Issuu on Google+


04 Mensagens do mês 07 Maconha é droga leve? 08 Intercâmbio do Rotary 09 A Roda girou mais uma vez 10 Seminário de Certificação 11 Seminário da

Fundação Rotária

12 Objetivos do Rotary 13 Transformadores de Vidas

Critério para admissão de nossos associados A Admissão como associado representativo de ex-rotariano ou rotariano sendo transferido de acordo com esta seção estará condicionada ao recebimento de documento do Conselho Diretor de seu último clube comprovando que ele era associado daquele clube. Dívidas pendentes tornam o associado potencial inelegível ao novo clube, que pode exigir do rotariano em questão, documento emitido pelo Conselho Diretor de seu último clube, comprovando que ele não tenha dívida pendente perante o Rotary. Fonte: Manual de Procedimentos de Rotary

14 Estatísticas Mande notícias do seu clube O Distrito 4610 tem a disposição de todos os clubes os meios de comunicação: o site www.rotary4610.org.br, o Bis – Boletim Informativo Semanal e a Carta Mensal, para que sejam enviadas quaisquer tipos de informações: notícias, avisos, matérias jornalísticas que envolvam as atividades dos clubes, campanhas em andamento, enfim, tudo que for relacionado ao mundo rotário. Veja como Fazer: São relatos de projetos, ações ou eventos realizados pelo clube em benefício à comunidade ou do programa de intercâmbio de jovens. Os relatos devem ser atuais e de interesse aos rotarianos e comunidades em que os clubes estão inseridos. Envie sua notícia por e-mail. noticias@rotary4610.org.br O texto deve ser enviado num anexo Word. Não se esqueça de incluir: Nome completo do clube. - Data e local em que foram realizadas as ações noticiadas. - Nome completo da entidade beneficiada (se for o caso). - Breve relato sobre o projeto ou ação, explicando sua importância junto à comunidade. Nomes dos parceiros (se for o caso). - Foto digital (uma foto). Não cole a foto no e-mail nem no Word. Anexe-a ao e-mail como arquivo. As fotos devem estar em alta qualidade para o caso de carta mensal. Fotos tiradas de celulares precisam ter no mínimo 3MPx. - Para foto de grupo, até seis pessoas, mencione nome e sobrenome de todos os que aparece, a partir da esquerda. - A notícia não poderá ultrapassar o equivalente a 20 linhas de texto do Word. - Informe nome e telefone de contato do remetente no caso de qualquer dúvida. Sobre o uso e a publicação de textos e imagens: O clube colaborador deve aceitar e se responsabilizar pela autoria e originalidade do material enviado, bem como pela autorização de terceiros citados ou constantes nas fotos. Para melhor leitura, a equipe de comunicação dá-se o direito de condensar ou adaptar textos e imagens a serem publicadas, bem com o de não publicar todas as notícias recebidas por motivo de espaço de publicação ou interesse da notícia. Estamos esperando para ver seu clube dando o que falar!


MENSAGEM

Nosso papel como transformadores de vidas Prezados companheiros deste Distrito 4.610, Fomos brindados com um lema maravilhoso para este ano rotário. Trata-se de um dos mais belos e profundos lemas para levarmos conosco nesta missão: “Viver Rotary, Transformar Vidas”. Refletindo sobre este lema, podemos perceber que a missão que recebemos não é somente fortalecer nossa instituição, mas através do fortalecimento, participar da transformação de vidas em nossa comunidade, e isso é riquíssimo. A transformação começa em nós mesmos. Podemos ser instrumentos de transformação fazendo de nossa casa um lar, melhorando o diálogo com nossos familiares, sendo um melhor profissional para nossos clientes, ser um melhor profissional para nossos fornecedores. Tudo isso com a reflexão de que podemos transformar vidas, vivendo Rotary. E quando vivemos Rotary, estamos colocando em prática, nada mais nada menos do que aplicando a prova quádrupla trabalhando em grupo. Temos muito a fazer neste ano rotário. Temos muito a fazer para vivermos Rotary em nosso clube. Podemos transformar muitas vidas para melhor, sendo instrumentos para a paz de Deus. Sucesso à todos, e boa leitura. Claudio Moyses Governador gestão 2013-14

O cônjuge como instrumento de ajuda à quem necessita Prezados cônjuges de Rotarianos, voluntárias das Associações de Famílias de Rotarianos e Casas da Amizade, Quero agradecer o carinho e acolhimento com que tenho sido recebida desde o início das cerimônias de transmissão de posses deste ano Rotário. É muito gratificante ter a oportunidade de conhecer os clubes, presidentes, associados e cônjuges. Vivi momentos inesquecíveis e o mais gratificante é saber que muito está sendo feito pelos mais necessitados. No dia 29 de julho, vivi um momento da mais sincera alegria ao ser surpreendida quando recebi uma primeira doação feita pela Soyane, esposa do Presidente Maggio, para a Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, atendendo ao meu pedido para que os cônjuges, Casas da Amizade e Associações de Famílias de Rotarianos ajudem esta importante entidade. Gostei muito da iniciativa deste casal Maggio e Soyane que resolveu trocar o buquê de flores, que me seria ofertado no dia da posse, pela doação à Santa Casa de Misericórdia. Peço que todas façam um esforço extra para ajudar a Santa Casa de Misericórdia na solicitação de brinquedos para Ala Infantil de Terapia da Dor e Cuidados Paliativos (que cuida de crianças com doenças INCURÁVEIS) e de vários outros itens necessários para a Unidade de Obstetrícia e Ginecologia. Para adquirir a lista das necessidades basta entrar em contato com a Rosana Maria Bertaioli Durães, tel : 2176-7000 ramal: 8531 ou pelo email captacao@santacasa.org.br . Despeço-me com um beijo carinhoso a todas e gostaria de dividir o meu desejo de que nas visitas oficiais nos clubes, possamos conversar sobre nossa atuação na ajuda à Santa Casa de Misericórdia, e acompanhar como está caminhando este processo. Agradeço antecipadamente ao apoio e conto com todas vocês para que, juntas, possamos neste ano VIVER ROTARY E TRANSFORMAR VIDAS ! Sylvia Regina Bellintani Fontana Moyses

4

Carta Mensal 001


MENSAGEM

Caros rotarianos, Este é um momento extremamente emocionante para ser rotariano. Estamos na reta final da luta contra a pólio, e embora este tenha sido um caminho longo e difícil, aprendemos valiosas lições. Aprendemos que em grupo podemos mover montanhas, mudar a vida das pessoas para melhor e fazer a diferença no mundo. Talvez a maior lição aprendida foi que, quanto mais desafiamos a nós mesmos, mais podemos alcançar.

Quando nos damos conta do que podemos conquistar através do Rotary – quando realmente vivemos Rotary – é quando transformamos vidas. Mudamos a vida de pessoas que precisam de nós, e ao longo do caminho, nossas vidas também se transformam. Por isso nosso lema de 2013-14 é: Viver Rotary, Transformar Vidas.

Recebemos mais

em troca do que damos.

Estamos começando um novo capítulo na história de nossa Fundação Rotária. Temos o privilégio de lançar uma nova estrutura de subsídios: o Visão de Futuro, que aumentará nossa eficácia.

Temos que reconhecer de uma vez por todas que o nosso maior desafio não é trazer novos associados ao Rotary, mas, sim transformar todos os associados em verdadeiros rotarianos. É hora de ajudarmos os associados a participarem 100% em Rotary, fazendo com que percebam sua verdadeira potencial e como podem mudar vidas. Precisamos ter certeza de que cada rotariano contribua ativamente, porque quando fazemos a diferença através do Rotary ele assume um significado mais especial para a pessoa.

Abramos os olhos para nosso potencial em Rotary. Através do Rotary podemos nos superar, e fazer parte de algo maior que nós mesmos. Recebemos mais em troca do que damos.

Em 2013-14, vamos dar tudo de nós. Tudo depende de nós. E podemos fazer isso se nos comprometermos ao serviço rotário, se participarmos, se nos mantermos inspirados, e lembrarmos todos os dias do presente que temos em Rotary. Se trabalharmos juntos tudo é possível. Juntos, iremos Viver Rotary, Transformar Vidas.

Ron D. Burton Presidente Rotary International

Carta Mensal 001

5


MENSAGEM

Querida Família Rotária:

qualquer organização implica direitos e

desde já peço que acessem www.institu-

obrigações, mas em Rotary somente gera

torotariobuenosaires.org e encontrem a

Ao amanhecer de um novo ano rotário,

obrigações, e é o bom cumprimento delas

motivação para comparecer e viver Rotary

vocês e eu temos pela frente um amplo

que faz surgir o reconhecimento daqueles

em plenitude. A sede do evento será o Ho-

panorama de desafios e oportunidades.

que estão ao seu redor, que são aqueles

tel Panamericano, a metros do obelisco, no

Estamos prestes a embarcarmos juntos

que desinteressadamente oferecem seu

coração desta cidade emblemática. Garan-

em uma nova e emocionante viagem, e

tempo, seus recursos, conhecimentos, e

to que a abertura será lembrada por muitos

como toda viagem, é importante traçar

sua vocação de servir.

anos!

estabelecemos metas que desejamos cum-

Como responsável pelo Plano Trienal

Além desses dois encontros, o presidente

prir, pois elas nos ajudam a nos concentrar

Regional do Quadro Associativo, minha

Ron Burton deseja organizar um Simpó-

no destino final, fortalecendo nossa união

preparação inicial incluiu convocar os co-

sio Presidencial para as Novas Gerações,

enquanto juntos percorremos o mesmo

ordenadores regionais de Rotary, de ima-

e já estamos trabalhando para preparar

rumo, com o passo forte pelo caminho dos

gem pública e da Fundação Rotária e suas

uma mega reunião onde a juventude terá

ideais de Rotary.

equipes para um treinamento conjunto

a oportunidade de trocar ideias, experiên-

uma rota. É por isso que, ano após ano,

que realizamos em Buenos Aires, São Paulo

cias e planejar o futuro. Assim que tiver

Qual é minha rota como diretora de

e Panamá. Foram reuniões muito bem su-

mais informações, as comunicarei.

Rotary International? Para quem esteve

cedidas e isso fará história, pois marca uma

praticamente toda sua vida sob a influência

tendência de integração de esforços em

Em nível pessoal, minha tarefa terá outras

positiva de Rotary, minha tarefa será con-

nível regional que tenho certeza que dará

facetas interessantes. Não apenas serei

tinuar devolvendo a essa organização e a

muitos frutos no futuro.

a primeira diretora de RI para a América

todos que a compõem o bem que recebi,

Latina, mas também trabalharei ao lado de

primeiramente como filha de rotariano,

Estou satisfeita e feliz pelos resultados al-

outras três mulheres no Conselho Diretor,

depois como esposa e por fim, como mãe

cançados, pois sei que enfrentarei meu

duas dos Estados Unidos, uma da Suécia,

de rotariano. O Rotary faz parte de minha

novo desafio com o apoio de um grupo

e eu, da Argentina. O voto dessas quatro

vida desde sempre, e promover seus ob-

de pessoas dedicadas e responsáveis. Com

representa quase 25% do poder de decisão

jetivos, contribuir para que mais pessoas

eles estão os governadores de distrito de

do Conselho e esse será outro feito históri-

conheçam o que realizamos e apoiar as

2013-14, a quem tive a sorte de conhecer

co e este número está acima da média de

novas gerações serão minhas metas priori-

e treinar nos GETS realizados em Bogotá,

diretoria feminina no mundo, que é de

tárias.

Punta del Este e Vitória, e que estão com-

cerca de 18%.

Ao meu ver, ser diretora de RI significa

pletamente cientes da grande missão que

liderar líderes, orientar vontades, ajudar os

têm em sua função.

clubes e distritos a cumprir suas metas e

Como podem ver, há muito a ser feito pela frente. A rota dessa viagem apaixonante

superar resultados. Significa compartilhar

Em meu primeiro ano, serei convocadora

que inicio hoje está traçada, e confio que

sonhos e esforços de homens e mulheres

dos Institutos Rotary. O primeiro para as

com o apoio de vocês e de minha família,

para conseguir deixar uma marca forte e

Zonas 22 A e B e 23 A será realizado em Foz

conseguirei alcançar metas e concretizar

benéfica em nossos distritos, países e no

do Iguaçu, Brasil, de 5 a 7 de setembro, no

esses e muitos outros sonhos que

mundo que nos cerca. Essa é uma nova

Hotel Bourbon. Todas as informações estão

partilharei com vocês ao longo do ano.

oportunidade de servir ao próximo.

em www.institutorotaryfoz.org.br Estou

com-

certa de que com a maravilha das Catara-

Somente peço a Deus que abençoe nos-

Durante dois anos, terei a honra de repre-

tas, a energia de Itaipú e a magia do Rotary

sos bons propósitos para que sob a diretriz

sentar no Conselho Diretor de RI toda nos-

teremos um Instituto fantástico nessa par-

do lema “Viver Rotary, Transformar Vidas” e

sa América Latina, ou seja, as três zonas 22

te do mundo rotário.

através do servir de mulheres e jovens em

A e B, 23A, B e C, e 21 A, que incluem 74 dis-

Rotary, possamos juntos fazer do mundo

tritos, 21 países e 100.000 rotarianos. Isso

O segundo Instituto destinado às Zonas

um lar, da sociedade, uma família, e da

representa uma responsabilidade enorme

23 B e C será em Buenos Aires, Argentina,

história, um encontro de irmãos. Que assim

e, ao mesmo tempo, um grande privilé-

de 10 a 12 de outubro. Esta cidade cosmo-

seja!

gio. Assumir uma posição de liderança em

polita abrirá suas portas para recebê-los, e

6

Carta Mensal 001

Cordialmente, DRI Celia Giay


ROTARY PREVENÇÃO ÀS DROGAS

Maconha é droga leve?

O uso da maconha vem aumentando no Brasil? Sim, a maconha hoje é a terceira droga mais usada entre os estudantes brasileiros e a primeira se comparada com as ilícitas (Andrade, Duarte, Oliveira et al., 2010; Carlini, Galduróz et al. 2005). Se verificarmos os últimos estudos do Cebrid (Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas), o uso da maconha passou (em média) de 2,6 em 1987 para 6,5 % em 2004 (Abead, 2005).

princípio ativo da maconha, tem aumentado a partir da sofisticação do cultivo da planta (ABEAD, 2005). A maconha causa dependência? Sim, hoje não há mais dúvidas de que um fumante de maconha pode desenvolver dependência da mesma, isto é, apresentar tolerância, síndrome de abstinência e preencher outros critérios estabelecidos pelo DSM IV (Diagnostic and Statistical Manual – 4ª versão). O indivíduo que inicia o uso desta substância e posteriormente necessita aumentar a quantidade da mesma para obter o efeito inicialmente atingido, desenvolveu tolerância, isto é, seu organismo se adaptou a determinada quantidade desta droga. Assim como, se diante da ausência da maconha, o sujeito apresenta sintomas tais como irritabilidade, ansiedade, agressividade, angústia, agitação psicomotora, diminuição do apetite e perda de peso, alterações do sono como insônia e pesadelos, cansaço, desconforto generalizado com dores musculares, cefaleia, taquicardia e “fissura”, significa que está em síndrome de abstinência.

A maconha de hoje é a mesma dos anos 60? Não, estudos mostram que a maconha usada atualmente é cerca de 15 vezes mais potente que a usada nas décadas de 60 e 70. Isto porque a quantidade de “THC” (delta-9-tetrahydrocannabinol), o

A maconha impacta negativamente no desenvolvimento do adolescente? Sim, o uso frequente da maconha pode afetar o adolescente no desempenho escolar, relacionamento com os amigos, vida sexual, escolha da profissão, estilo de vida que o jovem adota, dependên-

A questão das drogas tem sido muito abordada nos diversos meios de comunicação, escolas e na sociedade em geral. O lado positivo deste cenário é poder falar e esclarecer aspectos relevantes sobre um tema que antes era tabu. Porém, o problema é que muitas informações são de fontes duvidosas, antagonizando dados científicos sérios e gerando olhares tendenciosos sobre o assunto. Assim sendo, o objetivo desta matéria é trazer algumas informações sobre os últimos estudos científicos para que o leitor possa responder por si só a pergunta: “Maconha é droga leve?”.

cia precoce da maconha, escalada para outras drogas e, em casos específicos, favorecimento no desenvolvimento de transtornos psiquiátricos. O uso da maconha aumento o risco de transtornos mentais? Há uma associação consistente entre o uso de cannabis e o primeiro surto psicótico em indivíduos mais jovens. Este uso aumenta o risco de incidência de esquizofrenia em indivíduos com e sem outros fatores predisponentes, assim como pode exacerbar quadros psicóticos em portadores do mesmo transtorno. A maconha leva a um pior prognóstico para aqueles indivíduos com clara vulnerabilidade para um transtorno psicótico e o uso pesado desta mesma droga pode aumentar sintomas depressivos em alguns indivíduos (Abead, 2005).Após discorrer todos estes dados em relação às consequências da maconha na vida dos indivíduos, vale resgatar a pergunta inicial: “No final das contas, a maconha é ou não uma droga leve”? Valéria Rocha Brasil - Psicóloga e diretora clínica do Instituto de Psicologia Rocha Brasil, com sede em Moema. *Publicado originalmente na Revista Vidaqui

O Distrito 4.610 abraçou a causa de Prevenção às Drogas, vamos manter uma coluna mensal alusiva a este tema que pode ser muito útil à pais, professores, filhos e jovens em geral.

Carta Mensal 001

7


INTERCÂMBIO DE JOVENS

Chegou ao fim o ano mais incrível da minha vida Ao Intercâmbio do Rotary do Distrito 4610 É chegou ao fim o ano mais incrível da minha vida, sabe aquele ano que jamais saíra de minha cabeça, agora tudo está tão vivo e borbulhando na minha memória e no futuro serão excelentes lembranças que levarei para a vida toda. Por isso resolvi escrever esta carta para expressar minha gratidão, começando pela minha família que pôde me dar essa oportunidade, e também ao Rotary, principalmente ao meu Clube patrocinador e ao Distrito 4610, por poder me proporcionar essa fantástica experiência, pois sei de todos os desafios que é preparar, instruir, acompanhar e ajudar a todos os intercambistas. Sinceramente não sei como vocês conseguem...... Muito obrigado de coração, ao Raul Casanova, a Ligeia, ao Manoel (meu oficial de intercâmbio), a Anita e ao Abrão Presidentes do RC Aldeia da Serra, a Cintia do Intercâmbio minha querida (que eu e minha família perturbamos muito) e a todos os envolvidos nesse maravilhoso programa para jovens. Contem comigo para qualquer coisa que vocês precisarem, pois estarei sempre disposto a defender o Programa seja onde for e para sempre. Este ano tive a oportunidade de crescer muito como pessoa, enfrentar desafios que nunca enfrentaria aqui, aprender uma nova cultura, sorrir, chorar, ficar com o coração apertado e ao mesmo tempo transbordar de alegria, sentir a falta da minha família, amigos e país, mas ao mesmo tempo não querer voltar

8

Carta Mensal 001

da Dinamarca, vai parecer repetição de palavras, mas realmente saí um menino do Brasil e voltei um homem da DK. Neste ano tive excelentes experiências, e outras nem tão boas, mas todas serviram muito de aprendizado. Eu ia pra escola de bicicleta, com chuva e a temperatura próxima de zero graus e às vezes até negativas, na escola estudei e aprendi uma língua difícil pra caramba (quantas letras e sons diferentes), melhorei muito meu inglês inclusive posso dizer que agora sou fluente, fui participar de uma caçada com meu host pai da 2ª família e outros caçadores as 4:00 hs da manhã com muito frio, e matamos um veado (que dó....), consegui esquiar e bem inclusive nas montanhas mais difíceis, corri em volta e pulei num lago congelado, andei muito de trem, tive a oportunidade de estar em 12 países da Europa (não é mentira não, foram 12 mesmo, cada um com seus encantos), cozinhei e lavei roupa (por incrível que pareça). E a grande viagem então, ela foi realmente foi inesquecível.......... Qualquer coisa que eu escreva para descrever será pouco. Lá na DK tive a oportunidade de conhecer pessoas maravilhosas, que me apoiaram, ajudaram e gastaram seu tempo comigo, portanto obrigado aos meus conselheiros, ao Presidente do RC de Silkborg (a cidade que fiquei), a todos os Rotarianos de lá e de cá que sempre estiveram do meu lado e também aos intercambistas , e a meus amigos que fiz lá também. Não posso deixar de mencionar que lá eles me pagaram uma viagem de estu-

dos para Londres e para a Noruega com a Escola e que foi deslumbrante. Minhas host familys todas foram muito importantes, todas excelentes, meus pais, mães, irmãos e irmãs me deram todo o amor e carinho e força que eu precisava, não posso pontuar nenhuma, pois todas foram sensacionais. Lá são muitos e os intercambistas eram uma grande família e companheiros de G2G (get together), viagens, shows, bagunças e roles e quero muito encontrar todos novamente “meus Brothers” Espero ter sido um bom embaixador de meu país na Dinamarca e por onde passei e espero sinceramente poder contribuir com as experiências que tive para a formação e engajamento de outros jovens no programa. Porque com certeza trouxe comigo muito do que aprendi lá e vou aplicar aqui da melhor forma possível! Como posso retribuir tudo isso........ ? Esta foi uma oportunidade única, e agora preciso começar de novo, outra realidade, caminhar e seguir em frente agora com o cursinho, faculdade, trabalho e muito mais.... Por favor peço a todos continuem.... pois somente quem passou um ano desses, pode dizer como vocês estão sendo maravilhosos e transformando a vida de dezenas de jovens todo ano. Beijos e obrigado do fundo do coração, Gabriel Kroitor Cará Modena RC Santana de Parnaíba Aldeia da Serra


Representantes dos 55 clubes do Distrito 4.610, que somaram quase quinhentos participantes, estiveram reunidos na reunião festiva de posse do Governador Claudio Moyses, que aconteceu no dia 06 de julho, em um jantar realizado no Espaço Immensità. Foi um evento elegante onde os presentes puderam presenciar uma cerimônia alegre mantendo o formalismo necessário a um evento como este. O serviço de Protocolo ficou à cargo do companheiro Luiz Antônio de Bortoli e sua esposa Cecília, que conduziram a parte formal com profissionalismo e competência. Diversas autoridades estiveram presentes da esfera municipal, estadual e federal, com representantes dos 3 poderes, além de representantes da imprensa, representados pela Asso-

ciação Paulista de Imprensa, todos devidamente nominados pelo Protocolo. Após receber o distintivo de Governador, transmitido pelo Governador Reinaldo Franco, o Governador Claudio Moyses convidou o Governador Eleito Ivo Nascimento para receber o distintivo alusivo a este cargo, em um momento de muita emoção e alegria. Após o formalismo da transmissão de posse, a Primeira Dama do Distrito, Sylvia Regina, pediu a todos os cônjuges, Associação de Famílias de Rotarianos e Casas de Amizade dos clubes, a ajudarem a Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, pelo excelente trabalho que desenvolvem sem contar com recursos públicos. Em seguida, o Governador Claudio Moyses afirmou em seu discurso

ACONTECEU

A roda girou mais uma vez convocando todos para Viver Rotary, Transformar Vidas

que “devemos florir onde Deus nos plantar” e exortou todos os clubes do distrito a abraçarem a causa da prevenção às drogas, programa este que o Distrito lançou como uma de suas bandeiras fortes, com o aplauso de todos os presentes. Após a cerimônia formal, os presentes desfrutaram de um jantar dançante e, em seguida, foram brindados com um show com os três tenores brasileiros, em um momento inesquecível. Para os mais empolgados, o evento prosseguiu com a participação do DJ Varetta, que animou a festa até a madrugada. “Devemos florir onde Deus nos plantar”. Claudio Moyses

Carta Mensal 001

9


ACONTECEU

Seminário de Certificação de Clubes e do Distrito 4610 para o processo 2013/14

O processo de certificação de clubes e distrito foi criado para qualificar os clubes e distritos a participar do Programa de Intercâmbio de Jovens do Rotary International. O Seminário de 2013-14 foi realizado no dia 20 de julho no Colégio Módulo. Esse seminário é anual e mandatório pelo Rotary International e tem como objetivo auxiliar os comitês do programa de intercâmbio de jovens ao estabelecer elementos que contribuem para a eficácia do programa e requisitos básicos para a proteção dos estudantes. A certificação exige que os clubes e distrito proporcionem um intercâmbio seguro e saudável aos jovens! São temas obrigatórios, certificação de programas de intercâmbio, prevenção de abuso e assédio, responsabilidades da comissão de clubes, o que é Rotex (ex intercambistas de Rotary que ajudam o distrito participando das atividades dos intercambistas e criando outras para eles), importância da mídia social (controle do que se publica nas redes sociais)

10 Carta Mensal 001

jovens Inbounds (intercambistas que vem para o país), jovens Outbounds (intercambistas que vão para fora do Brasil), responsabilidades do escritório para com o programa, responsabilidades do intercambista na escola e no clube, responsabilidades dos clubes na escolha do jovem e das famílias, relatório mensal dos jovens outbounds e relatório mensal dos jovens Inbounds. Os Presidentes de Clubes, Secretários, Governadores Assistentes, Oficiais de intercâmbio, Conselheiros (as) e coordenadores de área foram convocados para o seminário conforme determina o Rotary International. O Distrito que não realiza este Seminário anual e obrigatório, poderá ter seu intercâmbio suspenso por cinco (5) anos. O Distrito que aceitar intercâmbio de outro que não esteja certificado terá seu intercâmbio suspenso. Qualquer distrito poderá receber a equipe do Rotary International-RI, a qualquer momento para que suas atividades sejam auditadas.

Temos que ter evidências de que realmente realizamos o que foi pedido, tudo arquivado em pastas, renovadas anualmente (lista de presença, conteúdo exposto, fotografias dos expositores e do público presente. As assinaturas dos Presidentes de clubes do ano devem coincidir com os dados do Rotary International. A pedido dos participantes, após o seminário, todas as apresentações e documentos foram enviados para os presidentes de clubes e governadores assistentes para que fossem distribuídos para a comissão de intercâmbio de jovens nos clubes do Distrito 4610 do Rotary International.

Simone Sayuri Sano Santos Diretora de Outbounds 2013-14 Ligeia Stivanin Chair RYEP - Rotary Youth Exchange Program Distrito 4610


Sustentabilidade e maior alcance visual nos projetos é o foco da Fundação Rotária Mais de 100 rotarianos se reuniram dia 27 de julho de 2013 nas dependências do Colégio Módulo, onde se realizou o Seminário Distrital da Fundação Rotária, sob coordenação do presidente da Comissão Distrital da Fundação Rotária para o período 2013-2016, companheiro Nadir Zacarias que foi governador do Distrito 4610 no período 2003-2004. Os participantes tiveram acesso a quatro importantes palestras e uma dinâmica de grupo que teve o papel de consolidar o conhecimento e potencializar o esforços dos rotarianos no sentido de fortalecer ainda mais a Fundação Rotária e com isso ampliar o número de pessoas beneficiadas por suas ações ao redor do mundo. O evento que ocorreu em clima de muita cordialidade contou com diversas lideranças rotárias, entre elas o Governador Claudio Moyses, que abriu a conferência com a objetividade e foco em trabalho que lhe são características.

Marcaram presença também o companheiro José Antônio Figueiredo Antiório, Diretor 2011-13 de Rotary International, o coordenador regional da Fundação Rotária, Governador José Carlos Carvalho, além da grande presença dos representantes dos clubes do distrito que puderam adquirir muito conhecimento dos conceitos deste seminário. O Diretor José Antônio Figueiredo Antiório enfatizou os trabalhos que a Fundação Rotária realiza no Brasil e no exterior, entre eles o desafio que está próximo se ser vencido que é banir o vírus que causa a terrível doença poliomielite de nosso planeta. Antório mostrou de maneira clara a importância dos rotarianos continuarem empenhados, e motivou a todos os clubes a cumprirem o compromisso de doar $100 por rotariano. Em sua fala, disse anda que clubes fortes, e com mais rotarianos, significam naturalmente mais recursos para que o Rotary por meio da Fundação Rotária cumpra sua missão. O Governador José Carlos Carvalho, destacou que os rotarianos devem procurar aprender mais so-

ACONTECEU

Seminário da Fundação Rotária reúne líderes do Distrito 4.610

bre a Fundação Rotária e com isso entender sua grandiosidade e importância para a causa rotária no planeta. “Para conhecer Rotary, devemos ler sobre o Rotary”, disse Carvalho, incentivando a todos a envolver-se mais. Para o presidente da Comissão Distrital da Fundação Rotária, o Governador Nadir Zacarias, o evento atingiu os objetivos de motivar, esclarecer e orientar sobre como os rotarianos podem ajudar a fundação e principalmente usar recursos de maneira adequada, criativa e eficiente, para beneficiar as comunidades onde os clubes estão instalados. Zacarias disse: “Para mim, tivemos um evento de sucesso. Mesmo em um sábado e em um local que não é habitual realizarmos eventos do Rotary, tivemos um numero significativo de participantes e percebemos que todos saíram satisfeitos e motivados a trabalhar pelo Rotary e pela fundação Rotária. Quem foi aprendeu”, concluiu o presidente da comissão.

Homenagem a Polícia Rodoviária Em comemoração ao dia do Policial Rodoviário (23 de julho) o Rotary Clube de Barueri Alphaville realizou uma solenidade em que homenageou ao 3º Sargento Adilson Codinhoto da Policia Militar Rodoviária, que presta importante serviço a comunidade e aos moto-

ristas que trafegam na Rod. Castelo Branco. Estiveram presentes também na homenagem o soldado Irineu A. Brusarosco e o Capitão Júlio Teodoro Martins Junior o qual agradeceu e respondeu perguntas referentes área de atuação da Polícia Rodoviária.

Carta Mensal 001

11


FUNDAMENTOS DO ROTARY

O objetivo do Rotary é estimular e fomentar o ideal de servir, como base de todo empreendimento digno, promovendo e apoiando: PRIMEIRO: O desenvolvimento do companheirismo como elemento capaz de proporcionar oportunidades de servir; SEGUNDO: O reconhecimento do mérito de toda ocupação útil e a difusão das normas de ética profissional; TERCEIRO: A melhoria da comunidade pela conduta exemplar de cada um em sua vida pública e privada; QUARTO: A aproximação dos profissionais de todo o mundo, visando à consolidação das boas relações, da cooperação e da paz entre as nações. Avenidas de Serviços Com fundamento no Objetivo do Rotary, as Avenidas de Serviços expressam a filosofia da organização e formam a base onde se assentam todas as atividades dos clubes.

Os Serviços Internos enfatizam o fortalecimento do companheirismo e o bom funcionamento dos clubes.

liderança que contribuem para que os jovens realizem mudanças positivas no mundo.

Os Serviços Profissionais incentivam os rotarianos a servir através de suas profissões e a aderir a altos padrões éticos.

Missão A Missão do Rotary International é servir ao próximo, difundir a integridade e promover boa vontade, paz e compreensão mundial por meio da consolidação de boas relações entre líderes profissionais, empresariais e comunitários.

Os Serviços à Comunidade referemse aos projetos e atividades implementados pelos clubes para aprimorar a vida de suas comunidades. Os Serviços Internacionais abrangem medidas tomadas para expandir o âmbito das atividades humanitárias implementadas pelo Rotary em todo o mundo para promover a paz e a compreensão mundial. Serviços às Novas Gerações : projetos humanitários, programas de intercâmbio e atividades para o desenvolvimento da capacidade de

Diversidade no Rotary O Rotary International reconhece o valor da diversidade no quadro social dos clubes e os incentiva a buscar em suas comunidades sócios potenciais de diferentes grupos étnicos, religiosos, políticos, etc. Um clube que reflete a constituição demográfica e profissional da região é um clube que possui a chave para o futuro. Fonte: www.rotary.org


METAS DA GESTÃO

Grande Prêmio Transformadores de Vidas

Quesitos ou itens classificatórios: 1. Quadro Associativo: aumento real de 4 associados. 2. Realizar um evento de networking para apresentar o Rotary Club para sua comunidade. 3. Iniciar um programa de contato e comunicação com alumni do Clube com o intuito de tentar convidar para se associar ao clube. 4. Assegurar que cada associado do clube esteja em uma das comissões ou subcomissões do clube. 5. Iniciar ou atualizar um programa de boas-vindas e orientação para novos associados. 6. Participação do Clube no PROERD da sua região geográfica; 7. Participar de um projeto local ou internacional relacionado a pelo menos uma das áreas de enforque do Rotary. 8. Enviar as metas de doação à Fundação Rotary de 2013-14 pelo Rotary Club Central. 9. Contribuição de no mínimo US$ 100 per capita para a Fundação Rotária e 2 empresas cidadãs. 10. Realizar uma campanha de conscientização pública para informar as pessoas sobre a contribuição do Rotary para erradicação da poliomielite.

11. Realizar pelo menos uma atividade de companheirismo ou humanitária que envolva todos os associados do clube e seus associados 12. Fazer parceria com uma organização não rotária para realizar um projeto comunitário. 13. Definir um projeto que seja a marca registrada do clube (aquele pelo qual o clube gostaria de ficar conhecido na comunidade) e fazer com que não rotarianos participem dele. 14. Usar redes sociais para divulgar regularmente as atividades do clube, melhorar a imagem pública e proporcionar admissão de novos associados. 15. Realizar ou participar de um projeto RUMO. 16. Organizar um debate ou workshop ou criar uma reunião específica no clube convidando não rotarianos para difundir a prova quádrupla, transmitindo assim, altos padrões éticos. 17. Fundar ou apoiar um Rotaract Club ou Interact Club existente; 18. Realizar um projeto do clube junto com Rotaract Club ou Interact Club; 19. Patrocinar ou receber pelo menos um estudante do Programa de Intercâmbio de Jovens do Distrito; 20. Realizar ou Participar em um Projeto Ryla.

21. Frequência mínima de associados nas reuniões de no mínimo 60 % ao longo do período do Programa. 22. Elaboração e distribuição de boletim mensal do clube. 23. Realizar as Assembleias obrigatórias do clube. 24. Regularização dos documentos do clube. 25. Clube ter uma home Page. 26. Realizar 5 Fóruns rotários durante o período do Programa. 27. Prestar pelo menos uma Homenagem Profissional à profissionais de seu território. 28. Realização de um projeto sobre meio ambiente com entidades /escolas do seu território. 29. Participação de no mínimo 40 % dos associados do clube na Conferência Distrital. 30. Implantação de Planejamento Estratégico no clube. 31. Divulgar os Programas de Sócio Aprendizado existentes no Distrito. 32. Apresentar candidato para IGE ou Bolsas Educacionais. 33. Indicar candidatos do território do clube à bolsa de estudo nas Faculdades Rio Branco ou outra entidade de ensino que disponibilize este tipo de benefício.

Carta Mensal 001

13


55

ESTATÍSTICAS

Total de clubes

Nº Reuniões

48

Para visualizar planilhas completas acesse: www.rotary4610.org.br/movdistrital

Movimentação Distrital (Associados) 30/06/2010 30/06/2011 30/06/2012

30/12/2012

1.240

1.209 1.261

1.205 1.199 1.151

30/01/2013 (-31) 30/06/2013 (+52)

(-56) (-6) (-48)

Fundo Anual para Programas (Mil/US$) 310,3 232,6 221,5 131,7

157,3

293,7 203,6

220,2 17,6

2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014* * Ano rotário em andamento


ESTATÍSTICAS BAIXA DE ASSOCIADOS RC de Itapevi: Carlos Antonio da Silva Picos, Kleber Zeitonian, Lincoln Maru, Ricardo Saliba Urbano, Otacílio Raimundo Leite, Wagner José Fernandes. RC de Juquitiba: Claudete Chaves de Oliveira. RC de Osasco Quitaúna: Marcos Tadeu Ganem. RC de São Paulo: Ana Lúcia Bisordi de Oliveira Lima, Waldemar Fonseca, Waldyr Muniz Oliva. RC de Vargem Grande Paulista: Alexandre Gonçalves, Marcos Roque de Almeida. RCSP Alto da Lapa: Amadeu Fernandes Pereira. RCSP Bela Vista Bixiga: Alessandro Luiz Oliveira Azzoni, Luciane Alves Campos, Luiz Carlos Scaramella Maggio Junior, Michael R. Daguano. RCSP Caxingui: Paulo Arruda, Robson Torres. RCSP Morumbi: Marcelo Lara de Vasconcellos. RCSP Vila Nova Conceição: Ruth Zyman, Fernando Ubatuba.



Cm julho 13