Page 1

Folha

Entre em contato com a redação pelo Whatsapp (51) 9 9415.3122

Folha

SEXTA, sábado e domingo, 19, 20 e 21 de março de 2021

1

Sexta, sábado, domingo | Cachoeirinha, 19, 20 e 21 de março de 2021 | ANO IX | Edição 1988 | Venda Avulsa: R$ 2,50

Divulgação/PMC

Hospital de Campanha recebe equipamento inovador para trazer alívio aos pacientes internados Cápsulas respiratórias são uma alternativa ao uso de máscaras de oxigênio e podem ajudar a retardar a intubação

8

Pesquisadores identificam possível nova linhagem de covid-19 no Brasil 7

Marco Alba: O MDB não pode se tornar uma mera muleta de plenário do Governo Leite 7

Caixa diz que calendário do novo auxílio emergencial está pronto 6


19, 20 dede 2021 Sexta,sábado sábado ee domingo, domingo, 19, 20 ee21 21de demarço março 2021 22 SEXTA,

Geral Variedades A saúde de mães e bebês é uma preocupação da Unimed porto Alegre que, por meio do programa Viver Bem, oferece oficinas de forma gratuita e online durante o mês de março. No dia 19, será realizada uma conversa com o obstetra Jean Matos sobre Cuidados na gestação, parto e puerpério. As atividades serão realizadas de forma digital e gratuita com inscrição prévia pelo blog Viver Bem.

Folha

PreVIsÃO dO TeMPO

Fonte: ClicTempo

OpiNiãO

Home office e qualidade de vida O mundo vive hoje uma situação de reclusão, distanciamento social, medo e insegurança devido à pandemia e à criminalidade crescente. A mobilidade urbana gera estresse e consome parte do precioso tempo das pessoas. O home office é, hoje, uma alternativa prática. O nosso propósito profissional, diante disto, é proporcionar ambientes propícios às pessoas que estão neste formato de trabalho, com foco na saúde, no bem-estar, na produtividade e no engajamento pleno no ambiente organizacional. As atividades profissionais, em certas ocasiões, podem gerar elevados níveis de estresse, gerando energias negativas que devem ser transmutadas. O ambiente de home office deve prover um fluxo dinâmico de energia para manter o padrão desejado, de modo que absorva estas energias negativas e as devolva positivas. Este novo formato de trabalho, que visa a uma performance sustentável, requer um fluxo de energia mais abrangente, com capacidade de sincronizar todos os sistemas dos ambientes interno, externo e do universo de possibilidades, os quais, somados, formam o ecossistema do negócio. A

RADAR

sincronia dos sistemas proporciona o pleno funcionamento das atividades laborais, com resultados satisfatórios à empresa e à qualidade de vida aos colaboradores. Uma empresa é formada por diversos sistemas individuais de energia, por exemplo: departamentos, setores, unidades de produção ou distribuição, equipe de vendas, diretoria, manutenção e outros. Sistemas são atividades ou núcleos individuais que fazem parte do todo do negócio, e o home office é um destes sistemas. Cada vez mais se torna necessário homogeneizar o padrão de energia do ecossistema empresarial, a fim de que ele impacte positivamente em todos os envolvidos no processo. A Sincronia Sistêmica gera o ambiente propício, acopla o home office no fluxo de energia do negócio, oportunizando o pleno desenvolvimento das atividades e a qualidade de vida. O home office é a solução do momento e a Sincronia Sistêmica promove as condições ambientais essenciais para a performance sustentável e a satisfação de todos.

Esteban Felix/AP

Na foto, Chilenas mostram seus cartões de vacinação atualizados após receberem a 2ª dose da CoronaVac em asilo em Santiago . O mundo ultrapassou a marca de 400 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 aplicadas, apontam dados do "Our World in Data" nesta quinta-feira (18).Os países que mais se destacam são Estados Unidos, Israel e Chile. Os EUA são o país com mais doses aplicadas, Israel já administrou mais doses do que a população do país e o Chile é quem tem o maior ritmo de vacinação do planeta. Os Estados Unidos lideram a corrida pela imunização em números absolutos, com 113 milhões de doses aplicadas. Na sequência vêm China (65 milhões), Índia (37 milhões),

Isnar Amaral

Consultor em energia do negócio

#O PRESIDENTE ESTÁ MORTO: O presidente da Tanzânia, John Magufuli, morreu aos 61 anos, informou a vice-presidente Samia Suluhu Hassan nesta quarta-feira (17). Segundo ela, o mandatário estava internado em Dar Es Salaam, maior cidade do país, com "problemas no coração". Magufuli estava desde 27 de fevereiro sem fazer aparições públicas, o que aumentou rumores pelo país sobre seu estado de saúde O sumiço, que foi noticiado seção Radar, nesta página, na edição de ontem (18), levantou inclusive suspeitas de que o presidente tanzaniano poderia estar com Covid-19. Negacionista da pandemia, Magufuli sempre afirmou que a Tanzânia estava livre do coronavírus "graças a orações". Ele dizia que o novo coronavírus é proveniente de um demônio ocidental, e seu governo recomenda receitas caseiras -- uma bebida à base de gengibre, cebola, limão e pimenta -- para eliminá-lo. Ou seja, além de difundir hipóteses falsas sobre a pandemia, ele também sugeriu tratamentos alternativos que não têm eficácia para combater a Covid-19.

Reino Unido (27 milhões) e Brasil (12,6 milhões).Completam o top 10: Turquia (12,1 milhões), Alemanha (9,8 milhões), Israel (9,5 milhões), Rússia (7,8 milhões) e Chile (7,7 milhões). Apesar de ocupar a 5ª posição em total de doses aplicadas, o Brasil é apenas o 58º no ranking proporcional de vacinação, que leva em conta o total da população, e o 62º no ritmo de imunização. No ranking proporcional, o Brasil aplicou 5,9 doses a cada 100 habitantes até o momento, patamar semelhante ao de República Dominicana (6,2), Panamá (6,1), Argentina (5,9) e Letônia (5,3). Israel segue na liderança do ranking proporcional, com 110 vacinas aplicadas a cada 100 habitantes.

clIck

A especulação sempre fez parte do noticiário esportivo. A diferença é q em outros tempos o profissional era cobrado e avaliado pela notícia. Hoje, e ainda com as redes sociais, não há qualquer escrúpulo em "informar" qualquer coisa. Se der cliques já valeu a pena!

Ribeiro Neto | Jornalista | @NetoVerdades

Grégori Bertó / Ascom SSP

nas redes

O governo do Estado iniciou nesta quinta-feira (18) a distribuição da segunda maior quantidade de vacinas contra a Covid-19 repassada pelo Ministério da Saúde para o RS. Foram 318,2 mil doses da CoronaVac/Instituto Butantan em 27 caixas. A maior parte foi levada às coordenadorias regionais de saúde (CRS) para divisão entre os municípios gaúchos com apoio do transporte aéreo da Secretaria da Segurança Pública (SSP).


Folha

Geral Cidade

SEXTA, sábado e domingo, 21março de março 2021 Sexta, sábado e domingo, 19, 2019,e 20 21 ede de de 2021

3

Quiosque da Cultura está sendo usado para aplicação de testes para Covid Encaminhamentos serão feitos a partir das unidades de saúde do Município

Desde o início da manhã desta quarta-feira, 17, o Quiosque da Cultura, na Praça Leonel Brizola, em frente ao Hospital Dom João Becker, foi transformado em um centro de realização de testes RT-PCR, para usuários agendados através das Unidades Básicas de Saúde e de Saúde da Família. O espaço foi cedido pela Secretaria de Cultura, Esportes e Lazer (SMCEL) à Secretaria Municipal de Saúde (SMS). “Em razão desse estado de calamidade, a SMCEL também está se somando ao trabalho feito pela Secretaria de Saúde, a fim de que a capacidade sanitária do município seja ampliada e qualificada”, afirma a técnica superior em Artes Visuais e Coordenadora do Quiosque da Cultura, Mari Velleda. De acordo com a coordenadora do Serviço de Assistência Especializada (SAE), Tatiane Silva, serão feitos cerca de 250 testes RT-PCR por dia. “Hoje, estamos trabalhando aqui no quiosque e na Urest (Unidade Regional de Saúde do Trabalha-

PMG/Divulgação

dor), mas, a partir do dia 22, na próxima segunda-feira, vamos atender apenas aqui na praça. Lembramos que as pessoas atendidas aqui foram encaminhadas pelas unidades de saúde”, disse. Maria da Silva Ósio, de 25

anos, foi até uma das unidades do município e encaminhada para fazer o teste no Quiosque. Ela, que trabalha na saúde, disse que apresentou com alguns sintomas. “Estou com dor nas costas, senti perda do paladar e

olfato, por isso fui até a unidade e vim fazer o teste”, contou. Exposições culturais Conforme a SMCEL, os projetos contemplados no Edital 011/2020, que devem ser exe-

cutados dentro do prazo da Lei Federal 14.017/2020 – Lei Aldir Blanc (LAB), que se encerra em 31 de maio de 2021, deverão ser readequados para o formato virtual no Mapa Cultural de Gravataí. A secretaria informa que, após a liberação do Quiosque da Cultura pela SMS e o retorno das atividades culturais e presenciais no espaço, abrirá as portas aos proponentes contemplados pela forma de ocupação Quiosque da Cultura. Os projetos, então, serão apresentados presencialmente, se houver interesse, em calendário a ser definido pós-retomada das atividades e encerramento da LAB em Gravataí. Também será iniciado, como estratégia de divulgação, o projeto “Lei Aldir Blanc em Gravataí – Quiosque da Cultura – Ocupação Virtual”, em que as redes sociais da SMCEL e do Conselho Municipal de Política Cultural farão a divulgação de pelo menos uma atividade por projeto, a fim de ampliar o alcance de público virtual.

Comitê da Solidariedade recebe doação do Senac de 100 testes rápidos para covid-19

Nesta quinta-feira, 18, o prefeito e presidente do Comitê de Solidariedade, Luiz Zaffalon, e o vice-prefeito e coordenador do Comitê da Solidariedade, Dr. Levi Melo, receberam do diretor do Senac Gravataí, Gidião Araújo Monteiro, a doação de testes sorológicos, os chamados testes rápidos, para covid-19. Os testes serão utilizados nos serviços da Secretaria Municipal da Família, Cidadania e Assistência Social (SMFCAS) e atenderá as casas lares e abrigos mantidos pela prefeitura. Esses serviços de acolhimento abrigam crianças e adolescentes que foram afastados do convívio familiar por decisão judicial, em decorrência de alguma violação grave de seus direitos. Violência doméstica física e negligência estão entre os motivos mais comuns. "Agradecemos ao Senac Gravataí pelo ato de solidariedade num momento tão difícil,

como este, que estamos vivendo. A testagem é um instrumento importante no controle e segurança sanitária das casas lares e abrigos mantidos pela prefeitura", concluiu Zaffa. De acordo com Dr. Levi Melo, o Comitê de Solidariedade tem a finalidade de ser um instrumento de proteção aos vulneráveis. Seja através da campanha de doação de alimentos, seja no amparo de jovens e crianças. "Que esta ação do Senac motive outras entidades e empresas da cidade numa grande corrente de solidariedade", disse o vice-prefeito Dr. Levi Melo. Além do prefeito Zaffa, vice Dr. Levi e do diretor do Senac Gravataí, Gideão Araújo, também estiveram presentes o secretário da Família, Cidadania e Assistência Social (SMFCAS), Luiz Stumpf, e a adjunta da pasta Joice Michels. O WhatsApp para agendar doações é (51) 99790-1500.

Com o apoio da Guarda Municipal, BM encerra ponto de tráfico no Breno Garcia Durante um patrulhamento de rotina a Brigada Militar (BM), com o apoio da Guarda Municipal (GM) da Secretaria Municipal para Assuntos de Segurança Pública (SMASP), prendeu mãe e filho, na tarde desta quarta-feira, 17, por tráfico de drogas, no Residencial Breno Garcia.Após ser abordado pela BM, o jovem fugiu em direção à residência e foi preso no local. A Guarnição de Operações com Cães (GOC) da Guarda Municipal foi aciona-

da para averiguar a possibilidade de ter mais entorpecentes, o que foi constatado. Na residência, onde estava a mãe do jovem, os cães do GOC encontraram mais drogas e dinheiro. Ao todo, foram apreendidas 52 pedras de crack, oito pinos de cocaína e 113 reais. Além do jovem e da mãe, que foram presos em flagrante, outro suspeito conseguiu fugir pelos fundos do pátio. Em busca de promover mais segurança aos moradores a Guarda Munici-

pal tem uma base dentro do residencial Breno Garcia que atua 24 horas por dia em busca de inibir o tráfico de drogas e minimizar os índices de violência. O secretário municipal para Assuntos de Segurança Pública, coronel Flávio Lopes, lembra que o efetivo da GM está sempre à disposição dos demais órgãos de segurança para prestar o suporte necessário e ter êxito em ações como essa, diminuindo os índices de criminalidade em Gravataí.


4 SEXTA, sábado e domingo, 19, 20 e 21 de março de 2021

Folha

Especial

giro político

Da Redação

‎”Não considere nenhuma prática como imutável. Mude e esteja pronto a mudar novamente. Não aceite verdade eterna. Experimente” (Skinner)

Leonardo Ozório/ALRS

R$ 5 milhões para pronto atendimentos do RS

Os deputados estaduais vão destinar R$ 5 milhões do seu orçamento para o combate ao Covid-19 em Pronto Atendimentos gaúchos (PAs). O repasse foi autorizado nesta quinta-feira (18) e provém da economia de recursos gerada pelo legislativo com a redução das atividades presenciais. De acordo com a deputada estadual Patrícia Alba (MDB), os valores deverão ser utilizados para a compra de medicamentos e insumos, despesas com pessoal e outros custos de manutenção.“Diante do grave quadro exposto no RS, precisamos assegurar ao máximo todas as condições de atendimento às pessoas acometidas pelo vírus”, afirma Patrícia.

Inclusão das mulheres no mercado de trabalho é pauta de reunião no FGTAS A deputada estadual Franciane Bayer, procuradora da Mulher na Assembleia Legislativa, reuniu-se na tarde desta quarta-feira (17) com o diretor-presidente da Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS), Rogério Grade. Além de colocar o mandato à disposição da Fundação para apoiar as ações de ampliação da rede de atendimento, através da instalação de agências do Sistema Nacional de Empregos (Sine) em municípios gaúchos, Franciane tratou da empregabilidade do contingente feminino. A deputada defendeu a criação de cursos de capacitação para as mulheres como forma de qualificá-las para o mercado de trabalho visando, ainda, o combate a violência doméstica. “Muitas mulheres deixam de denunciar seus agressores pois são dependentes financeiramente. Qualificá-las para terem uma renda é uma ferramenta importante para o combate à violência”, destacou. Também participaram da reunião a chefe de gabinete da FGTAS, Joana Metzger Martinez Mahl e a assessora parlamentar da deputada, Izabel Kremer.

folhadecachoeirinha@gmail.com jornaldegravatai@gmail.com

Governadores do Sul anunciam regulação compartilhada de leitos, insumos e medicamentos Os governadores Eduardo Leite (Rio Grande do Sul), Carlos Massa Ratinho Junior (Paraná) e Carlos Moisés da Silva (Santa Catarina) se reuniram na tarde desta quarta-feira (17/3), na sede do governo catarinense, em Florianópolis, para articular ações conjuntas de enfrentamento à pandemia na região Sul. No encontro, os chefes de Executivo anunciaram um compromisso de ajuda mútua, inclusive na utilização das suas estruturas hospitalares e de integração dos sistemas reguladores de saúde, tanto de medicamentos, como insumos e equipamentos. Além disso, reforçaram a intenção de compra consorciada de vacinas para disponibilizar ao Plano Nacional de Imunizações. O Sul do Brasil foi considerado pelos governadores o atual “epicentro da crise sanitária”, o que foi confirmado pelo novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e pelo antigo, Eduardo Pazuello, em participação virtual na reunião. Isso ocorre devido ao aumento expressivo de casos de

coronavírus, com comprovação da circulação de novas variantes, em especial da P1, que tem pressionado o sistema hospitalar. “Trocarmos as melhores experiências nos três Estados do Sul, que, além de um perfil socioeconômico semelhante, observamos que o perfil da pandemia tem sido semelhante. Principalmente de 10 de fevereiro para cá, temos tido uma forte inclinação na demanda de internações, com agravamento de casos em função especialmente da variante P1, que

demandou muito fortemente o nosso sistema hospitalar. O RS já observa estabilidade da demanda, mas em um patamar muito alto, e percebemos que outros Estados também estão vivenciando isso, por isso estamos nos articulando para colaboração entre nós (três Estados) e nos prepararmos para dar colaboração possível ali na frente aos demais Estados em função da superdemanda que começa a chegar”, destacou Leite em coletiva de imprensa após a reunião.

Câmara dos Deputados cria grupo para apoiar vacinação contra a Covid-19 A Comissão de Seguridade Social e Família aprovou, nesta quarta-feira (17), requerimento do deputado federal Pedro Westphalen (PP/RS)criando o Grupo de Trabalho denominado “Organização Federativa no Combate à Pandemia”. O GT será composto por parlamentares que vão acompanhar e apoiar a vacinação contra a Covid-19 em todo o país. “Em um momento de agravamento da pandemia e de mobilização de todos os entes da federação na busca de vacinas, é preciso que o Congresso Nacional atue para fiscalizar e acelerar a imunização”, enfatizou Westphalen, que também é médico. De acordo com o parlamentar, a vacinação é con-

senso entre especialistas como a única forma efetiva de superar a pandemia. “Para isso, além do acompanhamento, precisamos que o Congresso seja um agente garantidor de que a população receba as informações adequadas e com total transparência. O GT atuará neste eixo. É preciso combater o vírus e, também, a desinformação”, explicou. Médico formado em 1976, Pedro Westphalen dedicou sua vida e sua atividade parlamentar à saúde. Membro da Comissão Externa de Enfrentamento ao Coronavírus e coordenador da Frente Parlamentar de Apoio ao Programa Nacional de Imunização, Westphalen tem liderado nacionalmente o movimento pró-vacina, de socorro aos hospitais e de fortalecimento do SUS.


Crítica à aplicação do dinheiro público

Raça canina de pequeno porte originária do Tibete Fator inerente à vida militar Em alto grau Signo regido por Saturno (Astrol.)

© Revistas COQUETEL

Lançadora portátil de granadas Formação musical dos Beatles

Corrida como a Gumball 3000

Cientista e inventor natalense fundador da Symetrix

Trajar; vestir Excitação animal Tecido de bichos de brinquedo Devoto

Ney Latorraca, ator santista

Dígrafo de "osso" O solo da restinga

Suporte usado em fraturas (Traum.)

Saudação usual entre os jovens

Band-(?): protege feridas

Chá, em inglês Dedução; resultado

Palco da Guerra dos Seis Dias

Marca de ferimento Ilusórias; fantásticas

Função da coluna, na arquitetura

Escola do Exército Veste como o kilt

Tosta; Arbusto assa da caatinga nor- Proteção destina do policial Vegetação típica de Angola

Indivisível Vírus mortal

Letra que antecede o cifrão no Real Fruto da simpatia de Dia de Reis

Alvo da nave japonesa Kaguya

(?) Fleming, criador do Dr. No

Marc Jacobs, estilista dos EUA

29

Solução C Q U I A U S A R A N L R N I O T S S PA E A T R I Z D O E I M E A I A R A U J O

BANCO

Gostou muito de Avenida (abrev.)

A R M O M Ç Ã

Censura

Material da grelha moquém

S A V A N A

Base (da montanha) Medida de calibragem de pneus Soar; repercutir Advérbio de modo

Vento forte (poét.) "Disc", em CD

O atabaque maior, no Candomblé

Sim, em francês

D B E R A R S A Z PE L U C I R I C O D A I O T C I C A I O L O R R A UN O E L U B R A O A R L I A A PR O V

mudou completamente a minha vida. Tudo está acontecendo muito rápido. Parece que estou vivendo um sonho, demorou muito pra cair a ficha”, completa. Com apenas 21, Augusto descobriu a vocação musical muito cedo, por volta dos 5 anos de idade quando acompanhava sua mãe, avó e tia-avó no coral que participavam. Aos 12 anos começou a aprender a tocar violão com sua mãe. “Era um Di Giorgio de 1989, um clássico 02, que eu restaurei e uso ele até hoje para tocar em alguns shows”, orgulha-se. Desde então decidiu que viveria de música. A trajetória não foi fácil, ele teve que ter muita perseverança e foco. Passou por várias formações de bandas no decorrer dos anos, tocando em bares locais até chegar na atual banda de pop rock Presidente Jack que faz parte como vocalista. “Como eu quero mesmo viver de música, estou fazendo o máximo de esforço para ir atrás de minha carreira solo e eu sei que se a gente focar, lutar e se esforçar as coisas vão acontecer”, conclui. Augusto tem uma visão otimista e bela do futuro e ele imprime todo esse sentimento em seu novo single. “Algum Lugar” já está disponível nas plataformas de streaming. Não deixe de conferir.

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

www.coquetel.com.br

L H I A S S C A P A I A P O S O U T O P I C A S

Diretamente de Portão/ RS para o mundo, o cantor e compositor gaúcho Gabriel Augusto Gressler de Lima, mais conhecido como Augusto Lima acaba de lançar seu 1º single de pop rock “Algum Lugar’, e inicia sua carreira solo. Ele foi um dos vencedores do concurso “Sua Música na TV” idealizado pelo produtor musical Pedro Canaan em parceria com a Claudinei Assis Produções, em setembro de 2020 e teve sua música totalmente produzida, mixada e masterizada pelo produtor em São Paulo. Foram selecionados apenas 3 participantes que ganharam esta produção, dentre mais de 650 inscritos. Quando Augusto compôs a música “Algum Lugar”, logo percebeu que aquela canção o levaria longe, pois era uma música diferente de todas que ele já havia feito. “Ela é uma composição que chegou nesses dias em que a gente está pensando sobre a vida”, comenta. Vencer o concurso foi uma grande emoção, pois haviam muitos candidatos, avalia Augusto. “ E a segunda grande emoção foi quando ouvi pela primeira vez a música produzida, ‘bah’, eu chorei muito!”, relata o gaúcho. “Passar no concurso, ter que viajar para São Paulo para conhecer o Pedro, gravar com a TGM Recordings e finalmente lançar a música, foi uma coisa que

SEXTA, sábado e domingo, 19, 20 e 21 de março de 2021

I C S O L E T D E

Vencedor do concurso “Sua Música na TV”, Augusto Lima lança 1º single de carreira solo

Cultura

3/icó — oui — run — tea. 9/lhasa apso. 17/carlos paz de araújo.

Folha

5


19, 20 dede 2021 6 SEXTA, Sexta,sábado sábado eedomingo, domingo, 19, 20ee21 21dedemarço março 2021 6

Bolsa Família começa a ser pago a 14 milhões de lares Nesta quinta-feira (18), 14.524.150 famílias começam a receber a parcela de março do Bolsa Família. É a maior folha de pagamento já registrada pelo programa, com cerca de 300 mil novas concessões em relação a fevereiro. Hoje também começa a última fase de inclusão bancária na Conta Social Digital. Em março serão incluídas mais de 3 milhões de famílias. "Atingimos neste mês o número expressivo e inédito de 14,52 milhões de famílias beneficiárias pelo Bolsa Família. Assim, o governo federal vem cumprindo o seu papel de, cada vez mais, proteger a população mais vulnerável e combater a pobreza e a desigualdade social no Brasil, especialmente neste momento delicado da pandemia que o país enfrenta", observou a secretária nacional de Renda de Cidadania do Ministério da Cidadania, Fabiana Rodopoulos.

Intenção de Consumo das Famílias cresce em março A Intenção de Consumo das Famílias, medida pela Confederação Nacional de Bens, Serviços e Turismo (CNC), teve uma alta de 0,6% na passagem de fevereiro para março deste ano. Com isso, o indicador passou para 73,8 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos. Apesar do resultado, este é o pior mês de março desde o início da série histórica, em 2010. Na comparação com março do ano passado, por exemplo, houve uma queda de 26,1%, o 12º recuo neste tipo de comparação. O índice está abaixo do nível de satisfação (100 pontos) desde maio de 2015, de acordo com a CNC.

Folha

Geral Geral

Bolsonaro: iniciativa privada é fundamental para projetos na Amazônia

O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (18) que o setor público é decisivo no processo de desenvolvimento sustentável da Amazônia, mas que os investimentos da iniciativa privada são fundamentais para a realização prática dos projetos. A declaração foi dada no lançamento da Iniciativa Amazônia, durante a 61ª Reunião Anual do Conselho de Governadores do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). “O setor público é um ator decisivo no processo de desenvolvimento sustentável da Amazônia. O fundo atuará em respeito às prioridades nacionais e aos interesses soberanos de cada país. Mas não podemos abrir mão da versatilidade, da inovação e da capacidade de investimento da iniciativa privada, que será fundamental na realização de projetos”, disse Bolsonaro.

A iniciativa visa apoiar atividades econômicas inclusivas e sustentáveis para a região e vai incluir um fundo para o financiamento de projetos. A atração de investimentos acontece no contexto do Pacto de Letícia pela Amazônia, um documento assinado em 2019 por presidentes de países da região que traz uma série de medidas a serem executadas para enfrentar, em especial, os problemas dos desmatamentos e das queima-

das na floresta. De acordo com Bolsonaro, a criação do fundo foi proposto ao BID pelo governo brasileiro em 2019, incluindo o respeito à eficácia dos projetos financiados e à transparência dos gastos. “Com poucos recursos internacionais disponíveis aos países em desenvolvimento, precisamos garantir que os projetos financiados pelo fundo gerem resultados positivos e concretos, sem atrasos, desperdícios ou desvios de verba”, disse o presidente. Para o presidente, o desenvolvimento sustentável e o fim do desmatamento ilegal dependem da valorização da economia amazônica e da melhoria da qualidade de vida da população local, que inclui a “criação de empregos, produtos e serviços que utilizem de modo sustentável os recursos da floresta”.

Biden pede união contra pandemia e na defesa do meio ambiente A Presidência da República informou ontem(18) que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, enviou uma carta ao presidente Jair Bolsonaro pedindo que os dois países “unam esforços, tanto em nível bilateral quanto em fóruns multilaterais, no enfrentamento aos desafios da pandemia e do meio ambiente”. A carta, datada de 26 de fevereiro, foi em resposta à mensagem de cumprimentos enviada por Bolsonaro por ocasião da posse de Biden como 46º presidente dos Estados Unidos, segundo nota da Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom), do Ministério das Comunicações, que faz a assessoria da Presidência. A cartão não foi divulgada pela secretaria. De acordo com a nota, Biden enfatizou a responsabilidade

comum dos dois líderes em “tornar o Brasil e os EUA mais seguros, saudáveis, prósperos e sustentáveis para as gerações futuras”. Joe Biden foi vice-presidente dos Estados Unidos no governo de Barack Obama, de 2009 a 2017. “Ao referir-se às diversas vezes em que esteve no Brasil como vice-presidente, o presidente Biden sublinhou que não há limites para o que o Brasil e os EUA podem conquistar juntos. Destacou que as duas nações compartilham trajetória de luta pela independência, defesa de liberdades democráticas e religiosas, repúdio à escravidão e acolhimento da composição diversa de suas sociedades”, disse a Secom. Ao final da carta, segundo a Presidência, o presidente Biden salientou que seu governo está pronto para trabalhar “em estreita colaboração com o governo brasileiro neste novo capítulo da relação bilateral”.

Caixa diz que calendário do novo auxílio emergencial está pronto O calendário de pagamento da nova rodada do auxílio emergencial está pronto, anunciou ontem (18) o presidente da Caixa, Pedro Guimarães. As datas de pagamento, no entanto, dependem de validação de Jair Bolsonaro, que entregará ao Congresso as medidas provisórias que autorizam a retomada do benefício social. Em entrevista coletiva para explicar o lucro de R$

CASOS DE COVID-19

Rio Grande do Sul: Casos: 771.000 | Óbitos: 16.117 Gravataí: Casos: 16.117 | Óbitos: 449 Cachoeirinha: Casos: 8.882 | Óbitos: 241

VACINAÇÃO COVID-19

RS: Doses recebidas: 1.604.400 | Aplicadas: 924.895 Gravataí: Doses receb.: 26.472 | Aplicadas: 15.458 Cachoeirinha: Doses receb.: 9.384 | Aplicadas: 5.435 * Dados da SES contabilizados até às 18h de ontem.

COTAÇÕES Fonte: Cepea / Data-base: 17/3

Arroz (50kg): R$ 86,21 Soja (60 kg): R$ 171,11 Milho (60 kg):R$ 93,44 Boi Gordo (@):R$ 309,50 Açúcar (50 kg): R$ 108,32

Suino (kg): R$ 6,52 Cordeiro(kg): R$ 9,00 Leite (Litro): R$ 1,8058 Frango (kg): R$ 6,44 Dolar: R$ 5,583

13,169 bilhões do banco em 2020, Guimarães informou que, desta vez, a instituição financeira está mais preparada tecnologicamente para retomar o pagamento nas agências e por meio do aplicativo Caixa Tem, de modo a evitar aglomerações.“Do ponto de vista técnico, estamos preparados desde 2020, fazendo esse equilíbrio entre o pagamento nas agências e no digital, tendo como

objetivo básico ajudar as pessoas a receber os recursos e evitar aglomeração”, declarou Guimarães. Ele explicou que o pagamento a 45,6 milhões de beneficiários seguirá o modelo adotado no segundo semestre do ano passado, com calendários escalonados para os trabalhadores informais e com o cronograma habitual do Bolsa Família para os participantes do programa social.


Folha

Geral

SEXTA, sábado e domingo, 19, 20 e 21 de março de 2021

7

Marco Alba: O MDB sempre foi protagonista na história do Rio Grande, não pode se tornar uma mera muleta de plenário do Governo Leite

O ex-prefeito de Gravataí tem criticado em entrevista concedida aos meios de comunicação do RS, a decisão tomada pelo que qualificou como “um pequeno grupo formado por parte da bancada de Deputados e alguns membros da executiva, dentro do seu partido (MDB)”, que foi favorável à ampliação da participação emedebista no governo de Eduardo Leite. “Temos nomes no partido, temos história e um legado. Tivemos quatro governadores do Estado e a cada quatro anos o povo gaúcho nos chama porque entende que o MDB mantém um comportamento e imagem de comprometimento com a comunidade gaúcha o desenvolvimento do Estado”, alega Marco Alba. O conhecido político afirma que “todos os nossos governos trabalharam com a mesma lógica, de equilibrar as Finanças do Estado, mesmo assim conseguimos, atrair investimentos, promover o desenvolvimento através de incentivos às empresas, geração emprego e renda o que é tudo o que se espera de

um governo". O ex-prefeito e ex-secretário de Estado disse que foi contra a decisão tomada por alguns líderes do Partido que optaram por ampliar espaços no atual governo gaúcho. Ele disse ter solicitado a Executiva Estadual para que o debate fosse ampliado, lembrando que havia sido decidido em 2018, em reunião da Executiva corroborada pelo diretório de que não seria feita oposição sistemática no primeiro ano de Eduardo Leite, porque tradicionalmente é um período em que os governadores empossados precisam para se ambientar. "No primeiro ano para iniciar efetivamente a administração o governador prometeu colocar a folha de pagamentos em dia, mas não conseguiu. No segundo ano ficou praticamente administrando a pandemia com as medidas de isolamento social, ora mais amenas, ora mais drásticas e também pouca coisa aconteceu. Em 2020 Eduardo Leite ficou praticamente governando o governo. No final do ano passado melhoraram as

condições financeiras colocou a folha de pagamentos em dia com o aporte do governo federal, quando parte do dinheiro foi utilizado para a saúde, mas houve dois bilhões de reais que eram para a manutenção e recuperação da perda de receita quando todos os municípios brasileiros receberam aporte do governo federal, porque se isso não ocorresse, todos enfrentariam graves dificuldades de pagamento até de fornecedores e inclusive da folha”, afirmou Alba. Marco Alba acredita que foi mérito do governo federal, mas que não iria julgar a política a respeito dos investimentos de que essa parte que não eram exclusivamente para o Covid. "Isso cabe a cada governo”, frisou. "No entanto, pouco fez o atual governo gaúcho e que por isso, não há motivo do MDB ampliar sua participação como deseja a proposta do que qualificou como “uma meia dúzia de lideranças. Eles decidiram essa participação no governo de Eduardo Leite sem consultar as

bases", destacou Alba critica a postura do atual governador, afirmando que hoje Leite quer ser presidente e só não levantou da cadeira para percorrer o Brasil devido à pandemia, que provocou uma situação extremamente delicada e aguda, havendo um colapso no sistema hospitalar da Grande Porto Alegre, onde não há vagas e hoje há hospitais com suas emergências fechadas. "Só através do Samu 192 são recebidos os casos graves", disse. O ex-prefeito gravataiense afirma ser um equívoco do

MDB se aliar a estratégia de Leite, que, na opinião de Marco, precisa terminar o projeto de recuperação fiscal do Rio Grande do Sul com o novo projeto de reforma tributária que ninguém sabe qual será, mas que virá até o final do primeiro semestre. Alba denuncia que com essa prática Eduardo Leite quer usar o MDB como muleta de plenário, para aprovar a nova reforma tributária e apenas pagar as contas do Estado. "Ele não tem nenhum projeto de desenvolvimento estrutural, de atração de investimentos e de geração de emprego. O que ele pretende é efetivamente disputar com João Dória a candidatura do seu partido à presidência da República", disse Alba “O Estado não foi feito para passar quatro anos pagando suas contas, mas para atender a comunidade gaúcha, promover o desenvolvimento, e para gerar e emprego e renda. O Rio Grande é o plano B do Governador, sua prioridade é a campanha para Presidente", conclui Marco Alba.

Pesquisadores identificam possível nova linhagem de covid-19 no Brasil Pesquisadores de cinco estados brasileiros sequenciaram amostras que indicam uma possível nova linhagem do novo coronavírus (SARS-CoV-2) em circulação no país, segundo informa o Laboratório Nacional de Computação Científica, um instituto do Ministério da Ciência e Tecnologia, Inovações (MCTI) localizado em Petrópolis, no Rio de Janeiro. Além da linhagem identificada no Reino Unido, o Brasil já tem casos confirmados de duas variantes (P.1 e P.2), que surgiram a partir de cepas que circulavam no país. A possível nova linhagem foi encontrada no sequenciamento de três amostras, em um universo de 195 que foram analisadas por pesquisadores do Amazonas, Rio Grande do Norte, Paraíba, Bahia e Rio de Janeiro. Essa identificação, entretanto, permitiu descobrir que já havia outras amostras com as mesmas características sequenciadas. O trabalho foi organizado pelo Laboratório de Bioinformática (Labinfo) do LNCC, e também participaram quatro universidade públicas: Universidade Federal do

Rio Grande do Norte (UFRN), Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) e Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Ao todo, 22 pesquisadores assinam a publicação, que foi submetida a um periódico científico ao mesmo tempo em que os sequenciamentos foram depositados em uma base de dados públicos internacionais (Gisaid). A coordenadora do Labinfo, Ana Tereza Vasconcelos, explica que os dados compartilhados serão analisados por outros pesquisadores ao redor do mundo para que a identificação da nova linhagem seja confirmada pela comunidade científica. Segundo a cientista, as amostras em que a mutação foi encontrada são de Natal, no Rio Grande do Norte, e do interior da Bahia. "Essas mutações não interferem na vacina, mas demonstram que o vírus está mudando o tempo inteiro, e quanto mais as pessoas estiverem na rua sem máscara e sem medidas de proteção individual, mais o vírus vai mudar e mais variantes vão surgir. É mais uma demonstração de que o vírus

está circulando livremente", diz Ana Tereza Vasconcelos, que reforça o pedido pelo respeito às medidas de prevenção, como evitar aglomerações, usar máscaras e higienizar as mãos. A possível nova linhagem teria se originado da linhagem B.1.1.33, já presente no Brasil desde o início de 2020. A mutação apresentada é a E484K, na proteína S, estrutura que forma a coroa de espinhos que dá nome ao novo coronavírus. Essa mutação é associada ao escape do sistema imuno-

* Os textos assinados são de responsabilidade de seus autores e não emitem a opinião do jornal Diretor geral: Moacir Menezes Filiado:

51- 3497.1078

lógico, o que, segundo a coordenadora do Labinfo, ainda precisa ser confirmado por mais estudos. "Essa mutação já foi relacionada a vírus que conseguem escapar do sistema imunológico do hospedeiro. Os vírus estão tentando sobreviver, e eles têm mecanismos de escape. A gente acredita que essa nova linhagem pode ter esse mesmo mecanismo", afirma a pesquisadora. Essa mesma mutação já foi identificada nas variantes P.1 e P.2, originadas no Brasil a partir da linhagem B.1.1.28, e também também está entre as modificações genéticas encontradas nas variantes descobertas no Reino Unido e na África do Sul. A mutação é um processo comum na reprodução dos vírus, que se multiplicam rapidamente e podem produzir versões geneticamente diferentes nesse processo. A maior circulação do vírus faz com que mais organismos se multipliquem, o que aumenta as chances de uma mutação ocorrer. Para que uma nova linhagem surja, no entanto, é necessário que essa mutação seja identificada em diversos indivíduos de uma determinada linhagem.

Folha

Redação/Diagramação: Filipe Foschiera e Jacson Dantas

www.2mnoticias.com.br

folhadecachoeirinha@gmail.com

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, nº 6125 - São Vicente - Gravataí/RS - Brasil

Diário Publicação da empresa Jornal Diário Oficial dos Municípios Ltda ME CNPJ nº 08.070.493/0001-48 Registro nº 39987 do livro A-4 Fundação: 15 de janeiro de 2013


8 SEXTA, sábado e domingo, 19, 20 e 21 de março de 2021

Folha

Hospital de Campanha recebe equipamento inovador para trazer alívio aos pacientes internados Contracapa

Cápsulas respiratórias são uma alternativa ao uso de máscaras de oxigênio e podem ajudar a retardar a intubação cete permite a mobilidade do pescoço, sem apertar ou encostar no rosto, e ainda diminui os riscos para a equipe de saúde, pois protege médicos e enfermeiros da propagação de gotículas de saliva. Além disso, próximo à boca do paciente, há uma válvula de alimentação que permite tanto o fornecimento de líquidos, quanto a alimentação por sonda. “Ou seja, ele não precisa interromper o tratamento para se alimentar ou se hidratar, o que também facilita muito”, explicou Vanderlei. O dispositivo foi doado pelo proprietário da Original Med, representante da empresa fabricante do produto. O empresário Roger Augusto Pereira, que é morador de Cachoeirinha, diz que apenas hospitais de ponta dispõe do equipamento e que o HC é um dos poucos da rede pública que vão dispor desta tecnologia.

Computador foto criado por drobotdean - br.freepik.com

Restituição IR 2021:

indique o Banrisul na sua declaração e antecipe a sua restituição. • Antecipação de até 90% do valor da restituição; • Taxas a partir de 1,48% a.m.; • Sem comprometimento do orçamento mensal, com a liquidação na data da restituição; • Crédito direto na conta com agilidade e sem burocracia; • Contrate no APP Banrisul Digital, no Internet Banking e nas agências do Banrisul.

Saiba mais em banrisul.com.br/antecipair

SAC - 0800 646 1515 - Deficientes Auditivos e de Fala - 0800 648 1907

Ouvidoria - 0800 644 2200 - Deficientes Auditivos e de Fala - (51) 3215 1068

Sujeito à análise e aprovação de crédito. Contrate o crédito de forma planejada e consciente.

Divulgação/PMC

O Hospital de Campanha de Cachoeirinha acaba de receber duas cápsulas respiratórias 7lives Helmet, interfaces de ventilação não-invasiva, registradas na ANVISA, que auxiliam na recuperação de pacientes com baixa oxigenação por conta do COVID-19, retardando a necessidade de intubação e uso do ventilador mecânico. Conforme explica o diretor do HC, Vanderlei Marcos, elas são mais confortáveis que as máscaras de oxigênio habituais, que ficam encostadas na pele. “A cápsula funciona como um capacete com filtros, que promovem a renovação do ar e criam uma pressão positiva para o paciente, que fica dentro do dispositivo. É uma alternativa diante da escassez de respiradores no mercado”, disse. Outro ganho para o paciente está no conforto, já que o capa-


Millions discover their favorite reads on issuu every month.

Give your content the digital home it deserves. Get it to any device in seconds.