Issuu on Google+

freesaopaulo .com.br

Que tal aproveitar o friozinho e curtir as cidades serranas de São Paulo?

{ ano 2 - n 76 }

{ 2 Mai }

LAZER

Sem

notícia A cada ano, no estado de São Paulo, cerca de 20 mil pessoas desaparecem de casa sem deixar vestígio. Em 2012, somente na capital, 9 mil crianças e adolescentes sumiram. E o roteiro desses desaparecimentos é o mesmo: as mães iniciam uma busca solitária pelos filhos.

ENTREVISTA

Com 30 anos de carreira, a atriz Giulia Gam ainda se questiona sobre o trabalho na TV


{ charge } Edgard Saraceni

Quinta-feira

Free São Paulo, toda quinta, grátis no Metrô

é dia de

Free SP no

Metrô A maior revista gratuita do

comunnica.com.br

1

Auditada

2

Multiplicação de leitores 500 mil leitores semanais. Mais de 2 milhões de leitores por mês. Em média, cada exemplar é lido por até 5 pessoas, fazendo com que sua campanha se multiplique. São milhares de pessoas recebendo a revista em seus pontos de distribuição e compartilhando em casa, consultórios, escritórios, entre outros locais.

3

Distribuição em todas as estações do Metrô

4

Efeito Valorização

64 estações do Metrô e 4 CPTM.

Revista com diagramação moderna e conteúdo atraente, em sintonia com pautas atuais, que passam ao leitor a sensação de que ele ganhou algo de valor. Este aspecto pode ser comprovado nos pontos de distribuição, onde já se nota a procura voluntária das pessoas pelo veiculo.

5

“Limpo” que passa de mão em mão

6

Excelente CPM

7

Por se tratar de uma revista, é um produto “limpo”, diferente dos jornais que - pelo próprio material e papel utilizado passam outra impressão após a primeira leitura.Desta forma, os leitores/consumidores ficam a maior tempo com a Free São Paulo em suas mãos, inclusive entregando-a a terceiros com a recomendação de leitura.

Com esse efeito multiplicador o custo por mil se torna atraente em relação a outras mídias

Glamour de revista Dinâmica de jornal

www.freesaopaulo.com.br

Brasil

Com periodicidade semanal, ela consegue conciliar os benefícios da revista, sem perder o dinamismo do jornal semanal.

Tenha resultado Seja visto

Seja Free

04

Anuncie 11 2823 0800

JUSTIÇA PRESSIONADA - Deputados federais vêm tentando, de todas as formas, “engessar” a Justiça no país. A Câmara deverá votar, até junho, a PEC que tira o poder de investigação do Ministério Público, e quer que as decisões do STF tenham a palavra final do plenário.

{ opinião }

A PEC 37, além de ser um retrocesso, só irá aumentar a impunidade A proposta de Emenda à Constituição (PEC) 37 vem avançando no Congresso Nacional, que deverá votála até o mês de junho. A proposta que tira o poder de investigação do Ministério Público foi apresentada em 2011 pelo deputado federal e delegado de polícia Lourival Mendes (PTdoB-MA). O texto altera trecho da Constituição, indicando que a apuração das infrações penais é função privativa das polícias Civil e Federal. Na prática, a medida impedirá o Ministério Público de assumir investigação

de crimes, prática usual desde que teve seus poderes ampliados na Constituição de 1988. O principal argumento contra a PEC é que a concentração da investigação nas polícias vai contra os interesses da sociedade, pois quanto mais entidades investigando, maior a chance de identificar crimes. Bobagem. Sabemos que a aprovação da proposta será um retrocesso gigantesco e a impunidade no país irá “nadar de braçadas”. Ou seja, somente a corrupção sairá fortalecida. A sociedade precisa se mobilizar contra esse mecanismo.

A Revista Free São Paulo é uma publicação do Grupo MG Com

Publisher: Luciano Maciel (luciano@freesp.com.br) · Editor: Gil Campos · Reportagem: Gil Campos e Ana Paula Almeida · Diretor Comercial: Agnaldo Antônio (aantonio@freesp.com.br) - Tel. (11) 2823-0800 · Diretor de Marketing: Waltinho Saavedra (marketing@freesp.com.br) · Projeto Gráfico e Diagramação: Agência Comunnica (contato@comunnica.com.br · Arte: Ana Flávia Canto · Executivos: Albany Rezende, Cristina Stepanov, Edison Moreno, Jô Gonçalves e Kise Sousa + 4 CPTM + Cruzamentos SP auditado pela BDO.

04


aspas

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

“Procurei esse partido porque, aqui, nós não temos vergonha da palavra de Deus. Entendo que o mundo está entrando no caos porque as pessoas não querem mais ouvir a palavra de Deus” Doutor Rey, conhecido como Dr. Hollywood, em nota oficial ao se filiar ao PSC, mesmo partido de Marco Feliciano, presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara

“Se tivesse a mulher do Figo, ficaria em casa” Ronaldo Fenômeno, ex-jogador de futebol, sobre sua vida social agitada quando era jogador do Real Madrid

“Não fazia sentido esconder quem eu amo e respeito” Edgar de Souza (PSDB), prefeito de Lins, ao assumir publicamente sua homossexualidade

“É só sertanejo, pagode. O Brasil emburreceu devido à monocultura” Guilherme Arantes, músico, opinando sobre o momento musical do país

“Hoje tenho maturidade para curtir em cima disso e fico muito orgulhosa com essa popularidade” Gloria Pires, atriz, sobre interpretar uma personagem sexy prestes a completar 50 anos

06


07


entrevista

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

Giulia Gam ainda se questiona sobre o trabalho na TV Por João Fernando/AE redacao@freesaopaulo.com.br

S

e alguém vir Giulia Gam dando um ataque de estrelismo por aí, ela vai explicar que não passa de uma cena de Bárbara Ellen sua personagem em Sangue Bom, nova novela das 19h da Globo, escrita por Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari. Na trama, ela encarna uma atriz sem talento que faz de tudo para virar notícia. Mãe de cinco filhos na ficção, sendo quatro adotados, ela vai movimentar a história por destruir casamentos alheios para alcançar seus objetivos profissionais e pessoais. Na vida real, a paulistana afirma não estar tão interessada nos holofotes e que ainda se questiona sobre o fato de ter começado uma carreira na televisão, em que a fama tem um peso. Além de falar sobre o novo papel, Giulia também reclama sobre a falta de investimentos no teatro.

08


- Como é a personagem? A princípio, eu não a vejo como uma vilã porque não é uma pessoa que quer sair por aí matando todo mundo. Ela sintetiza um lado da questão da novela, a busca pela fama, pela imagem. É uma atriz canastrona, mas que sempre teve carisma e uma fama de sedutora. Através dessa sedução ela foi fazendo a carreira, se casando com diretores. Já está no oitavo casamento. - Por que ela tem tantos filhos? Ela queria ser uma estrela de TV. Ela adota as crianças como uma maneira de se manter na mídia. Ela adotou essas crianças, como o Kevin (Marcus Rigonati), que é branco, mas ela diz aos jornalistas que é 100% negro. A Luz (Ana Graciela), ela fala que tirou da selva amazônia, o Kevin das minas da África, e a Dorothy (Ayumi Irie), da Tailândia. Mas são crianças do Brasil mesmo. - Por que ela quer transformar Amora, personagem da Sophie Charlotte, em celebridade do mundo da moda? Ela tem na Amora, uma it girl, a transição do desejo dela. Ela forma essa menina, que pegou no orfanato e tem pavor daquele mundo do qual veio. Ela também veio da zona norte de São Paulo e sofreu, teve uma vida miserável. Desde pequena, ela queria o sucesso. - Você já teve avidez pela fama? Essas escolhas são diferentes das minhas. Vim de um meio ao contrário disso. Meus pais eram intelectuais, fui para o grupo do Antunes (Filho), em que a gente nem tinha o nome no cartaz. No teatro, fiquei sempre em grupos ou em companhias. Para mim, o valor é sempre do trabalho. O trabalho é que tem de aparecer, ser reconhecido. Não faz o menor sentido eu dar uma entrevista se não tiver a segurança de que não há um bom trabalho por trás para divulgar. Acho que as minhas

opções foram opostas. Sempre tentei me envolver com pessoas que não fossem do meio. Sempre tentei fugir para que o meu trabalho ficasse na frente. - Você já teve a vida amorosa exposta em ocasiões como o fim do casamento com o jornalista Pedro Bial. Em algum momento você sentiu a intimidade invadida ou acha que se expôs mais do que deveria? Vocês (da imprensa) conhecem, provavelmente uma relação minha, que se tornou uma situação pública por causa da questão do filho (o casal brigou pela guarda de Theo, hoje com 15 anos). Antes, aparecer era prestígio. É uma troca. Há pessoas que oferecem um produto a ser vendido. Esse mercado não me interessa. Eu não teria energia para ficar lidando com isso, prefiro colocar no meu trabalho. Sempre tive excelente relação com a imprensa. Posso pecar por me abrir demais em momentos em que não estão interessados em saber o que penso. Sempre me senti apoiada na questão do filho. Porém, posso mudar completamente depois de Bárbara Ellen. Quantas atrizes ficam loucas, têm namorados jovens e posam nuas? - Artistas que buscam a fama pela fama a desanimam? Eu já estou em um segundo patamar da vida. Na minha época, já havia essas pessoas. Na Globo, eram valorizados os atores que tinham conteúdo e uma história. É frustrante se você se dedica a isso e não sente retorno. As pessoas, até para se manter na mídia, têm de ter algum tipo de talento. - Você saiu do grupo de teatro do Antunes Filho, que vai na contramão da fama, para fazer TV. Foi um processo difícil? Acho que tive muita resistência em fazer televisão. Era como entrar para um trabalho industrial, mesmo que você

tivesse os melhores artistas. Eu tinha resistência ideológica porque o Antunes defendia a questão de que a TV não era um lugar de formação atores. Ir para a TV não era um bom passo.

entrevista

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

- Você ainda se questiona sobre essa mudança profissional? O que ainda se mantém um pouco em mim é que ainda tenho a necessidade do estudo, do tempo, da elaboração. Às vezes, é um pouco cruel a velocidade imposta pela novela. Venho aprendendo a ver o prazer disso, ser menos crítica ver que a novela é algo em andamento. Você pode não começar bem e depois tem um retorno do público. - Tem medo de ser esquecida? Tenho 30 anos de carreira. Antes, a gente tinha medo de batalhar e descobrir no fim que não tinha talento. Nunca tive medo de sair (da mídia). Se trocasse isso por outra coisa que me desse igualmente prazer, não teria problema. Já tive essa ambição quando nova. Depois que você tem filho, outras coisas passam a ter valor na vida. Para quem está de fora, nosso trabalho na TV pode aparentar glamouroso. Mas é árduo. Acho que as estrelas que a gente tem no Brasil que estão nesse patamar talvez sejam as cantoras e apresentadoras. Ator no Brasil não é milionário. - Você não conseguiu manter uma temporada do musical Pedro e Lobo no Rio e afirma que fazer teatro na cidade está difícil. Por quê? Nós não estamos sendo a atração principal neste momento. A questão do esporte, da revitalização da cidade, da segurança talvez tenha mais importância neste momento do que a questão cultural da cidade. O Rio está sofrendo com a falta de teatros, principalmente depois do incêndio (da boate Kiss, em Santa Maria, que fez a prefeitura carioca fechar teatros sem condições para situações de emergência). 09


educação

Teste vocacional pode ajudar na escolha da profissão Por Ana Paula Almeida ana.paula@freesaopaulo.com.br Fotos: divulgação

“O que você vai ser quando crescer?”. Desde muito cedo as crianças se vêem diante desse questionamento, mas não encaram a pergunta como uma pressão da sociedade. Bombeiro, médico, engenheiro, a resposta costuma variar e mudar muitas vezes até o momento de escolher, de fato, a profissão que desempenhará pelo resto da vida. E é no final do ensino médio que a ficha dos adolescentes costuma cair, já que a chegada do vestibular e o curso da universidade são os assuntos mais recorrentes tanto na escola, quanto em casa. O momento de escolher a profissão é sempre cheio de dúvidas e preocupações, afinal, não é fácil ter que optar por uma carreira aos 17 anos de idade. Para ajudar na escolha, muitos jovens realizam testes vocacionais que, apesar de não apontarem a profissão a ser seguida, orientam os interessados a buscarem um norte quando o assunto é aptidão e interesse. 10

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

Sites com testes estão disponíveis • www.cederj.edu.br • www.testeqi.com.br • www.carlosmartins.com.br • www.mundovestibular.com.br • www.testevocacional.cafeazul. com.br • www.guiadoestudante.abril. com.br/testes-vocacionais


Ciências exatas, humanas ou biológicas? Que os testes vocacionais não fazem milagres ao apontar a profissão a seguir, todos sabem, mas e a área do conhecimento com a qual o aluno se identifica? Fazendo perguntas que a princípio parecem tolas, os testes conseguem colher pistas das impressões de uma pessoa sobre o campo profissional com a qual ela mais se identifica e, consequentemente, apontar um caminho ao estudante. E é possível fazer testes em diferentes locais, para ver se os resultados batem e se o norte é o mesmo em todos os lugares. Universidades que contam com o curso de Psicologia na grade oferecem os testes que são realizados, gratuitamente, por estudantes do último ano, supervisionados por profissionais.

Dicas para escolher a carreira O teste vocacional pode nortear o estudante que não faz a menor ideia do que pretende seguir, mas não deve ser a única fonte a ser pesquisada em caso de dúvidas. Nenhum teste tem o poder de apontar a profissão a ser seguida, apenas apontam a área de interesse de acordo com as aptidões do aluno. • Faça uma lista das carreiras que um dia já pensou em seguir, mesmo que tenha sido para responder aquela famosa pergunta “O que você vai ser quando crescer” quando tinha oito anos de idade; • Reflita sobre os fatores que mais influenciam a sua decisão: família, satisfação pessoal, remuneração, mercado de trabalho entre outras coisas; • Pense nas atividades que realiza com facilidade; • Se houver oportunidade, converse com outros profissionais e procure conhecer a rotina da área de seu interesse.

Testes on-line A internet é uma fonte inesgotável de informação e também conta com testes vocacionais para serem realizados on-line; estes com resultados instantâneos. Páginas com conteúdo exclusivamente voltado à educação disponibilizam os mais variados quizz para tentar elucidar as dúvidas dos estudantes. A Free São Paulo escolheu alguns testes vocacionais para ajudar os leitores na hora da escolha pelo melhor. Existem perguntas que parecerão estranhas aos olhos dos estudantes, mas é preciso responder a todas com seriedade e sinceridade, pois elas não estão ali à toa e influenciam no resultado final. No “Portal Satc” – www. portalsatc.com – o estudante preenche um cadastro e responde a um teste composto por 4 fases e 18 perguntas, entre as mais curiosas estão “O que você gosta de fazer no seu tempo livre” e “Quais situações despertam o seu interesse”, onde o aluno preenche entre uma e três das opções disponíveis. O resultado do teste é enviado por e-mail. Já na página “Teste de QI – O que vou ser quando crescer?” – www. testeqi.com.br - conta com um teste um pouco mais simples. O estudante deve ler cada uma das 72 alternativas e escolher entre 15 e 20, o resultado é dado na hora. O teste vocacional do portal “Guia do Estudante” - http:// testevocacional.guiadoestudante. abril.com.br/ - é um pouco mais complexo e exige mais tempo em sua execução. São 60 questões com apenas duas opções de resposta, entre as perguntas mais curiosas estão “O que você faz quando entra num elevador com estranhos” e “O que pensa quando vê uma criança brincando”. O perfil que mais combina com o estudante é divulgado após o teste e o site permite que o resultado seja salvo para análises futuras.

educação

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

11


moda

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

Coloque as sandálias no armário,

o inverno pede botas Por Ana Paula Almeida - ana.paula@freesaopaulo.com.br - Fotos: divulgação

M

ulheres vaidosas e que gostam de se vestir bem estão felizes da vida com a chegada do inverno, estação em que as pessoas costumam se vestir melhor, com mais estilo e elegância, deixando as roupas despojadas dentro do armário esperando a volta do verão para desfilar as pequenas peças novamente. E já que o inverno está chegando, que tal conhecer as botas que

farão sucesso na estação mais fria do ano? As botas têm o poder de aquecer e deixar o visual impecável. As botas de cano alto continuam em alta em 2013, mas o bom senso ainda prevalece, as mais baixas devem optar pelo cano médio, para não achatarem a silhueta. Para ajudar na escolha da peça, a Free São Paulo traz os modelos e tendências que farão a cabeça, ou melhor, os pés das mulheres.

Ankle Boot A Ankle Boot também não saiu de moda, este modelo vai até a altura do tornozelo, algumas peças têm salto e outras não, o que não o descaracteriza. É difícil errar com essa bota, ela vai bem com saias, vestidos curtinhos e a calça skinny.

Bota Western

Bota de cano longo

Barra dobrada

Estilo militar

Esse modelo de botas promete fazer o maior sucesso no inverno. Inspirada nos cowboys, ela cai super bem com vestidos soltinhos, calças skinny – ou quem sabe meia-calça -, pois são modelos que não ficam sobrando tecido. A dica para não fazer feio nesse caso é não se vestir como um cowboy. Só a bota é o suficiente para deixar o visual elegante e super na moda.

O modelo tem um cano que termina abaixo do joelho e volta com tudo nesta estação, e podem ser usadas com shorts jeans curtinhos, calça skinny e vestidos larguinhos. Mulheres baixas devem tomar cuidado com este modelo, pois ele achata a silhueta.

Este modelo já tem chamado a atenção das consumidoras que estão em busca de novidades. O tecido é propositalmente dobrado por cima do salto e dá um charme especial à composição. Combine com peças que não dão volume. Meias-calças e calças skinnys e retas são ideais.

Sentido! O estilo militar está em alta e não poderia deixar de visitar os calçados. Estes modelos são caracterizados pelo solado pesado, detalhes de amarrações, fivelas, tachas e cores fortes. Os coturnos são peças que lembram bem esse estilo e, apesar de ser uma peça pesada, ganha leveza ao ser combinado com um vestido romântico.

Dicas • Use roupas sequinhas com botas, deixar tecido sobrando para fora das peças acaba com a produção; • Cuidado com as tendências, não é porque os modelos western e militarismo estão na moda que é preciso sair às ruas como um cowboy ou um sargento do exército. Nesses casos, menos é mais, aposte na bota com a tendência que está na moda e combine com roupas discretas; • Mulheres baixas e com pernas grossas devem evitar modelos de cano alto, eles achatam a silhueta. 12


13


vitrine

Presentes para as mamães

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo Por Ana Paula Almeida ana.paula@freesaopaulo.com.br Fotos: divulgação

As melhores lembranças da sua infância têm uma pitada de amor de mãe, não tem? E o dia dessas mulheres tão especiais já está chegando, 12 de maio é o Dia das Mães, e já tem muita gente correndo atrás de mimos para presenteá-las. Para ajudar os indecisos, a Free São Paulo traz dicas de presentes, e várias opções para deixar a mãe cheirosa, elegante, em forma e até para ajudar na organização dos objetos pessoais da mamãe.

01-Pantufa mãe amor que nasce Imaginarium R$ 49,90 imaginarium.com.br

06

02-Porta Retrato Digital Boas Memórias Imaginarium R$ 369,90 imaginarium.com.br

01

03-Kit Floratta Cerejeira em Flor O Boticário R$ 139,00 boticario.com.br 04 08

05

04-Blusa Mix Multicolorida Anna Flynn R$ 104,95 dafiti.com.br 05-Relógio CV28138 Rosa Cavalera R$ 299,90 dafiti.com.br

02

06-Tablet Octo TB7CA – 7 polegadas 4GB, Câmera 2MP, Wi-Fi e Android 4.0 R$ 299,00 extra.com.br

03

07-Puff Baluarte Confetes Oppa R$ 299,00 oppa.com.br 07

14

08-Maleta Glamour de Maquiagem Beauty Rendezvous – Markwins R$ 139,90 insinuante.com.br


15


saúde

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

Consulte sempre o oftalmologista “O adulto que tem presbiopia, miopia, astigmatismo e/ou hipermetropia deve visitar o oftalmologista uma vez ao ano para checar o grau e as formas de tratamento indicadas. Já quem sofre de doenças mais graves, como glaucoma, catarata entre outras deve seguir as recomendações médicas e consultar um especialista a cada seis meses, em média”, orienta o oftalmologista e diretor-presidente do Eye Care Hospital de Olhos, Renato Neves.

Deixe o cigarro Deixar o vício do cigarro o quanto antes. O fumo compromete a circulação sanguínea da retina, reduz a quantidade de antioxidantes presentes no sangue e afeta a visão em qualquer fase da vida, principalmente a partir dos 65 anos.

Manter uma alimentação saudável O segredo é abandonar os maus hábitos alimentares e consumir frutas, legumes, verduras e também castanhas. “Se livre do excesso de fritura, sal, açúcar e carne vermelha. A ideia é aumentar a ingestão de vitaminas, minerais, proteínas saudáveis, ômega 3 e luteína, já que os alimentos antioxidantes oferecem grandes benefícios à saúde ocular, retardando doenças como catarata e degeneração muscular”. 16

Mantenha os olhos saudáveis Use e abuse dos óculos de sol, inclusive no inverno “Como não existe tratamento eficaz para alterações retinianas, a prevenção com lentes protetoras ainda é o melhor remédio. Vale lembrar a importância de óculos de boa procedência que têm proteção UVA e UVB, além de tratamentos nas lentes”.

Use cinto de segurança no carro Antes de se tornar obrigatório o uso do cinto, os acidentes de trânsito eram os maiores causadores de traumas oculares graves. “Felizmente esse tipo de acidente é menos frequente, mas ainda tem muita gente achando que não precisa do cinto para andar pequenas distâncias de carro”.

Da Ana Paula ana.paula@freesaopaulo.com.br Fotos: divulgação

H

á quanto tempo você não visita um oftalmologista? A visão é um dos sentidos mais importantes do corpo humano, mas geralmente é deixada de lado quando o assunto é prevenção. Basta conversar com os amigos para comprovar: a maioria não procura um médico especialista há anos. De acordo com o médico oftalmologista e diretorpresidente do Eye Care Hospital de Olhos, Renato Neves, as pessoas costumam negligenciar a visão como se pudesse prescindir desse sentido. Neves elaborou dicas que ajudarão a manter a saúde ocular por muitos anos.

Horas diante do computador Quem trabalha ou estuda muitas horas em frente ao computador deve fazer pausas a cada duas horas para que os olhos descansem durante o período. “Durante as pausas, beba muita água e pisque os


17


capa

Espera

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

angustiante E m 2012, cerca de 20 mil pessoas simplesmente sumiram de suas residências no estado de São Paulo. Somente na capital paulista foram 9 mil crianças e adolescentes, o que representam 47% do número de pessoas desaparecidas. A Fundação Criança aponta que 65% das vítimas são do sexo feminino. No país, a cada ano, o número de desaparecidos são 200 mil e os motivos para o sumiço, segundo informações de órgãos públicos e de ONGs que tratam do assunto, são os mais variados e podem ser provocados por conflitos familiares, descuido, tráfico de pessoas, exploração sexual ou prática de crimes, quando há envolvimento em roubos, furtos ou uso de drogas. Muitos dos desaparecidos nunca mais verão seus familiares. Com os desparecidos aumenta, a cada dia, o número de mães que iniciam uma busca solitária pelos filhos ou pedem ajuda a entidades como o Movimento Mães da Sé. Por Gil Campos gil.campos@freesaopaulo.com.br Fotos: Gil Campos e divulgação

18


capa

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

19


capa 20

No dia 23 de dezembro de 1995, a dona de casa Ivanize Espiridião da Silva Santos acordou angustiada, com vontade de chorar. Era antevéspera de Natal. Por um momento ela pensou que o clima de festa natalina era o motivo daquela dor que apertava o peito. Por volta das 18h, antes de ir para o cabeleireiro, Ivanize conversou com a filha Fabiana, de 13 anos. Foi o último contato entre as duas. Por volta das 20h, a adolescente – que hoje estaria com 31 anos – saiu de casa em Pirituba, zona norte da capital, com uma colega de escola. As duas foram visitar uma amiguinha que fazia aniversário e que morava no mesmo bairro. A visita demorou cerca de 40 minutos. No retorno, as duas se separaram a cerca de 120 metros da casa de Fabiana, que nunca mais entrou na pequena residência de Pirituba. “O desaparecimento de minha filha é um mistério até hoje. Não consigo entender o que aconteceu. Perdi o chão, a vontade de viver. No início, tive apoio de familiares e amigos para tentar localizá-la. Fui a hospitais, delegacias, IML e até para outras cidades. Mas, com o passar do tempo, a busca se torna solitária”, contou Ivanize. Na época, a novela Explode Coração, escrita por Glória Peres e que abordava o desaparecimento de crianças, era exibida pela Rede Globo. No final de cada capítulo, eram veiculados depoimentos de familiares de desaparecidos. Sabendo da luta de Ivanize, a produção do folhetim a convidou para gravar um depoimento. No Rio de Janeiro, a mãe de Fabiana percebeu que não estava sozinha naquele drama ao conhecer as “Mães da Cinelândia”. Havia três meses que a filha desaparecera quando ocorreu a gravação. De volta a São Paulo, ela resolveu reunir as mães que procuravam por seus filhos desaparecidos. No dia 31 de março de 1996, 100 mulheres aflitas se reuniram pela primeira vez nas escadarias da Catedral da Sé, surgindo assim a Associação Brasileira de Busca e Defesa a Criança Desaparecida (ABCD), que passou a ser chamada de “Mães da Sé”, e se reune a cada 15 dias na escadaria da catedral. “A esperança de reencontrar os filhos é que mantém essas mães vivas. Convivemos dia e noite com aquela sensação de incapacidade, de impotência, sem saber o que aconteceu com nossos filhos. É uma ferida que não cicatriza. Mas todos os dias, ao abrirmos os olhos, temos a esperança de reencontrá-los”, disse emocionada. Hoje, a entidade fundada por Ivanize reúne 9 mil mães de todo o Brasil, um país que convive a cada ano com 200 mil pessoas desaparecidas, segundo estimativas de órgãos públicos e de ONGs que tratam o tema. No Estado de São Paulo, em 2012, cerca de 20 mil pessoas desapareceram. Somente na capital paulista sumiram 9 mil crianças e adolescentes, o que representam 47% do número de pessoas desaparecidas. A Fundação Criança aponta que 65% das vítimas são do sexo feminino. Este ano, somente nos dois primeiros meses, a Mães da Sé recebeu a denúncia de 30 desaparecimentos.

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo


de casa. A impressão que tenho é que essas vítimas já vinham sendo observadas há algum tempo e, na primeira oportunidade, são abordadas”. Outro detalhe é que os casos de desaparecimento aumentam muito em época de festas, como o Natal, por exemplo, e de férias escolares. Segundo dados da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoas (DHPP), que mantém equipes especializadas na Delegacia de Investigação Sobre Pessoas Desaparecidas, 80% dos casos que chegam ao conhecimento da polícia são elucidados. O Movimento Mães da Sé consegue solucionar 27% dos casos a cada ano. “Os casos mais fáceis, como fugas do lar, temos solucionado. Mas aqueles que envolvem, por exemplo, disputa de guarda dos filhos, são muito mais difíceis”, observou Ivanize.

Conflitos familiares aumentam no dia a dia A presidente do Movimento Mães da Sé, Ivanize Espiridião da Silva Santos, 51, afirmou que os conflitos familiares são as principais causas de fugas do lar envolvendo crianças e adolescentes - 60% dos casos. Porém, segundo ela, são os mais fáceis de se localizar. “O jovem que foge de casa, não vai muito longe. E quando vai, geralmente, não passa da Baixada Santista”, contou. Quando o desaparecimento envolve crianças com menos de 12 anos, existe a grande possibilidade de o desaparecido ter sido vitima de tráfico de seres humanos. “Geralmente essas crianças são abordadas na ida para a escola ou na volta para casa, ou mesmo indo a um mercado na esquina

Programa do governo busca jovens desaparecidos O governo do estado de São Paulo, com o apoio de diversos órgãos públicos e entidades civis, lançou no dia 25 de maio do ano passado o Programa São Paulo em Busca das Crianças e Adolescentes Desaparecidos, que prevê um conjunto de ações voltadas para a prevenção e localização de crianças e adolescentes desaparecidos no Estado de São Paulo.

A polícia de São Paulo vem realizando procedimentos de envelhecimento de fotos em 3D e, desde 2012, esse serviço está disponível para toda a população desde que os familiares possuam fotos dos desaparecidos em diferentes idades. Também foi estabelecido o dia 25 de maio como o Dia Estadual das Crianças e dos Adolescentes Desaparecidos.

Estatísticas Mães da Sé

capa

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

9.222 casos cadastrados 2.657 pessoas encontradas com vida 212 óbitos * Levantamento feito desde a sua fundação, em 31 de março de 1996

Como prevenir - Nunca tire os olhos de seu filho pequeno em locais de grande movimento; - Quando seu filho pequeno precisar ir a um banheiro público, acompanhe-o. Ou peça a um amigo/a para acompanhá-lo; - Em locais públicos sempre saiba onde seu filho está e informe a ele onde você está; - Faça questão de levar e buscar seu filho em festinhas e outros programas. Dá um pouco de trabalho, mas vale a sua tranqüilidade; - Quando for pegar seu filho em algum lugar chegue na hora combinada. Caso vá se atrasar, avise; - Mantenha atualizados na escola e outras instituições que ele frequenta (clubes, academias, etc.) o endereço, os telefones da família e o nome das pessoas que devem ser procuradas em alguma necessidade ou emergência; - Oriente a escola, no caso de algum estranho aparecer para pegar seu filho, que jamais o libere sem que você tenha autorizado; - Tire o RG de seu filho assim que ele completar 2 anos, para que as autoridades tenham o registro e informações nos bancos de dados, o que ajudará numa eventual necessidade de localização ou identificação; - Ao chegar em um evento, mostre ao seu filho quem são as pessoas que fazem a segurança (os policiais, os vigias ou os seguranças) para que ele peça ajuda. Combine pontos de encontro para o caso de vocês se perderem. Fonte: Programa São Paulo em Busca das Crianças e Adolescentes Desaparecidos

21


capa

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

Depois do desaparecimento - Ligue imediatamente para o 190 assim que perceber o desaparecimento de uma criança ou adolescente; - Faça imediatamente o boletim de ocorrência (B.O.) de desaparecimento. Não é preciso esperar 24 horas; - O boletim de ocorrência (B.O.) pode ser feito na delegacia mais próxima de sua casa ou pela internet por meio do endereço www.ssp.sp.gov.br/bo; - Descreva a situação em que ocorreu o desaparecimento e a

aparência da pessoa, com calma, e forneça sempre o máximo de detalhes. Leve fotos e documentos da criança ou do adolescente desaparecido. Fonte: Programa São Paulo em Busca das Crianças e Adolescentes Desaparecidos

Mãe se veste de mendigo e procura o filho na cracolândia

22

O momento foi de desespero. A dona de casa Francisca Ribeiro Santos, 46, que mora no Jardim Fortaleza, em Guarulhos, na Grande São Paulo, não pensou duas vezes: passou sujeira nos cabelos despenteados há dias, colocou uma touca e se vestiu com roupas sujas do próprio pai. Destino: a cracolândia, no centro de São Paulo. Francisca estava de coração apertado à procura do filho Hugo Ribeiro Santos Camargo, de 10 anos, que desapareceu da porta de casa no dia 2 de outubro de 2007. “Era costume de Hugo, ao sair da escola e brincar em frente de casa. Enquanto eu trabalhava, minha cunhada cuidava dele. Até que, no dia do seu desaparecimento, ela a chamou por volta das 18h. Nunca mais ele entrou em casa. Tenho certeza que alguém está com ele”.

A cracolândia foi revirada pela mãe em desespero, até que um nóia a expulsou do local. “Tive muito medo e voltei para casa”, contou. Desde que Hugo desapareceu, Francisca perdeu o emprego, entrou em depressão, pensou em se matar várias vezes, e encontrou apoio no Movimento Mães da Sé, onde é telefonista voluntária. “Todos os dias, encontro mães que passam o mesmo drama que o meu. Uma fortalece a outra. E a cada pessoa que encontramos, a minha esperança se renova cada vez mais”, disse com os olhos marejados. O quarto de Hugo está do mesmo jeito que ele deixou. E, não raro, Francisca, antes de dormir, passa horas e horas no portão de casa esperando pela chegada do filho.

Onde buscar ajuda Mães da Sé – Telefone: (11) 3337-3331 – www. maesdase.org.br Delegacia de Pessoas Desaparecidas – (11) 3311-3547/3311-3548/3311-3983 - http://www. ssp.sp.gov.br/servicos/pessoas_desaparecidas. aspx Cadastro Nacional de Pessoas Desaparecidas - http://www.cnpd.org.br/ Prefeitura de São Paulo - - www.prefeitura. sp.gov.br/cidade/secretarias/seguranca_ urbana/pessoas_desaparecidas/


23


lazer

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

Por: Ana Paula Almeida ana.paula@freesaopaulo.com.br Fotos: divulgação

São Paulo recebe exposição do acervo do Museu Olímpico Serviço “Jogos Olímpicos: Esporte, Cultura e Arte” – Galeria de arte do SESI-SP dentro do prédio da Fiesp Avenida Paulista, 1313 – Bela Vista – São Paulo Segunda, das 11h às 20h; terça a sábado, das 10h às 20h, e domingo, das 10h às 19h Informações pelo telefone 3146-7439 Entrada franca

A quase três anos das Olimpíadas, o país já começa a respirar os ares olímpicos que circularão pelo Rio de Janeiro em 2016. Prova disso é que São Paulo recebe uma exposição inédita com parte do acervo do Museu Olímpico do Comitê Olímpico Internacional (COI), e que fica aberta ao público até 30 de junho no Centro Cultural do Sesi-SP, dentro do prédio da Fiesp, com entrada gratuita. Nomeada de “Jogos Olímpicos: Esporte, Cultura e Arte”, a mostra traz cerca de 300 peças que marcaram a história dos Jogos Olímpicos da Era Moderna, como o uniforme do tenista Roger Federer, a sapatilha de Adhemar Ferreira da Silva, o tênis do exjogador de basquete Michael Jordan, um maio do nadador Cesar Cielo, e até uma tocha usada nas Olimpíadas de 1952, em Helsinque. Depois de São Paulo, a exposição segue para a capital dos jogos olímpicos no Brasil, o Rio.


lazer

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

Primeiro evento do COB pretende preparar público para Rio 2016 Este é o primeiro evento organizado pelo Comitê OIímpico Brasileiro (COB) para chamar a atenção do público brasileiro para as Olimpíadas do Rio de Janeiro, em 2016, e conquistar o maior número de paulistanos a prestigiarem os jogos daqui a três anos. A vinda dessas peças raras para o Brasil foi possível por dois detalhes: o primeiro, claro, é a realização dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, e o segundo é a reforma do Museu Olímpico, que fica na Suíça. Algumas peças fazem parte do acervo permanente do museu e estão deixando a Suíça pela primeira vez para aterrissar em terras brasileiras. Esta mostra levará o público a conhecer melhor a história dos jogos, o patrimônio, desafios e valores que contribuíram para que os Jogos Olímpicos se tornassem o fenômeno que são atualmente.

Oito módulos dividem a exposição A mostra está dividida em oito módulos, entre eles: Jogos da Antiguidade, O sonho de Coubertin, Acendendo a tocha, Cerimônias, Esportes e medalhas, Mascotes, Memorabilidade e Time Brasil. Entre as raridades expostas está a cópia do discurso do Barão du Coubertin com a proposta de recriação dos Jogos Olímpicos, datado de 1892. O que chama muito a atenção nesta mostra são os cartazes de divulgação dos primeiros jogos, peças que foram muito importantes, já que foram utilizados da criação da TV e da Internet, e terão o destaque merecido na mostra. Cada um dos cartazes remete ao momento histórico da época em que foram confeccionados e nos anos em que os jogos não foram realizados por causa da guerra, os organizadores deixarão um vazio simbólico. Mas nem só de peças históricas é composta a mostra. Os visitantes também contarão com jogos e peças que permitem a interação, como um espaço onde as pessoas podem tirar fotos com a tocha dos Jogos Olímpicos de 2012 ou com a mascote Misha, representante dos Jogos Olímpicos de 1980.

Itens expostos • Tênis do jogador americano de basquete Michael Jordan, campeão olímpico nos Jogos de Barcelona 1992; • Uniforme do tenista Roger Federer (SUI), campeão olímpico nos Jogos de Pequim 2008; • Medalhas de premiação, tochas, mascotes; • Réplica da cesta de pêssegos que o professor canadense radicado nos Estados Unidos, James Naismith, utilizou na invenção do basquete, em 1891; • Pistola de Guilherme Paraense – arma utilizada na conquista da primeira medalha de ouro da história do Brasil, na prova de tiro rápido individual, nos Jogos Olímpicos Antuérpia 1920. 25


viagem

Curta temperaturas amenas em cidades serranas de São Paulo Por Ana Paula Almeida ana.paula@freesaopaulo.com.br Fotos: divulgação

Q

uer aproveitar as temperaturas mais frias, mas não tem a possibilidade de viajar para fora do Estado neste momento? Não há desculpa para deixar o relaxamento de lado, já que São Paulo tem cidades serranas que garantem a distração de toda a família e demandam pouco tempo de viagem. Tem opção de roteiro para todos os gostos: cidade calminha, para o merecido descanso; roteiro do vinho, com videiras e plantações de alcachofras a perder de vista; e até atrações para os mais aventureiros, como vôos livres e passeios de jipe. E não importa se o seu descanso será embalado pelo som do vento em Santo Antonio do Pinhal, pelo vinho típico de São Roque ou pelas aventuras de Serra Negra. Deixe a preguiça de lado e escolha uma das cidades serranas do estado para aproveitar o outono em grande estilo.

Serra Negra Quem disse que para conhecer o Cristo Redentor é preciso viajar para o Rio de Janeiro? Em Serra Negra, a 152km da capital, tem a sua própria estátua, responsável por atrair de todo o Estado. Com 18 metros de altura e a mais de mil metros de altitude, o Cristo Redentor de Serra Negra está no Pico do Fonseca e o trajeto até o local é feito por um teleférico em um trajeto de 15 minutos. Além da atração principal, um mirante proporciona a vista panorâmica do município e reúne muitos casais interessados em assistir um belo pôr-do-sol. A prática de esportes radicais também tem espaço garantido na cidade, tirolesa, rapel, escalada e arvorismo não ficam de fora do roteiro dos turistas que, além das doses de adrenalina,

Serviço Locanda Oca Bianca Rua 9, 290 Tel. (19) 3842-1447 26

Hotel Pousada Shangri-Lá Estrada das Tabaranas, km 04 Tel. (19) 3892-3765

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo


viagem

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo

Relaxe em

Santo Antonio

do Pinhal Está em busca de dias de descanso, longe de qualquer badalação? Santo Antonio do Pinhal pode é a cidade que pode atender a seus anseios. Pequena e muito tranquila, oferece uma bela paisagem, boa gastronomia e pousadas a baixos custos. Bem mais tranquila que Campos do Jordão, Santo Antonio do Pinhal também é cercada pela Serra da Mantiqueira e rodeada de belas cachoeiras, mas é preciso verificar a temperatura da água, durante o Outono/Inverno ela costuma ser ainda mais gelada que em épocas mais quentes. Esportes radicais também entram no roteiro. Rapel e vôo livre são os preferidos dos turistas, e garantem diversão e uma bela vista aos aventureiros.

Serviço

Champagny Pousada & Restaurante

Rodovia SP-50KM 158 s/nº Fazenda Velha – Santo Antonio do Pinhal Tel. (12) 3666-1697

Pousada Villa 3 Lagos

Estrada do Lageado Km 1,5 Mochandinho – Santo Antonio do Pinhal Tel. (12) 3666-1559

São Roque, a terra do vinho Conhecida como a “Terra do Vinho”, São Roque é mais uma daquelas cidades paulistas que merecem uma visitinha no inverno, mesmo que seja para ter um dia agradável com toda a família. A beleza das vinícolas espalhadas pela Estrada do Vinho merecem atenção especial dos turistas, já que contam com infraestrutura completa para receber bem com seus restaurantes e com guias para visitas ao setor de produção das bebidas. As plantações de alcachofra também chamam atenção e rendem belas fotos. Se a criançada acompanhar os pais na viagem, vale a pena uma visita ao Ski Mountain Park, um complexo com pista de esqui e snowboard para a galerinha se divertir como se estivesse na neve, mas sem o frio típico das nevascas, já que a pista é feita de borracha. Arvorismo e Tirolesa também entram na programação.

Serviço

Ski Mountain Park Estrada da Serrinha, Km 3 Tel. (11) 4712-3299

Village Alto da Serra Estrada Taipa das Pedras, 271 Te. (11) 4701-0945

27


na tela

EM CARTAZ O Acordo A trama segue um pai suburbano que é pego de surpresa quando seu filho adolescente é sentenciado a 30 anos de cadeia.

A Morte do Demônio Depois de ficarem presos em uma cabana, cinco amigos encontram o Livro dos Mortos, e sem saber dos perigos, são possuídos por demônios.

O QUE VEM POR AÍ

O Massacre da Serra Elétrica 3D - A Lenda Continua A garota que escapou de um massacre que matou cinco pessoas é criada sem saber a verdade sobre seu passado. Já adulta, ela é informada que é a beneficiária da herança de uma avó que nem sabia existir. E viaja com as amigas ao Texas para conhecer a mansão que herdou.

Por Raissa Lira redacao@freesaopaulo.com.br Fotos: divulgação

Em Transe

Somos Tão Jovens

O filme conta a juventude de Renato Manfredini Jr., mais conhecido como Renato Russo, (Thiago Mendonça, o Luciano de 2 Filhos de Francisco) na capital federal. Vindo do Rio de Janeiro, ele sofria de uma doença óssea rara, a epifisiólise, que o deixou numa cadeira de rodas após passar por uma cirurgia. Obrigado a permanecer em casa, aos poucos ele passou a se interessar por música. Fã do punk rock, Renato começa a se envolver com o cenário musical de Brasília após melhorar dos problemas de saúde. É quando ajuda a fundar a banda Aborto Elétrico e, posteriormente, a Legião Urbana.

Simon (James McAvoy), um leiloeiro de arte, se une a uma quadrilha para roubar uma obra de arte no valor de milhões de dólares, mas, depois de sofrer uma pancada na cabeça durante o assalto, ele acorda para descobrir que não tem nenhuma lembrança de onde escondeu a pintura. Quando as ameaças físicas e tortura não produzem respostas, o líder da gangue (Vincent Cassel) contrata uma hipnoterapeuta (Rosario Dawson) para aprofundar os recessos mais sombrios da psique de Simon.


ÁRIES Comece a ser aquilo que você quer ser quando crescer. Este é o momento para reunir suas forças e afirmar aquele lado de sua identidade que mais deseja ver despontar.

LEÃO A Lua estimula o desenvolvimento dos ideais e do padrão ético e filosófico com o qual se orienta. Considere que você terá que se comportar de acordo com o padrão escolhido.

SAGITÁRIO A relação amorosa pede um gesto decidido e arrojado. Reafirme suas intenções, assumindo uma responsabilidade a partir delas. O enlevo é apenas o começo da união.

GÊMEOS Você pode participar de maneira nova de um grupo social. O contato com amigos está em ascensão. É tempo de dar contorno mais definido para seus sonhos e projetos pessoais.

LIBRA Os sentimentos e anseios amorosos são muito intensos. No entanto, o momento pede mais do que encanto, pede que vocês estabeleçam uma aliança bem constituída.

AQUÁRIO O contato com certa pessoa é encantador. Viagens e encontros estão beneficiados. Avance nos estudos, aprimore a comunicação e coloque nova ordem na rotina existencial.

29

TOURO Momento oportuno para se decidir por superar ou encerrar algum assunto. Também para reunir forças para cuidar da saúde ou resolver alguma pendência, de uma vez por todas.

VIRGEM Momento para aceitar uma transformação ou crise que levará à renovação de diversos aspectos da existência. Primeiro limpe o terreno, antes de plantar as novas sementes.

CAPRICÓRNIO É tempo de comandar e dar o tom do ambiente doméstico. Uma melhoria bem definida deve ser levada à moradia. Boa parte por conta de uma decisão pessoal sua.

CÂNCER É o momento de assumir a responsabilidade por algum novo elemento na atividade profissional. Não fuja dos esforços e redobre o empenho neste momento decisivo.

ESCORPIÃO Decisão importante pode ser tomada quanto à rotina de trabalho, aos subordinados ou aos hábitos pessoais. Momento propício para iniciar melhor trato à saúde.

PEIXES A Crescente indica decisões importantes na vida financeira. Você precisa se estabelecer com mais confiança em seu território próprio. Considere o valor certo do que é seu.

horóscopo

siga-nos em: facebook/FreeSaoPaulo


classificados


carro

tem que ser

solution

Seminovo sem stress e na Seminovos Localiza.

UNO VIVACE 4P 2012 COMPLETO

OU ENTrAdA + 36X dE r$

499 , 25.900, *

à VIsTA, A PArTIr dE r$

LOGAN EXPrEssION 2012 COMPLETO

26.490,

sANdErO EXPrEssION 1.6 2012 COMPLETO

à VIsTA, A PArTIr dE r$

à VIsTA, A PArTIr dE r$

29.490,

Os carrOs cOmpletOs vêm cOm: • Ar-condicionado • Direção hidráulica • • Travas elétricas • Pintura metálica

Vidros elétricos

Viabilizamos troca | www.seminovoslocaliza.com.br |

ABERTO TODOS OS DOMINGOS.

QUILOMETRAGEM

VILA LeOpOLDINA:

AUTO SHOppING CIDADe:

ITAIm pAULISTA:

LApA:

eNG. CAeTANO ÁLVAReS:

RICARDO JAFFeT:

SANTO ANDRÉ:

GARANTIDA

peNHA:

mORUmBI:

VILA GUILHeRme:

VILA pRUDeNTe:

JOãO DIAS:

NAçõeS UNIDAS:

OSASCO:

SãO BeRNARDO DO CAmpO:

3646 2550 3717 8080 2571 8830 3611 2701 2255 2343 5058 9700 4478 4850 4335 3466 2227 9970 3740 6600 3546 1650 2121 9800 5523 6939 5524 8873 3681 9090

Respeite a sinalização de trânsito. Logan Expression 1.0 11/12. Sandero Expression 1.6 11/12. *Uno Vivace 1.0 4P 11/12, à vista, a partir de R$25.900 ou entrada de R$12.950 + 36x de R$499. Valor total do carro financiado R$30.914. Condições válidas para financiamentos na modalidade CDC pelo banco BV, com taxas de 1,40% a.m. e 18,16% a.a. Entrada/financiamento sujeitos à aprovação de crédito pela financeira/adm. do cartão de crédito. Fotos ilustrativas. Ofertas válidas até 31 2/5/13 ou enquanto durarem nossos estoques.


32


FreeSP l No. 66