a product message image
{' '} {' '}
Limited time offer
SAVE % on your upgrade

Page 1

Folha

Folha

1

SEGUNDA-FEIRA, 6 de abril de 2020

Divulgação/Piratini

Segunda-feira | Cachoeirinha, 6 de abril de 2020 | ANO VIII | Edição 1751 | DIÁRIO | Venda avulsa: R$ 1,50

ESTADO RECEBE TESTES RÁPIDOS PARA AUXÍLIO DIAGNÓSTICO DA COVID-19

8 Divulgação/PMC

HOSPITAL DE CAMPANHA ESTÁ RECEBENDO LEITOS

André Guterres/CMC

NPREFEITURA REALIZOU A CONTRATAÇÃO DE PROFISSIONAIS DE SAÚDE FEZ INVESTIMENTO EM EQUIPAMENTOS PARA AUXILIAR NO COMBATE AO CORONAVÍRUS

9

FRENTE PARLAMENTAR SE REÚNE COM SECRETÁRIO DA SAÚDE E ENTIDADES CIVIS

9


2

SEGUNDA-FEIRA, de abril de 2020 Segunda-feira, 6 de 6abril de 2020

Folha

Variedades Variedades

PREVISÃO DO TEMPO

Fonte: ClicTempo

Governo Federal suspende reajuste de medicamentos por 60 dias. De acordo com a Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos, o aumento seria de cerca de 4% e passaria a vigorar neste mês de abril. A decisão consta da MP 933 de 2020.

opinião

Estranho quem ainda não acredita no poder letal do Covid-19 como se fosse - como se alguém pudesse ser - totalmente imune a ele neste momento entre os mais terríveis da história recente da humanidade. Aposto que apostam em ficarem ricos nas loterias onde realmente a chance de ganhar é uma entre muitos milhares, milhões. Nela acreditam; até pagam por isso. A maior desgraça mundial hoje, além do vírus, é a ignorância, e que aqui no Brasil há anos contamina nossos dias Tenho tido terríveis crises de ansiedade, que culminam com palpitações, dores de cabeça, pensamentos desencontrados e preocupados, medos e angústias, além de uma revolta especial com ignorantes, que antes até conseguia suportar com alguma paciência, mas que hoje atingem também a minha saúde. Começo com essa afirmação porque creio firmemente que o momento é de sermos sinceros uns com os outros, trocarmos ideias, sensações. Que a gente ponha para fora o que sentimos, em prol até de ao menos man-

UMA LOTERIA MACABRA

termos um mínimo de sanidade mental. Estamos – e agora a expressão parece fazer sentido – dentro de caixas, nossas casas, isolados. E mesmo que não totalmente sós me parece que nunca vivemos de tal forma bruta essas sensações todas e elas são totalmente individuais. Difíceis de serem descritas, mas que atingem e por mais que queiramos nos fazer de fortes. Como você está? – pergunto. Embora não possa ajudar muito e a cada dia esteja mais claro que não temos a menor noção do que realmente ocorrerá nem na hora seguinte, nem no dia seguinte, nem quanto tempo levará. Os inimigos se multiplicam, além do contágio: os boletos chegando, empregos partindo, notícias de um mundo todo em looping contando diariamente mortos às centenas, e especialmente aqui no Brasil a ameaça constante de um governante absolutamente alucinado atrapalhando o serviço de quem está na linha de frente: seus próprios ministros, autoridades em saúde, profissionais, cientistas, imprensa.

Aqui não se trata mais – incrível – de aversão, que é total, de política, direita, esquerda, vitória, derrota, mas chamar a atenção para o caminho que as coisas rapidamente tomarão se mantida essa perigosa toada. Um presidente que dissemina notícias falsas, que atiça confrontos, que alimenta um gabinete de ódio formado por seus filhos e aconselhadores do mal, próximos. Um homem incapaz de movimentos de união, mas capaz de provocar e comandar atos e pronunciamentos que, se mantidos, certamente ou levarão a uma insurgência jamais vista ou a uma desumana catástrofe social. Capaz, como o fez agora, de conclamar o país para um jejum (!) religioso quando dele se esperam determinações, sim, mas para acabar com a fome que já faz roncar barrigas entre os humildes, miseráveis, as primeiras vítimas da desorganização nacional empurrada anos a fio. Não é normal, gente. Algo precisa ser feito, não sei se é possível interdição, camisa-

clIck

Papa Francisco, ontem (5/4), durante a Missa de Domingo de Ramos na Basílica de São Pedro sem a participação dos fiéis por conta do coronavírus. Alberto Pizzoli/Pool via REUTERS

naS REDES

Jornalista conceituada me indagou agora a razão de Mandetta e Bolsonaro não se entenderem nesta crise da pandemia. Tentei ser objetivo: a razão da divergência é que um está pensando em salvar vidas e o outro em salvar votos.

Fábio Trad | @f_trad | Deputado Federal PSD/MS

-de-força, forçar renúncia ou impeachment. Ou pedir, em uníssono, com panelas, gritos ou o que quer que seja, que se cale. Que deixe em paz quem está no campo da guerra. Dele não se ouviu até agora uma só palavra de alento, apenas ironias desrespeitando as centenas de famílias já em luto, algumas com várias perdas ligadas entre si. Dele não se ouviu até agora uma palavra contra os aproveitadores que cinicamente aumentam barbaramente os preços, somem com insumos. Nenhuma de suas ordens veio para acabar com os abusos, ou para proteger quem precisa. Vive apenas de suas próprias alucinações, rompantes, daquela meia dúzia que diariamente vai saudá-lo no cercadinho improvisado do Palácio, criando fatos que alimentam robôs, que por sua vez alimentam a ira dos ignorantes. Dele não se ouviu até agora nada que preste. O inimigo é um vírus que se respira, invisível. Ainda indomável e desconhecido, mutante.

Nos Estados Unidos já há mais mortes do que no 11 de setembro. Aqui já há mais mortes do que em quedas de Boeings, barragens rompidas, desabamentos, enchentes. É mais do que uma guerra, necessitando armas diferentes, e guerras não escolhem idades. Todos atingidos – inclusive o bem maior, a liberdade. A situação ainda está em andamento, advertem os especialistas de todo o mundo que buscam correr para conter, evitar o pior quadro que se aproxima, mais crítico ainda em vários locais onde líderes ousaram desafiar a realidade e que agora apenas correm para não serem julgados pela História como genocidas. Precisamos continuar no jogo. E para isso marcarmos e seguirmos os passos corretamente, para que não saia ainda mais cara essa loteria em que estamos metidos. Vamos ganhar esse jogo. Todos nós. Dividiremos o prêmio da vida.

MARLI GONÇALVES Jornalista

RADAR Uma família de orangotangos e física". Por conta disso, o zoo e um grupo de lontras deu início colocou o grupo de lontras para a uma amizade inesperada em habitar um um zoológico pequeno rio da Bélgica. É que passa pelo o que mostram recinto dos as fotos orangotangos. compartilhadas As lontras pelo zoo passaram a Pairi Daiza, sair da água na cidade de na ilha dos Brugelette. primatas, Segundo que se o porta-voz interessaram do zoológico, Mathieu Pascale Jones/Zoológico Pairi Daiza e deram início às interações. Goedefroy, A família de orangotangos animais em geral, e mais ainda é composta pelo casal Ujian, os orangotangos, "precisam macho de 24 anos, Sari, fêmea ser constantemente entretidos, de 15 anos, e o filho deles ocupados, desafiados e mantidos Berani, de 3 anos. G1 em atividade mental, emocional


Folha

SEGUNDA-FEIRA, 6 de abril 2020 Segunda-feira, 6 dede abril de 2020 3 3

Cidade Cidade

Comitê recebe doações para ajudar na luta contra o Covid-19 Comunidade abraçou a cidade e segue fazendo a sua parte Fotos: PMG/Divulgação

podemos agradecer a esse querido amigo, que mesmo não querendo se identificar, merece nosso muito obrigado".

Aproveitando a quarentena

O Comitê de Solidariedade ao Enfrentamento do Coronavírus continua arrecadando doações para auxiliar no combate ao Covid-19. Na última quinta-feira (2/4),

o coordenador geral do Comitê e secretário de governança Luiz Zaffalon recebeu 15 cestas básicas. A doação foi feita por um advogado da cidade que preferiu não se identificar.

As doações serão enviadas para o Banco de Alimentos e encaminhadas para as famílias em situação de vulnerabilidade social. O coordenador geral do Comitê agra-

deceu as cestas básicas. “Esse é um momento muito delicado, estamos trabalhando com vidas. Essa doação, com certeza, fará muita diferença na vida de alguém. Só

Algumas pessoas estão aproveitando o tempo em casa para ajudar o próximo. A diretora da Escola Municipal Idelcy Silveira Pereira, Noris Quevedo Lemos, além de trabalhar de casa, o home office, separou um momento para confeccionar máscaras. Representada pela sua filha Helena Quevedo, ela doou ao Comitê 40 máscaras higienizadas e feitas artesanalmente. “Esse é um trabalho que mostra o amor que as pessoas têm pela nossa cidade. Elas estão doando o seu tempo para fazerem algo que será doado para o outro. Isso é muito bonito. São nesses períodos de dificuldade que conseguimos ver o bem em cada um”, disse o secretário Luiz Zaffalon.

Doações no Alvi-Rubro

A parceria com as instituições da cidade tem gerado resultados. O centro de arrecadação de alimentos, cestas básicas e produtos de higiene, localizado no Clube Esportivo Alvi-Rubro, já começou a receber doações. Na manhã de sexta-feira (3/4), os associados já exerceram do espírito da solidariedade e fizeram a entrega de cestas básicas. Zaffalon disse que essa união e trabalho em conjunto irá ajudar a cidade a passar por esse momento. “Nós somos muitos e se cada um ajudar a cuidar do próximo, Gravataí conseguirá passar por essa fase”. O endereço do Alvi-Rubro, para quem quiser ajudar, é Av. José Loureiro da Silva, 889. O Banco de Alimentos fica na Avenida Centenário, 87 e pode ser contatado pelos telefones (51) 3600-7476 ou (51) 3600-7756.

ronda policial

Um homem, de 24 anos, foi preso e um adolescente, de 17, foi apreendido na última quinta-feira (2/4), no bairro Barnabé, em Gravataí. Segundo a BM, eles são acusados de tráfico de drogas e porte ilegal de arma. Durante abordagem realizada na

Rua Esperança foram encontrados com eles 12 munições calibre 32, um coldre, 13 pedras de crack, duas porções de maconha, uma bucha de cocaína, um revólver calibre 32, um celular, um isqueiro, três relógios, uma faca e R$288 em dinheiro.

BM/Divulgação

Dupla é flagraDa Com 13 peDras De CraCk

Trio é preso com quatro quilos de maconha no Cohab C BM/Divulgação

Três homens, de 22, 30 e 34 anos, foram presos por tráfico de drogas na última sexta-feira, em Gravataí. Eles foram abordados na Rua Genaral Neto, no bairro Cohab C, quando trafegavam

pela via a bordo de um Hyundai/HB20. Com eles foram apreendidas 11 porções de maconha pesando aproximadamente 4kg, uma balança de precisão, três celulares e R$9.275,00 em dinheiro.


44

Folha

Política Política

QUINTA-FEIRA, 23 de maio 2019 SEGUNDA-FEIRA, 6 dede abril de 2020

Pelos bastidores da Política

L. Pimentel

“De longe, prêmio que a vida é a chance deNosso trabalhar “Brasil oé maior um país maravilhoso. Temoferece tudo para dar certo. grande problema a classe Bolsonaro) muito e se dedicar a algoé que valhapolítica”. a pena”.(Jair Theodore Roosevelt

pimentel.ddc@gmail.com

O IMPÉRIO CONTRA-ATACA

OPINIÃO FRENTE PARLAMENTAR EM DEFESA DA PIRELLI

de uma "gripezinha". Mesmo Parece nome de filme, tendo amenizado o tom de seu mas não é. Num momento em O desamor é pior discurso em um pronunciamenque o Brasil bate, dia após que um vírus. Um vírus to à nação na última semana, dia, recordes nos números de causa a morte após o quando reconheceu a gravidade contaminados e mortos pela sofrimento, o desadoCunha/CMG vírus, no final da semana covid-19, doença causada pelo João Flores da mor causa sofrimento ele voltou a fazer postagens e novo coronavírus, o presidente o Gaúcho da Geral. Na sessão do por uma vida inteira. comentários menosprezando a Jair Bolsonaro (sem partido) Também conversadia 17/5 a Câmara Um vírus te priva de pandemia. ram com o líder do voltou a trocar farpas com o aprovou a formaabraçar e beijar a quem ministro da Saúde, Luiz Henrigoverno na Assemção de uma Frente você ama momentaIMPÁCTOS NAdeputado Freque Mandetta. Em entrevista à bleia, Parlamentar em neamente, o desamor ECONOMIA rádio Jovem Pan, criticou o que derico Antunes (PP), Defesa da Pirelli. te priva de manifestar Especialistas avaliam que chama de "falta de humildade" e com o secretário Na terça-feira, 21, teus sentimentos mais seu argumentoestadual é que o de isolade seu auxiliar, mas negou os Desenvereadores foram à nobres e legítimos e te mento pode causar impactos boatos que circulam desde a volvimento EconôAssembleia Legisafasta de quem se ama maiores na economia, porém oRuy semana passada sobre a possímico e Turismo, lativa defender a para o resto da vida. próprio governo tem agido, vel saída dele da pasta. "Não Irigaray (PSL).com permanência da PiPara um vírus a ciência lentidão, para transformar em pretendo demiti-lo no meio da relli no Município. descobre a cura, para o realidade as medidas anunguerra, mas em algum momento OPINIÃO DA O presidente Cledesamor permanecem início da noite eleDimas extrapolou. alguns Seráciadas. COLUNA: difícil,No pois é notório quede várias bes Mendes (MDB), e os vereadores Costa(...) Em os mistérios inexpliquarta-feira, Bolsonaro, enfim, momentos, acho queempresas o Mandetta de âmbito internacional estão buscando (PSD), Paulo Silveira (PSB) e Roberto Andrade cáveis de um coração sancionou(aoelas, auxílio emergencial que ouvir mais alinhamentos o presiden- favoráveis claro), buscando (PP), acompanhados do presidenteteria do Sindicato combalido, doente, dide R$ 600 aos trabalhadores O Mandetta fazerpróprias valer sustentabilidades. Mas é necessário dos Trabalhadores da Borracha de te. Gravataí, Flávioquer suas lacerado, sem medicina sem carteira assinada. O benevontade dele. Pode ser pois lutar sempre, todo o esforço será válido para de Quadros, fizeram uma via sacramuito pelos agabique possa remediar. Um fício, que havia sido aprovado que ele esteja certo, mas está manter aqui empresas como Pirelli, General Motos netes de deputados estaduais para angariar apoio vírus é contagiante e se Congresso e foi humildade para ele de vital pelo e outras importância paranaasegunda economia do à causa. Os contatos foram com osfaltando deputados espalha rapidamente, o tema de atrito entre o ministro conduzir o Brasil neste momenMunicípio. Estaremos lado a lado! Dalciso Oliveira (PSB) e Juliano Franczak (PSD), desamor impede a poda Economia, Paulo Guedes, e o to", disse Bolsonaro. derosa força de criação presidente da Câmara, Rodrigo do amor e ceifa na raiz Maia (DEM-RJ), é uma aguarMANDETTA LACÔNICO sua disseminação. Um dada ação do governo federal A resposta de Mandetta foi vírus pode te isolar por para driblar a crise causada pela curta: "Quem tem mandato alguns dias, por uma pandemia. A demora, por parte popular fala. Quem não tem Governo municipal apressa quarentena, o desamor do governo, se deu devido à como eu, trabalha". A frase foi o passo para seu te cronote isola namanter escuridão, cautela em não tomar decisões dita à Folha, como justificativa grama. Já estão em processo faz sentir sozinho, iso- de do porque ele não comentaria a que, no futuro, pudessem render licitação: a construção dos trelado para sempre, sem acusações de ter cometido declaração do presidente. Duchos 1 epara 2 daacabar. EstradaOMunicipal, data que pedaladas fiscais, como as que rante o dia, Bolsonaro já havia no mata bairroa Neópolis; duplicação humanidade éo tiraram do poder a ex-presidente voltado a atacar os governadoda desamor, Ponte Morungava (sobre o é o egoísmo. Dilma Rousseff (PT). res por conta das medidas de Arroio Demétrio/Rua E mata da maneira Papa mais João restrição tomadas por alguns XXIII - continuação da Avenida cruel, mantendo-nos MINIMIZAÇÃO DO deles — o que classificou como Arthur José Soares) e asfaltavivos para percebermos IMPÁCTO "medinho". Os comandantes mento de 1,2capacidade quilômetros da limpo na praça. Os frutos estão de R$ 8,8 milhões com o Banco a incrível O auxílio emergencial é uma dos estados das regiões Sul e Estrada Lino Estácio dos Santos, sendo colhidos pela comunidado Brasil, em um financiamento humana de desamar. das ações mais aguardadas pelade Sudeste, por sua vez, anunciano Rincão daaproveitemos Madalena, na Avede”. Marco Alba fez questão cujo limite operacional chega Então, população para minimizar o ram que pretendem apresentar nida dasmomento Acácias ecrucial Rua Jardim aos R$ 20 milhões. Ao comentar frisar que o trabalho é facilitado este impacto negativodo na corpo economia, uma petição conjunta contra o do pelo Paraíso. Para que essas obras pela qualidade técnico sobre o assunto, Alba lembrou: qual passamos, fruto do avanço da doença e do presidente, no STF (Supremo possam ser realizadas, do município na viabilização “conseguimos esses recursos para rever nossos o prefeito Tribunal isolamento social proposto pela Federal), à qual os Marco Alba assinou um contrato porque estamos com o nome dos projetos. conceitos para reaproOrganização Mundial de Saúde governadores da região Centroximarmo-nos de nossos (OMS) e pelo próprio Ministério -Oeste podem aderir. amigos, de nossos da Saúde para conter o vírus. familiares, enfim, das Mandetta diz que a dinâmica UMA GRIPEZINHA pessoas em geral. Aprosocial diminuída, e que esta Em todos esses episódios, veitemos também para é a melhor forma de conter a está o ponto central da vez: repensarmos nossas propagação do novo coronavírus Bolsonaro é contra as medidas atitudes a fim de que Trata-se dedeDimas pelopartidos, país. isolamento social e repetidade vários Dimas disse estar Costa, anunciado obtenhamos um mundo mente minimiza durante a inauguração da sede os doefeitos PSD. da preparado para medir forças com o que melhor, mais promissor A BUSCA POR de fazer pandemia que já contaminou chamou de “velhas formas Ante a presença de próceres estaduais para todos. EQUIPAMENTOS 1 milhão de pessoas em todo política”. Ressaltou que a cidade tem o do partido e de uma plateia integrada insistência nesse ponto se Para locais ele, trata-se direito deAescolher o seu próprio destino. por militantesoemundo. ex-políticos

PACOTÃO DE OBRAS VIÁRIAS

GRAVATAÍ: SURGE PRIMEIRO NOME À SUCESSÃO MUNICIPAL

OAB debate reforma da Previdência Uma audiência pública acontece na segunda-feira (27) no auditório da Câmara de Cachoeirinha. Assunto: reformapreocupação" da Previdência. Organizado pela Esà pandemia do Comissão novo coronadá pela "grande pecial de Segurança Social da OAB/RS com participação vírus. “A gente vai junto com que Mandetta tem expressado de:dias Jair em Soares, ex-governador do Estado, Tiagoanunciar Beck pastores e religiosos nos últimos relação à Kidricki, presidente da Comissão de Seguridade Socialao para pedir um dia de jejum capacidade do sistema de saúde da OAB/RS, Cláudio—Martinewski, desembargador povo brasileiro em nomedo de que em atuar durante a pandemia TJ/RS, ea Nereu Crispim, deputado e presidente o Brasil federal fique livre desse mal o e a pasta chegou encomendar do PSL. mais rápido possível”, disse o um estudoestadual em Harvard sobre presidente. isso. Se já há falta iminente de equipamentos e de leitos de UTI VOLTANDO AOS (unidades de terapia intensiva) ATAQUES agora, em que os casos se conEm conversa com apoiadores centram nas capitais, a situação na sexta-feira (3), nos portões tende a tornar-se ainda pior com do Palácio da Alvorada, Jair o avanço da covid-19 rumo ao Bolsonaro voltou a atacar os interior do país. governadores. Essa "é questão dos governadores", retrucou a O AVANÇO É INEGÁVEL um empresário bolsonarista de No início de março, uma camisa amarela, acrescentando única cidade, São Paulo, regisque “não pode fechar dessa matrava casos confirmados. Hoje, neira". Bolsonaro afirmou ainda eles estão presentes em todos os que as medidas adotadas pelo estados e no Distrito Federal, e governador de São Paulo, João já há registros de transmissão Doria no combate à pandemia comunitária em municípios fora do coronavírus, configuram crida zona metropolitana. É justame de “terrorismo”. Bolsonaro mente nessas regiões que, tradinão falou com os jornalistas, só cionalmente, há menos leitos de com seus apoiadores. Mais uma UTI, carência de profissionais e vez comparou o novo coronavíequipamentos, o que torna mais rus à chuva, dizendo que "esse preocupante a possibilidade de vírus vai molhar 70% de vocês, colapso no sistema de saúde. isso ninguém contesta (...) Desses 70% uma pequena parte que A CURA PELO JEJUM são idosos e quem tem problema Enquanto o povo passa de saúde vai ter problema sério. fome, Bolsonaro acha que vai Vai passar por isso também”. curar o coronavírus com jejum Ao grupo bolsonarista ele coletivo. Alvo de panelaços assegurou: "a opinião pública diários, Jair Bolsonaro convoca está vindo para o nosso lado". jejum ao lado de pastores evanencontro,da realizado portão gélicos que querem reabrir seus - OOpresidente Entre tapas e beijos Câmara,noRodriPalácio do Alvorada, com templos para voltarque a arrecadar go Maia, vive um idíliodomeio cavernoso com Bolsoe orações, seus dízimos. ponto mais passadasermões, naro,Odisse semana em Novaaclamações York que apesar de tornou-sevai umfazer cultoa neopentecosgrotesco da entrevistaatrapalhar, concedidao Congresso o Governo reforma tal. A conversa com os apoiapor Jair Bolsonaro à rádioAJoven da Previdência. ironia: Bolsonaro fala contra a “velha dores foi toda pontuada por Pan foi uma proposta de jejum política”, mas como não se mexe, deixa o Centrão fazer expressões de cunho evangélico, religioso opara que o país “fique que acha melhor. Quem não tem cão, caça com o gato! louvação a Deus e a Bolsonaro. livre desse mal”, em referência

Altos e baixos das terras tupiniquins

** Os Os textos são dede responsabilidade de seus textosassinados assinados são responsabilidade de autores e não emitem a opinião do jornal seus autores e não emitem a opinião do jornal

Diário Diário Publicação da empresa Jornal Diário Oficial Publicação da empresa Jornal Diário MunicípiosLtda Ltda ME ME Oficial dosdos Municípios CNPJ nº 08.070.493/0001-48 CNPJ nº 08.070.493/0001-48 Registro 39987do dolivro livro A-4 A-4 Registro nº nº 39987 51- 3497.1078 3497.1078 www.2mnoticias.com.br folhadecachoeirinha@gmail.com 51www.2mnoticias.com.br folhadecachoeirinha@gmail.com Fundação: 15 de janeiro de 2013 Fundação: 15 de janeiro de 2013 Av. Dorival Luz denºOliveira, 6125 - São Vicente Av. Dorival Cândido LuzCândido de Oliveira, 6125 -nº São Vicente - Gravataí/RS - Brasil

Diretor Menezes Diretorgeral: geral:Moacir Moacir Menezes Departamento Comercial: Adilson Mendes Filiado: Filiado:

Folha

Diagramação: Jacson Dantas e Filipe Foschiera Redação/Diagramação: Redação: Filipe Foschiera Filipe Foschiera e Jacson Dantas


Folha

Geral Geral

SEGUNDA-FEIRA, 6 de6abril de 2020 Segunda-feira, de abril de 2020

Gabbardo: “todo mundo vai ter contato com o vírus”

55

Em outros países, 86% das pessoas não apresentaram sintomas

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo, afirmou em entrevista coletiva no Palácio do Planalto, em Brasília, que é provável que o novo coranavírus alcance toda a população. O contágio não quer dizer, no entanto, que todas essas pessoas desenvolverão os sintomas da doença. Conforme histórico da disseminação da doença, já observado em outros países, 86% das pessoas que entraram em contato com o novo coronavírus não apresentaram nenhum problema de saúde decorrente. Os 14% restantes tiveram que procurar hospitais, desses alguns

foram internados, alguns em unidades de terapia intensiva, e uma fração veio a óbito. A atual taxa de letalidade no Brasil é de 4,2% dos casos notificados. “Todo mundo vai ter contato com o vírus. O que a gente precisa é ter tempo”, disse Gabbardo se referindo à necessidade de ampliação de atendimento, preparação de mais leitos e equipamento de mais unidades com respiradores artificiais. Preocupa o secretárioexecutivo riscos de sobreposição da covid-19 com eventual aumento de gripe por influenza (H1N1) comum no inverno brasileiro. O país

Marcello Casal JrAgência Brasil

já iniciou a campanha nacional de vacinação anual contra a gripe. Segundo o secretárioexecutivo, como ocorre em outras doenças, o organismo de muitas pessoas que venham a entrar em contato com vírus reagira produzindo a autoimunidade, o que no futuro, junto com tratamentos e uma vacina a ser desenvolvida, favorecerá a não mais disseminação massiva da doença como ocorre atualmente no Brasil e em outros países. “O fluxo de transmissão começa a diminuir quando já tiver 50% [da população] imunizada”, explicou Gabbardo. ABr

Luciana Genro defende fila única de leitos públicos e privados para o coronavírus Rio Grande do Sul. A medida tem sido proposta por especialistas em saúde no país e já foi adotada na Espanha e na Irlanda. O PSOL também ingressou com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo que a Corte autorize o SUS a controlar

leitos de UTI da rede privada enquanto durar a pandemia. “Não é possível que em meio a uma pandemia haja separação entre público e privado no atendimento às pessoas. Todos os esforços para salvar vidas devem ser adotados, sem distinções”, disse a deputada.

Guerreiro/ALRS/Divulgação

A deputada estadual Luciana Genro (PSOL) enviou um ofício à Secretaria Estadual de Saúde solicitando informações a respeito da estrutura de atendimento no Estado e defendendo a adoção de um sistema de fila única para leitos públicos e privados no combate ao coronavírus no

micro e pequenas empresas terão 90 dias para pagar icms do simples nacional Atendendo a pedido do governo do Estado, o Comitê Gestor do Simples Nacional (CGSN) autorizou a prorrogação dos pagamentos relativos ao ICMS de empresas gaúchas apurado no Programa Gerador do Documento de Arrecadação do Simples Nacional Declaratóiro (PGDAS-D). Com isso, o ICMS que seria pago em abril, maio e junho terá vencimento prorrogado para julho, agosto e setembro de 2020, respectivamente. O prazo de 90 dias foi autorizado pelo CGSN para Estados e municípios em reunião realizada nesta sextafeira (3/4), em Brasília. As orientações sobre os procedimentos operacionais a serem adotados pelos

contribuintes devem ser divulgadas pela Receita Federal. Esses três meses valem apenas para o ICMS apurado dentro do regime simplificado. No Rio Grande do Sul são cerca de 206 mil empresas no Simples Nacional que terão a quase totalidade do ICMS devido prorrogada. Com a medida, a Secretaria da Fazenda estima que R$ 60 milhões brutos por mês em ICMS terão prazo de pagamento revisado. Também foi deliberado na reunião que Microempreendedores Individuais (MEI) de todo o país terão prazo ampliado para 180 dias para os vencimentos dos tributos. Para os tributos federais incluídos no Simples

Nacional, o pagamento já havia sido postergado pelo Comitê por 180 dias em decisão de 18 de março para minimizar os impactos econômicos da pandemia do coronavírus. O pedido do Estado foi anunciado pelo governador Eduardo Leite na semana passada como mais um esforço para implementar medidas que estão ao alcance do Estado. “É uma proposta para uniformizar a situação do Rio Grande do Sul à nova realidade nacional, sugestão que vinha sendo discutida com outros Estados também”, disse o subsecretário da Receita Estadual, Ricardo Neves Pereira, explicando que a decisão não poderia ser tomada de forma isolada pelo Rio Grande do Sul ou por outros Estados, pois

todas as resoluções do Simples Nacional são de responsabilidade do CGSN. O secretário da Fazenda, Marco Aurelio Cardoso, explica que essa solicitação do Estado faz parte do conjunto de medidas adotadas para auxiliar a economia. “Não temos autonomia para decidir sobre essa situação isoladamente, mas propusemos a alternativa ao Comitê do Simples Nacional, de acordo com a orientação do governo para se busque todas as medidas possíveis dentro da realidade do Rio Grande do Sul em benefício da economia”. No mês passado, a Receita Estadual anunciou modificações processuais, suspensões de prazos e prorrogações de regimes.

SIMPLES NACIONAL Implica o recolhimento mensal, mediante documento único de arrecadação, dos seguintes tributos: • Imposto sobre a Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ) • Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) • Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) • Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) • Contribuição para o PIS/Pasep • Contribuição Patronal Previdenciária (CPP) • Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e Sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS) • Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS)


6

SEGUNDA-FEIRA, 6 de abril de 2020

Folha

Cultur a

MÁSCARAS CASEIRAS PODEM AJUDAR A EVITAR TRANSMISSÃO DA DOENÇA COM A DISSEMINAÇÃO DO CORONAVÍRUS (COVID-19) POR TODOS OS ESTADOS DO PAÍS E A FALTA DE MÁSCARAS PARA REDUZIR A TRANSMISSÃO DA DOENÇA, MUITAS PESSOAS COMEÇARAM A PRODUZIR AS SUAS PRÓPRIAS, COM DIFERENTES TIPOS DE TECIDOS Com a disseminação do coronavírus (Covid-19) por todos os estados do país e a falta de máscaras para reduzir a transmissão da doença, muitas pessoas começaram a produzir as suas próprias, com diferentes tipos de tecidos. Com isso, o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, explica que essas máscaras feitas em casa podem ajudar a combater a propagação do coronavírus. “Servem perfeitamente bem e têm função de proteção tão boa quanto qualquer outra. E vocês podem fazer a reutilização, lavar com hipoclorito, ou podem até mesmo usar descartável”, destacou

Mandetta. De acordo com o ministro da Saúde, essas máscaras são uma proteção para as pessoas que precisam sair do isolamento ao mesmo tempo que ajuda o Governo a abastecer os profissionais de saúde com equipamentos mais poderosos. “O pessoal que está na parte de menor contato, que fica mais na questão do isolamento social – mais no distanciamento –, mas que precisa do reforço de barreira por conta da profissão, por conta da atividade. O que a gente acha também que vai ser mais uma das condicionantes para que a gente possa abastecer o sistema de

saúde e ao mesmo tempo manter um padrão social equilibrado”, disse o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta É importante destacar que as investigações sobre as formas de transmissão do coronavírus ainda estão em andamento, mas a disseminação de pessoa para pessoa, ou seja, a contaminação por gotículas respiratórias ou contato, está ocorrendo. Qualquer pessoa que tenha contato próximo, em cerca de um metro, com alguém com sintomas respiratórios está em risco de ser exposta à infecção. Para mais informações, acesse: saude.gov.br/ coronavirus.

Pedro Callloni lança single ‘grunge’ com banda de jazz de Los Angeles

CANTOR RAFAEL ALLMARK LANÇA NOVO ÁLBUM COM DEZ FAIXAS

‘Jam session’, é um termo em inglês muito utilizado entre os músicos para definir um encontro em que tocam de improviso e sem compromisso. No entanto, o resultado pode ir além do passatempo quando os músicos são de alta qualidade. É o caso do trio de jazz Free J Boosie, de Los Angeles, que o carioca Pedro Calloni participa como baterista e engenheiro de mixagem. O trio lançou um novo single na sexta(3) em todas as plataformas de streaming através da Blondie Beach Records.Movidos pelo gênero grunge dos anos 90, o trio formado por Calloni e seus amigos Justin Esposito, no contrabaixo e Nathan Foley, na guitarra, mantém o ritmo das suas referências musicais, contextualizadas no jazz. Ainda que a novidade não esteja disponível, uma palhinha de ‘Heart –Shaped Box’, cover de Nirvana, pode ser conferida no Instagram do trio instagram.com/freejboosie/ Com o apoio dos pais, Pedro Calloni começou cedo seus estudos de música, no Centro Musical Antonio Adolfo, no Rio de Janeiro, tendo a bateria como seu primeiro instrumento. Como conhecimento adquirido, passou de aluno para professor. Hoje é produtor, engenheiro de áudio e multi instrumentista, formado pela Berklee College of Music, em Boston, em Music & Production & Engineering. Atualmente, mora em Los Angeles e trabalha no The Village Studios, onde já passaram Lady Gaga, Elton John, Rolling Stones, Madonna, Bob Dylan e John Mayer (que até pouco tempo mantinha seu próprio estúdio lá) entre muitos outros.

"R" é o título que recebe o novo álbum do cantor e compositor Rafael Allmark lançado nesta sexta-feira, dia 3 de abril. O trabalho foi disponibilizado em todas as plataformas online e já ultrapassa 148 mil execuções no Spotify. “R” conta ao todo com dez faixas, dentre os destaques estão as músicas “Fugir”, “No Mesmo Lugar”, “Vai Se Levantar” e a inédita “Meu Bem”. Todas as faixas são de autoria de Rafael Allmark e conta com a produção dos beatmakers Pacific, Mixtapesoul e Headmedia. Desde muito novo Rafael Allmark circulou pelo cenário musical da sua cidade natal (Porto Alegre/ RS), o que proporcionou uma certa visibilidade em seu trabalho, conseguindo chegar em mais regiões do Brasil. Em 2018 lançou seu primeiro disco surpreendendo o público com as músicas “Abraço” e “Vida”, contando com participação e apoio de ninguém menos do que Caetano Veloso, que o segue orientando até os dias atu-

ais! O disco seguia o estilo Folk/MPB, e alcançou a marca de mais de 1 milhão de execuções em apenas um mês no Spotify. No mesmo ano realizou uma turnê chamada “Histórias” por todo o Brasil, tendo duração até o final de 2018. Em 2019 a mudança de estilo chegou; Rafael deixou de lado o estilo MPB para abraçar o pop, lançando o EP “Rafael Allmark”, com faixas como “Fugir”, “Refém” e “No Mesmo Lugar” que vieram a ocupar por muitos dias o top 200 das músicas mais executadas do Spotify Brasil, somando juntas mais de 3 milhões de execuções nas plataformas digitais Apple Music, Spotify e Deezer. Falando em números, atualmente Rafael Allmark soma quase 2 milhões de ouvintes mensais no Spotify e mais de 300 mil seguidores no Instagram. Com o recente single lançado de “Vai Se Levantar”, já são mais de 110 mil execuções no Spotify em apenas 15 dias. O clipe oficial da faixa está disponível no YouTube.

Natalia Briddi/Divulgação


Folha

PRIMEIRO ATLETA NO PAÍS COM COVID-19 SE RECUPERA E VOLTA AOS TREINOS Primeiro atleta em solo brasileiro contaminado pelo novo coronavírus (covid-19), o pivô Maique, do Paulistano, está recuperado e foi liberado pelos médicos a voltar aos treinamentos que vinha realizando em casa, durante a paralisação do Novo Basquete Brasil (NBB). O principal campeonato nacional foi interrompido em função do combate à pandemia de covid-19. Ainda não há previsão de retorno dele às quadras - a competição continua suspensa e será retomada diretamente no mata-mata. "Isso (volta aos treinos) me deixou feliz, estava com saudades. Tenho com uma rotina de dois períodos por dia. Tive até que mudar a cama de lugar (risos)", conta o jogador de 26 anos, que foi diagnosticado com a covid-19 no último dia 19. "Tive um pouco de dor de cabeça, bastante dor no corpo, resfriado, dor de garganta e comecei a tossir. Cheguei a passar uma noite inteira sem dormir, senti um calafrio muito grande no corpo", relata. Apesar de recuperado, Maique segue isolado até dentro de casa. "Está sendo difícil ficar sozinho no quarto, mas minha mãe está comigo, em um cômodo separado. Ela tem sido minha base e me ajudado muito", destaca o atleta. "Quando contei (sobre a contaminação), ela e meus amigos ficaram preocupados. Mas, os médicos me passaram confiança. Fiquei firme, com fé em Deus, e isso me manteve positivo", relembra. Com a experiência de quem sentiu na pele o novo coronavírus, Maique pede que as pessoas olhem, principalmente, pelos idosos em meio à pandemia. "Eles estão na área de risco. Queria que todos se cuidassem, tomassem cuidado e seguissem os médicos. Fiquem em casa e façam a higienização correta", conclui. O último jogo de Maique foi no último dia 9, na derrota do Paulistano para a Unifacisa, em Campina Grande (PB), por 101 a 90, partida válida pela 19ª semana do NBB. Na ocasião, o pivô atuou por cerca de 15 minutos e, nos quatro períodos da partida, anotou seis pontos, cinco rebotes e duas assistências. Os dois clubes orientaram atletas, comissão técnica e funcionários a seguir a quarentena após a revelação do caso de coronavírus.

7

DIRIGENTE DO INTER FAZ ALERTA SOBRE FUTURAS NEGOCIAÇÕES:

"NÃO VOU VENDER ILUSÃO"

Em entrevista concedida à Fox Sports, o gerente de futebol do Internacional, Rodrigo Caetano, comentou sobre a atuação do clube no mercado em meio à pandemia do coronavírus. O dirigente opta pela cautela, pois prevê prejuízos financeiros com a paralisação do futebol. Perguntado sobre o interesse do Colorado no meia argentino Franco Cervi, Rodrigo Caetano afirmou: "Óbvio que, no início do ano, tinha possibilidade até do Benfica de emprestar o Cervi. Hoje a possibilidade é zero, eu não vou aqui fugir da responsabilidade, não vou vender ilusão". "Precisamos sobreviver. Que bom que conseguimos montar o elenco. Se tivesse uma necessidade agora, ficaríamos assim. Hoje vou lutar pra cumprir os compromissos com atletas e funcionários. Conseguimos montar esse time com muita criatividade. O Inter precisa vender no meio do ano. O maior desafio, antes de trazer, será vender. O Internacional precisaria fazer até 2 vendas. O desafio maior vai ser manter o que já temos", completou o gerente de futebol. Além de possíveis transferências, Rodrigo Caetano falou

sobre a possibilidade de renovar com Rodrigo Dourado, que atualmente se recupera de lesão: "Rodrigo Dourado é fundamental, um garoto espetacular, grande profissional, formado aqui, é uma referência para nós. Nossa expectativa é boa. A lesão dele não foi simples, lesão óssea, difícil. A gente espera que quando retornar, retorne de vez. Esperamos que

tenha vida longa no Internacional. Ele estava com a recuperação bastante boa, mas vai passar por período de transição". A pandemia do coronavírus não tem impactado apenas nas finanças do Internacional. Diversos clubes do Brasil e do mundo têm discutido reduções salariais e cortes de gastos durante a paralisação.

UEFA DEFINE 3 DE AGOSTO COMO LIMITE PARA FINAL DA LIGA DOS CAMPEÕES A final da Liga dos Campeões da Europa tem o dia 3 de agosto como data limite. Esta declaração foi dada pelo presidente da Uefa (entidade máxima do futebol europeu), o esloveno Aleksander Ceferin, em entrevista à emissora alemã ZDF. Contudo, o dirigente afirmou que tudo vai depender do controle do novo coronavírus (covid-19) dentro do velho continente. Segundo Ceferin, há um estudo para realizar as quartas de final e as semifinais em jogo único.

CAMPEÃO OLÍMPICO ANUNCIA RECUPERAÇÃO DO NOVO CORONAVÍRUS O nadador sul-africano Cameron Van Der Burgh, medalhista olímpico de ouro na prova dos 100 metros estilo peito, afirmou “estar se sentindo 100% novamente” após ser diagnosticado com o novo coronavírus (covid-19) no final de março. A informação foi divulgada pelo site norte-americano especializado em natação SwimSwam. Van Der Burgh, que ficou com o ouro olím-

SEGUNDA-FEIRA, 6 de abril de 2020

Esporte

pico nos Jogos de 2012 (Londres) e com a prata quatro anos depois, no Rio de Janeiro, foi o primeiro nadador de renome internacional a divulgar que tinha testado positivo para coronavírus. Segundo o atleta sul-africano, este foi: “De longe o pior vírus que já enfrentei”. Ele afirmou que demorou cerca de três semanas para sentir-se totalmente de volta ao normal.

As partidas poderão ser simultâneas a jogos de campeonatos nacionais de forma a que se cumpra o prazo. Há ainda a hipótese de estas fases decisivas acontecerem com estádios vazios e portões fechados. Porém, não existe consenso sobre esta medida dentro da Uefa e o próprio Ceferin afirmou que prefere a presença de público. A final da atual edição da Liga dos Campeões da Europa está programada para ser disputada em Istambul (Turquia).

COI E FIFA ALTERAM LIMITE DE IDADE NO FUTEBOL OLÍMPICO O Comitê Olímpico Internacional (COI) e a Federação Internacional de Futebol (Fifa) decidiram, em comum acordo, alterar de 23 para 24 anos o limite da idade para o futebol masculino. A regra vai valer apenas esta edição dos Jogos de Tóquio, já adiados para julho de 2021 por conta da pandemia do novo coronavírus (covid-19). A razão fundamental para esta mudança foi contemplar os atletas nascidos em 1997, que, ao completarem 23 anos em 2020, seriam prejudicados com o adiamento da competição para o próximo ano. No

acordo entre as entidades permanece a possibilidade de três atletas, sem limite de idade, defenderem as seleções nacionais nos Jogos Olímpicos. Atual campeão olímpico, o Brasil poderia sofrer várias baixas caso esta alteração não acontecesse. Tomando por base a última convocação do treinador da seleção olímpica, André Jardine, o país poderia ficar sem 11 dos 23 atletas relacionados. Segundo lugar no pré-olímpico da Colômbia, o Brasil, ao lado da Argentina, já tem vaga confirmada e vai tentar a segunda medalha de ouro consecutiva na modalidade.


88

SEGUNDA-FEIRA, 6 de abril de 2020 Segunda-feira, 6 de abril de 2020

Folha

Esporte Geral

Estado rEcEbE tEstEs rápidos para auxílio diagnóstico da covid-19

O Rio Grande do Sul recebeu 48,9 mil testes rápidos sorológicos para auxílio ao diagnóstico da Covid-19. Uma parte (20 mil unidades) será enviada à Universidade Federal de Pelotas (UFPel), para pesquisa, e outra parte (28.940) será aplicada em profissionais das áreas da saúde e da segurança, de acordo com protocolo em elaboração pela Secretaria da Saúde (SES). O protocolo deve ser aprovado nesta segunda-feira (6/4), durante reunião por videoconferência do Centro de Operações de Emergência (COE). “Nossa previsão é publicar a nota técnica com

Marília Bissigo / Ascom SES

esclarecimentos do uso

dos testes já na segunda-

-feira”, disse a chefe da

Divisão de Vigilância Epidemiológica do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs), Tani Ranieri. O teste deve ser aplicado no décimo dia do início dos sintomas, como tosse, dificuldade para respirar, congestão nasal e dor de garganta. Tani esclarece que esse teste detecta a presença de anticorpos (IgG e IgM), que são defesas produzidas pelo corpo humano contra o vírus, e mostra o resultado em até 20 minutos. É necessária apenas a coleta de uma gota de sangue. Foi a primeira remessa de kits recebida pelo

Estado, de outras previstas para serem enviadas pelo Ministério da Saúde nas próximas semanas. Além dos testes rápidos, o Laboratório Central do Estado (Lacen) e outros laboratórios privados credenciados permanecem realizando os testes de biologia molecular, capaz de identificar o coronavírus em pacientes logo no início da doença. Essa modalidade é usada para diagnosticar casos graves internados com a Covid-19 e em profissionais que estiverem em atendimento direto nos hospitais aos pacientes com síndrome respiratória aguda grave.

Com associações comerciais e federações, Polo busca soluções para crise social e econômica no RS O presidente da Assembleia Legislativa, Ernani Polo (PP), se reuniu na tarde de sexta-feira (3/4), por meio de uma videoconferência, com os presidentes da Federasul, Simone Leite, da Fecomércio, Luiz Carlos Bohn, e de associações comerciais e industriais da Fronteira Noroeste e Missões em busca de soluções para a crise social e econômica que se anuncia com a chegada da pandemia do coronavírus ao Rio Grande do Sul.

A ideia é ouvir sugestões e chegar a mecanismos para minimizar dificuldades em diversos setores econômicos. Simone e Bohn parabenizaram o presidente do Parlamento pela iniciativa da reunião, que complementa o trabalho já em andamento no Fórum que conta com lideranças empresariais e políticas do Estado. Os participantes relataram dificuldades de diferentes setores das regiões devido às restrições impostas

Joel Vargas/Divulgação/ALRS

pelo isolamento social devido ao coronavírus. “Estamos muito preocu-

pados com a saúde das pessoas, atentos para as recomendações das

autoridades da área da saúde, mas precisamos buscar alternativas para os setores econômicos funcionarem”, comentou Polo. Nesta semana, a Fecomércio apresentará um protocolo de procedimentos para o comércio reabrir. Atualmente, as atividades estão suspensas por decreto estadual até 15 de abril, podendo operar apenas serviços considerados essenciais, como supermercados e farmácias. O grupo questiona que

alguns estabelecimentos podem funcionar com certa aglomeração de pessoas e outros, de pequeno porte, precisam ficar de portas fechadas, gerando desemprego. Nesta segunda-feira, na 4ª reunião do Fórum de Combate ao Colapso Social e Econômico, irão participar representantes de três bancos públicos do Estado – o Banrisul, o BRDE e o Badesul – para que abordem suas ações para os clientes e empresas gaúchas.

Obra do viaduto da ERS-040 é concluída O governo do Estado concluiu, sexta-feira (3/4), o viaduto da ERS040, em Viamão. A obra, executada pela Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), vinculada à Secretaria de Logística e Transportes, soluciona um ponto crítico no entroncamento com a ERS-118. Em época de pandemia de coronavírus, a inauguração ocorreu de forma remota, por videochamada, com o governador Eduardo Leite no Palácio Piratini e a equipe da EGR no local. “A conclusão desse viaduto devolve à população desta região os valores que são recolhidos no pedágio e signifi-

Divulgação/EGR

cará deslocamento mais rápido, sem congestionamento por ter de esperar pelo semáforo. Mas, mais do que isso, é uma obra que trará segurança para a população que circula por aqui”, disse o governador Eduardo Leite. A elevada

conta com investimento de R$ 20 milhões, oriundos da praça de pedágio de Viamão. A primeira pista do viaduto já havia sido entregue em dezembro do ano passado pelo governador, acompanhado do secretário Costella

e do diretor-presidente da EGR, Urbano Schmitt. A medida permitiu que o tráfego de motoristas sobre o viaduto fosse liberado nos dois sentidos para a temporada de verão. "A estrutura foi construída em pista dupla, já considerando uma futura duplicação da rodovia", acrescenta Schmitt. "É uma obra de vital importância, que reestrutura o tráfego em uma das principais saídas de Porto Alegre." Entre dezembro e março, foram concluídos os trabalhos finais, permitindo a liberação das alças para outros movimentos de tráfego, interligando a ERS-040 à ERS-118.


Folha

Cidade

SEGUNDA-FEIRA, 6 de abril de 2020

9

CACHOEIRINHA INVESTE EM EQUIPAMENTOS E NA CONTRATAÇÃO DE PROFISSIONAIS DE SAÚDE MUNICÍPIO REALIZOU A CONTRATAÇÃO DE MÉDICOS E O HOSPITAL DE CAMPANHA ESTÁ RECEBENDO OS LEITOS com o valor mensal de R$ 539 mil, pagos através de dotação orçamentária da Prefeitura, referente à manutenção dos serviços de pronto atendimento. Conforme o secretário de Saúde, Dyego Matielo, o hospital de campanha está quase pronto, recebendo os leitos. “Estamos bem organizados para receber pacientes do nosso município ou até mesmo dos municípios vizinhos, caso seja necessário”, relata o titular da pasta. O Fórum de Cachoeirinha doou R$ 45 mil

DECRETO DO ESTADO REITERA MEDIDAS DE PREVENÇÃO AO VÍRUS A Prefeitura de Cachoeirinha emitiu o Decreto Nº 6860, de 2 de abril de 2020, reiterando o estado de calamidade pública no município em razão do coronavírus. A medida mantém o fechamento dos estabelecimentos comerciais e de serviços, com exceção das atividades consideradas essenciais, tais como supermercados, farmácias, postos de gasolina, serviços relacionados à saúde, distribuidoras de água e gás, bancos, lotéricas, ferragens, salões de beleza, entre outros. O Decreto está disponível na íntegra na Edição Extra do Diário Oficial do Município do dia 02 de abril de 2020. Na quarta-feira, 1º de abril, o Estado do Rio Grande do Sul havia publicado o Decreto Nº 55.154 que também ratificou o estado de calamidade pública e estabeleceu a adoção de medidas obrigatórias de prevenção e enfrentamento ao coronavírus em todo o território gaúcho. Isso inclui além do isolamento social, das medidas de higiene e de etiqueta respiratória, também o fechamento dos estabelecimentos comerciais e de serviços naquelas localidades em que ainda se encontravam abertos, guardadas as devidas exceções dos serviços essenciais, como os já mencionados. Importante lembrar que todos os estabelecimentos com permissão para funcionar deverão, obrigatoriamente, evitar a aglomeração de pessoas, devendo, se for o caso, criar mecanismos

Divulgação/PMC

para a compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e a Comissão de Gestores Bipartite do Estado contemplou o município com um valor de R$ 386 mil para a Saúde, que também será utilizado na compra de EPIs. “Queremos garantir que todos os nossos profissionais de saúde estejam sempre equipados, para poderem atender a população adequadamente, além de preservar a sua própria saúde”, destaca o prefeito Miki Beier.

para tal, seguindo todos os protocolos de distância mínima (2 metros lineares) indicados, além de assegurar todos os processos recomendados de higienização tanto para as pessoas quanto para o local. Em caso de descumprimento aplicam-se, cumulativamente, as penalidades de multa, interdição total da atividade e cassação de alvará de localização e funcionamento, sem prejuízos de outras sanções administrativas, cíveis e penais. Conforme o decreto estadual, o fechamento dos estabelecimentos comerciais será válido até o dia 15 de abril. As demais medidas vigorarão até o dia 30 de abril. Caberá aos municípios determinar a fiscalização, pelos órgãos municipais responsáveis, acerca do cumprimento das proibições e das determinações estabelecidas. Os municípios não poderão criar determinações que conflitem com as disposições estabelecidas no Decreto Estadual Nº 55.154, mas podem criar medidas suplementares a este. “Na prática, vai mudar pouco a situação que está estabelecida em Cachoeirinha, pois nós já estávamos adotando as restrições comerciais e de circulação visando ao combate do coronavírus. Inclusive, fomos um dos primeiros municípios a decretar estado de calamidade pública, o que permitiu nos anteciparmos nessas questões de prevenção”, esclarece o prefeito Miki Breier.

FRENTE PARLAMENTAR SE REÚNE COM SECRETÁRIO DA SAÚDE E ENTIDADES CIVIS Buscando propor ações de combate e prevenção ao coronavírus (Covid-19), a Frente Parlamentar de Enfrentamento ao Covid-19, se reuniu com o secretário municipal de Saúde, Dyego Matiello e representantes das principais entidades civis da cidade, subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Centro das Indústrias de Cachoeirinha (CIC), Observatório Social e Rotary Industrial. O presidente da Frente Parlamentar, vereador Alcides Gattini fez a abertura dos trabalhos, fazendo um relato da importância da presença das entidades civis ao encontro, para que juntas possam contribuir com as ações necessárias para o enfrentamento da pandemia na cidade. Ele convidou o secretário Dyego para fazer um resumo das ações da prefeitura no combate ao Covid-19. Dyego informou sobre a montagem do hospital de campanha no ginásio municipal, além de informar a vinda de quase R$ 400 mil por parte do governo federal. Dyego reforçou a importância do isolamento social, que deve ser seguido por todos. O vereador Marco Barbosa informou que um empresário da cidade colocou à disposição da prefeitura um prédio com salas climatizadas, para que seja usado no combate ao coronavírus.“Se a prefeitura tiver interesse, esse empresário está cedendo temporariamente o prédio,

André Guterres/CMC

Para enfrentar a pandemia do coronavírus, Cachoeirinha está investindo na contratação de profissionais de saúde, na compra de equipamentos e na criação de um hospital de campanha. O município realizou a contratação emergencial de médicos, clínico geral, pediatra e responsável técnico, para atuarem em regime de plantão na UPA 24h. A contratação se deu através de empresa especializada na prestação de serviços médicos, pelo período de 180 dias,

que fica bem localizado e próxima da Avenida Flores da Cunha”, comentou Marco. A representante do Observatório Social, a advogada Jaqueline Santos, pontuou que medidas precisam ser tomadas rapidamente para atender as famílias carentes que já sentem os impactos do isolamento. “O Poder Público tem de ter uma central de distribuição de alimentos, pois não podemos deixar que um estado de pânico tome conta da população”, comentou Jaqueline. Além disso, ela apresentou um plano de contingência onde a prefeitura economizaria mais de R$ 4 milhões em seis meses com a redução dos gastos com a limpeza urbana da cidade. Esse dinheiro seria investido na compra de alimentos. Para Tarcis Dornelles, presidente da OAB subseção Cachoeirinha, é preciso achar um meio termo para preservar vidas e também a economia. Pois uma tomada de decisão em conjunto, só fortalece a sociedade. José Airton Venso, presidente do Centro das Indústrias de Cachoeirinha

(CIC), entende que é de extrema importância cuidar da saúde dos grupos de risco e das crianças. Ele entende que o isolamento vertical seria o caminho mais adequado para preservar a vida das pessoas e manter a economia da cidade em funcionamento. Para o representante do Rotary Industrial, Airton Espíndola, é muito importante que nesse momento, campanhas de recolhimento de doações de alimentos sejam centralizadas no Banco de Alimentos, para evitar falhas na distribuição e para garantir que as doações cheguem a quem realmente precisa. O presidente da Câmara de Vereadores, Edison Cordeiro, fez o relato de que o Poder Legislativo sugeriu para a Prefeitura a criação de um fundo específico para o combate ao Covid-19. Assim a Câmara Municipal poderia repassar recursos que seriam usados exclusivamente em ações contra a pandemia. Também estiveram presentes os vereadores Duda Keller, Paulinho da Farmácia, Deoclécio Mello e Jacqueline Ritter.


SEGUNDA-FEIRA, 6 de abril deE 2020 10 SÁBADO E DOMINGO, 13, 14 15 DE DEZEMBRO DE 2019 8 SEXTA,

Geral Segurança

Folha Folha

SICREDI LANÇA PODCAST COM ANÁLISES SOBRE RS DEVE ENCERRAR 2019 COM O IMPACTO DO CORONAVÍRUS NA ECONOMIA MENOR TAXA DE HOMICÍDIOS DOS ÚLTIMOS 10 ANOS

Pelo site do Sicredi ainda é possível acessar a resedi” é comandado pelo economista-chefe da instituição, Comprometido com o desenvolvimento econômico nha financeira sobre como os mercados globais reagem Pedro Ramos, e aborda diariamente os reflexos da crise do Brasil e com o objetivo de contribuir com análises a aos fatos do dia, a nota econômica semanal e o resugerada pelo coronavírus na taxa cambial e no mercado respeito dos impactos na economia brasileira, gerados mo econômico mensal. Nas páginas da Sicredi União financeiro, além das medidas tomadas para minimizar a partir da pandemia do novo coronavírus, o Sicredi, impactos. Os podcasts são divulgados à noite, de segun- Metropolitana RS no Facebook: (https://www.facebook. instituição pioneira do cooperativismo de crédito no da a sexta-feira, no site do Sicredi (www.sicredi.com.br/ com/SicrediUniaoMetropolitanaRS/) e no Instagram: @ país, lançou um espaço exclusivo para podcasts sobre o sicrediuniaometropolitanars, os associados podem ficar economia) e também nas plataformas digitais Spotify, atual cenário econômico. por dentro de todas as novidades da cooperativa. O conteúdo “Análise do Dia – Um Podcast do Sicre- Deezer, Apple Podcasts e Google Podcasts. ram menos ataques de criminosos no mais, passando de dois para três latrocíregistradas em igual intervalo do ano anO ano de 2019 deve encerrar com os acumulado do ano. terior. Considerando apenas novembro, o nios no mês. menores índices de criminalidade dos Até o 11º mês, somando as ocornúmero caiu de 29, em 2018, para 18, no últimos 10 anos nos principais indicadorências de furto e roubo, houve 24,4% Ataques a banco reduzem 43,6% no mês passado. res acompanhados pela Secretaria da Semenos delitos contra estabelecimentos RS Na raiz dessas diminuições, está a esgurança Pública. No número de vítimas comerciais no Estado, passando de 9.948 Além dos crimes contra vida, as tratégia de foco territorial para combater de homicídios – considerado em todo o casos para 7.523. Também na compaações das forças de segurança também o crime onde ele mais ocorre. A partir do mundo como o fator mais importante no ração de períodos entre janeiro e notêm feito reduzir o número de delitos monitoramento da violência – a intensifi- estudo que identificou os 18 municípios vembro, considerando os roubos contra contra o patrimônio no Estado. Entre onde se concentravam a maior parcela cação das quedas mês a mês aponta para profissionais e usuáriospela do busca transporte os indicadores monitorados pela SSP, a das ocorrências – Porto Alegre incluída a consolidação da menor taxa de assascompromisso de sopresários tomassem decisão social sejam mantidas por um agora permaneçam por mais Os primeiros dias de restricoletivo, a baixa chegou a 30,9%, maior queda ocorreu nos ataques a es–, o programa RS Seguro implantou sinatos por 100 mil habitantes no Estado luções concretas e rápidas com para de fechar temporariamente o período de dois meses. tempo. ção à circulação de pessoas e 1.999 ocorrências neste ano anteempre2.892 tabelecimentos bancários. janeiro a Gestãofeita de Estatística desde 2010. social, em decoros problemas que essas negócio Entre e levou 26% a reduCom a expressiva queda A pesquisa, entre os em Segurança isolamento 2018. novembro, ocorrências na ciclo mensal e 54% edos Caso dezembro mantenha a mé- dias 20(GeSeg), sas em estão enfrentando no dia a a jornada de trabalho daregistradas nas vendas, empre- houvezir101 e 23 de março, junto ade avaliação rência do Coronavírus, já atinsoma que entre furtos eempresa. roubos a banco no planejamento mais de diagem dos o11equilíbrio meses anteriores, dedas 146,9 um universo dia da crise”, destaca Melles. endedores já preveem de 9.105integrado, donos na qual financeiro QUEDA RS,empréso que representa 43,6% menos do do Se- FEMINICÍDIO cem autoridades de cidadessolicitar vítimas de homicídio, O presidenteEM do Sebrae ressalta Para o presidente de pequenos negócios – desse sendogrupoprecisarão empresas e ameaça éa possível sobrevi- projetar desde está janeiro nos crias 179 do mesmo 2018.a pesquisaOs acumulados direcionam esforços para ações com quevência o ano de terminará 1.763 mor- 794 (8,7%) que a instituição atuando brae,período Carlos em Melles, timos para manterque o negócio deles com sede no milhõescom de pequenos violência contra a mulher capital, comparação, fo- e ames O funcionamento resultado Nasem tes.negócios Levandono empaís. conta a mais recente Paraná,repercussão juntoà às diferentes instâncias confirma a importância ur- ligados gerarna mesma revelou que,nonaquadro média,geral.em no Estado dos números ram seisascasos a menos de 22 se mostra no fato dedas que dasdemissões. 575 vidas E, avaliando estimativa de população para o Estadoa redução deseguem governo,abaixo ao Congresso e ao gência(-27,3%): de medidas de socorro no faturamento Segundo pesquisa feita registrados no mesmo período de 2018 para 16 casos. As demais 72 ocorrências poupadas entre janeiro e novembro na segundo o IBGE, de 11,37 milhões de Judiciário para o desenvolviaos pequenos negócios. perspectivas da economia braempresas foi de 69%. pelo Sebrae, 89% das micro e monitorados pela SSP. de diferença deixaram“As de ocorrer emempresasnos indicadores comparação ouvidos com igual intervalo do33% ano dos empresários habitantes, Rio Grande do Sul terá mento dessas soluções. pequenas sileira, Os empresários pequenasoempresas brasileiras Até o final de novembro, o total de municípios do interior. passado, 498 são de assassinatos que uma taxa de 15,5 vítimas de assassinato “O Sebrae está, nesse representam 99% de todos os entrevistados acreditam que o pelo Sebrae ressaltam que, já observam uma queda no teve queda dedos 7%,emprecom ocorrer municípios a cada 100 mil – cinco pontos momento, ao lado deve levar um ano ou mais empreendimentos do país efeminicídios adotandode uma es- nos 18 país seu faturamento. E 36% dosa menosmesmodeixaram ante os 100 ocorridos notodo ano ROUBOS DEgeram VEÍCULOS pelo RS do empreendedores que no ano passado, quando e disponibilizando mais da metade dos 93 em-casossários tratégiapriorizados de venda online, o Seguro.para voltar ao normal. afirmam queficou em tentativas de assassinato de DE 31,9% 20,5, considerando mortes e faturamento anual do negócio apoio por meio das diferentes pregos formais. A situação anterior. pro- oAs As medidas deACUMULAM restrição ao REDUÇÃO precisarão fecharaso 2.326 negócio mulheresplataformas em razão do também Outrojádestaquevocada positivo na pandemia redução exige LATROCÍNIOS 21,7% NO de pessoas população semelhante.em A 1menor degênero atendimento”, pela deslocamento sofreria uma queda de 74%, CAEM permanentemente, mês, taxa antiveram retração, de 2,1%, passando de contra de o patrimônio envolve E 23,1% NA CAPITALfizeram com que dos terior é de 10 anos atrás,até quando o asRS destaca. todos os agentes públicos o 42%crimes dos emcaso políticas de isolamento caso(16,8) as restrições adotadas 333 ocorrências para 326 até o décimo um dos bens mais visados pelos assalOutro importante indicador de vioEstado teve 1.801 mortes por homicídio primeiro mês deste ano. tantes. O roubo de veículo em novembro lência, o latrocínio também se manteve para uma população de 10,69 milhões de Na mesma comparação, ainda houve manteve a tendência verificada ao longo em queda desde o início de 2019 e ficou habitantes. quedas de 1,6% nas ameaças (de 34.153 do ano e teve nova baixa. No acumucom essa tendência em novembro. No A retração expressiva reflete o para 33.973), de 4,4% nas lesões corpoacumulado do ano, houve 65 roubos com lado desde janeiro, comparado com aprofundamento das sucessivas quedas rais (de 19.593 para 18.730) e de 3,3% igual período de 2018, a queda chegou a morte em todo o Estado, o que represenno indicador. Entre janeiro e novembro, entre os estupros (de 1.595 para 1.542). 31,9% – foram 10.302 ocorrências neste ta redução de 21,7% diante do 83 casos o número de vítimas de assassinato no isolada em dospequenas dados de quannoano frente 15.124 em 2018, quase 5 mil de igual período do 2018. O número RS A chegou a 1.616, numa redução de que vendem de Páscoa, Solimeo diz que osNa análise morativo tradicional, como é poder abrir, como os supermerAssociação Comercial de vembro, em relação ao mesmo mês veículos que deixaram de ser levados por atual é menor desde 2009, quando houve 26,2% em relação às 2.191 no mesmo tidades em vários locais - eem não preços podem subir na compaobservado todos os anos”. cados, o movimento deve ser São Paulo (ACSP) estima que 2018, houve 6,1% número ladrões. O resultado representa a maior 57 ocorrências. período do ano passado, o que representa nas redução grandes de redes de no supermerração com 2019. “Pois nesse Quanto ao preço dos promais fraco do que no ano pasas vendas de Páscoa podem de ameaças, que- passaram 3.188 para queda percentual de sériealguma históri-inflação, EmMarcel Porto Alegre, na comaser preservação vidas. Comparancados podem terde uma dificulumtoda anoateve dutos mais comuns da Páscoa, sado”, analisa Solimeo,também mais fracasdena575 comparação 2.993, de 4% entrepara as lesões iniciada o menor total produtos de paração entre os intervalos itens de janeiro do apenas o 11º mês, devido o percentual deeconomista dade muito grande vender. aléme disso, alguns que e retração importados, ca, como vinhoem 2002, da ACSP. com anos anteriores, corporais,Para que eles, caíram de 1.936 para é desde 2011. são usados na fabricação dos até o 11º mês destedoano e doe anterior, redução é ainda maior, de 34,7%, com oEle explica o risco do prejuízo bacalhau, podemcasos ter preços que, diante a ocorrência da pandemia de 1.859 casos. Alegre responde maior é retração foi dedifícil 23,1%, com o total número de vítimas de homicídio passanmaior”, alerta o economista da ovos de pela Páscoa terão aumento, mais altosdedo que no Porto ano passacenário atípico, é muito coronavírus (Covid-19). Por outro lado, o mês registrou parte dessa redução. Sódeve na capital, de latrocínio passando de 13 do de para 126.de vendas do ACSP. mas ser um foram aumento muito do, devido a alta do dólar. Para fazer umaocorrências projeção, porque “A193 expectativa altas relevantes ocorrências de 3.339 roubos de veículos a menos entre para 10. O cenário de retratação observado De entre modoasgeral, ele comenta mais suave do que aquele que o economista, no entanto, provai depender da reabertura do varejo para a Páscoa pode ser estupro, que passaram de 99 para 142 janeiro e novembro frente igual período soladamente, novembro encerrou no Estado como um todo se expressa que as pessoas estão mais caudeve ocorrer com o bacalhau e vavelmente nem toda a alta do comércio no próximo dia 7. fraca, e também vai depender (43,4%), telosas de feminicídios, que compras subiram do ano passado 7.767importado, ocorrênciaspor exemcom estabilidade em relação aos deverá roubos ser repassada, com mais força em sua maior Porém, diante para fazerem o vinho dólar por- – de do quadro atual, muitoainda se até lá nós estivermos de oito para 11 (37,5%), e de tentativas para 4.428, numa diminuição de 43%. com morte registrados no ano passado. cidade. Em Porto Alegre, o acumulado porque têm dificuldades ao plo”. que as vendas devem ser mais com as restrições, muitas famíainda no isolamento. Como está de feminicídio, foramede 32 parapor39 Além de banco e veículos, No Estado, repetiu-se de vítimas de homicídio acessoque bancário também “Agora, otambém grande os problema fracasdedooito que habitualmente lias não conseguirão se reunir. o número hoje, vai reduzir não só adesde pro- janeiro casos (21,9%). público Na capital, houve um caso a comércios foi demais 279, também queda dea44% frente às 498 que algumas ainda não recebedessa data é quesofreos pequenos ocorrem em anos anteriores. e o transporte “Tambémocorrências. porque as pessoas cura, abertura ram seus salários. produtores de ovos de Páscoa, Já com relação aos ovos não estão nesse clima comede lojas. Para aquelas que vão

PESQUISA DO SEBRAE REVELA QUE 89% DOS PEQUENOS NEGÓCIOS JÁ ENFRENTAM QUEDA NO FATURAMENTO

VENDAS DE PÁSCOA PODEM SER AS MAIS FRACAS DOS ÚLTIMOS ANOS, DIZ ASSOCIAÇÃO COMERCIAL


Folha

Variedades Entretê

Juliana Paes celebra cachos naturais na quarentena: "Gratificante"

www.coquetel.com.br

CAÇA-PALAVRA

© Revistas COQUETEL

Procure e marque, no diagrama de letras, as palavras em destaque no texto.

Craque problemático

Eduardo Baptista. “A gente tem uma pessoa que faz a comida para nós algumas vezes por semana e manda aqui para casa. Outras vezes, a gente se vira. Eu vou para a cozinha ou ele vai para a churrasqueira. Ou então, lavo a louça e ele tira o lixo, por exemplo. A gente não tem uma regra definida: cada dia, um faz uma coisa”, explicou. O restante do tempo, Juliana dedica aos filhos, Pedro, de 9 anos, e Antônio, de 6. Ela se divide entre acompanhar as tarefas da escola e incentivar atividades lúdicas com os pequenos. “Depois que a gente coloca eles para dormir, eu e Dudu aproveitamos para ver alguma série - estamos colocando em dia todas as nossas séries atrasadas - ou então batemos um papo com a família: eu ligo para os meus pais e ele liga para os dele. Nossa rotina tem sido basicamente essa”, disse. YC

iLUsTRaçãO: amORim

Um dos maiores nomes do bOtAFOGO, o AtACANtE Heleno de FrEItAS foi também um dos jogadores mais problemáticos da história do FUtEbOl brasileiro. Seu temperamento dentro de CAMPO e nos trEINOS fez de hElENO um estorvo para todos os ClUbES em que jogou (além do Botafogo, ele atuou no VASCO, Boca Juniors, América, Atletico Barranquila e Santos). Apesar disso, teve uma MÉDIA de gols impressionante ao longo da CArrEIrA (265 GOlS em 186 jogos OFICIAIS). Heleno era bOÊMIO e inconsequente. Sua falta de CUIDADOS com a SAÚDE o fez contrair SÍFIlIS, doença que depois evoluiu para o sistema NErVOSO, tornando o jogador ainda mais AGrESSIVO e imprevisível, e que causou sua morte, em 8 de novembro de 1959, aos 39 anos. A trajetória de Heleno é contada no FIlME homônimo, lançado em 2012 e estrelado pelo ator Rodrigo SANtOrO, em desempenho muito elogiado. O filme é baseado no lIVrO “Nunca Houve um Homem Como Heleno”, do jornalista Marcos Eduardo Neves.

Instagram/Reprodução

Na época da novela que está sendo reexibida na Globo às 19h, ela chegou a usar química para alisar a parte frontal dos fios. “Fiz a transição e posso dizer que é um processo longo, extenuante, demorado e que não é fácil. Mas, depois que você passa, depois que a química sai do seu cabelo e ele volta a ficar cem por cento natural, é muito gratificante. O resultado é esse que as pessoas estão vendo”, contou, em entrevista ao GShow. Para manter os cachos bem hidratados, Juliana usa azeite com baixa acidez. “Passo à noite, faço uma trança frouxa e vou dormir. No dia seguinte, lavo como de costume e deixo ele secar naturalmente”, contou. A rotina de beleza da atriz durante o confinamento também inclui máscaras faciais, creme para a área dos olhos e hidratante para os lábios, entre outros segredos. Ela também não descuida da prática de exercícios físicos, feitos com orientação de seu personal trainer, agora virtualmente. Entre seus hábitos saudáveis estão também a meditação e uma alimentação equilibrada. “Tenho comido muito menos besteira do que nos dias em que estou na rua e acabo não tendo tempo de fazer as refeições com calma ou em casa", explicou ela, que também vai para o fogão, assim como o marido, Carlos

Segunda-feira, de abril de 2020 11 11 SEGUNDA-FEIRA, 6 de6 abril de 2020

F I L S R D L D S N C G N C D A T D G D E R T N E T L S F E S F N I N O V N N O S O N E L

M D I T N D E L E S D N T V S

E G F T A F D O D O M E L R O

N T I Y T T B B T N C L B E D

F R C L U B E S L T S N S L G A L I S D T L S T L L T L C M F I A C A N T E Y E D Y Y N T D F R N G R N T I F F E T U F T A C Y D F F L F B A C I E R T C R R N B R T B D L R G E h C Y E T E S T C D O R V I L N T B N F F R Y A D I U C R A N

R S A N T O R G D A D F B I D F T I L M T N D C B N E F F I F B D C T A N B O E M I R N F D D S T L F U S D Y Y Y A F D F C F S N C B A G C N L R M h B S F L P F F T C B O T A F O

R O G C S S D A N V Y Y O T N E C M F G O Y D B D T T B G O 24

Solução F I L M E

L

C L U B E S S A N T O R O A F C T I S I C A E I V R A F B O E M I O D S U A G C S O A L M S P B O T A F O G O

S I F I L I S M T A C A N T E D I B E T U F A C A R N I E R T R L E H E O R V I E N R D A D I U C A

A A G R L O E S S O S I O N E V O S O V R S O

HORÓSCOPO As coisas vão sair de acordo com os seus planos e os trabalhos em equipe devem fluir bem. Só evite começar algo novo hoje ou realizar mudança significativa.

Seu jeito estará mais compenetrado e dedicado e o momento é excelente para arrumar armários e cuidar da casa. Clima de harmonia e cooperação com a família.

Ao longo do dia, a energia será propícia para trabalhos manuais e braçais, mas talvez não seja tão indicada para planejamentos.

Clima tenso no relacionamento conjugal, mas vai contornar se evitar reações intempestivas e se não falar sem pensar. À noite, as coisas melhoram.

Noite ideal para paquerar Se já for casado(a), a relação passa por um período de maior intimidade com o par e isso poderá levar ao aumento do desejo físico.

Para quem vive um relacionamento, o clima pode ser de lua de mel com o par, desde que evite discussões por causa de bobagens.

Com sua cara-metade, poderá tratar de quase todos os assuntos pendentes e há chance de resolver uma diferença que se arrasta. É hora de inovar no sexo.

Seu magnetismo se eleva à noite e você pode atrair alguém disputado. Só controle seu alto grau de exigência ou isso poderá atrapalhar sua paquera.

Momento favorável para quem tem um romance reinventar a relação e acertar arestas com o par e tudo isso deve rolar em um clima muito harmonioso.

Um sentimento mais forte pode nascer de uma grande afinidade intelectual com alguém que admira. Na união, o recado do céu é reforçar os laços de confiança.

Se for para tratar de passeios, viagens ou filhos com o(a) parceiro(a), tudo ótimo, mas se o seu amor pedir colo e atenção extra, talvez você não tenha para dar.

Se está sem um amor, aproveite para desenvolver seu lado observador. Às vezes, a alma gêmea anda mais perto do que se possa imaginar.


SEGUNDA-FEIRA, 6 de 24, abril quarta e quinta, 25 de e 262020 de dezembro de 2019 12 12 terça,

Contracapa Contracapa Geral

Folha de 2019 SEgunda-fEira, 30 dE dEzEmbro

Um segundo. Agora foram três. Quando passarem sete, pelo menos uma pessoa terá sofrido violência no pais. Junte mais 400 e a criminalidade terá causado uma morte. Drogas sendo vendidas a céu aberto, pirataria, venda de mercadoria roubada , menores com acesso a álcool, brigas no trânsito e em todo lugar, armas sem registro: cada crime, segundo a segundo, atesta a manutenção da violência. Mas um dia tem 86.400 segundos. São 86 mil pequenas escolhas que você toma e que podem decidir se a violência para aqui ou se ela vai adiante. Não deixe que a criminalidade mude a sua vida. DeDiQUe 1 segUnDo conTRa a VioLência. Você DeciDe se eLa aVanÇa.

9

Profile for Folha de Cachoeirinha

Segunda-feira | Cachoeirinha, 6 de abril de 2020 - ANO VIII | Edição 1751  

Segunda-feira | Cachoeirinha, 6 de abril de 2020 - ANO VIII | Edição 1751  

Advertisement