Page 1

Região Metropolitana de Joinville | Ano 4 - Nº 116 |10 de Agosto de 2018

Inaugurada a Central de Videomonitoramento PMA

A tecnologia é nossa aliada no combate a criminalidade, seja na queda dos índices de roubo, furto ou no aumento das apreensões de armas e drogas e nas abordagens.” Comentou o Capitão Vitor Hugo da Silva PÁGINA6

Negócios

São Francisco do Sul

Porto de Itapoá investe R$ 360 milhões para ampliar capacidade de movimentação PÁG INA 4

Obra no Pier do Terminal de passageiros segue em ritmo acelerado nesta semana PÁG INA 9

M c r d s

8


SOCIAL 2

10/08/2018

ROSANE MACHADO ANDRADE PROFESSORA

Inscrições gratuitas para conhecer projeto de Apadrinhamento Afetivo

dIVULGAÇÃO

Inércia interna? Hoje sentei em frente ao note para escrever um texto para minha coluna. Toda semana faço isso. Só que parece estar mais complicado escrever porque minha mente está inquieta e eu me sinto extremamente incomodada. Incomoda-me muita coisa: ainda não estar 100% de meu pé (torci-o há umas 3 semanas e rompi ligamentos), cachorros que estão em um determinado lugar (há muito tempo) correrem risco por conta de gente que nem deve ser chamada por tal nome, o descaso de criaturas acéfalas que acham que soltar fogos de artifício é celebrar, a chatice que será a caça a votos com as eleições vindouras... Sim me afeto com tudo e estou sem saco pra tudo também. A inspiração não vem nem a pau. Não adianta eu acessar o Google e ver os últimos fatos da semana, as fofocas da TV, o feminicídio ocorrido há poucos dias... Acessar a rede social é outra coisa que me dá uma preguiça absurda. Tanta gente postando uma felicidade que muitas vezes é falsa ou criticando pessoas que nem conhecem pessoalmente só pra ganharem 'likes'. Uma vez li que ser famoso no facebook é como ser rico no jogo Banco Imobiliário... não vale nada. Porque se curtidas virassem reais, todo mundo pensaria duas vezes antes de dar o seu 'like'. Haveria mais critério e um pouco mais de leitura. Hoje estou com uma inércia interna que incomoda, porque tenho muito o que fazer e a vontade de exercitar o sagrado ócio toma conta. Uma faxina pareceu providencial, mas separar roupas que eu não uso mais pra doar não foi bem sucedido: eu já havia feito isso em outra oportunidade (e bem próxima). Hoje eu correria o risco de fi car só com algumas calcinhas, porque tudo está no quesito 'incomodação'. Aí vem o capítulo pintar o cabelo. Ótimo, porque esta semana recomeçarei a lecionar. Arrumar as unhas, apesar de que desde que virei mãe de peludos não as pintei mais. Preparar os planos de aula pra semana? Sim. Oportuno, contudo rapidamente dá pra se concluir... E sobra muito mais tempo. Um tempo que parece não passar quando estamos em uma sala de espera ou sendo fiscais em algum concurso público. E aquele sono que nos acomete durante a semana e de modo inoportuno? Nem sombra. Sabe por quê? Porque hoje a gente pode dormir e muito. E os minutos passam, tenho de escrever sobre alguma coisa e a inspiração não está nem lá na esquina. Talvez semana que vem ocorra algo bem inusitado e catastrófico que me leve a escrever e fazer como meus conhecidos da rede: ser a conhecedora profunda dos fatos e discernir se concordo ou não. Sabe de uma coisa? Há uma maratona do Harry Potter na TV. Vou ali dar uma olhadinha e esquecer o mundo. Vou me embora pra Hogwarts! Lá não serei amiga do rei, mas fi ngirei que um dia possa ser possível... nem que seja em sonho!

Expediente Diretor Geral: Antônio Eduardo Pereira Contatos: direcao.folha@gmail.com Diagramação: Pedro Antônio Pereira Facebook: www.facebook.com/FMJoinville Instagram: @Grupo_folha_metropolitana WhatsApp: (47) 9 9711-1487 Artigos assinados são de responsabilidade do respectivo autor(a), não refletindo necessariamente a opinião do Jornal Folha Metropolinata

A

té o dia 15 de agosto, a Prefeitura de Joinville está com as inscrições aber tas para a palestra de divulgação do projeto Apadrinhamento Afetivo Aquarela: Colorindo a Vida Com Amor. O evento será realizado no dia 16 de agosto, das 19 às 21 horas, na Casa dos Conselhos. Tem como finalidade apresentar o funcionamento e etapas do projeto, e serve como oportunidade d e co n s t i t u i r a p r i m e i ra e t a p a d o p ro c e s s o p a r a interessados que desejam realizar o apadrinhamento. Qualquer pessoa, com idade mínima de 30 a n o s, p o d e s e i n s c re ve r gratuitamente. Basta p re e n c h e r o Fo r m u l á r i o eletrônico, e aguardar a confirmação por e-mail. O projeto é uma iniciativa do Abrigo Infanto Juvenil, da Secretaria de Assistência Social (SAS). O

apadrinhamento oferecido pelo programa é uma oportunidade de resgatar o direito da convivência familiar e comunitária de crianças e adolescentes, que estão no abrigo, não podem voltar para família de origem e também tem pouca oportunidade de adoção. O contato, geralmente, envolve um dia ou final de semana completo, passeios, férias escolares e atividades em conjunto, sem um p ra zo d e te r m i n a d o p a ra ser encerrado. Mesmo sem implicar vínculo jurídico, a relação pode perdurar até a vida adulta dos acolhidos. Atualmente, são 7 núcleos de apadrinhamento, fo r m ados p e l a c r i a n ç a e adolescente contemplado e o padrinho ou madrinha e família. De acordo com o psicólogo do Abrigo Infanto Juvenil, Gean Carlos Ramos, idealizador da iniciativa, o objetivo é conscientizar e preparar interessados

para formar novos núcleos. “ Tem sido muito bonito o resultado”, comenta Gean. Sobre o Projeto Apadr inhamento Afetivo Aquarela: Colorindo a Vida com Amor É destinado a atender c r i a n ç a s e a d o l e s ce nte s, entre 7 e 17 anos, em medida de proteção social especial, acolhidas no Abrigo Infanto Juvenil. Inspirado em outras iniciativas brasileiras com resultados positivos no convívio dos participantes com outras famílias, teve os primeiros inscritos em 2017. A função do Padrinho ou Madrinha é a de a ux i l i a r e a co m p a n h a r a vida de uma criança ou adolescente com dificuldade de adoção, sendo um ponto de apoio para a construção da identidade, para o compartilhamento de experiências, e para o enfrentamento de desafios e para a inscrição social e cultural.


GERAL 10/08/2018

3

S e r v i ç o d e c o l e t a s e l e t i v a d e l i x o c om e ç a a operar na próxima segunda-feira, 11

A

partir da próxima segunda-feira, 11, a Única Soluções Ambientais, vencedora da licitação para coleta seletiva de lixo em Araquari, começa a operar na cidade. Inicialmente, a empresa vai disponibilizar três caminhões, 20 caçambas, um caminhão munck e 25 funcionários. O serviço será gratuito e vai atender todos os bairros do município. O contrato, com prazo de 5 anos, custará cerca de R$ 72 mil por ano, valor quase cinco vezes menor do que era gasto com o serviço na gestão anterior, que era de aproximadamente R$ 332 mil anual. Além disso, em vez de um caminhão, serão colocados dois caminhões a mais para atender o município. De acordo com Graziele Schneider, sócia-administradora da empresa, uma das novidades é que, além do serviço de coleta, as caçambas estacionárias serão grafitadas pe-

los irmãos Feitosa, talentosos artistas paulistanos que vêm ganhando espaço no cenário artístico regional e nacional com suas técnicas de grafite. “Os moradores poderão conferir a apresentação dos gêmeos no dia 7 de setembro, durante o desfile cívico que será realizado no centro de Araquari”, conta. Outra iniciativa será a criação da rede de PEVs (Pontos de Coletas Voluntárias). Nestes locais, identificados com maior concentração de casas e empresas, serão instaladas as caçambas. Os serviços ainda incluem o transbordo do lixo até a Central de Triagem de Resíduos Sólidos, que fica no bairro Jacu. O serviço vai funcionar de segunda a sábado, das 8h ao meio-dia e das 13h às 17h30, com uma média 50 localidades que serão atendidas por semana. Clique aqui e baixe o cronograma de aten-

dimento da coleta seletiva nos bairros.

Localidades atendidas: Segunda e quinta-feira Itinga, Manoel Maria, Santo Antônio, São Benedito, Machado Oliveira, Leodines, Elmar Hostin, São José, Elizabeth, Parati, Miquelute, Centro, Volta Redonda, Barrancos, Carolina, Benevenutti, Gustavo, Raul Gern, Mário Dunzer, São Benedito, Jardim Colina, Egon, Santa Maria, Vicente, Santa Mônica, Linguado, Areias Pequenas, Inferninho. Terça e sexta-feira Bom Jesus, Cerro Azul, Godri, Porto Grande, Airton, Thomaz, Machados, Colégio Agrícola, Ponto Alto, Corveta, Comunidade São Paulo, Morro do Jacu, Leonides. Quarta e sábado Guamiranga, R ainha, Itapocu, Barra do Itapocu, Morro Grande e Canudo.

Araquari tem representantes no Mini e Baby Miss SC 2017 Araquari conquista premiações no Festival de Dança de Florianópolis PMA

Divulgação


NEGÓCIO

10/08/2018

4

Porto de Itpoá inaugura sua ampliação

Investimento de R$ 360 milhões amplia capacidade de movimentação para 1,2 milhão de TEUs/ ano e gera mais de 300 empregos Fotos: Porto de Itapoá

A

tento a demanda nacional de infraestrutura portuária segura, ágil e eficiente, o Porto Itapoá, que começou a operar em 2011 no Norte de Santa Catarina, acaba de inaugurar as obras de sua primeira fase de expansão, dobrando a capacidade de movimentação para 1,2 milhão de TEUs/ano. As obras de ampliação incluíram 100 mil m² adicionais de pátio, 170 metros de píer e totalizaram investimento de R$ 360 milhões. “A expectativa é de que a capacidade instalada de 1,2 milhão de TEUs/ano seja completamente utilizada até o fim de 2019, período em que as novas vagas serão preenchidas”, destaca Cassio Schreiner, diretor presidente do terminal. O e ve nto, q u e o co rreu no dia 9/8, contou com a presença de mais de 500 pessoas e foi realizado já na nova área do pátio. Para Cassio a inauguração é um passo essencial para o crescimento do terminal, que terá mais uma fase de expansão. “No futuro, prevemos chegar a uma capacidade de 2 milhões de TEUs.” Com a nova configuração, o Porto Itapoá passa a ter 250 mil m2 de pátio, 800 metros de píer e conta com 6 portêineres, somando uma das maiores capacidades instaladas de movimentação de contêineres do Sul. Atua com cargas que têm como origem ou destino Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná,

São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Paraguai. Segundo levantamento da ANTAQ (Agência Nacional de Transportes Aquaviários), no primeiro quadrimestre de 2018, Itapoá foi o quinto terminal em movimentação de contêineres. O Porto Itapoá também se destaca pelos índices de produtividade e agilidade. “Trabalhamos com um dos melhores índices de MPH (Movimentos Por Hora) do País, com recordes que chegam a mais de 150 MPH.

Além disso, nossos indicadores de liberação de cargas

também tem sido um dos mais ágeis dentre os portos

brasileiros”, enfatiza o diretor presidente.


5

10/08/2018


SEGURANÇA

10/08/2018

6

I n au g u r a ç ã o d a C e nt r a l d e Videomonitoramento de Araquari

Fotos: PMA

Notícia da Câmara de Vereadores de Araquari Em Araquari, Câmara e Prefeitura serão obrigadas a transmitir sessão de licitação pela internet Em breve, as sessões de licitações públicas do Legislativo e Executivo serão transmitidas ao vivo e disponibilizadas na internet. A iniciativa do projeto de lei do vereador Jeferson Dias da Silva (Keko) foi aprovado, na sessão do dia 7 de agosto, por unanimidade. Conforme o projeto, será contemplada a transmissão on-line, via internet, de todas as licitações, sendo que a gravação em áudio e vídeo terão que ser disponibilizadas na internet em até 48 horas após cada sessão de licitação. Na opinião do vereador proponente, Jeferson Dias da Silva (Keko), o projeto vai dar ainda mais publicidade aos atos praticados pela Administração Pública, assegurando à população a possibilidade de acompanhar e fiscalizar sua legalidade. Keko justifica explicando que a Constituição Federal, em seu artigo 37, caput, elenca exemplificativamente os cinco princípios basilares da Administração Pública: legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência. "Vivemos um momento em que o combate a corrupção se faz necessário. Este projeto vem colaborar para a maior fiscalização dos dois poderes municipais", destaca o vereador. O projeto já foi encaminhado ao Poder Executivo

N

o início de maio, Araquari fez parte dos noticiários por conta de uma série de assaltos que resultou em uma criança baleada, no bairro Porto Grande, em Araquari. Nessa ocorrência, uma aliada na investigação, de acordo com a Polícia Militar da cidade, foi imprescindível. A câmera de monitoramento instalada no bairro, no mês anterior, colaborou no processo de prisão dos suspeitos. Somado a outros nove, o equipamento faz parte da Central de Videomonitoramento Urbano, inaugurada nesta quarta-feira, 8. Araquari é um dos 115 municípios contemplados com o projeto Bem-te-vi, de iniciativa da Secretaria de Segurança Pública de Santa Catarina e em parceira com as prefeituras. Durante a cerimônia de inauguração, o prefeito de Araquari Clenilton Carlos Pereira falou sobre os investimentos já feitos pela Prefeitura para a Polícia Militar neste ano, como a aquisição de duas motos, e anunciou novas ações. “Nós vamos licitar em breve a compra de mais 20 câmeras de segurança, e ainda neste ano vamos adquirir um veículo para a PM. Sabemos que seguran-

ça pública é dever do Estado, mas enquanto governo municipal não podemos fechar os olhos. Precisamos garantir aos araquarienses a tranquilidade de morar em um lugar seguro.” Em quatro meses de funcionamento, a Central já trouxe resultados positivos para o município, de acordo com o comandante da 2ª Companhia do 27º Batalhão de Polícia Militar de Araquari, o capitão Vitor Hugo da Silva. “A tecnologia é nossa aliada no com-

bate a criminalidade, seja na queda dos índices de roubo, furto ou no aumento das apreensões de armas e drogas e nas abordagens.” A cerimônia de inauguração também contou com a presença do secretário de Segurança Pública do Estado de Santa Catarina Alceu de Oliveira Pinto Júnior. Segundo ele, ainda neste ano, companhias de todo o Estado devem receber novas viaturas e Araquari também será contemplada.


7

GERAL

10/08/2018

Iniciada a da Praça

Q

uem passar pela “Praça Multiuso” do bairro Itinga, já vai conseguir ver a obra de revitalização em andamento. Alguns elementos como a trave de proteção da quadra e os equipamentos da Academia da Melhor Idade foram retirados e ao longo da obra, outros objetos também sairão do local para que seja realizado o serviço. A obra começou essa semana e tem o objetivo de trazer mais qualidade aos moradores que utilizam os equipamentos da Praça Multiuso do Itinga, localizada na Rua Rio

obra de revitalização Multiuso do Itinga

Tocantins, ao lado do Centro de Educação Infantil Marise Travasso. O investimento será de mais de R$130 mil de recursos próprios e a obra prevê a reestruturação do playground. “Alteramos o layout da área do playground, ampliando os espaços para a instalação dos equipamentos de qualidade superior, semelhantes aos que estão na Praça Central”, explica Simoní Costa, arquiteta da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. Os equipamentos da Academia da Melhor Idade tam-

bém serão realocados no espaço que receberá ainda pavers para deixar o piso com melhor qualidade. Na pista de skate será realizada a colocação de corrimão, cimento alisado no piso e pintura do mesmo. Já na quadra poliesportiva, o cidadão pode esperar um novo alambrado, pintura da quadra e colocação de novos equipamentos como traves e há também previsão de colocação de rede de vôlei. O projeto também prevê um estacionamento e calçada ao lado da Escola Municipal Francisco Jablonsky. “O estacionamen-

to vai auxiliar o ônibus escolar, que embarca e desembarca alunos no local, dando mais segurança para as crianças”, conta a arquiteta. Novas luminárias também estão previstas na revitalização da praça e da quadra. Assim como a inserção de lixeira,

bancos e pinturas de todos os equipamentos existentes. A obra deve ser concluída em 90 dias após o início. O projeto foi idealizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e a execução segue acompanhada pela Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão. Fotos: PMA

Prefeitura inicia atualização cadastral de contribuintes; neste ano 22% não receberam o carnê de IPTU Só neste ano, mais de cinco mil carnês de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), dos mais de 23 mil emitidos, deixaram de ser entregues. Entre os motivos, estão informações incompletas no cadastro do contribuinte, como endereço inexistente ou incorreto. Para dar mais comodidade no momento do morador ficar em dia com o Município, a Prefeitura inicia nesta semana, o processo de atualização cadastral. O primeiro bairro contemplado será o Itinga. Todos os contribuintes, ou seja, moradores deste bairro que tenham um imóvel devem comparecer à Subprefeitura do Itinga,

localizada às margens da rodovia A 280 A, das 8h às 12h e das 13h às 17h, até o dia 28 de setembro. Os documentos necessários para a atualização cadastral são: RG, CPF, comprovante de residência atual, registro do imóvel ou contrato de compra e venda. De acordo com a Secretaria de Administração e Finanças, neste ano, a inadimplência atingiu 46%, totalizando mais de R$ 2 milhões em parcelas em aberto. Esse dinheiro, somado aos valores arrecadados com o ISS (Imposto Sobre Serviço) e ITBI (Imposto de Transmissão de Bens Imóveis), são os chamados recursos próprios, que, conforme a legislação,

são destinados, entre outros investimentos, à Educação (35%) e à Saúde (20%). A secretária da pasta, Marilda Barbosa, ressalta a importância de o cidadão manter as contas em dia com a Prefeitura, para garantir a manutenção dos serviços. Além disso, Marilda alerta ainda para a obrigação do pagamento deste imposto. “O IPTU está previsto no código tributário e é dever de todo morador fazer o pagamento. A não entrega do carnê nas casas não significa que não há dívida.” Novos serviços da Subprefeitura do Itinga Desde maio, a Prefeitura

ampliou serviços ofertados pelo Setor de Tributação e passou a oferecer atualização cadastral; retirada de carnês de IPTU; abertura de protocolos de requerimentos e orientação quanto a posturas e alvarás, para obras ou empresas; na sede da Subprefeitura do Itinga. O serviço de solicitação para isenção da taxa de lixo, antes

feito anexo ao Cadastro Único, também foi transferido para a Subprefeitura, em julho. No local, uma assistente social trabalha no cadastro e em visitas domiciliares destinadas a comprovação para isenção das taxas de IPTU e coleta de lixo. Mais informações: (47) 3438-4257.


PONTO DE VISTA

10/08/2018

8

Qual "Ser" teria coragem de envenenar tantos cães� Fotos: Maria Brasil

O

lá,

Nos Balneários da Enseada – Praia da Enseada (São Francisco do Sul), Prainha – Praia da Saudade (Prainha) – São Francisco do Sul (SC) Praia Grande – Praia Grande – São Francisco do Sul (SC) até as minhas últimas informações, estão ocorrendo muitos envenenamentos de CÃES, não li ou ouvi informações que estejam ocorrendo essas atrocidades em outras regiões(espero que não). Mais tenho que colaborar com a região onde moro, mesmo que eu não tenha ca-

tes e sem uma reação positiva, por isso nós moradores clamamos por uma AÇÃO mais CONTUNDENTE a respeito dos fatos ocorridos. É lamentável que são poucos os que tem o envolvimento direto nessas Ações em relação aos pobres ANIMAIS que não tem como se defender desta atitude maligna que é a morte dos pobres CACHORROS ou CADELAS! Esta POSTAGEM gente, é para gerar um DESPERTAR em todos nós, precisamos reagir e divulgar essas informações, via Rede Social – Facebook , WhatSapp, Instagram e todos os meios de comunicação que pudermos compartilhar, gerando um ALERTA GERAL! Sendo o CÃO o melhor Amigo do Homem, porque este Ser (pode ser qualquer sexo) tem esta falta de AMOR e RESPEITO para com eles? Vou ficar na torcida, e chorro e sim Aves Calopsitas. Há uma semana atrás, soube da mortandade ou melhor dizendo, assassinato de vários cães de grande porte em nossa região, que possivelmente foram eliminados de forma venenosa e covarde por um Ser que não sei se poderemos chamar de “humano”!!! É muito triste e desolador imaginar que próximo a nós possa estar convivendo ou não alguém que não goste, ou por qualquer outra razão não queira estes animais vivos. É importante observar nesta postagem que não falo

sobre eleições, sobre política direta, quero despertar nas autoridades competentes uma ação que termine com essa matança JÁ! Se prestarmos atenção poderemos observar que sim, este texto tem muito a ver com política e com o envolvimento direto de nosso Poder Executivo no que tange a Segurança Pública em nossa cidade. Não é só o extermínio de inúmeros cães que estou falando, é também do roubo em muitas casas de veraneio, estão sendo invadidas por meliantes, ficamos impoten-

muito ATENTA, para esses fatos relevantes, que não é admissível de forma alguma simplesmente porque eu não tenho cão, passe ignorando tal bestial atitude. Espero sinceramente que aconteçam reações positivas para acabar com esses riscos com os CACHORROS ou CADELAS! Contamos mais uma vez com a boa vontade da Polícia Militar e do Poder Executivo no Setor que lhe compete. VA M O S F I C A R D E OLHO…Se observarmos ações estranhas acontecendo próximo a nossa casa aonde existem cães de grande porte, que chamemos a atenção dos donos e principalmente da Polícia Militar! Até a próxima!

MARIAH BRASIL


9

SÃO FRANCISCO DO SUL

10/08/2018

Início com Últ imas et apas da obra do píer do Terminal de Passageiros estão andamento

F

oram instaladas ontem (08) as últimas peças de laje do píer do Terminal Marítimo de Passageiros, localizado no Centro Histórico. Na próxima semana, a previsão é de que seja iniciada a concretagem do píer. Após essas duas etapas, segundo a Secretaria de

Infraestrutura, Urbanismo e Integração (Seinfra), a parte de infraestrutura do novo espaço estará finalizada e serão iniciados os acabamentos e a colocação dos mobiliários urbanos. O píer contará com 50 metros de extensão e terá condições para atracação de

Fotos: PMSFS

embarcações de pequeno e médio porte, o que facilitará a chegada dos “tenders”, utilizados pelos navios de passageiros. Também, poderá ser utilizado pelo fluxo turístico de visitantes, escunas e outros transportes que fazem o trajeto ilha-continente.

C o n s e l h o Mu n i c i p a l d e t u r i s m o é r e a t i v a d o Prefeitura segue com a revitlização U m n o v o m o m e n t o e histórico-culturais. do, e o Conselho vem para nas passagens de nível do município

para a economia local começa a ser traçado, com o desenvolvimento de políticas públicas municipais voltadas para o fomento da atividade turística, a partir da visão estratégica e planejada como modelo de negócio. A primeira reunião foi de apresentação, para os representantes não governamentais que irão compor o Conselho. A gerente, Jamille Machado Douat, fez uma exposição sobre as diretrizes e linhas gerais que irão nortear os trabalhos. Como ponto de partida, está o desafio para a qualificação do setor e em transformar São Francisco do Sul numa destinação reconhecida pelo imenso valor de seus atrativos ambientais

Para o secretário Marco Arzua, a pretensão é a de colocar o turismo em outro patamar: “Nosso objetivo é o de alavancar o turismo como mola propulsora para a economia local. Temos plena consciência desse potencial e para que tal realidade venha a se concretizar é necessário primeiramente planejar, para que possamos estabelecer a infraestrutura adequada, com organização e serviços de qualidade para ofertar ao turista”, ressaltou Arzua. “É importante que as pessoas entendam que a partir de agora começamos a dar os primeiros passos para que o turismo francisquense seja profissionaliza-

referendar esse anseio. Vale ressaltar que o COMTUR estava desde 2011 desativado e que, com a sua retomada, queremos que o trade turístico e suas entidades representativas colaborem e participem”, enfatizou o prefeito Renato Gama Lobo. A reunião também contou com a presença do secretário de Turismo, Cultura e Esporte de Santa Catarina e presidente da Santur, Valdir Rubens Walendowsky, que falou sobre a importância da atividade no Estado: “Santa Catarina é protagonista do turismo internacional no Brasil, pois recebe o maior número de estrangeiros. A atividade representa 12% do PIB do Estado”, disse.

A Prefeitura segue realizando a revitalização de mais duas passagens de nível da linha férrea do Município. A obra na Rua Coronel Oliveira, próximo à escola Felipe Schmidt, já está quase concluída. Ontem (09), foram realizados os trabalhos nas calçadas da Coronel Oliveira, já com o trânsito liberado, e o início das manutenções na Rua Augusto Afonso dos Santos, na descida do colégio Adventista. A previsão é de que hoje (10) inicie o asfaltamento próximo as passagens de nível nas duas vias. Após isso, será

realizada a sinalização viária e o término das calçadas acessíveis. O trânsito na Rua Augusto Afonso dos Santos será liberado no fim do dia. A ação é uma parceria entre a Prefeitura e a empresa Rumo.

Edição 116  
Edição 116  
Advertisement