Issuu on Google+

Fotos: Reprodução

ELEIÇÃO

FLAGRANTE Câmera de videomonitoramento capta um dos motivos crônicos que fazem bageenses reclamarem de trânsito trancado

Procuradoria Regional Eleitoral indica pela rejeição das contas de Uílson Morais e Antenor Teixeira

Página 18

Página 6

www.jornalfolhadosul.com.br

Gaúcho

FOLHA SUL

R$ 2,50

BAGÉ, SÁBADO E DOMINGO, 16 E 17 DE FEVEREIRO DE 2013 - Ano 3 - N° 849

Concurso público reserva nove postos para campus local

Unipampa deve abrir vagas para mais de 100 professores

Gleider Ayres

A Universidade Federal do Pampa garante que, ao contrário do que manifestaram críticas da cidade de Uruguaiana, o campus de Bagé tem professores suficientes, faltando complementação apenas no curso de Música. Conforme afirma o vice-reitor, Almir Barros da Silva Santos Neto, já na primeira quinzena de março deve ser lançado um edital de seleção com 103 novas vagas de docentes efetivos para toda a instituição de ensino. Só para Bagé serão nove vagas: três para o curso de Música e seis para suprir demandas dos outros cursos. Página 13

AMBIENTE Comitê de bacia hidrográfica vai aplicar pesquisa de qualidade da água do Rio Camaquã Página 14 EMPREGO Internet amplia oportunidades de remuneração ao trabalho em mídias eletrônicas Página 14 ESPECIAL FOLHA do SUL abre série sobre a força do voluntariado com o Grupo Ajudantes Anônimos Página 16 EVENTO Caixeiral sedia hoje Concurso Rainha do Carnaval 2013 do Rio Grande do Sul Página 17 SALÁRIOS Em fase de economia servidores municipais já pensam em garantir benefício dos vales

Página 17

O TEMPO HOJE Bagé - RS Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

20º

30º


2

SÁBADO E DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

Valdir Alves Ramos

Às vezes Na tradicional comemoração do Dia do Comerciante de 1982, a Aciba inaugurou um ciclo de reconhecimentos a pessoas que, por muitas décadas, foram exemplares no exercício continuado de suas atividades. De lá para cá, dezenas de homens e mulheres, entre eles imigrantes de diversas origens, foram sendo agraciados com tal distinção, democraticamente indicados e eleitos pelos sócios, conselheiros e diretores da Associação. E a homenagem aconteceu no Hotel do Comércio, por sua tradição de funcionar – no mesmo local, com o mesmo nome, durante 140 anos. E segue na atividade hoteleira, seis lustros após.

OPINIÃO Coluna do Dom Gílio Bispo diocesano

Juventude na Bíblia Em novembro de 1973, no cinquentenário da Paz de Pedras Altas, o Correio do Povo, então o principal órgão da imprensa gaúcha, publicou em destaque uma foto, na frente do Hotel do Comércio, das lideranças revolucionárias no local hospedadas. Ali aconteceram os conchavos, mas as tratativas decisivas ocorreriam no palacete Pedro Osório, onde hoje funciona a Secretaria de Cultura, e culminariam com o famoso documento assinado em Pedras Altas, na estância do líder revolucionário Assis Brasil. Os acontecimentos tinham a importante mediação do Ministro da Guerra, General Setembrino de Carvalho.

Aprendi com o saudoso professor Eduardo Contreiras Rodrigues que, ao presidente Artur Bernardes, preocupava muito a Revolução de 1923, pois o governante dos rio-grandenses, Borges de Medeiros, por sua austeridade e competência, gozava de imenso prestígio junto à oficialidade do Exército aquartelada no Estado, e tais movimentações em terra gaúcha eram sempre potencialmente explosivas. Por isto Bernardes enviara Setembrino, pois considerava seu titular para a Pasta da Guerra um bom observador político. O que se confirmou com a Paz de Pedras Altas.

Luis Giorgis Dias O discurso retórico sobre a violência A cidade de Florianópolis hoje, literalmente, pega fogo, e não é pelo sol do verão. Mas pela recorrente onda de ataques por parte do crime organizado; que seguem o mesmo padrão: veículos do transporte público queimados. A segurança pública e o crime voltam ao debate, todavia é preciso indagar: será mesmo que se trata de culpar “criminosos”? A origem da insatisfação surgiu das denúncias - já comprovadas - de abuso e tortura dentro dos presídios catarinenses, um reflexo da crise que assola um dos países que mais prende no mundo, como afirmam relatórios do Departamento Penitenciário Nacional. A mobilização do crime organizado conta com seu aparato dentro e fora dos muros para garantir o tráfico de informações e o cumprimento de ordens diretas; pode-se perceber que o problema não é individual, como outrora tentou a psicologia confirmar, ou subjetivo de degenerados sociais. Estas são teorias do passado, dignas do horror manicomial e de Lombroso: a questão do crime no país é econômico, social e, por desdobramento, também político. Até se pode exagerar e dizer que é essencialmente político: por que a população marginalizada, vê no crime uma via de acesso à “vida digna”? Por que o terrorismo e/ou a violência ocupam um lugar privilegiado na mente de tais pessoas para expressar seu descontentamento? A resposta imediata normalmente tem respaldo em motivos educacionais e a ausência de políticas públicas que consigam amparar esta massa de sujeitos à margem da sociedade.

Em parte se concorda. Mas como explicar o comportamento igualmente violento por parte dos setores mais abonados da sociedade que clamam como revide, MAIS violência na forma de suplícios e construção de penitenciárias (sendo que já se prende muito)? Como aceitar que parte da intelectualidade nacional silencie ante este discurso? O país pesquisa hoje novas tecnologias e teorias que dêem conta de resolver estes embaraços sem as fórmulas clássicas e a repetição obsessiva de se insistir no erro de encarcerar mais e erguer apenas cadeias, o que até agora não solucionou a brutalidade nacional. Há quem pense que estudar não passa de mera qualificação para o mercado de trabalho ou etapa diante de algum concurso. É tempo dos responsáveis se desvencilharem de tais ideias, e compreender que a mudança só pode ser construída por cada um mediante ação e reflexão constantes sobre as dificuldades gerais. Onde estão os intelectuais dispostos a criar saídas para eles? Onde os partidos e organizações políticas, que não conseguem competir na via pacífica com o medo e a crueldade forma de expressão popular? Sai a política, entra o terror. Culpa dos bandidos? Não. Dos políticos? Também não. Sem dúvida é fruto de uma nação que carece de política ética e que prefere não se responsabilizar pelos dramas do povo. (*) Acadêmico de Psicologia, UFSC (misterbageeoutros@ gmail.com)

CNPJ. 11.381.681/0001-00 Endereço: Rua Bento Gonçalves, 49-E/ Fones: Assinaturas: (53) 3242-1020 Redação: (53) 3311-3915 jornalismo.folhadosul@gmail.com anunciosfs@gmail.com www.jornalfolhadosul.com.br Impressão Correio do Povo

Na “quarta-feira de cinzas”, dia 13, iniciando o tempo da quaresma, a Igreja Católica, no Brasil, fez o lançamento da Campanha da Fraternidade com o tema: “Fraternidade e a juventude” e o lema, sugerido pelo Papa Bento XVI, “ Eis-me aqui, envia-me” (Is 6,8). O objetivo desta Campanha é despertar a solidariedade com os jovens favorecendo o seu protagonismo no seguimento de Jesus Cristo, na vivência eclesial e na construção de uma sociedade fraterna fundada na cultura da vida, da justiça e da paz. O teólogo Celso Loraschi, professor do Instituto Teológico de Santa Catarina (Itesc), motivado por essa Campanha da Fraternidade, mostra-nos a presença significativa de jovens nos livros do Novo Testamento. É muito interessante o texto que ele publicou na revista “Vida Pastoral”, nº 288. “O movimento de Jesus continuou após sua morte e ressurreição. Muitos jovens o seguiram, como Saulo de Tarso. De perseguidor dos cristãos transformou-se num dos mais corajosos evangelizadores na Igreja primitiva. Foi um exemplar seguidor de Jesus, a ponto de afirmar: “Não sou mais eu que vivo, é Cristo que vive em mim” (Gl 2,20). Barnabé é outro exemplo para o seguimento de Je­sus. Ele, “sendo proprietário de um campo, vendeu-o e trouxe o valor aos pés dos apóstolos”. Foi um grande companheiro de Paulo, ajudou-o a encontrar-se e dialogar com os apóstolos em Jerusalém (At 9,26-30) e parti­cipou da equipe missionária. Barnabé receb­eu um belo elogio do autor do livro de Atos dos Apóstolos: “Era um homem bom, cheio do Espírito Santo e de fé”... Um exemplo contrário ao de Barnabé foi retratado na história do casal Ananias e Safira (At 5,1-l1). Venderam um campo, retiveram uma parte do valor e mentiram para a comunidade. Colocaram aos pés dos apóstolos dizendo que era todo o valor do campo. Devi­do à mentira, os dois, em momentos diferentes, caem mortos diante da palavra de Pedro. Essa história tem a intenção de mostrar que na comunidade cristã não podem ser admitidas atitudes de desonestidade e corrupção. Quem vai enterrar os corpos de Ananias e Safira são os jovens. Eles representam a novidade do Evangelho. Toda maldade deve ser, imediata­mente “enterrada” para preservar, a proposta de Jesus de uma vida nova. Outro jovem que se tornou um grande discípulo missionário de Jesus foi João Mar­cos. Sua mãe chamava-se Maria, animadora de uma comunidade cristã. Na sua casa, em Jerusalém, reunia-se uma igreja (At 12,12). Marcos (ou João Marcos) cresceu nesse am­biente de fé e de acolhida, orientado pelos conselhos e pelo exemplo de sua mãe. Era primo de Barnabé (Cl 4,10), e integrou-se na equipe missionária junto com Paulo e também acompanhou Pedro em Roma. Pe­dro o chama de “meu filho” (lPd 5,13). A tradição atribui a esse jovem a autoria do Evangelho de Marcos. Há muitos outros nomes de seguidores e seguidoras de Jesus que poderiam ser evoca­dos. Ainda em Atos dos Apóstolos, encontra­mos a informação de que o diácono Filipe tinha quatro filhas solteiras que exerciam o ministério da profecia. Seguindo o caminho do pai, dedicavam-se à pregação do Evange­lho (At 21,9). Timóteo é mais um animador de comunidades cristãs que não pode ser es­quecido. Numa das cartas a ele dirigida, atri­buída a Paulo, encontram-se estas instruções: “Ninguém te despreze por seres jovem. Ao contrário, torna-te modelo para os fiéis, no modo de falar e de viver, na caridade, na fé, na castidade. Aplica-te à leitura, à exortação, ao ensino...” (lTm 4,12-13). Que ninguém despreze os jovens de hoje. Para cada um, Deus tem um desígnio que precisa ser descoberto, acolhido e assumido com toda a convicção. “Os jovens são sensí­veis a descobrir sua vocação, a ser amigos e discípulos de Cristo. São chamados a ser ‘sen­tinelas da manhã’ (João Paulo II), comprome­tendo-se na renovação do mundo à luz do Plano de Deus” (DAp 443).

Direção Administrativa: Jônio Tavares Ferreira de Salles Neto Comercial: Leisa Soria Marketing e eventos: Fabiano Marimon Circulação: Aceguá, Bagé, Candiota, Dom Pedrito, Hulha Negra, Lavras do Sul e Pinheiro Machado REDAÇÃO - Editor Geral: Glauber Pereira Subeditor Geral: Felipe Valduga - Chefe de Redação: Marcelo Pimenta Editoria de Política: Emanuel Müller Coordenadora Comercial: Camila Soares Gerente de Circulação: Daniel Guasque Comercial: Fabiana Rodrigues Revisão: Lorena Robaina Reportagem: Gilmar de Quadros - Rochele Barbosa - José Higino Gonçalves - Marcos Pintos - Murilo Dotto - Juliana Andina - Niela Bittencourt

Repórter Antonio Rocha Colunistas Colaboradores: REDAÇÃOFotográfico: - Editor Geral: Glauber Pereira Chefes de Redação: Afonso - Dom Gílio Felício -Edgar Muza - Josias Borges MarceloHamm Pimenta e Silva e Emanuel Müller Coordenadora ComerLéo Luiz Fernando - Luís Daniel Augusto Lara - Sérgio cial:Vieira Lídia-Munhos GerenteMainardi de Circulação: Guasque Revisão: Lorena Robaina Reportagem: Quadros Meth - Waldir Alves Ramos Estagiária: Gilmar Jéssicade Pacheco Rochele Barbosa - José GonçalvesCristiano - MarcosLameira Pintos - Murilo Arte Final: Quélen LealHigino Diagramação: Dotto Cesar Alpoim Leite - Daniel Ferreira Wilson


EMPRESARIAL

Indicadores econômicos INDICADORES Salário Mínimo Salário Regional Global 40 TR CDI SELIC IPCA IPC IGP-M INPC

Valor R$ 678,00 R$ 700,00 128,31% 0,000% 6,860% 7,25% 0,41 0,27 1,43 0,45

Atualização 2013 2013 21 janeiro 2013 21 janeiro 2013 21 janeiro 2013 21 janeiro 2013 10 out 2012 10 out 2012 10 out 2012 10 out 2012

MOEDAS Dólar Comercial

A Zootel, no mercado desde 1986, é especializada em diagnósticos para cães e gatos de todos os portes. A clínica tem como responsáveis o casal veterinário Claudina e Wilmar de Farias, graduados há 30 anos. Uma das especializações é no segmento de imagem. De acordo com a proprietária, a clínica realiza ultrassom, Raio X, exames de sangue, urina, fezes e pele, internamento, anestesia inalatória, cirurgias, vacinas e oxigenação. “Buscamos nos especializar para trazer o melhor tratamento para nossos animais em Bagé. O Raio X nos acompanha no tempo, 30 anos, já o Ultrassom, que trouxemos há 15 anos, fez com que nos colocássemos entre os primeiros do estado a implantar este diagnóstico para animais”, explica a veterinária. Outro diferencial da clínica é que a Zootel é especializada também em dermatologia, realizando exames para diagnosticar doenças na pele. A estrutura da clínica lembra um hospital. Seja pelas paredes e chão brancos e de azulejo, ou pelas diversas salas equipadas com aparelhagem, a Zootel hoje é referência no ramo de tratamentos com animais. Dentre os planos da Zootel está a ampliação do diagnóstico para problemas cardíacos. “Até o final deste primeiro semestre de 2013 pretendemos estar completos na área de cardiopatia”, enfatiza a veterinária. Além do horário normal de funcionamento, que acontece de

3

Compra

Venda

2,0410

2,0425

Dólar turismo (em R$)

1,9600

2,1000

Euro (em R$)

2,7178

2,7188

Libra (em R$)

2,2279

Pesos arg.(em R$)

0,4121

0,4124

Pesos Ur.(em R$)

0,1086

0,1085

Clínica Zootel apresenta diagnósticos por imagem por Jéssica Pacheco

SÁBADO e DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

Jéssica Pacheco

3,2287

Josias Borges Espaço do Investimento

Títulos de inflação seguem no foco dos investidores

A rentabilidade dos títulos atrelados à inflação foram, sem dúvida, os melhores investimentos de renda fixa nos últimos dois anos. A rentabilidade média ficou próxima de 1% ao mês. Este cenário seria alterado somente com mudanças bruscas no âmbito econômico. O tema divide analistas e investidores, devido as dificuldades do governo em conter o avanço da inflação. Você gostaria de saber mais sobre o funcionamento destes títulos? Veja: Títulos de inflação Os principais títulos de inflação negociados no mercado são os Títulos Públicos Federais as Notas do Tesouro Nacional: NTN – B e NTN – B principal. Estes títulos quando são colocados no mercado, por intermédio do Banco Central, conferem ao portador o direito de receber a Inflação mais 6% ao ano. A partir do momento que estes títulos são lançados no mercado, começam a ser negociados no chamado mercado secundário (um investidor vende para outro). É papel do próprio mercado financeiro dar preço a estes títulos. Entenda a oscilação A oscilação destes títulos se dá devido a dois fatores principais: oscilação da taxa Selic e escalada da inflação. Perceba que 6% ao ano mais inflação acaba resultando em uma taxa muito superior a taxa Selic, que é a taxa básica da economia. Quando a taxa Selic cai, o valor destes títulos cresce, pois passam a ser negociados a uma taxa menor, e a taxa sendo menor, o valor atual do título necessariamente precisa se elevar. É um cálculo um pouco complicado de entender em um primeiro momento, mas o que deve ficar gravado em sua mente é: quanto mais a taxa Selic cair, maior será o crescimento do valor atual do título. Quando a taxa Selic sobe, os títulos indexados a inflação sofrem redução momentânea no seu valor, para depois voltarem a crescer.

josias.borges@gbinvestimentos.com.br

Médica-veterinária Claudina de Farias aposta na credibilidade do exame

segunda-feira a sábado, das 8h às 12h e das 14h às 19h, a empresa também oferece o serviço de Plantão. “Funcionamos como um pronto atendimento para emergências. Seja domingo ou feriado, ou até mesmo no meio da noite, quando um cachorro ou gato está precisando de auxílio imediato, nós prestamos o atendimento”, conclui Claudina.

A Zootel está localizada na rua Gomes Carneiro, nº 1428. Contato pelo telefone (53) 3242-3263 ou através do e-mail clinica_veterinaria_zootel@hotmail.com. Vale lembrar que os resultados de exames são enviados também por e-mail, o que facilita o translado para clientes de outras cidades, como Dom Pedrito, por exemplo.


4

SÁBADO E DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

RURAL

Mercado agrícola Produtos

Acompanhamento de preços recebidos pelos produtores do Rio Grande do Sul Mínimo Médio Unidade Valores em reais

Arroz em Casca Feijão Milho Soja Sorgo Granífero Trigo Boi para Abate Cordeiro para Abate Suíno Tipo Carne Vaca para Abate Leite (valor líq recebido)

50 Kg 60 Kg 60 Kg 60 Kg 60 Kg 60 Kg Kg vivo Kg vivo Kg vivo Kg vivo Litro

32,00 90,00 26,00 56,00 22,00 30,00 3,20 3,20 2,10 2,85 0,66

Máximo

33,96 117,33 27,98 57,68 22,57 32,58 3,29 3,71 2,59 2,93 0,75

04.02.2013 a 08.02.2013

36,00 132,00 31,00 60,00 23,20 42,00 3,40 4,30 2,80 3,15 0,83

Fonte: EMATER/RS-ASCAR

ABHB divulga nova edição do curso de melhoramento genético A Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB), em parceria com a Embrapa Pecuária Sul, Embrapa Gado de Corte, Geneplus e Núcleo de Estudos de Produção de Bovinos de Corte e Cadeia Produtiva (NESPRO – UFRGS) promove nos dias 21, 22 e 23 de março a 5º edição do Curso de Melhoramento de Bovinos de Corte – PampaPlus. Serão dois dias

de palestras no auditório Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (Farsul), em Porto Alegre, além de visita com aula prática na Fazenda Santa Tereza, em Arambaré/RS. O objetivo da iniciativa é orientar a seleção a campo e aprimorar o conhecimento dos participantes quanto aos princípios básicos de melhoramento genético.

A cada nova edição, são apresentados temas atualizados em relação às novas tecnologias disponíveis para o incremento da produtividade, promovendo também o intercâmbio entre pesquisadores, técnicos de campo, estudantes e criadores. Segundo a coordenadora do PampaPlus, Thais Pires Lopa, o melhoramento genético através do uso do programa de avaliação genética,

traz excelentes resultados aos produtores quando bem aplicado e bem conduzido dentro dos criatórios.

Ao longo das quatro primeiras edições, mais de 500 pessoas já participaram do curso.

Inscrições Devem ser realizadas através da ficha de inscrição, disponível na ABHB, até o dia 6 de março de 2013 e enviar junta-

mente ao comprovante de pagamento para secretaria.hereford@ braford.com.br ou via telefone: (53) 3242-1332. Gabriel Becco/EspecialFS

Iniciativa visa orientar seleção a campo


GERAL

Sテ。ADO e DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

5


6

SÁBADO E DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

Emanuel Müller

POLÍTICA Edgar Abip Muza Muza Visão Geral

emamuller@gmail.com

Vereadores descartam risco de perder mandato

Parecer da PRE opina pela manutenção da sentença que desaprovou as contas de Uílson Morais e Antenor Teixeira A Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) avaliou que a sentença proferida pelo juiz da 142ª Zona Eleitoral, Ricardo Pereira de Pereira, em relação à desaprovação da prestação de contas dos vereadores Antenor Teixeira (PP) e Uílson Morais (PMDB) deve ser mantida. A decisão sobre Morais já havia sido divulgada em janeiro, enquanto o parecer referente a Teixeira foi no começo de fevereiro. Em ambos os casos, o Ministério Público Eleitoral já havia se manifestado pela rejeição das contas apresentadas. Em relação a Morais, o problema seria que a análise técnica verificou a existência de irregularidade insanável, tendo em vista o pagamento em espécie de valores acima de R$ 300 - conforme estabelecido na Resolução 23.376/2012 do Tribunal Superior Eleitoral. Pereira considerou que o valor gasto em espécie acima do limite legal é de monta consi-

Antonio Rocha

Uílson Morais

Antenor Teixeira

derável, uma vez que o valor total das despesas de Morais é de R$ 9.030,00 e o valor pago em espécie acima do limite fixado totaliza R$ 7.585,00 - mais de 83% do valor gasto. Já em relação a Teixeira, a Justiça entende que a análise técnica verificou que o então candidato a vereador contratou despesas após a data

da eleição, contrariando o artigo 29 da Resolução 23.376/2012 do Tribunal Superior Eleitoral. O magistrado destaca que os valores contratados, datados de 8 a 15 de outubro de 2012 totalizou R$ 1.700,00, enquanto o valor total das despesas de Teixeira somaram R$ 5.886,00, ou seja, mais de 28% do valor total despendido com gastos eleitorais.

Espera com tranquilidade Teixeira confia no argumento da defesa. O vereador progressista revela estar tranquilo quanto ao desfecho da ação. “Foi um problema de comunicação com o contador na hora de explicarmos os prazos. Tanto que não há denúncia de crime, o que poderia me fazer correr o risco de perder o mandato”, salienta. A linha de pensamento do peemedebista vai no mesmo teor. Morais argumenta que foi um erro do banco na hora de informar uma transação bancária, já que o vereador não retirou talão de cheques no período eleitoral e procedeu dessa forma durante toda

a campanha. “Não cometi negligência de omitir valores, tivemos boa fé em declarar absolutamente tudo que fizemos. Confio na defesa e acredito que a Justiça não irá me condenar por um erro do banco”, afirma Morais. Tanto o processo de Morais quanto o de Teixeira seguem tramitando junto ao Tribunal Regional Eleitoral. A curiosidade é que os vereadores têm os mesmos advogados - Fernando Moreira e José Artur dos Santos. Existem interpretações jurídicas diferentes a respeito do fato. Uma dá conta que uma eventual condenação dos vereadores não implicaria em

perda de mandato. Mas poderia resultar na impossibilidade de registrarem suas candidaturas nas próximas duas eleições municipais. Outra corrente aposta que a desaprovação de contas resulta em abuso de poder econômico. Por isso haveria a cassação do registro da candidatura ou do diploma. A reportagem da FOLHA do SUL tentou um contato telefônico na tarde de ontem com o Ministério Público em Bagé para saber quais os procedimentos em relação ao fato, mas ninguém atendeu a ligação. A data do julgamento dos recursos de Teixeira e Morais ainda não foi marcada.

Meu assunto de hoje é sobre beleza Mais um ano de concurso em nível Estadual. Foi uma criação considerada “louca” e que acabou dando certo. Muitas pessoas estiveram envolvidas durante todos estes anos. Alguns já morreram, mas nem por isso vamos deixar de reconhecer sua importância. Olmiro Passos (Chinês) foi o criador do concurso de fantasias. O Ernesto Lima, que também nos deixou na semana passada, me ajudou com suas ideias a criar o evento. É uma história longa que não dá para contar na íntegra neste espaço. Um dia vou escrever um livro, deixando Eron Vaz Mattos contente, onde contarei tudo que me lembro de meus 54 anos de rádio. Mas isso é para depois. O que interessa é a matéria que colhi na internet, redigida pela produção do evento (leia-se Jaqueline), “Hoje tem escolha da Rainha do Estado no Clube Caixeiral, a partir das 23h. Mesas para quatro pessoas R$ 40, entrada individual R$ 5 e sócios em dia com o Clube não pagam ingresso. Várias delegações já confirmaram presença: Uruguaiana, Pelotas, Porto Alegre, Cruz Alta, Santana do Livramento, São Gabriel, Dom Pedrito, Cachoeira do Sul entre outras. A região também estará representada com candidatas de Bagé, Candiota, Hulha Negra e Pinheiro Machado. As candidatas chegarão até o meio-dia de hoje direto ao hotel Cassino e participam de um almoço de confraternização no Pastelão e logo após de um reconhecimento de passarela às 16h. Os ingressos estão à venda na portaria do clube”. O que importa é a continuidade do evento que, esteve a perigo como nunca dantes. Porém e sempre te um, a colaboração das pessoas que gostam de carnaval, foi importante para que o concurso fosse realizado. Colaboração individual e de alguns empresários. Os valores variaram. Cada um ofereceu o que podia. E a soma total foi aplicada no concurso local, realizado no dia 11, e o restante servirá para ajudar nas despesas de viagem que cada candidata terá. Quanto ao custo do hotel e refeição, estamos com uma rifa sendo vendida a R$ 10,00, cujo prêmio é um televisor 42 polegadas, que correrá no dia 23 de fevereiro. É claro que tanto o Portinho (hotel Cassino) quanto seu Jorge (do Pastelão) somente estão cobrando o preço de custo. Desta maneira foi possível “meter os peitos” e realizar os dois eventos. É claro que precisamos vender todos os números da rifa (1000) para que se consiga equilibrar as despesas. O importante, repito, é que o concurso será realizado. É isto o que importa. O resto é conversa mole para boi dormir. E como tem gente querendo dar palpite. Entre os apoiadores não posso esquecer o Paulinho, presidente do Clube Caixeiral, que abriu as portas para a realização do concurso. Após a eleição das rainhas mirim, infantil, adulto e da diversidade, será realizada uma roda de samba de raiz, na boate dos casais, para fechar com chave de outro nosso carnaval. Enfim, nada mais a declarar sobre o evento. Esta coluna foi redigida no intervalo entre um prego e outro, enquanto a passarela era montada. Vai ser um grande espetáculo. Só espero que os foliões presentes gostem. Até à noite...

Sônia quer informações sobre condições de prédios do município Em sua primeira manifestação na tribuna durante o período de atuação da Comissão Representativa, Sônia Leite (PP) informou que está solicitando requerimento ao Executivo sobre as condições de funcionamento e os planos de prevenção e combate a incêndios de prédios públicos do município. Entre eles as escolas, creches, postos de saúde e até o

Complexo Esportivo Presidente Médici. A progressista lembrou que o pedido quanto à situação do prédio da Câmara foi atendido pelo presidente do Legislativo, Paulinho Parera (PT). Enfatizou que é responsabilidade dos vereadores a fiscalização de ações de prevenção que interessam à sociedade.

Estrada Bagé-Lavras Sônia está preocupada com a situação da obra de pavimentação da RSC-473, a estrada BagéLavras. E para isso pediu apoio ao amigo e presidente da Assembleia Legislativa, deputado Pedro Westphalen (PP) para que interceda junto ao DAER sobre o andamento da obra, qual o motivo da parali-

sação e perspectivas de continuidade. “São muitas as reclamações dos usuários que trafegam por ali. Sou a única política que tem propriedade neste local, pois utilizo essa estrada com frequência e sou cobrada constantemente sobre o seu andamento”, disse. A justificativa é de que

os trabalhadores da Sultepa, empresa responsável pela obra, estariam em recesso. Entretanto as máquinas estariam paradas desde dezembro. O cronograma previa a construção de linhas de bueiros e terraplanagem no trecho de 22,7 quilômetros entre Bagé e Torquato Severo.


POLÍTICA

SÁBADO e DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

A discordância entre Márcia Papai Esquerda Torres e Caio Ferreira na Câmara Eles são conhecidos pelo estilo aguerrido de atuação parlamentar. Embora tenham personalidades diferentes, Caio Ferreira, líder do governo na Câmara, é conhecido pelo temperamento calmo enquanto Márcia Torres, líder da bancada do PT, é mais explosiva. Os dois são convictos em relação aos seus posicionamentos no Legislativo. Entretanto, os vereadores petistas parecem estar em rota de colisão. Isso ficou notório na última sessão da Comissão Representativa. Enquanto Márcia foi à tribuna para enfatizar sua participação no Carnaval de Bagé, embora respeitasse a decretação de luto oficial pelo Município, Caio manifestou contrariedade ao fato. Afirmou que não poderia ir a festas ou bailes na condição de líder de um governo que estabeleceu o luto. Foi uma

Antonio Rocha

Divulgação/FS

O vereador Esquerda Carneiro (PTB) é um dos novatos na atual legislatura. E além da responsabilidade de fiscalização comunitária agora tem outra nobre incumbência: cuidar do mais novo herdeiro. Carlos Olavo Machado Carneiro nasceu no último dia 11, segunda-feira de Carnaval. Para alegria do parlamentar e da mãe, Taísa Ferreira Machado. Um presente para Esquerda, que é folião conhecido em Bagé e na praia do Cassino.

7

Divulgação/FS

Filho do vereador petebista nasceu na segunda-feira de Carnaval

TV Câmara e o site Caio Ferreira é líder do governo

Márcia Torres lidera a bancada do PT

cutucada na vereadora. Mas não é só isso. Márcia foi a proponente da sessão especial realizada na última quinta-feira para debater a situação da lei que regulamenta os serviços de mototáxi e motofrete em Bagé, Entretanto

Caio havia divulgado na imprensa que estaria lutando pela categoria há alguns dias, inclusive postando uma foto junto com um motoboy. A situação causou mal-estar nos bastidores. O episódio, entretanto, foi resolvido.

Márcia também não foge do assunto. Recorda que Caio foi o único a votar contra sua indicação como líder da bancada petista quando chegou à Câmara. Mas diz que discordâncias são normais desde que não atrapalhem a prestação de serviços em favor da comunidade. Aliás, a vereadora, no final da sessão especial sobre a situação dos motoboys, comprometeu-se a bus-

car recursos visando à qualificação profissional da categoria. E para isso deverá agilizar encontros em Porto Alegre na próxima semana. Agora é aguardar se os ânimos serão serenados. Ou se a própria presidência do PT ou mesmo o prefeito Dudu Colombo irá conversar com os vereadores para que eventuais arestas sejam resolvidas. Há pessoas dentro do partido que defendem essa tese.

Reprodução/FS

A confirmação Com uma sinceridade surpreendente no mundo político, ambos confirmam as desavenças. Caio destaca que é de sua característica deixar claro suas posições. Mas que a administração petista vem em primeiro lugar e isso não pode ser deixado de lado por disputas pessoais. “São coisas corriqueiras que são resolvidas com uma boa conversa”, pondera.

Parera e os programas modelo Um fato passou quase despercebido na manifestação do presidente da Câmara, Paulinho Parera (PT), em recente manifestação durante as sessões da Comissão Representativa. O vereador relatou que, cumprindo agenda em Brasília, tratou junto ao Ministério dos Esportes da renovação do convênio para a

manutenção dos programas Esporte e Lazer da Cidade e Segundo Tempo. Que, diga-se de passagem, viraram referência nacional pela forma com que foram desenvolvidos em Bagé, com direito a premiação entregue pelo ex-presidente, Luiz Inácio Lula da Silva, e tudo mais. Parera ressalta que os convênios têm duração de um ano. Mas, a

prefeitura está cobrindo sozinha, atualmente, a manutenção dos programas. Isso porque está sem a cobertura do convênio com o Ministério. Conforme informações de bastidores, para readequar à nova realidade financeira, a prefeitura precisou demitir alguns servidores. Tudo para manter o mínimo de estrutura à disposição da comunidade.

Fotografias dos vereadores estão dispostas em ordem alfabética na página do Legislativo

A respeito da notícia publicada no último dia 30 de janeiro, nesta coluna, com o título “Site desatualizado”, sobre a página da Câmara de Vereadores na rede mundial de computadores, a coordenadora da TV Câmara, jornalista Munique Monteiro, entrou em contato para informar um detalhe importante. Como a TV Câmara apenas transmite as sessões ao vivo (sejam elas da Comissão Representativa, Solenes, Especiais ou Ordinárias) e tem a grade de programação estabelecida de segunda a sábado das 19h à meia-noite e no domingo das 14h às 22h, o link de acesso no site do Legislativo (www.camvbage.rs.gov. br) não é disponibilizado enquanto a emissora não está no ar. Feito o registro. Mas, a propósito: até ontem à

tarde itens como a fotografia dos vereadores já haviam sido atualizados. Um detalhe curioso: dos 17 vereadores que compõem o Legislativo bageense, 15 estão com menos de 50 anos. As exceções são Ivan Lima (PT) e Sônia Leite (PP). Da mesma forma a relação dos servidores ocupantes de cargos em comissão está atualizada. O roteiro das sessões legislativas ainda está defasado, bem como o nome dos componentes das comissões técnicas. E ainda não há o registro no portal da transparência, com o gasto de diárias no mês de janeiro. Algo que deve ser resolvido em breve pela volta às atividades dos servidores responsáveis pelas atualizações, que ainda estão em férias.


8

SÁBADO E DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

REGIÃO

Dom Pedrito

Divulgada lista de eventos para 2013 O assessor de Cultura de Dom Pedrito, Sidnei Castilhos, divulgou, na última quinta-feira, a lista oficial dos eventos que serão desenvolvidos, em 2013, pelo Executivo Municipal. Apesar de apresentar as festividades, a definição das datas de cada atividade ainda não foi estabelecida. “Em breve acontecerá uma reunião com as instituições culturais

para definir as datas dos eventos, sendo elaborado um calendário anual”, citou o boletim encaminhado pela assessoria de imprensa do município. Segundo a nota, serão envolvidas neste processo todas as instituições vinculadas à Assessoria de Cultura, como: Instituto Artístico Carlos Gomes, Museu Paulo Firpo, Biblioteca Municipal Rui Barbora e Biblioteca Municipal Infantil Salzano Vieira da Cunha.

Candiota terá carnaval nos dias 22 e 23 Previsto para ocorrer nos dias 2 e 3 de fevereiro, o tradicional carnaval antecipado de Candiota acabou sendo transferido, neste ano, em função da tragédia na Boate Kiss, em Santa Maria. O município foi um dos primeiros do Estado a decretar a transferência das festividades em sinal de luto. Agora, a festa acontecerá

nos dias 22 e 23. A programação prevê desfiles, em ambos os dias, a partir das 21h, na Avenida 24 de Março. Os foliões também poderão conferir, na sequência, baile de rua junto à Praça Dario Lassance. Segundo o secretário de Cultura, Turismo, Esporte e Juventude, Gil Deison Pereira, cerca de nove

blocos carnavalescos da cidade já confirmaram presença. “Além disto, esperamos uma maciça participação de integrantes de entidades de outras cidades, tendo em vista que poucos municípios realizarão a festa nas datas”, avaliou. Sobre o adiamento, o secretário foi categórico ao afirmar que a decisão foi a “mais sensata”. Divulgação/FS

Eventos Março - Domingo de Leitura na Praça: com livros, revistas e outras atrações em parceria com a SMEC e Assessorias de Turismo e Esportes; Maio - Dia do Autor Pedritense: com livros de autores do município que estarão nas escolas para estabelecer contato com os alunos através de interpretações de textos e redações; Junho - Saudades das Serestas: evento com canções executadas por músicos e cantores locais; Julho - Salão do Artista Pedritense: arte é a expressão de uma ideia, de uma emoção, de um sentimento através de símbolos e imagens. Arte pode ser uma pintura, uma escultura, um desenho a bico de pena, uma sinfonia. Um texto; Agosto - Noite de Talentos: show artístico com talentos locais e regionais; Setembro - Organização da 9ª Feira do Livro; Outubro - 9ª Feira do Livro, a festa das letras: música, teatro e literatura na praça.

Em 2012, festa reuniu cerca de seis mil foliões

Dom Pedrito

Prefeitura terá ponto facultativo pós-carnaval O prefeito de Dom Pedrito, Lídio Bastos, assinou na sextafeira, o decreto que estabelece ponto facultativo para o dia 4 de

março. A medida excepcional leva em consideração a transferência dos festejos alusivos ao carnaval no município, que acontecerá en-

tre os dias 1º e 3 do mesmo mês. Para a data, apenas os serviços considerados essenciais permanecerão em funcionamento.


GERAL

Sテ。ADO e DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

9


10

SOCIAL

SÁBADO E DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

“Libertar-se do velho é a grande sacada para nos tornarmos dignos das surpresas designadas a nós pelo Universo. Na vida, tudo é questão de coragem, atitude e merecimento...” MP

“A Parisiense”, pura inspiração!

Cada vez que finalizo um livro, sinto-me realizado por ter conseguido agregar um tijolinho a mais na construção do castelo do conhecimento. Ontem, degustei as últimas páginas do delicioso “A Parisiense”, obra assinada por uma das mulheres mais elegantes e populares da França, Ines de la Fressange... Iniciei o livro perguntado: “Quais são os segredos do bom gosto francês?” Ines deu-me as respostas... A autora narra com estrema leveza o que aprendeu sobre estilo e beleza durante décadas imersa na indústria da moda em seu país. Ela dá conselhos de como se vestir com o encanto das parisienses e sugere um guarda-roupa a partir de apenas sete itens básicos e bons acessórios, que garantem produções práticas e alinhadas. Suas fontes preferidas para verdadeiros achados e soluções de vestuário, beleza e decoração são acompanhadas por fotografias de moda, nas quais a modelo é sua filha, e por desenhos assinados pela própria Ines. Esse guia inclui endereços da Paris secreta da autora: hotéis, restaurantes, spas, lugares fora do circuito turístico oficial e uma seção feita sob medida para a diversão das crianças. Escrito com humor e fluidez, em colaboração com a jornalista de moda da Elle, Sophie Gachet, “A Parisiense” é o roteiro fundamental para conhecer os endereços mais charmosos da capital francesa. #fica a dica!

Amanda da Veiga na noite da Moa Cheia de estilo, Roberta Hecht em balada no Cassino

Praticando o desapego

Anderson Rochedo e Thiago Leal em festa na Moa Cassino

Confesso: ainda guardo em meu closet muitas peças que, por simples apego, jazem nele há anos! Depois de ler o livro de Ines de la Fressange, “A Parisiense”, dei um basta neste péssimo hábito. Na obra, a autora sugere que, para darmos vazão à chegada do novo, precisamos ter a coragem de nos desfazermos de tudo aquilo que está somente ocupando espaço – só porque a camisa é Ralph Lauren não quer dizer que vou usá-la para o resto da vida. Plim! Caiu a ficha! Fora que acredito de corpo e alma na questão energética das coisas. Tudo tem energia, aura, logo, algo que está estagnado só pode mesmo exalar negativismo afetando diretamente a nossa saúde essencial – toda evolução é progressiva! Pensemos ainda: essa prática pode ir muito além do guarda-roupa... Em nossas vidas, por simples capricho de uma rotina viciada, convivemos com situações que não nos acrescentam em nada – um casamento infeliz; uma profissão que nos amargura e que não temos coragem de deixar para trás; o convívio com pessoas maledicentes que somente nos sugam... Enfim: tudo aquilo que infelicita nossas vidas porque não temos a coragem e o desapego de “chutar o balde”. Querem saber? A vida é breve, meus caros amigos, por isso não devemos ter receio de mandarmos embora tudo aquilo que aflige nossas existências subtraindo dela a tão desejada paz de espírito. E não é a “paz de espírito” o maior de todos os tesouros que podemos adquirir nessa lacônica viagem terrena? Tenhamos coragem, digamos um adeus definitivo a tudo que se opõe aos nossos ideais de felicidade, permitindo que o novo entre por todos os poros de nossos corpos e de nossas almas. Creio que libertar-se do velho seja a grande sacada para nos tornarmos dignos das surpresas que o Universo guarda para nós na senda do destino. Nesta vida, tudo é questão de coragem, atitude e, principalmente, MERECIMENTO!


SÁBADO E DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

11

SOCIAL

“Os fora da casinha”: sucesso bageense nas areias do Cassino

Ele começou de mansinho, foi tomando corpo até chegar no que é hoje: o maior e mais concorrido bloco de Carnaval do Cassino. Há exatos sete anos, Marcos Mello, Roberto Hecht e os irmãos Márcio e Carlos Câncio reuniram-se para fundar “Os fora da casinha”, bloco que arrasta multidões em festas e trios elétricos agitadíssimos! Neste 2013, os 1550 foliões participaram – observem a agenda! – de dois desfiles na Avenida, dois bailes na Eventual Eventos mais duas noites de balada na Moa Cassino. Pode?! Claro que pode! É só ter fôlego, disposição e... Fígado! Um dos fundadores do “Os fora da casinha”, Márcio Câncio, esteve no programa Paralelo MP comentando que, sem as parcerias, o sucesso não haveria acontecido com tamanha força. Estiveram com o bloco na realização dos eventos: La Gitana, Nix, Eventual, Pop Rock e, claro, o nosso FOLHA do SUL! E sabem o que é mais bacana? Saber que o nome de Bagé – pelo menos fora dela – continua sendo sinônimo de diversão em época de Carnaval. NOTA DEZ!

Nota Dez Saudade do tempo em que os clubes bageenses bombavam em todas as épocas do ano... Saudade dos carnavais emblemáticos do Clube Comercial e saudade da galera reunida no Cantegril quando este dispunha daquela estrutura fantástica que fora elogiada com tenacidade pelos forasteiros que aqui curtiam os verões. Dos tradicionais clubes, podemos dizer que o único que se mantém com um quadro de sócios capaz de mantê-lo com a devida dignidade seja o Bagé Tênis Clube... Graças a este quadro de colaboradores, a diretoria (observem que sem gestão comprometida não se caminha!) consegue realizar proezas, como, por exemplo, a construção de uma piscina térmica que é o maior barato! Fora a estrutura bem cuidada das piscinas, academia, saunas e dos espaços direcionados à prática de esportes. Assim, a coluna dedica NOTA DEZ à diretoria do Tênis, na pessoa do seu presidente João Azambuja, aos sócios – porque sem eles nada se constrói – e a todos os funcionários que fazem do Tênis um ícone do lazer bageense.

Os idealizadores do bloco que arrasta uma multidão no Carnaval do Cassino: Márcio Câncio, Roberto Hecht, Carlos Câncio e Marcos Mello junto ao Cap Cleiton Rocha da Eventual Casa de shows (centro)

Em alta... O amor com que Lula Barros orquestra a Casa de Cultura Pedro Wayne; As liquidações que estão bombando nas lojas parceiras do caderno ConteMPorâneo; O trabalho que a equipe da Apae realiza junto aos portadores de necessidades especiais. Todos preparadíssimos! A dedicação da médica pediatra Cledinara Salasar à frente da UTI Neonatal da Santa Casa. O desapego: o que perdeu o interesse para uns é um achado para outros; Os docinhos elaborados pela equipe de Neisa Budó – o “Ninhos” é destaque absoluto! A padaria Continental – tem o melhor corte de presunto da cidade! Subir o Cerro de Bagé para apreciar o pôr do sol; O turismo BOMBANDO em Aceguá!

Luísa Quadros, Thaís Teixeira e Natália Dal Molin estiveram “Fora da casinha” neste Carnaval. Clic Jéssica Pacheco

Em baixa... O caótico trânsito bageense; A espera nas filas dos bancos. Trinta minutos, onde?! Sair do restaurante palitando os dentes. Eca! A falta de calçamento em ruas centrais como Vereador Pinto Machado e 20 de Setembro. O orgulho de não reconhecer os erros; As filas que também assombram alguns supermercados. Para que tantos caixas, se menos da metade funciona? A sujeira das ruas ocasionada pela falta de educação de “certos” bageenses. Moisés Gonçalves e Felipe Ratto nas badalações da maior praia do mundo


12

SÁBADO E DOMINGO

16 e 17 de fevereiro de 2013

ENTRETENIMENTO

Saturno, Plutão e alguns planetas em Peixes em ótimo aspecto entre si movimentam e transformam suas emoções. O momento pede que você deixe para trás questões relacionadas ao seu passado. Não se cobre.

Saturno, Plutão e alguns planetas em Peixes vão movimentar seu dia a dia e trazer algumas mudanças necessárias aos seus projetos de trabalho. O momento é ótimo para cuidar melhor de sua saúde e retomar seu equilíbrio.

Saturno, Plutão e planetas em Peixes em ótimo aspecto transformador movimentam assuntos relacionados a contatos com grandes empresas, clubes e instituições. O momento é ótimo para firmar contratos importantes.

Saturno, Plutão e alguns planetas em Peixes vão mexer mais profundamente com seu coração e trazer algumas questões à tona. Você vai se conscientizar de algumas necessidades emocionais e algumas mudanças serão feitas.

Saturno, Plutão e alguns planetas em Peixes movimentam positivamente sua carreira e projetos profissionais. O momento é ótimo para novas iniciativas no setor. Uma mudança de caminhos pode acontecer.

Saturno, Plutão e alguns planetas em Peixes mostram algumas necessidades de mudanças em sua vida doméstica e familiar. Caso esteja vendendo ou comprando um imóvel, é possível que isso aconteça nos próximos dias.

Saturno, Plutão e alguns planetas em Peixes movimentam questões relacionadas aos seus projetos futuros, especialmente os que envolvem as viagens e os estudos. O momento é ótimo para rever direções.

Saturno, Plutão e alguns planetas em Peixes vão mexer com seu mundo mental, podendo trazer a consciência de que algumas mudanças devem ser feitas neste período. É bom a prática de exercícios para o controle da mente.

Saturno, Plutão e planetas em Peixes vão mexer e remexer com sua vida emocional mais profunda. Algumas mudanças importantes podem acontecer e podem chegar acompanhadas de uma pequena crise de sentimentos.

Saturno, Plutão e alguns planetas em Peixes vão mexer e podem trazer algumas mudanças em suas finanças e investimentos. Um novo contrato pode ser firmado ou um trabalho que beneficie seus rendimentos.

Afonso sugere a Albertinho que ele desista de Elias. Albertinho ameaça pedir a guarda do filho. Isabel avisa a Edgar que precisa se livrar do inquérito, antes que Elias descubra que Constância é sua avó. Diva coloca o teatro na frente da vida pessoal. Albertinho revela à mãe que não quer mais ver Elias. Jurema pergunta a Zé Maria se ele pensa em desistir do casamento com Isabel. Catarina não concorda com Edgar, que insiste na ideia de matricular Melissa na escola de Laura. Zé Maria tira Elias da escola ao ver Constância subir o morro. Isabel dá um ultimato em Laura para expulsar a mãe da escola.

Kiko tem uma crise por causa do casamento e Roberta o repreende. Ulisses admira Vânia. Juliana decide ir à casa de Nando. Nenê e Veruska ficam frustrados por não conseguirem a cópia da chave do armário do aeroporto. Carolina e Felipe jantam em um restaurante elegante. Uma senhora se aproxima de Roberta e Nando desconfia. Carolina convence Felipe a passear com ela depois do jantar. Alexandra faz uma serenata para Otávio. Felipe se desespera ao ver que será obrigado a passar a noite com Carolina. A senhora leva Nando e Roberta para um beco e o casal é assaltado por uma quadrilha. Lucimar afirma aos repórteres que Lívia mandou Morena para a Turquia. Helô lê a reportagem com Lucimar e pede para conversar com ela. Lurdinha vê a foto de Santiago no jornal e afirma a Lucimar que o conheceu por intermédio de Wanda. Théo assiste à coletiva de Lívia e fica indignado. Théo avisa a Lucimar que vai ajudá-la a desmentir Lívia na mídia. Lurdinha coloca na internet a foto da pulseira que ganhou quando nasceu. Aisha acredita ter encontrado sua família biológica. Helô decide procurar Lívia depois de conversar com Sheila. Zyah confessa a Demir que não sentiu nada quando falou com Bianca.

FILMES EM CARTAZ Sábado - Detona Ralph (dub) 19:00 Os Penetras 21:15 Domingo - Paranorman (dub) 17:15 Detona Ralph (dub) 19:00 - Os Penetras 21:15

ANIVERSÁRIOS Saturno, Plutão e alguns planetas em Peixes vão movimentar intensamente seus relacionamentos e mudar alguns caminhos e direções. Um relacionamento especial pode se tornar mais profundo neste período.

Saturno, Plutão e alguns planetas em seu signo vão movimentar todos os setores de sua vida, trazendo transformações emocionais e algumas mudanças de caminho. Determinação e direção.

16/02 - Ana Elise Dias - Carlos Augusto Rillo Borges - Fernandino Padilha Farias - João Paulo Lunelli - Letícia luz Fronck - Taís Rocha - Rochele Kasper

17/02 - Lorem Garcia Medeiros Borges - Natiele Araújo - Romário Almeida - Dalva Waiss - Adriana Gaffreé Burns - Arlindo Thomas - Clarissa Resende Curra - Marcelo Llano de Brito - Micael Martins - Vergino Antônio A. Pires Sérgio Oliveira Reis

00:25 Programete Fórmula 1 00:30 Castle 01:15 Coração Valente 04:50 Sagrado 04:55 Telecurso Educação Básica 05:05 Telecurso Profissionalizante 05:20 Telecurso Ensino Médio 05:40 Telecurso Ensino Fundamental 05:55 Globo Rural 06:30 Bom Dia Rio Grande 07:30 Bom Dia Brasil 08:30 Mais Você 10:00 Bem Estar 10:40 Encontro 12:00 Jornal do Almoço 12:50 Globo Esporte 13:20 Jornal Hoje 13:50 Vídeo Show 14:35 Da Cor do Pecado 16:05 Starstruck 17:45 Malhação 18:15 Lado a Lado 19:00 RBS Notícias 19:20 Guerra dos Sexos 20:30 Jornal Nacional 21:05 Salve Jorge 22:25 Big Brother Brasil 13 22:50 Globo Repórter 23:45 Jornal da Globo

00:00 Jornal da Noite 00:45 Claquete 01:35 Show Business - Reapresentação 02:35 Local 04:00 Igreja Mundial 06:00 Igreja Mundial 06:50 1º Jornal 07:30 Local 08:00 Dia Dia 09:10 Fanboy e Chum Chum 09:35 Danny Phantom 10:00 True Jackson 10:25 Kenan & Kel 10:50 I-Carly 11:10 Jogo Aberto 12:30 Local 15:00 Futurama 15:50 I-Carly 16:50 Brasil Urgente 18:50 Local 19:20 Jornal da Band 20:25 Momento da Sorte 20:28 Show da Fé 21:20 Zoo 21:30 Os Simpsons 22:30 Pânico na Band 00:00 Conexão Repórter 01:00 Jornal do SBT 01:45 Dois Homens e Meio 02:15 The Big Bang Theory 02:45 Chuck 03:30 Suburgatory 04:00 Jornal do SBT 07:00 SBT Rio Grande 07:30 Carrossel Animado 09:00 Bom Dia & Cia 12:10 SBT Rio Grande 12:45 Três é Demais 13:15 As Visões da Raven 13:45 Eu, A Patroa e as Crianças 14:30 Gotinha de Amor 15:15 Jamais te Esquecerei 16:15 A Usurpadora 17:15 Quem Convence Ganha Mais 18:15 Chaves 19:40 SBT Brasil 20:30 Carrossel 21:15 Programa do Ratinho 22:45 Jonah Hex 00:00 House 01:15 Programação IURD 06:30 Direto da Redação 07:20 Rio Grande No Ar 08:40 Fala Brasil 10:00 Hoje em Dia 12:00 Record Kids 12:45 Balanço Geral 14:45 Programa da Tarde 17:30 Cidade Alerta 19:45 Rio Grande Record 20:30 Jornal da Record 21:15 C.S.I. NY 22:15 Balacobaco 23:15 Câmera Record


GERAL

SÁBADO e DOMINGO

13

16 e 17 de fevereiro de 2013

Unipampa terá concurso com nove vagas para Bagé

Fotos: Gleider Ayres

Manifestações no campus Uruguaiana da Universidade Federal do Pampa por falta de professores gerou dúvidas na comunidade quanto ao número de docentes em Bagé. Contudo, conforme informações oficiais, apenas o curso de música necessita de profissionais. O diretor do campus Bagé, o professor Fernando Junges, diz que como sua implantação é recente, pode ser considerado com um número menor de professores. “Entretanto o número de docentes atual se encontra condizente com o projeto de implantação do curso”, garantiu por meio da assessoria de imprensa da universidade Ainda pela divulgação, fora informado que a universidade segue trabalhando para atender todas as demandas dos dez campi da instituição. Conforme afirma o vice-reitor, Almir Barros da Silva Santos Neto, já na primeira quinzena de março deve ser lançado um edital de seleção com 103 novas vagas de docentes efetivos para toda a instituição de ensino. Só

para Bagé serão nove vagas: três para o curso de música e seis para suprir demandas dos outros cursos. A distribuição de vagas entre cursos e o perfil dos docentes a serem concursados, contudo, são determinadas em decisões tomadas no âmbito do Conselho do Campus – é o que disse a assessoria. O lançamento do novo edital, assim, aguarda a aprovação no Conselho Universitário de uma nova resolução para a realização de concursos docentes que passarão a levar em consideração a Lei 12772, de 28 de dezembro de 2012, que trata da reestruturação da carreira docente. Tal resolução será apresentada para apreciação do Conselho Universitário na próxima reunião ordinária do colegiado, que ocorre em 28 de fevereiro. O vice-reitor ressalta ainda que além das 103 vagas programadas para o novo edital, estão previstas mais 17 novas vagas para professores efetivos de Língua Brasileira de Sinais, que devem ser distribuídas em toda a Unipampa.

Nos dez campi serão oferecidos 107 postos de trabalho

Concurso para professores substitutos da Urcamp disponibiliza 15 vagas Desde quinta-feira, está aberto o período para inscrições no processo seletivo para contratação de professores substitutos para atuar na Universidade da Região da Campanha. Ao todo, são disponibilizadas 15 vagas: oito para Bagé; três para Alegrete; três para Santana do Livramento; e uma para São Gabriel.

Para concorrer, os candidatos interessados devem efetuar inscrição pela internet, através do link www.urcamp.tche.br/site/images/ pdf/edital_01-13_concurso.doc. Os documentos necessários são: 1- Requerimento de inscrição, gerado no momento da inscrição

via internet; 2 – Gabarito para Avaliação da Prova de Títulos, devidamente preenchido; 3 - Currículo Lattes encadernado com fotocópias dos documentos comprobatórios organizados de acordo com a ordem do Gabarito de Avaliação da Prova de títulos.

São Benedito oferece maternal em 2013 por Niela Bittencourt

Estão abertas as matrículas para o Educandário São Benedito. A novidade é que a entidade também contará, em 2013, com uma turma de maternal. Podem ser matriculadas crianças de três anos de idade. Conforme a diretora, irmã Inês Terezinha Sangalli, a turma terá de 12 a 15 alunos. O prédio já está preparado para atender as necessidades dos pequenos, já que passou por uma reforma que adequou espaços, como a sala, que é totalmente adaptada para a faixa etária dos estudantes. Já são nove matriculados. ConEstrutura recebeu adaptações para alunos de três anos

tudo, a irmã garante que enquanto houver vagas, as matrículas ocorrerão. É preciso lembrar que as aulas iniciam na segunda-feira, dia 18. Também estão disponíveis turmas de pré-escola. A escola, que oferece até o quinto ano do Ensino Médio, espera 300 alunos para o ano letivo. Para esses também podem ser efetuadas matrículas, ainda que as vagas sejam limitadas – para o segundo ano, por exemplo, já não há nenhuma disponível. Um dos diferenciais do educandário são as atividades em turno integral:

a irmã lembra que essa é uma alternativa para os pais que trabalham e não querem deixar seus filhos em casa. A diretora explica que as crianças frequentam as aulas regulares e no turno inverso participam de oficinas. Estão entre as opções aulas de ballet, flauta, coral, futsal, além de atividades artesanais. É possível participar de uma escolinha de futsal, que também é aberta para estudantes de outras instituições de ensino: as matrículas serão abertas no final de fevereiro. Essas atividades esportivas acontecem das 17h30min às 18h30min.


GERAL Bacia do Rio Camaquã deve ganhar estudo sobre qualidade da água 14

SÁBADO E DOMINGO

16 e 17 de fevereiro de 2013

que fazem parte da Bacia. “O projeto vai enfatizar a gestão das águas do Rio Camaquã e deve estar na rua no início do segundo semestre.” A novidade esperada pelo Comitê é o plano da bacia, que deve ser elaborado por uma empresa terceiriza que fará o estudo de qualidade da água, da quantidade e dos usos que se faz da substância, elaborando um diagnóstico sobre o Camaquã. Posteriormente, a população das cidades por onde passa o curso do Rio, devem participar de reuniões em que será discutido o estudo, para demandar ações de mudança ou conservação da situação. A estimativa, hoje, é que 90% do uso dá água seja feita para irrigação de lavouras de arroz. Apesar do fato, Siva diz que a situação do Camaquã é boa. Em Bagé, a próxima reunião do órgão acontece no dia 17 de outubro.

Municípios

por Rochele Barbosa

Gleider Ayres

Os municípios integrantes da Bacia do Rio Camaquã são: Amaral Ferrador, Arambaré, Arroio do Padre, Bagé, Barão do Triunfo, Barra do Ribeiro, Caçapava do Sul, Cachoeira do Sul, Camaquã, Canguçu, Cerro Grande do Sul, Chuvisca, Cristal, Dom Feliciano, Dom Pedrito, Encruzilhada do Sul, Hulha Negra, Lavras do Sul, Pelotas, Pinheiro Machado, Piratini, Santa Margarida do Sul, Santana da Boa Vista, São Jerônimo, São Gabriel, São Lourenço do Sul, Sentinela do Sul, Tapes e Turuçu.

Trabalho garante boa renda para Azevedo

Édison Larronda/Especial FS

O Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Rio Camaquã, que foi instalado em 13 de abril de 2000, possui atribuições normativas e deliberativas. O órgão, composto por representantes da sociedade e de usuários públicos e privados das águas, é instituído pelo Governo do Estado, e tem como objetivo central discutir e deliberar questões sobre o interesse comum aos usuários da água da bacia hidrográfica. As reuniões são realizadas a cada três meses em municípios que fazem parte da Bacia, os encontros são públicos e abertos, porém só quem tem direito a voto são os participantes do Comitê. De acordo com o secretário executivo do órgão, Rogério Silva, a última reunião aconteceu em Arambaré, no dia 31 de janeiro, em que foi debatido o projeto de educação ambiental, que deve ser implantado nos 29 municípios

Emprego virtual: bageense monta boletins para sindicato do Rio de Janeiro

Diagnóstico será concluído em um ano

Uma nova modalidade de emprego são os serviços virtuais. Apesar do ramo ainda ser arriscado, há empresas sérias e profissionais que estão garantindo boa remuneração e valorização pessoal. O ex-chefe de gabinete da Secretaria Municipal de Cultura, Renato Azevedo, encontrou no mundo da internet um trabalho que lhe toma apenas quatro horas diárias e recompensa muito em remuneração financeira. “Fui passear no Rio de Janeiro onde minha filha já trabalhava com o sindicato. Hoje tenho um contrato de trabalho pela internet, e então entrei nesse setor”, destaca. Azevedo informa que o serviço é simples, é uma clipagem virtual do Sinicon – Sindicato Nacional da Construção Pesada/ Infraestrutura. “Faço uma busca, tive que aprender a lidar com essas novas ferramentas, mas acredito que todos somos capazes, então procuro notícias de interesse do sindicato e seus associados”, explica. O novo serviço é um campo em crescimento, acrescenta Renato Azevedo. “Tenho remuneração

mensal, tenho uma microempresa e então presto serviços, envio cerca de 200 e-mails por dia”, informa. Os clippings devem ser entregues antes das 9 horas da manhã. “Faço assinaturas virtuais dos jornais como o Valor Econômico. Este meu trabalho é único no sindicato, tenho duas redes de internet e dois computadores, trabalho cerca de quatro horas por dia, de segunda a sexta-feira, e até às 8h30min já enviei todos os e-mails”, relata. “Tenho alvará da prefeitura, pago taxa básica para ser microempreendedor. É um trabalho muito bom, em crescimento”, garante. Azevedo ainda explica que o clipping é um meio de deixar todos empresários, associados e sindicalistas inteirados sobre as notícias. “Eu seleciono assuntos de interesse do sindicato, trabalho para eles do Rio de Janeiro, mas meu dinheiro é gasto em Bagé, meu lucro e renda são para Bagé, acho que quem quer trabalhar tem essa ferramenta importante hoje, a internet é um meio em expansão”, avalia.


GERAL

15

SÁBADO e DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

Sociedade Uruguaia completa 13 anos de reativação A Sociedade Uruguaia de Socorros Mútuos, instalada em Bagé desde 25 de agosto de 1929, foi reativada no ano de 2000, pelo uruguaio, Inácio Pinheiro Severo, 94 anos. A ideia de constituir uma associação para os conterrâneos que moravam em Bagé começou em 1999, porém no meio do processo, ele descobriu que o órgão já existia, mas estava sem atividade desde 1979, quando foi fechada pela ditadura militar brasileira. A partir de então, o trabalho foi retomado por ele. Hoje, são prestados auxílios aos naturais do país vizinho que vivem na cidade, como ajuda em caso de problema de saúde, documentação ou auxílio para viagens. Ele relata que nos municípios de Lavras do Sul, Bagé e Aceguá vivem 5 mil uruguaios. Severo que veio morar aos três anos na Serrilhada,

Fotos: Gleider Ayres

fronteira Brasil- Uruguai, nasceu na 8º seção de Riveira, e por viver entre as duas nações teve contato com brasileiros e uruguaios e fazia o transporte destes para votar no seu país. Já com 48 anos, ele veio com a família para morar em Bagé. “Os filhos vieram estudar na cidade e eu também”, conta ele que terminou o primário, depois deu continuidade a formação e se graduou em Direito. Ele começou a trabalhar quando era criança e veio morar na Serrilhada. O advogado perdeu o pai e foi deixado pela mãe para ser criado pelos avós. “Eu ainda com a idade de quatro anos, parece que não servia para nada, mas em um balde carregava água da sanga para o mate e em outro para o almoço. Também era posto em cima de um cavalo para atacar os bois”. Daí para a frente,

Severo foi carreteiro, peão de campo, esquilador, carpinteiro e pedreiro. O carreteiro tem dupla cidadania graças ao alistamento que foi obrigado a fazer, pelo exército brasileiro, onde ficou por quatro anos. “Morando na fronteira do Brasil, as autoridades brasileiras fizeram com que eu me alistasse no serviço militar, porque se expandia a Segunda Guerra Mundial, em 1939”. A sede da Sociedade Uruguaia está localizada na rua Salgado Filho, 298. Atualmente, o prédio precisa de melhorias, porém, a instituição não tem verba para fazer a obra. Para aqueles que quiserem fazer parte da Sociedade ou contribuir para a sua conservação podem entrar em contato pelo telefone (53) 9994-8237 (Daniel Guasque).

Sede precisa de algumas melhoras

Severo já foi presidente da Sociedade, hoje ocupa o posto, porém como convidado de honra


16

SÁBADO E DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

GERAL

A força do voluntariado: AJA unindo vidas, superando o câncer por Rochele Barbosa

Fotos: Gleider Ayres

Criado no dia oito de agosto de 1997 pelo médico Irineu Omar dos Santos, o grupo AJA, Ajudantes Anônimos de pacientes com qualquer tipo de câncer contava com nove componentes em sua formação. A assembleia de formação e constituição do grupo só ocorreu dois anos depois, em 1999, onde foi feito o estatuto da ONG. Segundo uma integrante há 13 anos no grupo e secretária geral do AJA, Vera Regina Lopes Colares, os ajudantes anônimos possuem o título de utilidade pública desde o ano 2000. “Vários estagiários da área de saúde da universidade da região da campanha, Urcamp já fizeram trabalhos de conclusão sobre o nosso grupo”, destaca.

Vera Regina conta também que muitos pacientes e familiares fazem parte do grupo. “Atualmente temos mais de 40 pessoas integrando e participando do grupo que é de apoio integral a todos pacientes de qualquer tipo de câncer”, explica. Nestes 15 anos, o Grupo AJA proporcionou à comunidade bageense muitas palestras e encontros, trazendo médicos de outros municípios e também especialistas de oncologia, conta a aposentada integrante. “Tivemos voluntários de um grupo de Porto Alegre do Instituto da Mama, médicos especialistas em radioterapia, hepatites, urologistas e mastologista e muitas

psicólogas trazendo notícias e novidades”, acrescenta. A aposentada Elenice Barañano já participa há muito tempo e se diz curada do câncer de mama que a acometeu há mais de 13 anos. “Neste grupo achei apoio, tive ajuda e estou muito feliz, somos amigas e temos várias atividades, vivemos, felizes, superando a doença”, declara. Elenice destaca que o voluntariado é importante e ajuda os novos pacientes. “É um momento de renascimento é a segunda chance, é um grupo de convívio, amizade, divisão dos problemas e principalmente apoio”, enfatiza.

Trabalho para superação da doença

Sede do grupo na rua Vinte de Setembro, 1185

Fotos de eventos e festas

A psicóloga Orfelina Ricardo é outra voluntária do grupo e explica que o propósito do AJA é dividir o adoecimento, dar apoio e motivar à autoajuda. “Foi um grupo fundado por um homem, tem esse diferencial, temos um encontro por semana”, explica. Orfelina destaca que os encontros são de duas horas, na sede do grupo, onde os pacientes, voluntários e direção poporcionam diversas atividades. “No primeiro encontro do mês é feita a contribuição espontânea da mensalidade, no segundo é doado um quilo de alimento não perecível, no terceiro passamos assuntos in-

formativos, vacinas e temas ligados à oncologia e o quarto encontro é a nossa festa dos aniversariantes do mês”, declara a psicóloga. Todo novo participante faz um cadastro e qualquer pessoa pode ser do grupo, comenta a psicóloga que doou a sede para os encontros e festas do grupo AJA. “Este ano estamos um pouco tristes devido ao fato do nosso coordenador ter falecido, ele que estava na direção do grupo desde 2001, o médico Breno Gasparri”, argumenta. A psicóloga tem especialização em psico-oncologia e destaca que o trabalho no local é para celebrar a vida. “Comemorar e viver feliz,

Grupo de voluntárias

saber superar a doença e participar, ter amigos e auxiliar”, relata. Orfelina destaca que o grupo está aberto para todos que quiserem participar, a ideia é sempre agregar e ajudar. “Vamos fazer visitas domiciliares, conversamos, damos apoio a família e aos doentes”, encerra.

Diretoria

Vice-Coordenadora Leni Mariotto Colpo, 1ª Secretária Vera Regina Lopes Colares, 2ª secretária Sônia Maria Paiva Costa, 1ª tesoureira Janir Medeiros Machado e segunda tesoureira, Dilce Mara de Castro de Oliveira.


GERAL

SÁBADO e DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

Simba está otimista quanto ao reajuste do vale-alimentação por Niela Bittencourt A negociação entre Sindicato dos Municipários de Bagé e o governo quanto ao reajuste salarial dos funcionários públicos ainda deve demorar. Até agora apenas uma reunião teria ocorrido justamente o encontro que oficializou o pedido de reajuste de 12% em 2013, por parte dos representantes da categoria. Conforme a vice-presidente do Simba, Carla Viana Lacerda, uma reunião estava prevista para o início de fevereiro, porém foi cancelada. Uma nova data não foi marcada. Ela diz que os sindicalistas estão otimistas, ainda que estejam cientes de que o município está no limite prudencial de gastos com pessoal. O sentimento é referente ao reajuste do vale-alimentação. O Simba pede que o valor diário passe para R$ 10: por enquanto esse montante é de R$ 5. “Estamos aguardando a reunião, mas

estamos animados”, garantiu. Ela lembra que o reajuste salarial não poderá ser inferior a inflação, ou seja 7%. Mas é claro que busca-se ganho real e, sobretudo, reposição de perdas salariais dos últimos anos – é o que representaria esses 12%. Hoje, o piso municipal é de R$ 330,59. Com os 12%, o base passaria para R$ 370,16. Caso apenas ocorra reposição inflacionária, para o sindicato, o poder de compra dos funcionários municipais será ainda mais comprometido. Carla manifestou preocupação quanto a negociação, até porque a demora poderá representar um atraso no reajuste. É preciso entender que o Simba solicitou ao município que o reajuste fosse repassado logo no início do primeiro semestre, assim a decisão estava sendo esperada ainda para o mês de fevereiro, diferente de outros anos,

que ocorreu entre março e maio. “Os funcionários estão nos cobrando, mas ainda não temos muito o que dizer”, disse. A sindicalista enfatiza, contudo, que essa é a prioridade do trabalho do Simba em 2013. No ano passado, o reajuste salarial foi de 7,2%, índice pouco acima da inflação. Desde 2002 há perda salarial na categoria, já que naquele ano a diferença entre piso e salário mínimo era de R$ 20. Agora, esse montante atingiu R$ 291,41. O piso bageense foi criado em 2003 logo após o item da Lei Orgânica que estipulava que o salário básico do servidor público municipal não poderia ser inferior ao salário mínimo. É desde então que, ao salário base, são adicionados uma série de outros benefícios para que o salário mínimo seja alcançado.

Hoje é dia da escolha da Rainha do Carnaval do Estado A escolha da Rainha do Carnaval do Estado acontece hoje, a partir das 23h, na sede social do Clube Caixeiral. Os ingressos custam R$ 5 e a mesa, para quatro pessoas, R$ 40. O concurso que teve sua edição ameaçada pela suspensão das atividades carnavalescas oficiais, decretada pelo prefeito Dudu Colombo, só vai ser realizado porque o radialista, Edgar Muza, idealizador do desfile, angariou fundos através de uma rifa. Sem o apoio financeiro da prefeitura, o carnavalesco achou no sorteio de uma televisão, a forma para não deixar de fazer o evento na cidade, que já acontece há 36 anos. Dos mil números da rifa, 600 já foram comercializados. “O dinheiro vai servir para pagar o almoço e o hotel das candidatas. As vendas estão boas, mas eu peço que todos sigam ajudando”. A 36ª edição vai ter, além da escolha da rainha adulta, mirim e infantil, a seleção do Rei Momo e da soberana da diversidade, que compõem a corte do carnaval do Rio Grande do Sul. Para representar Bagé, como rainha adulta, foi escolhida na última segunda-feira, dia 11, Tayná Fortes do Amaral Pires, concorrente pela escola de samba Aliança. A disputa aconteceu no Ginásio do Flamengo e contou com a participação de 28 candidatas, que representavam entidades carnavalescas da cidade. Já na categoria infantil, foi eleita Tábata Lima, da Tropicaliente, entre as pequenas, a soberana é Claudete Soares, da Imperadores do Povo Novo. Entre as concorrentes da categoria diversidade, a campeã foi Ariadna Wilson.

Antonio Rocha

Soberana adulto

Apesar do amor pela festa mais popular do Brasil, Muza pensa em vender a marca do Rainha do Carnaval do Estado, dessa forma o concurso passará a acontecer em outra cidade. Três municípios já estão interessados na aquisição do concurso, Santana de

Livramento, Santa Ária e Santo Ângelo. A negociação deve acontecer nesse final de semana. A princípio, o valor não foi divulgado, mas o radialista afirma que não tem mais condições financeiras de manter a escolha, portanto a cidade que oferecer mais, leva o Rainha do Estado.

17


18

SÁBADO E DOMINGO 16 e 17 de fevereiro de 2013

SEGURANÇA

Carro para em fila dupla e congestiona trânsito no centro O trânsito de Bagé está cada vez mais caótico, o que até aí não é nenhuma novidade. Porém, às vezes, um simples gesto pode piorar uma situação que já está complicada. Um exemplo disso foi registrado no final de tarde do último dia 18 de janeiro.

Na ocasião, uma das câmeras de videomonitoramento do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGI-M) flagrou um motorista que simplesmente parou um carro na avenida Marechal Floriano, num dos pontos mais movimentados da cidade.

Ônibus quase subiu no canteiro para manobrar

Cachorros são atingidos por disparos de arma de fogo Uma moradora da avenida Presidente Vargas, nº 652, foi até o Plantão da Polícia Civil para registrar que teve quatro dos oito cachorros de estimação feridos por arma de fogo. Segundo o boletim de ocorrência, Fernanda Mattos Sarmento Giorgis, de 33 anos, levou os animais ao veterinário, e ele atestou que os cães apresentavam ferimentos com material metálico, do tipo

chumbinho, produzido por tiros. De acordo com o registro policial, a mulher teria questionado um vizinho, de nome Gian Marcos Montanari Fagundes, sobre a autoria dos disparos e ele teria confirmado ser o autor. Além disso, Fernanda contou na delegacia que o acusado disse que os cachorros estariam incomodando, por isso ele teria dado os tiros.

Além de fazer algo proibido, a atitude também deixou mais difícil a circulação naquela área. Um ônibus que estava atrás do automóvel teve muita dificuldade para circular, sendo que quase subiu o canteiro para seguir o trajeto. Pouco depois, os

GGI-M avisou a Brigada Militar sobre situação

plantonistas do GGI-M avisaram a Brigada Militar que foi até o local. O motorista foi abordado e teve o veículo vistoriado. De acordo com o sargento Lacerda, da Brigada Militar, foram tomadas as devidas providências. “Ele provavelmente

foi autuado”, explica. Segundo o Código de Trânsito Brasileiro, o ato de estacionar impedindo a movimentação de outro veículo é considerado uma infração média, com penalidade de multa e que pode resultar em remoção do automóvel. Fotos: Reprodução/FS

Autoridades fiscalizaram automóvel

Teste do bafômetro apontou que condutor estava sob efeito de álcool

Acidente na BR-153 deixa veículo danificado Um Passat Turbo, com placas COR-5372, de Passo Fundo, sofreu um acidente por volta das 16h da última quinta-feira. A saída de pista aconteceu no km-558, da BR-153. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, após o choque, o automóvel foi guinchado e o condutor, que estava sozinho, seguiu viagem para Passo Fundo. O automóvel vinha no sentido de Caçapava do Sul/Bagé e, segundo o relato do motorista aos policiais, ele teria perdido o controle do veículo em função da chuva forte que caía no momento. A vítima fez o teste do bafômetro e deu o resultado de 0,06mg/l, o que, conforme as autoridades, caracterizava que estava sob efeito de álcool. Ele foi multado em R$ 1.1915,00 e teve a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida.

Divulgação/FS

Motorista teria dito que chuva provocou a saída da pista

Homem morre afogado em barragem de Hulha Negra

Em menos de 48h, duas pessoas perderam a vida em Hulha Negra, vítimas de afogamento. Por volta das 14h da última quinta-feira, mergulhadores do Corpo de Bombeiros de Uruguaiana foram até a barragem da

Cooperativa Regional dos Agricultores Assentados (Cooperal) e retiraram o corpo de Adelir Maestri, de 46 anos. Segundo informações da Polícia Civil de Candiota, os bombeiros estiveram no local na quarta-feira, dia em que

a vítima desapareceu, porém não haviam encontrado nada. De acordo com as autoridades, Adelir estava pescando junto com outros amigos e teria se atirado na água para mergulhar e não voltou mais.

morreu afogado em açude próximo de casa, na Colônia Salvador

Jardim, na divisa entre Bagé e Hulha Negra.

Morte em casa Na última quarta-feira, Ricardo Waldow, de 73 anos,


ESPORTES

Bangu x Pedra Branca: quem fará a festa? Um momento especialíssimo para o futebol amador da cidade e a própria comunidade na tarde deste sábado, no Complexo Esportivo “Presidente Médici”, com a decisão do título citadino

ainda de 2012. Às 16h30min, no campo 2, Bangu e Pedra Branca protagonizam um confronto esperado com muita expectativa, com os banguenses jogando pelo empate

para comemorar o título. Vitória simples do Pedra Branca significará o bicampeonato municipal e o quinto em sua história. Depois da partida, a solenidade de premiação aos vencedores. Fotos: Caçapava/Especial FS

Resumo esportivo higinobage@yahoo.com.br

FRACASSO – O Grêmio Porto-alegrense, de fortíssimos investimentos, estreou da pior maneira possível na fase de grupos da Libertadores. Mesmo jogando em casa, na Arena, o Tricolor perdeu para o Huachipato do Chile por 2x1. A segunda rodada terá, na quarta-feira, dia 20, Fluminense x Grêmio, no Engenhão; Huachipato x Caracas. ARVOREZINHA – O clube da zona Oeste, dos popularíssimos Tatu e Betinho, realiza na manhã de domingo, no “Vermelhão da Serra”, torneio comemorativo aos seus 20 anos de fundação. Na categoria 35 anos, os participantes serão o próprio Arvorezinha, Fiorentina, Mascarenhas de Morais e Unidos do Povo Novo. GAUCHÃO – Anteontem, Cruzeiro 0x1 Esportivo. Jogos deste domingo, às 16h, na última rodada do turno, em disputa da Taça Piratini: Cruzeiro x Internacional, Grêmio-B x Veranópolis, Caxias x São José, Pelotas x Canoas, Novo Hamburgo x Esportivo, Cerâmica x Juventude, Lajeadense x Santa Cruz, Passo Fundo x São Luiz. PAULISTA – O Guarani de Campinas, treinado pelo bageense Cláudio Ibraim Vaz Leal (Branco), está em 19° lugar, com apenas 4 pontos. No fim de semana, joga em Piracicaba, diante do 15 de Novembro. CARIOCA - Botafogo (14 pontos) e Flamengo (16), em seus respectivos grupos, já estão garantidos nas semifinais da Taça Guanabara e confrontamse no fim de semana. Em chaves distintas, Madureira (11 pontos) e Vasco, 10; Fluminense, 12, Audax com 11 e Boavista (do zagueiro André Luís, disputam uma vaga. Os jogos do fim de semana: Madureira x Bangu, Vasco da Gama x Audax, Volta Redonda x Boavista. GOIANO – Aparecidense, de Anderson Paim de Rodrigues (Son), quarto colocado, com 50% de aproveitamento, joga em casa, no fim de semana, contra o Grêmio Anápolis. Já o Crac, do zagueiro Bem-Hur, na décima colocação, enfrenta, como visitantes, o Rioverdense.

Ambos já estão garantidos na “Taça de Ouro” de 2013. Mas o sabor do título da segunda divisão tem um caráter todo especial. Daí porque o jogo Malafaia x Porto, programado para este domingo, às 14h30min, no “Militão”, tem um caráter empolgante. O Malafaia ganhou o primeiro jogo por 4x1 e, assim, pode perder por diferença de até dois gols para fazer a festa. O Porto, que teve melhor retrospecto antes da fase decisiva tem a necessidade de vencer por margem de três gols.

Vitória simples do Pedra Branca significará o bicampeonato municipal

Veteranos: os jogos do sábado e domingo fase terá os jogos Hulha Negra x Grêmio dos Subtenentes e Sargentos, São Pedro x Brasil, União Ferroviário x Arvorezinha, Palmeiras x São Luiz, Três Corações x Santa Flora. Classificação atual: Nacional, 12 pontos; São Luiz (um jogo a menos) e Hulha Negra, 9; Grêmio

16 e 17 de fevereiro de 2013

Malafaia x Porto: os promovidos em campo

Bangu joga pelo empate

O Torneio de Verão AP Esportes/ Jornal FOLHA do SUL promovido pela Liga Bageense de Futebol de Veteranos é novamente forte atração no fim de semana dos bageenses. Nos 50 anos, na tarde deste sábado, a quinta rodada da primeira

19

SÁBADO E DOMINGO

dos Subtenentes e Sargentos, São Pedro e Santa Flora, 6; Arvorezinha, União Ferroviário, Três Corações e Palmeiras, 3; Brasil, zero. Domingo pela manhã, segunda rodada do returno: Stand x Nápoli, São Simão x Nápoli, folgando o Aimoré. O Nápoli foi o campeão do turno.

13/2/13

FEDERAL 1º 28.478 2º 86.653 3º 91.467 4º 60.071 5º 11.864

MEGA-SENA Nº 1468 01 02 10 19 20 37 LOTOMANIA Nº 1323 01 02 06 07 08 10 13 19 28 37 43 55 67 71 73 77 87 89 90 98

LOTOFÁCIL Nº 867 02 03 04 05 06 07 08 10 12 13 14 15 21 22 25 QUINA 3119 03 23 25 29 68 DUPLA-SENA Nº 1150 Primeiro sorteio 02 03 10 24 30 37 Segundo sorteio 01 03 07 10 32 36


www.jornalfolhadosul.com.br

Gaúcho

FOLHA SUL

BAGÉ, SÁBADO E DOMINGO, 16 e 17 DE FEVEREIRO DE 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013

BagĂŠ, 16 e 17 de fevereiro de 2013


Folha do Sul Gaúcho Ed. 849 (16/02/2013)