Page 1

Nana Toledo

Sole Otero

A FADA SONHADORA


Copyright do texto © 2010, Nana Toledo Copyright das ilustrações © 2010, Sole Otero Coordenação editorial: Pablo César Lugones Revisão: Luzia Antonelli Pivetta Ficha catalográfica T649f

Toledo, Nana. A fada sonhadora / Nana Toledo ; ilustrado por Sole Otero. – 2. ed. – Blumenau : Gato Leitor, 2015. [36] p. : il. color. ISBN 978-85-69086-03-1 1. Literatura infantil. 2. Literatura infantojuvenil. I. Otero, Sole. II. Título. CDD 20 – 028.5

Ficha Catalográfica elaborada pela Bibliotecária Sandra Cristina da Silva, Msc. – CRB 14/945

Editado conforme o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa vigente no Brasil desde 2009. Impresso no Brasil Nenhuma parte deste livro pode ser reproduzida ou copiada, por qualquer forma ou por qualquer meio, sem a expressa autorização, por escrito, da editora. 2ª edição, 2015 Todos os direitos reservados à Gato Leitor um selo da Ilumina Arte, Educação, Cultura e Editora Ltda. Rua Frei Lucínio Korte, 100 - Vila Nova 89035-620 - Blumenau - SC - Tel: (55 47) 3325-3419 contato@gatoleitor.com.br - www.gatoleitor.com.br


A FADA SONHADORA

Nana Toledo Ilustrado por Sole Otero


Era uma vez uma linda fada que tinha um grande sonho: passear com a vassoura de uma bruxa numa noite de lua cheia. Ninguém tirava esse sonho maluco da sua cabeça. Desde muito pequena ela se via voando pelos céus.


AtĂŠ que um dia resolveu transformar seu sonho em realidade e contou tudo para um duende bem orelhudo e sapeca. Este bom amigo dava mil e uma dicas para encorajar a fada a nĂŁo desistir. Juntos se arriscaram a adentrar no universo das bruxas da floresta.


De uma árvore bem alta, os dois passavam os dias a espiar tudo o que as bruxas faziam. – Nossa! Que cheiro horrível! O que será que colocaram naquele caldeirão para cozinhar? – perguntou o duende. – Me parece cheiro de língua de cobra com gotas de suor de gambá. Eca! – disse a fada.


– Hei, olha aquela bruxa se arrumando e escolhendo qual chapéu vai usar. – Não sei o que tanto escolhe se são todos iguais. – Ah, amiga fada, é que cada chapéu tem um poder diferente.


De repente os dois ouviram a bruxa dizendo: Alakazan vassorim! Alakazan vassorim! Que esta porta se abra e uma vassoura venha atĂŠ mim!


Esta é a história de uma fada sonhadora e ousada. Ela não se contentava em passar a vida usando uma varinha de condão como todas as outras fadas de seu reino! Queria algo inusitado, e o maior dos seus sonhos era voar na vassoura de uma bruxa em noite de lua cheia. Para viver esta aventura, ela convida seu melhor amigo, um duende orelhudo e sapeca, para juntos adentrarem no universo das bruxas da floresta. Será que eles conseguirão realizar o tal passeio de vassoura?

A fada sonhadora [trecho]  

Esta é a história de uma fada sonhadora e ousada. Ela não se contentava em passar a vida usando uma varinha de condão como todas as outras f...

A fada sonhadora [trecho]  

Esta é a história de uma fada sonhadora e ousada. Ela não se contentava em passar a vida usando uma varinha de condão como todas as outras f...

Advertisement