Page 1

Nº7 - ANO 1 - 12/2012

O tempo não pesa para os grandes campeões

O

que faz um empresário de sucesso, com todas as facilidades e conforto na vida, se deslocar 1600 km, ida e volta, até Fortaleza-CE, puxando um barco a reboque do seu próprio carro? Em primeiro lugar, chamar simplesmente de 'barco' o Hobby Cat de Cláudio Cardoso é arrumar um problema sério com o dono. Aquele barco é como se fosse um 'templo' de Carmelitas onde apenas ele pode tocar. Ao fim de um dia de competição, nada seria mais fácil que ter alguém para desmontar, lavar e deixar tudo pronto para o outro dia, mas, naquele barco, não. Cada peça é tratada como se tivesse vida e fosse parte do dono. Em um misto de contemplação e intimidade aquilo acontece em um ritual que somente poucas pessoas conseguem entender. Imagine só ter de despachar o barco em um caminhão, sozinho! nem pensar! A semana do BRAS-CAT 2012, Campeonato Brasileiro de HC 16, foi para ficar marcada na história como um exemplo de superação e dedicação de Cardoso. Com seus 47 anos, bem vividos, dois Mundiais e com uma enorme vontade de continuar sendo o grande chefe no HC16, estava claro que não seria nada fácil conseguir manter o campeonato, sem ao menos ter uma competição local para manter o treinamento em dia. Para Cláudio, isto era apenas uma questão de tempo. Vieram as primeiras regatas e, nas quatro primeiras, o barco Paulista, de Bernardo Arnt/Bruno Oliveira, obteve os quatro primeiros lugares, em um inicio arrasador. Cláudio acompanhou e conseguiu quatro segundos. Nada mal pra quem estava velejando pela primeira vez com uma proeira nova, a Carla Nottingham, de apenas 22 anos, e sem nunca terem treinado antes. Competir em pé de igualdade iria necessitar muito trabalho, e foi isto que aconteceu. Vieram as outras

regatas e Cláudio conseguiu ganhar duas seguidas e ainda se posicionar à frente do principal concorrente nas três últimas regatas. O último dia de competição, pelas palavras do treinador Edvaldo Junior, foi 'pura emoção, como se estivessem disputando um Match Race', e Claudio e Carla terminam empatados em numero de pontos com o Arnt/Oliveira. Infelizmente, um campeonato não pode ter dois vencedores e, por ter um maior número de primeiros lugares, o título ficou com a dupla Arnt/Oliveira, que ganharam, mesmo descartando mais pontos que a dupla do Cabanga. Parabéns a Claudio e Carla que, em uma aula de superação e dedicação, conseguiram, mais uma vez, o lugar mais alto do pódio para a vela Pernambucana.

Veja ainda Cabanga

60ª Benedito César

O melhor lugar para curtir grandes shows em dezembro

Velejadores na expectativa para a Regata mais tradicional do Estado


PERSONAGEM

A garra de um campeão do Hobbie Cat

A

penas publicar o resultado do que foi um dos mais disputados campeonatos brasileiros de Hobby Cat não conseguiria explicar tudo que aconteceu, por isto decidimos entrevistar Cláudio Cardoso para entender sua paixão pelas competições. Gaivotas OnLine - Cláudio, com 47 anos você ainda participa de uma maneira bem competitiva. Quais as razões para isto? Cláudio Cardoso - Não sei exatamente qual é a razão, mas a paixão pela vela e pela competição são pontos importantes nisso tudo! Talvez seja o fato de continuar a competir em alto nível, de me estimular a manter a forma física e inserir meu filho, João Pedro, nesse mundo esportivo de alta performance, que ajuda na formação do caráter e forja a personalidade das pessoas. Ganhar e perder é uma arte que só se aprende quando se ganha e quando se perde. Gaivotas OnLine - Porque você tem corrido a cada campeonato com um proeiro(a) diferente? Tem algo a ver com o que as mas linguas falam de não passar a magica adiante? C.C. - Essa história de mágica ou coisa parecida, não existe. O que há, de fato, é uma carência de proeiros generalizada. Encontrar algum que tenha entre 50 e 55kg, que esteja disposto a se dedicar à competição de alto nível e com um alta carga de responsabilidade, não é fácil. A pressão que a imprensa e as pessoas exercem sobre esses meus eventuais proeiros é muito grande e incomoda, mas a pressão da imprensa já serve de seletiva para os eventuais escolhidos. Imagine só, em 2006 ganhamos o brasileiro com Roberta Rosa Borges, em 2008 com minha esposa Ana Lúcia, em 2010 com Gabriel Calazans e em 2012 empatamos em primeiro com a du-

Cláudio Cardoso e Carla Nottingham em ação

pla Paulista, correndo com Carla Nottingham de apenas 22 anos! Não é nada fácil e s s a mu d a n ç a constante. G a ivo t a s O n Line - Pensa um dia em parar ou vai continuar ad eternum pelas categorias master, supermaster,…? C.C. - Estarei na raia até quando o corpo aguentar, isso se você imaginar que em uma determinada situação, na montagem do barco, eu rompi 25% da musculatura do braço direito, por excesso de esforço, e que desde então os analgésicos são meus compa-nheiros inseparáveis. Isso vai acontecer, sim, só não sei quando. Gaivotas OnLine - Qual a sensação na vitória de Fortaleza? Considero que foi uma vitória, mesmo sem ter conseguido o maior troféu? C.C. - Apesar de no desempate termos ficado com o segundo lugar, nunca vibrei tanto como nesse campeonato de 2012. Nosso oponente, o paulista Bernard Arndt, declarou que trei-nou os últimos 40 dias em dois períodos com seu

02 | Dezembro de 2012

proeiro há seis anos. Eles têm um perfil de profissional da vela há mais de 20 anos, tendo passado por duas olimpíadas e dois panamericanos e nossa tripulação, sem qualquer sintonia, no início da competição, foi logo se ajustando e se superando até atingir um altíssimo nível de sincronismo e determinação. Pra se ter uma idéia, nós perdemos 22 pontos contra 24 dos paulistas e, com o critério de desempate aplicado, ficamos empatados com 13 pontos, perdendo no desempate. Além do mais, a nossa diferença para o terceiro lugar, que somou 46 pontos no total e 31 depois do descarte, mostrou como os dois primeiros travaram um belo duelo! Essa briga valeu a pena mesmo! Gaivotas OnLine - O que você teria para dizer aos que estão iniciando? C.C. - Parodiando Napoleão Bonaparte… "A vitória chega ao que mais persevera!”


Regatas

Ave Rara é Fita Azul no aniversário de Suape

Matéria com a colaboração de João Jungmann

N

ossos parabéns e agradecimentos aos comandantes e velejadores da Frevo pela participação na 11° regata válida pelo Pernambucano de Veleiros de Oceano, a saber: a regata, em homenagem ao aniversário do Porto de Suape, aconteceu em 24 de novembro. Com dez veleiros na raia, num dia de céu claro e poucas nuvens, vento Leste-Sudeste entre oito e dez nós e mar calmo, estes veleiros disputaram acirradamente, desde o primeiro sinal de partida, as melhores posições no percurso de contorno das boias de aproximação do porto do Recife. Nos Trimarans, o Ave Rara, do comandante Vicente Gallo, mesmo não tendo montado a boia de Ituba em primeiro, sendo esta façanha realizada pelo monocasco Resgate, conseguiu ultrapassar o seu concorrente, na altura da boia norte, o veleiro de Alagoas, Fandango. Por fim, conquistou, além da Fita Azul, as vitórias nas classes Trimaran e MOCRA.

Na classe RGS B, destacamos o desempenho do veleiro Beautiful Day, de Oscar Barbosa, que conseguiu o primeiro lugar na Classe, tanto no tempo real, quanto no corrigido, sob forte marcação dos veleiros Quarta-feira 17 bis e La vienrose. Na classe RGS A, o veleiro Tempo, de Edvaldo Barbosa, além de obter o melhor tempo corrigido de todos os monocascos, também já se consagrou Campeão de 2012, por antecipação. Destacamos a participação do Resgate, de João Paulo Lins e Mello, na Classe RGS R. Após um período sem

participar de regatas da Frevo, a embarcação mostrou velocidade e não brincou em serviço! Foi o primeiro a montar a boia de Ituba, com folga, e se manteve assim até a boia Norte, quando os Trimarans, nos ventos mais folgados e de forma inevitável, andam mais rápidos que os monocascos, ultrapassaram o Resgate. Assim, o veleiro venceu no tempo real e no corrigido os veleiros Avatar e Morning Breeze. Nos Catamarans, o Safena, de Marcelo Soares, garantiu a vitória e uma boa posição para o Pernambucano, que termina com a próxima, e última, regata do Campeonato.

Resultados da Regata Aniversário do Porto de Suape - Vela Oceânica 2012 DAT A

24/11/ 201 2

PARTI DA

Luiz Sérgio

12:00 :00

Visto do re spon sá ve l pe la súm ula Ba rco

Cla sse

Beautiful Day Quarta-feira 17 Lavienrose

RGS B

Tempo Carcará

RGS A

Resgate Avatar Morning Breeze

RGS R

Safena Guaracy

Hora pa rt

Che ga da Grupo s

12:00:00 12:00:00 12:00:00

14:32:26 14:36:27 14:38:27

1

12:00:00 12:00:00

14:08:01 DNC

2

12:00:00 12:00:00

14:00:34 14:09:00

3

12:00:00

14:14:53

Catamaran 12:00:00 12:00:00

14:51:59 DNC

4

Ra ting s

R EAL

Skipper 21 Delta 26 Skipper 21

Mode los

0,8452 0,8261 0,8466

2:32:26 2:36:27 2:38:27

CO RRIGI DO COL OC AÇ ÃO

2:08:50 2:09:15 2:14:09

Velamar 31 Cal 9.2 R

0,8708 0,8614

2:08:01

1:51:29

Farr 40 Volker 44 Quantum 26

1,0186 0,9926

2:00:34 2:09:00

0,9633

Pérola 38 Manelis 30

1 2 3 1 DN C

Com a nda nte

Oscar Barbosa Eugênio da Fonte José Adolfo Basto Edvaldo Sobreira Paulo Almeida

2:02:49 2:08:03

1 2

João Paulo L. e Mello Paulo Almeida Filho

2:14:53

2:09:56

3

João Jungmann

1,0000 02:51:59 1,0000

02:51:59

1

Marcelo Soares Newton Cajá

DNC

Ave rara Fandango

Trimaran

12:00:00 12:00:00

13:48:50 13:51:58

5

Tricia 36 F9AXR

1,0000 01:48:50 1,0000 01:51:58

01:48:50 01:51:58

1 2

Vicente Gallo José Patriota

Ave rara Fandango

MOCRA

12:00:00 12:00:00

13:48:50 13:51:58

6

Tricia 36 F9AXR

1,2660 01:48:50 1,2930 01:51:58

02:17:47 02:24:46

1 2

Vicente Gallo José Patriota

Contagem regressiva para a Regata mais tradicional de PE

Regata Benedito César, de 2011

V

elejadores pernambucanos e de outros estados aguardam ansiosos pela 60ª edição da Regata Benedito César-Ponta de PedrasRecife, que será realizada no dia 08 de dezembro. Além de ser a competição náutica mais tradicional do Estado, a prova é a segunda regata mais antiga do País. Tudo começou quando Benedito César recebeu alguns velejadores

aventureiros que se arriscavam velejando da praia de Ponta de Pedras até o Recife. Hoje, quase seis décadas depois, cerca de 150 velejadores, comandando barcos das categorias Optimist, Laser, Snipe, Hobie Cat 16/14, Europa, Dingue, Wind Surf, Day Sailer, Microtonner, e Veleiros de oceano,disputarão em dois percursos diferentes. Barcos maiores farão as 27 milhas que separam o ponto de partida em Ponta de Pedras da linha de chegada no Marco Zero e os demais terminam em Maria Farinha. Além destes, estarão presentes na disputa até Maria Farinha os Kite Surf, modalidade que vem crescendo muito no Brasil. As inscrições devem ser realizadas de 03 e 07 de dezembro, na sede do

Cabanga, e cada tripulante deve pagar uma taxa de R$60,00 de inscrição, tendo direito a camisa do evento, duas pulseiras para o coquetel em Ponta de Pedras e jantar de premiação no Clube. Para os acompanhantes, as pulseiras estarão ao valor de R$30,00, para cada evento, no Cabanga. Ano passado, a competição foi cheia de surpresas: Eliseu Vieira, no comando da classe Wind Surf, ganhou a Fita Azul. Em segundo lugar, ficou Renê Hutzler, que concorreu na mesma classe de Eliseu. Este ano, Marcelo Soares, vice Comodoro, apresenta suas expectativas com otimismo: “Serão mais de 70 barcos, comportando no mínimo 150 velejadores. Esta 60ª edição carrega, neste evento, uma significante carga de importância para o Cabanga”. Dezembro de 2012 | 03


COMODORIA

A palavra do Comodoro Amigos,

E

stamos chegando ao fim de mais um ano. Nesta época normalmente paramos para refletir sobre nossas realizações, conquistas, sonhos e sobre o que mais poderíamos ter realizado. Fazendo um balanço rápido do nosso clube, acho que tivemos um ano positivo com conquistas, realizações e reconhecimento. O Cabanga Iate Clube de Pernambuco voltou a ser uma referência para sociedade, visto que, o aumento do número de sócios ter sido extremamente ex-

pressivo sem termos disponibilizado vagas para a área Náutica do clube simplesmente por falta de espaço para as mesmas. O que nos leva a entender que reconquistamos a simpatia dos sócio social que freqüenta nossas instalações pelo prazer de usufruí-las e pertencer a família Cabanga. Teremos no próximo Gaivotas Online, uma exposição pontual de todas as ações realizadas este ano, inclusive tirando dúvidas de vários questionamentos/sugestões dos associados. Neste momento, aproveito

para agradecer a toda a Família Cabanga pelo voto de confiança a mim e a meus diretores para podermos trabalhar pensando sempre no bem comum do nosso clube e seus associados. Em nome deste grupo, desejo à todos os nossos sócios um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo com muita saúde, paz e alegria tendo de Deus a benção para essas conquistas. Carlos Henrique Dantas Comodoro

Show no Cabanga

O

glamour vai tomar conta da última noite de 2012, em Recife com a mais charmosa, exclusiva e badalada festa “Solare Reveillon 2013”, que vai acontecer no Cabanga Iate Clube de Pernambuco. O evento vai reunir muita gente bonita, ao som de boa música, e saboreando um cardápio pra lá de especial para a chegada de 2013. As bandas Biquini Cavadão, Garota Safada e Faringes da Paixão estão escaladas para comandar o agito e a contagem regressiva. O espaço será di-

04 | Dezembro de 2012

vidido em mesas, front stage e pista, tudo no sistema all inclusive. Mas, antes, no dia 07 de dezembro, na sede do Cabanga, Jorge & Mateus e Israel Novaes, o "Cara do Arrocha", aportam na Balada Sertaneja para mais um grande show. E para não perder o ritmo de grandes festas, no dia 14 de dezembro, o Cabanga vai receber a Banda Eva, Sorriso Maroto e os per-

nambucanos do Só na Marosidade, que vai gravar seu DVD. Maiores informações, na secretaria do Clube.


Últimas

Marinha do Brasil

Classificados

Com a palavra, o Capitão. Assessoria de Comunicação - Capitania dos Portos/PE

C

om a chegada do verão, é certo o aumento do número de banhistas e embarcações navegando em nosso litoral e no Arquipélago de Fernando de Noronha. Por conta disso, a Marinha do Brasil realiza a Operação Verão envolvendo mais de 120 militares. O objetivo principal é orientar e educar nossa população, principalmente, banhistas, condutores de embarcações, passageiros e frequentadores de marinas e iates clubes para uma navegação segura. E nesse trabalho contamos com a colaboração de todos. Afinal, no mar, não há placas indicativas, então, vale a sua consciência no cumprimento das normas marítimas. Usar coletes salva-vidas, evitar exceder a lotação de passageiros, não

ingerir bebidas alcóolicas ao pilotar, estar com a documentação em dia são alguns dos cuidados básicos para garantir a salvaguarda da vida humana no mar e garantir a navegação segura. Qualquer tipo de irregularidade ou infração é importante que seja comunicado à Capitania dos Portos, por meio do nosso disque denúncia (81) 34247111. Além disso, recebemos também denúncias por meio de fotografias ou filmagens, onde apareça o número de inscrição ou o nome da embarcação. Esses materiais podem ser enviados para o email ouvidoria@cppe.mar. mil.br Capitão-de-Mar-e-Guerra Ricardo Pinheiro Padilha

Clóvis e Jorge faturam Pernambuncano de Dingue

F

orte competição em Maria Farinha no dia 25 de novembro. Após as três regatas válidas, tanto pela 6ª e última etapa do Ranking, como pela 3ª e última do Pernambucano, o Dingue conheceu seus campeões. A dupla Clóvis Holanda e Jorge Fabrício, comandando o veleiro Placebo, conquistaram o lugar mais alto do pódio do Ranking estadual. Ana Lúcia e Luciana Os velejadores Clóvis e Jorge Monteiro ficaram na segunda colocação, seguidas de Evelyn Luza e Cleide de Holanda. grou-se campeã do Pernambucano. A duJá a dupla Ana Lúcia Monteipla vice-campeã foi Clovis Holanda e Jorro e Luciana Raposo em seu veleiro Intrége Fabrício. A terceira posição foi ocupapido, mostrou a força das mulheres e sada por Zé Maria e Jairo Vale.

e n i l On

Anuncie no novo Gaivotas Online e cresça junto conosco.

CABANGA IATE CLUBE Av. Engenheiro José Estelita FONE: (81)3428.4277 São José Recife/PE,50090-040 www.cabanga.com.br

EXPEDIENTE EDITOR EXECUTIVO Marcos Medeiros

T

em novidade no próximo Gaivotas. Um novo espaço que vai prestar um bom serviço aos leitores: trata-se de uma área destinada aos ‘Classificados’, onde os sócios poderão anunciar a venda de embarcações, peças, etc. Todos os anúncios terão que ser enviados para o email da Secretaria do Cabanga Iate Clube: secretaria@cabanga.com.br

Preparem as raquetes

V

enha participar das oficinas e da escolinha de Badminton. As aulas acontecem às terças e quintas, a partir das 17h, e sábados, das 9h ao meio-dia, na quadra do dancing do Cabanga. Venha suar a camisa e conhecer esse tão divertido esporte. Quem sabe você não se torna parte da equipe de jogadores do Cabanga?

Carvalho e Nunes: Campeões no Pernambucano de Day Sailer

Carvalho e Nunes em ação

O

veleiro Theo, timoneado por Fernando Carvalho e Alfredo Nunes, sagrou-se vencedor geral do Campeonato Pernambucano de Day Sailer 2012, ao somar 14 pontos perdidos. "Eles foram campeões por mérito. Fizeram uma ótima campanha na água. O Campeonato foi bem competitivo e todos estão de parabéns", falou o capitão da Flotilha, Paulo Rocha. O vice-campeão foi "Zeus" com 18 pontos. E o terceiro, com 31 pontos, foi o “Fragata”.

JORNALISTAS: Danyelle Amorim Tatiane Cybelle Góes

ESTAGIÁRIOS: Deborah Viégas Felipe Cabral

Dezembro de 2012 | 05

Gaivotas Online  

Edição de Dezembro 2012