lhe contestam. E isso é perigoso. Todos os que trilharam a vereda do autoritarismo se arrependeram. O IMATERIAL III A grande indagação é: está errado o Prefeito quando se aproxima de lideranças que contestava? É lógico que está certo. Um bom governo se faz ampliando apoios, somando forças, agregando valores. Equivocado ele estava quando difundiu um discurso diferente: separatista, divisionista. E agora, o que fazer?! É hora de protagonizar uma auto-avaliação séria e dialogar francamente com a população. No entanto, esse diálogo, que é necessário, há que ser feito de modo maiúsculo: ao invés de negociações pontuais, varejistas, vitaminada por concessões e barganhas individuais (como está sendo feito hoje), poderia ser colocado em pauta um debate de alto nível, discutindo um arrojado Programa Para o Município, com a audiência de todas as forças vivas e organizadas. Seria, pelo menos, um bom sinal. PARA REFLETIR “Não sou dos que rebaixam o debate, convertendo-o em pugilato. Elevo-o à região das idéias: não o arrasto pela das personalidades.” (Rui Barbosa)


4

Terça-feira, 28 de abril de 2009

Cidade

COMUNISTA QUER CPI PARA INVESTIGAR ABUSOS NO AUMENTO DA ENERGIA

O deputado Lula Morais (PC do B) está colhendo assinaturas dos parlamentares para instalar na Assembléia Legislativa do Ceará uma CPI para investigar o aumento tarifário de 11,25% concedido pela Coelce, e autorizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). O parlamentar já conseguiu 32 assinaturas, porém quer a adesão de todos os deputados

Blog aponta Justiça e MP omissos com tortura a presos No último dia 17, o blog do Montezuma Sales, que é dirigido especificamente para a cidade de Crateús, apontou a Justiça e o Ministério Público de Crateús, ambos, omissos com torturas aplicadas aos presos pela Polícia. A denúncia é das mais graves, por envolver juízes e Promotores de Justiça da Comarca de Crateús, além do delegado regional de Polícia Civil, e do comandante do 7º BPM em atos de atrocidade e hediondez. O responsável pelo blog, o dentista Francisco Montezuma Sales, produziu o seguinte texto que deslizou desta manchete: (SIC) “AO TORTURADO, O PRIMEIRO TROFEU PROF. LUIZ BEZERRA”. Eis o texto: (Sic) “Este Blog criou um premio para reconhecer qualidades, para reparar injustiças, para denunciar e divulgar fatos do cotidiano em que vivemos. E o troféu Prof. Luiz Bezerra. ‘segue’: Em sua primeira edição, hoje pela primeira vez vamos homenagear o impessoal. Torturas continuam sendo uma pratica contumaz em quase todas as prisões. Pratica hedionda repetitiva usada como instrumento para confissão de crimes, que na maioria das vezes de fato foram cometidos. Mas, a tortura não é justificativa para nada. Criminosos e verdade que merecem mesmo a prisão, as penas, mas, ninguém merece a tortura. Mesmo assim são torturados. Na maioria das vezes para satisfazer uma desejo animalesco do carrasco. Carrasco não apenas quem executa, mas que manda,

quem sabe e poderia evitar e não faz. E principalmente a tortura que a Justiça tem conhecimento. A tortura que o Ministério Publico também tem conhecimento, e nada fazem. Omitem-se, posto invariavelmente o torturado e um sem eira nem beira. ( o grifo é nosso e os erros são do blogueiro) Mas, e gente, pessoa humana, e verdade sem um nome lustroso de uma família tradicional, também e verdade. Para este que sofre a tortura, a mais abominável acao do poder, quase sempre o poder policial, o primeiro Troféu Professor Luiz Bezerra”. Antes de tudo, está no texto uma gozação na Manchete, atribuindo a um emérito educador crateuense, Luiz Bezerra, fundador da histórica Escola Normal Rural de Crateús, a “homenagem” póstuma do “troféu”, como se o professor houvesse se notabilizado como um socialista de tempos modernos, um ferrenho defensor dos direitos humanos, e não, como grande educador que, de fato, o foi. No mesmo texto, a vulgar e comprometedora acusação, sem fundamento e sem provas, e o julgamento antecipado de ínclitas e probas autoridades do Poder Judiciário e do Ministério Público, em plena conivência com o arbítrio, o autoritarismo, a omissão e a prevaricação, por fim. No mesmo “balaio”, indubitavelmente, inclui o comandante do 7º BPM e o delegado regional da Polícia Civil de Crateús. Seriam os primeiros, omissos e coniventes com a tortura a presos não identificados e, os

últimos, carrascos, mandantes ou executores do abominável crime. A sociedade de Crateús, que não identifica a ocorrência deste abominável crime, mas, tão somente, identifica o proposital insulto às autoridades, já cansou de ser monitorada pelo tal blog do senhor Montezuma Sales. Cansou de ser espionada, caluniada, difamada e injuriada por um blogueiro e um blog que já foi sentenciado pela Justiça Eleitoral por excessos cometidos. Cansou de ser ofendida em sua honra e na honra de suas famílias, que diariamente são detratadas, vilipendiadas, acusadas das mais torpes cretinices inventadas por este senhor que, auto- revestido de uma suposta suprema autoridade, se arvora em querer dar a palavra final em tudo, e de querer, ele próprio, ser espelho e paradigma de moral e “honestidade” a serem seguidos por cada um de nós. É a Justiça sendo feita com as próprias mãos, as mãos sujas de um justiceiro e inclemente talião. Estão, pois, a Justiça de Crateús, o Ministério Público, e as Polícias Militar e Civil jogados na lama, perante a sociedade, de modo cruel, irresponsável e pleno de afronta. Contrastando com suas pretensões, o blogueiro ignora que, no caso, o torturador é ele mesmo. O que denigre impunemente a honra de autoridades constituídas e de inúmeras famílias de nossa cidade, às quais leva o sofrimento moral, a dor imperceptível, a ira, o ódio, o sentimento da vindita e, por fim, o terrível e

perigoso sentimento da vingança contra a ofensa e o crime. Ignora, ainda, o blogueiro, que ele nada representa em sua nefasta atuação e ridículo papel na internet, a menos que, apresentar-se como verdugo da nossa sociedade e de nossas autoridades constituídas. É ele o que se compraz até o orgasmo, com a má sorte daquele que, por infelicidade, caiu em desgraça, pois, aí, se torna um prato feito para que ele sacie a sua fome de tortura moral. O momento é de extrema gravidade e requer uma resposta por parte das instituições que foram atiradas ao lodaçal pelo dentista Montezuma Sales. Requer uma resposta à altura da rispidez como foram tratadas – como instituições falidas e prevaricadoras. Contra o senhor Montezuma Sales pesa a carga de 20 processos cíveis e criminais na Justiça de Crateús e de Fortaleza, além de uma sentença condenatória aplicada pela Justiça Eleitoral de nossa Comarca, que retirou do ar o “famigerado” blog por mais de três meses. A sociedade de Crateús, ofendida e aviltada, pede providências ao Ministério Público e à Justiça, instituições que, durante o período eleitoral de 2008, também foram, de par com a nossa sociedade, achincalhadas pelo blogueiro, insultadas, desrespeitadas e denegridas, de forma ousada e atrevida, e de modo violento e contínuo, pelo mesmo senhor Montezuma Sales.

NOVA RUSSAS

Fortes chuvas banham o município

O mês de abril, ao contrário do mês de março, tem sido generoso e derramado fortes chuvas no município de Crateús, fazendo antever a perspectiva da colheita de grandes safras em 2009. O resultado do plantio já pode ser visto nas feiras, com a presença do milho e do feijão verde para comercialização, e até mesmo a do feijão novo e seco que já começou também a aparecer no comércio local. Em conseqüência, o feijão da safra de 2008 mantém o preço em queda, sendo vendido abaixo de R$ 1,00 o quilo. Também, em conseqüência das fortes chuvas, os açudes, em sua maioria, estão sangrando, inclusive o açude Carnaubal, que abastece de água a cidade de Crateús, garantindo o seu fornecimento

CNA quer intervenção e deve pedir impeachment A Confederação Nacional da Agricultura (CNA) deve pedir, na próxima semana, o impeachment da governadora do Pará, Ana Júlia Carepa (PT), por descumprir decisões judiciais para a retirada de integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) de fazendas no sul do Estado. A presidente da CNA, senadora Kátia Abreu (DEMTO), pediu à ProcuradoriaGeral da República interven-

Ex-prefeito dá sumiço ao caminhão do lixo

A cidade de Nova Russas viveu, no último dia 18, inusitado caso de polícia: o exprefeito Luiz Acácio de Sousa, derrotado nas últimas eleições, deu sumiço ao Caminhão do Lixo da cidade, após iludir o motorista do mesmo, Raimundo de Moura Muniz,

conhecido como Magal. O caso foi parar na Delegacia de Polícia Civil, onde foi registrado o Boletim de Ocorrência de nº 331/2009, sobre o roubo do caminhão compactador de placas LGE 9412.

Caminhão do lixo sumiu do Posto Pioneiro onde Acácio é sócio, após estacionar. Polícia procura o veículo

[ Opinião ]

[ Política ]

[ Cidade ]

Histórico

No Boletim de Ocorrência, o veterano motorista da prefeitura, conhecido como Magal, relata que foi abordado pelo ex-prefeito Luiz Acácio quando dirigia o caminhão, pedindo que ele estacionasse o veículo no Posto Pioneiro, do qual o ex-prefeito é sócio, onde uma pessoa levantaria alguns dados do veículo. Acácio disse a Magal que o Caminhão deveria permanecer no local até que alguém da atual administração aparecesse para resolver o impasse. O prefeito Marcos Alberto, ao tomar ciência do fato, acionou os advogados da prefeitura para irem à Justiça solicitar um mandato de busca e apreensão do Compactador de Lixo da Prefeitura, que consta no Balanço Geral do ano de 1994, na relação de bens móveis incorporados, e dando conta de que o compactador é um bem público. A aquisição de um coletor e compactador de lixo, marca Vegalix II, modelo 10m³, com dispositivo de con-

[ Geral ]

[ Cultura ]

tainer, está registrada no Balanço Geral de 1994, no item nº 03, da Secretaria de Serviços Urbanos e Rodoviários. Por ironia do destino, quem assinou o relatório de aquisição do compactador de lixo para a prefeitura foi o ex-prefeito Luis Acácio de Sousa. Após o aprofundamento de investigações, constatou-se que o caminhão não pertencia ao ex-prefeito e estava no nome de uma terceira pessoa. O fato teve ampla repercussão na cidade e na região, com a maioria do povo condenando a atitude do exprefeito, por ter abordado e iludido o motorista para resolver um problema de seu interesse. A opinião geral é a de que Acácio deveria ter ido ao prefeito e não a um servidor público. O caminhão encontra-se em lugar incerto e não sabido, apesar de buscas empreendidas para trazê-lo de volta.

Reação do prefeito

O prefeito Marcos Alberto ressaltou que o fato não trouxe nenhuma surpresa para ele, pois, o ex-prefeito, tem feito de tudo para inviabilizar o início

[ Sociedade ]

por três anos. A continuidade das chuças caídas em grande intensidade no município já ameaçam a cidade, pois, o rio Poti corre com grande volume de água. O açude Realejo, que não sangrou no ano passado, não tem recebido recarga suficiente para deixá-lo no volume de água que acumulou em 2008. Enquanto isso está sangrando o açude Flor do Campo, em Novo Oriente, reservatório de grande capacidade, cujas águas descem para o açude Carnaubal, e deste, correm ao encontro do rio Poti. No interior do município, muitas localidades se encontram isoladas por causa do aguaceiro e as estradas se encontram em péssimo estado.

ção federal no Pará para que sejam cumpridas as decisões judiciais. De acordo com a senadora, o pedido de impeachment da governadora já está pronto. Fazendeiros da região colhem assinaturas para anexar ao processo, que deverá ser protocolado na Assembléia Legislativa do Estado. São mais de 111 pedidos de reintegração de posse julgados pela justiça do Estado e até hoje não cumpridos.

de sua administração. No entanto, sua atenção está voltada para a inauguração da Praça da Lagoa de São Pedro, distrito do município, para a conclusão do posto de saúde do bairro São Francisco, para a entrega do posto de saúde do distrito de Canindezinho. Também está voltada para ampliar o número de PSFs, de sete para onze, e para abrir os postos de saúde dos bairros Pantanal, Timbaúba e Tamarindo. Além da melhoria da qualidade de vida da população, declarou o prefeito: “fizemos o maior carnaval da cidade de todos os tempos, abrimos um cursinho pré-vestibular para 100 jovens, organizamos uma grande festa no Dia Internacional da Mulher, contemplamos o pequeno agricultor com mais de 2.000 horas de trator, para aradagem de terras, reformamos escolas, contratamos mais quatro médicos especialistas, melhoramos o atendimento no Hospital Municipal e, em breve, inauguraremos a nova Feira do Peixe. Essa é a marca do novo governo: realizar”, Finalizou o prefeito.

[ www.gazetacrateus.com.br ]


Terça-feira, 28 de abril de 2009

5

Cidade Morte de Monsenhor Morais enluta Crateús e o Ipu

Aos 98 anos e ainda lúcido, partiu Monsenhor Francisco Ferreira de Morais(foto), natural de Crateús e ordenado padre em 1937. Seu passamento ocorreu no dia 15 último, no Ipu, ao sopé da Serra da Ibiapaba onde, por mais de 50 anos, exerceu o vicariato e tornou-se o seu maior benfeitor. Durante 10 anos, nos primórdios da juventude, foi pároco da cidade de Nova Russas, onde também deixou a marca de suas pegadas. Seu corpo foi velado naquelas duas cidades e também em Crateús, na Catedral do Senhor do Bonfim, onde foi ungido sacerdote pelo

então bispo de Sobral, dom José Tupinambá da Frota, e onde cantou a primeira missa. Monsenhor Morais esteve em Crateús, pela última vez, no dia 1º de novembro de 2007, para celebrar os 70 anos de sua ordenação sacerdotal. Neste dia, a Catedral do Senhor do Bonfim encheu-se de fiéis que ouviram o seu sermão e compartilharam da sua emoção. Grande orador sacro proferiu naquele dia, o último dos seus sermões diante do então bispo de Crateús, dom Jacinto de Brito que, benigna e respeitosamente o acolheu e com ele concelebrou. O corpo de Monsenhor Morais,

após a missa por intenção de sua bondosa alma, foi sepultado no túmulo de sua família, no Cemitério São Miguel, na tarde/noite do dia 15 de abril, com grande acompanhamento.

Aula inaugural torna realidade o IFET O Teatro Municipal Rosa Morais foi palco da aula inaugural do IFET – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia, em construção em Crateús. A aula foi ministrada pelo engenheiro eletricista Francisco Alexandre de Souza e os cursos de Técnico em Informática, Técnico em Segurança do Trabalho e Técnico em Eletrotécnica serão ministrados provisoriamente na Escola Carlota Colares, já nos próximos dias.

O auspicioso evento ocorreu no último dia 18, com as dependências do Teatro lotadas de futuros alunos. O IFET vai funcionar com 2.000 alunos de Crateús e da região. O prefeito Carlos Felipe, o vice-prefeito Mauro Soares, o secretário de Educação Avelar Macedo e outros secretários tomaram parte no evento. Carlos Felipe lembrou, na ocasião, que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, em 1999, fez uma lei para eli-

minar os cursos técnicos no Brasil e, em 2004, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva rasgou essa lei e fez outra. E que esta realidade que chega a Crateús é fruto da luta política do deputado José Pimentel e do senador Inácio Arruda. O prefeito também disse do seu empenho junto aos políticos que trabalham por Crateús, para trazer para o município um campus da UFC e recursos estaduais da UECE.

Artigo - José Maria Bomfim Morais – Médico

O cura tomba

Monsenhor Francisco Ferreira de Morais é morto. Nas lonjuras do outono, ainda destemido e forte, como todo caboclo do sertão, se vai. Filho de Crateús, 97 anos, não alçou o centenário. Morre na completude de sua gloriosa missão. Missas já finitas: Ite missa est, já proclamado. Turíbulos apagados. Brasas frias. Cinzas polvilhandose na vida. Tantum ergo sacramentum, terminado. Panis Angelicus, silencioso. Ave Venum, completado. Exodus im memoriam. Foi o operário da fé. Mysterium Fidei. Foi soldado da Igreja. Obediente e convicto de usa valiosa e grandiosa missão. Fartou a tantos na tábua da eucaristia. Imersou muitos no sacramento do batismo. Ungiu a tantos nos gasping e estertores da vida. Acolheu

a todos. Foi pleno. Foi plural. Saiu do Templo e foi edificar uma cidade:Ipu. Renasceu no chão que não era o seu. Construiu Colégios, Escolas, Maternidades, Centro Cultural, Casa do Menor Abandonado. Cidadanizou-se. Um transformador. Como um Homero, fundador da literatura ocidental, foi um brilhante orador sacro. Como Perícles, reformador da democracia, revolucionou. Hoje se vai. Vai como todos nós mortais. Leva-nos na sua saudade. Deixa-nos na sua ausência. Alguns morrem na primavera. Outros esperam o descambar do sol. São os crepusculários. Outros são entregues em plena aurora. Outros, quando a noite é anunciada. Alguns morrem na antevéspera. Muitos nem espe-

ram. Monsenhor Morais preferiu a Páscoa. Onde o fogo santo brilha. Onde o círio pascal reluz. Onde os cravos descem da cruz para serem princípio e fim. Alfa e Ômega. A Páscoa será sempre amanhecer. Onde a morte morre. Páscoa é ressurreição. Monsenhor Morais morre na primavera da vida da Igreja. Morre, mas não morre. Vive, mas não vive. Ressurge na grandeza da crença de que Jesus morreu, para que nós vivêssemos. Eu sou a vida. Vem servo bom e fiel, vem regozijar-te com teu Senhor. Ele viverá!

Domingos Filho tem reunião agendada no STF O presidente da Assembléia Legislativa, deputado Domingos Filho (PMDB), participou no último dia 22, em conjunto com os presidentes das outras Assembléias Legislativas do País, de uma reunião com o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Gilmar Mendes e os presidentes do Senado e da Câmara, José Sarney (PMDB-AP) e Michel Temer (PMDB-SP). Na pauta, uma definição do STF e do Congresso Nacional sobre a lei complementar que estabelece regras claras para as novas emancipações, fusões, incorporações e desmembramentos de municípios no Brasil.

Os presidentes das casas legislativas querem que seja cumprida a Ação Direta de Inconstitucionalidade por omissão, julgada em maio de 2007 pela Corte sob a relatoria de Mendes, que estabelecia um prazo de 18 meses para que a matéria fosse analisada pelo Congresso. De acordo com a Comissão de Triagem, Elaboração de Projetos e Criação de Novos Municípios da Assembléia, a emancipação dos distritos só acontecerá em 2012, em razão de conflitos existentes entre os municípios devido a ausência ou indefinição de um marco delimitatório legal e o impedimento das casas le-

gislativas estaduais legislarem sobre os limites. A Comissão alerta ainda que o Estado do Ceará conta com aproximadamente 80 áreas de litígios e, para que seja resolvida a questão, talvez seja necessária a realização de plebiscitos. RW/AN

BREVES ASSEMBLEÍA APROVA MENSAGENS DO GOVERNO Da direita para a esquerda: professor Alexandre de Souza, vereador Lourenço Torres, vice-prefeito Mário Soares, prefeito Carlos Felipe, secretário de educação Avelar Neri, Romildo Marçal e professor Gilmar

A Assembléia Legislativa do Ceará aprovou duas mensagens do Poder Executivo. A primeira trata da conces-

são de redução do ICMS a ser gerado por empresas que utilizam o leite como matéria prima. A outra mo-

Você encontra todas as matérias da Gazeta no site. Acesse e poste seu comentário. Fale com a redação: Tel.: (88) 3691.2006 - Fax: (88) 3692.3810 - E-mail: gazetaco@yahoo.com.br

difica a instituição financeira de recebimento de recursos de empréstimos do BNDES com o Governo do Estado.


6

Terça-feira, 28 de abril de 2009

Cidade Pacto Ambiental realiza XIII reunião em Crateús O Pacto Ambiental dos Sertões dos Inhamuns e Crateús realizou sua XIII Reunião, na última sextafeira, 24, pela manhã, no auditório da CREDE-13. A abertura dos trabalhos pelo presidente do Pacto, José Valdi Coutinho, prefeito de Independência, constou de apresentações culturais e foi seguida por uma palestra que ele, brilhantemente, ministrou, sobre o tema: Programa Aduba Sertão – O Milagre da Transformação no SemiÁrido. Valdi Coutinho é engenheiro agrônomo, detentor de grandes conhecimentos na Ciência do Campo. O Corpo de Bombeiros se fez presente por seu comandante-adjunto, Cel.BM Joaquim Neto e pelo maj. BM Jurcival Nunes Cavalcante, comandante da Unidade de Crateús, que fez uma explanação da atuação ambiental, social e cultural da Corporação na região. O Cel. Joaquim Neto, demonstrando amplo conhecimento, discorreu sobre Defesa Civil e gerenciamento de riscos. Para ele, a função do Corpo de Bombeiros não é a de apagar incêndios, mas trabalhar de forma interativa na

Maj. BM Jurcival Nunes Cavalcante

Presidente da APRECE prefeita de General Sampaio Eliene Brasileiro com os prefeitos Valdi Coutinho de Independência e Carlos Felipe de Crateús

prevenção de desastres. A XIII Reunião do Pacto Ambiental foi prestigiada pelo prefeito de Crateús, Carlos Felipe, e pela presidente da APRECE – Associação dos Prefeitos do Ceará, Eliene Brasileiro, prefeita de General Sampaio, por secretários municipais e vereadores de Crateús. A secretária de Estado do Meio Ambiente, Tereza Farias, proferiu palestra sobre o tema: Projeto Mata Branca/BIRD/ GEF/CONPAM como Fator de Inclusão Ambiental. A Associação Caatinga, que em Crateús administra a Reserva Ecológica Serra das Almas, foi representada pelo Dr. Rodrigo Castro, que proferiu palestra com o tema: A Aliança Caatinga e sua Importância

Comandante adjunto do CB Militar do Ceará cel. Joaquim Neto

Ambiental, Cultural e Social na Região dos Inhamuns e Sertões de Crateús. O Pacto Ambiental teve como parceiros a Associação Caatinga, Prodema/UFC, SEMACE, CONPAM, DNOCS, EMATERCE, ACOVISCA, Corpo de Bombeiros Militar do Ceará, Coordenadoria Estadual da Defesa Civil, Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Fundação Bernardo Feitosa, SEBRAE-CE, UNICEF, CEFET/CE, DNPM, COMDEMA’s da Região dos Inhamuns e Sertões de Crateús e sindicatos rurais. A XIII Reunião do Pacto Ambiental tratou de diversos assuntos concernentes ao Meio Ambiente e foi encerrada por volta das 16 horas pelo prefeito Carlos Felipe.

Vereadores Betinha Machado, Adriano das Flores, Louren;o Torres e Bibi Apolônio

Prefeito adere ao Programa do Governo Federal 51.644 unidades destinadas ao Estado. O ato aconteceu uma semana após o governador anunciar a isenção do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) nos insumos para as empresas que participarem do Programa. Na ocasião Cid Gomes sugeriu a isenção, por parte dos municípios, de tributos como Imposto Sobre Serviços (ISS) e do Imposto Sobre Transmissão de Bens e Imóveis (ITBI). A medida, de acordo com governador, estimularia a competitividade dos

[ Opinião ]

O Deputado Estadual Nenen Coelho, após 08 anos como prefeito de Novo Oriente, adquiriu bastante experiência administrativa e política, e conhece o funcionamento da burocracia das secretarias estaduais e dos ministérios federais, as ações e projetos prioritários dos governos estadual e federal. Tornou-se um político qualificado, capaz de conseguir a liberação de recursos públicos, em nível estadual e federal, para promover qualidade de vida da população em municípios da Região dos Sertões de Crateús. Há anos, o governo do Estado, em parceria direta com as associações comunitárias, através do Projeto São José, vem liberando recursos financeiros para a implantação de projetos produtivos de geração de emprego e renda, de abastecimentos de água, de eletrificação rural e de aquisição de tratores, para mudar a realidade sócio-econômica dos 184 municípios do Ceará, e transformar sonhos em realidade. Para as associações comunitárias terem acesso aos recursos do Projeto São José do governo do Estado, existe uma burocracia a ser obedecida: a associação precisa ter CNPJ, elaborar o projeto, apresentar a documentação exigida pelas comissões técnicas e, às vezes, uma contrapartida por parte da comunidade. Preenchidos estes requisitos e o projeto aprovado, o governo estadual pode liberar os recursos do

[ Política ]

municípios e reduziria o preço final do imóvel. “Meu apelo é para que os municípios façam algo semelhante ao que o Estado já se prontificou”, sugeriu Cid. O encontro aconteceu no Centro de Convenções e contou com a participação de mais de 100 prefeitos, deputados, secretários de Estado, representantes da construção civil e dos superintendentes da Caixa para Fortaleza, Gotardo Gurgel, e para o Interior, Odilon Soares.

[ Cidade ]

[ Geral ]

Projeto São José. Somente no município de Crateús, o deputado Nenen Coelho está trabalhando em parcerias com as associações comunitárias, cerca de 50 projetos de abastecimento de água junto ao governo do Estado, através do Projeto São José. Primeiramente o deputado, a convite da associação comunitária, participa de importante reunião com a comunidade e faz ampla explicação sobre o funcionamento da burocracia do Projeto São José. Quando a comunidade escolhe um projeto de abastecimento de água, o deputado coloca sua equipe técnica à disposição da associação para agilizar o reconhecimento da associação através do CNPJ, a elaboração do projeto de abastecimento feito por engenheiros e topógrafos e a organização da documentação a ser entregue às comissões técnicas do Projeto São José em vários órgãos do governo estadual, que aprovam o projeto da associação e possibilita a licitação e a liberação de recursos financeiros pelo Executivo estadual, direto na conta corrente no banco da associação a ser beneficiada. O Deputado Neném Coelho trabalha em parceria com as associações comunitárias, com o apoio do presidente da Assembléia Legislativa, deputado Domingos Filho e, graças a sua força política junto ao governo do Estado, tem conseguido a liberação de recursos financeiros para implantação de vários abasteci-

Deputado Nenen Coelho

mentos de água no município de Crateús, através do Projeto São José. As comunidades já beneficiadas com abastecimentos de água dos distritos de Santo Antônio, Realejo, Santana, das Vilas de Ingá, Águas Belas, etc., reconhecem e valorizam o trabalho em parceria com o Deputado Nenen Coelho. Em breve, os dois parlamentares com o governo do Estado, irão inaugurar os abastecimentos de água já concluídos em: Boa Vista, Pocinhos (2ª etapa), Jatobá dos Umbelinos (2ª etapa), Convento (1ª etapa), Patos (2ª etapa), Queimadas, Pé do Morro-Barra dos Dutras (2ª etapa). Cerca de 20 novos projetos de abastecimentos de água já elaborados pelas associações comunitárias de Crateús com o apoio do deputado Nenen Coelho, já foram aprovados pelas comissões técnicas do Projeto São José, e estão aguardando a licitação e a liberação dos recursos por parte do governo do Estado. Brevemente, milhares de crateuenses serão beneficiados.

Cartas e E-mails

Cruzeta

“MINHA CASA, MINHA VIDA”

O prefeito Carlos Felipe (PCdoB) esteve em Fortaleza, no último dia 22, atendendo ao chamado do governador Cid Gomes, para assinar, no Centro de Convenções de Fortaleza, o termo de adesão ao programa de habitação do Governo Federal, “MINHA CASA, MINHA VIDA”, com a Caixa Econômica Federal. Outros prefeitos de vários municípios também assinaram o termo de adesão ao programa. No Ceará, a expectativa de Cid Gomes é construir as

Nenen Coelho acumula experiência em elaborar projetos

O distrito de Santa Cruz foi palco, na última sexta-feira (17/04), de mais uma tragédia fruto da insegurança causada pela falta de policiamento na comunidade. É, no mínimo, revoltante saber que o nosso distrito já teve um posto policial, soldados e viatura e que hoje vive entregue às baratas. Conseqüência da desastrosa política de segurança do Sr. Governador Cid Gomes. Nós, não precisamos de policiais almofadinhas, andando de caminhoneta importada com computador de bordo. Não é

[ Cultura ]

[ Sociedade ]

preciso que o Ronda do Quarteirão chegue aqui. O Menezes e a sua velha saveiro vermelha já estava de bom tamanho. O que não se pode, de maneira alguma, é ver a Santa Cruz do Padre Geraldo se tornar neste lugar de promiscuidade que a cada dia está se tornando. Aqui, ninguém tem mais o trabalho de cheirar cocaína dentro dos banheiros dos bares, não, é nos bancos da praça mesmo. Sexo se faz na calçada da igreja ou na fonte da praça (não tem água mesmo!). A lei do desarmamento ainda não

[ www.gazetacrateus.com.br ]

chegou para nós. Aliás, fora da lei é quem anda desarmado. Nas madrugadas adentro, os ‘tiros das motos’ se misturam aos tiros das pistolas e os bares fecham às 10 horas ... da manhã. Dar ‘cavalo-de-pau’ em carros e motos em cima da praça da matriz já é comum. Ô saudade do tempo em que na Cruzeta o problema era só a falta d’água. Jayro Nikson C. Carvalho Pedra Branca - CE

Você encontra todas as matérias da Gazeta no site. Acesse e poste seu comentário.


Terça-feira, 28 de abril de 2009

7

Cidade Informações importantes para universitários 01. O QUE É DESAFIO SEBRAE? Um jogo virtual que simula o dia-a-dia de uma empresa – Indústria de Brinquedos, e coloca o universitário no comando; Trabalha conceitos de gerenciamento empresarial; Vivência que aprimora a capacidade empreendedora.

06. PREMIAÇÃO PARA O PROFESSOR MAIS INDICADO PELAS EQUIPES: Curso Empretec

02. QUEM PODE PARTICIPAR DO DESAFIO SEBRAE? Universitários de qualquer curso de graduação de qualquer Instituição de Ensino Superior. Inscrição até 13/05/2009.

08. COMO FUNCIONA: A equipe composta de 3 a 5 estudantes faz inscrição através da Internet: www.desafio.sebrae.com.br; Baixa o jogo pela Internet, faz a instalação em um PC e verifica datas limites do jogo; Inicia a tomada de decisão e acompanha os resultados de seu negócio; Concorre a prêmios e aprende gestão empresarial se divertindo!!!

03. SITE PARA INSCRIÇÃO: www.desafio.sebrae.com.br 04. VALOR DO INVESTIMENTO: R$ 30,00 por equipe. 05. PREMIAÇÃO PARA UNIVERSITÁRIOS: Além de ganhar conhecimento e descobrir um caminho alternativo para sua carreira, o empreendedorismo, você concorre: NACIONAL: Notebooks e viagem internacional (Espanha). ESTADUAL: Um ano de Curso do SEBRAE/CE.

07. PREMIAÇÃO PARA A UNIVERSIDADE QUE CONTAR COM MAIS PARITICPANTES INSCRITOS: Reconhecimento através do troféu AMIGO DO DESAFIO.

09. MAIORES INFORMAÇÕES: SEBRAE/CE – Escritório Regional de Crateús - Rua Padre Mororó, 285 – Terminal Rodoviário – Crateús/CE - Fone: (88) 3691-2060 89 E-mail: goncalves@ce.sebrae.com.br

Palestra Show com Erick Penna Com intuito de preparar e motivar o comércio varejista local para o período de vendas no dia das mães, o Escritório Regional do Sebare de Crateús, promoveu no dia 14 de abril de 2009, no Teatro Rosa Moraes, município de Crateús, a Palestra Show: Campeão de Vendas com Erick Penna, conceituado palestrante nacional e especialista em vendas e motivação. O evento contou com a participação de 269 comerciantes de Crateús, Nova Russas, Tauá e teve como parceiros a Prefeitura Municipal, CDL e Associação Comercial e Industrial de Crateús. Essa ação demonstra o compromisso permanente do Sebrae no fortalecimento do comércio local e na busca por uma educação permanente e de qualidade.

os alunos, uma vez que os estudantes das escolas públicas terão mais condições de ingressar nas faculdades. Para ele, a forma com que se dá atualmente, o vestibular traz mais prejuízos do que benefícios, pois todo o ensino médio tem direcionado seu currículo para o vestibular. “A distorção é tal que um professor estrangeiro, ao visitar o Brasil, disse que nossos estudantes são os que mais estudam Física. E os que menos aprendem. A proposta do MEC vai acabar com essa distorção, tornar a aferição menos massacrante e ainda vai ajudar na avaliação da rede de ensino. Sem avaliação, não há como planejar nem como melhorar a educação”, ressalta Teodoro. Ele relata que, cerca de 35

Erick Penna no Teatro Rosa Moraes no momento da palestra show

universidades federais e 500 faculdades particulares já se mostraram favoráveis à nova medida. “Algumas usarão a nova metodologia no próximo vestibular”, afirma. Na avaliação do parlamentar, essa mudança já era para ter sido feita, já que o sistema vem sendo aplicado pelos países desenvolvido e tem tido resultados positivos. Ele explicou ainda que a grande novidade deste sistema de seleção é que a prova não vai mais exigir grandes quantidades de informações, mas priorizar o raciocínio e a capacidade de solucionar problemas em quatro áreas do conhecimento. “Serão 200 questões de múltipla escolha divididas em: ciências naturais e humanas, linguagens e matemática. O aluno será levado

...Enquanto o eleitor não aprender a escolher gente séria para os cargos públicos no País, a bandalheira continuará. E num crescendo assustador. O cidadão brasileiro deve seguir a Constituição imaginada de Capistrano de Abreu e criar vergonha na cara, aprendendo a votar. Ao invés de extinguir o Senado ou a Câmara, temos que extinguir mesmo é a maioria dos senadores e deputados que deslustram a instituição mais sagrada da democracia que é o legislativo. O que vemos hoje é que a cada eleição aumenta o contingente de vereadores, prefeitos, deputados e senadores sem as mínimas condições para o exercício desses mandatos. ( Rangel Cavalcante – Jornalista)

Passagens aéreas

Isso é um roubo descarado; ainda nos obrigam a votar nessa gente. Que País, com representantes desse quilate! Tanta gente passando fome, tantas crianças morrendo, tanta gente

sem moradia, sem educação, saúde. Ladrão de galinha, para matar a fome com a família, vai para a cadeia, mas quem rouba a consciência de toda a Nação, fica rindo impune. (Robson C. Santos – Leitor)

Rolando lero

Deputado Teodoro defende novo vestibular O Ministério da Educação anunciou recente uma nova proposta para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que substituiria o vestibular das 55 universidades federais e de instituições estaduais que adotarem a medida. Segundo o modelo proposto, após receber o resultado da sua prova no Enem o aluno poderá listar até cinco cursos, nas instituições de sua preferência (também limitado a cinco) e concorrer com os demais candidatos do país. O deputado Professor Teodoro (PSDB), no último dia 14, declarou que está entre os satisfeitos com esse novo modelo. Segundo ele, o novo modelo poderá propiciar um grande avanço na avaliação do ensino médio no País, além de promover justiça social entre

Plebiscito para quê?

O Senado está conseguindo despertar toda a raiva e indignação do povo brasileiro, aviltado pelas condutas, ativas e passivas, dos senadores no uso do dinheiro público, de forma imoral e sempre em proveito próprio. Depois da série de escândalos, o Congresso prometeu tomar medidas para amenizar a crise administrativa. O presidente do Senado, José Sarney, há um mês disse que iria realizar uma “reestruturação profunda” na Casa. As Mesas do Senado e Câmara chegaram a anunciar “medidas moralizadoras” para o uso de passagens aéreas. O que foi feito até hoje? O Senado decidiu apenas acabar com os dois bilhetes para o Rio de Janeiro (antiga capital) a que os 81 senadores tinham direito, trocando-os por dois bilhetes para o Estado de origem. É gozar demais com a cara do povo brasileiro... (Regina Marshall – Jornalista)

Punição

No Brasil, os criminosos saem livres, leves e soltos da cadeia, caluniando delegados que provaram seus crimes e juiz que decretou sua prisão. Aliás, o ex-delegado geral da Polícia Federal foi exilado em Portugal e

o delegado Protógenes Queiroz foi afastado. Só falta mesmo aquela desembargadora, que está cavando nomeação para ministra, descobrir maneira de punir o juiz que pensou ser possível manter megaguabiru na cadeia. (Lustosa da Costa – Jornalista)

Pernambuco barra a baixaria no forró

Deputado Professor Teodoro

a raciocinar, refletir, elaborar. Neste ano o MEC fará apenas um exame, nos dias 3 e 4 de outubro. Em 2010, pretende aplicar, pelo menos, dois. A meta é chegar a sete por ano, como o SAT (Scholastic Aptitude Test – Teste de Aptidão Escolar), modelo americano no qual se inspira o novo Enem”, disse.

Enquanto o Ceará assiste calado à intensa baixaria de muitas bandas de forró, Pernambuco reage. Mais precisamente, Caruaru. Veja o trecho de uma reportagem publicada pelo jornal do Commércio (PE), edição do dia 19/4. “O São João de Caruaru, no Agreste, será voltado para as tradições culturais e para o autêntico forró. É o que promete a Fundação de Cultura da cidade, que causou polêmica ao anunciar, sem citar nomes, que bandas ‘apelativas’, estão fora da programação... ‘Algumas bandas não vão participar. O São João de Caruaru nasceu, se fortaleceu e cresceu através do forró autêntico, das bandas e dos artistas da cidade e queremos resgatar essa tradição’, disse o presidente da Fundação de Cultura, José Pereira. Segundo ele, a prefeitura contratou um instituto de pesquisa para saber a opinião de moradores e turistas sobre o São João... ‘No item música, as pessoas reclamaram muito de determinados tipos de bandas. No ano passado uma integrante chegou a tirar o sutiã. Em outra ocasião, um cantor mostrou as nádegas e também houve gestos obscenos com microfones. As pessoas disseram que não vinham mais ao Pátio devido à falta de respeito. Então é preciso mudar’, destacou José Pereira. Detalhe: a maioria dessas bandas de forró que exalta a baixaria, a agressividade e a falta de civilidade é do Ceará. (Fábio Campos – Jornalista)

Fale com a redação: Tel.: (88) 3691.2006 - Fax: (88) 3692.3810 - E-mail: gazetaco@yahoo.com.br


8

Terça-feira, 28 de abril de 2009

Regional Informe Publicitário Independência

Valdi Coutinho incluído entre os 30 melhores prefeitos do Brasil O Município de independência destacou-se no cenário nacional, no último dia 20 de abril, quando o prefeito Valdi Coutinho foi homenageado no III Prêmio IBVG de Gestão Pública – Melhores Prefeitos Brasileiros de 2005/2008. Ele foi escolhido pelo Instituto Brasileiro de Verificação de Gestão (IBVG) como um dos prefeitos que mais se destacaram em todo país como Administrador e Gestor Público. Os agraciados com o prêmio IBGV, em número de 30, receberam uma placa alusiva ao evento, que se realizou no Hotel Bordon Ibirapuera e Convention Center, em São Paulo. O evento é em reconhecimento aos melhores prefeitos do País, por suas realizações administrativas frente às respectivas prefeituras. As instituições responsáveis pela entrega do prêmio que está em sua terceira edição, analisou os dados das realizações de José Valdi Coutinho

Agricultura

A administração “Construindo um Novo Amanhã” vem promovendo intensificadas ações na agricultura nesse inicio de ano, com o Secretário Nonato e uma equipe de oito técnicos dando total cobertura e assistência aos agricultores. O prefeito Valdi Coutinho afirmou que Independência tem experimentado inúmeros avanços na agricultura. O programa Aduba Sertão beneficiou 92 agricultores com a garantia de 198.5 hectares adubados, nas comunidades que

frente à Prefeitura de Independência, para a qual foi reeleito no pleito de outubro/2008. Os dados foram utilizados como parâmetro aos dados dos demais municípios, para concluírem que Valdi Coutinho tem uma das administrações mais modernas do País. O Prêmio IBVG de Gestão Pública – Melhores Prefeitos Brasileiros de 2005/2008 prestigiou 30 prefeitos de todo País, que foram homenageados pelos quatro anos de gestão administrativa em seus municípios. Para os diretores do IBVG, a escolha de Independência como modelo de Gestão Fiscal se baseou em dados concretos e disponíveis junto aos órgãos públicos, em âmbito Federal e Estadual, correlacionados à administração municipal. O prêmio tem um significado especial, e diz respeito à correta aplicação dos recursos e o cumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal. A administração do prefeito Valdi

trabalham na agricultura familiar e vivem no semi-árido, além de outros 36 produtores, entre os quais, pescadores das comunidades, Assentamento Pintada, São Joaquim, Santa Cruz, São Luis, São Bento, Carnaubinha, Jaburu e Sossego. São produtores que tiveram a renda da família aumentada, e beneficiadas com a compra direta, com aquisição de produtos como; alface, batata doce, beterraba, cebolinha, cenoura, ovos, galinha caipira, mel, filé de peixe, carnes bovi-

Coutinho, nos últimos quatro anos, mudou a cidade, tanto na parte administrativa quanto na infra-estrutura. O prêmio conferido ao prefeito é mais um que se soma a outros por ele recebidos, por sua capacidade administrativa. Outros dois prefeitos do Ceará também receberam o premio IBVG: Evanderto Almeida, de Assaré, e José Wílame Alencar, de Mombaça.

na, ovina e suína e polpas de frutas. São 1.406 beneficiados, divididos em 12 entidades como; APAE, Escola Maria do Carmo Cardoso, PETI, Creches do Brilhante, Fundação Senhor Pires, Cantinho da Criança e Pro Jovem. O Prefeito Valdi Cautinho, em parceria com o Governo Federal, já garantiu recursos para manutenção do programa Compra Direta, na ordem de 125.190.50.

Feira da Agricultura A administração “Construindo um Novo Amanhã” vem promovendo intensificadas ações na agricultura nesse inicio de ano, com o Secretário Nonato e uma equipe de oito técnicos dando total cobertura e assistência aos agricultores. O prefeito Valdi Coutinho afirmou que Independência tem experimentado inúmeros avanços na agricultura. O programa Aduba Sertão beneficiou 92 agricultores com a garantia de 198.5 hectares adubados, nas comunidades que

trabalham na agricultura familiar e vivem no semi-árido, além de outros 36 produtores, entre os quais, pescadores das comunidades, Assentamento Pintada, São Joaquim, Santa Cruz, São Luis, São Bento, Carnaubinha, Jaburu e Sossego. São produtores que tiveram a renda da família aumentada, e beneficiadas com a compra direta, com aquisição de produtos como; alface, batata doce, beterraba, cebolinha, cenoura, ovos, galinha caipira, mel, filé de peixe, carnes bovi-

na, ovina e suína e polpas de frutas. São 1.406 beneficiados, divididos em 12 entidades como; APAE, Escola Maria do Carmo Cardoso, PETI, Creches do Brilhante, Fundação Senhor Pires, Cantinho da Criança e Pro Jovem. O Prefeito Valdi Cautinho, em parceria com o Governo Federal, já garantiu recursos para manutenção do programa Compra Direta, na ordem de 125.190.50.

Informe Publicitário Nova Russas

Câmara promove capacitação para cabelereiros A vereadora Karla Loiola, presidente da Câmara Municipal de Nova Russas, em Parceria com a Secretaria de Cultura do Município, na pessoa da titular da Pasta, Valeria Chaves, receberam no Núcleo de Artes e Cultura do município, a bem sucedida empresária conterrânea, no ramo de beleza, na Capital do Estado, Núbia Paiva, e uma a equipe de técnicos da linha de cosméticos Hidratage. A parceria teve por fim a promoção de um dia de capacitação para profissionais cabeleireiros. Estiveram presentes profissionais renomados do município de Nova Russas, que assistiram a processos de hidratação, plástica capilar, fotohair, hidratações, e escovas progressivas. Vereadora Karla Loiola com o cabeleireiro Roberto

Empresaria Núbia Paiva com o cabeleireiro César

Equipe de técnicos da Linha Hidratage com a empresária Núbia Paiva e a vereadora Karla Loiola

Vereadores participam de paralisação

A vereadora Karla Loiola, presidente da Câmara Municipal de Nova Russas, e o vereador Teixeira, participaram, no último dia 24, da paralisação dos profissionais da rede publica de ensino, promovida pelo sindicato dos servidores Públicos de Nova Russas. Na ocasião, houve uma manifestação de professores da rede de ensi-

no municipal e estadual, que se mobilizaram em defesa do piso salarial nos estados e municípios brasileiros. A vereadora, que se orgulha em ser professora, sempre foi atuante na luta da classe por melhoria salarial. Na ocasião, conclamou os professores para que formassem grupos de estudos, para reformular o plano de cargos e carreiras

Informe Publicitário Tauá

Sedete anuncia reforma na rede de internet A Secretaria de Ciências e Tecnologia (SEDETE) iniciou o processo de reformulação da rede de internet do município. A meta é melhorar a qualidade do sinal da rede existente, diminuindo o número de pontos que não

funciona internet. Neste sentido, também está previsto a construção de mais uma torre e o remanejamento de duas outras já existentes, sendo estas, deslocadas para outros pontos estratégicos dentro da cidade de Tauá.

priada de acordo com o local. A localização do empreendimento residencial, sob o aspecto ambiental e social, combinam com as políticas públicas de saúde, educação, lazer e esportes. O plano está na segunda etapa que diagnostica o setor habitacional no município e vai manter a parceria com associações, agentes de saúde, que são os identifica[ Opinião ]

[ Política ]

Na próxima quarta-feira, 29 de abril, às 8:00h, na Cidade de Tauá, será realizado o Fórum Regional de Cultura e Turismo do Sertão dos Inhamuns, composto pelos municípios de Tauá, Arneiroz, Quiterianópolis, Parambu e Aiuaba. O encontro será na

sala de vídeo-conferência da Secretaria de Ciências e Tecnologia de Tauá. Durante o evento, haverá eleição para a diretoria executiva do Fórum e o planejamento da agenda de encontros. A iniciativa é da Secretaria Municipal de Cultura

dores das famílias necessitadas, por conhecer a área detalhadamente. Existe, na Secretaria de Infra-Estrutura uma sala com todas as informações do Plano, na Rua Francisco Amadeu Marques. A assistente social do município, Ana Rosária Vieira Sabóia, atende pelo telefone (88) 3675 2357.

[ Cidade ]

[ Geral ]

Segundo a equipe técnica da SEDETE, as torres ficarão localizadas nos seguintes pontos: Uma próxima ao Serrote Quinamuiú; outra, vizinho ao Centro de Artesanato, e uma terceira, junto à Escola Teresa Aragão Serra.

Fórum Regional de Cultura e Turismo dos Inhamuns

Plano Local de Habitação de Interesse Social Com a capacitação de uma equipe técnica do município, concluída em outubro/2008, teve inicio em Independência a elaboração do Plano Local de Habitação de Interesse Social, que tem como objetivo promover o acesso à moradia popular em número suficiente, com qualidade no uso de materiais de construção e tecnologia apro-

do magistério no município de Nova Russas. Ressalta a vereadora que o secretário de Educação, Jorge Luis, dará todo o suporte e apoio para que o plano seja reformulado até o final do ano. Reafirmou Karla o seu compromisso de lutar pela melhoria da educação em Nova Russas.

[ Cultura ]

[ Sociedade ]

[ www.gazetacrateus.com.br ]

e Turismo, em parceria com a SUPERMATA, Fundação Bernardo Feitosa, Associação de Rally e MotoCross da Região dos Inhamuns (AMORI) e o Pacto Ambiental da Região dos Inhamuns (PARI).


Terça-feira, 28 de abril de 2009

9

Regional Informe Publicitário Novo Oriente

Foto: Júnior Sá

Águas de abril inundam Novo Oriente

Trecho do Centro Comercial e residencial de Novo Oriente tomado pelas águas expulsando moradores e comerciantes

Secretária de Educação

A Secretaria de Educação suspendeu por três dias as aulas nos colégios do município, devido à situação de emergência na cidade, por causa das fortes chuvas e da inundação ocorrida, podendo a medida ser prorrogada por mais dias, caso a situação venha a se agravar pela repetição das chuvas.

V Feira da Agricultura Familiar

A Prefeitura Municipal de Novo Oriente, em parceria com o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Ematerce e Igreja, realiza a V Feira da Agricultura Familiar no próximo dia 1º de maio. O evento tem por finalidade trazer as associações comunitárias para comercializarem os seus produtos, e já faz parte do calendário do município, organizado pela Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente.

A cidade de Novo Oriente, mais uma vez, sofre com as inundações causadas pelas fortes chuvas que banham o município. O riacho que atravessa o centro da cidade saiu do seu leito e inundou toda a área central que abriga o comércio e muitas residências. São grandes os prejuízos de ordem financeira, a par do transtorno e do vexame sofridos pelas famílias que, de um momento para o outro, foram expulsas de seus lares pela força das águas. A Defesa Civil do Município, juntamente com a Guarda Civil Municipal e a Policia Militar, tiveram grande atuação no socorro às vítimas da enchente que inundou a cidade. Elas permanecem de sobreaviso para qualquer emergência que se faça necessária, inclusive, no informe à população sobre novos riscos de enchentes. A Prefeitura Municipal mobilizouse com a Defesa Civil e os voluntários, num plano de contingência como apoio aos trabalhos de socorro à população. A Secretaria de Obras

Pompeo de Mattos (PDTRS) - que criava a gratuidade sem exigir inscrição no Bolsa-Família - e 7433/02, da Comissão de Legislação Participativa - que restringia o direito às famílias com renda per capita inferior a meio salário mínimo. O prejuízo das empresas de abastecimento de água e saneamento com a isenção poderá ser abatido de tributos devidos à União. Essa compensação, segundo a deputada, “afasta

Em contraste ao sofrimento de grande parte da população que teve o comércio ou as residências invadidas pela força das águas, a alegria do povo que assiste a sangria de todos os açudes e reservatórios de água do município, inclusive a sangria do Açude Flor do Campo, que se encontra em sua capacidade máxima de 111 milhões de metros cúbicos de água, e sangra pela segunda vez consecutiva.

A Secretaria de Educação de Novo Oriente, realizou, nos dias 6 e 7 de abril, na Escola Eufrasino Neto, o I Encontro para a implantação do Programa de Educação Contra a Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente – PETECA. Foram selecionadas 10 escolas municipais onde serão desenvolvidas atividades com alunos do 6º ano. O objetivo do Programa é discutir e montar políticas públicas contra o trabalho infantil. Anteriormente, houve uma capacitação de professores, em Fortaleza, que agora está sendo repassada aos professores da Rede Pública Municipal. Vários Secretários Municipais e o Prefeito Rodrigo Coelho estiveram presentes à solenidade de implantação do programa.

Terá início neste 1º de Maio o lançamento das obras de construção da 3ª etapa da Praça da Matriz, pelo Prefeito Rodrigo Coelho, que se fará acompanhar do deputado Nenen Coelho e de lideranças locais. O início dos trabalhos de construção da 3ª e ultima etapa da Praça da Matriz concretiza um antigo sonho da população de Novo Oriente, de ter um local digno para o seu lazer. Durante a 3ª etapa, será feita a retirada dos prédios do Salão Paroquial, da CAGECE e, em seguida, as instalações da empresa OI, de telefonia. Os recursos para construção das obras são do Governo Federal, Ministério do Turismo, com a contrapartida da Prefeitura Municipal. A previsão para o término das obras é de 90 dias.

a possibilidade de vir a ser questionado o rompimento do equilíbrio econômicofinanceiro dos contratos de concessão”. Gorete Pereira afirmou que o fim da conta de água para os beneficiários do Bolsa-Família que atenderem aos requisitos tem base na Lei 11.445/07, que permite a criação de subsídios para usuários de serviços de saneamento com baixa renda.

Reservatórios cheios.

Projeto Peteca

Lançada 3ª etapa da Praça da Matriz

RECURSOS

Deputada aprova fim da conta de água a quem tem Bolsa-Família A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público aprovou nesta quartafeira isenção de tarifa de água e esgoto para beneficiários do Bolsa-Família. Para ficar livre da conta de água, o usuário deverá usar no máximo 15 m3 por mês e residir em casa com no máximo 45 m2. O novo direito está previsto em substitutivo da relatora da matéria, deputada Gorete Pereira (PR-CE), aos projetos de lei 1630/99, do deputado

está tentando manter as principais estradas em funcionamento; a Secretaria de Saúde mobilizou as equipes dos PSF e o Hospital local na prevenção a possíveis focos de doenças que possam ocorrer. O Projeto do desvio das águas do riacho que corta a cidade de Novo Oriente já se encontra concluído e aguardando apenas pela liberação dos recursos federais e estaduais para inicio das obras, um sonho de toda a população do Município, que tanto sofre durante a quadra invernosa.

FUNDEB: Governo vai antecipar R$ 1 bi até julho

Dep. Gorete Pereira

TRAMITAÇÃO

O projeto ainda terá que passar por três comissões (Minas e Energia; Finanças e Tributação; e Constituição e Justiça e de Cidadania) antes de ir a Plenário.

O Ministério da Fazenda informou a alteração no cronograma dos repasses ao Fundeb para Estados e municípios neste ano. A antecipação de R$ 1,06 bilhão vai se concentrar entre os meses de abril e julho. A medida tem o objetivo de “reduzir os efeitos decorrentes da queda dos repasses dos fundos de participação verificada no primeiro trimestre”. A alteração foi acertada com o Ministério da Educa-

Rua Ubaldino Souto Maior, 1230 - São Vicente, Crateús-CE - Fones: (88) 3691.1080 / 3691.5777

Fale com a redação: Tel.: (88) 3691.2006 - Fax: (88) 3692.3810 - E-mail: gazetaco@yahoo.com.br

ção, conforme a Fazenda, e resultará na antecipação de recursos para os Estados de Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco e Piauí, e aos seus municípios. Ao longo deste ano, está previsto o repasse de R$ 5,1 bilhões para os Estados. Entre janeiro e março já foram liberados R$ 934,3 milhões. Os adiantamentos serão compensados nos meses de agosto a dezembro.


10

Dr Eliézio Torres Martins

Terça-feira, 28 de abril de 2009

Cultura

ORTODONTIA - CRO-CE: 2491

Dr Bruno Cavalcanti Martins

PRÓTESE E CLÍNICA GERAL - CRO-CE: 4875

Dr Breno Cavalcanti Martins

CIRURGIÃO DENTISTA - CRO-CE: 6028

Drª Lia Barroso Brandão Aragão PERIODONTIA - CRO-CE: 4874

CRATEÚS: Rua Cel. Lúcio, 495 - Centro - Fone: (88) 3691.8050 NOVO ORIENTE: Rua Cazuza Rocha, 56 - Centro - Fone: (88) 3629.1477 E-mail: clinicanimo@hotmail.com

Crateús de Ontem

Flávio Machado

Policlínica e Casa de Saúde Santa Teresinha Na década de 1960, Crateús, em termos de saúde, contava com o Posto de Puericultura e com o Hospital e Maternidade Gentil Barreira. O Hospital do Batalhão tinha atendimento direcionado para os militares e trabalhadores civis daquela Unidade do Exército. Com a transferência do 4º BEC para Barreiras, na Bahia, o hospital ficou desativado por algum tempo, sendo depois ocupado pela Fundação Furtado Leite, com o Hospital Regional. Por volta de 1966, iluminaram-se as mentes dos médicos Olavo Cardoso e José Fernandes, que idealizarem um local de atendimento hospitalar em Crateús, criando a Policlínica, um pequeno hospital particular que muito serviu a cidade e a esta região. Situava-se na Rua Coronel Lúcio, esquina com Rua Coronel Zezé. A instalação da Policlínica representou grande avanço, passo agigantado para a nossa saúde, daí surgindo depois, por parte do médico

Francisco Sales de Macedo, a iniciativa de implantar também a Casa de Saúde Santa Teresinha, com o mesmo tipo de atendimento, mais uma opção para o nosso povo. Os dois mini hospitais, no que pese a falta de estrutura, evitaram centenas de deslocamentos de pacientes para Sobral ou Fortaleza, reduzindo despesas, tempo e muitas preocupações. Com a Policlínica e a Casa de Saúde Santa Teresinha surgiu a idéia dos seus proprietários construírem o Hospital Geral de Crateús. A policlínica e a Casa de Saúde Santa Teresinha contavam cada uma com cerca de 12 leitos, ambulatório, centro cirúrgico, sala de recuperação e bom atendimento por parte dos que ali prestavam serviços. Contavam com os médicos Olavo Cardoso, Fernandes, Sales, Abdoral Machado, José Humberto, Nonato Melo, José Carlos, Antônio Freitas, Almir Sabino, Diderot Catunda, José Maria Leitão, auxiliados pe-

los enfermeiros Osvaldo, Luzineuza, Gerarda, Maria, Eridan, Binha, Iva, Mariinha, Toinha Pereira, Gilda, Maria Paulino, além das atendentes, Beta Sabóia e Maria da Cruz. Em agosto de 1969, Dr. Olavo, um dos proprietários da Policlínica, foi tragicamente assassinado, fato que enlutou a cidade e comoveu sensivelmente toda esta região. A ausência daquele médico deixou impreenchível lacuna no meio de nossa população, quer pela competência profissional ou pelo seu espírito caritativo. O povo de Crateús cultua a sua memória, e seu túmulo no Cemitério São Miguel é visitado diariamente por devotos de sua alma, da qual dizem obter curas milagrosas. Dona Idelzuite, viúva do médico, passou a ajudar na administração da Policlínica, demonstrando esforço para que a instituição continuasse prestando atendimento cada vez melhor e capaz de melhorar a saúde de seu povo. Em novembro de 1979, já

Hermenegildo, urgente! Irônico e mordaz umorista fazendo graça e umô pra vocês. E a greve dos professores? Grave aí que a greve é grave. Grave que é muita greve pra tão pouco aumento e tanto movimento. Responda onde há mais graça e umô, se no aluno que não aprende ou no que ganha o prufessô! E esta greve é como a história do “se-atolou-se”: nem anda pra frente, nem recua pra trás. E na passeata dos professores não faltou, sequer, a mulher melancia distribuindo a fruta aos grevistas. E tinha uma faixa dos grevistas na Câmara Municipal: “Professor não é melancia; Não se vende barato nem no quilo”. Urgente! Via internet! Estafeta da Maldição Cria Troféu para Torturados! Eis que o inusitado acontece. Conhecido torturador criou o “Troféu Luiz Bezerra” para agraciar torturados que

ele mesmo torturou na prensa do blog, via internet. Devia mesmo era pedir perdão, ajoelhado em caroço de milho, ao invés de criar troféu. Devia era se auto-condecorar com o troféu Carandiru ou com o troféu Fleury. HERMENEGILDO.COM – ATENDIMENTO AO ANÔNIMO Seu Menegildo tou istudano infoimática no tau de Zefete qui cumessou aqui. Jár apremdi paçá imei e conçultá o pontocom. Me dêr nutissa do Istafeta da maudissão e qualo foi a sua última fassanha. E akela istóra da sauxicha dento de um pinico de seuveja, qué dizê o Q? Acinado anôni da LP. Meu caro anônimo da Lagoa das Pedras: Parabéns por está estudando Informática e poder interagir comigo. O Estafeta da Maldição, que também chamam de Profeta da Des-

graça, tá empriquitando com um muro que o prefeito tá fazendo, a gente não sabe aonde, e que este muro tá torto só para um lado, e empenado para o outro. O tal muro, segundo ele, precisa ser derrubado, como foi o de Berlim, para ser reconstruído e ficar semelhante à Muralha da China. Vou tentar descobrir onde fica. Penso que seja um muro em volta da cidade, como existia na antiguidade em Alexandria, Atenas, em Jerusalém, na Tróia, na Gália e na Roma antiga, para evitar a entrada de estrangeiro currupto na cidade. Diz que é preciso mudar o engenheiro, a peãozada, e que o material de construção precisa ser mais dosado. Talvez seja necessário usar óleo de baleia pra ligar mais o cimento, mas isto não é problema, pois quem trouxe bosta de baleia para adubar o sertão, traz também o óleo do cetáceo da Chuchuaia, né

[ Opinião ]

[ Política ]

[ Cidade ]

[ Geral ]

embrionado pela criação da Policlínica e Casa de Saúde Santa Teresinha, foi inaugurado o Hospital Geral de Crateús, suntuosa edificação pela qual se avaliava a idéia de pessoas com mentes identificadas com o futuro. Desta vez, Crateús passou a contar um moderno e vultoso empreendimento, com estrutura e avançados equipamentos. No início do funcionamento, seus proprietários se depararam com o empecilho da perseguição política, responsável, por meses, pelo atraso do seu credenciamento junto ao então INPS. Era a política do atraso que, ao longo da nossa história, de vez em quando se posiciona contra os que trabalham pelo bem-estar de nosso povo. Esta coluna tem o patrocínio da família de João Crisóstomo de Azevedo (in memoriam) e de Antônio Frederico Aguiar (Dodó Aguiar).

mesmo? Daí, eu acho que o Dr. Felipe deve atender esta exigência dele e chamar o Oscar Niemayer, que é companheiro do PCdoB, para assinar a sua segunda obra na cidade. A primeira foi o monumento à Coluna Prestes. Acho também que ele deve botar uma placa de advertência no tal muro, para que ninguém se encoste nem caia por cima dele. Quanto àquela história da salsicha boiando no penico de cerveja, se você achar pouco, bote mais duas para nadar no mesmo espaço e tire a conclusão sobre valor dele. Bem dizia meu professor de latim clássico: VENTOSA LINGUA, PEDES FUGACES. O valente de palavras é muito ligeiro dos pés. Com licença... Ademã que vou em frente. Os cães latem, mas a caravana passa.

[ Cultura ]

[ Sociedade ]

CantinhodaPoesia

Soneto da maioridade Vinícius de Morais

O Sol, que pelas ruas da cidade Revela as marcas do viver humano Sobre teu belo rosto soberano Espalha apenas pura claridade. Nasceste para o Sol; és mocidade Em plena floração, fruto sem dano Rosa que floresceu, ano por ano Para uma esplêndida maioridade. Ao Sol, que é pai do tempo, e nunca mente Hoje se eleva a minha prece ardente: Não permita que ele se afoite A vida em ti, que é sumo de alegria De maneira que tarde muito a noite Sobre a manhã radiosa do teu dia.

FlashdoPassado César Vale

Vestido, saia e blusa Tudo, hoje, é bem diferente do passado, mormente, quando o assunto é roupa feminina. O que sobrou das vestes da mulher de antigamente foram apenas o vestido, a saia e a blusa, que são hoje confeccionados em miniatura, ou seja: com pouco pano pra muito corpo. Na transparência. Cadê a combinação, a anágua, o califon, a saia godê, a plissada, a saia justa e a calçola? Nem as velhas usam mais. Combinação, anágua e califon, nenhuma mocinha sabe o que é. Saia, atualmente, é sempre acima do joelho e um pouco abaixo do umbigo. O tamanho não dá um palmo. O que está em moda é a calça comprida, justa, sem cós, combinando com a blusinha que não vai até o umbigo. Califon, agora, é sutiã. Cobre os seios e deixa de fora as maçãs. Depois, veio o short, cada vez mais curto, apertado e ousado. Cobre apenas meia bunda. E a calçola virou calcinha que, de tão pequena, cabe numa caixinha de fósforo. Maiô, que antigamente cobria metade da coxa da mulher, virou fio dental, tanga corisco, que passa por ele e cobre o risco. E quando as duas pecinhas ainda são demais no banho de mar, ninguém mais se espanta com o topless. Afora isso, brechar pernas cruzadas e decotes, saíram de moda. Agora, é tudo ou nada. Na mão grande, sim senhor.

AfrouxandooRiso

Estrondoso arroto No mesmo apartamento Notando o impacto causado

moravam diversos rapazes, um deles empregado de uma padaria, e o restante formava uma turma de estudantes. Pela madrugada, levantava-se o padeiro e saía para o seu trabalho de distribuir pães pelas residências. Logo ao acordar, o padeiro, que se chamava Manuel, tinha o hábito de soltar estrondoso arroto, que mais parecia a explosão de uma bomba. Todos acordavam com aquele barulho. Sabendo da inexperiência de Manuel, um dos estudantes chamou-lhe a atenção, advertindo-o que deixasse aquele hábito nocivo, pois que um amigo seu havia posto o intestino pra fora durante semelhante arroto.

[ www.gazetacrateus.com.br ]

em Manuel, o estudante adquiriu meio metro de lingüiça fresca e colocou na calça do pijama do moço quando este dormia, e aguardou o resultado. Ao acordar, Manuel soltou um daqueles e lembrou-se da advertência do amigo. Pôs a mão no trazeiro e ficou apavorado. Chamou o companheiro e confabulou: - Zé, bem que me disseste: botei pra fora meio metro do intestino nesta madrugada... – Lamento Manuel. Doeu muito? - Pra sair, não doeu nada, Zé; mas, pra entrar, foi horrível!. Esta coluna recebe o patrocínio de Lázaro Fontinele Lopes, exgerente do Banco do Brasil.


Terça-feira, 28 de abril de 2009

11

Geral

Artigo

Comunicando

Jogo pesado As denúncias continuam insistentes. Todos os dias as manchetes fazem referência a novos escândalos. Não suportamos mais. Há um profundo mal-estar. Para quem apelar? Essa situação não acontece de agora. Os donos do poder assim traficam desde os primórdios da nossa História. Agora, as denúncias tomam curso e chegam ao domínio popular. Tomamos conhecimento. As acusações ganham curso. O exercício da política torna-se mais transparente. Levantase o tapete. Por exemplo, um senador é eleito para representar o povo de um determinado estado. Defender os interesses da nação e os projetos que tenham a ver com a sua região. Então, para que tantos assessores? Tanta mordomia, tantos privilégios? Agem como perdulários da coisa públi-

Balneário Municipal

ca. Nem a riqueza pessoal eles tratam dessa forma. Exploram porque é coisa pública. Sem parcimônia. Sem respeito. A novidade é que estamos de saco cheio. Não agüentamos mais tanta safadeza. Urge que se corte a própria carne. O Brasil é hoje um país maior do que a sua classe política. Dir-se-à que foram eleitos e escolhidos pelo povo. É verdade. Mas ninguém os elegeu para promoverem tamanhas falcatruas. O povo foi ludibriado. Aviltado em suas crenças, que aquelas promessas feitas seriam cumpridas. Tomemos um exemplo. Quem esperava um Inácio Arruda, como senador, totalmente apagado, defendendo e votando coisas que sua própria consciência, com certeza, não pode admitir? Foi o povo quem errou? Ele era respaldado por uma

Antonio Mourão Cavalcante Médico, antropólogo e prof. Universitário

longa história de lutas e coragem. O que foi feito do ser político? Diante dessa situação não devemos esmorecer. Estamos avançando. Essa intolerância crescente, esse profundo mal-estar são evidencias que isso não pode continuar. Teremos uma grande chance de acertar as contas. O dia já está marcado: 4 de outubro do próximo ano. Vamos passar uma vassoura nesses que traíram nossas esperanças. É bom que eles saibam: o jogo agora vai ser mais duro!

VESTIBULAR NA UFC

Novo modelo deve ser aplicado em 2011 No que depender do reitor da Universidade Federal do Ceará (UFC), Jesualdo Farias, a instituição irá adotar, “na íntegra”, o novo modelo de vestibular proposto pelo Ministério da Educação (MEC). Mas a mudança só deve ocorrer no processo seletivo para 2011. A intenção do reitor é substituir as tradicionais provas objetivas e discursivas por um único exame, que será uma espécie de Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) “melhorado”. O assunto, que ainda gera muitas dúvidas, foi tema do Programa

Grande Debate, exibido na TV O POVO. Além do reitor, participaram do debate o diretor-superintendente da Organização Educacional Farias Brito, Tales de Sá Cavalcante; o presidente da Associação Cearense dos Estudantes Secundaristas (Aces), Ivo Braga; e o diretor do Diretório Central de Estudantes (DCE) da UFC, Witor Hugo Guedes. Durante o programa, o reitor explicou que a universidade não irá alterar o processo seletivo de 2010 porque é “tradição realizar mudanças somente no vestibular do ano

seguinte.” O educador Tales de Sá Cavalcante declarou que aprova o modelo de prova que o MEC está propondo para todas as universidades federias, mas disse que a faculdade particular que ele dirige não irá adotá-lo. O MEC propõe uma prova única, de 200 questões, que irá cobrar menos conteúdo e mais questões de raciocínio. O representante do DCE, Witor Hugo, disse que os estudantes ainda irão avaliar a proposta do MEC para definir qual a posição do grupo.

Uma das preocupações declaradas pelo secretário de Infra-Estrutura Luiz Alberto é com o Balneário Municipal, área de lazer contemplando a verde paisagem em torno das águas do Açude Municipal. A preocupação faz sentido e tem o amplo apoio da sociedade. De fato, não se pode deixar em abandono o que já foi construído no local, bem como não se pode deixar de investir numa área nobre para o lazer da população, hoje em completo abandono e invadida.

O Governo Municipal tem de agir com mais rigor ainda no modo como vem agindo contra as transgressões ao Código de Posturas Municipal verificadas na cidade, pois, não se trata de uma simples infração, mas de invasões propositadas de uma área pública.

Valorização da área

O Balneário Municipal poderá galgar a posição de pólo de lazer da cidade ou até mesmo ser atração turística para o município, que é destituído dessa necessidade. A Gestão de Carlos Felipe poderá consagrar-se pelas benfeitorias feitas direta ou indiretamente àquela área. Há de entender que, em primeiro lugar, faz-se necessário construir o acesso a partir da Avenida 13 de Maio, fazendo um estudo viário até sua localização. Com certeza, os cuidados do município levarão à criação de um novo bairro, de situação climática privilegiada e para onde convergirão investimentos em residências, comércio e esportes aquáticos como a canoagem, o Jet-ski e a pesca esportiva. Também, se faz necessário o saneamento, a vigilância e a conservação.

Precatório

O Balneário Municipal foi construído ainda na gestão

do Dr. Paulo Nazareno, que teve a visão futurista do local. No entanto, o prefeito que o sucedeu, apenas dele cuidou como se cuida de um quintal desprezado. Há de haver a consciência de que o terreno onde foi implantado o projeto daquele lazer foi desapropriado da família Jucá e Melo, mas nunca foi paga a desapropriação que, hoje, é objeto de litígio na Justiça. A administração passada, que desperdiçou montanhas de dinheiro na malversação, não se dignou a resolver a pendenga judicial. Portanto, a bem da Ética, qualquer projeto não deve ser implantado na referida área, sem que antes seja definido o pagamento do precatório, ainda que, mediante acordo celebrado com a família que, de fato e de direito é proprietária daquela aprazível área.

Poluição sonora

As ruas centrais da cidade, onde se localiza o grosso do comércio, e onde também concentra número avantajado de residências, tem padecido sob o barulho emitido pelos carros de som, que voltaram a operar a propaganda comercial sonora em volume de decibéis excedentes ao acordo firmado entre a Justiça e os proprietários de carros de som. Há momentos em que a comunicação por telefone, em estabelecimentos comercias, se torna inviável por causa do intenso ruído, que é agravado pelo ruído procedente de casas comerciais que também jogam sua propaganda sonora a partir do portão de entrada, para as ruas já barulhentas. Compreende-se o valor que tem uma propaganda sonora bem elaborada e na medida do som. Que a laboriosa classe seja mais condescendente para com o ouvido da população.

Provão para professores

Na década de 90, quando Ciro Gomes governou o Ceará, vendo ele os péssimos

resultados decorrentes do ensino no Estado, estabeleceu que os professores do Estado passassem por um provão para mostrar o nível de conhecimento. Daí originou-se o ENEM – Exame Nacional do Ensino Médio, cuja eficiência não pode ser negada. Crateús, pela 88ª colocação no ranking do ensino fundamental, está a merecer, por parte da Secretaria de Educação, essa providência, pois, nossas crianças são as maiores sacrificadas no seu futuro, sendo a classe responsabilizada por tamanho dano à sociedade. É mostrando competência e resultados, que se justificam as greves.

Nível de aprendizado

Numa prova de matemática feita por quatro alunos da 5ª Série da Escola De Patos, com 15 questões, em que constavam três contas de subtração, três de adição com duas parcelas, três de multiplicar por dois números, três de divisão por um e dois números, colocação de quatro milhares em ordem crescente, indicação do sucessor em seis milhares, e cálculo e simplificação de quatro frações simples, três alunos acertaram apenas uma resposta: o sucessor de 5559 é 5560. Outro aluno zerou a prova. Há seis décadas atrás, isto seria impossível de acontecer, porque tínhamos professoras como as irmãs Carlota e Fausta Colares, Lionete, Nair e Nadir Colares, Delite Meneses, Dona Cota, Francisca Rosa, Leonor Rosa, Mirian Pedrosa, Olívia Bezerra, Rosa Morais, Maria Luiza Monte, Adamir Sales, Irami Rego e outras. Nenhuma com curso superior, nenhuma pós-graduada, nenhuma com especialização em pedagogia. A quinta série, que depois passou para a quarta, era a véspera da admissão ao curso ginasial. E ainda fazem greve os professores, talvez achando que os alunos é que são rudes ou dislexos.

Artigo

Cultura? Que cultura? Virou moda. Péssima moda a de imaginar e propagar que tudo se resolve a partir da construção de culturas. Expliquemos melhor. O feminismo, por exemplo, considera que, para além das diferenças biológicas, a diversidade homem e mulher, é uma construção cultural. Basta que se construa uma cultura de igualdade de gênero e tudo estará solucionado.

Contaminada pelo passionalismo essa tese não permite perceber que toda cultura, seja ela feminista, machista ou outra qualquer, tem que ter uma base material para nascer e prosperar. Mas essa questão é difícil de perceber, tamanhos são os preconceitos que cercam essa questão. Quanto ao problema ambiental eis outra questão que muitos tentam resolver pro-

pondo a construção de uma cultua preservacionista, ao lado de algumas ações de resistência à sanha predatória do capitalismo. A violência, por sua vez, tentam resolver com a cultura da paz, envolvendo campanhas onde não faltam caminhadas, procissões e outras manifestações, dentre elas as revoadas de pombas brancas e canções piegas de exaltação à paz e ao

Gilvan Rocha Presidente do Centro de Atividades de Estudos Políticos (Caep)

amor. Ora, não percebemos os formuladores dessas “culturas’ salvadoras que o problema realmente é de ausência de uma cultura, sim, a cultura política que deixe a nu o caráter destrutivo e insano de um capitalismo exaurido. Essa, sim é a cultura que nos falta e a ausência dela deve-se a dois fatores. Primeiro: não seriam as classes dominantes que haveriam de

construir uma cultura política de conteúdo anticapitalista. Segundo: á esquerda, a quem caberia essa tarefa, descaracterizou-se e, ao invés do anticapitalismo, incorporou ao seu paupérrimo discurso político o desenvolvimento, a soberania nacional, as reformas no âmbito do sistema e outras quinquilharias de igual valor deixando as massas populares órfãs de uma verdadeira

Fale com a redação: Tel.: (88) 3691.2006 - Fax: (88) 3692.3810 - E-mail: gazetaco@yahoo.com.br

cultura. Uma cultura capaz de tanger as ilusões, a cegueira, as fantasias, as crendices ignaras ou eruditas que campeiam no nosso dia-a-dia. Por fim, vale dizer que não é o específico que determina sobre o geral, mas o geral é que determina sobre o especifico.


Maria Coelho Sampaio, secretária de Educação de Novo Oriente, aniversariou dia 19 último, quando foi festejada por inúmeros amigos e pelos familiares.

Suélley Veras, filha do casal Célia e Sebastião Veras (Restaurante Ideal) desistiu do curso de fisioterapia e, recentemente, foi aprovada no vestibular para Odontologia, na Universidade Federal do Piauí, fazendo maior ainda a alegria de seus pais.

Elegante dama de nossa sociedade, Solange Leitão, marca idade nova amanhã e vai comemorar na intimidade do lar, com Elder e filhos.

Cultura

Padre Geraldo de Oliveira Lima (padre Geraldinho) lançou mais uma de suas obras literárias: “MEMÓRIAS PÓSTUMAS DE BRÁS CUBAS” – Obra Transcendental e Filosófica – desta feita, em Fortaleza, na Livraria Livro Técnico do Centro Cultural Dragão do Mar, na Praia de Iracema. O evento contou com a presença de expressivas figuras do mundo literário cearense, entre as quais se destacou o poeta e acadêmico da Academia Cearense de Letras, Juarez Leitão, e muitos amigos.

Empresário Francisco Nildo Bandeira, que comanda a Toner Jet no Montese, em Fortaleza, comemorou seu nat no domingo, 26, na casa de praia de Paracuru, com churrasco preparado por irmão Luiz, que se destaca na arte.

Eduardo Aragão (Eduardinho), que ocupa diretoria na Ematerce, com invejável desempenho, passou pelo calendário, dia 20, quando foi bastante cumprimentado.


gazeta277  

Edição Nº 277 - Terça-feira, 28 de abril de 2009

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you