Page 1

Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará. Salmos Salmos 1.3 1.3

INFORMATIVO DA IGREJA BATISTA DO CAMINHO DAS ÁRVORES FUNDADA EM 19 DE JUNHO DE 1988 - 46 MEMBROS. SUMO BISPO: JESUS CRISTO DE NAZARÉ. AUXILIAR: BISPO ÁTILA BRANDÃO SALVADOR/BA - 29 DE JULHO DE 2007 - Nº 171

APOLOGIA À DESCRIMINALIZAÇÃO DO ABORTO Pra. Alda Velôso (médica) Contribuição de Anrykelson Velloso (advogado)

Deus não precisa do sacrifício de uma vida para criar e abençoar outra vida. Deus é soberano. Aqueles que conhecem as Escrituras Sagradas sabem que Deus criou o homem com todas as suas peças, órgãos, células e estruturas musculares. Tanto que, para reabilitar o homem da mão mirrada (Mc 3:5), Deus não precisou usar a clonagem terapêutica e retirar daquele homem célulastronco. Ele simplesmente mandou que aquele homem colocasse a mão junto à outra e, como tem direitos autorais, fez uma nova mão igual a que o paciente já possuía; prendeu aos ossos rádio e cúbito. E como Deus não trabalha em estruturas incompatíveis, houve multiplicação suficiente para formar solução de continuidade, sangue compatível, assim como genótipo, fenótipo, retículo endotelial de golg, DNA etc., sem possibilidades de rejeição, sem exames complementares e sem uso de medicamentos, seja qual fosse a origem farmacológica. Como o homem cientificamente ainda não encontrou o trajeto certo para chegar a adquirir órgãos ao modo de Deus, veja a fórmula utilizada pela ciência em pleno século 20: a clonagem. O paciente seria clonado e daria origem a um embrião, do qual seriam retiradas células-tronco. Os cientistas parecem que não precisam do aval e da sabedoria eterna do Criador. Preferem sacrificar embriões a consultar a Deus, achando que esta é a alternativa para a cura do paciente, sem pensar que está praticando um infanticídio. Os fetos, os embriões, estão na mira do assassinato frio e inescrupuloso da ciência e dos provocadores de aborto, Se não tivesse o seu desenvolvimento interrompido, a pessoa nasceria. Motivos para interrupção da gestação é o que não faltam! As indústrias cosméticas estão até transformando placenta ainda em desenvolvimento em produtos para rejuvenescimento. Mãe nenhuma seria capaz de concertar alguma coisa que esteja errada no desenvolvimento de seu feto, justamente porque não é dona do concepto. O embrião está apenas ocupando o espaço do útero.

A mãe e o pai não podem reagir com seu livre arbítrio diante do produto do encontro do espermatozóide com o óvulo no terço médio da trompa. Até ali o desejo dos pais prevalecem. Daí em diante, começa a multiplicação celular, mitose, meiose, hereditariedade, que são fatores que dependem exclusivamente de Deus. Os evangélicos são a favor do desenvolvimento da ciência em relação às células-tronco de três maneiras: primeiro, a coleta pelo cordão umbilical do recém nato; segundo, retirando da medula óssea do próprio paciente; terceiro, retirando da medula óssea de doador compatível. Jamais vamos aceitar a retirada de célulastronco do embrião. Este não foi formado pela ciência, não dependeu da vontade de homem, não pertence à mãe. O estudo da meiose está diretamente relacionado com a hereditariedade através dos genes, baseia-se no comportamento dos cromossomos. Deus é quem vai autorizar a entrada do fôlego de vida, como fez com Adão. Deus continua inaugurando pulmões em quem Ele quer. A multiplicação celular já estava escrita em Salmos 139.4, de autoria de Davi, que diz: “Sem que houvesse uma palavra na minha língua, Deus já me conhecia”. Davi disse que Deus viu nosso corpo ainda no ventre de nossa mãe! Interromper o livro de ata de Deus é crime hediondo, inafiançável, preterdoloso, vai muito além das intenções do agente praticante do aborto, que é culpado por dolo no antecedente e culposo no conseqüente. Hoje, no mundo, dois milhões de conceptos são interrompidos durante a gestação os motivos são os mais diversos: pobreza, gestação indesejada, estupro, uso do feto para desenvolvimento da ciência, má formação congênita do feto entre outros motivos. Os homens criam motivos e, por incrível que pareça, precisamos até incluir as necessidades financeiras do agente predado. Acima de nossas cabeças está a pretoria (o céu), jurisdição de Deus. Ele está assistindo a tudo que se passa na terra (Sl 33:14). O aborto provocado pela gestante ou com seu consentimento e, o provocado por terceiros, não têm aquiescência de Deus. Quando Deus interrompe desenvolvimento do concepto, o aborto é espontâneo. Ele sempre sabe o porquê, pois nos conheceu e nos santificou, antes que fossêmos formados na madre de nossa mãe.

Consultório, Odontológico, Psicanalista. Informações: 3359-1110 (a partir das 14 h)  Atendimento Pastoral - Aconselhamento todos os dias da semana. Para marcar seu horário, ligue 3359-1110. Agora também à noite!  Assessoria Jurídica do Caminho- AJUC Toda sexta e domingo. Ligue 3359-1110 e agende atendimento.

Inscrições/Coral Infantil, sábados, 9h, com Sheila Domingo

Escola Bíblica Dominical I, 7 às 9h Escola Bíblica Dominical II, 9h30 às 12h Cultos Evangelísticos, 15 às 17h/18 às 20h Segunda Culto dos Empresários, 19h30 Terça Culto Despertando com Jesus, 7h Culto Tarde das Bênçãos, 15h Quarta Culto Manhã de Milagres, 7h Culto da Família, 19h30 Quinta Culto Alvorada com Jesus, 6h Culto de Intercessão, 9h Culto Provisão de Deus, 15h Culto das Mulheres, 19h30 Sexta Culto Maná, 9h Culto dos Jovens, 19h30 Sábado Culto dos Adolescentes, 17h Arrastão Gospel, 19h (1º sábado do mês) Vinde, Adoremos, 19h (2º sábado do mês)


AEC PROMOVE COQUETEL No dia 20/07, a Associação de Empresários do Caminho, AEC, realizou um coquetel com o intuito de promover a unidade. E para testemunhar de sua fé foi convidado ao evento o empresário do setor frigorífico, Evilásio, o qual, após uma trajetória sinuosa, alcançou a vitória na vida profissional, tendo sempre como base a determinação e a fé. De origem muito humilde ele perpassou vários cargos subordinados, mas sempre acreditando que alcançaria vôos mais altos. Desempenhou sempre suas atividades com todas as suas forças, cumprindo a Palavra de Deus que nos orienta: “Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças, porque na sepultura, para onde tu vais, não há obra nem projeto, nem conhecimento, nem sabedoria alguma” Ecl. 9:10, mesmo antes de aceita-lo como Senhor.

Após adquirir estabilidade financeira, aceitou a Cristo como Salvador. Devido a escolhas desacertadas, passou por turbulências porque Deus estava moldando sua vida e ajustando segundo Sua soberana vontade. Ele teve o desafio de recomeçar e, ao contar sua trajetória, advertiu sobre a escolha de sociedade e sobre conselhos que nos são apresentados, pois se não tiverem de acordo com a vontade de Deus, podem nos levar à ruína. Deus colocou em cada um de nós um potencial infinito e, o inimigo por saber disso, nos incita a cada instante a recuar. Mas lembre-se que Deus levanta o pobre do pó, e desde o monturo; exalta o necessitado, para o fazer assentar entre os príncipes, para o fazer herdar o trono de glória; porque do Senhor são os alicerces da terra.

CHÁ DE MULHERES NA IBCA/PERNAMBUÉS

Creia e Marche para vitória!

Presa ao candomblé por sete anos, a Pb. Jaceli profetizou o ministério de prodigios e maravilhas que Deus cumpriu prontamente na vida de nosso Bispo Atila Brandão. A primogênita da família Brandão foi a palestrante do Primeiro Chá de Mulheres da IBCA-Pernambúes . O tema foi A Importância da Mulher de Deus Como Intercessora da Família. O evento foi realizado com o intuito de aproximar as mulheres e permitir a troca de experiências, fortalecendo os laços e a cumplicidade. Durante a ministração, a Pb. Jaceli rememorou mulheres importantes na intercessão, a exemplo de Ester e Ana, frisando o papel fundamental do Espírito Santo como mestre na intercessão, e o de Jesus que, desde a terra nos ensinou princípios da intercessão e hoje intercede por nós junto ao Pai. O Chá foi finalizado com uma convocação a todas as mulheres para que assumam seu papel de intercessora de sua família e todos quanto Deus as coloque para interceder.

Acampamento do MEI, 02 a 04/11. Pagamento facilitado. Adquira o seu carnê! Procurar Evang. Dora

Arrastão Especial em agosto Aniversário do Site Jovens do Caminho, 04/08, 19h30h. Bandas Kerygma e Sinal Vermelho. Entrada: 1kg de alimento não-perecível

Aguardamos o seu testemunho! Torne públicas as maravilhas que Deus tem feito em sua vida. Conte sua bênção, entregue o seu testemunho na recepção do Discipulado, na recepçãoda IBCA ou o envie para milecomunicacao@gmail.com, com uma foto.

Inscrição para o Coral de 100 Vozes já, para o Natal! Um lindo musical com a participação do Corpo Teatral do Caminho. Inscrição no Anexo 2, ao lado do trailler, 14h30. Os ensaios começam em 05/08

Corrente Restaurando o Altar do Senhor, amanhã, no Culto dos Empresários, às 19h

Inauguração da IBCA-Itapoã dia 11/08. Aguardamos todos lá! Av. Dorival Caymmi, Rua Ipitanga, 9 - Itapoã


E AS MURALHAS CAIRÃO! A IBCA realizou a abertura oficial da campanha Derrubando as Muralhas de Jericó, em 23/07. O cerimonial de abertura seguiu o rito descrito em Josué 3. O Bispo Átila, com vestes sacerdotais, explicou o significado de cada parte da vestimenta, que era composta por uma túnica chamada de 'éfode', feita de linho e que simboliza a Cristo; uma faixa feita de linho azul, purpúra, e escarlate, entrelaçada com linhas douradas, essa peça simboliza a prontidão do sacerdote para o servir. Por cima do éfode, o Sumo Sacerdote usava um peitoral, que era uma bolsa de aproximadamente 22 cm2, feita de material formosamente tecido. Na frente do peitoral foram firmadas as doze pedras preciosas, em quatro filas de três. Em cada uma destas pedras foi gravado o nome de uma das tribos de Israel: Numa bolsa quadrada, na qual foram

Entrada da Arca

colocados o Urim e Tumim, pedras preciosas que eram idênticas em sua forma. Um ou o outro poderia ser tirado da bolsa para prover um sim ou não, em resposta ao buscar o Senhor para direção. As pedras presas ao peitoral representaram as doze tribos de Israel, e levados continuamente diante do Senhor como um memorial. Debaixo do éfode do Sumo Sacerdote havia um manto azul, onde foram presos sinos (campainhas) dourados à orla, e romãs do mesmo material, penduradas entre os sinos. Os sinos falam de escutar a Deus enquanto se está em seu serviço, e a sua música traz uma certa alegria. As romãs falam de frutificação (sementes abundantes) e é um símbolo da Palavra de Deus como alimento espiritual doce e agradável. O som dos sinos poderia ser ouvido por quem entrava no Santo Lugar diante do Senhor, e o seu povo, ao escutá-lo,

saberia que ele não tinha sido morto na presença de Deus, mas que a sua oferta por eles havia sido aceita por Deus. Na sua cabeça, o Sumo Sacerdote usava um turbante ou mitra de linho fino que era ligado ao redor da cabeça em rolos, como um turbante ou tiara. Esta era uma lembrança constante da aliança de santidade para o povo de Israel e para o Sumo Sacerdote em seu chamado. O povo da IBCA deu a primeira volta em torno da cidade, segundo a ordem do profeta. Serão sete semanas em que as muralhas de sua vida não resistirão, sejam elas quais forem.O cerimonial será repetido todas as semanas acrescentando uma volta a cidade . Ve n h a v i v e r e s s e m o m e n t o profético, toda terça-feira, no Culto Tarde das Bênçãos, às 15h. As muralhas não resistirão ao poder de Deus..

Bispo com vestes sacerdotais

Confira mais fotos no www.ibca.org.br

cartão lorena

Corrente Campanha Sete Semanas do Resgate, toda as quintas, 19h


COM JESUS NO BARCO TUDO É POSSÍVEL Estava extremamente angustiado e deprimido. Não conseguia restabelecer a minha vida. Bebia muito, fumava, andava com péssimas amizades, tinha relacionamentos problemáticos e estava enredado em uma dívida com um agiota. Eu não tinha sucesso. O agiota me fazia constantes cobranças e ameaças. Com receio de que ele fizesse algo contra mim, ou até mesmo me envergonhasse diante das pessoas, resolvi me afastar do bairro que eu freqüentava. Está escrito na Bíblia: “... e o que toma emprestado é servo do que empresta” (Pv. 22:7b). Em meio a tantos problemas, já freqüentando os cultos de vez em quando, aqui na IBCA, sabia que só Jesus seria a única solução para tudo. Então o Espírito Santo me convenceu e aceitei a Jesus como meu Senhor. E com a força de Deus e o incentivo da minha companheira, Neidjane, vim até a IBCA, no Culto da Tarde das Bênçãos, O Espírito Santo através da ministração do Bispo Átila Brandão, tocou muito fundo o

meu coração. Senti uma sensação de alívio e tranqüilidade. Glória a Deus! O livro de Salmos 37:5 diz: “Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele tudo fará”. E a partir deste dia todas as coisas foram se concretizando. Só estava faltando dar o primeiro passo; negar a mim mesmo e confessar os meus pecados, aceitando-o como meu Salvador, Senhor e Libertador da minha vida. “A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a Salvação. Porque a escritura diz: Todo aquele que nele crer não será confundido” (Rm. 10:9-11). Neste período eu estava, há 5 meses, aguardando receber três parcelas do seguro-desemprego, da empresa que trabalhei. Durante estes meses tentei ter acesso a este direito, mais na DRT (Delegacia Regional do Trabalho) não constava nenhum vínculo empregatício. A minha única alternativa: O Senhor Deus! Aguardei n´Ele, orei, jejuei, clamei

e chorei bastante em sua presença. Eu realmente necessitava daquele dinheiro para me livrar da prisão das dívidas e do agiota. Movido pelo Espírito Santo, liguei para o banco e fui informado que o dinheiro já estava na minha conta. E que era só eu ir buscar. Aleluia!! Deus é Fiel! O impossível se tornou possível e, para Glória de Deus, eu pude então pagar a dívida. Poucos dias após receber esta vitória, Deus abriu uma porta de emprego. Para honra e Glória do Senhor Jesus, estou empregado! Hoje estou liberto das amarras do diabo, parei de beber e de fumar, de uma forma sobrenatural. Só precisei aceitar a Jesus, para ver mudanças verdadeiras em minha vida. Nunca achei que seria tão fácil, mais com Jesus no barco tudo é possível!

Adalberto Miranda IBCA/Sede

IGREJA BATISTA DO CAMINHO DAS ÁRVORES - R. Jesus Cristo de Nazaré,nº 1, Itaigara. Salvador/BA. CEP 41850-050. Tel. 3359-1110. E-mail: ibca@ibca.org.br. Internet: www.ibca.org.br. Sumo Bispo: o Senhor Jesus Cristo. 2º Auxiliares: Bispo Átila Brandão e Bispo Agnaldo Sacramento s

Folha 171  
Advertisement