Page 1

Folha

Entre em contato com a redação pelo Whatsapp (51) 9 9415.3122

Folha

SEXTA, sábado e domingo, 5, 6 e 7 de junho de 2020

1

Sexta, sábado e domingo | Cachoeirinha, 5, 6 e 7 de junho de 2020 | ANO VIII | Edição 1792 | Diário | Valor: R$ 2,00

Divulgação/PMC

Primeiro quadrimestre revela queda em índices de criminalidade

Furtos e roubos caíram 35% e 31%, respectivamente; Cercamento Eletrônico recuperou 20 veículos; e as abordagens da Guarda Municipal aumentaram em quase 1.000%

Divulgação/Cesuca

Divulgação/PRF

traficante é preso transportando maconha híbrida na br-101 8

Cesuca promove feira virtual para auxiliar na carreira profissional da comunidade

Página 9

Maia aguarda proposta do governo para debater prorrogação de auxílio emergencial 5

Contracapa


SEXTA,SábAdo sábado e domingo, e 7junho de junho de 2020 E domingo, 5, 6 E5,76dE dE 2020 22 SEXTA,

Folha

Variedades Variedades Até sábado (6/6), o deslocamento de uma área de baixa pressão provoca chuva em todo o Estado, com possibilidade de temporais isolados. no domingo (7/6), ainda haverá grande variação de nuvens e ocorrerão pancadas de chuva, fracas e isoladas, apenas nas faixas Leste e norte. Entre a segunda (8/6) e a quarta-feira (10/6), a propagação de uma frente fria vai provocar chuva, com possibilidade de temporais isolados e altos volumes acumulados.

PREVISÃO DO TEMPO

Fonte: ClicTempo

opinião

Ainda não é hora de flexibilizar o distanciamento social mesmo em países cuja curva de casos despencou, os governos estão receosos em flexibilizar o distanciamento. O Brasil está em curva ascendente. O Rio Grande do Sul também. Porto Alegre também. Não há sequer indícios de achatamento. Aqui, estamos indo na contramão de tudo. O distanciamento social está sendo flexibilizado, o auxílio emergencial é parco e mal estruturado, o governo federal virou as costas para as micro e pequenas empresas e, ainda, estamos entre os países que menos testam no mundo – e o nosso Estado é um dos que menos testam no país. Para fechar a desgraça, a Fiocruz divulgou que a subnotificação no Estado gira em torno de seis vezes o número informado. Ademais, organismos internacionais que trabalham com direito de acesso à informação identificaram que estamos entre os piores estados na divulgação de dados sobre a pandemia. O Rio Grande do Sul é um dos estados menos transparentes quando o assunto é coronavírus, inclusive no que diz respeito às compras emergenciais feitas pelo governo – em que são informados os valores totais gastos, e não o valor unitário dos produtos. Isso tudo dificulta o controle social, deixa a sociedade refém das interpretações fornecidas pelo governo e favorece até mesmo o surgimento de casos de corrupção. Ainda não é hora de flexibilizar o isolamento social, mas sim de dar condições para as pessoas ficarem em casa. Infelizmente o governo tem escolhido pelo caminho da flexibilização. A receita para a tragédia está dada. Vamos torcer para que ela não ocorra.

uma escola de Pequim. Em novembro de 2018, um jovem de 20 anos matou um estudante e feriu outros nove e dois professores em uma escola técnica de Yunnan, província do

RADAR

sudoeste do país. Em janeiro de 2017, a região de Guangxi também foi cenário de um ataque similar, quando um homem feriu 11 crianças com uma faca de cozinha em uma escola. AFP

clIck

Luciana Genro Deputada estadual pelo PSOL

naS REDES

A bandeira do antirracismo é mais do que essencial. Em uma democracia, em um país livre como o nosso, é importante respeitar as diferenças e não tolerar a discriminação, o tratamento desigual, a violência escondida atrás do preconceito.

Rodrigo Maia | @RodrigoMaia | Presidente da Câmara dos Deputados

Adriano Machado/Reuters

A estabilização no número de infectados por coronavírus no Rio Grande do Sul apontada pela pesquisa da UFPEL é uma boa notícia. Entretanto não podemos nos iludir. O aumento de 2000% nas mortes por Síndrome Respiratória Aguda é um indicador sem explicação por parte do governo. No último mês a média desses óbitos foi 6 vezes superior à média dos últimos 2 anos. É o que informa uma pesquisa realizada pela Fiocruz. A defasagem na contagem de casos dos municípios em relação aos números do Estado também não foi explicada. E a data da volta às aulas é só uma especulação. Ninguém sabe como estaremos daqui a 15 dias, quando o efeito da flexibilização já feita vai estar no auge. O “Distanciamento Controlado” nada mais é do que uma grande fórmula matemática, composta por onze indicadores que são alimentados por dados oficiais. A decisão sobre quais indicadores comporão a fórmula e qual o peso que será atribuído a cada um deles no cálculo final da bandeira é mero achismo da administração, uma escolha política. A mudança de peso de um dos 11 indicadores ou a sua exclusão pode mudar o cenário de todo Estado. Além disso, a definição de qual atividade está em uma ou outra bandeira é feita por meio de um cálculo que leva em consideração dois fatores: o contato físico inerente ao seu funcionamento e a sua importância econômica. A inclusão da importância econômica como fator, de cara, descaracteriza a natureza sanitária do índice – o qual, ademais, não é difícil de manipular. A própria nota metodológica demonstra que se for dado mais peso para um ou outro fator, há alteração nas bandeiras em que seu funcionamento é permitido. Mundo afora,

Ao menos 39 pessoas, em sua maioria alunos, foram esfaqueadas em uma escola do ensino básico de Cangwu, sul da China, anunciaram as autoridades locais. "Trinta e sete alunos ficaram levemente feridos e dois adultos sofreram ferimentos mais graves. Todos foram hospitalizados e estão foram de perigo", afirmou uma fonte. O ataque aconteceu às 8h30 locais nas proximidades da cidade de Cangwu, na região autônoma de Guangxi, anunciaram as autoridades municipais. O principal suspeito do ataque é um segurança da escola, de 50 anos. Outros ataques do tipo já foram registrados em escolas na China. Em janeiro de 2019, 20 crianças foram feridas a golpes de martelo em

AFP

Em homenagem aos mortos pela Covid-19, artistas se reúnem no centro de Brasília. Com balões, roupas brancas, máscaras e distanciamento, eles se reuniram no fim da tarde da última segunda-feira (1º/6).


Cidade Cidade

SEXTA, sábado e domingo, SEXTA, SábAdo E domingo,5,5,66eE 77 de dE junho junhode dE 2020 2020

Primeira-dama recebe doações do suPermercado asun

Lançada no dia 13 de maio, a Campanha do Agasalho 2020 continua mostrando o poder da solidariedade no município. Na manhã desta quinta-feira, 4, a primeira-dama Patrícia Bazotti Alba e o secretário da Família, Cidadania e Assistência Social, Luis Stumpf, receberam mais de 10 caixas de roupas do Supermercado Asun. A entrega foi feita na Rouparia, Rua Coronel Fonseca, 162. Patrícia agradeceu as doações e convidou a comunidade a participar da campanha. “Ficamos muito felizes com a adesão do Asun na

nossa campanha. Essas peças vão auxiliar centenas de moradores, por isso a importância da participação de todos, inclusive das lojas, escolas e outro empreendimentos” O secretário da Família, Cidadania e Assistência Social parabenizou o Asun, representado por Lucas Magalhães. “Com o apoio dos clientes, que fizeram as doações nas lojas, o supermercado está fazendo essa boa ação e ajudando as pessoas da cidade. Agradecemos pelas doações e por estarem participando dessa campanha”.

senac em ação: parceria entre escola, prefeitura e sindilojas leva mais saúde ao comércio A pandemia da Covid-19 tem mudado a vida de muitos e deixado muita gente dentro de casa. O isolamento social é uma das determinações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para conter o avanço da doença, a conscientização é outra. Sabendo disso, o Senac Gravataí, junto com o Sindilojas e a Prefeitura de Gravataí estão organizando um mutirão em prol dos cuidados básicos contra a pandemia. O coordenador de Saúde da escola, Edison Thomas Spies, está à frente do projeto Senac em Ação. Alunos voluntários e professores do curso Técnico em Enfermagem estão andando pelas ruas e pelo comércio da cidade orientando a população sobre a importância da prevenção contra o coronavírus. Com conhecimento técnico, as equipes fazem um serviço de informação sobre dicas de higiene, utilização da máscara e a doença. Esse esforço se soma ao processo de

3 3

conscientização que já vinha sendo feito pela Prefeitura, desde o decreto de liberação do comércio local. A recepção dos comerciantes tem sido bem positiva, como relata um dos lojistas. “Agradecemos por reforçar em nossa loja os cuidados com a higiene É importante para todos nós essa iniciativa”. Os alunos também estão felizes com a oportunidade, como conta Aline Vargas, aluna do Técnico em Enfermagem do Senac Gravataí. “É gratificante estar saindo e passando as informações corretas para as pessoas, sobre a higienização, o uso de máscaras, limpeza dos locais. É também um aprendizado onde eu posso contribuir com a comunidade, minimizando o contato com o vírus”. Além da visitação, o Senac Gravataí tem disponibilizado virtualmente, via e-mail e WhatsApp, um material com dicas com os cuidados necessários para reforçar a luta contra o avanço da Covid-19.

PMG/Divulgação

Folha

HoSpitAl Dom João Becker receBe DoAção De 47,5 mil máScArAS O Hospital Dom João Becker recebeu, nesta quinta-feira (4/6), a doação de 40 mil máscaras cirúrgicas e 7.500 máscaras PFF2 (modelo bico de pato). Os materiais de proteção foram doados pela Fitesa, uma das líderes mundiais na indústria de nãotecidos, que conta com uma sede no Distrito Industrial de Gravataí. Esta é a segunda doação realizada pela empresa, que já havia entregue ao hospital duas mil máscaras no mês de maio. O diretor técnico, Marcelo Pasa, e a gerente hospitalar da instituição, Louise Chagas, receberam as doações. “Trata-se de um material extremamente necessário, principalmente devido ao aumento do

Divulgação

consumo provocado pela pandemia. Agradecemos a Fitesa pelo cuidado que está dispondo com os profissionais da saúde”, finalizou. A supervisora comercial da Fitesa, Priscila Godoy, representou a empresa no ato de entrega. Ela destacou que a empresa

produz a matéria-prima com a qual são feitas as máscaras, mas não produz o produto final. “Desembolsamos dinheiro para realizar a compra dos itens que estão sendo doados hoje. A doação está sendo feita para Gravataí por ser o local em que a empresa está e onde os nossos

funcionários estão. Entendemos nosso papel na sociedade.”, frisou. O secretário municipal de saúde, Jean Torman, representou a administração municipal. “Isto mostra a identificação que a empresa tem com a cidade. Estamos passando por um momento peculiar. Em janeiro, a prefeitura pagava oito centavos por uma máscara, hoje ela custa seis reais, devido ao aumento da procura” alertou. O vereador Roberto Andrade, ex-funcionário da Fitesa, também acompanhou a entrega e aproveitou para ressaltar o perfil familiar da empresa. “A Fitesa se preocupa com o funcionário. Esta doação comprova isso”, afirmou.

Associado Sindilojas tem até 30% de desconto para estudar no Senac Pensando em qualificar melhor seus colaboradores com um curso técnico ou de idiomas? O Senac Gravataí está com inscrições abertas e os

associados do Sindilojas têm desconto de 20% em toda programação presencial. Faça as contas: como associado, você tem 20% de desconto,

se o pagamento for à vista, mais 10% e se for pagamento com cartão de crédito, mais 7%. O desconto é valido também para os dependentes dos

associados. Para conferir as oportunidades de qualificação disponíveis no Senac Gravataí clique no link www.senacrs.com. br/Gravataí.


4

SEXTA, sábado e domingo, 5, 6 e 7 de junho de 2020

Pelos bastidores da política “Os momentos mais felizes da minha vida foram aqueles, poucos, que pude passar em minha casa, com a minha família”. Thomas Jefferson

CONTAS DA GRANPAL O Tribunal de Contas do Estado (TCE-RS) considerou irregulares as contas de gestão do Consórcio Público da Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Porto Alegre (GRANPAL), no exercício de 2018. O voto do relator, conselheiro substituto Alexandre Mariotti, aprovado por unanimidade, apontou irregularidades administrativas, fixando multa e advertência aos gestores Luiz Carlos Ghiorzzi Busato e André Nunes Pacheco para que promovam o saneamento e evite a recorrência das irregularidades, tema que será objeto de próxima auditoria. CONTAS DA GRANPAL II Dentre os apontamentos da auditoria, o relator destacou a ausência de realização de prévio concurso público para o provimento de cargos; irregularidades no envio de informações complementares de folha de pagamento; ineficiência na cobrança de créditos das cotas de rateio; ausência de assinatura em contrato de rateio; deficiência no registro patrimonial dos créditos a receber; atraso no envio de documentos de contas e ausência da decisão da assembleia quanto à aprovação das contas do exercício anterior. A decisão não é definitiva, cabendo recurso ao Pleno do Tribunal em 30 dias a contar da publicação no Diário Eletrônico do TCE-RS.

O CRITÉRIO DAS BANDEIRAS Um estudo realizado pelo matemático Álvaro Krüger Ramos, professor da UFRGS, concluiu que os critérios atuais do distanciamento controlado, em vigor no RS, dificultariam a ocorrência de bandeiras vermelhas ou pretas por região. Uma das razões é o alto peso dado à capacidade de atendimento hospitalar do Estado. Atualmente, o RS só apresenta bandeiras amarela e laranja, apesar de a incidên-

cia da doença ter subido para 87,2 casos a cada 100 mil habitantes. Vale lembrar que o modelo de distanciamento controlado não considera mais o total de casos de infectados, o que já foi criticado pela Sociedade Rio-grandense de Infectologia. Apesar disso, ninguém está autorizado a se descuidar quanto às atenções no uso de máscaras e lavar das mãos com água e sabão e também utilizando o álcool gel.

TESTES RÁPIDOS

Sebastião Melo confirmado como pré-candidato à Prefeitura da Capital

O MDB confirmou ontem Sebastião Melo como pré-candidato à Prefeitura da Capital quando mais uma vez deve se defrontar com o atual prefeito Nelson Marchezan (foto). Na véspera, João Derly já havia deixado a Secretaria do Esporte e Lazer com intenção de se candidatar pelo Republicanos. Filiado ao PRTB, o ex-comandante da Brigada Militar Mario Ikeda deverá ser o vice de Gustavo Paim (PP).

A Secretaria Estadual da Saúde definiu o protocolo da aplicação de testes rápidos de coronavírus em farmácias. A portaria determina que é obrigação dos estabelecimentos registrar todos os resultados obtidos, positivos e negativos, no sistema e-SUS Notifica. Além disso, os farmacêuticos ficam responsáveis por encaminhar pacientes para isolamento ou atendimento médico, a depender de cada caso. Secretário-executivo do Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmacêuticos do Rio Grande do Sul, Guilherme Leipnitz considera positiva a novidade por aumentar o diagnóstico, contudo observa que são muitos deveres nas mãos dos donos dos estabelecimentos e farmacêuticos e que “é obrigação do Estado e da União testar as pessoas”, e não da iniciativa privada. Os testes em farmácias variam de 139 a 280 reais.

*Ostextosassinadossãoderesponsabilidadedeseus autores e não emitem a opinião do jornal

L. Pimentel pimentel.ddc@gmail.com

TOMBO NA INDÚSTRIA GAÚCHA O tombo da indústria gaúcha já havia sido recorde em março. Mas piorou em abril, mês com mais restrições a atividades em razão da Pandemia. Levantamento da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs) aponta que o Índice de Desempenho Industrial no Estado caiu 13,2% em abril na comparação com o mês anterior. Ante abril de 2019, o tombo foi ainda maior: 23,1%. Todos os indicadores que compõem o IDI-RS tiveram retração. Desde o faturamento real, passando pela capacidade instalada, até as horas trabalhadas e o pessoal ocupado. A recuperação, segundo o presidente da Fiergs, Gilberto Petry, será lenta. Ele relata que com a dimensão inédita da crise, a continuidade das restrições, a elevada incerteza, as perdas de emprego e renda, o retorno a níveis anteriores aos da pandemia será muito lento. Os números indicados pela Fiergs dialogam com os atestados pela Universidade de Caxias do Sul, que, por meio de um estudo, reportou o maior tombo no número de postos de trabalho formais fechados para abril desde o início da série histórica, em 2008. Em apenas 13 cidades do Interior, foram 4,8 mil vagas fechadas. O setor industrial, tal como indicou a Fiergs, foi o mais afetado. No Estado, a redução de postos de trabalho foi de 74,6 mil, segundo o CAGED, no que foi o quarto pior resultado no país. Nesse cenário, caiu também a Intenção de Consumo das Famílias, que atingiu, em maio, o menor patamar desde julho de 2018. Medido pela Fecomércio-RS, o índice marcou 77 pontos, 15,5% inferior ao mês anterior. Duas das causas da retração do ICF foram: a baixa do nível da renda familiar e a queda na perspectiva de consumir. Segundo análise do presidente da Fecomércio, Luiz Carlos Bohn, os gastos ficaram concentrados em bens básicos. NR: Todas essas baixas e dificuldades devido à Pandemia serão sentidas com maior intensidade nos próximos meses. Por isso todo o esforço de agora valerá em muito para se tentar minimizar as consequências advindas da Covid-19.

Folha

Diário Publicação da empresa Jornal Diário Oficial dos Municípios Ltda ME CNPJ nº 08.070.493/0001-48 Registro nº 39987 do livro A-4 51- 3497.1078 www.2mnoticias.com.br folhadecachoeirinha@gmail.com Fundação: 15 de janeiro de 2013 Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, nº 6125 - São Vicente - Gravataí/RS - Brasil

Diretor geral: Moacir Menezes Filiado:

Folha

Política

Redação/Diagramação: Filipe Foschiera e Jacson Dantas


opinião

Geral Geral

OpiniãO e princípiOs Aapresentação das últimas manifestações contrárias ao governo como democráticas constitui um abuso, por ferirem, literalmente, pessoas e o patrimônio público e privado, todos protegidos pela Democracia. Imagens mostram o que delinquentes fizeram em São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba. Registros da Internet deixam claro o quão umbilicalmente ligados estão ao extremismo internacional. É um abuso esquecer quem são eles, bem como apresentá-los como contraparte dos apoiadores do governo na tentativa de transformá-los em manifestantes legítimos. Baderneiros são caso de polícia, não de política. Portanto, não me dirijo a eles, sempre perdidos de armas na mão, os que em verdade devem ser conduzidos debaixo de vara às barras da Lei. Dirijo-me aos que os usam, querendo fazê-los de arma política; àqueles que, por suas posições na sociedade, detêm responsabilidades institucionais. Aonde querem chegar? A incendiar as ruas do País, como em 2013? A ensanguentá-las, como aconteceu em outros países? Isso pode servir para muita coisa, jamais para defender a Democracia. E o País já aprendeu quanto custa esse erro. A legítima defesa da Democracia está

Não é admissível que, a título de se contrapor a exageros retóricos impensadamente lançados contra as instituições do Congresso e Supremo Tribunal Federal, assistamos ações criminosas serem apoiadas por lideranças políticas e incensadas pela imprensa fundada na prática existencial da tolerância e do diálogo. Nesse sentido, Thomas Jefferson, o defensor das liberdades que, como presidente eleito, rejuvenesceu a nascente democracia norte-americana em momento de aparente perda de seu elã igualitário, deixou-nos uma citação preciosa: “toda diferença de opinião não é uma diferença de princípios”. Uma sociedade que se organiza politicamente em Estado só pode tê-lo verdadeiramente a seu serviço se observar os princípios que regem sua vida pública. Cabe perguntar se é isso que estamos fazendo no Brasil. É lícito usar crimes para defender a Democracia? Qual ameaça às instituições no Brasil autoriza a ruptura da ordem legal e social? Por acaso, supõe-se que assim será feita algum tipo de justiça? As cenas de violência, depredação e desrespeito que tomaram as manchetes e telas nestes dias não podem ser entendidas como manifestações em defesa da Democracia, nem confundidas com outras legítimas, enquanto expressões de pensamento e dissenso, essenciais para o debate que a ela dá vida. Desde quando, vigendo normalmente, ela precisa ser defendida por faces mascaradas, roupas negras, palavras de ordem, barras de ferro e armas brancas? Não é admissível que, a título de se contrapor a exageros retóricos impensadamente lançados contra as instituições do Congresso e Supremo Tribunal Federal, assistamos ações criminosas serem apoiadas por lideranças políticas e

incensadas pela imprensa. A prosseguir a insensatez, poderá haver quem pense estar ocorrendo uma extrapolação das declarações do Presidente da República ou de seus apoiadores para justificar ataques contra a institucionalidade do País. Cabe ainda perguntar qual o sentido em trazer ao nosso país problemas e conflitos de outros povos e culturas. A formação de nossa sociedade, embora eivada de problemas contra os quais lutamos até hoje, marcadamente a desigualdade social e regional, não nos legou o ódio racial e nem o gosto pela autocracia. Todo grande país tem os seus problemas, proporcionais a seu tamanho, população, diversidade e complexidade. O Brasil os tem, não precisa importá-los. É forçar demais a mão associar mais um episódio de violência e racismo ocorrido nos Estados Unidos com a realidade brasileira. Como também tomar por modelo de protesto político a atuação de uma organização nascida do extremismo que dominou a Alemanha no pós-Primeira Guerra Mundial e a fez arrastar o mundo a outra guerra. Tal tipo de associação, praticada até por um Ministro do STF no exercício do cargo, além de irresponsável, é intelectualmente desonesta. Finalmente: é razoável comparar o regime político que se encerrou há mais de 35 anos com o momento que vivemos no País? Lendo-se as colunas de opinião, comentários e até despachos de egrégias autoridades, tem-se a impressão que sessentões e setentões nas redações e em gabinetes da República resolveram voltar aos seus anos dourados de agitação estudantil, marcados por passeatas das quais eventualmente participaram e pelas barricadas em que sonharam estar. Não há qualquer legislação de exceção em vigor no País: política, econômica ou social; nenhuma. As Forças Armadas, por mais malabarismo retórico que se tente, estão desvinculadas da política partidária, cumprindo rigorosamente seu papel constitucional. Militares da reserva, como cidadãos comuns, trabalham, até para o governo, enquanto os da ativa se restringem às suas atividades profissionais, a serviço do Estado. Se o País já enfrentava uma catástrofe fiscal herdada de administrações tomadas pela ideologia, ineficiência e corrupção, agora, diante da social que se impôs com a pandemia, a necessidade de convergência em torno de uma agenda mínima de reformas e respostas é incomensuravelmente maior. Mas para isso é preciso refletir sobre o que está acontecendo no Brasil. Quando a opinião se impõe aos princípios, todos perdem a razão. Em todos os sentidos.

Antonio Hamilton Martins Mourão VICE-PRESIDENTE DA REPÚBLICA

SEXTA, sábado e domingo, de junho junho de 2020 55 SEXTA, SábAdo E domingo, 5, 5, 66 eE 7 dE dE 2020

Maia aguarda proposta do governo para debater prorrogação de auxílio

Auxílio emergencial foi aprovado para ser pago por três meses O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse, nesta quinta-feira (4/6), esperar uma proposta oficial do governo sobre a prorrogação do auxílio emergencial de R$ 600 por mais 60 dias, para então dar início ao debate sobre o tema no Parlamento. O projeto aprovado no Congresso e sancionado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, no início de abril, prevê o pagamento da renda mínima por três meses para trabalhadores informais, integrantes do Bolsa Família e pessoas de baixa renda. “A gente sabe das dificuldades, entende a preocupação do governo e gostaria de ter uma posição oficial do governo. Que ele encaminhe a matéria ao Parlamento para que a gente possa fazer o debate transparente”, disse Maia. O governo já sinalizou a

Najara Araújo/Câmara dos Deputados

Folha

possibilidade de estender mais duas parcelas do benefício, mas com valor reduzido. Durante coletiva, Maia disse que há um sentimento favorável por parte dos parlamentares para a prorrogação do auxílio, mas que precisa de uma proposta oficial do governo para iniciar os debates em torno dos recursos para a prorrogação do auxílio. Segundo Maia, é preciso debater o impacto fiscal da prorrogação junto com a equipe econômica.

"Se dependesse dos parlamentares teria ao menos mais duas ou três parcelas no mesmo valor de R$ 600. Mas tem o impacto, ninguém está negando o impacto, nem o governo a necessidade de prorrogação do benefício”, disse. “Sabemos que existe um custo e a construção da manutenção do valor por algum período precisa estar baseada também em construir as condições de forma coletiva com a equipe econômica e com o parlamento”, acrescentou.


6

SEXTA, sábado e domingo, 5, 6 e 7 de junho de 2020

Folha

Geral

Sindilojas Gravataí promove sustentabilidade ambiental Projeto Amigos do Planeta incentiva mudança de comportamento

Projeto Amigos do Planeta Neste contexto, a entidade criou o Projeto Amigos do Planeta que existe desde 2007, e conta com diversas ações voltadas ao

desenvolvimento sustentável. Em parceria com empresas da região, o Sindilojas realiza o descarte de lâmpadas, eletroeletrônicos, óleo de cozinha, pilhas e baterias. A entidade conta com um ponto de coleta desses materiais, dando o destino correto com a finalidade de reduzir o impacto ambiental. Entre as ações, são realizadas a coleta seletiva de resíduos sólidos na sede e nas subsedes da Morada do Vale e Glorinha, divulgação do uso racional de ar condicionado, iluminação e água também fazem parte do dever de casa. “São pequenas atitudes que fazem toda diferença e que a comunidade deve se conscientizar para esta mudança de comporta-

mento. É fundamental incentivar a população a contribuir com o meio ambiente, realizando o descarte adequado por meio de boas práticas”, afirmou o presidente do Sindilojas Gravataí, José Rosa. Dia da Mudança Há mais de seis anos, o Sindicato Varejista promove o Dia da Mudança, realizado no primeiro dia útil de cada mês. A atividade, que integra o Projeto Amigos do Planeta, distribui mudas de árvores de diversas espécies para as pessoas que passam pelo atendimento do Sindilojas Gravataí e suas respectivas subsedes. O Projeto Amigos do Planeta® é Marca Registrada da Entidade.

MuseCom tem mostra virtual alusiva à Semana da Comunicação

Prêmio Minuano de Literatura recebe inscrições até o dia 30

Divulgação

A edição 2020 do Prêmio Minuano de Literatura chega com duas novidades: patrono e a inclusão da categoria Tradução. No total, são onze categorias. O prêmio é uma parceria do Instituto Estadual do Livro (IEL), com o Instituto de Letras da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). O objetivo é ressaltar e reconhecer a produção literária gaúcha, contribuindo para sua divulgação e para o incentivo à leitura e à produção escrita. As inscrições vão até o dia 30 de junho. Regulamento e anexos estão disponíveis no blog do IEL (ielrs.blogspot.com). Mais informações podem ser obtidas nos e-mails iel@sedac.rs.gov. br ou andrearussomano@gmail. com, e também pelo telefone (51) 3314-6450 ou WhatsApp (51) 99196-5230.

Um tour virtual pelo acervo do Museu da Comunicação Hipólito José da Costa (Rua dos Andradas, 959, Centro Histórico de Porto Alegre) já está disponível no link bit.ly/2XmnOD1. Adequada ao momento de isolamento social, em função da pandemia da Covid-19, a mostra faz parte da Semana da Comunicação. Semana da Comunicação O Dia Nacional da Imprensa é comemorado em 1° de junho. Nesta data, em 1808, perseguido pela monarquia portuguesa e exilado em Londres, Hipólito José da Costa (patrono da Imprensa Brasileira) lançava o jornal “Correio Braziliense”. A mostra foi lançada segunda-feira (1º/06), durante conferência online realizada em parceria com a Associação Riograndense de Imprensa (ARI) e a Assembleia Legislativa.

Arquivo/Sindilojas

Com o objetivo de celebrar o Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado nesta quinta-feira (05-06), o Sindilojas Gravataí é parceiro da Semana do Meio Ambiente, promovida pelo Comitê de Sustentabilidade do Sistema Fecomércio-RS/Sesc/Senac, de 1ª a 5 de junho. A ideia é incentivar e conscientizar as pessoas para as práticas que preservam o meio ambiente em favor de mudanças de comportamento.

Na apresentação audiovisual, além de parte do acervo do MuseCom, o visitante acompanha trechos da biografia de Hipólito da Costa, passando pelo Correio Braziliense, o empenho pela causa abolicionista e sua importância para a imprensa nacional. Homenagem A homenagem a Hipólito José da Costa, disponibilizada pelo MuseCom, também é oportuna no atual momento de ameaças à liberdade de imprensa e de combate às fake news. “Hipólito foi um visionário na defesa da comunicação, enquanto ferramenta para garantir a liberdade do nosso povo. A mostra, agora permanente no formato virtual, reafirma o compromisso com a memória da Comunicação, enaltecendo os valores da liberdade de imprensa”, salienta Welington Silva, diretor do MuseCom.

Comissão Organizadora A comissão organizadora será composta por titulares do IEL e do Instituto de Letras da UFRGS. As comissões de seleção contarão com três membros cada, escolhidos dentre profissionais que atuam na área da literatura e/ou membros da comunidade cultural literária, os quais escolherão as três obras finalistas em cada categoria.

Já as comissões finais contarão com três membros cada, dentre professores, alunos de pós-graduação em Letras e bibliotecários, os quais indicarão o livro vencedor nas respectivas categorias. Os vencedores serão conhecidos na cerimônia de premiação e receberão o Troféu Minuano de Literatura, em local e data a serem definidos. Inscrições Podem ser enviadas por correio ou entregues na sede do IEL (R. André Puente, 318, Porto Alegre). Caso sejam entregues diretamente, podem ser deixadas na portaria, em horário comercial (8h30 às 12h e das 13h30 às 18h) - mesmo durante o período de isolamento social. Patrono Nesta edição, o Prêmio Minuano de Literatura terá como patrono o escritor Sérgio Faraco. Nascido em Alegrete, em 1940, Faraco é um dos mais destacados autores gaúchos contemporâneos, com obras de contos, crônicas e não-ficção histórica, vencedor de prêmios como o da Academia Brasileira de Letras, da União Brasileira de Escritores, da Associação Gaúcha de Escritores e Açorianos.


Folha

Sesc oferece serviço de academia on-line com aulas de ginástica

Poder se exercitar sem sair de casa e seguir contando com a orientação de um educador físico: essa é a proposta da Academia On-Line do Sesc/RS, que oferece aulas de ginástica ao vivo nos turnos da manhã, tarde e noite via salas virtuais na plataforma Zoom. As matrículas podem ser feitas pelo site www.sesc-rs.com.br/esporte/academia-on-line, onde também está disponível a grade horária das aulas ou pode ser consultada nas Unidades de todo o RS. O valor da mensalidade é R$ 19,90 para todos os públicos. O serviço oferece mais de 200 aulas por mês, com horários para as modalidades power mix, funcional, pilates solo, ritmos, GAP, abdominal, HITT, ginástica para a maturidade e alongamento. Após efetuar o pagamento, o aluno receberá, em até 24h, um link de acesso às aulas do mês adquirido. Mais informações podem ser obtidas pelo WhatsApp (51) 99157-9846.

Geral

SEXTA, sábado e domingo, 5, 6 e 7 de junho de 2020

7

GP Brasil espera data e retomada de negociações com Fórmula 1 Apesar de ainda não ter data confirmada, o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 deve fazer parte das próximas corridas a serem oficializadas para a temporada deste ano. O calendário do campeonato, que iniciaria em março, teve de ser alterado devido à pandemia do novo coronavírus. Na terça-feira (2), foram divulgadas as oito etapas que abrirão a competição em 2020 - todas na Europa, onde a curva de propagação da doença está em queda. A expectativa da Liberty Media, empresa responsável pela categoria, é que essa curva já tenha caído o suficiente nas Américas e no Oriente Médio entre outubro e novembro, para que as demais etapas possam ser realizadas. No calendário original, o GP Brasil seria disputado em 15 de novembro no autódromo de Interlagos, zona sul de São Paulo. O cenário causado pelo novo coronavírus também impactou as negociações para renovação do

contrato de realização da prova na capital paulista, que vence neste ano, já que os dirigentes internacionais priorizaram, nos últimos meses, a reformulação da temporada. São Paulo recebe o GP desde 1972, com exceção de 1978 e do período entre 1981 e 1989, quando a corrida foi no Rio de Janeiro. A capital fluminense, aliás, concorre com a paulista para receber a prova partir do ano que vem, em um circuito que se pretende construir em Deodoro, na zona oeste. A obra, porém, depende da aprovação do Estudo de Impacto Ambiental e do Relatório de Impacto Ambiental. Segundo os ambientalistas do movimento SOS Floresta do Camboatá, o terreno que poderá receber o autódromo é considerado o último remanescente de Mata Atlântica de terras baixas no município do Rio. Os estudos seriam apresentados e discutidos em uma audiência pública virtual, mas a assembleia foi suspensa pela Justiça.

Grêmio: Renato aguarda retomada dos coletivos Seguindo uma recomendação do departamento médico, Renato Portaluppi está em casa. O técnico do Grêmio segue no Rio de Janeiro, em isolamento, já que pertence ao grupo de risco do coronavírus por causa do histórico de cirurgias cardíacas. Esta situação deve continuar por mais

alguns dias. Conforme o repórter Eduardo Gabardo, de GauchaZH, a ideia é que Renato volte a Porto Alegre quando houver a liberação das autoridades para os treinos mais fortes. Isto significa que o técnico estará no CT Luiz Carvalho no momento em que os coletivos estiverem autorizados.


8

SEXTA, sábado e domingo, 5, 6 e 7 de junho de 2020

Folha

Geral

Delegacia do Meio Ambiente apreende munições e galos de rinha em Gravataí A Polícia Civil, por meio da Delegacia do Meio Ambiente (DEMA), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), apreendeu munições e galos de rinha em cumprimento de mandado de busca e apreensão, na manhã desta quarta-feira (03/06), em Gravataí. Segundo a delegada Marina Goltz, a ordem judicial foi cumprida em residência no bairro Morada

do Vale I, em razão de investigação sobre rinhas de galo. Foram apreendidos vinte galos de rinha, remédios de uso veterinário, cinco cartuchos calibre 23, 3 rabos de tatu e um pássaro da espécie trinca-ferro. A ação faz parte da Operação Ambiente Sustentável, que busca coibir crimes contra a fauna e a flora. O proprietário da residência responderá a procedimento policial

pelos crimes previstos no artigo 29 da Lei de Crimes Ambientais, com pena de detenção de 6 meses a 1 ano e multa, e no artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais, com pena de detenção de de 3 meses a 1 ano, e multa, bem como no art. 12 da Lei 10.826/03, com penas de detenção de 1 a 3 anos e multa. A ação contou com o apoio da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEMA).

Operação Vôo Livre localiza arara-canindé em Gravataí

A Polícia Civil, por meio da Delegacia do Meio Ambiente (DEMA), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), apreendeu uma arara-canindé em cumprimento de mandado de busca e apreensão, na manhã desta quarta-feira (03), em Gravataí. Segundo a delegada Marina Goltz, a ordem judicial foi cumprida em residência situada no bairros Rincão da Madalena, em razão de investigação sobre o cativeiro ilegal de ave silvestre. No local, foi localizada uma arara-canindé (ara ararauna), considerada uma das espécies mais emblemáticas do cerrado brasileiro. Em razão do tempo decorrido desde a posse do animal, que conforme documentos apresentados no momento das buscas, já estaria com a família há mais de 30 anos, a autoridade policial optou por nomear o proprietário da residência como fiel depositário da ave. A ação faz parte da Operação Vôo Livre, que busca coibir crimes contra aves silvestres e contou com o apoio da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEMA).

traficante é preso transportando maconha híbrida na br -101 A Polícia Rodoviária Federal prendeu uma mulher transportando 7 pacotes da droga skunk, derivada da maconha. O fato aconteceu na manhã de terça-feira (2), na BR 101, em Osório. Equipe PRF realizava operação de enfrentamento à criminalidade na rodovia quando tentou abordar um automóvel Fiesta, emplacado em Florianópolis, que seguia em direção a Santa Catarina, mas a condutora desobedeceu a ordem de parada. Após acompanhamento, o veículo foi interceptado e a mulher contou que o carro era usado no transporte de pessoas por aplicativos, embora estivesse sozinha nele. A fiscalização detalhada do veículo revelou sete pacotes de skunk escondidos no interior das portas, totalizando 1,5 quilo da droga. Segundo a PRF Daiane Huffell, graduada em química e instrutora de EDA – Enfrentamento ao Tráfico de Drogas e Armas, o

Skunk é uma droga alucinógena, que tem como princípio ativo o THC, o mesmo da maconha. Ele é obtido a partir do cruzamento genético entre duas espécies diferentes da planta Cannabis Sativa. O Skunk tem um alto valor de

mercado por ser de sete a dez vezes mais forte que a maconha. A mulher, de 26 anos e moradora de Florianópolis, foi presa por tráfico de entorpecentes e encaminhada à área judiciária.


Folha

Cidade

SEXTA, sábado e domingo, 5, 6 e 7 de junho de 2020

9

Cesuca promove feira virtual para auxiliar na carreira profissional

Comércio de rua

deve adotar medidas sanitárias para

reabrir provadores A Secretaria da Saúde (SES) emitiu nesta semana a Portaria 376, que estabelece normas de funcionamento de estabelecimentos comerciais de rua em geral. Entre as principais mudanças do que já estava vigente está a possibilidade de reabrir provadores, tomando diversas precauções de higienização. Para o manuseio de roupas ou produtos de mostruários, o comerciante deve exigir que os clientes higienizem as mãos com álcool em gel 70%. Lembrando que o uso de máscara é obrigatório desde a entrada no estabelecimento. Caso o proprietário decida por permitir a prova de roupas, deve higienizar os provadores e as peças a cada novo uso. Se o local tiver cortina, deve fazer limpeza a vapor do material. Após a prova de sapatos, será necessário mantê-los em local arejado e fora da caixa por um tempo. Estão proibidas as provas de peças que entrem em contato com o rosto durante a prova, como camisetas e blusas. Outra norma definida é a de manter o controle do número de pessoas nos espaços internos das lojas por meio de fichas ou outras formas de controle. Para agilizar o fluxo de clientes idosos ou em outros grupos de risco, esses públicos devem ter preferencialmente um horário ou setor exclusivo para seu atendimento. Seguem as orientações de reforço da limpeza de ambientes e dos objetos, em especial aqueles de uso coletivo, como corrimões, interruptores, teclados, máquinas de pagamento com cartão e afins. Também é preciso deixar cartazes informativos das regras como uso de máscaras e álcool em gel à vista dos clientes, bem como oferecer equipamentos de proteção individual (EPI) suficientes aos funcionários e álcool em gel em locais estratégicos. Ainda assim, funcionários nos grupos de risco devem atuar preferencialmente em teletrabalho, se não comprometer o funcionamento normal do estabelecimento, devendo-se sempre priorizar tele-entrega, pegue e leve ou drive-thru. O documento não substitui os protocolos estabelecidos por meio do modelo de Distanciamento Controlado, devendo as empresas observarem sempre o permitido na bandeira atual de cada região.

Com o intuito de ajudar cidadãos de Cachoeirinha e região, a ação acontece dia 16 de junho

A Cesuca – Faculdade Inedi, instituição que integra a Cruzeiro do Sul Educacional, anuncia a Ação Comunitária Virtual de apoio à carreira profissional, que acontecerá no dia 16 de junho. O intuito é oferecer à comunidade de Cachoeirinha, Porto Alegre e região, de forma virtual e ao vivo, um conjunto de ações voltadas ao desenvolvimento da carreira dos cidadãos, como se fosse uma feira de carreira virtual. O projeto é realizado pelos alunos da disciplina de Gestão de Carreiras, com coordenação e supervisão do professor Dr. Evaldo Reis. A ação será dividida entre palestras, que começam às 19:30, e os atendimentos com hora marcada, com início às 18:30 até às 22:30. Entre os serviços ofertados estão: elaboração de currículos, testes vocacionais, cadastro profissional no Linkedin, orientações para carreiras empreendedoras e técnicas de posicionamento em entrevistas de emprego, entre outros. Todos gratuitos e abertos à população. As palestras serão realizadas virtualmente. “Cada

temática receberá uma sala virtual no Blackboard Learn, onde os interessados escolherão dentro de uma lista de opções o link de acesso. Tudo claro e de forma organizada, facilitando a participação do maior número de pessoas possíveis”, relata o docente responsável pela ação, a professor Dr. Evaldo Reis, do curso de Tecnologia em RH e Administração. Para participar dos encontros com hora marcada, é necessário enviar um e-mail agendando o horário. A intenção deles é oferecer orientações específicas para cada um, auxiliando de forma personalizada a carreira dos interessados. Cada atendimento dura cerca de meia hora e durante tempo os alunos ajudarão a criar o Instagram de Microempreendedores Individuais, fazem teste vocacionais, montam currículos e ensinam a montar uma página no LinkedIn. “Nossa intenção é apoiar o desenvolvimento da carreira profissional da comunidade de Cachoerinha nesse momento instabilidade”, conclui o professor.

fale com a folha pelo whatsapp

51 99415 3122


SEXTA,SábAdo sábado e domingo, e 7junho de junho de 2020 10 SEXTA, E domingo, 5, 6 5, E 76dE dE 2020 10

Folha

Cultura Geral

IMENSIDÕES Do plaNEta

DIA MUNDIAL DO MEIO AMBIENTE L. Pimentel Para esclarecer os temas relacionados à data e debater a importância de se proteger o meio ambiente diante de um contexto de mudanças climáticas e outras ameaças, vamos abordar esse tema que é tão antigo, mas também tão atual, a Conservação da Natureza. O Dia Mundial do Meio Ambiente é celebrado no dia 5 de junho, tendo sido criado pela Assembleia Geral das Nações Unidas na resolução (XXVII) de 15 de dezembro de 1972 com a qual foi aberta a Conferência de Estocolmo, na Suécia, cujo tema central foi o Ambiente Humano. A INSTITUIÇÃO DA DATA Em 1972, durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano, em Estocolmo, a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu o Dia Mundial do Meio Ambiente, que passou a ser comemorado todo dia 05 de junho. Essa data, que foi escolhida para coincidir com a data de realização da conferência, tem como objetivo principal chamar a atenção de todas as esferas da população para os problemas ambientais e para a importância da preservação dos recursos naturais, que até então eram considerados, por muitos, inesgotáveis. Atualmente existe uma grande preocupação em torno do meio ambiente e dos impactos negativos da ação do homem sobre ele. A destruição constante de habitat e a poluição de grandes áreas, por exemplo, são alguns dos pontos que exercem maior influência na sobrevivência de diversas espécies. Tendo em vista o acentuado crescimento dos problemas ambientais, muitos pontos merecem ser revistos tanto pelos governantes quanto pela população para que os impactos sejam diminuídos. Se nada for feito, o consumo exagerado dos recursos e a perda constante de biodiversidade poderão alterar consideravelmente o modo como vivemos atualmente,

nos mandando uma mensagem. Ela está nos mostrando que a vida como nós a conhecemos, está à beira de um colapso. É hora de acordar. De tomar consciência. De repensar nossa relação com o meio ambiente. É hora de soltar a voz e dizer ao mundo que precisamos agir. Esse Dia Mundial do Meio Ambiente é a hora da Natureza. Para o “Dia Mundial do Meio Ambiente 2020”, todos estão convidados a compartilhar porque esta é a hora da natureza.

Natureza é a principal fonte de vida do planeta Terra

Não permitir que o lixo se espalhe, especialmente na orla dos rios

Preservar os animais é essencial para a continuidade das espécies

As abelhas são as grandes semeadoras do planeta

comprometendo, inclusive, nossa sobrevivência. Dentre os principais problemas que afetam o meio ambiente, podemos destacar o descarte inadequado de lixo, a falta de coleta seletiva e de projetos de reciclagem, consumo exagerado de recursos naturais, desmatamento, inserção

de espécies exóticas, uso de combustíveis fósseis, desperdício de água e esgotamento do solo. Esses problemas e outros poderiam ser evitados se os governantes e a população se conscientizassem da importância do uso correto e moderado dos nossos recursos naturais. Em razão da importância

da conscientização e da dimensão do impacto gerado pelo homem, o Dia Mundial do Meio Ambiente é uma data que merece bastante destaque no calendário mundial. Entretanto, não basta apenas plantar uma árvore ou separar o lixo nesse dia, é necessário que sejam feitas campanhas de grande impacto que mostrem a necessidade de mudanças imediatas nos nossos hábitos de vida diários. Apesar de muitos acreditarem que a mudança deve acontecer em escala mundial e que apenas uma pessoa não consegue mudar o mundo, é fundamental que cada um faça a sua parte e que toda a sociedade reivindique o cumprimento das leis ambientais. Todos nós devemos assumir uma postura de responsabilidade ambiental, pois só assim conseguiremos mudar o quadro atual. QUE IMPACTOS E LIÇÕES PODEMOS TIRAR? As pessoas precisam despertar para o papel de cada indivíduo na conquista de uma sociedade sustentável que proporcione qualidade de vida para a humanidade e proteja toda a forma de vida terráquea. HORA DA NATUREZA Os alimentos que comemos, o ar que respiramos, a água que bebemos e o clima que

torna nosso planeta habitável vêm da natureza. Somos mais dependentes do que imaginamos de sua rede interconectada e do seu delicado equilíbrio. Contudo, esse é um momento singular em que a natureza está

DECLARAÇÃO DE ESTOCOLMO - 1972 “A proteção e o melhoramento do meio ambiente humano é uma questão fundamental que afeta o bem-estar dos povos e o desenvolvimento econômico do mundo inteiro, um desejo urgente dos povos de todo o mundo e um dever de todos os governos”.

Preservar das águas não é mais uma opção, é a única alternativa para o futuro do Planeta

Seleção do lixo doméstico também contribui com a natureza


Folha

Variedades Entretê

www.coquetel.com.br

SEXTA, sábado e domingo, SEXTA, SábAdo E domingo,5,5,6 6e E77de dEjunho junhodedE2020 2020 11 11

CAÇA-PALAVRA

© Revistas COQUETEL

Procure e marque, no diagrama de letras, as palavras em destaque no texto.

iLUsTRaçãO: LUzimaR LanEs

Zibia Gasparetto

ZIBIA Alencastro Gasparetto foi uma escritora e MÉDIUM brasileira, nascida em CAMPINAS, São Paulo, em 29 de JULHO de 1926. É uma das responsáveis pela popularização da LITERATURA Espírita. Começou a escrever ainda CRIANÇA, graças à sua paixão por CONTOS policiais. Seu interesse pela DOUTRINA espírita veio apenas em 1950. Sua primeira OBRA psicografada foi “O AMOR Venceu”, lançada em 1958. Ao longo de sua CARREIRA, publicou dezenas de LIVROS que, traduzidos para diversos IDIOMAS, venderam mais de 18 MILHÕES de exemplares em todo o MUNDO. Faleceu em 10 de OUTUBRO de 2018, na cidade de São Paulo, onde residia.

M I D R T S D E H T L I T E R A T U R A E I Z I B I A H T S H

D F C R I A N Ç A F M T Y S A F T G E S S T S N A T S A S L A

S N N H R H A D M F M S O T N O C F R I R M J U L H O F L B N

A H C E E S N D D D O N B M G S D C D O M G H S F A C D I I I

M N A L T C I M I L H Õ E S I N O S M S D D B O H L T N V R R

O L L I F F C D N E O N F N A N O A Y M D O T R M L M O R A T

I G M A C T I T E H T R N E E E H C I E A G S B H R U H O M U

D S N M R C M N O E O A E A R I E R R A C H C U G I I A S R O

I M F L C B D I M U N D O C L S E E L F G A C T O M D F R B D

M N C C F N O N O D N A F B C A M P I N A S N U S A E N F R S

E T N A T R L N O R T I M R M D T M N I R H L O D D M R A T N 25

Solução I

A N

I

L Z I B I A

J U L H O R

L I T E R A T U R A

Instagram/Reprodução

Cantora gospel Fabiana Anastácio morre em decorrência do coronavírus

S O T N O C C R I A N Ç A

R T U O D V R O S M U

I

D E M

O R B U T U O O

M

A R I E R R A C

A

M I L H Õ E S A

S A M O

I

R D

C A M P I N A S M U N D O B

O

I

HORÓSCOPO Dia de conversas importantes. Também vai contar com um tino afiado para lidar com grana e pode ter ideias supercriativas para ganhar dinheiro com algo feito em casa.

Romance com colega pode gerar mexericos: convém agir com mais discrição e não se expor nas redes sociais. Na união, você que lute para melhorar o diálogo.

A Lua se desentende com o Sol, entra na fase Cheia e fica eclipsada: reveja os gastos e não se arrisque para não levar uma surra de boletos no fim do mês.

Suas parcerias estarão estimuladas e você pode aprender muito com a experiência alheia. Porém, dobre a cautela: tenha cuidado para não gastar com bobagens.

Conversas pelas redes sociais podem revelar afinidades com alguém bacana. Bom momento para iniciar um romance. Na vida a dois, reforce o companheirismo.

Não descarte atritos e tensões em família: controle sua franqueza e dome suas reações para não brigar e acabar saindo do grupo da família no WhatsApp.

Reforce a prevenção, capriche no álcool em gel, use máscara, respeite seus limites e proteja sua saúde. Se pagar de louca, o Coronga te pega!

Evite assumir mais tarefas do que pode cumprir, respeite seus limites, reforce as medidas de prevenção e cuide com mais carinho do seu organismo.

Você pode ter uma boa chance de transformar sonhos em realidade, sobretudo na vida profissional. Seus talentos e seu potencial criativo estão em alta.

Dê apoio a amigos, desde que isso não envolva dinheiro senão pode fazer papel de trouxa. A noite será mais leve e descontraída, ainda mais no amor.

Perseverança não te falta, agora é confiar no que sabe fazer e dar o seu melhor, mantendo os olhos abertos nas boas oportunidades de crescimento.

Você pode conseguir o que quiser hoje se agir com simpatia, criatividade e boa lábia. O momento é oportuno para se destacar.

A cantora gospel Fabiana Anastácio, 45, morreu na quinta-feira (4/6), após ter sido diagnosticada com o novo coronavírus. O anúncio foi feito em sua página oficial no Facebook: "Deus decidiu levar nossa Fabiana Anastácio para seus braços". Na noite de quarta (3/6), a família havia informado que Fabiana estava na UTI de um hospital. Seu quadro foi classificado como estável na ocasião, apesar de ela apresentar "um pouco de dificuldade para respirar". A família da cantora havia iniciado

uma vaquinha online nos últimos dias para ajudar a pagar os custos do tratamento, feito inicialmente num hospital particular de São Paulo. A vaquinha chegou a arrecadar R$ 15 mil. Cantora e pastora, Fabiana Anastácio é de Santo André, na região metropolitana de São Paulo, e tem três filhos. O marido dela, o pastor Ruben Nascimento, chegou a ser diagnosticado com a Covid-19, mas já se recuperou. Ela tem entre suas músicas mais conhecidas "Adorarei", "Sou Eu" e "É Tudo Dele". FolhaPress


12 SEXTA, sábado e domingo, 5, 6 e 7 de junho de 2020

Folha

Contracapa

Primeiro quadrimestre revela queda em índices de criminalidade na cidade

Furtos e roubos caíram 35% e 31%, respectivamente; Cercamento Eletrônico recuperou 20 veículos; e as abordagens da Guarda Municipal aumentaram em quase 1.000% patamares do início de março. O número de denúncias ao Centro Integrado de Controle e Comando de Cachoeirinha (CICC) aumentou em 632%. A chefe do Centro Integrado de Controle e Comando, Ana Paula Santa Helena, destaca que também houve um aumento no número de abordagens da Guarda Municipal em quase 1.000%. "Por causa das denúncias de descumprimento dos decretos relacionados à pandemia de Covid-19, o número de ligações passou de 2 mil e mais de 500 boletins de ocorrência foram efetuados", afirmou ela. As operações aumentaram em 338% e o apoio em operações em mais de 680%. O prefeito Miki Breier aproveitou para reforçar que o engajamento da população às medidas de prevenção ao coronavírus estão mantendo o contágio sob controle na cidade: “queremos agradecer a todos aqueles que entenderam que a prevenção é o melhor caminho agora”.

Divulgação/PMC

A secretária municipal de Segurança e Mobilidade, Tatiana Boazão, atualizou dados sobre a segurança e transporte público recentemente em live transmitida pela página da Prefeitura no Facebook. Em relação à Segurança Pública, em comparação ao primeiro quadrimestre de 2019, este ano houve queda em diversos índices como, por exemplo, 35% de queda no furto, 31% nos roubos , 7% nos furtos de veículos, 5% nos homicídios e crimes relacionados a armas e munições. Graças ao Cercamento Eletrônico, foram recuperados 20 veículos, 54% a mais que em 2019, com uma eficácia de 80%, segundo informou Tatiana. A operação Trabalhador, que acontece diariamente das 5h30min até as 6h40min e que atua na prevenção de assalto e roubos de trabalhadores que estão nas paradas de ônibus, também foi retomada. O tráfego na avenida Flores da Cunha voltou ao seu fluxo normal, ou seja, aos mesmos

Nós, do Banrisul, continuamos buscando as melhores soluções para enfrentar esse momento. Por isso, disponibilizamos através do app Banrisul Digital a prorrogação da sua dívida. E você pode fazer isso sem sair de casa. No aplicativo, acesse:

> Empréstimos > REPAC Minha Conta

Office

Afinidade

Linhas de crédito e condições no site banrisul.com.br/repac Banrisul e você, nossa parceria faz a diferença. www.banrisul.com.br

/banrisul

/bancobanrisul

Profile for Folha de Cachoeirinha

Sexta a domingo | Cachoeirinha, 5 a 7 de junho de 2020 - ANO VIII | Edição 1792  

Sexta a domingo | Cachoeirinha, 5 a 7 de junho de 2020 - ANO VIII | Edição 1792  

Advertisement