a product message image
{' '} {' '}
Limited time offer
SAVE % on your upgrade

Page 1

. Março | 2019 . Nº 22 .

IN F O R M A T IV O FUNDAÇÃO CDL PRÓ-CRIANÇA LEVA EX-APRENDIZ DO PET À ASSEMBLEIA DA JUVENTUDE DA ONU, EM NOVA IORQUE A ex-aprendiz Estefânia Bárbara de Oliveira foi uma dentre os 23 brasileiros selecionados para participar do evento ao lado de jovens do mundo inteiro Por Andressa Guimarães Estefânia Bárbara de Oliveira, jovem de 22 anos, foi aprendiz do Programa Educação & Trabalho (PET) no período de outubro de 2012 a setembro de 2013. Atualmente, ela é estudante de Engenharia de Produção Civil no CEFET/MG e foi uma das selecionadas para representar o Brasil na 23ª Assembleia da Juventude da Organização das Nações Unidas (ONU), evento realizado de 14 a 18 de fevereiro, na cidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos. Desde 2002, a Friendship Ambassadors Foundation (FAF) organiza, com apoio da ONU, a Assembleia da Juventude, uma plataforma criada para elevar as vozes de jovens de todo o mundo em diálogos internacionais sobre os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, que devem ser implementados por todos os países do mundo até 2030. Durante o evento, esses jovens de diversos países participam de painéis e workshops conduzidos por profissionais internacionais representantes da ONU, do governo, da academia, do setor privado e social, com o objetivo de convidar os jovens a interagir, compartilhando a realidade de seus respectivos países, expondo problemas, soluções e principalmente, ideias para resolver os maiores desafios do planeta. Confira o relato de Estefânia sobre como o PET promoveu, em sua vida, a transformação de vulnerabilidade em protagonismo e a ajudou a chegar aonde chegou: a Nova Iorque. Além disso, ela conta ainda como foi a experiência de participar de um evento da ONU, oportunidade essa concedida pela Fundação CDL Pró-Criança. “Conheci a Fundação CDL por intermédio da minha irmã, que foi jovem aprendiz do Programa Educação &Trabalho (PET). Por indicação dela, me inscrevi no Programa e logo me tornei aprendiz. Consegui meu primeiro emprego e adquiri inúmeras experiências e aprendizados que foram imprescindíveis para que eu chegasse aonde já cheguei. Eles despertaram em mim o desejo de fazer a diferença na minha geração. Sempre estudei em escola pública e desde bem jovem tento trilhar meu caminho em busca do conhecimento. Depois de concluir o Ensino Médio, foi com muito esforço que fui recompensada com uma bolsa integral no Centro Federal de EducaçãoTecnológica de Minas Gerais (CEFET-MG), onde atualmente estudo Engenharia de Produção Civil e, na faculdade, eu fui uma dentre os 12 jovens brasileiros selecionados para participarem do programa LinkedIn Campus Editor. O programa, voltado para estudantes universitários de graduação, tem como objetivo estimular publicações na rede social e transformar alunos em embaixadores do LinkedIn.


. Março | 2019 . Nº 22 .

No final de 2018, fui selecionada para fazer parte da delegação brasileira na 23ª Edição da Assembleia da Juventude, evento promovido pela Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova Iorque (EUA). Porém, eu e minha família não tínhamos condições de arcar com os custos da viagem e eu prontamente me lembrei da Fundação CDL Pró-Criança, que tanto já havia me ajudado e contribuído para mudar a minha vida. Assim, por meio do patrocínio da Fundação CDL, que arcou com os custos com passagens e hospedagem, eu tive essa oportunidade maravilhosa de participar de uma das maiores reuniões de jovens de todo o mundo. Nessa edição, foram representados 93 países e nós nos reunimos para entender e discutir os diferentes problemas que são enfrentados em todo o mundo. Além disso, esse momento me proporcionou um contato com jovens de inúmeros países e diversas culturas, jovens esses que, assim como eu, estão buscando encontrar soluções e entenderam que, para a mudança acontecer, é necessário começarmos onde estamos. Representar o meu país e a Fundação CDL na ONU, e em uma das cidades mais importantes do mundo, foi uma grande honra para mim. Algo realmente inesquecível em minha vida”.

FEIRA EMPRESARIAL No dia 26 de março, 40 alunos do Módulo Introdutório do turno da tarde realizaram uma “Feira Empresarial” com o objetivo de apresentar as empresas fictícias que foram desenvolvidas durante módulo. A sala foi dividida em equipes, sendo que cada uma ficou responsável pela criação e elaboração de uma instituição seguindo os seguintes critérios pré-estabelecidos: nome, missão, visão, valores, logo, slogan, ramo de atuação (vestuário, alimentício, animal, automotivo e saúde), perfil dos colaboradores de acordo com área de atuação, manual de bom atendimento e plano ético. Essa atividade teve o intuito de demonstrar aos aprendizes a importância da qualidade no atendimento, dos produtos e serviços oferecidos e de um plano de ação bem estruturado para o reconhecimento das empresas em um mercado cada vez mais exigente e competitivo.

INTRODUTÓRIO


. Março | 2019 . Nº 22 .

“EU, CONSUMIDOR” INTRODUTÓRIO

MOSTRA DE PROFISSÕES

Durante o mês de março, os aprendizes do Módulo Introdutório do turno da manhã organizaram uma Mostra de Profissões. Os jovens se dividiram em trios para pesquisar sobre as profissões escolhidas, sendo algumas delas: Medicina Veterinária, Gastronomia, Carreira Militar, Arqueologia, Biologia e Engenharias. A pesquisa foi direcionada não só para a prática das profissões, mas principalmente para os valores, a ética profissional, a importância de seguir regras e de trabalhar em equipe, com intuito de levalos a refletir acerca dessas perspectivas. Os educadores da Fundação CDL Pró-Criança foram convidados a assistir as apresentações, realizadas por meio de teatros e dinâmicas. Após as apresentações, os educadores deram seus pareceres sobre cada equipe, observando oratória, postura, organização, conteúdo e recursos utilizados, orientando-os sobre o uso dessas competências para o desenvolvimento profissional.

FEIRA DE TROCAS No módulo “Eu, Consumidor”, as principais temáticas trabalhadas com os aprendizes foram a importância do consumo consciente e sustentabilidade. Neste sentido, os jovens foram convidados a refletir sobre como diferenciar os gastos essenciais dos gastos supérfluos, descarte correto do lixo e quais as possíveis formas de reaproveitamento de objetos e produtos que não utilizam mais. Para elucidar o tema, os aprendizes realizaram uma feira de troca, para a qual foram trazidos diversos produtos como roupas, bijuterias e produtos de beleza para serem doados ou trocados entre eles. O objetivo da feira foi de conscientizar os jovens a um consumo mais responsável, tornando-os mais conscientes quanto aos seus deveres de consumidor, bem como quanto à importância da sua colaboração na construção de valores mais humanistas e menos consumistas.


. Março | 2019 . Nº 22 .

“EU, CONSUMIDOR”

CONSUMIDOR CIDADÃO No módulo “Eu, Consumidor” os aprendizes foram convidados a refletirem sobre vários aspectos que influenciam na vida pessoal e profissional, tais como: direito do consumidor, práticas de sustentabilidade, obsolescência programada, descarte responsável, entre outros. Outro viés discutido diz respeito aos deveres dos cidadãos, lembrando que estes precisam ter consciência da importância de cobrar com seriedade o cumprimento da legislação referente ao consumo e gastos dos setores públicos. Para ilustrar os temas tratados, nos dias 19 e 22 de março, 80 aprendizes desenvolveram uma atividade com o objetivo de criar projetos de leis com temas relevantes para os consumidores. Os aprendizes receberam algumas leis para analisarem e, após a fase da análise, criaram ementas com foco em fiscalização, captação de recursos e direito do consumidor. Os projetos foram apresentados para os demais colegas de sala, gerando debates e compartilhamento de ideias.

CARTILHA: CONSUMO CONSCIENTE

No dia 22 de março, cerca de 40 aprendizes desenvolveram uma atividade sobre a importância do uso consciente do dinheiro. Na ocasião, os jovens tiveram a oportunidade de montar e apresentar uma cartilha com foco em como obter o controle dos gastos pessoais, evitando dessa forma práticas consumistas. Além disso, eles descreveram a importância de se fazer uma poupança para emergência e/ou projetos futuros, apontando diversas forma de economizar e gerenciar o próprio dinheiro, e contaram suas próprias experiências. Os aprendizes compreenderam a importância de saber consumir e obter o controle sobre o dinheiro, além de tornar mais eficaz o seu desempenho nas atividades diárias pertinentes às demandas financeiras, contribuindo significativamente para a sua formação profissional, aumentando assim as suas oportunidades no mercado de trabalho.


. Março | 2019 . Nº 22 .

“MATEMÁTICA” “EU, CONSUMIDOR”

RODAS DE CONVERSA: CONSUMO X CONSUMISMO

HABILIDADES PARA O SUCESSO

Durante o mês de março, no módulo “Eu, Consumidor”, os aprendizes puderam conhecer um pouco mais sobre seus direitos e deveres, conscientização do consumo, história da sociedade consumista, código de defesa do consumidor, etc. Foram realizadas diversas rodas de conversa para expor conteúdos e entender o consumismo entre os jovens, realizando atividades com situações problema, nas quais tiveram que pesquisar de acordo com o código de defesa do consumidor qual seria a melhor atitude a ser tomada diante das questões apresentadas. Tais atividades proporcionaram aos jovens maior entendimento e autonomia para resolução de assuntos que podem surgir no cotidiano e que possuem relação com suas atividades profissionais.

Durante o mês de março, os aprendizes das turmas de 6 horas cumpriram o Módulo de Matemática, cujo objetivo é preparar os jovens para as diversas atividades desenvolvidas nas empresas que envolvam diretamente o conhecimento matemático. Dentre os conteúdos trabalhados durante o Módulo estavam porcentagem, raciocínio lógico, regra de três simples e composta, entre outros. Para potencializar o aprendizado, eles participaram de 'Oficinas de Jogos' em que puderam desenvolver técnicas de raciocínio, paciência, regras e concentração, habilidades essenciais para o sucesso profissional. Essas atividades proporcionam aos jovens um aumento de sua capacidade de resolução de problemas diários, mesmo os que não envolvam a matemática, pois acabam trabalhando sua persistência e determinação. A matemática, muitas vezes considerada complicada, foi tratada com leveza, sendo demonstrada de forma prática, objetiva e dinâmica, tornando os conceitos aplicáveis na resolução de problemas presentes na rotina das empresas.


. Março | 2019 . Nº 22 .

“MUNDO JOVEM III”

VOLUNTARIADO: ABRIGO ANITA GOMES DOS SANTOS

No dia 26 de março, cerca de 32 aprendizes do Módulo Mundo Jovem III realizaram uma ação voluntária no abrigo Anita Gomes dos Santos, que acolhe homens que estavam vivendo em situação de rua. O abrigo oferece um serviço de abrangência municipal, com capacidade de atendimento a 400 pessoas por noite, fornecendo ao usuário proteção socioassistencial, acolhimento imediato e emergencial, serviços de alimentação (jantar e café da manhã para todos e almoço para migrantes), dormitório, espaço para higiene pessoal, guarda-volumes, lavanderia e espaço de convivência social. No primeiro momento, os jovens apresentaram a Fundação CDL aos moradores e, posteriormente, entenderam como o trabalho dentro do abrigo é desenvolvido. Em seguida, os jovens fizeram uma dinâmica vinculada a um momento de reflexão, na qual cada participante falava das coisas que gostavam ou não de fazer em seu cotidiano, pensando no sentido que é colocado em cada experiência e dando-lhe o seu devido valor. Houve um momento de interação e, em seguida, os jovens presentearam cada participante com um cartão de mensagem e uma caneta. Além disso, eles falaram sobre o quanto é importante cada morador acreditar em suas conquistas e aproveitar a oportunidade de estar em um abrigo, para conseguir escrever uma nova história, pensando nos erros e acertos que os levaram até ali.

PALESTRA PARA O INTRODUTÓRIO Durante o mês de março, 13 aprendizes do Módulo Mundo Jovem III, que estão em fase de encerramento de seus contratos como aprendizes, realizaram uma apresentação para os alunos do Módulo Introdutório (que estão iniciando seu contrato). Esta apresentação contou com dicas de bom comportamento nas empresas, aprendizados, crescimento e planos para o futuro. Ao compartilharem suas experiências, os jovens trouxeram um novo olhar sobre o programa de aprendizagem e o conhecimento prático desenvolvido nas diversas empresas. A apresentação contribuiu para que os novos aprendizes se sintam mais esperançosos e determinados a realizarem um bom trabalho; e, para os que estão saindo, a sensação que fica é a de dever cumprido.


. Março | 2019 . Nº 22 .

UNIDADE MURIAÉ/MG TROCA DE EXPERIÊNCIAS SOBRE ATUAÇÃO NAS EMPRESAS PARCEIRAS Durante o mês de março os aprendizes da unidade do PET em Muriaé/MG desenvolveram conhecimentos específicos nas áreas Administrativa, Logística, Comércio e Serviço. Por meio de uma roda de conversa, os jovens puderam compartilhar suas experiências dentro das empresas e perceberam que embora, os cargos que ocupam tenham a mesma nomenclatura, na maioria das vezes as atividades desenvolvidas são muito diferentes, o que torna cada aprendizagem uma grande oportunidade de desenvolvimento profissional. Uma das atividades propostas aos aprendizes foi a criação de uma empresa fictícia, cujo objetivo era criar um cronograma envolvendo suas próprias práticas e experiências nas empresas onde atuam, tendo como base o currículo de aprendizagem do Programa de Educação e Trabalho (PET). A segunda etapa dessa mesma atividade consistiu na criação da planta da empresa mostrando as divisões e os setores, por meio da qual puderam refletir e posteriormente discutir sobre a dimensão e influência que a otimização do espaço pode exercer no bom funcionamento das instituições.

COMBATE AO TRABALHO INFANTIL

Os aprendizes do PET na cidade de Muriaé/MG e os colaboradores da Fundação CDL Pró-Criança da unidade participaram, no dia 4 de abril, do Seminário Municipal das Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI). O evento, promovido com o apoio da Prefeitura de Muriaé e a Secretaria do Desenvolvimento Social, teve como objetivo conscientizar a comunidade a respeito do trabalho infantil. Além de diálogos para fortalecer a Rede Intersetorial, a Rede de Cooperação e o Desenvolvimento Social, a solenidade contou com a participação do secretário Municipal de Desenvolvimento Social de Pedro Leopoldo, Regis Spíndola, que falou sobre “o trabalho infantil e a integralidade de proteção do Sistema Único de Assistência Social (SUAS)” e também da procuradora do Ministério do Trabalho, Luciana Coutinho, abordando sobre a atuação do Ministério Público na identificação do trabalho infantil. Instituições como o CREAS e o CRAS também marcaram presença na cerimônia com apresentações cênicas, encenadas por crianças do CADúnico regional. Vários aprendizes do PET tiraram dúvidas, fizeram perguntas e participaram efetivamente das palestras e dos momentos culturais. Isso contribuiu para expandir o arcabouço de informações a respeito da Lei da Aprendizagem e, também, para o desenvolvimento de competências relacionadas ao tema do Seminário.


. Março | 2019 . Nº 22 .

ATIVIDADES INTERDISCIPLINARES UNIDADE MURIAÉ/MG

ESPETÁCULO COM CLÁUDIA ABREU E LEANDRA

PROJETO MINIEMPRESA No dia 25 de março, os aprendizes do Módulo Específico I da Unidade de Muriaé/MG desenvolveram o projeto Miniempresa, com o objetivo de estruturar uma empresa com foco nos setores em que os jovens realizam a aprendizagem prática. O projeto contribuiu para que cada um pudesse compreender melhor as atividades realizadas nas empresas, bem como a importância de cada uma delas, além de entender melhor como suas próprias funções (Auxiliar Administrativo, Comércio e Serviço e Logística/Almoxarifado) contribuem para o bom funcionamento das instituições.

Por meio de parceria firmada com a empresa Rubim Produções, produtora cultural do projeto ''Teatro em Movimento'', a Fundação CDL Pró-Criança ganhou 40 cortesias para o espetáculo ‘Pi - Panorâmica Insana’, exibido no dia 23 de março, no SESC Palladium. As cortesias foram distribuídas para oito aprendizes do Programa Educação & Trabalho (PET), que puderam levar, cada um, um acompanhante, e para as instituições de acolhimento Casa Esperança I e Casa Bem Te Vi (Ijuci), parceiras da Fundação, que levaram os adolescentes acolhidos ao teatro. Com o elenco formado por Cláudia Abreu, Leandra Leal, Luiz Henrique Nogueira e Rodrigo Pandolfo, a peça traça um retrato dos tempos atuais. A peça discorre sobre civilização, sexualidade, política, violência, nação, miséria, riqueza, consumo desenfreado, gênero e desejo. O projeto, inicialmente, teria como foco os “excluídos sociais”, mas posteriormente a temática foi ampliada, na busca de traçar um painel ilimitado de temas que afetam as condições de vida da humanidade. O espetáculo exibe um grande panorama sobre o indivíduo e questiona a viabilidade do mundo atual. São feitos questionamentos se as atitudes da humanidade produzirão um futuro apocalíptico ou se ainda é possível corrigir uma série de problemas estruturais que estão dizimando o planeta.


. Março | 2019 . Nº 22 .

APRENDIZES CONTRATADOS

“Quero agradecer a todos da Fundação, aos psicólogos, professores, por me proporcionar um ano maravilhoso nos aspecto profissional e também pessoal, por incentivarem os aprendizes a serem, além de tudo, pessoas mais conscientes e melhores. Agradeço pela rica oportunidade que me foi dada.” A aprendiz Ana Caroline de Oliveira foi contratada pela empresa atual como Operadora de Caixa em 05/04/2019.

Além disso, outros 11 aprendizes foram contratados em Fevereiro: Ÿ Ÿ Ÿ Ÿ Ÿ Ÿ

Leandro Luiz da Silva Modesto Maria Clara Ribeiro Alves Dayane Lima Andrade Fernanda Gonçalves Batista Marcos Vinicius Chaga Moura Leticia Teixeira de Barros

Ÿ Ÿ Ÿ Ÿ Ÿ

Davila Stefany Gomes Sanches Victor Hugo Soares Cruz Sarah Barbosa Reis Gabriel Isaque Gonçalves Mendonça Geovana Heler da Silva Benicio

AJUDE A MELHORAR A VIDA DE MILHARES DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES:

APOIE OS PROJETOS SOCIAIS DA FUNDAÇÃO CDL PRÓ-CRIANÇA! FAÇA SUA DOAÇÃO:

SEJA VOLUNTÁRIO:

Banco do Brasil

Caixa Econômica Federal

Agência 3494-0 | Conta 4639-6

Agência 0094 | Conta 501.875-4 | Operação 003

Envie um e-mail para marianne.policarpo@fundacaocdl-bh.org.br

Av. João Pinheiro, 495 / 7º andar - Funcionários F-Cdl Pró-Criança

@fcdlprocrianca

(31)

3249-1791

@FundacaoCDLBH

(31) 97362-1338

company/fundação-cdl-pró-criança

www.fundacaocdlbh.org.br Fundação CDL Pró-Criança

Profile for Fundação CDL Pró-Criança

Informativo PET - Março / 2019  

Informativo PET - Março / 2019

Informativo PET - Março / 2019  

Informativo PET - Março / 2019

Advertisement