Page 1


NOSSA HISTÓRIA O Colégio São José nasceu do trabalho e da dedicação dos Padres Josefinos que, no ano de 1948 assumiram o trabalho pastoral na cidade de Apucarana e em seguida em várias localidades da região do Vale do Ivaí. Eles, fiéis aos imperativos do carisma da Congregação dos Oblatos de São José, a qual tem como uma das suas vertentes mais significativas a educação da juventude, desde que se instalaram em Apucarana, tiveram de imediato a preocupação em criar uma escola para atender às necessidades educativas e formativas das crianças e dos adolescentes. Esta começou a funcionar no ano de 1949 como uma pequena Escola Paroquial, acolhendo estudantes da cidade sob a responsabilidade de padre José Canale e porque logo em seguida passou a ser um ponto de referência, teve um impulso considerável. Por necessidade e devido aos pedidos dos próprios pais, a pequena Escola Paroquial recebeu em seguida da Secretaria de Educação e Cultura o seu reconhecimento oficial e a partir dali passou a ser denominada de “Escola Paroquial São José”, tendo oficialmente o próprio padre José Canale como o seu diretor. Nos primeiros cinco anos de seu funcionamento, o número de alunos aumentou consideravelmente a ponto de não comportar mais outros, e como a cidade de Apucarana crescia, surgia, consequentemente, a necessidade da construção de um edifício maior para receber mais alunos e desenvolver as diversas atividades escolares, que se tornavam obrigatórias. Somado a isso, o então bispo de Jacarezinho, Dom Geraldo de Proença Sigaux, prevendo que, em pouco tempo, a sua imensa diocese seria dividida para a criação de novas dioceses e atendendo aos apelos de muitos pais da região do Vale do Ivaí, que solicitavam um Centro de educação para os jovens nesta região, pediu ao então superior dos Oblatos de São José que construísse um grande Colégio com a finalidade de atender as necessidades da cidade de Apucarana, como uma instituição educacional católica de referência e que, ao mesmo tempo, servisse para a região e que oferecesse, inclusive, um regime de internato masculino para os jovens que desejavam estudar. O pedido do bispo recebeu imediato cumprimento através do então pároco da cidade, Pe. Armando Círio, hoje bispo emérito de Cascavel, o qual conseguiu um terreno de 20.000 m quadrados na periferia da cidade de Apucarana e em seguida, delegou ao padre Severino Cerutti, a incumbência de dar início à construção de um grande e ousado edifício que fosse moderno e funcional em sua arquitetura. A tarefa não fácil de padre Severino foi concluída depois de alguns anos, quando no dia 1º de maio de 1959 a Escola passou a funcionar no novo edifício, com o nome de “Ginásio Dr. Joaquim de Castro”, sendo que, ao mesmo tempo, numa sala contígua passava-se a abrigar rapazes em regime de internato provenientes de várias partes do Paraná, recebendo a partir de então, por

vários anos, uma média de mais de 100 jovens anualmente, os quais eram dirigidos pelo padre Severino Cerutti. O Colégio São José sempre manteve uma performance de crescimento na qualidade da educação e da formação dos estudantes, tornando-se, desta forma, um ponto de referência como instituição educativa para a cidade de Apucarana e algumas localidades da região do Vale do Ivaí. Fiel à sua identidade, passou , ao longo dos anos, por algumas reestruturações, até que, a partir do ano de 1973, foi denominado oficialmente “Colégio São José”. Empenhado em oferecer a excelência na educação, quis que a educação infantil recebesse uma atenção especial, e por isso no dia 18 de março de 1978, inaugurava um Centro de Educação para as crianças denominado “O Girassol”, localizado na vizinhança do próprio Colégio. Este dispunha de uma área de 7.000 m2, sendo que 700 m2 constituía a área construída com salas de aulas, cozinha, berçário, refeitório, etc e possuindo hoje ainda uma cancha esportiva (coberta), um campo de futebol mirim, uma piscina, um parque infantil, uma capela, etc. “O Girassol”, atualmente é chamado carinhosamente de “Paraíso das Crianças”, tem capacidade para acolher 200 crianças do Maternal ao Jardim. Hoje o Colégio São José é um patrimônio cultural de Apucarana; possui um corpo docente de excelente qualidade que prima pela formação cognitiva humana e cristã dos alunos. Trabalha com o material pedagógico do Sistema Positivo há 35 anos, este é reconhecido nacionalmente e no exterior pela sua excelente qualidade, adotado por aproximadamente 2300 escolas conveniadas em todo o Brasil, preparando cerca de 521.000 alunos e com mais de 70.000 professores que se utilizam desse material didático. Possui uma infra-estrutura física invejável com um amplo espaço verde, um grande pátio de recreação, dois ginásios de esportes cobertos com quadras polivalentes, um campo de futebol gramado, espaço interno para estacionamento, ônibus para os alunos desenvolverem atividades extracurriculares, uma moderna piscina semi-olímpica coberta com o aquecimento, um laboratório de informática à disposição dos alunos para aulas de informática e pesquisas, laboratório de Biologia e Física, uma moderna academia de ginástica e musculação, uma aconchegante praça de alimentação, uma confortável biblioteca, um Anfiteatro Climatizado, uma confortável capela para os alunos, uma chácara com cozinha, refeitório, dormitórios e salas para encontros, campo de futebol, capela, piscina, parque com bosque, arvorismo, fazendinha, etc, e ainda, em parceria com o Centro de Espiritualidade Josefino-Marelliana, tem disponibilizado uma cozinha, um refeitório, várias salas e um outro pátio para estacionamento com 4.000 m2. Da mesma forma em parceria com o Santuário São José, tem disponibilizado,


NOSSA HISTÓRIA para grandes celebrações, o próprio Santuário e o salão paroquial. Por tudo isso que o Colégio São José é e representou ao longo das suas cinco décadas e meia de existência, apresenta-se hoje como uma instituição educacional cravejada de esperança para os seus alunos e pais, para os seus professores e funcionários, o qual, como as estrelas, possui uma luz própria que sempre está brilhando. 2. A Entidade Mantenedora: Congregação dos Oblatos de São José A Congregação dos Oblatos de São José é a entidade mantenedora do Colégio São José. Esta é constituída por religiosos, padres e irmãos e foi fundada por São José Marello, aos 17 de março de 1878 em Asti, na Itália. Preocupado com o abandono em que viviam os jovens de seu tempo, o Pe. Marello reuniu um grupo de quatro pessoas dispostas a dedicar suas vidas à educação cristã da juventude. Nos anos seguintes muitos outros juntaram-se àquela família. Em 1889, José Marello tornou-se bispo da Diocese de Ácqüi (Itália) e faleceu em 1895, aos 51 anos de idade. No entanto, a família josefina continuou a crescer e espalhou-se pelo mundo todo. Hoje somam mais de 500 membros que se encontram na Itália, Brasil, Peru, Bolívia, México, EUA, Filipinas, Índia, Nigéria, Polônia e Austrália. Os Oblatos de São José (também chamados de “josefinos”) chegaram ao Brasil em 1919, convidados pelo bispo de Curitiba, D. João Braga. Seu primeiro campo de apostolado foi em Paranaguá, onde atendiam todo o litoral paranaense. Hoje estão presentes em várias cidades dos estados do Paraná, São Paulo e Mato Grosso. Fiel ao carisma do seu fundador, os membros desta família religiosa dedicam-se ao apostolado ministerial em inúmeras paróquias nos diversos países onde a Congregação se faz presente e juntamente com o trabalho ministerial nas paróquias, dedicam-se a várias obras de assistência social para a idosos, jovens, adolescentes e crianças, mas destacam-se de maneira especial na formação cristã e humana da juventude através de diversas escolas em cada um dos países onde estão presentes. 3. “Formando o núcleo básico do desenvolvimento cognitivo e o núcleo básico da personalidade.” a) A Filosofia da Escola. O Colégio São José é antes de tudo uma escola católica. Na fidelidade ao homem e à pessoa, e portanto ao Evangelho e à Igreja, propõe-se portanto a educar cristãmente o aluno, orientando-o na sua realização integral e integrada como ser consciente e agente de sua história.

O Colégio São José propõe-se a colaborar com a família na educação dos alunos, integrando fé e vida, cultura e Evangelho, inteligência, corpo e alma. A filosofia do Colégio São José baseia-se numa educação integrada, onde têm particular importância as relações humanas, a busca sincera da verdade, o ensino de qualidade e a visão cristã do mundo. O Colégio São José não quer ter simplesmente uma função intelectual ou crítica. Ele quer ir além, isto é, quer favorecer o crescimento integral da pessoa, em todas as dimensões necessárias e possíveis para construir o homem todo. b) O Projeto Educativo. O Projeto Educativo do Colégio São José nasce de uma reflexão conjunta sobre o sentido da pessoa, da realidade que vivemos e da razão de ser da Congregação dos Oblatos de São José. O Projeto Educativo, formulado em princípios e definidos por objetivos, manifesta o espírito e a filosofia da escola que devem ser vivenciados através de um programa coerente e realizável. A Congregação dos Oblatos de São José, na área do ensino, busca não somente os fins culturais de toda a escola, mas ao mesmo tempo a formação integral dos alunos, educando-os para uma visão das pessoas e das coisas iluminadas pela fé. É tarefa apostólica de cada Oblato e de seus colaboradores desenvolver harmoniosamente nos jovens, adolescentes e crianças, as faculdades físicas, morais e intelectuais, procurando aprimorar neles, através de uma educação global, o senso de liberdade e responsabilidade do meio da sociedade. No Colégio São José, fazer o aluno ascender à cultura significa torná-lo capaz de formar uma imagem justa de si mesmo, compreender o mundo e a História, colocar-se no coração do universo cooperando com Deus numa criação contínua. Especificamente, o São José propõe-se a: - vivenciar uma comunidade educativa, onde educador, educando e família do educando sejam agentes do seu próprio desenvolvimento; - descobrir e desenvolver no educando aptidões e habilidades em função de sua realização pessoal e comunitária; - oportunizar vivências comunitárias, preparando o aluno para assumir responsabilidades na comunidade onde vive; - promover atividades culturais, esportivas e religiosas; - criar condições para um ambiente de fé, sinônimo de uma vida pessoal e comunitária compromissada à luz da pessoa de Cristo.


MANUAL DISCIPLINA A disciplina tem um caráter formativo e está a serviço de uma educação integral e de qualidade. Sua finalidade consiste em criar um ambiente sadio e organizado no qual todos os alunos sintam-se co-responsáveis pela sua formação. A disciplina no Colégio São José encontra sua inspiração nas palavras de São José Marello, que dedicou sua vida à formação da juventude. Dizia ele: “Deus nos dá a graça para vencer, mas ele nada pode fazer se não colaboramos com nossa boa vontade! É necessário que sejamos fortes e ao mesmo tempo suaves.., trata-se de combater, sem tréguas, aquele espírito de relaxamento que tenta entrar em tudo, o que é o fatal destruidor dos melhores projetos e dos mais nobres propósitos”. Disciplina é o exercício, a postura e o modo positivo e obediente de se colocar diante da vida. Isso nos permite aprender, crescer, amadurecer, educar e educar-nos. Disciplina é o constante aprendizado que extrapola uma instituição. Regras e normas são instrumentos da disciplina, que, se alguns julgam que põem limites à nossa liberdade, por outro lado são a garantia dessa liberdade.

DIREITOS DO ALUNO Além daqueles que lhes são outorgados por toda legislação aplicável, constituirão direitos dos alunos: 01. Ter a garantia de que o Colégio cumpre a sua função, ofertando ensino de qualidade, ministrado por profissionais competentes. 02. Ser respeitado na sua condição de ser humano, sem sofrer qualquer discriminação. 03. Participar de atividades intelectuais, sociais, artísticas, desportivas, culturais e pastorais que lhe permitam plena realização e o ajudem na busca de sua vocação. 04. Receber todos os benefícios que o Colégio proporciona nos campos acadêmico, psicológico, sociológico e filosófico, que permitam um amplo conhecimento pessoal. 05. Participar ativamente na criação de um ambiente educativo que favoreça o desenvolvimento de sua liberdade pessoal. 06. Ser ouvido, interpretado e atendido em suas solicitações coerentes e justas. 07. Participar, livre e responsavelmente, dos alunos ou da representação de turma, seguindo critérios esta belecidos. 08. Tomar conhecimento, em tempo

plausível, dos resultados das avaliações e eventuais observações; bem como da sua frequência. 09. Receber uma educação decorrente do caráter peculiar e próprio do Colégio em seu contexto religioso e filosófico-cristão. 10. Receber orientação para encaminhamento especializado que permita resolver situações pessoais conflitivas. 11. Receber assistência médica emergencial, quando necessária e dentro do respectivo período de aulas. 12. Ser tratado com respeito, atenção e urbanidade pelo diretor, coordenações, professores e funcionários e pelos seus colegas. 13. Utilizar as salas, dependências e serviços do estabelecimento que lhes forem necessários, na forma e horários a eles reservados. 14. Utilizar-se dos livros e demais materiais da escola, nos termos de regulamentos e normas próprias. 15. Solicitar auxílio dos professores quando encontrar dificuldades no seu trabalho


MANUAL escolar. 16. Defender diretamente seus interesses, sem intermediários, a não ser dos pais ou responsáveis quando necessário. 17. Justificar suas faltas dentro do prazo estabelecido. 18. Solicitar revisão de notas, dentro do prazo de 72 (setenta e duas) horas, a partir de divulgação das mesmas. 19. Requerer transferência ou cancelamento de matrícula por si, quando maior de idade, ou através do pai ou responsável, quando menor. 20. Manter e promover relações cooperativas com os professores, colegas e comunidade. 21. Ser informado sobre o sistema de avaliação do Colégio em tempo hábil. 22. Ter oportunidade de realizar e/ou entregar trabalhos de avaliação em época especial, por motivo de força maior (trabalho, doença, representação do estabelecimento, licença gestação) com a devida comprovação.

DEVERES DO ALUNOS Constituirão deveres dos alunos, além daqueles previstos na legislação e normas de ensino aplicáveis: 01. Respeitar as normas que disciplinem a vida na comunidade escolar. 02. Cumprir as determinações da Direção, dos professores e dos funcionários, nos respectivos âmbitos de competência. 03. Comparecer pontualmente às aulas e demais atividades escolares. 04. Participar de todas as atividades programadas e desenvolvidas pelo estabelecimento. 05. Cooperar na manutenção da higiene e na conservação das instalações escolares. 06. Apresentar-se às aulas e outras atividades uniformizado, de acordo com as normas estabelecidas pela Escola. 07. Providenciar e dispor de todo o material

solicitado e necessário ao desenvolvimento das atividades escolares. 08. Indenizar os danos causados ao patrimônio do estabelecimento, quando for apurada sua responsabilidade ou participação em atividades que causem danos materiais. 09. Tratar com urbanidade e respeito o diretor, professores, funcionários e colegas. 10. Ter comportamento social adequado, concorrendo para o bom nome do Estabelecimento. 11. Contribuir para a elevação do nome do Estabelecimento e promover seu prestígio, em qualquer lugar onde estiver. 12. Abster-se em participar de faltas coletivas. 13. Apresentar a documentação exigida, dentro do prazo estipulado pela secretaria do Colégio, para garantir sua matrícula. 14. Justificar faltas ou atrasos casuais ao órgão competente. 15. Apresentar justificativa plausível para saídas antecipadas e aguardar autorização para se ausentar do Colégio no horário de aulas. 16. Usar linguagem e atitudes adequadas em suas relações com todos os integrantes da comunidade escolar. 17. Manter e promover relações cooperativas no ambiente escolar. 18. Executar tarefas definidas pelos docentes que venham a colaborar no processo de aquisição do conhecimento, sejam estas no horário escolar ou fora dele. 19. Cumprir as disposições do Regimento Escolar no que lhe couber. 20. É obrigatório participar das aulas de Ensino Religioso PROIBIÇÕES 01. Entrar na sala ou dela sair, durante a aula, sem a permissão do professor. 02. Ausentar-se da Escola, em horário escolar, sem expressa autorização da Direção ou da Coordenação. 03. Ocupar-se, durante as aulas, com trabalhos e


MANUAL objetos estranhos às mesmas e que possibilitem a sua distração e a dos colegas. 04. Trazer para a Escola material de qualquer natureza, estranho às atividades escolares. 05. Tomar bebidas alcoólicas ou fumar nas dependências da Escola. 06. Promover jogos, vendas, excursões, coletas, listas de pedidos ou campanhas de qualquer natureza, sem a prévia autorização da Direção. 07. Fazer-se acompanhar, sem prévia autorização, de elementos estranhos à Escola. 08. Danificar os bens patrimoniais do Estabelecimento de Ensino ou dos colegas. 09. Portar armas brancas ou de fogo, bem como instrumentos que possam ser utilizados para fins agressivos. 10. Trazer ou praticar jogos de azar dentro do estabelecimento ou em suas imediações. 11. Praticar namoros que ultrapassem os limites dos bons costumes. 12. Agredir fisicamente colegas, professores e demais funcionários da Escola. 13. Expor colegas, funcionários e professores a situações vexatórias. 14. Impedir a entrada de colegas no Estabelecimento ou incitá-los à ausência coletiva. 15. Usar de qualquer meio fraudulento nos trabalhos, provas e documentos escolares. 16. Promover algazarras e distúrbios nos corredores, pátios e nas imediações do Colégio, durante o período de aulas ou fora dele. 17. Praticar atos ofensivos à moral e aos bons costumes. 18. Injuriar ou caluniar colegas, professores ou funcionários do Colégio, bem como praticar atos de violência contra os mesmos. 19. Divulgar negativamente, por qualquer meios de publicidade, assuntos que envolvam direta ou veladamente o nome do Colégio, de professores ou funcionários. 20. Promover ou participar de movimento de hostilidade ou desprestígio ao Colégio, a seus elementos e à autoridade constituída. 21. Alterar, rasurar, suprimir ou acrescentar anotações lançadas nos documentos escolares. 22. Trazer celular em dias de prova. 23. Usar o celular na sala de aula. 24. Alterar o padrão do uniforme.

SANÇÕES O não cumprimento dos deveres ou transgressão das normas, implicará, conforme a gravidade da falta, nas seguintes medidas disciplinares, cuja aplicação será definida pela Direção e Coordenação: 01. Advertência oral e anotação em instrumento próprio pelo Coordenador e/ou professor. 02. Advertência por escrito, anotação em instrumento próprio pela Direção e Coordenação. 03. Suspensão das aulas por um, dois ou três dias, dependendo da gravidade da falta, após consulta com a coordenação e a Direção da Escola. 04. Matrícula condicional será aplicada aos alunos que tenham mantido de forma permanente e sistemática, uma atitude negativa e reincidente em seu comportamento disciplinar. 05. Cancelamento de matrícula será feito pela Direção, após ouvir o Conselho de Classe ou a Equipe Pedagógica, quando o caso assim o exigir. 06. Corte ou diminuição dos descontos da mensalidade no ano seguinte. 07. Indenização por danificações dos bens patrimoniais da escola.

Observações: a) Todas as sanções aplicadas aos alunos serão levadas ao conhecimento dos pais ou responsáveis, quando do aluno menor e do próprio aluno quando maior, que receberão notificação. b) As sanções de suspensão, matrícula condicional e cancelamento de matrículas só serão tomadas pela Direção da Escola, ouvida a Equipe Pedagógica e o Conselho de Classe. c) Os alunos, bem como seus pais ou responsáveis, terão direito de defesa, tendo como instância de recursos a Direção e/ou o Conselho de Classe. d) O aluno não poderá ficar prejudicado nas atividades escolares que sejam necessárias para as avaliações pelas sanções aplicadas. e) Serão vetadas as sanções que atentarem contra a dignidade do aluno como pessoa ou que prejudiquem o seu processo educativo. f) Celular pego em sala de aula só podera ser retirado pelos pais.

CANCELAMENTO DA MATRÍCULA 1)- Aluno(a) que agredir o professor ou funcionário; 2)- Aluno(a) que fizer uso ou portar qualquer tipo de droga; 3)- Aluno(a) que portar arma branca ou de fogo.


AVALIAÇÃO Sistema de Avaliação Ensino Fundamental I (1º Ano) O Sistema de avaliação é organizado bimestralmente, por meio de parecer descritivo. Ensino Fundamental I (2º ao 4º ano) A avaliação será realizada: com avaliações agendadas pelo professor. No final do bimestre somam-se todas as notas que serão divididas pelos números das mesmas que resultará na média (das avaliações semanais) mais a prova bimestral da cada disciplina no valor de 10,0 (dez vírgula zero) e dividida por dois para obter a média bimestral. Ensino Fundamental I (5º ano) A avaliação será em dois momentos: a média das avaliações semanais será a soma das avaliações realizadas nas terças-feiras – cada uma com o peso 10,0 (dez vírgula zero) e dividias pelo número de avaliações realizadas nas terças-feiras no bimestre em cada disciplina. A média bimestral será a média das avaliações semanais mais a nota da prova bimestral dividida por dois. Ensino Fundamental II (6º ao 9º ano) A avaliação semanal com o peso de 10,0 (dez vírgula zero), será a soma da avaliação realizada na terça-feira com o peso 7,0 (sete vírgula zero) mais as avaliações diversificadas (registradas em livro de ocorrencias) no decorrer da semana que terão o peso de 3,0 (três vírgula zero). A média bimestral será a média das avaliações semanais mais os pontos de conceito mais a nota da prova bimestral dividida por dois. Ensino Médio (1º e 2º ano) A avaliação semanal com o peso de 10,0 (dez vírgula zero), será a soma da avaliação realizada na terça-feira e sexta-feira com o peso 7,0 (sete vírgula zero) mais as avaliações diversificadas (registradas em livro próprio para cada turma) no decorrer da semana que terão o peso de 3,0 (três vírgula zero). A média bimestral será a média das avaliações semanais mais os pontos

de conceito mais a nota da prova bimestral dividida por dois. Ensino Médio (3º ano) A avaliação semanal (simulado) do 3º ano do Ensino Médio acontece sempre às quartas-feiras no contra turno com peso 10,0. A média das avaliações semanais com peso 10,0 (dez vírgula zero) será a soma das avaliações (simulado) e divididas pelo número das mesmas realizadas no bimestre em cada disciplina. A média bimestral será a média das avaliações semanais mais a nota da prova bimestral dividia por dois. RECUPERAÇÃO PARALELA Após a avaliação semanal, os professores fazem uma retomada dos conteúdos cobrados na mesma e sana as dúvidas dos alunos em sala de aula e registra no diário de classe. Todos os alunos têm o direito de participar das atividades na recuperação paralela de conteúdo que acontece no contra turno. A escola oferece o “apoio pedagógico” com o objetivo de desenvolver os conteúdos curriculares de forma diferenciada para que o aluno assimile e compreenda melhor os conteúdos, sendo que cada turma tem um horário específico no contra turno, conforme agenda escolar. CRITÉRIO DE AVALIAÇÃO A avaliação do aproveitamento escolar do aluno será feita bimestralmente e obedecerá aos seguintes critérios: 01. As avaliações estão previstas no calendário que integra este manual. 02. O livro de ocorrência que se encontra em cada sala torna-se um instrumento fundamental para fazer as anotações, como, por exemplo, a questão das tarefas que são passadas para serem feitas em casa. No final de cada aula, o professor anota a tarefa do dia no livro do Colégio São José, neste caso o aluno não tem desculpas de vir para à escola sem a tarefa feita. Se por algum motivo o aluno não copiou a tarefa em sala, acessa o site da escola e providencia o cumprimento da mesma.


AVALIAÇÃO 03. Antes da divisão e resultado da média o (a) aluno (a) que realizou todas as atividades escolares diversificas (registrada no livro de ocorrências) poderá se beneficiar do descarte da avaliação com menor rendimento (menor nota), após o descarte, somam-se todas as notas e divide-se pelo número de avaliações com as de melhor rendimento (maiores notas) como demostra as fórmulas a seguir:

MAS= AV1 + AV2 + AV3 + AV4 + AV5 Menor nota a ser descartada

MAS= AV1 + AV2 + AV4 + AV5 4

04. A avaliação do 2º ano do Ensino Fundamental I ao 3º ano do Ensino Médio, será somativa, realizada em quatro etapas anuais e os resultados expressos em escala de 0,0 (zero vírgula zero) a 10,0 (dez vírgula zero) sendo assim calculada a Média Anual: 05. No final do ano letivo o aluno que não totalizar 24,0 (vinte e quatro) pontos, terá o direito à recuperação final. 06. Após a recuperação final, a média para aprovação será 6,0 (seis vírgula zero) em cada disciplina. Para efeito de cálculo da média final, será utilizada a seguinte fórmula.

MF= MA + RF 2

LEGENDA: MF – MÉDIA FINAL MA – MÉDIA ANUAL RF – RECUPERAÇÃO FINAL

07. Depois da recuperação final, caso o aluno não atinja os 6,0 (seis vírgula zero) de média, o aluno vai para o conselho de classe, e o conselho vai decidir se o aluno poderá ou não ser aprovado. 08. O resultado final será divulgado após Conselho de Classe.

NORMAS PARA OS DIAS DE AVALIAÇÃO As normas abaixo relacionadas deverão ser observadas pelos alunos, para evitar imprevistos e situações desagradáveis durante as aplicações das avaliações. 1º) DIAS DE AVALIAÇÃO 01. Verificar no calendário desta agenda, com antecedência, a data da avaliação de cada disciplina. 02. Qualquer alteração que eventualmente ocorra, será comunicada verbalmente em sala de aula ou

através do sistema de som nos horários de entrada de aula. 2º) EXECUÇÃO DA AVALIAÇÃO 01. Acomodar-se, em silêncio, o mais rápido possível, para a distribuição das avaliações pelo professor. 02. Ao receber a avaliação, o aluno deverá colocá-la em cima da carteira e sentar-se corretamente. 03. O aluno deverá preencher corretamente todo o cabeçalho, escrevendo seu nome completo, seu número de chamada e o de sua turma. 04. Para a realização da avaliação, utilizar somente o material permitido. 05. Usar letra bem legível e caprichada, desde o cabeçalho até a última resposta. 06. Ler atentamente o enunciado para poder dar a resposta completa ao que se pede. Nunca tentar resolver a questão sem ler todo o seu enunciado. 07. Organizar o pensamento antes de escrever qualquer resposta, pois, caso contrário, poderá fazê-lo de forma incompleta ou escrever o que não deve. 08. Responder, primeiro, as questões que julgar mais fáceis, depois as mais difíceis, evitando, assim, perder tempo e deixar em branco as questões que sabe. 09. Se tiver alguma dúvida ou problema relativo à avaliação, levantar a mão e aguardar a autorização do professor para falar. 10. Não é permitido, no decorrer da avaliação, olhar para os lados, conversar, colocar a mão embaixo da carteira, etc., pois as atitudes suspeitas poderão ocasionar perda de pontos, anulação de questões e até da própria avaliação. 11. Não rabiscar a avaliação, nem escrever nela bilhetes para o (a) professor(a). 12. Os espaços em branco poderão ser usados para esquemas e rascunhos. 3º) ENCERRAMENTO DA AVALIAÇÃO 01. Reler a avaliação com atenção antes de entregá-la ao professor. 02. Manter-se em silêncio até que todos os colegas terminem e entreguem. 03. Não será permitida nenhuma atividade após o término da avaliação, como: desenhar, ler, pegar o material para conferência das questões, passar bilhetes para o professor, etc. 04. Não conversar antes de terem sido recolhidas todas as avaliações, mesmo que seu colega também já tenha terminado a sua. 05. Permanecer sentado e em silêncio durante o recolhimento das avaliações. 06. Quem determina o momento em que a avaliação deverá ser entregue é o professor. A saída da sala de aula só será permitida após o sinal.


ORIENTAÇÕES NORMAS PARA OS DIAS DE AVALIAÇÃO 4º) PENALIDADES 01. Quando o professor aplicador flagrar o aluno “colando”, “portando cola” ou estiver com celular, levará o caso ao conhecimento da Coordenação, que decidirá sobre a penalidade a ser aplicada ao aluno. 5º) PROVA DE 2ª CHAMADA 01. Todas as normas estabelecidas para as avaliações são válidas, também, para as provas de 2ª chamada. 02. A Lei nº 7102 de 15/01/79, ampara, para a realização de provas de 2ª chamada, os casos de doença, luto, casamento, convocação para atividades cívicas ou jurídicas e impedimentos por motivos religiosos. 03. Terá direito a 2ª chamada o aluno que apresentar justificativa antecipada, que será analisada pela Coordenação. 04. A ausência do aluno na 2ª chamada, ou não-cumprimento do contido nos ítens acima, aplicará em nota ZERO na disciplina em questão. 05. O aluno que faltar na prova de 2º chamada não terá o direito a 3ª chamada.

UNIFORME ESCOLAR O uso do uniforme completo é obrigatório para os alunos do diurno em todas as atividades escolares, inclusive nas aulas de reforço, nas provas de 2ª chamada, no período de Recuperação e nas Avaliações Finais e no Contraturno.

MATERIAL ESCOLAR 1º) APOSTILA E MATERIAL ESCOLAR As apostilas são obrigatórias para a permanência em sala de aula, pois são elementos importantes de aprendizagem. As apostilas deverão ser guardadas e mantidas em bom estado, uma vez que o aluno poderá precisar delas no final do ano, caso não passe por média e fique para Recuperação Final. O aluno deverá trazer apenas o material escolar necessário, evitando o uso de materiais que dispersem a atenção ou não façam parte dos conteúdos, como o celular por exemplo. 2º) AGENDA ESCOLAR Entregue no início do ano letivo, o aluno deverá trazê-la todos os dias para anotar as tarefas e comunicados da escola. É o meio de comunicação entre a família e o Colégio e deve ser mantida em ordem e bom estado de conservação.

HORÁRIO DE AULA Matutino: Fundamental: 7h10min às 12 horas Médio: 7h10 às 12h15min. Vespertino: 13h15min às 17h35min Girassol: 13h30min às 17h30min Os alunos que chegarem atrasados só poderão entrar na sala após o sinal para a aula seguinte.

ATENDIMENTO PEDAGÓGICO E ADMINISTRATIVO Solicitamos aos pais, sempre que necessário, telefonar marcando horário para suas entrevistas com: - Direção - Coordenações - Orientação Religiosa

SECRETARIA, TESOURARIA E RECEPÇÃO SECRETARIA: atendimento 2ª à 6ª feira, das 7h30min às 12 horas, 13h15min às 17h30. TESOURARIA: atendimento de 2ª à 6ª feira, das 8hs às 12h15, 13hs às 18hs. RECEPÇÃO: Atendimento de 2ª a 6 ª feira das 7hs às 18hs.


ORIENTAÇÕES DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA

SERVIÇO DE ORIENTAÇÃO RELIGIOSA

1º) EDUCAÇAO FÍSICA: Desenvolvida através das atividades de ginástica e jogos esportivos, conteúdos estes que classificados e sistematizados, são colocados em ação de forma a oportunizar aos alunos a apropriação e ampliação de suas capacidades físicas e intelectuais. 2º) ATIVIDADES ESPORTIVAS: - Piscina. - Clube de Xadrez. - Academia de Judô e Musculação. - Treinamentos: Futebol, Futsal, Futebol de Areia, Voleibol, Vôlei de Areia, Handebol, Dança, Basquetebol e Ballet. 3º) ATIVIDADES RECREATIVAS: Atividades Recreativas dirigidas para pais, alunos e funcionários nas seguintes modalidades: futebol de salão, voleibol, handebol, basquetebol, natação, arvorismo, acampamentos, jogos de mesa, etc. Para maiores informações e orientações, procurar o Complexo Esportivo São José. Para participar das atividades do Complexo Esportivo São José, os alunos deverão cumprir as normas a seguir: 01. Identificar-se na portaria e locais de treinamento com a carteirinha, uniformizados com o kit de treino do colégio. 02. Comparecer às atividades com 15 minutos de antecedência e deixar as instalações tão logo sejam encerradas. 03. Programar o horário de estudo em casa, não ficando no Colégio além do horário de sua atividade. 04. Manter o aproveitamento escolar pelo menos na média exigida e ter um comportamento dentro das normas estabelecidas pelo Colégio. 4º) DISPENSAS DAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA 01. O aluno só será dispensado da prática de Educação Física se apresentar problemas de saúde, comprovado por atestado médico. 02. Atestados e justificativas de faltas às atividades deverão ser entregues diretamente na sala de coordenação junto ao Complexo Esportivo São José. 03. O aluno com dispensa ou justificativa deverá assistir às aulas ministradas a fim de ser avaliado e poderá fazer um trabalho da matéria.

O Colégio São José é antes de tudo uma escola católica. Fiel à proposta do Evangelho, o Colégio quer educar integral e cristãmente seus alunos, orientando-os para serem agentes na construção de um mundo melhor, mais justo e fraterno. Além do aspecto “pedagógico” (disciplinas, conteúdos...), a escola católica também se preocupa com o aspecto “Religião” (através das aulas de Ensino Religioso, retiros, encontros, momentos de oração, manhãs de formação, etc). O SORE (Serviço de Orientação Religiosa) é o departamento que procura dinamizar estes dois últimos aspectos, motivando alunos, pais, professores e funcionários a assumirem uma religiosidade transformadora das pessoas e da sociedade, participando assim da construção do Reino de Deus. 1º) ATIVIDADES DO SORE (Serviço de Orientação Religiosa) : Aulas de Ensino Religioso para todas as séries e cursos, celebrações (missas, confissões, etc.) retiros, encontros de formação e oração, grupos de convivência, orientação vocacional, espiritual, familiar, etc. Suas atividades são estendidas também para os pais e familiares dos alunos. Através do SORE o Colégio disponibiliza ainda aconselhamento, orientação para alunos e familiares mediante o projeto Kairós com atendimento personalizado inclusive com poltronas anti-stress de segunda à quinta-feira das 19hs30min às 21hs e 30min 2º) ENSINO RELIGIOSO: As aulas de Ensino Religioso, Ministradas em todas as séries, visam educar a religiosidade dos alunos (e de suas famílias) para descobrir o sentido da própria existência abrindo-se para o transcendente revelado por Jesus Cristo. Fiel à doutrina da Igreja Católica, o Colégio São José ministra aulas de Ensino Religioso com um enfoque interconfessional, ecumênico e aberto ao diálogo religioso, e por isso não são dispensados das aulas alunos de outras religiões que optaram por estudar numa escola católica.


INFORMAÇÕES GERAIS FORMAS DE COMUNICAÇÃO

LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA

A comunicação entre o Colégio e a família será feita através dos seguintes meios: Circulares e Comunicados: através da Agenda Escolar ou eventuais correspondências enviadas pelo Colégio, através do aluno. Boletim Escolar: bimestralmente, o Colégio divulga os resultados de aproveitamento e frequência através do Boletim Escolar ou via internet. Sistema interno e externo de som: diariamente, antes do início das aulas onde alguns avisos são dados pelo sistema de som. Telefone: sempre que se fizer necessário. Internet: No site www.sjose.com.br, encontram os principais avisos,ocorrências disciplinares, notas das avaliações semanais, tarefa do dia, boletins e toda a programação da escola.

O laboratório de informática conectado à internet, é um instrumento para pesquisas e para aulas dos alunos de 1º ao 5º Ano conforme o currículo escolar.

BIBLIOTECA PE. SEVERINO CERUTTI

O Colégio São José possui uma chácara situada à 2.500 mts do próprio estabelecimento destinada à formação e lazer dos alunos, pais, professores e funcionários. Sua ótima estrutura contempla Salão para palestras, Refeitório, Cozinha, Dormitórios Masculino e Feminino, Churrasqueiras, Piscina, Capela, Campo de Futebol, Campo de Futebol de Areia, Arvorismo, Biblioteca, Cidade Infantil, Mini-Fazenda, Área para Acampamentos, Bosque, Horta, Etc.

O Colégio conta com uma ampla e atualizada Biblioteca, com acervo de cerca de 15 mil volumes disponibilizados para os alunos. Os mesmos necessitam de uma carteirinha para retirar livros. Horário de Atendimento: 7h às 11h30min - 13hs às 17h e 15min.

CAPELA SAGRADA FAMÍLIA Nosso Colégio conta com uma capela para os alunos, professores e funcionários que sentirem a necessidade de um momento de intimidade com Deus para a oração ou a meditação. Diariamente é celebrada a missa às 6h45min.

PISCINA SEMI-OLÍMPICA Todas as informações e esclarecimentos a respeito do uso da piscina, tanto para os alunos como para os pais, professores e funcionários, são fornecidos pelo CESJ (Centro Esportivo São José) numa sala anexa à piscina. Horário de atendimento: 6h30min às 12h15min 13h45min às 21h

ACADEMIA DE GINÁSTICA E MUSCULAÇAO Todas as informações e esclarecimentos a respeito do uso da academia de ginástica e musculação, tanto para os alunos como para os pais, professores e funcionários, são fornecidos pela própria academia. Horário de atendimento: 6h30min às 11h - 14h às21h

LABORATÓRIO DE CIÊNCIAS O laboratório de ciências é utilizado pelos alunos conforme solicitações e disposições dos professores(as) das matérias em questão. O aluno e professor poderão agendar o horário para utilização do laboratório, conforme o horário disponibilizado no edital.

CHÁCARA SÃO JOSÉ

CENTRO DE EDUCAÇÃO INFANTIL “O GIRASSOL” Em 1978 foi inaugurado o Centro de Educação Infantil “O Girassol” - localizado à Rua Hermes da Fonseca, 601. O Girassol foi totalmente idealizado para atender às crianças com faixa etária entre dois e seis anos. As ofertas educacionais são: Maternal, Infantil e Jardim, no período vespertino. Além de lanche balanceado, são oferecidos também atividades:Educação física, balett, xadrez, futebol, informática, etc. Horário de Atendimento: 13h30min às 17h30min. Fone: (43) 3423-7800

SEGURANÇA Além dos muros e portões que isolam completamente o ambiente de convivência dos alunos do exterior, o Colégio dispõe de inspetores de alunos munidos de rádio comunidadores. O Colégio dispõe ainda de aproximadamente dezenas de câmeras de segurança monitoradas 24 horas.


CALENDÁRIO - 2014


CALENDÁRIO CALENDÁRIO PROFESSORES DE PROVAS PROVAS Ensino Fundamental 2º ao 5º ano ABRIL – 1º Bimestre Dia/Semana

Ensino Fundamental - I

7 - segunda-feira

Português

8 - terça-feira

História e Inglês

9 - quarta-feira

Matemática

10 - quinta-feira

Ciências

11 - sexta-feira

Geografia

JUNHO – 2º Bimestre Dia/Semana

Ensino Fundamental - I

23 - segunda-feira

Geografia

24 - terça-feira

Ciências e Inglês

25 - quarta-feira

Matemática

26 - quinta-feira

Português

27 - sexta-feira

História

SETEMBRO – 3º Bimestre Dia/Semana

Ensino Fundamental - I

22 - segunda-feira

História

23 - terça-feira

Geografia e Inglês

24 - quarta-feira

Matemática

25 - quinta-feira

Português

26 - sexta-feira

Ciências

NOVEMBRO – 4º Bimestre Dia/Semana

Ensino Fundamental - I

24 - segunda-feira

Matemática

25 - terça-feira

Ciências e Inglês

26 - quarta-feira

Português

27 - quinta-feira

Geografia

28 - sexta-feira

História


CALENDÁRIO CALENDÁRIO PROVAS PROFESSORES DE PROVAS Ensino Fundamental 6º ao 9o Ano e Ensino Médio ABRIL – 1º Bimestre Dia/Semana

Ensino Fundamental - II

Ensino Médio

7 - segunda-feira

Português e Ensino Religioso

Física, Artes e Ens. Religioso

8 - terça-feira

História e Inglês

Química e Geografia

9 - quarta-feira

Matemática

Português e História

10 - quinta-feira

Ciências e Espanhol

Matemática e Filosofia

11 - sexta-feira

Geografia e Artes

Biologia, Línguas e Redação

Dia/Semana

Ensino Fundamental - II

Ensino Médio

23 - segunda-feira

Geografia e Artes

Biologia, Línguas e Redação

24 - terça-feira

Ciências e Espanhol

Matemática/Filosofia

25 - quarta-feira

Matemática

Português/História

26 - quinta-feira

História e Inglês

Química/Geografia

27 - sexta-feira

Português e Ensino Religioso

Física/Artes/Ens. Religioso

JUNHO – 2º Bimestre

SETEMBRO – 3º Bimestre Dia/Semana

Ensino Fundamental - II

Ensino Médio

22 - segunda-feira

História e Inglês

Química e Geografia

23 - terça-feira

Geografia e Artes

Biologia, Línguas e Redação

24 - quarta-feira

Ciências e Espanhol

Matemática e Filosofia

25 - quinta-feira

Português e Ensino Religioso

Física, Artes e Ens. Religioso

26 - sexta-feira

Matemática

Português e História

NOVEMBRO – 4º Bimestre Dia/Semana

Ensino Fundamental - II

Ensino Médio

24 - segunda-feira

Matemática

Português e História

25 - terça-feira

Português e Ensino Religioso

Física, Artes e Ens. Religioso

26 - quarta-feira

Ciências e Espanhol

Matemática e Filosofia

27 - quinta-feira

Geografia e Artes

Biologia, Línguas e Redação

28 - sexta-feira

História e Inglês

Química e Geografia


AVALIAÇÃO SEMANAL - SABATINAS

MATUTINO

MATUTINO E VESPERTINO

ENSINO MÉDIO

ENSINO FUNDAMENTAL

MESES

3ª FEIRA

6ª FEIRA

3ª FEIRA

FEVEREIRO

25

21 - 28

25

---

MARÇO

11 - 18 - 25

14 - 21 - 28

18

11 - 25

ABRIL

---

---

---

---

MAIO

06 - 13 - 20 - 27

09 - 16 - 23 - 30

13 - 27

06 - 20

JUNHO

03

13

---

03

AGOSTO

05 - 12 - 19 - 26

08 - 15 - 22 - 29

05 - 19

12 - 26

SETEMBRO

02 - 09

05 - 12

02

09

OUTUBRO

21 - 28

24 - 31

21

28

NOVEMBRO

04 - 11

07 - 14

04

11

PORTUGUÊS

matemática

PORTUGUÊS

PORTUGUÊS

FÍSICA

INGLÊS

QUÍMICA

BIOLOGIA

HISTÓRIA

GEOGRAFIA

GEOGRAFIA

HISTÓRIA

INGLÊS

CIÊNCIAS

esp/filos

ARTES/REDAÇÃO

ARTES

espanhol

matemática matemática


SIMULADOS 3ºCOLEGIAL MESES

QUARTA-FEIRA

FEVEREIRO

19

26

MARÇO

12 - 26

19

ABRIL

---

---

MAIO

07 - 21

14 - 28

JUNHO

04

11

AGOSTO

06 - 20

13 - 27

SETEMBRO

03

10

OUTUBRO

08 - 29

22

NOVEMBRO

12

05

Português Redação História Biologia Física Arte

Matemática Química Geografia Filos/Sociol Inglês Espanhol

Simulado 1 Português – Rosa Redação – Bruno História – Sueli História – Hélio Biologia – Jaú Biologia – Jefferson Biologia – Luis Henrique Física – Morgado Física – Ricardo Física – Lucas Arte – Jaqueline

Simulado 2 01 - 05 06 - 08 09 - 11 12 - 13 14 - 17 18 - 19 20 - 23 24 - 26 27 - 31 32 - 33 34 - 38

Matemática – José Mário Matemática – Sérgio Química – Neide Química – Micheli Química – Márcio Geografia – Reginaldo Geografia – Leandro Filos/Sociol – Marcelo Inglês – Maria Alice Espanhol – Aballay

01 - 06 07- 10 11 - 16 17 - 18 19 - 20 21 - 23 24 - 25 26 - 30 31 - 35 31 - 35


QUEM É QUEM NO COLÉGIO SÃO JOSÉ Direção Geral e Administrativa Pe. José Antonio Bertolin, OSJ Direção e Coordenação Pedagógica José Ferreira Leite Neto Vice-Direção Pedagógica Osvaldo Plínio Stroher Coordenação Pedagógica Ensino Fundamental e Médio Rosiney P. Campos 1º ao 5º Ano José F. Leite Neto 6o ao 9o Ano e Médio

Tesouraria Célia Regina Flores Vitória Cristina Martim de Freitas Compras Cleomar Carvalho de Freitas Nilceu Antonio Nascimento Contabilidade Osvaldo Plínio Stroher Departamento Pessoal Fernando Bassaco de Almeida

Coordenação Pedagógica Girassol Laryssa Salgado Mareze

Biblioteca Valdirene Bertasso (Val)

Coordenadores Adjuntos Sonia Regina Telles Gabriel Marques Sobrinho Maranice Gimeni Calcagni (Mara) Rosângela Reginaldo Hirata

CPD e Laboratório de Informática Gabriel Marques Sobrinho

CESJ (Complexo Esportivo São José) Paulo Aparecido Kisner Auxiliar do CESJ Alessandro Ferreira SORE (Serviço de Orientação Religiosa) Nilceu Antonio Nascimento Direção Espiritual Pe. José Antonio Bertolin Motoristas Jair Batista Fabre Antonio Julio Ap. Menossi Serviços Gerais Cristiano Eduardo Ribeiro Francisco Ostroski Felismino Antonio Teixeira Jair Batista Fabre Secretaria Any Yuki Asanome Yamada Cleide Aparecida Vidal

Digitação Luciani Gasparetto Juliana Souza Santana Mecanografia Ricardo de Souza Pires Recepção Célia Massarim Oliveira Rosineidi Feitosa Ferreira Recepção Piscina e Academia Maria Regina Mendes Clarice Tieko K. Namba Letícia Aparecida Rodrigues Zeladoria Juraci Rodrigues de Oliveira Maria Trevisan Fedri Izenir Izabel Selestrino Eva Aparecida da Cruz Odete Thomaz P. Ayres (piscina) Fátima Lourenço Elisabete Alves de Souza (piscina) Isabel Cristina Lourenço Inspetoria Devanir Galvan Márcio Gonçalves Marcelo Antonio Teixeira Nilton José Tomaz Marques Cristina Aparecida Geraldo


PROFESSORES “O Girassol” Maternal A (Nível II) Profª Márcia Maternal (Nível II) Sirlei, Karla e Letícia Jardim I (Nível III) Hildete, Mayara, Jamile e Edilana Jardim II (Nível IV) Gisele, Simone, Andressa e Paula Educação Física Tiago, Kátia e Jamile Xadrez Bianca Judo Marcelo Dança Cinara

1º ano ao 5º ano 1º Ano Angela Denize Simone Bete Daniela 2º Ano Cibele Valéria Ariane Luiza

4º Ano Marilúcia Ester Leonilda Fabiana 5º Ano Cláudia Adriana Neide Maria

3º Ano Eudenise Valéria Alessandra Solange

Matemática Cristiane Rubia Redação Adriana Pâmela Informática Gabriel Arte Kelly Marcelo Ens. Religoso Priscila Karina

Ed. Física Gisele Bianca Alécio Lourdes Kátia Alessandro Alisson Fernando Música Fabiola Xadrez Amauri Bianca

Inglês Soninha

Zeladoria Tias Dete e Marize

Centro Esportivo São José - CESJ Futebol Masculino e Fem. Paulinho (M) e Kátia (F)

Basquetebol Masc./Fem. Gisele

Handebol Masculino Alessandro

Futsal Masculino Paulinho, Alisson e Clayton

Handebol Feminino Marta

Futsal Feminino Kátia

Voleibol Masculino Alisson

Xadrez Amauri

Voleibol Feminino Mellory

Natação Tiago, Nilza, Osvaldina, Lourdes, Fernando, Viviane e Bianca Dança Cinara   Judô Marcelo Coordenador  (CESJ) Paulo Aparecido Kisner


PROFESSORES Ensino Fundamental 6º ao 9o Ano

Ensino Médio

Português Eunice - Cidinha - Leonice Juliane - Valmir - Mariana

Português Rosa - Neluana - Bruno

Matemática Ariane - Micheli - Cristiane - Milene Geografia Priscila - Maíra Ciências Jefferson - José Carlos Ariane - Fabiana - Micheli História Lucíola - Tayla - José Carlos Artes Jaqueline - Leila Sanches Ensino Religioso Fátima - Nilceu - Priscila Ruiz Educação Física Amauri - Kátia - Marta Paulinho - Paulão - Alisson Alessandro - Lourdes - Fernando Inglês Rossana - Kelen - Juliane Espanhol Aballay - Vânia Monitores Karina - Ana Paula - Jomar Ana Paula Pinetti - Micheli - Rafaela Tayla - Mônica

Matemática José Mário - Ariane Ricardo - Sérgio Química Márcio - Neide Michele Biologia Jeferson - Edson Luis Henrique - Jaú Física Morgado - Lucas - Ricardo Geografia Leandro - Reginaldo História Hélio - Sueli Dias Artes Jaqueline Inglês Maria Alice Espanhol Aballay Ensino Religioso Nilceu Filosofia/Sociologia Marcelo - Maria Piai Educação Física Marta - Tiago


RECUPERAÇÃO PARALELA ENSINO FUNDAMENTAL Período vespertino QUINTA-FEIRA 8º Ano

7º Ano

7h30 – 8h

Português

9h30 – 10h

Português

8h – 8h30

Inglês/Ciências

10h– 10h30

Inglês/Ciências

8h30 - 9h

Matemática

10h30 -11h

Matemática

9h – 9h30

História /Geografia

11h-11h30

História/Geografia

SEXTA-FEIRA

MONITORIA

6º Ano 8h30min às 9h

Português

9h às 9h30min

Inglês/Ciências

9h30min às 10h

Matemática

10h às 10h30

História /Geografia

SEGUNDA/TERÇA/QUARTA 6º Ano – 8h às 9h15min 7º Ano – 9h15min às 10h30min 8º Ano – 10h30min às11h45min

APOIO PEDAGÓGICO 1º AO 5º ANO Horários

Segunda-feira

Terça-feira

Quarta-feira

Quinta-feira

Sexa-feira

Das 7h 30min às 9h 30min

PORTUGUÊS

PORTUGUÊS

Matemática

Matemática

Matemática

Das 9h 45min às 11h 30min

PORTUGUÊS

Matemática

Português

Matemática

Português

(5º ANOS)

(3º ANOS)

(4º ANOS)

(2º ANOS)

*Trazer 1 caderno para as aulas de reforço. *O aluno deverá vir uniformizado.

(4º ANOS)

(2º ANOS)

(3º ANOS)

(1º ANOS)

(5º ANOS)

(1º ANOS)


RECUPERAÇÃO PARALELA ENSINO FUNDAMENTAL Período matutino SEXTA-FEIRA 6º Ano

7º Ano

8º Ano

9º Ano

14h00min às 14h40min

Português

História/ Geografia

Inglês/ Ciências

Matemática

14h40min às 15h20min

História/ Geografia

Inglês/ Ciências

Matemática

Português

15h40min às 16h20min

Inglês/ Ciências

Matemática

Português

História/ Geografia

16h20min às 17h00min

Matemática

Português

História/ Geografia

Inglês/ Ciências

Avisos: . Monitoria todos os dias das 14h às 17horas. . A tarefa do dia encontra-se no site do Colégio.

RECUPERAÇÃO PARALELA ENSINO MÉDIO TERÇA-FEIRA 1º Col.

2º Col.

-------------------------------------

-----------------------------

-------------------------------------

14h05min às 14h45min

Geografia

Inglês

14h45min às 15h25min

Inglês

História

15h45min às 16h25min

História

Redação

16h25min às 17h05min

Redação

Geografia

QUARTA-FEIRA 1º Col.

2º Col.

13h25min às 14h05min

Física

Português

14h05min às 14h45min

Português

Física

14h45min às 15h25min

Química

Biologia

15h45min às 16h25min

Matemática

Química

16h25min às 17h05min

Biologia

Matemática

Avisos: . Monitoria todos os dias das 14h às 17horas. . A tarefa do dia encontra-se no site do Colégio.


Agenda2014  

Agenda Colégio São José - Versão 2014 (Ano da Copa)

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you