Issuu on Google+

Hinário

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 1


Hinário

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 2


Hinário

Se Deus não amasse a música, e os cânticos de toda a natureza, os pássaros nasceriam mudos e um grande silêncio sepultaria o homem no abismo da solidão. Cabete

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 3


Hinário

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 4


Hinário

Índice 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 -

Alegria Cristã. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Além da Noite . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Além das Grandes Estrelas . . . . . . . . . . Alma das Andorinhas . . . . . . . . . . . . . . Alma Liberta . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Alma tão Nobre . . . . . . . . . . . . . . . . . . Almas Gêmeas. . . . . . . . . . . . . . . . . . . Amigo Presente. . . . . . . . . . . . . . . . . . Amor é o Sol da Vida, O . . . . . . . . . . . . Ananias . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . André Luiz . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Ao Cair da Tarde . . . . . . . . . . . . . . . . . Aprendamos com José Grosso . . . . . . . . Ave Maria . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Ave Maria (Vittória) . . . . . . . . . . . . . . . . Ave Maria (Gounod) . . . . . . . . . . . . . . . . Balada da Mata . . . . . . . . . . . . . . . . . . Barca, A . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Belezas e Encantos. . . . . . . . . . . . . . . . Canção da Fraternidade . . . . . . . . . . . . Canção de Genezaré . . . . . . . . . . . . . . Canção de Lívia . . . . . . . . . . . . . . . . . Canção do Perdão. . . . . . . . . . . . . . . . . Cantinho de Amor. . . . . . . . . . . . . . . . . Canto de Paz . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Castelos de Paz . . . . . . . . . . . . . . . . . . Cativar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Céu Sem Luar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Chuvas de Luz. . . . . . . . . . . . . . . . . . . Cidade mais Linda . . . . . . . . . . . . . . . . Cinco Amigos. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Conchinhas, As . . . . . . . . . . . . . . . . . . Cristo está no Leme, O . . . . . . . . . . . . . Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 5

09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41


Hinário

34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 -

Cristo Vive . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Deus em Toda Parte . . . . . . . . . . . . . . . Doce Ló . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . É Bom Viver . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Estrada de Damasco . . . . . . . . . . . . . . . Estrada de Damasco, Na . . . . . . . . . . . . Estrela Matutina . . . . . . . . . . . . . . . . . . Êxodus (Ernst Gold) . . . . . . . . . . . . . . . . . Festim Divinal . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Fim dos Tempos . . . . . . . . . . . . . . . . . . Fraternidade . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Fraternidade Universal . . . . . . . . . . . . . . Fritz . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Gorjeios de Luz . . . . . . . . . . . . . . . . . . Graças . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Gratidão à Deus . . . . . . . . . . . . . . . . . . Hino à Bezerra de Menezes . . . . . . . . . . . Hino à Pátria . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Hino ao Irmão Allan Kardec. . . . . . . . . . . Hino ao Irmão Carlos Magno . . . . . . . . . . Hino ao Irmão Flores . . . . . . . . . . . . . . . Hino ao Irmão Saldanha . . . . . . . . . . . . Hino ao José Grosso . . . . . . . . . . . . . . . Hino do Trabalho . . . . . . . . . . . . . . . . . . Hino Escuta. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Hino Olvida Irmão . . . . . . . . . . . . . . . . . Hino Semeadores do Bem . . . . . . . . . . . . Hosanas ao Senhor . . . . . . . . . . . . . . . . Irmã da Solidão . . . . . . . . . . . . . . . . . . Irmão Sol, Irmã Lua. . . . . . . . . . . . . . . . Jardim de Oração . . . . . . . . . . . . . . . . . Jardim do Coração . . . . . . . . . . . . . . . . José Grosso (João Cabete) . . . . . . . . . . . . . José Grosso . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Joseph Gleber . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Juventude Brasileira . . . . . . . . . . . . . . . . Longos Caminhos (João Cabete) . . . . . . . . . Mãos Unidas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 6

42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79


Hinário

72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100101102103104105106107-

Maria (joão Cabete) . . . . . . . . . . . . . . . . Meditando a Natureza. . . . . . . . . . . . . . Meimei . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Mensageiros do Bem. . . . . . . . . . . . . . . Meu Amigo Agradece . . . . . . . . . . . . . . Meu Irmão, Meu Amigo. . . . . . . . . . . . . Meu Sertão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Obreiros da Paz . . . . . . . . . . . . . . . . . . Obrigado Senhor . . . . . . . . . . . . . . . . . Obrigado, Senhor. . . . . . . . . . . . . . . . . Oh! Deus Aqui Viemos . . . . . . . . . . . . . Olhai os Lírios do Campo. . . . . . . . . . . . Oração de São Francisco de assis. . . . . . Pai Nosso . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Palminha . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Palminha, Ao. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Pérolas de Luz . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Planalto Divinal . . . . . . . . . . . . . . . . . . Poeta da Vida. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Portas do Infinito . . . . . . . . . . . . . . . . . Prece, A . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Prece . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Prece à Virgem. . . . . . . . . . . . . . . . . . . Prece de Francisco de Assis. . . . . . . . . . Primavera . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Primeiro Mártir . . . . . . . . . . . . . . . . . . Quando Ouvimos tua Voz . . . . . . . . . . . Quanta Luz . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Quanto Amor. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Quem? . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Querido Bezerra, Ao. . . . . . . . . . . . . . . Quinhentos da Galiléia, Os. . . . . . . . . . . Rabi da Galiléia. . . . . . . . . . . . . . . . . . Risos de Bonança . . . . . . . . . . . . . . . . Rosa da Esperança . . . . . . . . . . . . . . . Salmo 139. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 7

80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112 113 114 115


Hinário

108109110111112113114115116117-

Scheilla . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Se eu Fosse uma Estrela. . . . . . . . . . . . Se eu Fosse uma Estrela . . . . . . . . . . . Senhor é Meu Pastor, O . . . . . . . . . . . . Senhor Jesus. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Seresteiro do Evangelho . . . . . . . . . . . . Soberana Sinfonia . . . . . . . . . . . . . . . . Uma Esperança a Sorrir . . . . . . . . . . . . Vem . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Vem (João Cabete) . . . . . . . . . . . . . . . . .

116 117 118 119 120 121 122 123 124 125

Outras Músicas

119- Belo Pra mim. . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

129

120- Importante é a Rosa, O. . . . . . . . . . . . .

130

121- Impossível. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

131

122- Mãos que Oferecem Rosas. . . . . . . . . . .

132

123- Maria de Nazaré. . . . . . . . . . . . . . . . . .

133

124- Noite Feliz. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

134

125- Noturna Melodia. . . . . . . . . . . . . . . . . .

135

126- Segura na Mão de Deus . . . . . . . . . . . .

136

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 8


Hinário

Alegria Cristã

Somos companheiros, Amigos, irmãos, Que vivem alegres, Pensando no bem. A nossa alegria É de bons cristãos, Não ofende a Jesus, Nem fere a ninguém. A nossa alegria É bem do Evangelho Vibra e contagia Da criança ao velho Mesmo entre perigos, Daremos as mãos, Como bons amigos Como bons cristãos.

Refrão

Sempre ombro a ombro, Sempre lado a lado Vamos trabalhar, Com muita alegria, Pelo espiritismo Mais Cristianizado Pela implantação Da paz e harmonia. A nossa alegria É bem do Evangelho..... (Refrão) Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 9


Hinário

Além da Noite

João Cabete

Por que dizer que a vida é triste, Que o mundo é mera fantasia? Felicidade não existe E que o amor é hipocrisia? Por que viver nessa amargura E maldizendo o amor de Deus? Por que chorar só desventura Se existe luz nos olhos seus! A Vida é Bela Minha Amiga... Porque viver na solidão Se brilha o sol em seu caminho? Faça feliz seu coração, Semeando amor onde há espinho... Até a dor sabe sorrir E a ave presa vive a cantar... Porque você não vê florir Estrelas mil junto ao luar.. A Vida é Bela Minha Amiga... O entardecer em multicores Deixa a saudade no horizonte! Entre os espinhos nascem flores E entre amores murmura a fonte! Além da noite o sol desponta E a natureza se enternece! O amor de Deus é o amor sem conta, Embala o mundo em doce prece... A Vida é Bela Minha Amiga... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 10


Hinário

Além das Grandes Estrelas

Rafael A. Ranieri / João Cabete

Senhor Só tu és O meu amor Nesta vida sem fim... És tudo O que resta De mim Nesta vida sem fim... Além das grandes estrelas, Do silêncio e do mar, Tu vives em minha vida Enquanto eu vivo a sonhar... És a esperança de alguém Que nada espera do mundo, És o amor mais sublime, És o amor mais profundo...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 11


Hinário

Alma das Andorinhas

João Cabete

Eu não sei dizer Para onde vão As almas das andorinhas. Eu não sei! Eu não sei! Eu não sei dizer Para onde vão Perfumes de tantas flores. Eu não sei! Eu não sei! Eu só sei dizer Que dentro de minh’alma Sinto a natureza Cantando e chorando... Eu só sei dizer Que sinto Deus sorrindo para mim.

Bis

Eu não sei dizer Para onde vão Tristezas e alegrias. Eu não sei! Eu não sei! Eu não sei dizer Para onde vão Saudades e desencantos. Eu não sei! Eu não sei!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 12


Hinário

Alma Liberta Adeus, ó terra, bendita escola Onde aprendi a lei do amor A ti devolvo o corpo amigo Oferta santa do criador Mesmo que eu viva Em outra esfera Lembrar-te-ei por onde for Adeus ó campos, rios e flores Cidades lindas, que pequenas vi surgir Além dos mares, em outros nortes Ó, meu querido paraíso Vou partir. Aos companheiros Desta romagem, que me ajudaram A trilhar o bem Agradecido demando em busca De outras paragens, lá do além Porém não sei, pra onde vou Só sei que um dia irão também Ao Criador estou contrito A ele expresso minha gratidão Pelo regaço com que me acolhe Polo aconchego do Coração Queridos meus, não chorem não A morte em Cristo é ressurreição. Adeus ó campos, rios e flores Cidades lindas, que pequenas vi surgir Além dos mares, em outros nortes Ó, meu querido paraíso Vou partir. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 13


Hinário

Alma tão Nobre

Getúlio de Assis Moreira

Alma tão nobre me inspira Sons que me fazem sonhar Uma canção de ninar Pra você embalar Pra você Irmã Ló, com todo meu amor Pra você Irmã Ló, com todo nosso amor. És como um raio de sol Entrando em minha janela Me faz ver tão colorido Vejo tudo tão lindo.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 14


Hinário

Almas Gêmeas

Alma gêmea de minh’alma, Flor de luz da minha vida, Sublime estrela caída Das belezas da amplidão ... Quando eu errava no mundo Triste e só, no meu caminho Chegaste, devagarinho, E encheste-me o coração... Vinhas na benção dos deuses, Na divina claridade, Tecer-me a felicidade, Em sorrisos de esplendor ... És meu tesouro infinito, Juro-te eterna aliança, Porque eu sou tua esperança, Como és todo o meu amor...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 15


Hinário

Amigo Presente

Vem, lá do infinito, Me amar em meio ao silêncio, E pelo meu caminho Se faz amigo presente. Que Jesus Te cubra de amor e luz Possa eu acompanhar Teus passos Pois entre teus braços Me sinto feliz! Me sinto feliz! Me sinto feliz!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 16


Hinário

Amor é o Sol da Vida, O

João Cabete

É tão belo amar! Sorrir! Sonhar! Ante as belezas da vida! Nada temer e não chorar Ante os abismos profundos Do desamor. É tão belo amar! Até mesmo a própria dor... É sublime crer em deus! Viver no seu amor infinito! Sempre cantar Com alegria! E caminhar pelo mundo Sempre sorrindo! É tão belo amar! O amor é o sol da vida! Amar a noite escura e a tempestade, O inverno no caminho... O espinho junto à flor No universo resplandecem As mãos de Deus sempre em prece, Derramando bênçãos do seu amor...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 17


Hinário

Ananias

Welson Barbosa

Na solidão do deserto escaldante, Um peregrino caminha Em treva densa, É Paulo, em pranto, À luz da nova crença! Seus olhos tristes e envoltos Em negro véu Em vão procuram a luz do céu. Ante a visão na estrada deserta Seu coração se inflamou de novo alento. Segue o caminho orando Rumo a Damasco em busca de abrigo. E com ternura esperando Vem a seu encontro o novo amigo. Num doce afago de amor e perdão, Diz Ananias de alma iluminada: Benvindo és meu irmão, aqui estou Em nome de Jesus! Que em teus olhos brilhe a luz! O peregrino começa a chorar A nova luz nos seus olhos a brilhar. E Ananias soluça com imenso amor, Orando: Louvado seja, oh! Senhor! Louvado seja, oh! Senhor!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 18


Hinário

André Luiz

João Cabete

Na jornada de luz imortal, Segue à frente estuante de amor, Desfraldando a bandeira da OSCAL, André Luiz, nosso mentor. Ministrando, em torrentes de luz, O Evangelho à humanidade É a mensagem do Mestre Jesus, Fraternidade, Fraternidade! Avante obreiros de André Luiz Sempre avante neste ideal! Construir um porvir mais feliz, É a missão da amada OSCAL.

Bis

A tarefa do nosso mentor, É ação que renova a esperança Alvorada esplendente de amor, Irradiando luz e bonança Avante, Grupos da Fraternidade, Espalhados por nosso Brasil, Semeando amor e verdade, E ao mundo inteiro, venturas mil! Avante obreiros de André Luiz Sempre avante neste ideal! Construir um porvir mais feliz, É a missão da amada OSCAL.

Bis

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 19


Hinário

Ao Cair da Tarde

João Cabete

Ao cair da tarde Quando o Sol vai-se escondendo E a Terra adormecendo Num berço de luz... Ao cair da tarde A paisagem se engalana! Sinfonia soberana De amor que a Deus conduz! O céu está sorrindo Ouvindo esta canção, Estrelas vão surgindo, Diamantes na amplidão... Eu sigo o meu caminho Em prece a cantar, Eu sou ave sem ninho Cantando o verbo amar.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 20


Hinário

Aprendamos com José Grosso

Não há melhor ação Que amar a Deus e a seu irmão.

Bis

Todo cristão Que seja reto e verdadeiro Deve amar a Deus primeiro E depois a seu irmão. E no serviço Deve ser humilde e nobre, Dando ao rico e dando ao pobre Seu afeto, a sua mão. Não há melhor ação Que amar a Deus e a seu irmão.

Bis

Com José Grosso Aprendamos a verdade E a servir a humanidade Minorando os males seus. E quem o segue, No calor dessa campanha Fique certo que acompanha Sua marcha para Deus. Não há melhor ação Que amar a Deus e a seu irmão.

Bis

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 21


Hinário

Ave Maria

Ave Maria! Virgem do céu santa do amor Tem vosso olhar toda magia Da luz que brilha no olhar do Senhor Venha a nós a graça que esplende de vós Venha a nós o vosso amor. Dai paz, amor, felicidade Aqui na Terra onde andamos ao léu Fazei triunfar no mundo a verdade Ó vós que sois a Rainha do céu. Ave Maria!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 22


Hinário

Ave Maria (Vittória)

Ave Maria! Gratia plena! Dominus tecum! Benedicta tu in mulieribus Et benedictus fructus ventris Tui Jesus Christus. Sancta Maria mater dei Ora pro nobis pecatoribus Nunc et in ora mortis nostrae Amem!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 23


Hinário

Ave Maria (Gounod)

Salve Maria! Mãe do Nazareno Mãe do Redentor! Pede a Deus por nós, Em teu louvor. E pede a Deus também, Bênçãos, luz e amor! Para os que padecem grande dor. Santa Maria! Santa Maria! Santa Maria! Salve mãe santíssima! Salve mãe puríssima! Luz do eterno bem, Rogai por nós, Rogai à Deus por nós, Por todos nós, Amém, amém, amém.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 24


Hinário

Balada da Mata

Nasce o dia Entre encantos de amor! Quanta alegria No meu sertão todo em flor Ó meu Deus! O sol sorrindo A fonte o amor segredando Flores se abrindo E passarinhos cantando! Vem, vem! Ver meu sertão despertar! Vem, vem! Vamos orando escutar. A balada da mata A canção da cascata A brisa soprando E as aves se amando...

João Cabete

Ver a chuva cair E a terra a sorrir Ver o rio caminhar Seu destino é o mar... Vem, vem! Ver meu sertão despertar! Vem, vem! Vamos orando escutar. Meu sertão é criança É beleza e bonança A minh’alma aquece Nas asas da prece... A viola gemendo A sua mágoa tecendo E o meu violão Canta esta canção! Vem, vem! Ver meu sertão despertar! Vem, vem! Vamos orando escutar.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 25


Hinário

Barca, A Tu... Te abeiraste da praia Não buscaste nem sábios nem ricos Somente queres que eu te Siga Senhor, tu me olhaste nos olhos, A sorrir, pronunciaste meu nome Lá na praia, eu larguei o meu barco, Junto a Ti buscarei outro mar ... Tu... Sabes bem que em barco Eu não tenho nem ouro nem espadas Somente redes e o meu trabalho Senhor, tu me olhaste nos olhos, A sorrir, pronunciaste meu nome Lá na praia, eu larguei o meu barco, Junto a Ti buscarei outro mar ... Tu... Minhas mãos solicitas, Meu cansaço que a outros descanse Amor que almeja seguir amando Senhor, tu me olhaste nos olhos, A sorrir, pronunciaste meu nome Lá na praia, eu larguei o meu barco, Junto a Ti buscarei outro mar ... Tu pescador de outros lagos, Ânsia eterna de almas que esperam... Bondoso amigo que assim me chamas... Senhor, tu me olhaste nos olhos, A sorrir, pronunciaste meu nome Lá na praia, eu larguei o meu barco, Junto a Ti buscarei outro mar ... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 26


Hinário

Belezas e Encantos Belezas e encantos Vindos lá do céu Revestem nos teus mantos A cintilar em véus Oh! Scheilla tão querida Trazes a luz solar Desta mansão florida Que é o nosso lar. Divina encarnação Sublime esplendor Toda abnegação Mensagem do Senhor. Levas contigo na prece Esta canção que diz Tu és a própria messe Que a todos faz feliz. Doçura, encantamento Eterna harmonia No azul do firmamento Sorriso de Maria Com a luz dos Evangelhos Nos enches de amor E os preceitos velhos Desfeitos são com ardor. Levas contigo na prece Esta canção que diz Tu és a própria messe Que a todos faz feliz. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 27


Hinário

Canção da Fraternidade

João Cabete

O amor é o caminho que conduz Os homens aos Páramos da Luz! Quem faz o bem sem ostentação, Tem sempre Jesus no coração. Somente o amor-fraternidade Dará a paz à humanidade E quando o amor vencer a guerra O reino de Jesus se implantará na Terra! O amado Mestre nos ensina Na luz excelsa da doutrina, Que a caridade é luz De fúlgida alvorada, É a estrada que conduz À mansão abençoada... Somente o amor-fraternidade Dará Elevação E a suprema felicidade... É prece silenciosa Que fala ao coração E torna a alma radiosa...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 28


Hinário

Canção de Genezaré

Sebastião Lasneau

Contam que Jesus, certo dia andara Junto ao lago azul de Genezaré E às multidões Ele ministrara, Seus ensinamentos de Amor e Fé. Com saliva e lodo curara um cego, Junto ao velho tanque de Siloé, Numa tarde linda de Primavera, Outros mais prodígios Ele fizera, Na cidade santa de Nazaré. Foi o bom Jesus que nos ensinou, Junto ao lago azul de Genezaré, Caridade, luz, bondade, amor, verdade e fé. Tanto no Tabor, em Jerusalém. Quanto na Betânia e Genezaré, Ele foi Caminho, Verdade e Vida Como ainda é.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 29


Hinário

Canção de Lívia

Rafael A. Ranieri / João Cabete

Eu te espero nesta vida Através da eternidade, Cheia de felicidade, De alegria , de esplendor. Quando um dia retornares Das sombras negras da terra, Além dos mantos da guerra... Das noites, que não têm fim... Encontrarás na minh’alma Toda paz e toda calma, A mais sublime ternura De quem te amou tanto assim. Vem, suave companheiro Das eternas caminhadas, Das manhãs, das alvoradas, Dos sonhos do meu amor. Vence a treva, vence a morte, Pois eu sou a tua sorte E o teu anjo protetor. Vem, te espero nesta vida, És a estrela ressurgida Através de toda a dor. És no entanto a luz que brilha No centro da densa treva E a tua luta se eleva Até as portas do céu. Espero em ti a grandeza E a mais sublime beleza Dos anjos, que voltarão. Encontrarás nesta vida A minh’alma agradecida E o meu pobre coração. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 30


Hinário

Canção do Perdão

João Cabete

Escuta, meu irmão Esta mensagem Que o mestre envia com amor É luz iluminando tua romagem Pelos caminhos da dor Perdoa a quem te ofende e calunia Esquece todo o mal E encontrarás alegria. Perdoar sem impor humilhação É ter Jesus no coração Perdoa com sinceridade E encontrarás felicidade Transforma o ódio em amor O espinho em perfumada flor Segue na vida sempre amando E ao inimigo perdoando.

Bis

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 31


Hinário

Cantinho de Amor

Hoje quando o sol se foi Deixou o meu coração Desejando um cantinho, “pititinho”, cheio de amor. Onde o vento maestrando fizesse as “gaiá canta” E um riacho primoroso, venturoso viesse passar, Margeadinho de “frô”, cada uma de uma cor, Chamando as “borboleta”, as “abeinha” e os “beija-frô”. Onde o meu coração de “ocê se alembrasse” E cheio de emoção, cantasse, cantasse. E envolvidos na pureza desses sentimentos meus Eu pudesse com certeza me encontrar ali com Deus.

Bis

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 32


Hinário

Canto de Paz

Amigo! Escuta esta mensagem E abre o coração ao amor Nos caminhos da dor! Vem ouvir esta canção, É um canto de paz E de redenção. Afasta a tristeza do teu caminho! Semeia alegria! E perdoa Se a tua face é ferida A tua alma sempre em pranto Não vê o encanto que há na vida. Olha o céu sorrindo! E o mar profundo! Olha a flor se abrindo Perfumando o mundo... Canta os versos teus Com a alma em festa, E faze uma seresta De gratidão a Deus!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 33

João Cabete


Hinário

Castelos de Paz

João Cabete

Dorme Meu bom menino Dorme Nos braços de Deus... Sonha um sonho lindo Sonha Castelos de paz... Olha! Jesus Menino! Ele está sorrindo! Olha! Meu pequenino, Ele quer te abraçar... Dorme! Sonha! Dorme! Meu bom menino, Dorme, nos bravos de Deus... Sonha um sonho lindo Sonha Castelos de paz...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 34


Hinário

Cativar

Há uma palavra perdida Já quase esquecida Nos faz relembrar. Contendo sete letrinhas E todas juntinhas Se lê CATIVAR. Cativar é amar É também carregar Um pouquinho da dor Que alguém vai levar. Cativou, disse alguém Laços forte criou Responsável é você Pelo que cativou...ou...ou...ou... No deserto tão só Entre homens também Vou tentar cativar Viver perto de alguém. Cativou disse alguém Laços fortes criou Responsável é você Pelo que cativou...ou...ou...ou...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 35


Hinário

Céu Sem Luar

João Cabete

Lua! Por que te escondes lá na serra, Entristecendo toda a Terra E também meu coração? Lua! Volta a brilhar no firmamento, Vem consolar quem ao relento Chora mágoas ao violão Lua! Eu vivo aqui neste abandono, Meu coração já não tem dono, Como é triste a solidão... Lua! Volta a alegrar o meu ranchinho Que era feito de carinho, De ternura e de ilusão... Lua! O meu ranchinho que era um sonho, Ficou deserto e tão tristonho, Todo cheio de saudade... Lua! Tu que tens tanta magia! Vem devolver minha alegria Que traduz felicidade... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 36


Hinário

Chuvas de Luz Neste encontro De almas queridas, Entrelaçadas Em muitas vidas... Lábios sorrindo, Mãos se afagando, Preces subindo, Vozes cantando! Salve a fraternidade! Quanta harmonia! Quanta emoção! Paz e alegria Em cada coração. Quanta felicidade Salve a fraternidade!

Bis

Em nosso lar Clarins tocando! Em cada olhar Amor brilhando... Bênçãos do Alto! Chuvas de Luz! Sobre o Planalto! Glória a Jesus! Salve a fraternidade! Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 37

João Cabete


Hinário

Cidade mais Linda

Welson Barbosa

Cidade mais linda, Cidade de amor, Cidade de carinho, De paz, de luz. Seu patrono é Jesus, Seu nome Fraternidade, Abrigará crianças mil Do nosso Brasil. Lá no Planalto Crianças irão, Viver bem felizes Em lares cristãos. O Evangelho será Revivido em ação Falarão nossos atos, E o coração. (murmúrio da 1ª estrofe) O Evangelho será Revivido em ação Falarão nossos atos, E o coração.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 38


Hinário

Cinco Amigos

Em nossa romagem por onde passamos O bem espalhamos na paz de Jesus. Ao lado de amigos libertos da dor Cantamos que o amor é a grande luz. Palminha é o lírio que rima discreto Cantor e poeta da fraternidade. Zé grosso com o nome oculta a grandeza E revela a pureza de sua humildade. Joseph, amigo, vem na solidão Trazer sua mão que sempre amparou, Feliz radiante ao lado de Scheilla, Divina estrela que o céu nos mandou. Fritz nos traz lenitivo à dor. Em nossa romagem por onde passamos O bem espalhamos na paz de Jesus. Ao lado de amigos libertos da dor Cantamos que o amor é a grande luz.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 39


Hinário

Conchinhas, As

Nas conchinhas lá do mar Nas estrelinhas do céu, No universo, infinito, E comigo Deus está. Quem quiser pode escutá-lo No cantar de um sabiá, No sussurro do vento, No Chuá das ondas do mar, Churuá, churuá, chuá, chuá, Churuá, churuá, chuá, chuá,

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 40


Hinário

Cristo está no Leme, O

João Cabete

Deus contempla do infinito A terra em desamor constante Conflitos dilaceram corações! E a guerra vagando aos turbilhões. “Apaga-se o milênio. A sombra deblatera De pólo a pólo a dor Reclama em longa espera. O mundo estala e treme, A luz prossegue e brilha O Cristo esta no Leme Preparando na terra A nova madrugada.” O Sol da Nova Era Irá brilhar na terra Como eterna primavera Iluminando os caminhos Floridos de paz! Na glória do porvir! No imenso azul profundo Estrelas acenam ao mundo A alegria e a esperança É sublime a aliança Na harmonia que enternece E a vida refloresce Em sorrisos de esplendor! O Cristo amado está no leme Na alvorada da bonança! Em hosanas ao Senhor, O limiar do mundo novo Cantará na voz do povo Hinos de Paz! Hinos de Amor! La, La, La, La, La, La, La, La, Aleluia. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 41


Hinário

Cristo Vive

João Cabete

O sol vai se escondendo no horizonte, tristonho! A terra embalada em lindo sonho ao entardecer, Adormece! Estrelas vão surgindo qual diamantes a brilhar! Sinto minh’alma em prece... Escuto a voz do mestre entre milênios, suave! Pregando paz na terra aos corações de boa vontade! Ó meu Deus! Eu vejo o nazareno entre crianças, Sorrindo! São como flores se abrindo... Jesus vai caminhando iluminado, sereno! Seus olhos tão profundos estão perdidos no infinito, Brilhando! A brisa perfumada acaricia os seus cabelos! Eu vejo o Cristo orando... Escuto a voz do mestre no sermão do monte, Levando à multidão sua mensagem de esperança E de paz! Meu Deus! Senhor meu Deus! Quanta alegria, O Cristo vive! Pleno de luz, pleno de amor! Glória excelsa ao Cristo amado! Glória! Glória! Aleluia! A sua voz, o seu olhar, a sua paz Nos faz viver! Cantar! Glória excelsa ao Cristo amado! Glória! Glória! Aleluia! Jesus!

Bis

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 42


Hinário

Deus em Toda Parte

João Cabete

Eu vejo Deus em toda parte Abençoando a Terra, o Céu e o Mar! A natureza em flor proclama o esplendor Da sua glória e a grandeza do seu amor... No amanhecer o sol risonho Envolve em luz a Terra enternecida! Os passarinhos cantam seus hinos de louvores; E em doce enlevo, minh’alma vibra comovida... No entardecer o sol poente Tinge de cores o céu no horizonte! E preces vão subindo falando ao coração! Quanta beleza! Eu vejo Deus na imensidão... A flor que nasce! a gota d’água! A voz da brisa e a fonte a murmurar, Falam de Deus-Amor! De Deus que é o autor Da minha vida e da minh’alma agradecida... Eu vejo Deus! A reger mundos no Céu E nas nuvens sempre ao léu Mil imagens desenhando... Eu vejo Deus! No olhar da mãe que amamenta E na haste que sustenta Uma flor desabrochando... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 43


Hinário

Doce Ló

Ló És flor de campo em luz, Estrela da manhã, Que anuncia o sol, Brilhante de esperança, Raiar de um novo dia, Sereno de bonança, Orvalho de alegria. Ló Oh! Minha doce Ló, Oh! Ló, oh! Minha doce Ló.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 44


Hinário

É Bom Viver

É bom viver, quando se tem Em paz o coração Você como eu, que é também feliz Aprenda esta lição Quando se aborrecer Leve o seu pensamento A Deus, Nosso Senhor Põe um sorriso, em cada dor E ajuda ao seu irmão Somente assim, é que você verá Como é bom então viver Quando se tem A paz e o amor E Deus no coração.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 45

João Cabete


Hinário

Estrada de Damasco

Welson Barbosa

Na estrada de damasco Divina luz brilhou, Convertendo para o Cristo Aquele que pecou! Envolvido em treva densa Em pranto se prostrou. E seguindo a nova crença, Sua alma iluminou! Ó meu Jesus! tu que és ternura e amor, Envolve em Luz O mundo sempre em dor Ó Mestre Amado! Tu que és todo bondade! A luz que a Paulo transformou, Inflame a toda humanidade... Ó meu Jesus!

Bis

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 46


Hinário

Estrada de Damasco, Na

Não esqueça o compromisso, nossa velha amizade Não permita que o manto da reencarnação Apague a nossa afinidade Oh! Saulo, Saulo, porque tu me persegues Quero dar-te o meu amor!!! Oh! Saulo, Saulo, porque tu me persegues Quero dar-te o meu amor!!! Para com o Pai realizar, muito idealizamos A caminhada salvadora que nos conduz, ao reino da luz Muitos séculos se passaram, transformando-se em milênios Somos aqueles que se amaram para servir, Eternamente ao Criador. Foi na estrada de Damasco, que eu pude te falar Oh! Saulo, Saulo, porque tu me persegues Quero dar-te o meu amor!!! Oh! Saulo, Saulo, porque tu me persegues Quero dar-te o meu amor!!!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 47


Hinário

Estrela Matutina

João Cabete

Eu encontrei você, chorando entre espinhos E eu não sei porque seu pranto nos caminhos. Você é como a flor, tem graça e formosura Sorria, par favor: Viver é uma ventura! Escute a voz da fonte cantando sem cessar, E olhe no horizonte o dia despontar. As vagas de perfumes são hálito de Deus Caminhe sem queixumes, bendiga os dias teus! A vida é dádiva divina, A dor é luta que aprimora E a fé, estrela matutina, Que ao romper da aurora A estrada ilumina!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 48


Hinário

Êxodus

Eu vou pisar O chão que Deus me deu! O sol do amanhecer Mostrou o vale em flor! E é todo meu, Assim Deus prometeu. Vem meu amor, A terra conquistar! Aqui os nossos vão crescer. Bem junto a ti eu sou, Um homem nada mais, Mas se Deus quiser Um forte hei de ser Aqui farei meu lar, Se Deus quiser que eu morra, Eu morro sem chorar, Pois afinal vou ter meu lar, O meu lar!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 49

Ernst Gold


Hinário

Festim Divinal

João Cabete

Dobram os sinos, Tão cristalinos, Em toda terra, Quanta Beleza Que a natureza Em si encerra Quanta harmonia Paz e Alegria Oh! Que esplendor! Nasceu Jesus Envolto em luz Cheio de Amor. E à tarde, o sol poente, Acende a luz Dos seus fulgores E os ternos passarinhos Buscando flores Cantam louvores Oh! Que festim Divinal! É Natal, é Natal. E num hino de venturas, Vibra em festa, A cristandade, Glória a Deus nas alturas Fraternidade, Fraternidade.

Bis

Nasceu Jesus! Nasceu Jesus! Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 50


Hinário

Fim dos Tempos Vem Jesus, Divino Amigo! Vem trazer a tua paz! Só tu és o nosso abrigo Que ventura mil nos traz! Vem, ó meigo Nazareno, Este mundo consolar! Vem com teu olhar sereno Toda terra iluminar! Afasta do mundo a guerra, O chacal devorador, Que destrói tudo na terra, Espalhando luto e dor. Há gemidos de aflição! Já não há mais primaveras... Criancinhas pedem pão, Homens lutam como feras! Vem, Senhor! Vem reflorir os caminhos! Vem, Senhor! Vem perfumar corações! Exterminar a dor E fazer calar os canhões... Vem Senhor! Com teu amor tão profundo, Iluminar consciências E fazer feliz o mundo... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 51

João Cabete


Hinário

Fraternidade

Nossa união, É como uma canção Que fala, todo dia De amor, de alegria, Paz de um mundo novo, com Jesus, Teu reino em nosso coração. Vamos, dê as mãos, Vamos ser irmãos. A nossa amizade Em laços insolúveis Se concretizou em sonhos De real fraternidade e amor, Real fraternidade e amor.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 52


Hinário

Fraternidade Universal

Rafael A. Ranieri / João Cabete

O sol da liberdade já raiou, Para o mundo na paz da redenção, Brilha agora a esperança do futuro, Na grandeza do amor cristão. Os homens se levantam libertados Redimidos cobertos de luz, Frontes erguidas na glória de Deus, Iluminados pela cruz. Fraternidade, fraternidade, És a flama do amor imortal E a tua força, é liberdade, Invencível, sublime, universal. Nós encontramos em ti O cristo consolador, Fraternidade, fraternidade Evangelho da luz, do amor!...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 53


Hinário

Fritz

João Cabete

Ó Fritz muito amado Dessa Messe fraternal! O teu labor abençoado É seara divinal! Tu és a esperança Que a tristeza faz sorrir... Em ti a luz da bonança É mensagem a reflorir! Bondoso mensageiro Desse formoso jardim! Tu és o meigo jardineiro Que semeia amor sem fim... Recebe, irmão querido, Nesta doce vibração, 0 sentimento florido Da mais terna gratidão... Tua radiosa presença nos traz O lenitivo sublime do amor! Vibram suaves gorjeios de paz Embalsamando a dor... Tua tarefa divina traduz, Felicidade na alma a cantar! A sinfonia do bem que conduz As alegrias de amar... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 54


Hinário

Gorjeios de Luz João Cabete

Vibremos irmãos queridos Neste ambiente de amor! Vibremos sempre unidos Com a alma aberta em flor. Vibremos com emoção Fazendo o Bem sem cessar Cumprindo nossa missão Tendo o Mestre em nosso olhar Vibremos sempre sorrindo Semeando Paz e Alegria! O Excelso Amor construindo Com as luzes da harmonia Vibremos em doce prece Na sinfonia do Bem! O sol do amor nos aquece Com as bênçãos do Além... Servir e lutar Com imenso prazer O bem semear É nosso dever Com a alma a cantar Gorjeios de Luz! Amar sempre amar O meigo Jesus... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 55


Hinário

Graças

J. A. Hufmam/ A. Denyszczyk

Graças dou por esta vida Pelo bem que revelou, Graças dou pelo futuro E por tudo que passou! Pelas bênçãos derramadas Pela dor pela aflição, Pelas graças reveladas Graças dou pelo perdão! Graças pelo azul celeste E por nuvens que há também, Pelas rosas do caminho E os espinhos que elas têm! Pela escuridão da noite Pela estrela que brilhou, Pela prece respondida E a esperança que falhou! Pela cruz e o sofrimento E também reencarnação, Pelo amor que é sem medida Pela paz no coração! Pela lágrima vertida E o consolo que é sem par, Pelo dom da eterna vida Sempre graças hei de dar ! Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 56


Hinário

Gratidão à Deus Quando A sombra da tristeza Cobrir Seus sonhos de ventura... Quando Você quiser chorar Diante Da taça da amargura... Quando A dor bater à porta Ferindo Bem fundo o coração... Quando A esperança é morta E a vida É amarga ilusão. Olhe para trás, Veja quanta dor! Súplicas de paz Clamando amor! Olhos sempre em trevas! Mãos mendigam pão! Bocas que não falam E risos sem razão... Deixe de chorar! Volte a sorrir! Você é tão feliz Volte a cantar! Faça uma prece, Seja grato à Deus! Ele sempre abençoa Os filhos seus... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 57

João Cabete


Hinário

Hino à Bezerra de Menezes

De olhar terno e sereno De semblante tão ameno Que bondade de nosso irmão Ó Bezerra de Menezes Te chamamos tantas vezes Te ofertando o coração Dos enfermos não esqueces Quando te chamam em preces No momento estás presente... Ó Bezerra nosso irmão Põe aqui a tua mão Ele é teu paciente Tua presença neste ambiente É de Jesus, aqui belo presente Bezerra amigo, querido irmão Te agradecemos de coração

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 58


Hinário

Hino à Pátria De novo à pátria quero voltar Para o meu querido torrão Onde se cantam doces canções Onde há sempre uma palavra amiga.... Pátria amada eu ti saúdo Da distância eu ti saúdo Eu ti saúdo de mais longe Pátria querida eu ti saúdo Os teus vales, tuas colinas O verde dos sagrados campos Que desejo rever Se pudesse pra lá retornar Pátria amada eu ti saúdo Da distância eu ti saúdo Eu ti saúdo de mais longe Pátria querida eu ti saúdo Porém não quer mais o destino Mundo afora, hei de vagar Mas em ti, pensarei sempre A ti devoto agora o adeus Pátria amada eu ti saúdo Da distância eu ti saúdo Eu ti saúdo de mais longe Pátria querida eu ti saúdo

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 59


Hinário

Hino ao Irmão Allan Kardec

Allan Kardec irmão protetor Nós contamos contigo e com teu amor Nesta grande tarefa de amparo Ao pequeno e humilde irmão sofredor Querido amigo e grande mentor Desta casa de Fraternidade e amor Onde quer se encontre esperamos você Pois queremos contigo aprender Foste o maior entre os grandes De nossa doutrina o codificador Deste ao mundo a beleza e a verdade Da vida que um dia Jesus, Nosso Mestre, ensinou Deixaste aqui grande prova de fé A maior obra que já se pôde fazer Vamos levá-la ao mais pequenino Que a Lei do Universo, quiser aprender

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 60


Hinário

Hino ao Irmão Carlos Magno

Carlos magno nosso irmão Velho amigo e companheiro Como um bom samaritano De Jesus é mensageiro Nos conduz com paciência Nos ensina o bom caminho Aconselha com bondade Muito amor, muito carinho Sempre diz o que é preciso Nunca fere um coração Com um ar de alegria E grande dedicação Tão humilde ele chegou Como quem não fosse nada Bem depressa fez morada Entre cada coração

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 61


Hinário

Hino ao Irmão Flores

Oh! Irmão flores, És chama viva Em nossos corações Com tamanho calor E a nossa equipe Vai marchando pra frente Vai levando contente Nossa sopa de amor Fraternidade É um lema, e é nossa bandeira E a caridade Se alastra como nuvem de poeira Oh! Irmão flores, Juntos, vamos de braços dados Vais nos guiando Aos irmãos necessitados Vais nos guiando Aos irmãos necessitados

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 62


Hinário

Hino ao Irmão Saldanha

Saldanha caravaneiro Mensageiro de Jesus Ampara aos irmãos que sofrem Nesta colmeia de luz Nas noites em que as trevas Envolvem os nossos irmãos Vai Saldanha Amigo Levar abrigo aos corações Recordando o passado Quando nosso irmão sofreu Desce hoje ao fundo dos umbrais Como o bom Cirineu Recordando o passado Quando nosso irmão sofreu Desce hoje ao fundo dos umbrais Como o bom Cirineu

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 63


Hinário

Hino ao José Grosso Esta história tão singela De um amigo e protetor Que do céu, Deus nos envia Pra curar a nossa dor. Ele é bom e carinhoso Ajuda sempre fervoroso Pede ao pai por seus irmãos. José Grosso é a estrela luminar Que nos guia com bondade ao nosso lar Sua ausência para nós Causa um grande pesar José Grosso no entanto Está sempre a amparar. Agradeço ao Pai celeste Ter um amigo tão sublinhe No caminho tão agreste. José Grosso é a estrela luminar Que nos guia com bondade ao nosso lar José Grosso aqui na terra Encontrou um triste fim Mas a Scheilla o transformou Em linda flor do seu Jardim E hoje vive ao seu lado, Caminhando dedicado Servindo ao mestre amado. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 64


Hinário

Hino do Trabalho

Só o trabalho persistente fraternal Pode dar felicidade na vitória contra o mal E a humanidade trabalhando até o fim Ganhará fraternidade e há de ser feliz assim. Trabalhar, trabalhar Para ter felicidade É preciso a humanidade Aprender o verbo amar. Trabalhar, trabalhar Lembrando que o serviço Ao espírito enfermiço Faz agir e caminhar. Trabalhar, trabalhar Fazer alegre o coração Ensinando a cada irmão Ao Senhor JESUS amar.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 65


Hinário

Hino Escuta

Escuta meu irmão Esta mensagem Que o Mestre enviou Com amor É luz iluminando A tua romagem Pelos caminhos da dor Perdoa quem te ofende e calunia Esquece todo mal E encontrarás a alegria Perdoa sem impor humilhação É teu Jesus no coração Perdoa com sinceridade E encontrarás felicidade – Bis Transforma o ódio em amor O espinho em perfumada flor Segue na vida sempre amando E ao inimigo perdoando – Bis

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 66


Hinário

Hino Olvida Irmão

Olvida irmão, a dor, as atribulações Para que possas encontrar eterna luz Entrelaçados pelo bem dos corações Como discípulo sincero de Jesus. Olvida irmão, o mal que extingue a confiança. Cultua a rosa sem temer os seus espinhos. Acende n’alma luz do olhar de uma criança. Segue as estrelas que dos céus mostram caminhos. Caminha, irmão, vencendo a fúria da procela, Mantendo a paz que vem do Cristo ao coração. Perdoa e esquece a indiferença que regela, Roubando alvor da primavera em floração. Segue o Evangelho com ternura e muito ardor, Esquece o mal trabalho e serve sem cessar. Sepulta as amarguras no jardim do amor, Como Jesus fez da esperança o seu altar. Sepulta as amarguras no jardim do amor, Como Jesus fez da esperança o seu altar.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 67


Hinário

Hino Semeadores do Bem

Semeadores do bem Nós seremos um dia Como as luzes do além Distribuindo alegria Levaremos amor Aos que sofrem no mundo Rogaremos ao Senhor O amor mais profundo Fraternidade é luz De renovada esperança É mensagem que reluz No sorriso da criança O nosso lar Feliz risonho Nos convida a cantar Na ternura de uma sonho Fraternidade é luz De renovada esperança É mensagem que reluz No sorriso da criança

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 68


Hinário

Hosanas ao Senhor

Hosanas ao Senhor eu cantarei Amando ao meu irmão. Minha missão não é só cantar, É muito mais, é muito amar. Mas se cantando eu vou espalhando Essa doutrina de amor, Continuarei então cantando, Hosanas ao Senhor!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 69

João Cabete


Hinário

Irmã da Solidão

João Cabete

Quando eu era ainda criança Eu sonhava com você Você era a esperança Sem saber dizer porque... Eu vivia procurando O seu vulto nos caminhos E ficava soluçando Com a alma entre espinhos, Com brinquedos eu sonhava, Mas, eu nunca os possuía, E tristonho, então pensava Que o amor não existia... Eu sentia uma saudade A pungir meu coração, Não sabia que a saudade É irmã da solidão... O seu nome eu não sabia, Mas, rezava noite e dia P’ra meu sonho realizar... Hoje eu sinto sua presença Na grandeza desta Crença A minh’alma consolar.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 70


Hinário

Irmão Sol, Irmã Lua

Ó irmão Sol, irmã Lua, Abram os meus olhos, Quero ver a luz! Ó irmão Vento, irmã Chuva, Cantem pra mim, Canções que tragam paz. Eu amo o mundo, Gosto de viver. Vivo nos campos Entre meus irmãos. Sempre cantando, Com muita alegria, Passo os meus dias Pregando o amor!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 71


Hinário

Jardim de Oração

O jardim onde Cristo me espera É lugar de delícias e de paz Pois o brilho de sua presença Dá-me vida real e eficaz. Oh! Que lindo jardim, O jardim de oração Onde as flores exalam poder, Cristo meu salvador, Abre as portas de amor, E eu me sinto feliz em viver. No jardim onde Cristo me espera Eu deponho meus males e dor E da volta sentindo consolo, Dou louvores ao meu redentor. Oh! Que lindo jardim, O jardim de oração Onde as flores exalam poder, Cristo meu salvador, Abre as portas de amor, E eu me sinto feliz em viver.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 72


Hinário

Jardim do Coração

Eu plantei a humildade No jardim do coração E colhi felicidade Semeando o perdão. Meu amor é verdadeiro, Caridade me conduz Ao mais belo jardineiro Cujo nome é JESUS.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 73


Hinário

José Grosso

João Cabete

José Grosso irmão querido Bom semeador, Teu caminho tão florido Esplende amor. Entre aplausos de alegria Vibramos nós, Ao ouvirmos neste dia A tua voz. A vibração Que se eleva no ambiente, É oração Para quem está doente. Oh! mensageiro Da seara de Jesus Querido obreiro, Nós rogamos tua luz. Mensageiro de bondade Envolto em luz, Semeando a caridade Que a Deus conduz. Bendizemos tua presença Bondoso irmão, Alegrando nesta crença O coração. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 74


Hinário

José Grosso

Maria Rotéia Costa

Ao José Grosso querido Que por nos luta e padece Nossos corações reunidos Nas asas leves da prece Que as bênçãos de paz e luz Lhe sejam sempre aumentadas Na estrada que nos conduz Para celestiais moradas Na formação do ambiente Na proteção deste teto Nós lhe sentimos presente Na distribuição de afeto Nas expansões de alegria Que funde a nossa emoção Nós rogamos à Maria A sua iluminação. Ao José Grosso querido Que por nós luta e padece Nossos corações reunidos Nas asas leves da prece Que as bênçãos de paz e luz Lhe sejam sempre aumentadas Na estrada que nos conduz Para celestiais moradas Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 75


Hinário

Joseph Gleber Joseph Gleber, bom mentor Oh! luz de nossa vida Vem junto a nós

Welson Barbosa

Bis

O teu passado de luta Roteiro glorioso na evolução, E por amor a Jesus Levaste vitorioso, A tua cruz. Neste recanto, És nosso guia, Junto aos enfermos Noite e dia, Rumo ao Senhor És sublimada luz, Ajuda-nos Joseph A transportar nossa cruz. O teu passado de luta Roteiro glorioso na evolução, E por amor a Jesus Levaste vitorioso, A tua cruz. Neste recanto És nosso guia Junto aos enfermos Noite e dia, Rumo ao Senhor És sublimada luz, Ajuda-nos Joseph A transportar nossa cruz. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 76


Hinário

Juventude Brasileira

João Cabete / Eliaci M. S. Soares

Juventude brasileira Esperança do porvir Nesta pátria altaneira Nova luz fará luzir Soará a clarinada Que o mundo abalará Surgirá a nova morada Que ao justo aguardará Segue avante, altiva e alegre Luta sempre, sem temor No trabalho a ti entregue Exemplifica o amor Cumpre sempre o teu dever Na sublime sementeira Sempre avante, sem temer Juventude brasileira Vê Jesus à tua frente Sempre alegre a te acenar E enfrenta o mar fremente Que consegues te salvar Na alvorada do amanhã Entre luz e risos mil A juventude cristã Engrandecerá o Brasil Segue avante, altiva e alegre Luta sempre, sem temor No trabalho a ti entregue Exemplifica o amor Cumpre sempre o teu dever Na sublime sementeira Sempre avante, sem temor Juventude brasileira Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 77


Hinário

Longos Caminhos

João Cabete

Andei por longos caminhos A procurar por você Pisei em tantos espinhos, E não encontrei você. As noites sempre tão frias, Estrelas, eu não as vi... Andei contando as dias, Sempre esperando você. Às vezes fico pensando. Por que eu vivo assim? Eu passo a vida sonhando. Pensando como é você... Seu nome é FELICIDADE! Assim eu ouvi dizer. Meu mundo é sempre saudade Saudade é o meu viver... Felicidade, vem! Comigo vem morar. Felicidade tem Quem vive a cantar. Eu canto esta canção, Chamando por você. Felicidade, vem! Florir meu coração... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 78


Hinário

Mãos Unidas

Amor! E mais amor! Ao mundo oferecer. Fazer feliz A própria dor, Vamos viver Em paz e amor! Irmãos Em toda parte Iremos Sempre encontrar. Felicidade! Muita alegria! É o que devemos conquistar Com a alma em prece, Unindo as mãos, Servir cantando. Amando como irmãos! Amar! Amar! Sorrir! Sorrir! Cantar! Cantar! E a paz a reflorir.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 79

João Cabete


Hinário

Maria

João Cabete

Doce Maria Suave lírio de luz Vem ouvir nossa prece Perfumar nossa messe Doce mãe de Jesus. Vem, ó Maria Socorrer os que sofrem Peregrinos da dor Suplicando o teu amor. Doce Maria Cheia de graça, Vem ouvir este hino Amparando os enfermos, Com teu manto divino...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 80


Hinário

Meditando a Natureza

Vamos ó irmãos nas assa leves Desta doce canção, Sentir como a vida é mais alegre Nos bosques do sertão. Onde a natureza em silêncio Falando ao coração, Nos envia, a suave Feliz meditação. A brisa que passa de leve a soprar, E a borboleta no espaço a voar, Buscando no prado o perfume da flor Nos mostra a grandeza do Pai Criador

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 81


Hinário

Meimei

João Cabete

Meimei, Na luz do teu olhar Cintila a paz do Senhor! É sol Iluminando os tristes Na senda da dor! Meimei, Envolve a nossa prece Na luz do teu grande amor! Trazendo Do reino de esplendor, Consolo às pobres criancinhas Que choram a dor Da triste desventura Na estrada da grande amargura.

Bis

Meimei! Amor!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 82


Hinário

Mensageiros do Bem

Mensageiros do bem Nós seremos um dia Com as luzes do além Distribuindo alegria. Levaremos amor Aos que sofrem no mundo Rogaremos ao Senhor O amor mais profundo. Fraternidade é luz De renovada esperança É a mensagem que reluz No sorriso da criança. O nosso lar Feliz risonho Nos convida a cantar Na ternura de um sonho.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 83


Hinário

Meu Amigo Agradece

João Cabete

A vida tem mil encantos! É uma eterna floração. Cantam as aves os seus cantos. Brilham astros na amplidão! Em toda parte fulgura A luz do Supremo Amor! É tão sublime a ternura Do perfume junto à flor... A chuva caindo mansa Na terra seca e sedenta É sorriso de esperança Que a alma da fonte alenta... Se a borrasca açoita agora Em gemidos de aflição, Amanhã é nova aurora, Novo dia é a solução. Ama a vida, meu amigo, Na ternura dos teus sonhos. Vê no amor o excelso abrigo E caminhos mais risonhos. É infinito o amor de Deus, Que a vida engrandece. Quanta luz nos olhos teus! Meu amigo agradece. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 84


Hinário

Meu Irmão, Meu Amigo

Onde estiver sei que vou caminhar Com você, meu irmão, meu amigo. Seja na terra ou na água do mar, Na pureza do ar, com você, amigo... Onde estiver sei que vou caminhar, Com você, meu irmão, meu amigo. Na escuridão, sei que a luz vai voltar, Sei que o sol vai brilhar em você, amigo... Amor, amor Que nunca vai nos separar.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 85


Hinário

Meu Sertão

João Cabete

Meu sertão abençoado Verdejante, sempre em flor! Teu destino iluminando Tem promessas de amor És um sonho de bonança Deste meu grande Brasil! És do mundo a esperança Que nasceu no céu de anil... Deus te salve, meu sertão! Que saudade vou levar no coração Companheiros de ideal Sempre unidos no planalto divinal Oh! Meu Deus, quanta alegria Quando vem rompendo a dia Envolvendo tudo em cores A montanha beija o céu A cascata com seu véu Entre sonhos multicores O luar tem mais encanto Quando cobre com seu manto Meu sertão verde e encantado As estrelas cintilantes São divinos diamantes Lá no céu todo enfeitado Como é belo o meu sertão Não existe solidão Oh! Meu Deus, quanta beleza Passarinhos a cantar E o amor desabrochar No festim da natureza. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 86


Hinário

Obreiros da Paz

Rafael A. Ranieri / João Cabete

Nestes dias de fraternidade Nossas almas palpitam de amor, Trasbordantes de felicidade, Sob a luz de um excelso esplendor! Suave brisa que espraia na Terra Perfumando os obreiros da paz! Sinfonia Divina que encerra A grandeza que a vida nos traz! Vibrações rutilantes de luz Nos envolvem em Paz e harmonia! São as bênçãos do Mestre Jesus, Espargindo ventura e alegria! Renascemos de novo no mundo Nesta luta do bem contra o mal. É o amor que renasce profundo Para a gloria da vida imortal!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 87


Hinário

Obrigado Senhor Obrigado Senhor Porque és meu amigo Porque sempre comigo Tu estás a rezar No perfume das flores Na harmonia das cores E no mar que murmura 0 teu nome a cantar Escondido estás No verde da floresta Nas aves em festa No sol a brilhar Nas sombras que abrigam Na brisa amiga Na fonte que corre Suave a cantar Te agradeço ainda Porque na alegria E na dor do cada dia Posso te encontrar Quando a dor me consome Murmuro o teu nome E mesmo sofrendo Eu posso cantar Escondido estás No verde da floresta Nas aves em festa No sol a brilhar Nas sombras que abrigam Na brisa amiga Na fonte que corre Suave a cantar Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 88


Hinário

Obrigado, Senhor

Obrigado, Senhor! Pelos olhos que tenho, Que vêem o céu, a terra e o mar. Por esta doutrina santa! Pelo sol que se levanta Ante o festival de cor! Obrigado, Senhor! Porque posso escutar O teu nome sublime, E assim posso te amar Na sinfonia da vida, No trabalho, na dor, e na lida... Obrigado, Senhor! Por estas mãos que são minhas! Mãos que acenam adeuses E colhem flores! Mãos que enxugam lágrimas Balsamizando dores, Mãos que fazem versos e canções.. Obrigado, Senhor! Pela minha voz que canta! Voz que fala do teu amor! Que pronuncia o teu nome Rogando paz ao mundo inteiro, Obrigado, Senhor! Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 89

João Cabete


Hinário

Oh! Deus Aqui Viemos

Oh! Deus aqui viemos te adorar, trazendo humildemente o nosso amor! E para as esperanças renovar Como renova o sol as flores! Na primavera vêm as rosas Sagradas puras perfumadas! Tu Deus que fazes estas rosas Sagrado faze o nosso amor! Oh! Deus Senhor protege nossa união És símbolo eternal de puro amor! Tu fonte de alegria e devoção, Livra estas vidas de temores! No outono vêm os lindos lírios A flor perfeita dos idílios! Tu Deus que aperfeiçoaste os lírios, Perfeito faze o nosso amor!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 90


Hinário

Olhai os Lírios do Campo

João Cabete

Olhai os Lírios do Campo Que não tecem, nem fiam, Exibindo ternura e pureza, Olhai! Nem Salomão em sua grandeza Vestiu-se com tanta beleza E esplendor! Olhai as aves do céu Que não semeiam, nem colhem Nem ajuntam em seus celeiros Reservas para a vida Enternecidas de sublime amor. Olhai o mundo Na imensidão sempre a rolar, Sem se perder no seu caminho Olhai o Sol sempre a brilhar! A tudo Deus, bondoso assiste, No mundo nada existe Que fuja à luz dos olhos Seus... Olhai o mundo Na imensidão sempre a rolar, Sem se perder no seu caminho Olhai o Sol sempre a brilhar!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 91


Hinário

Oração de São Francisco de assis

Senhor, Fazei-me um instrumento de vossa paz. Onde houver ódio que eu leve o amor, Onde houver ofensa que eu leve o perdão. Onde houver discórdia que eu leve a união, Onde houver dúvida que eu leve a fé, Onde houver erro que eu leve a verdade. Onde houver desespero que eu levo a esperança, Onde houver tristeza que eu leve a alegria, Onde houver trevas que eu leve a luz. Ó Mestre: Fazei que eu procure mais Consolar que ser consolado, Compreender que ser compreendido, Amar que ser amado, Pois é dando que se recebe, É perdoando que se é perdoado, E é morrendo que se vive Para a vida eterna.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 92


Hinário

Pai Nosso

Osnin Nunes Soares

Pai nosso Que estas no céu, Santificado Seja teu nome; Venha a nós teu reino, Seja feita tua vontade, Assim na Terra Como no Céu. O pão nosso De cada dia, Nos dai hoje E sempre, Senhor. Perdoa Nossas dívidas, Assim como perdoamos Nossos devedores. Não nos deixes Cair em tentação, Mas, livra-nos, Senhor, De todos as males Porque teu é o Reino, O poder e a glória, Para sempre. Que assim seja.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 93


Hinário

Palminha

João Cabete

Oh! Mensageiro Dileto Nesta vibrante oração, Recebe com o nosso afeto As flores da gratidão. Tua alegria e bondade A todos nós faz vibrar, Oh! Lírio da caridade Dos jardins de Nosso Lar. Oh! Irmão Palminha, Sublime mentor! fonte de ternura, Consolação e amor! Teu carinho é prece Em forma de luz, Nele resplandece A excelsa paz de Jesus.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 94


Hinário

Palminha, Ao

Aqui, nesta quadrinha, De todo coração. Mandamos ao Palminha A nossa saudação. A luz do Mestre amado Reflete o seu labor, Labor abençoado Por Deus nosso Senhor. Ó Palminha, ó Palminha! Caro irmão do além Nossas almas encaminham Ao supremo bem.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 95


Hinário

Pérolas de Luz

João Cabete

Encontrei no meu caminho Um suave peregrino De olhar tenro e brilhante Da cor do céu profundo... Os meus olhos choraram Tanto de alegria Que brilharam no meu pranto Como pérolas de luz... Eu ouvi a Sua voz Lá no alto da montanha Quando a brisa acariciava Os Seus lindos cabelos... E o Sol colorindo A natureza, Derramava a saudade No meu mundo de tristeza... Quem é esse peregrino Que surgiu no meu caminho, Transformando a minha vida Em sonhos de amor e paz? Que saudade Do “Vinde a Mim” da Galiléia... Minha vida após vidas Tem saudades desse alguém... A minh’alma comovida, Contemplando o passado, Num transporte de amor e luz Pelos caminhos...

Escutou na voz do vento: “ESSE HOMEM É JESUS! ! “É JESUS! ! !” “É JESUS! ! !” Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 96


Hinário

Planalto Divinal

Nossa bandeira e pendão triunfante Anunciando a nova alvorada Que já desponta formosa e ofuscante Sublimando a nossa jornada! Confiante na luta gloriosa Segue a frente o nosso mentor E aos clarões dessa luz radiosa Implantaremos na terra o amor! Empunhando a espada de luz Conquistaremos paz e bondade Sob as bênçãos do Mestre Jesus Proclamaremos Fraternidade! Marchemos, marchemos Fraternistas da Oscal Bem unidos triunfaremos No Planalto Divinal Marchemos, marchemos Sob as luzes da esperança Com amor construiremos 0 futuro da criança.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 97

João Cabete


Hinário

Poeta da Vida

João Cabete

Por que as flores nascem entre perfumes? Por que as aves cantam ante as manhãs? Por que as fontes correm para a mar, A chuva cai do céu a chorar? Por que o Sol acende a luz do dia, Distribuindo sua alegria, Por que o sorriso da primavera?

Bis

Por que as estrelas brilham sem cessar? Por que a luz da lua beija o mar? Por que tanta beleza no arrebol, No amanhecer e no adeus do Sol? Por que a brisa sopra suavemente, Crianças brincam alegremente, Lábios sorrindo, tempo de paz?.. .

Bis

É porque Deus é amor!!! Deus é amor! Deus é amor!!! É amor!!! Poeta da vida! Coloriu as flores! Regente dos mundos, Orquestrando amores. Deus é amor!!! Deus é amor!!! Deus é amor!!! É amor!!! Divino arquiteto Dos mundos sem fim! Legou seu afeto À você e a mim... Deus é amor!!! Deus é amor!!! Deus é amor!!! É amor!!! Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 98


Hinário

Portas do Infinito

João Cabete

Nasce o dia em festa de esplendores! E gorjeios Entoam hinos de amores! A cascata em risos sem cessar... E os prados em flor a festejar. Quanta beleza, meu Deus! A terra é um jardim!!! E a esperança renasce em meu caminho. Como um sol Formoso na amplidão! Vejo a vida coberta de carinho A cantar Em sonhos de ventura... Sinto Deus a sorrir bem junto a mim . 0 amor abre as portas do infinito! Faz sorrir! Cantar! Fala de Deus e a vida se ilumina! Nasce em minh’alma Como nasce o dia. Como nasce a flor, Nasce o amor. Amo a vida na ternura dos meus sonhos Amo o riso e a dor. Eu amo a vida que Deus me concedeu... Pois tudo é amor Entre o Céu e a Terra! Coma é bela a vida Benção divina Que Deus me deu... Que Deus me deu... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 99


Hinário

Prece, A

Agradecemos Senhor, (Senhor) Estes momentos de Paz Nós te sentimos aqui, (aqui) Em vibrações fraternais Na estrada da vida, Conduz-nos ao bem, Na alegria e na dor. Seja o amor Nossa bandeira de luz, Amado mestre Jesus! Seja o amor Nossa bandeira de luz, Amado Mestre Jesus! Agradecemos Senhor, Senhor Estes momentos de...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 100


Hinário

Prece

Oh! Jesus, Todo amor! Flor de luz Do Senhor! Mestre amado, Luz divina! Abençoa Nossa doutrina. E que este dia De fraternidade, Seja coroado De felicidade! Oh! Meu Jesus, Ouve a oração, Jóia de luz Do meu coração!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 101

João Cabete


Hinário

Prece à Virgem

Salve! Maria! Mãe do Nazareno, Mãe do Redentor! Pede a Deus por nós No teu louvor E pede a Deus também, Assim, bênçãos, luz e amor sem fim, Para os que padecem, Os que padecem grande dor. Salve! Maria! Salve! Maria! Maria! Salve! Mãe Santíssima! Salve mãe puríssima! Luz do eterno bem Roga por nós, roga a Deus por nós, Por todos nós. Amém! Amém! Amém!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 102


Hinário

Prece de Francisco de Assis

João Cabete

Senhor, Fazei de mim um instrumento da vossa paz Onde haja ódio, consenti que eu semeie o amor. Perdão, onde haja injúria Fé, onde haja dúvida Esperança, onde haja desespero Luz, onde haja treva Alegria, onde haja tristeza Oh! Divino Mestre, permiti Que eu não procure tanto Ser consolado, quanto consolar Ser compreendido, quanto compreender Ser amado, quanto amar. Pois é dando que recebemos Perdoando, que somos perdoados E é morrendo que nascemos Para a vida eterna!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 103


Hinário

Primavera

João Cabete

É primavera Festa do amor A graça impera Em cada flor! A natureza Toda enfeitada É uma princesa Enamorada.. O sol estuante de vida Beijando rios e cascatas Abraça a terra florida E aquece o seio das matas Em toda a parte fulgura A doce ternura De flores bailando, O perfume espalhando Ao sopro da brisa O sol a brilhar, E a Terra a cantar Nessa festa de luz Que a Deus nos conduz. Entre bênçãos divinas Manhãs cristalinas E sonhos de amores Beijando as flores. É primavera! 0 entardecer é risonho Parece um sonho De anjos no céu Brincando ao léu.. A luz do poente É um canto plangente Que alenta a alma Em tarde de calma.... E a noite surgindo Entre Estrelas sorrindo À luz do luar, A terra adormece Sorrindo em prece... É Primavera! Primavera! Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 104


Hinário

Primeiro Mártir

Welson Gonçalves Barbosa

Estevão, primeiro mártir Da Boa Nova em flor! Rolou pelos caminhos Coroado pela dor... Escravo e palmilhando A estrada da amargura Tanto amou, e perdoou Com sua alma nobre e pura... Recebe martirizado Os golpes da ironia. Ferido e dilacerado Orou em agonia... De fronte sempre erguida No sofrimento atroz! De alma florida Abençoou com amor o seu algoz... Liberto e iluminado pela cruz, Chorou aos pés do Mestre Amado O pranto abençoado.. E em lágrimas de luz Beijou o manto de Jesus... E com o peito arfando de emoção Rogou: Senhor! Senhor amado! Ó! Lírio Crucificado! Dá-me a glória ó! Senhor! De conduzir Paulo Ao reino do teu amor...

Bis

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 105


Hinário

Quando Ouvimos tua Voz João Cabete

Mestre! O vento sopra As ondas crescem E nuvens negras Pairam sobre nós Mestre! O mar se revolta E à nossa volta Há tristeza, pranto e dor! Senhor! O que faremos? Bis Tanto queremos Ouvir a tua voz Senhor! Quanta alegria! O mar se acalma E a noite se faz dia Há paz em todos nós, Oh! Mestre Amado Quando ouvimos tua voz! Jesus! Mestre Divino Bis Escuta o hino Da nossa gratidão... A tua voz, é nosso abrigo! Oh! Mestre Amado! Divino Amigo!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 106


Hinário

Quanta Luz

Cenyra Pinto

Quanta luz Neste ambiente Descendo sobre nós, Vibrando em nossa mente! Quanta luz, Quando assim em prece como a alma cresce Aos olhos de Jesus! Quanta luz, Pois em oração A voz do Mestre fala Ao nosso coração! Quanta luz descendo sobre nós Quanta luz! Quanta luz!

Bis

Bis

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 107


Hinário

Quanto Amor

João Cabete

Oh! Meu Deus, quanto amor no universo! As estrelas brilhando em harmonia! O infinito sorrindo É uma festa de luz e esplendor! O luar cai sobre a terra! Oh! Meu Deus, quanto amor! A minh’alma orando contempla A beleza das flores se abrindo! Alegrando os caminhos, Perfumando os espinhos do mundo. Enfeitando a vida... Oh! Meu Deus quanto amor! Nasce o dia entre bênçãos de luz! E a tarde o poente é prece. Toda a terra adormece Na ternura do céu colorido... Apoteose divina! Oh! Meu Deus, quanto amor! A semente é esperança de vida Palpitando no seio da terra E depois, em seus braços, Passarinhos cantando em seus ninhos Carinhosas canções... Oh Meu Deus, quanto amor! Quanto amor em toda parte, No céu, na terra e no mar... As estrelas, as flores e as crianças Nasceram nas mãos de Deus, Embaladas no berço Do seu imenso Amor... Oh! Meu Deus, quanto amor! Oh! Meu Deus, quanto amor! Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 108


Hinário

Quem?

Quem criou o sol e a terra As estrelas e o luar ? Quem criou a imensidão Do azul do céu e o mar? O poema das cascatas, O cantar dos passarinhos? A magia que há nas matas E a ternura que há nos ninhos? Quem criou tanta beleza O esplendor da natureza? O sorriso da criança Suave luz, da esperança? E as flores perfumadas Que vicejam no jardim? O sorrir das alvoradas E a crença que vibra em mim? Deus!

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 109

João Cabete


Hinário

Querido Bezerra, Ao

Geraldo P. Paulo

De olhar tão compassivo E um sorriso animador Teu Bem é decisivo E dispensado com amor. Sentimos cada hora Em que aproximas meu irmão Que alentas ao que sofre Confortando o coração. Não vês nossa maldade Só queres ajudar, A tua lealdade É servir sem vacilar. A voz dos anjos pode escutar Porém prefere aqui ficar Ouvindo o pranto dos pobrezinhos Que sofrem tanto em seus caminhos. Na dor a tua destra Paira caridosa e santa, Animas ao que chora Inspirando ao que canta. Bezerra, esta esperança Que sentimos ao teu lado, Exprime a bonança Do teu peito iluminado. A voz dos anjos pode escutar Porém prefere aqui ficar Ouvindo o pranto dos pobrezinhos Que sofrem tanto em seus caminhos. Bezerra, esta esperança Que sentimos ao teu lado, Exprime a bonança Do teu peito iluminado. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 110


Hinário

Quinhentos da Galiléia, Os

Welson Barbosa

Céu azul! Tarde calma! Saudade imensa Em cada alma... Reunidos A orar Recordando O excelso Amigo... Nesse instante Junto ao monte Intensa luz Tudo envolveu! É Jesus Libertado Que ressurge Iluminado! Disse o Mestre: Ó amados meus! Regresso à luz do meu reino! Mas eu vos deixo a minha paz E o meu amor... Retornareis às provas do mundo, Vida após vida a sofrer No testemunho de amor Mas ante o martírio da cruz Eu vos esperarei Na grandeza da Vida Imortal! Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 111


Hinário

Rabi da Galiléia

Oh! Rabi da Galiléia Na mansidão do teu olhar Eu canto, eu amo, Me acalmo, eu vivo... Oh! Rabi, celeste amigo, Nas margens do Tiberíades, Falaste de amor. Eu canto, eu amo, Me acalmo, eu vivo... Brilha no céu como estrela, Luz para todos os caminhos, Brilha na terra e no seu coração, Brilha em você em mim, Em forma de canção.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 112


Hinário

Risos de Bonança

João Cabete

Vamos levar alegria ao mundo! Fazer sorrir a tristeza e a dor. E onde houver um amargo pranto 0 nosso canto será amor Alegraremos este mundo triste, Pois o amor existe em cada coração! Estenderemos nossas mãos amigas, Por que tantas brigas, desamor em vão? Construiremos um mundo novo Feito de paz, harmonia e fé! E ouviremos a voz do povo Cantos divinos de Nazareth! Em toda parte risos de bonança! Sonhos de esperança e felicidade! Um novo sol despontará sorrindo... Os campos reflorindo! É a Fraternidade. Alegria! É luz divina que ilumina a terra! O amor Essência da grandeza de Deus. E a paz Um dia vencera a guerra.. Paz na terra Fraternidade Alegria! Nosso roteiro! Paz e amor Ao mundo inteiro! Alegria! Paz e Amor! Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 113


Hinário

Rosa da Esperança

João Cabete

Vibra o céu! Vibra a terra! Esse festim de excelsa luz! Que paz encerra, ó meu Jesus! Nasce o dia, triunfante Iluminando a natureza! Quanta alegria! Quanta beleza! Oh! Rosa da Esperança! Coberta de fulgores! De paz e amor E de bonança! Tu és a redenção Da alma infantil No coração do meu Brasil Ó meu Jesus, ouve esta prece! Abençoa, Mestre Amado, Esta divina messe, Cobrindo com teu manto A cidade da Fraternidade...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 114


Hinário

Salmo 139

Senhor eu sei que Tu me sondas, Sei também que me conheces. Se me assento ou me levanto Conheces meus pensamentos. Quer deitado ou quer andando, Sabes todos os meus passos E antes que haja em mim palavras Sei que em tudo me conheces. Senhor Senhor Senhor Senhor

eu eu eu eu

sei sei sei sei

que que que que

Tu Tu Tu Tu

me me me me

sondas. sondas. sondas. sondas.

Deus, tu me cercaste em volta Tua mão em mim repousa, Tal ciência é grandiosa Não alcanço de tão alta. Se eu subo até o céu Sei que ali também te encontro, Se no abismo está minha cama Sei que ali também me amas. Senhor Senhor Senhor Senhor

eu eu eu eu

sei sei sei sei

que que que que

Tu Tu Tu Tu

me me me me

sondas. sondas. sondas. sondas.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 115


Hinário

Scheilla

Dinah Lemos Reis

Vamos unidos à Scheilla, Numa alegria sem fim Cantar como os passarinhos Que esvoaçam no jardim. Esta flor tão delicada Quando está juntinho a nós, Deixa sempre o seu perfume E o calor da sua voz. Irmã Sheilla, tão querida Vem trazer-nos esta luz, Que ilumina nossa vida Nos caminhos de Jesus. Ao enfermo que espera Fraternidade e amor, Levaremos esta noite Lenitivo à sua dor. Como bom samaritano E a Scheilla a nos guiar, Seguiremos confiantes Sempre alegres a cantar. Irmã Sheilla, tão querida Vem trazer-nos esta luz, Que ilumina nossa vida Nos caminhos de Jesus. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 116


Hinário

Se eu Fosse uma Estrela

João Cabete

Quando a noite vem descendo Com seu manto envolvendo A tristonha natureza. A montanha se enternece Ante o céu sorrindo em prece. Oh! meu Deus quanta beleza! Como os prados reflorindo As estrelas vão surgindo! E a lua esplendorosa Desabrocha coma a rosa Perfumando o céu profundo! Os poetas comovidos Fazem versos coloridos Despertando o amor no mundo... Oh! meu Deus quanta ternura! Tão formosa a imensidão! Quando a noite é mais escura Mais estrelas na amplidão... Oh! se eu fosse uma estrela No infinito a caminhar, Bis Levaria a sua luz Para a terra iluminar...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 117


Hinário

Segue

João Cabete

Segue o teu caminho Semeando flores Colhendo o espinho da ingratidão, Cumprindo sempre tua missão. Segue com humildade Fazendo sempre caridade De coração Este é o roteiro da perfeição Segue sempre sorrindo Sempre lutando, sempre servindo Ao teu irmão Conquista agora tua evolução Segue, conquista a luz Servindo ao mundo e ao Bom Jesus Busca a iluminação Na grande estrada da redenção

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 118


Hinário

Senhor é Meu Pastor, O

Rafael A. Ranieri / João Cabete

Ainda que eu andasse Pelo vale das sombras e da morte, Onde a tempestade está. Sem roteiro...sem rumo e sem norte, Sem nada que me suporte O Senhor é meu pastor Nada me faltará. As As As As

pastagens verdejantes, águas claras e a flor, noites belas e amantes, alegrias do amor...

O bordão que me suporta, O amparo o Senhor me dá. Mas se Tu estás comigo, Nada me faltará. Em Ti encosto a cabeça És rocha que vence a dor. Tu me conduzes no mundo Terrível e sofredor. Pelas trevas e na luz, Nas tristezas e na morte, O Senhor é meu pastor Nada me faltará. Não temo a noite sombria, As tempestades do mar... O coração que não ama, E o riso que faz chorar... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 119


Hinário

Senhor Jesus

J. W. Franck

Senhor Jesus atende a prece Do meu aflito coração. Em Ti consolo e paz encontro Na desventura e provação. Tu és abrigo, és esperança, Fulgente luz da salvação! Vem dom precioso, vem sol radiante Vem tu minh’alma De luz encher. Vem dom precioso, vem sol radiante Vem tu minh’alma De luz encher. Jesus com teu Constante amparo Meu coração se alegrará E minha boca eternamente Louvor a Ti entoará. Tu és abrigo, és esperança, Fulgente luz da salvação! Vem dom precioso, vem sol radiante Vem tu minh’alma De luz encher. Vem dom precioso, vem sol radiante Vem tu minh’alma De luz encher. Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 120


Hinário

Seresteiro do Evangelho

João Cabete

Adeus! Meus sonhos de criança! Passado de bonança Que o tempo sepultou! Adeus! Risonha mocidade! Rosário de saudade De quem na vida amou. Adeus! Adeus, eu digo agora! Já surge nova aurora, é tempo de partir... Adeus! Não chore, por favor! O verdadeiro amor Fará você sorrir. 0 mundo é abrigo abençoado! A vida, estrela a brilhar! Sorrindo, estarei ao seu lado Com a alma sempre a cantar! Adeus! Dileto companheiro Oh! meu plangente violão! Adeus! De um pobre seresteiro Do Evangelho feito canção...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 121


Hinário

Soberana Sinfonia

João Cabete

Ó meu Senhor! Deus do deserto e do mar Vives na flor, Na esperança e na luz do luar Ó meu Senhor! Deus da alegria e da dor Sinto em minh’alma Teus gorjeios divinos de amor Em toda parte palpitas Distribuindo harmonia Na criança a sorrir E na flor a se abrir No Universo a cantar Em Soberana Sinfonia Ó meu Senhor! Tu que és a luz das alvoradas Desperta o mundo, para viver a Paz Para viver o amor.

Bis

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 122


Hinário

Uma Esperança a Sorrir

João Cabete

Oh! que saudade tenho da vida Alma sofrida buscando amor Quanta saudade dos verdes campos, Da natureza sorrindo em flor. Das noites belas guardo o encanto Ante o meu pranto caindo em vão A minha vida foi sonho leve Que passou breve feito ilusão. Mas eu deixei nos caminhos Uma esperança a sorrir E a saudade está comigo, Buscando abrigo nesta canção.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 123


Hinário

Vem

Sou a luz do caminho, vem A verdade e a vida, vem Sou Jesus que te chama, vem Abra o seu coração, vem. Ouça as aves no céu, vem Veja os lírios do campo, vem Para que o perfume do amor Inunde o seu coração, vem Suavidade e ternura, Jesus nos dá, Com seus ensinos de luz, Que iluminam o coração. Sou a luz do caminho, vem A verdade e a vida, vem Sou Jesus que te chama, vem Abra o seu coração.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 124


Hinário

Vem Vem! Enlaça-me em teus braços! Vem! Aperta a minha mão! Eu te perdôo porque te amo, É todo teu o meu coração. Vem! Esquece o passado! Vem! Comigo caminhar! Enxuga o pronto de mágoa e dor, Escuta o canto do nosso amor... “Alma gêmea de minh’alma” Redimida no Caminho... Dois mil anos de aliança, De esperança e carinho... Vem! Querido companheiro De jornadas e esplendores “Através da eternidade” “Luz terna dos meus amores” Vem! Vamos oferecer Uma prece comovida Ao Nazareno com gratidão Par tanto amor em nossa vida... Vem! Jesus está sorrindo Nas paragens do infinito, Abençoando nossa união. Vem, meu amor! Dá-me tua mão.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 125

João Cabete


Hinário

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 126


Hinário

Outras Músicas

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 127


Hinário

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 128


Hinário

Belo Pra mim

Belo pra mim, é criança a brincar, É ouvir mil canções, numa concha do mar, É chuva caindo, é campo em flor, E acima de tudo, é o amor...ôôôôôô... Belo pra mim quando estou a sofrer, E as trevas, na alma, começam a crescer Lembrar com alegria, que além, Muito além, a espera de mim, Existe alguém...

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 129


Hinário

Importante é a Rosa, O E você que vai sozinho Pelas ruas da cidade, Não repare a falsidade Dos que vão... Deixa tudo no caminho Vem, é outro o seu destino, Há uma rosa e um menino E você ... O importante é a rosa (três vezes) E o amor... Se você no sol poente, Olha os barcos tão somente Se esquecendo de repente De chorar... O importante é a rosa (três vezes) E o amor... E você que é canção E de amor fez o universo Pra você é o meu verso De união... O importante é a rosa (três vezes) E o amor... Todo o gesto, todo o instante, É na vida importante Mais que o riso, mais que a vida Que eu perdi... O importante é a rosa (três vezes) E o amor... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 130


Hinário

Impossível

Olho em tudo, E sempre encontro a Ti. Estás no céu, Na terra, onde for... Em tudo que me acontece Encontro o Teu amor. Já não se pode mais deixar De crer no Teu amor. É impossível não crer em Ti, É impossível não Te encontrar É impossível não fazer de Ti, meu ideal.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 131


Hinário

Mãos que Oferecem Rosas

Fica sempre, um pouco de perfume Nas mãos que oferecem rosas Nas mãos que sabem ser generosas Dar um pouco que se tem Ao que tem menos ainda Enriquece o doador Faz sua alma ainda mais linda Fica sempre, um pouco de perfume Nas mãos que oferecem rosas Nas mãos que sabem ser generosas Dar ao próximo alegria Parece coisa tão singela Aos olhos de Deus, porém, É das artes a mais bela. Fica sempre, um pouco de perfume Nas mãos que oferecem rosas Nas mãos que sabem ser generosas

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 132


Hinário

Maria de Nazaré

Maria de Nazaré, Maria me cativou Fez mais forte a minha fé E por filho me adotou Às vezes eu paro e fico a pensar E sem perceber me vejo a rezar, E o meu coração se põe a cantar Pra Virgem de Nazaré Menina que Deus amou e escolheu Pra Mãe de Jesus, o filho de Deus, Maria que o povo inteiro elegeu, Senhora e Mãe do Céu Ave Maria, Ave Maria... Ave Maria, Mãe de Jesus... Maria que eu quero bem Maria do puro amor Igual a você ninguém Mãe pura do meu Senhor Em cada mulher que a terra criou Um traço de Deus Maria deixou Um sonho de mãe Maria Plantou Pro mundo encontrar a paz Maria que fez o Cristo falar Maria que fez Jesus caminhar Maria que só viveu pra seu Deus Maria do povo meu Ave Maria, Ave Maria... Ave Maria, Mãe de Jesus... Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 133


Hinário

Noite Feliz Noite feliz, Noite feliz. Oh, Senhor, Deus de amor, Pobrezinho, nasceu em Belém. Eis na lapa Jesus, nosso bem. Dorme em paz, Oh, Jesus. Dorme em paz, Oh, Jesus. Noite feliz, Noite feliz. Oh, Jesus, Deus da luz, Quão afável é teu coração. Que quiseste nascer Nosso irmão. E a nós todos salvar, E a nós todos salvar. Noite feliz, Noite feliz. Eis que no ar vem cantar, Aos pastores, Seus anjos do céu. Anunciando a chegada de Deus, De Jesus Salvador, De Jesus Salvador.

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 134


Hinário

Noturna Melodia Para mim, a chuva no telhado É cantiga de ninar Mas, pro pobre meu irmão Para ele a chuva fina Vai entrando em seu barraco E faz lama pelo chão. Como posso, ter sono sossegado Se no dia que passou Os meus braços eu cruzei Como posso ser feliz? Se ao pobre meu irmão, Eu fechei me coração, Meu amor eu recusei ...

Bis

Para mim, o vento que assobia É noturna melodia Mas, pro pobre meu irmão Ouve o vento angustiado Pois o vento este malvado Lhe desmancha o barracão Como posso, ter sono sossegado Se no dia que passou Os meus braços eu cruzei Como posso ser feliz? Se ao pobre meu irmão, Eu fechei me coração, Meu amor eu recusei ...

Bis

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 135


Hinário

Segura na Mão de Deus Se as águas do mar da vida quiserem te afogar, Segura na mão de Deus e vai... Se as tristezas desta vida quiserem te sufocar, Segura na mão de Deus e vai! Segura na mão de Deus, segura na mão de Deus, Pois ela, ela te sustentará! Não temas, segue adiante e não olhes para trás, Segura na mão de Deus e vai! Se a jornada é pesada e te cansas da caminhada, Segura na mão de Deus e vai... Orando, trabalhando, confiando e se renovando, Segura na mão de Deus e vai! Segura na mão de Deus, segura na mão de Deus, Pois ela, ela te sustentará! Não temas, segue adiante e não olhes para trás, Segura na mão de Deus e vai! O espírito do Senhor sempre te acompanhará, Segura na mão de Deus e vai.... Jesus Cristo prometeu que jamais te deixará, Segura na mão de Deus e vai! Segura na mão de Deus, segura na mão de Deus, Pois ela, ela te sustentará! Não temas, segue adiante e não olhes para trás, Segura na mão de Deus e vai! Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 136


Hinário

Grupo da Fraternidade Espírita Irmã Scheilla 137


Músicas Espíritas