Page 1

. Abril | 2018 . Nº 12

IN F O R M A T IV O MÓDULO INTRODUTÓRIO

OFICINA DO CONHECIMENTO

ENFRETAMENTO DO GENOCÍDIO DA POPULAÇÃO JOVEM POBRE E NEGRA No dia 6 de abril, os 17 aprendizes que iniciaram o contrato nesse mês participaram da 'Conferência Livre: enfretamento do genocídio da população jovem pobre e negra' realizada no Centro de Referência da Juventude de Belo Horizonte. Diante do atual cenário da violência no Brasil, é de grande importância a discussão sobre o tema violência e seus personagens, sobre tudo os jovens. Durante o evento, os jovens tiveram oportunidade de refletir sobre a temática e ampliar a maneira de pensar sobre os assuntos discutidos.

Nos dias 26 e 27 de abril, 56 aprendizes do Módulo Introdutório I e II realizaram a “Oficina do Conhecimento”. O objetivo da oficina foi o compartilhamento dos conhecimentos adquiridos pelos jovens durante todo o Módulo. Os alunos realizaram atividades em grupos, jogos, discussões e dinâmicas que elucidavam as temáticas: trabalho em equipe, autoconhecimento, ética, marketing pessoal e autodesenvolvimento, mostrando a importância de cada tema para se tornar um profissional reconhecido no mercado de trabalho.

DEPOIMENTO - MÓDULO DE LOGÍSTICA “Resumindo brevemente tudo que aprendemos sobre Logística nos módulos I e II, podemos dizer que conhecemos um pouco da história dessa área de conhecimento, suas transformações e reversões. Na década de 50, o uso da Logística ainda era restrito nas empresas, mas a crise mundial da década de 1970, ocorrida por conta do petróleo, mudou esse cenário. Surgiu, então, uma adaptação dos conceitos da logística militar, tendo sido criadas novas técnicas e métodos para manutenção e conquista de novos mercados. Posteriormente, surgiu o marketing, que se tornou então o berço da logística empresarial. A logística trata de transporte de mercadorias, muitas destas mercadorias ou possuem defeitos ou precisam de um reposicionamento de resíduos. Exemplos: modalidades diferentes de tipos de logística reversa, sobra de resíduos, reparo de produtos defeituosos, transporte e reciclagem ou aproveitamento destes produtos. Por meio das aulas teóricas, nossa turma teve oportunidade de desenvolver algumas habilidades, como resolver conflitos operacionais, enfrentar imprevistos, ter melhor organização, agilidade, trabalhar em equipe e ser proativo. Agradecemos nosso educador Thiago Felix por sua dedicação, paciência e comprometimento com a turma”. Aprendizes: Luiza Vieira, Daianny Antunes, Taline Almeida, Ivan Augusto, Gustavo Gabriel, Lucas Alves.


. Abril | 2018 . Nº 12 .

MÓDULO ESPECÍFICO II

TEATRO E MÚSICA COMO FERRAMENTAS DE ESTUDOS SOBRE ADMINISTRAÇÃO Aprendizes contratados como Auxiliar Administrativo realizaram apresentações de teatro, paródia e música relacionados aos temas que foram apresentados no decorrer do mês. Dentre os trabalhos realizados, destacam-se as apresentações de: ŸTeatro mudo com o tema “desafios e estratégias

para tornar o trabalho mais eficiente”, no qual foi mostrada a dificuldade que os colaboradores tinham para realizar tarefas simples. Com a ajuda de um gestor representante, foram trazidas inovações como: computador, calculadora, martelo, etc., para auxiliar no desempenho de cada um. ŸApresentação musical em ritmo de rap na qual ressaltou-se a relação da política com as práticas e costumes do próprio cotidiano na empresa. ŸTeatro do gênero comédia retratando a gestão de qualidade e dando ênfase nos problemas organizacionais. ŸParódias musicais foram realizadas com objetivo de conscientizar os funcionários a se tornarem os gestores do próprio tempo, visando agilidade e cumprimento do prazo; destacar a importância do comprometimento com o trabalho, de maneira ágil e com resultados positivos; mostrar as atitudes corretas no ambiente de trabalho evidenciando maneiras de organização e administração.

HABILIDADES EM UM PROCESSO SELETIVO Para trabalhar as habilidades necessárias durante um processo seletivo, 60 aprendizes participaram da dinâmica “Liderança e trabalho de equipe em Barcos de Papel”. A atividade consistiu na construção de barquinhos de papel sem o estabelecimento prévio critérios específicos, de modo a deixar os candidatos trabalharem a criatividade. Os resultados obtidos foram alguns barcos simples, outros mais ousados, e ainda a elaboração de um jogo de batalha naval. A proposta, além do aprendizado, permitiu a formação de equipes e o trabalho coletivo.

MÓDULO INFORMÁTICA Durante todo o mês abril, 74 aprendizes realizaram aulas práticas de informática no laboratório da Faculdade UNOPAR. Dentre os conteúdos desenvolvidos, destacam-se a utilização do Word, Excel, Point Point, internet, visando um melhor aproveitamento de suas ferramentas para facilitar o dia a dia na empresa. Também foram abordadas questões como a utilização de redes sociais no ambiente corporativo, a correta utilização do e-mail profissional e a confecção de currículos.


. Abril | 2018 . Nº 12 .

MUNDO JOVEM III

AÇÃO VOLUNTÁRIA NO INSTITUTO GERIÁTRICO AFONSO PENA

No dia 25 de abril, 30 aprendizes em fase de conclusão do curso realizaram atividade voluntária no Instituto Geriátrico Afonso Pena (IGAP), instituição de longa permanência para idosos que atende, atualmente, 40 residentes. Os jovens proporcionaram diversas oficinas, como spa das mãos, maquiagem e cuidados com a pele, jogo de baralho e um bingo no qual os idosos ganharam diversos prêmios. Os aprendizes levaram como doação para o Instituto: latas de Mucilon, maisena, fubá e produtos de higiene pessoal. O objetivo desta atividade foi permitir aos envolvidos um momento afetivo, percebendo os desafios que outras pessoas enfrentam no seu dia a dia.

AÇÃO VOLUNTÁRIA - “ABRIL AMARELO: ATENÇÃO PELA VIDA” No dia 27 de abril, 20 jovens do módulo Mundo Jovem III vivenciaram a campanha “Abril Amarelo: Atenção pela Vida”, que tem por objetivo combater a violência no trânsito e a prevenção de acidentes. Os aprendizes fizeram uma intervenção urbana na Praça da Liberdade, distribuindo mensagens de conscientização sobre os impactos negativos da violência no trânsito e sobre a prevenção de acidentes por meio de ações mais conscientes, tolerantes e humanas. O resultado foi gratificante para os jovens, pois além de serem bem recebidos pelas pessoas que passavam pelo local, conseguiram perceber como as pequenas ações podem contribuir efetivamente para tornar o mundo um lugar melhor para todos.

MÓDULO SAÚDE OCUPACIONAL - UNIDADE MURIAÉ

APRENDIZES APRENDEM SOBRE SEGURANÇA NO TRABALHO Durante o mês de abril, os aprendizes da Fundação CDL – Unidade Muriaé cursaram o módulo “Saúde Ocupacional”. Por meio de atividades como elaboração de mapa de risco, prática de ginástica laboral, estudo sobre as normas regulamentadoras, CIPA, dentre outras, os jovens tiveram a oportunidade de entender o tema e perceber que, além do aspecto legal, um ambiente de trabalho seguro e saudável é imprescindível para a produtividade, saúde e bem estar dos colaboradores de uma empresa.


. Abril | 2018 . Nº 12 .

ATIVIDADES INTERDISCIPLINARES

APRENDIZES PARTICIPAM DE CICLO DE PALESTRAS GRATUITAS SOBRE EMPREENDEDORISMO Por meio da parceria entre a Fundação CDL Pró-Criança e a Junior Achievement, aproximadamente mil aprendizes tiveram oportunidade de participar, durante todo o mês de abril, do ciclo de palestras do Projeto CONECTA. Com base em três pilares – Conexão, Inspiração e Transformação – os palestrantes demonstraram que o empreendedorismo ultrapassa o entendimento conceitual da palavra em si. Os jovens foram incentivados a buscar o protagonismo e a determinação necessários para colocar suas próprias ideias em prática, assumindo riscos e responsabilidades por seus projetos. O Projeto é promovido pela Junior Achievement Minas Gerais (JAMG), em parceria com o Nexa Minas Gerais. A integrante do Nexa, Ana Clara Marques, conta que esse projeto é um pontapé inicial para que os mais jovens aprendam a assumir o controle de suas vidas e que empreender é muito mais que uma palavra. "Empreender é decidir realizar, é arriscar, é tentar e, principalmente, é assumir a responsabilidade pelo próprio destino. Os palestrantes são pessoas que se tornaram responsáveis por seus destinos e hoje colhem os frutos de sua coragem e determinação. A ideia é conectar a esses conceitos e objetivos o maior número de pessoas" ressalta ela.

APRENDIZES CONDUZEM DEBATE SOBRE BULLYING E CYBERBULLYING NO FECTIPA-MG No dia 25 de abril, a Fundação CDL Pró-Criança foi responsável pela apresentação do tema “Bullying e Cyberbullying” no encontro do Juventude Fectipa, que integra o Fórum de Erradicação e Combate ao Trabalho Infantil e Proteção ao Adolescente. Os debates sobre o assunto incluíram a conceituação dos termos, que se caracterizam por uma forma de violência; a reflexão sobre a gravidade das consequências do bullying e do cyberbullying tanto para as vítimas quanto para os agressores; a discussão das possíveis formas de combate a essas práticas; etc. Além disso, os condutores do evento promoveram a produção lúdica de um dominó com a temática em questão e, finalizando, as equipes formadas por todos os aprendizes das Instituições presentes apresentaram seus trabalhos. O evento foi realizado no auditório do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e contou com a participação de 70 jovens de diversas instituições de aprendizagem profissional. O Juventude Fectipa reúne representantes de diversas instituições que oferecem a aprendizagem profissional. Ao final de cada ano, é realizado um planejamento de ações para o ano seguinte e as instituições participantes assumem a responsabilidade de uma temática em um mês específico, dentro do plano. As reuniões e as apresentações acontecem na última quarta-feira de cada mês. Cada instituição tem a liberdade de trabalhar o tema da forma que julgar mais interessante: levando um palestrante, uma pessoa da própria instituição, ou, no nosso caso, os protagonistas foram e serão os jovens aprendizes que participam do Fórum.


. Abril | 2018 . Nº 12 .

ATIVIDADES INTERDISCIPLINARES

EVENTO COMEMORA O DIA DO JOVEM TRABALHADOR No dia 24 de abril, o Fórum de Combate ao Trabalho Infantil e Proteção ao Adolescente Trabalhador de Minas Gerais (FECTIPA MG), a Superintendência Regional do Trabalho em Minas Gerais e a Fundação Dom Cabral promoveram, no SESC Paladium, um evento de Mobilização pela Aprendizagem – Responsabilidade Social Corporativa. O evento comemora o Dia Internacional do Jovem Trabalhador, representado pela data de 24 de abril. Estiveram presentes aprendizes, empresas, instituições de Aprendizagem, além de autoridades do Ministério Público do Trabalho (MPT) e do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Foram discutidas questões relacionadas a legislação do aprendiz, além de relatos de experiências bem sucedidas de empresas que praticam a inclusão de aprendizes.

Para simbolizar o Dia Internacional do Jovem Trabalhador, todos os 1.311 aprendizes do Programa Educação & Trabalho (PET) foram presenteados com um cartão e um bombom. Além da lembrança, os jovens foram parabenizados pela equipe da instituição, que também reforçou a importância do trabalho de cada um nas empresas em que exercem as suas atividades práticas.

AJUDE A MELHORAR A VIDA DE MILHARES DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES:

APOIE OS PROJETOS SOCIAIS DA FUNDAÇÃO CDL PRÓ-CRIANÇA! FAÇA SUA DOAÇÃO:

SEJA VOLUNTÁRIO:

Banco do Brasil

Caixa Econômica Federal

Agência 3494-0 | Conta 4639-6

Agência 0094 | Conta 501.875-4 | Operação 003

Envie um e-mail para marianne.policarpo@fundacaocdl-bh.org.br

Av. João Pinheiro, 495 / 7º andar - Funcionários F-Cdl Pró-Criança

@fcdlprocrianca

(31)

3249-1791

@FundacaoCDLBH

(31) 97362-1338

company/fundação-cdl-pró-criança

www.fundacaocdlbh.org.br Fundação CDL Pró-Criança

Informativo PET - Abril / 2018  

Informativo PET - Abril / 2018

Informativo PET - Abril / 2018  

Informativo PET - Abril / 2018

Advertisement