Page 13

Nunca sofri preconceito por ser mulher e cantar blues. Pelo menos não que tenha chegado até mim. Mas o músico, seja homem ou mulher, na maioria das vezes é visto como louco, bêbado, drogado e promíscuo, o que, também na maioria das vezes, é puro mito. Já vi de tudo um pouco nesse meio e muita coisa é imaginação das pessoas. Eu canto o que eu amo cantar. Tento me colocar no lugar do público, já que também sou público. Acho que se posso contribuir com um pouquinho de diferença na cidade, tenho o compromisso, talvez o dever, de fazer isso. Uma das dificuldades que a banda tem é de não receber o cachê combinado, contratante não querer assinar contrato, show desmarcado de última hora... Além das noites perdidas de sono. Mas a música é maior que qualquer dificuldade. A gente sofre, mas não desiste!

Elas na música  

Reportagem fotográfica que traça o perfil de cinco cantoras/musicistas do cenário pop-rock-blues-reggae-rap de Campo Grande. Produzida por A...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you