__MAIN_TEXT__

Page 1

MULHERES MARAVILHAS

FUNFARME notícias

Março-Abril/2019 | Ano XVII | nº 204

da funfarme

No dia delas, o complexo promove maquiagem express, aulas de axé e palestras... E, para chamar a atencão para os dois novos canais de denúncia de violência contra a mulher, os colaboradores recebem a visita da super-heroína...

páginas 6, 7 e 8


Editorial

Ninguém bate em Mulher Maravilha Atuamos numa Fundação na qual quase 80% dos colaboradores são mulheres. Essas desempenham papéis fundamentais para o funcionamento de um dos maiores complexos hospitalares do interior do país. Além de fortes, dedicadas e competentes, nossas colaboradoras agora estão ainda mais unidas. No mês em que comemoramos o Dia Internacional da Mulher (março) colocamos em prática várias ações para reforçar nosso apoio a elas, na luta contra violência doméstica. Criamos desde o dia 7 de março uma nova linha telefônica e um espaço na intranet para mulheres que sofrem algum tipo de agressão física, verbal ou psicológica. O ramal funciona 24h, sete dias por semana e de maneira inteiramente sigilosa (veja página 6). Junto com o poder judiciário, trabalhamos para criar uma rede de atendimento especializada. O desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças, presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, determinou a continuidade da instalação do Anexo de Violência Doméstica, promessa que havia feito em nosso protesto contra o feminicído, no início do ano. Prevenir e combater a violência contra as mulheres é uma tarefa das mais complexas e exige a articulação de diferentes serviços em uma rede integrada de atenção. Estamos fazendo nossa parte. Chega de violência contra a mulher!

Diretoria da Funfarme

Funfarme

Visão Ser reconhecido como complexo hospitalar de assistência, ensino e pesquisa de excelência até 2021.

Missão

Valores

Transformar a saúde regional por meio da integração de assistência, ensino e pesquisa.

Humanismo, Responsabilidade Social e Ambiental, Meritocracia, Inovação, Integridade Absoluta, Qualidade e Segurança, Respeito.

Expediente Gestão 2017/2021

Informativo da Fundação Faculdade Regional de Medicina (Funfarme) Ano XVII / Nº 204 - Março-Abril - 2019 • Presidente dos Conselhos da Funfarme: Dr. Dulcimar Donizeti de Souza • Diretor Executivo da Funfarme: Dr. Jorge Fares • Vice-Diretor Executivo da Funfarme: Dr. Luiz Sérgio Ronchi • Diretora Administrativa do HB: Dra. Amália Tieco R. Sabbag • Vice-Diretor Administrativo do HB: Dr. João Fernando Picollo de Oliveira • Diretor Clínico do HB: Dr. Alceu Gomes Chueire • Vice-Diretor Clínico do HB: Dr. Valdeci Hélio Floriano

2

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

• Diretora Técnica do HB: Dra. Maria Regina Pereira de Godoy • Diretor do Hemocentro Dr. Octávio Ricci Junior • Diretora Técnica do Hemocentro: Dra. Andreia Aparecida G. Guimarães • Diretor do Ambulatório: Dr. Eumildo Campos Júnior • Diretora do Lucy Montoro: Dra. Regina Chueire • Diretor Técnico do Instituto do Câncer: Dr. Carlos Eduardo Miguel • Diretora Administrativa do HCM: Dra. Leila Neves Bastos Borim • Vice-Diretora Administrativa do HCM: Dra. Maria Lúcia Luiz Barcelos Veloso • Diretor Clínico do HCM:

Dr. Paulo Poiati Junior • Vice-Diretor Clínico do HCM: Dr. Wagner Vicensoto • Diretora Técnica do HCM: Dra. Fernanda Del Campo Braojos Braga • Vice-Diretor Técnico do HCM: Dr. Gustavo Henrique de Oliveira Produção Editorial: Intermídia Comunicação Empresarial Telefone: 17 3011-5435 Jornalista responsável: MTB 24.527 Jornalistas: Fernanda Martinazzi e Carlos Cristal Estagiários: Alexandre Souza Diagramação: Roger Goulart Impressão: Gráfica Fotogravura Rio Preto Tiragem: 2000 exemplares


Educação

OPO promove encontro com representantes de cidades parceiras

A fim de divulgar seu balanço anual e incentivar a troca de experiência entre os profissionais da região, a Organização de Procura de Órgãos (OPO) da Funfarme realizou a primeira de suas duas reuniões anuais, no dia 22 de março. Estiveram presentes colaboradores de 16 hospitais e santa casas parceiras, que colaboraram para um 2018 muito positivo em números de notificações, captações e doações de órgãos. A região notificou 567 possíveis doadores. Em Rio Preto, foram 202. Destes, 172 foram aqui no HB. “Nossos números refletem o bom trabalho realizado há anos em nossa instituição. Estamos muito felizes, porque além do HB, outras entidades de saúde de Rio Preto começaram a adotar nossa cultura e passaram a notificar possíveis doadores também”, afirmou Dr. João Fernando Picollo, coordenador da OPO do HB.

84 Doadores viáveis 181 Órgãos 50 Transplantes no HB Participando das reuniões pela primeira vez, Bruna Teixeira é gerente de enfermagem na Santa Casa de Birigui, nova cidade parceira da OPO.

Tivemos todo o apoio necessário do HB para iniciarmos o processo de criação da nossa comissão. Sonhamos em breve podermos realizar transplantes e captarmos órgãos. Queremos criar essa filosofia em nossa cidade e começamos muito bem. Bruna Teixeira

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

3


Funfarme e a comunidade

Campanha alerta para cuidados com a saúde renal no Dia Mundial do Rim Em comemoração ao Dia Mundial do Rim, dia 14 de março, a Funfarme realizou, gratuitamente, exames preventivos para alertar a população sobre doenças renais e como preveni-las. Médicos, enfermeiros e estudantes mediram a pressão arterial, o índice de massa corporal (peso x altura) e fizeram os testes rápidos de urina rápida e glicemia, encaminhando, quando necessário, pacientes críticos a consultas com especialistas. As ações aconteceram simultaneamente no Shopping Iguatemi, Praça Rui Barbosa, Shopping HB, Shopping Plaza e Unidades Básicas de Saúde, atendendo, no total, mais de cinco mil pessoas. O evento foi coordenado pela Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN) e a Funfarme contou, neste ano, com a ajuda Liga de Nefrologia da Famerp, alunos da Faceres, Unirp, Unilago e profissionais da Prefeitura de Rio Preto. O Dia Mundial do Rim se propôs a aumentar a conscientização sobre a alta e crescente presença de doenças renais em todo o mundo e a necessidade dos exames preventivos. Segundo a SBN, estima-se que haja atualmente no mundo 850 milhões de pessoas com doenças renais, responsáveis por 2,4 milhões de mortes por ano. “Para rastrear a doença, é preciso que as pessoas realizem exames de sangue pelo menos uma vez ao ano, para medir a creatinina. A alteração nesse índice indica mau funcionamento dos órgãos. São exames simples, baratos e eficientes, que podem ser feitos em qualquer lugar”, afirmou Dr. Horácio Ramalho, médico nefrologista da Fundação e um dos organizadores do evento.

QUAIS SÃO AS FUNÇÕES DOS RINS

?

Filtrar o sangue e eliminar as impurezas

Preocupado com a saúde dos rins e antenado nas notícias da região, Seu Antônio José Pereira, de 60 anos, faz parte do grupo de risco que precisa estar alerta, por ser tabagista e ter mais de 50 anos. Ele assistiu ao noticiário na manhã do evento e ficou sabendo das ações. Veio até o Shopping HB e realizou todos os exames.

“A gente não pode brincar com a saúde, não é? Sempre participo destes exames para fazer um check-up completo. Desta vez, graças a Deus, está tudo em ordem. Sr. Antonio José Pereira

Manter o equilíbrio de água e sais minerais como o sódio, o Potássio, o Fósforo, etc Controlar a produção de hemácias no sangue através da produção de eritropoetina, hormônio que em falta pode causar anemia Controlar a pressão arterial, através da produção do hormônio Renina Ativar a vitamina D, que ajuda a absorver o cálcio para fortalecer os ossos 4

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

Moradores do bairro Lealdade e Amizade recebem orientações de profissionais da saúde na UBS


Funfarme e a comunidade

Rio Preto cria anexo de violência doméstica após manifesto no HB Cumprindo promessa feita à população de Rio Preto, o desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças, presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, determinou a continuidade da instalação do Anexo de Violência Doméstica de São José do Rio Preto. Calças, que é rio-pretense, cria o Órgão atendendo ao apelo do prefeito da cidade, feito em janeiro deste ano durante protesto contra o feminicídio promovido pelo HB. Só em 2018, a cidade registrou o assassinato de 11 mulheres em razão do gênero – número cinco vezes maior que no ano anterior.

É com alegria que recebemos esta notícia, por se tratar da conquista de uma demanda antiga e constante. A instalação do Anexo vai proporcionar maior integração entre os serviços prestados pelo município com a Justiça e a Segurança Pública. Isso significa respostas mais eficazes e eficientes no sentido de proteger e dar suporte às mulheres vítimas de violência. Maureen Leão Cury, secretária dos Direitos para Mulheres, Pessoa com Deficiência, Raça e Etnia

Funfarme vai participar da rede de proteção à mulher A Funfarme recebeu no dia 1º de março a visita do Ministério Público (MP) e do poder judiciário que serão parceiros da Fundação na criação de uma rede de atendimento e proteção a mulheres vítimas de violência doméstica e familiar. A proposta é criar um núcleo dentro da instituição, para que as mulheres sejam atendidas e recebam assistência de um corpo multiprofissional. Estiveram presentes na reunião a Juíza da 1ª Vara Criminal, Luciana Zampelini, Evandro Pelarin, Juiz da Vara da Infância e Juventude, Dr. André de Souza, Promotor de Justiça, e diretores e superintendentes da Fundação. Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

5


Dia Internacional da Mulher

Fundação valoriza colaboradoras e traz Mulher Maravilha para fazer alerta Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher (8 de março), a Funfarme preparou programação especial para colaboradoras, com intuito de frisar a importância delas e de criar uma rede de proteção. Para isto, nos dias 7 e 8 de março, a Fundação promoveu maquiagem express, aula de axé, palestras motivacionais, tudo para reforçar a autoestima. Além disso, empenhados em dar uma assistência social, psicológica e jurídica, após a morte de duas colaboradoras por ex-companheiros, a Funfarme criou meios para ajudar a evitar esta situação de agressão. Com o tema “Ninguém bate em Mulher Maravilha”, o complexo recebeu a emblemática personagem dos quadrinhos, que distribuiu a todas as profissionais um porta-crachá retrátil com o símbolo de Mulher Maravilha e folder com informações dos novos canais de denúncia de agressões e violência contra a mulher.

Abrimos os canais para que nossas mulheres saibam que juntas somos mais fortes; que existem meios de acabar com esta violência e de mostrar à sociedade que não compactuamos com esta situação. É a Funfarme dizendo basta e acolhendo estas mulheres. Dra. Amália Tieco, diretora administrativa Hospital de Base

Canais internos de denúncia Em um mês foram

13

Desde o dia 7, a Funfarme abriu uma nova linha telefônica e uma espaço na intranet para que as mulheres que sofrem alguma agressão física, verbal ou psicológica, façam uma denúncia de maneira inteiramente sigilosa. O ramal funciona 24h, sete dias por semana. Já na aba na intranet, que fica logo na capa, a colaboradora pode contar seu problema e, apenas, a diretoria do HB terá acesso.

Este é o botão na capa da intranet 6

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

denúncias

Denuncie pelo

2243


Dia Internacional da Mulher

Além da conversa com as mulheres sobre os novos canais de denúncia, a Funfarme promoveu diversos eventos, nos dias 7 e 8 de março, como maquiagem express, aulas de axé e palestras. Veja.

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

7


Ensino e pesquisa Dia Internacional da Mulher

8

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019


Congresso

Encontro de cancerologia supera expectativas

Os auditórios ficaram lotados em todos os 10 módulos em que foi dividido o Encontro

A terceira edição do ECIP (Encontro de Cancerologia no Interior Paulista) reuniu cerca de 1.100 médicos e multiprofissionais especialistas em oncologia do Brasil e do exterior. O evento, que aconteceu entre os dias 14 e 16 de março no Centro de Convenções da Famerp, consolidou-se como o maior da oncologia no interior no país. Em paralelo ao ECIP, foi realizado o X Simpósio de Mastologia, Oncologia e Imaginologia Mamária. Durante os três dias, os especialistas apresentaram e discutiram as últimas novidades em diagnóstico, tratamentos e pesquisas do câncer, entre as quais, destacou-se a imunoterapia. O Encontro foi divididos em 10 módulos, sendo eles: Mama; Cabeça e Pescoço; Tratogastrointestinal; Pulmão; Urologia; Pesquisa Clínica; Cardio-Oncologia; Princípios em Oncologia; Tumores Raros e Ginecológicos.

“Reunimos especialistas de todas as regiões do país interessados em aprofundar seu conhecimento sobre câncer. O ECIP é muito importante como atualização e conhecimento. Dr. Gustavo Colagiovanni Girotto, oncologista da Fundação e coordenador do evento

Esta terceira edição trouxe as últimas novidades da imunooncologia e das terapiasalvo. Desta forma, o III ECIP cumpriu com seu papel de disseminar conhecimento e de estreitar os laços dos profissionais envolvidos no cuidado ao paciente com câncer. Fabio Leite Couto Fernandez, médico oncologista do HB e um dos coordenadores do ECIP

O oncologista Antônio Carlos Buzaid, diretor do Centro Oncológico do Hospital Beneficência Portuguesa, e membro do Comitê Gestor do Centro de Oncologia do Hospital Albert Einstein, ambos de São Paulo, foi um dos grandes nomes do evento

Renomados Entre os convidados de renome internacional, estiveram o mastologista Ruffo de Freitas Junior, professor da Universidade Federal de Goiás e ex-presidente da Sociedade Brasileira de Mastologia, e o oncologista William Nassib William Junior, diretor médico de oncologia clínica e hematologia do Centro Oncológico do Hospital Beneficência Portuguesa, de São Paulo, e chefe da Seção de Oncologia Clínica em Cabeça e Pescoço do MD Anderson Cancer Center, em Houston.

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

9


Eleições

Eleições Funfarme No mês de março, a Funfarme realizou processos eleitorais para o Conselho Fiscal, Diretoria Clínica do Hospital de Base e Comissão de Ética Médica do HB e HCM. Ao todo, foram quatro processos eleitorais e 479 eleitores. Conselho Fiscal: É composto por três membros efetivos e três suplentes, com mandato de um ano, permitida uma releição. Os integrantes são eleitos pelos médicos do corpo clínico das unidades hospitalares em votação direta e secreta, podendo votar e serem votados respectivamente os médicos que tiverem, no mínimo 05 (cinco) e 10 (dez) anos de contratação na FUNFARME ou FAMERP. Compete ao Conselho Fiscal: • Fiscalizar a gestão econômico-financeira da Funfarme, examinar suas contas, balanços e documentos, e emitir parecer que será encaminhado ao Conselho Consultivo. • Recomendar ao Conselho Consultivo a realização de auditoria externa na Funfarme, quando julgar necessário. • Comunicar ao Conselho Consultivo ato que possa caracterizar conduta grave.

Prof. Dr. Antônio Roberto Bozola candidato ao Conselho Fiscal da FUNFARME durante votação

Resultado Comissão de Ética Médica do Hospital de Base: Nº Chapa Ética HB 1 Henrique Nietmann 2 Danilo Fernando Martin 3 Elzo Thiago Brito Mattar 4 Fábio Guirado Dias 5 Delzi Vigna Nunes de Góngora 6 Marcio Gatti 7 Lucia Helena Neves Marques 8 Elissandro de Freitas Silva 9 Marli Nogaroto 10 João Victor Piccolo Feliciano

Cargo Presidente Secretário Membro efetivo Membro efetivo Membro efetivo Membro suplente Membro suplente Membro suplente Membro suplente Membro suplente

Votos Válidos: 92

Nulo: 01

Brancos: 04

Total: 97

Comissão de Ética Médica do Hospital da Criança e Maternidade: Nº Chapa Ética HCM 1 Izaura dos Santos Ramos 2 Ana Lídia Vieira Del Vecchio 3 Benedito Olimpio de B. Santos 4 Janete Aparecida Fares 5 Mariana GarlippT. Olmos 6 Lígia Cosentino J. Spegion

Cargo Presidente Secretária Membro Efetivo Membro suplente Membro suplente Membro suplente

Votos válidos: 74

Nulo: 00

Brancos: 04

10 Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

Total: 70

Diretoria Clínica do Hospital de Base: O Diretor Clínico se constitui em cargo de representação médica dentro da instituição. Este processo foi disputado por reeleição, concorrendo chapa única. Ao todo, 1587 médicos estiveram aptos a votar e a duração do mandato é de dois anos (março 2019 à março 2021). Candidatos Chapa Alceu Gomes Chueire (Diretor) Valdeci Hélio Floriano (Vice-Diretor) Brancos: 05

Nulo: 01

Votos 91 Total: 97

Conselho Fiscal da Funfarme: Nº Candidatos Membros Efetivos 1º Antônio Roberto Bozola 2º Márcio Antônio dos Santos 3º Carlos Eduardo Dall Aglio Rocha Membro Suplente 4º João Francisco Sanches Arantes Branco: 01

Nulo: 01

Votos 88 54 34 33

Total de volantes: 211


Próximos eventos

Solidariedade

26

maio

Calendário 2019 de eventos em prol do HB começa com Almoço e Leilão em Palestina 17 de março

6° Almoço e Leilão em Nipoã Local: Recinto de Exposição Cidade: Nipoã Organização: Parceiros do Bem de Nipoã O almoço e leilão está previsto para começar ao 12h e o ingresso custa R$20,00. Não perca, sua presença salva vidas!

15

junho

2° Festival da Tilápia em Zacarias Local: Salão Paroquial Cidade: Zacarias Organização: Parceiros do Bem de Zacarias Participel desse evento que promete dar água na boca! Por apenas R$20,00 você participa desse evento e também salva vidas! Esperamos por você!

14

julho

Após um ano de muita solidariedade, Palestina começou 2019 promovendo a primeira festa beneficente em prol do HB, um Almoço e Leilão. A festa foi realizada dia 17 de março, no clube Recinto Amigo do Peão. “No ano passado pudemos melhorar ainda mais nossa infraestrutura do Pronto Atendimento e a Enfermaria da Emergência do SUS. Tudo isso graças, justamente a eventos como este de Palestina. Este ano, contamos ainda mais com a solidariedade de todos para concretizarmos nossa ala especializada em atendimento oncológico do HB”, ressalta a diretora. 24 de março

1ª Cavalgada e Almoço de Guapiaçu Local: Recinto de Exposições de Guapiaçu Cidade: Guapiaçu Organização: Parceiros do Bem de Guapiaçu Pode preparar bota e chapéu porque a 1ª edição já está com data marcada! Por apenas R$20,00 você participa desse evento que salva vidas. Esperamos por todos vocês! A cavalgada está prevista para começar às 10h.

14 de abril

No dia 24 de março, voluntários de Bálsamo realizaram, no clube da cidade, o primeiro Cosplay Fest, evento beneficente com verbas destinadas ao HB. A galera compareceu fantasiada de seus animes e jogos preferidos e o evento ainda teve participação de dubladores e apresentações de K-pop (cultura coreana).

O Salão de Santo Reis foi palco do 5º Leilão de Gado organizado pela comunidade de Potirendaba em prol do HB. O evento aconteceu no dia 14 de abril. Foram leiloados mais de 80 animais, entre bezerros, carneiros e leitoas, além de brindes arrecadados com o comércio da cidade. Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019 11


Colaboradores Funfarme

Funfarme e INSS assinam acordo que agiliza benefícios, como a aposentadoria No dia 25 de março, a Funfarme assinou um acordo com o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) que irá agilizar a concessão de benefícios como aposentadoria especial ou por tempo de serviço, pensão por morte previdenciária, auxílio reclusão, amparo assistencial ao idoso/deficiente, salário maternidade, certidão por tempo de contribuição/servidor municipal e recurso de benefício. A Fundação tem 60 dias a partir da assinatura para colocar em vigor os critérios do acordo. Nestes dois meses, os profissionais do Departamento Pessoal (DP) da instituição passarão por treinamento e estarão aptos a entrar com o pedido dos benefícios por meio de um website, disponibilizado pelo INSS. O colaborador deverá levar ao DP todos os documentos necessários para o pedido e, então, todo o processo será feito digitalmente, com a participação do Departamento Jurídico, na parte trabalhista.

Representantes da diretoria da Fundação, do DP, do Jurídico/trabalhista e do INSS assinam acordo que beneficiará colaboradores e agilizará os processos da Seguridade Social

Prof. Dr. Liberato Caboclo completa 48 anos de atuação na Fundação No dia 14 de março, o Professor Emérito do Departamento de Cirurgia da Famerp/Funfarme José Liberato Ferreira Caboclo completou 81 anos. O médico já dedica 48 deles ao ensino e à atuação na área médica, no complexo. Natural do Distrito Federal, Dr. Liberato foi um dos grandes nomes que alavancaram a Faculdade de Medicina de Rio Preto quando, em 1971, passou a integrar o quadro de professores da instituição. Exerceu com louvor cargos diretivos na Fundação, tendo sido diretor da Famerp, entre 1974 e 75 e diretor executivo da Funfarme, entre os anos de 87 e 91. Fora do complexo, Caboclo dedicou-se também à carreira política. Foi deputado federal entre 1991 e 1995, além de ter sido eleito prefeito de Rio Preto, em 1997. A Fundação presta homenagem ao profissional e agradece por toda dedicação dispensada para a excelência de ensino em medicina da Faculdade e da atuação no próprio complexo.

12 Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

Ainda muito ativo na medicina, Liberato leciona como Prof. Dr. no Departamento de Cirurgia da Faculdade, oferecendo aulas de anatomoclínica, Resposta Metabólica em Pacientes Ciúrgicos (I e II), História da Cirurgia e Peritonites: fisiopatologia, quadro clínico, classificação e tratamentos


Campanha

Hemocentro promove ação e consegue mais de mil novos cadastrados no Redome

Lucas Bambratti, de administração da Unirp, fez questão de participar

Atendimentos de leucemia na Fundação Em 8 anos os atendimentos a pacientes com leucemia duplicaram

2X

Em 2011

foram 1.504

2018 Casos novos da doença no Brasil

5.940

4.860 sexo feminino

novos cadastrados no Redome

somaram 2.934

INCA faz estimativa de novos casos no Brasil

A ação conseguiu

1.110

Em 2018

sexo masculino

Nos dias 26, 27 e 28 de março, os profissionais do Hemocentro de Rio Preto estiveram presentes na Unirp, para realizar ação que visa aumentar o número de cadastrados no Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome). Os enfermeiros esclareceram dúvidas em relação ao Registro e coletaram sangue dos estudantes, colaboradores e professores que se voluntariaram. A ação rendeu mais de mil novos cadastrados, o que representa a esperança para milhares de brasileiros que têm leucemia e precisam de um transplante (veja ao lado). “É por meio do Redome que existe a chance de achar alguém compatível para um futuro transplante. Para se ter uma ideia, as chances de ser compatível com irmãos de mesmo pai e mãe é de 25%. Quando se procura fora das famílias, a chance cai para uma em 100 mil, no país. Então, número aqui é fundamental, quanto mais pessoas no Registro, maiores as chances”, esclarece Bárbara Cabrera, coordenadora da Captação do Hemocentro. Lucas Antonio Brambatti, aluno de administração da Unirp, foi um dos que participou e conta que saber da história de outras pessoas o levou a ser parte do Redome. “Assisti a uma palestra há uns dias atrás de pessoas que passaram por leucemia e por transplantes. Não podemos esperar pessoas próximas passarem por isso. Entendi que temos de estar dispostos a ajudar. Descobri, na palestra, que mesmo que nunca tenha doado sangue, posso apenas participar do Registro. Foi muito legal participar!”, pontua.

10.800

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019 13


Elogios

Funfarme tem novo Mural de Elogios

Você já deve ter reparado pelos andares do HB, HCM e demais instituições da Funfarme, um quadro branco, com folhas coladas em azul e uma identificação bem colorida. Este é o novo mural de elogios, elaborado pelos colaboradores do SAC, com o intuito de levar até as lideranças de cada setor e consequentemente aos profissionais, o agradecimento dos pacientes que passaram por ali.

E tem surtido efeito positivo Em 2017 já haviam elogios registrado pelo SAC, mas com um engajamento ainda no começo, tiveram 18 elogios naquele ano. Os murais começaram a serem implantados em setembro do ano passado e, de lá para cá, o poder do elogio foi surtindo efeito positivo. Em 2018, os profissionais da Fundação foram elogiados 147 vezes, destas, 111 foram para o HB, 29 para o HCM e os demais para o Ambulatório de Especialidades.

Regina Célia Moreira, coordenadora do SAC do HB, diz que foi um desafio a reformulação dos elogios e a maneira de chamar a atenção de todos. Porém o setor se engajou, usou a criatividade e o resultado hoje é gratificante. “Os pacientes sempre param no corredor para ler os elogios. O mural com folha colorida chama a atenção. Com isso, ficam incentivados a elogiar também o atendimento recebido. Uma vez chegou até nós um agradecimento em um papel com formato de coração. Então pedi que minha equipe replicasse do jeito que recebemos e colocamos no mural neste formato, todos adoraram”, conta Célia.

14 Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

Estes elogios são fruto do reconhecimento do nosso trabalho. Sinaliza que nossa equipe está sendo valorizada, que tem um significado especial para os pacientes. Não só profissionalmente, mas eles nos valorizam como pessoas, lembram nossos nomes e isso é importante para cada um de nós. Eles costumam dizer que somos como se fossemos alguém da família. Cileia Tunucci Supervisora da Enfermaria da Neurologia


ICA

Pacientes em tratamento no ICA recebem perucas de ONG parceira A manhã do dia 21 de março foi mais que especial para as pacientes em tratamento no ICA. Com apoio da ONG Cabelegria, e o HB Saúde, foram entregues perucas para pacientes, que, pelo tratamento realizado contra o câncer, acabam perdendo seus cabelos. Fundada em 2013 pelas amigas Mariana Robrahn e Mylene Duarte, a Cabelegria é uma ONG que arrecada cabelos, confecciona e distribui gratuitamente perucas para mulheres e crianças com câncer. Essa foi a segunda visita da ONG ao ICA. A alegria era evidente em Vera Lúcia, que não via a hora de encontrar a peruca ideal para seu rosto. “Nem lembrava mais como eu ficava com cabelo. Estou muito feliz hoje, agradeço de todo coração a equipe e todo mundo que colaborou, tanto doando cabelo, quanto na confecção da peruca”, comentou emocionada a faxineira, que até participou de uma entrevista para a TV. Para Solange Fernandes Cunha, supervisora do Serviço de Oncologia do ICA/HB, ações assim “fortalecem a autoestima das pacientes e resultam numa melhora no tratamento delas. Elas chegam aqui e a primeira coisa que perguntam sobre o tratamento é se vão ficar sem cabelo. A alegria das pacientes é contagiante”, afirmou Solange.

Buscamos aumentar cada vez mais as doações de perucas para pacientes e expandir o Banco de Perucas para os maiores centros de tratamento oncológico do Brasil. Mariana, uma das idealizadoras da ONG

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019 15


Aprendizado

"Brilho nos olhos, sorriso na boca e amor no coração"

Colaboradores do HCM participaram de uma palestra motivacional sobre questões ligadas à felicidade: vida financeira saudável, harmonia entre familiares, amigos e a felicidade proporcionada pelo trabalho. O palestrante e voluntário do HCM há 17 anos, Antônio Carlos, do grupo Xô Dodói, falou sobre a importância do evento e sobre seu lema “Brilho nos olhos, sorriso na boca e amor no coração.”

Aqui é meu berço, onde eu comecei meus trabalhos voluntários e tenho certeza que o dia dessas pessoas que passaram por aqui vai ser diferente. Ver o sorriso de cada um aqui hoje não tem preço. Antônio Carlos, do grupo Xô Dodói

Psicóloga do HCM lança livro sobre estudo em crianças com câncer

No dia 26 de março, o HCM promoveu mini curso intitulado “Protocolo de Intervenção Cognitivo-Comportamental para Crianças com Câncer”. A Psicóloga do HCM Profa. Ms. Jéssica Aires e seu orientador Prof. Dr. Nelson Iguimar, desenvolveram, durante mestrado em Psicologia e Saúde, protocolo de intervenção para crianças com leucemia. O trabalho resultou na publicação de um livro sobre o tema do even16 Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

to e foi lançado do mini curso. O curso contou com 60 participantes, entre eles, psicólogos, alunos da graduação em Psicologia e profissionais da enfermagem de Rio Preto e região. “É gratificante realizar o curso e o lançamento do livro na instituição que me acolheu e auxiliou minha formação. O sentimento é de gratidão”, agradeceu Jéssica.

Jéssica Aires e Dr. Nelson Iguimar durante sessão de autógrafos e dedicatórias no lançamento do livro


Projeto piloto

Novo projeto prevê apadrinhamento a novos colaboradores O Centro Integrado de Educação Permanente em Saúde (Cieps) do HB iniciou, em janeiro, um projeto piloto de apadrinhamento de novos colaboradores. O intuito é de ir além da apresentação institucional e realmente acolher o profissional, integrando-o na socialização e no ambiente de trabalho. Este “quebra gelo” faz com que o novo colaborador sinta-se mais seguro e, assim, tenha maior satisfação e melhor desempenho na nova função. O piloto deste programa começou na Unidade de Terapia Intensiva Cardiológica (Ucor) do HB. O Cieps orientou a supervisora da Unidade, Vanessa Bonafim, a designar alguém para apresentar a instituição à nova técnica de enfermagem, Mara Rúbia Silva. A sugestão da supervisora foi para a profissional do setor, Beatrice Costa, que já está na instituição há quase 5 anos. Mara garante que o projeto lhe rendeu mais segurança. “A gente até pode desempenhar a mesma função

em lugares diferentes, mas cada empresa tem sua identidade, seu jeito de resolver as coisas. Ter uma pessoa em específico para te apresentar não só esses procedimentos, mas que tenha paciência para explicar, que te leve a outros setores, que te ajude com a resolução de problemas conforme o que é pedido na instituição, te dá muito mais segurança na hora de agir. É realmente acolhedor. Principalmente porque eu vim para o HB sem conhecer ninguém”, afirma Mara. Para Beatrice, as rotinas acabam sendo absorvidas mais naturalmente pela colega de trabalho. “Não tem a ver com a técnica, tem a ver com dar dicas de como tudo funciona. Toda vez que saio para fazer algo em algum novo setor, ofereço a ela de ir comigo; de conhecer a farmácia, o laboratório e etc. O HB é bem maior do que qualquer outro lugar que a Mara já trabalhou. É uma maneira dela se ambientar melhor. Fica natural”, explica Beatrice.

Programa deve ser estendido aos dois hospitais Os resultados do piloto serão avaliados e a iniciativa será implementada para todos os profissionais da enfermagem dos dois hospitais do complexo. “Aos poucos, iremos estendendo este tipo de acolhimento para os setores assistenciais do HB e do HCM. A supervisão de cada um destes lugares irá selecionar aqueles que têm mais aptidão para ensinar e eles serão responsáveis por este acolhimento”, pontua Lidiane Barreta, do Cieps.

Beatrice (à esq.) leva a nova companheira de trabalho, Rúbia, até para o refeitório

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019 17


Treinamento

HCM recebe médicos americanos e membros do Ministério da Saúde Drs. Jorge Fares e Dr.Ulisses Alexandre Croti juntos com equipe administrativa da Funfarme e HCM com membros do Boston Children’s Hospital, Ministério da Saúde e equipe da cardiologia e cirurgia cardiovascular pediátrica

No dia 27 de março, o diretor executivo da Funfarme Dr. Jorge Fares e o Dr. Ulisses Alexandre Croti, com a equipe da Cardiologia e Cirurgia Cardiovascular Pediátrica do HCM receberam no mesmo dia auditores do Ministério da Saúde e do Boston Children’s Hospital – Estados Unidos, Jonathan LaBrecque e Toni Imprescia. O objetivo do encontro foi verificar a qualidade da coleta de dados das crianças operadas do coração no hospital. A visita ocorre anualmente

e tem o intuito fundamental de garantir a excelência do banco de dados que o HCM participa chamado IQIC (International Quality Improvement Collaborative for Congenital Heart Disease – em inglês). Esta parceria também oferece aos profissionais do HCM suporte educacional com aulas, protocolos e participações em congressos internacionais. No mesmo dia da auditoria de Boston, as equipes também receberam alguns membros do Ministério da Saúde,

para uma avaliação do Serviço de Cardiologia e Cirurgia Cardiovascular Pediátrica. O intuito do projeto é avaliar os Centros de cardiologia e cirurgia cardiovascular pediátrica do país. “O nosso Centro foi o primeiro a ser avaliado por ser considerado modelo. O intuito do projeto federal é identificar as características positivas e negativas dos Serviços que tratam coração de criança e propor planos de ações que levem a melhorias nos demais centros do Brasil”, conclui Dr. Ulisses.

Médicos e residentes do HCM passam por treinamento em Emergências Obstétricas Em março, a Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo (Sogesp) promoveu curso para 36 médicos e residentes de Rio Preto e região, dos quais metade eram profissionais do HCM. O foco do curso teórico-prático foi montar uma sequência de ações a serem seguidas em situações emergenciais com grávidas e puérperas . O intuito é diminuir a mortalidade materna. “As três ocorrências mais comuns são hipertensão, hemorragia pós-parto e infecções. Uma assistência rápida e eficaz, como as que preparamos no curso, para estes três casos, podem evitar a morte materna”, explicou o médico ginecologista e obstetra, vice-diretor clínico do HCM e presidente regional da Sogesp em Rio Preto, Dr. Wagner Vicensoto. O workshop teve procura maior que o número de vagas disponibilizadas e, por isso, a Sogesp irá promover um novo curso deste, até o final do ano. 18 Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

Médicos e residentes do HCM durante o curso que aconteceu no Ipê Park Hotel


Aconteceu no HCM

HCM ganha carrinhos lúdicos para transportar pacientes

As crianças internadas no HCM terão agora uma novidade muito divertida na hora de se locomover dentro da instituição. Representantes do Grupo MCB (Movimento Cidadania Brasil) Visitaram a Funfarme para entregar dois carrinhos enormes de controle remoto. Além dos brinquedos, foram doados, também, mais de 150 cobertores para o hospital. A campanha foi organizada pela Dra. Lilia Nigro Maia, que é medica da Fundação, e, junto com o grupo, deu esse baita exemplo de solidariedade. Estiveram presentes na entrega Manuel Carlos Torres, Armildo Ullian, Ricardo Del Campo e Ana Lúcia Cupim, além da Dra. Lilia, todos integrantes do movimento e participantes da ação.

Recebe alta paciente transplantada de coração A Emanuelly ganhou seu presente adiantado, quando teve alta do hospital um dia antes do seu aniversário. Ela passou por um transplante de coração, no dia 19 de fevereiro, quando ainda tinha apenas 10 meses. Na ocasião, o HCM fez história realizando dois transplantes de coração em 24h. Foram 136 dias de internação, dos quais 108 passou na UTI Cardiopediátrica (nos períodos pré e pó-transplante) e 28 na enfermaria.

Aquipe do HCM promove festa de aniversário à paciente A Bruna Rafaela é essa apaixonada pela Galinha Pintadinha. Deu para perceber, né? Ela faz tratamento de um problema de nascença na coluna, no HCM, há um ano. Entre idas e vindas, ela ganhou o coração de toda equipe. No aniversário de 7 anos dela, o hospital não podia deixar de fazer algo especial. Veja que linda a festinha que a equipe preparou para ela.

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019 19


Palestras

Funfarme/Famerp ministra palestra sobre Epigenética e resistência à quimioterapia Profissionais da Saúde, alunos da graduação e pós-graduação da Famerp assistiram a uma palestra sobre “Epigenética e Resistência à Quimioterapia” com o Prof. Dr. Rogério Castilho, da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos. Sob coordenação da Prof. Dra. Eny Goloni, do departamento de Biologia Molecular da Famerp, o evento teve como objetivo a troca de experiências entre os alunos. “Por meio da nossa parceria com a Universidade de Michigan podemos discutir novos projetos e trazer o conhecimento deles para o sucesso em nossas pesquisas com células troncos tumorais”, afirmou a Prof. Dra. Eny Goloni.

O interesse mútuo em uma área particular, como o câncer, não avança sem a interação com outros grupos quando se fala em pesquisa. Unindo visões diferentes dos estudantes daqui com nossos trabalhos nos Estados Unidos, começamos a pensar em novos conceitos para melhorar a pesquisa e encontros como o de hoje são importantes para debatermos este importante tema. Prof. Dr. Rogério Castilho

Profissionais da Hemodiálise e Serviço Social promovem o IV Encontro da Diálise Peritoneal No dia 1º de abril, aconteceu o IV Encontro da Diálise Peritoneal voltado para pacientes e seus acompanhantes. O objetivo do encontro foi favorecer a interação social aos pacientes em tratamento de diálise peritoneal domiciliar, resgatar experiências do tratamento com potencial educativo, proporcionar um espaço para expressão de vivências e reciclagem da técnica do tratamento realizada pelos pacientes para identificar comportamentos de risco.

20 Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019


Economia

Entenda por que o envio correto da roupa suja para a lavanderia facilita os processos e economiza água e energia! É importante ficarmos atentos ao modo como enviamos a rouparia suja para a lavanderia. Quando as colocam de maneira incorreta no carrinho de transporte (hamper), corre-se o risco de contaminar todas as outras rouparias que já estão acomodadas lá, transformando uma lavagem leve (que demoraria apenas 50 minutos) em uma lavagem super pesada (processo que demora 2h30), atrasando, assim, a entrega para os setores.

Super Pesada:

Pesada:

Leve:

A lavagem demora 2h30, indicada para rouparias com muita sujeira.

A lavagem demora 1h30, é indicada para enxovais com sujeira.

A lavagem demora 50 min, indicada para enxoval com pouca ou sem sujeira visível.

*Em todas as lavagens a roupa é processada a 80ºC e produtos químicos altamente potentes deixando a roupa limpa e desinfetada.

Compressas:

Você sabia

3

São sete toneladas de roupas e cobertores para serem lavados por dia e quase seis milhões de litros de água por mês, o que equivale a três piscinas olímpicas

Devem ser armazenadas em saco transparente caso estejam molhadas ou sujas e colocadas dentro do hamper de roupa suja. O saco transparente serve para que seja de fácil identificação e evita que as mesmas molhem o restante das roupas. Atenção: todas as compressas (sem exceção) devem ser colocadas no hamper de roupa suja.

3

Em 2010 e 2011, projeto desenvolvido pela Engenharia da Fundação resultou na economia de 2 milhões de litros de água por mês. Na ocasião, recebemos da Secretária de Saúde do Estado de São Paulo os prêmios “Amigos do Meio Ambiente”.

Enxoval: Fronhas, lençóis, toalhas, cobertores, entre outros, só devem ser utilizados para o cuidado com o paciente. Por favor, não utilizem para colocar em goteiras, reformas, limpeza de secreção, não arraste pelo chão. Essas ações causam manchas de difícil remoção, perdendo assim o enxoval. Nesses casos, ligue para o setor de processamento de roupas, pelo ramal 1326 ou 1369 para solicitar os panos próprios.

Material sólido: Fezes e coágulos devem ser descartados no vaso sanitário. Já as fraldas devem ser jogadas no lixo, evitando manchas permanentes.

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019 21


Lucy nas redes

Paciente e professor do Lucy contam história em programa nacional da Globo O paciente Bernardo Tolentino Campos e o professor de dança do Lucy Montoro, Guto Rodrigues, foram até o programa da Fátima Bernardes, no dia 27 de março, contar uma história emocionante. Há quatro meses, a mãe de Bernardo, Rafaela, gravou um vídeo do menino de 3 anos dançando com o professor, durante a oficina no Instituto. As imagens viralizaram, alcançando a marca de quase 12 milhões de visualizações, depois que a mãe postou o vídeo em grupo do Facebook. As imagens emocionaram toda a produção do programa. Já no estúdio Globo, Guto e Rafaela contaram a história e a evolução do paciente, que nasceu com hidrocefalia e mielomeningocele, uma malformação na coluna. Depois da entrevista ao vivo, Guto e Bernardo fecharam o primeiro bloco do programa, dançando, no palco.

Guto, Rafaela e Bernardo aguardavam no estúdio Globo para serem chamados para participar

Depois do programa, a jornalista e apresentadora Fátima Bernardes postou a história em seu integram e, até o fechamento desta edição, já tinha batido mais de 42 mil curtidas

22 Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019


Voluntariado

Enfermeiro do HCM participa pela 11ª vez de ação voluntária no interior da Bahia O voluntariado está diretamente ligado à promoção do bem-estar social e da saúde. Entendendo a importância desta iniciativa, o colaborador Thiago Oliveira, enfermeiro da UTI Cardiológica Pediátrica do HCM irá, pela décima primeira vez, para o interior da Bahia, entre os dias 28 de abril e 4 de maio, para trabalhar solidariamente no projeto “Voluntários do Sertão”. A ação acontece anualmente e é realizada por uma ONG que, uma vez ao ano leva toda infraestrutura médica e odontológica a cidades do sertão baiano que têm pouco ou nenhum acesso à saúde. O enfermeiro relata que a experiência é te faz questionar várias coisas. “Trabalhar em um hospital que é referência em diversas especialidades da saúde e ver a qualidade de tratamento, a infraestrutu-

ra oferecida aos pacientes do SUS, aqui na Fundação, te faz pensar ‘mas e quem não tem acesso a nada disso?’. Tem gente, idosos mesmo, que nunca passou por uma consulta na vida, nunca fez um exame de sangue”, conta o enfermeiro. Não tem como você não se sensibilizar e se tornar grato pelo simples da vida, como por exemplo, ter água encanada”, complementa. Desde dezembro deste ano, quando Thiago passou a integrar a equipe do HCM, o enfermeiro troca experiências sobre o projeto com os colegas de trabalho. “Espero que mais gente se sensibilize. Em uma semana, são cerca de 40 mil atendimentos e eles precisam de tudo... especialmente de atenção. A experiência te transforma.

Thiago integra a equipe da UTI CardioPed desde dezembro de 2018 e quer ser exemplo para outros profissionais da saúde

Conhecendo o

As experiências vivenciadas pelo enfermeiro no sertão o transformaram e ele já chega a sua 11ª edição no projeto

Para conhecer mais o projeto, basta acessar o site http:// www.voluntariosdosertao. com.br. As inscrições sempre são abertas no começo de dezembro e vão até o final de fevereiro. A inciativa é um mutirão de atendimentos que presta auxílio médico, social e legal, além de precisar de doações de produtos higiênicos, medicamentos, entre outros.

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019 23


Páscoa

Páscoa chega adiantada na OncoPed do HCM A Páscoa chegou adiantada na ala de Oncologia Pediátrica do HCM. Nos dias 15, 16 e 17 de abril, o setor recebeu voluntários, que se fantasiaram de coelho. Em clima de festa, os grupos Amigos de Cuca e Mundinho Kids distribuíram chocolate e promoveram atividades lúdicas, como oficina de desenho e pintura corporal.

Primeiro dia

Segundo dia

Amigos de Cuca fizeram roda de dança com as crianças, teve corrida com ovo e muita canção típica.

A OncoPed do HCM recebeu novamente, no segundo dia, os voluntários Amigos de Cuca. O grupo trouxe brincadeiras e distribuiu mais chocolates.

Terceiro dia

OncoPed Atualmente o setor trata

50 crianças

na quimioterapia

90 fazem

acompanhamento

No último dia, foi a vez do Mundinho Kids de entreter aos pacientes do setor. As crianças aproveitaram a manhã no hospital

Trazer este mundo de diversão e tirá-los um pouco da rotina hospitalar faz com que eles esqueçam a situação em que se encontram, deixa o ambiente mais lúdico e, assim, respondem melhor ao tratamento. Jéssica Aires, psicóloga da OncoPed

24 Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019


Cultura

Livro, meu alimento

Agradecimentos

Um milhão, cento e setenta mil. Esta é a quantidade de palavras que Jaine Padilla lê durante um ano todo. Elas se traduzem em lágrimas, alegria, angústia, amor, medo, equilíbrio, dentre outras, em seu mundo imerso da leitura. A assistente de pesquisa e colaboradora do Lucy Montoro há seis anos, encontrou nos livros uma maneira de adquirir conhecimento e passá-los a diante. Depois de finalizar a leitura de um exemplar, ela o doa para a biblioteca Funfarme. “Ler é muito prazeroso. Tudo o que você aprende e assimila, ninguém tira de você”, ressalta Jaine. Ela conta que consegue ler aproximadamente de 8 a 9 livros por mês, o que dá um total de 108 livros ao ano. E, mesmo não sendo muito regrada com a leitura, consegue se manter focada. “Quando tenho que ficar parada esperando por alguma coisa, pego o livro e já começo a ler. Sempre carrego um comigo e tenho o costume de ler muito também durante a noite”, conclui Jaine.

Reconhecimento à qualidade do profissional da Funfarme

Voltamos para casa depois de exatamente 91 dias. Ao lado de minha querida família, fui embora levando cada um no coração, nos tornamos amigos, companheiros de dores, alegrias, despedidas e abraços. Minha mãe está saindo viva, graças a todos da UTI do Hospital de Base. Que Deus continue abençoando a todos vocês.

Permaneci na sala de espera da internação e fiquei observando como as enfermeiras atendiam os pacientes de maneira prestativa e resolvendo o problema de cada um com afeto e dedicação. Muito obrigada por tudo e continuem assim, desempenhando seu trabalho com tanta dedicação.

Maria Rosa Santos – Rio Preto

Sueli Farias – Rio Preto

Gostaria deixar meus agradecimentos e elogios a toda equipe da Cardiopediatria, por cuidarem do meu neto Pedro, que passou por cirurgia em janeiro. Não vou citar nomes pois são muitos, mas agradeço aos médicos, enfermeiros, funcionários da limpeza, copa, recepção e portaria. Enfim, fizeram a diferença em nossas vidas neste momento tão delicado. Hoje, o Pedro se recupera em casa e está muito bem. Fica aqui meu eterno agradecimento ao HCM. Obrigada e que Deus abençoe cada um de vocês.

Fomos tratados com muito carinho. Todos que nos atenderam foram cuidadosos e respeitosos. Não temos palavras para descrever o quanto somos gratos por todo cuidado. Também agradecemos aos médicos que foram muito atenciosos e esclarecedores em todas as dúvidas e orientações. Parabéns pelo trabalho de vocês. Ficamos muito contentes, obrigado. Alana Bassani Banedito Bernal – Rio Preto

Marli Santana Rodrigues Pinto - Avó de Pedro - Rio Preto

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019 25


RHC

Câncer de Fígado

Outras causas

Sintomas: Muitos pacientes não apresentam sintomas até que o câncer esteja em seu estágio mais avançado, por isso raramente é encontrado cedo. Como o câncer cresce, alguns doentes podem sofrer sintomas como dor no abdômen, ombro e dorso, inchaço, perda de peso, perda de apetite, fadiga, náuseas, vômitos, fezes esbranquiçadas, febre e icterícia (cor amarelada na pele e nos olhos).

Fatores de risco A cirrose (formação de nódulos que bloqueiam a circulação do sangue, provocada pelo uso abusivo de álcool), e as infecções pelos vírus da hepatite B e C.

Como é feito o diagnóstico Através exames de imagem como tomografia, ressonância, angiografia, exames de sangue (presença de uma proteína), e biópsia.

• Doenças metabólicas, como a esteatose (acúmulo de gordura no fígado) e diabetes; • Consumo frequente de álcool; • Uso de esteróides anabolizantes; • Lesões pré-malignas; • Obesidade; Exposição a alimentos que contenham aflatoxina, substância produzida por dois tipos de fungos (bolores) encontrados em alimentos, especialmente no amendoim, milho e mandioca, se armazenados em condições desfavoráveis.

Transplante São indicados para tumores pequenos, sem invasão para os vasos sanguíneos. Na maioria dos casos, o transplante é realizado quando o tumor não pode ser totalmente removido, seja devido à localização ou porque o fígado se encontra muito comprometido. Novas técnicas cirúrgicas estão em desenvolvimento e estudo, para tornar tanto hepatectomia parcial e os transplantes mais seguras e eficazes. Nem sempre é possível obter a cura definitiva, mas é sempre viável estender os benefícios do tratamento por mais tempo e com melhor qualidade de vida.

Prevenção A melhor forma de prevenir o aparecimento de tumores malignos no fígado é evitar os fatores de risco, especialmente o excesso de álcool e as infecções pelo vírus das hepatites B e C.

Tratamento O tratamento pode ser feito a partir de cirurgias para retirada do tumor e/ou parte do fígado, quando indicado; por Alcoolização (injeção de álcool absoluto dentro do tumor) e Quimioembolização (aplicação de microesferas contendo agentes quimioterápicos). Outra possibilidade para os casos mais avançados é a terapia antiangiogênica, que consiste em aplicar drogas quimioterápicas dentro dos vasos que alimentam o tumor para interromper o fornecimento de sangue e inibir a formação de novos vasos. Radioterapia é um recurso só ocasionalmente benéfico. 26 Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

Quimiembolização


Espaço ASFF

Dia das Mulheres no Clube ASFF

O dia 9 de março foi em homenagem ao Dia das Mulheres na Associação. A ASFF promoveu atividades de relaxamento dedicadas a elas. Teve terapia de reflexologia oferecida pelo Convênio Star Spa Rio Preto, aula de Stilleto oferecida pelo enfermeiro Lucas, além de dicas de limpeza de pele e maquiagem

com as funcionárias Tania e Patricia. Foi realizado bingo, com prêmios oferecidos por parceiros. O intuito foi promover a interação entre as mulheres. Foi um dia especial, de valorização da mulher. Em tempos de recorrentes casos de feminicídio por todo país, valorizar e emponderar a mulher é con-

tribuir para que ela tenha força e coragem para enfrentar todos os desafios! Confira as fotos. SALÃO DE BELEZA ASFF As atividades de salão de beleza no Clube ASFF começaram em abril. Preços especiais para associados ASFF. Não percam!

Associadas contempladas com o Kit ASFF

Erika Fernanda da Silva

Samira Jordão Salomé

Acompanhem nossas redes sociais e fiquem por dentro das novidades!

facebook.com/ asff.funfarmeefamerp

(17) 99631-3380

@asffoficial

Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019 27


NHE

Meningites II Meningite bacteriana por Meningoccoco O QUE É? É uma infecção aguda causada pela bactéria Neisseria meningitidis. A meningite meningocócica é a forma mais frequente da doença e a meningococcemia a forma mais grave. Os sorogrupos A, B, C, Y, W e X são os responsáveis pela ocorrência de epidemias, sendo o sorogrupo C o mais frequente no Brasil. A incidência é maior durante o inverno e entre adolescentes e adultos jovens. COMO É TRANSMITIDA? Por meio de secreções respiratórias de pessoas infectadas (gotículas de saliva, espirro, tosse, beijo), doentes ou assintomáticas. Cerca de 10% da população pode ser portador assintomático, ou seja, o portador não adoece, mas transmite a bactéria.

Doenças e Agravos de Notificação Compulsória, notificados na FUNFARME no ano de 2018 a março de 2019

QUAIS SÃO OS SINAIS E SINTOMAS MAIS COMUNS? Início súbito de febre, dor de cabeça, rigidez do pescoço, vômitos, aumento da sensibilidade à luz, confusão mental e sufusões hemorrágicas. Em crianças menores de 9 meses observa-se também irritabilidade, abaulamento de fontanela, a rigidez de nuca nem sempre está presente, pode-se observar diminuição da temperatura corporal, recusa alimentar, extremidades arroxeadas, convulsões e apatia. QUAL O TRATAMENTO? Prescrição de antibióticos associado à reposição de líquidos e assistência cuidadosa ao paciente. COMO SE PREVENIR? A vacinação* é considerada a forma mais eficaz na prevenção da doença. Está disponível na rede pública. A quimioprofilaxia é indicada para os contatos próximos (moradores do mesmo domicílio e/ou mesmo dormitório, comunicantes) do caso suspeito de doença meningocócica. * VACINA MENINGOCÓCICA C CONJUGADA É indicada para crianças duas doses no 3º e 5º mês de vida com um reforço no 12º mês, e para adolescentes de 11 a 14 anos, dose única ou reforço. Referências: 1 Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Guia de vigilância em saúde. – Meningite Meningicócica. – Brasília: Ministério da Saúde, 814 p., 2014. 2 Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Situação epidemiológica da doença meningocócica, Brasil, 2007-2013–Vol. 47 – Nº 29, 2016. ISSN 2358-9450

N º de casos

Distribuição dos casos de Doenças Meningocócicas notificadas na FUNFARME, segundo faixa etária, no período de 2008 à março 2019

Fonte: SINANnet-SINANweb-FIN-FII-NHE/FUNFARME - *Dados provisórios, investigações em andamento, levantamento até dia 25/03/2019 **SRAG(Síndrome Respiratória Aguda Grave) - Not.(notificados) Conf. (confirmados) - Dengue e influenza até 25/03/2019

Fonte: SINANnet-NHE-HB/FUNFARME

Doenças de Notificação Compulsória! - NOTIFIQUE NHE/FUNFARME - Ramais do NHE/HB – 1380 e 1837. Segunda a sexta-feira, das 08h00 às 17h00. À noite, nos finais de semana e feriados, no NHE ou no telefone do plantão do Grupo de Vigilância Epidemiológica do Estado de SP (17) 3227-8814. 28 Funfarme Notícias - Março-Abril - 2019

Profile for Funfarme - Hospital de Base

Revista Funfarme - Março/Abril 2019  

Revista Funfarme - Março/Abril 2019  

Profile for funfarme
Advertisement