Issuu on Google+

FOLHA DE ITAPETININGA FOLHA DE ITAPETININGA Terça-feira 26 de novembro de de 2013

ANO XLIll

Nº 6.467

homepage: www.folhadeitapetininga.com.br

Edição nº 6.467

Itapetininga, terça-feira 26 de novembro de de 2013

Diretora-Proprietária Benedita Rosely Salem Cerqueira

página 1

nos A 44 ga nin peti o a t I giã Com e Re

E-mail: comercial@folhadeitapetininga.com.br

Chuvas complicam estado das estradas rurais do município Amanhã encerramento da Festa de N.Srª das Graças

As intensas chuvas dos últimos dois dias ,complicaram o quadro de muitas estradas rurais de Itapetininga. Em alguns casos, houve necessidade de contorno de trechos mais afetados, que se tornaram intransitáveis. O município tem mais de 4.000 km de estradas rurais e uma estrutura muito pequena para sua manutenção Na zona urbana, também houve aumento do volume de água nos ribeirões,

causando preocupações em alguns trechos. Quanto ao Ribeirão dos Cavalos, cujas águas se encontram com o Ribeirão do Chá em Vila Santa Isabel, o que já provocou inundações em anos passados, há previsão de solução, uma vez que os recursos recentemente liberados pelo Governo Federal para a Avenida Marginal dos Cavalos, incluem também o desassoreamento do Ribeirão.

Donativos a Paróquia de São Paulo Apostolo

A Festa em louvor à Nossa Senhora das Graças,em Vila Reis, iniciada dia 19, será encerrada amanhã, dia 27. Hoje, às 19,30 hs., haverá Celebração da Palavra pelo Diácono Antonio Severino,com o tema “ Bem Aventurada Virgem Maria,Porta do Céu”,com bênção para os profissionais da saúde. Amanhã, 27, Dia de Nossa Senhora das Graças, haverá missa às 19,30 hs.,pelo Padre Jobel de Oliveira,com o tema “Bem Aventurada Virgem Maria,Ave Cheia de Graça”. Haverá distribuição, bênção e imposição de medalha milagrosa.

Policiais da DISE Polícia Militar apreende prendem um casal por adolescente com crack tráfico no Jardim Maricota na Vila Arruda

No último sábado, 23, após receber denúncias sobre tráfico de drogas na Rua Iporanga,em Vila Arruda, policiais militares da Força Tática, com o sgt.Campos,Cb Dias e Sds Sandro e Erick, após observações,constataram que um adolescente realizava o tráfico no

local.Após abordagem e busca pessoal, os policiais localizaram com ele 12 pedras de crack embaladas para venda.O adolescente de 15 anos foi encaminhado ao Plantão da DelPol,onde confirmou que vendia cada pedra por 10 reais. Ele ficou apreendido, à disposição da Justiça.

Neste último domingo,24, policiais civis da Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (DISE),em cumprimento a mandados de buscas domiciliares no Jardim Maricota, prenderam em flagrante um casal por tráfico e associação para o tráfico.No guarda-roupa da residência do casal foram localizadas 101 porções de

crack, já embaladas em papel-alumínio, R$ 48,00 em dinheiro,2 aparelhos celulares e contabilidade do tráfico. Os policiais vinham recebendo várias denúncias sobre o casal que traficava no bairro e aliciava menores para o delito. Os dois foram presos em flagrante e levados a uma prisão da região.

A Paróquia São Paulo Apostolo, está arrecadando óleo de cozinha, faria de milho e tempero para a festa que será realizada em janeiro. Você estará ajudando o termino da construção do Centro Catequético da Paróquia. Obrigado

No SESI até sábado,a exposição fotográfica “Bicicletas e GuardaChuvas”

A exposição fotográfica “Bicicletas e GuardaChuvas”,aberta no Sesi no último dia 14, será encerrada sábado, dia 30, das 14 às 18 horas.São 12 imagens a cores de Priscila Zambotto.

4ª Virada Inclusiva começa no dia 30 de novembro Na programação estão atividades em ruas, praças, parques, museus e teatros de todo o Estado voltadas às pessoas com ou sem deficiência

Para celebrar o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, que acontece no próximo dia 3 de dezembro, a Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência

promove a 4ª Virada Inclusiva - Participação Plena, evento que conta com parcerias entre órgãos públicos e instituições da sociedade civil. Na programação estão

atividades em ruas, praças, parques, museus e teatros de todo o Estado voltadas às pessoas com ou sem deficiência, uma vez que a programação é inclusiva e aces-

sível. O evento é gratuito e tem início no dia 30 de novembro, às 10h, na Praça Oswaldo Cruz, na Capital, com direito a uma caminhada até o Masp. Nos dias 1° e

3 de dezembro as atividades continuam. Para conferir a programação completa, acesse o site oficial da 4ª Virada Inclusiva.


página 2

Edição nº 6.467

FOLHA DE ITAPETININGA Terça-feira 26 de novembro de 2013

Dilma anuncia método mais ágil para construção de creches A presidente Dilma Rousseff disse ontem (25) que o governo vêm usando um método inovador para acelerar a construção de creches no país. Pelo método, as estruturas do prédio, as vigas, as paredes e o telhado vêm prontos de fábrica e são montados no canteiro das obras. Com isso, de acordo com a presidenta, o tempo de entrega das unidades cai de dois anos para um prazo de quatro a sete meses e reduz o custo da obra em até 24%, porque evita o desperdício de material. Durante o programa semanal Café com a Presidenta, Dilma destacou que o governo começou a contratar em agosto a construção de creches pelo novo método e a previsão é de que em dezembro - quatro

meses depois, a primeira seja inaugurada em Aparecida de Goiânia (GO). A unidade vai atender 120 crianças em tempo integral. Ela ressaltou que está aprovada a construção de 1.877 creches pelo sistema, largamente empregado em países desenvolvidos, e que foi licitado pelo Ministério da Educação (MEC) para ser usado por qualquer cidade do Brasil. "A creche é um instrumento importantíssimo para combater as desigualdades, dando a todas as crianças do nosso país as mesmas oportunidades de se desenvolverem, tendo acesso à educação de qualidade. Oferecer creche de boa qualidade para a nossa população, principalmente para a população mais po-

bre, é o primeiro passo para garantir uma saída permanente e sustentável da pobreza e dar um futuro ao país", disse. Dilma Rousseff lembrou que das 4,7 mil creches contratadas em seu governo, 2 mil estão em construção ou já foram entregues. Até o final do ano, mais 1.950 unidades serão contratadas. Além dessas, 1.609 creches contratadas no governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva estão sendo pagas e construídas agora. Dilma lembrou que todas as creches em construção no país seja pelo método tradicional ou pelo inovador, são feitas em parceria com as prefeituras. "A prefeitura dá o terreno e faz a terraplanagem e

o governo [federal] paga a construção. O governo federal também repassa para a prefeitura o dinheiro para a compra de móveis, carteiras, colchões, berços, materiais pedagógicos, jogos e até equipamentos de cozinha. Além disso, o governo federal também paga,

por até um ano e meio, as despesas do dia a dia da creche, até que ela receba o dinheiro necessário que vem do Fundeb [Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação]", disse, acrescentando que as

prefeituras recebem 50% a mais de recursos do Fundeb quando a criança matriculada é beneficiária do Bolsa Família. O programa Café com a Presidenta é produzido pela EBC em parceria com a Secretaria de Comunicação da Presidênica da Repúblc

Feira do Livro de Brasília deve receber 10 mil visitantes por dia "Leitura ferve a alma, queima a ignorância", é o que diz a poesia Cordel do Livro e da Leitura, de Gustavo Dourado, um dos expositores da 31ª Feira do Livro de Brasília. A partir deste final de semana até o dia 1º de dezembro, 62 expositores e mais de 40 autores estarão a disposição do público em estrutura montada ao lado da Biblioteca Nacional de Brasília, no centro da cidade, que

recebeu o nome Cidade da Leitura. Para esta edição são esperadas 10 mil pessoas por dia. Além de lançamentos e palestras estão previstos saraus, teatros e contações de história. Todas as atividades são gratuitas e a programação pode ser conferida no site da feira. A edição deste ano trata-se de uma retomada, pois a última edição ocorreu em 2011. Em 2012, a feira

Redação Administração, Publicidade: Rua Saldanha Marinho, 532 - Centro • Fone/Fax: (15) 3271-1576 Oficina: Rua Sofia Cerqueira, nº 125 - Centro CEP 18200-005 • Itapetininga • São Paulo Registrado no Cartório Oficial de Registro de Pessoa Jurídica de Itapetininga sob o nº 004437

homepage: http://www.folhadeitapetininga.com.br e-mail: redacao@folhadeitapetininga.com.br Proprietários: Benedita Rosely Salem Cerqueira e filhos Jornalistas Responsáveis: José Octávio Salem Cerqueira - Registro nº 52.755/SP Marcello Salem Cerqueira - PR1226 Diretores Adjuntos:José Octavio Salem Cerqueira e Marcelo Salem Cerqueira Redator Chefe: Silas Gehring Cardoso Repórter: Jorge Luiz de Almeida - MTB 37782 Diretor Comercial - Carlos Renato M. Gomes, Diagramadores: Henrique José de Oliveira Almeida

Colaboradores Alberto Isaac, Carlos José de Oliveira, Cláudio Souto , Darcy Pereira Pinto, Dirceu de Campos, Dr. Bastos, Dr. Jorge Paunovic, Joel Franco, José Raimundo Correia, Manoel Silvério, Marcos Cintra, Mauro M. Leonel, Waldomiro B. Carvalho.

Representante Exclusivo: São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte e Brasília. Consórcio Brasileiro de Imprensa - CBI - Av. José Maria Whitaker, 890 CEP: 04057-000 - SÃO PAULO - SP FONE: (11) 5589-4643 - FAX (11) 5589-4662 A redação nao se reponsabiliza pelos conceitos e artigos assinados. Fica esclarecido que os colaboradores com colunas assinadas não tem vínculo empregatício com a Editora Folha de Itapetininga Ltda, exceto os que tiverem contrato assinado com a mesma.

deu espaço para a 1ª Bienal do Livro. Em 2013, a feira recebe mais aportes do governo do Distrito Federal (GDF) e tem o projeto revisto. Ao todo, segundo a organização, serão R$ 1,6 milhão, sendo R$ 1,4 milhão do GDF e os demais R$ 200 mil da Câmara do Livro.Amaior parte dos recursos será voltado para a visita e aquisição de livros por escolas públicas do DF (R$ 900 mil).

O tema deste ano é Leitura, um Direito Fundamental e o foco é nos autores e artistas do DF. Dourado é um deles e participa desde a primeira edição da feira. Ele é professor, escritor e poeta, além de presidente da Academia Taguatinguense de Letras, reconhecida este ano como patrimônio cultural, material e imaterial do DF. "O retorno [da feira] traz também um novo movimento

de escritores", diz. "Em tempos de valorização da literatura internacional, somos a resistência da cultura brasileira e da literatura infantojuvenil". Também parte da Academia Taguatinguense de Letras, o jornalista e escritor Heron Luiz dos Santos vê a feira como uma oportunidade de divulgar o trabalho e fazer contatos. Ele é autor de dois livros: Pássaro Ferido - Contos e Poesias e Mário Eugênio - O Gogó das Sete, cujo relançamento ocorre na feira. A leitura o acompanha desde os 9 anos, com Monteiro Lobato. Os autores que o influenciaram "são tantos que seria injusto nomeá-los". Ele conta que foi na academia que ganhou projeção com a escrita e que deve à feira grandes amizades na literatura. No domingo (24), mesmo com a tarde chuvosa, as peças de teatro e as contações de história estavam com as cadeiras todas ocupadas. Os stands também contavam com adultos, jovens e crianças em busca de livros. Edenice José dos Santos escolheu o que vai levar: Cinquenta Tons de Cinza, da escritora britânica E.L. James. Ela é tia avó de Thallyta, de 9 anos e Rayssa, de 15. Tahllyta não lembra do último livro que leu, mas garantiu que sairá da

feira com algo para ler nas férias. Já Rayssa tem que ser afastada da literatura para se concentrar nos estudos. "Se deixar, ela fica lendo e não estuda", diz Edenice. Nas férias, Rayssa tira o atraso e lê, em um mês, seis ou sete livros. À noite, a atração será a palestra do médico Alexandre Feldman, autor do livro Enxaqueca, Só Tem Quem Quer, com mais de 20 mil cópias vendidas. No livro, ele ensina o que deve ser feito para controlar as crises e não se tornar refém de medicamentos. As principais orientações envolvem mudanças na alimentação e no sono. O autor também vai dar dicas de como escrever um livro médico. Ele adianta que o principal segredo é não guardar informações do leitor. "Muitos autores do campo médico ficam com medo de ensinar tudo e perder os pacientes. Esse medo prejudica a qualidade da obra", diz. Também entre as atrações da feira está o Espaço do Autor, onde tanto autores convidados quanto outros escritores podem apresentar as próprias obras. "Temos algumas atrações marcadas, mas uma grade com muitas janelas, para que os autores participem", diz o coordenador da Cidade da Leitura, Thelmo Ribeiro, da Câmara do Livro.


FOLHA DE ITAPETININGA Terça-feira 26 de novembro de de 2013

página 3

Edição nº 6.467

Marco civil da internet continua na pauta da Câmara A pauta do Plenário da Câmara dos Deputados desta semana continua trancada por três projetos de lei com urgência constitucional, entre os quais o do marco civil da internet (PL 2126/11, do Executivo). Ainda não há acordo quanto a pontos polêmicos da proposta, como a neutralidade de rede, que impede provedores de dar tratamento diferenciado conforme o tipo de acesso fornecido. O último relatório do deputado Alessandro Molon (PT-RJ) para o projeto também incluiu a obrigatoriedade de as empresas manterem centros de dados (data centers) no Brasil para tentar evitar o acesso por ações de

espionagem. A presidente Dilma Rousseff pediu urgência para o projeto depois das denúncias de espionagem do governo dos Estados Unidos contra empresas e autoridades brasileiras, inclusive ela mesma. Multa do FGTS Também tranca a pauta o Projeto de Lei Complementar (PLP) 328/13, do Executivo, que direciona os recursos da contribuição social de 10% do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) nas demissões sem justa causa para o programa habitacional Minha Casa, Minha Vida. Essa proposta foi enviada pelo governo na época de

votação do veto presidencial ao projeto anteriormente aprovado pelo Congresso (PLP 200/12) que acabava com a contribuição. O veto foi mantido no dia 17 de setembro. Porte de arma Outro projeto do Executivo com urgência constitucional vencida é o PL 6565/13, que concede porte de arma funcional aos agentes e guardas prisionais. Em sessão do Congresso ocorrida no último dia 19, os parlamentares mantiveram veto da presidente Dilma Rousseff à Medida Provisória 615/13, em cujo texto o tema foi incluído pelo Legislativo. A MP foi convertida na Lei 12.865/13. A diferença do projeto em

relação ao texto vetado é que o porte será condicionado a três requisitos: o servidor deverá estar submetido a regime de dedicação exclusiva; ter formação funcional adequada para portar a arma; e ser subordinado a mecanismos de fiscalização e de controle interno. Cadeiras nas eleições Ainda na terça-feira (26), os deputados podem começar a votação do Projeto de Decreto Legislativo 1361/13, do Senado, que suspende resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na qual é alterado o tamanho de bancadas de 13 estados na Câmara para as eleições de 2014. A resolução aumenta as vagas para deputados federais de cinco estados e diminui as de outras oito unidades da Federação. Essa redefinição do TSE levou em conta os dados mais recentes de população divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A resolução também redefine as vagas das assembleias legislativas dos estados envolvidos. Processo civil Os deputados podem também continuar a votação do novo Código de Processo Civil (CPC - PL 8046/10), que será por partes, como definido em acordo entre as lideranças. O Plenário aprovou o texto-base da parte geral do código no dia 5 de novembro. A maior polêmica dessa parte do texto do relator, deputado Paulo Teixeira (PTSP), é o dispositivo que determina o pagamento aos advogados públicos federais dos honorários derivados de causas ganhas para a União. Hoje, nas causas em que

a União é vencedora, os honorários são incorporados ao Orçamento do governo federal. Pelo texto do relator, uma lei posterior disciplinará esse pagamento aos advogados. Piso de agentes da saúde O Projeto de Lei 7495/ 06, do Senado, que fixa o piso salarial dos agentes comunitários de saúde e de combate a endemias é outro item pautado para terçafeira (26). Entretanto, para a matéria ser analisada, a pauta precisa ser destrancada com a votação dos projetos com urgência constitucional. O Executivo se recusa a aumentar as despesas da União com os repasses aos

municípios para o pagamento dos agentes, atualmente de R$ 950 por profissional. Indenização Outro item na pauta de terça-feira é o Projeto de Decreto Legislativo 381/99, do ex-deputado José Borba, que prevê indenização ao grupo indígena Kaingang de 1% do valor a ser distribuído a título de royalties aos municípios inundados pelo reservatório da usina hidrelétrica de São Jerônimo da Serra (PR). Entrega de medalha Na quarta-feira (27), está prevista sessão solene para entrega da Medalha Assembleia Nacional Constituinte a outros homenageados que não a receberam na sessão do dia 9 de outubro.

Empreendimentos Imobiliários S/C Ltda.

R. Silva Jardim, 724 Fones: 3271-7720 / 32717721 e 3271-7722

CROSP-5.209

Clínica Geral - Ortodontia - Implantes

Cirurgias Avançadas Dr. Carlos Alberto do Nascimento Telefone para Contato (3271 0889) Rua Alberto Ernesto Güinter, 22 - Rechã - Tel.: 3307-3152 Rua Natal Favalli, 519 - Angatuba - Tel.: 3255-1205 Rua Monsenhor Soares, 1.032 - Centro - Itapetininga/SP

Natação & Fitness

* Atividades : Natação - Hidroginástica - Acqua Mix - Musculação * Programas : Bodypump - Power Jump - Bodycombat , DANÇA DE SALÃO / Y PILATES (pilates de solo) / Y RITMOS / ACQUA MIX

Rua Benedito Leonel Ferreira, 71 / Tel: 3373-3535/3511-5174

* Clínica

*Pet Shop

* Banho e Tosa

*Rações

*Medicamentos/Vacinas

Rua Lopes de Oliveira, 125 Centro-Itapetininga/SP


página 4

Edição nº 6.467

FOLHA DE ITAPETININGA Terça-feira 26 de novembro de 2013

Déficit habitacional teve redução entre 2007 e 2012, segundo estudo do Ipea O déficit habitacional no Brasil caiu, em termos absolutos, 6,2% entre 2007 e 2012. Em termos relativos, cálculo que considera a proporção do déficit em relação ao total de domicílios existentes, a queda foi maior, chegando a 14,7%. É o que informa estudo divulgado hoje (25) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). De acordo com o órgão, o país registrava déficit de 5,59 milhões de habitações em 2007. O número correspondia a 10% do total de habitações no país à época. Em 2012, o déficit total caiu para 5,24 milhões de habitações

(8,53% do total). "Isso significa que, em termos absolutos, houve uma queda de 6,2% do déficit total habitacional. Em termos relativos [proporção do déficit em relação ao total de domicílios no país], a queda foi 14,7%", disse o pesquisador Vicente Correia Lima, um dos responsáveis pelo estudo. Déficit habitacional é um indicador que ajuda sociedade e gestores públicos a identificar a necessidade de reposição do estoque de moradias existentes. A partir disso, é possível o desenvolvimento de políticas públicas mais adequadas à situ-

ação habitacional brasileira. A pesquisa divulgada hoje aponta redução - também em termos absolutos e relativos do déficit de habitações precárias (termo usado pela pesquisa para referir-se a domicílios improvisados); de coabitações familiares (imóveis que abrigam mais de uma família); e do adensamento excessivo de domicílios (imóveis alugados, com uma ocupação superior a três habitantes por cômodo). Entre os componentes do déficit, o único que apresentou elevação no mesmo período foi o relativo ao peso

que o pagamento de aluguel tem em relação à renda domiciliar. O estudo considera nessa situação domicílios cujo aluguel corresponde a pelo menos 30% da renda domiciliar. O número de domicílios cujo valor do aluguel se enquadrava nesta situação subiu de 1,75 milhão em 2007 para 2,29 milhões em 2012. "Este foi um dos aspectos que mais chamaram nossa atenção", disse Lima. Neste quesito, a fatia da população mais afetada se enquadra na renda de até três salários mínimos que passou de 70,7% do déficit total em 2007, para 73,6% em 2012.

"O alto valor dos aluguéis tornam maiores as dificuldades para uma baixa ainda maior do déficit habitacional no país", acrescentou Cleandro Krause, outro pesquisador responsável pelo estudo. De acordo com o Ipea, ainda não é possível isolar o efeito que o Programa Minha Casa Minha Vida teve para a situação atual. "Acreditamos que ele deverá melhorar os indicadores no futuro, mas ainda é difícil mensurar o efeito causado por ele", disse Lima O estado que apresentou situação mais preocupante, segundo os pesquisadores, foi o

Maranhão, onde o déficit habitacional é de praticamente 400 mil domicílios, o que corresponde, em termos relativos, a 21,1% do total de domicílios do estado. Em termos absolutos, a unidade federativa que tem maior déficit é São Paulo, que em 2012 registrou um déficit de 1,11 milhão de moradias. Em 2007, o déficit era de 1,10 milhão de residências. Neste estado, apesar do aumento de 0,6% do déficit total, houve uma redução do déficit relativo, que passou de 8,8% em 2007, para 7,9% em 2012.

AL terá que investir US$ 2 trilhões em energia Segundo um estudo encomendado pelo Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) - "Energia: uma visão sobre os desafios e oportunidades na América Latina e no Caribe” -, se a América Latina pretende manter o ritmo de desenvolvimento e superar taxas históricas de crescimen-

to de demanda e oferta de energia, será necessário um investimento de US$ 2 trilhões (R$ 4,56 trilhões) no setor energético nos próximos 20 anos. Esse investimento no setor energético latino-americano depende de duas coisas: da capacidade de poupança de cada país e do

potencial de atrair a poupança externa. Apesar dos poucos recursos, a CAF deve contribuir assim como o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e até mesmo o Banco Mundial. Bem como o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), um dos mais

Ministro do STF defende julgamento das ações de planos econômicos para 2014 O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), defendeu hoje (25) que o julgamento das ações sobre os planos econômicos seja adiado para o ano que vem. O Supremo marcou para quarta-feira (27) o julgamento da ação na qual a Confederação Nacional do Sistema Financeiro pretende confirmar a constitucionalidade dos planos econômicos. "Sob a minha ótica, esse processo deveria ser o primeiro do ano Judiciário de 2014. Não está cedo demais, mas não é questão para ser julgada ao término do ano ", disse Marco Aurélio. O ministro disse que a Corte pode ter a ausência de três ministros esta semana e que seria prejudicial ao julgamento a provável interrupção da análise. "Já soube que teremos mais uma ausência, já que dois colegas vão se afastar, no dia 28. Incidir um julgamento é muito ruim. Nós devemos ouvir aqueles que sustentarão da tribuna os relatores e julgar de forma continuada", acrescentou Marco Aurélio. Na ação o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor pede

que os bancos paguem aos poupadores os prejuízos financeiros causados pelos índices de correção dos planos inflacionários. Ao todo, 390 mil processos estão parados em várias instâncias do Judiciário aguardando a decisão do Supremo. Projeções do Banco Central apontam que o sistema bancário deve ter prejuízo de aproximadamente R$ 149 bilhões se STF decidir que os bancos devem pagar diferença nas perdas no rendimento de cadernetas de poupança causadas pelos planos econômicos Cruzado (1986), Bresser (1998), Verão (1989), (1990) e Collor 2 (1991).

fortes bancos de desenvolvimento da América Latina, que pode entrar com uma boa parcela. Tornando o Brasil um dos grandes investidores no setor. O estudo afirma que a América Latina deverá satisfazer, nas próximas duas décadas, a demanda de aproximadamente 5,8 milhões de barris de petróleo e 700 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia. Ainda que o consumo deva crescer,

apenas 6,7% do incremento do consumo mundial nos últimos 10 anos se devem aos latino-americanos e caribenhos. América Latina deverá satisfazer, nas próximas duas décadas, a demanda de aproximadamente 5,8 milhões de barris de petróleo e 700 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia. Ainda que o consumo deva crescer, apenas 6,7% do incremento do consumo mundi-

al nos últimos 10 anos se devem aos latinoamericanos e caribenhos. Também participaram da pesquisa a Associação Latino-Americana de Integração (Aladi), a Comissão Econômica Para a América Latina e o Caribe (Cepal), a Organização dos Estados Americanos (OEA), a Organização LatinoAmericana de Energia (Olade) e outras entidades.

Para o advogado-geral da União, Luís InácioAdams, há "risco evidente" para o sistema financeiro. "Acho que é um tema que merece cuidado. O sistema [financeiro] está muito forte. Mas o fato é que o Brasil tem que estar sempre atento, até para que não tenhamos uma redução do crescimento e redução de crédito para a população", explicou.

Auto Escola CFC A E CFC B

CÉU AZUL ALIMENTOS LTDA

CONTRATA Pessoas portadoras de necessidades especiais Os candidatos devem procurar a empresa na Rodovia Raposo Tavares, km 177, ou pelos e-mails: marcio.beneton@ceuazul.ind.br samuel.oliveira@ceuazul.ind.br

...35 anos de tradição Curso para renovação de carteira de habilitação diurno e noturno Av. Francisco Válio, 438 - Centro- Itapetininga - SP Fone: (15) 3271-2273

Internet gratuita WI-FI Venha conferir!


FOLHA DE ITAPETININGA Terça-feira 26 de novembro de 2013

página 5

Edição nº 6.467

Orçamento vota alteração do PPA 2012-2015 nesta terça-feira A Comissão Mista de Orçamento se reúne nesta terçafeira (26) às 14h30, no Plenário 2, para votar duas propostas. A primeira (PLN 13/13) altera o Plano Plurianual (PPA, Lei 12.593/12) 2012-2015 em diversos itens. Essa é a primeira grande alteração do plano desde que foi adotada a nova sistematização. O PPA 2012-2015 não está mais dividido em programas e ações como eram estruturados os planos plurianuais anteriores, mesma lógica utilizada nas outras duas leis orçamentárias: a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e a Lei Orçamentária Anual (LOA). O plano plu-

arianual atual está estruturado em programas temáticos e de gestão, objetivos, iniciativas e metas. O projeto altera 34 dos 64 programas temáticos estabelecidos no texto que norteia as ações governamentais por quatro anos. Foram excluídos 26 objetivos, incluídos 5 e alterados 32. Com relação às iniciativas, 47 foram excluídas, 28 incluídas e 30 alteradas. Já para as metas, houve 102 alteradas, 64 inclusões e 83 exclusões. Equipamentos para Bolívia A segunda matéria na pauta é a Medida Provisória (MP) 625/13, que autoriza a liberação de R$ 60 milhões do Orçamento para atender o Mi-

nistério de Minas e Energia. O recurso será usado pelo ministério para contratar, sem licitação, uma empresa estatal para prestar serviços de recuperação e transporte de equipamentos de geração de energia elétrica que estão em desuso. Os equipamentos serão cedidos à Bolívia em um programa de cooperação energética entre os dois países. Segundo o Executivo, o governo boliviano solicitou ajuda ao brasileiro para enfrentar o deficit energético do País, que enfrenta racionamento de eletricidade. Os equipamentos serão retirados da Usina Termelétrica Rio Madeira, localizada em Rondônia, cujo ma-

MEC vai levantar dados sobre evasão em cursos profissionalizantes e técnico O Ministério da Educação (MEC) instituiu hoje (25) um grupo de trabalho para elaborar relatório dos índices de evasão em cursos da educação técnica e profissional no país. De acordo com a portaria publicada na edição desta segunda-feira no Diário Oficial da União, o grupo também vai desenvolver um manual de orientação para o combate à evasão, que incluirá um diagnóstico de alunos ingressantes com propensão a abandonar o curso, além de identificar as causas do problema. De acordo com o MEC, pela primeira vez esse tipo de

dados será levantado pela pasta. As atividades do grupo de trabalho deverão ser concluídas em um prazo de 120 dias, a partir de hoje. Os resultados serão apresentados para cada uma das modalidades de curso, classificadas pelo MEC como: integrada - o aluno, com uma matrícula apenas, frequenta curso que reúne conhecimentos do ensino médio e competências da educação profissional; a concomitante - o aluno, com duas matrículas, faz curso técnico e o ensino médio, em áreas complementares; e a subsequente - na qual o aluno se matricula no curso técnico somente

após ter concluído o ensino médio. Ainda de acordo com o documento, o grupo de trabalho será composto por representantes da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec), que custeará as despesas de deslocamento dos integrantes, e da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, podendo haver inclusão de "outros especialistas e técnicos". Dados do Censo Escolar da Educação Básica de 2012, dão conta de que há no país 1.063.655 alunos matriculados na educação profissional.

quinário estaria sem utilização. Emendas à LOA Normalmente, a comissão têm reuniões marcadas para três dias na semana. Porém, nesta semana só haverá a reunião de terça-feira à tarde, pois o foco dos parlamentares está na apresentação de emendas à Proposta de Lei Orçamentária Anual (PLOA, PLN 9/13) para 2014. Até a próxima quinta-feira (28), deputados e senadores têm R$ 14,68 milhões, cada, para apresentar em emendas individuais ao Orçamento de 2014, sendo R$ 7,34 milhões necessariamente para ações e serviços públicos de saúde, feitos pelo Ministério da Saúde.

Aí estão incluídas despesas de custeio, como pagamento de água e luz; e excluídos o pagamento de pessoal e os encargos sociais, como o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O cálculo já leva em conta a nova redação da proposta de emenda à Constituição do Orçamento Impositivo, que torna as emendas parlamentares individuais de execução obrigatória. A PEC foi aprovada em segundo turno no Senado no dia 12 e voltou a ser analisada pela Câmara. Além das emendas individuais, os parlamentares podem apresentar emendas coletivas ao Orçamento, seja

de bancadas estaduais ou de comissões permanentes. Na fase de apresentação dos dez relatórios setoriais do Orçamento, as bancadas estaduais poderão apresentar emendas no valor de R$ 1,94 bilhão. Depois, os próprios relatores setoriais terão R$ 4,26 bilhões para atender demandas das comissões permanentes, para investimentos de alcance nacional, e das bancadas estaduais. Participação popular Quem quiser pode clicar aqui para participar do debate sobre a LOA 2014. Além de trocar ideias, o internauta também pode sugerir emendas e enviá-las a um deputado.

Na 4ª semana de novembro, balança tem déficit de US$ 1,350 bi Déficit de US$ 1,350 bilhão registrou a balança comercial brasileira na quarta semana de novembro. Dados divulgados pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) mostran que entre os dias 18 e 24 do mês, as vendas externas somaram US$ 4,151 bilhões, enquanto as importações totalizaram US$ 5,501 bilhões. Novembro registra um superávit comercial de US$ 374 milhões no acumulado do mês,

resultado de exportações de US$ 15,192 bilhões e importações de US$ 14,818 bilhões. No ano, porém, o déficit comercial brasileiro é de US$ 1,455 bilhão, resultado de embarques de US$ 215,663 bilhões e compras no exterior de US$ 217,188 bilhões. A média diária das exportações na quarta semana do mês, de acordo com dados do MDIC, foi de US$ 830,2 milhões. O desempenho ficou 24,8% abaixo do re-

gistrado até a terceira semana do mês, cuja média diária era de US$ 1,104 bilhão. Nas três categorias de produtos houve retração. Em básicos, a redução foi de 32,3% (de US$ 539,3 milhões para US$ 365,5 milhões). Em semimanufaturados, a queda foi de 23,6% (de US$ 128,4 milhões para US$ 98,1 milhões). Já nos embarques de manufaturados, a diminuição foi de 16,5% (de US$ 413,4 milhões para US$ 345,1 milhões).

DESP ACHANTE POLICIAL DESPACHANTE Competência e R esponsa bilidade Responsa esponsabilidade Transf erência, licenciamento ansferência, licenciamento,, 1º emplacamento emplacamento,, reno vação de CNH, IPV A, m ultas enov IPVA, multas ultas,, etc etc..

Financiamento em até 12x. O mais completo escritório de despachante da EM NOVO ENDEREÇO: RUA Capitão José Leme, n º 258 região. Telefones: 3271-9155 e Telefax: 3271-8084


página 6

Edição nº 6.467

FOLHA DE ITAPETININGA Terça-feira 26 de novembro de 2013

Centro de saúde de Samambaia tem atendimento ampliado em 30%

O Centro de Saúde nº 3 de Samambaia conseguiu ampliar para 75% a cobertura de Estratégia em Saúde da Família (ESF) na área de abrangência da unidade, que corresponde a aproximadamente 28 mil moradores. Esse aumento é justificado pelo reforço de três médicos cedidos por programas do governo federal. Para a diretora regional de Atenção Primária à Saúde, Paula Garcia de Araújo, esse refor-

ço trouxe, sobretudo, qualidade para a comunidade. "A vinda desses médicos não só aumentou o atendimento em números, mas em qualidade dos serviços para uma população que é mais vulnerável", enfatizou. A unidade recebeu, em setembro, dois profissionais brasileiros, ainda da primeira fase do programa "Mais Médicos", do Ministério da Saúde, e, em fevereiro, um médico do "Programa de Valorização do Profissional da Aten-

ção Básica" (Provab), o que possibilitou cobrir três equipes da ESF que estavam incompletas. "A vinda desses profissionais representou uma ampliação equivalente a mais trinta por cento da cobertura atual. Com isso, é possível garantir hoje 75% de cobertura do território", explicou o gerente do centro de saúde, Marcos Antônio Trajano. As três equipes formadas com esses médicos possibilitaram a am-

pliação do atendimento para mais nove mil moradores da área. Antes, o setor, denominado como Expansão de Samambaia, tinha apenas 45% de cobertura. Hoje são seis equipes completas, todas formadas por médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, agentes comunitários de saúde, e três delas contam com dentistas. O gerente explicou ainda que a formação de mais duas equipes garantirá uma cobertura total

na localidade. "Houve a ampliação do atendimento e da qualidade dos serviços prestados para aquela comunidade, e essa foi também uma determinação do governo. Além disso, aumentou o grau de satisfação daquela população, que é mais vulnerável e está em fase de estruturação", relatou o coordenador-geral de Saúde de Samambaia, Manoel Solange Fontes Teles. Atualmente o atendimento das

equipes ESF do centro de saúde abrange os moradores das quadras 427, 429, 431, 433, 629, 631, 633, 827, 829, 831, 833, 1029, 1031, 1033 e zona rural, e a assistência nas quadras 1029, 1031 e 1033 é realizada pela atenção básica, que, segundo o gerente, será futuramente substituída por duas equipes de ESF que são as que faltam para alcançar cem por cento de cobertura no local.

Julgamento de ações contra Mais Médicos será somente em 2014, diz Marco Aurélio O julgamento das ações diretas de inconstitucionalidade contra o Programa Mais Médicos só deve ocorrer no ano que vem, disse hoje (25) o relator das matérias, ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF). Durante audiência pública para debater o tema, o ministro prometeu liberar seu parecer

"o quanto antes", mas ponderou que, com a proximidade do recesso do Judiciário, não haverá tempo hábil para fazer o julgamento. "Seria muito otimista se imaginasse julgar esse processo [este ano] já que tenho outros 170 liberados, aguardando a fila do pleno ainda neste ano", disse Marco Aurélio. O ministro lembrou ainda da necessidade da manifestação

do procurador-geral da República em relação às ações. Na audiência pública, os ministros da Saúde, Alexandre Padilha, e da Advocacia-Geral da União, Luís Inácio Adams, defenderam o programa. Já os representantes das entidades médicas voltaram a criticar a proposta. Para o presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM), Roberto Luiz d'Ávila, o programa tem caráter eleitoreiro e não resolve o problema da falta de médicos

no país, em especial nas regiões Norte e Nordeste, e criticou a contratação dos profissionais estrangeiros sem a revalidação do diploma. "Os profissionais do Mais Médicos, que não consideramos médicos porque não reconhecemos as suas competências, não são aprovados no Revalida [Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeiras]. Já surgiram denúncias de

prescrição errada e encaminhamentos equivocados. Portanto, o que estamos defendendo não é nada de corporativismo, mas a proteção da sociedade brasileira contra médicos que não sabemos se estão capacitados à atender a nossa gente", argumentou d'Ávila. Já Padilha negou que o programa tenha viés eleitoreiro e surgiu do pedido de prefeitos de todos os partidos diante da falta de profissionais. "Quem fala isso

[que o programa é eleitoreiro] é que não tem a sensibilidade de perceber que faltam médicos no nosso país. É muito fácil alguém que tem acesso a médicos criticar um programa para quem não tem", alegou Padilha. O debate sobre o programa se estende até amanhã (26) no Supremo Tribunal Federal. Devem ser ouvidos representantes de entidades médicas, do Ministério Público, da Presidência da República e das prefeituras.

Vende-se 7 galoes de defensivo Agricola GLIZ MAX fone: 96204484 Vende-se 30 novilha Nelore 96204484


FOLHA DE ITAPETININGA Terça-feira 26 de novembro de 2013

página 7

Edição nº 6.467

Pesquisa mostra pão de queijo e guaraná como tendência do consumo britânico O consumo do pão de queijo pode decolar pelo mundo em 2014. A mesma coisa pode acontecer com o guaraná e com a cerveja brasileira. Essa é uma das apostas da pesquisa anual sobre as tendências do consumo britânico da consultoria Mintel. O levantamento que antecipa fenômenos de mercado diz que, em ano da Copa do Mundo, o Brasil será uma das principais inspirações do planeta. O fenômeno vai beneficiar praticamente tudo que carregar a "marca Brasil", preveem os pesquisadores, que apostam especialmente nos alimentos, bebidas e produtos de beleza.

"A Copa do Mundo fará o mundo se apaixonar por todas as coisas brasileiras. A vitrine dos produtos brasileiros vai ter de tudo: de comida e moda a produtos de beleza", diz o estudo. A pesquisa explica que a exposição do País durante as semanas do mundial de futebol inspirará consumidores a procurar a "marca Brasil". "Bilhões irão assistir aos jogos e isso cria um enorme potencial ao expor consumidores que poderão comprar todo tipo de produtos e serviços brasileiros." Ao estudar o consumidor e o mercado, a Mintel tem algumas apostas. Uma delas é

o pão de queijo. A consultoria diz que já é possível notar o crescimento da comercialização do produto em parte do varejo britânico. Com maior oferta, a pesquisa diz que o pão de queijo "tem potencial para decolar" no próximo ano. A maior cadeia de supermercados do Reino Unido, a Tesco, por exemplo, já vende a mistura para o pão de queijo em parte da rede. Bebidas. Para a pesquisa, as bebidas também têm potencial e estão mais avançadas no processo de internacionalização. "O Guaraná Antarctica e a cerveja Brahma estão na vanguarda", diz o estudo, que acredita que

essa tendência se acentue em 2014. A cerveja brasileira já é, por exemplo, a marca oficial de um dos mais badalados e caros bares londrinos, na cobertura de um dos mais altos edifícios da City. Em bares descolados da capital britânica, o chope da mesma marca também começa a ser vendido com mais frequência. No ano passado, outra grande rede varejista, o Waitrose, iniciou a venda de vinhos brasileiros. Beleza. Para o estudo, a indústria da beleza é outro segmento que tem grande potencial. "A beleza é talvez o segmento onde o Brasil está mais estabelecido no imaginá-

rio do consumidor britânico." O estudo afirma que, dentro da área de beleza, o principal nicho é o de cabelos. "Estudo mostrou que 18% dos consumidores de produtos para cabelo estão interessados e dispostos a pagar mais por produtos de alisamento, área em que as marcas brasileiras têm excelência", aponta o estudo. Outras apostas estão na moda. A Min-

tel prevê oportunidades especialmente para a moda praia, como chinelos e biquínis. A Copa acontecerá em pleno verão do Hemisfério Norte de 2014. Além do Brasil, os outros quatro temas apontados pela consultoria que devem pautar o consumidor inglês em 2014 são: relações internacionais britânicas, privacidade, bebidas saudáveis e consumo sem dinheiro.

INDICADOR PROFISSIONAL ADVOGADOS MÉDICOS Ginecologia DR. DAVID CAVALHEIRO SALEM JR. Clínica Geral CRM 27291 R. CEL: AFONSO, 422 - ITAPETININGA-SP FONE: 3271-8810 - CONSULTA C/HORA MARCADA CONVÊNIOS UNIMED, IAMSPE

Cardiologia • Cardiologia • Clínica Médica • Cardiogeriatria

Dr. Luiz Antonio Orsi Bernardes CRM 44559

Dentista

Adriana Quintella Ozi advogada R. Vicente Eugênio Piedade, 230 - Vila Barth CEP 18205-610 - ITAPETININGA -SP e-mail: adrianaozi@aei.com.br

(15) 3272-4447 LUIZ GONZAGA LISBOA ROLIM SEPTIMIO FERRARI FILHO Direito Família - Criminal - Trabalhista - Tributário Justiça Federal - Sustentação Oral nos Tribunais

Rua Major Fonseca, 85 SL 1-2 e 3 Sobreloja CONSULTAS COM HORA MARCADA E PARECERES - ESTACIONAMENTO PRÓXIMO

Fones: 3271-1331 Fax: 3272-5128 José Hércules Ribeiro de Almeida Uedney Junqueira do Amaral ADVOCACIA GERAL Escrit. Av. Domingos José Vieira, 1561 - fone/fax 3271-3062 Resid. R. Leonor A. Camargo, 166 - Fone: 3272-5437 CEP: 18200-000 - ITAPETININGA/SP

DR. VITOR CAMARGO HOLTZ MORAES OAB Nº 134.223

Advocacia Cívil, Criminal e Trabalhista e-mail: vitorholtz@ig.com.br R. Adolfo Arruda Melo, 210 - Jd. Italia Fone/Fax: (15) 3272-9300 / Cel. 9715-4602

Itapetininga -SP CEP 18201-750


página 8

Edição nº 6.467

COMENTANDO A LEI SECA CALEIDOSCÓPIO 900 - DR. BASTOS Cinco milhões de jovens foram convocados a dar sua opinião no ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) na prova que colocou o tema no exame de português. O assunto, surpreendentemente deixou de ser comentado por alguns dos examinandos. A escolha do tema tem um grande interesse na Educação pois leva a meditar sobre um assunto de alto interesse social. Serviu para uma população alvo composta de jovens em plena fase da aquisição desses princípios, motivo pelo qual merece aplausos os organizadores do referido exame. O brilhante tema escolhido foi de grande interesse didático e social e foi levado a meio milhão de jovens na idade mais assimilativa. O assunto se resume numa desejável sentença educativa: “ SE BEBER NÃO DIRIJA”. Foi notável a oportunidade de divulgar uma regra importantíssima para a segurança de todos. Já estão sendo colhidos

Dr. Bastos AJORI 372

resultados dessa campanha que poupa vidas e diminui o número de inválidos. Há um grande número de pessoas, frequentando bares e botequins onde ingerem bebidas alcoólicas e, em seguida, tomam a direção de veículos em horas propícias a acidentes. No presente exercício nada menos que 70 pessoas já foram vítimas fatais e nada menos que 200 sofreram ferimentos graves dos quais resultaram cerca de 20% de mutilações graves. Espera-se que a mensagem que levou mais de meio milhão de jovens a perceber o impacto tenham recebido-o como uma mensagem educativa e frutos serão colhidos, certamente. É-me oportuno cumprimentar os pedagogos que se reuniram para estabelecer o tema da

COLUNA DO ENSINO

redação proposta para o ENEM. A oportunidade e o alcance do tema não poderiam ser mais felizes, já que tiveram como alvo educandos numa fase especialíssima para receberem instruções vitais. É trágica a constatação que nem todos obedecem a prescrição da lei e ainda acontecem, como foi dito, centenas de acidentes só no município de São Paulo. É provável que esses números sejam multiplicados por talvez, cinco vezes se levarmos em conta, o que acontece em todo o Brasil. O assunto poderia ser minimizado se não contasse com a participação de Bebidas alcoólicas e especialmente à noite quando há mais acidentes pois é costume de uma grande maioria de trabalhadores tomar seu drink ao fim do expediente de trabalho e em seguida assume o volante de seus veículos rumo à suas residências. O problema é ainda mais grave quando se estende à direção de veículos nas estradas..

Newton Albuquerque

Cultura - Palavra em Sentido Amplo

Que se entende por cultura ou fato cultural ? Temos vários significados - segundo o largo entendimento, é qualquer manifestação de uma comunidade, seus costumes,seus esportes,seus lazeres, qualquer coisa que seus membros façam,constituem fatos culturais daquela comunidade que pode ser pequena, até os traços de comunidades muito maiores. Entre outros entendimentos, destacamos os seguintes: possuir saber, ilustração, instrução; pode ser o cultivo agrícola, cultura do arroz, do trigo,etc; cultura física, desenvolvimento sistemático do corpo humano por meio de ginástica e desportos.Muitas outras acepções existem,porém desejamos nos referir à inicial acima citada, que se refere à mais ampla, resumindo, de que a cultura é a soma dos traços,dos fatos característicos de uma comunidade,inclusive linguagem, gestos, vestimenta,etc.

Newton Albuquerque A importância do entendimento dessa terminologia se avulta,e aí entram as verbas,quando se trata do dinheiro público destinado à educação. Em certa ocasião, quando,como agora, a Constituição determinava porcentagem mínima de gastos com a educação,foi aprovada emenda constitucional acrescentando a palavra “cultura” ficando ,ao final do texto, a redação de que a verba seria destinada à educação e cultura. Na realidade, o dinheiro

que antes era só para o ensino,restrito ao funcionamento das escolas, ao atendimento do seu currículo,passou a ser dividido com a “cultura”. E passaram a gastar as verbas com futebol comunitário, festas de diversos tipos, atividades não escolares,financiando excursões,etc.,afirmando que tudo é cultura e,portanto, havia fundamento legal.Entretanto, os gastos não devem ser confundidos. Os esportes e a cultura devem ter verbas próprias de suas Secretarias,para atender à comunidade nesses aspectos. UM POUCO DE HUMOR Professor para o aluno : __Qual é a velocidade da luz ?, __Não sei. Só sei que,de manhã,ela chega rápido demais !

24 HORAS

AUTO POSTO PAQUETÁ

Seu carro na melhor forma!

FONE: 3271-8011

FOLHA DE ITAPETININGA Terça-feira 26 de novembro de 2013

Os méritos do povo brasileiro precisam ser mais destacados Falta visão a muita gente, para uma avaliação criteriosa do que se passa no Brasil. Quando abrimos, por exemplo, alguns dos grandes jornais deparamos com comentários, não só os jornalistas, como dos próprios leitores, avaliando o Brasil sob uma ótica derrotista e pessimista. É uma postura equivocada. Se de um lado realmente é preciso denunciar e desmascarar a corrupção e a criminalidade, se é preciso mostrar os gritantes desníveis sociais e misérias, de outro lado é preciso mostrar o que o Brasil tem de bom. A maioria dos brasileiros, por exemplo, é mais afável que a maioria dos europeus ou norte-americanos. Maior mérito do Brasil é abrigar uma

Silas Gehring Cardoso Ajori - 033

mescla de raças e povos oriundos de todas as partes do mundo. A liberdade religiosa aqui é maior que em muitos outros países. O povo brasileiro é mais espiritualizado, ao contrário de muitos outros povos que são extremamente materialistas. O sentimentalismo do brasileiro o coloca bem acima da frieza de muitos outros povos. Em resumo, o povo brasileiro é bom, embora a situação social ainda seja muito difícil. Por tudo isso é que a imprensa precisa esclarecer esse povo, libertar a consciência desse povo, harmonizar a consciência desse povo e, principalmente, aumentar a sua auto-esti-

ma. Não podemos continuar utilizando, como comparação, padrões de conquista material do chamado "Primeiro Mundo". Muitas pessoas, infelizmente, absorvem os conceitos materialistas de comparação e passam a considerar-se pessoas mais infelizes do Mundo, esquecendo de coisas positivas que estão ao seu lado, como uma família amorosa, um convívio agradável com os amigos, e a liberdade de poderem expressar o que pensam. Mesmo nos momentos de dificuldades, manter a autoestima de nosso povo em níveis elevados, é tarefa primordial. E ninguém pode fazer isso melhor do que a imprensa. Silas Gehring Cardoso é redator chefe dos jornais Folha de Itapetininga e Tribuna Popular e presidente da AJORI Associação dos Jornalistas e Radialistas da Região de Itapetininga.

ROUPAS E CALÇADOS INFANTIS MODA GESTANTE JOVEM E ADULTO SETOR DO BRANCO PARA QUEM USA BRANCO NO DIA A DIA


Folha de Itapetininga 26/11/2013