Page 1

Portfolio Frederico Vieira Reis


Portfolio Frederico Vieira Reis


12.11.1985 Nome | Name: Frederico Coelho Vieira dos Reis Morada | Adress: Lisboa: Rua Natรกlia Correia nยบ15 R/C Dto, 2780-276, Oeiras, Portugal London: Flat 15 Simmons House, Sussex Way London N7 6RX Telefone | Telephone: +351 91 25 90 797 e-mail: fvrarchitecture@gmail.com

http://issuu.com/fredericoreis/docs/portfolio_fvrarchitecture


CURRICULUM

EDUCAÇÃO | EDUCATION Escola Secundária Luís de Freitas Branco, Paço de Arcos | 2004 Ensino Secundário, Agrupamento de Artes | Arts High School, Graduate Facultà di Architectura Valle Giullia, Sapienza Università di Roma | 2007/2008 Erasmus, Laurea Specialistica UAL, Universidade Autónoma de Lisboa | 2008 Licenciatura em Estudos e Desenhos de Arquitectura | Graduate Studies in Architecture Mergulho, Piscinas do Poço do Bispo | 2009 Tese de Mestrado em Arquitectura | Architecture Thesis UAL, Universidade Autónoma de Lisboa | 2011 Mestrado de Arquitectura | Masters in Architecture

WORKSHOPS | WORKSHOPS Escola Secundária Luís de Freitas Branco, Paço de Arcos | 2003 Técnicas e Estudos de Serigrafia | Technics and Studies of Screen Printing Wurzburg, Alemanha | Wurzburg, Germany | 2007 7th International Architecture Summer Workshop: Conversion of the “Grunert” area Facultà di Architectura Valle Giullia, Sapienza Università di Roma | 2008 Geoarchitectura, con Paolo Portoghesi Facultà di Architectura Valle Giullia, Sapienza Università di Roma | 2007 EUROSCENA, laboratori di scenotecnica. Workshop di Scenografia “Adamastor” à Casale Rocchi UAL, Universidade Autónoma de Lisboa | 2008 IX Seminário Internacional Arquitectura Conexões: Marginal de Cascais | Aires Mateus

OUTRAS ACTIVIDADES | OTHER ACTIVITIES Colégio Dom Bosco, Macau, China | 1993 Medalha de Bronze, Concurso de Desenho no Japão | Bronze Medal, Drawing Contest in Japan Escola Secundária Luís de Freitas Branco, Paço de Arcos | 2003/2004 Presidente da Associação de Estudantes | President of the Students Association Oeiras, Portugal | 2001/2012 Kung Fu Shaolin, Atleta de Competição e Demonstração | Demo and Competition Athlet Musico | Musician | 2002/2012 Musica Urbana e Sons Alternativos | Festivais de Oeiras | Mercado Club | FlowFest Sapienza Università di Roma | 2007 Curso de Italiano | Italian Course Actor e Direcção Artística | Arctor and Arts Director | 2011/2012 Mergulho, Piscinas do Poço do Bispo | Atira-o aos Porcos | Corsage, Menina de Lisboa (music video)

EXPERIÊNCIA DE TRABALHO | WORK EXPERIENCE Alcântara, Lisboa, Portugal | 2005 Montagem de Exposição Sony | Exhibition Installation for Sony Bairro Alto, Lisboa, Portugal | 2011/2012 Hostel, The Independent | The Decadente Bar and Restaurant

LÍNGUAS | LANGUAGES Português | Portuguese Inglês | English Italiano | Italian Espanhol | Spanish Francês | French ArchiCad, Adobe Photoshop, Adobe Ilustrator, Adobe InDesign, Adobe Acrobate, Adobe Premier, Microsoft Office, Reason Execução de Maquetes, Desenho / Esquiço, Fotografia | Model Making, Sketch / Drawing, Photography


FVRarchitecture FVRarchitecture Portfolio 004 | 036

Casa em Cascais, Portugal

House in Cascais, Portugal

Uma proposta para uma moradia T3, em cascais, que não exceda dos 100m . Um lote de configuração muito irregular, de topografia acentuada, caracterizada pela sua componente rochosa, seguindo um eixo de Norte-Sul. A casa adapta-se às formas quebradas do lote e à morfologia do terreno, criando dois pisos e um pátio à volta do qual a habitação se organiza. O corpo de distribuição, no lado poente, a faixa de organização e que relaciona todos os espaços, caracteriza-se pela forma como a iluminação é feita. A nascente estão todos os espaços domésticos, no piso superior os quartos, no inferior os espaços comuns direccionados para a zona de jardim onde está situada a piscina, a nascente. 2

A proposal for a 3 bedroom house in Cascais, not exceeding the 100m2. A lot of very irregular configuration, steep topography, characterized by its rocky component, following a north-south axis. The house adapts to the broken forms of the lot and to its morphology, creating two floors and a patio around which the house is organized. The body of distribution, is located to the west, it organizes and relates all of the common spaces, its characterized its type of illumination. Towards east are all the domestic spaces, all the rooms are in the upper floor, the common areas open onto the garden where the pool is situated.


cobertura | rooftop

piso 1|1st floor escrit贸rio | office

quarto | sleeping room quarto | sleeping room wc

piso 0 | ground floor

cozinha | kitchen

sala | living room

piscina | pool

escadas de acesso exterior | exterior stair access


FVRarchitecture Portfolio 006 | 036

Centro de Ciência e Tecnologia, Roma, Itália

Center of Science and Tecnology, Rome, Italy

Este edifício insere-se num contexto algo complexo, o corpo mais a norte situa-se entre o MAXXI (projecto da arquitecta Zaha Hadid) e a Basilica de Santa Croce, a estrutura mais a sul localiza-se, onde outrora haviam sido armazéns de papel, agora inactivos. Os dois corpos estão separados pela Via Guido Reni. O edifício do programa expositivo, seria exteriormente revestido a travertino, os outros elementos em betão aparente. A cosmologia seria o principal tema em foco.

This building is inserted on a complex context, the body further north lies between the MAXXI (project of architect Zaha Hadid) and the Basilica of Santa Croce, the structure further south, is located where once were paper warehouses, now deactivated. The two bodies are separated by the Via Guido Reni. The building of the exhibition program, would be made out of travertine, the other elements in exposed concrete. Cosmology would be the main subject in focus.

N


FVRarchitecture Portfolio 008 | 036

Museu Colecção Privada, Belém, Portugal

Museum Private Colection, Belém, Portugal

Belém, é caracterizada por ser a principal zona museológica de Lisboa, deste modo, pretendeu-se criar um museu que albergasse uma colecção privada de arte contemporânea. O terreno de implantação faz frente com a avenida da India e com rua do Junqueiro, o museu dos coches ( do arquitecto Paulo Mendes da Rocha) situa-se a poente, a nascente existe um antigo muro de suporte, que definia a antiga linha de costa Lisboeta. Os jardins e os muros de suporte surgem, como os grandes elementos aglutinadores entre o museu dos coches e o museu colecção privada, pretendeu-se também que houvesse uma grande permeabilidade entre a rua do Junqueiro e a frente dos museus. A organização programática deste edifício é feita através duma grande praça, ligeiramente elevada em relação à cota do jardim, que é coberta pelo volume que alberga os espaços expositivos. Os espaços expositivos são muito polivalentes e dotados de vários pés direitos. Feita através de um “tecto de luz”, a iluminação homogénea e contínua dá uma imensa leveza ao interior deste edifício. Exteriormente o edifício é todo em betão aparente, a sua estereotomia, dada pelas cofragens perdidas em ripas de madeira, resulta num desenho dinâmico e texturado que pretende conferir robustez. A fusão entre exterior e interior, tornam mais forte esta intenção de querer cruzar a leveza com peso do material.

Belém is characterized by being the main museum area of Lisbon, thereby it was intended to create a museum that would lodge a private collection of contemporary art. The lot is facing to India Avenue and Junqueiro street , the museum of carriages (by architect Paulo Mendes da Rocha) is located to its west, to the east there is an old retaining wall that defined the former coastline of Lisbon. The gardens and retaining walls are the major binding elements among the private colection museum and the museum of carriages, it was also intended to create a connection between the Junqueiro street and the frontside of the museums. The programmatic organization of this building is done through a square, slightly raised up with respect to the elevation of the garden, and is covered by the volume that hosts the exhibition spaces. The exhibition spaces are very versatile and endowed with various ceiling heights. Done by a “lighting ceiling”, this type of light gives a smooth and continuous levity to the interior of this building. Externally the building is all in concrete , its stereotomy given by lost shutterings in wood boards, resulting in a dynamic and textured design that gives external robustness to the building. The fusion among exterior and interior, reinforce the intention to gather the concepts of lightness with strength.


N


FVRarchitecture Portfolio 010 | 036


FVRarchitecture Portfolio 012 | 036

32 31 30 29

28

27 26 25 24 19 20 21 22 23

18 17 16

Corte Constructivo | Constructive Section

14 15

Escala | Scale 1:50 01. Cupolex 02. Geodreno 03. Complexo de impermeabilização, tela betominosa e manta drenante 04. Caixa de brita 05. Tubo de escoamento de águas 06. Gesso laminado, 2x12,5mm knauf 07. Isolamento térmico, tipo wallmate, 70mm 08. Tijolo, 150mm 09. Caixa de ar, 70mm 10. Muro de betão armado aparente 11. Peça de fixação para complexo de impermeabilização 12. Terra compactada 13. Relva 14. Caleira metálica 15. Betonilha 16. Viga metálica de perfil em “ I ” 600mm x 220mm 17. Esferovite compactado 18. Laje de betão aligeirada 19. Rodapé, chapa de aço pintada de branco 100mm x 12,5mm 20. Camada de regularuização 21.Soalho de madeira, tipo pinho 1500mm x 100mm 22. Calço de madeira 23.Lã de rocha 55mm 24.Gesso laminado pintado de branco, 2x12,5mm knauf 25.Isolaneto térmico, tipo wallmate, 70mm 26. Fixadores metálicos 27. Policarbonato translúcido 15mm 28. Iluminação artificial, lampadas fluorescentes 1000mm 29. Estrutura do lanternim, viga metálica de perfil em “ I ” 600mm x 220mm 30.Caleira metálica em chapa de aço 31. Vidro laminado temperado 32. Gradil metálico pintado de branco

13 12 11 10 09 08 07 06

05 04 03 02

01


06

07

06

05

04

05

02

01

OTHER WORKS

OUTROS TRABALHOS

08

09

http://www.behance.net/gallery/rear-window/2579671

Rear Window voyeurism, perspectives through the secret garden

https://www.youtube.com/watch?v=HE_qoYemaHA

Realizador | Director Sérgio Oliveira Projecto | Project Frederico Reis Direcção Artística | Art Director Frederico Reis

03

FVRarchitecture Portfolio 014 | 036


Realizador | Director SĂŠrgio Oliveira h t t p s : / /

w

Actor | Actor w w . y

Frederico Reis o u t

u

ATIRA-O AOS PORCOS b e . c o

m

/

w

a

t

c

h

?

v

=

6

h

C

C

Y

C

b

F

L

M

Y


FVRarchitecture Portfolio 016 | 036

Edificio de Habitação ‘Brick by Brick’ Belém, Portugal

Residential Building ‘Brick by Brick’ Belém, Portugal

O Tijolo é o elemento que serve como ponto de partida para este projecto. É uma peça de forte referência no lugar e surge como componente constituinte da paisagem, através do museu da electricidade. O edifício em tijolo de burro encarnado, dotado de uma escala que se impõe na envolvente, de enormes e variados vãos e de uma dinâmica de volumes que caracterizam as suas qualidades espaciais, serviria como propulsão para a criação da estrutura, materialidade e expressão do edifício. Um projecto definido por uma linguagem em que os planos horizontais, são cinzentos dados pela neutralidade do betão e das argamassas e em que os planos verticais são assinalados pela força cromática de um tijolo que surge como uma reminiscência ao passado, uma peça pequena, de escala humana, cumpre em simultâneo funções térmicas e estruturais, uma peça auto sustentável. A pré-existência é um muro em alvenaria de pedra, (basalto) é preservado como memória do lugar onde outrora fora mar. O edifício encontra-se sobre uma plataforma de betão, essa que é de nível, ajardinada e onde se apoiam os blocos pontuais que elevam as habitações. A concepção dos espaços destinados a habitação, seguem módulos organizados em torno pátios em pé direito duplo. A experiência e a procura de espaços interiores que revelem uma diversidade de pés direitos e de plasticidades geométricas dadas pelos volumes e pelas formas constituem, uma das singularidades do projecto.

The Brick is the element that is used as a starting point for this project. It is a strong reference in site and appears as a component of the landscape, given by the electricity museum. A red brick building, is unique amidst Lisbon’s architectural setting, and is one of the most beautiful examples of Portuguese industrial architecture from the first half of the 20th century. Its dynamic volumes that characterize its spatial qualities, would serve as propulsion for the creation of the structure, materiality and expression of the building. The project is defined by a language in which the horizontal lines, are given by the neutrality of gray concrete and mortar and the vertical planes are marked by the chromatic strength from the bricks, that appears as a reminiscence to the past. A small block human scaled, with 330 x 100 x 155 mm , that assumes thermal and structural functions. There is a pre-existence, a masonry stone retaining wall,_ (basalt), it is preserved as a memory of the site, and of where once was the sea. The building is set on a concrete platform, and it rises up from a landscaped zone, where its bases suported. The design of the housing spaces, follow modules organized around patios in double height floors. The experience and the search for interior spaces that reveal a variety of ceiling heights and geometric plasticity given by the volumes and forms constitute one of the singularities of the many project.


N


FVRarchitecture Portfolio 018 | 036


FVRarchitecture Portfolio 020 | 036

Planta do Piso 1 e 3 | 1st and 3rd Floor Plan

Planta do Piso 2 e 4 | 2nd and 4th Floor Plan


FVRarchitecture Portfolio 022 | 036 29 28 27 26 25

24 23

22 21 20 19 18 17 16

Corte Constructivo | Constructive Section Escala | Scale 1:50

01. Gesso laminado, 2x12,5mm knauf 02. Isolamento térmico, tipo wallmate, 70mm 03. Tijolo, 150mm 04. Caixa de ar, 70mm 05. Laje de betão armado, 220mm 06. Isolamento térmico em espuma 07. Pavimento radiante com malha de fibras 08. Betonilha afagada 09. Revestimento em epoxy 10. Gravilha e Caixa de brita 11. Tout-venant 12. Tijolo, peça de, 330 x 100 x 155 mm 13. Argamassa, 10mm 14. Laje de betão 15. Sistema de fixação para betonagens in-situ, tipo halfen 16. Vidro duplo, tipo Saint-gobain 17. Caixilho metálico, tipo jofebar 18. Pingadeira de recolha de água 19. Pingadeira de extracção de água 20. Tela impermeabilizante em pvc 21. Gravilha 22. Lajeta de betão 23. Peça metálica de fixação da guarda de virdo á parede 24. Guarda, vidro laminado com folhas temperadas 25. Camada de forma, pendente 3% 26. Isolamento térmico, tipo roofmate 70mm 27. Lagetas de betão 28. Complexo de impermeabilização, tela betominosa e manta drenante 29. Peça de suporte para lajetas, tipo Buzon

15 14 13 12

10 11

09 08 07 06 05 04 03 02 01


FVRarchitecture Portfolio 024 | 036

Piscinas do Poço do Bispo, Lisboa

Swiming Pools for Poço do Bispo, Lisbon

‘Mergulhar em Lisboa’ é o tema sugerido, que serve como de ponto partida para uma reflexão acerca das inúmeras possibilidades de intervir com um programa de piscinas públicas para Lisboa. Este tipo de estruturas é quase inexistente numa cidade com um enorme culto balnear. A linha de costa Lisboeta, o seu desenho original, as suas várias fases e mudanças, são características únicas que criam momentos de cidade muito particulares. A análise foi feita de Santa Apolónia à Expo, um troço de costa que ficou estagnado no pós-industrialização, deixando para trás um antigo limite rico em edificado patrimonial, invadindo o mar e desenhando a cidade com novos contornos. Deste modo, é abordada a problemática de intervir em lugares consolidados e com contextos patrimoniais. Este trabalho foca-se nestes aspectos, pretendendo recuperar um lugar esquecido no Poço do Bispo, marcando posição no fim da escarpa, acentuando o espírito do lugar, ao requalificar um jardim voltado para o Mar da Palha. A criação de espaços de lazer em grande escala é, assim, a estratégia crucial para a resolução destes lugares adormecidos na cidade.

‘Plunging in Lisbon’ is the theme suggested, serving as a starting point for a reflexion about the innumerous possibilities of intervening with a public swimming pool programme for Lisbon. This type of structure is near to inexistent in a city with great seaside cult. The Lisbon shore line, its original design, its different stages and changes, are unique characteristics that create very particular moments in the city. The analysis was done from Santa Apolónia to the Expo, a shore branch that remained stagnated on the post-industrialization period, leaving behind an old limit rich in patrimonial edification, invading the sea and drawing the city with new shapes. Thus, the intervention in places that are consolidated and have a patrimonial context is approached. This work is focused on these aspects, and aims at recovering a forgotten place at Poço do Bispo, presenting itself at the end of the scarp, emphasizing the spirit of the place by re-qualifying a garden turned towards Mar da Palha. The creation of large scale leisure areas is, thus, the crucial strategy for the resolution of these dormant places in the city.

Mergulhar, Lisboa, linha de costa, contextos patrimoniais,

Plunging,

Poço do Bispo, jardim, lazer

Lisbon,

shore

line,

patrimonial

contexts,

Poço

do

Bispo,

garden,

leisure


N


FVRarchitecture Portfolio 026 | 036

cobertura e sistema de vigas rooftop and structure

espaรงos cobertos indoor facilities bancadas | countertops

restaurante | restaurant

piso das piscinas swimming pools floor

balneรกrios interiores | interior locker rooms

piscina interior | indoor pool 50 m balneรกrios exteriores | exterior locker rooms piscina interior | indoor pool 25 m

piscina exterior outdoor pool

jardim | garden


FVRarchitecture Portfolio 028 | 036

3

1

2


1

2

3


FVRarchitecture Portfolio 030 | 036

27,7

19,3 15,7 11,6 8,6

0

163,7

156

146

194,8

184,8

90,5

27,7

19,3 15,7

4,9

0

203

179,8

174,3

134,8

129,3

80,5


0

99,7

36,6

0


FVRarchitecture Portfolio 032 | 036

Corte Constructivo | Constructive Section Escala | Scale 1:50 01. Caixa de brita, Tout-venant 02. Complexo de impermeabilização, tela betominosa e manta drenante 03. Isolamento térmico e absorção acústica, celenite 75mm 04. Laje em betão armado 300mm 05. Enchimento em betão leve com pendente 06. Pedra calcária, liós 07. Acabamento em resina epoxy antiderrapante 08. Caleira de recolha de águas 09. Grelha aço inox 10. Estrutura das bancadas em betão armado 11. Sistema de fixação para pré-fabricados tipo halfen 12. Isolamento térmico, roofmate 70mm 13. Lajeta de betão pré-fabricado 14. ponto de iluminação 15. Caixilho tipo vitrocsa 16. Caleira em betão pré-fabricado 17. Corrimão metálico 18. Fixadores para betão in situ 19. Parede estrutural em betão pré-esforçado 350mm 20. Tela impermeabilizante em pvc 21. Isolamento térmico, wallmate 75mm 22. Parede Interior em betão armado 125mm 23. Perfil metálico em C 280 24. Caleira metálica 25. Rufo em zinco Metálico 26. Sistema de fixação para betonagens in situ 27. Calços de borracha 28. Claraboia em policarbonato tipo OBL 29. Peça metálica 30. Estrutura de esticadores para teflon 31. Tela em teflon tipo ferrari 32. Viga em betão armado 500mm 33. Iluminação das piscinas

09 08 07 06 05 04 03


27 26 25 24 23

33 32

22 21 20 19 18

31 30 29 28

17

16

10 11

12 13 14 15

02 01


MERGULHO http://issuu.com/fredericoreis/docs/piscinasdopocodobispo


Fotografia, desenhos, esquiรงos e maquetes por Photography, drawings, sketchs and models by Frederico Vieira Reis

Imagens na pรกgina 31renderizadas por Images in page 31 rendered by FLDO


Portfolio Frederico Vieira Reis

portfolio fvr  

architecture portfolio + cv + other works portfolio de arquitectura + cv + outros trabalhos

portfolio fvr  

architecture portfolio + cv + other works portfolio de arquitectura + cv + outros trabalhos

Advertisement