Issuu on Google+

São José do Rio Pardo, 13 de Outubro de 2012

Distribuição gratuita

Maioria dos eleitores rio-pardenses votou Maioria dos eleitores rio-pardenses pela não reeleição de João LuísLuís votou pela não reeleição de João A maioria dos eleitores rio-pardenses optou por não votar na reeleição do prefeito João Luís Cunha. De acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral, mais de 70% dos eleitores preferiram outros candidatos, embora, nominalmente, o atual prefeito foi o mais votado. Entretanto, a diferença deste para o segundo colocado é de apenas 450 votos

Entre o candidato mais votado e o menos votado, a diferença de votos também é considerada muito pequena, o que, de acordo com especialistas consultados pela Folha, reflete um quadro de indecisão na cabeça do eleitor. “Em eleições anteriores, o primeiro colocado mantinha uma diferença muito grande de votos para o segundo. Mas nesta eleição o que se viu foi a maioria esmagadora dos eleitores pedindo a re-

novação e, conseqüentemente, a não permanência do prefeito que aí está”, explica. ANULADOS Na semana anterior, a campanha do prefeito João Luís Cunha usou e abusou dos meios de comunicação para dizer ao eleitorado que os votos confiados a ele seriam computados pela Justiça Eleitoral. P-A7

Edição 33

Veja também Prefeito contrata advogado do Tiririca Para tentar se livrar dos processos de cassação que assombram a sua candidatura, João Luís Cunha teria contratado o mesmo escritório de advocacia que defendeu o deputado federal Tiririca em 2010. Na época, Tiririca foi acusado

de ser analfabeto e, por isso, não poderia assumir ao cargo. Após passar por uma prova, o palhaço conseguiu provar que sabia ler e escrever e garantir sua vaga na Câmara dos Deputados em Brasília. P-A3

Quatro são condenados por boca de urna em São José Ônibus adaptado chega ao município Quatro pessoas foram um colégio eleitoral do bairNesta semana, a Prefeitura de São José do Rio Pardo recebeu um ônibus escolar zero quilômetro destinado à Secretaria de Educação. Ele foi adquirido por meio do programa “Caminho da Escola”, com recursos do Ministério da Educação e Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O ônibus é padronizado para o transporte de estudantes da rede pública municipal e estadual, incluindo adaptação para cadeirantes e toda segurança necessária e exigida pela legislação do transporte escolar. Ele acomoda até P-A4 44 pessoas.

Confira a votação dos candidatos a vereador P-A6

Acidente de Trânsito com Vítima P-A9

condenadas a pagar multas pela Justiça Eleitoral de São José do Rio Pardo, neste domingo, dia 7, por fazerem boca de urna em

ro Carlos Cassucci. Um homem distribuía santinhos próximo ao local e três mulheres tinham adesivos de candidatos.

Liga de Handebol do Estado de São Paulo – LHESP No dia 29 de Setembro a equipe do DEC/São José de Handebol categoria sub 21 masculino venceu a equipe de Itu pelo placar de 32 a 22. O jogo foi realizado no Ginásio Municipal de Esporte

Adhemar Machado de Almeida “Tartarugão” pela ultima partida da fase de classificação do Campeonato Estadual de Handebol, organizado pela Liga de Handebol do Estado de São Paulo. P-A11 REPORTAGEM


Folha Rio-Pardense

Página A-2

Sábado, 13 de outubro de 2012

Quem é a vítima? Nunca na história desta cidade um processo eleitoral foi e continua sendo tão lamentável como o deste ano em São José do Rio Pardo. Mesmo após tantas denúncias, processos e condenações, o atual prefeito João Luís Cunha foi o candidato mais votado nas urnas, com 450 votos de diferença do segundo colocado. Em segundo ficou o tucano João Santurbano, que já foi prefeito por oito anos consecutivo (2001-2008) e ficou conhecido na política rio-pardense como o “prefeito estudante”. Ele nunca tinha uma resposta imediata para os anseios da população, mas ao contrário, ele prometia sempre estudar a questão. Outros o chamam de “prefeito marasmo”, pois a cidade não se desenvolveu durante seus mandatos, além

de perder importantes investimentos para outras cidades da região, como São João da Boa Vista, Casa Branca e Mococa. João Cunha foi o mais votado, mas não foi declarado reeleito pela Justiça Eleitoral. Ele ainda precisa reverter as condenações que sofreu na justiça local, onde teve sua candidatura cassada três vezes. Cabem recursos ao Tribunal em São Paulo, e em Brasília no TSE. Por outro lado, João Santurbano também foi condenado por improbidade administrativa. Quando prefeito, Santurbano dirigiu uma licitação para beneficiar um grupo de advogados. Além disso, teve suas contas rejeitadas tanto pelo Tribunal de Contas do Estado, quanto pela Câmara de Vereadores. A decisão das urnas é sempre soberana, mas não se

pode deixar de questionar a decisão de boa parte do eleitorado rio-pardense. Os dois Joãos foram os candidatos mais votados e ambos, como relembrado acima, já foram condenados pela Justiça. No caso do João Luís Cunha ainda há vários processos para serem julgados, o que pode complicá-lo ainda mais. Lamentável perceber que certos assuntos como corrupção, desvio de dinheiro público, políticos condenados, entre outros, não despertam mais o senso crítico do eleitor brasileiro. Aprendemos a reclamar durante o governo, mas não aprendemos a mudar com o voto o governo que nos faz tão mal. Como diz o poeta Allan Sales, “Pobre povo só ganhando mixaria, enojado com tamanha armação. Pelo ralo desaguando a corrupção, no esgoto jogam a democracia”.

TÁ COM MEDO? O prefeito João Luís Cunha contratou cerca de 50 seguranças para protegê-lo domingo, durante as eleições. Por onde andava, dezenas desses homens acompanhavam o prefeito como se fosse uma comitiva. Alguns estavam até uniformizados. Quando o prefeito parava para cumprimentar seus possíveis eleitores, os seus seguranças ficavam em volta só observando a movimentação. DE QUE? Um cidadão atento, ao perceber que o prefeito João Luís estava cercado por seguranças, ridicularizou a atitude do chefe do executivo municipal: “atualmente é o povo que tem que ter medo de certos políticos e não certos políticos ter medo do povo”. CAMPEÃO Mais uma vez Reinaldo Milan surpreende com sua astronômica votação. Mesmo estando sem cargo público desde a derrota nas urnas em 2008 quando foi candidato a vice-prefeito de Lupercinho, Reinaldo agora foi o candidato a vereador mais votado desta eleição, obtendo mais de três mil votos. No mesmo partido de Reinaldo também foram eleitos José Roque Rueda e o exótico Pé-na-cova. MÉRITOS É óbvio que o professor Bibo ficou feliz com a votação que obteve nas urnas, mas isso tem uma explicação absolutamente lógica. O PT rio-pardense sempre teve 4 mil votos. Foi assim nas eleições anteriores, sendo Bibo ou não o candidato. Nesta eleição acrescentou-se 3 mil de Reinaldo Milan, obtendo o resultado final. Palmas ao Reinaldo. NOVO OFICIAL O destacamento da Polícia Militar de São José do Rio Pardo está sob novo comando. O tenente André da Costa Vieira Ciampone, que pertencia a unidade de Casa Branca, agora responde pela polícia de São José. Já o tenente Negrini, que até então era responsável pelo destacamento local, foi transferido para a cidade de Mococa para trabalhar junto ao capitão. O tenente André, embora seja jovem, já acumula bastante experiência como policial e é tido como um exemplar oficial da polícia paulista.

O jornal Folha Rio-pardense é uma publicação da Editora 31 de Março. CNPJ 15.245.524/0001-10 Rua Francisco Glicério, nº 248, Sala 08, Centro. São José do Rio Pardo-SP redacao@folhariopardense.com.br (19) 4130-0011 (telefone fixo). Jornalista responsável: Pedro Augusto Baizi Smarieri MTB nº 46.771 SP Jornalista sindicalizado pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo e pela Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj).


Sábado, 13 de outubro de 2012

Folha Rio-Pardense

NA JUSTIÇA

Página A-3

ILEGAL

João Luís contrata advogado do Tiririca Quatro são condenados por Especula-se que essa defesa tenha custado cerca de R$ 100 mil ao atual prefeito Para tentar se livrar dos processos de cassação que assombram a sua candidatura, João Luís Cunha teria contratado o mesmo escritório de advocacia que defendeu o deputado federal Tiririca em 2010. Na época, Tiririca foi acusado de ser analfabeto e, por isso, não poderia assumir ao cargo. Após passar por uma prova, o palhaço conseguiu provar que sabia ler e escrever e garantir sua vaga na Câmara dos Deputados em

O fatos que ensejaram a terceira cassação do registro da candidatura de João Luís Soares da Cunha ao cargo de prefeito nesta eleição de 2012 começaram antes das eleições. Como prefeito, lançou predatória campanha publicitária pessoal, travestida de propaganda oficial da prefeitura, como se informativa fosse. Em uma mão, passou a utilizar-se dos meios de comunicação que lhe são favoráveis para divulgar notícias como a redução do emprego para bucólicos níveis de 3%, sem contudo apresentar qualquer dado, prova, ou mesmo demonstrar como chegou a esta informação. Como esta, outras “informações” foram noticiadas, fazendo de São José do Rio Pardo a cidade mais desenvolvida no

Brasília. De acordo com assessores ligados ao prefeito João Luís, o escritório de advogados foi contratado por indicação de um deputado parceiro do prefeito rio-pardense. Especula-se que até agora tenha sido gasto mais de R$ 100 mil com essa defesa. Ainda segundo informações, na segunda-feira desta semana o prefeito foi tranqüilizado pelos advogados que o defendem. Teriam dito a ele que o caso já está re-

solvido e que no final ele será absolvido. Um assessor revelou que João Luís buscou ajuda com o vice-presidente da República, Michel Temer, que também é do seu partido, o PMDB, e que o mesmo garantiu a ele a absolvição no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). “O [Michel] Temer garantiu que não perderemos esses processos em Brasília por nada”, afirmou o assessor de João Luís.

boca de urna em São José

Três mulheres terão que pagar multa de R$ 500 para entidades sociais e um homem terá que prestar serviço à comunidade por distribuir santinhos Quatro pessoas foram condenadas a pagar multas pela Justiça Eleitoral de São José do Rio Pardo, neste domingo, dia 7, por fazerem boca de urna em um colégio eleitoral do bairro Carlos Cassucci. Um homem distribuía santinhos próximo ao local e três mulheres tinham adesivos de candidatos.

A terceira cassação

mundo. No papel, na propagada. Em outra mão, antes do início da propaganda eleitoral cuidou de padronizar a propaganda oficial da prefeitura. Fundo vermelho, letras amarelas e a utilização do logo formado com um homenzinho estilizado com um bracinho levantado. Os populares apelidaram este bonequinho branco de “Joãozinho” (referência ao prefeito), já mostrando certa pessoalidade na propaganda. Assim que iniciou-se o processo eleitoral, liberada a campanha, passou o candidato cassado João Luís e seu vice Marquinhos Zanetti a fazer intenso uso da identidade visual da Prefeitura Municipal em seu material de campanha. Fundo vermelho, letras amarelas e o bonequinho

branco, Joãozinho, sem um bracinho. Esta propaganda foi proibida por ordem da Justiça que, a pedido do Ministério Público determinou a busca e apreensão deste material que foi por oficiais de justiça recolhido. Foi então que João Luis passou a utilizar a nova propaganda, com fundo amarelo, trocando as placas de seu comitê, veículos, etc. Mas, ainda assim, várias faixas, adesivos veiculares e outros materiais continuaram a ser utilizados, em desrespeito a determinação judicial. O Ministério Público propôs, então, uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral, buscando a responsabilização dos candidatos João Luís e Marquinhos Zanetti. A sentença nesta ação foi

MARIA DE LOURDES TOSINI FELICISSIMO - ME., torna público que recebeu da CETESB a Licença de Operação nº 66000565, válida até 01/10/2016, para a Fabricação de artefatos de concreto, cimento, fibrocimento, gesso e estuque na Rodovia Pref Lupércio Torres, nº2761, Santa Luzia em São José do Rio Pardo - SP

prolatada na data de 10 de outubro de 2012: Novamente Cassados João Luiz e Marquinhos Zanetti, foram julgados pela justiça inelegíveis por mais oito anos. A confirmar-se a r. sentença, estes dois não poderão votar ou ser votados neste período, bem como não poderão ser contratados por qualquer ente público, autarquico ou fundacional e não poderá ser contratada qualquer empresa em que estes figurem no quadro societário. A confirmar-se a sentença, estes dois só poderão aparecer de novo nas urnas em eleições municipais em 2024. Antes desta duas outras sentenças proferidas pelo juiz local haviam cassado o registro da candidatura de João Luis e Marquinhos Zanetti: uma pelo uso indevido do site institucional da prefeitura em proveito próprio e outra por utilizar um jornal local para o mesmo fim, incluindo-se neste o claro intuito de detratar ou-

Todos foram levados para a delegacia e depois para o cartório eleitoral. Segundo o Promotor de Justiça Gabriel Guerreiro, as mulheres foram condenadas a pagar uma multa de R$ 500 cada uma para entidades sociais e o homem foi condenado à prestação de serviço à comunidade. Em seguida, os quatro foram liberados.

tros concorrentes e terceiros. Embora algumas pessoas digam que conseguirão reverter estas decisões em Brasília, algumas insinuando influência do Vice-Presidente Michel Temer (que é do mesmo partido que o candidato cassado), os advogados especializados e pessoas do meio acham extremamente improvável que João Luis consiga reverter este quadro. O entendimento é que as sentenças foram bem proferidas e fundamentadas, e que o próprio candidato cassado foi quem deu causa a esta situação. Hoje ainda vemos grande revolta por parte de muitos moradores. Afirmam que ouviram do Candidato Cassado que poderiam votar nele que seus votos seriam normalmente computados. Como se viu, todos os que votaram nele tiveram seus votos anulados. No popular: perderam o voto. Marcio Chaves é advogado.


Folha Rio-Pardense

Página A-4

Sábado, 13 de outubro de 2012 4

CAMINHO DA ESCOLA

Ônibus adaptado chega ao município Nesta semana, a Prefeitura de São José do Rio Pardo recebeu um ônibus escolar zero quilômetro destinado à Secretaria de Educação. Ele foi adquirido por meio do programa “Caminho da Escola”, com recursos do Ministério da Educação e Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O ônibus é padronizado para o transporte de estudantes da rede pública municipal e estadual, incluindo adaptação para cadeirantes e toda segurança necessária e exigida pela legislação do transporte escolar. Ele acomoda até 44 pessoas. Foi entregue pela empresa Man Latin América Indústria e Comércio Ltda, no valor de R$

214.880 mil, sendo R$ 212.731,20 mil com recursos oriundos do FNDE e a contrapartida do município de 1% do valor, perfazendo um total de R$ 2.148,80mil. Caminho da Escola O programa foi criado em 2007 pelo Governo Federal com o objetivo de renovar a frota de veículos escolares e dar mais segurança e comodidade aos estudantes. O governo federal, por meio do FNDE e em parceria com o Inmetro, oferece um veículo com especificações exclusivas, próprias para o transporte de estudantes, e adequado às condições de trafegabilidade das vias das zonas rural e urbana brasileira.

REPORTAGEM

REPORTAGEM


Sábado, 13 de outubro de 2012

Folha Rio-Pardense

Página A-5

Prefeitura intensifica trabalho de limpeza de ruas após eleições REPORTAGEM

Na segunda-feira, 8, a equipe de limpeza de ruas da Prefeitura de São José do Rio Pardo teve que intensificar os trabalhos para poder retirar o excesso de lixo gerado pela campanha política do último final de semana, principalmente próximos aos prédios que abrigam às seções eleitorais. No início da semana o trabalho durou todo o dia e também parte da noite. Havia quantidade excessiva de papéis que, se não fosse retirada, além de causar riscos aos pedestres, poderiam parar dentro dos bueiros, o que poderia causar um transtorno em caso de chuva.

REPORTAGEM

REPORTAGEM

REPORTAGEM

Limpeza de bueiros Outro serviço executado pelos funcionários da Secretaria de Planejamento, Obras e Serviços é a limpeza de bueiros que estão soterrados. Nesta semana, foram desentupidos bueiros na rua José Bertocco, no Jardim Santa Tereza.

REPORTAGEM

REPORTAGEM


Folha Rio-Pardense

Página A-6

Sábado, 13 de outubro de 2012

Confira a votação dos candidatos a vereador CANDIDATO MATHEUS DE OLIVEIRA PINTO AMILTON PIZZOLI CLAUDIO MARCIO DE LIMA JOSE ANGELO ZANETTI FERNANDA DO CARMO DA SILVA FELTRAN CLAUDINE MINUSSI JOSE EDUARDO MERLI CURI PAULO CESAR BRUNETTA MARIANA QUIRINO RISSO MARCOS ROBERTO CASANOVA EDSON ROBERTO RATZ MARINA FREITAS DA SILVA EVANDRO DA SILVA DE PAULI MARCOS ACACIO DA SILVA LUIZ MISSURA SANDRA APARECIDA MOISE ELENICE TARDELLI JORGE DE OLIVEIRA DONIZETI PEREIRA DE ARAUJO NEUSA PEREIRA DE SOUZA MARCIO DONIZETEI MACEDO MARISA CRUZ DA SILVA CARLOS APARECIDO DE OLIVEIRA ROSANGELA CRISTINA SNIDARCIS BERTI JOAO BOSCO DESSIMONE VICENTE RODRIGUES ITAMAR DA SILVA FRANCISCO EDUARDO DOS SANTOS FABIO AUGUSTO PORTO JUNQUEIRA NICE MARTA FLORINDO MARIA ROSA NOGUEIRA DELLA TORRE ELISABETE DE FATIMA SOUZA BRAGA MARCELO DA SILVA JOSE GUILHERME DE CAMPOS VILSON RODRIGUES LUCIA HELENA LIBANIO DA CRUZ MARCELO NOGUEIRA ROCHA DANIEL MARTINS DE MORAES SANDRA MARIA BIACO VIANNA LUIZ PAULO COBRA MONTEIRO ANTONIO NICOLA MINUSSI MAURICIO FERREIRA JOSÉ LUIS DA SILVA BRAMBILLA APARECIDA MARLISE CASSASSOLA ANA MARIA BORSATO DE MELLO RICARDO ALESSANDRO DE PAULI ADRIANO XAVIER BARBOSA CARLOS EDUARDO BUOSI SAFARIZ ANTONIO DOS REIS CHAGAS RAFAEL DESSIMONI DE PIETRO ALFREDO FERNANDES MOYA JR DALIRA APARECIDA ALVES LUIS CARLOS BOLDRIN DONIZETE APARECIDA WESTIN DE SOUZA ANTONIO CARLOS FONSECA JR PAULO SÉRGIO RODRIGUES MARCO ANTONIO GUMIERI VALERIO IURY FERES ABRÃO MIGUEL AUGUSTO GONÇALVES DE PAULI WILLIAN CESAR MONTEIRO CLÓVIS BATISTA DE SOUZA ZILDO SEBASTIÃO INOCÊNCIO JUNIOR CACILDA PASIN ESTEVÃO APARECIDO OSWALDO MAZIERO JOSE ALESSANDRO LOPES TATACHOLI FABIANO FERNANDES BARBOSA MAZIERO SEBASTIANA DA SILVA MARCELINO PEDRO FOGLIARINI JUNIOR VALDECI DE SOUZA CAMBUIM LUCIANE CASTILHO DA FONSECA

PARTIDO PV PV PV PSD PSD PSD PSD PSD PSD PV PDT PSD PSD PSD PDT PV PDT PDT PSD PDT PMDB PMDB PMDB PMDB PMDB PMDB PMDB PMDB PMDB PMDB PMDB PMDB PMDB PMDB PMDB PTB PSB PPL PSB PSB PTB PP PTB PTB PTB PTB PP PTB PSB PTB PTB PP PTB PTB PTB PSDB PSDB PPS PPS PSDB PPS PPS PSDB PSDB PPS PPS PPS PPS PSDB PPS

VOTOS 817 815 588 507 410 345 307 153 128 103 97 96 86 74 70 69 66 46 42 19 516 375 363 333 249 235 224 218 191 167 156 153 67 33 11 1.145 655 474 449 426 232 178 172 172 127 119 118 113 93 91 63 54 52 39 36 974 814 379 366 192 150 148 105 102 89 88 78 54 52 51

CANDIDATO MARCIA DOS SANTOS FERNANDES MINUSSI CÉLIA DE FÁTIMA COLPANI JORGE MANENTE MARIA ALESSANDRA WESTIN MELO DE SOUZA JOÃO PAULO RIBEIRO EDUARDO JOAO BATISTA RAMOS PAULO RICARDO BUARO THIAGO FRANCISCO MARTINS SERENO JOSE GABRIEL APARECIDO ANDRE PAULO DONIZETE DE SOUZA SIDNEI MARIN MORGAN ELAINE CRISTINA DASSAN CASSUCCI DONIZETI AGNALDO TARDELLI JAIME DE SOUZA BRAZ MARCO ANTONIO DA SILVA ANA CLAUDIA BRITO GARDIN DE OLIVEIRA PAULO HUMBERTO FARANHA BATISTA VITOR PEREIRA RAFAEL MOLINA FILHO JOSE CARLOS DA SILVA OLIMPIO MARCELINO MARIA JOSE VENEZIAN ANGELA APARECIDA CAPELLARI OSMARINA DE LOURDES BECKER ORFEI LUIZA REGINA JARDIM DANIEL DONIZETI SALOTTI ANTONIO CARLOS CANDIDO CATALANO RAPHAEL AUGUSTO MORAIS MATIAS CARLOS ROBERTO FERREIRA PINTO ROBERTO SALVADOR VANDELEI SOARES DE MORAES ROSANGELA APARECIDA BARBOSA DANIEL APARECIDO VALVERDE DE AGUIAR RITA DE CASSIA MILAN MARA SUELI CORTEZ REINALDO MILAN CLAUDINE APARECIDO APOLINARIO JOSÉ ROQUE RUEDA PAULO CESAR VEDOVATO RODRIGO ALVES NORONHA VANIA ELISA FRIGO RATINE ORLANDO PERRI JUNIOR ANA LÚCIA DIAS DE SOUZA SERNAGLIA RUBENS LOBATO PINHEIRO NETO MARCELO DONIZETI DA SILVA JOÃO BATISTA HENRIQUE JUNIOR MARCIO BUZATTO SANDOVAL LEA MARIA PEDRO RUBENS GIOVANELLI CARMEN LUISA BICALHO NICOLAS CARLOS ALBERTO PEREIRA LUIZ CARLOS DENIZIO PEDRO LUIZ DE SOUZA FERNANDA FERREIRA MARTINS FLAVIA FERREIRA MARTINS RAFAEL CASTRO KOCIAN CARLOS EDUARDO APOLINÁRIO GONÇALVES DANIEL CARLOS ESTEVÃO LUIZ CARLOS DE OLIVEIRA JUCELINO JOSE DA SILVA MARIA LUCIA CARDOSO MARIA JOSÉ DE MORAES ZACHI ILSOM JOSÉ ANTONIALE MARIA EMANUELE DE MELLO RIGOBELLO MARIA DE LOUDES CELESTE CABRAL REGINALDO GIL CAPELARI BARBARA RODRIGUES CAMPOS MANSANO MARIA LUCIA CALÓRIO CLAUDIO DA SILVA ANTONIO CARLOS BARBOZA

PARTIDO PPS PSDB PPS PPS PPS PRB PR PSC PR PR PR PR PR PR PR PR PR PR PR PSC PSC PRB PR PSC PR PRP PRP PRP PRP PRP PRP PRP PRP PRP PRP PSL PSL PSL PSL PSL PSL PSL PSL PSL PSL PSL PSL PSL PSL PSL PTN PSL PSL PSL PSL PT PT PT PT PT PT PT PT PT PT PT PT PT PT PT

VOTOS 51 51 40 24 21 349 276 244 231 223 201 117 110 101 81 75 74 55 51 50 39 29 23 18 10 151 145 120 67 44 32 23 11 1 0 3.371 542 428 261 201 198 191 175 174 141 120 96 95 69 52 35 34 19 0 0 534 239 231 220 216 86 75 69 69 38 36 23 22 16 7


Sábado, 13 de outubro de 2012

Folha Rio-Pardense

Página A-7

ESPERANÇA

Maioria dos eleitores rio-pardenses votou pela não reeleição de João Luís Os votos confiados a ele foram anulados, conforme já advertia a Justiça Eleitoral A maioria dos eleitores riopardenses optou por não votar na reeleição do prefeito João Luís Cunha. De acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral, mais de 70% dos eleitores preferiram outros candidatos, embora, nominalmente, o atual prefeito foi o mais votado. Entretanto, a diferença deste para o segundo colocado é de apenas 450 votos Entre o candidato mais votado e o menos votado, a diferença de votos também é considerada muito pequena, o que, de acordo com especialistas consultados pela Folha, reflete um quadro de indecisão na cabeça do eleitor. “Em eleições anteriores, o

primeiro colocado mantinha uma diferença muito grande de votos para o segundo. Mas nesta eleição o que se viu foi a maioria esmagadora dos eleitores pedindo a renovação e, conseqüentemente, a não permanência do prefeito que aí está”, explica. ANULADOS Na semana anterior, a campanha do prefeito João Luís Cunha usou e abusou dos meios de comunicação para dizer ao eleitorado que os votos confiados a ele seriam computados pela Justiça Eleitoral. Para dar credibilidade a essa informação, a campanha do candidato editou de forma tendenciosa uma en-

trevista do juiz Dr. André Alcântara da Silveira, onde o mesmo aparentemente confirma a informação do comitê eleitoral do candidato João Luís. O áudio foi explorado em diversos carros de som e trio-elétricos contratados pela campanha do atual prefeito. Das 8h às 22h, em todos os bairros da cidade, pelo menos um carro de som repercutia o áudio do juiz. Opositores ao prefeito também tiveram acesso a cópia da entrevista do juiz e para a surpresa, o juiz não falou daquela maneira como foi exposta pela campanha de João Luís. O áudio foi todo editado, para que a montagem atendesse aos interes-

ses do atual mandatário. QUEM ASSUME Até o dia da eleição, o candidato João Luís Cunha havia sofrido duas derrotas na Justiça Eleitoral. Ele e seu vice, Marquinho Zanetti, foram condenados e tiveram as suas candidaturas cassadas. Além disso, a Justiça os tornou inelegíveis pelos próximos oito anos, ou seja, eles não podem mais ser candidatos a cargo público. Na tarde de quarta-feira, dia 10, o juiz eleitoral sentenciou mais uma condenação contra as candidaturas de João Luís Cunha e Marquinho Zanetti. Ainda cabe recurso e os advogados da coligação já recorreram da decisão. Os

processos ainda estão para serem julgados pelos desembargadores do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE), o que deve acontecer em breve. Além dessa corte, caberá ainda recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em Brasília. Em se confirmando a decisão de primeira instância, João Luís não assumirá o cargo. Por ora, o segundo colocado foi declarado eleito pela Justiça Eleitoral e se até o dia 1º de janeiro de 2013 o candidato João Luís não conseguir reverter a situação, quem assumirá como prefeito é João Santurbano (PSDB). Oficialmente no site do TSE, João Santurbano aparece como candidato eleito.


Folha Rio-Pardense

Página A-8

Roubo no Pito Aceso Uma ocorrência de roubo foi registrada pelos policiais militares na noite de segunda-feira, 8. O auxiliar geral RSF, de 37 anos acionou a polícia depois de ter sido rendido por três homens armados. O rapaz conta que percebeu a presença dos bandidos ao ouvir um barulho no fundo da fazenda onde toma conta, e também notou a agitação fora do normal dos cães de guarda. Após ter sido abordado, os assaltantes queriam informações sobre um supos-

to cofre escondido na fazenda, o auxiliar não soube informar o local do cofre e os bandidos fugiram tomando rumo ignorado pela vítima. Ao chegarem ao local dos fatos, a polícia fez uma varredura aos arredores da fazenda com a intenção única de encontrar os suspeitos que segundo o funcionário, eram dois homens brancos altos e um negro. Mesmo com o empenho policial em encontralos, nenhum foi encontrado até o momento.

Colisão no Centro Um choque entre carros foi registrado pelos policiais militares na noite de segunda-feira, 8. O jovem PANF, conta para os policiais que trafegava com seu carro sentido Centro e quando fez uma manobra para entrar na Rua Campos Salles, o veículo de trás não percebeu em tempo a sua intenção, vindo a colidir com seu carro. O outro condutor era

MGAE, ele alega que o veículo que estava em sua frente seguia em mesmo sentido que o seu, mas sinalizou tarde demais a intenção de realizar uma conversão, sendo assim, por mais que tenha freado não foi possível evitar a colisão. Os dois motoristas foram levados à delegacia onde prestaram depoimento e logo em seguida foram liberados.

Mais um acidente com vítima Um acidente com vítima foi registrado pela Polícia Militar no fim da tarde de segunda-feira, dia 8. O fato ocorreu no bairro Agenor Taddei. O pedreiro JJJS, de 41 anos, foi um dos envolvidos na colisão. O homem conta que se dirigia para o serviço em sua bicicleta quando foi surpreendido por um carro, que bateu em sua bicicleta o arremessando dentro de um córrego. O condutor do veículo não parou para

prestar socorro à vítima, além de tudo estava andando em alta velocidade na contramão. Segundo testemunhas que presenciaram o fato, o veículo estava em alta velocidade e tentou desviar do ciclista mesmo assim o acertou e saiu sem prestar maiores socorro. A polícia e o Samu foram chamados e o ciclista sofreu ferimentos leves, o condutor infrator até o momento não foi encontrado.

Bateu na traseira Uma colisão sem vítimas foi registrada pelos policiais na tarde de Domingo, dia 7. O motorista HPS, conta que estava seguindo com seu carro sentido Bairro Centro pela Rua José Andreoli, quando parou no cruzamento devido à sinalização, neste momento um veículo que seguia atrás do seu, não se ateve à sinalização, não freando e batendo na traseira de seu carro. Ao descer do veículo e tentar resolver o problema, o outro condutor definido como JNC, disse que não precisava registrar boletim de ocorrência e que no outro dia (8) tudo seria pago, como até o momento não ouve contato algum, a vítima decidiu fazer o boletim de ocorrência.

Furto rural Um furto foi registrado na Rodovia José Lupércio Torres, na Zona Rural de São José do Rio Pardo. O motorista NM, de 55 anos, contou à polícia que estacionou o seu caminhão em frente a sua residência e nele havia duas baterias, ao amanhecer o dia, deu falta dos objetos que estava na carroceria de seu veículo. A polícia assim que chegou no local registrou o furto e até o momento nenhum suspeito foi preso.

Sábado, 13 de outubro de 2012

Porte de drogas no Carlos Cassuci O jovem ARO, de 25 anos, foi abordado pela polícia militar na noite de Domingo, 7. Em patrulha pelo bairro Carlos Cassuci, os policiais identificaram o indivíduo em atitude suspeita, em um local já conhecido por ser ponto de tráfico no bairro. O suspeito ao perceber a presença da viatura, jogou o que estava carregando pelo alambrado de uma escola. Imediatamente os policiais abordaram o rapaz que após revista pessoal nada con-

tinha. Ao fazer busca pelos arredores a patrulha encontrou um pote e dentro dele vários entorpecentes. O rapaz declara que estava apenas indo embora da casa de sua namorada, e alega também que a droga não é sua e é viciado em cocaína. O rapaz foi levado à delegacia e indiciado por tráfico de drogas, todos os entorpecentes foram apreendidos, mesmo assim o delegado de plantão não efetuou voz de prisão e o traficante aguarda em liberdade.


Sábado, 13 de outubro de 2012

Folha Rio-Pardense

Página A-9

Acidente de Trânsito com Vítima Acelerou e dançou Uma colisão foi registrada no Bonsucesso no início de noite do Sábado, 6. A jovem LMG, de 19 anos, alega que conduzia seu veículo pela Rua São Roque, sentido bairro e que ao passar pela via um veículo estacionado irregularmente atrapalhou sua visão, ocasionando o choque

do seu carro com outro. O funcionário Público SSS, de 37 anos, conta que trafegava no sentido contrário do primeiro veículo e que quando parou no cruzamento foi surpreendido e atingido. Neste carro também estava o passageiro DAL, de 29 anos. Ele conta que com a

força da batida, foi arremessado para frente e que por isso bateu a cabeça no vidro dianteiro do automóvel, além dele, MAS de, 21 anos, também estava no carro, este sofreu escoriações leves, no pé direito. Todos foram socorridos pelo SAMU, levados à delegacia e em seguida liberado.

Acidente na Carlos Botelho Um acidente foi registrado entre um carro e uma moto na Carlos Botelho, Centro. O auxiliar geral LCSD, de 21 anos, foi pego por um carro no cruzamento de uma rua no centro da cidade. O mo-

toqueiro ficou levemente ferido. O condutor do veículo CL, de 68 anos, conta aos policiais que transitava pela Rua Carlos Botelho e no cruzamento com a Jorge Tibiriçá, um motoqueiro cortou sua

frente e foi atingido. O SAMU foi chamado junto com a Polícia Militar e o condutor da moto foi atendido no local, o motorista do carro não se feriu. Logo em seguida os dois foram liberados.

Um jovem foi pego executando manobras que oferecem riscos aos pedestres, na noite de sexta - f e i r a , 5 . FA P, d e 1 8 anos, foi surpreendido por uma viatura no Vale Redentor I. O jovem se assustou com a chegada da polícia e tentou fugir quando foi dada a o r d e m d e pa r a d a , m a s foi fechado pelos policiais. O garoto alega ainda que estava no Vale

para comprar drogas, pois é viciado e que quando viu a polícia se assustou e quis fugir para que a documentação do seu carro não fosse vista e para que a droga não fosse apreen dida. Além o veículo ser apreendido, foi constatado que o garoto não é habilitado, a droga também foi apreendida. Depois de tantas apreensões o rapaz foi liberado.

Roubo a estabelecimento Um roubo a um estabelecimento comercial no Centro foi registrado pela polícia militar na madrugada de sábado, dia 6. O comerciante VDS, foi abordado assim que estava terminando seu expediente. O homem conta que já havia fechado seu estabelecimento e que neste momento estava caminhando com mais dois funcionários para seu carro. Neste instante todos foram abordados por dois rapazes encapuzados, um de roupa escura e outro de camisa vermelha, um deles portava uma pistola e anunciou o assalto. Este mesmo bandido, além de apontar a arma para as vítimas desferia pontapés nos mesmos perguntando

onde estava o dinheiro. O empresário apontou onde estava o dinheiro, que se encontrava em uma bolsa que sua funcionária carregava. Na bolsa havia a quantia de R$8.000.00 em espécie e mais uma folha de cheque em branco, no seu nome. Além da quantia alta levada pelos assaltantes, seu celular também foi levado. Neste momento os bandidos saíram correndo do local seguindo rumo ignorado pela vítima que se preocupou apenas em ligar para polícia. Ao chegar ao local dos fatos a Polícia Militar realizou varredura nas dependências do Centro e nada foi encontrado além do capuz e do bon�� usados pelos assaltantes.


Folha Rio-Pardense

Página A-10

Sábado, 13 de outubro de 2012

Saulo Surian e Roselaine Barbosa conquistam medalhas no Campeonato Internacional de Jiu-Jitsu 2012 Os atletas rio-pardenses Paulo Surian e Roselaine Barbosa, ambos da Academia Surian Fight Gym Ryan Gracie, estiveram esse final de semana em São Paulo no Ginásio do Ibirapuera para competir no XII Campeonato Internacional de Jiu-Jitsu. O evento contou com mais de 2 mil atletas e reuniu os melhores lutadores de jiu-jitsu do Brasil e do exterior. Roselaine que estava vindo de varias vitorias seguidas em torneios regionais, participou pela primeira vez do internacional, e obteve um ótimo resultado ficando

com a medalha de prata, perdendo apenas na final da categoria faixa azul peso pena , ficando em segundo lugar na competição . Paulo Surian participou da competição pela segunda vez, em 2009 já havia lutado e conquistado a medalha de prata na categoria peso leve - faixa roxa. Desta vez competindo uma categoria acima e uma faixa acima, obteve mais um excelente resultado. Lutando agora na categoria até 82 kilos faixa marrom, Surian garantiu a medalha de bronze após passar pelas quartas de final

derrotando o atleta paraibano Ygor Machado que foi hexa-campeão estadual de jiu-jitsu. Em seguida na semi-final o atleta rio parden-

se perdeu por pontos em uma luta duríssima que foi até o final e ficou em terceiro lugar na competição. Com a medalha de bronze, da

categoria médio - faixa marrom do Internacional de JiuJitsu 2012. Paulo Surian teve o apoio de Clovis lanches e Nutricenter Suplementos.

Vila Gomes goleia o Vasco FC por 5x1 e conquista o título da competição E o título de campeão da 6ª edição da Copa Verão Master 2012 do Vasco FC ficou com a equipe gramense do Vila Gomes, que na decisão, disputada no sábado (06-10-2012), no campo do adversário, venceu o jogo de volta, contra o próprio Vasco por 5x1. Izonel anotou para o time vascaino e Pocaia (2), Marcos Pavan, Roquinho e Silvio José marcaram para o time campeão. A equipe do Vila Gomes entrou em campo com a vantagem do empate, mas nem precisou. Na edição, a orga-

nização do certame homenageou o esportista Toninho Amato. A final de ida realizada em 29-09-2012 acabou empatada em 1x1 gols de Marcos Pavan para o Vila Gomes e Eliezer para o Vasco. Clique aqui e vejam as fotos das finais do certame Ficha Técnica da final em 06-10-2012 Vasco FC 1x5 Vila Gomes Gols: Izonel anotou para o time vascaino e Pocaia (2), Marcos Pavan, Roquinho e

Silvio José para o Vila Gomes Arbitragem: Ronaldo Amoroso e José Norival Grassi Escalações: Vasco FC - Marquinhos, Melinho, Mamão, Bileco e Chiquinho, Celso, Helinho e Eliezer, Elcio, Izonel e Basilio. Técnicos Ronaldo e Zulli Vila Gomes- Capelo, Silvio José, Reinaldo, Mirão e Portugues, Caconde, Roquinho e Paulinho Carioca, Pocaia, Marcos Pavan e Italiano. Técnicos Mauro Junior e Luciano. REPORTAGEM


Sábado, 13 de outubro de 2012

Folha Rio-Pardense

Página A-11

Sub 13 masculino do Dec/AARiopardense/ABS vence Piracicaba por 45x33 REPORTAGEM

A equipe sub 13 masc. do Dec/AARiopardense/ABS deu um passo importante rumo a classificação dos play off da Liga Regional de Basquetebol. No sábado (06-10-20122), os meninos do clube tricolor venceram equipe do Clube Cristovão Colombo de Piracicaba, por 45 a 33. "A equipe jogou muito bem", segundo o técnico Hebinho, "tivemos 6 jogadores que fizeram 9 e 6 pontos cada um, e no primeiro tempo a defesa só tomou 9 pontos apenas. Isso nos dá uma confiança muito

grande, pois temos reais condições de classificação", disse o treinador. Restam apenas mais 4 jogos, sendo 1 em casa e os outros 3 fora. Defenderam a equipe os ateltas Gabriel de Souza, Gabriel Lopes, Rogerinho, Raphael, Lucas, Jonas, Luis Fernando, Luis Gustavo, Junior, João Paulo e José Vitor. O basquete Tricolor conta com o apoio da: PREFEITURA MUNICIPAL, DEC, DELÍCIAS ROTISSERIA, SERRALHERIA ZANETTI, TIO JUNINHO, ARROZ PANELA DE FERRO, GUIA PRÁTICO

Equipe do do Dec/AARiopardense/ABS

Liga de Handebol do Estado de São Paulo – LHESP No dia 29 de Setembro a equipe do DEC/São José de Handebol categoria sub 21 masculino venceu a equipe de Itu pelo placar de 32 a 22. O jogo foi realizado no Ginásio Municipal de Esporte Adhemar Machado de Almeida “Tartarugão” pela ultima partida da fase de classificação do Campeonato Estadual de Handebol, organizado pela Liga de Handebol do Estado de São Paulo. Com a vitória a equipe riopardense classificou-se para

a Final da Taça Ouro de Handebol, que acontecerá nos dias 20 e 21 de Outubro na cidade de Piracicaba-SP. O play off final terá as equipes de Piracicaba – Franca – São José do Rio Pardo e São João da Boa Vista. Com um novo projeto iniciado em 2012, cujo objetivo principal era a renovação da equipe e a formação de novos atletas para a modalidade e uma estrutura forte desde a base até as equipes de competição, mais uma vez o Handebol rio-

pardense mostra toda a sua força chegando nas finais de uma das mais fortes competições do Estado de São Paulo. Além da medalha de prata nos Jogos Regionais e a Final da LHESP, o handebol rio-pardense também disputa o Campeonato Regional de Handebol nas categorias de base masculinas e com a equipe feminina de handebol que conquistou a inédita medalha de bronze para nosso município nos Jogos Regionais de Atibaia 2012. REPORTAGEM

Mirim da AAR vence Itobi e segue no Campeonato Regional de Vôlei Mirim A equipe mirim de volei da AAR, sob o comando da professora Paula Raddi venceu a seleção de Itobi, por 3 Sets a 0 com parciais de: 27x25, 25x18 e 25x22. “O primeiro Set e mais emocionante foi disputado até o ultimo ponto na raça”, diz nota do clube. Cheias de confiança as me-

ninas da AAR conseguiram a partir desse set tomar conta da partida e trazer vitória pra casa”, concluiu a nota. O time da AAR contou na partida com as atletas Jessica, Isabela R, Isabella M, Elisa, Giovana, Bruna, Fernanda, Carolina, Isabela S, Maria Eduarda e Mariana. REPORTAGEM


Pรกgina A-12

Folha Rio-Pardense

Sรกbado, 13 de outubro de 2012


Folha Rio-pardense 033