Page 1

Relatรณrio de Gestรฃo e Contas 2018


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

1. Introdução No atual Relatório de Gestão e Contas referente ao exercício de 2018 da Fundação Portuguesa “A Comunidade Contra a SIDA” - FPCCSIDA, destacam-se os indicadores essenciais firmados na missão desta Fundação – a mobilização da Comunidade na Luta contra a SIDA, a Educação para a Saúde e a Promoção da qualidade de vida e que, em suma visam reduzir o impacto do VIH/SIDA na Comunidade Portuguesa. Baseando as intervenções nos propósitos designados na Carta de Ottawa (1986), nas Orientações Estratégicas do Programa Nacional para a Infeção VIH, SIDA e Tuberculose (2017) e, em última análise nos propósitos da Declaração de Paris (2014) as iniciativas desenvolvidas visam o fomento da Literacia em Saúde desde a mais tenra idade, numa lógica de “Saúde para Todos/as e Todos/as para a saúde”, sendo fundamental não deixar ninguém para trás, garantindo o respeito pelo Direitos Humanos. As iniciativas encetadas, decorrentes de inúmeros projetos, assumem um papel determinante no desenvolvimento de cidadãos e sociedades saudáveis, sustentáveis e felizes, contribuindo para fortalecer a vertente comportamental dos/as participantes, promovendose a aquisição de competências e de conhecimentos necessários para que as estes/as acedam, compreendam, avaliem e utilizem informação sobre saúde, que lhes permita tomar decisões sobre cuidados de saúde, prevenção da doença e modos de promoção de uma vida saudável procurando garantir uma melhor Qualidade de Vida. O número de pessoas abrangidas continua a ser crescente, implementando-se ações em instituições, de âmbito público e privado, numa lógica coordenada de parceira e trabalho em rede e com a comunidade em geral, desde públicos mais jovens, pessoas em situação vulnerável, reclusos e seniores e centraram-se em dinâmicas onde o lúdico, o cultural e o pedagógico facilitaram as intervenções nos mais variados contextos. Estas, por sua vez, visaram a sensibilização, a (in)formação, a consciencialização, o empoderamento, a prevenção e a promoção da saúde e bem-estar dos participantes envolvidos e detiveram-se nas mais variadas temáticas. Nas ações de carácter mais especializado, como sendo os aconselhamentos e orientações psicológicas e sociais, os rastreios em contexto comunitário e acompanhamentos em domicílio a lógica foi sempre de promover a melhoria da condição de www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

saúde articulando com as Unidades Saúde e Hospitais de referência, sobretudo nos cuidados de enfermagem, psicologia e serviço social. À semelhança dos anos anteriores, o ano de 2018 continuou marcado por inúmeras dificuldades e restrições orçamentais, contudo primamos pela continuidade dos projetos e atividades de prevenção e intervenção que temos vindo a desenvolver ao longo destes últimos anos, consolidamos e reforçamos o estabelecimento de parcerias, bem como a angariação de donativos. Do estabelecimento de novas parcerias e numa lógica de descentralização em relação às grandes cidades foi-nos possível firmar a intervenção do CAOJ de Seia, numa ação concertada entre a Câmara Municipal de Seia e a Universidade da Beira Interior, que nos cedeu um gabinete dentro das suas instalações, reforçando laços com o corpo de voluntários/as que está a ser constituído e facilitando o alargamento da nossa intervenção no distrito da Guarda. Neste âmbito abrangente de atuação, privilegiou-se, à semelhança de anos anteriores a continuidade da aposta na Educação para a Saúde através da implementação do Projeto Nacional de Educação pelos Pares (PNEP) pelos Centros de Aconselhamento e Orientação de Jovens (CAOJ’s) num número cada vez mais alargado de escolas do Ensino Básico e Secundário, nas regiões de Lisboa, Porto, Coimbra, Seis, Setúbal e Funchal. Sensível a esta realidade o Ministério da Educação permitiu um acréscimo de dois docentes destacados por Mobilidade. A concretização das atividades propostas no âmbito do PNEP contou, à semelhança de edições anteriores, com a participação de jovens voluntárias/os universitárias/os, que se constituem nas Brigadas Universitárias de Intervenção (BUI’s), as quais receberam, a nível nacional, as respetivas Formação Científica e Pedagógica para dinamizarem as sessões junto dos alunos do 2º e 3º ciclos e secundário, sempre supervisionados por um/a docente do CAOJ das respetivas regiões. O desenvolvimento do Programa “Sexualidade e Prevenção do VIH/SIDA” no âmbito do Projeto Nacional de Educação pelos Pares, concretizado em contexto de sala de aula, utiliza como metodologia a Educação de Pares, incentiva as/os estudantes a explorarem as valências relacional, afetiva, social e fisiológica da sexualidade humana, estimulando a partilha de vivências, a compreensão de problemas associados a comportamentos de risco, a tomada de decisão com responsabilidade no âmbito da vivência saudável da sexualidade, tendo em conta os valores pessoais, familiares e sociais. Considera-se assim que neste domínio, foram atingidos os www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

objetivos estratégicos propostos, a saber: o desenvolvimento do conceito de sexualidade humana com base no relacionamento interpessoal; a promoção do fortalecimento das competências pessoais e sociais das/os adolescentes; a prevenção de comportamentos de risco no âmbito da sexualidade, promovendo efetivamente a igualdade de género e a exploração de conteúdos relacionados com a sexualidade, procurando ir ao encontro das características específicas e necessidades de cada grupo turma no âmbito da Educação para a Saúde e Sexualidade. A preparação

das

Formações

Científica e

Pedagógica

das/os

estudantes

universitárias/os, fundamental para a implementação do PNEP, contou com o precioso apoio de diversos especialistas das áreas da Saúde, Sexualidade, Psicologia e Educação, sendo também imprescindível a colaboração das Coordenações Científicas de cada Delegação. É de salientar o enorme investimento humano da FPCCSIDA, na preparação das/os universitárias/os que em colaboração com as/os docentes destacadas/os, realizam um excelente trabalho na Educação para a Cidadania, Educação para a Saúde e para a Sexualidade de muitas/os adolescentes em contexto escolar e não escolar. A sua intervenção surtiu um enorme impacto, nomeadamente nas escolas da rede pública, a nível nacional, Lisboa, Porto, Coimbra, Seia, Guarda, Setúbal e Funchal, tendo-se verificado grande adesão na participação em contexto de sala de aula e um grande envolvimento em campanhas de solidariedade promovidas pela FPCCSIDA. É de salientar uma das características deste projeto que promove a multiplicação da sua ação quer dentro da escola quer fora dela, abrangendo a comunidade. Esta capacidade é efetivamente conseguida por um lado, pela criação de grupos BEI (Brigadas Escolares de Intervenção) com os alunos de 9º ano que receberam o projeto de forma continuada desde o 7º ano de escolaridade, os quais se constituem como verdadeiros educadores de pares dos colegas de escola, levando o projeto quer a outras turmas, em contexto de sala de aula quer, para convívio informal no recreio, espaço por excelência de aprendizagem entre pares. Promove também a ligação escola família através do desenvolvimento de “Café para Pais”, encontro na escola de pais, mães, encarregadas/os de educação, professoras/es, assistentes operacionais e Direção para além da equipa do CAOJ da FPCCSIDA, no sentido de debaterem temas importantes para o desenvolvimento integral dos seus educandos, envolvendo todos os intervenientes envolvidos na educação dos adolescentes. www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

Dadas as características dos/as voluntários/as foi possível reforçar e iniciar novos grupos de TUI (Teatro Universitário de Intervenção) facilitando iniciativas peculiares no reforço da Educação para a Saúde, promovendo a vivência de situações problema do quotidiano dos/as participantes e reflexão com consequente apresentação de estratégias de resolução baseadas na comunicação assertiva, a saber: Bullying; Discriminação na Escola; Violência no Namoro; Gravidez na Adolescência; Consumos Abusivos, entre outros. Para além da intervenção enquadrada no PNEP, foram realizadas outras sessões e desenhados novos projetos respondendo a novas necessidades, nomeadamente na promoção da Igualdade de Género e na Minimização de Danos relacionados com os Consumos. Aqui, as ações desenvolvidas pelos CAOJ´s a nível nacional no âmbito da nossa participação como membros do Fórum Nacional do Álcool e Saúde (FNAS), levaram-nos à concretização do compromisso “Não Arrisco II” (2017-2020) em mais turmas e mais escolas. No domínio da (in)formação, a Fundação promoveu em contexto formal, por todo o país, ações de sensibilização e informação para jovens, docentes, pessoal técnico de ação educativa, animadoras/es culturais, pais, mães e encarregadas/os de educação, bem como a realização de outras atividades em contexto não formal, destinadas à comunidade em geral. A vulnerabilidade das populações de jovens institucionalizados reforçou a continuidade do desenvolvimento de projetos de promoção da saúde e prevenção de comportamentos de risco associados à infeção VIH/SIDA e outras IST’s, em centros educativos tutelados pela Direção Geral de Reinserção Social, lares de jovens em risco, bairros sociais e estabelecimentos prisionais. No ano de 2018, a FPCCSIDA deu continuidade ao projeto “Vivência Saudável da Sexualidade” destinada a pessoas com incapacidade, entre elas pessoas com deficiência intelectual, o qual tem tido uma grande aceitação por parte das equipas multidisciplinares das instituições que integram o projeto nas suas atividades, APPACDM do Porto, Coimbra e Setúbal. Consideramos atual a necessidade de uma intervenção integrada na população jovem o mais cedo possível, ao nível da educação, apoio social, aconselhamento e orientação. Pela intervenção nas escolas continuamos a constatar haver um longo caminho a percorrer na área da educação para a sexualidade, nomeadamente na formação de docentes, direção das escolas parceiras e restante comunidade escolar. www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

No âmbito do projeto In.Porto.Me: Projeto de Rastreio e Promoção da Qualidade de Vida de Seniores VIH+ da região do Porto consolidou-se a criação do Consultório Solidário: In.Porto.Me, articulação com o Rotary Club de Gaia, e outros mecenas, prevendo-se diversas valências em Saúde. Ao longo de 2018, e devido aos parcos apoios recebidos, apenas estamos a apoiar as populações mais vulneráveis e, preferencialmente Pessoas que Vivem com VIH, através da realização de reabilitação e higiene oral. As Boas Práticas decorrentes do Projeto In.Porto.Me foram apresentadas e reconhecidas a nível Europeu no Compendium of Good Practices “Beyond Viral Supression” (http://hivoutcomes.eu/compendium-of-good-practices/). O Projeto In.Porto.Me II: Projeto de Rastreio e Promoção da Qualidade de Vida de Seniores VIH+ da região de Coimbra, cujo apoio foi concedido pelo Prémio Gilead Génese Comunidade 2017, foi implementado e concretizaram-se as etapas previstas. Este projeto, em estreita articulação com o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra e outras entidades parceiras, contou com uma estagiária do Curso de Gerontologia Social da ESEC. Continuamos a forte aposta na área do apoio psicossocial, através do núcleo de apoio e aconselhamento, mais especificamente, no domínio do apoio a pessoas que vivem com VIH - PVVIH e seus familiares, disponibilizando apoio psicológico individual, em grupo, bem como ao domicílio a seniores acamados ou com mobilidade reduzida. Enquadra-se nesta área o rastreamento e deteção precoce da infeção VIH e SIDA, Hepatites e outras IST a nível nacional contando com o acompanhamento psicológico e encaminhamento dos casos positivos para os Centros Hospitalares de referenciação. Tendo em vista o bem-estar das pessoas infetadas e afetadas pelo VIH e SIDA, especialmente as crianças e jovens, promoveu-se o Encontro Intrafamiliar na época natalícia com o intuito de combater a discriminação e o estigma associado a esta doença. Sempre que se justificou, realizaram-se a atribuição de bens materiais e alimentares angariados. Deu-se continuidade ao apoio jurídico na área do VIH/SIDA e formaram-se mais voluntárias/os para o aconselhamento e encaminhamento de pessoas que recorrem à nossa linha verde (800 21 31 40). A Fundação desenhou planos de ação para dar cumprimento a alguns dos seus objetivos, submetendo candidaturas de projetos nas temáticas centrais de atuação para serem concretizados nas áreas geográficas de implementação das seis Delegações existentes. www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

Para além disso, foram preparados vários relatórios dos projetos implementados e produziram-se artigos científicos e abstracts que se apresentaram em Reuniões Científicas a nível nacional e internacional. A concretização das metas e objetivos inscritos no Plano Anual de Atividades da Fundação para 2018, só foi possível graças à conjugação de esforços com diversas entidades, nomeadamente com o Ministério da Saúde, o Ministério da Educação, a Direção Geral de Reinserção Social, Autarquias, bem como o precioso apoio de Mecenas que continuam a acreditar e a colaborar com esta FPCCSIDA. Cumpre-nos agradecer a todas/os as/os colaboradoras e colaboradores, o empenhamento, o profissionalismo e o espírito de cooperação e de solidariedade que revelam no seu desempenho para fazerem alcançar a Missão desta instituição. Uma palavra de especial agradecimento aos que continuam a abraçar o voluntariado na Fundação, sobretudo jovens, apoiando a implementação dos diversos projetos, com uma qualidade reconhecida a nível nacional. Um agradecimento, também, aos Membros dos Órgãos Sociais da Fundação, pela confiança que em nós depositaram, e em especial aos colegas do Conselho de Administração por todo o seu empenhamento, ajuda e sempre boa vontade, fundamentais para o desenrolar das atividades desta Fundação.

A Presidente do Conselho de Administração e da Comissão Executiva da FPCCSIDA

_________________________________________________________ (Dr.ª Filomena Frazão de Aguiar)

www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

2. Área Administrativa – Recursos Humanos Os vencimentos das/os trabalhadoras/es da Fundação Portuguesa “A Comunidade Contra a SIDA” foram suportados pelas verbas atribuídas aos projetos, com exceção do vencimento da Diretora-Geral, responsável pela gestão de recursos humanos e financeiros, a nível nacional, que também desempenha as funções de psicóloga clínica, dando continuidade às consultas de apoio psicológico aos utentes que seguem a sua consulta desde 1996, na Delegação de Lisboa e de Coimbra. Todos foram aprovados do Conselho de Administração desta Fundação. Foram apresentadas e submetidas diversas candidaturas a vários concursos e entidades no sentido de se obter apoio financeiro para a execução de projetos nas áreas da Prevenção, da Formação e do Apoio Psicossocial, nomeadamente: - Autarquias que se situam na área geográfica das diferentes Delegações da Fundação; - Entidades locais e regionais; - Fundação Calouste Gulbenkian; - Memorial Trust da Fundação Rockefeller; - Ministério da Educação; - Missão Sorriso; - Movimento Mais para Todos; - Programa 2020; - Programa Gilead Génese; - Montepio; - Prémio Fidelidade Comunidade; - Missão Continente; - Fidelidade. Algumas atividades da Fundação foram realizadas com o apoio de subsídios atribuídos por Mecenas. Outras desenvolveram-se ao abrigo de outros protocolos firmados, nomeadamente com Autarquias. Os protocolos de colaboração com várias instituições do ensino superior universitário e politécnico, visando a realização e supervisão de estágios curriculares e de mestrados, www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

foram cumpridos com sucesso, integrando-se as atividades das estagiárias e dos estagiários nas Delegações e nos Centros de Aconselhamento e Orientação de Jovens desta Fundação. Esta colaboração permitiu alargar o âmbito estratégico de ação e reforçar o apoio ao desenvolvimento do Projeto Nacional de Educação pelos Pares, bem como aos restantes novos projetos no âmbito do apoio direto a infetados pelo VIH e SIDA, a seniores e seus familiares e na implementação da consulta psicológica a casais homossexuais e a vítimas de violência doméstica.

www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

3.

Análise da Situação Económico-Financeira À semelhança de exercícios anteriores, também em 2018, a Fundação Portuguesa “A

Comunidade Contra a SIDA” manteve uma rigorosa política de controlo de custos, mantendo em curso projetos adequadamente financiados, e apoiados no protocolo de colaboração, nomeadamente: Ministério da Educação e Programa Gilead Génese.

Evolução dos Rendimentos Evolução dos Rendimentos entre 2016 e 2018: EVOLUÇÃO DOS RENDIMENTOS

RÚBRICA Subsídios, doações e legados à exploração Outros rendimentos e ganhos Juros e rendimentos similares TOTAL

2016

15.770,00 74.920,15 0,00 90.690,15

2017

Variação 2016/2017

40.619,25 98.008,77 0,00 138.628,02

157,00% 31,00% 0,00 % 53,00%

Variação 2017/2018

2018

59.248.99 79.048.82 0.00 138.297.81

46.00% -19.00% 0.00% -0.10%

Os Rendimentos em 2018 baixaram ligeiramente 330.21 €. Houve um aumento dos Subsídios, para fazer face às despesas dos projectos desenvolvidos durante o ano, no entanto, houve, uma descida na rúbrica “Outros Rendimentos”, que engloba as ofertas de serviços prestados pelos fornecedores.

Evolução dos Gastos Evolução dos Gastos entre 2016 e 2018: EVOLUÇÃO DOS GASTOS RÚBRICA Fornecimento de Serviços Externos Gastos com o Pessoal Amortizações Outros gastos e perdas www.fpccsida.org.pt

2016 80.653,35 8.601,66 0,00 711,48

2017 131.287,19 4.147,39 0,00 10,50

www.facebook.com/fpccsida.caojs

Variação 2016/2017 63,00% -52,00% 0,00% -98,00%

2018 98.301,04 38.758.36 0.00 74.20

Variação 2017/2018 -0.25% 835.00% 0.00% 607.00%

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018 Juros e gastos similares TOTAL Resultado Liquido

1,52 89.968,01

0,00 135.445,08

722,14

3.182,94

100,00% 0.00 -85,00% 137.133.60 341,00%

1.164.21

0.00% 1.00% -137.00%

Os Gastos em 2018 subiram 1.688.52 €, nomeadamente, na rubrica dos “Gastos com o Pessoal”.

2016

2017

2018

180.495,49

183.098,28

184.262,49

Os Fundos Patrimoniais subiram por via do resultado positivo de 1.164.21 €, apresentado no ano 2018.

www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

4.

Agradecimentos A Fundação Portuguesa “A Comunidade Contra a SIDA” agradece a todas as

instituições e pessoas que colaboraram diretamente ou criaram condições favoráveis à realização dos seus projetos e atividades ao longo de 2018. Sem o seu apoio seria difícil a Fundação cumprir com os compromissos e levar a cabo a sua missão. De destacar o estabelecimento das seguintes parcerias e apoios: 

ADICE;

Administração Regional de Saúde do Centro;

Administração Regional de Saúde do Norte;

Agrupamento de Escolas de Penafiel Sudeste;

ANEM;

APPACDM de Gaia;

APPACDM do Porto;

APPACDM de Coimbra;

APPACDM de Setúbal;

Assembleia da República;

Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Baltar;

Associação Fernão Mendes Pinto;

Associação Portuguesa de Bioética;

AXA Seguros;

BIAL;

Câmara Municipal de Coimbra;

Câmara Municipal de Lisboa;

Câmara Municipal de Oeiras;

Câmara Municipal de Paços de Ferreira;

Câmara Municipal de Paredes;

Câmara Municipal de Porto;

Câmara Municipal de Seia;

Câmara Municipal de Setúbal;

Casas/Lares de Acolhimento Temporário onde se desenvolvem projetos dos CAOJ;

www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

Centro de Direito Biomédico;

Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra;

Centro Hospitalar e Universitário do Porto;

Champanheria da Baixa Bistrô – Porto;

Comissão de Voluntariado da Universidade do Porto;

Comissões Sociais de Freguesia;

Comunidade Vida e Paz;

Confeitaria Juquinha – Porto;

Coordenação Programa Nacional para a Infeção VIH, SIDA e Tuberculose;

Cremes Lierac;

CTT: Correios de Portugal;

Delta Cafés;

Delegações da Cruz Vermelha Portuguesa;

Direção-Geral de Reinserção Social: -

Centro Educativo de Santo António;

-

Centro Educativo Navarro Paiva;

-

Centro Educativo Padre António Oliveira;

-

Centro Educativo dos Olivais;

-

Estabelecimento Prisional de Coimbra;

-

Estabelecimento Prisional de Santa Cruz do Bispo Especial;

-

Estabelecimento Prisional de Masculino;

-

Estabelecimento Prisional de Setúbal;

-

Estabelecimento Prisional de Vale do Sousa;

Direção-Geral de Saúde;

Enfermeiras do Bloco Operatório de Obstetrícia do CMIN;

Escolas inseridas no Projeto Nacional de Educação Pelos Pares;

Escola Superior de Arte e Design (ESAD) – Matosinhos;

Escolas Superiores de Educação;

Estratégias Criativas;

Faculdade de Medicina da Universidade do Porto;

Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra;

www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa;

Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa;

Faculdade de Medicina da Universidade do Porto;

Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da UCoimbra;

FNAC;

Formadores/as e Conferencistas Convidados;

Fórum Nacional Sociedade Civil VIH/SIDA;

Fundação Manuel António da Mota;

Fundação PT;

Gilead Sciences;

Governo Regional da Região Autónoma da Madeira;

Hospital de S. Martinho;

Hotel Lisboa Plaza;

Hotel Porto Palácio;

Hotel Tivoli Lisboa;

Instituto Politécnico de Administração e Marketing do Porto (IPAM);

Instituto Politécnico de Coimbra;

Instituto Politécnico de Setúbal;

Instituto Politécnico da Guarda;

Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas;

Instituto Universitário da Maia;

J.B. Fernandes Memorial Trust – Fundação Rockfeller;

Jogos Olivo;

Jovens Voluntários/as das BEI, BUI, TEI e TUI;

Juntas de Freguesia;

Liberty Seguros – Porto;

Metro do Porto;

Ministério da Educação;

Ministério da Saúde;

Miogo;

Mota Engil;

www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

Ordem dos Advogados;

Ordem dos Médicos – Delegação Norte;

Pastelaria “Arte Branca” – Porto;

Pastelaria “Lordoce” – Porto;

Pastelaria “Lusitana” – Porto;

Pastelaria “Snopão” – Porto;

Pastelaria “Maria Bonita” – Porto;

Paupério;

Pimenta Rosa;

Presidência da República;

Restaurante “Decifrasonhos” – Porto;

Restaurante “Maria Bonita” – Porto;

Restaurante “O Largo” – Porto;

Restaurante “Paparoca da Foz” – Porto;

Restaurante “Piquenique” – Porto;

Rotary Club de Gaia;

Rotary Club de Paredes;

Rotary Club de Penafiel;

Santa Casa da Misericórdia de Penafiel;

Secretaria Regional da Educação;

Secretaria Regional da Inclusão e Assuntos Sociais;

Seguros Privados;

Sofecil;

Total Partner;

TVU: Televisão da Universidade – Porto;

Universidade Católica Portuguesa;

Universidade do Porto;

Universidade Fernando Pessoa;

Universidade Lusíada – Norte;

Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias;

Universidade Sénior de Paços de Ferreira;

www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40


Relatório de Gestão e Contas – Exercício de 2018

Universidade Sénior de Paredes;

Universidade de Coimbra;

Universidade de Lisboa;

Universidade da Beira Interior;

Vinhos Norte;

ViiV – Heath Care

VOU – Voluntariado Universitário.

Lisboa, 28 de junho de 2018

O Conselho de Administração da Fundação Portuguesa A Comunidade Contra a SIDA

www.fpccsida.org.pt

www.facebook.com/fpccsida.caojs

800 21 31 40

Profile for Fundação Portuguesa "A Comunidade Contra a SIDA"

Relatório de Gestão - Exercício de 2018  

Relatório de Gestão e Contas - Exercício de 2018 da Fundação Portuguesa "A Comunidade Contra a SIDA"

Relatório de Gestão - Exercício de 2018  

Relatório de Gestão e Contas - Exercício de 2018 da Fundação Portuguesa "A Comunidade Contra a SIDA"

Profile for fpccsida
Advertisement