Page 5

cidade

Sábado, 25 de Janeiro de 2014

Cabeleireiro é morto no Tranquilidade Da ReDação - O cabeleireiro Gilson Antônio de Oliveira, 47, foi morto na manhã de ontem com diversos tiros, dentro de seu salão na Rua Cabo Antônio Pereira da Silva, no Jardim Tranquilidade. Nenhum suspeito ainda foi identificado. Foi registrado no Setor de Homicídios de Guarulhos (SH) que dois homens entraram no salão da vítima e atiraram “diversas vezes” contra ela. Oliveira foi ferido na cabeça, peito, braços e costas. Segundo apurado pela reportagem, foram disparados ao menos oito tiros contra a vítima. Os motivos para o assassinato são investigados pelo SH. Oliveira não tinha antecedentes criminais.

descarga elétrica de raio mata pintor na avenida Tiradentes alfReDo HenRique - O

pintor Gledson Olímpio Evangelista, 22, morreu ontem após ser atingido pela descarga elétrica de um raio e cair de uma altura de aproximadamente oito metros, na esquina da Avenida Tiradentes com a Rua Roberto Tadeu Fornasari, conhecida como Rua do Cano. Ele não usava equipamentos de segurança na hora do acidente. O primo da vítima, Fábio Evangelista Almeida, presenciou o momento em que Gledson foi atingido. “Ele estava do meu lado e veio o clarão e depois o barulho”, relata. A vítima caiu de rosto após o rolo de tinta que ele usava receber a descarga elétrica. Segundos após a queda de Gledson, dois policiais de

5

FOTOS: SilviO CéSar

Acidente - Pintor trabalhava durante o temporal de ontem quando caiu de uma altura de cerca de 8 metros

folga e duas enfermeiras que passavam pelo local prestaram os primeiros socorros. “Demorou meia hora para o Samu [Serviço de Atendimento Móvel de Urgência] chegar para atender o rapaz”, afirma o ajudante Edinaldo Raimundo Bezerra.

Homem morreu dentro de ambulância Profissionais do Samu tentaram por cerca de uma hora reanimar o pintor. Além de massagem cardíaca, injetaram adrenalina nele e também usaram um desfibrilador (que tenta reanimar, com choques,

o coração da vítima). Apesar dos esforços, Gledson morreu dentro de uma ambulância do Samu. Ele não era casado nem tinha filhos. O corpo dele foi encaminhado ao Hospital Municipal de Urgências.

Folha Metropolitana 25/01/2014  

Folha Metropolitana - o jornal de Guarulhos

Folha Metropolitana 25/01/2014  

Folha Metropolitana - o jornal de Guarulhos

Advertisement