Page 1

1

Joinville, Araquari e São Francisco do Sul | Ano 1 - Nº 44 | 15 de Fevereiro de 2018

Críticas e bom humor no 1º Festival de Marchinha Secom PMA

São Francisco Água tratada chega ao bairro Gamboa em São Francisco do Sul PÁGINA 6

Joinville MAJ abre calendários de visitas escolares para 2018 Com a letra “Melô do aposentado”, Valério dos Passos levou o primeiro lugar. Temas como este deram o Tom deste carnaval pelo Brasil PÁGINA 5 PÁG INA 7

M c r d s

8


2 Pausa para o Café Saúde, Beleza e Equilíbrio Escrita Terapêutica

Toni Pereira

Presidente e Prefeitos hostilizados

Fotos: Divulgação

Menos desculpas para ser feliz, por favor! Em um dos últimos textos que publiquei por aqui, terminei o artigo falando a seguinte frase: “Busque sua felicidade. Talvez ela esteja dentro de você mesmo(a), e não nos outros, onde costumamos procurar.” Você já parou para pensar que na maioria das vezes acabamos projetando nos outros a responsabilidade sobre a nossa felicidade?! Por exemplo: “Eu não sou feliz porque não tenho uma casa própria... Eu não sou feliz porque não me casei... Eu não sou feliz porque os outros me fazem mal o tempo todo... Eu não sou feliz porque o meu trabalho me deixa estressada/cansada... e assim por diante. A minha felicidade, é minha responsabilidade, e de mais ninguém. Não posso culpar outra pessoa por algo que eu preciso descobrir. Aliás, a minha felicidade é algo tão grande e especial que nem que isso fosse possível, não seria justo deixar na mão de outras pessoas. Ninguém passa pelo que você passa, da mesma maneira, com a mesma visão, com os mesmos passos. Cada um sente cada coisa de uma maneira. Então quando alguém estiver sofrendo por algo, considere que este sofrimento é extremamente real, por mais que você ache que o motivo seja bobo. Pra pessoa em sofrimento pode não ser. Da mesma maneira, a felicidade de cada um está em coisas diferentes. Para alguns, a felicidade está em ter o carro do ano, para outros, a felicidade é tomar um café com as pessoas que gosta, e isso varia, conforme os passos que vamos dando na vida. Na maioria das vezes, a felicidade não está em “coisas” propriamente ditas, mas em “pequenas coisinhas”, que devemos procurar em nós mesmos. Passar a observar o dia a dia, e as pequenas coisas que nos acontecem é um ótimo exercício em busca da felicidade. Não posso culpabilizar os outros por algo que é de meu dever. Até porque, o que é bom pra mim, somente eu é que sei. Então, menos desculpas para ser feliz, e mais momentos para apreciar a vida. Amplie seu olhar, e o direcione para o que realmente é importante. Descubra a sua felicidade, olhe atentamente e você vai perceber que tem muita coisa que te deixa feliz e você nem percebe.

Keit Krelling, Psicóloga CRP12/07099

Festa do Caranguejo Quem foi se divertiu e pode saborear as delícias das iguarias... Afinal a festa está melhor a cada edição . Mas o grande público tal

qual ano passado não compareceu, talvez por ser feriado de carnaval e pelas diversas atrações na região. Uma pena.

E s t á g i o n a Pr e f e i t u r a d e J o i n v i l l e A Prefeitura de Joinville está com processos seletivos abertos para estágio remunerado em Administração, Arquitetura, Direito, Educação Física e Engenharia Civil

e para curso de nível médio de Técnico em Administração. Os editais estabelecem que os estágios não poderão exceder a dois anos. A jorna-

Pinho quer governar Está cada vez mais claro a intenção do vice ( ele assume o governo dia 16/2) Eduardo Pinho Moreira em disputar as eleições em outubro. Ele não vai medir es-

forços para fazer uma gestão “tampão” com maestria. Resta saber se ele levará consigo o Prefeito de Joinville, seu preferido ou fará uma aliança com Merisio.

A t e n ç ã o Fu n d e m a e Secretaria de Saúde O caso realmente é grave, o povo reclama com muita razão. O galpão que se localiza no Porto Grande já está se chamando “ A Casa da Dengue “ de Araquari. Prevenção é tudo minha gente.

da da atividade será de seis horas diárias, ou trinta horas semanais. Mais informações no site da Prefeitura.


GERAL 3

S e r v i ç o d e c o l e t a s e l e t i v a d e l i x o c om e ç a a operar na próxima segunda-feira, 11

A

partir da próxima segunda-feira, 11, a Única Soluções Ambientais, vencedora da licitação para coleta seletiva de lixo em Araquari, começa a operar na cidade. Inicialmente, a empresa vai disponibilizar três caminhões, 20 caçambas, um caminhão munck e 25 funcionários. O serviço será gratuito e vai atender todos os bairros do município. O contrato, com prazo de 5 anos, custará cerca de R$ 72 mil por ano, valor quase cinco vezes menor do que era gasto com o serviço na gestão anterior, que era de aproximadamente R$ 332 mil anual. Além disso, em vez de um caminhão, serão colocados dois caminhões a mais para atender o município. De acordo com Graziele Schneider, sócia-administradora da empresa, uma das novidades é que, além do serviço de coleta, as caçambas estacionárias serão grafitadas pe-

los irmãos Feitosa, talentosos artistas paulistanos que vêm ganhando espaço no cenário artístico regional e nacional com suas técnicas de grafite. “Os moradores poderão conferir a apresentação dos gêmeos no dia 7 de setembro, durante o desfile cívico que será realizado no centro de Araquari”, conta. Outra iniciativa será a criação da rede de PEVs (Pontos de Coletas Voluntárias). Nestes locais, identificados com maior concentração de casas e empresas, serão instaladas as caçambas. Os serviços ainda incluem o transbordo do lixo até a Central de Triagem de Resíduos Sólidos, que fica no bairro Jacu. O serviço vai funcionar de segunda a sábado, das 8h ao meio-dia e das 13h às 17h30, com uma média 50 localidades que serão atendidas por semana. Clique aqui e baixe o cronograma de aten-

Divulgação

dimento da coleta seletiva nos bairros.

Localidades atendidas: Segunda e quinta-feira Itinga, Manoel Maria, Santo Antônio, São Benedito, Machado Oliveira, Leodines, Elmar Hostin, São José, Elizabeth, Parati, Miquelute, Centro, Volta Redonda, Barrancos, Carolina, Benevenutti, Gustavo, Raul Gern, Mário Dunzer, São Benedito, Jardim Colina, Egon, Santa Maria, Vicente, Santa Mônica, Linguado, Areias Pequenas, Inferninho. Terça e sexta-feira Bom Jesus, Cerro Azul, Godri, Porto Grande, Airton, Thomaz, Machados, Colégio Agrícola, Ponto Alto, Corveta, Comunidade São Paulo, Morro do Jacu, Leonides. Quarta e sábado Guamiranga, R ainha, Itapocu, Barra do Itapocu, Morro Grande e Canudo.

Araquari tem representantes no Mini e Baby Miss SC 2017 Araquari conquista premiações no Festival de Dança de Florianópolis Neste sábado, 9, às 17h, PMA

na Sociedade Harmonia Lyra, em Joinville, acontece o concurso de beleza Miss e Mister SC Infantil 2017. Araquari tem duas representantes. Na categoria baby, para crianças de 3 anos, a candidata da cidade é Talia Pires de Lima, moradora do bairro Itinga. E como mini, aos 5 anos, concorre pelo município lara Beatriz Schimtt, do Porto Grande. O concurso que deve eleger as mais belas crianças do Estado é organizado pela agência Rozelia Rocha.

Os bailarinos competidores da Fundação Municipal de Cultura de Araquari encerraram neste domingo, 3, a participação no Prêmio Desterro – 8º Festival de Dança de Florianópolis. Das quatro coreografias apresentadas pelo grupo junior, duas delas conquistaram colocações. No sábado, 2, na modalidade danças populares, o duo conquistou o primeiro lugar com a coreografia “É

Folia”. Em grupo, eles conquistaram a terceira colocação com a apresentação “Toca a Zabumba e o Ganzá é o Coco que vai começar”. Araquari apresentou ainda a coreografia “Preciso te contar”, na modalidade dança contemporânea e “Em nós o nosso sonho”, do ritmo jazz. Esta é a segunda vez que a FMC participa deste festival, considerado o segundo maior festival de dança do Estado de Santa Catarina.


4 TURISMO&LAZER

C a m i n h o s d o A l t o Va l e

N

essa semana fui duas vezes no circuito turístico Caminhos da Imigração Italiana que envolve alguns municípios da região do Vale do rio Tijucas e do Vale Europeu, Canelinha, São João Batista, Nova Trento e Brusque. Fui ver de perto o que se pode fazer num dia chuvoso, já que essas cidades estão a menos de 60 km do litoral. Os atrativos são inúmeros, a dica é conhecer o Mirante da Nossa Senhora do Bom Socorro, e se estiver chovendo forte, no inicio da subida tem um museu espetacular que apresenta peças como exposição e também para venda. Se você sentir que a chuva deu uma trégua suba a montanha, a estrada é toda asfaltada e tem um amplo estacionamento na entrada do mirante, vale a vista com chuva ou com sol o lugar é sensacional. Mas antes de chegar em Nova Trento que é o centro

ali tem arte e cultura, e do lado está São João Batista, a cidade dos calçados, são vários pontos de vendas direto da fábrica. São João Batista está grudado em Nova Trento, então para quem não conhece são três cidades ligadas uma na outra. Depois de ver o museu e o mirante no Santuário da Nossa Senhora do Bom Socorro, volte alguns quilômetros bem na divisa de Nova Trento com São João Batista, lá está o endereço dos sabores e das sensações, este restaurante é em um sitio, preste atenção quando estiver na divisa das duas cidades, tem placas indicando onde é a entrada do Nona Lurdes. A comida servida num fogão a lenha como buffet é uma atração a parte desse passeio, os pratos apresentados são todos genuinamente italianos, o meu amigo Cirineu é o proprietário e costuma elaborar formas de exFotos: Marcos V. Pagelkopf

das atrações desse roteiro você irá passar por Canelinha a cidade capital da cerâmica,

periências que vão além dos sabores, você degusta vinhos, cachaças e chopp artesanal,

tudo isso acompanhado de queijos coloniais, salaminhos italianos e casca de polenta antes de iniciar a refeição, são esses sabores que marcarão sua visita no Caminhos da Imigração Italiana. Antes de seguir o roteiro a sugestão é descansar uns 30 minutos numa das redes e espreguiçadeiras que o ambiente do Nona Lurdes proporciona, outra atração são os animais que convivem com o lugar. Estando na estrada novamente, siga a Nova Trento e vá até o bairro reduto da fé catarinense, da fé dos que tem a Santa Paulina como intercessora. Foi em Vigolo que encontrei uma figura super simpática, o seu Acari, ele é proprietário do estacionamento e da Trento Cafeteria que está localizado bem em frente ao Santuário da Santa Paulina, conversei com ele sobre o ótimo ponto, privilegiado aos guias e operadores de turismo para o embarque e desembarque de passageiros, ele me contou que todos os dias no fim da tarde é servido um delicioso café com quitutes feitos na hora. No retorno outra deliciosa sugestão é dar uma paradinha na Vinícola Girola e na fabrica de chocolate. Na volta venha por Brusque que além de ser contra o fluxo do transito é a capital da moda e a sede da Havan, onde estão os melhores e mais variados preços Se você que está lendo essa postagem é morador em Santa Catarina ou turis-

mvpagelkopf@gmail.com

Marcos Vinicios Pagelkopf

ta não perca a oportunidade de sentir essas experiências e emoções, a dica é para um dia chuvoso, agora a sugestão serve como opção para qualquer dia do ano, como já relatei com chuva ou com sol o Caminhos da Imigração

Italiana é outra programação turística catarinense sensacional. Venha conhecer. Venha viver Santa Catarina. Venha sentir essas emoções e sabores.


EVENTOS

Festival

E

vento aconteceu na segunda-feira, 12, no Por tinho João Arriola, no Centro. Seis marchinhas concorreram no primeiro concurso organizado pela Escola de Música Christian Rafael de Oliveira, instituição ligada a Secretaria de Educação, em parceria com a Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer. Para concorrer, não havia indicação de tema e por isso eles foram variados. As marchinhas falaram

de

de rock, do amor por Araquari, da infância na cidade, de um araquariense carnavalesco conhecido como Juca, e de temas corriqueiros no cenário nacional como corrupção e reforma da previdência. Com a letra “Melô do aposentado”, Valério dos Passos levou o primeiro lugar. Seguido de Osni da Silva Trindade, com a letra “Querida Araquari”. No terceiro lugar, duas músicas empataram: “Tempos de Guri”, de Sanderlei da Conceição; e

5

marchinhas

“Amigo Brasileiro”, dos professores da Escola de Música. Além da premiação em dinheiro para os três primeiros colocados, R$ 800, R$ 500 e R$ 300, respectivamente, todos receberam troféus de participação. Concorreram também, João Gabriel Borth, com a letra “Saudade do Juca”, e Malu e Etc & Tal, com a marchinha “Rock no Carnaval (Carnarock de Araquari)”. A programação iniciou às 15h, com o Carnaval da

Secom PMA

Família e logo depois do concurso teve show com o grupo Só Hoje. Durante o festival, o público pode prestigiar ainda apresentações de dança dos bailarinos da Fundação Municipal de Cultura. 1o lugar: Melô do aposentado Letra: Valé rio dos passos Aposentado nunca eu vou ser, se mudar a lei, o que vou fazer. E do jeito que a coisa está , nem minha caveira vai

poder aproveitar... Tem a tal previdê ncia privada, Manoel é quem veio indicar, Fui no banco e o juro era tanto, que nem cue ca nova nunca mais eu vou comprar... Já estou trabalhando dobrado, De manhã , de tarde, à noite e madrugada E o dinheiro que eu ganho ainda é pouco pra pagar toda a minha “contarada”


São Chico

6 INFRAESTRUTURA

ASFS

Água tratada chega ao bairro Gamboa em São Francisco do Sul

A

s obras de implantação da rede de abastecimento que levarão, pela primeira vez, água tratada à região da Gamboa estão avançando e os moradores já podem solicitar o pedido de ligação. O coordenador de operações da Águas de São Francisco do Sul, Renee Chaveiro, esclarece, no entanto, que os moradores devem instalar a caixa padrão de proteção do medidor de consumo

de água ( hidrômetro), uma obrigação dos usuários. “Os usuários já podem instalar a caixa padrão da concessionária e solicitar a vistoria para solicitação da ligação de água. O pedido pode ser efetuado nas lojas de atendimento ou através do agente comercial da concessionária que atende a região”, acrescenta. A rede que vai atender 120 famílias tem dois quilômetros de extensão e será interliga-

da à adutora que abastece a praia do Ervino. A distribuição de água na comunidade é resultado de uma série de investimentos realizados pela concessionária Águas de São Francisco Sul para garantir que os moradores passem a receber água de qualidade, de acordo com padrões estabelecidos pelo Ministério da Saúde. O sistema de distribuição que será implantado garantirá o pleno abastecimento do

bairro. Conforme, Renee, os investimentos que estão sendo realizados pela concessionária no bairro representam mais um passo para atender uma demanda histórica de universalizar a distribuição de água potável aos moradores da região.

Ervino Além da adutora que vai

abastecer o Gamboa, a Águas de São Francisco do Sul está estendendo em 300 metros a rede de água potável na Rua Babitonga, na praia do Ervino, obra que beneficiará 15 famílias. Para mais informações ou dúvidas, o usuário pode entrar em contato pelo 0800 595 4444 (de telefones fixos), (47) 99234 1414 (WhatsApp), (47) 4063 9268 (de telefones celulares) e faleconosco@aguasdesfs.com.br.


GERAL 7

Subprefeituras limpam valas e rios S

u b p r e fe i t u r a s d e Joinville continuam a manutenção de regiões afetadas por enchentes em janeiro de 2018. Após o Carnaval, as ações se concentram na limpeza de rios e valas, em bairros como Jardim Paraíso, João Costa, Morro do Meio, Paranaguamirim e Vila Nova. No bairro Vila Nova, a Subprefeitura Oeste concluiu o trabalho de implantação de uma caixa de interligação de duas redes pluviais na rua Heinzi Zietz. Inundações afetaram mais de 20 famílias na rua. No Jardim Paraíso e Aventureiro, duas máquinas da

Subprefeitura Nordeste trabalham em vala próximo à rua Vulpécula e no rio do Ferro. São quase dois quilômetros de limpeza para retirada de assoreamento e prevenção de inundações. Outros três quilôme tros estão sendo limpos pela Subprefeitura Sudeste no rio Itaum-Mirim, no João Costa, em vala da rua Maria Marques Leandro (Paranguamirim) e na avenida Kurt Meinert (Morro do Amaral). No Morro do Meio, a Subprefeitura Sudoeste realiza limpeza em vala próximo à rua Pitaguras. Na zona Sul, a Subprefeitura Sul faz reparos em ruas

Fotos: PMJ

que sofreram erosão e roçada no Eixo de Acesso Sul próximo ao viaduto. ria

Fotos: PMJ

Pavimentação comunitá-

Nos bairros da Subprefeitura Centro-Norte, os trabalhos são de rotina na limpeza de bocas de lobo, roçadas e conclusão de várias ruas do programa de pavimentação comunitária, entre elas a Souza Lobo e Pavão (Costa e Silva), Borges de Medeiros (Bom Retiro) e João Krisch (Glória). Nos próximos dias serão iniciados trabalhos para pavimentação das ruas Itá e Inconfidentes (Bom Retiro).

MAJ abre calendários de visitas escolares para 2018

A partir 14 de fevereiro de 2018, o Museu de Arte de Joinville – MAJ vai iniciar o agendamento das visitas para escolas públicas e particulares. Para marcar a visita, a escola deve entrar em con-

tato com o MAJ pelo e-mail educativomaj@gmail.com, informando a data e horário de interesse. A equipe do museu retornará a mensagem confirmando a solicitação e enviando um formulário que deverá

ser preenchido e devolvido na sequência. “É imprescindível que as escolas solicitem o agendamento e aguardem a nossa confirmação. Com isso, nossa equipe pode se preparar para

atender a todos, da melhor forma”, orienta a coordenadora do MAJ, Helga Tytlik. As visitas monitoradas duram cerca de uma hora e podem ser marcadas a partir das 8 horas (horário exclusivo

para atendimentos escolares). Após conhecerem o museu, a história da casa e suas exposições, os alunos podem aproveitar os belos jardins do MAJ para o lanche ou piquenique ao ar livre.


8

COMUNIDADE

Grupo de Gestante Amor Materno está com inscrições abertas Divulgação

U

ma iniciativa do Centro de Referência de Assistência Social Esmeralda Conceição Duarte e da Unidade Básica de Saúde Nicanor Corrente, no Itinga, os encontros com as

mulheres grávidas do bairro iniciam no dia 7 de março. O Grupo de Gestante Amor Materno se reunirá todas as quartas-feiras, das 14h às 16h, no auditório do CRAS. Para participar, basta comparecer ao cen-

tro e se inscrever até o dia do início dos encontros. Não há limite de idade. O Grupo Amor Materno realiza atividades como palestras e rodas de conversas com psicólogo, assistente

social, enfermeira, dentista, nutricionista e educador físico. Os profissionais do CRAS e da Saúde se revezam a cada semana. A novidade para este ano é a inclusão de aulas de artesanato, oportunizando e incentivando

as gestantes produzirem enxovais. Haverá também distribuição de brindes. Os encontros devem acontecer durante seis meses e as vagas são limitadas. Mais informações: 34293231.

Edição 44  
Edição 44  
Advertisement