Issuu on Google+

obeato

oBeato distribuição gratuita . www.jf-beato.pt . cidade de lisboa



SETEMBRO’09 . Boletim Informativo da Junta de Freguesia do Beato

Esforço continuado para reabilitar prédios degradados PÁG. 8e9 Câmara apoia colectividades a pedido da Junta | PÁG. 15 Desvio de 100 mil euros na Junta: PJ conclui investigação | PÁG. 3 Um pouco por todo o lado…trabalhamos num novo Beato | PÁG. 5


Atendimento Presencial 5ªF das 17H às 19H ATENDIMENTO ONLINE via MSN Inclua nos seus contactos: presidente_junta_beato@jf-beato.pt Horário de Atendimento ONLINE 5ªF das 15H às 17H e das 19H às 20H

Hugo Xambre Pereira . Eleito pelo Partido Socialista Presidente da Junta de Freguesia do Beato EDITORIAL

SECRETÁRIO

Esclarecimento à população:

TESOUREIRO

ANA LUÍSA JERÓNIMO (PSD) PELOUROS Prevenção Primária da Toxicodependência; Iluminação Pública; Segurança; Trânsito e Rede Viária. ATENDIMENTO (com marcação prévia) 4F das 18h às 19h

VOGAL

ANA MIRA FEIO (PS) PELOUROS Finanças e Orçamento; Cultura; Actividades Económicas. ATENDIMENTO (com marcação prévia) 2F das 19h às 20h

ANTÓNIO PITO (PS) PELOUROS Desporto; Colectividades; Espaços Verdes; Protecção Civil. ATENDIMENTO (com marcação prévia) 3F das 18h às 20h

VOGAL

obeato

PELOUROS Espaço Público; Habitação; Informação; Juventude; Modernização Administrativa; Recursos Humanos;  Educação; Espaço Saúde.

LUCÍLIA CHARNECA (PS) PELOUROS Acção Social, Higiene Urbana ATENDIMENTO (com marcação prévia) 3F das 18h às 19h

Ao contrário do que é hábito nos últimos 4 anos, nesta edição não vou escrever o Editorial deste Boletim. Por uma questão de transparência e porque estamos demasiado próximo das eleições, não quero escrever algumas as habituais linhas, porque existem neste momento muitas coisas que me revoltam, e que se a população tomasse conhecimento iria também ficar revoltada. Como não quero ser acusado de eleitoralismo, e como acredito que as eleições se disputam nas urnas, fiz o convite ao Coordenador Editorial deste Boletim, Hugo Gaspar, para escrever umas breves linhas sobre a sua experiência ao longo destes 4 anos a escrever o Boletim Informativo da Junta de Freguesia do Beato. Um bem hajam, Hugo Xambre Pereira

Caros amigos e leitores, Confesso-vos que é muito mais fácil ler um editorial do que o escrever. Mas aceitei fazê-lo, para responder ao desafio que me foi proposto pelo Presidente da Junta de Freguesia do Beato. Este foi apenas mais um desafio. O maior, foi há 3 anos, aceitar escrever mensalmente sobre a nossa Freguesia, dar ecos das preocupações da população, noticiar as lutas da Junta para defender o Beato, e claro, congratular-me em linhas e palavras, pelas vitórias conseguidas e pela obra que fui vendo a aparecer, um pouco por todo o lado na Freguesia do Beato. A tarefa de escrever este Boletim não é fácil, mas é sobretudo extremamente compensadora. Claro que não se pode agradar a todos. Aceito todo o tipo de críticas, porque acho que é a partir das críticas que podemos fazer um trabalho cada vez melhor. Claro que há sempre

quem goste de fazer critica fáceis, e que têm como objectivo tentarem manipular este Boletim, de acordo com as suas preferências ou opções políticas. Engane-se quem achar que consegue influenciar a linha editorial deste Boletim com algum tipo de pressões. Fui convidado para escrever sobre a Freguesia do Beato, com imparcialidade e objectividade. É o que irei continuar a fazer enquanto for uma boa opção para ambas as partes. Não me vou alongar muito mais, porque o destaque deste Boletim tem que ser a Freguesia do Beato, as suas gentes e as suas pequenas conquistas. Que possa continuar a trazer-vos este Boletim durante muito tempo, e espero que sempre a noticiar mais obra, mais actividades, mais desenvolvimento neste Freguesia. Este Boletim também é seu. Colabore com críticas, com sugestões. Envie-me um e-mail para hugommgaspar@gmail.com. Um abraço do Hugo Gaspar

INDICE

3 PJ conclui investigação da Junta de Freguesia

mais segurança para peões 7 Problemas que demoram

5 Um pouco por todo o lado...

8/9 Requalificação Urbana 10 ETAR da Estrada de Chelas: SIMTEJO anuncia obra

6 Presidente da Junta pede

para já 12 Junta tenta ajudar moradores dos prédios Triângulo Douro em Xabregas


N

o passado mês de Junho, a Policia Judiciária concluiu as investigações que recaíram sobre o mandato de 2003 e 2005, e que foram despoletadas após o actual Executivo da Junta, liderado por Hugo Xambre Pereira, ter solicitado uma auditoria às contas. Segundo a investigação da Unidade de Combate à Corrupção da Policia Judiciária, que foi entregue ao Ministério Público, um antigo contabilista que trabalhou mais de 25 anos ao serviço da Junta de Freguesia do Beato, ter-se-à apropriado de, pelo menos, 100 mil euros. Recorde-se que na origem deste caso esteve o actual Presidente da Junta, que após a tomada de posse e confrontado com a falta de pagamento de 80 mil euros à Caixa Geral de Aposentações, 10 mil à ADSE e 110 mil às Finanças, durante os anos de 2003, 2004 e 2005. A Policia Judiciária explicou que desde a queixa apresentada pelo actual Executivo, foram analisados milhares de documentos, que terão sido falsificados. A PJ afirma ainda que “como as juntas de freguesia lidam com pouco dinheiro em numerário, o funcionário falsificava os documentos relativos aos pagamentos ao Estado e apropriava-se ilicitamente dos valores”. A PJ acredita que o suspeito, que trabalhava na Junta desde 1994, possa ter-se apoderado de mais quantias, mas “era impossível e impraticável analisar tantos documentos em tempo útil”. Logo no início do actual mandato, quando a situação

Para a história fica uma página negra na história da Junta de Freguesia do Beato, que foi parar aos jornais pelos piores motivos possíveis. Além da imagem, o actual Executivo teve que fazer um grande esforço financeiro para pagar esta dívida, canalizando verbas que poderiam ser empregues

Cores: Cor

País: Portugal

Área: 16,62 x 27,02 cm²

Period.: Diária

25-06-2009

em melhorias para a população do Beato. Acrescente-se que também os funcionários da Junta e avençados, que estavam ao serviço durante o período da falta de pagamento, foram



Pág: 19

Tiragem: 46932

foi descoberta, várias declarações 78670 ID: 256 fizeram eco na comunicação social. O actual Presidente da Junta mostrou preocupação sobre como poderia pagar a dívida, porque a mesma não permitia reformar ninguém da Junta. O antigo Presidente da Junta, António Cunha, do PCP, que em 9 de Março de 2006, declarava ao jornal Público “surpresa” com esta situação, afirmando que esta situação poderia dever-se ao “excesso de confiança” que tinha nas pessoas que tratavam da contabilidade. Excesso de confiança no mínimo, e bastante desconhecimento daquilo que se passava na casa que deveria gerir, foi algo muito ouvido então.

obeato

PJ conclui investigação ao desvio de mais de 100 mil euros que manchou imagem da Junta de Freguesia l

Âmbito: Informação Gera

Corte: 1 de 1

prejudicados, não podendo estar de baixa ou aposentarse. Lamentável e um bom exemplo da importância que é ter pessoas competentes e honestas a trabalhar nos órgãos de poder local.


obeato



Dia Internacional

do Idoso

Festa aberta à população 03outubro2009 Teatro Ibérico

A partir das 15.30H

com espectáculo musical e surpresa Apareça e venha divertir-se connosco


N

o Bairro Municipal da Carlos Botelho… ao lado da Escola 28, transformámos um espaço de terra que não tinha qualquer uso, e construímos um pequeno espaço público, onde as pessoas possam conviver, e com pequenos divertimentos onde as crianças possam brincar. Perante alguma inércia da GEBALIS, a Junta de Freguesia achou que devia intervir e fazer a referida obra.

na ligação entre a Rua Rocha Santos e a Rua Alves Paiva Fragoso, requalificámos a parte do espaço em que a escada estava completamente danificada. É a primeira de várias requalificações que este local necessita, visto estar constantemente cheio de entulho e lixo. Há ainda o problema do muro que os serviços técnicos da CML pretendem arranjar em 2010, que é quando se prevê o orçamento para a obra. Para embelezar o espaço público, no âmbito do programa “Beato Florido”, que lançámos o ano passado, colocámos floreiras urbanas na Rua Dr. Faria Vasconcelos com o Largo Manuel Cerveira Pereira. Na Rua Aquiles Machado também foram colocadas floreiras, no seguimento do cuidado que tem havido em requalificar os pequenos espaços verdes existentes, bem como o pavimento.

No Bairro Municipal da Quinta do Ourives…na Rua António Joaquim Anselmo, pavimentámos uma zona profundamente degradada, cheia de canas, e colocámos 3 bancos, respondendo positivamente a pedidos de moradores da zona. O muro na referida zona vem já a seguir. Na Rua Celestino Alves…também na Quinta do Ourives, pavimentámos uma zona contigua ao estacio-

obeato

Um pouco por todo o lado… trabalhamos num novo Beato



namento, e colocámos uma vedação para jardim, em redor de um espaço que está

a ser mantido e cuidado por moradores. No Alto dos Toucinheiros…

Curso de Informática

Em Setembro venha iniciar-se na Informática

Inscrições na sua Junta de Freguesia Local dos cursos: Colégio Maria Pia em Xabregas


obeato



Mais segurança através da limpeza de canas e árvores

Para quando?

A

Freguesia do Beato é atravessada por uma linha de comboio como é conhecimento de todos. Não colocamos em causa a sua existência, apesar dos comboios serem uma grande fonte de poluição sonora, e de ter que haver os cuidados necessários, especialmente por parte das crianças, para que não existam acidentes. Uma situação que tem vindo a causar alguma preocupação junto da população da Freguesia, e à qual a Junta está atenta, é o elevado número de arbustos, canas e lixo, que se têm vindo a acumular junto da linha do comboio que

atravessa a Freguesia. Esta situação é potencialmente perigosa, devido ao risco de incêndio que acarreta, mais ainda nos meses de verão, mas também porque é um

facto de insegurança, devido à possibilidade de marginais se esconderem para cometer crimes. O lixo acumulado é visualmente negativo, e fonte de doenças.

Com base nestes dados a Junta de Freguesia do Beato, com uma preocupação legítima, e comum à população que vive junto da linha do comboio, tem vindo a apelar à REFER e à Câmara Municipal de Lisboa que intervenham. Segundo a vogal do Executivo da Junta de Freguesia com este pelouro, Lucília Charneca, esta intervenção terá sido assegurada e as preocupações consideradas pertinentes, no entanto tem vindo uma grande pressão para que estes trabalhos de corte de canas e arbustos e limpeza do terreno, sejam feitos o mais rapidamente possível.

Em intervenção na Assembleia Municipal de Lisboa

Presidente da Junta pede mais segurança para peões

O

Presidente da Junta de Freguesia do Beato, Hugo Xambre Pereira, em intervenção na Assembleia Municipal de Lisboa, pediu uma maior atenção por parte do Departamento de Trânsito da Câmara Municipal de Lisboa, à segurança dos peões na Freguesia. Em concreto, Hugo Xambre Pereira, propôs a elaboração de um estudo, para que na Rua

Gualdim Pais e na Estrada de Chelas, as condições de segurança da circulação dos peões sejam melhoradas, nomeadamente no atravessamento das referidas artérias. O estudo serve para avaliar a colocação de mais passadeiras e rally bands nestas artérias da Freguesia do Beato, mas também para que seja construído um estacionamento ao longo da Estrada de Chelas, de forma a impedir o estacionamento

selvagem de camiões TIR e galeras, que não só colocam em causa a segurança dos peões, mas também danificam passeios. Verdade seja dita, que a situação de estacionamento abusivo na Estrada de Chelas está bem melhor, do que há uns meses atrás, após a Junta de Freguesia ter alertado a Policia Municipal para demasiadas situações de estacionamento em cima dos passeios, e esta ter actuado em conformidade, passando

a fazer uma fiscalização mais eficaz. No entanto o problema não está totalmente resolvido, e se houver um estreitamento da via e uma zona de estacionamento lateral, serão proporcionadas mais condições para que as pessoas possam arrumar os carros de forma legal, e simultaneamente fazer com que o conjunto de passeios, não fiquem cheios de carros e buracos, o que dificulta a vida de quem ali mora.


obeato

Os problemas que demoram a resolver… 

H

á vários anos que a calçada frente ao prédio da Calçada da Picheleira nº103, prédio que é recente, tendo sendo construído há 4 anos, está num péssimo estado. Por força de várias situações, que não importa referir, o empreiteiro responsável pela construção do prédio, e a quem cabe reconstruir a calçada e colocar o passeio, da mesma forma

que encontrou quando chegou, nunca teve o cuidado de fazer isso. É mais do que óbvio que quem sofre são as pessoas, e como tal, a Junta de Freguesia do Beato, considera que deve intervir rapidamente. Esta intervenção não foi feita anteriormente porque se considera que a responsabilidade desta situação é do empreiteiro e não da Junta, e porque este tipo de intervenções não faz parte das competên-

cias da Junta de Freguesia do Beato. O empreiteiro é o responsável pelo arranjo do espaço público envolvente. Infelizmente esta situação demorava em ter uma solução, e após diversos pedidos da Junta de Freguesia para que o empreiteiro interviesse, sem qualquer efeito, a Junta vai intervir rapidamente, de forma a salvaguardar os interesses da população local.

Torneios FUTSAL SUECA MATRAQUILHOS SNOOKER PETANCA

SETEMBRO'2009

de Outono

INSCRIÇÕES NA JUNTA DE FREGUESIA DO BEATO, OU NAS COLECTIVIDADES Rua de Xabregas, 67 – 1º | 1900-439 Lisboa | Tel: 21 868 11 07 – Fax: 21 868 64 80 www.jf-beato.pt | j.freg.beatolx@mail.telepac.pt


obeato

Requalificação urbana teima em não avançar, apesar das preocupações da Junta de Fre guesia do Beato e da Câmara Municipal de Lisboa. Várias tentativas do actual Executivo Municipal foram chumbadas em Assembleia Municipal, com os votos contra do PSD e CDS e votos favoráveis dos restantes partidos.

Esforço continuado para reabilitar prédios degradados

A

reabilitação de diversos prédios, degradados e em péssimo estado, tem sido uma preocupação constante da Junta de Freguesia do Beato. Por diversas vezes o Boletim “O Beato” tem dado eco dessa preocupação, e tem mantido a população informada de todos os esforços que têm sido feitos para que a nossa Freguesia, que como se sabe tem um número elevado de prédios devolutos e degradados, possa ser alvo de uma intervenção profunda. Este é um problema que se arrasta há várias décadas, e que tem muitas explicações. O facto dos prédios serem antigos, não ter sido feito um investimento para a reabilitação, os senhorios não investirem nos seus imóveis, são algumas das causas apontadas. Mas mais do que falar sobre a origem, a Junta de Freguesia do Beato centra a sua acção nas soluções. E têm sido procuradas soluções das mais diversas formas e através de vários meios.

Os casos mais urgentes na Freguesia do Beato, entre vários outros: 1. Prédio na entrada da Vila Dias, junto da linha do comboio, no Beco dos Toucinheiros. Este prédio tem partes que estão a cair. Este processo conta com muitos ofícios já enviados para a Câmara Municipal de Lisboa a alertar para esta situação. A CML por sua vez, já efectuou diversas diligências, mas tem encontrado um grande obstáculo na pessoa do senhorio do prédio. O prédio em causa é privado, e o senhorio não autoriza a sua demolição, apesar de ser um grave risco para a saúde pública e de possível foco de incêndio. 2. Prédio que se localiza na esquina da Calçada de Dom Gastão com a Calçada do Grilo. Encontra-se neste estado há aproximadamente 60 anos! Neste momento constitui um perigo para a saúde pública, e habitualmente utilizado por um largo número de toxicodependentes. Este tem sido um dos casos em que mais insistimos com a CML, para

que este resolvê-lo de uma vez por todas. Existe uma empresa, que é a proprietária do imóvel, e que apresentou recentemente um projecto de requalificação, que não foi aceite, uma vez que impedia a livre passagem das pessoas. Este prédio tem junto de si, um cruzamento muito estreito, com um passeio mínimo e sem condições, pelo que parece-nos óbvio que qualquer projecto apresentado para aquela zona, tem que em primeiro lugar ser feito a pensar nas pessoas, com um passeio mais largo e simultaneamente com boas condições para a circulação de carros. 3. Prédio na Vila Dias, mais concretamente no nº 16, rés-do-chão esquerdo. A Junta de Freguesia tem feito diversos apelos de intervenção à Protecção Civil para que seja apresentada uma solução rápida e urgente. Mais uma vez, trata-se da saúde pública, uma vez que existe um cheiro horrível que incomoda e prejudica a qualidade de vida de quem mora nas redondezas. 4. Diversos casos semelhantes aos descritos ante-

riormente, nomeadamente no bairro da Picheleira, na Calçada de Santa Catarina, na Estrada de Chelas, na Vila Flamiano, no Beco dos Toucinheiros. Todos estes casos estão devidamente identificados, e desde a primeira hora a Junta de Freguesia do Beato tem actuado de uma forma firme, para que a sua resolução seja rápida e eficaz. Segundo o Presidente da Junta de Freguesia do Beato, Hugo Xambre Pereira, “este tipo de casos torna evidente a necessidade de investimento na nossa Freguesia. Tenho vindo a alertar ao longo destes 4 anos de mandato para o facto do Beato ser continuamente marginalizado no que se refere ao investimento que permitiria uma requalificação desta zona. A Expo passou ao lado da nossa Freguesia, é fundamental que a Terceira Travessia do Tejo tenha um impacto positivo aqui. O investimento público da Administração Central e a captação de investimento privado, é essencial para nos tornarmos numa Freguesia do Séc. XXI.


obeato



A Câmara Municipal de Lisboa está impedida de intervir em todos edifícios que são privados. Nestes casos, o proprietário é identificado, intimado, para que caso a CML tenha que fazer obra ou demolir, os custos do processo sejam pagos pelo proprietário. Nos casos em que não se sabe bem quem é o proprietário, este processo é obviamente mais moroso e carece de diversas intervenções burocráticas, que naturalmente atrasam a execução.


obeato

ETAR da Estrada de Chelas: SIMTEJO anuncia obra para já 10

A

ETAR que se localiza na Estrada de Chelas tem causado alguns transtornos à população vizinha, não só pelos maus odores que de vez em quando propaga, como pelas pragas de insectos, que vão assolando a zona. Tem que ser reconhecidos os esforços que a direcção técnica da ETAR tem feito ao longo dos últimos anos para minimizar estes problemas, mas mesmo assim, a Junta de Freguesia do Beato, considera que é necessário e possível fazer mais. Hugo Xambre Pereira, Presidente da Junta de Freguesia aponta um bom exemplo a

A

seguir: “as obras que estão a ser feitas na ETAR de Alcântara, são um bom exemplo daquilo que a SIMTEJO vai ter que fazer aqui no Beato, para que a ETAR não tenha cheiros”. Estas obras que estão a começar é mais uma resposta aos apelos da popula-

ção e Junta de Freguesia que sofre com este problema e que passa por uma beneficiação geral da ETAR de Chelas, e ampliação dos sistemas de desodorização. Nesse sentido a Junta de Freguesia está a promover uma reunião pública, aberta a

todos que queiram participar, para que a população possa expor os seus problemas em relação a este assunto, e ser também informada dos progressos que têm sido registados. Recorde-se por exemplo, que a praga de insectos que assolou a zona circundante da ETAR há sensivelmente um ano atrás, foi combatida com a ajuda da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, que providenciou uma solução técnica, após contactos da Junta de Freguesia, o que prova que a pressão que este Executivo tem feito sobre os responsáveis técnicos da ETAR tem proporcionado bons resultados.

A Xabreguense fez 110 anos!

Cooperativade Consumo “A Xabreguense” festejou o seu 110º aniversário, mostrando uma longevidade notável e uma grande vivacidade, com os actuais corpos gerentes. A comemoração deste ano foi feita com a realização de diversas actividades, que contaram com uma grande adesão dos cooperantes, das suas famílias e amigos desta colectividade. Os sócios da Xabreguense tiveram a oportunidade de ir até ao Jardim Zoológico, com as suas crianças, tendo as ofertas sido oferecidas pela Junta de Freguesia do Beato, que se quis associar desta maneira aos festejos

desta colectividade histórica da Freguesia do Beato. A sessão solene desta comemoração foi realizada no dia 28 de Junho, tendo contado com a presença de muitos sócios e também com o Presidente da Junta de Freguesia. Os

“Jovens Unidos” fizeram uma actuação de canto e dança, mostrando assim a interacção que existe entre colectividades. Foi realizado um almoço com todos os sócios da Cooperativa de Consumo “A Xabreguense”, com membros da Junta de

Freguesia e também sócios de outras colectividades do Beato, que quiseram marcar presença, e desta forma, mostrar que o movimento associativo na Freguesia do Beato está bem vivo.


obeato

11

Pluft, o Fantasminha | Teatro Ibérico . Sábados (16H) e Domingos (11H) . Até 20 de Dezembro


obeato

12

Junta tenta ajudar moradores dos prédios Triângulo D’Ouro em Xabregas

A

Junta de Freguesia do Beato tem tido a preocupação em

conjunto com a Câmara Municipal de Lisboa, de encontrar uma solução para os moradores dos 3 prédios que se localizam na Rua de Xabregas, e que são

denominados de Triângulo D’Ouro. Estes 3 prédios, com 220 apartamentos, tiveram a sua construção iniciada em 1987, e foram terminados dez anos depois. O grande problema é que estes prédios não têm licença de uso e muitas alterações ao projecto inicial não foram licenciadas, uma vez que não existe projecto dessas alterações. Seg und o decl ara ções que obtivemos de Pedro Antunes, da empresa que faz a gestão dos condomínios, “até 1999 era possível fazer um contrato de compra e venda, sem que o prédio estivesse terminado. Passados 15 anos, estes prédios continuam sem

licenciamento. As pessoas não podem vender os seus próprios e não conseguem a valorização dos seus imóveis. Endividaram-se e o projecto saiu furado. Agora que os problemas se encontram a ser resolvidos, não podemos mudar de interlocutores”. A Junta de Freguesia do Beato encetado diversos esforços para desbloquear esta situação, em conjunto com os representantes dos moradores e a Câmara Municipal de Lisboa. Para já, foi concluído em Julho, o licenciamento das alterações. A segunda fase, é fazer obras, para cumprir os critérios de segurança legais.

Descentralização de competências na área da Higiene Urbana

P

ara tentar fazer face à dificuldade que os serviços próprios da Câmara Municipal de Lisboa têm em relação a algumas áreas, e indo ao encontro daquilo que tem sido pedido diversas vezes pela Junta de Freguesia do Beato, quis dar um primeiro passo, no que considera ser uma necessidade: a CML descentralizar

algumas competências suas ao nível de Higiene Urbana, para as juntas de freguesia da cidade de Lisboa. Nesse sentido, a Junta de Freguesia tem no âmbito do protocolo existente para os espaços verdes, um colaborador para limpar as zonas de mato expectantes. É óbvio que uma só pessoa não consegue fazer face a todas as necessidades, no entanto é uma ajuda importante, e que prova que, se no futuro a

Beato Consigo! Continua em marcha o programa “Beato Consigo”, uma actividade que está disponível para os moradores da freguesia, nomeadamente aqueles

Câmara Municipal de Lisboa quiser apostar nas juntas de freguesia para conseguir descentralizar mais competências a este nível, podemos ter uma cidade muito mais limpa do que temos. A ocorrer, esta delegação de competências pode de certa maneira minimizar um problema crónico que à muitos anos afecta a cidade de Lisboa, que é a sujidade, o excesso de lixo, cuja responsabilidade é muitas das

que têm dificuldades económicas, idosos e problemas motores. “Beato Consigo”, sempre foi um programa que não pretende executar obras, mas apoiar na execução com apoios ao nível de materiais (cimento, tintas, chão, entre outros)

vezes, das pessoas que não têm comportamentos civilizados em relação à higiene urbana. Este é também um problema que tem afectado a Freguesia do Beato, e que a Junta tem tentado inverter, não só através da colocação de diversos equipamentos urbanos para deposição de detritos vários, mas também através de múltiplas campanhas de sensibilização.

e tentando chegar ao maior numero de munícipes; o que fazer obras completas impedia de fazer, criando situações de injustiça relativa quando se realizava uma obra a um munícipe e vários ficavam à espera.


obeato

13


obeato

Praia Campo 2009: continua o sucesso na Freguesia 14

A

iniciativa Praia Campo continua a ser um sucesso inquestionável, abrangendo quer as crianças, quer os idosos da Freguesia do Beato. Esta é uma iniciativa de cariz social, que tem como objectivo principal, aproveitar o Verão, e proporcionar à população da Freguesia uns dias bem passados, com inúmeras actividades e momentos de grande animação e convívio. A Praia Campo para os mais novos teve dois turnos. O primeiro foi durante a primeira quinzena de Julho, com dois autocarros. O segundo, foi na segunda quinzena de Julho, com um autocarro. No total, 130 crianças da Freguesia do Beato tiveram uns dias que a avaliar pelos testemunhos recolhidos,

deixaram muitas saudades e vontade de repetir. Como já vem sendo hábito, a Junta de Freguesia em conjunto com a Câmara Municipal de Lisboa, assegura não só o transporte de forma gratuita, desde o Beato até à praia, mas também o almoço para todas as crianças, e realização, à tarde, de diversas actividades. A Praia Campo para a população sénior realiza-se sempre durante uma semana em Setembro. Este ano, como muitos se tinham queixado que era pouco, a Junta resolveu fazer durante as duas primeiras semanas de Agosto, uma acção de praia, durante a manhã, aberta a todos, que teve grande adesão, e foi uma oportunidade para que a população da nossa Freguesia usufruísse de momentos com grande qualidade de vida.


Beato

www.jf-beato.pt j.freg.beatolx@mail.telepac.pt Rua de Xabregas, 67 – 1.º // 1900-439 Lisboa t. 218 681 107 / 218687 524 // f. 218 686 480 Secretaria De Junho a Setembro / 2ªF a 6ªF das 14H às 20H Casa da Juventude Rua João Nascimento Costa, Lote 6 – Piso -1 2ª a 6ªf das 14H às 20H t. 218 480 623 Espaço de Saúde Rua Nova do Grilo nº 7-A - Horário 2ªF a 6ªF das 10H às 19H t. 218 650 150

Horário da Junta de Freguesia

Segunda a Sexta das 10:00 às 20:00

Horário de Verão (Junho a Setembro) Das 14:00 às 20:00

INFORMAÇÕES ÚTEIS TELEFONES Centro de Saúde de S.João Avenida Afonso III - Lt 16 1900-039 Lisboa 2ª a 6ªF das 8H às 20H / Telefone: 218 10 10 10 Santa casa da Misericórdia

(Assistentes Sociais – zona Oriental) – 218554 100

PSP -12ª Esquadra (Olaias) – 218 414 250

Polícia Municipal

(24H/dia) – 217 825 200

Bombeiros Voluntários do Beato e Olivais 218 681 095 e 968 688 139

obeato

Junta de Freguesia do

Câmara apoia colectividades a pedido da Junta 15

A

Câmara Municipal de Lisboa, fruto do diálogo que existe com a Junta de Freguesia do Beato e as colectividades, foi sensível aos apelos desta, e disponibilizou um conjunto de verbas para um conjunto de colectividades da nossa Freguesia. É sabido que as verbas que a Junta de Freguesia tem para apoiar as colectividades são escassas, e que a grande fatia do dinheiro existente, tem que ser canalizado para outros fins, de situações que maior parte das vezes, necessitam de resposta rápida e que interferem directamente na qualidade de vida das pessoas. Para poder simultaneamente continuar a servir a população e não descurar o papel fundamental que as colectividades têm numa Freguesia como o Beato, foi estabelecido um protocolo com a Câmara Municipal de Lisboa, o que possibilitou que algumas colectividades se tenham inscrito no mesmo, concorrendo à atribuição de verbas. As várias colectividades que recorrem a este protocolo, Vitória Clube de Lisboa, a Columbófila e os Onze Unidos, foram todas contempladas. Na segunda fase de candidaturas, também o Ateneu da Madre de Deus se candidatou.

Regimento Sapadores Bombeiros (24H/dia) – 213 963 141 Recolha Animais Abandonados ou Mortos (CML) – 213 617 700 CML Serviço Alerta – 808 203 232

. Esgotos entupidos, recolha de entulho e monstros, limpeza urbana, buracos nas ruas e passeios, anomalias na sinalização, iluminação pública, etc.

O BEATO . Propriedade Junta de Freguesia do Beato Coordenação Editorial . Hugo Gaspar PROJECTO GRÁFICO . e-dzain.com . Inês Nuno Impressão . A TRIUNFADORA - Artes Gráficas, Lda. Distribuição . Junta de Freguesia do Beato Tiragem . 8000 exemplares N.º Depósito Legal . 56722/92 obeato@gmail.com

I GALA ANUAL DO BEATO Convento do Beato 06.SET.2009 | 21H30 Domingo

Magnifico Espectáculo Musical - Fado e Canção Portuguesa Entrada Gratuita . Com várias surpresas Venha buscar o seu convite à Junta de Freguesia do Beato


obeato

16

^ c P T 1 ^ c ] T \ X e ^ T\< =P]^ePร_^RPR^]cX]dP\^bPcTaPRcXeXSPSTb_PaPbX

3P]รŽP7X_7^_ 1P[[Tc 8]U^a\รˆcXRP <รกbXRP Cร]Xb 6X]รˆbcXRP<^STaPSP 0TaรšQXRP 4bR^[X]WPbST5dcTQ^[ >dca^bBTaeXรŽ^b) 6PQX]TcT9daXSXR^ 6PQX]TcTST0_^X^P^2^\รaRX^;^RP[ 6PQX]TcTST0_^X^ร‡7PQXcPรŽรŠ^ 4b_PรŽ^BPรกST

AdPSTGPQaTVPb%& ยกk (#"(;XbQ^PkCT[)! '%' &5Pg)! '%'%#' fffYUQTPc^_ckYUaTVQTPc^[g/\PX[cT[T_PR_c


"O Beato" Setembro de 2009