Page 18

“Ta, ta!” disse Caroline “Ela o matou por mim. Ou o chamou para uma audiência, ou o quer que seja. Esse vampiro Klaus. E depois de ser seqüestrada e – e – e usada – como um brinquedo – para o que quer que o Klaus quisera, sangue ou – ” sua cara virou e sua respiração estava agitada. Bonnie sentiu simpatia, mas seguiu cautelosa. Sua intuição estava atuando, lhe advertindo. E soube que quando Caroline falava de seu seqüestro com Klaus, o vampiro, havia um estranho silencio perto de seu outro seqüestrador Tyler Smallwood, o lobisomem. Talvez porque tinham sido namorados antes do seqüestro. “Desculpe” disse Meredith com ma voz calma “Então você quer agradecer a Elena” “Sim, quero agradecer-la” Caroline respirava rápido “E quero saber se está bem” “Bem, este juramento cobre pouco tempo” continuou Meredith tranquilamente “Você pode mudar de opinião amanhã, a próxima semana, próximo mês desde agora…não pensamos nas conseqüências” “Olha, não podemos fazer tratos com Caroline” disse Matt “Não psiquicamente” “Ou trair outra gente que faça tratos com ela” disse Bonnie com nostalgia. “Não, não podemos” disse Meredith “Mas é a período curto – No outono que vem você vai estar na fraternidade de garotas? Não é assim, Caroline? Posso dizer a suas próximas irmãs de fraternidade que não cumpriu um pacto solene com alguém que podia te ferir – e estou segura que não quer te ferir. Não creio que te queriam depois disso”. Caroline estava corada novamente “Você não faria. Não se meteria com mina fraternidade –” Meredith a cortou com uma palavra “Prove” Caroline se irritou “Nunca disse que ia fazer um pacto e nunca disse que o manteria. Apenas me experimentem. O que vão perder? – eu aprendi um par de coisas este verão. Devia esperar isso. Essas palavras que ninguém disse estavam fluindo na mente de todos. O hobby de Caroline no último ano tinha sido arruinar a vida de Stefan e Elena. Bonnie mudou de posição. Havia algo – sombrio – atrás do que Caroline estava dizendo. Ela não sabia como tinha descoberto, devia ser seu sexto sentido. Mas era algo do que Caroline havia mudado nos últimos dias, algo que havia aprendido, pensou para ela mesma. Olhar quantas vezes Caroline havia perguntado a Bonnie por Elena na última semana. Estava bem? Caroline podia lhe enviar flores? Elena podia ter visita? Quando ficaria bem? Caroline realmente havia sido chata, mas Bonnie não tinha o coração para dizer. Todos esperavam ansiosamente ver como Elena estava… depois de sua volta do mais para lá. Meredith que sempre tinha lápis e papel, estava escrevendo. Agora falou, “Que tal isto?” e eles olharam para o bloquinho.

Diários Do Vampiro #5 - Anoitecer  
Diários Do Vampiro #5 - Anoitecer  
Advertisement