__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1

Abril/2020 | Ano XVII | nº 216

PRIMEIRO MÊS DAS UNIDADES RESPIRATÓRIAS DO COMPLEXO É MARCADO PELA UNIÃO E APRENDIZADO DAS EQUIPES Com 299 colaboradores atuando na linha de frente em Urgências, Enfermarias e UTIs, a Funfarme mostra que está preparada para cenários mais críticos da pandemia. Saiba mais nas páginas 4 e 5.

Funfarme Notícias - Abril 2020 1


Editorial

Cuidando de quem cuida O complexo Funfarme e demais instituições de saúde do Brasil vêm passando por um dos momentos mais desafiadores de suas histórias, a chegada do novo coronavírus. Tal situação exigiu mudanças planejadas, complexas e ágeis, para que pudéssemos lidar de forma bem-sucedida com o desconhecido cenário que se apresentava. Por isso, nos reestruturamos e inauguramos Urgências Respiratórias, separamos Enfermarias e UTIs para atender com exclusividade pacientes com síndromes respiratórias agudas graves (SRAG), resultando em alívio suficiente para prosseguirmos com todos os atendimentos. Remanejamos e contratamos profissionais capacitados para estas áreas. Hoje, como o descrito nas páginas 4 e 5, temos praticamente 300 colaboradores na linha de frente, entre equipes médicas, profissionais da enfermagem, multidisciplinares e apoio. Este primeiro mês de trabalho nestas unidades foi fundamental para estarmos extremamente preparados para o enfrentamento de cenários mais críticos. O planejamento, a agilidade, o empenho e a disposição destas equipes têm sido exemplares. As primeiras experiências na linha de frente permitiram que nos aperfeiçoássemos ainda no início da pandemia. Além disso, a expertise que conseguimos em 2009, quando também fomos referência no tratamento para a pandemia da H1N1, nos fortaleceu, nos deu mais segurança no atendimento do paciente e no ânimo para combatermos este novo vírus. Atualmente, nossos leitos de UTIs são suficientes para atender toda demanda que nos chega e temos EPIs para todos os nossos colaboradores enfrentarem essa situação com máxima segurança. Desde o início de 2020, as equipes multidisciplinares que atendem à SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave), recebem treinamentos que, neste momento, está fazendo toda a diferença no combate efetivo ao Covid-19. Somos gratos também ao apoio que recebemos dos empresários de Rio Preto e voluntários de toda região. Eles estão fazendo toda a diferença com mobilização e doações de álcool líquido e em gel, máscaras de pano, alimentos, entre outros. Agradecemos aos nossos colaboradores que se despuseram a mudar a rotina e a dinâmica em suas casas para continuar trabalhando na saúde. Nós estamos preparados para o período mais crítico, com toda estrutura necessária e bem paramentados e amparados. Para que continuemos tendo esse nível de sucesso, precisamos continuar firmes e mais focados do que nunca, rumo ao mesmo objetivo: salvar vidas. Estamos sempre alertas e preocupados com nossos pacientes e de quem os cuida.

Funfarme Nossa Missão Transformar a saúde regional por meio da integração de assistência, ensino e pesquisa.

Nossa Visão Ser reconhecido como complexo hospitalar de assistência, ensino e pesquisa de excelência até 2021.

Nossos Valores - Humanismo - Responsabilidade social e ambiental - Meritocracia - Integridade absoluta

- Inovação - Qualidade e segurança - Respeito

Expediente Informativo da Fundação Faculdade Regional de Medicina (Funfarme) Ano XVII / Nº 216 - Abril - 2020 • Presidente dos Conselhos da Funfarme: Dr. Dulcimar Donizeti de Souza • Diretor Executivo da Funfarme: Dr. Jorge Fares • Vice-Diretor Executivo da Funfarme: Dr. Luiz Sérgio Ronchi • Diretora Administrativa do HB: Dra. Amália Tieco R. Sabbag • Vice-Diretor Administrativo do HB: Dr. João Fernando Picollo de Oliveira • Diretor Clínico do HB: Dr. Alceu Gomes Chueire • Vice-Diretor Clínico do HB: Dr. Valdeci Hélio Floriano • Diretora Técnica do HB: Dra. Maria Regina Pereira de Godoy 2 Funfarme Notícias - Abril 2020

• Diretor do Hemocentro: Dr. Octávio Ricci Junior

• Diretora Técnica do HCM: Dra. Fernanda Del Campo Braojos Braga

• Diretora Técnica do Hemocentro: Dra. Andreia Aparecida G. Guimarães

• Vice-Diretor Técnico do HCM: Dr. Gustavo Henrique de Oliveira

• Diretor do Ambulatório: Dr. Eumildo Campos Júnior

Produção Editorial: Intermídia Comunicação Empresarial

• Diretora do Lucy Montoro: Dra. Regina Chueire

Telefone: 17 3011-5435

• Diretor Técnico do Instituto do Câncer: Dr. Carlos Eduardo Miguel

Jornalistas: Fernanda Martinazzi, Alex Pelicert e Alexandre Souza

• Diretora Administrativa do HCM: Dra. Leila Neves Bastos Borim • Vice-Diretora Administrativa do HCM: Dra. Maria Lúcia Luiz Barcelos Veloso • Diretor Clínico do HCM: Dr. Wagner Vicensoto • Vice-Diretora Clínica do HCM: Dra. Ana Luiza A. Silva

Jornalista responsável: MTB 24.527

Diagramação: Intermídia Comunicação Empresarial Impressão: Gráfica Fotogravura Rio Preto Tiragem: 2000 exemplares


Tecnologia

Núcleo de Tecnologia Integrada da Funfarme readequa estrutura para otimizar atendimento durante pandemia A Funfarme vem implementando por todo complexo hospitalar melhorias em sua tecnologia para otimizar a estrutura já existente. Por causa da pandemia do novo coronavírus, surgiram novas necessidades em diversos setores. Então, o Núcleo de Tecnologia Integrada (NTI), alterou alguns processos para que médicos e colaboradores pudessem continuar exercendo normalmente seu trabalho.

Visitas online Pensando em todos, de forma humanizada, o NTI desenvolveu uma maneira de continuar proporcionando o contato entre pacientes internado e familiares de um novo jeito, já que as visitas presenciais em UTIs foram proibidas temporariamente, visando a segurança do paciente. Agora, o profissional de saúde faz uma chamada de vídeo para os familiares de quem está internado na Unidade por meio de um tablet, proporcionando uma visita online ao paciente.

“Percebendo que a dinâmica de trabalho mudou por causa do cenário do coronavírus, a NTI adaptou-se a esta nova realidade e percebemos que as pessoas estão satisfeitas com as soluções.” Thiago Soler, gestor de T.I.

Telemedicina

Atendimento redobrado

Devido aos riscos de transmissão do novo vírus, alguns médicos foram colocados em home office por se enquadrarem no grupo de risco. No entanto, graças à tecnologia, a Funfarme desenvolveu um carrinho de telemedicina no qual o especialista, que está em sua casa, possa acompanhar as visitas médicas junto com os outros profissionais que estão na UTI.

Devido ao suporte tecnológico oferecido, a T.I também registrou um aumento significativo no número de atendimentos. Garantindo assim assistência rápida e eficiente em todo o complexo. Somente no mês de março deste ano, houve um aumento de 82% no número de chamados, em relação ao mesmo mês de 2019, chegando a quase 4.000 atendimentos.

4000 3500 3000 2500 2000 1500

2018 2019 2020

1000 500

Dez

Nov

Out

Set

Ago

Jul

Jun

Mai

Abr

Mar

Fev

Jan

0

Funfarme Notícias - Abril 2020 3


Unidade Respiratória

1º mês da Unidade Respiratória (UR) serve de aprendizado e fortalece equipe para período crítico da pandemia Montada para tratar pacientes, de maneira isolada e exclusiva, que apresentem síndromes gripais e/ou respiratórias agudas graves, as Unidades Respiratórias, em seu primeiro mês de funcionamento, apresentam bons números. Apesar da pandemia do novo coronavírus ainda não ter chegado aos períodos mais críticos na Fundação (até o fechamento desta edição), de acordo com os profissionais que atuam nestas alas, o primeiro mês foi fundamental

para aperfeiçoar ainda mais o atendimento e fortalecer as equipes. Tanto no HB quanto no HCM, são 299 colaboradores que atuam na linha de frente (equipes médica, assistenciais, multidisciplinares e apoio) e administração destes Serviços para garantir assistência segura e de qualidade aos pacientes (veja no infográfico). São diversas alas que compõem as Unidades Respiratórias do complexo. No HB, são três: Urgência, Enfermaria e UTI.

No HCM, a estrutura conta com Urgência Pediátrica, Urgência da Ginecologia e Obstetrícia (GO), Enfermaria Pediátrica e UTI Pediátrica. As gestantes que precisam ser internadas (seja na UTI ou na Enfermaria) chegam na Urgência GO do HCM e são encaminhadas para a ala da internação, no HB. O apoio de todo o complexo é essencial para o bom desempenho dos profissionais que estão trabalhando nestas áreas.

Estrutura de atendimento do complexo hospitalar em números FUNFARME

299

Colaboradores atuam nos dois hospitais do complexo

150 leitos

481 leitos de enfermaria e UTI estão previstos para o complexo disponibilizar futuramente

englobando Enfermaria, UTI e Unidade Respiratória

Hospital de Base

113 leitos Disponíveis entre UR, Enfermaria e UTIs

185

Colaboradores atuando nas U.R.s

40 leitos

Unidades Respiratórias

52 leitos Enfermarias

58 leitos U.T.I.s

Hospital da Criança e Maternidade

88 leitos Disponíveis entre UR, Enfermaria e UTIs

114

Colaboradores atuando nas U.R.s 4 Funfarme Notícias - Abril 2020

30 leitos

Unidades Respiratórias

14 leitos U.T.I.s

0

Paciente suspeito ou confirmado *Dados atualizados até o dia 8 de maio


Unidade Respiratória

Equipe unida no combate ao coronavírus Suelen Samara Reversi Salvador é enfermeira da Emergência do HB e trabalha na Funfarme há 5 anos. Junto com as colegas de profissão, enfermeiras Viviane Parise e Daniele Pontão, ela colaborou na estruturação dos atendimentos da Urgência Respiratória do HB e garante que o primeiro mês foi de lições e união dos profissionais. “Nossa equipe se fortaleceu bastante neste mês, um cuida do outro, presta atenção nas pequenas tarefas para que ninguém se contamine. Tivemos tempo para ir aparando as arestas do Pronto Atendimento Respiratório do HB. Serviu-nos de lição e nos deu mais confiança para a chegada dos períodos mais críticos”, pontua.

“O primeiro mês da Urgência Respiratória foi intenso. Com muito estudo, inúmeras mudanças de estrutura física (dividimos a emergência Pediátrica em duas unidades). Hoje após esse turbilhão, seguimos preparados e seguros na linha de frente da Unidade Respiratória do HCM. Estamos paramentados, treinados aguardando os pacientes pediátricos e obstétricos para atendimento. Orgulho enorme em trabalhar nesse time, que desde o início segue junto e unido no combate a essa epidemia.” Giovanna Souza, enfermeira coordenadora da UR do HCM

Hospital equipado e protegido A Funfarme possui todos os equipamentos de segurança exigidos para o atendimento durante essa pandemia, os chamados EPIs, como luvas, máscaras respiratórias, álcool em gel, ventiladores para UTIs, entre outros. Inclusive, para garantir o fornecimento, mesmo em época de pico, a Funfarme conta com produção interna de máscaras cirúrgicas, por exemplo (Saiba mais na página 9). Tal preparação faz com que o profissional se sinta ainda mais seguro, diante desse novo cenário no Brasil e no mundo. “Aqui a gente tem estrutura hospitalar com grande rede de apoio, estamos intensificando nossos treinamentos, além de contarmos com o suporte de diversas equipes”, ressaltou Daniele Pontão, enfermeira supervisora da Urgência Respiratória do HB. Funfarme Notícias - Abril 2020 5


Boas notícias

HB faz homenagem durante alta hospitalar a paciente que teve Covid-19

O paciente Milton Miyashiro é homenageado pelos profissionais da ala covid após 12 dias de internação

O paciente Milton César Miyashiro, de 50 anos, ficou internado no Hospital de Base com covid-19, de 2 a 14 de abril. Ao deixar a unidade, ele foi homenageado pelas equipes de médicos, profissionais de enfermagem e multidisciplinares que cuidaram dele. Quando foi internado, Milton deu entrada pela Urgência Respiratória (UR) e o quadro dele se agravou. Ele foi encaminhado, então, para Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e precisou de respiração mecânica por nove dias. No dia 11, o paciente apresentou melhora e foi para o quarto da enfermaria do setor de Covid-19. A esposa Silvana Miyashiro, que aguardava o marido na saída da enfermaria respiratória, disse emocionada que o sentimento era de gratidão. “Só tenho a agradecer a Deus por trazer meu marido de volta. Ele é minha vida. Um grande pai, um grande marido. A partir de hoje nasce um novo homem, uma nova mulher, uma nova família. Agora seguimos em frente com muita fé e muita esperança”, afirmou a esposa. A enfermeira supervisora do setor de Covid-19, Marcia Regina da Silva Camilo falou sobre a alta do paciente. “É o sentimento de dever cumprindo, pois houve uma grande dedicação e desempenho por parte de toda nossa equipe. Ficamos bastante emocionados com a recuperação dele” disse. Mesmo com alta médica, o paciente continuará em quarentena na própria casa.

A esposa Silvana recebeu Milton com todo amor 6 Funfarme Notícias - Abril 2020


Pesquisa

Foto: Elton Rodrigues

Pesquisadores da Funfarme/Famerp estudam os efeitos do novo coronavírus no corpo humano Pesquisadores da Funfarme/Famerp, por meio de seu Laboratório de Virologia, vão estudar os efeitos da Covid-19 no organismo, em busca de marcadores biológicos que indiquem o agravamento da doença. A pesquisa é financiada pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp). O objetivo do estudo, que terá duração de dois anos, é auxiliar na análise da extensão da propagação viral em residências, comunidades e hospitais, para que medidas de controle sejam tomadas. A maioria dos pacientes com o novo coronavírus tem a forma leve da doença, no entanto, aproximadamente 20% desenvolvem doença grave com alta taxa

de mortalidade, que está associada à idade avançada, comorbidades e imunossupressão. A pesquisa, coordenada pelo Prof. Dr. Maurício Lacerda Nogueira, abrangerá a população do bairro Vila Toninho, em Rio Preto, além de pacientes internados no HB. Os participantes do estudo terão os sintomas relacionados à Covid-19 monitorados. Um número de telefone para acesso rápido com a equipe médica será disponibilizado, caso haja o surgimento de sinais agudos e, se necessário, serão encaminhados para o serviço de saúde da região. Também será realizado um monitoramento dos pacientes hospitaliza-

dos no HB que apresentem suspeita ou confirmação do coronavírus. Amostras serão coletadas para posterior análise de possíveis marcadores biológicos que indicam agravamento da doença. O estudo faz parte do plano de resposta da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo à emergência de COVID-19, e este, foi aprovado entre outros 18 projetos validados até o momento. Os valores estabelecidos serão de aproximadamente R$ 400 mil, segundo o pesquisador. “Esta é mais uma prova da confiança da Fapesp na excelência em pesquisa realizada na Famerp”, afirmou o virologista Dr. Maurício Nogueira.

Funfarme Notícias - Abril 2020 7


Prevenção

Fundação recomenda uso de máscaras para entrar no complexo e dá dicas de higiene correta do acessório Uma das medidas de segurança adotada pelo Complexo Funfarme durante da pandemia da Covid-19 foi autorizar o acesso de pessoas aos prédios somente se estiverem usando máscaras de proteção contra o coronavírus. A norma segue a orientação do Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde. Além da escolha correta do material na confecção das máscaras, os colaboradores devem redobrar a atenção na hora de higienizá-las. A recomendação feita pelo Ministério da Saúde é que, após o uso, imergir a máscara em recipiente com água potável e água sanitária por 30 minutos.

Depois deste período, realizar o enxágue em água corrente e lavar com água e sabão. A máscara somente deve ser utilizada quando estiver totalmente seca. Para ser armazenada, o ideal é passá-la com ferro quente e adicioná-la em saco plástico. Caso o material apresentar sinais de deterioração deve ser descartada, pois terá a funcionalidade comprometida. Lembre-se que a máscara é apenas um elemento adicional a todas as recomendações de distanciamento social e higienização indicadas pelas autoridades sanitárias.

Coloque a máscara numa solução de desinfecção imediatamente após retirá-la, ou coloque-a com cuidado numa sacola plástica (que será descartada) bem fechada até que possa lavá-la;

Transporte sua máscara em uma sacola plástica bem fechada

Ao chegar em casa, descarte a sacola e coloque a máscara em uma solução de desinfecção

O processo de desinfecção consiste em mergulhar a máscara durante 30 minutos numa solução de água sanitária (pode diluir, de 4 a 10 vezes, uma água sanitária comercial que tem de 2,0% a 2,5% de cloro ativo).

30”

950 ml de água

8 Funfarme Notícias - Abril 2020

50 ml de água sanitária

Deixe a máscara submersa na solução por 30 minutos


Ação solidária

Fiesp disponibiliza Escola Móvel para produção de uniformes e máscaras que serão usados por colaboradores da Funfarme No dia 29 de abril, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP) iniciou a produção de máscaras e uniformes para os profissionais do complexo Funfarme. Todo o material será confeccionado na carreta Escola Móvel de Confecção Industrial, estacionada dentro da instituição. Além disso, a unidade de São Bernardo do Campos do Serviço Nacional de Aprendizado Industrial, Senai (entidade ligada à Fiesp) também fará a doação de protetores de máscaras, os chamados “face shield”, para o Hospital de Base (HB). Para a diretoria administrativa do HB, Dra. Amália Tieco, a ação solidária é fundamental na luta contra a Covid-19. “A iniciativa de trazer a escola móvel para a produção de máscaras e equipamentos de proteção individual (EPI), é importantíssima, principalmente agora devido à escassez destes materiais”, afirmou. A diretora administrativa explica ainda que, devido à pandemia, o uso de máscaras triplicou. “Para se ter uma ideia, estamos usando 25 mil máscaras por dia. Então esta parceria se faz muito importante neste momento, pois a única forma de vencermos a doença é trabalhando juntos: entidades, governos, empresas e sociedade civil”, disse Dra. Amália. A Escola Móvel é equipada com 13 máquinas industriais, com todos insumos e ferramentas necessárias para confecção das peças, tem uma capacidade

Diretores e líderes da Funfarme e HB reúnem-se com representantes da Fiesp, em frente à carreta escola

de produção diária de três mil máscaras e 570 capotes de tecidos. As ações irão gerar uma economia de 70% no orçamento do hospital. “O Fiesp e Senai estão colocando à disposição do Hospital de Base o que há de mais moderno na indústria de confecção para ajudar neste momento de dificuldade. Sabemos que uniformes e máscaras estão em falta no mercado, então, foi feita esta parceria inédita, onde o ônibus escola, usado para aulas, está

contribuindo e colaborando no combate ao coronavírus”, explica o dirigente da Fiesp Liszt Abdala. No início de maio, o Senai de São Bernardo de Campo doará cinco mil “face shields” para a Funfarme. “Abraçamos essa causa para contribuir e retribuir aos profissionais de saúde que estão se dedicando no combate ao novo coronavírus”, explica o dirigente da Fiesp, Liszt Abdala.

Diretora administrativa do HB Dra. Amália Tieco com a primeira máscara produzida na carreta da Fiesp Funfarme Notícias - Abril 2020 9


Vacinação

Campanha de vacinação contra influenza é antecipada e garante mais de 90% de cobertura imunológica a colaboradores Neste ano, a campanha de vacinação contra as influenzas (infecções virais agudas do sistema respiratório, conhecidas como gripe) foi antecipada de abril para março de 2020 na Fundação. O adiantamento deu-se justamente por causa da preocupação das lideranças em imunizar, o quanto antes, os colaboradores do complexo, evitando que assim, além dos problemas com a Covid-19, tenha-se também complicações por causa destas doenças respiratórias. A ação aconteceu de forma diferente nesta edição. Ao invés do colaborador ir até os postos de vacinação dentro da Fundação, como o de costume, a equipe

responsável pela imunização montou nos andares um local para isto, o que garantiu uma maior adesão. Até 22 de abril, mais de 90% do complexo já tinha recebido a vacina. “Fizemos escalonamento na aplicação nos colaboradores, justamente porque recebemos esta vacina de forma gradual do governo, neste ano. Assim, começamos com o grupo de risco, que são os profissionais que estão atuando na linha de frente no combate à covid-19. Depois, fomos andar por andar, garantindo uma maior cobertura de imunização”, garantiu a responsável pela campanha, a enfermeira Samanta Volpi.

Tranquilidade para atuar no complexo O médico da residência de cirurgia torácica, Dr. Glauco Rocha e Silva, foi um dos que participou da campanha. De acordo com ele, estar imunizado traz uma tranquilidade a mais para trabalhar no hospital. “A gente, que atua em centro cirúrgico e lida diretamente com o paciente na situação mais delicada para ele. Então, fica mais tranquilo sabendo que temos uma proteção a mais; nos sentimos mais seguros; não é porque estamos vivendo um cenário de pandemia por causa do novo coronavírus, que as outras doenças infecciosas graves pararam de circular”, pontua o residente.

O médico do programa de residência de cirurgia torácica Dr. Glauco Rocha e Silva alega ficar mais tranquilo com a imunização.

Doses extras Outra novidade da campanha de 2020 foi que foram disponibilizadas doses extras da vacina para imunizar pacientes de alto risco, como todos que fazem Hemodiálise e os atendidos nos diversos serviços de transplante do complexo. As aplicações nos pacientes acontecem durante os meses abril e maio. 10 Funfarme Notícias - Abril 2020

4.100 Doses totais

1.000 Doses disponíveis


Doe sangue

Hemocentro pede que doadores façam agendamento O Hemocentro de Rio Preto passou a realizar agendamento de doações de sangue por telefone, seguindo as orientações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e do governo estadual de São Paulo. A medida foi tomada para evitar aglomerações nas salas de espera e captação. “O nosso atendimento continua normalmente das 7h às 13h, mas neste período de pandemia, pedimos para o doador agendar um horário antes pelo telefone. Se a caso, um doador não agendar, ele será atendido normalmente”, explica a supervisora de enfermagem do Hemocentro, Mariana Coutro. “Mas se houver um doador com horário agendado, ele terá prioridade na doação de sangue sobre aquele que não agendou”, complementa a supervisora. Além disso, a sala de espera foi redimensionada para evitar contato próximo entre as pessoas, e álcool gel foi disponibilizado em todas as áreas para o doador manter as mãos higienizadas ao longo do processo. “Mesmo antes da pandemia, na sala de coleta sempre atendemos o distanciamento de dois metros, o que mudou em relação ao coronavírus, além do agendamento, foi a separação das poltronas na recepção. Aumentamos a distância entre elas. Também estamos orientando o doador não vir com acompanhante, trazer a máscara de tecido de casa e aumentamos os recipientes com álcool em gel nas salas”, diz Mariana. Antes da pandemia, o Hemocentro recebia em média 70 doadores por dia, mas no mês de março, por receio do co-

A sala de espera foi redimensionada para evitar aglomerações entre os doadores

ronavírus, a média caiu para 40 pessoas, uma redução de 30% no movimento. “Nas primeiras semanas de abril o movimento aumentou e no momento estamos com todos os tipos sanguíneos com um estoque ideal. Porém, é importante ressaltar que as doações não devem ser interrompidas. Além de Rio Preto, também atendemos outras 36 cidades da região. As bolsas de sangue duram 30 dias então é necessária sempre a reposição”, afirma enfermeira do

setor de captação de doações, Bárbara Cabrera “Aqueles doadores que estão com sintomas gripais ou suspeita de Covid-19 devem permanecer em casa e não ir até o Hemocentro para evitar o contágio de outras pessoas”, conclui Bárbara. Para agendar a doação de sangue individual ou em grupo, o interessado pode ligar para os telefones (17) 32015055 e (17)3201-5151 ou pela página do Facebook do Hemocentro.

Quem pode doar? Os requisitos básicos para passar pela entrevista pré-doação de sangue são: estar saudável, ter peso acima de 50kg, apresentar documento com foto válido em todo o território nacional e idade entre 16 e 69 anos, sendo que antes de completar 18 anos é necessária

uma autorização dos pais ou responsáveis e, se acima de 60 anos, ter realizado pelo menos uma doação até essa idade. Quem tomou a vacina da febre amarela deve aguardar 30 dias para fazer uma doação. Já para vacina contra gripe, o prazo é de 48 horas.

Funfarme Notícias - Abril 2020 11


Doações

Agropecuaristas arrecadam solidariamente R$ 100 mil e 5 mil litros de álcool 70% para o complexo No dia 2 de abril, os organizadores do leilão de gados “Unidos do Agro pela Vida” entregaram cheque de R$100 mil e fizeram a doação de 5 mil litros de álcool 70%. Tanto o dinheiro quanto a substância, que é a principal indicação da Organização Mundial da Saúde (OMS) para higienização de superfícies e das mãos no combate à Covid-19, foram conseguidos em um pregão virtual, realizado no dia 27 de março e transmitido pelo site “Compre Gados”. Um dos idealizadores do leilão foi o agropecuarista e ex-ministro da Agricultura, tendo atuado no governo de Fernando Collor, Antônio Cabrera, à quem a diretora do HB, Dra. Amália Tieco, fez questão de agradecer. “Agradecemos muito pelo apoio dos pecuaristas que realizaram este gesto exemplar e também ao eterno ministro da Agricultura, nosso amigo Antonio Cabrera, um grande Parceiro do Bem do Hospital de Base, que esteve à frente da ação filantrópica”, destacou a Dra. Amália. “O valor será destinado à aquisição

O empresário Eloy Gonçalves (à esquerda) entregou cheque para Dra. Amália Tieco, diretora administrativa da HB e o superintendente financeiro, Robson de Pádua

de respiradores e materiais hospitalares (kits de testes para Covid-19, máscaras e luvas)”, acrescentou a diretora.

Cozimax doa R$ 23 mil à Funfarme para custear monitor de UTI usado no enfrentamento da pandemia No dia 31 de março, representantes da empresa Cozimax, indústria da região de móveis para cozinha, banheiro e lavanderia, foram até o complexo entregar a doação de R$ 23 mil para ajudar no enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. O valor foi destinado à compra de um monitor de UTI, que será usado para atender a pacientes com síndrome respiratória aguda grave. Robson de Pádua, diretor financeiro da Funfarme, e Dra. Amália foram pessoalmente receber a doação. “Juntos somos mais fortes e, sim, o melhor remédio contra esta pandemia é a solidariedade. Estamos muito gratos”, agradeceu Dra. Amália.

12 Funfarme Notícias - Abril 2020


Doações

Empresas contribuem doando materiais essenciais para a segurança dos profissionais da saúde que combatem à pandemia Como em muitos países, o Brasil viu produtos à base de álcool a 70% para limpeza e desinfecção das mãos e de superfícies desaparecerem das prateleiras como resultado da pandemia do Coro-

navírus. Sabendo que esta substância é fundamental para garantir a segurança dos profissionais da saúde que estão atuando para combater a doença, duas usinas doaram a matéria-prima. Além

disso, empresa do Rio Grande do Sul doou dois dispositivos de segurança para realização de cirurgias em pacientes com doenças infectocontagiosas de vias respiratórias.

BP Bunge Bioenergia A BP Bunge Bioenergia, uma joint venture entre a BP e a Bunge que produz biocombustíveis, açúcar e bioenergia no Brasil, mobilizou-se para apoiar o enfrentamento da Covid-19 nos hospitais. A empresa adaptou parte do etanol à base de cana-de-açúcar que produz, para torná-lo um produto adequado para desinfetar superfícies, o álcool 70%. Em 14 de abril, a BP Bunge fez a doação de 700 litros para serem usados no HB e HCM.

Usina São Martinho A Usina São Martinho, uma das principais companhias sucroenergéticas do país, doou 1.280 litros de álcool em solução à 70% para serem usados nas unidades do complexo. A entrega aconteceu no dia 14 de abril.

Güntner A Güntner, uma empresa alemã com sede no Rio Grande do Sul, é uma das líderes mundiais na fabricação de componentes para refrigeração e ar condicionado. No dia 15 de abril, a companhia doou à Fundação dois dispositivos de proteção para a intubação de pacientes com doenças infectocontagiosas que são usados nos centros cirúrgicos (CC) do HB e HCM. O aparato é uma caixa de acrílico que se coloca em volta do paciente, evitando que partículas suspensas no ar den-

tro da caixa entrem em contato com o ambiente externo. Essas gotículas no ar, se contaminadas e em contato com pessoas saudáveis, poderiam transmitir doenças, como o novo coronavírus.

Dra. Eneida Vieira, anestesista do HCM, e a enfermeira responsável pelo Centro Cirúrgico do HB,Priscila Buck, agradeceram a doação Funfarme Notícias - Abril 2020 13


Doações

Minerva Foods doa quase 3 mil quilos de carne à Funfarme Uma das melhores empresas do agronegócio do Brasil, a Minerva Foods, engajou-se na luta contra o novo coronavírus, doando quase 3 mil quilos de carnes de qualidade, sendo 1.199 kg de músculo e mais 1.504 kg de Almondegas, para a Fundação. A empresa também doou 420 litros de álcool em gel.

Solidariedade dividida Vendo a necessidade da Associação e Fraternidade São Francisco de Assis da Providência de Deus, que acolhe pessoas em situação de rua, em Rio Preto, o HB dividiu parte da doação de carnes da marca Minerva Foods com a instituição de caridade, no dia 7 de abril. A Associação, presidida pelo frei Francisco Belotti, retribuiu o gesto doando salgadinhos, milho de pipoca, sabonete líquido e desodorante para o complexo, mostrando que solidariedade gera mais solidariedade.

Molecaggio homenageia profissionais da saúde que atuam no combate à covid-19 Com o intuito de agradecer e incentivar os profissionais de saúde do HB que estão atuando no combate ao coronavírus, a Molecaggio Pizza fez uma surpresa, no dia 1º de abril, enviando diversas pizzas à Fundação. Segundo a diretoria do HB, o delicio-

so presente fez toda a diferença para as equipes de plantão. “A solidariedade é um único remédio na luta contra o coronavírus e ações como esta demonstram o reconhecimento da sociedade”, destacou Dra. Amália Tieco, diretora administrativa.

Voluntários de Bady Bassitt arrecadam alimentos e água em prol do HB No dia 6 de abril foi a vez de parceiros da cidade de Bady Bassitt, representados pelas senhoras Áurea e Neusa, de fazerem um ato solidário. As voluntárias vieram entregar doações de alimentos (arroz, feijão, óleo e macarrão) e de água mineral. A diretora administrativa do HB, Dra. Amália Tieco, destaca que “todas as ve14 Funfarme Notícias - Abril 2020

zes que alimentos não perecíveis são doados e chegam à cozinha do nosso hospital, conseguimos comprar mais medicamentos para nossos pacientes”. Ela acrescenta: “Nós servimos, todos os dias, mais de três mil refeições para pacientes, acompanhantes e colaboradores”.


Doações

Cacau Show presenteia profissionais da linha de frente com kits de chocolate No dia 28 de março, profissionais da saúde que estão atuando na linha de frente no combate à Covid-19 ganharam um presente das Lojas Cacau Show de Rio Preto. A empresa doou 210 kits aos profissionais das unidades respiratórias como forma de homenageá-los pelo trabalho que vêm fazendo contra o novo coronavírus.

Raffaele Flores distribui rosas aos profissionais da linha de frente no combate à COVID-19 “Quando as palavras nos faltam as flores falam por nós. A Raffaele Flores parabeniza todos da equipe de saúde, com gratidão e admiração”. Foi com esta mensagem atada a uma rosa que a floricultura Raffaele surpreendeu os colaboradores do HB e HCM no dia 27 de março. O gesto é uma motivação no difícil momento que o país passa e que o complexo vem enfrentando com coragem. Ao todo, foram distribuídas 300 como forma de homenagear e agradecer a todos.

Com mensagem de “Heróis da Saúde”, McDonalds doa lanches ao complexo Acreditando na união de forças para que o país possa superar esta pandemia, o McDonald’s doou lanches à Funfarme, como agradecimento a todos que têm trabalhado diretamente para salvar vidas afetadas pelo novo coronavírus. A ideia foi valorizar o trabalho de quem está se dedicando tanto às pessoas neste momento e que, na maioria das vezes, nem tempo tem de comer. Junto com os lanches, mensagens de otimismo e esperança do McDonald’s fortaleceram a luta do complexo: “He-

róis da saúde, gratidão pelo empenho de vocês!” “Desde a descoberta do novo coronavírus, a população no mundo inteiro tem contado com a dedicação e o trabalho incansável dos profissionais da saúde, dos médicos aos auxiliares de modo geral. Eles lutam para salvar vidas e manter o bem-estar de mais de 400 mil pessoas afetadas globalmente até agora”, agradece a Dra. Amália Tieco, diretora administrativa do HB.

Empresa doa 500 queijadinhas levando sorrisos a colaboradores Pessoas felizes mudam o mundo e um simples sorriso contribui para isso. Com este conceito, a empresa Rissi Contabilidade Médica realizou o projeto “Rissi Solidária” que, no dia 8 de abril, distribuiu 500 queijadinhas, doce que nasceu em Portugal e virou tradição nas mesas brasileiras. O diretor executivo da Funfarme, Dr.

Jorge Fares, lembra que o projeto tem ajudado a mudar o ambiente de trabalho. “A Rissi tem várias formas de participação e ajuda com a nossa instituição”, afirma o médico e gestor hospitalar, fazendo menção às constantes campanhas de doações feitas pelo projeto solidário. Funfarme Notícias - Abril 2020 15


Doações

Feijoada solidária arrecada mais de R$ 36 mil para a Funfarme Com a campanha “Feijoada Solidária”, promovida pelos empresários Mona Husseini e Márcio Vidoti, da Ammici Gastronomia, no dia 4 de abril, foram arrecadados mais R$36 mil para os hospitais do complexo. O valor ajudará na compra de equipamentos de proteção individu-

al e outros materiais hospitalares usados no combate à pandemia. Foram arrecadados mais de uma tonelada de alimentos para fazer as refeições e, em apenas dois dias, esgotaram-se os kits.

Poty Companhia de Bebidas participa da campanha “Juntos somos mais fortes” doando água mineral A Poty Companhia de Bebidas realizou a doação da Água Mineral Levity, no dia 8 de abril, para consumo da equipe interna do complexo hospitalar. “Graças a Deus, temos recebido doações de empresas responsáveis com as

comunidades nas quais estão inseridas e que, com gestos como este da Poty, revelam o desejo de participar do esforço coletivo para impedir a disseminação do vírus”, destaca o diretor executivo da Funfarme, Dr. Jorge Fares.

Prefeito de José Bonifácio doa 900 litros de óleo vegetal O prefeito de José Bonifácio, Celso Gaucho, fez doação de 900 litros de óleo vegetal para o complexo, no dia 8 de abril. Para o superintendente financeiro, Robson de Pádua, a solidariedade precisa ser mais forte que as adversidades em momentos de crise. “São benfeitores que estão nos ajudando a ajudar as pessoas. Fica o nosso agradecimento. São várias as doações recebidas e tudo é muito importante”, salienta o superintendente.

Loja O Tubarão doa 300 quilos de sal ao HB As lojas “O Tubarão”, de Rio Preto, doaram 300 quilos de sal de cozinha como forma de contribuir no enfrentamento à pandemia Covid-19, no dia 8 de abril. A diretora administrativa do HB, Dra Amália Tieco, afirma que o momento é de união de forças e participação de todos. Além disso, a diretora agradeceu pelo mural de recados com mensagens motivacionais em favor do trabalho incansável de todos os colaboradores do HB que o proprietário das lojas, Fábio Rogério Costa de Souza, mantém em suas unidades. “São gestos como esses de Fábio que nos dão a certeza de que toda essa nossa luta será vitoriosa”, finaliza A diretora administrativa do HB, Dra. Amália Tieco 16 Funfarme Notícias - Abril 2020


Cultura

A Biblioteca Funfarme está fechada, mas você pode ler de onde estiver! Devido às restrições de circulação de pessoas no complexo Funfarme, por causa do novo coronavírus, a biblioteca da instituição ficará fechada por tempo indeterminado. Se você for um fanático por livros não se preocupe, separamos três sites com diversos e-books gratuitos para ler na sua casa, no celular ou onde estiver. Confira.

Clique na loja para acessar!

Clique na loja para acessar!

Clique na loja para acessar!

A Amazon é uma empresa de tecnologia dos Estados Unidos, focada em comércio de livros físicos, digitais, além de produtos eletrônicos. A varejista se orgulha de ter mais de 12 milhões de títulos impressos disponíveis. Por lá, você encontra e-books gratuitos como:

Com 15 lojas no Brasil, além de sua loja virtual, a Livraria Cultura também conta com e-books gratuitos disponíveis para o download. Em sua plataforma, encontre títulos como:

Saraiva Mega Store é uma rede especializada em uma grande variedade de livros nacionais e importados, e tem disponível para a leitura gratuita o livro:

Transformando Suor em Ouro é a história de Bernardinho contada por ele mesmo, desde os tempos de jogador até a consagração como técnico com o ouro olímpico.

A Mente Influente conta como a emoção tende a dominar a razão quando o assunto é tomada de decisões. A autora do livro Tali Sharot revela o poder oculto da influência, para o bem ou para o mal, e nos permite identificar instâncias em que sucumbimos a ilusões.

Europa – 40 experiências incríveis: A Lonely Planet é a maior editora de guias de viagem do mundo. Esse livro dá o gostinho de algumas experiências europeias, como andar de bicicleta pelos vinhedos da República Tcheca, experimentar a bela vida de Eze (vila medieval na Riviera Francesa), ou até mesmo relaxar entre as laranjeiras e oliveiras na colorida cidade portuguesa de Cacela Velha.

Angústia, vício, trauma, estresse e muitos outros são problemas cada vez mais comuns neste mundo agitado, exigente e confuso. Pessoas sob tensão emocional prolongada sofrem danos à saúde, tornando-se pouco a pouco disfuncionais tanto nos relacionamentos quanto no trabalho. Se você é uma dessas pessoas ou conhece alguém que vive assim, este livro pode ser o primeiro passo no caminho para uma vida de paz, restauração e cura – uma existência plena de sentido.

Funfarme Notícias - Abril 2020 17


RHC

O mieloma múltiplo é o câncer de um tipo de células da medula óssea chamadas de plasmócitos, responsáveis pela produção de anticorpos que combatem vírus e bactérias. As células doentes também podem afetar os ossos, causando dores e fraturas espontâneas.

Causas e População de Risco Ainda não se conhecem as possíveis causas do mieloma múltiplo nem as formas de prevenção. O mieloma múltiplo raramente aparece na infância, adolescência ou em adultos com menos de 40 anos. Sexo: os casos de mieloma múltiplo são um pouco mais frequentes em homens do que em mulheres.

Tratamento Nos últimos anos, o diagnóstico do mieloma múltiplo melhorou muito, porque surgiram medicamentos com mecanismo de ação que interfere na multiplicação das células tumorais, como terapia biológica e terapia-alvo.

Recomendações Prática de exercícios moderados, como caminhada e natação. Dieta saudável, variada e equilibrada. Sono repousante.

Sinais e Sintomas Nas fases iniciais, o mieloma pode ser assintomático. Quando a doença dá sinais, eles podem variar muito de uma pessoa para outra, mas os mais frequentes são: Dores ósseas, especialmente no peito, nas costelas e nas costas. Fraturas ósseas espontâneas. Hipercalcemia, ou seja, níveis elevados de cálcio no sangue. Predisposição a infecções. Anemia, cansaço, fraqueza, palidez.

Hospital de Base No período do ano 2000 a 2018, 534 pacientes foram atendidos com a doença, a faixa etária que houve maior incidência de casos foi entre 50 e 70 anos, não sendo diferente dos dados divulgados no Brasil.

SEXO:

18 Funfarme Notícias - Abril 2020

MASCULINO 303

FEMININO 231


Espaço ASFF

Lanchonete do Clube de Cara Nova Pequenos detalhes fazem a diferença... Você já conferiu a “repaginada” da lanchonete do Clube ASFF? Mais aconchegante para você curtir momentos de descanso e lazer no seu clube! Funcionamento: de quarta a domingo, das 10h às 18h.

Utilizações do Cartão ASFF serão descontadas nas férias! Pensando no melhor atendimento ao associado iniciaremos, em breve, o desconto das utilizações do cartão ASFF diretamente no recibo de férias. Maior facilidade e comodidade para você!

Feirinha da ASFF Mensalmente, a partir do dia 19, realizamos em nossa secretaria a “Feirinha da ASFF” . Trazemos conveniados parceiros para que demonstrem seus produtos e vendam no local, sempre com condições diferenciadas ao associado ASFF. Receba nosso calendário mensal e outras novidades adicionando nosso contado de WhatsApp em sua agenda, e solicite nossos envios: (17) 99631-3380.

Kit Bebê Confira as contempladas do Kit Bebê da ASFF.

Priscila C. Ribeiro de Lima

Lara C. Tonello Castanho

Priscila Morais das Chagas

Elaine Ribeiro Desante

Aline Juliana Capela Soares

ATUALIZE SEU CADASTRO CONOSCO: (17) 99631-3380

Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das novidades! (17) 99631-3380 @asffoficial asff.funfarmeefamerp

Clique aqui e veja nossa relação atualizada de parceiros :) Funfarme Notícias - Abril 2020 19


NHE

Coronavírus, Influenza e Dengue: os cuidados com as demais epidemias continuam! A epidemia da COVID-19 é um novo desafio para os serviços de saúde e toda a sociedade. O aumento do número de atendimentos de casos suspeitos e confirmados em diversas localidades preocupam a todos. Além do novo coronavírus, mantêm-se o alerta permanente para os casos de Influenza e Dengue. O Brasil ocupa o primeiro lugar em casos de dengue nas Américas. É preocupante também, as chamadas epidemias cruzadas, quando ocorrem epidemias graves simultâneas.

Tabela 1. Doenças e Agravos de Notificação Compulsória, notificados na FUNFARME no ano de 2019 e jan a abril 2020 DNC

2019

Jan a Abril 2020

Situação epidemiológica na Funfarme Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por Coronavírus e Influenza A SRAG é uma doença caracterizada por febre, tosse e dispneia, acompanhada ou não de aumento da frequência respiratória, hipotensão, cianose, desidratação e inapetência.

Dengue A dengue é uma doença viral transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. Os principais sintomas são: febre alta, dores musculares, dor ao movimentar os olhos, mal estar, dor de cabeça, falta de apetite e manchas vermelhas pelo corpo. A infecção por dengue pode ser assintomática (sem sintomas), leve ou grave.

Fonte: SINANnet-SINANweb-FIN-FII-NHE/FUNFARME *Dados provisórios, investigações em andamento, levantamento até dia 30/04/2020 **Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG): confirmados por Influenza, COVID-19 e outros vírus respiratórios

Vacinação contra a gripe Anualmente a FUNFARME organiza a campanha de vacinação contra a gripe para seus colaboradores. Esse ano a instituição ampliou a vacinação para pacientes crônicos em seguimento no complexo FUNFARME. Até o dia 27/04/2020 foram vacinados 4.073 funcionários e 93 pacientes, totalizando 4.166 doses aplicadas. Referências: 1. Brasil. Ministério da Saúde: Hepatites. Disponível em: <https://saude.gov.br/saude-de-a-z/coronavirus> Acesso em 17 mar 2020.

Doenças de Notificação Compulsória! - NOTIFIQUE O NHE/FUNFARME - Ramais do NHE/HB – 1380 e 1837. Segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. www.hospitaldebase.com.br/nhe À noite, nos finais de semana e feriados, no telefone do plantão do NHE (RAMAL 1380/1837) ou do Grupo de Vigilância Epidemiológica – GVE XXIX (17) 3227-8814 20 Funfarme Notícias - Abril 2020

Profile for Funfarme - Hospital de Base

Revista Funfarme - Abril 2020  

Revista Funfarme - Abril 2020  

Profile for funfarme
Advertisement

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded