Issuu on Google+

Ano 20 - nº 96 Junho de 2014

Jubileu de Ouro

Destaques

Cerca de 600 convidados, entre colaboradores, dirigentes de entidades, conselheiros curadores e parceiros celebraram os 50 anos da Fundação FEAC Ricardo Lima

Seminário FEAC aborda pilares da gestão

Página 06

Membros do Conselho Curador e Diretoria Executiva da FEAC celebram jubileu de ouro da instituição

E

ssa é uma data muito importante décadas da Fundação, os convidados porque reúne toda a família puderam conferir a inédita campanha FEAC, formada ao longo de sua publicitária alusiva à data que tem como trajetória”. Com estas palavras, slogan “Fundação FEAC 50 anos. A vida um dos cofundadores da Fundação FEAC, escreve essa história”. Dr. Darcy Paz de Pádua, recebeu os A noite se encerrou com um grande show convidados durante a noite na qual foi do cantor e compositor paulista Toquinho. A música “O Caderno”, celebrado o jubileu de de sua autoria, está ouro da instituição. Dr. Campanha Darcy e Dr. Eduardo de presente no filme da Barros Pimentel foram os “A vida escreve essa campanha dos 50 anos. grandes homenageados do Neste 2014, o músico história” celebra os ainda será padrinho da evento que reuniu pessoas que, ao longo dos últimos terceira edição do Coral 50 anos da FEAC 50 anos, integraram e Integrado FEAC, que se acompanharam a história apresenta, anualmente, de êxito da FEAC. reunindo cerca de 300 vozes de crianças Durante o evento comemorativo, ocorrido e adolescentes atendidos pelas entidades no último 14 de abril, em razão das cinco conveniadas à FEAC.

CCE apresenta nova campanha

Página 08

Empreendedorismo social é tema do Prêmio FEAC 2014

Página 12


Editorial

Novos 50 Anos

E

m um grande evento ocorrido na Sociedade Hípica de Campinas, a Fundação FEAC celebrou seus primeiros 50 anos de atividades. Marcaram presença, dentre os convidados, representantes das entidades conveniadas, colaboradores, membros do Conselho Curador, autoridades, formadores de opinião que comemoraram o jubileu de ouro da instituição, genuinamente campineira, que é modelo único de ação social no país. Na oportunidade, os convidados puderam conferir, em primeiríssima mão, a nova campanha publicitária, especialmente preparada em razão do aniversário de cinco décadas. O slogan da campanha é “Fundação FEAC 50 anos. A vida escreve essa história”.

Atualmente, a FEAC reúne cerca de 80 entidades conveniadas que atendem mais de 70 mil pessoas – direta e indiretamente. Há ainda parcerias junto a escolas públicas das redes municipal e estadual e núcleos de mobilização da sociedade civil (como os projetos FEAC na Escola e Compromisso Campinas pela Educação, respectivamente) que buscam contribuir com a educação na cidade de Campinas. E a história continua, uma vez que as demandas para uma sociedade mais justa e igualitária se apresentam cotidianamente. E nos próximos 50 anos, sejam quais forem os desafios, a Fundação FEAC estará apta a contribuir com a promoção humana e o bemestar social. Fique por dentro e boa leitura!

Fala FEAC Ricardo Lima

FEAC 50 Anos É da nossa tradição comemorar os aniversários, nas datas mais significativas, reunindo a família FEAC em um almoço. Desta vez, aos 50 anos, em 14 de abril, precisamente no dia de sua fundação, a presença dos que, nesse período, construíram a história da nossa Instituição, ocorreu no jantar realizado no majestoso salão social da Sociedade Hípica de Campinas. No clima de descontração e alegria, houve o reencontro dos antigos companheiros, a confraternização e a relembrança de fatos, percorrendo o tempo desde o início da sua convivência, e, ainda, a memória e a saudade daqueles que por razões diversas se afastaram

e dos que partiram definitivamente deixando o exemplo de vida e de dedicação. A reunião-jantar foi a festa, também de encontro entre as “gerações”, dos que iniciaram a longa trajetória da FEAC, com os atuais responsáveis pela sequência e pelo cumprimento da missão de servir. Finalmente, o necessário registro do reconhecimento ao precioso trabalho desenvolvido por aqueles que souberam projetar e realizar a festa em todos os seus detalhes, responsáveis pelo amplo sucesso. Foi um bom início do programa da comemoração do cinquentenário, que se estenderá ao longo do ano.

Expediente Presidente do Conselho Curador Edmir Bertolaccini Membros do Conselho Curador Antonio Carlos de Moraes Salles Filho Antônio Leite Carvalhaes Arthur Pinto de Lemos Neto Augusto Fernando B. Pimentel Filho Caio Eduardo Canguçu de Almeida Carlos Guilherme Ramasco Gargantini Darcy Paz de Pádua Eduardo de Barros Pimentel Flávio Eduardo Lopes José Augusto Marin José Luiz Nadalin Leôncio Menezes Luís Norberto Pascoal Paulo Celso Motta Paulo Tilkian Peter Graber Saulo Monte Serrat Vera Lucia Adami Raposo do Amaral Presidente da Diretoria Executiva Antonio Carlos de Moraes Salles Filho

Dr. Darcy Paz de Pádua, membro do Conselho Curador e cofundador da Fundação FEAC * espaço especialmente aberto para que colaboradores e diretores FEAC possam se manifestar institucionalmente

Mídias Sociais Presidente do Conselho das Entidades Conveniadas (CEC) Rodrigo Otávio Teixeira Neto Superintendência Executiva Arnaldo Rezende Gestão Departamento de Marketing / Jornalista Responsável Vanessa Taufic (Mtb 39.186) Redação Claudia Corbett (MTb 28.059) Henderson Arsênio (MTb 53.716/58) Laura Gonçalves (MTb 24.821) Produção: Fábrica de Ideias

Correspondência - Fundação FEAC Rua Odila Santos de Souza Camargo, 34, Jardim Brandina, CEP 13092-540 Campinas, SP E-mail: comunicacao@feac.org.br Fones: (19) 3794.3511/3526 Fax: (19) 3794.3535

2

www.facebook.com/ fundacaofeac

@fundacaofeac

www.youtube.com/ fundacaofeac


Educação: Conquista Coletiva

Laços mais fortes entre mães e filhos ECC apoia ação do Dia das Mães na Creche Madre Anastácia

U

Fotos Valéria Abras

ma manhã repleta de emoção marcou a comemoração do Dia das Mães na Creche Madre Anastácia, realizada em 09 de maio. A ação, apoiada pelo Programa Educação: Conquista Coletiva, da Fundação FEAC, teve como propósito unir mães e filhos e fortalecer o vínculo com as famílias, contribuindo com o desenvolvimento infantil. “Esta é uma oportunidade de trazer as mães para o local em que seus filhos passam grande parte do tempo. Ficamos muito felizes com esse encontro e queremos estreitar os laços com os familiares das nossas crianças. A FEAC é uma

Irmã Rosane

grande parceira nisso e nos ajuda com apoio técnico e financeiro”, ressaltou a presidente da entidade, Irmã Rosane Dallagnol. Durante a manhã, as crianças apresentaram diversos números de cantos e danças elaborados exclusivamente para suas mães e, em seguida, a acupunturista Maria Cecília Nashimoto orientou mães e filhos numa automassagem. “O carinho fortalece o vínculo familiar e isso é muito importante”, esclareceu Maria. Para as mães, a manhã foi de festa e alegria. “Participo bastante da vida do meu filho e sei como isso é importante. O trabalho da creche é excelente e hoje é um dia de alegria. Adorei a homenagem”, falou a vendedora Salídia Teles, mãe do pequeno Nicolas. “Hoje, aqui na creche, fiz coisas que não tenho tempo de fazer em casa. Brinquei e me diverti com meus dois filhos. Estou muito feliz”, concluiu a dona de casa Viviane Prestelo, mãe de Felipe e Nicole.

Ciclo de formação aborda Proteção Social Básica em Campinas Até o mês de novembro, a Fundação FEAC e a Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência e Inclusão Social (SMCAIS) promoverão o ciclo de formação “Fortalecimento da Proteção Social Básica no município de Campinas”. Ao todo, serão nove grupos com 30 vagas cada, formados por representantes dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), Distritos de Assistência Social (DAS) e

executores dos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), em que se incluem as entidades assistenciais. Os encontros serão mensais e ocorrerão na Fundação FEAC. Conduzida pelo Instituto Paulo Freire, a série será finalizada em um grande seminário, previsto para novembro, com o objetivo de disseminar os conteúdos construídos.

3


FEAC 50 Anos

FEAC 50 Anos Em seu Jubileu de Ouro, Fundação FEAC celebra trajetória com campanha publicitária comemorativa, novo portal e outras novidades

A

Fotos Ricardo Lima e Valéria Abras

alegria e o orgulho estavam expressos nos rostos de todos os cerca de 600 convidados à noite de celebração dos 50 anos da Fundação FEAC, comemorados no último 14 de abril. Colaboradores, parceiros, autoridades, formadores de opinião, dirigentes da rede de entidades conveniadas, entre outros convidados, estavam presentes no evento ocorrido na Sociedade Hípica de Campinas. “Essa é uma data muito importante porque reúne toda a família FEAC, formada ao longo de sua trajetória. Essa família surgiu a partir da ideia do meu amigo Eduardo de Barros Pimentel, que imaginou e traçou o projeto da FEAC. Estou muito feliz e muito orgulhoso de fazer parte dessa história. Também aproveito esse momento para agradecer a importante presença de todas as assistentes sociais que ajudaram a construir a FEAC”, comentou um dos membros do Conselho Curador da FEAC e grande homenageado da noite, Dr. Darcy Paz de Pádua. Ele e o Dr. Eduardo Pimentel receberam um troféu de honra ao mérito e uma placa de agradecimento por suas contribuições à trajetória da Fundação. Durante o evento foi ainda apresentada, em primeira mão, a campanha publicitária alusiva aos 50 anos da FEAC. Com o slogan “A vida escreve essa história” e desenvolvida pela agência M51, a campanha traz uma canção do músico paulista Toquinho como mote do conceito criativo e tema de suas peças, a serem expostas em revistas, jornais, outdoors, mídia indoor e web. Além disso, foram também produzidos spots para rádio. Mas é na TV que a campanha se consagra por contar, particularmente, com personagens diretamente ligados à FEAC em seu filme publicitário. “Fizeram parte deste vídeo colaboradores da FEAC e familiares, bem como usuários das entidades conveniadas Serviço Social Nova Jerusalém, Guardinha e Centro Educacional Síndrome de Down (CEESD). A todos, muito obrigada”, agradeceu a gestora do Departamento de Marketing da FEAC, Vanessa Taufic. A presença web da Fundação FEAC também está renovada desde abril último. Seus perfis nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter) já contam com novo visual. Mas a principal novidade está no endereço www.feac.org.br. Mais moderno, dinâmico e atrativo, o novo portal é mais um

canal de informações e notícias sobre a FEAC e sua rede de instituições conveniadas. Buscando atender ao público em geral, o novo endereço ainda conta com notícias diárias sobre o terceiro setor, além da inédita área de Cartas Técnicas, que reúne uma série de documentos que orientam instituições acerca de procedimentos junto a órgãos públicos como obtenção de alvarás e certidões, registros junto a secretarias e conselhos municipais etc. Coral Integrado FEAC – Uma das notícias reservadas para aquela noite, entretanto, marcou em definitivo a importância ímpar do evento de 14 de abril de 2014. No palco, o músico Toquinho, que fez um show de encerramento, anunciou que será o padrinho do Coral Integrado FEAC que, em sua edição especial comemorativa ao jubileu de ouro da Fundação, reunirá cerca de 300 vozes de adolescentes e crianças atendidas por entidades da rede. “Participar dos 50 anos da FEAC, num momento em que começo a comemorar meus 50 anos de carreira, é uma coincidência muito boa, muito amorosa. É um prazer. Fiz a campanha, gravei a canção e participei desse evento desde o início. Saber que estou ligado com uma Fundação que acolhe cerca de 100 entidades sociais é muito bom”, falou o músico.

Érika Haaland recebe mascote da campanha do Jubileu de Ouro da FEAC

4


Parabéns!

Personalidades, membros do Conselho Curador e parceiros comentam sobre os 50 ano da FEAC

Foi tudo maravilhoso e muito emocionante. As peças de marketing e o vídeo ficaram excelentes. Lindos! As homenagens foram muito expressivas e o Dr. Darcy e o Dr. Eduardo certamente ficaram muito felizes. Parabéns pelo eficiente e produtivo trabalho que, há tantos anos, são dedicados a esta Organização que tanto orgulha Campinas.

Dra. Vera Raposo do Amaral, membro do Conselho Curador da FEAC

Nossa instituição se sente honrada e orgulhosa pelas parcerias até aqui empreendidas, esperando podermos seguir juntos por muitos aniversários afora. Parabéns a todos!

Marinice Ishimaru, membro da diretoria do Centro Espírita Alann Kardec, conveniado à FEAC

Esse reconhecimento do resultado é que nos move a melhorar a cada dia! Tenho recebido muitos elogios pela campanha e pelo evento, e sei que sem um “bom cliente” nada acontece. Só estamos buscando atingir o alto grau de qualidade da FEAC, um dia vamos conseguir! Orlando Martins, diretor-presidente da agência M51

Cerca de 600 convidados estiveram no evento

5


1º Seminário FEAC 2014

Conhecimentos para as instituições Seminário FEAC 2014 aborda os pilares da gestão para entidades do terceiro setor Fotos Ricardo Lima

Tema do Seminário FEAC 2014 foi definido após enquetes ocorridas no ano passado

N

o último dia 22 de maio, a Fundação FEAC promoveu o 1º Seminário FEAC 2014 sobre o tema “Gestão no Terceiro Setor”, no espaço Vert Eventos. O objetivo foi abordar os quatro principais pilares da administração: gestão econômico-financeira, gestão de recursos humanos, gestão de comunicação e marketing e gestão de operações. O evento reuniu cerca de 300 pessoas, entre representantes de entidades conveniadas e não conveniadas, órgãos públicos e convidados. “Nossa ideia com este Seminário é evidenciar informações úteis que contribuam para a construção de políticas públicas em Campinas”, afirmou o presidente da Diretoria Executiva da FEAC, Dr. Antônio Carlos de Moraes Salles Filho, o Tuti. O seminário foi iniciado com o superintendente-executivo da Fundação FEAC, Arnaldo Rezende, que apresentou o perfil econômico-financeiro geral das entidades conveniadas. “Nossas entidades são ‘empresas’ de bom porte, com receitas totais superiores a R$ 140 milhões”, informou. No período da manhã, questões de gestão econômico-financeira e de recursos humanos foram abordadas pelos especialistas Celina Yamanaka, gerente administrativo-financeira do Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social (Idis), e Gabriel Rubbini, diretor de Recursos Humanos da Ambev. “São as pessoas que conseguem efetivamente transformar a organização”, disse ele. A parte da tarde contou com a palavra da diretora de Comunicação e Mobilização do Greenpeace Brasil, Lisa

Gunn, e do especialista e consultor em gestão Armando Matiolli. Eles trataram dos dois outros pilares: gestão de comunicação e marketing e gestão de operações. “A organização é um todo, um sistema que deve trabalhar de forma harmônica. Todos necessitam executar bem seus papéis”, creditou Matiolli. O 1º Seminário FEAC 2014 contou com a presença de colaboradores da própria Fundação FEAC na plateia. Eles puderam assistir às apresentações que mais interessavam segundo sua área de atuação. Para a supervisora do Departamento de Recursos Humanos da FEAC, Ednalva Soares, esta iniciativa é mais uma ferramenta para apoiar as atividades da rede socioassistencial de Campinas. “É um momento de troca, atualização e ampliação do conhecimento”, comentou.

Ednalva Soares, supervisora do RH: “momento de ampliação do conhecimento”

6


Calendário Cultural

Dia de Circo Show circense agita comunidade do Jardim Santa Lúcia Rildo Cundiev

Centro Comunitário Jardim Santa Lúcia foi quem inaugurou o Calendário Cultural edição 2014

C

erca de 300 pessoas compareceram, no último 31 de maio, ao ginásio de esportes do Centro Comunitário do Jardim Santa Lúcia, onde ocorreu a primeira apresentação descentralizada do Programa Calendário Cultural ��� Edição 2014. Composta por um show circense com palhaços, malabares, acrobacias e contorcionismo, a iniciativa reuniu 70 crianças e adolescentes, de seis a 15 anos, para mostrar a magia do circo. Em 26 de maio, o mesmo grupo já havia se apresentado na sede da FEAC, inaugurando assim o Calendário Cultural 2014. Para a moradora do bairro Jardim Santa Lúcia, Edileuza Guimarães, a apresentação foi sensacional. “As crianças estão lindas e não poderia ser melhor. Promover atividades fora do horário das aulas é muito positivo”, falou a costureira. Os pais que prestigiaram o evento também gostaram do que viram. “Ana Clara adora as aulas de circo. Nós sentimos o desenvolvimento dela nesses dois anos de aula aqui no Centro Comunitário. E a apresentação foi maravilhosa. Estou muito orgulhosa”, falou Franciele Schuedz. “Minha filha voltou muito feliz da apresentação feita na FEAC e a expectativa para hoje era muito grande. As crianças se sentem valorizadas e o espetáculo é muito bonito”, falou a assistente Shirlei Cristina da Silva, mãe de Kauane. Para as crianças não foi diferente. “Fiz a pirâmide e a dança e nem fiquei com vergonha. Hoje foi muito legal”, ressaltou a pequena Raiane Moreira dos Santos, de 10 anos. “Estou fazendo aulas de circo há dois anos e gosto muito. A coisa mais legal é fazer contorção e acrobacia”, explicou Ketlen Shaiane, de 12 anos. A presidente da entidade, Terezinha de Fátima Carneiro da Silva, também elogiou a iniciativa e o espetáculo. “Esse show mostra que nosso trabalho está sendo reconhecido.

Trabalhamos muito para isso e nossa intenção é transformar nossas crianças em cidadãos do bem. Agradeço também a FEAC pela iniciativa”, pontuou. O Calendário Cultural é uma iniciativa própria da Fundação FEAC, desenvolvida pelo Escritório de Projetos, que tem como objetivo difundir e valorizar as ações e projetos artístico culturais, implementados pelas entidades conveniadas, junto aos públicos interno (quadro de colaboradores FEAC) e externo. Teve início em 2012, como proposta piloto, e as avaliações apontaram para a continuidade da ação, com possibilidade de inserção de novos desafios. Neste 2014 o Programa, com duração de maio a outubro, está influenciado pelos 50 anos da FEAC e por isso se dá de maneira especial e em tom comemorativo.O diferencial está por conta das apresentações descentralizadas a serem promovidas nos territórios onde cada instituição atende suas respectivas comunidades. Para as apresentações descentralizadas, os espectadores esperados são o público atendido e beneficiários e seus familiares, colaboradores e dirigentes das entidades participantes, membros da Diretoria Executiva e Conselho Curador da FEAC, bem como outros interessados dispostos a prestigiar as instituições e a ação diferenciada que leva o nome da FEAC para as cinco macrorregiões da cidade de Campinas. O encerramento do Calendário Cultural FEAC 2014, assim como nas duas edições anteriores, será marcado pelo Coral Integrado que desde 2013 já está formado por centenas de crianças e adolescentes das entidades conveniadas participantes dessa ação. E nesta apresentação também haverá mais um diferencial: o apadrinhamento do cantor e compositor Toquinho, que em 14 de abril último anunciou este presente que enobrece ainda mais a trajetória de cinco décadas da FEAC.

7


Compromisso Campinas pela Educação

Eu Valorizo o Professor

O

Com essa bandeira, reconhecimento a mestres e educadores é tema das atividades de 2014 do movimento CCE Fotos Ricardo Lima

sétimo ano do Compromisso Campinas pela Educação (CCE) está repleto de atividades voltadas ao professor. Definida por intermédio de uma enquete, a bandeira Valorização do Professor norteia as atividades realizadas dentro da programação do CCE de 2014. Inspirada nesta bandeira, foi criada uma campanha publicitária, lançada a 10 de março último, que contou com a participação voluntária de um trio de jornalistas com atuação em diferentes veículos de comunicação em Campinas e envolvimento da professora Jaqueline Salione, da EE Prof. Luiz Gonzaga Horta Lisboa e da estudante Beatriz Marcelino da Silva Souza, que gentilmente cederam suas imagens para divulgar a causa. São quatro versões de filmes que foram veiculadas por emissoras parceiras e também reproduzidas nas redes sociais e canal da FEAC no Youtube. Além disso, houve a criação de cartazes, folders e bottons para distribuição em escolas e entidades. Entre as importantes inciativas que fazem parte do CCE, está o Observatório da Educação, um núcleo criado em maio de 2013 com o propósito de promover estudos e subsidiar o poder público e comunidade em geral de informações e dados sobre a educação no município. Este Observatório,

Tema da valorização de profissionais da educação foi eleito após consulta pública ocorrida em 2013

único com este formato no Brasil, é formado por um Comitê Deliberativo composto por expressivos nomes na Educação no País e representantes das Secretarias Municipal e Estadual de Educação. Já no primeiro ano de atuação o Observatório produziu estudos importantes, como o Indicador de Alfabetismo Funcional (INAF) em Campinas. Outros temas estão em curso e serão divulgados até o final deste ano.

Observatório da Educação reúne expoentes do ensino no País

8


Ricardo Lima

Encontros mensais CCE ocorrerão até outubro

Encontros Mensais CCE - já em sua segunda edição, o evento “Encontros Mensais do Compromisso Campinas pela Educação”, realizado pela FEAC, no âmbito do CCE, busca evidenciar o tema educação mês a mês com diferentes olhares. Na edição de 2014, o primeiro encontro abordou o tema “O Professor, sua autoestima e a profissão na Sociedade Pós-Moderna” com a palestra do psicoterapeuta, Ivan Capelatto. Rosely Sayão foi a palestrante do 2º Encontro Mensal de 2014, que teve o tema “Valores e competências da Educação Familiar e Escolar”. A psicóloga frisou que a escola no Brasil ainda não percebeu, de forma adequada, as radicais modificações sociais, econômicas, políticas e culturais que o mundo vivencia desde a década de 1960. Já o terceiro Encontro Mensal do CCE deste ano destacou o Professor como autor de conhecimento de diálogos de

histórias. Para o palestrante Severino Antônio Moreira Barbosa, a ideia central é que, depois de décadas valorizando o aprender, nós precisamos revalorizar o ensinar. Sempre às ultimas quintas-feiras do mês, os Encontros Mensais seguem até outubro com datas marcadas para 31 de julho; 28 de agosto; 25 de setembro e 16 de outubro. Concurso Cultural - nos meses de maio e junho a equipe da Fundação FEAC organizou e distribuiu o material para o Concurso Cultural de Redação Minha Família na Escola. Nesta quinta edição, há um subtema, inspirado na bandeira do CCE de 2014 que faz a pergunta de como a família vê a importância do professor na sala de aula. As redações vencedoras serão conhecidas em 10 de outubro e a premiação será realizada na 5ª Semana da Educação de Campinas que acontecerá de 03 a 07 de novembro.

Novo Portal Dentre as novidades do CCE neste 2014, houve em 28 de abril, Dia Internacional da Educação, o lançamento do novo portal no mesmo endereço adotado anteriormente (www. compromissocampinas.org.br). O novo portal traz como um dos destaques uma agenda de atualização permanente que reúne todos os eventos relacionados à educação e os previstos pelo Compromisso Campinas pela Educação para o ano de 2014 e links para redes sociais. Na página é ainda dada ênfase especial para o Observatório da Educação, como um espaço para divulgar, de forma organizada, dados oficiais sobre a Educação no município de Campinas. Um link direto para o QEdu, mais completo portal na Internet sobre as escolas do Brasil, também está disponível na área do Observatório da Educação. Para que o internauta possa aprofundar ainda mais suas pesquisas na área educacional, o novo site do CCE conta com uma biblioteca, na janela Acervo.

www.compromissocampinas.org.br

9


Boas Práticas

Cultura para potencializar a comunidade como um todo

Esta é um dos objetivos do Circolando: projeto itinerante que leva arte circense a áreas de alta vulnerabilidade social em Campinas

C

omo abordar questões tão distintas como preconceito, meio ambiente, identidade e valores junto a comunidades de regiões de alta vulnerabilidade social? A equipe do Instituto Padre Haroldo adotou uma alternativa diferente: ela se propõe a fazer tais abordagens tendo como ferramenta um trailer adaptado para o desenvolvimento de atividades artísticas, culturais e formativas que graças ao trabalho de um quarteto de educadores leva arte circense e dança de rua a crianças e adolescentes dessas localidades. “Nosso objetivo é, a partir do reforço do lado lúdico, sensibilizar e conscientizar a garotada sobre sua realidade, e também apresentar outras perspectivas”, explicou o educador Guilherme Padilha. O trailer, associado ao projeto Circolando, transita em dias alternados entre os bairros Jardim Campo Belo e Conjunto Habitacional Vida Nova e leva aos moradores oficinas de break dance, teatro, malabares e também promove batepapos sobre a realidade dos bairros (questões políticas, culturais e problemas sociais, entre outros assuntos). “A partir dessas conversas, conseguimos imaginar melhor nosso futuro”, comentou uma das participantes das oficinas, Karina Aragão, de 12 anos. Concomitante à ação dos educadores, a dupla psicossocial busca mapear e identificar pontos de apoio às crianças e suas famílias como postos de saúde, escolas e centros de referência de assistência social (CRAS). “Nossa intenção é potencializar o território, envolvendo a criança, sua família e comunidade”, esclareceu o educador Padilha. A partir dessas demandas e segundo as possibilidades da equipe do Circolando e da rede socioassistencial local, familiares das crianças do projeto também são assistidos. “Trabalhamos as famílias por meio de visitas domiciliares e oficinas sobre educação e desenvolvimento infantil. A atenção é mais constante quando a vulnerabilidade familiar é maior”, informou a gestora técnica do Programa Além da Rua (que tem o

Fotos Ricardo Lima

Circolando como uma de suas iniciativas), Valeria Loschi. “O Circolando ajuda a gente a se educar”, afirmou Laisa Rodrigues, de 11 anos, mais uma participante do programa. Segundo a diretora do Programa Além da Rua do Instituto Padre Haroldo, Lucia Decot Sdoia, o Circolando inova justamente por ser um projeto itinerante de prevenção às drogas somado à educação, assistência e inclusão social. “Apesar de não ter um espaço fixo, o projeto rapidamente passa a fazer parte daquele contexto em que está inserido”, comentou. A iniciativa teve início em outubro de 2013. A ideia é que o trailer permaneça no mesmo ponto por 15 meses, com possibilidade de extensão. “Este projeto nasceu do desejo do fundador da nossa instituição, Pe. Harold Rahm, de ter um circo”, lembrou a diretora. Atualmente, o Circolando atende cerca de 50 crianças e adolescentes, entre oito e 14 anos de idade, em cada um dos dois bairros citados.

10


Ricardo Lima

Cerca de 50 crianças e adolescentes são atendidas pelo projeto

Tecnologia Social – Para Valeria, a tecnologia social por trás deste projeto está basicamente apoiada em eixos como a itinerância, cultura e arte. “Não somos fixos e atuamos a partir dos recursos que o próprio bairro dispõe”, informou. Segundo ela, o principal ponto é estimular a

comunidade para a responsabilidade sobre suas crianças. “Queremos convocá-los a assumir a proteção destes meninos e meninas. E identificar oportunidades na área para que, uma vez quando o projeto não estiver mais lá, a iniciativa flua de maneira sustentável”.

Relatório PerguntAção mostra universo jovem campineiro Em janeiro último, a Fundação FEAC, em parceria com o Instituto Paulo Montenegro, divulgou o relatório final da consulta participativa de opinião, pela metodologia PerguntAção, desenvolvida e promovida junto a adolescentes e jovens de Campinas. A pesquisa integra a série de iniciativas “Atenção a Adolescentes e Jovens – uma política em construção” promovida desde 2012 pela FEAC em parceria com representantes da rede socioassistencial municipal

que se dedica ao atendimento a adolescentes e jovens de 15 a 24 anos. Seu objetivo, a partir de um diagnóstico situacional dos serviços de convivência e fortalecimento de vínculos, foi validar percepções relativas aos principais desafios que envolvem esse público como evasão escolar, frágil formação para o trabalho, baixa adesão a programas de assistência social etc. Outras informações e o documento na íntegra estão disponíveis em www.feac.org.br Ricardo Lima

Universo juvenil é abordado pelo relatório PerguntAção

11


Prêmio FEAC de Jornalismo

Iniciativas privadas para o empreendedorismo social Tema 2014 estimula imprensa a destacar empreendedores preocupados com questões sociais

E

m 07 de maio último, a Fundação FEAC lançou o tema da 17ª edição do Prêmio Fundação FEAC de Jornalismo: “Iniciativas privadas para o empreendedorismo social”. O evento de lançamento reuniu cerca de 60 profissionais dos principais veículos de imprensa de Campinas e região. A premiação 2014 tem como patrocinadores másters o Iguatemi Campinas e a Unimed Campinas, apoio especial da Fundação Educar DPaschoal e ACI – Associação Campineira de Imprensa – e Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo como parceiros institucionais. “A ideia original do Prêmio foi de aproximar a imprensa da Fundação FEAC e, a partir daí, colocar uma questão relevante para que, destacada pelo jornalismo, a sociedade pudesse observar e refletir. Estamos no caminho certo porque é raro uma iniciativa como essa que dure tanto tempo. É uma honra manter esse prêmio”, comentou o superintendente-executivo da FEAC, Arnaldo Rezende. A escolha pelo tema, que evidencia iniciativas da sociedade civil, com vistas ao empreendedorismo social, se dá a fim de destacar o potencial de mobilização e aglutinação de esforços de cidadãos que empreendem ideias, ações e projetos sociais com foco no bem comum. Embora empreendedorismo social seja um termo que significa um negócio lucrativo, também suscita o aspecto do desenvolvimento comunitário, foco prioritário

da temática adotada para este 17º Prêmio FEAC de Jornalismo que está ainda sob influência da trajetória de cinco décadas da FEAC, comemorada neste 2014. A própria história da Fundação FEAC é produto de uma iniciativa que resultou no empreendimento do projeto que criou a instituição, em abril de 1964. As inscrições se encerrarão em 10 de outubro. Para as modalidades regionais (House Organ, Fotojornalismo, Mídia Impressa, Cinegrafista, Rádio e TV) os prêmios serão de R$4 mil a cada categoria. Os vencedores destas concorrem ao Grande Prêmio FEAC – Iguatemi – Unimed Campinas no valor de R$6 mil. Para a categoria nacional Jornalismo On-line o prêmio é de R$5mil. “Este tema é fundamental, pois expõe a importância das iniciativas privadas e suas responsabilidades na relação com a comunidade em que estão inseridas. A FEAC está de parabéns”, enfatizou o jornalista da TV Bandeirantes, Rodrigo Salomon. As inscrições devem ser feitas pela web no Hotsite www.feac.org.br/premio A lista dos 21 finalistas será divulgada em 25 de novembro e os sete ganhadores, bem como o vencedor do Grande Prêmio, serão conhecidos na cerimônia de entrega do 17º Prêmio FEAC de Jornalismo, em 04 de dezembro. Mais informações, regulamento e inscrições em www.feac.org.br/premio Ricardo Lima

Tiago Gonçalves e Flavio Botelho, campeões recentes do Prêmio FEAC de Jornalismo

12


Jornal FEAC - Ano 20 • nº 96 • Junho • 2014