Page 1

Blog do Mário Flávio – PE 22/04/2013 - 13:00 Cidades

Ricardo Costa prestigia posse do mais novo imortal da Academia Caruaruense de Literatura de Cordel Deputado dirigiu mensagem aos presentes confirmando suas raízes caruaruenses desde já assumindo o compromisso de destinar através de emendas parlamentares recursos para a Academia Caruaruense de Cultura Ciências e Letras e para a Academia Caruaruense de Literatura de Cordel Mário Flávio Divulgação

Academia Caruaruense de Cultura Ciências e Letras realizou na noite do sábado (20), a sessão solene da Academia Caruaruense de Literatura de Cordel – ACLC que deu posse ao escritor e publicitário José Severino do Carmo, ocupante da cadeira de número 15 que tem como patrono, o cearense Patativa do Assaré. Compuseram a mesa: O Deputado Ricardo Costa; Olegário Filho – Presidente da Academia Caruaruense de Literatura de Cordel ACLC; Onildo Almeida – Presidente da Academia Caruaruense de Cultura, Ciências e Letras ACACCIL; Paulo Ely – Presidente do Lions clube de Caruaru; Eliane Mélo Mendes – Presidente do Rotary Clube Caruaru; Saulo Amazonas – Conselheiro Estadual da OAB/PE; José Severino do Carmo – Cordelista empossado. O Deputado Ricardo Costa (PTC) dirigiu mensagem aos presentes confirmando suas raízes caruaruenses desde já assumindo o compromisso de destinar através de emendas parlamentares recursos para a Academia Caruaruense de Cultura Ciências e Letras e para a Academia Caruaruense de Literatura de Cordel. O Deputado que é o representante da comunicação na Assembleia Legislativa tem desenvolvido um trabalho muito forte de apoio e incentivo às atividades culturais do nosso estado e foi o autor do voto de aplauso a José Severino do Carmo pela conquista da cadeira de número 15 da ACLC, requerimento esse que foi aprovado na Alepe por unanimidade. Ricardo Costa como bom caruaruense fez questão de prestigiar a posse do amigo. Estiveram presentes representantes de vários segmentos da sociedade caruaruense e inúmeros intelectuais da capital do Agreste. Após a cerimônia os presentes se confraternizaram assistindo a várias apresentações de artistas locais.


Blog de Assis Ramalho - Petrolândia – PE 23/04/2013 - 08:26 Cidades

Professor do Estado de Pernambuco terá ponto cortado durante paralisação Nesta terça, a partir das 9h, estão programados atos públicos em frente às Gerências Regionais de Educação e na Secretaria Estadual de Educação Da Redação Divulgação

Diante do movimento nacional dos professores de escolas públicas, que vão paralisar atividades desta terça-feira (23) à quinta-feira (25) para cobrar o pagamento do piso da categoria e melhorias de condições de trabalho, o Estado e a Prefeitura do Recife reagiram. Na noite desta segunda-feira (22), o governo informou, por meio de nota que, para garantir o ano letivo de forma integral, as escolas estaduais deverão abrir durante esse período. Além disso, os docentes terão faltas computadas e pontos cortados, sem a possibilidade de compensação. A prefeitura da capital, seguindo a mesma linha, assegurou que as unidades de ensino estarão abertas, sem prejuízo para os alunos. A paralisação acontece durante a Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública, coordenada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE). A categoria cobra piso, plano de carreira, melhores condições de trabalho e profissionalização dos funcionários da rede pública de ensino. Nesta terça, a partir das 9h, estão programados atos públicos em frente às Gerências Regionais de Educação e na Secretaria Estadual de Educação. Já na quarta-feira, às 14h, a categoria pretende ocupar a Câmara dos Vereadores do Recife e a Assembleia Legislativa de Pernambuco. Da Redação do Blog de Assis Ramalho Fonte: Jornal do Comercio

Blog de Jamildo – PE 22/04/2013 - 21:40 Política

Em resposta à oposição, Borges diz que nenhum governo teve coragem de fazer licitação de ônibus Oposição cobra explicações sobre o fiasco da licitação do Grande Recife Da Redação O líder do governo na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Waldemar Borges (PSB), reagiu às críticas feitas pela deputada da oposição Terezinha Nunes (PSDB) de que o


governo precisa se explicar sobre o fracasso da licitação das linhas de ônibus, que não teve interessados. Oposição cobra explicações sobre o fiasco da licitação do Grande Recife Em pronunciamento, o socialista destacou que "nenhum governo anterior teve a coragem de fazer licitação para reestruturar o sistema de transporte público em Pernambuco". O deputado disse que a tucana já foi secretária da área de transporte e "não teve nenhum gesto que demonstrasse preocupação com a licitação". Para Borges, a licitação deveria ser vista como algo positivo. "O Governo quer que o usuário tenha um sistema de transporte de passageiros com qualidade e por isso fez exigências que são necessárias para garantir um melhor atendimento aos passageiros de ônibus".

Blog do Antonio Assis – PE 23/04/2013 - 08:16 Cidades

800 mil alunos ficarão sem aulas em Pernambuco Secretaria Estadual de Educação informou que os alunos poderão comparecer às aulas e, caso os professores faltem, os mesmos terão os pontos cortados, não havendo possibilidade de reposição Da Redação Divulgação

Leonardo Lucena_PE247 – Quase 800 mil alunos das escolas públicas pernambucanas deverão ficar sem aulas entre a terça-feira (23) e quinta-feira (25) desta semana por conta da Greve Nacional da Educação Pública. A categoria reivindica piso salarial, melhores condições de trabalho, plano de carreira e profissionalização dos funcionários que trabalham na rede pública. De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe), mais de mil escolas da rede pública estadual devem fechar suas e a adesão dos profissionais deve chegar a 90%. A Secretaria Estadual de Educação informou que os alunos poderão comparecer às aulas e, caso os professores faltem, os mesmos terão os pontos cortados, não havendo possibilidade de reposição. Por sua vez, a vice-presidente do Sintepe, Antonieta da Trindade, afirmou que o sindicato recorrerá ao Ministério Público Estadual (MPPE). Atualmente, o Brasil investe 5,3% do Produto Interno Bruto (PIB) em educação pública, o equivalente a R$ 233,4 bilhões. Porém, segundo a campanha, são necessários R$ 457,9 bilhões em todo o país, o que representa 10% do PIB. “Queremos ampliar os recursos para a educação e uma maior valorização dos profissionais da educação e também assegurar condições de um trabalho digno”, declarou a vice-presidente Sintepe, Antonieta da Trindade. A campanha será iniciada com a realização de atos públicos, a partir das 9h, em frente à Secretaria Estadual de Educação e das 13 Gerências Regionais de Educação. Na quarta-feira, os manifestantes ocuparão a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) e a Câmaras dos Vereadores, a partir das 14h. Na quinta-feira (25), haverá um debate no Centro de Educação da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), às 14h, sobre a crise econômica mundial e a educação no Brasil e na Espanha. Já na sexta-feira (26), será realizado o Seminário Ação Mundial pela Valorização dos Profissionais da Educação, na sede do Sintepe, bairro de Santo Amaro, região central do Recife (PE). Conforme o sindicato, será apresentado na ocasião o resultado parcial da pesquisa “O trabalho na educação básica em Pernambuco”. Segundo o Sintepe, o levantamento apontou que 48% das 206 escolas estaduais visitadas estão com déficit de professores e 60% delas apresentam problemas estruturais, como falta de bancas e bibliotecas. “Houve melhoria nas condições de trabalho, mas é precisamos avançar


mais neste sentido. Muitas escolas estão sem biblioteca, faltam salas de professores, sistema de refrigeração nas salas de aula, além da superlotação nas salas”, afirmou Antonieta. Em contrapartida à campanha sindical, a Secretaria Estadual de Educação elaborou uma nota ressaltando que os alunos poderão comparecer às aulas. “A Secretaria Estadual de Educação (SEE) entende que existem outras alternativas capazes de atingir o fim proposto pela categoria e trazer à tona discussões pertinentes sobre a temática. Desta forma, visando garantir os 200 dias letivos estabelecidos pela legislação, a SEE informa que as escolas da rede estadual funcionarão normalmente e ressalta ainda que eventuais faltas dos profissionais do magistério serão descontadas sem a possibilidade de compensação”, diz o texto. A vice-presidente do Sintepe, Antonieta da Trindade, mostrou a sua insatisfação com a postura adotada pela SEE: “Isso infringe o Estatuto do Magistério de 1996”, disse. “Estamos produzindo um documento para questionar isso no Ministério Público (MPPE)”, acrescentou.

Blog do Mário Flávio – PE 22/04/2013 - 18:00 Política

Nova enquete no blog: Qual o seu nome preferido para deputado estadual? Pela base do governo devem concorrer a reeleição as deputadas Raquel Lyra e Laura Gomes, ambas do PSB Mário Flávio Divulgação

Como as especulações para a eleição de 2014 estão começando, vamos iniciar uma série de enquetes voltadas para o pleito que se aproxima. Em Caruaru, por exemplo, vários nomes são ventilados para disputar uma vaga na Assembleia Legislativa e queremos saber a sua opinião a respeito dos possíveis candidatos. Pela base do governo devem concorrer a reeleição as deputadas Raquel Lyra e Laura Gomes, ambas do PSB. Nos bastidores se cogita ainda a possibilidade do PSD ter candidato e os nomes mais cotados seriam do vereador Dr. Demóstenes e do presidente da legenda na cidade e ex-vereador Adolfo José. O nome da secretária Louise Caroline, do presidente do PTB e secretário de Relações Institucionais, Marco Casé, além do vereador Ricardo Liberato, também foram lembrados recentemente. Pela oposição alguns nomes começam a ganhar força e muitas dúvidas sãi geradas. Tony Gel será candidato a reeleição ou ele tentaria voltar à Câmara Federal? Miriam Lacerda ou Tonynho Rodrigues seria a opção para a Alepe? O nome do vereador Val também é cotado e outro que trabalha intensamente com a possibilidade é o tucano Diogo Cantarelli. Pelo PSOL o candidato deve ser Fábio José. Agora é com você, vote na enquete ao lado.


Brasil 247 – SP 22/04/2013 - 19:47 Últimas Notícias

800 mil alunos ficarão sem aulas em Pernambuco Leonardo Lucena_PE247 ? Quase 800 mil alunos das escolas públicas pernambucanas deverão ficar sem aulas entre a terça-feira (23) e quinta-feira (25) desta semana por conta da Greve Nacional da Educação Pública. A categoria reivindica piso salarial, melhores condições de trabalho, plano de carreira e profissionalização dos funcionários que trabalham na rede pública. De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe), mais de mil escolas da rede pública estadual devem fechar suas e a adesão dos profissionais deve chegar a 90%. A Secretaria Estadual de Educação informou que os alunos poderão comparecer às aulas e, caso os professores faltem, os mesmos terão os pontos cortados, não havendo possibilidade de reposição. Por sua vez, a vice-presidente do Sintepe, Antonieta da Trindade, afirmou que o sindicato recorrerá ao Ministério Público Estadual (MPPE). Atualmente, o Brasil investe 5,3% do Produto Interno Bruto (PIB) em educação pública, o equivalente a R$ 233,4 bilhões. Porém, segundo a campanha, são necessários R$ 457,9 bilhões em todo o país, o que representa 10% do PIB. "Queremos ampliar os recursos para a educação e uma maior valorização dos profissionais da educação e também assegurar condições de um trabalho digno", declarou a vice-presidente Sintepe, Antonieta da Trindade. A campanha será iniciada com a realização de atos públicos, a partir das 9h, em frente à Secretaria Estadual de Educação e das 13 Gerências Regionais de Educação. Na quarta-feira, os manifestantes ocuparão a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) e a Câmaras dos Vereadores, a partir das 14h. Na quinta-feira (25), haverá um debate no Centro de Educação da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), às 14h, sobre a crise econômica mundial e a educação no Brasil e na Espanha. Já na sexta-feira (26), será realizado o Seminário Ação Mundial pela Valorização dosProfissionais da Educação, na sede do Sintepe, bairro de Santo Amaro, região central do Recife (PE). Conforme o sindicato, será apresentado na ocasião o resultado parcial da pesquisa "O trabalho na educação básica em Pernambuco". Segundo o Sintepe, o levantamento apontou que 48% das 206 escolas estaduais visitadas estão com déficit de professores e 60% delas apresentam problemas estruturais, como falta de bancas e bibliotecas. "Houve melhoria nas condições de trabalho, mas é precisamos avançar mais neste sentido. Muitas escolas estão sem biblioteca, faltam salas de professores, sistema de refrigeração nas salas de aula, além da superlotação nas salas", afirmou Antonieta. Em contrapartida à campanha sindical, a Secretaria Estadual de Educação elaborou uma nota ressaltando que os alunos poderão comparecer às aulas. "A Secretaria Estadual de Educação (SEE) entende que existem outras alternativas capazes de atingir o fim proposto pela categoria e trazer à tona discussões pertinentes sobre a temática. Desta forma, visando garantir os 200 dias letivos estabelecidos pela legislação, a SEE informa que as escolas da rede estadual funcionarão normalmente e ressalta ainda que eventuais faltas dos profissionais do magistério serão descontadas sem a possibilidade de compensação", diz o texto. A vice-presidente do Sintepe, Antonieta da Trindade, mostrou a sua insatisfação com a postura adotada pela SEE: "Isso infringe o Estatuto do Magistério de 1996", disse. "Estamos produzindo um documento para questionar isso no Ministério Público (MPPE)", acrescentou.


Diario de Pernambuco – PE 23/04/2013 - 08:32 Colunas

João Alberto Título O deputado André Campos recebe, quinta-feira, o título de Cidadão de Jaboatão dos Guararapes, em sessão solene da Câmara Municipal no salão de eventos do Hotel Barramares. Luis Delfim de Oliveira recebe o título de Cidadão de Pernambuco hoje, às 18h, na Assembleia Legislativa, por proposta do deputado Tony Gel.

Diário de Pernambuco Online – PE 22/04/2013 - 17:50 Cidades

Redes estadual e municipal do Recife aderem à greve nacional de professores Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe) informou que, na quarta-feira (24), às 14h, a categoria pretende ocupar a Câmara dos Vereadores e a Assembleia Legislativa de Pernambuco Da Redação As redes estadual e municipal do Recife de ensino aderiram à paralisação nacional de professores que começa nesta terça-feira (23). A greve vai durar três dias. As reivindicações por piso, plano de carreira, melhores condições de trabalho e profissionalização dos funcionários da rede pública de ensino. O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe) informou que, na quarta-feira (24), às 14h, a categoria pretende ocupar a Câmara dos Vereadores e a Assembleia Legislativa de Pernambuco. Por conta da paralisação, 770 mil alunos da rede estadual devem ficar sem aulas. O sindicato espera adesão de 90% dos professores. A Secretaria Estadual de Educação respondeu que "Pernambuco é um dos poucos estados que vem pagando o piso nacional dos professores para todos os docentes da rede estadual de ensino e investindo amplamente na educação." Já o Sindicato Municipal dos Profissionais de Ensino do Recife (Simpere) também confirmou que professores de 300 unidades da rede vão se juntar à mobilização nacional. A Secretaria Municipal de Educação esclareceu que "o Recife vem cumprindo com o piso salarial nacional para todos os docentes da rede municipal de ensino, tendo já implantado, no mês de abril, o percentual de aumento de 7,97%, estabelecido pelo Ministério da Educação para este ano de 2013, retroativo ao mês de janeiro".


Diário de Pernambuco Online – PE 22/04/2013 - 20:29 Cidades

Humberto cumpre agenda no interior Da Redação Seguindo cronograma de viagens pelo interior do estado, o senador Humberto Costa (PT) cumpriu agenda extensa em Petrolina, no Sertão nesta segunda-feira (22). Além de se reunir com lideranças da região, o senador visitou universidades, um hospital e participou da assinatura da ordem de serviço para a construção de uma Praça dos Esportes e da Cultura no município. "Petrolina é uma cidade importante para Pernambuco. Viemos aqui com a disposição de ajudar e ouvir as demandas da população. Nós estamos fazendo um cronograma de viagens por todo o Estado. A gente tem uma preocupação no nosso mandato de estar perto das pessoas e ajudar no que a gente puder", disse o petista. No último sábado (20), o senador esteve em Vicência, na Zona da Mata Norte. Pela manhã, Humberto visitou o Hospital do Câncer, mantido pela Associação Petrolinense de Amparo à Maternidade e à Infância (Apami). O hospital é credenciado pelo SUS e atende a demanda do município e até de outros estados. No local, Humberto ouviu o pedido dos gestores da entidade para ajudar na ampliação do espaço físico da instituição e na aquisição de um aparelho de radioterapia. "Entrarei em contato com o Ministério da Saúde para saber como eles podem viabilizar esse aparelho e também vou procurar emendas parlamentares de anos anteriores e trabalhar para que elas sejam liberadas. Vocês fazem um grande trabalho aqui", elogiou Humberto. O diretor-presidente da Apami, Augusto Coelho, comemorou o apoio do senador. "Atitudes como a de Humberto é que ajudam na continuidade dos serviços que queremos prestar com qualidade. É muito bom contar com o apoio de um senador e ex-ministro da Saúde", disse. De lá, Humberto seguiu para Prefeitura de Petrolina onde participou, junto com o prefeito Júlio Lóssio (PMDB), da assinatura da ordem de serviço para a construção de uma Praça de Esporte e Cultura (PEC), no bairro de Rio Corrente. O programa - que é inspirado no projeto Academia das Cidades, criado pelo senador - prevê a construção de um espaço de arte e lazer com biblioteca, cineteatro, quadra coberta e pista de skate. O recurso é oriundo do Ministério da Saúde, no valor de R$ 2 milhões. "O senador vem ajudando Petrolina em vários aspectos, desde a construção do Hospital de Traumas, quando era ministro da Saúde, também com a implantação da Academia das Cidades, na Sementeira e agora intermediando algumas audiências da Prefeitura em diversos ministérios", afirmou Júlio Lóssio. À tarde, o senador teve encontro com o reitor da Universidade do Vale do São Francisco (Univasf), Julianeli Polentino. Humberto ainda se reuniu com o presidente da Faculdade de Ciências Aplicadas de Petrolina (Facape), Rinaldo Remígio, onde recebeu mais dois pleitos: o apoio para a construção de um auditório e de de uma arena de eventos. A Facape é uma autarquia municipal que oferece oito cursos, já formou cerca de cinco mil profissionais e hoje tem 3.400 alunos em sua instituição. [WINDOWS-1252?]"No que for possível, irei ajudar. Vou inclusive me reunir com o ministro da Educação (Aluizio Mercadante) para ver como podemos tratar do [WINDOWS-1252?]tema", informou o senador. Acompanharam toda a agenda do senador em Petrolina o deputado Odacy Amorim (PT), a deputada Isabel Cristina (PT) e vereadores do município como Cristina Costa e Geraldo da Acerola. Da assessoria do senador Humberto Costa


Folha de Pernambuco – PE 23/04/2013 - 06:33 Colunas

Fogo Cruzado Inaldo Sampaio O choro - O deputado Sérgio Leite (PT) não reconhece a derrota para Júnior Matuto (PSB) na disputa eleitoral pela prefeitura de Paulista. Diz que o mandato do prefeito é “ilegítimo” porque teria sido fruto de “abuso de poder político e econômico”. As denúncias que fez contra Matuto resultaram num processo de 21 volumes, que ainda está pendente de julgamento no fórum local. O pedido - A resolução que a Assembleia Legislativa aprovou na última 4ª feira extinguindo o pagamento do “auxílio-paletó” aos deputados estaduais contém uma particularidade: essa ajuda de custo, no valor de um salário, passará a ser feita em duas parcelas, uma no início e outra no final de cada legislatura, mas não é automática. Para recebê-la, o parlamentar tem que requerer.

Folha de Pernambuco – PE 23/04/2013 - 06:37 Colunas

Foco Simone Lima com Mariana Fontes É HOJE O executivo Luis Delfim de Oliveira recebe o título de Cidadão de Pernambuco, às 18h, na Assembleia Legislativa do Estado, por proposta do deputado Tony Gel.

Folha de Pernambuco – PE 23/04/2013 - 06:07 Política

Oposição cobra explicação do Estado Declaração incomodou o líder do Governo, o deputado Waldemar Borges (PSB), que foi à tribuna e declarou que o único governo que teve coragem de fazer a licitação foi o atual Amanda Seabra A deputada Terezinha Nunes (PSDB) cobrou, ontem, na sessão da Assembleia Legislativa (Alepe), que o Governo do Estado apresente explicações acerca da licitação esvaziada do


Grande Recife Consórcio de Transportes na semana passada. A parlamentar fez questão de lembrar o alarde feito pela gestão estadual, há três meses, no lançamento do edital, ao afirmar que esta seria a “maior concorrência pública em volume de recursos já realizada em Pernambuco”, algo em torno de R$ 15 bilhões, mas que terminou sem interessados. A declaração incomodou o líder do Governo, o deputado Waldemar Borges (PSB), que foi à tribuna e declarou que o único governo que teve coragem de fazer a licitação foi o atual. Segundo ele, os anteriores, especialmente o de Jarbas Vasconcelos (PMDB), do qual Terezinha foi secretária, tiveram a possibilidade de realizar essa licitação, mas nunca fizeram. Para Borges, a iniciativa da gestão de Eduardo Campos (PSB) foi positiva e visou o bem público. “O que se especula é que o edital foi bastante exigente e acabou resultando na falta de propostas, mas o Governo vai relançar o edital até o dia 30 de maio e, se for preciso, o edital será revisto”, destacou. Terezinha, porém, voltou à tribuna após a declaração do socialista para enumerar que cada governo teve uma parcela importante de contribuição para que essa licitação fosse possível, “No governo Jarbas, por exemplo, junto com a Prefeitura do Recife, retiramos as kombis das ruas da cidade sob ameaça de morte. Mas há dez anos não havia nem o que licitar e foi por isso que não fizemos, não havia interesse dos empresários”, explicou. Waldemar rebateu dizendo que “na ocasião um dos compromissos era exatamente a realização de uma licitação para o transporte público, mas o governo da época não o fez”.

Folha de Pernambuco – PE 23/04/2013 - 06:26 Cidades

Professores de escolas públicas param e pedem melhorias na rede Paralisação nacional reivindica o piso salarial, aula-atividade e melhores condições de trabalho Wellington Silva Jorge Farias

Categoria acredita que docentes de 300 unidades participarão da manifestação

De hoje até a próxima quinta-feira, os professores da rede pública de ensino vão paralisar suas atividades, com o intuito de chamar a atenção para os problemas no setor. Serão reivindicados o piso salarial, a implantação da aula-atividade, melhores condições de trabalho, entre outras questões. A ação faz parte da Greve Nacional da Educação Pública, convocada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE). Em Pernambuco, somente na rede estadual, 770 mil estudantes, distribuídos em 1.089 escolas, deverão ficar sem aula nesses três dias, conforme o Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe). Educadores vinculados aos municípios de Recife e Olinda, além de docentes das 28 cidades ligadas ao Sintepe, deverão cruzar os braços. Segundo o Sindicato Municipal dos Profissionais de Ensino do Recife (Simpere), deverão se juntar à mobilização nacional 90% dos professores de mais de 300 unidades da Região Metropolitana. Já em Olinda, de acordo com o Sindicato dos Professores Municipais de Olinda (Sinpmol), participarão educadores das cerca de 100 instituições de ensino da rede. Para hoje estão previstos atos públicos em frente às 13 Gerências Regionais de Educação e na Secretaria Estadual de Educação, a partir das 9h. Amanhã, os docentes irão ocupar as Câmaras dos Vereadores e a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), usando


camisa vermelha, a partir das 14h. Já na quinta-feira, último dia de manifestação, haverá um debate sobre a crise econômica mundial e a educação no Brasil e na Espanha, às 14h, no Centro de Educação da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Conforme um levantamento feito pelo Sintepe, em 206 escolas estaduais, revelou que em 48% delas faltam professores e 60% apresentam problemas estruturais. Foi constatado ainda que 19 unidades precisam de bancas, além de haver uma carência de 63 técnicos em educação e 158 educadores de apoio (coordenador pedagógico). “Faltam cerca de 13.431 bancas para atender a demanda. Outro dado alarmante é que 56% das quadras esportivas apresentam problemas e 114 não contam com laboratório de ciências”, acrescentou Heleno Araújo, presidente do sindicato. A categoria também reivindica a aplicação de 10% do Produto Interno Bruto (PIB) na educação e de 100% dos royalties do petróleo. Outra bandeira levantada é a aprovação imediata do Plano Nacional de Educação, que se encontra em tramitação no Congresso Nacional. “A educação pública vem perdendo profissionais com boa qualificação. Aqueles que se capacitam, fazem especialização, mestrado, acabam aceitando propostas de emprego mais interessantes”, destacou a professora de Educação de Jovens e Adultos (EJA) Rita de Cássia Barreto. VALORIZAÇÃO Paralela à greve nacional, acontece a 11ª Semana de Ação Mundial, até o próximo domingo, e a 14ª Semana Nacional em Defesa da Educação Pública de Qualidade, que se estende até a próxima sexta-feira. Dentre as atividades desses eventos, o Sintepe realiza o Seminário Ação Mundial pela Valorização dos Profissionais da Educação, na sexta-feira. Na ocasião será apresentado o resultado parcial da pesquisa “O trabalho na educação básica em Pernambuco”, feita em parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais”.

Jornal do Commercio – PE 23/04/2013 - 06:11 Colunas

Pinga-Fogo Da Redação Buraco frio Agora os deputados recebem para almoçar toda quarta, a partir de amanhã, especialistas de várias áreas para trocar ideias. O 1º será Francisco Saboya, do Porto Digital, que foi convidado por Terezinha Nunes.

Jornal do Commercio – PE 23/04/2013 - 07:42 Colunas

DIA A DIA Da Redação en passant O deputado Daniel Coelho retornou de temporada de intercâmbio nos EUA. Voltará a fazer seus discursos inflamados na Assembleia Legislativa.


O executivo Luis Delfim de Oliveira recebe hoje título de cidadão de Pernambuco no plenário da Assembleia Legislativa, às 18h, por iniciativa do deputado Tony Gel.

Jornal do Commercio – PE 23/04/2013 - 08:15 Cidades

Professor grevista terá ponto cortado Governo tenta desmobilizar a greve dos trabalhadores da educação, que pretendem parar de hoje a quinta-feira. PCR também garante atividades Da Redação Diante do movimento nacional dos professores de escolas públicas, que vão paralisar atividades de hoje a quinta-feira para cobrar o pagamento do piso da categoria e melhorias de condições de trabalho, o Estado e a Prefeitura do Recife reagiram. Ontem à noite, o governo informou, por meio de nota, que para garantir o ano letivo de forma integral as escolas estaduais deverão abrir durante esse período. Além disso, os docentes terão faltas computadas e pontos cortados, sem a possibilidade de compensação. A prefeitura da capital, seguindo a mesma linha, assegurou que as unidades de ensino estarão abertas, sem prejuízo para os alunos. A Secretaria Estadual de Educação alega que Pernambuco é um dos Estados que vêm pagando o piso. Entende que existem alternativas para contemplar a categoria. "O governo trabalha pela busca contínua de uma remuneração cada vez melhor para os servidores da educação e acredita que é preciso zelar pela missão de educar os jovens. A atitude de tentar paralisar as aulas por três dias vai contra essa missão", afirma a nota. A Prefeitura do Recife enviou comunicado aos dirigentes de escolas, creches e centros de educação infantil. Garante o respeito aos pleitos, mas pondera que a paralisação prejudica os estudantes. Esclarece, ainda, que o Recife paga o piso salarial nacional a todos os docentes da rede municipal de ensino, tendo implantado, este mês, o percentual de aumento de 7,97%, estabelecido pelo Ministério da Educação para 2013, retroativo ao mês de janeiro. A paralisação de três dias faz parte da 14ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública. Até sexta-feira, estão previstas manifestações e greves nas unidades públicas de ensino de todo o Brasil. As atividades são coordenadas pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE). Em Pernambuco, estão previstos atos públicos em frente às Gerências Regionais de Educação e na Secretaria Estadual de Educação, a partir das 9h de hoje. Amanhã, os manifestantes ocuparão as casas legislativas (Câmaras dos Vereadores e Assembleia Legislativa de Pernambuco), usando camisa vermelha, a partir das 14h. Na quinta-feira, último dia da paralisação, haverá debate sobre a crise econômica mundial e a educação no Brasil e na Espanha, às 14h, no Centro de Educação da UFPE. No dia 26, será realizado o Seminário Ação Mundial pela Valorização dos Profissionais da Educação, na sede do Sindicato dos Trabalhadores em em Educação de Pernambuco (Sintepe), das 9h às 17h. "Queremos que 10% do Produto Interno Bruto (PIB) sejam aplicados em políticas da área de educação no período de 10 anos, como diz a lei. Além disso, queremos que a carreira fique mais atrativa, com o pagamento correto do piso salarial e regularização da jornada de trabalho", explicou o presidente da entidade, Heleno Araújo. O objetivo da semana é chamar a atenção dos governos, de todas as esferas administrativas, para a importância de se cumprir integralmente a Lei do Piso do Magistério, que, atualmente, é de R$ 1.937,26. "São necessários valorização dos profissionais e maior investimento na área", insistiu Heleno Araújo.


Ministério do Trabalho e Emprego – DF 22/04/2013 - 18:00 Cidades

Eventos em Recife lembram os 70 anos da CLT Abertura solene será na Sala do Pleno no TRT/PE. Atividades se encerram na Assembleia Legislativa, no dia 30, com audiência pública Assessoria de Imprensa/MTE Recife, 22/04/2013 - A Superintendência Regional do Trabalho e Emprego em Pernambuco (SRTE/PE), numa parceria com o Tribunal Regional do Trabalho (TRT/PE), promove, a partir desta terça-feira (23), uma série de eventos em comemoração aos 70 anos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), celebrado em 1º de maio. As atividades seguem até 30 de abril, com exposição, sessão solene e seminários em universidades, sindicatos e canteiros de obra. A abertura solene será às 10h, na Sala do Pleno do TRT 6, no Cais do Apolo, 739, Bairro do Recife, Recife/PE. Na ocasião será instalada a exposição “Bernardino Ramazzini, pai da Medicina do Trabalho”. Nesta solenidade, o Ministério do Trabalho e Emprego fará a entrega pública de relatórios de acidentes de trabalho graves e fatais ao Ministério Público do Trabalho (MPT) e à Advocacia Geral da União. O dia 24/04 será dedicado ao Dia Mundial da Segurança e da Saúde no Trabalho e em Memória às Vítimas de Acidentes e Doenças no Trabalho, em 28 de Abril. Neste dia, a chefe do Setor de Segurança e Saúde do Trabalhador da SRTE/PE, Simone Holmes, falará sobre os relatórios dos acidentes investigados pela Superintendência, e em seguida, o auditor fiscal do Trabalho, Carlos Silva, abordará a Norma Regulamentadora – NR 12, que trata da segurança no trabalho com máquinas e equipamentos. O seminário acontece de 9h às 17h, na sede da Fundacentro. Na sexta-feira (29), durante todo o dia, haverá palestras sobre a história da CLT, preservação de documentos e saúde do trabalhador, programadas pela Escola Judicial do TRT6. As comemorações continuam na segunda-feira (29), com uma audiência pública, no auditório da SRTE/PE. Nessa ocasião será instalada a Comissão Estadual da Erradicação do Trabalho Escravo, com a presença do superintendente do Trabalho e Emprego em Pernambuco, André Luz Negromonte. As atividades encerram no dia 30 com uma audiência pública na Assembleia Legislativa de Pernambuco. Com informações da SRTE/PE


Portal Informe – PE 23/04/2013 - 08:15 Cidades

Professor do Estado terá ponto cortado durante paralisação Segundo o Sindicato Municipal dos Profissionais de Ensino do Recife (Simpere), professores de 300 unidades da rede, entre creche, pré-escola e escola, vão se juntar à mobilização nacional. Em Jaboatão, professores das 119 escolas também integram o movimento Paulo Fernando Divulgação

Movimento nacional dos professores de escolas públicas decidiu por cruzar os braços entre esta terça-feira e quintafeira

Diante do movimento nacional dos professores de escolas públicas, que vão paralisar atividades desta terça-feira (23) à quinta-feira (25) para cobrar o pagamento do piso da categoria e melhorias de condições de trabalho, o Estado e a Prefeitura do Recife reagiram. Na noite desta segunda-feira (22), o governo informou, por meio de nota que, para garantir o ano letivo de forma integral, as escolas estaduais deverão abrir durante esse período. Além disso, os docentes terão faltas computadas e pontos cortados, sem a possibilidade de compensação. A prefeitura da capital, seguindo a mesma linha, assegurou que as unidades de ensino estarão abertas, sem prejuízo para os alunos. Os professores da rede municipal do Recife que também aderirem à paralisação sofrerão as mesmas punições. A paralisação acontece durante a Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública, coordenada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE). A categoria cobra piso, plano de carreira, melhores condições de trabalho e profissionalização dos funcionários da rede pública de ensino. Segundo o Sindicato Municipal dos Profissionais de Ensino do Recife (Simpere), professores de 300 unidades da rede, entre creche, pré-escola e escola, vão se juntar à mobilização nacional. Em Jaboatão, professores das 119 escolas também integram o movimento. Nesta terça, a partir das 9h, estão programados atos públicos em frente às Gerências Regionais de Educação e na Secretaria Estadual de Educação. Já na quarta-feira, às 14h, a categoria pretende ocupar a Câmara dos Vereadores do Recife e a Assembleia Legislativa de Pernambuco. No último dia da greve, haverá um debate sobre com o tema A crise econômica mundial e a educação no Brasil e na Espanha, às 14h, no Centro de Educação da UFPE, na cidade universitária. Os professores das redes públicas também lutam por 100% dos royalties do petróleo e 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para a educação, além da aprovação imediata do Plano Nacional de Educação, que se encontra em tramitação no Congresso Nacional. Atualmente, o País investe 5,3% do PIB em educação pública, o que representa R$ 233,4 bilhões. A campanha calcula que, para garantir qualidade em todos os âmbitos e níveis da educação pública brasileira, são necessários R$ 457,9 bilhões. Com informações NE10


Promad – SP 22/04/2013 - 18:00 Política

Sebastião Rufino registra Dia da Polícia Civil e Militar Rufino também lembrou o Dia de Tiradentes, comemorado na mesma data F.M. No último domingo (21 de abril), foi comemorado o Dia da Polícia Civil e Militar do Brasil. A data foi registrada nesta segunda (22) pelo deputado Sebastião Rufino, do PSB. Integrante da PM de Pernambuco por 32 anos, o parlamentar homenageou os policiais de todo o país, que, segundo ele, realizam o gratificante trabalho de cuidar da segurança da população. Rufino também lembrou o Dia de Tiradentes, comemorado na mesma data. Além de dentista, comerciante e ativista político, Joaquim José da Silva Xavier é considerado o patrono das Polícias Militares Estaduais e herói cívico nacional.

Promad – SP 22/04/2013 - 18:01 Política

Antônio Moraes Macaparana

registra

comemoração

do

aniversário

de

Parlamentar destacou as qualidades da cidade, que contou com a presença de grande parte da população local para assistir aos shows e partir o bolo de 82 metros feito para o evento Da Redação O município de Macaparana, na Mata Norte, completou, no último domingo (21 de abril), 82 anos de emancipação política. O deputado Antônio Moraes, do PSDB, registrou, na tarde desta segunda (22), as comemorações, que já haviam começado na semana anterior. O parlamentar destacou as qualidades da cidade, que contou com a presença de grande parte da população local para assistir aos shows e partir o bolo de 82 metros feito para o evento. (A.D.)


Promad – SP 22/04/2013 - 18:01 Política

Terezinha Nunes cobra explicações sobre licitação das linhas de ônibus do Grande Recife Terezinha destacou que por dia são dois milhões de usuários circulando no sistema de transporte de passageiros. A parlamentar ressaltou que esse público aguarda uma explicação dos órgãos oficiais sobre o que realmente ocorreu V.B. A deputada Terezinha Nunes, do PSDB, cobrou, nesta segunda (22 de abril), explicações do Governo do Estado sobre o processo de licitação das linhas de ônibus em operação na Região Metropolitana do Recife. A parlamentar lembrou que, há cerca de uma semana, a primeira etapa da licitação não ocorreu porque nenhuma empresa se interessou em apresentar propostas para concorrer à prestação do serviço. Segundo a deputada, informações não oficiais apontam a falta de clareza no edital de concorrência pública e um possível boicote das empresas. Terezinha destacou que por dia são dois milhões de usuários circulando no sistema de transporte de passageiros. A parlamentar ressaltou que esse público aguarda uma explicação dos órgãos oficiais sobre o que realmente ocorreu. E lembrou que, durante a gestão de Jarbas Vasconcelos, foi extinto o transporte alternativo na Região Metropolitana, deixando o caminho aberto para que o sistema de transporte público fosse revigorado e se preparasse a licitação. Betinho Gomes, do PSDB, afirmou que o serviço está em péssimas condições de atendimento, mas os empresários demonstraram não ter disposição para participar. O deputado aproveitou a oportunidade para anunciar uma audiência pública na próxima quarta (24), na Comissão de Cidadania, para discutir a qualidade do sistema de transporte público do Estado. Daniel Coelho, do PSDB, também pediu explicações do Governo sobre a licitação malsucedida. Já o líder do Governo, Waldemar Borges, do PSB, afirmou ter orgulho de pertencer a um Governo que teve a coragem de abrir um processo licitatório para o sistema de transporte público, o que não ocorreu na gestão anterior. O deputado explicou que, para o empresariado, o edital apresentado tinha muitas exigências e, por isso, o Governo está preparando um novo texto, que deve ser publicado em até 30 dias.

Alepe Notícias - CLIPPING 23 04 2013  

Alepe Notícias - CLIPPING 23 04 2013