Issuu on Google+

ALI},|TNTA-SE OAPAL.AVRA AIG|ìEJA Fradelos/Vilarinho das Cambas No 147 - 20 Novembro201i Responsabilidade: Pe"Delfim Afonso,smm po. te ixei raafonso@sa pt Tlm . 9 18 548504; Telef./ Fax 252493339

10Domingo do Advento - 27 Novembro 1aLeit.ls 63, 16b-í7. í9b; 64,2b-7 Vos , Senhor,sois noso paie nosso REdentor,desde sempreé o vosso nome. Salmo Responsorial:79 SenhornossoDeus,fazei-nosvoltaç mostrai-nos ovossorostoeseremos salvos. 2'Leit. I Cor 1, 3-9 Fiel é Deus por quem fostes chamadosácomunhãocom Seu Filho. E v a n g .M c 1 3 , 3 3 - 3 7

Naquele tempo,dissoJesusaos "Acautelai-voS e vigiai," "Acautelai-vos seusdiscípr:ios: e vigiai,porque não sabeis quando chegaráo nromento.

UM POVO QI.JEPRODUZAFRUTOS um novoano Litúrgico, o ano B ComesteDomingodo Advento,iniciamos do ciclolìtúrgico. nesteprimeiro Domingo a VlGlAR. EmtempodeAdvento, somoschamados ParataléprecisoDISPONIBILIDADE. QuaissãosohomensqueDeusama? Porventura Deuséparcial?Porventura amaapenascertaspessoas, deixando lado a responde as outras entregues si mesmas? O Evangelho a estas de perguntas,mostrando-nos algumaspessoasconcretasamadaspor Deus: Maria,José,lsabel,Zacarias, Simeão,Ana,etec,erampessoasvigilantes; disponiveisparaa Palavrade Deus.A sua vida não estavafechadaem si mesma;o seu coraçãoestavaaberto.De certomodo,no maisfundode si para eradisponibilidade mesmos,estavamá esperad'Ele.Asua vigilância parase pôr a caminho,estavamá esperada luz que ouvir,disponibilidade o caminho.E istoé o que interessa a Deus. lhesindicasse


eAtffJDÁruoDAscELEBRAço[s

SEG. 21, Apresentação da Virgem Maria,l Maria lnêsOliveiraDias 18.30h Rosário, í9h Eucaristia PaulinaRosa da Costa e filho Ad Mentern SEX. 25, Sta. Catarina de Alexandría, Adelina Gongalvesde Sá 18.30Rosárioh, 19h Eucaristia José da Silva ïorres e família Ad Mentem José Fereira Lopes e esposa AlbertinoRibeiro,sogrose íamilia Laura Raposoe maridc Ana da Costa e Silva e marido Manuel DominguesRaposoê esposa AntóníoMatias Maria da Conceiçãoda Silva Ferreira Camilo ['liranda Gonçalvese familia MariaInês Lima de Carvalhoe fami[a DeolindaDomingosGonçalves Maria Laura C. Raposoe ntarido Reís, pais e soEros Joaquim PelasAlmasdo Purgalório José da SilvaAzevedoe esoosa ïER. 22, Sta, Cecília,18.30hRcsário, 19h Júliada SìlvaMartins Eucaristia ManuelGomesPereira Ad Mentem MariaAugusta FerreiraTones e marido Adão CarneiroOliveirae Íamilia Paise sograde OlindinaCarvalho AntonicAuguslo de AzevedoCosta e Pe. Camilo,Justae AlexandrinaPinheiro espose SÁ8. 26, Beato Tiago Alberione, 18.15h FrancelinaGomes Reis Rosário, Í9h Eucaristia Joaquimda SilvaOliveira Ad Mentem JoaquimFernandese íamilia AgostinhoDias dos Santose família JoaquimV. da Silva Raposo Amélia Martinsda Silva e marido Leonor SantosGonçalvesSá António Dias AzevedoMaia Leoooidina Deolindada Costa Ferreirae irmãos l'úariaLopes Moreira,maridoe filho Guilhermina SantosSilva QUA. 23, S. Clernentele S" Colurnbano, José de t-irna e íarnilia 18.30hRosário, Í9h Euçaristia Manuel Rodrigues Ferreirae esposa Ad Mentem Mário Padrão Pereira Íilho neto Ana Santos, Adelinoe Paise famíliadeAnlonioMiranda Mauricio Sogros e cunhadode AdelinaAzevedo Manuei Furtado Armando e esposa VirgÍlio Santos Martínse familia Furtado Avôs de Adelaide Carlosllhãoe família José Gomesde Almeida MariaRosada Silvae família Pe. Camiloe catequistas QUl. 24, Sto. André Dung-Lac e companheiros, Í8.30h Rosário,19h Eucaristia Ad Mentem AlziraAtice da Silva PadrâoLoureiro AntónioOliveira ldalinoGonçalves José Azevedo Cunha, esposa e filhos José Azevedo Santos e Íilha lnês Manuelda Costa Santos,esposae filho

DOM.27, th Eucaristia AntónioCorreiaCosta AntónioCunha Carlos Costa e Silva ErmelindaLopes Costa e marido Femandoda Silva Santose pais Joaquim Ferreirados Santos e Íamilia José OliveiraCarvalho MariaArminda Silva Loureiroe fìlhaAmélia Marisa lsabelTeixeiraFernandes Vivos e falecidosda Conf. Sra. Rosário 1Íh Eucaristia


AG["NDÀ Sacramento da Reconciliação: o pe. Horácio atende em confissãona Quinta-feira,das 18h ate à hora da Eucaristia. Atendimento - Quarta-feira:15h-18h.Sábado9-10.30h. Reunião para pais e padrinhos - Para todos os que têm criançaspara baptizaraté ao final deste ano, vai realizar-seo encontrono Domingodia 20, às 17h numa sala anexa à lgreja. Visita aos doentes - Será feita na Quinta-íeira.dia 24 à iarde, cJas1,í às 17h, do lado de cima da lgrejae no dia 25 tambémà tarde,das 14 às 17h,do lado de baixoda lgreja.Se no dia24 não conseguirvisilar aigum do lado de cima irei no dia 25 no ir:Ícioda iarde Noivos que pretendem celebrar o Matrimónio em 2012- Comojá íoi anurrciadodevem inscrever-seo mais rápido possivei para o CPiltl.Segi.rramentenão vão desperdiçaresta oportunicladepara namorarem.participandonesta activicladeque a lgreja vos propÕe. Festa das Famílias - Continuamosà espera que mais casais dos que celebramborJasde algodão(1 ano de matrimónic),bodasde Prata(25 ani:sde matnmonio')e bociasde ouro (50 anos de rnàtrimónio)se inscrevampara se uniremà comunidaderia feÍìtaque pretenclernos celebrarno dia que na nossapai'cquiaceÌebrarenrosa famíliaem çontex"iodeAdvento.Será no dia I de Dezembrona Fucaristiaàs 11h.Peço a estes casâiso favor ie se inscreverem junto do pároco quanto anles. Aos casaisjubiladosserá oferecidoo aimoÇo. .AlmoçoConvívio Contamos igualmentejuntar muitas familias em convívio no almoço que se seguirá, no Salão Paroquial,às 12 30h. As inscriçõespara o almoço devern se íeitas antes e depois das Eucaristiasno Saião Paroquialonde uma pessoa acerlaráas inscrições.Os adultos pagarão no aclo de inscrição€1C, as criançascom idade até 10 anos pagarão€5 euros, Depoisdo almoçohaverá uma parle de animaçãopoí um grupode jovens. Fedimcs o favor de se inscreveremnesteÍim-de'semanae no próximo. Visita Pastoralao Arcipresiado de Vila Nova de Farnalicão- De Janeiroalé Oulubrode dos BirposÂuxiliares, Íaráa visitaàs 54 paroqr;ras 2O12,osr.Arcebispo,com á colaboração Na nossaPercquia,tal visitaaconteceránclsdìas qi;e der:orremde 1 a 7 do Arcip;estado. de Outubrode 2412. a que o sr Bispopresidirá,no dia 6 de Outubro,irá administrar Numadas celebrações o Sacramentodo Crisma.Aos adoiescentesque estãoagoÍa a Írequentaro 'i{,Jo ano de catequese e também aos adultos não crismadosque por escolha madura, queÍem comprometer-se mais seriamentecom Cristo e com a lgreja,recebendoo terceirodos sacramentosda IniciaçãoCristã,a Confirmaçãoda fe em Cristona lgreja.Para poderemtazero Crismaesses adultostêm de completar21 anos em2O12e fazer a respeclivapreparação.A preparação será mensaldesde Janeiroaté Junhoe semanalduranteo mês de Setembro.As inscriçÕes devemser feitas no cartorio,junto do pároco,até ao final de Dezernbro. Vamos preparirr o Natal - Há semelhançados anos anteriores,em todo oArciprestadode Famalicãohaverá uma acção de formação em preparação paía o Advento / Natal. Para a nossaZona Pastoral,esse encontÍoformativovai a@nteceÍno SalãoParoquialde Ribeirão e de esperar nodia25, Sexta-feira,às21h.Todososparoquianossão convidadosa pa!'ticipar, que os membros dos vários Movimentose dos gruposApostólicos que servem na Paróquia sejam os primeiros a sentir esse imperativo de se formar. Como a preguiça é um pecado grave,creioque ninguémse irá deixarvencer por ela nem pela indiferença.Lá estaremos.


D. Jorge Ortiga lança ano lectivo nos seminários arquidiocesanos com peclido de uma (nove identidade sacerdotal> O arcebispode Braga abriu esie domingoo ano letivo nos semináriosarquidiocesanos sublinhandoa importânciada Íormaçãode padres prontospara "sacudir"a socíedadee ir ao encontrodos mais necessitados."Própriodo Seminárioe formarpadresfelizes,ousados, pobres,despojados,próximos,dedicadose capazes de sacudiresla sociedade",aponlou D. Jorge Ortiga,num discursoproíeridoa todos os seminaristase equípasformadoras,no SeminárioConciliarde Braga. Na sua mensagem,enviadaà AgênciaECCLESIA,o preladosalientouque'ser padre é ser alguémque provocaescândalo,que ousa acreditarque há camínhoslongosa percorrer, pensandoem quernnão tem pão e, quem sabe, mesa para o coloca/. A construçãodesta 'nova identidadesacerdolal" assenta,antes de mais, na adoçãode'uma formaçãointegral; humana,espíriiual,intelectuale pastoral"que permitaao jovernpadreserimagematualizada da "presençade Cristo"no mundo.Para D. Jorge Ortiga,a caminhadavocacionalde ser um "caminhode consagraçãototal'a Deus e às comunidadescristãs,expressoatravésde uma "comunhãovertical(divina)e horizontal(humana)'que vaí contra"todosos individualisrnos, calculismose fundamentalismos'. Ao aceitarCristo,o Evangelhoe a Humanidadecomo referências,acrescenta,os futuros sacerdotesaceitamtambém transformar-seem "semenleíeita palavrapara cair, morrer e dar fruto', passandoa ser capazesde'dedicar-se a tempo inteiroaos irmâos",ern especial àqueles "mais carenciadose sofredores".No meio da grande "mesa' da vida, onde são servidashoje "muitasrealidadesdolorosas(...) e este o novo jantar que o padre tem para oferecerao mundo!",concluiuo novo presidenteda ComissãoEpiscopalda PastoralSocial. pt ln: Agenciaecctesìa. Comecemos a preparar o Presépio...emcasa e na Vida Percorrencjoas ruas das nossas paroquias,os mais atentos vão já apreciandoos enÍeitesde Natai,sobretudoem locaiscomerciais.Curiosamente,poucÁsdestes adornos revelam propriamenlea essênciado l'latal, se não Íorem vistos com profundidade.A Luz deve apontar para Cristo que, com a sua vida e Palavra nos ilumina,as prendas devem apontarpara Crislo que é a verdadeiraprenda enviadapor Deus ao Seu Povo. Numa culturadada ao paganismoe materialismo,não adrniraque em muitas€sas se tenha já perdidoa tradiçãodo simbolos Cristãos.Dá pena entrara em casas de cristãos que não têm simboloscristãos,mas pagãos (budas,bruxas,amoletos,etc). Desde o sec Xlll que o simbolode Natal por excelênciaé a construçãodo presépionas nossas casas, nas praças,nas lgrejas,nos locaisde comércio... Claro que o presépiofala de atitudesinlerioresque devemosassumir,tais como a humildade,a disponibilidade, a caridade,a solidariedade.Todasessas atitudesque Deus tem para oonnoscoao fazer-sehomem,nós as devemosassumir ao construirmoso presépio. Nesse caso, ao construirmoso presépio material em casa, na lgreja, na praça, ou no local de comércio, estamos também a construir o presépio dentro de nós. Ë esta actividadeque vai ser propostaaos Paroquianosao longo doAdvento: Construir o presépioem casa, o presépiomaterialpara nos lembraro presépiodentro de cada um de nós. Fica por isso o apelo a que os pais, em casa com os Íilhos, ao longo do Advento vão construindoo presépio.Em tudoistotendopresenteaÍigura humildeda SenhoradoAdvento.


Boletim Nº 147