Page 1

Ed. 747 - De 22/08 à 28/08/2014 - Largo da Matriz Velha, 36 - Freguesia do Ó PABX/Fax: 3931-6383 // www.freguesianews.com.br

BAIRRO EM FESTA

A Freguesia do Ó completa 434 anos neste mês, diversas atrações serão oferecidas aos moradores. A praça é sua, apareça!

A

Os eventos começam dia 30 de agosto

FOTO: GUSTAVO VILAS BOAS

F r e guesia do Ó, um dos bairros mais antigos de São Paulo, completa no dia 29 de agosto, 434 anos em grande estilo. O bairro ainda guarda várias características do século passado como árvores centenárias e construções antigas. O ponto de encontro dos festejos será no Largo da Matriz, um dos cartões postais de São Paulo. A festa comemorativa foi organizada pela Subprefeitura Freguesia/ Brasilândia, por meio da supervisão de Cultura, Casa de Cultura Salvador Ligabue e lideranças locais, ocorre neste mês, com foco para a semana de 23 de agosto a 1º de setembro. A programação traz diversas atrações especiais. Uma delas é o Encontro de Automóveis Antigos - Clube Volks Antigos, marcado para domingo dia 31 de

agosto, das 9h às 14h. Além de várias apresentações musicais dentre elas, do Grupo Sensação, das 21h às 22h no sábado, dia 30 e do Sampa Crew, no domingo, dia 31, no mesmo horário. Fazem parte das festividades: atividades culturais, físicas, esportivas, de saúde e cidadania, exibição de fil-

me histórico, além do Baile da Terceira Idade, desfile cívico, ato inter-religioso e sessão solene. No sábado e domingo, dias 30 e 31 de agosto, o público contará também com a Feira Freguesia das Artes, que traz uma série de tendas de alimentação e artesanato. Venha para o

Largo! Famílias tragam as crianças e idosos. É o momento de todos se apropriarem de novo do Largo da Matriz, aproveitando para um almoço ou uma pizza nos restaurantes locais, com comidas típicas, japonesa, nordestina, alemã e italiana, além do tradicional Frangó, entre outros.

A HORA É AGORA

Essa é uma boa hora para quem quer comprar imóveis para morar Ótimas oportunidades

Não basta ser jornal de bairro, tem que ter compromisso. ***

PARA ANUNCIAR LIGUE: 39316383

Acesse nosso site: www.freguesianews.com.br

S

e os imóveis vinham subindo bem acima da inflação nos últimos anos, agora houve uma reviravolta no mercado imobiliário. Desde março deste ano, os preços têm subido menos do que a inflação, retomando forças nas negociações com descontos. Há quase uma liquidação em curso. Há descontos de 20%, 25% e até 36% (em São Paulo) em alguns casos, isso referente a agosto do ano passado. Segundo informação do Portal G1 (Globo) um dos fatores da desaceleração é o crédito imobiliário, que caiu quase 20% no Brasil, chegou-

-se a ter juros para o financiamento imobiliário perto de 7% ao ano, 7,5%, hoje os juros estão em 9%, 9,5% na média. Além disso, com menos gente conseguindo emprego e os salários crescendo menos, o que diminui as facilidades no crédito, mas cria outras oportunidades. O professor Keyler Rocha, da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA/USP), confirmou ao portal R7 (Record) que tal situação deve à alta dos juros, que tem desestimulado o endividamento, a longo prazo, dos consumidores, que, por sua vez, estão mais

temerosos de se endividar, diminuindo o volume dos negócio e consequentemente os preços. Há um compasso de espera natural, com as eleições presidenciais à frente e aumentos previstos da gasolina e energia elétrica, diminuindo a renda de quem pensa em se endividar, por outro lado favorece quem tem dinheiro em caixa e maior capacidade de dar uma boa entrada no valor do imóvel. O citado professor diz que o cenário é favorável se for comprar imóvel para morar, mas não recomenda para revender ou alugar. Já o diretor

de Negócios Imobiliários da Aabic (Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo), Marco Dal Maso, afirma que o imóvel é um bem de investimento de retorno a médio e longo prazo e que, nessa perspectiva, não há risco de prejuízo para o comprador. O economista-chefe da Secovi-SP, Celso Petrucci, recomenda para quem pensa em comprar um imóvel, não se iluda porque daqui a um ano não vai encontrar mais barato, a não ser em casos isolados. O importante é ficar atento às ofertas e não deixe de comprar agora.

Pirituba22 08 2014  

Fique por dentro!

Pirituba22 08 2014  

Fique por dentro!

Advertisement