Page 1

1


Apresentação Esse material foi preparado com intuito de trazer dicas para quem tem interesse em trabalhar com danças na igreja. As orientações contidas aqui provêm de experiências adquiridas pelo Ministério Face a Face da Fonte da Vida de Taguatinga, que ministra desde 2004. Durante todo esse tempo o departamento passou por diversas situações, de sucessos e de crises. Vários líderes e integrantes passaram por ele. Todavia, suas atividades nunca cessaram e o conhecimento obtido em todos esses anos foi mantido e passado adiante. 1


Sabemos que os problemas vividos pelo Face a Face são comuns e recorrentes em outras igrejas, muitas das quais presenciam o surgimento de departamentos especializados como o de dança e, após certo tempo, assistem à sua decadência, devido à falta de recursos, falta de compromisso dos integrantes, troca frequente ou mesmo ausência de líderes e etc. Mas acreditamos fortemente que a capacidade de manter o funcionamento ao longo do tempo é consequência direta das seguintes ações, vitais para qualquer departamento de uma igreja: • Padronização das atividades do departamento: ○ Definição clara dos requisitos e das atribuições exigidos dos integrantes; ○ Planejamento das atividades durante o ano: cronograma de ensaios, apresentações, reuniões e seminários; ○ Elaboração de treinamentos e de materiais de ensino; • Garantia por parte da igreja de recursos mínimos para o desenvolvimento das atividades: local adequado (para ensaio e para guarda dos materiais de dança), materiais básicos, auxílio na compra de figurino e etc. • Registro escrito do conhecimento obtido: elaboração de manuais normativos, cartilhas, treinamentos, arquivamento de vídeos e de outros materiais produzidos pelo departamento para consultas. • Investimento em capacitação e especialização da equipe: cursos e seminários. A intenção do Face a Face neste material é apresentar, de forma bastante resumida, algumas dessas ações e abordar as dúvidas mais comuns que surgem neste ministério. Nosso desejo é compartilhar do conhecimento adquirido por nossa equipe àqueles que interessarem. 2


A Importância do Compromisso Grande parte dos problemas enfrentados na condução de qualquer departamento decorrem do baixo nível de compromisso dos integrantes e da falta de clareza, por parte da liderança, dos requisitos a serem cumpridos pela equipe. É importante que a equipe reflita sobre as seguintes questões sempre que alguém desejar fazer parte de um ministério de dança. 1. Por que deseja fazer parte da Dança em sua igreja? Muitas pessoas querem entrar para o grupo de dança porque gostam de dançar. Tudo bem, isso importa, mas não é suficiente. A dança é uma forma de adoração a Deus e também de levar outras pessoas a adorá-lo. Juntamente com o louvor, a dança auxilia a criar um ambiente propício à adoração e manifestação de Deus. A dança na igreja, é um ministério, um meio de evangelizar tocando a emoção das pessoas. Os dançarinos devem estar preparados para, não apenas dançar, mas ministrar. 2. Quanto tempo tem disponível para este ministério? Para que o ministério exista, permaneça e cresça cada dia mais, é preciso entender que esse ele exige compromisso e tempo de dedicação, que não é pouco. Com base na nossa experiência, deve-se exigir de cada integrante, no mínimo 8 horas semanais, divididas assim: • 2 horas: 1 ensaio no meio da semana, quando houver apresentações • 2 horas: 1 ensaio no fim de semana • 1 hora: ministrar no louvor • 3 horas: Estudo e treinamento em casa (oração, alongamento, ouvir música, dançar e assistir vídeos de dança). 3


3. Existe disposição em investir dinheiro nas atividades do departamento? Apesar de entendermos que a Igreja deve prover recursos para o departamento, nem sempre a Igreja local terá condições de fazer isso. Portanto, a equipe precisa estar disposta a investir dinheiro próprio para suprir eventuais necessidades. Além do mais, certos materiais básicos são de uso individual, e devem ser comprados e mantidos pelo próprio integrante. 4. Os requisitos mínimos exigidos pelo departamento são cumpridos? É muito importante que o departamento deixe bastante claro quais são as exigências mínimas para fazer parte da equipe. Segue abaixo nossa sugestão de requisitos mínimos: • Ser cristão batizado (para grupos dokmos/jovens/adultos); • Ter feito ou estar cursando o MDA (para grupos dokmos/jovens/adultos); • Disposição para desenvolver habilidades básicas: noção de ritmo, flexibilidade e capacidade de se apresentar em público; • Ter disponibilidade aos ensaios; • Assiduidade, pontualidade e disciplina; • Gostar de trabalhar em equipe; • Ter a idade mínima definida pelo departamento; • Participar e estar sempre disponível nos grupos de comunicação do departamento; 5. Há disposição em cumprir as atribuições exigidas pelo departamento? Os integrantes da equipe precisam demonstrar comprometimento e 4


cumprir algumas atribuições: • Participar dos ensaios; • Praticar exercícios físicos que visam a uma maior flexibilidade e ao aprimoramento de expressões faciais e corporais – são realizados em conjunto nos ensaios e individualmente em casa; • Aprimorar as habilidades e as técnicas (através de aulas de dança, vídeos, Internet, etc.); • Adquirir roupas básicas para dança (sapatilha, collant, etc.) para uso individual; • Manter limpos e bem cuidados os materiais utilizados no serviço; • Zelar pela organização, pela segurança e pelo bom funcionamento da sala do departamento.

5


Aspectos Práticos Vamos partir para tópicos práticos que o Ministério de Dança exige e habilidades que precisam ser desenvolvidas para torná-lo cada dia melhor. 1. Figurino de Dança Existem dois tipos de figurinos quando se fala em dança na Igreja. Figurino para dançar durante o louvor e figurino para dançar em apresentações. Citaremos aqui algumas dicas básicas de figurino para dançar durante o louvor da Igreja. Tratando-se de apresentações iremos ressaltar algumas diferenças. 1.1. Roupas femininas É necessário ter um kit básico de roupas (chamado de “Base”) em cores sóbrias (preto, nude/bege, branco). Esse kit é individual. Cada integrante do ministério de dança precisa adquirir o seu para dançar qualquer tipo de música, seja ela de adoração (mais lenta) ou celebração (mais agitada). Ele é composto por: • Collant (utilizamos como básico o de manga 7/8) • Legging • Sapatilha Além desse kit básico é preciso ter apenas um complemento, que pode ser uma calça, saia ou um tecido grande para jogar por cima. Com ele será possível montar vários conjuntos. A seguir, algumas peças que podem servir como complementos. • Saias e calças rodadas e soltas • Calça saruel 6


• Coletes • Vestidos • Tecidos. 1.2. Roupas masculinas Também é necessário ter um kit básico e individual em cores sóbrias, composto por: • Collant • Calça larga • Sapatilha Esse kit básico precisa ser acompanhado apenas uma por uma camiseta. 1.3. Acessórios em geral feminino É bom fazer um pequeno estoque dos seguintes materiais. • Acessórios de cabelo: ○ Liguinhas de cabelo grossa e firme ○ Liguinhas pequenas p/penteados ○ Grampo de cabelo ○ Presilhas de cabelo ○ Tiaras ○ Laquê (hair spray)/gel • Cintos/faixas • Brincos • Joaninha ou alfinete • Maquiagem: ○ Sombra ○ Rímel ○ Delineador ○ Lápis ○ Batom 7


Base ○ Blush ○ Iluminador ○ Pó ○ Corretivo ○ Cotonete ○ Lenço umedecido ○

1.4. Recomendações Importantes: •Acima de tudo, deve-se prezar pela decência do figurino; •Tomar cuidado para que a roupa íntima não apareça. Ex: sutiã não pode ser do tipo “costas nadador” e deve ser liso e sem renda; •Usar calças legging (tecido mais grosso para não transparecer) por baixo de outras calças ou saias; •Tentar sempre manter homogêneos as roupas e os acessórios utilizados pelos integrantes na hora de dançar; •Prezar pelo uso de tecidos fluidos: musseline, cetim, seda, voil; •Sempre pesquisar tecidos, roupas e modelos. Sugere-se comprar algo pronto e ajustar de acordo com o tamanho e a necessidade. 1.5. Figurinos para Apresentações: •Nestes casos, o figurino deve combinar com o tema da apresentação. É possível ousar mais nas roupas, nas maquiagens e nos penteados ○ Dança country: botas, chapéus, camisas, calça jeans ○ Hip hop: tênis, camiseta, calça ○ Dança étnica: roupas que representem a etnia ○ Maquiagens artísticas (tribais) • Podem ser utilizados vários tipos de acessórios e recursos multimídia ○ Bambolê ○ Bola 8


Fita ○ Tecidos ○ Pom pom ○ Cenário ○ Luzes coloridas ○ Vídeo-clip ○ Projeções ○

2. Postura na hora de dançar Abaixo, algumas dicas a serem observadas quando uma pessoa for dançar qualquer tipo de música. São habilidades que precisam ser desenvolvidas em todos os ensaios. 1. Não cante a música enquanto estiver dançando. 2.Transmita a emoção da música em seu rosto; ele dança junto com você, sempre! a. Mantenha sempre um sorriso no rosto ao dançar músicas de celebração; transmita alegria pela expressão facial. b. Nas músicas de adoração, o rosto tem que adorar conforme a música, se ela estiver expressando arrependimento, o sofrimento de Jesus, clima de guerra, por exemplo, seu rosto também terá que demonstrar isso. c. Cuidado para não demonstrar ansiedade, insatisfação ou medo enquanto estiver dançando; deixe o Espírito Santo agir em você. Não tenha vergonha de dançar e se expressar! d. Lembre-se: acertando ou errando mantenha sempre um sorriso no rosto porque as músicas agitadas sempre são alegres e muitas vezes as pessoas podem reparar mais no seu rosto do que nos passos que você está fazendo. 3. Mantenha a cabeça elevada, olhe para frente e para o alto, nunca para baixo. 9


4. Mantenha a postura ereta, não fique “corcunda” e cuidado para não perder o equilíbrio. 5. Treine a visão periférica quando estiver dançando em dupla ou em grupo. Olhe para a frente com os olhos mas treine a habilidade de saber o que está acontecendo ao seu redor. 6. Não pare de dançar durante a música, mantenha seu corpo no ritmo da música. Sempre uma parte do corpo deve estar em movimento. 7. Permaneça na frente, próximo ao palco, durante o louvor. Evite ficar entrando e saindo nos intervalos das músicas. Lembre-se de deixar uma garrafa de água e uma toalha sempre próximos a você. 8. Saia, sempre, com graça e elegância. a.Saia devagar, com palmas ou não; b.Saia intercalando, com o companheiro entrando; 3. Dicas de improviso Chamamos de improviso quando se dança uma música que não tem coreografia específica montada e ensaiada. A habilidade de improvisar se adquire nos ensaios, assistindo a apresentações de dança e a vídeos; vem com o tempo, dançando muito. Tente criar um repertório seu de passos básicos, para dançar músicas que você não conhece a letra, ou até mesmo que não tenham letra. Mesmo sem ter ensaiado uma música específica o que se espera de quem faz parte da equipe de dança é que a pessoa consiga dançar qualquer música que seja tocada no louvor com ritmo e entusiasmo. Repita passos, sequências, tudo dentro do ritmo da música. Se uma música tiver coreografia pronta e for dançada em dupla, e caso uma das duas pessoas que estiverem dançando não souber a coreografia, nem sempre é aconselhável dançar a coreografia da música preparada; porque quem for copiar tem que conseguir seguir os passos sem passar a impressão de que está “correndo atrás do prejuízo”. 10


Sendo assim, é melhor optar por dançar passos mais simples que possam ser copiados e apresentar harmonia na dança. Ou então, fica dançando apenas a pessoa que conhece a coreografia e a outra sai de cena. É normal isso acontecer. 3.1. Dicas de improviso para músicas agitadas durante o louvor 1. Quem estiver puxando fica mais à frente/diagonal de quem estiver seguindo. 2. Geralmente entra-se puxando a música com palmas para a igreja acompanhar, assim convidam-se as pessoas para louvar como igreja, juntos. Quando começar a letra da música, ou até mesmo um pouco antes, deixam-se as palmas e começa-se a dançar. As palmas devem ser puxadas com os braços bem no alto, nunca abaixo do rosto, muito menos tapando o rosto. Os braços devem estar esticados. 3. Quem estiver puxando deve fazer passos que possam ser “seguidos” com facilidade e que sejam ritmados. Não se deve mudar bruscamente de um passo para o outro para não deixar o companheiro perdido; 4. Crie sequencias lógicas que se repitam com frequência. 5. Procure fazer os passos com o corpo voltado para a frente, caso queira fazer passos de lado vire para o lado oposto do companheiro para que ele possa seguir. Se optar por virar o corpo pro lado, em direção ao companheiro, entende-se que o companheiro então que irá puxar os passos até que se volte à posição normal. 6. Quando o ministro de louvor pedir para cantar com seu irmão, procure ficar de frente um para outro participando junto com a igreja 7. É importantíssimo prestar atenção no que está sendo cantado ou ministrado, porque quem comanda o louvor é o ministro de louvor. Caso ele puxe alguma coreografia ou palmas, é preciso segui-lo com entusiasmo. 11


8. Tentar criar passos que a igreja possa seguir quando a música tiver refrão recorrente ou de efeito. 3.2. Dicas de improviso para músicas lentas durante o louvor Nas músicas lentas ou de adoração, como queira chamar, quando dançadas por mais de uma pessoa, é muito importante que a dupla se conheça um pouco na dança para que possam ter um bom entrosamento e afinidade. Nessas músicas algumas técnicas simples são recomendáveis: •Se for levantar a perna, mantenha-a esticada, mesmo que não vá muito alto; o pé deve sempre estar em andeor ou andedan e não flex • Ter alguns pulos/saltos treinados • Ter suavidade nos braços e nas mãos • Manter postura do corpo elegante (quadril encaixado, coluna ereta, equilíbrio) • Transmitir a emoção da música no rosto Costumamos ter várias maneiras de se dançar músicas de adoração: 1. Espontâneo: Embora esteja dançando em dupla, cada um dança sozinho, pra cada lado, apenas deixando a música fluir. 2. Interação: A interação acontece quando há mais de uma pessoa dançando. Além do método básico de dançar em dupla improvisadamente, que é quando um puxa e o outro copia, quem for copiar pode usar maneiras diferentes de dançar; o que torna a dança mais dinâmica. As maneiras de se copiar os passos podem ser: • no mesmo ritmo • com efeito cascata (um pouco atrasado) • com passos opostos • Espelho 12


• Pergunta e resposta: enquanto um dança o outro fica parado; para momentos curtos. • Contracenar: teatro gestual em forma de dança. Maneiras de se posicionar em dupla para interagir durante a música: • Um de frente para o outro (um puxando e o outro seguindo); • Um atrás do outro bem próximo, como se o que estivesse atrás fosse “envolvendo” quem está à frente; • Um no chão e o outro em pé. O que estiver em pé pode dançar em torno de quem está no chão ou mesmo ficar à frente ou ao lado. • Efeito cascata: Um começa a fazer uma sequência de passos e o que estiver do lado, ou mais atrás, copia os mesmos passos, só que um pouco “atrasado”. e. Pergunta e resposta: enquanto um dança o outro fica parado; para momentos curtos. • Contracenar: teatro gestual em forma de dança. 4.

Dicas para montar coreografia

4.1. Organize-se antecipadamente Principalmente para apresentações com datas marcadas, precisa haver um planejamento que dê tempo de montar a coreografia, ensaiar, e “limpar” os passos. Também é preciso levar em conta que em apresentações, muitas vezes, exige-se um figurino mais elaborado. Por isso, no planejamento também deve-se pensar com antecedência no cabelo, na maquiagem, no figurino e nos imprevistos, que podem acontecer. Sugere-se que uma apresentação comece a ser pensada com no mínimo 2 meses de antecedência, para que haja tempo de montar os passos e ensaiar com tranquilidade, caso haja ensaios apenas uma vez na 13


semana. Se o tempo for menor exigirá mais de um ensaio por semana, de 3 a 4. E nem sempre todos terão esse tempo disponível. Sempre na última semana que antecede a apresentação, é aconselhado fazer ensaios dia sim, dia não, para que todos tenham a coreografia bem firmada. 4.2. Assista apresentações de danças (vídeos, espetáculos, filmes) Para montar coreografia precisamos ter um bom repertório de passos em mente. Assistindo vídeos é possível copiar passos ou sequencias e adaptá-los em outras músicas. Crie o hábito de pegar passos quando assistir vídeos de dança. 4.3. Valorize a letra da música Caso a música tenha letra, monte passos que expressem o que a música está falando. Lembre-se de sempre expressar a emoção da música no rosto. 4.4. Estude a música Escute a música várias vezes, entenda o tempo de cada parte, o ritmo, quantas vezes é repetida uma estrofe, qual a sequência da música. Tudo isso é preciso ser pensado para que passos muito difíceis ou cansativos não sejam adaptados em trechos que se repetem muito. 4.5. Use a criatividade Com o conhecimento adquirido, assistindo apresentações e vídeos de dança, crie sua própria coreografia utilizando sua criatividade para inovar. Quando possível utilize de recursos multimídia e acessórios para inovar e adicionar às coreografias: projeções, vídeo, gravações...   14


Considerações Finais O Ministério de Dança é uma extensão do Ministério de Louvor, e está subordinado à hierarquia da Igreja. Os cultos e o louvor são dirigidos primeiramente pelo ministro do culto (Pastor ou Bispo) e depois pelo(s) ministro(s) do louvor (e principalmente pelo Espirito Santo). Muitas vezes a direção do louvor vai ser diferente da ensaiada. Precisamos estar preparados e submissos a essa direção e deixar o Espírito Santo usar nossas vidas através da dança! Finalizamos esse pequeno material com o desejo que ele possa ser útil na sua igreja mesmo que ainda não exista um grupo de dança. Embora seja um departamento, ou talvez, o departamento que mais exija dos integrantes (tempo, dedicação, compromisso, ensaios), é um departamento que traz mais alegria e graça aos cultos juntamente com o louvor. É um diferencial na Igreja. Através dele temos a oportunidade de criar novas amizades, firmar nossa aliança com a igreja e desenvolver o dom que Deus nos dá que é adorar, evangelizar e ministrar a palavra através da dança. O Face a Face continuará elaborando novos materiais para compartilhar do conhecimento adquirido àqueles que interessarem. Estamos à disposição para quem precisar!

15


Contato EQUIPE FACE A FACE - FONTE DA VIDA TAGUATINGA Email: ciafaf@gmail.com

Youtube: youtube.com/ciafaf

Endereço: QNE 07 LOTE 12 – Taguatinga Norte

Ensaios atualmente aos sábados das 15h às 17h Diaconisa Anne Karolinne 98160-2678 Pastora Daiane Zanatta 99302-7085 Pastora Sara Valadão 98188-1976

1


1

Livreto Oficina de Dança Face a Face  

Esse material foi preparado com intuito de trazer dicas para quem tem interesse em trabalhar com danças na igreja. As orientações contidas a...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you