Issuu on Google+

GERAL

NOROESTE

1

SEXTA-FEIRA, 31 DE MARÇO DE 2017

M

omento de reflexão, transformação, de recomeço. É uma das mais importantes e significativas datas do cristianismo, e, justamente por isso, nesta época, cristãos meditam sobre a vida, a morte e a ressurreição de Jesus. É nesta jornada que cada um coloca todo o seu vigor, seus propósitos, suas vivências, para impulsionar ou corrigir suas ações para melhorar o seu caminho. Além disso Páscoa é encontro, aconchego, é reunião de família. É a mesa posta, é o abraço fraterno e o desejo de compartilhar momentos prazerosos. Baseados nestes princípios é ocasião para envolver o próximo com gestos concretos de solidariedade. E isso pode começar no lar, no abraço carinhoso e fraternal a quem nos rodeia. Páscoa também é ‘coaching’. É sim! É hora de olhar para nós, lá dentro mesmo, na busca de forças e certezas para seguir em frente. Se algo não está bom, reveja e conserte. Isto é espiritualidade: fé em você mesmo. Assim, nesta edição que antecede a Semana Santa dos cristãos, e, por consequência, a Páscoa, o Jornal Noroeste provoca seus leitores com temas pascais, de reencontro, de amor ao seu semelhante, do que vem do Ressuscitado. Lembramos do real sentido da data com a opinião de nossos líderes religiosos, bem como da programação de suas instituições. Algo importante e que carrega tanto simbolismo, exige preparação e bom gosto. Por isso agregamos dicas e sabores para que você possa viver esta ocasião entre amigos e familiares. Sugestões de presentes, pratos a serem elaborados durante a semana ou no domingo, ideias para se viver melhor este período. Tudo produzido com carinho... como a Páscoa nos exige. Boa leitura!

Produção: Eunice Arsand e Taciara Vargas Textos: Claudiomiro Sorriso e Jardel Hillesheim Capa: Franciele Madril. Diagramação: Sandra Pasini


NOROESTE

2

SEXTA-FEIRA, 07 DE ABRIL DE 2017

Páscoa gera 12

mil vagas temporárias no comércio

Feira do Peixe

será na próxima semana A 25ª Feira do Peixe de Santa Rosa, que ocorrerá na quarta-feira, 12, no Mercado Público Municipal Eclair Krüger Moraginski colocará para comercialização 12 toneladas de pescado. Segundo o presidente da feira, Elemar da Rosa, os produtores continuam recebendo informações sobre os cuidados necessários durante todo o processo, desde a retirada do produto do açude, abate, conservação e à venda para o consumidor. A abertura da comercialização acontece às 8h30min e o público pode conferir a feira das 9h às 19h. Serão oferecidos diferentes tipos de peixes como carpa, piava, cascudo, traíra, tilápia e outros. Os peixes podem ser encontrados vivos, frescos, congelados, inteiros ou já em filés. Outra opção para quem desejar comprar seu pescado é a Peixaria Manias em Santa Rosa que disponibiliza cerca de 80 diferentes tipos de peixe. Segundo o empresário Cleiton Manias, entre a maior procura está o dourado cuja a pesca na região está proibida, e sua empresa busca o produto no Paraná. “É um dos peixes mais procurados aqui, mas podemos incluir na lista a piava, o filé de tilápia e o surubi”, disse. Algumas espécies são trazidas de rios da região, mas peixes como Salmão, chegam a ser trazidos do Chile.

A Páscoa está entre as melhores datas do calendário varejista. Por representar uma alta movimentação no comércio, a ocasião gera um número representativo de vagas temporárias no setor: neste ano, 12 mil vagas estão em aberto. Os dados são do Centro Nacional de Modernização Empresarial (Cenam) encomendados pela Federação Nacional e Sindicato Paulista do Setor (Fenaserhtt e Sindeprestem). As entidades apontam que devido à proximidade entre a celebração da Páscoa e o Dia das Mães, alguns segmentos contratam temporários para permanecer na vaga por todo o período. A pesquisa, porém, mostra maior porcentagem de contratos com duração de menos de 30 dias (33%) e de 61 a 90 dias (32%). As perspectivas com relação a chance de efetivação desses colaboradores é baixa para este ano. No levantamento, 18% das empresas de trabalho temporário afirmam haver muita intenção de efetivação por parte da contratante; 66% dizem ter pouca e 16% nenhuma chance de efetivação. No comércio, as principais funções requisitadas são: vendedor (74%); repositor (22%); balconista (2%); auxiliar administrativo (1%); degustador (1%). O perfil buscado é variado: profissionais de 17 a 21 anos (18%), de 22 a 35 anos (66%), acima de 36 anos (16%). A maioria (50%) demanda o 2º grau completo, enquanto 1º grau, nível técnico e universitário são citados por 18%, 16% e 16%, respectivamente.

O SINE/FGTAS de Santa Rosa estima que neste período se ampliam cerca de 40 vagas e muitas contratações poderão se tornar definitivas.


NOROESTE

3

SEXTA-FEIRA, 07 DE ABRIL DE 2017

especiais para a Páscoa A Páscoa está chegando e com ela momentos em família e amigos. Para bem receber tenha a sua mesa receitas especiais, surpreenda com a carne de cabrito ou borrego e bacalhau. Para acompanhamento sirva saladas verdes com frutas e arroz branco. A sugestão de bebida é, para carne vermelha, o vinho tinto e o peixe com vinho branco. Capriche na decoração da mesa com cores nos guardanapos e tolha, ramos de macela, coelhos e ovinhos decorativos que dão um toque especial.

Perna de

Borrego assada

com mostarda Ingredientes: 1 Perna de borrego inteira  3 Colheres de sopa de mostarda em grão  4 Dentes de alho  1 Raminho de alecrim  1 de orégano fresco e 1 de tomilho  Sal, pimenta e azeite. Modo de Preparação: Coloque a perna numa assadeira. Pique as ervas e junte-lhes a mostarda, o alho picado, o sal e a pimenta e misture tudo. Regue a peça com azeite. Leve ao forno (pré-aquecido) a 150º C durante cerca de 3 horas até ficar douradinha. Acompanhe com batatas assadas.

Ingredientes: 1kg de bacalhau  500g de batata  250g de pimentões: verde, vermelho e amarelo  6 cebolinhas picles  200g de cebolas picadas  2 tomates  2 ovos cozidos  Azeitonas pretas a gosto  azeite a gosto Modo de Preparação: Coloque o bacalhau em uma panela de barro e acrescente as batatas pré-cozidas, os pimentões, a cebolinha picles, as cebolas picadas, os tomates, as azeitonas e regue com azeite. Deixe assar por 40 minutos. Para finalizar coloque os ovos picados.


NOROESTE

4

SEXTA-FEIRA, 07 DE ABRIL DE 2017

de qualidade

para uma Páscoa feliz

Inaugurada em 2000, a Casa do Artesão de Santa Rosa é o local apropriado para quem quer encontrar acessórios para decorar seu ambiente para a Páscoa. Trilhos de mesa, panos de prato e enfeites diversos podem ser encontrados no local, que há 17 anos reúne a produção de 16 artesãs associadas, que em datas especiais ampliam a diversidade de produtos à disposição. O artesanato vai além dos enfeites. Há coelhinhos, cestinhas e casquinhas decoradas para os tradicionais ninhos de Páscoa, com preços acessíveis e diferenciados. Segundo a presidente da Casa do Artesã, Haydee Delia Ruschniewski, os valores dependem da produção e do material usado, já que são fixados pelas artesãs que podem contar com o espaço para comercializar suas artes. A Casa do Artesão, localizada na Praça da Bandeira (em frente à Empresa Jornalística Noroeste), atende das 08h30min às 11h50min e das 13h45min às 17h45min, de segunda a sexta-feira. Nos sábados, o atendimento ao público é na parte da manhã (com exceção da véspera da Páscoa, quando o expediente será ampliado também para a tarde). O artesanato especial para a Páscoa também pode ser apreciado e adquirido nas manhãs de domingo durante o Programa Bolsa de Automóveis, da Rádio Noroeste.


NOROESTE

5

SEXTA-FEIRA, 07 DE ABRIL DE 2017


NOROESTE

6

SEXTA-FEIRA, 07 DE ABRIL DE 2017

Momento de rever a

P

áscoa é passagem para uma situação melhor, da morte para vida, do pecado para graça, da escravidão para liberdade, baseado não em nossas forças, mas na fé em Jesus Cristo. E a Páscoa deve acontecer em cada instante da vida do homem em busca da terra prometida, da vida nova, da felicidade. Nas leituras bíblicas, percebe-se que Jesus se dá a conhecer, que Jesus ressuscita lá onde existe acolhimento, lá onde se presta serviço ao próximo. Ou seja, lá onde se vive o novo mandamento do amor, da caridade. Na opinião do Padre André Junges, da Paróquia Sagrado Coração de Jesus de Santa Rosa, para viver intensamente a Páscoa, o cristão precisa caminhar na busca de uma reaproximação com Jesus, como forma de resgatar quem é Cristo e o que Ele nos anunciou quando esteve em nosso meio. Segundo o religioso, seguir Jesus e viver na prática o que ele pregou: Justiça e Caridade. E a Semana Santa, segundo Pe. André, proporciona isso, um momento de reflexão, de reaproximação do Cristo, que muitos se distanciaram. “E Jesus Cristo ressuscita nos que andam a procura, nos que acolhem, servem e nos que sabem partir o pão. É preciso, a exemplo de Cristo, partir o pão e servir, isto é, colocar-se a serviço do próximo, tornando-se pão, alimento para a vida do mundo”, destaca. Para o Pastor Alexandre Ulrich, da Igreja Luterana São João, na Páscoa, cada cristão é convidado a se tornar presença do Cristo ressuscitado entre os irmãos, de tal sorte que os homens reconheçam a face de Jesus na caridade do irmão. E desta forma, e a exemplo de Cristo, amar o próximo como a si mesmo. “As pessoas precisam compreender o sentido deste Amar que Cristo pregou. Mas é preciso que as pessoas amem a si mesmas antes de tudo. Como está cada vez mais presente a baixa autoestima nos dias atuais, as pessoas se gostam menos, se amam menos e, desta forma, por consequência, amando menos o irmão, o outro”. O pastor recorda que Cristo quer ser a fortaleza nas horas das tribulações: “A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo. Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte” (2º Coríntios 12). E é isto, segundo o religioso, que o Cristão deve ter em mente neste período pascal, compreendendo assim que é na fraqueza que Deus se torna forte. “Que as pessoas reconheçam o Cristo como ele é”. “Este é um tempo para lembrarmos do amor e da misericórdia de Deus. É o momento de buscarmos uma mudança na maneira de pensar, agir e falar. Para isso, precisamos abandonar o pecado, a falta de fé e tudo que nos afasta do Senhor. Devemos crer nas promessas de Jesus: “Eu vim para que vocês tenham vida, e a tenham em abundância” (João 10:10)”, ressalta o pastor Isaias Strasser. O religioso, que preside a Assembleia de Deus de Santo Cristo, sugere que neste período o cristão reflita sobre quais áreas de sua vida precisam de ressurreição. “O que você deixou morrer que precisa renascer o quanto antes? Talvez você precisa ressuscitar a alegria de viver, a paz, a sua fé, os seus sonhos, a esperança, o otimismo, o perdão, o amor próprio e ao próximo. Ao responder essas perguntas, você estará dizendo a Jesus: - Senhor, agora eu entendo o verdadeiro motivo de Sua morte e ressurreição. Por favor, transforme a minha vida! Eu creio em Ti como meu único Salvador e agradeço por me dar a oportunidade de me tornar filho de Deus”, destaca o religioso.

Igreja Católica realiza intensa programação até a Páscoa

A

s comunidades católicas ligadas às três Paróquias de Santa Rosa realizam celebrações especiais a partir de domingo, dentro da programação que marca a Semana Santa. As atividades, em horários diferenciados, focam o Domingo de Ramos, onde os fiéis participam da celebração que, liturgicamente, lembra a entrada triunfal de Jesus Cristo em Jerusalém, montado em um jumento, símbolo da humildade, citado nos quatro evangelhos do Novo Testamento. Nesta celebração, como tradição, os católicos levam à igreja ramos para serem abençoados pelo sacerdote. Já na Semana Santa, os destaques são as celebrações do Lava Pés, que acontece na noite de quinta-feira, momento em que os fiéis relembram a instituição, por Cristo, da Eucaristia, através da Santa Ceia e a representatividade do servir, quando ministros lavam os

pés de 12 pessoas escolhidas na comunidade e que lembram o momento em que Jesus lava os pés dos seus discípulos. Na Quinta-feira Santa as comunidades não contam com a presença dos padres pois eles participam de retiro especial neste dia. Já na Sexta-feira Santa, os católicos realizam às 15h em suas capelas, a celebração da Paixão de Cristo. Em algumas comunidades estão previstas a realização da Via Sacra. Destaque para a Igreja Matriz Sagrado Coração de Jesus, que realiza às 19h na Praça da Independência, a encenação da Paixão de Cristo. A programação dos católicos encerra no domingo, com a Missa de Páscoa. Em algumas comunidades esta celebração ocorrerá na noite de sábado, quando ocorre a Vigília Pascal, a bênção do fogo novo, círio pascal e da água.


NOROESTE

7

SEXTA-FEIRA, 07 DE ABRIL DE 2017


NOROESTE

8

SEXTA-FEIRA, 07 DE ABRIL DE 2017

Novidades da Páscoa

A deste ano promete ser recheada de novidades. O aumento das ofertas de produtos proporciona aos consumidores uma ampla variedade de sabores. Os ovos trufados vêm com diversas combinações. O de brigadeiro é a união de uma das sobremesas mais tradicionais. Outra singularidade está no bem casado, lançado este ano pela Cacau Show, elaborado com tripla camada: casca de chocolate ao leite, uma camada de biscoito de bolacha de baunilha e doce de leite cremoso, fechado com chocolate branco. Já o ‘queridinho’ da vez é o ovo de colher, com diversos gostos. Os mais pedidos são os de Nutella com leite Ninho, brigadeiro e prestígio. Eles são apresentados em elegantes embalagens acompanhando colheres, inclusive com opções de colecioná-las.

Você sabe como se comemora a Páscoa em outros países do mundo? Não! Então confira aqui: A Páscoa da Guatemala traz celebrações culturais com trajes tradicionais alegres, com máscaras e carpetes de flores coloridas sobre os quais as pessoas caminham para chegar até a igreja. As ruas das cidades também são cobertas por incenso e seculares rituais acontecem.

Na Finlândia, a Páscoa se parece um pouco com o que costumamos ver no “Halloween”. As crianças saem pelas ruas fantasiadas e pedindo por balas e doces. Na Grécia, os ovos de chocolate foram trocados pelos de galinha pintados de vermelho. Segundo a tradição ele simboliza vida e a cor vermelha o sangue de Jesus. Os ovos são distribuídos entre os convidados que encostam um ovo no outro até rachá-lo. Quem for o último a ter o ovo quebrado vai ter sorte durante o próximo ano. É a lenda local. Na Polônia, o dono da casa não pode ajudar a preparar o famoso Pão de Páscoa. Isso porque, segundo a tradição, se ele ajudar, o seu bigode vai ficar cinza e a massa não dará certo.

A Alemanha promove um grande evento, tanto para comemorar o feriado quanto a chegada da primavera. Árvores enfeitadas com ovos de cores vibrantes são confeccionadas pela população. Estes ovos são furados, esvaziados e pintados com cores vibrantes e enfeitados com papel crepom. Um alemão de 76 anos, chamado Volker Kraft, colecionou, ao longo dos anos junto de sua família, 10 mil ovos de Páscoa, que são usados na decoração de uma macieira localizada no seu jardim. A iniciativa atrai milhares de visitantes.

de Páscoa Nossa dica é de elaborar uma decoração com o objetivo de valorizar os principais símbolos e as tradições dessa data comemorativa. O coelho é um dos símbolos essenciais da Páscoa. Ovos, coelhos, cestas, bandejas decoradas, guirlandas, guardanapos elaborados, pratos decorativos, flores são muito usados. Os jogos americanos como toalha e guardanapos podem ser bem coloridos.

A mesa deve ser recheada de gulodices, bolos, ovos, balas, fica linda e atrativa. Neste dia aproveite para realizar a brincadeira da caça ao ninho dentro de casa ou no jardim com toda a família, é uma brincadeira divertida e que envolve a todos. Inspire-se nas imagens para deixar a decoração de sua casa muito mais bonita, alegre e temática. Comemore a Páscoa, esta data linda e cheia de emoções!


Páscoa Noroeste