__MAIN_TEXT__

Page 1

Fundação Dionísio Pinheiro e Alice Cardoso Pinheiro Espaço Ágora

28 de Novembro de 2015 a 16 de Janeiro de 2016


Ficha Técnica: Edição: Fundação Dionísio Pinheiro e Alice Cardoso Pinheiro / António Santos Design: Fundação Dionísio Pinheiro e Alice Cardoso Pinheiro / António Santos

Fotografias das obras: Teresa Ricca Textos: Vieira Duque, Domingos Júnior e Teresa Ricca Curadoria: Vieira Duque e Olga Santos Galeria

Parceria


Depus a máscara e vi-me ao espelho. Era a criança de há quantos anos. Não tinha mudado nada... É essa a vantagem de saber tirar a máscara. É-se sempre a criança, O passado que foi A criança. Depus a máscara, e tornei a pô-la. Assim é melhor, Assim sem a máscara. E volto à personalidade como a um términus de linha. Álvaro de Campos, in Poemas

Máscaras sobre xisto ou xisto sob máscaras? Máscaras ou xisto? - Arte! Porque, simplesmente, comunicam com o que fomos, somos ou seremos: representações de um real cénico que por sob nós existe, para o possível diálogo de um sobre nós! Vieira Duque


A exposição “PERSONAGENS” de Teresa Ricca, pinturas sobre xistos inspiradas nas máscaras e pinturas faciais do mundo, é o resultado duma procura técnica e formal iniciada há cerca de cinco anos. Uma oportunidade de “visitar” os caretos transmontanos, deu a Teresa Ricca a ideia de realizar um trabalho de pesquisa que se alargou às máscaras de todo o mundo e de todas as épocas, e que foi o mote para esta exposição. Na exposição “PERSONAGENS” apresentam-se cerca de quatro dezenas de trabalhos onde se cruzam livremente as inspirações das máscaras, sem distinção de origem ou de época, com as cores alegres e vibrantes do Minho. Teresa Ricca é natural de Braga e dedica-se à pintura desde há muito, mas só desde 2009, ao ser convidada para participar na bienal d´ArtVez, nos Arcos de Valdevez, quebrou este ciclo de isolamento e começou a tornar público o seu trabalho, quer de pintura quer de fotografia. Com esta exposição, a terceira individual, Teresa Ricca demonstra a sua capacidade de ser inovadora e original, sem contudo deixar de ter uma forte raiz nas suas origens, bem como nas técnicas e valores tradicionais da arte.

“PERSONAGENS” (que se escondem por muito se mostrarem).


O trabalho da Teresa é muito como ela própria. O que se espera de cada artista é que nos revele o seu universo próprio. A Teresa Fá-lo sem qualquer tipo de censura. Quando se “atira” a um trabalho fá-lo com o entusiasmo de uma criança e com o prazer com que elas brincam. A teresa é uma autodidacta que gostaria de ter uma formação artística académica para poder estar mais certa do que faz. Claro que se assim fosse talvez já não fizesse o que agora faz e bem. Procura na praia pedras que lhe sugiram personagens. Personagens que não sofrem na cara a censura que a socialização a todos nos sujeita. “Quando olhamos as pinturas feitas nestas pedras, depois de integradas em caixas negras, ganham vida” diz a Teresa. De facto, assim é. Estas caras, estas personagens falam-nos de emoções, trejeitos, tipos que encontramos ao longo da vida. São pedras que ditam à Teresa quem são. E a Teresa apenas as trás à vida. Com cores carnavalescas, violentas de luz, e cheias de contrastes. O negro e o vermelho entram sempre. Ou não fosse próprio de todos nós a fixação por algumas cores. Contudo, depois, invocam todas as outras sem qualquer tipo de avareza. São máscaras que aqui assumem o seu universo. Não escondem a identidade de quem as usa mas antes revela-a. São personagens dum mundo que a Teresa parece querer mostrar na sua multiplicidade e riqueza. Pedras, pesadas, difíceis de transportar e incómodas para trabalhar, tornam-se em personagens vivas que nos confrontam quase como espelhos múltiplos de todos nós. A Teresa parece querer construir com a sua artesania esse truque de magia que Miguel Torga consegue quando nos faz ter “o sorriso das pedras”. Também ela faz as pedras incorporarem-se tanto em nós, falando-nos como lhe falaram a ela, desde o primeiro encontro na praia. O nosso Pessoa queria guardar as pedras todas do caminho para um dia construir um castelo. A Teresa apanha-as todas para encher o reino de personagens. Carregar as pedras, lavar as pedras, pintar as pedras, para lhes dar vida é tarefa que no dizer da Teresa lhe dá imenso prazer. Espero que quem as veja tenha o mesmo prazer. E, Teresa não te esqueças de não deixares de te divertires. 19/07/2015 Domingos Júnior (arquitecto)


Personagem 33, 2015 (4 figuras) Acrílico s/ xisto 420x920 c/ caixilho Valor comercial: €820,00

Personagem 35, 2015 (4 figuras) Acrílico s/ xisto 420x920 c/ caixilho Valor comercial: €820,00

Personagem 34, 2015 (4 figuras) Acrílico s/ xisto 420x920 c/ caixilho Valor comercial: €820,00


Personagem 25, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 27, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 17, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00


Personagem 13, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 14, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 16, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00


Personagem 12, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 21, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 31, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00


Personagem 36, 2015 Acrílico s/ xisto 620x370 c/ caixilho Valor comercial: €750,00

Personagem 38, 2015 Acrílico s/ xisto 620x370 c/ caixilho Valor comercial: €750,00

Personagem 39, 2015 Acrílico s/ xisto 620x370 c/ caixilho Valor comercial: €750,00


Personagem 37, 2015 Acrílico s/ xisto 620x370 c/ caixilho Valor comercial: €750,00

Personagem 19, 2015 Acrílico s/ xisto 720x420 c/ caixilho Valor comercial: €820,00

Personagem 18, 2015 Acrílico s/ xisto 720x420 c/ caixilho Valor comercial: €820,00


Personagem 20, 2015 Acrílico s/ xisto 720x420 c/ caixilho Valor comercial: €820,00

Personagem 10, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 04, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00


Personagem 22, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 03, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 11, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00


Personagem 23, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 24, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 32, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00


Personagem 07, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 30, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 01, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00


Personagem 08, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 28, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 05, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00


Personagem 02, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 09, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 26, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00


Personagem 15, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 29, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00

Personagem 06, 2015 Acrílico s/ xisto 420x420 c/ caixilho Valor comercial: €660,00


A vida de Teresa Ricca começou em Braga nos anos sessenta. A formação artística, pouco depois, no curso de “Desenho têxtil e arte dos tecidos” na Escola Carlos Amarante. A actividade criativa tornou-se imperiosa e leva-a, eleger as tintas e os pincéis, e mais tarde a máquina fotográfica, como canais privilegiados para o seu trabalho. A dominante comum a todo o seu percurso está na constante procura de formas e recursos técnicos. Durante muitos anos, o seu trabalho fechava-se em espaços particulares, mas desde 2009 com o primeiro convite para integrar a bienal d’ArtVez que se tem apresentado de forma regular em espaços públicos, quer por participar em iniciativas colectivas quer com exposições individuais tanto de pintura como de fotografia. 2009 – Artista convidada para a Bienal “d’art Vez” (ainda sob o nome Maria Teresa Silva). 2011 – Participação na Exposição colectiva de fotografia “Movimento”, na galeria Queiroza / Bar Vintage - Arcos de Valdevez. 2011 – Exposição individual de Fotografia “Para além dos limites” na galeria da Junta de Freguesia da Sé – Braga. 2011 – Artista convidada para a Bienal “d’art Vez”. 2012 – Integrou o projecto “Braga on the roof”. Exposição colectiva na Galeria do Hotel Turismo / Mercure – Braga.

2013 – Exposição individual de Pintura “Emoções a óleo”, na Galeria do Restaurante Vindouro – Lamego. 2013 – Artista convidada para a Bienal “d’art Vez”. 2014 – Artista convidada para integrar o projecto “Porto on the roof”. Exposição colectiva de fotografia na Galeria Diagonal – Vila Nova de Gaia. 2015 – Distinguida com Menção Honrosa no Concurso de Fotografia “Semana Santa, Braga”. 2015 – Artista convidada para integrar a Exposição Colectiva de fotografia “Olhar a Arquitectura” – Galeria Olga Santos, Porto. 2015 - Artista convidada para a exposição colectiva “Água e Fontes Naturais” – Agosto, Termas da Curia, Anadia 2015 – Exposição individual “PERSONAGENS” (pintura sobre xisto) - Setembro/Outubro no Museu D. Diogo de Sousa, Braga. (https://sites.google.com/site/personagensdeteresaricca/) 2015 – Participação no “Vera World Fine Art Festival” integrando o grupo de artistas representados pela Olga Santos Galeria- Cordoaria Nacional, Lisboa. 2015- Participação no “5º salão internacional de arte em pequeno formato 20x20” organizado pela Associação da Amizade e das Artes Galego Portuguesa, integrando o grupo de artistas representados pela Olga Santos Galeria – Figueira da Foz 2015 – Artista convidada para a Bienal “d’art Vez”.


Praça Dr. António Breda, 4 3750-106 Águeda Tel.: 234 623 720 Tlm.: 913 333 000 www.fundacaodionisiopinheiro.pt

Personagens, Teresa Ricca  

Exposição temporária de pintura sobre xisto inspirada em máscaras e pinturas faciais do Mundo, na Fundação Dionísio Pinheiro e Alice Cardoso...

Personagens, Teresa Ricca  

Exposição temporária de pintura sobre xisto inspirada em máscaras e pinturas faciais do Mundo, na Fundação Dionísio Pinheiro e Alice Cardoso...

Advertisement