Page 1

25 DE NOVEMBRO DE 2013

25 DE NOVEMBRO SEGUNDA-FEIRA

BA1 1

S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7 S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7

2013ANO 10 nºDE 1057,

R$SEGUNDA-FEIRA 2,00

nº 1057, ANO 10 R$ 2,00

A história é composta por fatos, e a de Wenceslau Braz, que completa 78 anos de emancipação política nesta terça-feira (26), tem dois elementos que foram primordiais tanto para a fundação do município quanto para seu progresso: a linha férrea e a chegada de imigrantes árabes. Como forma de homenagear o aniversário da cidade sede da Folha Extra, o jornal traz um pouco destes dois fatos que são diretamente responsáveis pela existência do município. ESPECIAL FOLHA EXTRA - PÁGINAS A2 e A3

Espaço Chico, antigo pátio da estação ferroviária, de um lugar abandonado foi transformado em área de lazer para os brazenses. Ao fundo, a plataforma da antiga estação ferroviária

ESCOLAS

GRANDE NOITE

Moacyr se Rematrícula começa na rede apresenta neste sábado estadual Familiares ou responsáveis legais pelos alunos que já frequentam a rede estadual de educação devem ir, até sexta-feira (29), à escola confirmar se vão manter os estudantes na mesma escola.

Cantor será a principal atração do evento em comemoração aos 10 anos da Folha Extra, em Wenceslau Braz. Praticamente todas as quase 70 mesas colocadas à disposição pela organização foram vendidas.

PÁGINA B4

PÁGINA A4

FOTO: ALCEU JUNIOR - FOLHA EXTRA

COM HERANÇA DA LINHA FÉRREA E IMIGRAÇÃO ÁRABE, WENCESLAU BRAZ COMPLETA 78 ANOS NO CORAÇÃO DO PARANÁ


A2

Wenceslau B pela linha férre

A

história do início de Wenceslau Braz boa parte de quem mora na cidade já conhece (com a chegada de Joaquim Miranda iniciando um povoado de onde passaria as linhas férreas do Ramal do Paranapanema por volta de 1915, em 1935 o local foi emancipado a município e etc.), mas o que muitas vezes passa despercebido são alguns dos fatores que serviram como propulsores para o desenvolvimento do antigo Patrimônio Novo Horizonte. E nesse quesito, duas questões foram fundamentais para que um dos últimos povoados surgidos no Norte Pioneiro viesse a se transformar no sexto maior município desta região: o próprio trem, motivo do início do povoado, e a chegada de imigrantes árabes. Enquanto o Ramal do Paranapanema chegou a Wenceslau Braz em 1919 e trouxe consigo todo o progresso que a linha férrea proporcionava na época, os imigrantes árabes, por sua vez, começaram a chegar por estas terras na década de 20 e, com seu tino para o comércio, foram diretamente responsáveis por gerar empregos e fortalecer de forma imprescindível a economia local.

Por Lucas Aleixo e Mariane Souza

Atual Hamburgão - Rua Barão do Rio Branco

FOTOS ANTIGAS: AGRADECIMENTOS A ALTAIR FERREIRA DOS SANTOS (TAICO) E MÁRIO CESAR V. DOS SANTOS - TRICK ARTE DO TREM: LUIZ CARLOS FERREIRA

B2

SEGUNDA-FEIRA,25 DE NOVEMBRO DE 2013 - EDIÇÃO 1057 S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7

Na véspera de completar 78 anos de emancip pela influência determinante que a chegada

A força que veio das arábias Tentar resumir a história dos imigrantes árabes em Wenceslau Braz em uma simples matéria seria impossível, porém a tentativa aqui é de mostrar a importância que estas pessoas tiveram e ainda têm para o município. Muitos nomes mereceriam ser citados, mas um, em especial, deveria fazer parte de todos os livros de história de Wenceslau Braz. Trata-se de José Elias, o primeiro libanês a chegar ao município e responsável pela posterior imigração de muitos conterrâneos. Muito graças a este homem sobrenomes como Dabul, Michel, Ayubi, Fayad, Mafton, Saad, Andraus e tantos outros, além do próprio Elias e Jorge, ambos descendentes de José Elias, se instalaram em Wenceslau Braz. Vindo do Líbano em um navio cargueiro, trabalhou como mascate por anos e deu início a um pequeno império em Wenceslau Braz. Seu filho Jorge, o primeiro trazido por ele, deu continuação nas atividades do pai e ainda hoje é facilmente percebida pelo centro de Wenceslau Braz algumas das heranças destes libaneses. Pelo menos meia dúzia de prédios carregava a inscrição J. Elias, e alguns deles (inclusive com os dizeres) continuam em pé. No entanto, não são apenas

os prédios erguidos com o nome J. Elias que marcaram época. O empreendedorismo de Jorge Elias contribuiu diretamente para o desenvolvimento do município e o fortalecimento de sua economia. Para se ter um ideia, foi dele o primeiro supermercado de todo o Norte Pioneiro, fundado na década de 60. Além disso, Jorge Elias foi responsável, em parceria com seu pai e familiares, por vários outros comércios na cidade, como de roupas, grãos e armazéns que vendiam de tudo um pouco, que vieram bem antes do supermercado. E claro que a já citada economia brazense tem muito a agradecer aos árabes – inclusive ainda hoje, já que muitos dos comércios e prédios atuais são heranças daqueles que migraram para cá em busca de prosperidade (e conseguiram, na grande maioria dos casos). Em cada segmento comercial existe um sobrenome ou uma herança deste povo. Até naquilo que não existe mais, como no caso dos cinemas, a genética é árabe. “Somando todos os negócios, a família chegou a ter mais de 80 funcionários”, conta Maria Lucia Santos Jorge, viúva de Evaristo Jorge e nora de Elias Jorge. “Eram pessoas que amavam Wenceslau Braz e deram o sangue pra fazer desse lugar uma cidade melhor”,

conta. De acordo com ela as primeiras construções de grande porte da cidade foram feitas pelos árabes, assim como os primeiros grandes caminhões, no caso da família Elias e que serviam para transportar aquilo que a família vendia em seu comércio atacadista. “O primeiro pegue-pague fomos nós que tivemos, antes as compras eram feitas por quilo”, relembra Maria Lucia. O supermercado citado por Maria Lucia ficava onde hoje funciona a lanchonete Hamburgão, que tem como pro-

prietários dois netos de Jorge Elias. “Wenceslau Braz deve muito aos árabes, que praticamente construíram o centro da cidade e montaram os comércios que geraram empregos e até hoje geram. Foi uma história de muito trabalho e esforço que todos os descendentes têm orgulho”, conta José Elias, um dos proprietários da lanchonete e batizado com o nome daquele que deu origem a tudo isso.


ESPECIAL

B A3 3

S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7

Braz: desenvolvimento ea e imigrantes árabes

pação política, Wenceslau Braz tem aqui parte de sua história contada da linha férrea e dos imigrantes árabes trouxeram para a cidade

Os trilhos do progresso Da vasta região do Norte do Paraná, a primeira a ser colonizada foi à região compreendida entre os rios Itarabé, Tibagi e Paranapanema, por essa razão passou a chamá-la como Norte Velho ou Norte Pioneiro. Nessa época o café era produzido em quantidades expressivas, através de frentes migratórias, e essa grande produção de café foi um dos principais motivos para a criação do Ramal Paranapanema, que exportava o produto por meio de trens. Com 152 quilômetros de extensão a linha ferroviária ia de Jaguariaíva, nos Campos Gerais, a Ourinhos no estado de São Paulo e levou 18 anos

para ser construída. De acordo com informações contidas no livro “História do Paraná” do historiador Ruy Christovam Wachowicz, a construção dava uma arrancada e parava, tinham os desmaios, como era chamado, ou seja, foram 8,4 km de ferrovia construídos por ano. Considerada a cidade do entroncamento das linhas que vinham e partiam para Ourinhos (no caso o Ramal do Pa-

ranapanema) e Ibaiti (Ramal da Barra Bonita), Wenceslau Braz teve sua estação inaugurada em primeiro de janeiro de 1919, construção que se deve ao agricultor Joaquim Miranda. O Ramal do Paranapanema, infinitamente mais importante que seu “vizinho” não beneficiava a comarca de São José da Boa Vista – nesse ano Wenceslau Braz não era emancipado – e Joaquim Miranda viu a possibilidade de bons negócios com a passagem dos trilhos pelo município, passando a residir no local, entretanto ele fixou moradia entre os municípios de São José e Tomazina, onde hoje se localiza Wenceslau Braz, pouco tempo depois foi instalado na mesma localidade o acampamento de serviços da construção da ferrovia, sendo inaugurada alguns anos posteriores, com Luiz Pereira como seu primeiro agente ferroviário. Lauro Farias dos Santos, barbeiro brazense, era quem cuidava da estética dos trabalhadores ferroviários com uma barbearia instalada na estação. “Eu atendia diariamente cerca de 30 homens que trabalhavam com as máquinas. Foram 25 anos trabalhando e rece-

bendo pessoas que trabalhavam na linha, ali conheci muita gente, pessoas que vieram de outros lugares só pra trabalhar com as máquinas”. Lauro explicou que no total passavam por Wenceslau Braz cerca de 30 máquinas divididas em trem de carga e de passageiros. “Lembro-me bem de dois trens de passageiros. Um que vinha de Jaguariaíva passava por aqui e ia pra Outrinhos/SP e outro que fazia o caminho de retorno. Tinha também os ônibus noturnos e os cargueiros, eram muitas máquinas correndo a todo vapor”. O barbeiro relembrou que a estação era extremamente movimentada, já que na época não tinham caminhões para fazer

o transporte de cargas, então o único meio de transporte era o trem, que levava de tudo um pouco. “Eram vagões que carregavam desde carvão, até gado”. O movimento dos trens acabou caindo por conta da intensidade de curvas no trajeto, que perfazia toda a linha de ferro, entretanto seu Lauro assegura que a principal causa do acontecimento foi que o governo municipalizou as máquinas, ou seja, passaram a ser responsabilidade das prefeituras. “O que visavam as prefeituras era o lucro que o ramal trazia, mas com o tempo o fluxo diminuiu e não era mais viável continuar com

eles em funcionamento, então acabaram tirando de linha”. O último trem de passageiros do Ramal Paranapanema rodou em junho de 1979, contudo os cargueiros continuaram a trafegar até 2001, quando foram suspensos pela ALL (América Latina Logística), empresa que faz inspeções com trens. Atualmente, em Wenceslau Braz, a antiga estação ferroviária transformou-se em área de lazer. Espaço utilizado para a realização de festas, prática de atividades físicas e esportes para os moradores locais. No entanto, há possibilidade da estação brazense voltar a funcionar, com intuito de passeio turístico, perfazendo trajeto até Jaguariaíva, de ida e volta.


SE EG GU UN ND DA A -- F FE E II R RA A ,, 2 25 5 D DE E N NO OV VE EM MB BR RO O D DE E 2 20 01 13 3 -- E E D. D. 1 10 05 57 7 S

destaque

BA44

10 ANOS DA FOLHA EXTRA

Ícone da MPB, Moacyr Franco se apresenta neste sábado Cantor será a principal atração do evento em comemoração aos 10 anos da Folha Extra LuCas aLeIXO Wenceslau Braz

O tão esperado show de Moacyr Franco em comemoração aos 10 anos de fundação do jornal Folha Extra acontece no próximo sábado (30), no Point Clube, em Wenceslau Braz. O artista, um dos mais completos em atividade no Brasil (é ator, cantor, compositor, humorista e escritor), trará a Wenceslau Braz aquilo que tem de melhor em termos de banda e repertório. As exigências para atender a qualidade sonora dos músicos que tocam com Moacyr Franco

foi grande e o resultado deve ser uma qualidade sonora digna de grandes espetáculos. Já o repertório, composto por mais de 20 músicas, terá os grandes sucessos de Moacir Franco, seja os que fizeram sucesso na sua voz, seja canções que fizeram sucesso com outros artistas. Além disso, quem também marcará presença é o seu reconhecido carisma, que faz verdadeiros shows tanto pelo seu talento quanto pela sua empatia com o público, sempre presenteado com uma interação muito grande com o artista. O público, por sua vez, fez sua parte. Praticamente todas as quase 70 mesas colocadas à disposição pela organização foram vendidas – e boa parte desse número logo nos primeiros dias de vendas. Pessoas de praticamente todos os municípios vizinhos de Wenceslau Braz confirmaram presença no evento, além de alguns vindos de mais longe, inclusive de cidade como Ponta Grossa, Curitiba e Estado de São Paulo.

Cantor, compositor, humorista e escritor, Moacyr trará a Wenceslau Braz aquilo que tem de melhor em termos de banda

DIVULGAÇÃO

10 anos da folha extra O aniversário de 10 anos da Folha Extra merecia um show de grande porte, como será este. Afinal de contas, em meio a diversos veículos de comunicação que surgiram na região na última década, o jornal, mais do que sobreviver, se consolida

como um dos grandes nomes do meio jornalístico de todo o norte do Paraná. O jornal, fundado com o nome de Jornal do Paraná, e posteriormente rebatizado, veio para suprir a ausência de um veículo de comunicação genuinamente

brazense, mas que trabalhasse de forma competente em todo Norte Pioneiro. Com o passar dos anos veio o aprimoramento do veículo, que hoje é conhecido por reportagens diferenciadas, fugindo do mero factual e primando pelo resgate da história e cultura regionais além da valorização do

ser humano. Desta forma, a Folha Extra investiu pesado para comemorar sua primeira década de existência, marcada por dificuldades, mas também por superação. Mais do que 10 anos de fundação, comemora-se a consolidação de uma marca.


S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7

B5

OPINIÃO

COMIDA CASEIRA DE SABOR ÚNICO

Adolescência e Mentira Por CLAUDIA PEDROZO

Pedagoga especializada em Gestão Escolar e formada em psicanálise clínica

P

Esta semana estava aguardando (infinitamente!) para ser atendida numa consulta e matava o tempo folheando uma revista feminina quando deparei-me com uma mãe que pedia socorro a um especialista, relatando que tem uma filha pré-adolescente que mente demais, segundo a mãe, a garota é compulsiva, mente por qualquer coisa. A mãe relatava já ter passado por vários estágios da raiva à piedade, mas a situação só se agravava. Foi dura, bateu, gelou, castigou, privou de tudo que é prazeroso, fez chantagem emocional, elogiou, premiou e… nada, a menina continua mentindo, e mesmo quando é “desmascarada”, age como se tivesse sendo vítima da maior injustiça do mundo, dizendo que faz o que faz para ajudar os outros, para não magoar ninguém e que sofre com as atitudes injustas dos pais ou age como se nada tivesse acontecido, embora fique num monólogo apontando justificativas e injustiças. Num determinado momento da queixa a mãe diz que a compara com o irmão mais novo que não mente. Os pais estão com medo dela se tornar uma criança de má índole, estão arrasados, não encontram uma solução, não sabem o que fazer. A mãe reforça que a filha é maravilhosa e o que a estraga

é a mania de mentir. Sente que a filha precisa de ajuda, conta que a garota é muito fechada e que por mais que tente, esta não se abre com ela. Termina afirmando que cuidar de filhos não é fácil! Coincidentemente ( Jung não acredita em coincidências, mas sim em sincronicidade, tipo Lei da Atração!) no mesmo dia uma colega me falou sobre o mesmo

Para muitos pais perceber que o filho mente compulsivamente pode despertar um sentimento de ter fracassado na educação de valores que a família tentou passar para ele. Nem sempre isso é uma verdade. Nem tampouco é sempre mentira! Há casos e casos e cada um é um! Nos educamos pelos exemplos, nossos valores são construídos

quências negativas, insegurança, pressão social, ganhos ou patologicamente. Quando crianças, mentimos para não sermos punidos. Na infância, até os cinco, seis anos a criança não consegue distinguir claramente a realidade da fantasia, a partir dos sete anos aproximadamente, ela já sabe o que é mentira e a usa em “beneficio

Aprendemos desde pequenos que mentir é errado. Informação dada não significa valor introjetado. Deste modo ouvir que mentir é errado e não mentir de modo algum ao longo da vida são ações distintas. Não é porque ouvimos que fazemos. problema com o filho e sugeriu que eu escrevesse algo sobre o assunto. Bem, vou tentar! Muitas são as questões que a mãe da revista traz. Podíamos fazer a psicanálise selvagem analisando uma série de coisas, mas vamos nos ater à questão da mentira na adolescência. Aprendemos desde pequenos que mentir é errado. Informação dada não significa valor introjetado. Deste modo ouvir que mentir é errado e não mentir de modo algum ao longo da vida são ações distintas. Não é porque ouvimos que fazemos.

com base nos valores e atitudes de nossa família e nos da sociedade em que vivemos. A mentira está presente em nossas vidas. Muitas vezes a achamos “necessária”, logo perdoada, muitas vezes a condenamos, logo reprimimos. Na sociedade moderna a mentira é tão frequente que já se banalizou. Encontramos mentirinhas e mentimos muitas vezes ao dia, em diferentes situações sociais. Fazemos um elogio mentiroso, damos desculpas esfarrapadas ou mentimos descaradamente por mil razões: medo das conse-

próprio”. Na adolescência mentimos para sermos aceitos e amados, para atender ao desejo de fazer o que queremos e a realidade de atender ao que esperam de nós. Mentir é estratégia comum entre os adolescentes para conseguir fazer coisas que sabem que não serão aprovadas pelos pais. Crianças/adolescentes com superego rígido (censura) podem se tornar mentirosos compulsivos ao descobrirem que a mentira sacia a curiosidade dos pais ou os ajuda a serem aceitos e valorizados pelas pessoas, em especial

por outras crianças/adolescentes Na vida adulta mentir é uma forma de se preservar, de não ter que assumir responsabilidades por algo que não deu certo. Está presente em muitos mecanismos de defesa que usamos cotidianamente: na atuação (quando nos passamos por algo que não somos, mas que os outros (ou nós mesmos) gostariam que fossemos, na idealização (quando nos mostramos de forma idealizada, que não corresponde com a realidade), na intelectualização (quando usamos a inteligência para criar argumentos que justifiquem condutas que sabemos não serem condizentes com nossos valores, mas que lá no fundinho desejamos), na racionalização (quando fazemos “caquinha” e usamos argumentos lógicos para explicar o que fizemos, nos isentando da responsabilidade da escolha), por exemplo.Ao mentir podemos ser “anjo” – mentir para agradar – ou “demo” mentir para poder receber algo em troca. A mentira está presente em pessoas normais ou pessoas com problemas sérios como Neuroses e Psicoses. Nos estados neuróticos, a mentira surge devido a incapacidade de enfrentarmos desejos recalcados e que se encontram no inconsciente ou por problemas de baixa autoestima Nos estados limite, chamados

Borderline, a mentira revela a falta de barreiras externas que regulem o comportamento do indivíduo. Esta situação decorre geralmente de uma educação feitas por pais muito repressivos ou demasiadamente permissivos. Na Psicose a mentira está presente nos delírios. O psicótico acredita piamente nos delírios por ele criados para fugir da realidade, do sofrimento que a realidade lhe impõe. O hábito de mentir compulsivamente pode ser também uma patologia conhecida por Mitomania. Neste caso a mentira é como um vício, o mentiroso é dependente emocional da mentira, ele é incapaz de se controlar, quando vê a mentira já foi contada e para mantê-la mente mais e mais. Esta patologia causa muito sofrimento e a terapia é uma saída para enfrentar o problema.

Comente o artigo http://issuu.com/ folhaextra


S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7

B6

ESPECIAL

MEMÓRIA

A história de Wenceslau Braz através de fotos V ários momentos, uma história. Várias imagens, uma cidade. E nesta página, diferentemente do que acontece na rotina de um jornal, os textos darão vez para fotografias, que por si só terão a “missão” de trazer um pouco da história de Wenceslau Braz. Desta forma, esta página foi reservada para que o leitor pudesse ver pelas fotografias o desenvolvimento e evolução do município, com imagens de grandes marcos para Wenceslau Braz, como a inauguração da caixa d’água, por exemplo, e dos primeiros comércios e prédios públicos da cidade.

Construção da igreja matriz

Hotel Comerial

Restaurante do Zé Passarinho, rua 7 de Setembro, próximo ao Hotel Comercial

Prefeitura em 74, atual secretaria de educação

Inauguração caixa d'água - Sanepar

Viaduto da Rua Pedro Boiczuck

Local tradicional que recebia circos e parques, onde hoje existe a rodoviária municipal

Fórum Wenceslau Braz, atual Mercado Móveis


S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7

ESPECIAL

B7

MEMÓRIA

Mais história de Wenceslau Braz através de fotos Rua 7 de setembro - açougue Maria Benner

história do início de Wenceslau Braz boa parte de quem mora na cidade já conhece (com a chegada de Joaquim Miranda iniciando um povoado de onde passaria as linhas férreas do Ramal do Paranapanema por volta de 1915, em 1935 o local foi emancipado a município e etc.), mas o que muitas vezes passa despercebido são alguns dos fatores que serviram como propulsores para o desenvolvimento do antigo Patrimônio Novo Horizonte.

Esquina do campo Ferroviário, antigo posto de combustível

Ginásio na década de 50 e 60, abaixo do banco Itaú na rua Barão do Rio Branco

Fórum W. Braz, em frente ao cartório Gil

Arredores da estação na década de 40 Clube Recreativo

Esquina da Rua Paraná com Expedicionários

Rua Engenheiro Brandão


S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7

B8

GERAL

EDUCAÇÃO

Começa rematrícula nas escolas estaduais do Paraná A segunda fase da matrícula, de 2 a 6 de dezembro, atende a alunos da rede municipal (5º ano) que entrarão na rede estadual (6º ano) e alunos do 9º ano que vão entrar na 1ª série do ensino médio; A última etapa, de 9 a 13 de dezembro, atende a alunos que estão fora da escola e pretendem voltar a estudar, além de alunos da rede particular que pretendem ingressar na rede pública ou alunos vindos de outros municípios ou estados DIVULGAÇÃO

AEN

Começa nesta segunda-feira (25) a semana da rematrícula para o ano letivo de 2014 nas escolas estaduais do Paraná. Familiares ou responsáveis legais pelos alunos que já frequentam a rede estadual de educação devem ir, até sexta-feira (29), à escola confirmar se vão manter os estudantes na mesma escola ou se desejam a transferência. “A continuidade dos estudos na rede pública de educação do Paraná é feita automaticamente. No entanto, os responsáveis pelos alunos devem comparecer às escolas para assinar a rematrícula e garantir a vaga para o ano que vem”, diz a diretora de Informações e Planejamento da Secretaria de Estado da Educação, Vanda Dolci Garcia. Alunos com mais de 18 anos podem assinar a própria rematrícula. A segunda fase da matrícula, de 2 a 6 de dezembro, atende a alunos da rede municipal (5º ano) que entrarão na rede estadual (6º ano) e alunos do 9º

Prazo para as rematrículas vão até a próxima sexta-feira

Mais 360 profissionais para área da saúde são convocados pelo Estado AEN

O governador Beto Richa (PSDB) autorizou semana passada o chamamento de 360 profissionais aprovados em concursos públicos para a área da saúde. São três editais de convocação para avaliação médica (228, 229 e 230/2013) que foram publicados quinta-feira (21) no Diário Oficial do Estado e no site da coordenadoria de processos seletivos da Universidade Estadual de Londrina (www.cops.uel.br). Este é o maior chamamento de profissionais de saúde já realizado nos últimos dois anos no

Paraná e vai reforçar o quadro próprio de servidores de hospitais, regionais de saúde e outras unidades da Secretaria estadual da Saúde. “Temos o compromisso de melhorar o atendimento em saúde em todas as regiões do Estado e isso passa pela contratação de novos profissionais”, destacou. Richa explica que o Paraná está investindo pesado na área da saúde e isto se reflete no orçamento estadual que destinou cerca de R$ 3,2 bilhões para a pasta somente neste ano. “Esses recursos estão traduzidos na contratação e qualificação de profissionais, construção, reforma, ampliação e custeio de

hospitais e unidades de saúde, além da aquisição de novas ambulâncias para a frota dos municípios”, afirmou o governador. Toda essa política que está sendo implantada pelo Governo do Estado está baseada na reestruturação dos serviços públicos de saúde, com mais recursos humanos, estrutura e equipamentos. Desde 2011, 1.499 servidores da saúde já foram nomeados pelo governador Beto Richa. Desta vez, o Estado está convocando médicos (clínicos gerais, pediatras, médicos do trabalho, cardiologistas, ginecologistas, infectologistas, intensivistas, psiquiatras), enfermeiros,

odontólogos, psicólogos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, assistentes sociais, bioquímicos, nutricionistas, biólogos, arquitetos, engenheiros, economistas, analistas de sistema, técnicos de enfermagem, técnicos em segurança do trabalho, técnicos e auxiliares administrativos, técnicos de laboratório, bibliotecários, telefonistas, inspetores de saneamento, auxiliares operacionais e motoristas. Os profissionais convocados deverão entregar os exames médicos admissionais e fazer a avaliação médica no dia 2 de dezembro. Esta fase do processo seletivo tem caráter obrigatório

ano que vão entrar na 1ª série do ensino médio. O mesmo caso vale também para as escolas de Educação Básica na modalidade de Educação Especial e escolas conveniadas para o ano de 2014. Vanda lembra ainda que os prazos são importantes para que a Secretaria planeje com antecedência as ações do próximo ano. “As matrículas estão atreladas a uma série de ações que precisam ser feitas para o bom funcionamento das escolas, principalmente a distribuição de aulas e a infraestrutura. Com esse planejamento antecipado, alunos, professores e funcionários saem ganhando”, disse. A última etapa, de 9 a 13 de dezembro, atende a alunos que estão fora da escola e pretendem voltar a estudar, além de alunos da rede particular que pretendem ingressar na rede pública ou alunos vindos de outros municípios ou estados. Em todos esses casos é preciso comparecer em uma escola estadual no período estipulado para solicitar a matrícula.

DIVULGAÇÃO

e, por isso, a ausência na avaliação médica acarretará a eliminação automática do candidato. Os locais da avaliação médica em cada região estão detalhados nos editais de chamamento.

Se forem considerados aptos para exercer suas funções, os aprovados serão nomeados pelo governador Beto Richa ainda em dezembro e começarão a trabalhar logo em seguida.


S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7

SEXO Mais sexo: como fazer o gato transpirar Achar que ele tem mais vontade de transar que você é um clichê do passado. Nem sempre ele está no clima e acaba mais a fim de assistir um filme na TV. VOCÊ QUER MAIS? Em uma pesquisa realizada com 1.124 mulheres, entre 22 e 37 anos, revelou que 85% delas já tiveram uma fase no relacionamento na qual quiseram mais sexo que o parceiro. Antes do pânico (ele não me ama mais?), avalie motivos e circunstâncias na queda do ritmo. MOTIVOS Nem sempre a queda na frequência que vocês transam significa uma crise no relacionamento. Leve em consideração que fatores como stress, remédios e cansaço podem afetar a libido dele. EM VEZ DE... Comprar uma lingerie provocante e andar pela casa como se fosse, assim, supernormal cozinhar só de calcinha fio-dental vermelha. FAÇA... Uma mulher confiante e feliz atrai muito mais um homem maduro do que uma peça de roupa. Tenha uma atitude positiva e faça de tudo para estar de bem consigo mesma. Isso vai fazê-lo reparar mais em você. EM VEZ DE... Arrastar o gato para o motel. E exigir que ele faça os gastos e as horas lá renderem, na marra. FAÇA... Que tal passarem um fim de semana em uma praia ou cidade que ele não conhece? Assim a cobrança por sexo não fica nítida e ele ainda aproveita para relaxar, caso o que venha afetando seu apetite seja reflexo de algum atrito no trabalho.

DIVAS

PASSATEMPO

Leandra Leal faz “vaquinha” para filmar vida de travestis célebres do Brasil

CRUZADAS DA FOLHA WENCESLAU BRAZ 78 ANOS

O documentário "Divinas Divas" é um projeto seu que nasceu há três anos e que pretende retratar a vida e obra de oito artistas pioneiras: Rogéria, Jane Di Castro, Waléria, Camille K, Fujika de Halliday, Eloína dos Leopardos, Marquesa e Brigitte de Búzios DAS AGÊNCIAS

A atriz Leandra Leal está enfrentando dificuldades para conseguir patrocínio para rodar seu primeiro filme. O documentário "Divinas Divas" é um projeto seu que nasceu há três anos e que pretende retratar a vida e obra de oito artistas pioneiras: Rogéria, Jane Di Castro, Waléria, Camille K, Fujika de Halliday, Eloína dos Leopardos, Marquesa e Brigitte de Búzios. Elas foram os primeiros homens que se travestiram de mulher nos palcos cariocas nos anos 1960, quando o Brasil vivia sob a rígida ditadura militar. Além da comemoração aos dez anos do espetáculo, que está em cartaz no Rio de Janeiro, algumas das divinas divas também estão completando 50 anos de carreira. Para conseguir os R$ 100 mil que faltam para a finalização do projeto. Leandra, que fará sua estreia como diretora, resolveu apelar para um expediente cada vez mais comum, até nos Estados Unidos, que tem uma indústria cinematográfica forte: o "crowd funding". A prática é um tipo de "vaquinha" virtual em que interessados em financiar o projeto podem doar de R$ 20 a R$

5.000 e, ainda, ganhar prêmios, como assistir ao show de dez anos e, assim, participar do filme, vídeos de agradecimentos das divas, entre outros. "Eu sou muito apaixonada por elas e achei que seria muito fácil de viabilizar esse projeto. Eu nem gosto de ficar me prendendo na questão do gênero, porque elas são muito talentosas e a história de vida delas é incrível. Elas não se vitimizam, apesar de todas as dificuldades que passaram na vida", disse a atriz, que atribui a falta de patrocínio ao preconceito com o tema. "Tive justificativas bem escorregadias. Eu tive perto de vários 'sim' que se converteram em 'não'. Sempre bem escorregadios. E eu fui identificando um preconceito bem velado, porque esse filme trata de dois tabus, que infelizmente ainda são tabus no Brasil, que é a questão de gênero e a questão da idade, e as marcas não querem se associar a isso." Apesar das negativas, o projeto da atriz, que logo se tornará diretora, foi selecionado para o workshop do Tribeca Film Festival, um dos festivais de cinema independente mais conhecidos do mundo. No entanto, a entidade não financia o documentário. Por isso, quem quiser participar da vaquinha, deve acessar o site http://benfeitoria.com/divinas e fazer sua doação.

Documentário de Polanski sobre Fórmula 1 estreia depois de 40 anos DIVULGAÇÃO

EM VEZ DE... Fazer carícias íntimas no carro enquanto vocês vão para a casa dele depois de um jantar - aquele em que você abusou do vinho tinto para "tomar coragem". FAÇA... Demonstre mais carinho e afeto, espere a reação do cara e, aí sim, avalie se é hora de dar um passo além - e, por favor, quando estiverem a sós e em um lugar com privacidade.

O cineasta franco-polonês de 80 anos tinha praticamente esquecido do filme de bastidores de 1971, que detalhava um fim de semana passado com o amigo Stewart enquanto o piloto campeão tentava vencer seu segundo Grande Prêmio de Mônaco

EM VEZ DE... Contar que aquela sua amiga revelou que o namorado não está mais dando no couro.

DAS AGÊNCIAS

FAÇA... Fala sério! Se nem você mesma acredita nessa mentira em forma de indireta, por que ele cairia? Com carinho e jeitinho, diga que reparou que ele tem andado mais na dele, cansado, sério e que quer saber o que está deixando-o assim para ajudá-lo a sair dessa.

B9

"Weekend of a Champion", um documentário sobre o piloto britânico de Fórmula 1 Jackie Stewart, passou despercebido por cerca de 40 anos, até que o laboratório cinematográfico de Londres que o armazenava fechou e perguntou a seu produtor, Roman Polanski, o que fazer com o filme. O cineasta franco-polonês de 80 anos tinha praticamente esquecido do filme de bastidores de 1971, que detalhava um fim de semana passado com o amigo Stewart enquanto o piloto campeão tentava vencer seu segundo Grande Prêmio de Mônaco. "Foi um acidente, um puro acidente",

disse Polanski, diretor de filmes como "O Bebê de Rosemary" e o oscarizado "O Pianista", sobre redescobrir o documentário. "Olhei o filme e gostei dele depois de 40 estranhos anos e decidi que lhe daria uma nova vida", disse Polanski aos repórteres em Nova York, via Skype, de Paris. Polanski fugiu dos Estados Unidos em 1978, temendo que fosse passar anos na cadeia por uma condenação de delito sexual, e nunca voltou. O documentário teve uma divulgação limitada na Inglaterra e na Alemanha em 1972, mas nunca foi exibido nos Estados Unidos. Com a aprovação de Stewart, Polanski reeditou o filme, que foi mostrado no Festival de Cinema de Cannes no início deste ano e será lançado nos cinemas norte-americanos na sexta-feira (22).

1) Colégio católico localizado na rua Expedicionários; 2) Santo padroeiro de Wenceslau Braz; 3) Primeiro nome que Wenceslau Braz recebeu ao ser fundada; 4) Banda de rock brazense conhecida em todo o Estado; 5) Município localizado a Oeste de Wenceslau; 6) Espaço de lazer construído a pouco tempo para prática de atividades físicas, esporte e festas; 7) Quantos anos Wenceslau Braz está completando? 8) Cineasta e pintor brazense criador de três filmes; 9) Igreja localizada no centro da cidade; 10) Nome do prefeito atuante em Wenceslau Braz na década de 60; 11) Um dos imigrantes colonizadores do município; 12) Faculdade brazense, localizada na vila Getúlio Vargas; 13) Nome da rodovia que passa por Wenceslau Braz.

Palavras cruzadas (Kurupira CrossWord) K u r u p i r a C r o s s W o r d

w w w . k u r u p i r a . n e t

01) COLÉGIO CATÓLICO LOCALIZADO NA RUA EXPEDICIONÁRIOS 02) SANTO PADROEIRO DE WENCESLAU BRAZ 03) PRIMEIRO NOME QUE WENCESLAU BRAZ RECEBEU AO SER FUNDADA 04) BANDA DE ROCK BRAZENSE CONHECIDA NO NORTE PIONEIRO 05) MUNICÍPIO LOCALIZADO A OESTE DE WENCESLAU BRAZ 06) ESPAÇO DE LAZER CONSTRUÍDO HÁ POUCO TEMPO PARA PRÁTICA DE ATIVIDADES FÍSICAS, ESPORTE E FESTAS 07) QUANTOS ANOS WENCESLAU BRAZ ESTÁ COMPLETANDO 08) CINEASTA E PINTOR BRAZENSE CRIADOR DE TRÊS FILMES 09) IGREJA LOCALIZADA NO CENTRO DA CIDADE 10) NOME DO PREFEITO ATUANTE EM WENCESLAU BRAZ NA DÉCADA DE 60 11) UM DOS IMIGRANTES COLONIZADORES DO MUNICÍPIO 12) FACULDADE BRAZENSE, LOCALIZADA NA VILA GETÚLIO VARGAS 13) NOME DA RODOVIA QUE PASSA POR WENCESLAU BRAZ

Respostas: 1) SÃO TOMAZ DE AQUINO; 2) SÃO SEBASTIÃO; 3) NOVO HORIZONTE; 4) PATRIA FÚRIA; 5) TOMAZINA; 6) ESPAÇO CHICO; 7) SETENTA E OITO ANOS; 8) LEOZINHO; 9) MATRIZ; 10) LAURO CARNEIRO; 11) ÁRABE; 12) FACIBRA; 13) PARIGOT DE SOUZA

SOBRE

VARIEDADES

PREVISÃO ASTRAL

ÁRIES (21 MAR. A 20 ABR.) Tensões entre interesses e preocupações familiares e intimas e obrigações de trabalho, junto ao chefe - um dia delicado, pra você se mover com cuidado. Se perder a paciência pode criar mais tensão ainda. Atenda os dois polos de cada vez.

LIBRA (23 SET. A 22 OUT.) Librianos estão no meio de um fogo cruzado astral hoje. Por causa dele, precisam redobrar atenções. Você está disposto a cuidar melhor dos seus interesses e metas externas, sociais, profissionais. A pressão vem de casa, no sentido contrário.

TOURO (21 ABR. A 20 MAI.) Lua e Júpiter passam o dia todo juntinhos, somando forças a favor da expansão de seu conhecimento, favorecem também os relacionamentos e a troca de informações. Tudo bem carregado de emoção e sentimento. Confrontos éticos.

ESCORPIÃO (23 OUT. A 21 NOV.) Seus sonhos podem esclarecer caminhos hoje. Confie neles como faróis num dia difícil. Confie no que sentir, suas emoções o levarão ao lugar certo. Intuição certeira sobre assuntos legais, jurídicos.

GÊMEOS (21 MAI. A 20 JUN.) Com o emocional coletivo bem carregado à sua volta, você é dos poucos que ainda consegue manter a cabeça fria, pra enxergar todos os lados no embate. A força da lei versus a força do habito é uma briga e tanto pra você encarar hoje.

SAGITÁRIO (22 NOV. A 21 DEZ.) Alerta vermelho astral nas finanças hoje, com a flutuação de interesses de clientes e a pressão de dívidas tirando seu sono. Boa opção é investir em imóveis, mas terá de fazer isto sozinho, sem sociedade com ninguém. Tudo na discrição...

CÂNCER (21 JUN. A 21 JUL.) Com a Lua ainda em seu signo, a diretiva mais importante é manter o cuidado com a saúde, atendendo as suas necessidades físicas e emocionais. A pressão que vem na direção contrária é grande, terá de atender algumas urgências externas.

CAPRICÓRNIO (22 DEZ. A 20 JAN.) Sedução, charme, poder.. cuidado hoje com isso! São instrumentos que podem, sim, levar seu parceiro a fazer o que é contrário a ele próprio, mas o resultado é triste. Respeite as medidas do outro e suas necessidades. Como você iria julgar?

LEÃO (22 JUL. A 22 AGO.) Saúde e trabalho, rotina e necessidade de ser mais livre e menos pressionado por demandas de todo tipo - este é o tom geral desta 5ª feira delicada. Razão e emoção em dissonância trazem chance também de entender algo obscuro, tente.

AQUÁRIO (21 JAN. A 19 FEV.) A maneira como você gera riqueza e estabilidade está mudando. Lentamente, mas está; coisa pra anos adiante. Mas em alguns momentos, como hoje, pequenos passos na direção certa reforçarão sua segurança futura.

VIRGEM (23 AGO. A 22 SET.) Você conta com bons apoios hoje, através de sua energia focada em objetivos claros, e mais cuidado com detalhes, angaria atenção e apoio de entidades. Amigos reforçam suas decisões. Trabalho em equipe tem ótimo resultado, vá fundo.

PEIXES (20 FEV. A 20 MAR.) Estabilidade emocional com Lua e Saturno em acordo, sinal de bom ritmo e aceitação da realidade. Você está com força total para expressar o que sente. Ótimo contato com amigos, camaradinhas, perfeito dia pra dar o seu melhor na área da comunicação.


S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7

WENCESLAU BRAZ PREFEITURA MUNICIPAL DE WENCESLAU BRAZ ESTADO DO PARANÁ HOMOLOGAÇÃO e ADJUDICAÇÃO REF.: Pregão Presencial – Registro de Preço n° 66/2013 OBJETO: “Seleção de propostas, visando ao registro de preços de Cesta Básica Alimentar, destinadas a Secretaria de Assistência Social”. Face ao contido no Parecer, do Departamento Jurídico, homologo o presente procedimento licitatório e a Pregoeira Municipal Adjudica seus Objetos a proponente: S.T. DOS SANTOS & CIA LTDA. Wenceslau Braz - Pr, em 22 de novembro de 2013. Atahyde Ferreira dos Santos Junior Prefeito Municipal

Mônica de Oliveira Pregoeira Municipal

PREFEITURA MUNICIPAL DE WENCESLAU BRAZ - PR EDITAL DE HABILITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO DA PROPOSTA REF: PREGÃO PRESENCIAL 68/2013 A pregoeira comunica aos interessados no fornecimento do objeto do pregão presencial nº 68/2013, que após a análise e verificação da proposta e documentação apresentada pelas proponentes, decidiu habilitar e classificar: Nº. Proponente Item Valor unitário 01 Mundicar Comercio de Veiculos Ltda - Me 1 R$ 49.800,00 Wenceslau Braz-Pr, 21 de novembro de 2013. Mônica de Oliveira. Pregoeira Municipal

JABOTI

PREFEITURA MUNICIPAL DE JABOTI CNPJ: 75.969.667/0001-04 Praça Minas Gerais - Paço Municipal - Fone/fax: (0xx43) 3622-1122 CEP: 84.930-000 - Jaboti – Paraná DECRETO 44/2013

Dispõe sobre abertura de Crédito Adicional Suplementar no orçamento geral do município para o exercício de 2013. O Prefeito Municipal de Jaboti, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, e em conformidade com a Lei Municipal nº 20/2012 de 04 de dezembro de 2012, D E C R E T A: Art. 1o - Fica aberto no orçamento geral do exercício de 2013, um crédito adicional Suplementar, no valor de R$ 117.500,00 (Cento e Dezessete Mil, e Quinhentos Reais) conforme especificação a seguir:

JABOTI 3.500,00 05.002; ENSINO INFANTIL; Abertura 12.365.0404.2019; MERENDA ESCOLAR; Excesso de Arrecadação - Real - Vinculado 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 1191; 00118; BB - MERENDA ESCOLAR F: 118 C/C 29439-X 07; SAUDE; Acréscimo; 2.000,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.301.0616.2026; PAB FIXO; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 1480; 00495; Atenção Básica 07; SAUDE; Acréscimo; 4.400,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.301.0616.2027; MANUTENÇÃO SUS/AIH; Excesso de Arrecadação Real - Livre 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 1530; 00495; Atenção Básica 07; SAUDE; Acréscimo; 1.500,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.301.0616.2028; PROGRAMA INCENTIVO BUCAL; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 1610; 00495; Atenção Básica 07; SAUDE; Acréscimo; 1.000,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.301.0616.2029; PROGRAMA SAUDE DA FAMILIA - PSF; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 1700; 00495; Atenção Básica 07; SAUDE; Acréscimo; 12.500,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.301.0616.2029; PROGRAMA SAUDE DA FAMILIA - PSF; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.39.00.00; OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA JURÍDICA 1740; 00495; Atenção Básica 07; SAUDE; Acréscimo; 1.500,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.301.0616.2030; PROG. AGENTES COMUNIT. DE SAÚDE; Excesso de Arrecadação-Real - Livre 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 1820; 00495; Atenção Básica

04; VIACAO E OBRAS PUBLICAS; Acréscimo; 3.000,00 04.001; SECRETARIA DE OBRAS E SERVIÇOS PUBLICOS; Abertura 26.782.0301.2013; ROYALTIES; Anulação 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 700; 00504; Outros Royalties e Compensações Financeiras e Patrimoniais não Previdenciárias

07; SAUDE; Acréscimo; 500,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.301.0616.2030; PROGR. AGENTES COMUNIT. DE SAÚDE; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.39.00.00; OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA JURÍDICA 1840; 00495; Atenção Básica

05; EDUCACAO; Acréscimo; 8.000,00 05.001; ENSINO FUNDAMENTAL; Abertura 12.361.0401.2016; SALÁRIO EDUCAÇÃO; Anulação 4.4.90.52.00.00; EQUIPAMENTOS E MATERIAL PERMANENTE 940; 00107; Salário-Educação -_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-__-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_-_

07; SAUDE; Acréscimo; 8.000,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.301.0616.2031; MANUT. FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE; Excesso de Arrecadação - Real - Vinculado 3.3.70.41.00.00; CONTRIBUIÇÕES 1940; 00303; Saúde - Receitas Vinculadas (E.C. 29/00 - 15%)

03; ADMINISTRACAO E FINANCAS; Acréscimo; 500,00 03.001; ASSESSORAMENTO SUPERIOR; Abertura 04.123.0202.2004; MANUT. ADMINISTRAÇÃO E FINAN ÇAS; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.70.41.00.00; CONTRIBUIÇÕES 270; 00000; Recursos Ordinários (Livres) 03; ADMINISTRACAO E FINANCAS; Acréscimo; 2.000,00 03.001; ASSESSORAMENTO SUPERIOR; Abertura 04.123.0202.2004; MANUT. ADMINISTRAÇÃO E FINAN ÇAS; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.14.00.00; DIÁRIAS - PESSOAL CIVIL 280; 00000; Recursos Ordinários (Livres)

07; SAUDE; Acréscimo; 5.000,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.301.0616.2031; MANUT. FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 1980; 00000; Recursos Ordinários (Livres) 07; SAUDE; Acréscimo; 1.000,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.301.0616.2031; MANUT. FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.36.00.00; OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA FÍSICA 2020; 00000; Recursos Ordinários (Livres)

03; ADMINISTRACAO E FINANCAS; Acréscimo; 10.000,00 03.001; ASSESSORAMENTO SUPERIOR; Abertura 04.123.0202.2004; MANUT. ADMINISTRAÇÃO E FINAN ÇAS; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.39.00.00; OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA JURÍDICA 330; 00000; Recursos Ordinários (Livres)

07; SAUDE; Acréscimo; 21.700,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.301.0616.2031; MANUT. DO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.39.00.00; OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA JURÍDICA 2060; 00000; Recursos Ordinários (Livres)

03; ADMINISTRACAO E FINANCAS; Acréscimo; 1.000,00 03.001; ASSESSORAMENTO SUPERIOR; Abertura 04.123.0202.2004; MANUT. ADMINISTRAÇÃO E FINAN ÇAS; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.47.00.00; OBRIGAÇÕES TRIBUTÁRIAS E CONTRIBUTIVAS 360; 00000; Recursos Ordinários (Livres)

07; SAUDE; Acréscimo; 3.000,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.302.0616.2032; MANUTENÇÃO DO CISNORPI; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.70.41.00.00; CONTRIBUIÇÕES 2170; 00303; Saúde - Receitas Vinculadas (E.C. 29/00 - 15%)

04; VIACAO E OBRAS PUBLICAS; Acréscimo; 5.000,00 04.001; SECRETARIA DE OBRAS E SERVIÇOS PUBLICOS; Abertura 15.782.0301.2011; MANUTENÇÃO OBRAS E SERVIÇOS PÚBLICOS ; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 570; 00000; Recursos Ordinários (Livres)

07; SAUDE; Acréscimo; 300,00 07.002; FUNDO MUNCIPAL DE SAÚDE; Abertura 10.304.0616.2033; VIGILANCIA SANITARIA; Excesso de Arrecadação Real - Livre 3.3.90.36.00.00; OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS - PESSOA FÍSICA 2200; 00497; Vigilância em Saúde

04; VIACAO E OBRAS PUBLICAS; Acréscimo; 4.500,00 04.001; SECRETARIA DE OBRAS E SERVIÇOS PUBLICOS; Abertura 26.782.0301.2013; ROYALTIES; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 700; 00504; Outros Royalties e Compensações Financeiras e Patrimoniais não Previdenciárias

08; ASSISTENCIA SOCIAL; Acréscimo; 1.000,00 08.002; FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTENCIA SOCIAL; Abertura 08.242.0605.2037; PTMC - APOIO AO PORTADOR DE DEFIC- PPD; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.50.43.00.00; SUBVENÇÕES SOCIAIS 2480; 00000; Recursos Ordinários (Livres)

05; EDUCACAO; Acréscimo; 3.000,00 05.001; ENSINO FUNDAMENTAL; Abertura 12.361.0401.2017; TRANSPORTE ESCOLAR; Excesso de Arrecadação - Real - Vinculado 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 970; 00116; BB FNDE/PNATE 15016-9

08; ASSISTENCIA SOCIAL; Acréscimo; 13.000,00 08.002; FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTENCIA SOCIAL; Abertura 08.244.0605.2038; MANUT. FUNDO MUNICIP. ASSIST. SOCIAL; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.50.43.00.00; SUBVENÇÕES SOCIAIS 2510; 00000; Recursos Ordinários (Livres)

05; EDUCACAO; Acréscimo; 600,00 05.001; ENSINO FUNDAMENTAL; Abertura 12.361.0401.2018; MANUT. ENSINO FUNDAMENTAL; Excesso de Arrecadação - Real - Livre 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 1090; 00103; 5% sobre Transferências Constitucionais FUNDEB

Total............................. R$ 117.500,00

05; EDUCACAO; Acréscimo;

B 10

EDITAIS

Art. 2º - Os recursos destinados a cobertura de créditos adicional suplementar de que trata o artigo primeiro, decorrerá do cancelamento de dotações orçamentárias, no valor de R$ 11.000,00 (Onze Mil Reais), previsto na Lei Federal 4.320/64, artigo 43, parágrafo 1º, inciso III, conforme especificação a seguir: 05; EDUCACAO; Anulação; 8.000,00

05.002; ENSINO INFANTIL; Abertura 12.365.0404.2020; MANUTENÇÃO DO ENSINO INFANTIL; Anulação 4.4.90.51.00.00; OBRAS E INSTALAÇÕES 1290; 00107; Salário-Educação 10; AGRICULTURA; Anulação; 3.000,00 10.001; AGRICULTURA; Abertura 20.601.0702.2045; PATRULHA AGRÍCOLA; Anulação 3.3.90.30.00.00; MATERIAL DE CONSUMO 2980; 00504; Outros Royalties e Compensações Financeiras e Patrimoniais não Previdenciárias Total................................................................. R$ 11.000,00 Art. 3º - Os recursos destinados a cobertura de créditos adicional suplementar de que trata o artigo primeiro, decorrerá do excesso de arrecadação, no valor de R$ 106.500,00 (Cento e Seis Mil, e Quinhentos Reais), previsto na Lei Federal 4.320/64, artigo 43, parágrafo 1º, inciso II, conforme especificação a seguir: Receitas 1.1.1.2.08.01.00.00; ITBI - DO EXERCÍCIO CORRENTE AO QUINTO EXERCICIO ANTERIOR; 6.000,00 1.7.2.1.01.02.00.00; COTA-PARTE DO FUNDO DE PARTICIPAÇÃO DOS MUNICÍPIOS; 92.000,00 1.7.2.1.35.99.01.00; TRANF. FNDE MERENDA ESCOLAR F: 118 C/C 29439-X; 3.500,00 1.7.6.1.02.01.02.00; TRANSF.CONV.PROG.NAC.T.ESCOLAR-PNATE F: 116; 3.000,00 1.9.3.1.11.01.00.00; RECEITA DA DIVIDA ATIVA IPTU - EXERC CORRENTE AO QUINTO ANT; 2.000,00 Total.................................................................R$ 106.500,00 Art. 5º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, ficando revogadas as disposições em contrário. Jaboti, 12 de Novembro de 2013. VANDERLEY DE SIQUEIRA E SILVA - Prefeito Municipal – OBS: REPUBLICAÇÃO

ATO DE HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO REFERENTE PROCESSO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO N. 04/2013

OBJETO: Aquisição de Prisma, Mini Prisma e Placa de Legislatura, conforme planilha em anexo, destinados a administração da Câmara de Vereadores de Jaboti. O Presidente da Câmara de Vereadores de Jaboti, considerando as informações e pareceres contidos no presente processo, HOMOLOGA o resultado constante da ATA DA SESSÃO DE ANALISE DA PROPOSTA NO PROCESSO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO N. 04/2013 que concluiu como proponente vencedora a empresa TECNOPLACAS COMÉRCIO DE PLACAS LTDA - EPP. CNPJ nº 12.092.435/0001-92, Inscrição Estadual nº 25.611.815-9, sito a Rua Cecília do Rego Almeida, 241 (Centro Empresarial e Industrial Palhoça - 2º Portão) Jardim Eldorado, CEP: 88.133-560 – Palhoça – SC, que apresentou melhor proposta no valor de R$ 1.595,00 (um mil, quinhentos e noventa e cinco reais) para o objeto supracitado, para que seja realizado compra direta com dispensa de licitação baseado no artigo 24, inciso II da Lei 8.666/93, e suas alterações. Jaboti, 21 de novembro de 2013.

NILTON DOS SANTOS ANDRADE Presidente da Câmara de Vereadores RELATÓRIO DA COMISSÃO REFERENTE PROCESSO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO N. 04/2013 OBJETO: Aquisição de Prisma, Mini Prisma e Placa de Legislatura, conforme planilha em anexo, destinados a administração da Câmara de Vereadores de Jaboti. A Comissão de Licitação, analisando as propostas, concluiu como mais vantajosa a proposta da empresa: TECNOPLACAS COMÉRCIO DE PLACAS LTDA - EPP. CNPJ nº 12.092.435/0001-92, Inscrição Estadual nº 25.611.815-9, sito a Rua Cecília do Rego Almeida, 241 (Centro Empresarial e Industrial Palhoça - 2º Portão) Jardim Eldorado, CEP: 88.133-560 – Palhoça – SC. VALOR DA PROPOSTA: R$ 1.595,00 (um mil, quinhentos e noventa e cinco reais). Será realizado procedimento de contratação direta com dispensa de licitação, nos termos do inciso II do artigo 24 da lei 8.666/93. Jaboti, 21 de novembro de 2013. Adriane Maria da Silva Moraes Presidente da Comissão de Licitação Portaria 04/2013 SÚMULA DE REQUERIMENTO DE LICENÇA PRÉVIA A PREFEITURA MUNICIPAL DE JABOTI-PR, torna público que requereu Licença Prévia para implantação de conjunto habitacional com 30 (trinta) unidades denominado PROGRAMA FAR MUNICÍPIOS DO GOVERNO FEDERAL, situado na Rua José Jaboti/PR.

PINHALÃO ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALAO EXTRATO CONTRATUAL Contrato Nº..: 141/2013 Contratante..: PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALAO Contratada...: RENATO NADALINI AGUIAR Valor............: 1.200,00 (um mil e duzentos reais) Vigência.......: Início: 22/11/2013 Término: 22/01/2014 Licitação......: Dispensa de Licitação p/ Compras e Serviços Nº.: 25/2013 Recursos.....: Dotação: 2.051.3.3.90.39.00.00.00.00 (275) Saldo: 10.000,00 Objeto..........: Contratação de empresa especializada na prestação de serviços de entretenimento infantil, (02 shows de palhaço), conforme itens da Dispensa nº 25/2013. Pinhalão, 22 de Novembro de 2013


S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7

B 11

EDITAIS

JAGUARIAÍVA

PINHALÃO RESOLUÇÃO 3/2013

Prefeitura Municipal de Jaguariaíva Estado do Paraná

Súmula: Abre Crédito Adicional Suplementar no orçamento geral do exercício de 2013, e dá outras providencias. O Presidente do Consorcio Intermunicipal para Aterro Sanitário, no uso de suas atribuições legais e em conformidade com o disposto na Resolução no. 1/2012 de 28 de dezembro de 2.012;

EDITAL Nº 002/2013 – CONCURSO PÚBLICO O Prefeito do Município de Jaguariaíva – Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, nos termos do art. 37 da Constituição da República Federativa do Brasil/88 e o disposto na Lei Municipal nº 1922/09 e na Lei Orgânica do Município, faz saber que realizará Concurso Público, destinado a selecionar candidatos para ingresso e efetivação em seu Quadro Permanente, bem como para formação do Cadastro de Reserva, para suprir a necessidade da Administração Pública Municipal Direta e Indireta, nos termos do presente Edital. As inscrições deverão ser realizadas exclusivamente por meio da internet, através dos sites www.msconcursos.com.br e www.jaguariaiva.pr.gov.br, no período de 22/11/2013 a 22/12/2013. O candidato que não tiver acesso à internet poderá realizar sua inscrição no posto de atendimento localizado na Prefeitura Municipal de Jaguariaíva/PR, situada na Pc Dr Getúlio Vargas, n° 60, Centro, de segunda-feira a sexta-feira, no horário das 9h às 12h e das 13h30min às 17h. O edital estará afixado no mural da Prefeitura Municipal de Jaguariaíva/PR, para conhecimento dos interessados. Jaguariaíva - PR, 19 novembro de 2013. JOSÉ SLOBODA Prefeito Municipal

PINHALÃO

TERMO ADITIVO 03 CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 35/2013 PREGÃO PRESENCIAL Nº 15/2013 REGISTRO DE PREÇO Processo nº 27/2013 O MUNICÍPIO DE PINHALAO, pessoa jurídica de Direito Público Interno, com sede à Rua Domingos Calixto, nº 483, Centro, nesta cidade de Pinhalão, Estado do Paraná, inscrito no CNPJ/MF sob o nº 76.167.717/0001-94, representado neste ato pelo seu Prefeito Municipal, Claudinei Benetti, brasileiro, casado, residente e domiciliado neste Município, portador da Cédula de Identidade RG nº 5.277.834-4, inscrito no CPF/ MF sob n.º 766.797.489-68, doravante denominado CONTRATANTE e do outro lado, a empresa, EDSON ALMEIDA MESQUITA - pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ/MF nº 10.407.784/0001-20, com sede à Rua Luiz Dias Chaves, Nº 101, Centro, na cidade de Pinhalão, CEP 84.925000, Estado do Paraná, neste ato representada por Edson Almeida Mesquita, brasileiro, portador da Cédula de Identidade RG nº 6.857.493-5/SSP-PR, inscrito no CPF/MF sob o nº 017.171.479-25, doravante denominada simplesmente CONTRATADA, de comum acordo aditam o que se segue: CLÁUSULA PRIMEIRA: Ficam inseridas as seguintes dotações ao contrato acima mencionado: Dotação- 211 fontes – 1497- 33903919070000 – Serviços de funilaria, lanternagem e pintura de veículos. CLÁUSULA SEGUNDA: Ficam inalteradas as demais cláusulas contratuais. E por estarem justas e aditadas, as partes assinam o presente instrumento, em 02 (duas) vias iguais para todos os fins de direito. 1 Pinhalão - PR, 13 de novembro de 2013. Claudinei Benetti – Prefeito Municipal - CONTRATANTE Edson Almeida Mesquita - CONTRATADA Visto do Dep. Jurídico

TERMO ADITIVO 01 CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 140/2013 PREGÃO PRESENCIAL Nº 46/2013 REGISTRO DE PREÇO Processo nº 86/2013 O MUNICÍPIO DE PINHALAO, pessoa jurídica de Direito Público Interno, com sede à Rua Domingo Calixto, nº 483, Centro, nesta cidade de Pinhalão, Estado do Paraná, inscrito no CNPJ/MF sob o nº 76167717000194, representado neste ato pelo seu Prefeito Municipal, Claudinei Benetti, brasileiro, casado, residente e domiciliado neste Município, portador da Cédula de Identidade RG nº 5.277.834-4, inscrito no CPF/MF sob n.º 766.797.489-68, doravante denominado CONTRATANTE e do outro lado, a empresa, AMILTON DEPIZZOL ME - pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ/MF nº 07.641.270/0001-20, com sede à Rua Domingos Calixto, Nº 450 na cidade de Pinhalão, CEP 84.925-000, Estado do Paraná, neste ato representada por Amilton Depizzol, brasileiro, portador da Cédula de Identidade RG nº 4.086.452-0/SSP-PR, inscrito no CPF/MF sob o nº 546.965.699-34, doravante denominada simplesmente CONTRATADA, de comum acordo aditam o que se segue: CLÁUSULA PRIMEIRA: Ficam inseridas as seguintes dotações ao contrato acima mencionado: Dotação - 391 fontes -1310 – 33903007120000 – Gêneros alimentícios para copa e cantina. CLÁUSULA SEGUNDA: Ficam inalteradas as demais cláusulas contratuais. E por estarem justas e aditadas, as partes assinam o presente instrumento, em 2 (duas) vias iguais para todos os fins de direito. Pinhalão - PR, 22 de novembro de 2013. Claudinei Benetti – Prefeito Municipal - CONTRATANTE Amilton Depizzol - CONTRATADA Visto do Departamento Jurídico

Art. 1º. - Fica autorizado a abertura de Crédito Adicional Suplementar, no Orçamento Geral do Consorcio Intermunicipal para Aterro Sanitário, no exercício de 2013, no valor de R$ 130.000,00 (Cento e trinta mil reais), conforme segue: 01 CONSÓRCIO INTERM PARA ATERRO SANITÁRIO 01.002 MANUTENÇÃO DO ATERRO SANITARIO 17.512.0002.2002 MANUT DO ATERRO SANITARIO 3.3.90.39.00.00 OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA 130.000,00 Art. 2º. – Para cobertura do crédito aberto no artigo anterior, serão utilizados recursos provenientes da anulação ou redução das seguintes dotações, como segue: 01 CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL ATERRO SANITÁRIO 01.001 ADMINISTRAÇÃO DO CIAS 17.122.0001.2001 ADMINISTRAÇÃO DO CIAS 3.3.90.30.00.00 M AT E R I A L D E C O N S U M O 2.000,00 01 CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL ATERRO SANITÁRIO 01.001 ADMINISTRAÇÃO DO CIAS 17.122.0001.2001 ADMINISTRAÇÃO DO CIAS 3.3.90.36.00.00 OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA FÍSICA 5.000,00 01 CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL ATERRO SANITÁRIO 01.001 ADMINISTRAÇÃO DO CIAS 17.122.0001.2001 ADMINISTRAÇÃO DO CIAS 3.3.90.39.00.00 OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA 62.000,00 01 CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL ATERRO SANITÁRIO 01.001 ADMINISTRAÇÃO DO CIAS 17.122.0001.2001 ADMINISTRAÇÃO DO CIAS 4.4.90.52.00.00 EQUIPAMENTOS E MATERIAL PERMANENTE 13.000,00 01 CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL ATERRO SANITÁRIO 01.002 MANUTENÇÃO DO ATERRO SANITARIO 17.512.0002.2002 MANUT DO ATERRO SANITARIO 3.3.90.36.00.00 OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA FÍSICA 14.000,00 01 CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL ATERRO SANITÁRIO 01.002 MANUTENÇÃO DO ATERRO SANITARIO 17.512.0002.2002 MANUT DO ATERRO SANITARIO 4.4.90.52.00.00 EQUIPAMENTOS E MATERIAL PERMANENTE 34.000,00 TOTAL GERAL 130.000,00 Art. 3º. – Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação revogada as disposições em contrário. Pinhalão, em 01 de Outubro de 2013. CLAUDINEI BENETTI Presidente


S E G U N D A - F E I R A , 2 5 D E N O V E M B R O D E 2 0 1 3 - E D. 1 0 5 7

B 12

GERAL

DIVULGAÇÃO

Centro Mãe Paranaense atende 180 gestantes no Norte Pioneiro

AEN JACAREZINHO

O Governo do Paraná está estruturando centros Mãe Paranaense em todas as regiões para oferecer às gestantes de risco atendimento especializado. Administrado em parceria com o Consórcio Intermunicipal de Saúde do Norte Pioneiro (Cisnorpi), o Centro Mãe Paranaense em Jacarezinho atende aproximadamente 180 gestantes de 22 municípios. Elas recebem atendimento multidisciplinar humanizado, com 12 consultas durante a gestação e exames complementares até o fim da gravidez, incluindo ultrassom e cardiotocografia. Pelo protocolo da Rede Mãe Paranaense as gestantes são encaminhadas pelas mais de 70 unidades de saúde da região. No ambulatório, são reavaliadas e iniciam o acompanhamento até o parto. “Concentramos as consultas e exames no mesmo dia para evitar o desgaste da gestante que mora em outro município. Com esta conduta, garantimos mais agilidade e segurança para a mãe e o bebê caso o parto precise ser antecipado”, afirma o médico ginecologista e obstetra,

André Bertoni Ferraz. O médico enfatiza que o pré-natal no Centro Mãe Paranaense é completo e os exames são realizados no mesmo espaço. “Se for necessário, faço a ultrassonografia com doppler (exame responsável por mostrar se o bebê está sendo nutrido adequadamente e a sua vitalidade) na hora. Com o laudo é possível ver se é preciso trocar a medicação ou repetir o exame com mais frequência”. CONFORTO As gestantes têm disponível ambiente adequado para repouso e café da manhã. “Pedimos sempre que a gestante traga um acompanhante. Também falamos sobre planejamento familiar, métodos contraceptivos e amamentação”, relata a enfermeira responsável pelo Centro Mãe Paranaense, Janaina Luiz Pereira. A ansiedade maior é para o exame de cardiotocografia. “Ao escutarem o coração do bebê elas ficam mais emocionadas”, afirma a técnica de enfermagem Natércia dos Santos Zacarias, que acompanha as gestantes no pré-natal. O aparelho faz cerca de 100 exames por mês. O obstetra diz que a região tem altos índices de gestantes tabagistas, obesas e com toxoplasmose, doença que pode causar má formação do feto. “A obesidade aumenta o risco de pressão alta e de diabetes gestacional, perigoso tanto para a gestante quanto para o bebê e o tabagismo aumenta o

risco de prematuridade. Por isso, além do pré-natal, incentivamos a gestante a pararem de fumar ou pelo menos diminuir consideravelmente o número de cigarros”, explica. GESTAÇÃO A gestante Katiuscia Beltrame, 37 anos, moradora de Quatiguá, está na terceira gestação. Ela é acompanhada pelo Centro Mãe Paranaense porque descobriu que o seu bebê está com má formação cardíaca. “Estou ansiosa e ao mesmo tempo segura, porque a equipe daqui é competente e

me dará todo o suporte até o parto”, afirmou. Dominice Luiza da Silva, 36 anos, é costureira em Tomazina e está no sétimo mês de gestação de um menino. Aos três meses de gravidez, descobriu miomas no útero e precisou passar por uma cirurgia de emergência por conta de uma apendicite. “Estou de repouso total. Os exames estão normais e espero que continue assim até completar os nove meses”, contou. ORIENTAÇÃO O atendimento psicossocial tam-

bém é feito no mesmo local, assim como o acompanhamento nutricional. “A gestação por si só é um momento muito delicado, e é potencializado se houver risco de parto prematuro. O centro recebe gestantes de 12 a 49 anos e de diferentes condições socioeconômicas. Cada caso é tratado individualmente”, explica a psicóloga, Jussara Eliana Utida. A nutricionista Danielly Faria faz parte da equipe e orienta as grávidas a manterem alimentação rica em produtos naturais e fibras. “Também oriento o consumo de água, fervida ou trataDIVULGAÇÃO

A ansiedade maior é para o exame de cardiotocografia

da, principalmente para quem mora na zona rural”, explica ela. O acompanhamento combinado ajuda a gestante a ter mais conforto e mais disposição. REFERÊNCIA A maioria das gestantes atendidas pelo Centro Mãe Paranaense tem o Hospital Regional do Norte Pioneiro, em Santo Antônio da Platina, como principal referência para partos. “Nem todos os bebês nascidos de uma gestação de alto risco vão precisar de leito de UTI neonatal, mas é preciso garantir que, se precisarem, terão à disposição”, explicou Ferraz. Foi o caso de Janaina Maximino Bicudo, 27 anos, mãe das gêmeas Isadora e Isabelly, que nasceram em 6 de novembro. Moradora de Carlópolis, Janaina fez todo o acompanhamento gestacional no Centro Mãe Paranaense do Norte Pioneiro. Por conta da gravidez gemelar, Janaina foi submetida à cesárea. As meninas nasceram no tempo certo, porém, muito pequenas, com menos de 2 quilos cada uma. “Levei um susto com o fato de ser mãe de gêmeos. Já tenho dois filhos, um menino de 9 anos e uma menina de 6, e agora a atenção terá de ser redobrada. Fiz todo o acompanhamento no Centro Mãe Paranaense em Jacarezinho e estou satisfeita com o atendimento, tanto no pré-natal, quanto no hospital”, afirmou.

FOLHA EXTRA ED 1057  

FOLHA EXTRA ED 1057

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you