Page 1

1


A 3

ANUNCIANTE

ANUNCIANTE


A 5

ANUNCIANTE

ANUNCIANTE


Índice ANUNCIANTE

07 - Editorial

Nicarágua

pag.27

09 - Cartas e Emails 11 - Religion Reflection

Surf Feminino

pag.21

Guia de Lojas

pag.25

Longboard Life

pag. 37

Guia de Viagem

pag.49

13 - Pico Cultural 15 - Na Remada 17 - Click Series 19 - Momento Insano 41 -

Bate-Papo

43 - Pagina Surf Galeria 45 - Calendário 47- Momento Vacão A

7


Editorial #1

Thiago Muller

editor@paginasurf.com.br

OBRIGADO!!

Pois se esta lendo essa simples palavra de agradecimento, é sinal de que a primeira parte dessa caminhada já foi completada, que foi chegar até as suas mãos esse exemplar.

Para mim, hoje esta sendo como um desses dias, não consigo descrever a enorme alegria que corre dentro de mim, uma sensação única como no primeiro drop.

A Revista Pagina Surf acabou de nascer e já vem ao mundo como gente grande, e junto com vocês leitores esperamos não parar mais de crescer.

Essa revista é um sonho se realizando, e não por ser o lançamento de mais uma revista do segmento, mas sim, por me aproximar de vez dessa cultura tão mágica e rica que é o SURF.

Nessa primeira edição você já encontra uma matéria sobre a Nicarágua e como se virar por lá, também perceberá que surf feminino e longboard também faz parte do alicerce dessa revista e que o surf faz bem para qualquer um.

Não vou me prolongar muito nas palavras dessa vez, deixarei vocês terminarem de concluir o resultado dessa edição, só digo mais uma coisa: ACREDITEM EM DEUS ,E ACREDITE, A VIDA VALE MUITO A PENA .

Muitas vezes, nós surfistas sonhamos em surfar um pico irado, com altas ondas, água boa e limpa, só com os amigos e isso seria um daqueles dias perfeitos.

Sejam bem vindos, Boas ondas,

ANUNCIANTE

É assim que vou começar!

Boa leitura.

Thiago Muller

A

3


Cartas e Emails orem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book. It has survived not only five centuries, but also the leap into electronic typesetting, remaining essentially unchanged. It was popularised in the 1960s with the release of Letraset sheets containing Lorem Ipsum passages, and more recently with desktop publishing software like Aldus PageMaker including versions of Lorem Ipsum. Why do we use it?

orem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book. It has survived not only five centuries, but also the leap into electronic typesetting, remaining essentially unchanged. It was popularised in the 1960s with the release of Letraset sheets containing Lorem Ipsum passages, and more recently with desktop publishing software like Aldus PageMaker including versions of Lorem Ipsum. Why do we use it?

It is a long established fact that a reader will be distracted by the readable content of a page when looking at its layout. The point of using Lorem Ipsum is that it has a more-or-less normal distribution of letters, as opposed to us-

It is a long established fact that a reader will be distracted by the readable content of a page when looking at its layout. The point of using Lorem Ipsum is that it has a more-or-less normal distribution of letters, as opposed to us-

ing ‘Content here, content here’, making it look like readable English. Many desktop publishing packages and web page editors

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book. It has survived not only five centuries, but also the leap into electronic typesetting, remaining essentially unchanged. It was popularised in the 1960s with the release of Letraset sheets containing Lorem Ipsum passages, and more recently with desktop publishing software like Aldus PageMaker including versions of Lorem Ipsum. Why do we use it?

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book. It has survived not only five centuries, but also the leap into electronic typesetting, remaining essentially unchanged. It was popularised in the 1960s with the release of Letraset sheets containing Lorem Ipsum passages, and more recently with desktop publishing software like Aldus PageMaker including versions of Lorem Ipsum. Why do we use it?

It is a long established fact that a reader will be distracted by the readable content of a page when looking at its layout. The point of using Lorem Ipsum is that it has a more-or-less nor-

It is a long established fact that a reader will be distracted by the readable content of a page when looking at its layout. The point of using Lorem Ipsum is that it has a more-or-less nor-

mal distribution of letters, as opposed to using ‘Content here, content here’, making

A

ing ‘Content here, content here’, making it look like readable English. Many desktop publishing packages and web page editors

ANUNCIANTE

correio@paginasurf.com.br

mal distribution of letters, as opposed to using ‘Content here, content here’, making

5


Religion Reflection

Falando com Deus Crescer dói!

porque a raiz de tudo aquilo era a imaturidade. Somos provados e na provação existem os seus benefícios. Crescer dói, mas é para o nosso bem.

A

Quando Deus quer que nós cresçamos, Ele tira o que está te empatando de crescer espiritualmente. As provações fazem parte da for-

mação da nossa vida. O povo a quem foi destinada à carta de Tiago, vivia espalhado em Roma e era perseguido. Eram cidadãos dos céus, mas eram fugitivos, seus bens estavam sendo saqueados e se encontravam doentes. (Tiago 5:14). Amavam a Deus, mas estavam sofrendo. A vida cristã é um campo de batalha, não procure os “porquês” e aprenda com os “o quês”. Não estamos isentos de aflições, nós não somos poupados dos problemas, mas no problema somos provados. O cristão passa por essas coisas e muitas outras porque precisa crescer e crescer dói. Somos seres humanos e estamos sujeitos. As nossas atitudes influenciam no nosso futuro. Às vezes, as provas também são resultados de pecados, mas não é esse o assunto que queremos abordar. Para cada cor de provação, existe uma cor da graça de Deus. Vamos passar por várias provações, como diz a palavra “passar”, e não “ficar”. Está passando, está indo embora. Se fizermos um panorama da nossa vida, vamos verificar quais as marcas das quais nos lembramos, são as do passado, e o futuro só Deus é quem sabe, a nossa parte é crermos. A nossa fé é provada e depois disso produz perseverança. Deus está no controle e reserva para nós bênçãos e provações. Deus vem trabalhar no nosso caráter. Fique firme com o Senhor. Queira crescer e amadurecer. Mesmo que seja doído!

ANUNCIANTE

Podemos nos sentir privilegiados por sermos brasileiros, apesar de ser um País considerado do 3º mundo e termos vários problemas, é a nossa pátria. Precisamos nos orgulhar de termos nascido aqui. Temos que amar nossa pátria, pois cremos na transformação. É impressionante vermos a satisfação dos jovens que servem com alegria as forças armadas de Israel. Para eles, é uma honra e não um pesar servir a sua pátria. Hoje em dia, as nações estrangeiras vêem o Brasil como um local de corrupção e prostituição. Devemos cuidar e dizer não a essa condição e valorizarmos a nossa pátria. É muito difícil encontrar quem declare esse grande amor pelo País, pois sempre temos a tendência de querer crescer fora dele. Mas, Deus usa com poder aquele que ama a sua pátria. O Brasil se tornará uma nação amada quando Jesus for o Senhor. A Igreja tem a missão de ser luz e influenciar no Brasil e não só politicamente. Deus levanta a quem Ele quer em todas as áreas para isso. Nossa esperança deve estar na explosão do evangelho no País. A grande preocupação é que a Igreja não esteja tendo qualidade no crescimento. Cresce, mas não produz mudança, a sociedade acaba não vendo e não sendo alcançada. A Igreja brasileira ainda não exerce a influência que deveria. Divisão, competição, interesses pessoais, falta de compromisso à verdade, retidão, integridade e escândalo. É dessa forma que a Igreja é vista. A Igreja cresce sim, mas com um retrato superficial, com mundanismo e falta de maturidade. Temos na Bíblia a dica de como crescer. Em Tiago 1:1-4 conta a história do povo que eram tentados à cair no pecado. Tinham uma forte tendência

Com o Senhor, vale a pena!

7


História do Surf Os primeiros relatos do surf dizem que o esporte foi introduzido no Havaí pelo rei polinésio Tahito. Mas em 1778, quando o navegador James Cook descobriu o arquipélago, ele afirmou que já existiam surfistas na ilha. Até o início do século 20 o surf permaneceu em baixa até conhecer seu pai, Duke Paoa Kahanamoku, que manteve o esporte vivo graças a sua persistência. A primeira vez que o mundo ouviu falar do Havaí e do surf foi depois das Olimpíadas de 1912, em Estocolmo, onde Duke ganhou uma medalha de ouro na natação. Duke fez o mundo saber que ele era um usrfista e que o surf era o ato de cavalgas as ondas do mar. Após sua vitória, Duke introduziu o surf na América em 1913 e na Austrália em 1915. No Brasil, as primeiras pranchas foram trazidas por turistas. A primeira prancha brasileira foi feita em 1938 pelos paulistas Osmar Gonçalves, João Roberto e Júlio Putz, a partir da matéria de uma revista americana, que dava medidas e o tipo de madeira a ser usada.

Quem pode praticar o Surf O surf pode ser praticado por qualquer pessoa de qualquer idade, mas é preciso alguns cuidados para evitar qualquer acidente. Para o presidente da Federação Paulista de Surf, Silvério Silva, o mais importante é estar com um professor habilitado. “Existem muitas escolinhas por aí, muitas de qualidade duvidosa. Em caso de dúvida pergunte aos alunos, eles sabem se a escola é boa ou não”. Antes de sair se arriscando nas ondas tire suas dúvidas com algum surfista mais experiente ou procure alguma escola do esporte. Já existem muitas escolinhas do tipo espalhadas pela maioria das praias do País. Para as crianças é essencial que estejam acompanhadas, pois os perigos são maiores. Outro ponto importante é sempre respeitar os limites. Nunca tente fazer mais do que consegue. Se arriscar em vão poderá trazer sérios problemas.

ANUNCIANTE

Pico Cultural

Dropping-UP

Em 1950, os cariocas Jorge Grande, Bizão e Paulo Preguiça construíram uma prancha que não tinha flutuação nem envergadura. Em 1962, no Rio de Janeiro o Sr. Moacir criou uma técnica para dar envergadura aos pranchões, em São Paulo, Homero Naldinho, com 14 anos, fazia suas madeirites. Atualmente a Associação dos Surfistas Profissionais (ASP) é quem regulamenta e traça as diretrizes do esporte. Os maiores surfistas do mundo disputam anualmente o WCT (World Championship Tour) que consagra o campeão mundial.

A

9


Na Remada

Treinamento 1

Ronaldo Nogueira

Agüente surfar por mais tempo nadando Benefícios do treinamento aeróbio A prática do exercício físico induz a adaptações cardiovasculares, alterações funcionais e estruturais, resultante de uma interação de mecanismos centrais e periféricos.

Intervalada- 8x100 / 16x50 / 6x150

Tipos de Treinamento Aeróbio:

Contínua- 1x800 / 1x600 / 2x500

Sub-Aeróbio (End 1 ou A1): Usado como regenerativo/ descanso; Distância das Séries: 1000 à 2500 metros * Distância das Repetições: Qualquer distância Intervalo de Repouso: 5” à 30” Velocidade: 60% a 69% Tempo de Recuperação: 4 a 12 horas F.C. Estimada: 130-140 Bpm

Escada Progressiva-1x100+1x200+1x300+1x400 1x50+1x150+1x250+1x350...

Super-Aeróbio (End 2 ou A2): Utilizado para melhoria dos benefícios citados acima; Distância das Séries: 800 à 2000 metros * Distância das Repetições: 25 à 1500 metros Intervalo de Repouso: 10” à 1’ Velocidade: 70% à 79% Tempo de Recuperação: 8 à 24 horas F.C. Estimada: 150-160 Bpm VO2 (End 3 ou A3): Transição do treinamento aeróbio para anaeróbio, utilizado para benefícios citados acima: Distância das Séries: 600 à 1200 metros Distância das Repetições: 50 a 500 metros Intervalo de Repouso: metade até tempo de esforço da repetição, Ex: 100 m= chegada 1’20”/ Repouso 40” à 1’20” Velocidade: 80% à 85%

Exemplos de Séries:

EscadaRegressiva- 1x600+1x300+1x100 1x300+1 x250+1x200+1x150+1x100... Combinada- 4x (2x50+1x100) 1x200+2x100+4x50/ 1x300+2x150+3x100 Pirâmide: 100+1x200+1x300+1x200+1x100 1x400+1x150+1x50+1x50+1x150+1x400 x100+1x200+1x300+1x200+1x100 1x400+1x150+1x50+1x50+1x150+1x400 Obs: Dependendo do tipo de treinamento lembre que os intervalos são diferentes. Comecem os treinos hoje mesmo! Bom treino a todos!

Tempo de Recuperação: mínimo 24 horas F.C. Estimada: 170-180 Bpm

A

11


Click Series

13 A


Momento Insano A

Marcio “Pêlo” Stanhehauser 15


Surf Feminino A

Sabrina

By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except as described above, we do not share, rent or sell any information you provide to us to third parties. By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except as described above, we do not share, rent or sell any information you provide to us to third parties. By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except as described above, we do not share, rent or sell any information you provide to us to third parties. By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the

Luana Prado By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except as described above, we do not share, rent or sell any information you provide to us to third parties. By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that informa-

17


By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except as described above, we do not share, rent or sell any information you provide to us to third parties.

By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except as described above, we do not share, rent or sell any information you provide to us to third parties. By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except as described above, we do not share, rent or sell

A

By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except as described above, we do not share, rent or sell any information you provide to us to third parties. By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except as described above, we do not share, rent or sell

By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except as described above, we do not share, rent or sell any information you provide to us to third parties. By providing this information to Corbis, you are agreeing to allow us to utilize this information to complete all transactions you request through the Websites and to disclose that information and details of all such transactions to Corbis' various worldwide offices, subsidiaries, affiliates and any necessary payment processors. Because of the nature of the Internet, such data may pass through any country. Except as described above, we do not share, rent or sell

19


GUIA DE LOJAS

21 A


Nicarรกgua para todos

A

23


Aeroporto internacional de Cumbica SP, 3.40 da manhã do dia 01 de agosto de 2008. Estávamos ansiosos, primeira viagem internacional da revista, precisávamos ser bons, precisávamos ter sorte com o swell, precisávamos acertar e precisávamos nos divertir. Foi com esse espírito que partimos para Nicarágua na América Central, na barca estava eu como representante da Pagina Surf, Luciano Brulher surfista profissional e Márcio Stenhauser surfista amador, mais alguns dias e nos encontraríamos com outros amigos que também já estavam com a viagem marcada e fariam parte da barca, Tom Pool shaper, Leco fotógrafo profissional e surfista e Pedro surfista de bodyboard que é paraplégico. Nada estava certo a não ser a hora do embarca de ida e de volta, o restante iríamos descobrir quando chegássemos lá. Logo que chegamos no aeroporto internacional da Nicarágua passamos pela imigração e tivemos nosso passaporte carimbado logo após pagarmos a taxa de $5 dólares para a secretaria de turismo do País, em seguida fomos troca alguns dólares pela moeda local o “córdoba”, que no dia tinha seu valor taxado em c$18.45 para cada $1 dolar.

A

Pegamos todas nossas bagagens e nos dirigimos ainda dentro do aeroporto para um rent-a-car e como queríamos economizar procuramos por um veiculo pequeno e econômico, nada de caminhonete ou 4x4, apenas um carro que pudéssemos levar nossas pranchas e bagagem, então alugamos um carro de passeio comum. Pagamos pelo aluguem de 14 dias o valor de $ 699 dólares já com as taxas de seguro obrigatório e impostos, assinamos o termo de compromisso e seguimos para a cidade litorânea de Rivas “carretera sur”, distante 130 km da capital Managuá e onde encontraríamos as ondas que estávamos procurando. Chegando em Rivas, seguimos as placas que indicavam a direção do Rancho Santana, não ficaríamos lá pois já sabíamos que apesar da ótima infra estrutura, estava fora de nossos orçamentos, e também tínhamos algumas dicas de que poderíamos encontrar lugares muito bons mais a frente por preços muito mais convidativos, seguimos em frente. Depois de andarmos 40km por estrada de terra, chegamos a famosa praia de Popoyo, onde depois de batermos em muitas posadas e sempre lotadas achamos um lugar bacana e confortável, com ar condicionado e banheiro privativo, frente ao mar e por um preço legal, $

25


rimbado logo após pagarmos a taxa de $5 dólares para a secretaria de turismo do País, em seguida fomos troca alguns dólares pela moeda local o “córdoba”, que no dia tinha seu valor taxado em c$18.45 para cada $1 dolar. Pegamos todas nossas bagagens e nos dirigimos ainda dentro do aeroporto para um rent-a-car e como queríamos economizar procuramos por um veiculo pequeno e econômico, nada de caminhonete ou 4x4, apenas um carro que pudéssemos levar nossas pranchas e bagagem, então alugamos um carro de passeio comum. Pagamos pelo aluguem de 14 dias o valor de $ 699 dólares já com as taxas de seguro obrigatório e impostos, assinamos o termo de compromisso e seguimos para a cidade litorânea de Rivas “carretera sur”, distante 130 km da capital Managuá e onde encontraríamos as ondas que estávamos procurando. Chegando em Rivas, seguimos as placas que indicavam a direção do Rancho Santana, não ficaríamos lá pois já sabíamos

Aeroporto internacional de Cumbica SP, 3.40 da manhã do dia 01 de agosto de 2008. Estávamos ansiosos, primeira viagem internacional da revista, precisávamos ser bons, precisávamos ter sorte com o swell, precisávamos acertar e precisávamos nos divertir. Foi com esse espírito que partimos para Nicarágua na América Central, na barca estava eu como representante da Pagina Surf, Luciano Brulher surfista profissional e Márcio Stenhauser surfista amador, mais alguns dias e nos encontraríamos com outros amigos que também já estavam com a viagem marcada e fariam parte da barca, Tom Pool shaper, Leco fotógrafo profissional e surfista e Pedro surfista de bodyboard que é paraplégico. Nada estava certo a não ser a hora do embarca de ida e de volta, o restante iríamos descobrir quando chegássemos lá. Logo que chegamos no aeroporto internacional da Nicarágua passamos pela imigração e tivemos nosso passaporte ca-

A

27


A

29


traríamos com outros amigos que também já estavam com a viagem marcada e fariam parte da barca, Tom Pool shaper, Leco fotógrafo profissional e surfista e Pedro surfista de bodyboard que é paraplégico. Nada estava certo a não ser a hora do embarca de ida e de volta, o restante iríamos descobrir quando chegássemos lá. Logo que chegamos no aeroporto internacional da Nicarágua passamos pela imigração e tivemos nosso passaporte carimbado logo após pagarmos a taxa de $5 dólares para a secretaria de turismo do País, em seguida fomos troca alguns dólares pela moeda local o “córdoba”, que no dia tinha seu valor taxado em c$18.45 para cada $1 dolar. Pegamos todas nossas bagagens e nos dirigimos ainda dentro do aeroporto para um rent-a-car e como queríamos economizar procuramos por um veiculo pequeno e econômico, nada de caminhonete ou 4x4, apenas um carro que pudéssemos levar nossas pranchas e bagagem, então alugamos um carro de passeio comum. Pagamos pelo aluguem de 14 dias o valor de $ 699 dólares já com as taxas de seguro obrigatório e impostos, assinamos o termo de compromisso e seguimos para a cidade litorânea de Rivas “carretera sur”, distante

Marcio “ Pelo”

130 km da capital Managuá e onde encontraríamos as ondas que estávamos procurando. Chegando em Rivas, seguimos as placas que indicavam a direção do Rancho Santana, não ficaríamos lá pois já sabíamos que apesar da ótima infra estrutura, estava fora de nossos orçamentos, e também tínhamos algumas dicas de que poderíamos encontrar lugares muito bons mais a frente por preços muito mais convidativos, seguimos em frente. Depois de andarmos 40km por estrada de terra, chegamos a famosa praia de Popoyo, onde depois de batermos em muitas posadas e sempre lotadas achamos um lugar bacana e confortável, com ar condicionado e banheiro privativo, frente ao mar e por um preço legal, $ 45 dólares a pernoite para 3 pessoas, isso já era 17:30hs então jogamos as coisas no quarto e fomos aproveitar a ultima hora de surf que ainda tínhamos antes da noite chegar. Acordamos bem cedinho no dia seguinte, por volta das 06:00hs, com um calor já sufocante nos dirigimos até a praia pra chegar as ondas e para nossa surpresa as ondas estavam pequenas apesar do swell marcar 6 pés, então pegamos as pranchas e saímos para dar uma volta pela praia e conhecer um pouco mais o local, mas por

Samir

Marcio “ Pelo” Aeroporto internacional de Cumbica SP, 3.40 da manhã do dia 01 de novembro de 2008. Estávamos ansiosos, primeira viagem internacional da revista, precisávamos ser bons, precisávamos ter sorte com o swell, precisávamos acertar e precisávamos nos divertir. Foi com esse espírito que partimos para Nicarágua na América Central, na barca estava eu como representante da Pagina Surf, Luciano Brulher surfista profissional e Márcio Stenhauser surfista amador, mais alguns dias e nos encon-

A

Aeroporto internacional de Cumbica SP, 3.40 da manhã do dia 01 de novembro de 2008. Estávamos ansiosos, primeira viagem internacional da revista, precisávamos ser bons, precisávamos ter sorte com o swell, precisávamos acertar e precisávamos nos divertir. Foi com esse espírito que partimos para Nicarágua na América Central, na barca estava eu como representante da Pagina Surf, Luciano Brulher surfista profis

Pedrinho

Luciano Brulher

31


LongBoard Life

por: Luciano Sant´anna

SNI

Luciano O longboard é considerada a raiz do surf moderno, provavelmente por sua vaga semelhança as antigas pranchas de madeira das épocas dos reis polinésios, e também por sua elegância e estilo, por isso o longboard merece nesse livro um capitulo especial o qual começa agora. O surf de longboard já foi e ainda é alvo de muitos preconceitos no mundo do surf, embora que hoje em dia esse preconceito diminuiu. Considerada por muitos durante muito tempo uma prancha para “velhos”, o longboard e os longboarders bravamente se mantiveram firme mesmo sendo fruto de gozações e brincadeiras, trazendo o longboard como prancha, como estilo de surf ou como até estilo de vida.

A

Tom Pool 33


Para os leigos em longboard essa idéia de existirem duas linhas de surf pode parecer, e soar como rivalidade, porem o que mais se vê é a união, sendo que todos os longboarders admiram os dois estilos, porem geralmente tem uma facilidade ou admiração maior por um deles sendo muito comum um surfista ter uma prancha progressiva e uma prancha clássica, sendo que cada uma será utilizada conforme a onda a ser surfada, ou estilo que mais predomina no dia. Para esses adoradores dos dois estilos, com o tempo e muito provavelmente por um shaper se encaixar nessa característica, surgiu o longboard mix, uma prancha versátil que atende bem as manobras e também as caminhadas e manobras de bico, guardadas as devidas proporções, pois é uma mescla de características diferentes em uma só prancha, porém é muito funcional, para o surfista que tem uma só prancha e não quer deixar um dos estilos de lado. O longboard é uma prancha extrema, calma, explicarei isso, a prancha é altamente recomendada a iniciantes por ter bastante flutuação e estabilidade, tornando o aprendizado muito mais fácil, porém pelos mesmos motivos a prancha é mais difícil de se manobrar, tirar a mesma de sua linha natural, imagine que a prancha é grande com muita área de sustentação, e como uma manobra é obtida pela troca do centro de gravidade de uma prancha, a primeira atitude é instintiva, usar a força para isso, porém logo nas primeiras tentativas verá que isso não surte tanto efeito, ai o surfista vem a ter a maior consciência do que é linha de surf e as técnicas para manobrar a prancha, por isso o longboard é considerado extremamente técnico.

Everton A

Luiz “Tio” 35


Entrevista

com: LUCIANO BRULHER

I

ncentivado pelo pai Luciano Sant’anna, Luciano Brulher iniciou no surf aos 3 anos de idade. Sempre entre os tops do paulista amador, agora parte para a carreira profissional, com uma postura cristã e dedicado aos treinos ele pretende em quatro anos estar entre os top’s do surf. . NOME: LUCIANO AGUINALDO BRULHER SANT’ANNA DATA DE NASC: 13/09/1988 IDADE 18 ANOS LOCAL: CARAGUÁ – SP LOCAL DE TREINO: LITORAL NORTE PAULISTA MELHOR MANOBRA: TUBO MELHOR CAMPEONATO: 2ª ETPA DO PAULISTA DE SURF PROFISSIONAL 2006

Pagina Surf:

Como foi o seu primeiro contato com o surf e quando isso aconteceu? Luciano Brulher: Desde de que eu me conheço por gente, sempre estive envolvido com o esporte, aprendi a andar de skate com menos de dois anos. Meu pai é surfista e está envolvido com o surf há mais de 20 anos, organizando campeonatos, dando aulas de surf e etc, cresci no meio de pranchas e campeonatos de surf e aos 3 anos e meio, meu pai me deu uma prancha de presente de aniversário e me levou para surfar, me empurrou na primeira ondinha e fiquei em pé. Isso em março de 1992, a partir daí, aprendi a gostar do surf.

A

Entrevista gentilmente cedida por: ADC Caraguá

Pagina Surf:

Quando você aprendeu a competir ? Luciano Brulher: Aos 6 anos quando meu pai fundou a escolinha de surf de Caraguá (projeto antes no mar do que na rua) começou a ensinar a garotada da época a competir através dos surf treinos e eu acabei entrando para aprender. Mas participei da minha primeira competição oficial mesmo aos 7 anos de idade no paulista Hang Loose, na época nem existia a categoria Petit, por isso tinha que competir com garotos com o dobro da minha idade.

Pagina Surf:

No Hang Loose Paulista quando que começaram vir os resultados? Luciano Brulher: Foi em 1998, quando eu terminei o ranking na 8ª posição da estreante, que hoje seria a infantil.

Pagina Surf:

Como você analisa sua carreira como amador? Lucina Brulher: Uma carreira média faltou competir mais no Brasileiro amador, aonde cheguei a ser vice-campeão por equipe em 2006, mas acredito que fiz uma boa escola no Paulista amador Hang Loose e Ok dok com alguns resultados médios que me deram uma boa base para me profissionalizar.

Pagina Surf:

Como foi a decisão de se tornar profissional?

Luciano Brulher: A partir do momento que eu fiz bons resultados no Paulista profissional no final de 2006. Ainda como amador, terminei como top 32 e vi que tinha deixado muita gente boa para trás.

PaginaSurf:

E agora como você vê os prós e contras de ser um atleta profissional? Luciano Brulher: O lado bom é que você tem a chance de ganhar um dinheiro nas competições e também um patrocinador que te pague um salário. O lado ruim é a dificuldade para arrumar um bom patrocínio para poder participar de todos os eventos que acontecem no Brasil e no Mundo

Pagina Surf:

Quais são seus patrocinadores atualmente? Luciano Brulher: Não tenho um patrocinador de ponta ainda, mas conto com a colaboração e apoio de alguns amigos que resolveram acreditar em mim, como é o caso do Shaper Renato Casemiro (RC) que faz as minhas pranchas, o Marcão um ex-aluno de surf do meu pai que me dá um pequeno salário mensal, mas de grande valia pra mim, a academia Linha d’água, onde eu tenho toda a liberdade para treinar e manter minha forma física, além do pessoal do Hotel Coquille de Ubatuba que me dão estadia para que eu possa ficar e treinar em Ubatuba.

a oportunidade do apoio do Hotel Coquille que acredita no meu talento e na parceria do trabalho com as aulas de surf que meu pai ministra para os hospedes do hotel isso aconteceu, agora estou treinando mais e com mais garra.

Pagina Surf:

Depois do Alexandre Moliterno você é a mais nova promessa do surf Caraguatatubense? Luciano Brulher: Acredito que não só eu, mas o Marcus Cardoso também, ele tem o surf no pé e mora em Floripa um dos grandes centros do surf no brasil. Tem o Everton Oliveira no Longboard que tem que acreditar mais nele mesmo e correr atrás das competições.

Pagina Surf:

E daqui a diante qual é o foco?

Luciano Brulher: Procurar melhorar meu trabalho como atleta em todos os aspectos para alcançar os meus objetivos, que é entrar para o Super Surf (1ªdivisão do surf profissional brasileiro), se manter na elite do surf Paulista, Brasileiro e quem sabe Mundial. No futuro fazer uma faculdade para ter uma profissão paralela.

Pagina Surf:

E essa decisão de mudar para Ubatuba como surgiu? Luciano Brulher: Já era plano mudar para perto de uma praia que eu pudesse treinar com mais constância, aí com

37


LUCIANO BRULHER

Jonas “Caçandoca” Renato Casimiro

A

Pagina Pagina Surf galeria

Diego Santos MARCIO PÊLO

Martinez

39


RANKING APÓS A SEGUNDA ETAPA

Janeiro -

Universitário de Surf

OPEN

Luas: Nova: 8 - Crescente: 15 - Cheia: 22 Minguante: 30

Categoria Open Darcio Dias (Uniesp) Mauricio Pelé (Unisep) Raphael Rocha (Unimonte) Marcio Pelo (Unimodulo)

1º Marcio Pêlo - 2.000 pts 2º Jonas Machado - 1.800 pts 3º Cristiano Andrade - 1312 pts 4º Ari Gandola - 1260 pts

12 e 13 FPS Municipal 2007 Etapa 3 Lui Lui Guarujaense 2007 Tombo, Guarujá

Rank

Calendário Competitivo

Ranking Final - 10º Circuito Paulista

JUNIOR

3 a 10 ASP W J Serie Billabong ASP W J Champ Sydney, AUS 4 a 11 ASP W Q Series 5 stars O’Neill Pro Florida, USA 19 e 20 CBS Especial Etapa 1 Rip Curl Grom Search Atlantida, RS 26 e 27 FPS Especial Copa Itanhaém Pro-Am Pescadores, Itanhaém 1 a 27 FPS Especial única Santos Surf Festival Quebra Mar, Santos Fevereiro Luas: Nova: 7 -Crescente: 14 - Cheia: 21Monguante: 29

Categoria SP Pedro Regatieri (Unip) Pedro Oliveira (Santana) Murilo Bastos (Trevisan) Marcus Salusse (FGV) Categoria Formados Maurício Duarte (Unisanta) Tymer Maricato (USP) Sergio Petroni (Mack) Daniel Lopes (Unimes) Categoria Feminina Geórgia Paschoal (Unisantos) Jaqueline Diniz (Unimonte) Fernanda Infanti (Santa Cecília) Lívia Lopes (Unitau)

1º Pedro José - 1.900 pts 2º Victor Cardoso - 1810 pts 3º Celso Junior - 900 pts 4º Fábio Jardim - 810 pts UNIVERSITÁRIO 1º Marcio Pêlo - 2.000 pts 2º Dimas Neder - 1710 pts 2º Igo Silva - 1710 pts 4º João Ricardo - 729 pts LONGBOARD 1º Fenando Santos “Tom Pool” - 1.810 pts 2º Everton Oliveira 1.000 pts 3º Fernando frúgoli - 900 pts 3º Luciano Sant’anna - 900 pts

9 e 10 ABRASP Regional Estadual Rio Pro Quissamã, RJ 4 a 9 ASP W Q Series 6 stars Huanchaco Peru Pro Surf Trujillo, Peru 12 a 17 ASP W Q Series 5 stars Hang Loose Pro Contest Fernando de Noronha, BRA 23 e 24 ABRASP Regional Estadual Rio Pro Grussaí, RJ 23 e 24 CBS Especial Etapa 2 Rip Curl Grom Search Salvador, BA

A

41


Momento Vac達o

43 A


Guia de Viagem

Onde Comer:

UBATUBA Onde Ficar: Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br

Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br

Onde Curtir:

Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br reia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br reia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

Uteis: Farmacia Drogamais 24 horas: Emergencia (12) 3883-3333 rua. Miguel Varlez, 1213 - Centro

CARAGUATATUBA Onde Ficar: Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br

Hospital (12) 3884-3333 Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br

A

Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

Delegacia de Policia (12) 3844-2121

Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br

45


GUIA DE VIAGEM

Onde Comer: Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br

Onde Curtir:

Onde Comer: Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br reia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br reia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

Uteis: Farmacia Drogamais 24 horas: Emergencia (12) 3883-3333 rua. Miguel Varlez, 1213 - Centro

SAO SEBASTIAO Onde Ficar: Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br

Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br

Onde Curtir:

Hospital (12) 3884-3333 Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

A

Delegacia de Policia (12) 3844-2121

Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br

Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

47


Onde Comer: Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br reia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br reia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

Uteis: Farmacia Drogamais 24 horas: Emergencia (12) 3883-3333 rua. Miguel Varlez, 1213 - Centro

ILHABELA Onde Ficar: Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br

Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br

Onde Curtir:

Hospital (12) 3884-3333 Delegacia de Policia (12) 3844-2121

A

Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br reia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br reia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

Uteis: Farmacia Drogamais 24 horas: Emergencia (12) 3883-3333 rua. Miguel Varlez, 1213 - Centro Hospital (12) 3884-3333

Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br

Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

Delegacia de Policia (12) 3844-2121

49


MARESIAS Onde Ficar: Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br

Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br Cachaçaria Agua Doce: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.cachacariaaguadoce.com.br

Onde Curtir:

Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

Ondas dos Sonhos

Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br reia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br reia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

Bate-Papo com: Marcio “Pelo” Stanherauser

Próxima Edição

Onde Comer:

Editorial REVISTA PAGINA SURF CNPJ: 05.092.541-0001-00 rua: Salvador Lombardi Neto, 278- B N. Paulinia - CEP. 13.140-000 Paulínia - SP - Fone: 19 3844-3559 Edição #1 Ano 2009 Editor Chefe: Thiago Muller Diretor de Arte: Thiago Muller Jornalista Responsável Patricia MTB Dep. Jurídico:

Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

Uteis: Farmacia Drogamais 24 horas: Emergencia (12) 3883-3333 rua. Miguel Varlez, 1213 - Centro Hospital (12) 3884-3333

Hotel Casabranca: (12) 3884-2222 rua. Marjor Ayres, 1.002 - Centro www.hotelcasabranca.com.br

A

Areia Discoclub: (12) 3883-2200 rua. Subida do Morro, 1.000 - Centro www.areiadiscoclub.com.br

Delegacia de Policia (12) 3844-2121

51

Nicaragua 2008  

Um dia qualquer

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you