__MAIN_TEXT__

Page 1

QUINTA-FEIRA, 22 de outubro de 2020 • Ano 41 • N° 1991• R$ 2,50 - Santo Antônio da Patrulha/RS

Valorizando a família, tendo Coligação . o trabalho comoMDBexemplo - PDT - DEM

VALOR: R$ 250,00

VALOR: R$ 250,00

ESPECIAL ELEIÇÕES 2020

• Uso de máscara: obrigatório (quem chegar ao local de votação com o rosto descoberto poderá ser barrado na entrada). • Álcool em gel: eleitor deverá passar álcool em gel nas mãos antes e depois de votar. • Horário de votação: o período de votação foi ampliado. Será das 7h às 17h, com horário preferencial e exclusivo para maiores de 60 anos, das 7h às 10h. • Caneta: O TSE recomenda aos eleitores que levem a própria

COLIGAÇÃO ‘‘EXPERIÊNCIA PARA CONTINUAR, CAPACIDADE PARA FAZER MAIS.’’ - MDB/DEM/PDT VALOR DO ANÚNCIO: R$250,00 CNPJ CAMPANHA - 38.855.118/0001-74 CNPJ FORNECEDOR - 93.523.157/0001-82

CNPJ: 38.890.063/0001-33 coligação PDT, MDB e DEM

SOBRECAPA

Orientações ao eleitor caneta para assinar o caderno de votações e que o eleitor permaneça pelo tempo mínimo necessário na seção. • Manifestação silenciosa: No dia da eleição, estão permitidas manifestações individuais e silenciosas da preferência do eleitor pelo uso de camisetas, bandeiras, broches e adesivos. • Aglomeração de apoiadores: Estão proibidas aglomerações de pessoas com roupa padronizada até o término do horário de votação.

“Minha família a serviço da tua.”


2 - Folha Patrulhense -

OPINIÃO

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

LEONARDO GOMES MENEZES

Café com

Folhinha

Estudante de Direito na Universidade Federal do Rio Grande do Sul Quer contribuir para a edição da próxima semana? Acesse o link e deixe seu comentário. https://curiouscat.qa/leonardogmenezes

O porquê da importância da volta às aulas em Santo Antônio

FONTE: IBGE

Esse é um assunto muito polêmico e eu entendo completamente as razões das pessoas para repudiarem esse tema. Escrevo aqui sobre isso para que analisemos uma outra perspectiva. Sobre a volta às aulas, eu mesmo já me posicionei largamente contra em mi-

nhas redes sociais, inclusive participando de uma live sobre o assunto. É fato que as escolas não estão preparadas para o retorno 100% presencial das aulas, da forma como proposto pelo governo do estado. Isso representa um perigo não só para as nossas crian-

ças, como também para os professores, funcionários e seus familiares. Contudo, eu entendo a necessidade de que as escolas retornem a funcionar, parcialmente, e aqui eu explico. Para quem tem condições de deixar seus filhos em casa, acompanhando as aulas online com alguém que cuide deles, que os alimente, que os ajude a aprender, tudo isso enquanto os pais trabalham, ótimo. Deixe seus filhos em casa. Mas, e quem não tem isso? A realidade é dura e crua. Infelizmente, para muitas de nossas crianças, a garantia de ter algo para comer ao menos uma vez ao dia é a merenda escolar. Além do fato de que muitos pais se encontram nessa situação de miserabilidade e entrando na extrema pobreza justamente porque precisam de emprego, mas não têm como o procurar sem ter com quem deixar seus pequenos.

O último censo realizado pelo IBGE, datado de 2018, escancara a desigualdade social abismal que vivemos em nossa cidade. Temos como uma média salarial mensal dos trabalhadores formais no município um valor de 2,2 salários mínimos, uma posição bem acima da média nacional. Em contraste a isso, 25,7% da população patrulhense vive com rendimento nominal mensal per capita de até meio salário mínimo. Esse é o retrato de uma cidade em que enquanto poucos vivem com muito, muitos vivem com muito pouco. Mais de 10 mil das 40 mil pessoas que vivem em Santo Antônio da Patrulha tem até no máximo 520 reais para sobreviver o mês. Imagine agora como estão os dados nesse período de pandemia, cenário onde milhares de pessoas perderam seus empregos? “Ah, mas tem auxílio emergencial. Não pega

quem não quer”. Pois então, você sabia que o Auxílio Emergencial foi reduzido de R$600 para R$300 e está condicionado a apenas mais alguns pagamentos? Você e sua família teriam condições de viver com R$300 mensais? Eu, sinceramente, acho que não. Por isso, digo que é necessário sempre pensar no próximo antes de se atacar qualquer ideia ou projeto que seja. A Prefeitura Municipal de Santo Antônio acertou em propor a volta às aulas presenciais de forma opcional, sem prejuízo aos que decidirem ficar em casa, pois essa decisão respeita a vontade e a necessidade dos pais, seja dos que querem e podem proteger os seus filhos, deixando-os em casa, seja dos que precisam de algum lugar seguro para deixá-los, garantindo que se alimentem e que eles, como pais, possam ter dinheiro no bolso para comprar o jantar.

Varrendo a sujeira para de baixo do tapete Ao passo que vejo como acertada a volta às aulas opcionais, em especial para os pequenos, pelos motivos citados no texto acima, uma coisa precisa ser criticada. É ridícula a tentativa de responsabilização do poder público sobre os pais ao exigir assinatura de termo de responsabilidade para que os estudantes possam voltar às aulas. A Constituição Federal de 1988 estabe-

lece a saúde como direito de todos e dever do estado, no Art. 196. Ainda importante transcrevermos aqui o Art. 227: “É dever da família, da sociedade e do Estado assegurar à criança, ao adolescente e ao jovem, com absoluta prioridade, o direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária, além de colocá-los a

salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão”. Fazer com que os pais assinem qualquer tipo de termo ou autorização não exime prefeitura, estado e união de traçarem um plano de volta às aulas estruturado e que não coloque nossas crianças e adolescentes em risco. A responsabilidade não é de vocês, nem da família, é coletiva.

Indicação da Semana Para um trabalho da faculdade, precisei assistir o filme “Eu, Daniel Blake”. Recomendo fortemente que quem tiver interesse em qualquer tipo de causa social e em bons filmes, que assista. É difícil não se emocionar em vários momentos que escancaram a falta de cuidado do estado para aqueles em situação de

vulnerabilidade social. Mesmo o filme se passando no Reino Unido, são muito grandes os paralelos que podem ser feitos com o sistema de seguridade social brasileiro. As vezes achamos que só porque se tratam de países desenvolvidos, que esse tipo de situação não acontece. É muito válido o

tempo de filme para que possamos perceber o quanto muitos vezes não enxergamos a existência de várias pessoas que vivem em extrema pobreza a nossa volta e o quão revoltante isso é, considerando a riqueza que nosso país possui. O filme está disponível no Netflix, no Net Now e no YouTube.


QUINTA-FEIRA, 22 de outubro de 2020 • Ano 41 • N° 1991• R$ 2,50 - Santo Antônio da Patrulha/RS

VOLTA ÀS AULAS PRESENCIAIS DIVIDE OPINIÕES

Em reunião virtual na última quarta-feira (14), prefeito Daiçon anunciou a volta às aulas presenciais na Educação Infantil, programada para a próxima segunda-feira (26). Professores e alguns pais alegam falta de condições para receber os alunos, bem como temem pelo risco de contágio por Covid-19 de toda a comunidade escolar.

Págs. 11, 12 e 13

MELHORIAS NA ERS-030

13ª TRILHA DOS SONHOS

FERULIO JOSÉ TEDESCO

Dr. Camilo Santana, Promotor de Justiça de Santo Antônio da Patrulha, moveu ação civil pública contra o Estado e o DAER motivado pela péssima condição da rodovia, especialmente no perímetro urbano do município

O evento aconteceu no sábado (17) e contou com a participação de mais de 500 veículos, entre jipes, gaiolas e quadriciclos, vindos de várias partes do Estado. A concentração para a trilha foi no Santo Paradouro, na ERS-474

A Folha inicia a rodada de entrevistas com os candidatos a prefeito. Conforme sorteio prévio, hoje, o candidato do MDB, Ferulio José Tedesco (Ferulinho), conversa com nossa reportagem apresentando suas propostas

Pág. 10

Pág. 16

Pág. 19

O MAIOR FEIRÃO DE CARRO ZERO DO LITORAL ESTÁ DE VOLTA

DIA 24/10 TORRES | OSÓRIO | CAPÃO

FAÇA SEU AGENDAMENTO PELO QR CODE OU WHATSAPP (51) 99406 1234


4 - Folha Patrulhense -

ELEIÇÕES

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Editorial

N

a manhã de terça-feira, 13 de outubro, a Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Santo Antônio da Patrulha – ACISAP, esteve representada por seu Presidente Marcione dos Santos Gomes, e a Gerente Administrativa Maria Beatriz Marques, durante visita na sede da OAB/SAP. Seguindo os protocolos de distanciamento e proteção contra o Covid-19, se reuniram juntamente com Gustavo Gil Terres Peres da Silva, Presidente da OAB/RS Subseção Santo Antônio da Patrulha, e com o Vice-Presidente Júlio César Sant’Anna de Souza. Representantes da ACISAP e da OAB/SAP reunidos O encontro teve como pauta alinhar e definir os detalhes do debate eleitoral dos candidatos a prefeitura de Santo Antônio da Patrulha, que será promovido em parceria das duas entidades, OAB/SAP e ACISAP. O debate, que ocorrerá com a observância de todas as regras de proteção, será gravado em estúdio, e será transmitido virtualmente pela página oficial da ACISAP no dia 05 de novembro às 20h. TEXTO E FOTO: ACISAP

O jornalista britânico James Gallagher, correspondente de saúde e ciência da rede de comunicação BBC News, publica interessante matéria, sobre uma dúvida que está na cabeça de todos os seres humanos: quando vai acabar a pandemia do Covid-19? Aquele profissional afirma que "Há pouco mais de seis meses, a OMS (Organização Mundial da Saúde) anunciou a chegada do novo vírus que em pouco tempo se tornou uma pandemia global. Naquele dia, no final de janeiro, havia quase 10 mil casos relatados de Coronavírus e mais de 200 mortes. Nenhum dos casos havia acontecido fora da China. Desde então, o mundo e nossas vidas mudaram profundamente. Como estamos lidando com a guerra entre a raça humana e o Coronavírus? Se olharmos para o planeta como um todo, o resultado não é bom. Já superamos 700 mil mortes. No começo da pandemia, demorava semanas até se registrarem cada 100 mil casos. Agora esse marco é atingido em questão de horas." "Ainda estamos no meio de uma pandemia intensa e muito grave", diz Margaret Harris, da OMS. "Está presente em todas as comunidades do mundo." As maiores autoridades mundiais da saúde estão reforçando um alerta: a pandemia não acabou. E o que está escrito acima, define bem esta afirmação. Portanto, não confie na afirmação de que o Coronavírus está acabando. Os governos lidam com cores de bandeiras, mas os boletins diários (e aqui no município é um claro exemplo), mostram que os números de infectados continuam aumentando. Por isso, o alerta sempre é válido: cuide-se. A máscara é uma indumentária que veio para ficar. E higienizar as mãos não é uma invenção do Covid-19. Sempre existiu. E por fim, mantenha o distanciamento social. Para o bem estar de todos nós.

ACISAP e OAB/SAP definem parceria para promover debate dos candidatos nas eleições 2020

Rádio Cidade entrevistará os candidatos a prefeito na próxima semana A

Rádio Cidade 100.7 FM entrevistará os candidatos às eleições municipais 2020 de Santo Antônio da Patrulha. O programa especial das eleições acontecerá nos dias 27, 28 e 29 de outubro, das 19 às 20 horas. Participe desta oportunidade que a comunidade patrulhense terá de conhecer melhor os projetos de seus candidatos às majoritárias.

Regras para as eleições 2020 E

stas são as novas regras das eleições 2020: Das 7h às 10h - Pessoas excepcionalmente maiores de 60 anos. Das 10h às 17h - Público normal. O mesário não poderá pegar seus documentos. O leitor deverá mostrar. A caneta para assinatura não poderá ser compartilhada. Redação, Administração e Distribuição

Gráfica Editora Santo Antônio da Patrulha Ltda. CNPJ: 93.523.157/0001-82 N° do Reg. Esp. 4053/179 Livro B n° 8 Fls. 76 Os textos assinados são de responsabilidade de seus autores

Av. Paulo Maciel de Moraes, 277 Santo Antônio da Patrulha/RS CEP: 95500-000 Fone: (51) 3662.1777

Não esqueçam de levar no dia da eleição 15/11/20: • Caneta; • Máscara (Uso obrigatório); • Identidade; • Título de eleitor. Avise seus amigos e familiares, principalmente os idosos.

Site: www.2mnoticias.com.br

E-mails: redacao@folhapatrulhense.com.br comercialfolhapatrulhense@gmail.com

Filiado à ADJORI Representado pelo Grupo de Diários

Diretor-presidente: Moacir Oliveira Menezes Jornalista Responsável: Hermógenes Silveira (MTb 3121) Diagramação: Tamara Madeira Secretária e Revisora: Tamara Madeira Composição, montagem e diagramação próprias em laser, arte-final e fotolito

O conteúdo das publicidades é de responsabilidade dos próprios anunciantes

Periodicidade: Semanal (quintas-feiras) | Circulação: Santo Antônio da Patrulha | Colaboração: Antônio Gomes, Hélio B. Braga, Humberto Lauro Ramos, Nara G. Massulo | Preços cm/coluna: Capa: R$ 45,00 Contracapa: R$ 35,00 - Pág. Indet.: R$ 25,00


CURTAS

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Rotaract Club de Santo Antônio da Patrulha fará brechó da Pólio Vem aí mais um edição do Brechó do Rotaract Club de Santo Antônio da Patrulha e com um super propósito: ajudar na erradicação da Poliomielite. No dia 24 deste mês, sábado, o Clube estará presente na Praça da Boa Viagem das 9h às 17h com roupas lindíssimas e claro, com um precinho muito em conta. Qualquer

peça custará entre R$1,00 e R$10,00. E todo o valor arrecadado será destinado para o fim desta doença. O Clube estará cumprindo todos os protocolos de segurança exigidos pela Prefeitura, como disponibilidade de álcool em gel e lugar arejado. Uso de máscara é obrigatório. Contamos com você!

Votação da Consulta Popular 2020 inicia na próxima semana

Na próxima segunda-feira (26), terá início em todo o Rio Grande do Sul a votação acerca da Consulta Popular. Em virtude da atual pandemia provocada pelo Coronavírus, a votação será realizada de forma remota, através de SMS e votação pelo site. Para votar online basta acessar o site consultapopular.rs.gov.br. Por SMS é necessário mandar para o número 29634 a seguinte mensagem: RSVOTO #Título de Eleitor #nº do programa. O município de Santo Antônio da Patrulha integra a região Metropolitana Delta do Jacuí,

onde existem os seguintes projetos como opção para votação: 1.Melhoria e modernização de áreas públicas; 2.Programas da área de Assistência Social; 3.Apoio à Cultura; 4.Estruturação de áreas industriais receptivas; 5.Programa de patrulhas agrícolas mecanizadas. Para votar basta entrar no site, preencher os dados e escolher uma proposta. A mais indicada para Santo Antônio da Patrulha é a número 01 (Melhoria e modernização de áreas públicas). É bem rápido e fácil. Conforme a diretora da Secretaria da Administração e Finanças, Ana Cristina Salazar, nesta edição, o valor total para nossa região é de R$ 342.857,14 e a divisão entre os municípios participantes é proporcional à participação. “Por isso, é importante que a população participe para garantir o maior volume de recursos para a cidade”, explicou. O prefeito Daiçon Maciel da Silva lembra a importância da população votando neste processo, responsável pela vinda de recursos para o município. Ele lembra que os principais pontos turísticos da cidade forma revitalizados com recursos da Consulta Popular e que outras melhorias serão possíveis se o maior número de pessoas participarem.

Prédio interditado pela Defesa Civil é demolido

- Folha Patrulhense ‑ 5

Prefeitura de SAP divulga Guia Alimentar para a população Brasileira Na última sexta-feira (16) foi comemorado o Dia Mundial da Alimentação, data que começou a ser celebrada a partir do ano de 1981 em mais de 150 países ao redor do planeta. O objetivo da data é conscientizar a população da importância acerca de informações sobre nutrição e alimentação saudável para uma boa saúde. A Nutricionista Daniela Beleza Ribeiro, que atua na Secretaria da Saúde de Santo Antônio da Patrulha, destaca a importância de uma alimentação saudável, já que cientificamente, evidências já apontam o impacto positivo que esse hábito provoca na saúde e na prevenção de doenças como câncer, além das doenças crônicas não transmissíveis, como a diabetes. Para mais informações basta acessar o “Guia Alimentar para a População Brasileira”, criado pelo Ministério da Saúde. Este guia contém as diretrizes alimentares oficiais para a população brasileira, baseadas nos propósitos da Política Nacional de Alimentação e Nutrição e os objetivos preconizados pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Além disso, oferece sugestões de refeições que respeitam as diferenças regionais e que indicam comidas e bebidas saudáveis e de fácil acesso para os brasileiros. Acesse o “Guia Alimentar para a População Brasileira” aqui: https://bit.ly/3nRUW0K

Coluna do Silva Pedido

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Moradores da Rua Lothar Machado dos Reis continuam à espera de redutores de velocidade para controlar o trânsito naquela movimentada artéria. Mas parece que isso só irá ocorrer depois que for dado como concluído todo o asfaltamento das ruas que estavam projetadas na cidade.

Cuidados

Nas fotos, retroescavadeira demolindo prédio localizado na Rua do Sapo interditado pela Defesa Civil

A Defesa Civil de Santo Antônio da Patrulha realizou uma vistoria de campo, para analisar a situação de um prédio misto (comercial/residencial), situado na esquina das Ruas, Juvenal José Soares (Rua do Sapo) com a Astrogildo Maciel da Rosa. No prédio funcionava uma oficina de conserto de refrigeradores que estava desativada. O prédio, que não tem recuo da calçada, apresentava sérios riscos para os transeuntes, uma vez que tinha enormes rachaduras nas paredes e o seu telhado já havia desabado. parcialmente.

Logo após a vistoria, foi emitido um laudo e enviado para as autoridades competentes e que de imediato deram prosseguimento ao processo de notificação dos proprietários, que diga-se de passagem, tão logo notificados, providenciaram na demolição do mesmo. A ação foi realizada porque uma das diversas atribuições da Defesa Civil, é ação Preventiva, Proativa, quando se depara com uma situação que possa causar danos a um indivíduo ou a comunidade em geral. Texto e fotos: Defesa Civil SAP

Bandeira laranja não quer dizer que você tenha que abandonar a máscara e os demais cuidados. Sua saúde é o bem mais precioso. Previna-se, porque quem sofre pela infecção do Covid-19 passa por momentos muito dolorosos. E mantenha o isolamento social.

Buracos Com as fortes chuvas ocorridas no último mês, os motoristas sofreram com a variedade de buracos pelas ruas da cidade. Além de obras sendo realizadas em uma das principais vias do município, a Várzea. Na última semana, era possível perceber a realização dos serviços da Secretaria de Obras na operação tapa-buracos.


6 - Folha Patrulhense -

SAÚDE

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Liga Feminina de Combate ao Câncer e Outubro Rosa 2020

E

ste ano 2020, devido à pandemia causada pelo Coronavírus, está sendo atípico em vários setores, e com nossa entidade, não poderia ser diferente. Sem arrecadação financeira, vinda exclusivamente do Bingo e do Chá Rosa, dois eventos beneficentes, os quais não podemos realizar, solicitamos ajuda à empresas, famílias e comunidade em geral, para doação de cestas básicas. O resultado, não poderia ser diferente. Solidariedade, companheirismo e confiança à nossa entidade, atuante na cidade por 46 anos, como prestadora de serviços assistenciais à portadores de câncer, uniram-se, pelo

bem-estar de nossas assistidas. A estes parceiros, obrigada. E, ao engajamento de nossa comunidade, pela participação no projeto internacional Tampinha Legal, ao qual tem sido um sucesso, em nome da LIGA/SAP, o nosso reconhecimento. Este ano, o Outubro Rosa, mês internacional de prevenção ao câncer de mama, também está diferente. Mas, não menos importante, devido ao aumento do número de casos de câncer de mama, no mundo inteiro. Não decoramos o canteiro central, para economizar fundos, mas os exames preventivos, foram garantidos pela Prefeitura Municipal, Secretaria da Saúde, Posto

Central e Unidades dos Bairros, Hospital Municipal Núcleo Santa Casa, equipe médica e enfermeiros. A todos eles, nosso agradecimento, pelo empenho e dedicação. Os exames preventivos de cólon uterino e mamografia, poderão ser agendados no Posto Central diariamente, pelos telefones: 3662-7500 e 3662-7555. Nosso atendimento, ocorre nas terças feiras, das 9h às 11h30min e das 14h às 16h, em nossa sala

no Santo Paradouro, ou pelo telefone (51) 99324-1635 ou (51) 99966-9811. “Nossa luta é pela vida!” Suzana Rocha Presidente LIGA/SAP

Técnicas em Radiologia falam sobre importância da mamografia FOTOS: DIVULGAÇÃO

Equipe do HSAP em campanha pelo Outubro Rosa

O

mês de outubro é tradicionalmente dedicado para a campanha de prevenção ao câncer da mama. E para orientar ainda mais as mulheres a respeito dessa doença que, se não diagnosticada a tempo, pode levar à morte, é que estamos entrevistando nesta semana as técnicas em radiologia do Hospital Santo Antônio da Patrulha da Santa Casa de Misericórdia Bruna Silva e Marilei Prestes. Bruna começa afirmando que o Hospital Santo Antônio está realizando exames de mamografia. “Estamos convidando as pacientes acima de 40 anos inclusive aquelas com histórico de câncer de mama na família, para a realização dos exames por ser o segundo índice de mortalidade no Rio Grande do

Sul, só superado pelo de esôfago”, alerta. Conforme explica Marilei, o câncer de mama pode ser hereditário com parentes de primeiro grau, sempre do lado da mãe. Todo o parentesco é hereditário. No caso da paciente mais jovem entra o autoexame. Quanto mais cedo melhor. Hoje em dia, em função dos anticoncepcionais e outros medicamentos, a função hormonal conta muito no caso da prevenção. E por isso, salientamos: Quanto mais cedo, melhor. O médico pede uma ecografia e se houver necessidade, solicita uma mamografia Recomenda às mulheres acima de 40 anos, inclusive as que possuem membros na família com histórico dessa doença, a que façam o exame porque, se o tumor for diagnosticado a tempo

Bruna Silva e Marilei Prestes

poderá haver grandes chances de cura. ► MARCAÇÃO A marcação do exame é feita no Posto de Saúde Central de segundas a sextas-feiras, com pedido do médico ou de uma enfermeira. O exame é realizado de segundas a sábados no hospital Santo Antônio da Patrulha com essas duas técnicas em radiologia, nos turnos da manhã e tarde. Ambas citam aquelas pacientes que trabalham durante a semana, mas que só têm disponibilidade aos sábados, para que façam aquele procedimento naquele dia. Os exames são feitos pelo SUS e pelos convênios IPE, Unimed, dentre outros. A marcação pode ser feita pelo telefone 3662-7600. As marcações do SUS devem ser efetuadas no Posto de Saúde

Central. Destacam as técnicas em radiologia, que também são feitos atendimentos para pacientes de Mostardas, Três Cachoeiras, Dom Pedro de Alcântara, Capivari, Caraá, além de Santo Antônio da Patrulha. ► PRECONCEITO De acordo com Marilei, as pacientes acima de 40 anos devem procurar o médico. “Existe um preconceito com as mulheres mais jovens pelo medo da dor, relutando em fazer o exame e friso que isso não é verdade. A mamografia é um exame realmente incômodo para a mulher no momento em que comprime a mama, mas é de uma eficácia muito grande e por isso, queremos que as mulheres realmente venham e que percam o medo de fazer a mamografia. Mostraremos a elas que esse receio não é real. Trataremos a todas com carinho e paciência, e teremos todo o tempo disponível para elas, explicando e dando todo o apoio. Devem sempre trazer os exames de mamografia anteriores para que possa ser feita uma comparação uma vez que a mama, com a idade

da mulher, muda de um ano para o outro. Isso é muito importante”. ► HOMENS Salientam as radiologistas que os homens também têm câncer de mama. É um índice pequeno, mas o sexo masculino possui uma glândula que está atrofiada, mas que pode contrair essa doença. “Que eles não tenham vergonha, porque estamos abertas para falar e explicar a respeito desse tipo de câncer. Quanto mais pudermos atender pessoas, mesmo sem sintomas, isso será importante para garantir a saúde, tanto do homem como da mulher. Estamos fazendo um trabalho bem bacana, e por isso venham, nem que seja só para explicar o que é a mamografia”. Ambas salientam que é melhor tratar agora do que deixar para mais tarde. Compartilhem essa informação, porque há vagas disponíveis, tanto pelo SUS, como particulares e pelos convênios. “Dói muito mais uma família sofrer, vendo você passar por essa doença”, concluem as técnicas em Radiologia do Hospital Santo Antônio da Patrulha da Santa Casa de Misericórdia Marilei Prestes e Bruna Silva.


SAÚDE

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

SAP registra três novos casos de COVID-19 nesta terça-feira

A

Secretaria Municipal da Saúde, através da Vigilância em Saúde, comunicou terça-feira (20), que foram registrados três novos casos da COVID-19 no município. Há 34 casos suspeitos através de coleta e aguardando o resultado. Os testes realizados somam 2733, destes 1462 por testagem rápida e 1271 para coleta laboratorial. Os casos confirmados somam 677, sendo que destes, 377 foram exames feitos pelo Laboratório do Estado, 232 foram através de testagem rápida e 68 de coleta laboratorial particular. Destes, 616 pacientes já estão curados. Temos 1 pessoa internada em leito clínico no HSAP e 2 pessoas internadas em UTIs de hospitais regionais, sendo 1 na UTI em Porto Alegre e 1 na UTI em Parobé. Os casos descartados

SAP é contemplado dentro do programa “Testar RS”

O

programa “Testar RS” criado pelo Governo Estadual, ampliou a capacidade de testagem no estado com o objetivo de analisar os perfis dos pacientes e com isso traçar melhores medidas de distanciamento social, quebrando assim a cadeia de transmissão do vírus. Santo Antônio da Patrulha, assim como demais cidades gaúchas, foi contemplado com o programa, isso significa que qualquer paciente que apresente algum sintoma gripal e se encaixe no critério de coleta, que seria do segundo ao oitavo dia de sintomas, poderá realizar a coleta para análise. Em função dessa medida, os resultados positivos no município têm aumentado, visto que é uma consequência da ampliação da testagem. Através desses dados obtidos está sendo possível ter uma real dimensão de como o COVID-19 está afetando a população local.

são 2136, sendo que destes, foram 860 coletas para análise laboratorial e 1276 realizados através de testagem rápida. Os de Síndrome Gripal, considerados como casos "prováveis" de COVID-19, são 71. Todos eles estão

em isolamento, inclusive os familiares da residência. Os casos em monitoramento sofreram pequeno aumento e somam 286 pacientes. Estes também permanecem em casa sob isolamento com todos os familiares da residência.

Hospital Santo Antônio da Patrulha beneficiado com R$ 300.000,00 da bancada federal gaúcha N enhum gaúcho ficou sem leito durante a pandemia e a taxa de ocupação das UTIs não chegou ao limite mesmo no período mais crítico. Muito disso se deve à ampliação em mais de 100% da capacidade de leitos no Rio Grande do Sul e aos investimentos em saúde pública. Na sexta-feira (16), mais R$ 36,1 milhões repassados pela bancada federal gaúcha foram distribuídos pelo governo do Estado a 101 hospitais, dentre os quais, o Hospital Santo Antônio da Patrulha da Santa Casa de Misericórdia, beneficiado com R$ 300.000,00 Mesmo com a gradativa melhora nos indicadores de saúde e capacidade de atendimento, os recursos são necessários para que os hospitais mantenham os serviços. Pelas regras da Portaria da Secretaria da Saúde (SES)

- Folha Patrulhense ‑ 7

618/2020, o valor deverá ser usado exclusivamente no combate à Covid-19, para aquisições de medicamentos e insumos, locação e manutenção de equipamentos, reforma para adequação de espaços, contratação temporária de pessoal e de serviços de apoio diagnóstico e tratamento, entre outras despesas de custeio necessárias durante a pandemia. Em cerimônia restrita no Palácio Piratini e transmitida pelas redes sociais o governador Eduardo Leite, o vice-governador Ranolfo Vieira Júnior e a secretária da Saúde, Arita Bergmann, anunciaram a destinação tanto dos recursos para a saúde quanto de armamento e coletes para a segurança pública com recursos dos parlamentares federais. Com o novo repasse, a bancada federal já

soma R$ 155,2 milhões destinados à saúde pública no RS em 2020, beneficiando um total de 170 hospitais e APAES. De acordo com a secretária da Saúde, graças a esse apoio houve até uma folga de leitos, pois o Estado conseguiu ampliar as vagas de UTI de 933 para 1.882 leitos, um aumento de 102%. “Com o nosso governo priorizando a saúde de um lado, desde antes dos primeiros casos de Covid-19 em solo gaúcho, e de outro, com o suporte da bancada federal, chegamos ao dia de hoje comemorando. Por isso, minhas palavras são de agradecimento”, afirmou Arita, acrescentando que 100% dos valores repassados pelos parlamentares ao Estado já foram distribuídos aos hospitais e podem ser aplicados no combate à pandemia.

Dia D passa a marca de 500 doses aplicadas

N

o último sábado (17) foi realizado o Dia D em todas as Unidades de Saúde em Santo Antônio da Patrulha, onde foram aplicadas 244 doses de vacinas de rotinas e 274 da Poliomielite (gotinha). O secretário da saúde, Joy Silva, comenta que "a procura foi abaixo do que esperávamos, é importante lembrar a população da importância da vacina para a prevenção de doenças". A campanha que se iniciou no dia 05 desse mês encerrará na semana que vem (30). Para a vacinação contra a Poliomielite, o público-alvo são as crianças menores de 5 anos de idade. Para a multivacinação, o público-alvo são as crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade, que terão a oferta de todas as vacinas do calendário básico de vacinação. Confira onde procurar a vacina, lembrando que a Secretaria Municipal da Saúde está tomando todos os cuidados de prevenção ao Coronavírus: Posto Central - das 7h às 18h45, sem fechar ao meio dia. Demais postos, das 8h às 12h e das 13h às 17h e nas quartas-feiras, das 8h às 12h e das 13h às 18h. Usuários da Vila Palmeira devem se dirigir ao Posto de Saúde Central. É importante lembrar que pessoas que apresentam algum tipo de síndrome gripal não devem se dirigir à sua unidade de saúde de referência, e sim a Unidade Sentinela.


8 ‑ Folha Patrulhense -

ENTREVISTA

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Andressa morou na Austrália e agora vai para a República Tcheca FOTO: DIVULGAÇÃO

N

ossa viagem virtual pelo mundo, mais uma vez vamos chegar à Sidney, na Austrália. E lá vamos encontrar a patrulhense Andressa Menezes, sobrinha do nosso diretor Moacir Menezes. Temporariamente ela está no Brasil, mas em breve estará alçando voo para a Checoslováquia. É com ela a conversa de hoje para falar sobre sua experiência em terras estrangeiras. FOLHA PATRULHENSE: O que te levou a morar na Austrália e por que voltaste? ANDRESSA MENEZES: Aprender a falar um segundo idioma sempre foi um objetivo, mas decidi que concluir o meu bacharel seria prioridade, quando o fiz comecei a me organizar e dois anos depois eu estava embarcando para Austrália. Eu não sabia ao certo o que esperar porque a ideia inicial era ir para o Canadá, mas a possibilidade das 20 horas de trabalho para quem cursa inglês me fez decidir pela Oceania. Hoje, penso que não poderia ter tido melhor decisão, afinal, também faz parte da lista dos melhores países para se viver, assim a vontade de aprender inglês se tornou minoritária perto de tantos outros benefícios e pela paixão em viajar que desenvolvi. Após 4 anos sem vir, ao concluir o mestrado eu vim ao Brasil em março de 2020 para passar 10 semanas de férias antes de finalmente iniciar o meu visto de trabalho e dar início a tão batalhada residência por qualificação, em janeiro eu havia sido aprovada para um cargo no Departamento de Justiça de Western Austrália, estado em que eu morava. Eu assumiria no meu retorno em maio. Pouco mais de uma semana de férias a Austrália anunciou que as fronteiras seriam fechadas e eu decidi ficar no Brasil junto da minha família, e esperar. FOLHA: Como foi o

Andressa Menezes abraçada na bandeira australiana

período em que moraste neste país? ANDRESSA: Os últimos 5 anos foi um período de muito aprendizado e desafios, não foi fácil e nem barato, mas que foi o suficiente para que considerasse a Austrália a minha segunda casa e desejasse fortemente a minha cidadania. Estudei inglês por dois anos, fiz um técnico em negócios para desenvolver vocabulário na minha área e então consegui ingressar na Universidade Edith Cowan e concluir o mestrado de dois anos em Administração de negócios Internacionais. Durante este período eu trabalhei (muito) como barista, pessoa que faz café, desenvolvi habilidades e técnicas como arte com o leite (latte art) e tinha clientes fiéis, chegando a fazer 500 cafés em um turno de 6 horas. Com o meu trabalho eu custeei o meu estilo de vida e paguei os meus estudos. Por ter que conter os gastos eu optava por viagens e passeios econômicos e próximos à natureza, como dormir no carro, na praia, na barraca, fazer caminhas e explorar as lindas praias, parques e vida selvagem do país. FOLHA: O idioma, os

costumes e a cultura representam para ti? ANDRESSA: O idioma é o Inglês, mas conta com uma variedade de dialetos dos aborígenes australianos, o povo nativo da ilha antes do descobrimento por ingleses. Mas não pense que é um inglês como em qualquer outro país, tem sotaques, expressões gírias e abreviações bem particulares, por exemplo o buddy (parceiro) virou o mate, o avocado (abacate) virou o avo. Falando em abacate, na Austrália ele está em tudo, no sanduíche, no sushi, na salada, nas vitaminas. Alguns costumes como levar a sua bebida para o restaurante ou fazer picknicks eu super me adequei e sinto falta aqui no Brasil. Eles também não costumam trabalhar até muito tarde. O dia começa cedo (5 horas) e o fim do dia em qualquer dia, pode ser num bar pro happy hour, na praia ou no parque para contemplar o pôr do sol – Perth, onde morava, fica na Sunset coast – a costa do pôr do sol FOLHA: Pretende viajar de novo para outro país, me parece que do leste Europeu, por que esta decisão?

ANDRESSA: Pretendo viajar sempre que puder! Mas em duas semanas meu próximo destino (e não sei por quanto tempo) será Praga na República Tcheca. Meu namorado é natural de lá e está comigo em Santo Antônio os últimos 7 meses, então decidimos ir também para o país dele. Como aventureiros e viajantes que somos, não temos nada muito planejado para além de um mês, a gente cria a oportunidade e colhe os resultados, se uma boa oferta vier de qualquer outro país da União Europeia fazemos as malas e vamos novamente. A única certeza do meu roteiro é ir até a pequena cidade Montesano Sulla Marcellana no sudoeste da Itália para me reconectar com as minhas origens, de onde vem a família do meu avô Eridson Massulo Menezes. FOLHA: O que representa para ti esta experiência de morar fora do Brasil? ANDRESSA: Representa liberdade e oportunidade. Quando se está só tens que lidar consigo mesma e tens a liberdade de ser quem te faz feliz ser, longe dos padrões estabelecidos pela sociedade. Um mundo de oportunidade para explorar, desde comida, lugares, pessoas e culturas. Ter podido compartilhar disso com meus pais realmente foi recompensador. FOLHA: E quanto a pandemia: como administrasse este problema? ANDRESSA: Posso dizer que ainda estou administrando, pois a pandemia teve um impacto em tudo que estava planejado para este ano, mas não acho que foi um impacto ruim, apenas diferente. A Austrália tem lidado muito bem com isso, muito no início fizeram o isolamento de fronteiras internacionais, estaduais e regiões, alguns estados ainda mantêm as estaduais fechadas e as internacionais nem previsão têm, apenas especula-

ções. Aqui no Brasil, eu não vejo a mesma preocupação nem por parte dos nossos líderes e nem mesmo por parte da população, às vezes, até comento que o problema do Brasil é o Brasileiro, uma mentalidade muito individualista, em auto “se dar bem”. Felizmente eu me mantive trabalhando remotamente obedecendo as precauções como o uso de máscara, álcool em gel e evitando aglomerações, por conta da pandemia não pude me reunir com amigos e familiares que há anos não vejo, agora antes de partir novamente e mais ciente dos riscos deste vírus estou tentando rever estas pessoas mantemos a distância segura, aprendendo a administrar hábitos e conviver com esta realidade. Como estou de partida terei que fazer alguns testes do Covid-19, antes de partir e após aterrissar. Os casos estão aumentando na República Tcheca e ainda não dá para aliviar os cuidados. Com tudo isso, o retorno pra Austrália continuará prorrogado, eu quero voltar e continuar, todas os meus pertences continuam lá, pois eu saí de férias carregando apenas uma mala. FOLHA: O que mais gostarias de acrescentar? ANDRESSA: Apesar de estarmos passando por esta situação mundial, eu encaro o momento com positividade e procuro criar alternativas ao invés de lamentar o planejado impactado. Sou grata por estes meses aqui na nossa cidade, aproveitei para revisitar e mostrar ao namorado checo nossos doces e nossos pontos turísticos, aproveitei para falar mais português e para estar em família. Me coloco à disposição de qualquer pessoa que tiver mais curiosidade sobre esta experiência e quiser mais informações sobre, nada teria dado certo para mim se eu não tivesse encontrado pessoas que me ajudaram.


CULTURA

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Márcia Freitas precisa de apoio do voto popular no festival EnCantar

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Nas fotos, Márcia Freitas e Otélio Drebes (proprietário das Lojas Lebes) apresentando-se no festival

A

cantora patrulhense Márcia Silva Freitas está entre os vinte e oito artistas, incluídos nos 226 classificados para a segunda fase do Festival EnCantar, iniciativa do empresário e palestrante Otélio Drebes, que está com 86 anos e que é o fundador da rede de lojas Lebes. O festival será totalmente on-line pelo site oteliodrebes.com. br/festivalencantar. Márcia está muito feliz em participar desse importante evento musical e agradece sensibilizada aos patrulhenses que estão votando nela, apostando para que ela vença a promoção. Os prêmios serão em dinheiro e o concurso conta com

quatro fases, todas através de voto popular pelo site. A segunda fase do festival será no sábado, 24 de outubro. Os 30 vídeos mais votados de cada categoria (30 adultos e 30 na Kids), vão receber 300 reais cada um. Em seguida virá a terceira fase quando serão eleitos três finalistas de cada categoria que serão anunciados nas redes sociais de Otélio Drebes. A terceira etapa será de 30 de outubro a 7 de novembro e a etapa final acontecerá de 13 a 22 de novembro. Os três primeiros lugares das categorias Adultos e Kids também serão escolhidos conforme o número de votos e anunciados na grande final

do dia 22 de novembro que será transmitido pelas redes daquele empresário. Os prêmios são de R$ 6.000,00, R$ 3.000,00 e R$ 1,5 mil para os três primeiros colocados, sendo que cada finalista receberá dez cestas básicas para doar à instituição que indicou no ato de inscrição no concurso. Este é o link para votação em Márcia Freitas até este sábado, dia 24: https://www. oteliodrebes.com.br/festivalenca.../pagina/01058 É possível votar quantas vezes quiser, lembra Márcia que faz um apelo em sua página no Facebook: “Preciso da tua ajuda, pois somente 30 participantes classificam-se para próxima fase”.

Novo Honda WR-V 2021 é testado inclusive em Santo Antônio da Patrulha FOTO: DIVULGAÇÃO

Novo Honda WR-V, testado em estradas patrulhenses

O

visual renovado e os novos recursos eletrônicos que facilitaram a condução e aumentaram a segurança são as principais novidades do Honda WR-V 2021. Na versão avaliada, a topo de linha EXL, o crossover compacto traz também nova central multimídia. Jor-

nalistas da editoria Sobre Rodas de Gaúcha ZH rodaram por Porto Alegre e rodovias do litoral gaúcho com o Honda WR-V 2021 EXL que tem preço de R$ 94.700 e que foi exibido inclusive em Santo Antônio da Patrulha durante os testes realizados. A atualização visual refor-

çou as linhas robustas do crossover. A frente ganhou força com a nova grade de acabamento preto brilhante e barra cromada que separa o grupo óptico redesenhado. Também pelo novo para-choque. Os faróis, luzes diurnas (RL) e auxiliares de neblina são em LED. Para completar, as rodas de liga leve têm acabamento escurecido, as lanternas traseiras, novo grafismo, e o para-choque aumentou 6,7 centímetros para garantir melhor proteção da tampa do porta-malas. O friso superior da placa segue a mesma cor da carroceria. A nova frente, mas principalmente os faróis em LED chamaram a atenção da jornalista Priscila Nunes. A matéria é de autoria dos jornalistas Priscila Nunes e Gilberto Leal especialista da editoria Sobre Rosa de Gaúcha ZH.

- Folha Patrulhense ‑ 9

Prefeitura lança editais para destinação dos recursos da Lei Aldir Blanc

A

Prefeitura de Santo Antônio da Patrulha, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, Turismo e Esportes (SECTE) lança editais de premiação (destinado ao setor da cultura) e subsídios (manutenção aos espaços culturais e artísticos), recursos provenientes da Lei 14.017, conhecida como Lei Aldir Blanc, com regras para auxílio aos trabalhadores e trabalhadoras da cultura. O primeiro passo para a participação dos interessados nos editais é acessar o site da Prefeitura e conhecer o regulamento. Como requisito básico, é necessário que artistas e entidades tenham já se cadastrado no Conselho Municipal de Políticas Públicas de Cultura.

EDITAIS DE CASAMENTO Bel. Édison Renato Kirsten, Registrador do Registro Civil e Especiais de Santo Antônio da Patrulha/ RS, situado na Rua Cel. Vicente Gomes, nº 415., Santo Antônio da Patrulha/RS, horário de atendimento das 9h às 11,30h e das 13,30h às 17h. Faz saber que pretendem se casar: Edital número 6847 - GERÔNIMO SCHETTERT FORTES, filho de Orlando Nunes Fortes e Maria Solange Schettert Fortes e CARMEN FABIANE PEDÃO, filha de Ary Luiz Pedão e Maria de Fatima Pedão. Edital número 6848 - VALDIR DOS SANTOS, filho de Dorcindo dos Santos e Maria da Silva dos Santos e KELLI AVILA DE SOUZA, filha de José Guilherme de Souza e Lourdes Juraci Avila de Souza. Edital número 6849 - VANDERSSON DOS SANTOS, filho de Paulo César Frutuoso dos Santos e Jaira Luzia dos Santos e RAQUEL MACHADO DA SILVEIRA, filha de Renato Machado da Silveira e Antoninha Regina Silva da Silveira. Se alguém souber de algum impedimento oponha-o na forma da Lei. Santo Antônio da Patrulha/RS, 21 de outubro de 2020. BEL. ÉDISON RENATO KIRSTEN Registrador


10 - Folha Patrulhense -

JUSTIÇA

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Ministério Público obtém decisão que determina a imediata realização de obras emergenciais na ERS-030 FOTO: DIVULGAÇÃO

Dr. Camilo Santana

C

onforme noticiado no começo deste ano pela Folha Patrulhense, o Ministério Público, por meio do Promotor de Justiça Camilo Vargas Santana, ajuizou ação civil pública contra o Estado do Rio Grande do Sul e o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (DAER) com o fim de obrigar os entes públicos a realizarem obras de recuperação e recapeamento da Rodovia ERS-030 no trecho de Santo Antônio da Patrulha. Conforme a

ação ajuizada, o Ministério Público instaurou inquérito civil público no qual apurou a péssima situação da Rodovia, a qual não recebe obras de recuperação há vários anos. Durante a tramitação do inquérito civil, verificou-se que a Rodovia ERS-030 vem ao longo dos últimos anos sofrendo processo avançado de deterioração de sua pavimentação asfáltica, o que traz riscos e prejuízos a todos os condutores e usuários que por ela trafegam. Ainda, a falta de sinalização acarreta risco à população de Santo Antônio da Patrulha que diariamente atravessa a via, que corta a região central da cidade. As últimas intervenções do DAER na via não passaram de medidas paliativas, como operações “tapa-buraco”. No pedido, o Ministério Público requereu a concessão de medida liminar para obrigar o Estado e o

DAER a providenciarem obras emergenciais na via. Todavia, a Justiça local, em decisão do Magistrado Felipe Palopoli, negou o pedido liminar do Ministério Público sob o argumento de que a via já se encontraria nessa situação há muitos anos, o que afastaria a urgência. Ainda, referiu que não caberia ao Judiciário obrigar o Estado a realizar as obras, pois isso envolveria o mérito administrativo. Irresignado, o Ministério Público recorreu e obteve decisão favorável do Tribunal de Justiça, que deu provimento ao recurso interposto pelo Promotor de Justiça Camilo Vargas Santana e determinou ao DAER que, no prazo de 30 dias, realize a recuperação emergencial da pista de rolamento e do acostamento, a limpeza de vegetação às margens da rodovia e a recuperação da sinalização horizontal, no

trecho da Rodovia ERS030 entre o entroncamento da ERS-474 e a ponte sobre o Arroio Passo dos Ramos, sob pena de multa diária de 1 mil reais. Ainda, que o DAER apresente, no prazo de 120 dias, estudo sobre as condições atuais e de vida útil da pista de rolamento da Rodovia ERS-030, por profissional devidamente habilitado, com a finalidade de realizar o recapeamento total da pista de rolamento, a recuperação dos acostamentos, a implantação de sinalização vertical e horizontal e a limpeza da faixa de domínio de todo o trecho que passa pelo Município de Santo Antônio da Patrulha, com a apresentação de cronograma de obras e inclusão de dotação orçamentária suficiente para execução das obras decorrentes do estudo realizado. No julgamento do recurso, a 1ª Câmara Cí-

Ação da Brigada Campanha que foi recebida a Cabelos de Aço tiros repercute O R ecente atuação da Brigada Militar no Bairro Popular, em Osório, e que resultou na morte de um suspeito, envolvido em tráfico e integrante de uma facção criminosa, conhecido da Polícia como "matador", repercutiu na comunidade regional, mostrando o risco diário que os policiais correm ao atuar no combate ao crime. Na oportunidade a guarnição foi recebida a tiros, revidando e resultando na morte de um dos suspeitos, de apenas 20 anos de idade. Na residência, foram presas mais duas mulheres e um homem, todos suspeitos de tráfico por tráfico, apreendidas duas armas, munições e drogas, sendo um tijolo de maconha e mais uma quantidade fracionada, pronta para a venda. Nenhum policial militar ficou ferido.

8º Batalhão de Polícia Militar (8º BPM) está em plena Campanha Cabelos de Aço da Brigada Militar, lançada em 2019 e que se tornou permanente. A BM de SAP está nesta elogiável iniciativa que busca arrecadar mechas de cabelos para a produção de perucas. As mechas serão encaminhadas ao Instituto da Mama do Rio Grande do Sul (IMAMA), que destinará às mulheres e meninas em tratamento de câncer. As mechas doadas devem ter, no mínimo, 15 cm de comprimento, mas, se for corte de cabelo repicado, o mínimo é de 20 cm. A arrecadação será em parceria com salões de cabeleireiros que aderirem à campanha em parceria com o 8° BPM.

Ligue e anuncie

3662.1777

vel do Tribunal de Justiça acolheu os argumentos do Ministério Público e entendeu que não se pode admitir a omissão do DAER em manter uma rodovia esburacada com riscos e prejuízos diários à população usuária. Referiu ainda que o DAER vinha levando o Município “na conversa” e que é direito dos usuários trafegar numa rodovia minimamente segura. Para o Promotor de Justiça, a decisão é uma vitória para a comunidade que se vê prejudicada pelo descaso dos órgãos governamentais durante vários anos, que acabou até mesmo gerando um tratamento diferenciado em relação a outras rodovias do Estado que estavam em melhores condições e vinham recebendo reparos e sinalização periodicamente. O Ministério Público buscará garantir a imediata execução da decisão judicial.

Homem com mandado de prisão por estupro é preso em Santo Antônio

U

m homem com mandado de prisão em aberto por estupro, foi preso pela Brigada Militar, na noite de terça-feira (20), em Santo Antônio da Patrulha. Os policiais militares avistaram o indivíduo em frente à residência. Foi realizada a abordagem e constatado que havia um mandado de prisão em aberto, expedido pela comarca de Santo Antônio da Patrulha. Ainda foram localizadas, em sua residência, 44 munições calibre .22 e um pé de maconha no pátio. O suspeito foi apresentado na Delegacia de Polícia de Santo Antônio da Patrulha.


EDUCAÇÃO

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020 - Folha Patrulhense - 11

Pouco comparecimento nas escolas do Estado em todo o Rio Grande do Sul -se pela saúde dos alunos, o índice diminuiu. A volta às aulas deve acontecer a partir de segunda-feira, dia 26, mas não se sabe se esse percentual de estudantes realmente voltará, porque o temor de contrair o vírus continua grande. ► GREGÓRIA Na Escola Professora Gregória de Mendonça, conforme a diretora, professora Ana Rosa Collar da Cunha, as aulas presenciais do ensino médio reiniciam hoje, quinta-feira, para aqueles alunos que não têm acesso à internet e para os que não estão fazendo as atividades remotamente na sala virtual chamada Cleo Kuhn. "Para que o aluno possa retornar, o pai tem que vir até à escola, para assinar um termo de responsabilidade de que está ciente do retorno e dos riscos que isso acarreta. A Escola está tomando todas as providências de acordo com as orientações do COE e da Saúde para que eles tenham toda a segurança, mas a gente não pode garantir porque o vírus está no ar". As séries finais retornam dia 29 deste mês e dia 12 de novembro retornam as séries iniciais e toda a EJA. "Neste momento não podemos dizer que voltaremos dia 29 devido ao furto de fios da rede elétrica de todos os prédios da parte de baixo do colégio, fato ocorrido há um mês. Estamos aguardan-

FOTO: HERMOGENES SILVEIRA

N

o primeiro dia de vigência da autorização do Governo do Estado para a retomada das atividades escolares, foi pouco o comparecimento de alunos, conforme levantamento do jornal Zero Hora. Ainda conforme o mesmo Jornal, o Cpers-Sindicato mantém a posição contrária ao retorno das aulas. Na manhã desta terça-feira (20), a presidente da entidade, Helenir Schürer, visitou escolas da região central da Capital e recebeu relatos de diretores quanto à falta de equipamentos de proteção individual (EPIs). ► EEESA No levantamento feito pela reportagem em algumas escolas estaduais de Santo Antônio da Patrulha, o Instituto Estadual de Educação Santo Antônio, que possui ensino médio, aguarda o recebimento de materiais para a limpeza e enquanto isso não ocorrer, as aulas não irão recomeçar. Mas no retorno a Escola terá alterações em função da pandemia. A volta às aulas poderá acontecer na segunda-feira (26), mas ainda vai depender de confirmação. ► PATRULHENSE Na Escola de Ensino Médio Patrulhense, a diretora, professora Bianca Salazzar, afirma que apenas 3% dos alunos vão retornar. Antes o percentual era maior, mas quando os pais foram informados de que teriam que assinar um termo, responsabilizando-

Na foto, Escola Estadual de Ensino Fundamental Estado do Espírito Santo

do a verba da Secretaria de Educação para refazer essa rede para que possamos ter todos os alunos de volta. Só há energia no prédio principal e no refeitório. Fizemos boletim de ocorrência", afirmou a diretora. O Gregória tem 48 professores e 12 funcionários. Poucos alunos foram autorizados pelos pais a retornarem, porque eles continuam com dúvidas. O restante vai continuar até dia 8 de janeiro com o ensino remoto. ► PADRE REUS Conforme seu diretor, Luís Edmundo Engelmann, a Escola Estadual Padre Reus está recebendo o material de limpeza necessário, incluindo tapetes para desinfecção dos calçados. Uma pesquisa realizada pelo Colégio (por sinal, determinada para todas as escolas), indicou que 96 por cento dos pais não vão mandar os filhos à escola, ante o temor de infecção. Eles terão, inclusive, que assinar termo responsa-

bilizando-se pelos filhos quando na escola. ► CRONOGRAMA O cronograma do retorno estabelecido pelo Governo gaúcho é este: Ensino Médio e Ensino Técnico: a partir de 20 de outubro. Ensino Fundamental – Anos Finais: a partir de 28 de outubro. Ensino Fundamental – Anos Iniciais: a partir de 12 de novembro. O retorno é obrigatório para os alunos? Não. Nenhum aluno será obrigado a retornar à rotina de aulas. A decisão fica por conta dos pais e responsáveis pelos estudantes. Qual a quantidade máxima de estudantes que as escolas poderão receber por dia? As escolas poderão receber presencialmente no máximo 50% dos estudantes por dia, respeitando as regras de distanciamento social, uso de EPIs e seguindo orientações de higienização pessoal. Os alunos terão aulas pre-

senciais em revezamento com a divisão da turma, respeitando as bandeiras amarela e laranja do Modelo de Distanciamento Controlado do governo do Estado. Estudantes em grupos de risco deverão retornar às aulas presenciais? Não. Estudantes em grupo de risco permanecerão com atividades nas aulas remotas, conforme manifestação dos pais ou responsáveis por meio do Termo de Responsabilidade enviado às famílias. O estudante pode optar por retornar a qualquer tempo? O Estado tem por obrigação garantir o acesso à educação a todos os cidadãos. Caso os pais e responsáveis em um primeiro momento decidirem não permitir a presença dos alunos nas aulas presenciais, podem, posteriormente, autorizar a participação dos estudantes nas atividades. Fonte: Governo do Estado

inbtelecom

Internet de verdade

INB agora é parte do Vero grupo V

0800 654 3210

www.inbtelecom.com.br

Seja INB!

Leia o QrCode com a câmera do seu smartphone


12 ‑ Folha Patrulhense -

EDUCAÇÃO

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Prefeitura informa sobre retorno das aulas nas Escolas Municipais de Educação Infantil Devem retornar crianças cujos pais manifestaram interesse mediante justificativa FOTO: DIVULGAÇÃO

pesquisa com os pais e a grande maioria respondeu não ter interesse no retorno. Portanto, deverão retornar aquelas crianças cujos pais manifestaram interesse em voltar, apresentando justificativa.

As atividades presenciais serão reiniciadas a partir do seguinte cronograma:

E

Na foto, Escola Municipal de Educação Infantil Pinguinho de Gente

stá definido o cronograma de retorno às aulas presenciais na Educação Infantil para famílias que manifestaram interesse. Durante live na página da Prefeitura de Santo Antônio da Patrulha no Facebook, na quarta-feira (14), o Prefeito Daiçon Maciel, acompanhado de Raquel Porcher, Presidente do Comitê de Prevenção e Enfrentamento à Covid-19, e

da Diretora da Secretaria da Administração, Ana Cristina Salazar prestaram alguns esclarecimentos aos cidadãos acerca do cenário atual da pandemia do novo Coronavírus. O assunto em destaque foi o retorno das aulas presenciais na Educação Infantil. Ana Cristina explicou ainda que o Decreto Estadual nº 55.538/2020 autorizou o funcionamento de novas atividades, desde que

as aulas sejam retomadas. A decisão do retorno em Santo Antônio da Patrulha foi tomada de forma colegiada, após reunião com a Comissão de Estudos formada para avaliar a questão com a participação de diversas entidades. O Conselho Municipal de Educação e a Câmara de Vereadores, entre outras, foram a favor do retorno. A Secretaria Municipal da Educação realizou uma

26/10: retorno da Pré-escola 03/11: retorno do Maternal I e II 09/11: retorno do Berçário Todas as escolas cumprirão o protocolo sanitário exigido, principalmente os ligados a higienização do local. Além disso, as salas só poderão contar com a capacidade máxima de 50% do número total de alunos. O Prefeito destacou que esse retorno das aulas se dá devido ao pedido dos pais, e ainda destaca que essa volta deve ser

gradativa. “Não podemos simplesmente colocar todos os alunos dentro da sala de aula, primeiro retornarão aqueles que os pais se encontram com mais dificuldades, principalmente em decorrência do emprego.” É importante lembrar que os pais que optarem por não enviar seus filhos à escola, não perderão a vaga. Aqueles que enviarem seus filhos deverão assinar um termo de responsabilidade sobre os riscos referentes à pandemia pelo Coronavírus. Raquel ainda destacou que é importante estar ciente de que a pandemia ainda não acabou, que todos os cuidados e o distanciamento social ainda sejam prioridade para todos. Para que a incidência de casos diminua e para que, principalmente, não ocorram mais óbitos, é necessário que todos evitem a propagação do vírus. Todas as medidas podem ser conferidas no Decreto Nº 241, através do link: https://bit.ly/3j3wvd9

FOTO: ACISAP

ACISAP presente na reunião online que teve como pauta o retorno às aulas

Na ocasião, a ACISAP foi representada por sua Gerente Administrativa Maria Reunião online organizada pela Prefeitura discutiu a volta às aulas Beatriz Marques, Associação Comercial Industrial e de Sere a 1º Secretária viços de Santo Antônio da Patrulha – ACIda entidade Aline Ramos Pereira de Oliveira. SAP, esteve presente na quarta-feira, 14 deste Na reunião, que teve como pauta o retorno mês, na reunião online com o Prefeito Municipal presencial às aulas, o Prefeito Daiçon Maciel, Daiçon Maciel da Silva, juntamente com a Secreiniciou cumprimentando a todos os presentes, e tária Municipal de Educação Dalva Provenzi de após apresentando o decreto do governador, e Carli, a Secretária de Administração e Finanças, as alterações feitas, no que diz respeito à liberaCleia Airoldi, a Procuradora do Município Digiane ção de atividades, reforçando que nosso muniStecanela, bem como os representantes da Secípio segue o que determina o decreto estadual. cretaria de Saúde, Vigilância Sanitária, Conselho Na sequência, a Secretária de Educação DalMunicipal de Educação, Conselho Tutelar, Escova Provenzi apresentou a pesquisa feita pela las de Educação Infantil e Ensino Fundamental Secretaria de Educação quanto a intenção das das redes municipal e privada, e a OAB Subsefamílias em relação ao retorno às aulas presenção Santo Antônio da Patrulha, representada pelo ciais, o que os levou a conhecer essas famílias vice-presidente Júlio César Sant’Anna de Souza. para compreender o motivo pelo qual optam por

A

este retorno, desta forma, houve diálogo para estudar o assunto com as demais autoridades e secretarias. A nova pesquisa foi feita em complementação da anterior para avaliar quem são as crianças. De acordo com Dalva, com os resultados foi possível observar a preocupação com o aprendizado das crianças, que segundo os pais, têm maior aprendizado e rendimento escolar com auxílio dos professores. Para o retorno às aulas presenciais, as escolas precisam seguir obrigatoriamente inúmeros critérios rigorosos de proteção e sanitários estabelecidos para prevenção contra o Covid-19, que devem ser cumpridos e serão fiscalizados. Por isso, para que o retorno ocorra da forma mais segura possível, haverá um plano individual de atendimento por escola, respeitando a saúde das crianças e professores acima de tudo, e mantendo o cuidado e equilíbrio no planejamento e tomada de decisões, destacou Dalva.


EDUCAÇÃO

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020 - Folha Patrulhense ‑ 13

Comunidade se manifesta tanto a favor como contra a decisão de retorno às aulas

A

decisão do retorno às aulas divide as opiniões. A Folha Patrulhense selecionou opiniões pró e contra e que foram postadas na live do prefeito ao anunciar o escalonamento do retorno às aulas presenciais. Estamos resguardando a identidade das pessoas que manifestaram suas opiniões.

PRÓS *Cada pessoa que quer viver, tem que se cuidar. Não adianta culpar os outros. fica a dica. *Se dá para ir no mercado, passear, fazer churrascada com a família e amigos, por que não deixar as escolas abertas para quem precisa? É para quem precisa e quer, quem não quer, não tem motivo para histerias. *Na hora de ir para a praia, feriadão, que engraçado que ninguém se preocupou. Tem é que voltar tudo ao normal. O vírus é inevitável, ninguém passará o verão trancado em casa. Se não pegar na escola, ou no trabalho, pegará de outro jeito. O caso é que muitas pessoas são assintomáticas e não terão nenhum sintoma. *Não é só na escola que o vírus está. Ninguém é obrigado a levar os seus familiares filhos para a escola, não vou levar o meu, mas vou retornar porque sou professora. *Isso mesmo. Parabéns ao prefeito que apoia o retorno! *Centro lotado, supermercados também, as praças então nem se fala, e ainda vem julgar a volta às aulas? Sou de total apoio a volta. Se

nos lugares citados não têm vírus por que na escola vai ter? Quanta hipocrisia!

soas... que estão indo para a praia ou fazer festa. Somos pobres, mas não rico metido a besta.

*Parabéns, prefeito Daiçon, pela nobre atitude em liberar o retorno. Com certeza você está rodeado de pessoas que têm conhecimento. Pena a cidade vizinha, Osório, pensar diferente.

*Pois é... Não temos mais óbitos, e por que a volta às aulas já que estamos com tudo estabilizado? Semana passada havia funcionárias aguardando resultado de exames de Covid-19. Então para que a volta às aulas? Alguém pode explicar por quê?

CONTRA *Não há como apoiar uma medida descabida como esta do retorno da educação infantil, principalmente os menores que não ficam de máscara, que não mantêm distanciamento, e que são geralmente assintomáticos e convivem com avós e pessoas muitas vezes de risco. *O prefeito vai se responsabilizar pelas vidas dos funcionários, professores e alunos? Qual é a necessidade de um retorno, faltando dois meses para acabar o ano? *Meu questionamento é que voltar agora para quê? Não somos assistentes sociais! O problema de vulnerabilidade não é da escola; os pais não ter com quem deixar para trabalhar não é problema da escola (a escola não tem filhos, cada pai é responsável pelo ser que colocou no mundo. Não estou responsabilizando ninguém, mas se ele quer retorno ele que se responsabilize pelos pais que não vão seguir os protocolos. Obs: Política em primeiro lugar? *Meus filhos e netos não vão para praia e também não vão pagar por causa dessas pes-

*Meu filho não volta. Compreendo que muitos não têm opção, que precisam mandar seus filhos, respeito isso. Porém, penso que esse retorno só vai comprometer o próximo ano. Teremos novos casos e quem sabe algo ainda pior do que temos visto. *Crianças maiores já é difícil controlar, imagina educação infantil, onde não ficam de máscaras, não fazem distanciamento, pegam chupetas umas das outras. Uma lástima esse retorno. Que os pais tenham consciência do risco no qual estão expondo seus filhos. *Parece piada!!! Duvido que a maioria dos pais queiram que seus filhos ou netos voltem... Começa agora no final do ano, mas, já tem alguns feriadinhos para descansar... Palhaçada! Ou estou errado? *Em um mês não irá se recuperar o ano todo. O governo quer que os pais assinem um termo de responsabilidade, mas será que ele (governo), vai colocar os EPIs (Equipamentos Individuais) à disposição. Sou contra o retorno e meu filho não voltará enquanto essa pandemia não passar e não houver garantias de que a saúde de todos não venha a ser afetada.

Escolas Infantis sem o plano de contingência para o retorno

O

COE (Certificado de Operações Estruturadas) municipal entregou para os COE-ES locais, composto por profissionais da respectiva escola de educação infantil do município, existente em cada instituição, um plano de contingência para que pudessem avaliar as estratégias de enfrentamento propostas. As escolas tive-

ram uma semana para estudá-lo e questionar sobre pontos dos quais não poderiam cumprir ou acreditavam que seria responsabilidade da prefeitura. A prefeitura teria o prazo de 3 dias úteis para dar um retorno a essas escolas. Porém, não foi o que aconteceu, há 4 dias da data prevista para o retorno, algumas escolas ainda não obtive-

ram um posicionamento do COE municipal a cerca de seus planos. Esta situação faz com que os funcionários estejam receosos e também o não fornecimento de alguns EPIs necessários, como máscara em uma quantidade que atenda todos os profissionais, preservando a saúde destes e das crianças que frequentarão as instituições.


14 - Folha Patrulhense -

COLABORADORES

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Para anunciar no ClassiFolha, entre em contato pelo telefone (51) 3662.1777 e fale com um de nossos vendedores. O fechamento comercial acontece às 12h de terça-feira.

Serviços SERVIÇOS EM GERAL - Servi-

ços gerais e corte de grama, com referências. Tel.: 99772.6073 (Nelson).

Imóveis VENDE-SE - terreno urbano, medindo 611 m², área comercial, com visão privilegiada na Av. Borges de Medeiros. Grande oportunidade. Valor R$ 180 mil. Tel.: 99729-8812 (CRECI 48.020) ou 99604-1922 (CRECI: 56.491).

VENDO OU PERMUTO -

Apartamento em POA, com 2 dormitórios e mais dependência de empregada com banheiro, sala de estar e jantar, cozinha, área de serviço e banheiro social. Bem localizado e iluminado. Rua calma, à 50m da Avenida Ipiranga, próximo a vários recursos. Aceito imóvel em Santo Antônio da Patrulha. Direto com o proprietário. Valor R$ 285 mil. Telefone: (51) 99813-9604 (Vivo)

VENDE-SE - Chalé misto, ótima localização no Bairro Pindorama, terreno amplo, seminovo, móveis sob medida, ar condicionado, churrasqueira, garagem fechada, 3 dormitórios, sala e cozinha. Valor R$ 170 mil. Preço abaixo do mercado. Aceita-se proposta. Tel.: 99729-8812 (CRECI 48.020) ou 99604-1922 (CRECI: 56.491).


PUBLICAÇÕES LEGAIS

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020 - Folha Patrulhense - 15

MOENDA – Associação de Cultura e Arte Nativa EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA São convidados os senhores associados da MOENDA – Associação de Cultura e Arte Nativa a se reunirem em Assembleia Geral Extraordinária, a ser realizada no dia 09 de novembro de 2019, na sede social, situada na Rua Bolívia, s/n, Bairro Pitangueiras, neste Município (Ginásio Caetano Tedesco), às 18h30min, em primeira chamada, e às 19h, em segunda chamada, a fim de tratarem da seguinte ordem do dia: a) Eleição da Diretoria Executiva, Conselho Fiscal e Conselho Deliberativo; b) Aprovação das contas dos administradores; c) Alteração do estatuto social; d) Assuntos Gerais. Santo Antônio da Patrulha/RS, 22 de outubro de 2019 Luciano Gomes Peixoto Presidente

Sociedade Técnica de Irrigação Ltda. CNPJ: 87.361.606/0001-30 Edital de Convocação para Assembleia Geral Ordinária Pela presente, a Sociedade Técnica de Irrigação Ltda. – STIL – com sede em Santo Antônio da Patrulha, CNPJ nº 87.361.606/0001-30, convoca todos seus associados para comparecimento à ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA, a ser realizada no dia 17 de novembro de 2020, na sede da STIL, sito a Estrada Júlio Brunelli, 3433 – Lagoa dos Barros - em Santo Antônio da Patrulha, às 14h00min em primeira convocação e meia hora depois, às 14h30min, em segunda convocação, com a seguinte ordem do dia: 1º- Apreciação do relatório da safra 2019/2020; 2º- Apreciação do parecer do Conselho Fiscal sobre as contas da safra 2019/2020; 3º- Apreciação e votação das transferências de cotas de irrigação; 4º- Eleição para órgãos dirigentes e consultivos da Sociedade; 5º- Outros assuntos relacionados ao funcionamento e administração da Sociedade. Humberto Nunes de Azevedo - Gerente

Atenção! Junta Militar informa: Em função da Pandemia, a data da Cerimônia de Juramento à Bandeira foi REMARCADA para o dia 12/12/2020.

EDITAL DE EXTRAVIO DE TALÃO DE PRODUTOR SILSO MORO DA SILVA, residente na Rua Lourenço Correia Gomes, nº 253, Bairro Centro, Caraá/RS, inscrito no CPF nº 320.460.810-72, comunica o extravio do talão de produtor rural, série P123-407091, com inscrição estadual nº 434/1000330, não se responsabilizando pelo uso indevido do mesmo. Quem encontrar, favor entregar na Prefeitura Municipal. Santo Antônio da Patrulha, 16 de outubro de 2020.

CÂMARA MUNICIPAL DE SANTO ANTÔNIO DA PATRULHA 36ª REUNIÃO ORDINÁRIA EM 19.10.2020

a colocação de iluminação na Rua Caldas Junior até a Rua Antônio Pereira da Costa, no Bairro Pitangueiras.

EXPEDIENTE André Selistre PP – Encaminha Votos de Congratulações ao Ilustríssimo Dr. JOAQUIM DELLAMORA MELLO, novo Diretor técnico do Hospital Santa Casa/Santo Antônio da Patrulha, pelo início de uma nova trajetória junto à direção hospitalar do Município; Samuel Souza PTB Solicita para que a Secretaria Municipal de Obras, Trânsito e Segurança promova, em regime de urgência, colocação de fresado na Rua Adão Silveira Lemos, no Bairro Bom Princípio; Alex do Amaral PTB – Solicita para que a Secretaria Municipal de Obras, Trânsito e Segurança, através do Setor de Iluminação Pública, promova revisão em todo 6º Distrito; João Luis Moreira PTB – Solicita para que a Secretaria Municipal de Obras, Trânsito e Segurança promova ensaibramento e patrolamento das Estradas nas Localidades de Sertão do Cantagalo, Baixa Grande e Furnas; Jorge Eloy de Oliveira PTB – Solicita para que a Secretaria Municipal de Obras, Trânsito e Segurança promova, em regime de urgência, ensaibramento e patrolamento da Estrada Cancela Preta. Salienta-se que a demanda é reinvindicação dos moradores; Jair Belloli MDB - Encaminha ao Excelentíssimo Senhor Daiçon Maciel da Silva,Prefeito Municipal de Santo Antônio da Patrulha – RS, para que através da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente seja estudada a possibilidade de Extensão de água para beneficiar sete famílias, que se localiza na estrada que inicia no Pé de Galinha a direita e vai até a estrada que termina na propriedade do Lorenço Santos da Silva; Manoel Adam MDB – Solicita para que a Secretaria de Obras, Trânsito e Segurança promova

PROJETOS EM TRAMITAÇÃO PL Nº 55/20 Autoriza contratação temporária de excepcional interesse público – Instrutores; PL Nº 73/20 Autoriza contratação temporária de excepcional interesse público - 01 Instrutor de Artes, 01 Instrutor de Esportes e 01 Instrutor de Música; PL Nº 119/20 Obriga a manutenção de equipe de bombeiros profissionais civis nos estabelecimentos que especifica; PL’S Nº 94/20 e Nº 135/20 Denominações as Praças nesta Cidade; PL’S Nº 92/20, Nº 100/20, Nº 103/20, Nº 108/20, Nº 109/20,Nº 110/20, Nº 117/20, Nº 118/20 e Nº 121/20 Denominações as Ruas nesta Cidade; PL Nº 102/20, Nº 128/20 e Nº 134/20 Denominações as Estradas nesta cidade; PL Nº 113/20 Abre Crédito Especial por Redução Orçamentária, no Orçamento Municipal no valor de R$ 410.000,00 - Remanejamento Emendas Impositivas; PL Nº 124/20 Dispõe sobre a criação do programa troco solidário no município de Santo Antônio da Patrulha; PL Nº 125/20 Dispõe sobre a obrigatoriedade de hipermercados, supermercados, atacados e similares, no âmbito do município de Santo Antônio da Patrulha, possuírem carrinhos de compra adaptados para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida; PL Nº 133/20 "Altera dispositivo da Lei nº 8.520, de 28 de abril de 2020, que "Autoriza contratação temporária de excepcional interesse público; PL Nº 138/20 Dispõe sobre a revogação das Leis Municipais nº 7.877, de 2 de agosto de 2017 e nº 7.958, de 26 de dezembro de 2017; PL Nº 140/20 Abre Crédito Especial por Redução Orçamentária, no Orçamento Municipal no valor de R$ 30.000,00

Silso Moro da Silva

LEGISLATIVO INFORMA "Doe Orgãos, Doe Sangue: Salve Vidas!" "Crack: a pedra da morte!" – SEMSA; PL Nº 141/20 Autoriza o Poder Executivo a proceder à extinção da AGASA - Cia de Desenvolvimento Econômico e Social, com a transferência do respectivo patrimônio ao Município de Santo Antônio da Patrulha/RS; PL Nº 142/20 Autoriza o Poder Executivo a proceder à extinção da Fundação Educacional Agrícola de Santo Antônio da Patrulha (FEASA), com a transferência do respectivo patrimônio ao Município; PL Nº 143/20 Abre Crédito Especial por Redução Orçamentária, no Orçamento Municipal no valor de R$ 7.000,00 - Ação Indireta AGASA; PL Nº 144/20 Abre Crédito Especial por Excesso de Arrecadação, no Orçamento Municipal no valor de R$ 5.000,00-Obrigações Patronais AGASA; PL Nº 145/20 Abre Crédito Especial por Excesso de Arrecadação, no Orçamento Municipal no valor de R$ 15.000,00 - Serviços de Terceiros AGASA. COMUNICADO 38ª Reunião Ordinária será realizada na quinta-feira, 29 de outubro, em virtude do feriado de finados. O presidente André Selistre comunica que em virtude do feriado do dia 02 de novembro (Finados), a 38ª Reunião Ordinária da Câmara de Vereadores de Santo Antônio da Patrulha, que aconteceria na segunda-feira (02/11), será antecipada para o dia 29 de outubro, às 16 horas, no Plenário Euzébio Barth do Poder Legislativo Municipal, sendo que as reuniões das Comissões acontecem às 14 horas, no Plenarinho Vereador Luiz Tedesco. Câmara de Vereadores de Santo Antônio da Patrulha, Avenida Borges de Medeiros, 602, Cidade Alta. Telefone: 3662.3555.


16 ‑ Folha Patrulhense -

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

ESPORTE

13ª Trilha dos Sonhos teve participação de mais de 500 veículos

A

conteceu no sábado a 13ª Trilha dos Sonhos, organizada pelo Jeep Club de Santo Antônio da Patrulha. Conforme a Defesa Civil, que deu apoio na largada, o evento contou com a

participação de mais de 500 veículos, entre jipes, gaiolas e quadriciclos, vindos de várias partes do Estado. A concentração para a trilha foi no Santo Paradouro, situado as margens da ERS-474. A equipe da

defesa Civil Municipal esteve presente no evento colaborando na entrega dos kits e na organização da recepção dos veículos, bem como no trânsito em algumas ruas da cidade.

FOTOS: FACEBOOK DE SPORT TV SHOW


ESPORTE

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020 - Folha Patrulhense - 17

De olho no esporte

Prof. Antônio Gomes

A tranquilidade de Grêmio e Inter na Libertadores Por serem superiores aos rivais, times encontraram facilidade nesta fase Grêmio e Inter estão tranquilos quanto à classificação para as oitavas de final da Libertadores. Duas razões são decisivas para chegarem à última rodada com esta situação. Vale muito pela forma como enfrentaram a competição e com a qualida-

de inferior dos seus adversários. A diferença a favor do Grêmio sobre os colorados está nos Gre-Nais. É neles que o Inter e seu treinador decepcionam. Só este ano são seis clássicos e o Tricolor só sofreu um gol, e de pênalti. Hoje (22),

A vantagem do Inter no Gre-Nal das camisas rosas

termina este recreio da fase de grupos. Agora virão enfrentamentos decisivos. O Grêmio deve terminar em primeiro e o Inter em segundo. Depois é esperar o sorteio de amanhã (23) e torcer por adversários menores.

Líder do Brasileirão, Inter é dono da melhor defesa entre equipes da Série A em 2020 FOTOS: GOOGLE

Gremistas e colorados produziram com sucesso uniformes alusivos à campanha de prevenção contra o câncer de mama

U

m fato marcou fortemente o jogo do Inter contra o Vasco nesse domingo (18) no Beira-Rio. O time de Eduardo Coudet esteve em campo vestindo camisas cor-de-rosa como forma de engajamento na campanha anual de prevenção. O modelo foi lançado na terça-feira (13) com enorme sucesso, motivando uma mobilização imediata para que a equipe a utilizasse num jogo do Brasileirão ou até passasse a adotar como uniforme alternativo. A idéia prosperou e vai ser executada, enquanto as vendas da camisa rosa criaram uma correria sem satisfazer a todos os interessados. O

clube se mostrou recompensado pela procura e até preocupado em garantir junto ao fornecedor de material esportivo que a demanda fosse atendida, o que acabou não acontecendo. O recado será dado na sua plenitude com o time vestindo rosa com a bola rolando. Derivada do vermelho, a cor não foge demais ao padrão tradicional colorado e até pode se discutir se esta nova camiseta não é mais interessante do que a recentemente lançada com mesclas de cor laranja. Duas semanas antes do Inter, o Grêmio já havia lançado seu modelo de camisa rosa, algo que não acontece pela primeira vez e que começou até por força da pirataria ter criado uma camiseta assim, há alguns anos, para atrair o público feminino. O sucesso nas mãos dos piratas virou renda oficial com o lançamento regular de camisetas alusivas ao outubro rosa por parte do Tricolor. A diferença entre as peças de

vestuário da dupla Gre-Nal é que a gremista tem um tom mais vivo. Ela já foi usada por Renato Portaluppi em jogos e em entrevistas coletivas. A consagração das belíssimas e originais camisas rosas é total e meritória em Grêmio e Inter, mas há uma vantagem pontual para os colorados. Enquanto seu time utilizará a peça num ou em mais jogos, o rival não pode fazê-lo. O estatuto do Grêmio não permite que haja uma cor predominante no uniforme oficial de partidas que não o azul, o branco ou o preto. Além disso, o fato do rosa ter origem no vermelho já seria um impeditivo natural. Se o Gre-Nal dos uniformes no "outubro rosa" pende um pouco para o lado colorado, vem aí o "novembro azul" e a campanha para prevenção masculina do câncer de próstata. Ninguém acredita que do Beira-Rio surja uma camiseta na cor da campanha, muito menos para jogo. O máximo será uma iluminação especial no estádio. Na Arena, tudo estará de acordo.

Técnico do Internacional Eduardo Coudet

O

artilheiro Thiago Galhardo empilha gols – e assistências – a cada rodada e é quem impulsiona a campanha do Inter no Brasileirão. Mas a liderança da equipe de Eduardo Coudet no Campeonato Brasileiro começa muito antes de seu goleador decidir no ataque e encontra suas bases no sistema defensivo. Atual líder do Brasileirão, o Colorado é dono da melhor defesa entre os 20 clubes da Série A em 2020. O número leva em conta a média de gols sofridos no ano. O Inter também é a equipe com mais jogos sem sofrer gols na temporada. A equipe sofreu 28 gols em 40 jogos, com uma média de 0,7 gol sofrido por partida. O Fortaleza de Rogério Ceni foi vazado 27 vezes, mas em 38 jogos. A média é levemente superior: 0,71 gol por jogo. No Brasileirão, as posições mudam. O Leão é disparado o dono da melhor defesa, com apenas 11 gols sofridos em 16 jogos – 0,68 por jogo. O Inter aparece em segundo, com 13 gols em 17 jogos e média de 0,76.

Prof. Antônio Gomes tem um programa na Rádio Itapuí, Panorama Esportivo, aos sábados, das 13h às 14h.


QUINTA-FEIRA, 22 de outubro de 2020 - Santo Antônio da Patrulha/RS

WWW.2MNOTICIAS.COM.BR

SERB, uma entidade esportiva fundada há 30 anos FOTO: DIVULGAÇÃO

A

Colaboradores da SERB em frente à sede da entidade

A noiva Rafaela Sant'Anna dos Santos e o noivo Jairo Muniz da Silva casaram-se no dia 17 de outubro na Igreja Sagrado Coração de Jesus em Barrocadas. A cerimônia foi apenas para pais e padrinhos, tendo os demais convidados acompanhado por transmissão online. Recebem as felicidades dos seus pais, familiares e amigos.

FOTO: DIVULGAÇÃO

Espaço Social

SERB, fundada em 1985, tem sede na Rua Paraná, com uma história bem interessante. Recorda o presidente Luís Paulo Flor de Barcelos (Tokinho) que na época era das gincanas, existia a Equipe Soda que era aquela integrada por gente com melhor poder econômico. E aqueles sócios da equipe, sem muitas condições financeiras, eram considerados a baba da Soda. Por isso, surgiu a Sociedade Esportiva e Recreativa "Baba" que depois, no registro da entidade, retirou essa última denominação por motivos óbvios. A entidade todos os anos promove festa de aniversário da Sociedade, mas este ano, em virtude da pandemia, isso não foi possível. Tokinho, conhecido e aficcionado esportista da época, dos tempos do América, hoje é treinador da SERB para os jogos aos sábados, à tarde, já que agora esse tipo de evento voltou a ser permitido. Também promotora de eventos beneficentes, o mais recente foi o galeto em benefício do Lar Oscar Vargas, conforme documenta a foto de Ivo de Paula.


ELEIÇÕES

Quinta-feira, 22 de outubro de 2020

- Folha Patrulhense ‑ 19

Ferulinho (MDB) fala à Folha Patrulhense sobre sua candidatura à prefeitura e principais propostas

A

para essa grande família que é Santo Antônio da Patrulha. Decidi colocar meu nome para assegurar que os projetos que estamos construindo sejam realmente implanta-

matologia e obstetrícia, para que voltem a nascer patrulhenses em Santo Antônio da Patrulha. Discutindo com o Estado e a região, buscaremos maior resolutividade

FOTO: DIVULGAÇÃO

partir desta edição e a exemplo da primeira rodada, vamos continuar com entrevistas com os candidatos às eleições majoritárias. Mediante sorteio prévio e documentado através de gravação em vídeo, vamos ter nesta edição a participação do candidato do MDB a prefeito, Ferulio José Tedesco. Conheça o seu pensamento sobre o futuro de Santo Antônio. FOLHA PATRULHENSE: Quem é Ferulio José Tedesco? CANDIDATO FERULIO JOSÉ TEDESCO: Ferulinho como sou chamado, é um cara simples, um cara família que a curte e sabe da responsabilidade de mantê-la e de educar os filhos. Venho de uma família simples e batalhadora. Tenho muito orgulho dos ensinamentos do Dr. Ferulio e da dona Maria. Apesar de ter ocupado cargos importantes na política, não perdi minha simplicidade e nunca deixei de ser o Ferulinho, um cara cheio de sonhos que e sempre tratou a todos de forma igual, independentemente de sua condição social e econômica. Tenho disposição em ouvir as pessoas e buscar soluções através do diálogo. FOLHA: Por que decidiu se candidatar a prefeito e o que essa decisão representa para o senhor. CANDIDATO FERULIO: Decidi colocar o nome a disposição porque agora me sinto pronto e preparado para um cargo que exige muito conhecimento. Digo isto, após adquirir uma grande experiência administrativa/política. Agora, posso liderar um grande grupo de pessoas que são os servidores municipais, para gerenciar e proporcionar o melhor

Ferulio José Tedesco (Ferulinho)

dos em nosso município, especialmente aqueles que vão gerar emprego e renda. A decisão de concorrer, sem dúvida, é o maior desafio de minha vida. Mas estou muito seguro. Consigo administrar minha família e a profissão, adquiri uma ótima experiência na Câmara de Vereadores e na Prefeitura Municipal ao longo dos anos, tenho um trabalho reconhecido por muitos e não desonrei até aqui aqueles que me deram a oportunidade de mostrar o meu trabalho. A decisão de concorrer a Prefeito é uma decisão madura, fruto dessa caminhada. FOLHA: Quais são suas três principais propostas? CANDIDATO FERULIO: Dentre várias que temos muita vontade de colocar em prática, destacaria as seguintes nas áreas da saúde, educação, emprego e renda, e infraestrutura: - Assegurar a gestão da Santa Casa em nosso Hospital Municipal com foco na ampliação de seus serviços, destacando a implantação do plantão cirúrgico, trau-

para o nosso hospital. - Ampliar a oferta de vagas na Educação Infantil, construção de novas escolas, manutenção da qualidade do ensino fundamental, buscando também o turno inverso, manter a parceria para expansão do Campus da FURG, com novos cursos de graduação e o crescimento do Polo Universitário, com novos cursos técnicos, de graduação e pós-graduação. - Assegurar apoio às empresas já existentes em nosso município, através da Sala do Investidor Patrulhense que será implantado e viabilizar a implantação do Frigorífico Borrússia em Vila Palmeira e o Projeto comercial e turístico na antiga Agasa e um novo Centro de Distribuição Logística às margens da Freeway. Queremos a duplicação da ERS-030, executar a extensão da Rota da Rapadura até Catanduvinha, além de executar novos projetos para localidade Morro Grande e Evaristo. FOLHA: Se eleito, por qual realização gostaria de ser lembrado? CANDIDATO FERULIO: O Prefeito que junto

com uma equipe qualificada, deu a volta por cima, enfrentou a pós-pandemia cuidando das pessoas e apoiando todas as iniciativas de geração de emprego; - O Prefeito que concretizou a gestão da Santa Casa através de sua manutenção e transferência do imóvel do Hospital para a Irmandade e assim consolidou investimentos para expansão física e oferta de novos serviços, acabando definitivamente com o viés político eleitoral em torno da gestão hospitalar, que tanto já prejudicou a saúde do município; - O Prefeito que vai proporcionar uniforme para todos os alunos da rede municipal de ensino; - O Prefeito que tirou do papel e deu início no projeto da duplicação da ERS-030, que deixará nossa cidade mais bonita e com um trânsito organizado; - O Prefeito que criou o Parque Municipal de Eventos; - O Prefeito que consolidou a Feira Municipal do Produtor com novos participantes em local centralizado do município. FOLHA: Qual a sua expectativa sobre as eleições em função da pandemia? CANDIDATO FERULIO: A eleição neste ano, realmente é completamente diferente do que estávamos acostumados a vivenciar, pois o sinônimo de eleição é aglomeração, descontração, alegria coletiva, caminhadas, comícios, etc... A pandemia somente terá seu fim com a vinda da VACINA e cabe a nós tentarmos fazer o trabalho político atendendo todos os protocolos sanitários. Minha expectativa é que os eleitores tenham a real compreensão que

estamos passando por uma crise mundial. Colocar a culpa no Prefeito ou no vereador é algo simplista e desconsidera por inteiro uma questão de saúde e de economia que afeta por inteiro nosso país e o mundo. Já tivemos perdas de vidas e de atividades econômicas. Agora, já estamos em outro patamar e com a colaboração da população, podemos avançar nos demais setores ainda prejudicados como no caso de eventos e de lazer. FOLHA: Mensagem final. CANDIDATO FERULIO: Me sinto muito feliz pela receptividade da população com nossas propostas. Estamos assumindo compromissos com os patrulhenses e esperamos ganhar deles a oportunidade de governar o Município pelos próximos 4 anos, que serão muito desafiadores. Estamos preparados e queremos dar continuidade aos bons projetos da atual gestão do prefeito Daiçon. Vamos montar um governo enxuto, sem a interferência de partidos políticos, valorizando o quadro de pessoal do Município para fazer uma gestão comprometida com políticas públicas para as pessoas. Vamos trabalhar com foco na geração do emprego e renda, desde o primeiro dia do governo, mantendo o equilíbrio das contas públicas. Encerro minha mensagem com algo que carrego todos os dias comigo: Não pratico a nova e tampouco a velha política. Na verdade, gosto de praticar a política saudável que independentemente do momento histórico/político, sempre será a que renderá bons frutos para a sociedade. Abraços a todos os patrulhenses. Até dia 15!


@santacasapoa

Responsável técnico médico: Joaquim Dellamora Mello - CRM-RS 18930

Folha Patrulhense, 22 de outubro de 2020

SantaCasaPortoAlegre

TvSantaCasa

FORTES

Ana Paula Dias da Silva Enfermeira é enfermeira na Santa Casa. Com competência e afeto, ela é essencial para pacientes em tratamento do câncer de mama.

Profile for Folha Patrulhense

Edição_22102020  

Edição_22102020  

Advertisement